BACTOCOUNT IBC MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANTUENÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BACTOCOUNT IBC MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANTUENÇÃO"

Transcrição

1 MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANTUENÇÃO F Inclusão da substituição das válvulas Hamilton/adição de tubulação/unidade em cm Assis Rafael 25/05/12 E Inclusão da troca da haste sonificadora Rafael Assis 24/05/11 D Atualização de peças e nomenclatura das mesmas Assis Rafael 07/01/11 C Atualização de peças e Serviços Assis Assis 02/12/10 N o Descrição Prep. Aprov. Data REVISÕES Elaborador RAFAEL Verificador ASSIS Aprovado RAFAEL Rafael Castilha Data NOV/10 N o DOCUMENTO Resp. Técnico CREA 84365/D IBC-MD F. Rev.

2 BACTOCOUNT IBC MANTUENÇÃO PREVENTIVA KIT MANUTENÇÃO ÍNDICE 1. OBJETIVO APLICABILIDADE SERVIÇOS HARDWARE SOFTWARE VERIFICAÇÕES EXECUTADAS APÓS A MANUTENÇÃO MATERIAIS NECESSÁRIOS... 6 IBC-MD RF - KIT MANUTENÇÃO PREVENTIVA 2/6

3 BACTOCOUNT IBC MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT MANTEUNÇÃO 1. OBJETIVO Este memorial descritivo traz os serviços que devem ser executados anualmente no equipamento Bentley Bactocount IBC para boa conservação, vida útil e checagem do equipamento em caráter de manutenção preventiva. 2. APLICABILIDADE Para os serviços aqui listados; Recomenda-se a sua execução a cada ano de trabalho ou amostras, o que ocorrer primeiro. Os equipamentos Bactocount IBC hoje apresentam o controle de fluídos (bombas e seringas) de dois fabricantes, Cavro e Hamilton. Nos equipamentos mais novos, a tecnologia Hamilton esta sendo utilizada. A Bentley, sempre investindo em pesquisa e desenvolvimento para aprimoramento de seus equipamentos, em parceria com a Hamilton, desenvolveu adaptações de seringas utilizadas em equipamentos médicos de alta precisão para os equipamentos Bactocount IBC. As vantagens das seringas e bombas Hamilton estão na durabilidade (aumento significativo da vida útil dos componentes controladores dos fluídos) e menor custo de manutenção. Dessa forma, as partes de substituição e reposição dos equipamentos foram divididas em duas. A manutenção para equipamento Bentley Bactocount IBC com tecnologia Cavro e Bentley Bactocount IBC com tecnologia Hamilton. 3. SERVIÇOS Os serviços abaixo listados deverão ser executados por técnico qualificado Dairy Equipamentos, representante exclusivo da Bentley Instruments para o Brasil HARDWARE Substituição - Bentley Bactocount IBC / Cavro As respectivas partes abaixo listadas serão substituídas por partes novas originais de reposição Bentley em equipamentos com sistema de controle de fluídos (pumps) com tecnologia Cavro: Código Descrição Quantidade B Injetor do Citômetro IBC 1 B-4990 Câmara de sucção 5,0 ml IBC 1 IBC-MD RF - KIT MANUTENÇÃO PREVENTIVA 3/6

4 B Câmara de sucção 250µl IBC 1 B-4991 Câmara de sucção 2,5 ml IBC 1 B-5295 Vedador 2,5 ml 1 B-5272D Válvula 3-Portas IBC/Chems Reb 4 B-3656 Anel Vedador Cilindrico Cell IBC 4 B-3627 Anel Vedador Tubo Cell IBC 1 B-9011 Anel Vedador Valvula Homo Ext 1 B Valvula Checagem (Check Valve) 8 B A Valvula Solenoide 2 Saidas IBC (T2/T4) 2 B-8040-A Valvula Pinch S01 1 B-8041-A Valvula Pinch S02 1 B A Carrossel IBC 1 B-8054 Filtro em Tela Soma/IBC 2 B-5274 Tubulação Transparente 2100 cm B-4713 Tubulação de Teflon IBC 305 cm B-3761 Tubulação Plástica IBC 183 cm B-8071 Tubulação 1/32 Silicone cm B-8073 Tubulação 1/16 Silicone cm B-9001 Tubulação Plástica Soma/B2000/IBC 92 cm B-3685 Haste Vibratória Ultrasônica Substituição - Bentley Bactocount IBC / Hamilton As respectivas partes abaixo listadas serão substituídas por partes novas originais de reposição Bentley em equipamentos com sistema de controle de fluídos (pumps) com tecnologia Hamilton: Código Descrição Quantidade B Injetor do Citometro IBC 1 B Câmara de sucção 5,0 ml Hamilton STD 1 B Câmara de sucção 2,5 ml Hamilton STD 1 B Vedador 250µl Branco 1 B Vedador 2,5 ml 1 IBC-MD RF - KIT MANUTENÇÃO PREVENTIVA 4/6

5 B-3656 Anel Vedador Cilíndrico Cell IBC 4 B-3627 Anel Vedador Tubo Cell IBC 1 B-9011 Anel Vedador Valvula Homo Ext 1 B Válvula Checagem (Check Valve) 9 B A Válvula Solenoide 2 Saidas IBC (T2/T4) 2 B-8041-A Válvula Pinch S02 1 B-8040-A Válvula Pinch S01 1 B-4713 Tubulação de Teflon IBC 305 cm B-3518-A Carrossel IBC 1 B-8054 Filtro em Tela Soma/IBC 3 B-5274 Tubulação Transparente 2100 cm B-3761 Tubulação Plástica IBC 183 cm B-8071 Tubulação 1/32 Silicone cm B-8073 Tubulação 1/16 Silicone cm B-9001 Tubulação Plástica Soma/B2000/IBC 92 cm B-3685 Haste Vibratória Ultrasônica 2 B Válvula 3-portas Hamilton (P9 e P11) Serviço As partes listadas abaixo terão serviço de reparação, limpeza ou descontaminação executado in loco: Limpeza Reservatórios K1, K2 e K3; CIP de Choque; Limpeza Geral do Equipamento e Descontaminação; Checagem de todos os Sensores; Checagem de Mainfold; Checagem do Micropump (fluxo); Citometro de fluxo (flow cell) limpeza; Limpeza do Inlet Tubing; Alinhamento laser/flow cell; Verificação e Ajuste de todos os sensores e cursos (travels); 3.2. SOFTWARE As manutenções relativas ao software são de caráter preventivo e como o objetivo backup de dados. IBC-MD RF - KIT MANUTENÇÃO PREVENTIVA 5/6

6 Backup das configurações de registro; Verificação geral do software IBC ajustes, ganhos e parâmetros; Limpeza e Backup de Banco de Dados; Backup de Calibração; Limpeza e Backup de Usuários; Verificação geral micro computador controlador do IBC; Obs: Não contempla formatação do Sistema Operacional VERIFICAÇÕES EXECUTADAS APÓS A MANUTENÇÃO Os testes abaixo deverão ser executados após o termino da manutenção para liberação do equipamento. Checagem com amostra microesfera (dez amostras); Checagem de zeros com água purificada (vinte amostras); Checagem com leite de contagem conhecida (10 pilotos); Checagem com amostra controle (1 amostra em duplicata); Checagem de repetibilidade (mínimo 20 amostras em duplicata); Checagem de arraste (carry-over conforme manual do usuário); Checagem de reprodutibilidade (caso o laboratório possua mais que um equipamento); 3.4. MATERIAIS NECESSÁRIOS Todo material consumível (reagentes) incluindo amostra controle utilizado para execução dos testes descritos são de responsabilidade do Laboratório e deverá ser fornecida ao técnico executante do procedimento. A qualidade da água a ser analisada e utilizada para o preparo dos reagentes também são de responsabilidade do laboratório. IBC-MD RF - KIT MANUTENÇÃO PREVENTIVA 6/6

SISTEMA COMBINADO B2300 MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANUTENÇÃO

SISTEMA COMBINADO B2300 MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANUTENÇÃO MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANUTENÇÃO B Adequação de peças e serviços/inclusão troca das bases vedadoras Samuel Assis 29/05/12 N o Descrição Prep. Aprov. Data REVISÕES Elaborador ASSIS Verificador SAMUEL

Leia mais

BENTLEY COMBI B2300 MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANUTENÇÃO

BENTLEY COMBI B2300 MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANUTENÇÃO MANUTENÇÃO PREVENTIVA KIT DE MANUTENÇÃO N o Descrição Prep. Aprov. Data REVISÕES Elaborador ASSIS Verificador SAMUEL Aprovado RAFAEL Rafael Castilha Data JAN/11 N o DOCUMENTO Resp. Técnico CREA 84365/D

Leia mais

BACTOCOUNT IBC INSTRUÇÃO DE TRABALHO PARA LIMPEZA DO BANCO DE DADOS

BACTOCOUNT IBC INSTRUÇÃO DE TRABALHO PARA LIMPEZA DO BANCO DE DADOS BACTOCOUNT IBC PARA LIMPEZA DO BANCO DE DADOS N o Descrição Prep. Aprov. Data REVISÕES Elaborador SAMUEL Verificador RAFAEL Aprovado RAFAEL Rafael Castilha Data NOV/10 N o DOCUMENTO Resp. Técnico CREA

Leia mais

BACTOCOUNT IBC INSTRUÇÃO DE TRABALHO INICIALIZAÇÃO DO EQUIPAMENTO

BACTOCOUNT IBC INSTRUÇÃO DE TRABALHO INICIALIZAÇÃO DO EQUIPAMENTO INSTRUÇÃO DE TRABALHO INICIALIZAÇÃO DO EQUIPAMENTO B Inclusão do valor de referência para leitura das águas. ASSIS RAFAEL JAN/12 N o Descrição Prep. Aprov. Data REVISÕES Elaborador Verificador SAMUEL ASSIS.

Leia mais

SISTEMA DE INJEÇÃO ANTI-ESPUMANTE CTA 500

SISTEMA DE INJEÇÃO ANTI-ESPUMANTE CTA 500 SISTEMA DE INJEÇÃO ANTI-ESPUMANTE CTA 500 Manual do usuário Série: G Sistema de Injeção Anti-Espumante MAN-DE-CTA 500 Rev.: 2.00_08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso CTA 500. Para garantir o

Leia mais

BEM-VINDO À SÉRIE NEXGEN

BEM-VINDO À SÉRIE NEXGEN BEM-VINDO À SÉRIE NEXGEN O Bentley NexGen representa o resultado de mais de 20 anos de trabalho conjunto com nossos clientes. O Bentley NexGen representa a última palavra em tecnologia de ponta para análise

Leia mais

Equipamentos de Ordenha

Equipamentos de Ordenha Equipamentos de Ordenha Recomendações do Comitê de Equipamentos Conselho Brasileiro de Qualidade do Leite Comitê de Equipamentos Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) C755e Conselho Brasileiro

Leia mais

Uma Revolução Na Análise De Leite

Uma Revolução Na Análise De Leite Uma Revolução Na Análise De Leite O NOVO EQUIPAMENTO DA SÉRIE NEXGEN Bentley DairySpec FT Um equipamento robusto e de alta precisão desenvolvido para análise de produtos lácteos A Série NexGen da Benltey

Leia mais

MANUAL DA ESTAÇÃO DE TESTE DE VAZÃO

MANUAL DA ESTAÇÃO DE TESTE DE VAZÃO MANUAL DA ESTAÇÃO DE TESTE DE VAZÃO São Carlos Novembro de 2008 1 ÍNDICE 1) Introdução... 3 2) Inspeção... 3 3) Aplicação... 3 4) Dados técnicos... 3 5) Componentes principais e funções... 4 6) Advertências...

Leia mais

Gerenciamento de Impressões

Gerenciamento de Impressões Gerenciamento de Impressões Junte se ao prático! Gerenciamento de Impressão É a terceirização de todo o processo de impressão dentro da empresa, ou seja do ambiente de produção de documentos: impressoras,

Leia mais

SISTEMAS DE CALIBRAÇÃO PARA MONITORAMENTO DA QUALIDADE DO AR

SISTEMAS DE CALIBRAÇÃO PARA MONITORAMENTO DA QUALIDADE DO AR SISTEMAS DE CALIBRAÇÃO PARA MONITORAMENTO DA QUALIDADE DO AR Todo programa de monitoramento contínuo da qualidade do ar precisa de algum sistema que forneça uma garantia de que os valores medidos são válidos.

Leia mais

Analisadores de Tamanho e Forma das Partículas

Analisadores de Tamanho e Forma das Partículas Experiência - Inovação - Soluções Experiência - Inovação - Soluções Analisadores de Tamanho e Forma das Partículas Fabricação Desenvolvimento e Pesquisa Controle de Qualidade Laboratório Seu sócio nas

Leia mais

Contratos de Manutenção Mercedes-Benz para Veículos Comerciais. Bom para o seu veículo, rentável para o seu negócio. Mercedes-Benz

Contratos de Manutenção Mercedes-Benz para Veículos Comerciais. Bom para o seu veículo, rentável para o seu negócio. Mercedes-Benz Contratos de Manutenção Mercedes-Benz para Veículos Comerciais Bom para o seu veículo, rentável para o seu negócio. Mercedes-Benz Em um cenário competitivo, o sucesso não é determinado apenas pela oferta

Leia mais

BACTOCOUNT IBC EXPORTAÇÃO DE DADOS CONFIGURAÇÕES

BACTOCOUNT IBC EXPORTAÇÃO DE DADOS CONFIGURAÇÕES EXPORTAÇÃO DE DADOS CONFIGURAÇÕES N o Descrição Prep. Aprov. Data REVISÕES Elaborador ROSELITO Verificador SAMUEL Aprovado RAFAEL Rafael Castilha Data AGO/10 N o DOCUMENTO Resp. Técnico CREA 84365/D IBC-IT-01-002

Leia mais

Oil & Gas Service Center. Soluções integradas para o mercado de óleo e gás

Oil & Gas Service Center. Soluções integradas para o mercado de óleo e gás Oil & Gas Service Center Soluções integradas para o mercado de óleo e gás Alta produtivida ParkerStore Macaé Loja dedicada à oferecer suporte técnico, serviços profissionais, produtos inovadores e soluções

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS 1. INTRODUÇÃO As Faculdades mantidas pelo Instituto Educacional de Assis IEDA (Escola de Educação Física de Assis, Faculdade de Administração de Assis,

Leia mais

NOVO! Injetores Common Rail Teste, desmontagem e agora reparo

NOVO! Injetores Common Rail Teste, desmontagem e agora reparo NOVO! Injetores Common Rail Teste, desmontagem e agora reparo Reparos de Injetores Common Rail: Oportunidades para as Oficinas 3ª Fase Êmbolo (haste e válvula) 1ª Fase Bico Injetor 2ª Fase Esfera e anel

Leia mais

Elaborado por: Antônio do Amaral Batista Revisado por: Lilia Maria Razzolini Aprovado por: Andréa Cauduro de Castro

Elaborado por: Antônio do Amaral Batista Revisado por: Lilia Maria Razzolini Aprovado por: Andréa Cauduro de Castro POPE: B04 Página 1 de 7 1. Identificação do equipamento: 1.1 Nome: Analisador para eletroforese capilar automatizada. 1.2 Modelo: Capillarys Flex Piercing / SEBIA. 1.3 Número de série: Equipamento 5: SN

Leia mais

DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS

DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS Os dosadores de produtos químicos MixRite são acionados unicamente por meio da água, sem outro requerimento adicional de energia. Dosadores Um passo adiante tubos

Leia mais

M a n u a l d o M e c â n i c o

M a n u a l d o M e c â n i c o M a n u a l d o M e c â n i c o folder2.indd 1 20/11/2009 14 12 35 Manual do Mecânico GNV GÁS NATURAL VEICULAR Entenda o GNV e saiba quais os cuidados necessários para a manutenção de veículos que utilizam

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO Os equipamentos do Kit Chuva atendem as exigências da norma NBR 15527: Água de chuva - Aproveitamento de coberturas em áreas urbanas para fins não potáveis Requisitos. KIT CHUVA Filtro

Leia mais

COPASA Águas Minerais de Minas S/A

COPASA Águas Minerais de Minas S/A ANEXO I EDITAL 001/2009 CÓDIGOS/DETALHES DE ESPECIALIDADE DO CARGO DE AGENTE INDUSTRIAL Código: 01 Detalhe de Especialidade: Ajudante de Serviços Faixa Salarial: 1 Salário Base (R$): 465,00 Requisitos

Leia mais

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA C A T Á L O G O T É C N I C O SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA CAIXA D ÁGUA EM FIBRA DE VIDRO MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA A FORTLEV é a maior empresa produtora de soluções

Leia mais

Manual de Ativação de Licenças Windows 8

Manual de Ativação de Licenças Windows 8 Manual de Ativação de Licenças Windows 8 OUTUBRO/2012 Procedimento de inserção de uma nova chave de produto no momento da troca de placa-mãe de um equipamento utilizando Windows 8. MANUAL DE ATIVAÇÃO DE

Leia mais

ÍNDICE. 11. Instalação do CONTROLADOR ELETRO ELETRÔNICO E SENSORES...31. 13. Capa TÉRMICA...33

ÍNDICE. 11. Instalação do CONTROLADOR ELETRO ELETRÔNICO E SENSORES...31. 13. Capa TÉRMICA...33 ÍNDICE 1. PRODUTO SORIA...04 2. ALGUMAS VANTAGENS...05 3. PRODUTO SORIA...06 4. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS...07 5. KIT DE INSTALAÇÃO...08 6. ACESSÓRIOS...09 7. DIMENSIONAMENTO DOS COLETORES...10 8. Dimensionamento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DE SÃO FRANCISCO

PREFEITURA MUNICIPAL DE BARRA DE SÃO FRANCISCO Objetivo: Contratação de empresa para fornecimento de peças e serviços, para manutenção da frota de veículos desta municipalidade, confome Termo de Referência e Anexo I deste Edital. Lote: 00001 Item(*)

Leia mais

MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA

MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA A FORTLEV é a maior empresa de soluções para armazenamento de água no Brasil. Campeã de vendas no seu segmento, garante a liderança no mercado

Leia mais

Sistemas de dissolução Agilent 708-DS e 709-DS MELHOR DESIGN, MELHOR RESULTADO

Sistemas de dissolução Agilent 708-DS e 709-DS MELHOR DESIGN, MELHOR RESULTADO Sistemas de dissolução Agilent 708-DS e 709-DS MELHOR DESIGN, MELHOR RESULTADO Sistemas de dissolução Agilent 708-DS e 709-DS O NOVO PADRÃO Em colaboração com clientes farmacêuticos globais, a Agilent

Leia mais

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA C A T Á L O G O T É C N I C O SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA CAIXA D ÁGUA EM POLIETILENO MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA A FORTLEV é a maior empresa produtora de soluções

Leia mais

Trabalha nos diversos setores da indústria no Brasil, dentre os quais se destaca:

Trabalha nos diversos setores da indústria no Brasil, dentre os quais se destaca: HSO Hidráulica e Pneumática Ltda, e uma empresa constituída de engenheiros, técnicos e projetistas especializados nos setores de hidráulica e pneumática. Atuam fortemente na engenharia e desenvolvimento,

Leia mais

Pasve Válvula Retrátil Rotativa

Pasve Válvula Retrátil Rotativa Folha de Dados Pasve Ph Pasve Válvula Retrátil Rotativa PATENTEADA, única válvula desenhada para limpeza e calibração de sensores de PH sem removê-los do processo ou desligamento de bombas. Para uso de

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO DO SolarPRO XF

MANUAL DO PROPRIETÁRIO DO SolarPRO XF MANUAL DO PROPRIETÁRIO DO SolarPRO XF MODELO SB 001 NORMAS DE SEGURANÇA IMPORTANTES Leia todas as instruções ANTES de montar e utilizar este produto. GUARDE ESTE MANUAL Seu Aquecedor de Piscina foi projetado

Leia mais

Sistemas de Lubrificação MicroCoat

Sistemas de Lubrificação MicroCoat Sistemas de Lubrificação MicroCoat LISTA DE PEÇAS E ACESSÓRIOS Acessórios Sistema MicroCoat Suportes Suportes em Alumínio oferecem uma montagem conveniente, estável do controlador e do tanque reservatório.

Leia mais

ANALISADORES DE GASES

ANALISADORES DE GASES BGM BOMBA DE SUCÇÃO SÉRIE COMPACTA ANALISADORES DE GASES Descrição: Gera uma depressão no processo, succionando a amostra e criando a vazão exata para atender o tempo necessário de condicionamento do gás

Leia mais

Acreditar, investir, inovar e continuar acreditando e investindo: essa é a ethik

Acreditar, investir, inovar e continuar acreditando e investindo: essa é a ethik Acreditar, investir, inovar e continuar acreditando e investindo: essa é a ethik Veja aqui nossa linha de produtos líder no mercado nacional Representate: Alfa Mare Instrumentos Científicos e Médicos LTDA

Leia mais

ANEXO FUNÇÃO CONTROLE DE NÍVEL. ARVTi 2000. Adendo de uma função no software. Anexo Rev03.01 de 01/06/10

ANEXO FUNÇÃO CONTROLE DE NÍVEL. ARVTi 2000. Adendo de uma função no software. Anexo Rev03.01 de 01/06/10 ANEXO FUNÇÃO CONTROLE DE NÍVEL ARVTi 2000 Adendo de uma função no software Anexo Rev03.01 de 01/06/10 Direitos Reservados à Todas as informações contidas neste manual são de uso exclusivo da Equipamentos

Leia mais

FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E. Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção

FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E. Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção Página1 UTILIZAÇÃO FILTRO COALESCENTE PARA GLP FASE VAPOR MODELO : F G L 5000 E Manual de Informações Técnicas, Instalação e Manutenção Para remoção de Oleína (*) em sistemas que utilizam GLP. Segundo

Leia mais

LUPATECH S.A Unidade Metalúrgica Ipê

LUPATECH S.A Unidade Metalúrgica Ipê CAVITAÇÃO 1. Descrição: Para melhor entendimeto iremos descrever o fenomeno Cavitação Cavitação é o nome que se dá ao fenômeno de vaporização de um líquido pela redução da pressão, durante seu movimento.

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES WWW.ELGIN.COM.BR UMIDIFICADOR DE AR FGUA-03AZ-0 SAC: 0800 7035446 GDE. SÃO PAULO (11) 3383-5555

MANUAL DE INSTRUÇÕES WWW.ELGIN.COM.BR UMIDIFICADOR DE AR FGUA-03AZ-0 SAC: 0800 7035446 GDE. SÃO PAULO (11) 3383-5555 WWW.ELGIN.COM.BR MANUAL DE INSTRUÇÕES UMIDIFICADOR DE AR FGUA-03AZ-0 Atenção: antes de usar o produto leia cuidadosamente as instruções deste manual. SAC: 0800 7035446 GDE. SÃO PAULO (11) 3383-5555 VANTAGENS

Leia mais

EPS 617 Bancada de teste Diesel Eficiência e versatilidade

EPS 617 Bancada de teste Diesel Eficiência e versatilidade EPS 617 Bancada de teste Diesel Eficiência e versatilidade Características e vantagens da bancada EPS 617 Acessórios necessários para o uso da bancada. A nova bancada de teste Diesel Bosch EPS 617 apresenta

Leia mais

RESOLUÇÃO POLÍTICA DE ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E SOFTWARES.

RESOLUÇÃO POLÍTICA DE ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E SOFTWARES. RESOLUÇÃO CAS Nº 39 /2010, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2010 POLÍTICA DE ATUALIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E SOFTWARES. O CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO SUPERIOR, face ao disposto no Artigo 5º do Regimento Unificado das

Leia mais

Catálogo para reposição de peças. Compressores Sabroe SAB - 163 MK3

Catálogo para reposição de peças. Compressores Sabroe SAB - 163 MK3 Catálogo para reposição de peças Compressores Sabroe SAB - 163 MK3 YORK Refrigeration A YORK Refrigeration tem seu foco de atenção permanentemente voltado para o cliente. Por isso, montamos um portifólio

Leia mais

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA

SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA C A T Á L O G O T É C N I C O SOLUÇÕES FORTLEV PARA CUIDAR DA ÁGUA FILTRO PARA CAIXA D ÁGUA MUITO MAIS TECNOLOGIA E VERSATILIDADE PARA CUIDAR DA ÁGUA A FORTLEV é a maior empresa produtora de soluções para

Leia mais

Portfólio de Serviços

Portfólio de Serviços Portfólio de Serviços - Documentação - - Qualificação - Validação - Programa GWP - - - - - Suporte 24/7 - Locação Brasil 2012/2013 Mettler Toledo - Serviços Serviços para Processo, Laboratório, Industrial

Leia mais

REFERÊNCIA RÁPIDA PARA MANUTENÇÃO

REFERÊNCIA RÁPIDA PARA MANUTENÇÃO REFERÊNCIA RÁPIDA PARA MANUTENÇÃO AERONAVE EMB-202A IPANEMA Principais Cuidados com a Aeronave ASSISTÊNCIA TÉCNICA 2009 EMBRAER / NEIVA ATENÇÃO ESTE GUIA NÃO É UMA PUBLICAÇÃO TÉCNICA E, PORTANTO, NÃO CONSTITUI

Leia mais

Cód. J. Universal Cód. Original Qtde

Cód. J. Universal Cód. Original Qtde 48.0 48.0 - UC 48.0 - US 48.0 - SC 48.0 - SCR 48.1 - U 371MMB0 371MMB0 371MMB0 371MMB0 MB 6.9/9/9/917/936/963... / 180 DIESEL Completo MB 6.9/9/9/917/936/963... / 180 DIESEL c/ Cab. s/ Ret. MB 6.9/9/9/917/936/963...

Leia mais

Automação Hidráulica

Automação Hidráulica Automação Hidráulica Definição de Sistema hidráulico Conjunto de elementos físicos associados que, utilizando um fluido como meio de transferência de energia, permite a transmissão e o controle de força

Leia mais

Curso Avançado de Manutenção e Reparo em Impressoras e Copiadoras (Inicio em 08/08/2011)

Curso Avançado de Manutenção e Reparo em Impressoras e Copiadoras (Inicio em 08/08/2011) 1 de 8 12/8/2011 01:26 Curso Avançado de Manutenção e Reparo em Impressoras e Copiadoras (Inicio em 08/08/2011) Cursos EAD CAMRIC Recursos Módulo 5 - Bulk Ink Epson (Sistema Contínuo de Tinta) Seguir para...

Leia mais

Detalhamento Cód. 197511

Detalhamento Cód. 197511 DIR050 - Fluxo de elaboração e aprovação de POP s - NOVA VERSÃO (consolidado) v.1 Detalhamento Cód. 197511 POP: Administração de Dieta ao Recém Nascido por Sonda de Alimentação Enteral e Bomba de Infusão

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. No orçamento estimado estão relacionados os materiais, quantitativos e valores necessários para construção da estufa.

TERMO DE REFERÊNCIA. No orçamento estimado estão relacionados os materiais, quantitativos e valores necessários para construção da estufa. TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO A proposição do objeto deste Termo de Referência visa à contratação de Empresa de Engenharia Especializada para construção de uma estufa de plantas com telado em arcos, sistema

Leia mais

Apresentação Free Track

Apresentação Free Track Apresentação Free Track A Free Track é um resultado da união de um grupo de empresários que atua no segmento de rastreamento automotivo, sede própria com laboratório de desenvolvimento localizado na maior

Leia mais

SISTEMA DE CROMATOGRAFIA LIQUIDA

SISTEMA DE CROMATOGRAFIA LIQUIDA SISTEMA DE CROMATOGRAFIA LIQUIDA Sistema de Cromatografia Líquida de Alta Eficiência MODULAR, compatível com cromatografia líquida convencional e ultra-rápida com alta resolução, composto por: Bomba de

Leia mais

MANUTENÇÃO DOS MÓDULOS QUADRO DE IRRIGAÇÃO

MANUTENÇÃO DOS MÓDULOS QUADRO DE IRRIGAÇÃO 5- Manutenção MANUTENÇÃO DOS MÓDULOS Os módulos WallGreen são feitos de plástico injetado com alta resistência e proteção U.V. e não necessitam de nenhuma manutenção específica. Ocasionalmente pode acontecer

Leia mais

INTER. Engenharia e Equipamentos

INTER. Engenharia e Equipamentos Bomba Engrenagem Selo Mecânico Série 4000 General Purpose Pumps Vazão até 18.600 LPH, Pressões até 34 bar(g). Temperaturas até 260 Celsius. Viscosidades de até 100.000 cps Rotações de até 1.750 rpm. Construida

Leia mais

PROPOSTA DE MANUTENÇÃO EMPRESARIAL. UNION INFOTEC Av. Cesário de Melo, 4.408 Anexo (21) 2394-4371 / 3689-8145 / 98501-3648 / 96489-8502

PROPOSTA DE MANUTENÇÃO EMPRESARIAL. UNION INFOTEC Av. Cesário de Melo, 4.408 Anexo (21) 2394-4371 / 3689-8145 / 98501-3648 / 96489-8502 PROPOSTA DE MANUTENÇÃO EMPRESARIAL UNION INFOTEC Av. Cesário de Melo, 4.408 Anexo (21) 2394-4371 / 3689-8145 / 98501-3648 / 96489-8502 PROPOSTA COMERCIAL PARA EMPRESAS Viemos através desta, ofertar o serviço

Leia mais

O primeiro passo para a saúde de bebês prematuros é a nutrição.

O primeiro passo para a saúde de bebês prematuros é a nutrição. Análise de Leite Humano O primeiro passo para a saúde de bebês prematuros é a nutrição. Analise com Miris. E faça cada gota valer a pena. Analise com Miris. E faça cada gota valer a pena. A medicina neonatal

Leia mais

ÍNDICE MANUTENÇÃO PREVENTIVA COMO PEDIR PEÇAS DE REPOSIÇÃO

ÍNDICE MANUTENÇÃO PREVENTIVA COMO PEDIR PEÇAS DE REPOSIÇÃO Este manual ajudará você a familiarizar-se com a sua Empilhadeira Manual BYG. Facilitará também, possíveis manutenções periódicas. Recomendamos uma atenção especial para utilização do equipamento, antes

Leia mais

Descritivo de produto. Fornecedor. www.velp.com

Descritivo de produto. Fornecedor. www.velp.com Descritivo de produto Fornecedor www.velp.com Unidade de Destilação Kjeldahl UDK169 Sistema com amostrador automático para destilações Kjeldahl com titulador colorimétrico DESCRIÇÃO A unidade de destilação

Leia mais

Esse catálogo compreende motores e geradores com funcionamento diesel.

Esse catálogo compreende motores e geradores com funcionamento diesel. Esse catálogo compreende motores e geradores com funcionamento diesel. ÍNDICE BLOCO MOTOR E COMPONENTES... 01 CABEÇOTE E COMPONENTES - COMANDO DE VÁLVULAS... 02 VIRABREQUIM E COMPONENTES SISTEMA DE ARRANQUE...

Leia mais

Integração de Sistemas Automotivos. Reposição / Aftermarket. Experiência e inovação

Integração de Sistemas Automotivos. Reposição / Aftermarket. Experiência e inovação Integração de Sistemas Automotivos Reposição / Aftermarket Experiência e inovação VOSS AUTOMOTIVE - Referência no segmento O sucesso da Voss, no Brasil e no mundo, se deve a uma rara e feliz combinação

Leia mais

AMBIENTAL MS PROJETOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS

AMBIENTAL MS PROJETOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS AMBIENTAL MS PROJETOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA PLUVIAL MS TAC 4000 REV.02 2 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO AO SISTEMA DE TRATAMENTO PARA REUSO....

Leia mais

PLANO DIRETOR PARA COMBATE ÀS PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DE ÁGUA

PLANO DIRETOR PARA COMBATE ÀS PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DE ÁGUA PLANO DIRETOR PARA COMBATE ÀS PERDAS EM SISTEMAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO DE ÁGUA A PERDA DE ÁGUA NO ABASTECIMENTO PÚBLICO O índice de perdas é um dos principais indicadores da eficiência da operação dos

Leia mais

FABR B I R CA C ÇÃO E E CONT N ROLE L DE QUALIDADE DE MEIOS DE E CU C LTURA

FABR B I R CA C ÇÃO E E CONT N ROLE L DE QUALIDADE DE MEIOS DE E CU C LTURA FABRICAÇÃO E CONTROLE DE QUALIDADE DE MEIOS DE CULTURA A Laborclin, sabendo do comprometimento e preocupação que seus clientes tem com a Qualidade de suas Análises tem investido muito na melhoria de seus

Leia mais

FILTRO COALESCENTE TRANSPARENTE MST 3

FILTRO COALESCENTE TRANSPARENTE MST 3 FILTRO COALESCENTE TRANSPARENTE MST 3 1 - INTRODUÇÃO 1.1. - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações de funcionamento, instalação, operação e manutenção dos filtros MS-série T ( Transparente

Leia mais

Descritivo de produto. Fornecedor. www.velp.com

Descritivo de produto. Fornecedor. www.velp.com Descritivo de produto Fornecedor www.velp.com Unidade de Destilação Kjeldahl UDK129 Destilador básico para destilações Kjeldahl DESCRIÇÃO A unidade de destilação UDK129 foi projetada para atender diversas

Leia mais

Normas da ABNT precisam ser seguidas

Normas da ABNT precisam ser seguidas Normas da ABNT precisam ser seguidas Além das leis ambientais e toda a burocracia que o negócio da revenda exige, o revendedor precisa realizar os procedimentos de acordo com as normas da Associação Brasileira

Leia mais

considerando o disposto no Regulamento Técnico, aprovado pela RDC/Anvisa nº. 154 de 15 de junho de 2004, republicada em 31 de maio de 2006;

considerando o disposto no Regulamento Técnico, aprovado pela RDC/Anvisa nº. 154 de 15 de junho de 2004, republicada em 31 de maio de 2006; RESOLUÇÃO DA DIRETORIA COLEGIADA - RDC Nº 33, DE 3 DE JUNHO DE 2008 Dispõe sobre o Regulamento Técnico para planejamento, programação, elaboração, avaliação e aprovação dos Sistemas de Tratamento e Distribuição

Leia mais

ESI[tronic] Ferramenta de eficiência. EE Operação simples. EE Acesso rápido EE Ampla cobertura de mercado EE Atualização constante

ESI[tronic] Ferramenta de eficiência. EE Operação simples. EE Acesso rápido EE Ampla cobertura de mercado EE Atualização constante ESI[tronic] Ferramenta de eficiência EE Operação simples EE Acesso rápido EE Ampla cobertura de mercado EE Atualização constante ESI[tronic] Muito mais que um catálogo de peças. Todo o conhecimento técnico

Leia mais

Pulverizadores costais manuais. Prof.: Brandão

Pulverizadores costais manuais. Prof.: Brandão Pulverizadores costais manuais Prof.: Brandão PULVERIZADORES COSTAIS Operação Manutenção Regulagem da pulverização PJH O QUE É UM PULVERIZADOR COSTAL MANUAL? - Os pulverizadores Costais Manuais são equipamentos

Leia mais

INTRODUÇÃO. Parabéns pela sua escolha.

INTRODUÇÃO. Parabéns pela sua escolha. WWW.POWERCAR.COM.BR INTRODUÇÃO Parabéns pela sua escolha. O Módulo Power Flex é um sofisticado conversor de combustível micro processado para veículos. Ele foi desenvolvido especialmente para oferecer

Leia mais

Barreto. Certificado de garantia

Barreto. Certificado de garantia Barreto Certificado de garantia Certificamos que o equipamento (macaco hidráulico BNB de 30 ou 60 tons); passaram pelos testes característicos de construção conforme modelo e capacidade, em nossa fábrica,

Leia mais

Recomendações Importantes sobre as tintas Saturno

Recomendações Importantes sobre as tintas Saturno Recomendações Importantes sobre as tintas Saturno A Saturno é uma empresa com mais de 60 anos de experiência na fabricação de tintas e vernizes para diversos segmentos da comunicação visual e decoração

Leia mais

VÁLVULAS BORBOLETA COM SEDE RESILIENTE MANUAL DE SEGURANÇA

VÁLVULAS BORBOLETA COM SEDE RESILIENTE MANUAL DE SEGURANÇA VÁLVULAS BORBOLETA COM SEDE RESILIENTE MANUAL DE SEGURANÇA The High Performance Company ÍNDICE 1.0 Introdução...1 1.1 Termos e abreviações... 1 1.2 Acrônimos... 1 1.3 Suporte ao produto... 2 1.4 Literatura

Leia mais

Simplificando a TECNOLOGIA

Simplificando a TECNOLOGIA 3 Simplificando a TECNOLOGIA SEGURANÇA DESENVOLVIMENTO BANCO DE DADOS S O L U Ç Õ ES E M T E C N O L O G I A MISSÃO VISÃO Contribuir com o sucesso dos Clientes através da Ser a melhor provedora de Soluções

Leia mais

Bomba injetora: todo cuidado é pouco

Bomba injetora: todo cuidado é pouco Bomba injetora: todo cuidado é pouco Bomba injetora: todo cuidado é pouco Veja como identificar os problemas da bomba injetora e retirá-la corretamente em casos de manutenção Carolina Vilanova A bomba

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Setor de Ciências Agrarias

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Setor de Ciências Agrarias ATIBUIÇÕES DO SETOR DE INFORMÁTICA Segue abaixo as atribuições atualizadas da Comissão de Informática do SETOR AGRÁRIAS: 1. Manter e verificar os equipamentos de informática ligados ao campus, bem como,

Leia mais

Área: UTE - Pampa Subsistema:

Área: UTE - Pampa Subsistema: Carregamento Pequeno vazamento de diesel em conexões, tubo e mangote. -Vazamento em mangote, conexões, flanges, válvulas, instrumentos. A II RM A I RB A I RB tubulação - Atender as exigências da requisição

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES SIMPLE MEC-316. EASY (Autolimpante)

MANUAL DE INSTRUÇÕES SIMPLE MEC-316. EASY (Autolimpante) MANUAL DE INSTRUÇÕES SIMPLE MEC-316 EASY (Autolimpante) ATENÇÃO: Para manter o fluxo de água e o bom funcionamento do filtro, é fundamental observar periodicamente o controle do nível de impurezas contidas

Leia mais

Experimento. Técnicas de medição de volumes em Laboratório. Prof. Honda Experimento Técnicas de medição de volumes em Laboratório Página 1

Experimento. Técnicas de medição de volumes em Laboratório. Prof. Honda Experimento Técnicas de medição de volumes em Laboratório Página 1 Experimento Técnicas de medição de volumes em Laboratório Objetivo: Conhecer os materiais volumétricos e as técnicas de utilização desses materiais. I. Introdução teórica: Medir volumes de líquidos faz

Leia mais

FIAT - UNO 1.5 / 1.6 - SEVEL

FIAT - UNO 1.5 / 1.6 - SEVEL FIAT FIAT - UNO.5 /.6 - SEVEL CABEÇOTE SEVEL.5 ALC/GAS. CABEÇOTE SEVEL.6 ALC/GAS 40.50-SC Nº ORIG.7.508.62 40.60-SC Nº ORIG.7.677.005 VÁLVULA SUPERIOR 500 CARTER.5/.6 40.526-CB Nº ORIG.7.797.034 40.56-CB

Leia mais

ULITEC-1000 LIMPA TANQUE

ULITEC-1000 LIMPA TANQUE MANUAL DE INSTRUÇÕES ULITEC-1000 LIMPA TANQUE MOTOR ELÉTRICO / MOTOR A GASOLINA APRESENTAÇÃO A DOCTOR DIESEL parabeniza-o(s) pela aquisição do(s) produto(s) de nossa fabricação, pois ao investir em tecnologia

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS AEJ - ASSOCIAÇÃO EDUCACIONAL DE JAÚ CNPJ 05.311.136/0001-36 FACULDADE JAUENSE PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS JAÚ/2012 MANUTENÇÃO E ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DA FAJAU

Leia mais

MODELO Em linha WEENKEND PÁLIO 16 V STRADA IDEA PALIO PALIO UNO

MODELO Em linha WEENKEND PÁLIO 16 V STRADA IDEA PALIO PALIO UNO GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria da Administração Superintendência de Serviços Administrativos Grupo de Trabalho Port.Conjunta SAEB/SEFAZ/SEPLAN/CASA CIVIL/PGE Nº01 DE 2009 TABELA TEMPÁRIA DE SERVIÇO

Leia mais

- Cilindro Pneumático ISO

- Cilindro Pneumático ISO de Instalação, Operação e Manutenção Janeiro 2000 - ISO Série P1E (Tubo Perfilado) 32 a 100 mm Índice Introdução... 1 Características Técnicas... 1 Características Construtivas... 1 Instalação... 2 Manutenção...

Leia mais

Conheça o Sistema Flex da Peugeot, interessante - por HUGOMELO

Conheça o Sistema Flex da Peugeot, interessante - por HUGOMELO Conheça o Sistema Flex da Peugeot, interessante - por HUGOMELO Conheça as características e os procedimentos para manutenção e diagnóstico do sistema de injeção eletrônica dos motores 1.4 e 1.6 bicombustíveis

Leia mais

Relógios www.internacionalferramentas.com.br

Relógios www.internacionalferramentas.com.br Relógios Relógio Comparador Digital Dígitos grandes, com 9mm de altura Resolução: 0,01mm/.0005. Sete teclas: Liga/desliga, tolerância, set, zero absoluto/incremental,range (congelamento), direção de contagem

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS DE REDE

ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS DE REDE ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS DE REDE Introdução O administrador de redes geovanegriesang@ifsul.edu.br www.geovanegriesang.com Gerenciamento de redes Gerenciamento de rede é o ato de iniciar, monitorar e modificar

Leia mais

Atuador rotativo. Série 8604/1. Manual de instruções BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR

Atuador rotativo. Série 8604/1. Manual de instruções BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR BR Atuador rotativo Manual de instruções Additional languages www.stahl-ex.com Índice 1 Informações Gerais...3 1.1 Fabricante...3 1.2 Informações relativas ao manual de instruções...3 1.3 Outros documentos...3

Leia mais

Rebaixamento do Lençol Freático

Rebaixamento do Lençol Freático Rebaixamento do Lençol Freático Índice 1. Rebaixamento por Poços 2. Bombas Submersas 3. Rebaixamento à Vácuo 4. Norma 5. Método construtivo 6. Equipe de trabalho 1. Rebaixamento Por Poços Rebaixamento

Leia mais

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer MANUAL DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA Finalidade deste Manual Este manual proporciona as informações necessárias para uma correta manutenção dos filtros Metalsinter, contendo também importantes informações

Leia mais

Especificações Técnicas & Dados de Performance

Especificações Técnicas & Dados de Performance Bomba 6 HP Especificações Técnicas & Dados de Performance Solução em Alta Pressão! Rev. B /1-2005 1 2 3 4 5 1 - Tampa do Ar Motor Superior 2 - Pistão Pneumático 3 - Camisa do Ar Motor 4 - Tampa do Ar Motor

Leia mais

FEATI - Faculdade de Educação, Administração e Tecnologia de Ibaiti Mantida pela União das Instituições Educacionais do Estado de São Paulo UNIESP

FEATI - Faculdade de Educação, Administração e Tecnologia de Ibaiti Mantida pela União das Instituições Educacionais do Estado de São Paulo UNIESP PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS IBAITI/PR 2013 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 OBJETIVOS... 3 3 ATUALIZAÇÃO DO PARQUE TECNOLÓGICO... 3 3.1 Laboratório de Informática, Departamentos Acadêmicos

Leia mais

Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição

Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição 1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 3 3. DESENHO DIMENSIONAL... 4 4. INSTALAÇÃO... 5 4.1 MONTAGEM EM ATUADOR ROTATIVO...

Leia mais

Séries SG e FTV. Guias de Sucção e Válvulas Flo-Trex. 30 Julho, 2013

Séries SG e FTV. Guias de Sucção e Válvulas Flo-Trex. 30 Julho, 2013 Séries SG e FTV Guias de Sucção e Válvulas Flo-Trex ARQUIVO Nº: DATA: SUBSTITUI: DATA: 35.11PT 30 Julho, 2013 35.11PT 26 maio, 2011 Séries SG e FTV Guias de Sucção Projetadas para montagem direta no flange

Leia mais

TECNOLOGIA HIDRÁULICA

TECNOLOGIA HIDRÁULICA TECNOLOGIA HIDRÁULICA Contaminação dos fluidos hidráulicos: Filtro Símbolo 08/04/2008 Marcio Gomes 2 Contaminação dos fluidos hidráulicos: Filtro Fibra de vidro grossa Elementos filtrantes Fibra de vidro

Leia mais

Kit modelo KUT-00028 Toyota 3.0 diesel - 1 -

Kit modelo KUT-00028 Toyota 3.0 diesel - 1 - Manual Capítulo 1 de montagem : Kit modelo KUT-00028 Toyota 3.0 diesel - 1 - Ferramentas necessárias 3 Desmontagem do Veíulo 3 Preparação para montagem 4 Montagem do Kit no motor 5 Preparação para o funcionamento

Leia mais

REGULAMENTO BAJA SAE BRASIL CAPÍTULO 5 REQUISITOS GERAIS DO VEÍCULO

REGULAMENTO BAJA SAE BRASIL CAPÍTULO 5 REQUISITOS GERAIS DO VEÍCULO REGULAMENTO BAJA SAE BRASIL CAPÍTULO 5 REQUISITOS GERAIS DO VEÍCULO RBSB 5 EMENDA 0 DATA DE EFETIVIDADE: 01 DE JANEIRO DE 2010 2/9 CONTROLE DE REVISÃO Emenda Data de Efetividade 0 01 de Janeiro de 2010

Leia mais

Sistema de aspiração de fluidos

Sistema de aspiração de fluidos MAIORES INFORMAÇÕES WWW.VACUUBRAND.COM Sistema de aspiração de fluidos Econômico, seguro e confortável BVC basic, BVC control, BVC professional Tecnologia de vácuo Sistema de aspiração de fluidos BVC -

Leia mais