ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015"

Transcrição

1 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE ORÇAMENTO FEDERAL ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA VOLUME VI Orçamento de Investimento Quadros Orçamentários Consolidados Detalhamento da Programação Detalhamento das Ações Brasília, DF 2014

2 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal - SOF SEPN 516, Bloco "D" Lote Brasília, DF Telefone: (61) Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2015: projeto de lei orçamentária. - Brasília, v. em 8. Conteúdo: Mensagem presidencial - v.1 Texto do projeto de lei, quadros orçamentários consolidados, detalhamento da receita, legislação da receita e da despesa - v. 2 Consolidação dos programas de governo - v.3 Detalhamento das ações: Órgãos do Poder Legislativo, Tribunal de Contas da União, Órgãos do Poder Judiciário, Defensoria Pública da União, Ministério Público da União - v. 4 t. 1-2 Detalhamento das ações: órgãos do Poder Executivo, Presidência da República e ministérios (exceto MEC) - v. 5 Detalhamento das ações: órgaõs do Poder Executivo, Ministério da Educação - v.6 Orçamento de Investimento: quadros orçamentários consolidados, detalhamento de programação, detalhamento das ações. 1. Orçamento Federal. 2. Proposta Orçamentária. 3. Projeto de Lei I. Título. CDU: :354(81)"2011" CDD: Depósito legal na Biblioteca Nacional, conforme Dec. n , de 20 de dezembro de Impresso no Brasil / Printed in Brazil Brasília - DF

3 Presidenta da República Vice-Presidente da República Ministro Chefe da Casa Civil da Presidência da República Ministro Chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República Ministro Chefe da Secretaria de Relações Institucionais Ministro Chefe do Gabinete de Segurança Institucional Ministra Chefe da Secretaria de Políticas para as Mulheres Ministra Chefe da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial Ministra Chefe da Secretaria de Direitos Humanos Ministro Chefe da Secretaria de Portos Ministro Chefe da Secretaria de Comunicação Social Ministro Chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos Ministro Chefe da Secretaria de Aviação Civil Ministro Chefe da Secretaria da Micro e Pequena Empresa Advogado-Geral da União Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Ministro Chefe da Controladoria-Geral da União Ministro das Cidades Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação Ministro das Comunicações Ministra da Cultura Ministro da Defesa Ministro do Desenvolvimento Agrário Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Ministro da Educação Ministro do Esporte Ministro da Fazenda Ministro da Integração Nacional Ministro da Justiça Ministra do Meio Ambiente Ministro de Minas e Energia Ministro da Pesca e Aquicultura Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Ministro da Previdência Social Ministro das Relações Exteriores Ministro da Saúde Ministro do Trabalho e Emprego Ministro dos Transportes Ministro do Turismo Dilma Vana Rousseff Michel Temer Aloizio Mercadante Oliva Gilberto Carvalho Ricardo Berzoini José Elito Carvalho Siqueira Eleonora Menicucci de Oliveira Luiza Helena de Bairros Ideli Salvatti César Borges Thomas Traumann Marcelo Côrtes Neri Wellington Moreira Franco Guilherme Afif Domingos Luís Inácio Lucena Adams Neri Geller Jorge Hage Sobrinho Gilberto Magalhães Occhi Clelio Campolina Diniz Paulo Bernardo Silva Marta Suplicy Celso Amorim Miguel Soldatelli Rossetto Mauro Borges Lemos Tereza Helena Gabrielli Campello Henrique Paim Aldo Rebelo Guido Mantega Francisco José Coelho Teixeira José Eduardo Martins Cardozo Izabella Mônica Vieira Teixeira Edison Lobão Eduardo Benedito Lopes Miriam Aparecida Belchior Garibaldi Alves Filho Luiz Alberto Figueiredo Machado Arthur Chioro Manoel Dias Paulo Sérgio Passos Vinicius Nobre Lages

4

5 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO MINISTRA DE ESTADO Miriam Aparecida Belchior SECRETÁRIA-EXECUTIVA Eva Maria Cella Dal Chiavon DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE COORDENAÇÃO E GOVERNANÇA DAS EMPRESAS ESTATAIS Murilo Francisco Barella SECRETÁRIO DE ORÇAMENTO FEDERAL José Roberto Paiva Fernandes Júnior SECRETÁRIO DE ORÇAMENTO FEDERAL ADJUNTO Franselmo Araújo Costa SECRETÁRIO DE ORÇAMENTO FEDERAL ADJUNTO George Alberto de Aguiar Soares SECRETÁRIO DE ORÇAMENTO FEDERAL ADJUNTO Antônio Carlos Paiva Futuro DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE PROGRAMAS DA ÁREA ECONÔMICA Clayton Luiz Montes DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE PROGRAMAS ESPECIAIS Marcos de Oliveira Ferreira DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE PROGRAMAS DE INFRAESTRUTURA Zarak de Oliveira Ferreira DIRETOR DO DEPARTAMENTO DE PROGRAMAS SOCIAIS Felipe Daruich Neto

6

7 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA VOLUME VI ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO

8

9 SUMÁRIO GERAL VOLUME I - TEXTO DO PROJETO DE LEI, QUADROS ORÇAMENTÁRIOS E LEGISLAÇÃO DA RECEITA E DA DESPESA I - TEXTO DO PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA II - QUADROS ORÇAMENTÁRIOS CONSOLIDADOS 1 - QUADROS CONSOLIDADOS DA RECEITA E DA DESPESA 2 - QUADROS CONSOLIDADOS DA RECEITA 3 - QUADROS CONSOLIDADOS DA DESPESA 4 - MANUTENÇÃO E DESENVOLVIMENTO DO ENSINO (CF Art. 212) 5 - RESULTADO PRIMÁRIO E NOMINAL 6 - SERVIÇO DA DÍVIDA CONTRATUAL E MOBILIÁRIA 7 - FONTES DE FINANCIAMENTO DAS DESPESAS DO ORÇAMENTO DA SEGURIDADE SOCIAL 8 - AÇÕES DA SEGURIDADE SOCIAL III - RECEITA DOS ORÇAMENTOS FISCAL E DA SEGURIDADE SOCIAL IV - LEGISLAÇÃO DA RECEITA E DA DESPESA VOLUME II - CONSOLIDAÇÃO DOS PROGRAMAS DE GOVERNO VOLUME III - DETALHAMENTO DAS AÇÕES - PODER LEGISLATIVO - TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO - PODER JUDICIÁRIO - MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO ÓRGÃOS DO PODER LEGISLATIVO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO ÓRGÃOS DO PODER JUDICIÁRIO DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO VOLUME IV - TOMO I - DETALHAMENTO DAS AÇÕES - ÓRGÃOS DO PODER EXECUTIVO - (EXCLUSIVE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO) ÓRGÃOS DO PODER EXECUTIVO (EXCLUSIVE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO) PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA E MINISTÉRIOS VOLUME IV - TOMO II - DETALHAMENTO DAS AÇÕES - ÓRGÃOS DO PODER EXECUTIVO - (EXCLUSIVE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO) ÓRGÃOS DO PODER EXECUTIVO (EXCLUSIVE MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO) PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA E MINISTÉRIOS VOLUME V - DETALHAMENTO DAS AÇÕES - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ÓRGÃOS DO PODER EXECUTIVO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO VOLUME VI - ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO I - QUADROS ORÇAMENTÁRIOS CONSOLIDADOS II - DETALHAMENTO DA PROGRAMAÇÃO III - DETALHAMENTO DAS AÇÕES

10

11 ÍNDICE VOLUME VI ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO I - QUADROS ORÇAMENTÁRIOS 1 II - DETALHAMENTO DA PROGRAMAÇÃO... 5 Programas Temáticos Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS) Aviação Civil Combustíveis Comunicações para o Desenvolvimento, a Inclusão e a Democracia Energia Elétrica Petróleo e Gás Desenvolvimento Produtivo Política Nacional de Defesa Transporte Marítimo Programas de Gestão e Manutenção Programa de Gestão e Manutenção de Infraestrutura de Instituições Financeiras Oficiais Federais Programa de Gestão e Manutenção de Infraestrutura de Empresas Estatais Federais Programa de Gestão e Manutenção do Ministério de Minas e Energia III - DETALHAMENTO DAS AÇÕES MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO CENTRAIS DE ABASTECIMENTO DE MINAS GERAIS S.A. - CEASAMINAS COMPANHIA DE ARMAZÉNS E SILOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS - CASEMG CEAGESP - COMPANHIA DE ENTREPOSTOS E ARMAZÉNS GERAIS DE SÃO PAULO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO FINANCIADORA DE ESTUDOS E PROJETOS - FINEP MINISTÉRIO DA FAZENDA BANCO DA AMAZÔNIA S.A. - BASA SERVIÇO FEDERAL DE PROCESSAMENTO DE DADOS - SERPRO BANCO DO NORDESTE DO BRASIL S.A. - BNB CASA DA MOEDA DO BRASIL - CMB CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - CAIXA COBRA TECNOLOGIA S.A BANCO DO BRASIL S.A. - BB BBTUR - VIAGENS E TURISMO LTDA. - BB TURISMO EMPRESA GESTORA DE ATIVOS - EMGEA ATIVOS S.A. - SECURITIZADORA DE CRÉDITOS FINANCEIROS AGÊNCIA BRASILEIRA GESTORA DE FUNDOS GARANTIDORES E GARANTIAS S.A. - ABGF MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL - BNDES MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRO DE PESQUISAS DE ENERGIA ELÉTRICA - CEPEL ELETROBRAS TERMONUCLEAR S.A. - ELETRONUCLEAR CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S.A. - ELETROBRAS CENTRAIS ELÉTRICAS DO NORTE DO BRASIL S.A. - ELETRONORTE ELETROSUL CENTRAIS ELÉTRICAS S.A COMPANHIA HIDRO ELÉTRICA DO SÃO FRANCISCO - CHESF FURNAS - CENTRAIS ELÉTRICAS S.A PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS PETROBRAS DISTRIBUIDORA S.A. - BR ELETROBRAS PARTICIPAÇÕES S.A. - ELETROPAR COMPANHIA DE ELETRICIDADE DO ACRE - ELETROACRE COMPANHIA ENERGÉTICA DE ALAGOAS - CEAL COMPANHIA ENERGÉTICA DO PIAUÍ - CEPISA CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A. - CERON TRANSPORTADORA BRASILEIRA GASODUTO BOLÍVIA-BRASIL S.A. - TBG BOA VISTA ENERGIA S.A. - BVENERGIA AMAZONAS DISTRIBUIDORA DE ENERGIA S.A. - AME PETROBRAS TRANSPORTE S.A. - TRANSPETRO

12 ÍNDICE VOLUME VI ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO COMPANHIA DE GERAÇÃO TÉRMICA DE ENERGIA ELÉTRICA - CGTEE PETROBRAS LOGÍSTICA DE EXPLORAÇÃO E PRODUÇÃO S.A. - PB-LOG PETROBRAS NETHERLANDS B.V. - PNBV PETROBRAS INTERNATIONAL BRASPETRO B.V. - PIB BV TRANSPORTADORA ASSOCIADA DE GÁS S.A. - TAG LIQUIGÁS DISTRIBUIDORA S.A. - LIQUIGÁS STRATURA ASFALTOS S.A PETROBRAS BIOCOMBUSTÍVEL S.A. - PBIO COMPANHIA INTEGRADA TÊXTIL DE PERNAMBUCO - CITEPE COMPANHIA PETROQUÍMICA DE PERNAMBUCO - PETROQUÍMICASUAPE INNOVA S.A GÁS BRASILIANO DISTRIBUIDORA S.A. - GBD ENERGÉTICA CAMAÇARI MURICY I S.A. - ECM AREMBEPE ENERGIA S.A UIRAPURU TRANSMISSORA DE ENERGIA S.A TRANSMISSORA SUL BRASILEIRA DE ENERGIA S.A. - TSBE TRANSMISSORA SUL LITORÂNEA DE ENERGIA S.A. - TSLE ARAUCÁRIA NITROGENADOS S.A EMPRESA BRASILEIRA DE ADMINISTRAÇÃO DE PETRÓLEO E GÁS NATURAL S.A. - PRÉ-SAL PETRÓLEO S TRANSPETRO INTERNATIONAL B.V. - TI B.V MINISTÉRIO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL EMPRESA DE TECNOLOGIA E INFORMAÇÕES DA PREVIDÊNCIA SOCIAL - DATAPREV MINISTÉRIO DA SAÚDE EMPRESA BRASILEIRA DE HEMODERIVADOS E BIOTECNOLOGIA - HEMOBRÁS MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES COMPANHIA DOCAS DO MARANHÃO - CODOMAR MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES EMPRESA BRASILEIRA DE CORREIOS E TELÉGRAFOS - ECT TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. - TELEBRÁS MINISTÉRIO DA DEFESA EMPRESA GERENCIAL DE PROJETOS NAVAIS - EMGEPRON SECRETARIA DE AVIAÇÃO CIVIL EMPRESA BRASILEIRA DE INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA - INFRAERO SECRETARIA DE PORTOS COMPANHIA DOCAS DO CEARÁ - CDC COMPANHIA DOCAS DO ESPÍRITO SANTO - CODESA COMPANHIA DAS DOCAS DO ESTADO DA BAHIA - CODEBA COMPANHIA DOCAS DO ESTADO DE SÃO PAULO - CODESP COMPANHIA DOCAS DO PARÁ - CDP COMPANHIA DOCAS DO RIO DE JANEIRO - CDRJ COMPANHIA DOCAS DO RIO GRANDE DO NORTE - CODERN

13 I - QUADROS ORÇAMENTÁRIOS CONSOLIDADOS

14

15 Quadro Síntese do Orçamento de Investimento R$ 1,00 Quadro Síntese Recursos de Todas as Fontes Código / Especificação Total Despesas por Programa 0781 Programa de Gestão e Manutenção de Infraestrutura de Instituições Financeiras Oficiais Federais Programa de Gestão e Manutenção de Infraestrutura de Empresas Estatais Federais Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS) Aviação Civil Combustíveis Comunicações para o Desenvolvimento, a Inclusão e a Democracia Energia Elétrica Petróleo e Gás Desenvolvimento Produtivo Política Nacional de Defesa Transporte Marítimo Programa de Gestão e Manutenção do Ministério de Minas e Energia Despesas por Função 05 Defesa Nacional Previdência Social Saúde Agricultura Indústria Comércio e Serviços Comunicações Energia Transporte Despesas por Subfunção 122 Administração Geral Tecnologia da Informação Suporte Profilático e Terapêutico Produção Industrial Comercialização Serviços Financeiros Comunicações Postais Telecomunicações Conservação de Energia Energia Elétrica Combustíveis Minerais Biocombustíveis Transporte Aéreo Transporte Hidroviário Transportes Especiais Despesas por Função/SubFunção 05 Defesa Nacional Administração Geral Previdência Social Administração Geral Tecnologia da Informação Saúde Administração Geral Tecnologia da Informação Suporte Profilático e Terapêutico Agricultura Administração Geral Tecnologia da Informação Indústria Administração Geral Tecnologia da Informação Produção Industrial Comércio e Serviços Administração Geral Tecnologia da Informação Serviços Financeiros Comunicações Administração Geral Tecnologia da Informação Comunicações Postais Valor

16 Quadro Síntese do Orçamento de Investimento R$ 1,00 Quadro Síntese Despesas por Função/SubFunção Recursos de Todas as Fontes 722 Telecomunicações Energia Administração Geral Tecnologia da Informação Produção Industrial Comercialização Conservação de Energia Energia Elétrica Combustíveis Minerais Biocombustíveis Transporte Hidroviário Transportes Especiais Transporte Administração Geral Tecnologia da Informação Transporte Aéreo Transporte Hidroviário Transportes Especiais Despesas por Órgão Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação Ministério da Fazenda Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Ministério de Minas e Energia Ministério da Previdência Social Ministério da Saúde Ministério dos Transportes Ministério das Comunicações Ministério da Defesa Secretaria de Aviação Civil Secretaria de Portos Fontes de Financiamento Recursos de Capital - Orçamento de Investimento Recursos Próprios Geração Própria Recursos para aumento do Patrimônio Líquido Tesouro Direto Saldos de Exercícios Anteriores Controladora Operações de Crédito de Longo Prazo Internas Externas Outros Recursos de Longo Prazo Controladora

17 II - DETALHAMENTO DA PROGRAMAÇÃO

18

19 Programas Temáticos 7

20 8

21 Programas Temáticos R$ 1,00 PLDO , Anexo I, Inciso XIV Programa: Objetivo: 2015 Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS) Valor do Programa Constante no PLOA: Órgão: Recursos de Todas as Fontes Garantir assistência farmacêutica no âmbito do SUS Ministério da Saúde Iniciativa: Fornecimento de medicamentos hemoderivados para o SUS pela Hemobrás Ação Título Unidade Orçamentária Valor 146V Aquisição de Equipamentos para o Desenvolvimento e Incorporação de Processos e Produtos Hemoderivados e Biotecnológicos Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia - HEMOBRÁS Programa: 2017 Aviação Civil Valor do Programa Constante no PLOA: Objetivo: Órgão: Adequar a prestação dos serviços aeroportuários e a capacidade de processamento de aeronaves, passageiros e cargas à demanda existente e futura Secretaria de Aviação Civil Iniciativa: Adequação da Capacidade do Aeroporto Internacional Afonso Pena Ação Título Unidade Orçamentária Valor 1J93 Adequação do Aeroporto Internacional de Curitiba - Afonso Pena (PR) Iniciativa: Adequação da capacidade do Aeroporto Internacional de Campinas Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Ação Título Unidade Orçamentária Valor H34 Adequação do Aeroporto Internacional de Campinas - Viracopos (SP) Iniciativa: Adequação da capacidade do Aeroporto Internacional de Confins Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Ação Título Unidade Orçamentária Valor ZA Adequação do Aeroporto Internacional de Confins - Tancredo Neves (MG) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Iniciativa: Adequação da capacidade do Aeroporto Internacional de Fortaleza Ação Título Unidade Orçamentária Valor 10ZB Adequação do Aeroporto Internacional Pinto Martins - Fortaleza (CE) Iniciativa: Adequação da capacidade do Aeroporto Internacional de Porto Alegre Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Ação Título Unidade Orçamentária Valor LF Adequação do Aeroporto Internacional de Porto Alegre - Salgado Filho (RS) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Iniciativa: Adequação da capacidade do Aeroporto Internacional do Galeão Ação Título Unidade Orçamentária Valor 9

22 Programas Temáticos R$ 1,00 PLDO , Anexo I, Inciso XIV 7J01 Adequação do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão - Antonio Carlos Jobim (RJ) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Recursos de Todas as Fontes Iniciativa: Construção e Adequação das Infraestruturas Aeronáutica Civil e Aeroportuária de Interesse Federal Ação Título Unidade Orçamentária Valor 10Z9 Adequação do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes - Manaus (AM) LD Adequação do Aeroporto Internacional de Salvador - Dep. Luís Eduardo Magalhães (BA) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO V Ampliação da Infraestrutura do Aeroporto de Aracaju (SE) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO X Adequação do Aeroporto de Macaé (RJ) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO L Adequação da Infraestrutura Aeroportuária Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO F52 Adequação do Aeroporto de Goiânia (GO) F53 Adequação do Aeroporto Internacional de Macapá - Alberto Alcolumbre (AP) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO F54 Adequação do Aeroporto do Rio de Janeiro - Santos Dumont (RJ) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO F56 Adequação do Aeroporto Internacional de Florianópolis (SC) J95 Adequação do Aeroporto Internacional de Vitória - Eurico de Aguiar Salles (ES) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO J98 Adequação do Aeroporto Internacional de Cuiabá/Marechal Rondon (MT) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Manutenção da Infraestrutura Aeroportuária U24 Adequação do Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado - São Luís (MA) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária - INFRAERO Programa: 2022 Combustíveis Valor do Programa Constante no PLOA: Objetivo: Órgão: Ampliar a produção sustentável de biocombustíveis contribuindo para a adequada participação na matriz energética Ministério de Minas e Energia Iniciativa: Implantação e ampliação da capacidade de unidades produtoras de biodiesel, etanol e unidades esmagadoras 10

23 Programas Temáticos R$ 1,00 PLDO , Anexo I, Inciso XIV Recursos de Todas as Fontes Ação Título Unidade Orçamentária Valor 124I Modernização e Adequação da Usina de Biodiesel, em Candeias (BA) Petrobras Biocombustível S.A. - PBIO J Modernização e Adequação da Usina de Biodiesel, em Montes Claros (MG) Petrobras Biocombustível S.A. - PBIO N Modernização e Adequação da Usina de Biodiesel, em Quixadá (CE) Petrobras Biocombustível S.A. - PBIO Objetivo: Expandir e modernizar o parque nacional de refino e adequar a infraestrutura industrial no exterior, de modo a buscar atender integralmente o mercado interno de combustíveis com padrões de qualidade adequados e possibilitar seu comércio internacional. Órgão: Ministério de Minas e Energia Iniciativa: Desenvolvimento de mercados de combustíveis no exterior Ação Título Unidade Orçamentária Valor 4864 Adequação da Infraestrutura Industrial no Exterior Iniciativa: Implantação da Refinaria Abreu e Lima (PE) Petrobras International Braspetro B.V. - PIB BV Ação Título Unidade Orçamentária Valor P65 Implantação da Refinaria Abreu e Lima, em Recife (PE) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Implantação da Refinaria do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (COMPERJ) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 12O9 Implantação de Refinaria no Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro, com Capacidade Nominal de 150 mil bpd (RJ) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Implantação da Refinaria Premium II (CE) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 119J Implantação da Refinaria Premium II (CE) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Implantação da Refinaria Premium I (MA) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 117R Implantação da Refinaria Premium I (MA) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Implantação de Refinarias Ação Título Unidade Orçamentária Valor 125M Implantação da Refinaria Potiguar Clara Camarão (RN) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Manutenção, modernização e ampliação do parque de refino 11

24 Programas Temáticos R$ 1,00 PLDO , Anexo I, Inciso XIV Ação Título Unidade Orçamentária Valor Recursos de Todas as Fontes 146C 1C60 1I88 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria Alberto Pasqualini - REFAP, em Canoas (RS) Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria Isaac Sabbá - REMAN, em Manaus (AM) Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Unidade de Lubrificantes e Derivados de Petróleo do Nordeste - LUBNOR, em Fortaleza (CE) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Manutenção dos Sistemas de Controle Ambiental, de Segurança Industrial e de Saúde Ocupacional nas Atividades de Refino Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Manutenção da Infraestrutura Operacional do Parque de Refino Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização e ampliação da Refinaria de Paulínia - REPLAN (SP) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 3155 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria de Paulínia - REPLAN, em Paulínia (SP) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização e ampliação da Refinaria do Vale do Paraíba - REVAP (SP) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 3151 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria do Vale do Paraíba - REVAP, em São José dos Campos (SP) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização e ampliação da Refinaria Duque de Caxias - REDUC (RJ) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 3135 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria Duque de Caxias - REDUC, em Duque de Caxias (RJ) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização e ampliação da Refinaria Gabriel Passos - REGAP (MG) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 3143 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria Gabriel Passos - REGAP, em Betim (MG) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização e ampliação da Refinaria Presidente Bernardes - RPBC (SP) Ação Título Unidade Orçamentária Valor 3125 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria Presidente Bernardes - RPBC, em Cubatão (SP) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização e ampliação da Refinaria Presidente Getúlio Vargas - REPAR (PR) 12

25 Programas Temáticos R$ 1,00 PLDO , Anexo I, Inciso XIV Ação Título Unidade Orçamentária Valor Recursos de Todas as Fontes 3161 Modernização e Adequação do Sistema de Produção da Refinaria Presidente Getúlio Vargas - REPAR, em Araucária (PR) Objetivo: Otimizar a logística referente a petróleo e combustíveis, de forma a reduzir custos e favorecer sua comercialização e seu adequado fornecimento aos consumidores Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Órgão: Ministério de Minas e Energia Iniciativa: Expansão da frota marítima e hidroviária para transporte de petróleo, derivados, gás natural, biocombustíveis e petroquímicos e apoio logístico off-shore Ação Título Unidade Orçamentária Valor 1063 Aquisição de Navios em Estaleiros Nacionais Q Iniciativa: Construção de Barcaças e Empurradores para Movimentação de Etanol na Hidrovia Tietê - Paraná Petrobras Transporte S.A. - TRANSPETRO Petrobras Transporte S.A. - TRANSPETRO Implantação e expansão da malha dutoviária e de ativos logísticos para ampliação da capacidade de escoamento de petróleo, derivados e biocombustíveis Ação Título Unidade Orçamentária Valor R 111S Ampliação da Capacidade de Escoamento de GLP, de 0,5 MM t/ano para 1,6 MM t/ano, através dos Terminais da Ilha Redonda e da Ilha Comprida (RJ) Implantação de Terminal para Ampliação da Capacidade de Escoamento de GLP e C5+, de 1,3 MM m3/dia para 18,0 MM m3/dia, em Barra do Riacho (ES) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS SW Implantação de Sistema de Escoamento de Álcool (Ribeirão Preto-SP / REPLAN / Ilha Dágua-RJ) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS UN 152G 152H 1I92 Implantação de Melhorias no Terminal de São Sebastião e nos Oleodutos OSVAT e OSBAT (SP) Implantação de Infraestrutura Logística Dutoviária para Atendimento ao COMPERJ Implantação de Dutos de Escoamento de GLP e C5+, com Aproximadamente 70 Km de Extensão, da Unidade de Tratamento de Gás de Caraguatatuba para a Refinaria do Vale do Paraíba REVAP Construção de Pier para Navios de até 150 mil tpb, em São Sebastião (SP), e de Duto Associado, com Aproximadamente 130 Km, até Guararema (OSVAT 2 - Petróleo) (SP) Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Petróleo Brasileiro S.A. - PETROBRAS Iniciativa: Modernização, ampliação e adequação da infraestrutura logística de petróleo, derivados e biocombustíveis Ação Título Unidade Orçamentária Valor 2B38 Manutenção e Adequação de Embarcações Petrobras Transporte S.A. - TRANSPETRO D37 Manutenção e Adequação de Navios Transpetro International B.V. - TI B.V

Programas de Gestão e Manutenção

Programas de Gestão e Manutenção LDO2015, Anexo I, Inciso XIV Programa: 0781 Infraestrutura de Instituições Financeiras Oficiais do Programa Constante da LOA: 2.742.392.868 25000 Ministério da Fazenda 3252 Instalação de Pontos de Atendimento

Leia mais

ANEXO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA DE DISPÊNDIOS GLOBAIS DAS EMPRESAS ESTATAIS. Empresas do Setor Produtivo. Empresas do Setor Financeiro

ANEXO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA DE DISPÊNDIOS GLOBAIS DAS EMPRESAS ESTATAIS. Empresas do Setor Produtivo. Empresas do Setor Financeiro ANEXO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA DE DISPÊNDIOS GLOBAIS DAS EMPRESAS ESTATAIS Empresas do Setor Produtivo Empresas do Setor Financeiro EMPRESA DO SETOR PRODUTIVO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA

Leia mais

EXEMPLAR DE ASSINANTE DA IMPRENSA NACIONAL

EXEMPLAR DE ASSINANTE DA IMPRENSA NACIONAL EDIÇÃO EXTRA ISSN 1677-7042... Sumário Seção 1 Seção 1 Atos do Poder Legislativo LEI N o 13.053, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2014 Ano CLI N o - 242-A Brasília - DF, segunda-feira, 15 de dezembro de 2014 Altera

Leia mais

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO DAS EMPRESAS ESTATAIS - 2006. Principais Grupos

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO DAS EMPRESAS ESTATAIS - 2006. Principais Grupos Principais Grupos Empresas correntes 2003 2004 2005 2006 Realizado Realizado Realizado LOA Setor Produtivo Estatal 17.301 18.285 20.554 31.404 - Grupo PETROBRAS (No País) 13.839 14.960 16571 24.095 - Grupo

Leia mais

LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA 2007 ANEXO III RELAÇÃO DAS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES AO PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA 2007

LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA 2007 ANEXO III RELAÇÃO DAS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES AO PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA 2007 LEI DE DIRETRIZES ORÇAMENTÁRIAS PARA 2007 ANEXO III RELAÇÃO DAS INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES AO PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA 2007 XIX - Orçamento de Investimento, indicando, por empresa, as fontes de financiamento,

Leia mais

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2016

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2016 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE ORÇAMENTO FEDERAL ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2016 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA VOLUME VI Orçamento

Leia mais

ELETROBRAS Investimentos 1º bimestre

ELETROBRAS Investimentos 1º bimestre ELETROBRAS Investimentos 1º bimestre Ação Autorizado Realizado IMPLANTAÇÃO DA USINA TERMONUCLEAR DE ANGRA III, COM 1.309 MW (RJ) 2.110.817.554,00 78.423.005,00 DE ENERGIA ELÉTRICA NA REGIÃO NORDESTE 629.144.814,00

Leia mais

CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1,00

CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1,00 PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00 09 PREVIDÊNCIA SOCIAL 20.000.000 20 AGRICULTURA 2.118.000 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 867.840 25 ENERGIA 707.561.300 26 TRANSPORTE 112.420.091

Leia mais

ANEXO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA DE DISPÊNDIOS GLOBAIS DAS EMPRESAS ESTATAIS. Empresa do Setor Produtivo Empresa do Setor Financeiro

ANEXO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA DE DISPÊNDIOS GLOBAIS DAS EMPRESAS ESTATAIS. Empresa do Setor Produtivo Empresa do Setor Financeiro ANEXO DEMONSTRATIVO SINTÉTICO DO PROGRAMA DE DISPÊNDIOS GLOBAIS DAS EMPRESAS ESTATAIS Empresa do Setor Produtivo Empresa do Setor Financeiro EMPRESA DO SETOR PRODUTIVO ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO 2016 22000

Leia mais

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE ORÇAMENTO FEDERAL ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA VOLUME II Consolidação

Leia mais

Programas Temáticos. Programa: 2017. R$ 1,00 Recursos de todas as Fontes. LDO-2014, Anexo I, Inciso XIV

Programas Temáticos. Programa: 2017. R$ 1,00 Recursos de todas as Fontes. LDO-2014, Anexo I, Inciso XIV Programa: 2015 Aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS) do Programa Constante da LOA: 55.583.145 0726 Garantir assistência farmacêutica no âmbito do SUS. 36000 Ministério da Saúde 02SQ Fornecimento

Leia mais

Programa Temático 2053 Petróleo e Gás

Programa Temático 2053 Petróleo e Gás Programa Temático 2053 Petróleo e Gás Objetivo 0057 Implantar sistemas coordenados de exploração, produção e processamento de petróleo e gás natural, em terra e mar, com conteúdo local, bem como de transporte

Leia mais

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS ORÇAMENTO DA UNÃO EXERCÍCO FNANCERO DE 13 ORÇAMENTO DE NVESTMENTOS VOLUME V Quadro Síntese do Orçamento de nvestimento LDO-13, Anexo, nciso XX R$ 1, Código/Especificação VALOR Total da Despesa 11.65.735.863

Leia mais

CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1,00

CREDITO SUPLEMENTAR PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES - R$ 1,00 PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00 20 AGRICULTURA 58.000 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 5.450.000 25 ENERGIA 288.428.769 26 TRANSPORTE 400.712.362 TOTAL - GERAL 694.649.131

Leia mais

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE ORÇAMENTO FEDERAL ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2015 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA VOLUME IV Tomo II

Leia mais

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO - Exercício 2004 - Fontes de financiamento dos investimentos, por empresa... Página 1 de 9

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO - Exercício 2004 - Fontes de financiamento dos investimentos, por empresa... Página 1 de 9 Departamento de Coordenação e Controle das 22208 Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A. 6.0.0.0.00.00 Recursos de Capital - Orçamento de Investimento 9.547 6.1.0.0.00.00 Recursos Próprios 9.547

Leia mais

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS ORÇAMENTO DA UNÃO EXERCÍCO FNANCERO DE 13 ORÇAMENTO DE NVESTMENTOS VOLUME V VOLUME V Resumo das Fontes de Financiamento e da Despesa do Orçamento de nvestimento Programas Temáticos 1 5 15 17 5 33 53 55

Leia mais

EMPRESAS ESTATAIS FEDERAIS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA INVESTIMENTOS CONSOLIDADOS POR ORGÃO/UNIDADES. 1990 a 2014

EMPRESAS ESTATAIS FEDERAIS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA INVESTIMENTOS CONSOLIDADOS POR ORGÃO/UNIDADES. 1990 a 2014 S ESTATAIS FEDERAIS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA INVESTIMENTOS CONSOLIDADOS POR ORGÃO/UNIDADES 1990 a 2014 FEVEREIRO/2015 S ESTATAIS FEDERAIS RELATÓRIO RESUMIDO DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA

Leia mais

Promessa: Fortalecer as Empresas Estatais

Promessa: Fortalecer as Empresas Estatais Promessa: Fortalecer as Empresas Estatais A presente metodologia de avaliação considera que fortalecer uma empresa estatal significa elevar progressivamente seu valor de mercado. Esse cenário positivo

Leia mais

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2006 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2006 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA Mensagem Presidencial Projeto de Lei Orçamentária - 2006 Secretaria de Orçamento Federal Ministério do Planejamento REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA

Leia mais

VOLUME VI ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO

VOLUME VI ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO VOLUME VI ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO I - QUADROS ORÇAMENTÁRIOS CONSOLIDADOS Quadro Síntese do Orçamento de Investimento LDO - 2007, Anexo II, Inciso XIII. Código / Especificação VALOR Total da Despesa

Leia mais

TOTAL DO ORGAO : R$ 780.749.368 QUADRO SINTESE POR FUNCOES QUADRO SINTESE POR SUBFUNCOES

TOTAL DO ORGAO : R$ 780.749.368 QUADRO SINTESE POR FUNCOES QUADRO SINTESE POR SUBFUNCOES QUADRO SINTESE POR ORGAO 32000 MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA 780.749.368 6.0.0.0.00.00 RECURSOS DE CAPITAL - ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO 677.449.495 6.1.0.0.00.00 RECURSOS PRÓPRIOS 167.672.207 6.1.1.0.00.00

Leia mais

4.3 - CRÉDITOS ADICIONAIS AO ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO

4.3 - CRÉDITOS ADICIONAIS AO ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO 4.3 - CRÉDITOS ADICIONAIS AO ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO Fatores diversos verificados no decorrer do processo de execução do Orçamento de Investimento de 2009, como mudanças das condicionantes macroeconômicas,

Leia mais

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016:

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal - SOF SEPN 516, Bloco "D" Lote 08 70770-524 - Brasília, DF Telefone: (61) 2020 2000 Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento

Leia mais

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. Presidente da República Dilma Vana Rousseff. Vice-Presidencia da República Michel Miguel Elias Temer Lulia

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL. Presidente da República Dilma Vana Rousseff. Vice-Presidencia da República Michel Miguel Elias Temer Lulia 1 3 4 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Presidente da República Dilma Vana Rousseff Vice-Presidencia da República Michel Miguel Elias Temer Lulia Ministra de Estado Chefe da Casa civil da Presidência da

Leia mais

Resumo das Fontes de Financiamento e da Despesa do Orçamento de Investimento

Resumo das Fontes de Financiamento e da Despesa do Orçamento de Investimento Resumo das Fontes de Financiamento e da Despesa do Orçamento de nvestimento LDO-1, Anexo, nciso XX Código/Especificação R$ 1, Total da Despesa 9.6.7.5 VALOR Despesas por Programa 87 56 73 76 8 83 85 86

Leia mais

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº..., DE 2005 (Do Sr. Dep. Júlio Cesar)

REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº..., DE 2005 (Do Sr. Dep. Júlio Cesar) REQUERIMENTO DE INFORMAÇÃO Nº..., DE 2005 (Do Sr. Dep. Júlio Cesar) Senhor Presidente, Solicita informações ao Sr. Ministro-Chefe da Casa Civil a respeito da remuneração e das vantagens dos Presidentes

Leia mais

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS ORÇAMENTO DA UNÃO EXERCÍCO FNANCERO DE 11 ORÇAMENTO DE NVESTMENTOS VOLUME V Resumo das Fontes de Financiamento e da Despesa do Orçamento de nvestimento LDO-11, Anexo, nciso XX Código/Especificação R$ 1,

Leia mais

Empresas participantes do Programa Pró-equidade de Gênero e Raça 5ª edição

Empresas participantes do Programa Pró-equidade de Gênero e Raça 5ª edição Empresas participantes do Programa Pró-equidade de Gênero e Raça 5ª edição 1 AC Eletrobrás Distribuição Acre - Pública (Empresa de Economia Mista) 2 AL Eletrobrás Distribuição Alagoas Economia Mista 3

Leia mais

ANEXOS DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA - OI

ANEXOS DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA - OI ANEXOS DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA - OI Demonstrativo Consolidado por Função Demonstrativo Consolidado por Subfunção Demonstrativo Consolidado por Função/Subfunção Demonstrativo Consolidado por Programa Demonstrativo

Leia mais

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016:

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal - SOF SEPN 516, Bloco "D" Lote 08 70770-524 - Brasília, DF Telefone: (61) 2020 2000 Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento

Leia mais

ANEXO I SECRETARIA EXECUTIVA REPROGRAMAÇAO 2009

ANEXO I SECRETARIA EXECUTIVA REPROGRAMAÇAO 2009 ANEXO I EMPRESA : COBRA TECNOLOGIA S.A. DISPENDIOS DE CAPITAL 73.410.000 R E C E I TA S 550.887.000 I N V E S T I M E N TO S 21.000.000 RECEITA OPERACIONAL 500.000.000 AMORTIZACOES OPER.CRED. LP 50.000.000

Leia mais

EMPRESAS ESTATAIS FEDERAIS ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO - 2006

EMPRESAS ESTATAIS FEDERAIS ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO - 2006 Discriminação por Função PLOA Participação % Energia 37.212 89,2 Comércio e Serviços 2.969 7,1 Comunicações 632 1,5 Transporte 453 1,1 Indústria 269 0,6 Previdência Social 150 0,4 Agricultura 11 0,0 Total

Leia mais

I 4 - INV 4 90 0 495 110.099.314

I 4 - INV 4 90 0 495 110.099.314 PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 256.092.869 26 TRANSPORTE 468.989.333 TOTAL - GERAL 725.082.202 122 ADMINISTRAÇÃO GERAL 21.077.996 126 TECNOLOGIA

Leia mais

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016:

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal - SOF SEPN 516, Bloco "D" Lote 08 70770-524 - Brasília, DF Telefone: (61) 2020 2000 Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento

Leia mais

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO 2007 Execução Orçamentária das Empresas Estatais Balanço Geral da União

ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO 2007 Execução Orçamentária das Empresas Estatais Balanço Geral da União Ó R G Ã O Presidência da República 601.547.473 106.178.397 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento 5.328.300 4.594.775 Ministério da Ciência e Tecnologia 7.973.888 466.460 Ministério da Defesa

Leia mais

28/03/2014 a 27/03/2015 28/03/2015 a 27/03/2016. 24/07/2014 a 23/07/2015 24/07/2014 a 23/07/2015. 17/03/2011 a 16/03/2012 17/03/2015 a 17/03/2016

28/03/2014 a 27/03/2015 28/03/2015 a 27/03/2016. 24/07/2014 a 23/07/2015 24/07/2014 a 23/07/2015. 17/03/2011 a 16/03/2012 17/03/2015 a 17/03/2016 C O N T R A T O S DE I N T E G R A N T E S DO S I C O M COM A G Ê N C I A S DE P R O P A G A N D A 15.000.000,00 AGÊNCIA NACIONAL DE CINEMA - ANCINE DDB Brasil Publicidade Ltda 27/12/2013 a 26/12/2014

Leia mais

Rodoviário. O Modal. Logística. Brasil é um país voltado para

Rodoviário. O Modal. Logística. Brasil é um país voltado para O Modal Rodoviário Logística por José Luiz Portela Gómez O Brasil é um país voltado para o uso do modal rodoviário. Esse fato se deve às poucas restrições para a operação do crescimento da indústria automobilística

Leia mais

Anexo. Demonstrativo Sintético do Programa de Dispêndios Globais das Empresas Estatais

Anexo. Demonstrativo Sintético do Programa de Dispêndios Globais das Empresas Estatais Anexo Demonstrativo Sintético do Programa de Dispêndios Globais das Empresas Estatais Empresas do Setor Produtivo Anexo 175 20000 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA 20205 COMPANHIA DOCAS DO CEARÁ - CDC DISPENDIOS

Leia mais

"XI - custo médio por beneficiário, por unidade orçamentária, por órgão e por Poder, dos gastos com: a) assistência médica e odontológica;"

XI - custo médio por beneficiário, por unidade orçamentária, por órgão e por Poder, dos gastos com: a) assistência médica e odontológica; Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal ASSISTÊNCIA MÉDICA E ODONTOLÓGICA AOS SERVIDORES, EMPREGADOS E SEUS DEPENDENTES Lei nº 10.707, de 30 de julho de 2003, Inciso

Leia mais

TOTAL DA UNIDADE : R$ 10.182.580 QUADRO SINTESE POR PROGRAMAS ORGAO : 25000 - MINISTERIO DA FAZENDA ORGAO : 25000 - MINISTERIO DA FAZENDA

TOTAL DA UNIDADE : R$ 10.182.580 QUADRO SINTESE POR PROGRAMAS ORGAO : 25000 - MINISTERIO DA FAZENDA ORGAO : 25000 - MINISTERIO DA FAZENDA 495 RECURSOS DO ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO 11. 3 8 2. 5 8 0 TO TA L 11. 3 8 2. 5 8 0 QUADRO SINTESE POR RECEITA 6.0.0.0.00.00 RECURSOS DE CAPITAL - ORCAMENTO DE INVESTIMENTO 1.200.000 6.1.0.0.00.00 RECURSOS

Leia mais

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 1 Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 O Conselho de Administração aprovou o Plano de Negócios 2010-2014, com investimentos totais de US$ 224 bilhões, representando a média de US$ 44,8 bilhões

Leia mais

Techint Projetos no Brasil de 1943 a 2010

Techint Projetos no Brasil de 1943 a 2010 Organização Techint Projetos no Brasil de 943 a 200 O nosso compromisso com o desenvolvimento do país Projetos destacados TenarisConfab: Gasoduto Tupi de 90 km de tubos para gasoduto offshore localizado

Leia mais

PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTAÇÃO) Recurso de Todas as Fontes R$ 1,00

PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTAÇÃO) Recurso de Todas as Fontes R$ 1,00 ANXO I PROGRAMA TRABALHO (SUPLMNTAÇÃO) Recurso de Todas as ontes R$ 1,00 QUARO SINTS POR UNÇÃO 23 - Comércio e Serviços 503.000 25 - nergia 5.736.144.926 TOTAL GRAL 5.736.647.926 QUARO SINTS POR SUBUNÇÃO

Leia mais

Endereços das Secretarias Estaduais de Educação

Endereços das Secretarias Estaduais de Educação Endereços das Secretarias Estaduais de Educação ACRE MARIA CORRÊA DA SILVA Secretária de Estado da Educação do Acre Rua Rio Grande do Sul, 1907- Aeroporto Velho CEP: 69903-420 - Rio Branco - AC Fone: (68)

Leia mais

5.1.15. Função Energia

5.1.15. Função Energia 5.1.15. Função Energia A função Energia, bem como todas as ações nela executadas são essenciais para a economia brasileira. Todas as funções governamentais, econômicas ou não, dependem de um bom funcionamento

Leia mais

Concessões de Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica: Perguntas e Respostas

Concessões de Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica: Perguntas e Respostas Concessões de Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica: Perguntas e Respostas Perguntas mais frequentes sobre o marco institucional das Concessões Vincendas de Energia Elétrica Setembro

Leia mais

ENERGIAS ALTERNATIVAS E TECNOLOGIAS DE PRODUÇÃO LIMPAS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES

ENERGIAS ALTERNATIVAS E TECNOLOGIAS DE PRODUÇÃO LIMPAS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES ENERGIAS ALTERNATIVAS E TECNOLOGIAS DE PRODUÇÃO LIMPAS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES FONTES DE ENERGIA Hídrica Eólica Biomassa Solar POTENCIAL HÍDRICO Fonte: Eletrobras, 2011. APROVEITAMENTO DO POTENCIAL HIDRELÉTRICO

Leia mais

10º BALANÇO. Janeiro a Abril de 2010

10º BALANÇO. Janeiro a Abril de 2010 10º BALANÇO Janeiro a Abril de 2010 RESULTADOS DO PAC 70,7% dos recursos previstos até 2010 realizados R$ 463,9 bilhões 46,1% das ações concluídas R$ 302,5 bilhões AÇÕES Logística, Energia e Social e Urbano

Leia mais

Principais Projetos da Petrobras no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC)

Principais Projetos da Petrobras no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) Principais Projetos da Petrobras no Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) Rio de Janeiro, 23 de janeiro de 2007 PETRÓLEO BRASILEIRO S/A - PETROBRAS, [Bovespa: PETR3/PETR4, NYSE: PBR/PBRA, Latibex: XPBR/XPBRA,

Leia mais

El desarrollo del galvanizado general em Brasil em los últimos 5 años. Ulysses Nunes, Mangels - Brasil

El desarrollo del galvanizado general em Brasil em los últimos 5 años. Ulysses Nunes, Mangels - Brasil El desarrollo del galvanizado general em Brasil em los últimos 5 años Ulysses Nunes, Mangels - Brasil Mercado Galvanização Mercado Galvanização Mercado Galvanização Mercado Galvanização Desenvolvimento

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Gabinete do Ministro Assessoria Internacional

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Gabinete do Ministro Assessoria Internacional COORDENADORES REGIONAIS ACRE Josenir de Araújo Calixto Coordenador do Ensino Médio Coordenação de Ensino Médio Secretaria de Estado da Educação do Acre Rua Rio Grande do Sul, 1907 Aeroporto Velho 69903-420

Leia mais

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2014

ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2014 REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SECRETARIA DE ORÇAMENTO FEDERAL ORÇAMENTOS DA UNIÃO EXERCÍCIO FINANCEIRO 2014 PROJETO DE LEI ORÇAMENTÁRIA VOLUME III Detalhamento

Leia mais

ÍNDICE ANEXOS. 3.2 - Caracterização do Empreendedor... 1/4. a. Identificação do Empreendedor... 1/4. b. Informações sobre o Empreendedor...

ÍNDICE ANEXOS. 3.2 - Caracterização do Empreendedor... 1/4. a. Identificação do Empreendedor... 1/4. b. Informações sobre o Empreendedor... 2517-00-EIA-RL-0001-02 Março de 2014 Rev. nº 01 LT 500 KV MANAUS BOA VISTA E SUBESTAÇÕES ASSOCIADAS ÍNDICE 3.2 - Caracterização do Empreendedor... 1/4 a. Identificação do Empreendedor... 1/4 b. Informações

Leia mais

Perfil das Empresas Estatais Federais Ano-base 2010

Perfil das Empresas Estatais Federais Ano-base 2010 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria Executiva Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais DEST Perfil das Empresas Estatais Federais Ano-base Brasília 2011 PRESIDÊNCIA

Leia mais

As pressões da produção do pré-sal. brasileiro sobre o setor de refino nacional

As pressões da produção do pré-sal. brasileiro sobre o setor de refino nacional As pressões da produção do pré-sal brasileiro sobre o setor de refino nacional Yabiko R¹ Chicata F² Bone R³ Resumo: O artigo tem como objetivo analisar a capacidade produtiva atual do parque de refino

Leia mais

ÍNDICE HISTÓRICO BAHIA EM NÚMEROS INCENTIVOS MERCADO INFRA-ESTRUTURA NOVOS PROJETOS. Seminário Jurídico-Fiscal Brasil Round 6

ÍNDICE HISTÓRICO BAHIA EM NÚMEROS INCENTIVOS MERCADO INFRA-ESTRUTURA NOVOS PROJETOS. Seminário Jurídico-Fiscal Brasil Round 6 Seminário Jurídico-Fiscal Brasil Round 6 INFRA- ESTRUTURA PARA E&P NO ESTADO DA BAHIA Rio de Janeiro, 18 de março de 2004 ÍNDICE 1 HISTÓRICO 2 BAHIA EM NÚMEROS 3 INCENTIVOS 4 MERCADO 5 INFRA-ESTRUTURA

Leia mais

EXEMPLAR DE ASSINANTE DA IMPRENSA NACIONAL

EXEMPLAR DE ASSINANTE DA IMPRENSA NACIONAL ISSN 677-7042 Ano CL N o - 53 Brasília - DF, sexta-feira, 9 de agosto de 203 Sumário. PÁGINA Atos do Poder Executivo... Presidência da República... Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento...

Leia mais

Aeroportos Copa do Mundo 2014. 14 Dezembro 2009

Aeroportos Copa do Mundo 2014. 14 Dezembro 2009 Aeroportos Copa do Mundo 2014 14 Dezembro 2009 Belo Horizonte e Confins - MG 1. Aeroporto Internacional Tancredo Neves Confins 2. Aeroporto de Belo Horizonte/ Pampulha Carlos Drummond de Andrade Brasília

Leia mais

Unidade I: SEPN 515 - Bloco B - Ed. Ômega CEP: 70770-502 - Brasília - DF Telefone: (61) 3448-1000

Unidade I: SEPN 515 - Bloco B - Ed. Ômega CEP: 70770-502 - Brasília - DF Telefone: (61) 3448-1000 5. órgãos do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Unidade I: SEPN 515 - Bloco B - Ed. Ômega CEP: 70770-502 - Brasília - DF Telefone: (61) 3448-1000

Leia mais

NOTA TÉCNICA 63 2011 PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO DO PROJETO VIDA NO TRÂNSITO

NOTA TÉCNICA 63 2011 PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO DO PROJETO VIDA NO TRÂNSITO NOTA TÉCNICA 63 2011 PROPOSTA DE AMPLIAÇÃO DO PROJETO VIDA NO TRÂNSITO Repasse financeiro do Fundo Nacional de Saúde aos Fundos de Saúde Estaduais, Municipais e do Distrito Federal, por meio do Piso Variável

Leia mais

Governança Pública. O Desafio do Brasil. Contra a corrupção e por mais desenvolvimento. Governança de Municípios. Março/2015

Governança Pública. O Desafio do Brasil. Contra a corrupção e por mais desenvolvimento. Governança de Municípios. Março/2015 Governança Pública O Desafio do Brasil Contra a corrupção e por mais desenvolvimento Governança de Municípios Março/2015 João Augusto Ribeiro Nardes Ministro do TCU Sumário I. Introdução-OTCUeocombateàcorrupção

Leia mais

OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012

OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 (Estudo Técnico nº 175) François E. J. de Bremaeker Salvador, julho de 2012 2 OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo Associação

Leia mais

PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00

PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00 PROGRAMA DE TRABALHO (SUPLEMENTACAO) RECURSOS DE TODAS AS FONTES R$ 1,00 23 COMÉRCIO E SERVIÇOS 2.760.000 25 ENERGIA 178. 311. 716 26 TRANSPORTE 76.096.395 TOTAL GERAL 257. 168. 111 752 ENERGIA ELÉTRICA

Leia mais

Empresas participantes da 6ª Edição do Programa Pró-Equidade de Gênero e Raça:

Empresas participantes da 6ª Edição do Programa Pró-Equidade de Gênero e Raça: Empresas participantes da 6ª Edição do Programa Pró-Equidade de Gênero e Raça: 1. AC Eletrobras Distribuição Acre 2. AL Eletrobras Distribuição Alagoas 3. AL Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

II SEMINÁRIO NACIONAL PEQUENAS CENTRAIS HIDRELÉTRICAS E MICROGERAÇÃO

II SEMINÁRIO NACIONAL PEQUENAS CENTRAIS HIDRELÉTRICAS E MICROGERAÇÃO MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA II SEMINÁRIO NACIONAL PEQUENAS CENTRAIS HIDRELÉTRICAS E MICROGERAÇÃO Luiz Eduardo Barata Secretário-Executivo CÂMARA DOS DEPUTADOS Brasília, 22 de setembro de 2015 Energia

Leia mais

Página 1 de 8 IPI - Jurisdição - Regiões fiscais 18 de Maio de 2012 Em face da publicação da Portaria MF nº 203/2012 - DOU 1 de 17.05.2012, este procedimento foi atualizado (novas disposições - tópico

Leia mais

Energia e Infraestrutura

Energia e Infraestrutura 1 33º Encontro Econômico Brasil-Alemanha 2015 Energia e Infraestrutura Wagner Cardoso Gerente Executivo de Infraestrutura Confederação Nacional da Indústria Joinville, 22 de setembro de 2015 2 SUMÁRIO

Leia mais

PAC 2 superará em 72% a execução total do PAC 1

PAC 2 superará em 72% a execução total do PAC 1 EXECUÇÃO GLOBAL DO PAC 2 ATÉ OUTUBRO DE 2014 R$ 1,009 trilhão 91,3% do previsto até 2014 ATÉ DEZEMBRO DE 2014 R$ 1,066 trilhão 96,5% do previsto até 2014 PAC 2 superará em 72% a execução total do PAC 1

Leia mais

Infraestrutura Aeroportuária Copa do Mundo 2014

Infraestrutura Aeroportuária Copa do Mundo 2014 VI Seminário ALACPA de Pavimentos Aeroportuários e IV FAA Workshop Infraestrutura Aeroportuária Copa do Mundo 2014 28 Outubro 2009 Arq. Jonas M. Lopes INFRAERO Aeroportos - Copa do Mundo 2014 Belo Horizonte

Leia mais

Contas Regionais do Brasil 2010

Contas Regionais do Brasil 2010 Diretoria de Pesquisas Contas Regionais do Brasil 2010 Coordenação de Contas Nacionais frederico.cunha@ibge.gov.br alessandra.poca@ibge.gov.br Rio, 23/11/2012 Contas Regionais do Brasil Projeto de Contas

Leia mais

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Brasil 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Maurício Muniz Secretário do Programa de Aceleração do Crescimento SEPAC Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão PAC PROGRAMA DE ACELERAÇÃO

Leia mais

2.027,4 Mm 3 /d. Pilar x Cabo AL e PE 204 Km 12. 100 Kgf/cm 2. 2.618,9 Mm 3 /d

2.027,4 Mm 3 /d. Pilar x Cabo AL e PE 204 Km 12. 100 Kgf/cm 2. 2.618,9 Mm 3 /d Instalações de Transporte Características Físicas Atualizado em 22/07/2009 Sistema Nordeste GASODUTO GUAMARÉ x PECÉM - GASFOR Guamaré x Pecém RN e CE 213 Km e 171 Km 12 e 10 100 Kgf/cm 2 2.027,4 Mm 3 /d

Leia mais

Presidenta da República Federativa do Brasil Dilma Rousseff. Vice-Presidente Michel Temer. Ministro de Estado do Esporte Orlando Silva de Jesus Júnior

Presidenta da República Federativa do Brasil Dilma Rousseff. Vice-Presidente Michel Temer. Ministro de Estado do Esporte Orlando Silva de Jesus Júnior Presidenta da República Federativa do Brasil Dilma Rousseff Vice-Presidente Michel Temer Ministro de Estado do Esporte Orlando Silva de Jesus Júnior Secretário Executivo Waldemar Manoel Silva de Souza

Leia mais

Plano Plurianual DESENVOLVIMENTO, PRODUTIVIDADE E INCLUSÃO SOCIAL ANEXO II

Plano Plurianual DESENVOLVIMENTO, PRODUTIVIDADE E INCLUSÃO SOCIAL ANEXO II Plano Plurianual 216 219 DESENVOLVIMENTO, PRODUTIVIDADE E INCLUSÃO SOCIAL ANEXO II PROGRAMA: 21 - Aprimoramento do Ministério Público Orçamentos Fiscal e da Seguridade Social 82.71 268.863 Despesas Correntes

Leia mais

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016:

Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Orçamento Federal. Orçamentos da União exercício financeiro 2016: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal - SOF SEPN 516, Bloco "D" Lote 08 70770-524 - Brasília, DF Telefone: (61) 2020 2000 Brasil. Ministério do Planejamento, Orçamento

Leia mais

A CRISE ENERGÉTICA NO BRASIL: HISTÓRICO E SITUAÇÃO ATUAL

A CRISE ENERGÉTICA NO BRASIL: HISTÓRICO E SITUAÇÃO ATUAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA AGRÍCOLA DISCIPLINA: SEMINÁRIO IA A CRISE ENERGÉTICA NO BRASIL: HISTÓRICO E SITUAÇÃO ATUAL KENYA GONÇALVES NUNES ENGENHEIRA AGRÔNOMA

Leia mais

Política Energética Brasileira Panorama da Biomassa

Política Energética Brasileira Panorama da Biomassa Política Energética Brasileira Panorama da Biomassa MME Secretaria de Planejamento Energético Brasília Março de 2010 Roteiro 1. Cenário da Expansão 2. Características 3. Políticas Energéticas 4. Leilões

Leia mais

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S

MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S 1 MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA CENTRAIS ELÉTRICAS BRASILEIRAS S.A. - ELETROBRÁS TOMADA DE PREÇOS N 01/2010 ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 2 ÍNDICE 1. OBJETIVO...3 2. APRESENTAÇÃO DA EMPRESA...3 3. CONTEXTO...4

Leia mais

Pesquisa de Informações Básicas Estaduais 2012

Pesquisa de Informações Básicas Estaduais 2012 Pesquisa de Informações Básicas Estaduais 2012 Informações Básicas Recursos Humanos Foram pesquisadas as pessoas que trabalhavam na administração direta e indireta por vínculo empregatício e escolaridade;

Leia mais

INCENTIVOS E BENEFÍCIOS FISCAIS E FINANCEIROS

INCENTIVOS E BENEFÍCIOS FISCAIS E FINANCEIROS DIRETORIA DE GESTÃO DE FUNDOS E INCENTIVOS E DE ATRAÇÃO DE INVESTIMENTOS Coordenação-Geral de Incentivos e Benefícios Fiscais e Financeiros INCENTIVOS E BENEFÍCIOS FISCAIS E FINANCEIROS 1º DE JANEIRO DE

Leia mais

Anexo II - Programas de Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado

Anexo II - Programas de Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado Anexo II - Programas de Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados 3.185.780 9.806.513 Despesas Correntes 2.978.153 9.065.847 Despesas de Capital

Leia mais

PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados. PROGRAMA: 0551 - Atuação Legislativa do Senado Federal

PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados. PROGRAMA: 0551 - Atuação Legislativa do Senado Federal PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados 3.172.280 9.772.013 Despesas Correntes 2.964.653 9.031.347 Despesas de Capital 207.627 740.666 3.172.280 12.944.292 9.772.013 PROGRAMA: 0551

Leia mais

Inventar com a diferenca,

Inventar com a diferenca, Inventar com a diferenca, cinema e direitos humanos PATROCÍNIO APOIO REALIZAÇÃO Fundação Euclides da Cunha O que é Inventar com a diferença: cinema e direitos humanos O projeto visa oferecer formação e

Leia mais

Brasil. Oportunidades de Investimento Batimat 2011. Miriam Belchior. Ministra de Estado Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Brasil. Oportunidades de Investimento Batimat 2011. Miriam Belchior. Ministra de Estado Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Brasil Oportunidades de Investimento Batimat 2011 Miriam Belchior Ministra de Estado Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão BRASIL VIVE UM MOMENTO EXITOSO Quatro movimentos estruturais explicam

Leia mais

Sublimites estaduais de enquadramento para. Nacional 2012/2013. Vamos acabar com essa ideia

Sublimites estaduais de enquadramento para. Nacional 2012/2013. Vamos acabar com essa ideia Sublimites estaduais de enquadramento para o ICMS no Simples Nacional 2012/2013 Vamos acabar com essa ideia 4 CNI APRESENTAÇÃO Os benefícios do Simples Nacional precisam alcançar todas as micro e pequenas

Leia mais

COORDENAÇÕES ESTADUAIS DO ARTESANATO

COORDENAÇÕES ESTADUAIS DO ARTESANATO COORDENAÇÕES ESTADUAIS DO ARTESANATO ACRE Secretaria de Estado de Turismo e Lazer Endereço: Av. Chico Mendes, s/n - Arena da Floresta - Bairro Areal. CEP: 69.906-119 - Rio Branco - AC TEL: (68) 3901-3027/

Leia mais

VISAS CAPITAIS JULHO DE 2013. ARACAJÚ SE Atualizado em 23/07. BELÉM PA Atualizado em 10/07. BELO HORIZONTE MG Atualizado em 10/07

VISAS CAPITAIS JULHO DE 2013. ARACAJÚ SE Atualizado em 23/07. BELÉM PA Atualizado em 10/07. BELO HORIZONTE MG Atualizado em 10/07 VISAS CAPITAIS JULHO DE 2013 ARACAJÚ SE AVIO BATALHA DE BRITTO Coordenador de Vigilância Sanitária Municipal de Aracajú Rua Sergipe, nº 1310 - Bairro Siqueira Campos Aracaju SE CEP: 49075-540 TEL: (79)

Leia mais

ALTERAÇÕES PROPOSTAS PELA RELATORIA SETORIAL POR ÓRGÃO/PROJETO/ATIVIDADE/ OPERAÇÕES ESPECIAIS

ALTERAÇÕES PROPOSTAS PELA RELATORIA SETORIAL POR ÓRGÃO/PROJETO/ATIVIDADE/ OPERAÇÕES ESPECIAIS LTERÇÕES ROOSTS EL RELTORI IL OR ÓRGÃO/ROJETO/TIVIDDE/ OERÇÕES ESECIIS CONGRESSO NCIONL - COMISSÃO MIST DE LNOS, ORÇMENTOS ÚBLICOS E FISCLIZÇÃO Relatório Setorial - lterações da roposta Orçamentária para

Leia mais

Interior de SP. Mailing Jornais

Interior de SP. Mailing Jornais São Paulo AGORA SÃO PAULO BRASIL ECONÔMICO D.C.I. DESTAK (SP) DIÁRIO DO COMMERCIO (SP) DIÁRIO DE SÃO PAULO DIÁRIO DO GRANDE ABC EMPREGO JÁ (SP) EMPREGOS & CONCURSOS (SP) EMPRESAS & NEGÓCIOS (SP) FOLHA

Leia mais

Energia Elétrica Investimentos e Oportunidades. Junho 2011

Energia Elétrica Investimentos e Oportunidades. Junho 2011 Energia Elétrica Investimentos e Oportunidades Junho 2011 Agenda 1. O Sistema Eletrobras 2. Oportunidades no Brasil 3. Oportunidades no Exterior S/A A Eletrobras Maior empresa de energia elétrica da América

Leia mais

Investe São Paulo. Campinas, 17 de março de 2015

Investe São Paulo. Campinas, 17 de março de 2015 Investe São Paulo Campinas, 17 de março de 2015 Missão Ser a porta de entrada para novos investimentos e a expansão dos negócios existentes, gerando inovação tecnológica, emprego e renda. Promover a competitividade

Leia mais

Uma proposta da ISES do Brasil

Uma proposta da ISES do Brasil Uma proposta da ISES do Brasil INTRODUÇÃO: Aeroportos x Geração Fotovoltaica Características construtivas: praticamente horizontais, grandes áreas; Formadores de opinião e tomadores de decisão passam por

Leia mais

3. O Sistema Petrobras

3. O Sistema Petrobras 3. O Sistema Petrobras O Sistema Petrobras possui 56 bases de distribuição por todo o país, que são responsáveis por fornecer produtos para as distribuidoras, para que estas possam entregá-los no mercado.

Leia mais

Presidência da República

Presidência da República Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 12.914, DE 18 DEZEMBRO DE 2013 (publicada no DOU de 19/12/13, Seção 1, página 21) Abre ao Orçamento Fiscal da União, em favor

Leia mais

A importância do Investimento Privado na Concessão dos

A importância do Investimento Privado na Concessão dos A importância do Investimento Privado na Concessão dos Serviços Públicos Regulados Geraldo Villin Prado ABAR Mai/09 Demanda Anual de Investimentos no Brasil ENERGIA ELÉTRICA PETRÓLEO & GÁS (*) TRANSPORTES/

Leia mais

RELAÇÃO DAS VISAS ESTADUAIS ATUALIZADA EM 19 DE JUNHO DE 2012 ACRE AC

RELAÇÃO DAS VISAS ESTADUAIS ATUALIZADA EM 19 DE JUNHO DE 2012 ACRE AC RELAÇÃO DAS VISAS ESTADUAIS ATUALIZADA EM 19 DE JUNHO DE 2012 ACRE AC ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA Gerente Da Divisão De Vigilância Sanitária Estadual Rua Benjamim Constant, Nº 830, 4º Andar - Centro

Leia mais

ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA

ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA Visas Estaduais ACRE AC ALBERTINA MARIA DE SOUZA COSTA Gerente Da Divisão De Vigilância Sanitária Estadual Rua Benjamim Constant, Nº 830, 4º Andar - Centro CEP: 69908-520 Rio Branco AC Tel.: (68) 3215-2774

Leia mais