Arquitectura de Informação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Arquitectura de Informação"

Transcrição

1 Arquitectura de Informação

2 Saul Wurman, criou o termo em Foi usado para design impresso: mapas guias e atlas. Posteriormente para layouts e outros campos do design.

3 Morville e Rosenfeld, autores do livro Information Architecture for the Word Wide Web, aplicaram o conceito ao desenvolvimento web.

4 Informação: Resultado do processamento, manipulação e organização de dados, de tal forma que represente uma modificação no conhecimento do sistema (pessoa, animal ou máquina) que a recebe.

5 O que é Arquitectura da Informação?

6 Arquitectura de Informação é... A combinação dos esquemas de organização, de sistemas de rótulos de pesquisa e de navegação dentro de sites e intranets.

7 Arquitectura de Informação é... A arte e a ciência de dar forma a produtos e experiências de informação para suportar a usability e a findability.

8 Arquitectura de Informação é... Uma disciplina focada em trazer princípios do design e da arquitectura para os artefactos digitais.

9 Componentes da Arquitectura da Informação: - Organização; - Navegação; - Sistema de rótulos; - Sistema de pesquisa.

10 Rosenfeld e Morville, dividem a Arquitetura de Informação de um site em quatro grandes sistemas interdependentes, cada um composto por regras próprias e suas aplicações.

11 Sistemas da Arquitectura de Informação Sistema de Organização (Organization System) Determina o agrupamento e a categorização do conteúdo.

12 Sistemas da Arquitectura de Informação Sistema de Navegação (Navigation System) Especifica a forma de navegar na interface.

13 Sistemas da Arquitectura de Informação Sistema de Rotulagem (Labeling System) Estabelece as formas de representação e apresentação da informação, definindo signos visuais a usar.

14 Sistemas da Arquitectura de Informação Sistemas de pesquisa (Search System) Determinam as perguntas que o utilizador pode fazer e as respostas que poderá obter.

15 Para o que é que serve? a Arquitectura de Informação

16 A Arquitectura de Informação serve para: Facilitar a realização de tarefas e o acesso intuitivo a contextos e conteúdos. Peter Morville & Louis Rosenfeld (Information Architecture for the Word Wide Web)

17 A Arquitectura de Informação serve para: Tornar claro o que é complexo. Wurman (1997)

18 (A Arquitectura de Informação resulta da relação entre: utilizadores, conteúdo e contexto)

19 A Arquitectura de Informação: - Implica o planeamento da estrutura da interface; - Define a forma e as possibilidades de interacção da interface; - Permite o acesso optimizado à informação por parte dos utilizadores; - Permite a anulação de ambiguidades na utilização da interface.

20 A arquitectura de Informação implica: 1- Planeamento; 2- Organização da informação; 3- Navegação; 4- Usabilidade; 5- Interactividade.

21 O que faz um arquitecto de informação: 1- Pensa o site (tendo em conta os utilizadores); 2- Constrói o Mapa de Navegação; 3- Desenha os Wireframes (esboços); 4- Participa da definição do design; 5- Interage com a equipa de desenvolvimento tecnológico.

22 O arquitecto de informação tem que ter em conta: - As necessidades do utilizador (porque uma interface é feita para os utilizadores); - A informação disponibilizada; - A forma como a informação é disponibilizada; - No processo de interacção, evidenciar as informações relevantes em desfavor das que não são necessárias; - O contexto no acesso e na manipulação dessa informação.

23 Actividades da Arquitectura de Informação

24 Actividades da Arquitectura de Informação: Organizar (lista completa da informação que deve estar presente no site)

25 Actividades da Arquitectura de Informação: Analisar (Ajuda a determinar o sistema de navegação)

26 Actividades da Arquitectura de Informação: Distingir (agrupar e hierarquizar a informação de acordo com a sua importância )

27 Actividades da Arquitectura de Informação: Classificar Ter presente a: - Permissão (visível para todos ou com restrições); - Formato (flv, swf,.mov, etc.); - Redundância.

28 Fluxo simplificado da produção de um site

29 > 1-Briefing > 2-Planeamento > 3-Arquitectura de informação > 4-Conteúdo > 5-Criação > 6-Produção > 7-Tecnologia > 8-Publicação

30 1- Pesquisa do público-alvo; definições de objectivos.

31 2- Análise do mercado (concorrência); macro-estrutura; fluxograma do site.

32 3- Teste de usabilidade; macro e micro-arquitectura.

33 Macro-arquitectura (definem-se os principais ecrãs e fluxos e navegação ) Micro-arquitectura (definem-se com mais pormenor) todos os ecrãs e sistemas de navegação)

34 4- Redacção de arquitectura; Estrutura da informação; SEO(search engine optimization).

35 5- Análise da hierarquização da informação; visão global do projecto.

36 6- Produção e processo de montagem.

37 7- Usabilidade dos sistemas; processo de programação.

38 8- Validação da pré-publicação; análise da pós-publicação.

39 Desenvolvimento da interface

40 Design de interface Envolve um conhecimento aprofundado de como os utilizadores irão interagir com a interface. Permite decidir sobre os problemas e encontrar soluções.

41 As pessoas necessitam de se relacionar com as coisas de forma emocional. A interface é o que permite essa relação.

42 O que é que constitui a interface? - Layout e grelhas; - Tipografia; - Cor; - Textura e ritmo; - Motivos visuais e metáforas; - Imagens; - Referências culturais; - Interacção.

43 No desenvolvimento de uma interface considerar: Qual é o propósito do site? Qual é o público-alvo? Qual é a experiência emocional desejada?

44 Interface para uma experiência interactiva que: - Informa; - Ajuda na realização de tarefas; - Entretém; - Cria desejo.

45 Fim

Arquitetura da Informação. A relação da Arquitetura da Informação com a Usabilidade na era do conhecimento

Arquitetura da Informação. A relação da Arquitetura da Informação com a Usabilidade na era do conhecimento A relação da Arquitetura da Informação com a Usabilidade na era do conhecimento Rodrigo Medeiros Tecnólogo em Sistema para Internet Faculdade Marista Especialista em arquitetura da Informação pela Jump

Leia mais

Arquitetura de Informação - 2

Arquitetura de Informação - 2 Arquitetura de Informação - 2 Ferramentas para Web Design Prof. Ricardo Ferramentas para Web Design 1 Arquitetura de Informação (AI): Objetivo: Compreender os vários cenários em que o design de informação

Leia mais

Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign

Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net Tópicos da Aula 1. Design 2. Importância do

Leia mais

Arquitetura de Informação de Websites. 2006 Guilhermo Reis www.guilhermo.com

Arquitetura de Informação de Websites. 2006 Guilhermo Reis www.guilhermo.com Arquitetura de Informação de Websites 2006 Guilhermo Reis www.guilhermo.com 2 Vivemos a era da explosão da informação Existe um tsunami de dados que bate sobre as praias do mundo civilizado. É um maremoto

Leia mais

Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign

Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Apresentação, Fluxo de Desenvolvimento e Arquitetura da Informação Apresentação Thiago Miranda Email: mirandathiago@gmail.com Site: www.thiagomiranda.net

Leia mais

DESIGN DE INTERFACES GRÁFICAS CORPORATE TV / DIGITAL SIGNAGE. Bruno Nobre bruno.nobre@iade.pt

DESIGN DE INTERFACES GRÁFICAS CORPORATE TV / DIGITAL SIGNAGE. Bruno Nobre bruno.nobre@iade.pt DESIGN DE INTERFACES GRÁFICAS CORPORATE TV / DIGITAL SIGNAGE Bruno Nobre bruno.nobre@iade.pt O que é? Digital Signage é um tipo de painel informativo tipicamente colocado em espaços públicos, usados normalmente

Leia mais

Usabilidade e Arquitectura de Informação

Usabilidade e Arquitectura de Informação Usabilidade e Arquitectura de Informação a construção da experiência do utilizador O que é a Usabilidade O que é a Arquitectura de Informação Como pensar a web A experiência do utilizador Pensar como um

Leia mais

Arquitetura da Informação x Design de Websites. 2007 Guilhermo Reis www.guilhermo.com

Arquitetura da Informação x Design de Websites. 2007 Guilhermo Reis www.guilhermo.com Arquitetura da Informação x Design de Websites 2007 Guilhermo Reis www.guilhermo.com Vivemos a era da explosão da informação 2 3 Breve Histórico RICHARD SAUL WURMAN Criou o termo Arquitetura de Informação

Leia mais

Web Standards PROJETO WEB

Web Standards PROJETO WEB Web Standards PROJETO WEB Ferramentas para Web Design Prof. Ricardo Ferramentas para Web Design 1 Briefing Planejamento Criação Desenvolvimento Homologação Produção Divulgação Métricas Manutenção Ferramentas

Leia mais

Arquitetura de Informação de websites

Arquitetura de Informação de websites Arquitetura de Informação de websites Apresentação Gil Barros Design e implementação de interfaces digitais desde 96 design gráfico > html perl/lingo > php/sql/flash usabilidade > arquitetura de informação

Leia mais

Wireframes Desenho de Iteração. Henrique Correia. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa

Wireframes Desenho de Iteração. Henrique Correia. Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa 1 Wireframes Desenho de Iteração Henrique Correia Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa Sistemas Hipermédia - 1º ano Mestrado Ensino da Informática 11 de Outubro de 2011 2 Wireframes Introdução

Leia mais

Arquitetura de Informação de websites

Arquitetura de Informação de websites Arquitetura de Informação de websites Guilhermo Reis www.guilhermo.com Você consegue assimilar toda a informação que precisa? 2 1 3 Vivemos a era da explosão da informação Existe um tsunami de dados que

Leia mais

Arquitetura de Informação e Usabilidade

Arquitetura de Informação e Usabilidade Arquitetura de Informação e Usabilidade 2008 Guilhermo Reis www.guilhermo.com 2 Enquanto isso no caixa eletrônico... 1 3 O que é Arquitetura de Informação de websites? Tornar o complexo claro. WURMAN (1997)

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO Ano lec.2013-2014. Curso Profissional de Técnico de Multimédia. Planificação

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO Ano lec.2013-2014. Curso Profissional de Técnico de Multimédia. Planificação ESCOLA SECUNDÁRIA DR. GINESTAL MACHADO Ano lec.2013-2014 Curso Profissional Técnico Multimédia Planificação Disciplina: Design, Comunicação e Audiovisuais Ano: 11º Conteúdos Objetivos Estratégias/Atividas

Leia mais

Arquitetura de Informação e Engenharia Semiótica: um estudo de caso do website da Unimed João Pessoa

Arquitetura de Informação e Engenharia Semiótica: um estudo de caso do website da Unimed João Pessoa GT8 - Informação e Tecnologia Modalidade de apresentação: Pôster Arquitetura de Informação e Engenharia Semiótica: um estudo de caso do website da Unimed João Pessoa Lílian Viana Teixeira Cananéa Universidade

Leia mais

Projeto de Interface do Usuário

Projeto de Interface do Usuário Projeto de Interface do Usuário Arquitetura de Informação Danielle Freitas 2015.1 http://docente.ifrn.edu.br/daniellefreitas Agenda Introdução O que é arquitetura da informação Estratégia de conteúdo Sistema

Leia mais

arquitetura da informação em agências digitais

arquitetura da informação em agências digitais arquitetura da informação em agências digitais 1 dados importantes 2 componentes da a.i. 3 fases e ferramentas 4 equipe envolvida 5 livros recomendados dados importantes Cinco exabytes(5.000.000.000.000

Leia mais

A importância da arquitetura da Informação no desenho de websites

A importância da arquitetura da Informação no desenho de websites A importância da arquitetura da Informação no desenho de websites 2008 Guilhermo Reis www.guilhermo.com 2 Enquanto isso no caixa eletrônico... 1 3 De volta para casa... flickr.com/photos/lukeamotion/2142857770

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO NO PLANEJAMENTO DE AMBIENTES DIGITAIS INCLUSIVOS i

A IMPORTÂNCIA DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO NO PLANEJAMENTO DE AMBIENTES DIGITAIS INCLUSIVOS i A IMPORTÂNCIA DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO NO PLANEJAMENTO DE AMBIENTES DIGITAIS INCLUSIVOS i Raimunda Fernanda dos Santos Aluna de Graduação em Biblioteconomia da UFRN/Natal/RN-Brasil nanda_florania@hotmail.com

Leia mais

XIII Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação XIII ENANCIB 2012 GT 8 Informação e Tecnologia

XIII Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação XIII ENANCIB 2012 GT 8 Informação e Tecnologia XIII Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação XIII ENANCIB 2012 GT 8 Informação e Tecnologia ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO E USABILIDADE: AVALIAÇÃO DA INTRANET DA UNICRED JOÃO PESSOA RESUMO Modalidade

Leia mais

CURSO DE DESIGN E TECNOLOGIA DAS ARTES GRÁFICAS ADEQUAÇÃO A BOLONHA

CURSO DE DESIGN E TECNOLOGIA DAS ARTES GRÁFICAS ADEQUAÇÃO A BOLONHA CURSO DE DESIGN E TECNOLOGIA DAS ARTES GRÁFICAS ADEQUAÇÃO A BOLONHA 1.º ANO Desenho 1.º Semestre A cadeira de Desenho visa dotar os alunos de uma sólida base de conhecimentos e promover acções específicas

Leia mais

Quadros Interactivos Multimédia e Formação Contínua de Docentes. InterwriteBoard Guia de Iniciação

Quadros Interactivos Multimédia e Formação Contínua de Docentes. InterwriteBoard Guia de Iniciação Quadros Interactivos Multimédia e Formação Contínua de Docentes InterwriteBoard Guia de Iniciação A. Jorge Mesquita Maio, 2008 Conteúdo Introdução... 1 Antes de iniciar... 1 Caneta interactiva... 1 Interagir

Leia mais

A Arquitetura de Informação segundo Lou e Peter por Márcio Tristão

A Arquitetura de Informação segundo Lou e Peter por Márcio Tristão A Arquitetura de Informação segundo Lou e Peter por Márcio Tristão Conversamos com Louis Rosenfeld e Peter Morville autores do best-seller Information Architecture for the World Wide Web, o livro do urso

Leia mais

A Arquitetura da Informação e o Bibliotecário. Maria Irene da Fonseca e Sá 1

A Arquitetura da Informação e o Bibliotecário. Maria Irene da Fonseca e Sá 1 A Arquitetura da Informação e o Bibliotecário Maria Irene da Fonseca e Sá 1 1 Docente do curso de Biblioteconomia e Gestão de Unidades de Informação, Universidade Federal do Rio de Janeiro. E-mail: mariairene@facc.ufrj

Leia mais

II SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FESPSP. Orientadora: Prof(a) Dra.Telma de Carvalho telmadecarvalho@yahoo.com.br

II SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FESPSP. Orientadora: Prof(a) Dra.Telma de Carvalho telmadecarvalho@yahoo.com.br II SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA FESPSP O BIBLIOTECÁRIO COMO ARQUITETO DE INFORMAÇÃO Autora: Bárbara Uehara barbarauehara@gmail.com Orientadora: Prof(a) Dra.Telma de Carvalho telmadecarvalho@yahoo.com.br

Leia mais

Produção de Websites. Composição Web. Artur M. Arsénio. Engenharia Informá:ca / Informá:ca Web 2014/15

Produção de Websites. Composição Web. Artur M. Arsénio. Engenharia Informá:ca / Informá:ca Web 2014/15 Produção de Websites Composição Web Engenharia Informá:ca / Informá:ca Web 2014/15 Artur M. Arsénio Planeamento Estratégico Análise da informação, a par:r de um briefing com o cliente Detectar corretamente

Leia mais

Sistemas Hipermédia. sh@di.fc.ul.pt 2011/2012 FCUL Departamento de Informática Carlos Duarte. Horários, Corpo docente

Sistemas Hipermédia. sh@di.fc.ul.pt 2011/2012 FCUL Departamento de Informática Carlos Duarte. Horários, Corpo docente Sistemas Hipermédia sh@di.fc.ul.pt 2011/2012 FCUL Departamento de Informática Carlos Duarte Horários, Corpo docente T 5ª-feira, 16h30-1830, sala 6.2.49 TP1 5ª-feira, 18h30-20h00, sala 6.2.49 TP2 6ª-feira,

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: TÉCNICO EM INFORMÁTICA PARA

Leia mais

PROPOSTA METODOLÓGICA PARA AVALIAÇÃO E RECONFIGURAÇÃO DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS

PROPOSTA METODOLÓGICA PARA AVALIAÇÃO E RECONFIGURAÇÃO DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS PROPOSTA METODOLÓGICA PARA AVALIAÇÃO E RECONFIGURAÇÃO DA ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS Angela Ferraz 1, Luciana de Souza Gracioso 2 1 Graduação, UFSCar, São Carlos,

Leia mais

Arquitetura de Informação - 6

Arquitetura de Informação - 6 Arquitetura de Informação - 6 Ferramentas para Web Design Prof. Ricardo Ferramentas para Web Design 1 Objetivo do Sistema de Rotulação O sistema de rotulação é o componente da Arquitetura de Informação

Leia mais

Agrupamento de escolas de Coruche. CURSO PROFISSIONAL Ano lectivo 2013/2014

Agrupamento de escolas de Coruche. CURSO PROFISSIONAL Ano lectivo 2013/2014 Agrupamento de escolas de Coruche CURSO PROFISSIONAL Ano lectivo 2013/2014 Técnico de Apoio à Gestão Desportiva Componente de formação: Sócio-cultural: Português Língua estrangeira I, II ou III (b) Área

Leia mais

Ficha de Unidade Curricular

Ficha de Unidade Curricular Ficha de Unidade Curricular Unidade Curricular Designação Projecto de Design Multimédia I Área Científica Design de Comunicação Ciclo de Estudos 1º Ciclo Carácter: Obrigatória Ano Lectivo 2008/2009 Semestre

Leia mais

O ensino da disciplina de arquitetura de informação: uma aplicação da técnica de card sorting

O ensino da disciplina de arquitetura de informação: uma aplicação da técnica de card sorting O ensino da disciplina de arquitetura de informação: uma aplicação da técnica de card sorting Maria Irene da Fonseca e Sá 1 Universidade Federal do Rio de Janeiro. Brasil Resumo O trabalho apresenta a

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 RESUMO

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 RESUMO RESUMO RESUMO PESQUISA Avaliar actuais activos digitais (website, redes sociais, dinâmica de conteúdos, métricas). Identificar público alvo. Perceber o seu perfil e interesses. Definir personas Identificar

Leia mais

Sistema de Organização. Determina o agrupamento e a categorização do conteúdo informacional.

Sistema de Organização. Determina o agrupamento e a categorização do conteúdo informacional. Sistema de Organização Determina o agrupamento e a categorização do conteúdo informacional. Onde é mais rápido r encontrar uma palavra? É uma fato simples que quando você tem uma certa quantidade de coisas,

Leia mais

Metodologia Projectual?

Metodologia Projectual? Metodologia Projectual? > Metodologia é a parte da lógica que estuda os métodos das diversas ciências, segundo as leis do raciocínio > estudar e enumerar as tarefas de forma a que o projecto seja feito

Leia mais

DESIGN DE LIVRO DIGITAL

DESIGN DE LIVRO DIGITAL DESIGN DE LIVRO DIGITAL Aluna: Mariana Ferreira Gomes Corrêa Orientadora: Rita Maria de Souza Couto Co-orientadora: Cristina Portugal Introdução A pesquisa desenvolvida foi parte integrante do trabalho

Leia mais

Arquitetura de Informação e Usabilidade

Arquitetura de Informação e Usabilidade Arquitetura de Informação e Usabilidade Guilhermo Reis ENCOINFO Palmas / TO março/2009 Era uma vez um atendimento do Help Desk... 1 www.youtube.com/watch?v=jo3rl2kxb4g Nós somos viciados em computador

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE CONTEÚDO EDUCACIONAL CENTRADO NO USUÁRIO BASEADO NA INTERNET APLICADO EM PROGRAMA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

DESENVOLVIMENTO DE CONTEÚDO EDUCACIONAL CENTRADO NO USUÁRIO BASEADO NA INTERNET APLICADO EM PROGRAMA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DESENVOLVIMENTO DE CONTEÚDO EDUCACIONAL CENTRADO NO USUÁRIO BASEADO NA INTERNET APLICADO EM PROGRAMA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA 05/2005 137-TC-C5 Sergio Ferreira do Amaral Faculdade de Educação da UNICAMP

Leia mais

Documento Descritivo do Mecanismo de Busca. Preparação do Portal para indexação

Documento Descritivo do Mecanismo de Busca. Preparação do Portal para indexação Documento Descritivo do Mecanismo de Busca Este documento visa esclarecer as regras que serão executadas pelo mecanismo de busca para a recuperação de informações a partir de uma palavra e/ou expressão

Leia mais

CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS

CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS PLANO DE ESTUDOS Componentes de Formação Total de Horas (a) (Ciclo de Formação) Componente de Formação Sociocultural Português

Leia mais

Seminário FESPSP São Paulo: a cidade e seus desafios 05 a 09 de outubro de 2015 GT 6 - Informação e ambientes digitais: organização e acesso

Seminário FESPSP São Paulo: a cidade e seus desafios 05 a 09 de outubro de 2015 GT 6 - Informação e ambientes digitais: organização e acesso Seminário FESPSP São Paulo: a cidade e seus desafios 05 a 09 de outubro de 2015 GT 6 - Informação e ambientes digitais: organização e acesso ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO E USABILIDADE EM INTERFACES: ESTUDO

Leia mais

Sessão de Esclarecimento. Curso de Webdesign

Sessão de Esclarecimento. Curso de Webdesign Sessão de Esclarecimento Curso de Webdesign Alguns factos: A industria de serviços de Webdesign representa um mercado de $24B apenas nos EUA. Todos os meses são publicados cerca de 16M novos websites.

Leia mais

2009 Guilhermo Reis www.guilhermo.com. www.youtube.com/watch?v=jo3rl2kxb4g

2009 Guilhermo Reis www.guilhermo.com. www.youtube.com/watch?v=jo3rl2kxb4g Arquitetura de Informação e Usabilidade 2009 Guilhermo Reis www.guilhermo.com Guilhermo Reis Impacta São Paulo março/2009 Mais um atendimento do Help Desk... www.youtube.com/watch?v=jo3rl2kxb4g 1 Nós somos

Leia mais

Cartões. na mesa. Descubra como o usuário classifica e organiza as informações

Cartões. na mesa. Descubra como o usuário classifica e organiza as informações 50 :: Webdesign Cartões na mesa Descubra como o usuário classifica e organiza as informações Ambientes para inclusão de vídeos, álbuns de fotos, blogs, microblogging, podcasts, redes de relacionamento

Leia mais

WebSphere_Integration_Developer_D_Jan06 Script

WebSphere_Integration_Developer_D_Jan06 Script WebSphere_Integration_Developer_D_Jan06 Script 1a Nesta demonstração, Will Dunlop, um programador de integração da JK, utiliza o IBM, [ IBM], ou WID para construir um novo serviço orientado para os processos

Leia mais

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Arte X Engenharia Desenvolver Sistema Web é arte? A Web oferece espaço para arte...... mas os usuários também desejam

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Tópicos de Ambiente Web Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Roteiro Motivação Desenvolvimento de um site Etapas no desenvolvimento de software (software:site) Analise

Leia mais

Inválido para efeitos de certificação

Inválido para efeitos de certificação UNIDADE CURRICULAR: Web Design CURRICULAR UNIT: Web Design Ficha de Unidade Curricular DOCENTE RESPONSÁVEL E RESPETIVAS HORAS DE CONTATO NA UNIDADE CURRICULAR (PREENCHER O NOME COMPLETO): João Pedro Coelho

Leia mais

Resenha. Ergodesign e arquitetura da informação: trabalhando com o usuário (Luiz Agner, Rio de Janeiro, Quartet Editora, 2006, 173 p.

Resenha. Ergodesign e arquitetura da informação: trabalhando com o usuário (Luiz Agner, Rio de Janeiro, Quartet Editora, 2006, 173 p. Resenha Ergodesign e arquitetura da informação: trabalhando com o usuário (Luiz Agner, Rio de Janeiro, Quartet Editora, 2006, 173 p.) Thiago de Andrade Marinho 1 Ergodesign e Arquitetura de Informação:

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais Apresentação A emergência de novas tecnologias de informação e comunicação e sua convergência exigem uma atuação de profissionais com visão

Leia mais

Solução de digital signage / corporate tv / instore tv

Solução de digital signage / corporate tv / instore tv Solução de digital signage / corporate tv / instore tv RAVI é um inovador sistema de software multimédia que possibilita a gestão e operação de emissões de TV Corporativa, através da Internet ou Intranet,

Leia mais

QUER AUMENTAR AS SUAS VENDAS?

QUER AUMENTAR AS SUAS VENDAS? QUER AUMENTAR AS SUAS VENDAS? Precisa divulgar o seu negócio na Internet? Gostava de conseguir criar o seu próprio site? Utilizar as Redes Sociais como meio de comunicação? QUAIS AS VANTAGENS DESTE CURSO?

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular PRODUÇÃO DE DESIGN MULTIMÉDIA Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Arquitectura e Artes (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Design 3. Ciclo de Estudos 2º 4. Unidade Curricular

Leia mais

ACTOS PROFISSIONAIS GIPE. Gabinete de Inovação Pedagógica

ACTOS PROFISSIONAIS GIPE. Gabinete de Inovação Pedagógica ACTOS PROFISSIONAIS GIPE Gabinete de Inovação Pedagógica Cooptécnica Gustave Eiffel, CRL Venda Nova, Amadora 214 996 440 910 532 379 Março, 2010 GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS 1 GIPE - Gabinete

Leia mais

ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO EM SITES DE PRÓ-REITORIAS DE GRADUAÇÃO: UM ENFOQUE NAS INSTITUIÇÕES ESTADUAIS DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ

ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO EM SITES DE PRÓ-REITORIAS DE GRADUAÇÃO: UM ENFOQUE NAS INSTITUIÇÕES ESTADUAIS DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ DOI: 10.5433/1981-8920.2012v17n3p125 ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO EM SITES DE PRÓ-REITORIAS DE GRADUAÇÃO: UM ENFOQUE NAS INSTITUIÇÕES ESTADUAIS DE ENSINO SUPERIOR DO PARANÁ ARQUITECTURA DE LA INFORMACIÓN

Leia mais

Padrão Visual de Sistemas da Anvisa na Internet

Padrão Visual de Sistemas da Anvisa na Internet Agência Nacional de Vigilância Sanitária Padrão Visual de Sistemas da Anvisa na Internet Gerência-Geral de Tecnologia da Informação Gerência de Sistemas www.anvisa.gov.br Brasília, janeiro de 2007 Agência

Leia mais

Sistema de Organização

Sistema de Organização Sistema de Organização Guilhermo Reis www.guilhermo.com 2 Onde é mais rápido encontrar uma palavra? Jogo de caça-palavras Dicionário (passatempo.ig.com.br, 2014) É mais fácil encontrar uma informação em

Leia mais

Proposta para criação de site para

Proposta para criação de site para Proposta para criação de site para Portal de Negócios Sorriso, 04 de Fevereiro de 2011 1 I. Análise...3 II. Projeto...3 III. Desenvolvimento do projeto...3 IV. Âmbito de intervenção da equipe do Portal...3

Leia mais

Pós-Graduação em Marketing Design Digital

Pós-Graduação em Marketing Design Digital Pós-Graduação em Marketing Design Digital Público-alvo Indicado para profissionais de Marketing, Comunicação e Design, bem como empreendedores de diferentes áreas que lidam, ou desejam lidar com Tecnologia

Leia mais

Análise do site da Universidade Federal de Goiás usando os conceitos da Arquitetura da Informação

Análise do site da Universidade Federal de Goiás usando os conceitos da Arquitetura da Informação Análise do site da Universidade Federal de Goiás usando os conceitos da Arquitetura da Informação Douglas Zanuzzi Palharini 1, Joslaine Cristina Jeske de Freitas 1 1 Curso de Ciência da Computação Universidade

Leia mais

Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web

Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web Curso Técnico Superior Profissional em Desenvolvimento Web PROVA DE AVALIAÇÃO DE CAPACIDADE REFERENCIAL DE CONHECIMENTOS E APTIDÕES Áreas relevantes para o curso de acordo com o n.º 4 do art.º 11.º do

Leia mais

Microsoft Power Point - Manual de Apoio

Microsoft Power Point - Manual de Apoio Microsoft Power Point - Manual de Apoio Pág. 1 de 26 Apresentação e introdução O ambiente de trabalho do Power Point. Abrir, guardar e iniciar apresentações. Obter ajuda enquanto trabalha. Principais barras

Leia mais

usabilidade assume uma importância ímpar na economia da Internet

usabilidade assume uma importância ímpar na economia da Internet WEB Usabilidade WEB usabilidade assume uma importância ímpar na economia da Internet no design de produtos e de software tradicionais, usuários pagam antes e experimentam a usabilidade depois na WEB experimentam

Leia mais

Experiência Profissional. Paixões. Formação Acadêmica. Guilhermo Reis. Consultor de Arquitetura de Informação e Usabilidade

Experiência Profissional. Paixões. Formação Acadêmica. Guilhermo Reis. Consultor de Arquitetura de Informação e Usabilidade Arquitetura de Informação e Usabilidade 2009 Guilhermo Reis www.guilhermo.com Guilhermo Reis São Paulo março/2009 Quem sou eu? 2 Experiência Profissional Formação Acadêmica Paixões Guilhermo Reis Consultor

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 RESUMO

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 RESUMO RESUMO METODOLOGIAS DO MARKETING DIGITAL As marcas e empresas precisam de ser ENCONTRADAS COMPREENDIDAS MEMORÁVEIS METODOLOGIAS DO MARKETING DIGITAL Ciclo de acções dos projectos de PESQUISA OBJECTIVOS

Leia mais

Arquitetura de Informação

Arquitetura de Informação Arquitetura de Informação Ferramentas para Web Design Prof. Ricardo Ferramentas para Web Design 1 Arquitetura de Informação? Ferramentas para Web Design 2 Arquitetura de Informação (AI): É a arte de expressar

Leia mais

DSG 1005: Procedimentos para G2

DSG 1005: Procedimentos para G2 DSG 1005: Procedimentos para G2 1. Datas importantes 11 de junho: entrega dos desenhos técnicos, fluxogramas e wireframes/modelos e bonecas, segunda 18 de junho: entrega dos manuais de produção (relatório

Leia mais

Mobile UI / UX Design

Mobile UI / UX Design CURSO INTENSIVO Mobile UI / UX Design Mobile UI/UX Design #Lisboa Duração total: 124h 100h : Curso Intensivo prático 16h : 1 Workshop intensivo à escolha Investimento: 255 x 4 (sem juros) (Pronto Pagamento

Leia mais

ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: o caso do sistema de bibliotecas da Universidade Federal de Alagoas 1

ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO DE WEBSITES DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS: o caso do sistema de bibliotecas da Universidade Federal de Alagoas 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS CURSO DE BIBLIOTECONOMIA DIRETÓRIO ACADÊMICO DE BIBLIOTECONOMIA XIV Encontro Regional de Estudantes de Biblioteconomia, Documentação, Ciência

Leia mais

h=p://bjork.com/# v Projecto Integrador - 2012 / 2013 USER EXPERIENCE DA INTERFACE GRÁFICA À EXPERIÊNCIA Bruno Nobre bruno.nobre@iade.

h=p://bjork.com/# v Projecto Integrador - 2012 / 2013 USER EXPERIENCE DA INTERFACE GRÁFICA À EXPERIÊNCIA Bruno Nobre bruno.nobre@iade. Projecto Integrador - 2012 / 2013 Bruno Nobre bruno.nobre@iade.pt Cláudia Pernencar claudia.pernencar@iade.pt USER EXPERIENCE DA INTERFACE GRÁFICA À EXPERIÊNCIA h=p://bjork.com/# v 1 USER EXPERIENCE DA

Leia mais

Proposta. Soluções Comunicação Digital

Proposta. Soluções Comunicação Digital Proposta Soluções Comunicação Digital Fevereiro 2013 Proposta Proposta para fornecimento de soluções digitais para comunicação, gestão do conhecimento e aprendizagem para o CBVE. Portal Institucional Plataforma

Leia mais

Modelos Conceptual e Mental

Modelos Conceptual e Mental Interfaces Pessoa Máquina 08-10-2012 Modelos Conceptual e Mental Cap. 6 Conceptualização da Interação 06 Melhor e Pior? 1 Melhor e Pior? Resumo Aula Anterior Análise de Utilizadores O que é? Porquê? O

Leia mais

3 - Projeto de Site:

3 - Projeto de Site: 3 - Projeto de Site: O site de uma empresa é como um cartão de visita que apresenta sua área de negócios e sua identidade no mercado, ou ainda, como uma vitrine virtual em que é possível, em muitos casos,

Leia mais

Pós-Graduação em Marketing e Design Digital

Pós-Graduação em Marketing e Design Digital Marketing e Design Digital Pós-Graduação em Marketing e Design Digital Aula Inaugural - 28 de abril de 2015 Aulas aos sábados, das 8h às 15h Valor do curso: R$ 16.482,00 À vista com desconto: R$ 15.657,00

Leia mais

A importância da boa comunicação na prática da engenharia

A importância da boa comunicação na prática da engenharia A importância da boa comunicação na prática da engenharia Maria Regina Leoni Schmid Rudloff Sistema de Protensão Ltda. Introdução Após alguns anos de trabalho no desenvolvimento de comunicação voltada

Leia mais

Alanda do Valle Vitorino

Alanda do Valle Vitorino Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO Centro Ciências Humanas e Sociais - CCH Programa de Pós-Graduação em Biblioteconomia - PPGB Mestrado Profissional em Biblioteconomia. Alanda do

Leia mais

ISO 14000. Estrutura da norma ISO 14001

ISO 14000. Estrutura da norma ISO 14001 ISO 14000 ISO 14000 é uma serie de normas desenvolvidas pela International Organization for Standardization (ISO) e que estabelecem directrizes sobre a área de gestão ambiental dentro de empresas. Histórico

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR Faculdade de Artes e Letras Departamento de Comunicação e Artes RELATÓRIO DE ESTÁGIO Filipa R. Bolota Velho Dinis dos Santos Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em

Leia mais

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS

António Amaro Marketing Digital Junho 2014 INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS INTRODUÇÃO E OBJECTIVOS FACTOS A Internet mudou profundamente a forma como as pessoas encontram, descobrem, compartilham, compram e se conectam. INTRODUÇÃO Os meios digitais, fazendo hoje parte do quotidiano

Leia mais

REVISTA CIENTÍFICA DO ITPAC

REVISTA CIENTÍFICA DO ITPAC ANÁLISE COMPARATIVA DE FERRAMENTAS COMPUTACIONAIS PARA PROTOTIPAÇÃO DE INTERFACES Silvio Sanches da Silva (Acadêmico de Sistema de Informação pela FAHESA/ITPAC) Márcia Maria Savoine (Mestra. Docente do

Leia mais

Modelo de Questões para Planejamento Digital Interativo

Modelo de Questões para Planejamento Digital Interativo Modelo de Questões para Planejamento Digital Interativo Algumas questões importantes sobre um projeto digital. Dependendo do cliente não é necessário levantar uma grande quantidade de dados. Utilize este

Leia mais

NA PRÁTICA: portais corporativos

NA PRÁTICA: portais corporativos ARQUITETURA DA INFORMAÇÃO NA PRÁTICA: portais corporativos Flávia Macedo Fev.. 2007 Princípios básicos de Arquitetura da Informação Princípios básicos Tríade vitruviana UTILITAS (utilidade) FIRMITAS (estrutura)

Leia mais

ACESSIBILIDADE NO AMBIENTE WEB DE UNIVERSIDADES PÚBLICAS DE PERNAMBUCO

ACESSIBILIDADE NO AMBIENTE WEB DE UNIVERSIDADES PÚBLICAS DE PERNAMBUCO Modalidade: Trabalho Completo ACESSIBILIDADE NO AMBIENTE WEB DE UNIVERSIDADES PÚBLICAS DE PERNAMBUCO Danielle Silva Gabriella Santos Gleice Kelly Oliveira Mariana Alves RESUMO O presente trabalho se propõe

Leia mais

Diretrizes para o desenvolvimento e a avaliação de blogs de biblioteca Guidelines for the development and evaluation for blogs of libraries

Diretrizes para o desenvolvimento e a avaliação de blogs de biblioteca Guidelines for the development and evaluation for blogs of libraries ARTIGO Recebido em: 16/07/2012 Aceito em: 17/11/2012 Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, v. 17, n. 35, p.145-166, set./dez., 2012. ISSN 1518-2924. DOI: 10.5007/1518-2924.2012v17n35p145

Leia mais

Implementação. Quanto custa um erro de software?

Implementação. Quanto custa um erro de software? Implementação Guilhermo Reis www.guilhermo.com 2 Quanto custa um erro de software? O míssil de guerra Patriot, usado como parte do sistema estratégico de defesa dos EUA ( Star Wars ), do governo de Ronald

Leia mais

Lisboa, 18 de Janeiro de 2004

Lisboa, 18 de Janeiro de 2004 Lisboa, 18 de Janeiro de 2004 Realizado por: o Bruno Martins Nº 17206 o Cátia Chasqueira Nº 17211 o João Almeida Nº 17230 1 Índice 1 Índice de Figuras... 3 2 Versões... 4 3 Introdução... 5 3.1 Finalidade...

Leia mais

Protótipos em Papel (Paper Prototype)

Protótipos em Papel (Paper Prototype) Protótipos em Papel (Paper Prototype) Guilhermo Reis www.guilhermo.com 2 Tipos de Protótipos O protótipo de um website pode ser classificado conforme o seu grau de fidelidade, ou seja, o quanto ele se

Leia mais

ACTOS PROFISSIONAIS GIPE. Gabinete de Inovação Pedagógica

ACTOS PROFISSIONAIS GIPE. Gabinete de Inovação Pedagógica ACTOS PROFISSIONAIS GIPE Gabinete de Inovação Pedagógica Cooptécnica Gustave Eiffel, CRL Venda Nova, Amadora 214 996 440 910 532 379 Março, 2010 MULTIMÉDIA 1 GIPE - Gabinete de Inovação Pedagógica Comunicar

Leia mais

Concepção e Desenvolvimento de Interfaces para o Motor de Busca Geográfico GeoTumba!

Concepção e Desenvolvimento de Interfaces para o Motor de Busca Geográfico GeoTumba! Concepção e Desenvolvimento de Interfaces para o Motor de Busca Geográfico GeoTumba! Sérgio Freitas, Ana Paula Afonso, Mário Silva Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa Departamento de Informática

Leia mais

Tratamento da informação em ambientes digitais: capacitação do bibliotecário para atuar como arquiteto de informação para a Web

Tratamento da informação em ambientes digitais: capacitação do bibliotecário para atuar como arquiteto de informação para a Web Silvana dos Santos Sant Anna Tratamento da informação em ambientes digitais: capacitação do bibliotecário para atuar como arquiteto de informação para a Web Trabalho apresentado como pré-requisito para

Leia mais

Metodos de Programação

Metodos de Programação Metodos de Programação Métodos de Programação Introdução Informática, Computador, Algoritmo Informática: Ciência do processamento da informação Computador: Máquina que serve para processar informação Algoritmo:

Leia mais

Unidade 4 Concepção de WEBSITES. Fundamentos do planeamento de um website 1.1. Regras para um website eficaz 1.1.1.

Unidade 4 Concepção de WEBSITES. Fundamentos do planeamento de um website 1.1. Regras para um website eficaz 1.1.1. Unidade 4 Concepção de WEBSITES Fundamentos do planeamento de um website 1.1. Regras para um website eficaz 1.1.1. Sobre o conteúdo 1 Regras para um website eficaz sobre o conteúdo Um website é composto

Leia mais

Módulo Presencial Síncrona Assíncrona TOTAL

Módulo Presencial Síncrona Assíncrona TOTAL REFRESCAMENTO DE PROFESSORES EM TIC NÍVEL 1 (125 horas) Objectivos gerais Este curso visa a aquisição de competências técnicas básicas no âmbito das aplicações informáticas de processamento de texto, folha

Leia mais

Estudo de Caso Bicicletada Curitiba

Estudo de Caso Bicicletada Curitiba Estudo de Caso Bicicletada Curitiba Tópicos Principais Análises de contexto de uso Testes de usabilidade Categorizações de conteúdo Fluxogramas de navegação Protótipos de baixa fidelidade (wireframes)

Leia mais

PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO

PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO REGRESSO À CASA Concurso para a selecção da REDACÇÃO e CONSELHO EDITORIAL do JORNAL ARQUITECTOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTO I. RESPOSTAS Formatos: os formatos previstos são a edição online, o fórum na internet,

Leia mais

Iteração 2 Design inicial

Iteração 2 Design inicial Universidade de Aveiro Departamento de Electrónica, Telecomunicações e Informática Engenharia de Software Iteração 2 Design inicial Projecto: FX-Center Grupo: BEDS David Pacheco (nº 32665) Cesário Lucas

Leia mais

Documento de Arquitetura

Documento de Arquitetura Documento de Arquitetura A2MEPonto - SISTEMA DE PONTO ELETRÔNICO A2MEPonto - SISTEMA DE PONTO ELETRÔNICO #1 Pág. 1 de 11 HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 28/10/2010 1 Elaboração do documento

Leia mais

2ºCiclo (5º e 6º Anos de escolaridade) 3ºCiclo (7º e 8º Anos de escolaridade)

2ºCiclo (5º e 6º Anos de escolaridade) 3ºCiclo (7º e 8º Anos de escolaridade) Escola Básica e Secundária de Velas Linhas de Exploração do Quadro de da Disciplina de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) Oferta de Escola 2ºCiclo (5º e 6º Anos de escolaridade) 3ºCiclo (7º

Leia mais

Requisitos ergonômicos para interfaces de busca em bibliotecas on-line Ergonomic requirements for on-line library search interface

Requisitos ergonômicos para interfaces de busca em bibliotecas on-line Ergonomic requirements for on-line library search interface Requisitos ergonômicos para interfaces de busca em bibliotecas on-line Ergonomic requirements for on-line library search interface Robson SANTOS Mestre em Design Pontifícia Universidade Católica do Rio

Leia mais