PROVA BIMESTRAL História

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROVA BIMESTRAL História"

Transcrição

1 7 o ano 4 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. Leia o texto e responda. Feitoria Igaraçu Fundada pela expedição guarda-costas de Cristóvão Jaques, entre 1516 e Parece ser a mesma Feitoria dos Marcos ou Feitoria de Pernambuco. Estaria localizada em terra firme, no continente, na foz do rio Igaraçu, próximo ao lugar onde haviam sido colocados marcos que assinalavam o domínio português. Ficava, assim, defronte à ilha de Itamaracá. Sua história é a mais conhecida: foi atacada por franceses em 1530, o que forçou o seu feitor, Diogo Dias, a se retirar para o Rio de Janeiro. Socorrida em 1531 por Pero Lopes de Sousa, sofreu novo ataque dos franceses em 1532, no qual foi incendiada. Os franceses se fortificaram em Itamaracá, de onde os expulsou Pero Lopes. Duarte Coelho, donatário de Pernambuco, desembarcou em Igaraçu, em 1534, porque lá já estava uma feitoria del rei para o pau-brasil. Fonte: MELLO. A feitoria de Pernambuco Reduto dos Marcos, 73/84; RIO BRANCO. Efemérides brasileiras, 41 e 91; Fiscais e meirinhos, 414. Texto retirado de (acesso em 17 ago. 2012) a) De acordo com o texto, por que a história da feitoria Igaraçu é a mais conhecida? b) As feitorias foram construídas no Brasil pelos portugueses no período colonial. Explique qual era a importância das feitorias para a economia portuguesa no início do século XVI. c) Por que os franceses atacaram várias vezes a feitoria Igaraçu na década de 1530? 2. Leia o trecho da carta de Pero Vaz de Caminha, escrivão da armada de Pedro Álvares Cabral, escrita em maio de 1500 para o rei português d. Manuel. A feição deles é serem pardos, um tanto avermelhados, de bons rostos e bons narizes, bem feitos. Andam nus, sem cobertura alguma. [...] Ambos traziam o beiço de baixo furado e metido nele um osso verdadeiro, de comprimento de uma mão travessa, e da grossura de um fuso de algodão, agudo na ponta como um furador. a) Quem são as pessoas descritas no trecho da carta? b) Como ocorreu a relação entre os portugueses e as pessoas descritas no texto entre 1500 e 1530? E depois de 1530? 1

2 3. Após 1530, o rei português d. João III criou o sistema de capitanias hereditárias para ocupar e explorar o território dominado na América. Apenas duas capitanias obtiveram sucesso, São Vicente e Pernambuco. Um novo sistema administrativo foi criado pela Coroa portuguesa, chamado de governo-geral. Assinale a alternativa que explica corretamente as diferenças entre as capitanias hereditárias e o governo-geral. a) As capitanias hereditárias dividiam o território da América portuguesa em 14 feitorias, enquanto o governo-geral dividia o território em 14 faixas de terra. b) As capitanias hereditárias eram um sistema administrativo centralizador, enquanto o governo-geral confiava a administração aos donatários. c) As capitanias hereditárias eram um sistema administrativo baseado na doação de faixas de terra a donatários, enquanto o governo-geral era um sistema mais centralizado. d) Tanto as capitanias hereditárias quanto o governo-geral previam uma administração centralizadora, entretanto, as capitanias hereditárias admitiam a participação dos donatários no recolhimento de impostos. 4. Observe a imagem e responda. viagem pitoresca através do brasil Representação de navio de transporte de escravos africanos, obra de Rugendas a) O cultivo da cana-de-açúcar ganhou força no nordeste brasileiro, após a criação dos governos-gerais no período colonial. O engenho era a propriedade produtora de açúcar, incluindo todos os instrumentos necessários para a produção açucareira. Descreva duas características que tornavam os engenhos lucrativos. b) De que maneira a imagem se relaciona com os engenhos do período colonial? 2

3 5. Com a crise na produção de açúcar, no Brasil colonial, as bandeiras ganharam destaque, transformando a economia e o território da colônia. Esse episódio da história brasileira também está retratado em um monumento, construído por Victor Brecheret, instalado no Ibirapuera, em São Paulo. Leia o texto sobre esse monumento e responda. O escultor Victor Brecheret costumava dizer que o Monumento às Bandeiras, instalado na praça Armando Salles de Oliveira, no Ibirapuera, era a obra de sua autoria com que mais se identificava. [...] Com 12 metros de altura, 50 de extensão e 15 de largura, representa uma expedição bandeirante subindo um plano, com dois homens a cavalo. Uma das imagens representa o chefe português e a outra, o guia índio. Atrás deles, há um grupo formado por índios, negros, portugueses e mamelucos, que puxa a canoa das monções, usada pelos bandeirantes nas expedições pelos rios. As raças podem ser identificadas por detalhes nas estátuas: os portugueses apresentam barbas; as figuras nuas, com uma cruz ao pescoço são os índios catequizados. A obra foi instalada no sentido de entrada dos bandeirantes pelo interior, no eixo sudeste-noroeste. Na frente do monumento, um mapa de Afonso Taunay, esculpido no granito, mostra o roteiro das expedições com os nomes de alguns bandeirantes famosos, entre eles Fernão Dias, Anhanguera, Borba Gato e Raposo Tavares. Fonte: (acesso em 20 ago. 2012) a) De acordo com o que você estudou sobre as bandeiras, qual seria o motivo histórico para instalarem um monumento às bandeiras em São Paulo? b) De acordo com o texto, como era formado o grupo de bandeirantes retratados no monumento? c) Quais seriam os objetivos das bandeiras no Brasil colonial? 6. Observe a imagem. a) Cite duas modificações no Brasil colonial após a descoberta de jazidas de ouro na região de Minas Gerais. b) Associe corretamente as colunas A e B. Coluna A 1. Intendência das Minas 2. Casas de fundição 3. Quinto real Coluna B ( ) Transformavam o minério extraído em barras de ouro. ( ) Abrigava administradores exclusivos para os negócios da mineração. ( ) Imposto devido à Coroa. Exemplos de barras de ouro da casa de fundição de Vila Rica (atual Ouro Preto, Minas Gerais) reprodução 3

4 Superior Michigan AS TREZE COLÔNIAS Huron Erie Montes Apalaches Golfo do México Pensilvânia Virgínia Fonte: editoria de arte. Nova Hampshire Ontário Nova York Carolina do Norte Carolina do Sul Geórgia Nova Jersey Delaware Maryland Massachusetts Rhode Island Connecticut OCEANO ATLÂNTICO Treze Colônias Fronteira de 1763 Observe o mapa, leia o texto e responda às questões 7 e 8. As colônias do norte da costa atlântica apresentam o clima temperado, semelhante ao europeu. Dificilmente essa área poderia oferecer algum produto de que a Inglaterra necessitasse. [...] O trabalho familiar em pequenas propriedades foi bastante comum nas colônias do norte. [...] Esse comércio [triangular] consistia, simplificadamente, na compra de cana e melado das Antilhas, que na colônia seriam transformados em rum. O rum obtinha fáceis mercados na África, para onde era levado por navios da Nova Inglaterra e trocado, usualmente, por escravos. Estes escravos eram levados para serem vendidos nas fazendas das Antilhas. [...] As colônias do sul, por sua vez, abrigaram uma economia diferente. [...] O fumo tornou- -se um produto fundamental no sul. KARNAL, Leandro. Estados Unidos: a formação da nação. São Paulo: Contexto, 2003, p As Treze Colônias da América do Norte pertenciam à Inglaterra no século XVII e parte do século XVIII. Explique as diferenças da colonização inglesa nos territórios do norte e do sul. 8. Faça um esquema representando o comércio entre as colônias do norte, as Antilhas e a África. 4

5 Observe a imagem e responda às questões 9 e Assinale a alternativa que define corretamente o absolutismo político, forma de governo adotada em alguns reinos da Europa durante a Idade Moderna. a) O absolutismo fortalece a figura da burguesia, ampliando sua participação no governo. As novas leis impunham restrições ao poder real. b) O governo absolutista fortalece o poder real, subordinando regiões distantes a um mesmo governo. No discurso religioso, o rei torna-se uma figura central por ter sido escolhido por Deus. c) No governo absolutista, os nobres detinham a maior parte do poder, formulando e aprovando leis. O rei era apenas o símbolo da importância que a nobreza adquiriu. d) Os servos e os trabalhadores livres conseguiram se destacar nos governos absolutistas, conquistando um espaço de atuação direta. Várias leis eram formuladas por um Conselho composto por esse grupo social. CHATEAU DE VERSAILLES, FRANÇA (PARIS) 10. Imagine que você é o rei Luís XIV. Descreva como é o seu governo e quais são as razões que o tornaram conhecido como o rei Sol. Luís XIV, o rei Sol da França. 5

6 Gabarito 7 o ano 4 o bimestre 1. a) A história da feitoria de Igaraçu é a mais conhecida por ter sofrido vários ataques dos franceses no período colonial. b) As feitorias foram construídas para a proteção do litoral e para armazenar víveres e armamentos. O principal item armazenado era o pau-brasil, coletado pelos indígenas e levado à Europa pelos portugueses. c) Os franceses não aceitavam a divisão do continente americano feita entre os portugueses e os espanhóis por meio do Tratado de Tordesilhas, defendendo a ideia de que as terras deveriam pertencer a quem de fato as ocupasse. 2. a) As pessoas descritas são os povos indígenas que viviam no litoral do Brasil. b) Entre 1500 e 1530, os portugueses e os indígenas tiveram pouco contato. Os portugueses estavam mais interessados no comércio com as Índias e utilizavam os indígenas na exploração do pau-brasil por meio do escambo. Após 1530, com a colonização do território brasileiro, os portugueses entraram em guerra com os indígenas, ocupando suas terras, escravizando, e muitos morreram em razão das doenças europeias. 3. c 4. a) Os engenhos eram latifúndios, nos quais era praticada a monocultura, voltada para a exportação, por meio do trabalho escravo. b) A imagem retrata o tráfico negreiro. Essa atividade era importante para abastecer os engenhos com a sua principal mão-de-obra os escravos africanos. 5. a) O monumento foi instalado em São Paulo porque essa cidade foi o principal local de onde saíram as expedições denominadas bandeiras. b) O grupo de bandeirantes era formado por um chefe português, um guia indígena, outros índios, negros, portugueses e mamelucos. c) As bandeiras tinham como objetivo buscar metais preciosos no interior do Brasil, além de aprisionarem indígenas que seriam vendidos como escravos ou aprisionar escravos foragidos, podendo se especializar na destruição de quilombos. 6. a) Após a descoberta das jazidas de ouro em Minas Gerais, houve o aumento da imigração para o Brasil, o eixo econômico da colônia mudou para o sudeste (a transferência da capital para o Rio de Janeiro), surgiram vários núcleos urbanos, houve um aumento na circulação de pessoas e mercadorias e aumento da fiscalização por parte da administração portuguesa. b) Nos territórios do norte houve a chamada colonização de povoamento, predominando as lavouras de subsistência, a pequena propriedade, a mão-de-obra familiar ou livre. Nos territórios do sul houve a chamada colonização de exploração, predominando a plantation (latifúndios monocultores com trabalho escravo). 8. Colônias do Norte Cana e melado Rum Antilhas Escravos África 9. b 10. O aluno deve retratar um governo autoritário, demonstrando que o rei toma todas as decisões referentes à economia, à política, ao exército, atuando como se fosse o centro de toda a sociedade, assim como o Sol é o centro do Universo. 6

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 7 o ano 4 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : Leia o trecho da carta de Pero Vaz de Caminha, escrivão da armada de Pedro Álvares Cabral, escrita em maio de 1500 para o rei português

Leia mais

Prova bimestral 4 o ANO 2 o BIMESTRE

Prova bimestral 4 o ANO 2 o BIMESTRE Prova bimestral 4 o ANO 2 o BIMESTRE HISTÓRIA Escola: Nome: Data: / / Turma: Pedro Álvares Cabral foi o comandante da primeira expedição portuguesa que chegou ao território que mais tarde receberia o nome

Leia mais

História do Brasil Colônia. Profª Maria Auxiliadora

História do Brasil Colônia. Profª Maria Auxiliadora História do Brasil Colônia Profª Maria Auxiliadora O PERÍODO PRÉ-COLONIAL (1500 1530) Pau-Brasil Extrativismo Vegetal Fabricação de tintura para tecidos. Exploração nômade e predatória. Escambo com índios.

Leia mais

História/15 8º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / /

História/15 8º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / História/15 8º ano Turma: 1º trimestre Nome: Data: / / 8ºhist301r ROTEIRO DE ESTUDO RECUPERAÇÃO 2015 8º ano do Ensino Fundamental II HISTÓRIA 1º TRIMESTRE 1. Conteúdos Objetivo 1: Africanos no Brasil (Cap.

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 7

Sugestões de avaliação. História 7 o ano Unidade 7 Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 7 Unidade 7 Nome: Data: 1. Leia o trecho a seguir e faça o que se pede. Depois de estabelecer colônias na África e chegar à Índia e à América, os navegadores

Leia mais

COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA - RESUMO

COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA - RESUMO COLONIZAÇÃO DA AMÉRICA - RESUMO A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS Século XVI e XVII início da ocupação e colonização das Américas COLONIZAÇÃO definição é a ocupação e povoamento das terras americanas pelos europeus

Leia mais

6ª 10 4/out/11 HISTÓRIA 4º. Valor: 80

6ª 10 4/out/11 HISTÓRIA 4º. Valor: 80 6ª 10 4/out/11 HISTÓRIA 4º Valor: 80 1. A invasão holandesa no Nordeste brasileiro, ao longo do século XVII, está relacionada com a exploração de um produto trazido para o Brasil pelos portugueses. Que

Leia mais

De que jeito se governava a Colônia

De que jeito se governava a Colônia MÓDULO 3 De que jeito se governava a Colônia Apresentação do Módulo 3 Já conhecemos bastante sobre a sociedade escravista, especialmente em sua fase colonial. Pouco sabemos ainda sobre a organização do

Leia mais

1º Período UNIDADE 1. Exercícios; A aventura de navegar

1º Período UNIDADE 1. Exercícios; A aventura de navegar 1º Período UNIDADE 1 A aventura de navegar Produtos valiosos Navegar em busca de riquezas Viagens espanholas Viagens portuguesas Ampliação O dia a dia dos marinheiros Conhecer as primeiras especiarias

Leia mais

História. Programação 3. bimestre. Temas de estudo

História. Programação 3. bimestre. Temas de estudo História Olá, pessoal! Vamos conhecer, entre outros fatos, como era o trabalho escravo no Brasil? CHIQUINHA GONZAGA Programação 3. bimestre Temas de estudo O trabalho escravo na formação do Brasil - Os

Leia mais

A FORMAÇÃO TERRITORIAL DO BRASIL

A FORMAÇÃO TERRITORIAL DO BRASIL A FORMAÇÃO TERRITORIAL DO BRASIL A Expansão do território brasileiro deu-se com a ocupação decorrente da prática de várias atividades econômicas. Nordeste: pau-brasil e a cultivo de cana-de-açúcar; Norte:

Leia mais

Capítulo. Organização político- -administrativa na América portuguesa

Capítulo. Organização político- -administrativa na América portuguesa Capítulo Organização político- -administrativa na América portuguesa 1 O Império Português e a administração da Colônia americana Brasil: 1500-1530 O interesse português pelo território americano era pequeno

Leia mais

Colégio Marista São José Montes Claros MG Prof. Sebastião Abiceu 7º ano

Colégio Marista São José Montes Claros MG Prof. Sebastião Abiceu 7º ano Colégio Marista São José Montes Claros MG Prof. Sebastião Abiceu 7º ano 1. CARACTERÍSTICAS GERAIS DO PERÍODO COLONIAL Colônia de exploração (fornecimento de gêneros inexistentes na Europa). Monocultura.

Leia mais

DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS. -Atinge as Índias contornando a costa da África

DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS. -Atinge as Índias contornando a costa da África DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS EXPANSÃO MARÍTIMA início século XV ( 1415 ) DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS EXPANSÃO MARÍTIMA início século XV ( 1415 ) PORTUGAL -Atinge as Índias contornando

Leia mais

A expansão da América Portuguesa

A expansão da América Portuguesa 8 ANO A/B RESUMO DA UNIDADE 1 DISCIPLINA: HISTÓRIA PROFESSORA: SUELEM *Os índios no Brasil A expansão da América Portuguesa Violência contra os povos indígenas; - Doenças, trabalho forçado; - Foram obrigados

Leia mais

A COLONIZAÇÃO DO BRASIL

A COLONIZAÇÃO DO BRASIL A COLONIZAÇÃO DO BRASIL OS FUNDAMENTOS DO COLONIALISMO PORTUGUÊS O processo de ocupação e formação do Império Colonial Lusitano baseou-se dentro da ótica mercantilista. Essa forma de organização ficou

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES

CADERNO DE ATIVIDADES COLÉGIO ARNALDO 2014 CADERNO DE ATIVIDADES HISTÓRIA Aluno (a): 5º ano Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos CONTEÚDOS As fontes históricas Patrimônios históricos Da extração à plantação do pau-brasil

Leia mais

O TERRITÓRIO BRASILEIRO. 6. Fronteiras Terrestres

O TERRITÓRIO BRASILEIRO. 6. Fronteiras Terrestres O TERRITÓRIO BRASILEIRO 6. Fronteiras Terrestres Até o começo do século XVII, os colonizadores se concentraram em cidades fundadas na região litorânea do Brasil, principalmente no Nordeste. A principal

Leia mais

FORMAÇÃO, LOCALIZAÇÃO E DIVISÃO POLÍTICA DO BRASIL

FORMAÇÃO, LOCALIZAÇÃO E DIVISÃO POLÍTICA DO BRASIL FORMAÇÃO, LOCALIZAÇÃO E DIVISÃO POLÍTICA DO BRASIL ORIGEM E FORMAÇÃO HISTÓRICA A AMÉRICA PORTUGUESA Pelo Tratado de Tordesilhas, assinado a 7 de junho de 1494, por Portugal e Espanha, os domínios dessas

Leia mais

A colonização espanhola e inglesa na América

A colonização espanhola e inglesa na América A colonização espanhola e inglesa na América A UU L AL A MÓDULO 2 Nas duas primeiras aulas deste módulo, você acompanhou a construção da América Portuguesa. Nesta aula, vamos estudar como outras metrópoles

Leia mais

MERCANTILISMO (7a. Parte) Mercantilismo e Violência

MERCANTILISMO (7a. Parte) Mercantilismo e Violência MERCANTILISMO (7a. Parte) Mercantilismo e Violência CURSO: Administração DISCIPLINA: Comércio Exterior FONTE: DIAS, Reinaldo. RODRIGUES, Waldemar. Comércio Exterior Teoria e Gestão. Atlas. São Paulo: 2004.

Leia mais

Memórias de um Brasil holandês. 1. Responda: a) Qual é o período da história do Brasil retratado nesta canção?

Memórias de um Brasil holandês. 1. Responda: a) Qual é o período da história do Brasil retratado nesta canção? Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Ensino fundamental Publicado em 2012 Prova bimestral 3 o Bimestre 4 o ano história Data: / / Nível: Escola: Nome: Memórias de um Brasil holandês Nessa terra

Leia mais

Portugal e Brasil no século XVII. Domínio espanhol no Brasil(1580-1640)

Portugal e Brasil no século XVII. Domínio espanhol no Brasil(1580-1640) Portugal e Brasil no século XVII Domínio espanhol no Brasil(1580-1640) O domínio espanhol. Em 1580, o rei de Portugal, D. Henrique, morreu sem deixar herdeiros ( fim da dinastia de Avis) surgiram disputas

Leia mais

- Século XVI estabeleceu o domínio inglês na costa norte da América do Norte fundam Treze Colônias Atual

- Século XVI estabeleceu o domínio inglês na costa norte da América do Norte fundam Treze Colônias Atual DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS EXPANSÃO MARÍTIMA início século XV ( 1415 ) -Atinge as Índias contornando a costa da África PORTUGAL -1500 supera os obstáculos do Atlântico chega ao Brasil ESPANHA

Leia mais

EXPANSÃO TERRITORIAL DO BRASIL

EXPANSÃO TERRITORIAL DO BRASIL EXPANSÃO TERRITORIAL DO BRASIL Foi a conquista e ocupação do interior do território, além dos limites do Tratado de Tordesilhas. Essa expansão foi responsável pela extensão territorial do Brasil de hoje.

Leia mais

Sugestões de avaliação. Geografia 7 o ano Unidade 1

Sugestões de avaliação. Geografia 7 o ano Unidade 1 Sugestões de avaliação Geografia 7 o ano Unidade 1 5 Unidade 1 Nome: Data: 1. Verdadeiro ( V ) ou falso ( F )? Responda considerando a localização do território brasileiro no planeta. a) o oceano que banha

Leia mais

A Formação do Território Brasileiro.

A Formação do Território Brasileiro. A Formação do Território Brasileiro. A primeira fronteira do Brasil Fernando e Isabel 1492 - Colombo 1493 papa Alexandre VI (espanhol) editou a Bula Inter Coetera 1494 - Tratado de Tordesilhas. 1530 no

Leia mais

EXPANSÃO TERRITORIAL DO BRASIL O QUE ERAM AS ENTRADAS E BANDEIRAS?

EXPANSÃO TERRITORIAL DO BRASIL O QUE ERAM AS ENTRADAS E BANDEIRAS? EXPANSÃO TERRITORIAL DO BRASIL Foi a conquista e ocupação do interior do território, além dos limites do Tratado de Tordesilhas. Essa expansão foi responsável pela extensão territorial do Brasil de hoje.

Leia mais

MINERAÇÃO NO BRASIL A DESCOBERTA E EXPLORAÇÃO DO OURO E DO DIAMANTE

MINERAÇÃO NO BRASIL A DESCOBERTA E EXPLORAÇÃO DO OURO E DO DIAMANTE A DESCOBERTA E EXPLORAÇÃO DO OURO E DO DIAMANTE O início da mineração no Brasil; Mudanças sociais e econômicas; Atuação da Coroa portuguesa na região mineira; Revoltas ocorridas pela exploração aurífera;

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 7 5 Unidade 7 Nome: Data: 1. Sobre as formas de conquista e exploração do governo português, associe corretamente as colunas. a) Relações diplomáticas.

Leia mais

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO.

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À PARTE COM ESTA EM ANEXO. ENSINO MÉDIO Conteúdos da 1ª Série 1º/2º Bimestre 2014 Trabalho de Dependência Nome: N. o : Turma: Professor(a): Yann/Lamarão Data: / /2014 Unidade: Cascadura Mananciais Méier Taquara História Resultado

Leia mais

Colonização Portuguesa. Prof. Osvaldo

Colonização Portuguesa. Prof. Osvaldo Colonização Portuguesa Prof. Osvaldo Tratado de Tordesilhas de 1494 Terras pertencentes à Espanha Terras pertencentes a Portugal A ficção do Descobrimento Principais povos Indígenas no Brasil No Brasil,

Leia mais

A FORMAÇÃO TERRITORIAL BRASILEIRA: UMA ABORDAGEM HISTÓRICA.

A FORMAÇÃO TERRITORIAL BRASILEIRA: UMA ABORDAGEM HISTÓRICA. A FORMAÇÃO TERRITORIAL BRASILEIRA: UMA ABORDAGEM HISTÓRICA. A UNIÃO IBÉRICA (1580 A 1640) OS DESDOBRAMENTOS DA UNIÃO IBÉRICA Juramento de Tomar Perda de Valor da Linha de Tordesilhas Intensificação das

Leia mais

Expansão Territorial séc. XVII-XVIII

Expansão Territorial séc. XVII-XVIII BRASIL COLÔNIA Expansão Territorial séc. XVII-XVIII No período da União Ibérica, a Linha de Tordesilhas ficou sem efeito, permitindo um avanço do território brasileiro rumo ao interior. Duas formas básicas

Leia mais

Recuperação Final História 7º ano do EF

Recuperação Final História 7º ano do EF COLÉGIO MILITAR DOM PEDRO II SEÇÃO TÉCNICA DE ENSINO Recuperação Final História 7º ano do EF Aluno: Série: 7º ano Turma: Data: 08 de dezembro de 2015. LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 1. Esta prova

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES. História

CADERNO DE ATIVIDADES. História COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES História Aluno (a): 4º ano: Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos Conteúdo de Recuperação O que é História. Identificar a História como ciência. Reconhecer que

Leia mais

RECUPERAÇÃO FINAL 2015 HISTÓRIA 7º ano

RECUPERAÇÃO FINAL 2015 HISTÓRIA 7º ano História/15 7º ano Turma: 3º trimestre Nome: Data: / / 7ºhis303r RECUPERAÇÃO FINAL 2015 HISTÓRIA 7º ano 3º trimestre Aluno(a), Seguem os conteúdos trabalhados no 3º trimestre. Como base neles você deverá

Leia mais

GEOGRAFIA / 2º ANO PROF. SÉRGIO RICARDO

GEOGRAFIA / 2º ANO PROF. SÉRGIO RICARDO GEOGRAFIA / 2º ANO PROF. SÉRGIO RICARDO BRASIL 1) Aspectos Gerais: Território: 8 547 403 Km 2. 5 0 maior país do mundo em extensão e população. País continental devido a sua dimensão territorial. Ocupa

Leia mais

VERIFICAÇÃO GLOBAL 4 HISTÓRIA 2ª ETAPA 7 a SÉRIE OLÍMPICA ENSINO FUNDAMENTAL

VERIFICAÇÃO GLOBAL 4 HISTÓRIA 2ª ETAPA 7 a SÉRIE OLÍMPICA ENSINO FUNDAMENTAL 1. Analise os quesitos a seguir e assinale, nos itens I e II, a única opção correta: (1,0 ponto) I. Observe a tirinha do Hagar e o texto de Alberto Caeiro: Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode

Leia mais

América Colonial HISTÓRIA DA AMÉRICA

América Colonial HISTÓRIA DA AMÉRICA HISTÓRIA DA AMÉRICA América Colonial Durante a época das Grandes Navegações, os Europeus encontraram a América e, subjugando os povos nativos do continente passaram a explorá-lo. As Américas foram colonizadas

Leia mais

EXERCÍCIOS ON LINE 2014/ GEOGRAFIA/ PROF.IRINO /7º ANO

EXERCÍCIOS ON LINE 2014/ GEOGRAFIA/ PROF.IRINO /7º ANO EXERCÍCIOS ON LINE 2014/ GEOGRAFIA/ PROF.IRINO /7º ANO 1- Assinale a alternativa correta. A linha imaginária considerada o marco 0 dos fusos horários é: a) Linha do Equador b) Trópico de Capricórnio c)

Leia mais

A conquista do Sertão. Expedições de apresamento

A conquista do Sertão. Expedições de apresamento A conquista do Sertão Expedições de apresamento As bandeiras contribuíram para a expansão do território em direção ao interior, porém houve muitas mortes de nativos. O principal alvo era as missões dos

Leia mais

FORMAÇÃO ECONÔMICA DO BRASIL Celso Furtado. Professor Dejalma Cremonese

FORMAÇÃO ECONÔMICA DO BRASIL Celso Furtado. Professor Dejalma Cremonese FORMAÇÃO ECONÔMICA DO BRASIL Celso Furtado Professor Dejalma Cremonese A ocupação econômica das terras americanas constitui um episódio da expansão comercial da Europa. O comércio interno europeu, em intenso

Leia mais

PEP/2011 1ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA 1ª QUESTÃO

PEP/2011 1ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO HISTÓRIA 1ª QUESTÃO PEP/2011 1ª AVALIAÇÃO DE TREINAMENTO FICHA AUXILIAR DE CORREÇÃO 1ª QUESTÃO Analisar a atuação das Entradas e Bandeiras entre os séculos XVI e XVIII na expansão do território da América Portuguesa, concluindo

Leia mais

CIÊNCIAS SOCIAIS 10/9/2012. I ECONOMIA COLONIAL SÉCULOS XVI a XIX OBJETIVOS: Formação Econômica e Social Brasileira (I)

CIÊNCIAS SOCIAIS 10/9/2012. I ECONOMIA COLONIAL SÉCULOS XVI a XIX OBJETIVOS: Formação Econômica e Social Brasileira (I) CIÊNCIAS SOCIAIS M.I DESENVOLVIMENTO DESIGUAL E COMBINADO DA SOCIEDADE MODERNA Formação Econômica e Social Brasileira (I) Profa. Claudete Pagotto Período 2 2012 2 OBJETIVOS: Abordar as características

Leia mais

PROVA BIMESTRAL História

PROVA BIMESTRAL História 8 o ano 3 o bimestre PROVA BIMESTRAL História Escola: Nome: Turma: n o : 1. 25 de janeiro de 1835, ao amanhecer o dia na cidade de Salvador, 600 negros entre libertos e escravos levantaram-se decididos

Leia mais

América Portuguesa. A metrópole percebe que não está funcionando e decide mudar algumas coisas.

América Portuguesa. A metrópole percebe que não está funcionando e decide mudar algumas coisas. América Portuguesa Aspecto político/formas de governo Capitanias hereditárias É um sistema descentralizado. A metrópole quer gastar o mínimo possível com a exploração, por isso dão a nobres a serviço do

Leia mais

Economia e Sociedade Açucareira. Alan

Economia e Sociedade Açucareira. Alan Economia e Sociedade Açucareira Alan Características coloniais gerais Colônia de exploração Existência de Pacto Colonial Monopólio Economia de exportação de produtos tropicais Natureza predatória extrativista,

Leia mais

A novidade é que o Brasil não é só litoral É muito mais é muito mais que qualquer zona sul Tem gente boa espalhada por este Brasil Que vai fazer

A novidade é que o Brasil não é só litoral É muito mais é muito mais que qualquer zona sul Tem gente boa espalhada por este Brasil Que vai fazer CAUSAS: Acirramento da concorrência comercial entre as potências coloniais; Crise das lavouras de cana; Estagnação da economia portuguesa na segunda metade do século XVII; Necessidade de encontrar metais

Leia mais

Sugestões de avaliação. História 8 o ano Unidade 4

Sugestões de avaliação. História 8 o ano Unidade 4 Sugestões de avaliação História 8 o ano Unidade 4 5 Nome: Data: Unidade 4 1. Analise a gravura e explique qual crítica ela revela. Gravura anônima do século XVIII. Biblioteca Nacional da França, Paris

Leia mais

Questões Brasil Colonial

Questões Brasil Colonial Questões Brasil Colonial (Ufpel 2008) "No decorrer do período colonial no Brasil os interesses entre metropolitanos e colonos foram se ampliando. O descontentamento se agravou quando, a 1º de abril de

Leia mais

caderno de atividades

caderno de atividades caderno de atividades A sociedade brasileira Índios, nossos primeiros habitantes Página 10 Para atender à causa desses povos, existem leis que garantem o direito à terra, delimitando espaços para reservas

Leia mais

PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE

PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE Sistema de Ensino Unidade Portugal Série: 4 o ano (3 a série) Período: MANHÃ AVALIAÇÃO DE CONTEÚDO DO GRUPO VII PORTUGUÊS 3 o BIMESTRE Nome: Turma: Data: 2/9/2009 Valor da prova: 6,0 Nota: Eixo temático

Leia mais

As atividades econômicas realizadas pelas pessoas costumam ser agrupadas em três setores.

As atividades econômicas realizadas pelas pessoas costumam ser agrupadas em três setores. SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA Mantenedora da PUC Minas e do COLÉGIO SANTA MARIA UNIDADE: DATA: 03 / 2 / 205 III ETAPA AVALIAÇÃO ESPECIAL DE GEOGRAFIA 5.º ANO/EF ALUNO(A): TURMA: N.º: PROFESSOR(A): VALOR:

Leia mais

Os negros na formação do Brasil PROFESSORA: ADRIANA MOREIRA

Os negros na formação do Brasil PROFESSORA: ADRIANA MOREIRA Os negros na formação do Brasil PROFESSORA: ADRIANA MOREIRA ESCRAVIDÃO ANTIGA A escravidão é um tipo de relação de trabalho que existia há muito tempo na história da humanidade. Na Antiguidade, o código

Leia mais

ÁREA: RESENHA CRÍTICA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EM CIÊNCIAS ECONÔMICAS PET ECONOMIA UESB

ÁREA: RESENHA CRÍTICA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EM CIÊNCIAS ECONÔMICAS PET ECONOMIA UESB UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA UESB PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EM CIÊNCIAS ECONÔMICAS PET ECONOMIA UESB Tutor: Gildásio Santana Júnior Bolsista: Iago Fernandes Botelho e Silva Resenha da

Leia mais

(GIANSANTI, Roberto. O desafio do desenvolvimento sustentável. São Paulo: Atual, 1998. p. 13.)

(GIANSANTI, Roberto. O desafio do desenvolvimento sustentável. São Paulo: Atual, 1998. p. 13.) PROCESSO SELETIVO/2006 1 O DIA GAB. 1 25 GEOGRAFIA QUESTÕES DE 41 A 50 41. Leia o trecho abaixo: Considera-se, em economia, o desenvolvimento sustentável como a capacidade de as sociedades sustentarem-se

Leia mais

BRASIL COLÔNIA (1500-1822) A PRODUÇÃO AÇUCAREIRA NO BRASIL

BRASIL COLÔNIA (1500-1822) A PRODUÇÃO AÇUCAREIRA NO BRASIL A PRODUÇÃO AÇUCAREIRA NO BRASIL 1 - O CICLO DO AÇÚCAR Séc. XVI e XVII (auge). Nordeste (BA e PE). Litoral. Solo e clima favoráveis. Experiência de cultivo (Açores, Cabo Verde e Madeira). Mercado consumidor.

Leia mais

Três grandes impérios, além de dezenas de outros povos, que encontravam-se subjugados aos grandes centros populacionais, viviam nas regiões almejadas

Três grandes impérios, além de dezenas de outros povos, que encontravam-se subjugados aos grandes centros populacionais, viviam nas regiões almejadas América Espanhola O que os Espanhóis encontraram aqui na América... Três grandes impérios, além de dezenas de outros povos, que encontravam-se subjugados aos grandes centros populacionais, viviam nas regiões

Leia mais

Brasil: Formação Territorial E Regionalização:

Brasil: Formação Territorial E Regionalização: Brasil: Formação Territorial E Regionalização: Localização Geográfica Localizado A Oeste De Greenwich; Portanto É um País Ocidental; Localizado Ao Sul da Linha do Equador; Portanto No Hemisfério Sul; Possui

Leia mais

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 13 A EXPANSÃO TERRITORIAL

HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 13 A EXPANSÃO TERRITORIAL HISTÓRIA - 1 o ANO MÓDULO 13 A EXPANSÃO TERRITORIAL cana-de-açucar pecuária mineração drogas do sertão pau-brasil portos: importação e exportação Como pode cair no enem (PUC) As Bandeiras utilizaram

Leia mais

Colégio Senhora de Fátima

Colégio Senhora de Fátima Colégio Senhora de Fátima A formação do território brasileiro 7 ano Professora: Jenifer Geografia A formação do território brasileiro As imagens a seguir tem como principal objetivo levar a refletir sobre

Leia mais

Analise duas transformações ocorridas nesse contexto histórico que colaboraram para a crise da República.

Analise duas transformações ocorridas nesse contexto histórico que colaboraram para a crise da República. 1) Leia a afirmativa abaixo que relaciona as conquistas territoriais às profundas alterações políticas, sociais e econômicas ocorridas entre os séculos II e I a.c. A República conquistara para Roma o seu

Leia mais

Teorias de Comércio Internacional. Baseado Livro: Manual de Comércio Exterior (Cap. 2)

Teorias de Comércio Internacional. Baseado Livro: Manual de Comércio Exterior (Cap. 2) Teorias de Comércio Internacional Baseado Livro: Manual de Comércio Exterior (Cap. 2) Causas do Comércio Internacional Os países comerciam por que? São diferentes uns dos outros, isto é apresentam diferenças

Leia mais

ATIVIDADES DE ESTUDOS SOCIAIS 3ª S SÉRIES A-B-C-D

ATIVIDADES DE ESTUDOS SOCIAIS 3ª S SÉRIES A-B-C-D Nome: n.º 3ª série Barueri, / / 2009 Disciplina: ESTUDOS SOCIAIS 2ª POSTAGEM ATIVIDADES DE ESTUDOS SOCIAIS 3ª S SÉRIES A-B-C-D QUEM DESCOBRIU O BRASIL? Foi Pedro Álvares Cabral no dia 22 de abril de 1500!

Leia mais

4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Geografia e História Nome:

4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Geografia e História Nome: 4 o ano Ensino Fundamental Data: / / Revisão de Geografia e História Nome: Conteúdo de Geografia Material Didático Páginas: de 19 a 59 Conteúdo de História Material Didático Páginas: de 7 a 51 1) A formação

Leia mais

Mineração e a Crise do Sistema Colonial. Prof. Osvaldo

Mineração e a Crise do Sistema Colonial. Prof. Osvaldo Mineração e a Crise do Sistema Colonial Prof. Osvaldo Mineração No final do século XVII, os bandeirantes encontraram ouro na região de Minas Gerais Grande parte do ouro extraído era de aluvião, ou seja,

Leia mais

Expedição 1. 7º ANO_ PROFª BRUNA ANDRADE

Expedição 1. 7º ANO_ PROFª BRUNA ANDRADE Expedição 1. 7º ANO_ PROFª BRUNA ANDRADE O Brasil é considerado um país de dimensões CONTINENTAIS, pois sua área de 8.514.876 Km² é quase igual a do Continente Oceânico. Ele é o 5º país em extensão territorial

Leia mais

Colonização da América do Norte Formação dos Estados Unidos

Colonização da América do Norte Formação dos Estados Unidos Colonização da América do Norte Formação dos Estados Unidos A ocupação da América do Norte foi marcada por intensos conflitos entre ingleses e indígenas da região. Duas companhias de comércio foram autorizadas

Leia mais

TEMA F.1 O IMPÉRIO PORTUGUÊS E A CONCORRÊNCIA INTERNACIONAL

TEMA F.1 O IMPÉRIO PORTUGUÊS E A CONCORRÊNCIA INTERNACIONAL TEMA F.1 O IMPÉRIO PORTUGUÊS E A CONCORRÊNCIA INTERNACIONAL A partir de meados do séc. XVI, o Império Português do Oriente entrou em crise. Que fatores contribuíram para essa crise? Recuperação das rotas

Leia mais

a) Identifique e caracterize a situação histórica a que a charge se refere.

a) Identifique e caracterize a situação histórica a que a charge se refere. Revisão Específicas 1. (FUVEST) Observe esta charge: a) Identifique e caracterize a situação histórica a que a charge se refere. b) Explique quais são os principais elementos do desenho que permitem identificar

Leia mais

CAP. 1 BRASIL: FORMAÇÃO TERRITORIAL. Prof. Clésio

CAP. 1 BRASIL: FORMAÇÃO TERRITORIAL. Prof. Clésio CAP. 1 BRASIL: FORMAÇÃO TERRITORIAL Prof. Clésio 1 MOBILIDADE DAS FORNTEIRAS Tratado de Tordesilhas (1494) 2.800.000 km² Trecho oriental da América do Sul Brasil atual 8.514.876,5 km² 47,3% da superfície

Leia mais

História do Brasil Colônia

História do Brasil Colônia História do Brasil Colônia Aula VII Objetivo: a expansão e a consolidação da colonização portuguesa na América. A) A economia política da colônia portuguesa. Em O tempo Saquarema, o historiador Ilmar R.

Leia mais

A COLONIZAÇÃO INGLESA NA AMÉRICA. O processo de formação dos EUA

A COLONIZAÇÃO INGLESA NA AMÉRICA. O processo de formação dos EUA A COLONIZAÇÃO INGLESA NA AMÉRICA O processo de formação dos EUA Inglaterra X Portugal e Espanha A incursão dos ingleses no processo de colonização do continente americano conta com determinadas particularidades

Leia mais

Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA

Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 3ª Etapa 2012 Disciplina: HISTÓRIA Professora: ALESSANDRA PRADA Ano: 2012 Turma: 1º FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

EIXO TEMÁTICO I: HISTÓRIAS DE VIDA, DIVERSIDADE POPULACIONAL E MIGRAÇÕES.

EIXO TEMÁTICO I: HISTÓRIAS DE VIDA, DIVERSIDADE POPULACIONAL E MIGRAÇÕES. EIXO TEMÁTICO I: HISTÓRIAS DE VIDA, DIVERSIDADE POPULACIONAL E MIGRAÇÕES. Tema 1: Histórias de vida, diversidade populacional (étnica, cultural, regional e social) e migrações locais, regionais e intercontinentais

Leia mais

FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO

FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO É claro que o Brasil não brotou do chão como uma planta. O Solo que o Brasil hoje ocupa já existia, o que não existia era o seu território, a porção do espaço sob domínio,

Leia mais

COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO. Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção.

COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO. Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção. COLÉGIO O BOM PASTOR PROF. RAFAEL CARLOS SOCIOLOGIA 3º ANO Material Complementar Módulos 01 a 05: Os modos de produção. Modos de Produção O modo de produção é a maneira pela qual a sociedade produz seus

Leia mais

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo.

HISTÓRIA. Assinale a alternativa que preenche corretamente os parênteses da Coluna B, de cima para baixo. HISTÓRIA 37 Associe as civilizações da Antigüidade Oriental, listadas na Coluna A, às características políticas que as identificam, indicadas na Coluna B. 1 2 3 4 COLUNA A Mesopotâmica Fenícia Egípcia

Leia mais

PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA

PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA PROCESSO DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA TREZE COLÔNIAS Base de ocupação iniciativa privada: Companhias de colonização + Grupos de imigrantes = GRUPOS DISTINTOS [excedente da metrópole;

Leia mais

MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL

MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL MINERAÇÃO E REVOLTAS NO BRASIL COLONIAL Portugal: crises e dependências -Portugal: acordos comerciais com a Inglaterra; -Exportação de produtos brasileiros; -Tratado de Methuen: redução fiscal para os

Leia mais

500 anos: O Brasil- Um novo mundo na TV

500 anos: O Brasil- Um novo mundo na TV 500 anos: O Brasil- Um novo mundo na TV Episódio 3: Encontro no além-mar Resumo A série discute temas históricos, alternando a narrativa com encenações de bonecos animados que resgatam o contexto da época

Leia mais

Terra à vista! Nesta aula, utilizaremos os mapas para situar

Terra à vista! Nesta aula, utilizaremos os mapas para situar A U A U L L A Terra à vista! Nesta aula, utilizaremos os mapas para situar o lugar em que vivemos na superfície da Terra. Vamos verificar que os lugares são agrupados em grandes conjuntos chamados de continentes,

Leia mais

SÉCULO XVII A INGLATERRA INCENTIVOU A COLONIZAÇÃO DAS TERRAS NORTE- AMERICANAS INCENTIVANDO A VINDA DE EMIGRANTES INGLESES

SÉCULO XVII A INGLATERRA INCENTIVOU A COLONIZAÇÃO DAS TERRAS NORTE- AMERICANAS INCENTIVANDO A VINDA DE EMIGRANTES INGLESES A GUERRA DE INDEPENDÊNCIA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA ANTECEDENTES SÉCULO XVII A INGLATERRA INCENTIVOU A COLONIZAÇÃO DAS TERRAS NORTE- AMERICANAS INCENTIVANDO A VINDA DE EMIGRANTES INGLESES NESSA ÉPOCA

Leia mais

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO.

SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. 2 a Etapa H I S T Ó R I A SÓ ABRA QUANDO AUTORIZADO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS Leia atentamente o CARTAZ sobre ELIMINAÇÃO AUTOMÁTICA, afixado na parede da sala, à sua frente, e as instruções

Leia mais

Povos Pré- Colombianos. ETEC Diadema História 2 ano do Ensino Médio

Povos Pré- Colombianos. ETEC Diadema História 2 ano do Ensino Médio Povos Pré- Colombianos ETEC Diadema História 2 ano do Ensino Médio 1 Quando Colombo chegou à América, em 1492, encontrou o continente habitado há muito tempo por várias civilizações e povos. Os povos pré-colombianos

Leia mais

As Grandes navegações: a conquista da América e do Brasil. Descobrimento ou Conquista?

As Grandes navegações: a conquista da América e do Brasil. Descobrimento ou Conquista? As Grandes navegações: a conquista da América e do Brasil. Descobrimento ou Conquista? Navegar era preciso, era Navegar era preciso navegar... Por quê? O que motivou o expansionismo marítimo no século

Leia mais

Pontuação do bimestre

Pontuação do bimestre História- Goretti 8º ano Conteúdos do 4º bimestre: 1 - A Revolução Industrial OBS.: As atividades referentes ao conteúdo de Revolução Industrial foram apresentados no Estudo Dirigido do 3º. 2 A crise do

Leia mais

ASCENÇÃO DA BURGUESIA E O PACTO COLONIAL

ASCENÇÃO DA BURGUESIA E O PACTO COLONIAL Capítulo 1 No século XVI, a Península Ibérica se mostrava importantíssima para o capitalismo comercial. O Brasil funcionava como um pólo exportador de riquezas para todo o continente europeu, por intermédio

Leia mais

EXPANSÃO MARÍTIMA ESPANHOLA PORTUGAL - 1415 ESPANHA - 1492 POR QUÊ A ESPANHA DEMOROU PARA INICIAR A EXPANSÃO MARÍTIMA?

EXPANSÃO MARÍTIMA ESPANHOLA PORTUGAL - 1415 ESPANHA - 1492 POR QUÊ A ESPANHA DEMOROU PARA INICIAR A EXPANSÃO MARÍTIMA? EXPANSÃO MARÍTIMA ESPANHOLA PORTUGAL - 1415 ESPANHA - 1492 POR QUÊ A ESPANHA DEMOROU PARA INICIAR A EXPANSÃO MARÍTIMA? O ATRASO DA ESPANHA EM RELAÇÃO À PORTUGAL SE EXPLICA PELO FATO DE QUE A ESPANHA ESTAVA

Leia mais

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA

PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA EJA - Ensino Fundamental 2º Segmento GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS PLANO DE AULA/ROTINA DIÁRIA Fase/Ano: 4ª Fase -6º e 7º Ano Ano Letivo: 2014 Componente Curricular: História Professores do Estúdio: Cláudio

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação Geografia 8 o ano Unidade 5 5 Unidade 5 Nome: Data: 1. Sobre a formação do território dos Estados Unidos, marque V nas sentenças verdadeiras e F nas falsas. ( ) o espaço territorial

Leia mais

João Paulo I O NORDESTE COLONIAL. Professor Felipe Klovan

João Paulo I O NORDESTE COLONIAL. Professor Felipe Klovan João Paulo I O NORDESTE COLONIAL Professor Felipe Klovan A ECONOMIA AÇUCAREIRA Prof. Felipe Klovan Portugal já possuía experiência no plantio da cana-de-açúcar nas Ilhas Atlânticas. Portugal possuía banqueiros

Leia mais

+ Do que xxx e escadas

+ Do que xxx e escadas Reforço escolar M ate mática + Do que xxx e escadas Dinâmica 6 1º Série 2º Bimestre DISCIPLINA Série CAMPO CONCEITO Matemática Ensino Médio 1ª Campo Geométrico DINÂMICA + Do que xxx e escadas Razões trigonométricas

Leia mais

Cana-de-Açúcar. 1) Objetivo Geral

Cana-de-Açúcar. 1) Objetivo Geral Cana-de-Açúcar 1) Objetivo Geral Correlacionar o desenvolvimento brasileiro à cultura da cana-de-açúcar, visando à produção de combustível renovável e a biomassa, sem perder de vista a proteção ao meio

Leia mais