Comparativo de interação e fluxo de leitores em livrarias online e livrarias físicas durante etapas de aquisição de informação e compra

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Comparativo de interação e fluxo de leitores em livrarias online e livrarias físicas durante etapas de aquisição de informação e compra"

Transcrição

1 Comparativo de interação e fluxo de leitores em livrarias online e livrarias físicas durante etapas de aquisição de informação e compra Adriano Bernardo Renzi Centro Universitário da Cidade Sydney Freitas Centro Universitário da Cidade ABSTRACT Este artigo aborda comparativo de interação de leitores com livros e ambiente na etapa de aquisição de informação nas ramificações física e online do comércio livreiro misto. O artigo descreve aplicação da técnica observação fluxo-tarefa e aponta resultados para comparativo com observações coletadas anteriormente pela técnica Think-aloud Protocol (2008 e 2010) e questionário online (2008) Author Keywords Interação, livrarias, fluxo, long tail ACM Classification Keywords H5.3 Group and Organization Interfaces: Asynchronous interaction. LONG TAIL Chris Anderson (2004), editor da revista Wired, em seu artigo The long tail, indica que o nome do efeito cauda longa refere-se ao final do gráfico de vendas (figura 1) que relaciona popularidade de produtos com vendas, onde o comércio tradicional seguiu por muito tempo a regra 80/20 de Paretto (ibidem): produtos mais populares de determinada loja (livraria), correspondem a 20% do total de produtos e geram 80% do lucro da loja (livraria). Os restantes 80% dos produtos também vendem, mas em uma quantidade bem menor. Com a determinação desta diretriz, livrarias físicas esbarram em duas grandes limitações ao negócio puramente físico para tentar explorar além dos mais populares: 1- O negócio precisa encontrar audiência local: seleciona-se o que vai ser exposto na loja de acordo com a popularidade do título ou direcionamento proposto da livraria (a Malazartes, especializada em livros infantis, dá preferência a publicações com um diferencial e não expõe livros de Permission to make digital or hard copies of all or part of this work for personal or classroom use is granted without fee provided that copies are not made or distributed for profit or commercial advantage and that copies bear this notice and the full citation on the first page. To copy otherwise, or republish, to post on servers or to redistribute to lists, requires prior specific permission and/or a fee. CHI 2009, April 4 9, 2009, Boston, Massachusetts, USA. Copyright 2009 ACM /09/04...$5.00. editoras de grande porte); 2- A segunda restrição é o próprio espaço físico. Uma livraria só pode ter no seu estoque X livros e, a não ser que o espaço de estoque seja ampliado, esse número X se manterá. Com isso o livro escolhido para ocupar uma prateleira, deve vender ou ser trocado por outro que venda. Olhando pelo lado da ramificação online, Block-Schwenk (2006) indica 3 diretrizes importantes para se maximizar o impacto do Long Tail no e-commerce: 1 O negócio deve oferecer grande variedade de produtos: a localização dos consumidores não é mais importante. O essencial é que consumidores existam, independente de onde estejam localizados. A linha divisória entre livros esgotados e livros impressos está perdendo cada vez mais a exatidão. A relação entre livrarias e localização geográfica se torna gradativamente inexistente. 2 Deve ser cobrado o mínimo possível: apesar da necessidade de produção material do objeto livro, existe redução de gastos com aluguel de espaço, manutenção e vendedores, possibilitando a redução do preço. A exemplo disso, a Travessa.com, possibilita frete grátis para entregas no Rio de Janeiro como resultado de utilização de transporte próprio para entregas locais. Ampliando a idéia para e-books e audiobooks o gasto com material impresso é inexistente, podendo-se fazer o download dos textos, imagens e sons pela internet. 3 Ajudar o consumidor a encontrar o que precisa e possibilidade de descoberta de produtos obscuros do fim da cauda longa (long tail). Brynjolfsson, Hu e Smith (2006) acrescentam que apesar do benefício do menor preço pela compra online ser um grande atrativo, percebeu-se em suas pesquisas que pessoas estão dispostas a pagar mais caro pela possibilidade de encontrar produtos obscuros que atenda seu nicho de interesse. Os autores indicam que negócios mistos (que possuem tanto loja física quanto loja online como ramificações de vendas) podem atingir um espaço maior de público com todo o seu potencial. Para tanto é necessário planejar ambas as ramificações com base nas expectativas e necessidades do usuário (leitor). Ambas as ramificações da empresa devem se complementar para atingir uma área maior de possibilidades, como John R. Patrick (2003) indica em seu

2 artigo sobre comércio online. A figura 1 representa graficamente o comprarativo de estrutura do Long Tail nos negócios físicos, mistos e puramente digital. Figura 1. diagrama do longtail comparativo entre negócios físicos, mistos e puramente digital. A presente pesquisa tem objetivo de comparar as interações de usuários nas duas ramificações, com base em dados coletados pelas técnicas Think-aloud Protocol (2008, 2010) e questionário online (2008) nas ramificações online e Observação Fluxo-tarefa nas livrarias físicas a fim de verificar expectativas e necessidades dos usuários para melhor propiciar satisfação na experiência de compra de livros. OBSERVAÇÃO FLUXO-TAREFA Com o objetivo de analisar o comportamento do consumidor dentro de livrarias físicas elaborou-se uma Observação Fluxo-tarefa dos leitores e suas respectivas interações dentro das etapas de pesquisa e aquisição de livros. De acordo com questionário aplicado em 2008 seguindo especificações de Mucchielli (2004) e Moura (2005), 37% dos usuários participantes com experiência em compras pela internet indicaram livrarias (online) como primeira escolha para procurar e comprar livros pela internet. Considerando observações notadas anteriormente (Renzi 2010) e objetivos de comparação entre as duas ramificações do negócio expostos nessa pesquisa, foram selecionadas livrarias brasileiras que possuissem tanto loja física quanto loja online, buscando-se atender às características apresentadas pelo e-commerce.org como representativo de comércio misto (http://www.ecommerce.org.br/ modelo_de_negocio.php). Para descobrir os sites com potencial para preencher os requisitos, foi feito uma procura através do Google com utilização da palavra-chave livraria. O resultado totalizou 62 páginas com 612 links. Todos os resultados encontrados nesta procura possuem conteúdo relacionado com a palavra-chave livraria. Os sites resultantes foram analisados individualmente. Percebeu-se uma contínua repetição de resultados a partir da página 36. Dentre as livrarias observadas, selecionaram-se as que apresentassem maior variedade de categorias de livros para uma melhor compararção à diversidade de títulos que a ramificação online pode disponibilizar. Livrarias especializadas em determinado assunto ou área foram excluídas. Acrescentouse como filtro de seleção dos objetos de estudo, a possibilidade de venda com cartão de crédito e entrega de produtos em âmbito nacional. Apenas 10 livrarias online mostraram-se de acordo com os requisitos. A partir desta pré-seleção, as livrarias Travessa, Siciliano e Nobel foram escolhidas por suas características complementares relevantes para a pesquisa: a Travessa é um negócio local (Rio de Janeiro), a Siciliano é espalhada nacionalmente e a Nobel possui lojas internacionais; Apesar de Siciliano e Nobel serem vinculadas a editoras, os selos da Siciliano não carregam seu nome (Caramelo, ARJ Jovem), enquanto que a Nobel sim (editora Nobel); Ao contrário das outras duas, a Nobel é uma livraria franquiada. Apesar da similaridade entre Siciliano e Saraiva, esta última foi descartada por oferecer produtos de varejo muito variados e por atualmente ambas serem do mesmo grupo comercial. Considerando os recursos disponíveis e a necessidade de presença física nas livrarias físicas descartou-se também a livraria Cultura cujas lojas não incluiam o Rio de Janeiro até o momento da pesquisa. Os locais escolhidos para representar cada uma das ramificações físicas foram a Travessa de Ipanema, por ser uma loja de rua com localização perto de entretenimento externo; a Siciliano de Botafogo, por sua localização dentro de shopping (Botafogo Praia Shopping) com acesso a entretenimento interno; e a Nobel do centro do Rio de Janeiro, por ser loja de rua com localização em área relacionada a trabalho. Para cada livraria fez-se uma visita prévia para conhecer o local, conversar com o dono ou gerente responsável e desenhar um rascunho do ambiente para servir de matriz espacial durante a observação. A escolha por livrarias que possuissem cafeteria foi estipulado para observar o impacto da cafeteria no ambiente durante etapas de procura e compra. População Seguindo diretrizes de Mucchielli (2004) sobre pesquisa qualitativa, observaram-se pessoas nas três livrarias até que notações de fluxo e interação se mostrassem repetitivas. Para garantir que não houvesse distorções nos resultados da técnica, adicionaram-se de 3 a 5 horas de observação após a meta ter sido atingida. Foram observadas um total de 101 pessoas, apesar de 70 observações terem se mostrado suficiente para indicar padrão de comportamento nas livrarias selecionadas. Foram necessários três dias de observação para cada livraria, além da primeira visita para

3 estabelecer contato e desenhar matriz espacial. Observou-se uma média de 11 pessoas por dia. Seguindo recomendação dos gerentes como sendo o período mais movimentado das lojas, a metodologia foi aplicada aos sábados de 14h às 19h nas livrarias Travessa e Siciliano. Na livraria Nobel a observação foi efetuada durante a semana no turno de 12h às 17:30h, como indicado pelo gerente em ser o horário mais movimentado da loja. A livraria Nobel do centro da cidade não abre nos fins de semana. A escolha das pessoas para observação seguiu padrão observado em todas as lojas: a primeira pessoa a adentrar na livraria era tomada como estudo até sua saída. Leitores que fossem perdidos durante observação tinham as anotações descartadas. Foram anotados os horários de entrada, gênero, idade aparente, ações observadas e horário de saída. A Observação Fluxo-tarefa foi dividida em duas etapas: (1) observação do consumidor dentro da livraria, (2) entrevista com o consumidor que comprou livro(s). Observação do consumidor dentro da livraria Para cada livraria foi criado um formulário (anexo 1) que incluiu um mapa da livraria com espaço para anotações e um guia de observação a ser seguido, para manter em foco os objetivos da metodologia. Locais específicos e categorias dentro da livraria foram incluídos no mapa para auxiliar no mapeamento da observação. Ainda dentro do formulário foi incluído o questionário (anexo 1) a ser efetuado com o leitor que comprasse livros. Consumidores que comprassem apenas outros produtos, como CDs, DVDs ou artigos de papelaria, não eram entrevistados. Todos os leitores foram entrevistados do lado de fora das livrarias a pedido dos gerentes das lojas. Anotou-se todo o trajeto do leitor no mapa, desde sua entrada até sua saída. Foram incluídas anotações para cada ação efetuada pelo consumidor. Sempre que possível, foram notificados detalhes das ações como quais e por quanto tempo os livros foram manuseados pelos leitores, ou qual livro perguntou-se informação ao vendedor. O guia criado para auxiliar a observação contém sete itens para auxiliar a observação: 1 - trajeto do cliente dentro da livraria; 2 - cliente pediu ajuda ao vendedor? ; 3 - cliente consegue achar sozinho o livro ou precisa necessariamente da ajuda do vendedor?; 4 - cliente seguiu diretamente para uma categoria ou procurou generalizadamente (qual categoria)?; 5 - cliente comprou o livro?; 6 - cliente utilizou a cafeteria?; 7 - quanto tempo que o cliente ficou na loja até comprar (ou não)? Entrevista com o consumidor que comprou livro Abordou-se todo leitor que adquiriu na livraria ao menos um livro. Cerca de 2/3 dos consumidores abordados concordou em ser entrevistado. O questionário conteve perguntas descritivas e de multipla escolha, em um total de quatro perguntas com o intuito de aplicação em curto tempo para aumentar a probabilidade de participação dos leitores. O questionário foi efetuado oralmente para facilitar o desenvolvimento da enquete sem distorções, seguindo orientações de Mucchielli (1979) e Moura (2005). A ordem do questionário seguiu sugestões de Mucchielli (ibidem) de iniciar-se por assuntos mais gerais e aprofundar o tema proporcionalmente ao avanço da enquete. As perguntas abordaram objetivo inicial do consumidor, tipo de busca e possibilidade de ter efetuado compra além do planejado. Objetivou-se coletar informações sobre intenção de compra dos consumidores que adquiriram livros para mapeá-los em tipos de busca objetiva e exploratória (aleatória). A classificação do tipo de busca e resultado real de compra conflue dados importantes para comparação com os fluxos de interação observados e resultados verificados relacionados às expectativas dos usuários e tipos de busca online, abordados previamente pelas técnicas think-aloud protocal (2008 e 2010) e questionário online (2008). Aplicou-se entrevista aos vendedores sobre estratégia de auxílio ao consumidor. Escolheu-se dia diferente dos dias da observação fluxo-tarefa e indicado por gerentes a fim de coletar informações sem pressa ou distorções. Utilizou-se os resultados das entrevistas para comparação com respostas dos consumidores sobre o auxílio dos vendedores e atuação de recomendações automáticas de livrarias online. Apesar da importância desses resultados coletados para outras etapas da pesquisa, os dados possuem foco diferente do assunto abordado e portanto não serão exibidos nesse artigo. RESULTADOS DA OBSERVAÇÃO FLUXO-TAREFA Durante aplicação da Observação Fluxo-Tarefa verificou-se que nas três livrarias (dentro da mostra de consumidores observados) apenas um terço dos consumidores entraram na loja física com intuito de busca objetiva, ou seja, entraram já com um livro específico em mente para compra ou aquisição de informações (a livraria Nobel mostrou-se com a porcentagem maior de clientes nesse tipo de procura). Consequentemente, dois terços dos leitores entraram nas livrarias para efetuar busca aleatória (exploratória), ou seja, entraram sem intuito de comprar ou idéia específica de livro para buscar informações. O tempo despendido pelos leitores dentro das livrarias foi diretamente relacionado aos seus objetivos: pessoas que utilizavam busca objetiva detiveram-se por tempo muito

4 menores do que os clientes em busca exploratória. Comparativamente, o tempo médio observado nas buscas objetivas foi de metade ou um terço do tempo que leitores se mantiveram nas livrarias físicas em busca exploratória. As menores permanências foram observadas na livraria Nobel (mínimo de 2 minutos). O fluxo desse tipo de busca frequentemente resumiu-se ao leitor dirigir-se diretamente ao setor de categoria de seu interesse ou ao vendedor para indagar sobre o livro desejado, indicando interação e fluxo das buscas objetivas em lojas físicas similares às buscas objetivas (80,4% dos internautas) em livrarias online (2008), assemelhando-se muito aos usuários denominados search-dominant (Nielsen 2007). As figuras 2a, 2b e 2c, mostram exemplos de buscas objetivas observados nas três livrarias. Os tempos mais extensos observados neste tipo de procura mostraram-se relacionados à dificuldade de encontrar o livro desejado sozinho e/ou dificuldade de se conseguir achar um vendedor disponível para auxílio. Figura 2b. Exemplo de fluxo de busca objetiva observado na livraria Siciliano Figura 2a. Exemplo de fluxo de busca objetiva observado na livraria Travessa Figura 2c. Exemplo de fluxo de busca objetiva observado na livraria Nobel Nas procuras exploratórias, o tempo despendido mostrou-se muito maior. Observou-se a busca exploratória mais longa na livraria Travessa: 3 horas. Verificou-se pelo fluxo e interação documentados, que os leitores circulam pela loja sem objetivo pré-determinado, parando com maior frequência nas sessões de livros em destaque para analisar visualmente o que há de novo e interessante. Frequentemente o contato visual resulta em contato físico para folhear livros em busca de informações específicas, como procedente da fase de aquisição de informação (Peter e Olson 2008) em situação genérica de consumo. A interação dos leitores em busca exploratória englobou a livraria como um todo para aquisição de informação, seja se utilizando de cadeira ou poltrona no ambiente para folheamento, ou do café (o café foi utilizado com mais frequência na Travessa, bem como os maiores tempos de permanência observados), ou mesmo em pé junto a categoria do livro observado. O trajeto feito na busca exploratória se mostra muito mais abrangente e com pausas frequentes para interação com livros que tenham despertado atenção. Muitos leitores observados, circulavam por todo o ambiente e curtiam a despreocupação do momento, mesmo após já terem selecionado livros para compra. As figuras 3a, 3b e 3c mostram exemplos de trajetoria aleatória (exploratória) nas três livrarias físicas observadas.

5 Figura 3a. Exemplo de fluxo de busca exploratória observado na livraria Travessa Figura 3b. Exemplo de fluxo de busca exploratória observado na livraria Siciliano Figura 3c. Exemplo de fluxo de busca exploratória observado na livraria Nobel Observa-se que a diferença de tempos despendidos nos dois tipos de procura na livraria Nobel são muito próximos, derivado de seu tipo de público, localização, tamanho da loja e fluxo dos consumidores na livraria. A localização da Nobel no centro da cidade influencia tanto nas suas horas de pico (almoço e saída do trabalho) quanto o tempo gasto na procura e decisão de compra de livros: os clientes precisam resolver suas necessidades no curto espaço de tempo entre almoço e retorno ao trabalho; e entre o final do expediente de trabalho e retorno para casa. O fluxo de interação observado nas livrarias Travessa e Siciliado mostram-se atrelados também às suas localizações e tipos de entretenimento ao redor da loja física. Observouse diferença maior de tempo entre os dois tipos de busca e volume do fluxo de leitores oscilante de acordo com o tipo de entretenimento relacionado a localização da loja. A livraria Travessa mostrou variação de fluxo relacionado a praia: em dias de sol verificou-se considerável aumento de fluxo após as 17h; em dias de chuva observou-se fluxo alto constante por todo o dia. A livraria Siciliano também mostrou variação de fluxo e volume de leitores atrelados ao clima, mas majoritariamente relacionado aos horários de cinema. CONCLUSÃO O ambiente externo mostrou-se influenciar tanto no fluxo e interação de pessoas com as livrarias quanto na determinação de objetivos dentro das livrarias: (1) locais atrelados a entretenimento externo, como praia e parques, trouxeram maior fluxo de procuras aleatórias, permanência longa e pico de movimento nos fins de semana. Os ambientes externos mais próximos à praia tiveram uma maior influência do clima na determinação do fluxo da loja: dias de chuva resultam uma movimentação alta e constante, ao passo que dias de sol resultam um fluxo concentrado após às 17h. ; (2) locais relacionados a zonas de trabalho mostraram-se influenciar permanência mais curta do leitores e pico de movimento nos horários de almoço durante a semana, bem como maior contingente de procuras objetivas (mas ainda assim em menor número que a busca aleatória). Nesse tipo de local, o bistrô mostrou-se um atrativo por vezes maior do que os livros. Acrescenta-se à observação que os trajetos representados graficamente nas figuras 2a, 2b, 2c e 3a, 3b, 3c se assemelham metaforicamente aos trajetos feitos por internautas nos dois tipos de busca em livrarias online (2008). Deste modo, as interações observadas para as buscas objetivas e exploratórias expressam visualmente os dois tipos de procura: a primeira curta e direta ao vendedor ou à categoria de interesse pessoal; a segunda abrangendo uma área física e utilização de tempo muito maior. As diferentes estruturas das livrarias mostram-se também

6 influenciar o fluxo dos consumidores nos dois tipos de procura. As trajetórias observadas de tempo de interação, compra, trajetória e fluxo de interação das livrarias são representações visuais das observações das trajetórias efetuadas para procura objetiva e procura aleatória (exploratória) nos três objetos de estudo. DISCUSSÃO Dentro da área de abrangência da aplicação da técnica, verificou-se que existe interesse dos leitores pelas ramificações físicas das livrarias que vai além da necessidade de comprar livros. O próprio ambiente social e espacial se mostram um atrativo de interação, que mesmo com intuito inicial apenas de observação visual e táctil, acarreta muitas vezes em compra não planejada. A maioria das compras notadas nas livrarias provenieram de buscas exploratórias. Dois terços dos clientes entrevistados que compraram livros indicaram terem entrado na livraria com interesse em curtir o ambiente, folhear uns livros e circular, sem nenhum planejamento de compra. As procuras objetivas resumiram-se em verificação se os livros procurados existiam em estoque e qual o seu preço. Dentre as livrarias observadas, verificou-se que o design planejado para fluxo e confortabilidade do leitor para mantê-lo curtindo a experiência de estar na livraria em busca aleatória (exploratória) pode auxiliar a trazer resultados positivos de vendas. Craig J. Thompson e Zeynep Arsel (2004) denominaram Café Flanêurs, com base nas reflexões de Baudelair sobre a vida metropolitana de parisienses (Featherstone 1991), como sendo pessoas que buscam prazer no mundo hipercinético saturado sensorial da metrópole, que no caso dos estudos de Thompson e Arsel: cafés. De uma maneira voyerística, o café flanêur se interessa mais pelo perpétuo movimento das pessoas e pelo bochicho da conversação no ambiente da cafeteria do que muitas vezes o próprio ato de tomar café. Comparando os estudos de Thompson com os resultados notados nas livrarias selecionadas, pode-se conjecturar que o ato social gerado pelo ambiente livraria pode ser um atrativo importante para os clientes que entram no estabelecimento sem intenção de comprar livros, mas sim para olhar as novidades, circular pelo ambiente, utilizar o café (frequentemente observados com livros da livraria selecionados nas mãos durante aplicação da técnica), vasculhar prateleiras, folhear livros, olhar pessoas, curtir a livraria. A livraria física mostra-se com possibilidade de oferecer, além de livros, um programa da tarde/noite no fim de semana ou num dia chuvoso. Por outro lado, leitores que buscam livros em livrarias online mostram-se mais frequentemente interessados em buscas objetivas e esperam atingir seus objetivos sem delongas. E-consumidores raramente ampliam compra inicialmente planejada a não ser que o site ofereça um sistema de recomendação eficaz que resulte no leitor conhecer livros obscuros da cauda longa. Livrarias que fazem parte da denominação comércio misto que planejem explorar os potenciais das ramificações fisica e online do negócio, podem ampliar benefícios e vendas se planejarem as duas ramificações de venda de modo complementar, como exposto por Patrick (2003). Na livraria física é importante utilizar as tendências exploratórias dos leitores flanêurs. Utilização de ambiente agradável e fluxo planejado propiciam ao leitor maior possibilidade de esbarrar em livros de interesse para compra, como expressado em entrevista de Leornardo Riggio, CEO da Barnes & Noble: passear nas lojas e fazer compras é uma forma de entretenimento. De acordo com o porta-voz da empresa, a filosofia por trás da estratégia da empresa é quanto mais clientes a livraria atrai para dentro da loja e quanto mais são estimulados a permanecer ali, mais livros vendem (Peter e Olson 2008). Na ramificação online do negócio livreiro, mostra-se mais positivo basear-se nas tendências objetivas de internautas em compra pela internet. Utilização de ambientes de venda com boa usabilidade para que usuários atigam seus objetivos de compras rapidamente e com eficiência resultam em maior satisfação durante a experiência de busca e compra. Sistemas de recomendação eficazes possibilitam usuários esbarrarem em livros obscuros da cauda longa a partir de uma primeira escolha. A descoberta de novos produtos relacionados aos interesses do internauta aumentam as chances de se ampliar a compra planejada, como indicam exemplos de Brynjolfsson, Hu e Smith (2006) sobre a ascensão dos produtos obscuros e pesquisa sobre compra com recomendação automática de produtos de Senecal e Nantel (2004). Estudos mais aprofundados nesse tópico são necessários para determinar o grau de ampliação de vendas em ambiente físico planejado e utilização de sistemas de recomendação, no entanto, dados financeiros das ramificações estudadas não foram permitidas pelas livrarias utilizadas no estudo. AGRADECIMENTOS Gostariamos de agradecer aos responsáveis gerenciais das três livrarias, utilizadas como objeto de estudo, por sua disponibilidade de tempo, auxílio, comprometimento e interesse na pesquisa. Ampliamos os agradecimentos aos leitores abordados que se disponibilizaram a participar da enquete. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 1. Anderson, R.E. Social impacts of computing: Codes of professional ethics. Social Science Computing Review 10, 2 (1992), Anderson, Chris. The Long tail. Wired magazine outubro Disponível (até agosto de 2009) em: <http://www.wired.com/wired/archive/12.10/tail.html>

7 3. Block-Schwenk, Deborah. The Long Tail and the rise of the Miss. Wired report for CM561. New Media Strategy and Design. June12th, Brynjolfsson, Erik; Hu, Yu Jeffrey; Smith, Michael D. From Niches to riches: anatomy of the long tail. MIT Sloan Management Review. Massachusetts, v. 47, n. 4, summer, Featherstone, Mike. Consumer Culture and Postmodernism, London 1991: Sage. 6. Moura, Maria Lúcia Seidl de; Ferreira, Maria Cristina. Projetos de pesquisa: elaboração, redação e apresentação. Rio de Janeiro: Eduerj, p Mucchielli, Roger. O questionário na pesquisa psicosocial. São Paulo: Martins Fontes, p Patrick, John R. The Future of the Internet. Design Management Journal., p , Spring, Peter, J. Paul; Olson, Jerry C. Comportamento do consumidor e estratégia de marketing. 8.ed. New York: McGraw Hill Interamericana, Renzi, Adriano; Freitas, Sydney; Santos, Robson. Avaliação de fatores de influência na usabilidade no processo de procura e compra de livros online na Americanas.com. International Congress Ergonomics and Usability, Design Interfaces and Human Computer Interaction 8, 2008, São Luiz do Maranhão. 11. Renzi, Adriano; Freitas, Sydney; Santos, Robson. Expectativas dos usuários nos processos de procura e decisão de compras de livros em lojas virtuais e livrarias: um modelo mental. ABERGO, Porto Seguro, Bahia. 12. Renzi, Adriano; Freitas, Sydney. Aplicação de Think-aloud Protocol em teste de usabilidade na procura de livros em livrarias online: recomendações de leitores. n: International Congress Ergonomics and Usability, Design Interfaces and Human Computer Interaction, 10, 2010, Rio de Janeiro 13. Seneca, Sylvain; Nantel, Jacques. The influence of online product recommendations on consumers' online choices, 2004 by Journal of Retailing 80. p Thompson, Craig J.; Arsel, Zeynep. The Starbucks Brandscape and Consumers (Anticorporate) Experiences of Glocalization by Journal of consumer research, Inc. Vol. 31. December 2004.

8 Anexo I exemplo de formulário utilizado para observação fluxo-tarefa na livraria Siciliano com anotações sobre algumas observações apuradas do trajeto do cliente.

USABILIDADE NO COMÉRCIO DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE

USABILIDADE NO COMÉRCIO DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE USABILIDADE NO COMÉRCIO DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE Renzi, Adriano Bernardo. Esdi-UERJ, pós-graduação, adrianorenzi@terra.com.br Freitas, Sydney. Esdi-UERJ, pós-graduação, sydneyfreitas@terra.com.br

Leia mais

Aplicação de Matriz de Prioridade na verificação de preferências de leitores na compra de livros em livrarias online

Aplicação de Matriz de Prioridade na verificação de preferências de leitores na compra de livros em livrarias online Aplicação de Matriz de Prioridade na verificação de preferências de leitores na compra de livros em livrarias online Adriano Bernardo Renzi UNIFESO Centro Universitário Serra dos Órgãos adrianorenzi@terra.com.br

Leia mais

DESAFIO ETAPA 1 Passo 1

DESAFIO ETAPA 1 Passo 1 DESAFIO Um dos maiores avanços percebidos pela área de qualidade de software foi comprovar que a qualidade de um produto final (software) é uma consequência do processo pelo qual esse software foi desenvolvido.

Leia mais

PERFIL DOS USUÁRIOS DE E-COMMERCE EM GUAÍBA

PERFIL DOS USUÁRIOS DE E-COMMERCE EM GUAÍBA PERFIL DOS USUÁRIOS DE E-COMMERCE EM GUAÍBA João Antonio Jardim Silveira 1 Amilto Muller ¹ Luciano Fagundes da Silva ¹ Luis Rodrigo Freitas ¹ Marines Costa ¹ RESUMO O presente artigo apresenta os resultados

Leia mais

INTERNAUTA, O HOMEM E O MITO

INTERNAUTA, O HOMEM E O MITO INTERNAUTA, O HOMEM E O MITO No ano 2000, surgiu no mundo uma nova geração de seres. Esses estranhos personagens postulavam que a realidade virtual era mais importante do que a vida real. Comunicavam-se

Leia mais

Americanas.com x Lojas Americanas 1

Americanas.com x Lojas Americanas 1 Americanas.com x Lojas Americanas 1 Rayra Costa da SILVA 2 Gabriela Lima RIBEIRO 3 Hugo Osvaldo ACOSTA REINALDO 4 Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, CE RESUMO Mesmo que no site Americanas.com haja

Leia mais

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce...

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce... Sumário Bleez Agência Digital... 3 Quem sou eu... 4 Introdução... 5 Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7 Quem está comprando no ecommerce... 10 Por que os brasileiros estão comprando mais... 12 O

Leia mais

Medindo Emoções em Reuniões no Second Life

Medindo Emoções em Reuniões no Second Life Medindo Emoções em Reuniões no Second Life Cleyton Slaviero i Jivago Medeiros i Karen Figueiredo i Willian Jefferson Freitas da Cintia Ramalho Caetano da Ana Cristina Bicharra Garcia Silva i Silva Instituto

Leia mais

Usabilidade da interface de sites e-commerce

Usabilidade da interface de sites e-commerce - 1 - Revista Eletrônica Multidisciplinar Pindorama do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia IFBA Usabilidade da interface de sites e-commerce Profª. MSc. Simone Azevedo Bandeira

Leia mais

APLICAÇÃO DE THINK-ALOUD PROTOCOL EM TESTE DE USABILIDADE NA PROCURA DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE: RECOMENDACÕES DE LEITORES

APLICAÇÃO DE THINK-ALOUD PROTOCOL EM TESTE DE USABILIDADE NA PROCURA DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE: RECOMENDACÕES DE LEITORES APLICAÇÃO DE THINK-ALOUD PROTOCOL EM TESTE DE USABILIDADE NA PROCURA DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE: RECOMENDACÕES DE LEITORES USABILITY TESTING USING THINK-ALOUD PROTOCOL REGARDING BOOKS SEARCH AT ONLINE

Leia mais

5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo

5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo 5 Conclusões 5.1. Síntese do estudo Este estudo teve como objetivo contribuir para a compreensão do uso das mídias sociais, como principal ferramenta de marketing da Casar é Fácil, desde o momento da sua

Leia mais

www.rakutencommerce.com.br E-BOOK

www.rakutencommerce.com.br E-BOOK APRENDA AS ÚLTIMAS DICAS E TRUQUES SOBRE COMO DAR UM TAPA 3.0 NA SUA LOJA VIRTUAL. www.rakutencommerce.com.br E-BOOK propósito desse ebook é muito simples: ajudar o varejista on-line a dar um tapa 3.0

Leia mais

Expectativas dos usuários nos processos de procura e decisão de compra de livros em lojas virtuais e livrarias: um modelo mental

Expectativas dos usuários nos processos de procura e decisão de compra de livros em lojas virtuais e livrarias: um modelo mental Expectativas dos usuários nos processos de procura e decisão de compra de livros em lojas virtuais e livrarias: um modelo mental Adriano Bernardo Renzi Programa de mestrado em Design ESDI/UERJ adrianorenzi@terra.com.br

Leia mais

livrarias. No Brasil, o mercado livreiro é um dos melhores do mundo.

livrarias. No Brasil, o mercado livreiro é um dos melhores do mundo. Universidade Castelo Branco O PROCESSO DE EVOLUÇÃO DO E-COMMERCE DA SARAIVA RUAN CAÍQUE DE JESUS SIMAS Orientação: Prof.ª Carla Mota. Rio de Janeiro, jun. 2014 Introdução O comercio varejista brasileiro

Leia mais

2 Business to Consumer

2 Business to Consumer 2 Business to Consumer Business to consumer (B2C) é o segmento dentro do comércio eletrônico que abrange qualquer transação em que uma companhia ou organização vende seus produtos ou serviços para as pessoas

Leia mais

E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS

E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS Central de Cases E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS www.espm.br/centraldecases Central de Cases E-COMMERCE COMO FERRAMENTA DE VENDAS Preparado pelo Prof. Vicente Martin Mastrocola, da ESPM SP. Disciplinas

Leia mais

JCL Tecnologia. Proposta para Criação, Desenvolvimento e Manutenção de Website. 10 de setembro

JCL Tecnologia. Proposta para Criação, Desenvolvimento e Manutenção de Website. 10 de setembro 10 de setembro JCL Tecnologia 2009 Proposta para Criação, Desenvolvimento e Manutenção de Website 1 Hamilton Junior Multimídia Designer APRESENTAÇÃO Meu trabalho consiste em criar conceitos e a partir

Leia mais

AMBIENTES ONLINE: que formato tem o ambiente que os jovens procuram online?

AMBIENTES ONLINE: que formato tem o ambiente que os jovens procuram online? AMBIENTES ONLINE: que formato tem o ambiente que os jovens procuram online? Edgar Marcucci Reis 1 Jéssica Naiara dos Santos Batista 2 Resumo: O artigo apresenta uma visão sobre os ambientes online encontrados

Leia mais

Jonatha Jünge Graduando em Comunicação e Expressão Visual habilitação Design Gráfico UFSC Pesquisador PIBIC-CNPq Eugenio Merino Dr.

Jonatha Jünge Graduando em Comunicação e Expressão Visual habilitação Design Gráfico UFSC Pesquisador PIBIC-CNPq Eugenio Merino Dr. Design e Usabilidade: A Internet como apoio para disponibilizar material didático via rede Design and Usability: The Internet as support to didactic material sharing through net Jonatha Jünge Graduando

Leia mais

IFPE - Instituto Federal de Pernambuco

IFPE - Instituto Federal de Pernambuco IFPE - Instituto Federal de Pernambuco 2 Disciplinas e Professores: Projeto e Prática - Adriano Carvalho, Banco de Dados - Thiago Viana, Desenvolvimento web - Roberto Alencar, Segurança de sistema - Diego

Leia mais

Fundamentos do Comércio Eletrônico

Fundamentos do Comércio Eletrônico Administração e Finanças Uniban Notas de Aula Comércio (e-commerce) Prof. Amorim Fundamentos do Comércio Comércio Mais do que a mera compra e venda de produtos on-line. Engloba o processo on-line inteiro:

Leia mais

APOO Análise e Projeto Orientado a Objetos. Requisitos

APOO Análise e Projeto Orientado a Objetos. Requisitos + APOO Análise e Projeto Orientado a Objetos Requisitos Requisitos 2 n Segundo Larman: n São capacidades e condições às quais o sistema e em termos mais amplos, o projeto deve atender n Não são apenas

Leia mais

com seu consumidores e seu fornecedores. Trazemos para aqui 40 dicas que vão ajudar no amadurecimento, crescimento e no sucesso da sua loja.

com seu consumidores e seu fornecedores. Trazemos para aqui 40 dicas que vão ajudar no amadurecimento, crescimento e no sucesso da sua loja. Com a consolidação do comércio eletrônico no Brasil e mundo, fica cada vez mais claro e a necessidade de estar participando, e mais a oportunidade de poder aumentar suas vendas. Mas é claro que para entrar

Leia mais

A importância de personalizar a sua loja virtual

A importância de personalizar a sua loja virtual A importância de personalizar a sua loja virtual Ter uma loja virtual de sucesso é o sonho de muitos empresários que avançam por esse nicho econômico. Porém, como as lojas virtuais são mais baratas e mais

Leia mais

Como Levar o Seu Blog Para o Próximo Nível

Como Levar o Seu Blog Para o Próximo Nível Como Levar o Seu Blog Para o Próximo Nível Trazido Até Você Por http://virtualmarketingpro.com/blog/joaofilho/ Como Levar o Seu Blog Ao Próximo Nível Termos e Condições Aviso Legal O escritor esforçou-se

Leia mais

Mais informações sobre e-commerce em: www.portalgerenciais.com.br

Mais informações sobre e-commerce em: www.portalgerenciais.com.br Mais informações sobre e-commerce em: www.portalgerenciais.com.br Extra, Extra notícias fresquinhas Você pode ter uma loja que funciona 24hs, inclusive aos domingos e feriados, não paga aluguel e nem condomínio

Leia mais

TRABALHOS TÉCNICOS Serviço de Documentação e Informação EDIÇÃO E GESTÃO DE CONTEÚDO PARA WEB

TRABALHOS TÉCNICOS Serviço de Documentação e Informação EDIÇÃO E GESTÃO DE CONTEÚDO PARA WEB TRABALHOS TÉCNICOS Serviço de Documentação e Informação EDIÇÃO E GESTÃO DE CONTEÚDO PARA WEB Gestão do Conhecimento hoje tem se materializado muitas vezes na memória organizacional da empresa. O conteúdo

Leia mais

MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS. Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA

MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS. Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA MONITORAMENTO E GOOGLE PLUS Leonardo Alvez Letícia Chibior Patrick Miguel Ruth Derevecki Samara Bark / / 4MA MONITORAMENTO As empresas sabem que o planejamento digital, gestão de conteúdo, anúncios, campanhas

Leia mais

We! Shop. Loja Virtual. Design Gráfico Webdesign E-commerce Social Media Marketing Digital SEO. contato@wedesign.net.br www.wedesign.net.

We! Shop. Loja Virtual. Design Gráfico Webdesign E-commerce Social Media Marketing Digital SEO. contato@wedesign.net.br www.wedesign.net. We! Shop Loja Virtual Design Gráfico Webdesign E-commerce Social Media Marketing Digital SEO contato@wedesign.net.br contato@wedesign.net.br 01 A plataforma WE! SHOP Plataforma de e Commerce do WE! SHOP

Leia mais

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções.

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções. Uma publicação: Estratégias para aumentar a rentabilidade 04 Indicadores importantes 06 Controle a produção 08 Reduza filas 09 Trabalhe com promoções 10 Conclusões 11 Introdução Dinheiro em caixa. Em qualquer

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO E - COMMERCE UM ESTUDO DE CASO NA LOJASMEL

A IMPORTÂNCIA DO E - COMMERCE UM ESTUDO DE CASO NA LOJASMEL 1 A IMPORTÂNCIA DO E - COMMERCE UM ESTUDO DE CASO NA LOJASMEL Jaqueline Kelly Stipp 1 Jéssica Galindo de Souza 2 Luana Alves dos Santos Lemos 3 Edson Leite Lopes Gimenez 4 RESUMO Esse artigo tem como objetivo

Leia mais

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce

GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce GUIa Prático para enfrentar a concorrência no e-commerce Você é do tipo que quer arrancar os cabelos toda vez que um concorrente diminui o preço? Então você precisa ler este guia rápido agora mesmo. Aqui

Leia mais

28/08/2015. e-business. Reflita...

28/08/2015. e-business. Reflita... e-business Reflita... 1 Você topa um desafio? Desafio A Universidade dos Negócios é uma empresa jovem na área de Cursos e Treinamentos, consultoria empresarial e palestras. Ela agrega, através de agenciamento,

Leia mais

Avaliação de fatores de influência na usabilidade no processo de procura e compra de livros online na Americanas.com

Avaliação de fatores de influência na usabilidade no processo de procura e compra de livros online na Americanas.com Avaliação de fatores de influência na usabilidade no processo de procura e compra de livros online na Americanas.com Analisys of factors that influence the usability process of search and buying decisions

Leia mais

O / 4 FAIXA ETÁRIA SEXO 1.5% 0.2% 6.1% 0.2% 13.5% 25.8% 52.6% 407 entrevistas foram realizadas nos dias 27 e 28 de janeiro de 2010. Feminino.

O / 4 FAIXA ETÁRIA SEXO 1.5% 0.2% 6.1% 0.2% 13.5% 25.8% 52.6% 407 entrevistas foram realizadas nos dias 27 e 28 de janeiro de 2010. Feminino. A TERCEIRA EDIÇÃO DA CAMPUS PARTY BRASIL, REALIZADA EM SÃO PAULO ENTRE OS DIAS 25 E 31 DE JANEIRO DE 2010, REUNIU QUASE 100 MIL PARTICIPANTES PARA DISCUTIR AS TENDÊNCIAS DA INTERNET E DAS MÍDIAS DIGITAIS.

Leia mais

Estar presente quando seu cliente está buscando seus serviços e produtos é fundamental.

Estar presente quando seu cliente está buscando seus serviços e produtos é fundamental. Estar presente quando seu cliente está buscando seus serviços e produtos é fundamental. Atualmente o meio mais imediato e eficaz, desde que bem configurado e com acompanhamento constante, são as campanhas

Leia mais

Consumidor multicanal Como ampliar seus pontos de contato. Marlety Gubel. agosto 2011

Consumidor multicanal Como ampliar seus pontos de contato. Marlety Gubel. agosto 2011 Consumidor multicanal Como ampliar seus pontos de contato Marlety Gubel agosto 2011 Estrutura da apresentação Consumidor multicanal Brasil: tendência dos canais e pontos de contato Cross Channel Commerce

Leia mais

EFEITO MARKETING DIGITAL

EFEITO MARKETING DIGITAL EFEITO MARKETING DIGITAL Ajudamos empresas a aumentar as vendas por meio da internet Cada vez mais pessoas estão conectadas e habituadas a pesquisar e escolher produtos e serviços na internet. As empresas

Leia mais

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.74

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.74 Documentação Programa de Evolução Contínua Versão 1.74 Sumário Resumo das Novidades... 3 Configuração das Novidades... 5 PagSeguro Transparente... 5 Integração PayU Latam... 6 Integração Marketplaces B2W...

Leia mais

APLICAÇÃO DE AVALIAÇÃO HEURÍSTICA PARA DIAGNOSTICAR PROBLEMAS DE USABILIDADE NA PROCURA E COMPRA DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE

APLICAÇÃO DE AVALIAÇÃO HEURÍSTICA PARA DIAGNOSTICAR PROBLEMAS DE USABILIDADE NA PROCURA E COMPRA DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE APLICAÇÃO DE AVALIAÇÃO HEURÍSTICA PARA DIAGNOSTICAR PROBLEMAS DE USABILIDADE NA PROCURA E COMPRA DE LIVROS EM LIVRARIAS ONLINE HEURISTIC EVALUATION TO DIAGNOSE USABILITY PROBLEMS ON BOOK SEARCH AND BUYING

Leia mais

RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL

RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DE MINAS GERAIS RELATÓRIO DE VIAGEM INTERNACIONAL NRF 2013 BIG SHOW NOVA YORK - USA Montes Claros, fevereiro 2013 SERVIÇO DE APOIO AS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

Leia mais

Augusto Campos www.efetividade.net

Augusto Campos www.efetividade.net A Internet e os mercados de nicho Augusto Campos www.efetividade.net Nossa geração está vivendo a transição do mercado de massa para o mercado de nicho. Veremos como isto nos favorece como consumidores,

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web Web Design III

Tópicos de Ambiente Web Web Design III Tópicos de Ambiente Web Web Design III Professora: Sheila Cáceres Conteúdo para Web Educacional Entretenimento Comercial Industrial Cientifico Entre outros Tópicos de Ambiente Web - Prof. Sheila Cáceres

Leia mais

COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE.

COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE. COMO FICAR NAS PRIMEIRAS POSIÇÕES DO GOOGLE E PAGAR MENOS QUE O CONCORRENTE. e ainda aumentar o numero de cliques em seu anúncio Por Maurício Oliveira www.empreendernaweb.com.br M a u r í c i o O l i v

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2013

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2013 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2013 CONVÊNIO UCDB-ACICG 20/09/2013 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2013 CONVÊNIO UCDB-ACICG Professores

Leia mais

whitepaper PRECIFICAÇÃO DINÂMICA

whitepaper PRECIFICAÇÃO DINÂMICA whitepaper PRECIFICAÇÃO DINÂMICA INTRODUÇÃO Quando se fala em precificar um produto, a primeira coisa que vem em mente é que essa é uma tarefa muito óbvia - são somados ao preço da mercadoria: os custos,

Leia mais

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico

Apostila. Comércio Eletrônico. e-commerce. Professor: Edson Almeida Junior. Comércio Eletrônico Apostila Comércio Eletrônico e-commerce Professor: Edson Almeida Junior Material compilado por Edson Almeida Junior Disponível em http://www.edsonalmeidajunior.com.br MSN: eajr@hotmail.com E-Mail: eajr@hotmail.com

Leia mais

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PLATAFORMA MAGENTO PARA COMÉRCIO ELETRÔNICO

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PLATAFORMA MAGENTO PARA COMÉRCIO ELETRÔNICO PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DA PLATAFORMA MAGENTO PARA COMÉRCIO ELETRÔNICO Marketing Promocional e Ferramentas de Ofertas Cupons de desconto com capacidade para restrição a lojas, grupos de clientes, período

Leia mais

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR

PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR DEZEMBRO/2010 PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR RELATÓRIO MENSAL DA PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRA E CONFIANÇA DO CONSUMIDOR DE MANAUS, ANO 2010 - N 12 MANAUS AM 67,2% dos consumidores

Leia mais

PROFISSIONAL. Por que o Comércio Eletrônico em Multicanais é Fundamental para o Sucesso do seu Negócio On-line

PROFISSIONAL. Por que o Comércio Eletrônico em Multicanais é Fundamental para o Sucesso do seu Negócio On-line EDIÇÃO Nº 05 GRÁTIS FOTOGRAFIA PROFISSIONAL SOLUÇÕES PARA IMAGENS DE PRODUTO QUE CONQUISTARAM OS LÍDERES DO COMÉRCIO ELETRÔNICO Por que o Comércio Eletrônico em Multicanais é Fundamental para o Sucesso

Leia mais

MARKETING NA INTERNET

MARKETING NA INTERNET MARKETING NA INTERNET HUGO HOCH CONSULTOR DE MARKETING ER. BAURU SEBRAE-SP hugoh@sebraesp.com.br Marketing na Internet O que é? o Marketing na Internet, também referido como: i-marketing, web marketing,

Leia mais

INTERNET. Como vender mais. Capítulo 1. pela. Aprenda a atingir o potencial máximo de sua loja online

INTERNET. Como vender mais. Capítulo 1. pela. Aprenda a atingir o potencial máximo de sua loja online Como vender mais pela INTERNET Capítulo 1 Aprenda a atingir o potencial máximo de sua loja online Índice Introdução 1/ Encontre um Nicho 2/ Crie e Otimize Seu E-Commerce 3/ Seja Encontrado 4/ Atendimento

Leia mais

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 São Paulo, 07 de Novembro de 2005 - O Submarino S.A. (Bovespa: SUBA3), empresa líder dentre aquelas que operam exclusivamente no varejo eletrônico

Leia mais

INSPER INSTITUTO DE ENSINO E PESQUISA Certificate in Marketing Management CMM. Ligia Caranicola Cano

INSPER INSTITUTO DE ENSINO E PESQUISA Certificate in Marketing Management CMM. Ligia Caranicola Cano INSPER INSTITUTO DE ENSINO E PESQUISA Certificate in Marketing Management CMM Ligia Caranicola Cano Google AdWords, a plataforma de publicidade online do Google São Paulo 2012 Ligia Caranicola Cano Google

Leia mais

28 Dicas. Para Suas. do AdWords

28 Dicas. Para Suas. do AdWords 28 Dicas Para Suas Campanhas do AdWords 28 Dicas Para Suas Campanhas do AdWords Ficha Técnica 2015 Mania de Empreender TODOS OS DIREITOS RESERVADOS Não é permitida a reprodução total ou parcial de qualquer

Leia mais

Engenharia Requisitos Estudo de caso

Engenharia Requisitos Estudo de caso Engenharia Requisitos Estudo de caso Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1 Sistema de Matricula Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 8º Edição

Leia mais

DIA DOS PAIS 2013 EXPECTATIVA DE COMPRAS NO COMÉRCIO VAREJISTA DO DISTRITO FEDERAL VISÃO DOS CONSUMIDORES

DIA DOS PAIS 2013 EXPECTATIVA DE COMPRAS NO COMÉRCIO VAREJISTA DO DISTRITO FEDERAL VISÃO DOS CONSUMIDORES DIA DOS PAIS 2013 EXPECTATIVA DE COMPRAS NO COMÉRCIO VAREJISTA DO DISTRITO FEDERAL VISÃO DOS CONSUMIDORES Brasília/DF Julho de 2013 1 SUMÁRIO EXPEDIENTE...3 APRESENTAÇÃO...4 1. PERFIL DO CONSUMIDOR...5

Leia mais

Comércio na internet: muito mais que e-commerce

Comércio na internet: muito mais que e-commerce Comércio na internet: muito mais que e-commerce Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência

Leia mais

AGENDA. A evolução da cobrança: os desafios de um segmento em consolidação. 23 de Julho. Hotel Meliã - Jd Europa São Paulo/SP 8ª EDIÇÃO.

AGENDA. A evolução da cobrança: os desafios de um segmento em consolidação. 23 de Julho. Hotel Meliã - Jd Europa São Paulo/SP 8ª EDIÇÃO. AGENDA A evolução da cobrança: os desafios de um segmento em consolidação 8ª EDIÇÃO D 23 de Julho? Hotel Meliã - Jd Europa São Paulo/SP Realização: www.corpbusiness.com.br Patrocínio Gold Patrocínio Silver

Leia mais

Unidade II MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino

Unidade II MARKETING DE VAREJO E. Profa. Cláudia Palladino Unidade II MARKETING DE VAREJO E NEGOCIAÇÃO Profa. Cláudia Palladino Preço em varejo Preço Uma das variáveis mais impactantes em: Competitividade; Volume de vendas; Margens e Lucro; Muitas vezes é o mote

Leia mais

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 REALIZAÇÃO TABULAÇÃO Quem Somos A WBI BRASIL é uma empresa especializada em planejamento de marketing digital, que presta

Leia mais

Email marketing: os 10 erros mais comuns

Email marketing: os 10 erros mais comuns Email marketing: os 10 erros mais comuns Publicado em: 18/02/2008 Não ter permissão dos contatos para enviar mensagens Um dos princípios fundamentais do email marketing é trabalhar apenas com contatos

Leia mais

A estrutura do gerenciamento de projetos

A estrutura do gerenciamento de projetos A estrutura do gerenciamento de projetos Introdução O Guia do Conhecimento em Gerenciamento de Projetos (Guia PMBOK ) é uma norma reconhecida para a profissão de gerenciamento de projetos. Um padrão é

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SIG. Diferença entre relatórios gerados pelo SPT e os gerados pelo SIG

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SIG. Diferença entre relatórios gerados pelo SPT e os gerados pelo SIG Introdução SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL SIG A finalidade principal de um SIG é ajudar uma organização a atingir as suas metas, fornecendo aos administradores uma visão das operações regulares da empresa,

Leia mais

COMO GERAR MAIS RESULTADO NA INTERNET PARA A VENDA DE VEÍCULOS Congresso Fenauto 2 de setembro de 2015

COMO GERAR MAIS RESULTADO NA INTERNET PARA A VENDA DE VEÍCULOS Congresso Fenauto 2 de setembro de 2015 COMO GERAR MAIS RESULTADO NA INTERNET PARA A VENDA DE VEÍCULOS Congresso Fenauto 2 de setembro de 2015 > O MERCADO AUTOMOTIVO TAMBÉM MONTADORAS VENDO SUAS VENDAS CAIREM 3.500.000 3.000.000 2.500.000 2.000.000

Leia mais

Artigo: Um olhar feminino na Internet

Artigo: Um olhar feminino na Internet Artigo: Um olhar feminino na Internet Por Tatiane Pocai Dellapiazza - aluna do primeiro ano do Curso de Comunicação Social - Centro UNISAL - Americana. Introdução: O Brasil chega perto de comemorar seu

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Aprecie as apresentações a seguir. Boa leitura!

APRESENTAÇÃO. Aprecie as apresentações a seguir. Boa leitura! APRESENTAÇÃO A Informatiza Soluções Empresariais está no mercado desde 2006 com atuação e especialização na criação de sites e lojas virtuais. A empresa conta com um sistema completo de administração de

Leia mais

Usabilidade métodos & boas práticas Fábio Fernandes

Usabilidade métodos & boas práticas Fábio Fernandes Usabilidade métodos & boas práticas Fábio Fernandes Usabilidade vem tornando-se cada vez mais predominante no mercado de desenvolvimento de web sites, seja qual for o tipo de site: corporativo, e-commerce,

Leia mais

Groupware. Protocolos e Artefatos de Coordenação. Mecanismo de Coordenação. Cleidson de Souza cdesouza@ufpa.br. Artefatos.

Groupware. Protocolos e Artefatos de Coordenação. Mecanismo de Coordenação. Cleidson de Souza cdesouza@ufpa.br. Artefatos. Groupware Tecnologia computacional para auxiliar o trabalho cooperativo Mas Como o trabalho cooperativo é executado? Como as pessoas trabalham em conjunto? Como a tecnologia existente facilita (ou dificulta)

Leia mais

Milton Andrade. Tirando o máximo do seu BLOG. aprendendo a criar e se relacionar com o seu público

Milton Andrade. Tirando o máximo do seu BLOG. aprendendo a criar e se relacionar com o seu público Milton Andrade Tirando o máximo do seu BLOG aprendendo a criar e se relacionar com o seu público Rio de Janeiro 2015 Nota de Direitos Autorais Copyright 2015 por Milton Andrade Todos os direitos reservados.

Leia mais

Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina

Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Programação para Internet Rica 1 Aula 2: RIA - Aplicações Ricas para Internet Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Objetivo: Identificar as principais características de uma Aplicação Internet Rica.

Leia mais

Emerald Group Publishing Limited. Descubra como aproveitar os benefícios da editora líder mundial de Pesquisa em Gestão. www.emeraldinsight.

Emerald Group Publishing Limited. Descubra como aproveitar os benefícios da editora líder mundial de Pesquisa em Gestão. www.emeraldinsight. Emerald Group Publishing Limited Descubra como aproveitar os benefícios da editora líder mundial de Pesquisa em Gestão www.emeraldinsight.com Conteúdo Esta apresentação foi elaborada para ajudá-lo a aproveitar

Leia mais

Design de navegação para tablet : Abordagem projetual da revista digital Wired

Design de navegação para tablet : Abordagem projetual da revista digital Wired Design de navegação para tablet : Abordagem projetual da revista digital Wired Gabriel da Costa Patrocínio Universidade Anhembi Morumbi patrocínio.design@gmail.com O presente artigo tem como proposta analisar

Leia mais

A Logística de Cargas Fracionadas e Novas Configurações do Mercado de Varejo.

A Logística de Cargas Fracionadas e Novas Configurações do Mercado de Varejo. A Logística de Cargas Fracionadas e Novas Configurações do Mercado de Varejo. Cristian Carlos Vicari (UNIOESTE) viccari@certto.com.br Rua Engenharia, 450 Jd. Universitário C.E.P. 85.819-190 Cascavel Paraná

Leia mais

Marketing de Conteúdo para iniciantes CONTENT STRATEGY

Marketing de Conteúdo para iniciantes CONTENT STRATEGY Marketing de Conteúdo para iniciantes CONTENT STRATEGY A Rock Content ajuda você a montar uma estratégia matadora de marketing de conteúdo para sua empresa. Nós possuimos uma rede de escritores altamente

Leia mais

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012

RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG 26/09/2012 RELATÓRIO FINAL DE PESQUISA DE INTENÇÃO DE COMPRAS DIA DAS CRIANÇAS 2012 CONVÊNIO UCDB-ACICG-PMCG

Leia mais

Jornalismo Interativo

Jornalismo Interativo Jornalismo Interativo Antes da invenção da WWW, a rede era utilizada para divulgação de informações direcionados a públicos muito específicos e funcionavam através da distribuição de e-mails e boletins.

Leia mais

Anderson L. S. Moreira

Anderson L. S. Moreira Tecnologia da Informação Aula 13 E-commerce Anderson L. S. Moreira anderson.moreira@ifpe.edu.br Instituto Federal de Pernambuco Recife PE Esta apresentação está sob licença Creative Commons 15 de Outubro

Leia mais

Consumidor multicanal Como ampliar seus pontos de contato. Marlety Gubel. agosto 2011

Consumidor multicanal Como ampliar seus pontos de contato. Marlety Gubel. agosto 2011 Consumidor multicanal Como ampliar seus pontos de contato Marlety Gubel agosto 2011 Estrutura da apresentação Consumidor multicanal Brasil: tendência dos canais e pontos de contato Cross Channel Commerce

Leia mais

O novo desafio das marcas: uma visão global dos hábitos dos clientes em dispositivos móveis e redes sociais

O novo desafio das marcas: uma visão global dos hábitos dos clientes em dispositivos móveis e redes sociais O novo desafio das marcas: uma visão global dos hábitos dos clientes em dispositivos móveis e redes sociais SDL Campaign Management & Analytics Introdução Prezado profissional de marketing, A ideia de

Leia mais

Lojista www.moveistotal.com.br MÍDIA KIT

Lojista www.moveistotal.com.br MÍDIA KIT Portal Móveis Total www.moveistotal.com.br MÍDIA KIT Quem somos: O é um veículo independente, lançado no ano de 2009, trazendo 20 anos de experiência do grupo, consolida-se como sinônimo total de satisfação

Leia mais

Como Gerar Tráfego Massivo Para o Seu Blog

Como Gerar Tráfego Massivo Para o Seu Blog Como Gerar Tráfego Massivo Para o Seu Blog Trazido Até Si Por http://rendasextraonline.com Como Gerar Tráfego Massivo Para o Seu Blog Termos e Condições Aviso Legal O escritor esforçou-se para ser o tão

Leia mais

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce).

Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). Poucas inovações na história da humanidade reúnem tantos benefícios potenciais quanto o Comércio Eletrônico (também conhecido como e-commerce). A natureza global da tecnologia, a oportunidade de atingir

Leia mais

TOTVS Vitrine Série 1 + Shopping Megafashion. Sua loja virtual totalmente integrada com a loja física

TOTVS Vitrine Série 1 + Shopping Megafashion. Sua loja virtual totalmente integrada com a loja física TOTVS Vitrine Série 1 + Shopping Megafashion Sua loja virtual totalmente integrada com a loja física Conteúdo! O mercado da moda! Vantagens da solução TOTVS + Megafashion! Layout da loja! Valores! Degustação!

Leia mais

InformationWeek Brasil

InformationWeek Brasil Fotos: Ricardo Benichio EM TEMP Roberta Prescott 10 Casas Bahia inaugura loja virtual mais tarde que outros varejistas, mas seu CIO, Frederico Wanderley, quer ter na internet o mesmo sucesso da rede física

Leia mais

QUALIDADE DE SERVIÇO EM UM PONTO DE VENDA À VAREJO: UMA ANÁLISE DE PERFORMANCE E IMPORTÂNCIA SOB O PONTO DE VISTA DO CLIENTE

QUALIDADE DE SERVIÇO EM UM PONTO DE VENDA À VAREJO: UMA ANÁLISE DE PERFORMANCE E IMPORTÂNCIA SOB O PONTO DE VISTA DO CLIENTE QUALIDADE DE SERVIÇO EM UM PONTO DE VENDA À VAREJO: UMA ANÁLISE DE PERFORMANCE E IMPORTÂNCIA SOB O PONTO DE VISTA DO CLIENTE Kissila Goncalves Lourenco (ISECENSA) kissilagl@hotmail.com Henrique Rego Monteiro

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA PESQUISA DE MARKETING PARA GESTORES DE NEGÓCIO

A IMPORTÂNCIA DA PESQUISA DE MARKETING PARA GESTORES DE NEGÓCIO A IMPORTÂNCIA DA PESQUISA DE MARKETING PARA GESTORES DE NEGÓCIO Mariana Ferreira Soares, Priscila Petrusca Messias Gomes Silva e Marcos Alexandre de Melo Barros. Faculdade Senac de Pernambuco. E-mail:

Leia mais

Gerentes de Ecommerce e Marketing Digital Intensivo no Rio de Janeiro

Gerentes de Ecommerce e Marketing Digital Intensivo no Rio de Janeiro ECOMMERCE SCHOOL Fundada em junho de 2007, com o objetivo de ser um centro voltado para o desenvolvimento de profissionais de Internet, reunindo parcerias com escolas de excelência e importantes centros

Leia mais

INTENÇÃO DE COMPRA DIA DAS CRIANÇAS 2014

INTENÇÃO DE COMPRA DIA DAS CRIANÇAS 2014 PE MPRA DIA DAS CRIANÇAS 2014 1 MPRA DIA DAS CRIANÇAS 2014 PE MPRA DIA DAS CRIANÇAS 2014 2 Faculdade Estácio de Sá de Campo Grande Intenção de Compra para o Dia das Crianças 2014 Rua Venâncio Borges do

Leia mais

Computação Ubíqua Aplicada na Educação: Um Mapeamento Sistemático

Computação Ubíqua Aplicada na Educação: Um Mapeamento Sistemático Computação Ubíqua Aplicada na Educação: Um Mapeamento Sistemático Jakeline Soares de Lima Universidade de Pernambuco Campus Garanhuns Rua Cap. Pedro Rodrigues, 105 São José, Garanhuns/PE +55 87 37618210

Leia mais

Comércio Eletrônico em Números

Comércio Eletrônico em Números Comércio Eletrônico em Números Evolução do E-commerce no Brasil 23 milhões é um grande número. 78 milhões 23 milhões Enorme potencial de crescimento no Brasil Mas fica pequeno se comprarmos com o número

Leia mais

Gerentes de Ecommerce e Marketing Digital Intensivo em Florianópolis

Gerentes de Ecommerce e Marketing Digital Intensivo em Florianópolis ECOMMERCE SCHOOL Fundada em junho de 2007, com o objetivo de ser um centro voltado para o desenvolvimento de profissionais de Internet, reunindo parcerias com escolas de excelência e importantes centros

Leia mais

3 Maneiras De Ganhar Dinheiro Na Internet Rogerio Job

3 Maneiras De Ganhar Dinheiro Na Internet Rogerio Job 3 Maneiras De Ganhar Dinheiro Na Internet Rogerio Job Edição e Revisão 1 Qual seria minha resposta para esta pergunta: É possível ganhar dinheiro sem fazer nada? Você saberá o que penso na conclusão deste

Leia mais

Blog Agência Clinks Relatórios

Blog Agência Clinks Relatórios Blog Agência Clinks Relatórios Copyright 2014 by Clinks Agência Certificada Google AdWords - E-book Blog Agência Clinks Relatórios. All Rights Reserved. Sumário COMO CRIAR E PROGRAMAR RELATÓRIOS DE LINKS

Leia mais

GESTÃO DE ESTOQUE: ANÁLISE DAS FERRAMENTAS DE CONTROLE EM UMA EMPRESA DA CIDADE DE MOSSORÓ RN

GESTÃO DE ESTOQUE: ANÁLISE DAS FERRAMENTAS DE CONTROLE EM UMA EMPRESA DA CIDADE DE MOSSORÓ RN 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 GESTÃO DE ESTOQUE: ANÁLISE DAS FERRAMENTAS DE CONTROLE EM UMA EMPRESA DA CIDADE DE MOSSORÓ RN Cícero Eriberto da Silva 1, Hudson do Vale de Oliveira 2,

Leia mais

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD!

Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! Uma solução completa para sua estrátegia de SOCIAL MEDIA HELLO WORLD! SocialSuite Rua Claudio Soares, 72-16 andar +55 11 3032 1982 São Paulo - SP Brasil Introdução Esse material foi desenvolvido pela equipe

Leia mais

Guia de Manutenção de Edificações

Guia de Manutenção de Edificações PROJETO DE PESQUISA TERMO DE REFERÊNCIA PROJETO DE PESQUISA TÍTULO ENTIDADE Abraman Associação Brasileira de Manutenção COMITÊ DE ESTUDOS Comitê de Manutenção Centrada na Confiabilidade COORDENAÇÃO Eng.

Leia mais

Evolução do Desempenho Logístico no Varejo Virtual do Brasil

Evolução do Desempenho Logístico no Varejo Virtual do Brasil Evolução do Desempenho Logístico no Varejo Virtual do Brasil Leonardo Uehara 1. O e-commerce e a Logística Muitas controvérsias surgem quando se fala no futuro do e-commerce no Brasil. Raríssimas empresas

Leia mais

Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo. Um novo enfoque de RI para um novo mercado

Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo. Um novo enfoque de RI para um novo mercado + Comunicação diferenciada e relacionamento efetivo Um novo enfoque de RI para um novo mercado + Menu Cenário Menu + + Cenário RI hoje: uma operação indiferenciada Comunicação muito limitada com foco quase

Leia mais