CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E INSTRUÇÃO CENTRO DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO/CMDPII COORDENAÇÃO DE CFB

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E INSTRUÇÃO CENTRO DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO/CMDPII COORDENAÇÃO DE CFB"

Transcrição

1 CORPO DE BOMBEIRO MILITAR DO DISTRITO FEDERAL DIRETORIA DE ENSINO E INSTRUÇÃO CENTRO DE ASSISTÊNCIA AO ENSINO/CMDPII COORDENAÇÃO DE CFB Professor(a): Manoel Everton Aluno (a) : 1º ano Turma: Lista de Exercício de Química Dever de casa para o 1º ano 1º) Quais são as massas de ácido sulfúrico e hidróxido de sódio necessárias para preparar 28,4g de sulfato de sódio, conforme a reação: H 2 SO 4 + NaOH Na 2 SO 4 + H 2 O? 2º) 400g de hidróxido de sódio (NaOH) são adicionados a 504g de ácido nítrico (HNO 3 ), produzindo nitrato de sódio (NaNO 3 ) e água. Calcule: a)massa de nitrato de sódio obtida; b)massa do reagente em excesso, se houver. 3º) (UFRN) Uma amostra de calcita, contendo 80% de carbonato de cálcio (CaCO 3 ), sofre decomposição quando submetida a aquecimento, segundo a reação: CaCO 3 CaO + CO 2. Qual a massa de óxido de cálcio obtida a partir da queima de 800g de calcita? 4º) Qual a quantidade máxima de NH 3, em gramas, que pode ser obtida a partir de uma mistura de 140g de gás nitrogênio (N 2 ) com 18g de gás hidrogênio (H 2 ), conforme a reação: N 2 + H 2 NH 3 5º) (PUC-MG) A equação de ustulação da pirita (FeS) é: FeS + O 2 SO 2 + Fe 2 O 3. Qual a massa de óxido de ferro III obtida, em kg, a partir de 300 kg de pirita, que apresenta 20% de impurezas? 6º) (Fuvest-SP) Qual a quantidade máxima, em gramas, de carbonato de cálcio que pode ser preparada misturando-se 2 mols de carbonato de sódio com 3 mols de cloreto de cálcio, conforme a equação: Na 2 CO 3 + CaCl 2 CaCO 3 + NaCl. 7º) 32,70g de zinco metálico (Zn) reagem com uma solução concentrada de hidróxido de sódio (NaOH), produzindo 64,53g de zincato de sódio (Na 2 ZnO 2 ). Qual o rendimento dessa reação? 8º) Misturam-se 147g de ácido sulfúrico e 100g de hidróxido de sódio que se reajam segundo a reação: H 2 SO 4 + NaOH Na 2 SO 4 + H 2 O. Qual a massa de sulfato de sódio formada? Qual a massa do reagente que sobra em excesso após a reação?

2 9º) Para a produção de soda cáustica (NaOH), uma indústria reage carbonato de sódio com hidróxido de cálcio segundo a equação: Na 2 CO 3 + Ca(OH) 2 CaCO 3 + NaOH. Ao reagirmos 265g de carbonato de sódio com 80% de pureza, devemos obter que massa, em gramas, de soda cáustica? 10º) (UFF-RJ) O cloreto de alumínio é um reagente muito utilizado em processos industriais que pode ser obtido por meio da reação entre alumínio metálico e cloro gasoso, conforme a seguinte reação química: Al + Cl 2 AlCl 3. Se 2,70g de alumínio são misturados a 4,0g de cloro, qual a massa produzida em gramas, de cloreto de alumínio? 11º) Quantas moléculas de gás carbônico (CO 2 ) podem ser obtidas pela queima completa de 9,6g de carbono puro, conforme a reação: C + O 2 CO 2 12º) Qual a massa, em gramas, de cloreto de ferro II (FeCl 2 ), em gramas, produzida pela reação completa de 111,6g de Fe com ácido clorídrico (HCl), de acordo com a reação química não-balanceada a seguir: Fe + HCl FeCl 2 + H 2 13º) Dada a reação não-balanceada Fe + HCl FeCl 3 + H 2, qual o número de moléculas de gás hidrogênio produzidas pela reação de 112g de ferro? 14º) Qual a quantidade de água formada a partir de 10g de gás hidrogênio, sabendo-se que o rendimento da reação é de 80%? 15º) Quantos mols de ácido clorídrico (HCl) são necessários para produzir 23,4g de cloreto de sódio (NaCl), conforme a reação: HCl + NaOH NaCl + H 2 O 16º) (Cesgranrio-RJ) Um funileiro usa um maçarico de acetileno para soldar uma panela. O gás acetileno (C 2 H 2 ) é obtido na hora, através da seguinte reação química: CaC 2 + H 2 O Ca(OH) 2 + C 2 H 2. Qual a massa aproximada de carbureto de cálcio (CaC 2 ) que será necessária para se obter 50 L de acetileno nas CNTP? 17º) Em alguns antiácidos, emprega-se o hidróxido de magnésio (Mg(OH) 2 ) como agente neutralizante do ácido clorídrico (HCl) contido no suco gástrico. A reação que ocorre é a seguinte: Mg(OH) 2 + HCl MgCl 2 + H 2 O.

3 Supondo-se que alguém tenha 36,5 mg de HCl no estômago, qual a massa de hidróxido de magnésio, em mg, necessária para uma neutralização completa? 18º) A produção de carboidratos (fórmula mínima CH 2 O) pelas plantas verdes obedece à equação geral da fotossíntese: CO 2 + H 2 O CH 2 O + O 2. Qual a massa de água necessária para produzir 10g de carboidrato? 19º) (Fuvest-SP) Qual a quantidade máxima de carbonato de cálcio (CaCO 3 ) que pode ser preparada a partir de 2 mols de carbonato de sódio com 3 mols de cloreto de cálcio, conforme a reação: Na 2 CO 3 + CaCl 2 CaCO 3 + NaCl 20º) (Cesgranrio-RJ) Ao mergulharmos uma placa de prata metálica em uma solução de ácido nítrico (HNO 3 ), ocorrerá a reação: Ag + HNO 3 AgNO 3 + NO + H 2 O. Ajustando a reação química, calcule a massa de água produzida, em gramas, quando é consumido 1 mol de prata metálica. 21º) 4g de hidróxido de sódio (NaOH) são adicionados a 4g de ácido clorídrico (HCl), produzindo cloreto de sódio (NaCl) e água. Pergunta-se: há excesso de qual reagente? 22º) Na produção de cal virgem (CaO), pela decomposição térmica do carbonato de cálcio, ocorre a seguinte reação: CaCO 3 CaO + CO 2. Com base nessa informação, calcule a massa, em kg, de cal virgem que será obtida a partir de 0,5 t de carbonato de cálcio. 23º) Ao reagirmos propeno com ácido clorídrico, obtemos 2-cloro-propano, segundo a reação que segue. C 3 H 6 + HCl C 3 H 7 Cl Se reagirmos 84g de propeno (C 3 H 6 ), qual a massa de 2-cloro-propano obtida, se o rendimento da reação é de 60%? 24º) Um dos processos de obtenção de éter hospitalar (C 4 H 10 O) consiste na desidratação de álcool etílico (C 2 H 5 OH), conforme a reação: C 2 H 5 OH C 4 H 10 O + H 2 O Pede-se para determinar o rendimento desse processo, se quando desidratamos 184g de álcool, obtêm-se 111g de éter. 25º) O nitrato de potássio (KNO 3 ) é conhecido pelas suas propriedades diuréticas. Uma das reações em que podemos obter este composto é dada a seguir: AgNO 3 + KCl KNO 3 + AgCl.

4 Dispondo de 425g de nitrato de prata com 80% de pureza, qual a massa de nitrato de potássio que obtemos se o rendimento da reação é de 60%? 26º) O salitre do Chile (NaNO 3 ) é utilizado como conservante em embutidos como o presunto, mortadela, etc. Esse composto pode ser obtido pela reação: HNO 3 + NaOH NaNO 3 + H 2 O. Sendo a massa de ácido nítrico (HNO 3 ) utilizada igual a 126g, qual a massa de salitre do Chile que obtemos se o rendimento dessa reação é de 95%? 27º) (Cesgranrio-RJ) O H 2 S reage com o SO 2 segundo a reação: H 2 S + SO 2 S + H 2 O Qual o número máximo de mols de enxofre que pode ser formado quando se faz reagir 5 mols de H 2 S com 2 mols de SO 2? 28º) 12g de ferro (Fe) e 4g de enxofre (S) são aquecidos até reação total. Tendo em conta que o produto obtido é o sulfeto ferroso (FeS), qual dos dois reagentes foi posto em excesso? 29º) (PUC-RJ) A nave estelar Enterprise, de Jornada nas estrelas, usou B 5 H 9 e O 2 como mistura combustível. As duas substâncias reagem de acordo com a seguinte equação: B 5 H 9 + O 2 B 2 O 3 + H 2 O Se um tanque contém 126 kg de B 5 H 9 e o outro 240 kg de O 2, qual tanque esvaziará primeiro? Mostre com cálculos. Quanta água terá sido formada (em kg) quando um dos reagentes tiver sido completamente consumido? 30º) 11,2 L de gás carbônico (CO 2 ), nas CNTP, reagem com hidróxido de sódio (NaOH), produzindo carbonato de sódio (Na 2 CO 3 ) e água. Qual a massa de carbonato de sódio obtida, sabendo-se que o rendimento da reação é de 90%? 31º) (ITA-SP) Calcule o máximo de massa de água que se pode obter partindo de 8,0 g de hidrogênio e 32,0g de oxigênio. Indique qual o reagente em excesso e quanto sobra do mesmo. 32º) (PUC-MG) Fosgênio, COCl 2, é um gás venenoso. Quando inalado, reage com a água nos pulmões para produzir ácido clorídrico, que causa graves danos pulmonares, levando, finalmente, à morte; por causa disso, já foi até usado como gás de guerra. A equação dessa reação é: COCl 2 + H 2 O CO 2 + HCl Se uma pessoa inalar 198 mg de fosgênio, qual a massa, em mg, de ácido clorídrico que se forma nos pulmões? 33º) 5 kg de CaCO 3 são totalmente decompostos, conforme a reação química: CaCO 2 CaO + CO 2 Calcule: a)massa em kg de CaO obtido; b)o volume de gás carbônico obtido a 25ºC e 1 atm, considerando que o volume molar é de 25 L/mol.

5 34º) Considere a obtenção do ferro, utilizando óxido férrico, conforme a reação: Fe 2 O 3 + CO Fe + CO 2 Se utilizarmos 4,8 kg de óxido férrico, quanto teremos de ferro, admitindo que a reação tenha um rendimento de 80%? 35º) Qual o volume, em m 3, de gás oxigênio, nas CNTP, necessário para queimar totalmente 1200 kg de carvão, com 90% de pureza, conforme a equação: C + O 2 CO 2 36º) (Unicamp-SP) Na metalurgia do zinco, uma das etapas é a reação do óxido de zinco (ZnO) com o monóxido de carbono (CO), produzindo zinco elementar (Zn) e gás carbônico. Para cada 1000g de óxido de zinco que reage, qual a massa de metal obtida? 37º) Encontrou-se uma amostra de mármore (CaCO 3 ), cuja pureza era de 60%. Decompondo-se 50g dessa amostra, obteve-se cal virgem (CaO) e gás carbônico (CO 2 ). Admitindo-se um rendimento de 70% para essa reação, quantos mols de gás carbônico foram conseguidos? 38º) Na combustão do cicloexano (C 6 H 12 ), qual a quantidade em mols de oxigênio (O 2 ) consumida, para um mol de cicloexano queimado, conforme a equação: C 6 H 12 + O 2 CO 2 + H 2 O

Estequiometria. Priscila Milani

Estequiometria. Priscila Milani Estequiometria Priscila Milani Cálculo de massa para amostras impuras: Reagentes impuros, principalmente em reações industriais, ou porque eles são mais baratos ou porque eles já são encontrados na Natureza

Leia mais

Professor Marcus Ennes. -Estequiometria

Professor Marcus Ennes. -Estequiometria Professor Marcus Ennes -Estequiometria - RELAÇÕES FUNDAMENTAIS RAZÃO E PROPORÇÃO 1) Um formigueiro é composto por 2.000 formigas. Cada formiga consome por dia, 1.500 moléculas de glicose (C 6 H 12 O 6

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 29 ESTEQUIOMETRIA: EXCESSO E LIMITANTE

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 29 ESTEQUIOMETRIA: EXCESSO E LIMITANTE QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 29 ESTEQUIOMETRIA: EXCESSO E LIMITANTE Como pode cair no enem (UFF) O cloreto de alumínio é um reagente muito utilizado em processos industriais que pode ser obtido por meio da

Leia mais

Cálculos envolvendo reações

Cálculos envolvendo reações Cálculos envolvendo reações Cálculo Estequiométrico Estuda as relações que ocorrem entre as quantidades de substâncias que participam de uma transformação química No cálculo estequiométrico são comparados

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA. Lista IV complementar. 1. A combustão completa do metanol pode ser representada pela equação nãobalanceada:

ESTEQUIOMETRIA. Lista IV complementar. 1. A combustão completa do metanol pode ser representada pela equação nãobalanceada: 1. A combustão completa do metanol pode ser representada pela equação nãobalanceada: CH 3 OH (l) + O 2(g) = CO 2(g) + H 2 O (l) (A) 1,0 mol (B) 1,5 mols (C) 2,0 mols (D) 2,5 mols (E) 3,0 mols Quando se

Leia mais

1) (Faap SP) A combustão completa do metanol pode ser representada pela equação não-balanceada:

1) (Faap SP) A combustão completa do metanol pode ser representada pela equação não-balanceada: 1) (Faap SP) A combustão completa do metanol pode ser representada pela equação não-balanceada: CH 3 OH (l) + O 2(g) CO 2(g) + H 2 O (l) Quando se utilizam 5,0 mols de metanol nessa reação, quantos mols

Leia mais

Atividade de Autoavaliação Recuperação 2 os anos Rodrigo ago/09

Atividade de Autoavaliação Recuperação 2 os anos Rodrigo ago/09 Química Atividade de Autoavaliação Recuperação 2 os anos Rodrigo ago/09 Re Resolução 1. O carbeto de cálcio CaC 2 (s) (massa molar = 64 g mol 1 ), também conhecido como carbureto, pode ser obtido aquecendo-se

Leia mais

Atividade complementar. Substâncias e transformações químicas, entendendo os aspectos quantitativos

Atividade complementar. Substâncias e transformações químicas, entendendo os aspectos quantitativos Atividade complementar Substâncias e transformações químicas, entendendo os aspectos quantitativos Esta atividade tem como objetivo complementar e aprofundar os estudos sobre as transformações químicas,

Leia mais

QUÍMICA 2 PROF EMANUELE CASOS PARTICULARES DE CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO

QUÍMICA 2 PROF EMANUELE CASOS PARTICULARES DE CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO QUÍMICA 2 PROF EMANUELE 4.2.2 - CASOS PARTICULARES DE CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO A) QUANDO APARECEM REAÇÕES CONSECUTIVAS Consideremos, como exemplo, a fabricação industrial do ácido sulfúrico a partir do

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 30 ESTEQUIOMETRIA: REAÇÕES CONSECUTIVAS

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 30 ESTEQUIOMETRIA: REAÇÕES CONSECUTIVAS QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 30 ESTEQUIOMETRIA: REAÇÕES CONSECUTIVAS Como pode cair no enem Um dos efeitos da chamada chuva ácida causada pelo SO 2(g) lançado na atmosfera, é a transformação do mármore, CaCO

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 28 ESTEQUIOMETRIA: PUREZA

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 28 ESTEQUIOMETRIA: PUREZA QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 28 ESTEQUIOMETRIA: PUREZA Fixação 1) (ENEM) Em setembro de 1998, cerca de 10.000 toneladas de ácido sulfúrico (H 2 SO 4 ) foram derramadas pelo navio Bahamas no litoral do Rio

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: QUÍMICA EXERCÍCIOS EXTRAS 2º TRIMESTRE 2016

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: QUÍMICA EXERCÍCIOS EXTRAS 2º TRIMESTRE 2016 INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 1º Ano: C11 Nº Professor: Lúcia Nascimento COMPONENTE CURRICULAR:

Leia mais

Material 4: Estequiometria EQUAÇÕES QUÍMICAS REAGENTES PRODUTOS. Sódio + Água hidróxido de sódio + Hidrogênio

Material 4: Estequiometria EQUAÇÕES QUÍMICAS REAGENTES PRODUTOS. Sódio + Água hidróxido de sódio + Hidrogênio EQUAÇÕES QUÍMICAS REAÇÃO QUÍMICA: É o processo de uma mudança química (Átkins). Este processo é representado por meio de uma EQUAÇÃO QUÌMICA. As EQUAÇÕES QUÍMICAS são representadas por: REAGENTES PRODUTOS

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA Folha 01 João Roberto Mazzei

ESTEQUIOMETRIA Folha 01 João Roberto Mazzei 01. (UFC 2009) O principal componente da cal, importante produto industrial fabricado no Ceará, é o óxido de cálcio (CaO). A produção de CaO se processa de acordo com a seguinte reação química: CaCO 3(s)

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA - 3C13 - Profª

ESTEQUIOMETRIA - 3C13 - Profª ESTEQUIOMETRIA - 3C13 - Profª Estequiometria é a parte da Química que estuda as proporções dos elementos que se combinam ou que reagem. MASSA ATÔMICA (u) É a massa do átomo medida em unidades de massa

Leia mais

FICHA DE TRABALHO DE FÍSICA E QUÍMICA A FEVEREIRO 2012

FICHA DE TRABALHO DE FÍSICA E QUÍMICA A FEVEREIRO 2012 FICHA DE TRABALHO DE FÍSICA E QUÍMICA A FEVEREIRO 2012 APSA Nº14 11º Ano de Escolaridade 1. Qual a massa de hidróxido de sódio necessária para reagir completamente com 49,05 g de ácido sulfúrico de acordo

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA. Estudo das reações. Descrevendo uma reação química. Indicadores de uma reação química:

ESTEQUIOMETRIA. Estudo das reações. Descrevendo uma reação química. Indicadores de uma reação química: ESTEQUIOMETRIA Estudo das reações Indicadores de uma reação química: Produção de um gás Liberação ou absorção de calor Formação de um precipitado Mudança de cor 3 Descrevendo uma reação química Reagentes

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA. Estudo das reações. Indicadores de uma reação química:

ESTEQUIOMETRIA. Estudo das reações. Indicadores de uma reação química: ESTEQUIOMETRIA Estudo das reações Indicadores de uma reação química: Produção de um gás Liberação ou absorção de calor Formação de um precipitado Mudança de cor 3 Descrevendo uma reação química Reagentes

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA. Estudo das reações. Descrevendo uma reação química. Indicadores de uma reação química:

ESTEQUIOMETRIA. Estudo das reações. Descrevendo uma reação química. Indicadores de uma reação química: ESTEQUIOMETRIA Estudo das reações Indicadores de uma reação química: Produção de um gás Liberação ou absorção de calor Formação de um precipitado Mudança de cor 3 Descrevendo uma reação química Representação

Leia mais

1ª Série do Ensino Médio

1ª Série do Ensino Médio 1ª Série do Ensino Médio 16. Considere as equações abaixo: I. H 2 + Cl 2 2 HCl II. Zn + H 2 SO 4 ZnSO 4 + H 2 III. HNO 3 + KOH KNO 3 + H 2 O IV. KClO 3 KCl + O 2 As quatro equações representam, nesta ordem,

Leia mais

QUÍMICA MÓDULO 20 CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO. Professor Edson Cruz

QUÍMICA MÓDULO 20 CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO. Professor Edson Cruz QUÍMICA Professor Edson Cruz MÓDULO 20 CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO INTRODUÇÃO Agora que já sabemos os pré-requisitos para o entendimento do cálculo estequiométrico, podemos defini-lo como "o método matemático

Leia mais

SOLUBILIDADE. 1) A curva de solubilidade do K2Cr2O7 é: a) Qual é a solubilidade do K2Cr2O7 em água a 30 ºC? 20 G de K 2Cr 2O 7 /100 g DE H 20

SOLUBILIDADE. 1) A curva de solubilidade do K2Cr2O7 é: a) Qual é a solubilidade do K2Cr2O7 em água a 30 ºC? 20 G de K 2Cr 2O 7 /100 g DE H 20 DISCIPLINA PROFESSOR QUÍMICA REVISADA DATA (rubrica) CLÁUDIA 2016 NOME Nº ANO TURMA ENSINO 3º MÉDIO SOLUBILIDADE 1) A curva de solubilidade do K2Cr2O7 é: a) Qual é a solubilidade do K2Cr2O7 em água a 30

Leia mais

Gabarito de Química Frente 2

Gabarito de Química Frente 2 Gabarito de Química Frente 2 Módulo 05 01. E Calculo do nox: 1) HNO 3 1 + X + 3 x (- 2) = 0 X= + 5 +1 2 X 2) HNO 2 1 + Y + 2 x (- 2) = 0 Y= + 3 +1 Y 2 3) NH 3 Z + 3 x (+1) = 0 Z = - 3 Z 02.A +1 Para calcular

Leia mais

NOX EXERCÍCIOS QUÍMICA PROF- LEONARDO. 01)Quais são os números de oxidação do iodo nas substâncias l 2, Nal, NalO 4 e Al I 3?

NOX EXERCÍCIOS QUÍMICA PROF- LEONARDO. 01)Quais são os números de oxidação do iodo nas substâncias l 2, Nal, NalO 4 e Al I 3? NOX EXERCÍCIOS QUÍMICA PROF- LEONARDO 01)Quais são os números de oxidação do iodo nas substâncias l 2, Nal, NalO 4 e Al I 3? 02. O número de oxidação do manganês no permanganato de potássio (KMnO4) é:

Leia mais

OSASCO-COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR

OSASCO-COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR OSASCO-COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR ASSESSORIA TÉCNICA Processo Avaliativo 1º Bimestre/2015 Disciplinas: Química 2ª série EM Nome do aluno Nº Turma A lista de exercícios abaixo, consta de 33 questões diversas,

Leia mais

Colégio FAAT Ensino Fundamental e Médio

Colégio FAAT Ensino Fundamental e Médio Colégio FAAT Ensino Fundamental e Médio Conteúdo: Cálculos químicos Estudo dos gases Recuperação do 4 Bimestre disciplina Química 1ºano Lista de exercícios 1-1,0 mol de glicose (C 6 H 12 O 6 ) corresponde

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS: TRANSFORMAÇÕES FÍSICAS E QUÍMICAS PROPRIEDADES FÍSICAS E QUÍMICAS ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS ESTEQUIOMETRIA

LISTA DE EXERCÍCIOS: TRANSFORMAÇÕES FÍSICAS E QUÍMICAS PROPRIEDADES FÍSICAS E QUÍMICAS ALGARISMOS SIGNIFICATIVOS ESTEQUIOMETRIA UNIVERSIDADE FEDERAL D ESTAD D RI DE JANEIR (UNIRI) INSTITUT DE BICIÊNCIAS DEP. DE CIÊNCIAS NATURAIS DISCIPLINA: QUÍMICA GERAL E INRGÂNICA 2/2015 PRFª.: CLAUDIA JRGE D NASCIMENT LISTA DE EXERCÍCIS: MATÉRIA

Leia mais

CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO

CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO PROFESSOR: VINÍCIUS DANTAS CÁLCULO ESTEQUIOMÉTRICO 01. (UCSal) 10 gramas de uma substância X reagem com 120 gramas de uma substância Y, produzindo 3 mols de uma substância Z e uma substância W. Sendo a

Leia mais

O processo B é químico. Ocorre uma recombinação entre os átomos, formando novas substâncias químicas. Há ocorrência de reação química.

O processo B é químico. Ocorre uma recombinação entre os átomos, formando novas substâncias químicas. Há ocorrência de reação química. 01 O processo A é físico. Não há transformação das espécies químicas apresentadas, ou seja, é um processo de mistura sem que haja a ocorrência de reação química. O processo B é químico. Ocorre uma recombinação

Leia mais

Lista de exercícios extras: Casos Especiais de Cálculo Estequiométrico.

Lista de exercícios extras: Casos Especiais de Cálculo Estequiométrico. DISCIPLINA PROFESSOR QUÍMICA REVISADA DATA (rubrica) ROSEMARIE 03 2017 NOME Nº ANO TURMA ENSINO 2º MÉDIO Lista de exercícios extras: Casos Especiais de Cálculo Estequiométrico. 01. (Ufrj) A diferença de

Leia mais

COMPOSTOS INORGÂNICOS Profº Jaison Mattei

COMPOSTOS INORGÂNICOS Profº Jaison Mattei COMPOSTOS INORGÂNICOS Profº Jaison Mattei Ácidos (teoria de Arrhenius) Ácidos são substâncias moleculares que, ao serem dissolvidas em água se dissociam, originando o íon hidrônio (H 3 O + ). Exemplos:

Leia mais

Qui. Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira)

Qui. Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira) Semana 15 Allan Rodrigues Xandão (Gabriel Pereira) Este conteúdo pertence ao Descomplica. Está vedada a cópia ou a reprodução não autorizada previamente e por escrito. Todos os direitos reservados. 23

Leia mais

Como fonte, pode ser usado o livro texto, livros didáticos de química e textos de química.

Como fonte, pode ser usado o livro texto, livros didáticos de química e textos de química. Aluno (a): Disciplina QUÍMICA Curso Professor ESINO MÉDIO GUILHERME ROTEIRO DE ESTUDOS DE RECUPERAÇÃO E REVISÃO Série 2ª Série Número: 1 - Conteúdo: Gases Lei do gás ideal Misturas Gasosas Relações estequiométricas

Leia mais

QUÍMICA LIGAÇÕES QUÍMICAS PROF. SAUL SANTANA

QUÍMICA LIGAÇÕES QUÍMICAS PROF. SAUL SANTANA QUÍMICA LIGAÇÕES QUÍMICAS PROF. SAUL SANTANA Ligação Química O conceito de configuração eletrônica e o desenvolvimento da Tabela Periódica permitiu aos químicos uma base lógica para explicar a formação

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA Reagente em excesso e reagente limitante

ESTEQUIOMETRIA Reagente em excesso e reagente limitante Reagente em excesso e reagente limitante Ao estudarmos as reações, nós as enchergamos como ideais, ou seja, achamos que todos os reagentes reagem completamente, exatamente como descrito nas equações químicas.

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 16 RELAÇÕES QUÍMICAS: INTRODUÇÃO

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 16 RELAÇÕES QUÍMICAS: INTRODUÇÃO QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 16 RELAÇÕES QUÍMICAS: INTRODUÇÃO REAGENTES PRODUTOS Como pode cair no enem (UNIRIO) I) Zn + 2AgNO 3 2Ag + Zn(NO 3 ) 2 II) (NH 4 ) 2 Cr 2 O 7 N 2 + Cr 2 O 3 + 4H 2 O III) 2Mg +

Leia mais

AULA 10 ESTEQUIOMETRIA

AULA 10 ESTEQUIOMETRIA AULA 10 ESTEQUIOMETRIA Cálculo estequiométrico ou estequiometria é o cálculo de quantidades de substâncias que interagem, pode ser do reagente consumido ou do produto formado. Baseia-se nas proporções

Leia mais

SOS QUÍMICA - O SITE DO PROFESSOR SAUL SANTANA. QUESTÕES

SOS QUÍMICA - O SITE DO PROFESSOR SAUL SANTANA. QUESTÕES SOS QUÍMICA - O SITE DO PROFESSOR SAUL SANTANA. QUESTÕES EXERCÍCIOS = CÁLCULO ESTEQUIOMETRICO. 1. (UFAC) A massa molecular do composto Na2SO4. 3 H2O é: (Dados: H = I u, O = u, Na = 23 u e S = 32 u.) a)

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA (Conceitos básicos) QUÍMICA A 1415 ESTEQUIOMETRIA

ESTEQUIOMETRIA (Conceitos básicos) QUÍMICA A 1415 ESTEQUIOMETRIA ESTEQUIOMETRIA Estequiometria é a parte da Química que estuda as proporções dos elementos que se combinam ou que reagem. MASSA ATÓMICA (u) É a massa do átomo medida em unidades de massa atómica (u). A

Leia mais

Professora Talita Marcília Lista de Exercícios Cálculo Estequiométrico

Professora Talita Marcília Lista de Exercícios Cálculo Estequiométrico 1) (UNISA-SP - adaptada) Na combustão de 4L de etano (C 2 H 6 ), o volume de oxigênio (medido em CNTP) consumido será: a) 7L b) 14L c) 3,5L d) 22,4L e) 44,8L Equação e balanceamento 2) (ENEM) Atualmente,

Leia mais

Pacheco Disciplina: Química III Trimestre 1ºAno Lista de Exercício

Pacheco Disciplina: Química III Trimestre 1ºAno Lista de Exercício Professor: Cassio Pacheco Disciplina: Química III Trimestre 1ºAno Lista de Exercício 1- Complete a Reação de Neutralização Total: a)naoh + HCl b)hcl + Mg(OH)2 c)ca(oh)2 + HCl d)h3po4 + NaOH e)h2so4 + Al(OH)3

Leia mais

3) Dadas as equações: I CuCl 2 + H 2 SO 4

3) Dadas as equações: I CuCl 2 + H 2 SO 4 1) Observe as reações I e II abaixo: I NH 3 + HCl NH 4 Cl II 2HgO aquecimento 2Hg + O 2 Podemos afirmar que I e II são, respectivamente, reações de: a) síntese e análise b) simples troca e síntese c) dupla

Leia mais

2. Funções Inorgânicas Substâncias químicas que compõem a Terra e que são essenciais para o organismo (minerais).

2. Funções Inorgânicas Substâncias químicas que compõem a Terra e que são essenciais para o organismo (minerais). 1. Funções orgânicas 2. Funções Inorgânicas Substâncias químicas que compõem a Terra e que são essenciais para o organismo (minerais). Eletrólitos e Não Eletrólitos Eletrólitos são substâncias que, em

Leia mais

Exercícios: Cálculo estequiométrico

Exercícios: Cálculo estequiométrico Química Ficha 4 2 os anos Rodrigo fev/12 Nome: Nº: Turma: Exercícios: Cálculo estequiométrico 1. O carbeto de silício, SiC, é conhecido como carborundo. É uma substância muito dura, usada como abrasivo,

Leia mais

Ocorrência de reações

Ocorrência de reações Ocorrência de reações Dados: Força de ácidos e bases Classificação dos hidrácidos mais conhecidos: Regra prática para a classificação dos oxiácidos Determine a diferença (D) entre a quantidade de átomos

Leia mais

Educadora: Cristina Tatiane Disciplina: Química Data: /12/2012 Estudante: 1ª Série

Educadora: Cristina Tatiane Disciplina: Química Data: /12/2012 Estudante: 1ª Série Educadora: Cristina Tatiane Disciplina: Química Data: /12/2012 Estudante: 1ª Série Questão 1 Faça as devidas conversões, pedidas a seguir: a) 500 g para Kg f) 298K para ºC b) 300 g para mg g) 850 cm 3

Leia mais

PROVA DE QUÍMICA. Tendo em vista as propriedades coligativas dessas soluções, é CORRETO afirmar

PROVA DE QUÍMICA. Tendo em vista as propriedades coligativas dessas soluções, é CORRETO afirmar 17 PROVA DE QUÍMICA Q U E S T Ã O 2 6 Z e X são elementos químicos que apresentam respectivamente 2 e 6 elétrons no nível de valência. A fórmula química resultante da combinação entre átomos dos elementos

Leia mais

Em meio aquoso sofrem dissociação liberando íons na água, o que torna o meio condutor de corrente elétrica.

Em meio aquoso sofrem dissociação liberando íons na água, o que torna o meio condutor de corrente elétrica. Aula 7 Funções Inorgânicas (sais e óxidos) Sal Os sais são compostos que possuem um cátion qualquer (só não pode ser exclusivamente o H +, senão será um ácido) e um ânion qualquer(só não pode ser exclusivamente

Leia mais

Projeto de Recuperação Final - 1ª Série (EM)

Projeto de Recuperação Final - 1ª Série (EM) Projeto de Recuperação Final - 1ª Série (EM) QUÍMICA MATÉRIA A SER ESTUDADA VOLUME CAPÍTULO ASSUNTO 5 15 Funções inorgânicas: identificação e nomenclatura de ácidos e bases 5 16 Funções inorgânicas- sais:

Leia mais

Estequiometria Folha 04 Prof.: João Roberto Mazzei

Estequiometria Folha 04 Prof.: João Roberto Mazzei 01- (UFRRJ 2005) Observe a figura e leia o texto. No balão A, são adicionados carbonato de sódio e ácido clorídrico em quantidades suficientes para a produção de 11,2 litros de um gás, nas CNTP, sendo

Leia mais

1. A fermentação é um processo químico complexo do fabrico de vinho no qual a glucose é convertida em etanol e dióxido de carbono:

1. A fermentação é um processo químico complexo do fabrico de vinho no qual a glucose é convertida em etanol e dióxido de carbono: EB: QUÍMICA GERAL/ EQB: QUÍMICA GERAL I Capítulo 4. Reacções químicas II Ficha de exercícios 1. A fermentação é um processo químico complexo do fabrico de vinho no qual a glucose é convertida em etanol

Leia mais

Química Oxi-Redução Balanceamento de Equações Fácil [20 Questões]

Química Oxi-Redução Balanceamento de Equações Fácil [20 Questões] Química Oxi-Redução Balanceamento de Equações Fácil [20 Questões] 01 - (UFPR) Das equações abaixo, qual(quais) está(estão) balanceada(s) corretamente? I. NH 3 + HCl NH 4 Cl II. BaCl 2 + H 2 SO 4 HCl +

Leia mais

3ª Série / Vestibular. As equações (I) e (II), acima, representam reações que podem ocorrer na formação do H 2SO 4. É correto afirmar que, na reação:

3ª Série / Vestibular. As equações (I) e (II), acima, representam reações que podem ocorrer na formação do H 2SO 4. É correto afirmar que, na reação: 3ª Série / Vestibular 01. I _ 2SO 2(g) + O 2(g) 2SO 3(g) II _ SO 3(g) + H 2O(l) H 2SO 4(ag) As equações (I) e (II), acima, representam reações que podem ocorrer na formação do H 2SO 4. É correto afirmar

Leia mais

Funções Químicas: Ácidos, bases, sais e óxidos

Funções Químicas: Ácidos, bases, sais e óxidos Funções Químicas: Ácidos, bases, sais e óxidos Funções Químicas Grupo de substâncias compostas que possuem propriedades químicas semelhantes; As funções químicas são divididas de acordo com a divisão clássica

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 06 SOLUÇÕES: MISTURAS - PARTE 2

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 06 SOLUÇÕES: MISTURAS - PARTE 2 QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 06 SOLUÇÕES: MISTURAS - PARTE 2 Fixação 1) 60 ml de uma solução 0,75 mol/l de NaOH neutralizam 30 ml de uma solução de ácido sulfúrico. A molaridade do ácido é: m a) 0,65 d) 0,75

Leia mais

Química Fascículo 03 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida

Química Fascículo 03 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida Química Fascículo 03 Elisabeth Pontes Araújo Elizabeth Loureiro Zink José Ricardo Lemes de Almeida Índice Estequiometria...1 Exercícios...2 Gabarito...4 Estequiometria Balanço de massas e de quantidades

Leia mais

REAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO PARCIAL

REAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO PARCIAL REAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO PARCIAL Reação de salificação com neutralização parcial do ácido Nessa reação, forma-se um hidrogênio sal (sal ácido), cujo ânion contém H ionizável. Reação de salificação com

Leia mais

FUNÇÕES E REAÇÕES INORGÂNICAS

FUNÇÕES E REAÇÕES INORGÂNICAS FUNÇÕES E REAÇÕES INORGÂNICAS 1-A Chuva ácida: SO 3 + H 2 O H 2 SO 4 2-B Neutralização: 2 H 3 PO 4 + 3 Ba(OH) 2 Ba 3 (PO 4 ) 2 + 6 H 2 O 3-E O NOX do enxofre no Na 2 SO 3 é +4, sendo o sulfito de sódio.

Leia mais

Cálculos Estequiométricos

Cálculos Estequiométricos Cálculos Estequiométricos LEIS PONDERAIS São todas relacionadas à massa. Lei de Lavoisier: As massas dos reagentes envolvidos em uma reação são sempre iguais às massas dos produtos obtidos. Ex. H 2(g)

Leia mais

O que você deve saber sobre

O que você deve saber sobre O que você deve saber sobre Podemos conhecer as grandezas que regem a quantificação dos fenômenos químicos identificando o comportamento da massa, do número de partículas e do volume de diferentes substâncias.

Leia mais

NOME: ANO: 2º ENSINO: MÉDIO TURMA: DATA: / / PROF(ª).: Luciano Raposo Freitas EXERCÍCIOS TERMOQUÍMICA QUÍMICA II (2º BIM)

NOME: ANO: 2º ENSINO: MÉDIO TURMA: DATA: / / PROF(ª).: Luciano Raposo Freitas EXERCÍCIOS TERMOQUÍMICA QUÍMICA II (2º BIM) NOME: ANO: 2º ENSINO: MÉDIO TURMA: DATA: / / PROF(ª).: Luciano Raposo Freitas EXERCÍCIOS TERMOQUÍMICA QUÍMICA II (2º BIM) 1. Nos motores de explosão existentes hoje em dia utiliza-se uma mistura de gasolina

Leia mais

ESTEQUIOMETRIA Folha 02 João Roberto Mazzei

ESTEQUIOMETRIA Folha 02 João Roberto Mazzei 01. (CFT MG 2008) Cada mililitro de um medicamento antiácido contém 0,06 g de hidróxido de alumínio. A massa de ácido clorídrico do suco gástrico que é neutralizada pela ingestão de 26 ml desse medicamento

Leia mais

P1 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 09/09/11

P1 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 09/09/11 P1 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 09/09/11 Nome: Nº de Matrícula: GABARITO Turma: Assinatura: Questão Valor Grau Revisão 1 a,5 a,5 3 a,5 4 a,5 Total 10,0 Dados R = 0,081 atm L -1 K -1 T (K) = T ( C) + 73,15

Leia mais

QUÍMICA GERAL. Substâncias e Funções Inorgânicas. Óxidos

QUÍMICA GERAL. Substâncias e Funções Inorgânicas. Óxidos QUÍMICA GERAL Substâncias e Funções Inorgânicas Óxidos Índice Introdução Os óxidos são substâncias presentes no nosso dia-adia. Um bom exemplo de óxido é o gás carbônico, expelido na respiração, principal

Leia mais

Lista de exercícios de 4 a U.L

Lista de exercícios de 4 a U.L Lista de exercícios de 4 a U.L 01-Dada a tabela a seguir, e levando-se em consideração que as substâncias se encontram à temperatura de 50 o C, responda o que se pede: SUBSTANCIA T.F ( o C) T.E ( o C)

Leia mais

TIPOS DE REAÇÕES QUÍMICAS

TIPOS DE REAÇÕES QUÍMICAS Tipos de Reações químicas 1 TIPOS DE REAÇÕES QUÍMICAS Introdução Várias reações da química inorgânica podem ser classificadas em uma das quatro categorias: combinação, decomposição, deslocamento simples

Leia mais

QUI109 QUÍMICA GERAL (Ciências Biológicas) 4ª aula /

QUI109 QUÍMICA GERAL (Ciências Biológicas) 4ª aula / QUI109 QUÍMICA GERAL (Ciências Biológicas) 4ª aula / 2016-2 Prof. Mauricio X. Coutrim (disponível em: http://professor.ufop.br/mcoutrim) REAÇÃO EM SOLUÇÃO AQUOSA São reações envolvendo compostos iônicos

Leia mais

12 GAB. 1 1 o DIA PASES 1 a ETAPA TRIÊNIO QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30

12 GAB. 1 1 o DIA PASES 1 a ETAPA TRIÊNIO QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30 12 GAB. 1 1 o DIA PASES 1 a ETAPA TRIÊNIO 2005-2007 QUÍMICA QUESTÕES DE 21 A 30 21. A hemoglobina das células vermelhas do sangue contém o complexo de ferro com uma porfirina. Sabendo que um indivíduo

Leia mais

Química Analítica I Tratamento dos dados analíticos Soluções analíticas

Química Analítica I Tratamento dos dados analíticos Soluções analíticas Química Analítica I Tratamento dos dados analíticos Soluções analíticas Profª Simone Noremberg Kunz 2 Mol Medidas em química analítica É a quantidade de uma espécie química que contém 6,02x10 23 partículas

Leia mais

LEI DA CONSERVAÇÃO DAS MASSAS

LEI DA CONSERVAÇÃO DAS MASSAS LEIS QUÍMICAS LEI DA CONSERVAÇÃO DAS MASSAS Antoine Lavoisier (1743-1794) demonstrou, através de cuidadosas medidas, que, se uma reação é conduzida em um recipiente fechado, de tal modo que nenhum produto

Leia mais

02)Numa reação endotérmica, há [1] de calor, a entalpia final (produtos) é [2] que a entalpia inicial (reagentes) e a

02)Numa reação endotérmica, há [1] de calor, a entalpia final (produtos) é [2] que a entalpia inicial (reagentes) e a 01)Numa reação exotérmica, há [1] de calor, a entalpia final (produtos) é [2] que a entalpia inicial (reagentes) e a variação de entalpia é [3] que zero. Completa-se corretamente essa frase substituindo-se

Leia mais

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 17 REAÇÕES QUÍMICAS DE SÍNTESE E ANÁLISE

QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 17 REAÇÕES QUÍMICAS DE SÍNTESE E ANÁLISE QUÍMICA - 1 o ANO MÓDULO 17 REAÇÕES QUÍMICAS DE SÍNTESE E ANÁLISE Como pode cair no enem (ENEM) Os oceanos absorvem aproximadamente um terço das emissões de CO 2 procedentes de atividades humanas, como

Leia mais

(a) Calcule a percentagem de urânio na carnotita. (b) Que massa de urânio pode ser obtida a partir de 1350 g de carnotita.

(a) Calcule a percentagem de urânio na carnotita. (b) Que massa de urânio pode ser obtida a partir de 1350 g de carnotita. Cálculos com fórmulas e equações químicas 3. 3.1 A análise de uma pequena amostra de Pb 3 (PO 4 ) 2 apresentou a quantidade de 0,100 g de chumbo. Responda os itens abaixo usando estes dados e as massas

Leia mais

QUÍMICA CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS

QUÍMICA CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS QUÍMICA CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS CÁLCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS Os cálculos estequiométricos correspondem aos cálculos de massa, de quantidade de matéria e em alguns casos, de volumes das substâncias envolvidas

Leia mais

A nomenclatura dos sais é feita escrevendo-se o nome do ânion, a palavra de e o nome do cátion: (nome do ânion) de (nome do cátion)

A nomenclatura dos sais é feita escrevendo-se o nome do ânion, a palavra de e o nome do cátion: (nome do ânion) de (nome do cátion) QUÍMICA GERAL - AULA 6 - SAIS E ÓXIDOS DATA: 18/09/2015 PROF. ANA - SAIS NEUTRALIZAÇÃO TOTAL Quando misturamos uma solução aquosa de HCl e uma solução aquosa de NaOH ocorre uma reação entre os íons H +

Leia mais

EB: QUÍMICA GERAL/ EQB: QUÍMICA GERAL I

EB: QUÍMICA GERAL/ EQB: QUÍMICA GERAL I EB: QUÍMICA GERAL/ EQB: QUÍMICA GERAL I Capítulo 6. Termoquímica Ficha de exercícios 1. Uma amostra de azoto gasoso expande-se do seu volume inicial de 1.6 L para 5.4 L, a temperatura constante. Calcule

Leia mais

Reações inorgânicas Atividades 2

Reações inorgânicas Atividades 2 Reações inorgânicas Atividades 2 Introdução Os exercícios propostos abaixo abordam o conteúdo de reações inorgânicas, com os principais tipos dessas reações, dessa vez com os nomes das substâncias, para

Leia mais

EXPERIÊNCIA 4 REAÇÕES E EQUAÇÕES QUÍMICAS

EXPERIÊNCIA 4 REAÇÕES E EQUAÇÕES QUÍMICAS CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS - CCT Departamento de Ciências Básicas e Sociais - DCBS Disciplina Química Experimental QEX Prof. Sivaldo Leite Correia EXPERIÊNCIA 4 REAÇÕES E EQUAÇÕES QUÍMICAS 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

Lista de Exercícios - Professor facebook.com/profrodrigoartuso. Grandezas Químicas e Estequiometria

Lista de Exercícios - Professor facebook.com/profrodrigoartuso. Grandezas Químicas e Estequiometria Grandezas Químicas e Estequiometria Criando base 1 - Em 100 gramas de alumínio, quantos átomos deste elemento estão presentes? Dados: M(Al) = 27 g/mol 1 mol = 6,02 x 10 23 átomos a) 3,7 x 10 23 b) 27 x

Leia mais

29/03/ TRANSFORMAÇÕES QUÍMICAS PROVA 1 GABARITO - prova tipo A

29/03/ TRANSFORMAÇÕES QUÍMICAS PROVA 1 GABARITO - prova tipo A 29/03/2016 - TRANSFORMAÇÕES QUÍMICAS PROVA 1 GABARITO - prova tipo A Texto para as questões 1 a 10: O permanganato de potássio (KMnO 4 ) é um forte agente oxidante. Em laboratório, pode ser empregado para

Leia mais

Funções inorgânicas ácidos de Arrhenius

Funções inorgânicas ácidos de Arrhenius Funções inorgânicas ácidos de Arrhenius Ácidos são substâncias que, em solução aquosa, sofrem ionização, liberando como cátion somente H +. Ex:. HNO 3 H + + NO 3 Se colocarmos a água como reagente podemos

Leia mais

Cálculo Estequiométrico

Cálculo Estequiométrico Cálculo Estequiométrico 1º ano Química Pedro 3º Bimestre Questão 01 - (UEFS BA) A dissolução do NO 2(g) em água produz ácido nítrico, de acordo com a equação não-balanceada: NO 2 + H 2 O H + + NO 3 - +

Leia mais

GABARITO. Química B Extensivo V. 6. Exercícios 06) A. I. Adição ou síntese. Dois reagentes (N 2. ). III. Adição ou síntese. Dois reagentes (P 2 07) A

GABARITO. Química B Extensivo V. 6. Exercícios 06) A. I. Adição ou síntese. Dois reagentes (N 2. ). III. Adição ou síntese. Dois reagentes (P 2 07) A GABARIT Química B Extensivo V 6 Exercícios 01) A a) Certa S + 2 S 2 Na síntese total, os reagentes são substâncias simples + Ca(H) 2 Ca + 2 Reação de neutralização do solo b) Errada S 3 é óxido ácido,

Leia mais

L E I S D A S R E A Ç Õ E S Q U Í M I C A S PROF. AGAMENON ROBERTO < 2011 >

L E I S D A S R E A Ç Õ E S Q U Í M I C A S PROF. AGAMENON ROBERTO < 2011 > L E I S D A S R E A Ç Õ E S Q U Í M I C A S PROF. AGAMENON ROBERTO < 2011 > Prof. Agamenon Roberto LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS www.agamenonquimica.com 2 LEIS DAS REAÇÕES QUÍMICAS Um trabalho muito complicado

Leia mais

Funções Inorgânicas - Ácidos e Sais

Funções Inorgânicas - Ácidos e Sais Funções Inorgânicas - Ácidos e Sais Material de Apoio para Monitoria 1. (ITA) A respeito das espécies químicas HNO3, HCN, CH3COOH, HCO3 -, HClO4, HPO4 2-, cada uma em solução aquosa e à temperatura ambiente,

Leia mais

Ficha 12 Exercícios 2 os anos Rodrigo maio/12. Nome: Nº: Turma:

Ficha 12 Exercícios 2 os anos Rodrigo maio/12. Nome: Nº: Turma: Química Ficha 12 Exercícios 2 os anos Rodrigo maio/12 Nome: Nº: Turma: 1. Considere três soluções aquosas contidas nos frascos seguintes: Frasco 1: 500 ml de HCl 1,0 mol/l Frasco 2: 500 ml de CH 3 COOH

Leia mais

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: QUÍMICA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL 2016

INSTITUTO GEREMARIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: QUÍMICA EXERCÍCIOS DE RECUPERAÇÃO PARCIAL 2016 INSTITUTO GEREMARIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 1º Ano: C11 Nº Professora: Lúcia Nascimento COMPONENTE CURRICULAR:

Leia mais

Química Calculos Estequiométricos Difícil [10 Questões]

Química Calculos Estequiométricos Difícil [10 Questões] Química Calculos Estequiométricos Difícil [10 Questões] 01 - (UFES) Uma amostra de calcário dolomítico, contendo 60% de carbonato de cálcio e 21% de carbonato de magnésio, sofre decomposição quando submetida

Leia mais

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril

3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 3ª Série / Vestibular _ TD 08 _ 19 de abril 01. A corrosão de um metal é a sua destruição ou deterioração, devida à reação com o meio ambiente. O enferrujamento é o nome dado à corrosão do ferro: Fe(s)

Leia mais

Pb 2e Pb E 0,13 v. Ag 2e Ag E +0,80 v. Zn 2e Zn E 0,76 v. Al 3e Al E 1,06 v. Mg 2e Mg E 2,4 v. Cu 2e Cu E +0,34 v

Pb 2e Pb E 0,13 v. Ag 2e Ag E +0,80 v. Zn 2e Zn E 0,76 v. Al 3e Al E 1,06 v. Mg 2e Mg E 2,4 v. Cu 2e Cu E +0,34 v QUÍMICA 1ª QUESTÃO Umas das reações possíveis para obtenção do anidrido sulfúrico é a oxidação do anidrido sulfuroso por um agente oxidante forte em meio aquoso ácido, como segue a reação. Anidrido sulfuroso

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final 3ª Etapa 2013 Disciplina: Química Ano: 1 ANO Professora: Maria Luiza Ensino Médio Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Recursos para Estudo / Atividades

Recursos para Estudo / Atividades COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 3ª Etapa 2014 Disciplina: QUÍMICA Série: 1ª Professora: Maria Luiza Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Balanceamento de equações

Balanceamento de equações Balanceamento de equações Química Geral Prof. Edson Nossol Uberlândia, 26/08/2016 Equações químicas Lavoisier: a massa é conservada em uma reação química. Equações químicas: descrições de reações químicas.

Leia mais

... 2) Escreva a fórmula e os nomes dos sete ácidos padrões.

... 2) Escreva a fórmula e os nomes dos sete ácidos padrões. Lista de Exercícios Ácidos Bases e sais 1) Nas colunas abaixo, associe as fórmulas aos seus nomes: I. H 2 S(aq) ( ) ácido bromídrico II. HCl (aq) ( ) ácido fluorídrico III. HCN(aq) ( ) ácido iodídrico

Leia mais

Funções inorgânicas : Sais e Óxidos

Funções inorgânicas : Sais e Óxidos Funções inorgânicas : Sais e Óxidos Sais Bicarbonato de sódio (NaHCO 3 ) Utilizado em antiácidos Carbonato de cálcio (CaCO 3 ) Encontrado no mármore, no calcário, nas cascas de ovos etc Sulfato de cálcio

Leia mais

Gavião Peixoto nº 124 Edifício Manhattan /

Gavião Peixoto nº 124 Edifício Manhattan / 1) Um formigueiro é composto por 2.000 formigas. Cada formiga consome por dia, 1.500 moléculas de glicose (C 6 H 12 O 6 ). A) Quantas moléculas de glicose são consumidas por essas formigas em um dia? B)

Leia mais

Nome: Nº: Turma: INSTRUÇÕES GERAIS. Instruções Específicas

Nome: Nº: Turma: INSTRUÇÕES GERAIS. Instruções Específicas Química Avaliação os anos Rodrigo mar/1 Nome: Nº: Turma: INSTRUÇÕES GERAIS 1. Nenhum material deve estar embaixo das carteiras. Livros e mochilas devem ficar guardados no armário. É proibido portar celular..

Leia mais

Qui. Semana. Allan Rodrigues Gabriel Pereira (Renan Micha)

Qui. Semana. Allan Rodrigues Gabriel Pereira (Renan Micha) Semana 9 Allan Rodrigues Gabriel Pereira (Renan Micha) Este conteúdo pertence ao Descomplica. Está vedada a cópia ou a reprodução não autorizada previamente e por escrito. Todos os direitos reservados.

Leia mais

OPERAÇÕES UNITÁRIAS II

OPERAÇÕES UNITÁRIAS II COLÉGIO META OPERAÇÕES UNITÁRIAS II Prof. ABEL SCUPELITI ARTILHEIRO SÃO PAULO 2012 1 OPERAÇÕES UNITÁRIAS II BALANÇO MATERIAL O Balanço Material é utilizado para projetos e análises de equipamentos de novas

Leia mais

com o oxigênio, formando o trióxido de enxofre (SO 3 ), e deste com a água, resultando no H 2

com o oxigênio, formando o trióxido de enxofre (SO 3 ), e deste com a água, resultando no H 2 11 Em 2004 iniciou-se, no Brasil, a exploração de uma importante jazida de minério de cobre. Nestes minérios, o metal é normalmente encontrado na forma de sulfetos, como o CuS, e para sua obtenção o minério

Leia mais