O WebSig do Município de Guimarães

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O WebSig do Município de Guimarães"

Transcrição

1 O WebSig do Município de Guimarães Pedro Pereira

2 A Divisão SIG O SIG do Município de Guimarães Gabinete criado em 1998 (no âmbito do PROSIG) Nos 10 anos seguintes, o SIG serviu de apoio aos diversos serviços da Câmara: Limites Administrativos; Carta de equipamentos (DPPU); Plano de emergência (DSUA); Levantamento de Toponímia (DTT); Mapas da rede viária (DTT); Plano Municipal de Emergência (DSUA);

3 A Divisão SIG O SIG do Município de Guimarães Todos os trabalhos tinham um objectivo específico, não existindo um verdadeiro Sistema de Informação; A organização da informação, não era a mais recomendada, dispersa, sem controlo de versões, os formatos da informação era dos mais variados (dgn, dwg, shp, geodatabases, tif, jpg, etc); Dificuldade na importação e integração dos dados CAD SIG CAD; Dificuldade na mudança dos hábitos dos utilizadores CAD, no que se refere ao tipo de elementos no desenho (evitar b-splines, arc s, etc) e utilização da informação scales e rotates e moves na cartografia.

4 A problemática Limitações, dificuldades Falta de informação; Dificuldade em centralizar todos os dados de forma organizada; Permitir a edição e introdução de dados em vários postos de trabalho; Disponibilização da informação a todos os funcionários e a Munícipes; O QUE FAZER?!?!?!

5 A Proposta Requisitos obrigatórios: BD única, centralizadora de toda a informação; Aplicação assente em ambiente WEB; Plataforma Open Source (pois as experiência anteriores com software proprietário nunca resultaram, devido aos avultados custos de aquisição e de manutenção, assim como as limitações no seu uso); Administração em ambiente WEB; Permitir o acesso aos dados com aplicações monoposto, com controlo de permissões (Qgis, ArcGis, etc).

6 A Proposta Escolha da Aplicação: Após consulta de várias opções no mercado, optamos pela aplicação NgWebSig (agora nggeomunicipium) da Novageo, porque: A aplicação cumpria todos os requisitos; É uma empresa com bastantes anos e experiência na área dos SIG; Possibilidade da aplicação se ajustar às nossas necessidades e não o oposto; Confiança na empresa, face a um relacionamento comercial com mais de 10 anos

7 A Proposta arquitectura tecnológica infra-estrutura de dados espaciais (servidor): Sistema Operativo Linux (Ubuntu Server) Webserver Apache servidor aplicacional PHP 5 base de dados PostgreSQL 8.2, com extensão espacial PostGIS aplicação WebSIG, incorpora os seguintes componentes principais: - MapServer - OpenLayers - GDAL/OGR

8 A Aplicação Aplicações desenvolvidas/em desenvolvimento servidor internet consulta do PDM consulta pública de planos fórum protecção civil zonas verdes equipamentos a minha rua servidor intranet emissão de plantas consulta do PDM gestão de processos publicidade (e mobiliário urbano) atendimento técnico (DPU/DEP/DGU) levantamentos topográficos gestão da rede viária património municipal

9 A Aplicação Funcionalidades genéricas zoom (in, out, fit, ) pan identificar imprimir layers / legenda escala coordenadas medição de área e comprimento login

10 A Aplicação Menu das aplicações

11 Emissão de Plantas plantas oficiais emitidas no BUA plantas genéricas de uso livre todo o Município controlo de acessos permitiu o encerramento da Reprografia melhoria na qualidade das plantas fornecidas maior celeridade e simplificação do processo de fornecimento de plantas

12 Emissão de Plantas Funcionalidades: definição de mapas tipo (cartografia e escalas) definição de pedidos tipo e respectivos mapas emissão automática de plantas de localização registo dos pedidos Classificação automática das plantas (PDM em suporte digital)

13 Consulta ao PDM Consulta das cartas e regulamento do PDM, permite: delimitação da proposta sobreposição de diversas cartas do plano classificação automática das plantas (PDM em suporte digital)

14 Gestão de Processos Foi solicitado o desenvolvimento de uma aplicação para gerir (alguns) dos diversos tipos de processos que o Município gere, tais como: Obras particulares Loteamentos Fiscalização Vistorias Administrativas Restauração e Bebidas Património Esta aplicação teria ainda de: permitir uma relação de n-n entre os prédios e os processos (possibilita um prédio ter mais de um processo e vice-versa); inserir processos manualmente (desenhar na aplicação o limite); inserir processos automaticamente - importação de ficheiros no formato dwg e shapefile, validando o seu conteúdo ( implantação e levantamento topográfico).

15 Gestão de Processos (passado) Os processos anteriormente a esta aplicação eram registados em cartas de papel; A pesquisa e leitura das cartas era bastante difícil; O acesso á informação era limitado.

16 Gestão de Processos Pesquisas Geográficas Freguesia, Toponímia e Lugares

17 Gestão de Processos Pesquisas de Processos Número e Tipo

18 Gestão de Processos Administração: processos prédios layers documentos associados desenhos importados estatísticas logs

19 Gestão de Processos Administração: processos prédios layers documentos associados desenhos importados estatísticas logs

20 Gestão de Processos Integração com Medidata Com um simples clique na aplicação Medidata é aberto o Websig no processo que se está a consultar (caso este esteja georreferenciado).

21 Gestão de Processos Integração com Medidata Com um simples clique na aplicação Medidata é aberto o Websig no processo que se está a consultar (caso este esteja georreferenciado).

22 Gestão de Processos Integração com Medidata Com um simples clique no WebSig, também é possível visualizar o processo na janela da Medidata.

23 Gestão de Processos Integração com Medidata Com um simples clique no WebSig, também é possível visualizar o processo na janela da Medidata.

24 Gestão de Processos Integração com Medidata A integração entre o WebSig e as Aplicações SIGMA da Medidata - vantagens: apesar de parecer pouco relevante, mostrou-se muito útil; usabilidade, com um simples clique, os utilizadores, podem usar ambas as plataformas; a curiosidade por ver algo de novo, e de uma forma muito simples, permitiu uma massificação do seu uso; WebSig passou a ser um instrumento de trabalho indispensável para muitos.

25 Publicidade Funcionalidades: Georreferenciação da Publicidade (inserção de pontos) Controlo de estado (pago, ilegal, etc) Pesquisas geográficas, por processo e avançadas Inserção de fotos e anexos Vantagens: Maior controlo sobre os dados Fiscalização mais eficiente Partilha de informação entre serviços

26 Publicidade -

27 Património Municipal Funcionalidades: Georreferenciação de Património de domínio Público e Privado (inserção de pontos e áreas) Pesquisas geográficas, e por inventário Inserção de fotos e anexos Interligação com BD de Património Vantagens: Maior controlo sobre os dados Integração com outras aplicações/dados (ex. Obras, Loteamentos, etc) Fiscalização mais eficiente Partilha de informação entre serviços

28 Património Municipal

29 Consulta Pública de Planos Fórum destinado à discussão e consulta pública de planos. Permite: consulta de elementos, criação de tópicos, tópicos com/sem geometria moderação do fórum.

30 Consulta Pública de Planos Fórum destinado à discussão e consulta pública de planos. Permite: consulta de elementos, criação de tópicos, tópicos com/sem geometria moderação do fórum.

31 Edições e Análise à BD Surgiu a necessidade de aceder á BD com uma aplicação monoposto, com o objectivo de: efectuar edições e correcções aos dados efectuar análises espaciais comparar dados com outros elementos (shapefile, dwg, dgn, etc) Para tal foi necessário adoptar uma ferramenta, com os seguintes requisitos: preferencialmente open source para facilitar a sua distribuição intuitiva com acesso ao PostgreSql eficiente e com suporte técnico (fóruns e listas de discussão)

32 Qgis alternativa monoposto Funcionalidade: edições mais complexas correcções de geometrias analises espaciais e outras Vantagens: custo controlo de acessos sem limite da dados acesso a BD do Websig e outros dados aplicação bastante intuitiva permite adicionar novas funcionalidades, ou o desenvolvimento (plug-ins)

33 considerações finais as ferramentas open source para o SIG municipal mostraram-se: efectivamente competentes relevantes em termos técnicos e financeiros liberdade e a facilidade de utilização fiáveis, eficazes e eficientes passíveis de partilha possibilidade de desenvolver soluções (intranet e internet) em diversas áreas compatíveis com diversas aplicações e formatos (liberdade para mudanças) estas permitiram no nosso caso: massificação do uso de aplicações SIG (de 2 departamentos para todo o Município) utilização da informação com regras partilha de informação sem duplicações de dados controlo sobre as versões e permissões

a emergência das tecnologias open source no SIG municipal de guimarães

a emergência das tecnologias open source no SIG municipal de guimarães a emergência das tecnologias open source no SIG municipal de guimarães processo de modernização administrativa prestação de um melhor serviço aos cidadãos utilização mais eficiente dos seus recursos no

Leia mais

Câmara Municipal de Mafra ArcGIS For AutoCAD. Integração ArcGIS e AutoCAD na Actualização Diária da BD de Processos de Obras

Câmara Municipal de Mafra ArcGIS For AutoCAD. Integração ArcGIS e AutoCAD na Actualização Diária da BD de Processos de Obras Câmara Municipal de Mafra ArcGIS For AutoCAD Integração ArcGIS e AutoCAD na Actualização Diária da BD de Processos de Obras Índice 3 Introdução Primeiros passos na Georreferenciação de Processos Início

Leia mais

GeoLoulé: Plataforma SIG da C. M. Loulé. Agenda. Objectivo. Enquadramento. Historial. Equipa. Arquitectura. MuniSIG Web. Casos Práticos.

GeoLoulé: Plataforma SIG da C. M. Loulé. Agenda. Objectivo. Enquadramento. Historial. Equipa. Arquitectura. MuniSIG Web. Casos Práticos. Agenda Objectivo Enquadramento Historial Equipa Arquitectura MuniSIG Web Casos Práticos ArcGIS Mobile Futuro Objectivo Criar uma infra-estrutura de suporte a todas as aplicações de informação geográfica

Leia mais

Tarefas Geográficas. uma solução para atualização cartográfica num município. Alexandrina Meneses Engª Geógrafa

Tarefas Geográficas. uma solução para atualização cartográfica num município. Alexandrina Meneses Engª Geógrafa Tarefas Geográficas uma solução para atualização cartográfica num município Alexandrina Meneses Engª Geógrafa SUMÁRIO 1. GABINETE DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA 2. TAREFAS GEOGRÁFICAS 3. CONCLUSÕES 1. GABINETE

Leia mais

GeoMafra SIG Municipal

GeoMafra SIG Municipal GeoMafra SIG Municipal Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar a

Leia mais

SIG do Município de Oeiras: um instrumento para a gestão Municipal. ORADOR 1 Maria João Bessa (CM de Oeiras) ORADOR 2 João Melo (Municípia, S.A.

SIG do Município de Oeiras: um instrumento para a gestão Municipal. ORADOR 1 Maria João Bessa (CM de Oeiras) ORADOR 2 João Melo (Municípia, S.A. SIG do Município de Oeiras: um instrumento para a gestão Municipal ORADOR 1 Maria João Bessa (CM de Oeiras) ORADOR 2 João Melo (Municípia, S.A.) Maria João Bessa Câmara Municipal de Oeiras SIG do Município

Leia mais

Aplicações SIG como Instrumento de Ordenamento e Gestão do Território

Aplicações SIG como Instrumento de Ordenamento e Gestão do Território Aplicações SIG como Instrumento de Ordenamento e Gestão do Território Evolução da última década Manuela Sampayo Martins (Eng.ª) Sistemas de Informação Sistemas de Geográfica, Informação Lda. Geográfica,

Leia mais

Cadastro, Gestão e Manutenção do Património da REFER com recurso aos Sistemas de Informação Geográfica

Cadastro, Gestão e Manutenção do Património da REFER com recurso aos Sistemas de Informação Geográfica Cadastro, Gestão e Manutenção do Património da REFER com recurso aos Sistemas de Informação Geográfica 1. Introdução Ao longo de mais de 150 anos da existência do caminho de ferro em Portugal, foram muitos

Leia mais

Mapas. Visualização de informação geográfica; Consulta e edição (mediante permissões) de informação geográfica;

Mapas. Visualização de informação geográfica; Consulta e edição (mediante permissões) de informação geográfica; Mapas Destinado especialmente aos Utilizadores do GEOPORTAL, nele são descritas e explicadas as diferentes funcionalidades existentes no FrontOffice (GEOPORTAL). O GEOPORTAL é baseado em tecnologia Web,

Leia mais

1. Rede de Apoio Topográfico... 2. 1.1. Características da Rede... 2. 2. Acesso e Utilização... 2. 2.1. Visualizador de mapa... 3

1. Rede de Apoio Topográfico... 2. 1.1. Características da Rede... 2. 2. Acesso e Utilização... 2. 2.1. Visualizador de mapa... 3 MANUAL DE UTILIZAÇÃO... 2 1. Rede de Apoio Topográfico... 2 1.1. Características da Rede... 2 2. Acesso e Utilização... 2 2.1. Visualizador de mapa... 3 2.1.1. Elementos do mapa... 3 2.1.2. Tarefas...

Leia mais

para GESTÃO DO PATRIMÓNIO:

para GESTÃO DO PATRIMÓNIO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA para GESTÃO DO PATRIMÓNIO: CASO ESTUDO DO MÉDIO TEJO Rita Ferreira Anastácio (rfanastacio@ipt.pt) 1 Índice Sistemas de Informação Geográfica Gestão do Património: Enquadramento

Leia mais

GeoMafra Portal Geográfico

GeoMafra Portal Geográfico GeoMafra Portal Geográfico Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar

Leia mais

GeoMafra Portal Geográfico

GeoMafra Portal Geográfico GeoMafra Portal Geográfico Nova versão do site GeoMafra Toda a informação municipal... à distância de um clique! O projecto GeoMafra constitui uma ferramenta de trabalho que visa melhorar e homogeneizar

Leia mais

Sessão de Esclarecimentos para a Georreferenciação de Processos de Obras Particulares Fevereiro de 2010

Sessão de Esclarecimentos para a Georreferenciação de Processos de Obras Particulares Fevereiro de 2010 Sessão de Esclarecimentos para a Georreferenciação de Processos de Obras Particulares Fevereiro de 2010 Produzido por: DEP () Introdução O recurso a novas tecnologias de informação, nomeadamente no desenvolvimento

Leia mais

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um servidor WMS utilizando tecnologia Open Source: MapServer

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um servidor WMS utilizando tecnologia Open Source: MapServer Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um servidor WMS utilizando tecnologia Open Source: MapServer Danilo Furtado dfurtado@igeo.pt 2 as Jornadas SASIG Évora 2009 1 Agenda 1. Serviço

Leia mais

A Importância e o Papel Central do SIG- Empresarial da EP na Gestão de Infraestruturas Rodoviárias

A Importância e o Papel Central do SIG- Empresarial da EP na Gestão de Infraestruturas Rodoviárias A Importância e o Papel Central do SIG- Empresarial da EP na Gestão de Infraestruturas Rodoviárias Rui Ribeiro e Luís Correia EP Gabinete de Sistemas de Informação Agenda Os Sistemas de Informação na EP

Leia mais

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um serviço de visualização utilizando tecnologia Open Source: MapServer

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um serviço de visualização utilizando tecnologia Open Source: MapServer Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um serviço de visualização utilizando tecnologia Open Source: MapServer Danilo Furtado dfurtado@igeo.pt myesig2010 Lisboa 2010 1 Agenda 1.

Leia mais

Código aberto na Direção Geral do Território. Mário Caetano Subdiretor-Geral do Território

Código aberto na Direção Geral do Território. Mário Caetano Subdiretor-Geral do Território Código aberto na Direção Geral do Território Mário Caetano Subdiretor-Geral do Território ÁREAS NUCLEARES DE INTERVENÇÃO ORDENAMENTO E CIDADES GEODESIA E CARTOGRAFIA CADASTRO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Ordenamento

Leia mais

Qgis na Gestão Patrimonial de Infraestruturas (GPI) Município do Sabugal. Telmo Salgado e Ana Carreira

Qgis na Gestão Patrimonial de Infraestruturas (GPI) Município do Sabugal. Telmo Salgado e Ana Carreira Qgis na Gestão Patrimonial de Infraestruturas (GPI) Município do Sabugal Telmo Salgado e Ana Carreira Introdução do Qgis no SIG da câmara municipal do sabugal Teve como motivação principal os custos elevados

Leia mais

Informação Geográfica (SIG) Inês Pinto Instituto de Investigação Cientifica Tropical

Informação Geográfica (SIG) Inês Pinto Instituto de Investigação Cientifica Tropical Introdução aos Sistemas de Informação Geográfica (SIG) Inês Pinto Instituto de Investigação Cientifica Tropical DEFINIÇÃO DE SIG As definições são condicionadas pelo ambiente em que surgem e pela realidade

Leia mais

FORMAÇÃO EM TÉCNICAS DE PLANEAMENTO DE REDES PRIMÁRIAS DE FAIXAS DE GESTÃO DE COMBUSTÍVEL FASE II ELABORAÇÃO DE PLANOS DE RPFGC

FORMAÇÃO EM TÉCNICAS DE PLANEAMENTO DE REDES PRIMÁRIAS DE FAIXAS DE GESTÃO DE COMBUSTÍVEL FASE II ELABORAÇÃO DE PLANOS DE RPFGC FORMAÇÃO EM TÉCNICAS DE PLANEAMENTO DE REDES PRIMÁRIAS DE FAIXAS DE GESTÃO DE COMBUSTÍVEL FASE II ELABORAÇÃO DE PLANOS DE RPFGC Tecnologias SIG Sistemas de Informação Geográfica Centro de Operações e Técnicas

Leia mais

VETORIZAÇÃO DO CADASTRO GEOMÉTRICO DA PROPRIEDADE RÚSTICA DO CONCELHO DE ALJUSTREL

VETORIZAÇÃO DO CADASTRO GEOMÉTRICO DA PROPRIEDADE RÚSTICA DO CONCELHO DE ALJUSTREL VETORIZAÇÃO DO CADASTRO GEOMÉTRICO DA PROPRIEDADE RÚSTICA DO CONCELHO DE ALJUSTREL Lisboa, Setembro 2015 Inês Guerreiro Sara Santos - CM Aljustrel OBJETIVOS Converter para formato vetorial, o cadastro

Leia mais

O uso do gvsig em projetos de geoprocessamento no setor corporativo e na GAUSS Geotecnologia

O uso do gvsig em projetos de geoprocessamento no setor corporativo e na GAUSS Geotecnologia O uso do gvsig em projetos de geoprocessamento no setor corporativo e na GAUSS Geotecnologia Carlos Aluísio Mesquita de Almeida GAUSS Geotecnologia e Engenharia LTDA Tópicos Introdução Aprendizado do gvsig

Leia mais

Acesso ao Servidor de Mapas (ARCMAP)

Acesso ao Servidor de Mapas (ARCMAP) Acesso ao Servidor de Mapas (ARCMAP) Versão 1.0 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 05/03/2014 1.0 Criação do documento Frederico dos Santos Soares APRESENTAÇÃO O presente documento tem como

Leia mais

OFICINA USO DO I3GEO. Levindo Cardoso Medeiros. levindocm@gmail.com

OFICINA USO DO I3GEO. Levindo Cardoso Medeiros. levindocm@gmail.com OFICINA USO DO I3GEO Levindo Cardoso Medeiros levindocm@gmail.com ESTRUTURA INTRODUÇÃO UTILIZANDO O I3GEO Aprendendo a navegar pelo I3Geo Propriedades do mapa ADICIONANDO E MANIPULANDO CAMADAS Adicionando

Leia mais

Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento

Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org 1 Sumário Conceitos GIS e Software Livre Ferramentas: Jump Qgis Thuban MapServer

Leia mais

Sistema Informação Geográfico

Sistema Informação Geográfico Sistema Informação Geográfico Autoridade Tributária e Aduaneira Judas Gonçalves IT Project Manager Agenda Enquadramento; Sistema de Informação Geográfico da AT: - Base de Dados Geográfica Centralizada;

Leia mais

INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB

INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB Belo Horizonte/MG 24 a 27/11/2014 INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB Adriano Peixoto Panazzolo (*), Augusto Gattermann Leipnitz, Daniela Viegas, Társio Onofrio Cardoso da Silva, Thiago

Leia mais

Infra-Estrutura Regional de Informação Geográfica

Infra-Estrutura Regional de Informação Geográfica www.geocidmadeira.com www.irig-madeira.com Não necessito saber tudo. Apenas preciso de saber onde encontrar o que me faz falta, no momento em que necessito. (Albert Einstein) Estrutura 1. Princípios 2.

Leia mais

PHC Serviços CS. A gestão de processos de prestação de serviços

PHC Serviços CS. A gestão de processos de prestação de serviços PHC Serviços CS A gestão de processos de prestação de serviços A solução que permite controlar diferentes áreas de uma empresa: reclamações e respectivo tratamento; controlo de processos e respectivos

Leia mais

1 - INTRODUÇÃO 2 - CONCEITOS BÁSICOS ARCPAD

1 - INTRODUÇÃO 2 - CONCEITOS BÁSICOS ARCPAD 1 - INTRODUÇÃO O ArcPad é um software de mapeamento e tratamento de Informações Geográficas desenvolvido pela ESRI cujo objetivo principal é a portabilidade e mobilidade dos dados. O ArcPad pode ser utilizado

Leia mais

Programa de Monitorização da Lagoa de Óbidos e do Emissário Submarino da Foz do Arelho

Programa de Monitorização da Lagoa de Óbidos e do Emissário Submarino da Foz do Arelho Programa de Monitorização da Lagoa de Óbidos e do Emissário Submarino da Foz do Arelho Sistema de Informação Geográfica (SIG) para a Lagoa de Óbidos e Emissário Submarino da Foz do Arelho INDÍCE 1. SISTEMA

Leia mais

Sistema de Informação Geográfica

Sistema de Informação Geográfica Sistema de Informação Geográfica Conteúdo Apresentação da Empresa Implementação do SIG na Prestiteca, porquê? SIG na Prestiteca Constituição do SIG Vantagens na implementação do SIG Principais dificuldades

Leia mais

Conceito. As empresas como ecossistemas de relações dinâmicas

Conceito. As empresas como ecossistemas de relações dinâmicas Conceito As empresas como ecossistemas de relações dinâmicas PÁG 02 Actualmente, face à crescente necessidade de integração dos processos de negócio, as empresas enfrentam o desafio de inovar e expandir

Leia mais

ERRATA DO EDITAL nº 01/15 MOT/CIGEx, de 08 de abril de 2015. Quartafeira

ERRATA DO EDITAL nº 01/15 MOT/CIGEx, de 08 de abril de 2015. Quartafeira ERRATA DO EDITAL nº 01/15 MOT/CIGEx, de 08 de abril de 2015. 11. DAS CONDIÇÕES PARA CONTRATAÇÃO Onde se lê : Total de horas semanais Terça-feira Segundafeira Quartafeira Quintafeira Sexta-feira da Salário

Leia mais

SIGMA Sistema de Informação Geográfica do Município de Ansião

SIGMA Sistema de Informação Geográfica do Município de Ansião SIGMA Sistema de Informação Geográfica do Município de Ansião Nuno Lourenço Município de Ansião IDENTIFICAÇÃO DA ENTIDADE Ansião, faz fronteira no Distrito de Leiria com os Concelhos de Pombal, Alvaiázere

Leia mais

OpenJUMP. Pontos fracos do OpenJUMP

OpenJUMP. Pontos fracos do OpenJUMP OpenJUMP No início foi chamado apenas de JUMP (JAVA Unified Mapping Platform), e se tornou popular no mundo livre de SIG(Sistema de informação Geográfica), desenhado por Vivid Solutions. Atualmente é desenvolvido

Leia mais

Serviços de rede INSPIRE: visualização e descarregamento

Serviços de rede INSPIRE: visualização e descarregamento Serviços de rede INSPIRE: visualização e descarregamento Implementação utilizando o MapServer Danilo Furtado Laboratório Nacional de Engenharia Civil Agenda 1. Serviço de visualização INSPIRE View Service

Leia mais

TERRAMAIS. Serviço on-line de suporte à gestão agro-florestal. Gomes Aires, José Miguel; Dias, Ana Paula; Duarte, Pedro; Coucelo, Carlos RESUMO

TERRAMAIS. Serviço on-line de suporte à gestão agro-florestal. Gomes Aires, José Miguel; Dias, Ana Paula; Duarte, Pedro; Coucelo, Carlos RESUMO TERRAMAIS Serviço on-line de suporte à gestão agro-florestal Gomes Aires, José Miguel; Dias, Ana Paula; Duarte, Pedro; Coucelo, Carlos RESUMO A vantagem na utilização de Sistemas de Informação Geográfica

Leia mais

Parceiro Oficial de Soluções Zabbix no Brasil

Parceiro Oficial de Soluções Zabbix no Brasil Apresentação A Vantage TI conta uma estrutura completa para atender empresas de todos os segmentos e portes, nacionais e internacionais. Nossos profissionais dedicam-se ao desenvolvimento e criação de

Leia mais

Software-Global 1/11

Software-Global 1/11 Não esquecer que a senha do Administrador é ADMIN Botões do programa: Acesso ao Programa: O Acesso ao programa deve ser feito através do utilizador ADMINISTRADOR, que tem todas as permissões para gerir

Leia mais

I. COMO FAZER O REGISTO NA PLATAFORMA MOODLE 3 II. COMO ACEDER (ENTRAR) NO MOODLE DA ESCOLA 1

I. COMO FAZER O REGISTO NA PLATAFORMA MOODLE 3 II. COMO ACEDER (ENTRAR) NO MOODLE DA ESCOLA 1 Novembro.2010 Índice I. COMO FAZER O REGISTO NA PLATAFORMA MOODLE 3 II. COMO ACEDER (ENTRAR) NO MOODLE DA ESCOLA 1 III. COMO INSERIR MATERIAL PEDAGÓGICO (ANEXAR FICHEIROS) 1 IV. CRIAR UM GLOSSÁRIO 5 V.

Leia mais

Ministério das Finanças Instituto de Informática. Departamento de Sistemas de Informação

Ministério das Finanças Instituto de Informática. Departamento de Sistemas de Informação Ministério das Finanças Instituto de Informática Departamento de Sistemas de Informação Assiduidade para Calendários Específicos Junho 2010 Versão 6.0-2010 SUMÁRIO 1 OBJECTIVO 4 2 ECRÃ ELIMINADO 4 3 NOVOS

Leia mais

TEMA: PDM Digital Uma metodologia para a conversão analógico-digital e integração em SIG

TEMA: PDM Digital Uma metodologia para a conversão analógico-digital e integração em SIG Autores: Fernando Cruz - E-mail: f2crux@clix.pt Rui Teixeira - E-mail: rtsf@clix.pt Instituição: Câmara Municipal de Salvaterra de Magos Palavras chave: Cartografia digital, PDM, integração em SIG. Sessão

Leia mais

EXPEDIENTÍSSIMO E MAPOTECA Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Norte (Declarativa / SIG2000)

EXPEDIENTÍSSIMO E MAPOTECA Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Norte (Declarativa / SIG2000) EXPEDIENTÍSSIMO E MAPOTECA Comissão de Coordenação e Desenvolvimento da Região Norte (Declarativa / SIG2000) Expedientíssimo: espinha dorsal da CCDR-N Estaleiro (Mar 2006) Expedientíssimo-BD (Dez 2006)

Leia mais

SIGRIA. sistema de informação geográfica dos municípios da ria. guião de exploração dos. serviços SIG na web AM RIA. Associação de Municípios da Ria

SIGRIA. sistema de informação geográfica dos municípios da ria. guião de exploração dos. serviços SIG na web AM RIA. Associação de Municípios da Ria SIGRIA. sistema de informação geográfica dos municípios da ria guião de exploração dos serviços SIG na web Associação de Municípios da Ria 02 GUIA WEB ÍNDICE Introdução O que é um SIG? 03 O que é SIGRia?

Leia mais

Palavras-chave: i3geo, gvsig, Mapserver, integração, plugin. Contato: edmar.moretti@terra.com.br ou edmar.moretti@gmail.com

Palavras-chave: i3geo, gvsig, Mapserver, integração, plugin. Contato: edmar.moretti@terra.com.br ou edmar.moretti@gmail.com III Jornada Latinoamericana e do Caribe do gvsig Artigo: Integração do software i3geo com o gvsig Autor: Edmar Moretti Resumo: O i3geo é um software para a criação de mapas interativos para internet qu

Leia mais

CAPÍTULO 1. O QUE É O ArcGIS 8.3. O Sistema de Informações Geográficas ArcGIS é constituído de três partes:

CAPÍTULO 1. O QUE É O ArcGIS 8.3. O Sistema de Informações Geográficas ArcGIS é constituído de três partes: CAPÍTULO 1 O QUE É O ArcGIS 8.3 O Sistema de Informações Geográficas ArcGIS é constituído de três partes: O ArcGIS Desktop, uma parte integrada de aplicações avançadas de SIG; O gateway ArcSDE, uma interface

Leia mais

online > Através de formulário > ComoCartãodeCidadão > Associação do Cartão de Cidadão 1. Aderir ao serviço

online > Através de formulário > ComoCartãodeCidadão > Associação do Cartão de Cidadão 1. Aderir ao serviço online 1. Aderir ao serviço > Através de formulário > ComoCartãodeCidadão > Associação do Cartão de Cidadão 2. Navegar no BAV 3. Consultar requisitos > Autenticação no BAV > Navegação nos menus > Localização

Leia mais

O USO DO SIG NA ADMINISTRAÇÃO E AVALIAÇÃO DE IMÓVEIS DA COMPANHIA IMOBILIÁRIA DE BRASÍLIA TERRACAP

O USO DO SIG NA ADMINISTRAÇÃO E AVALIAÇÃO DE IMÓVEIS DA COMPANHIA IMOBILIÁRIA DE BRASÍLIA TERRACAP O USO DO SIG NA ADMINISTRAÇÃO E AVALIAÇÃO DE IMÓVEIS DA COMPANHIA IMOBILIÁRIA DE BRASÍLIA TERRACAP Thais Borges Sanches Lima e Bruno Tamm Rabello Setembro/2012 Introdução 1. Experiência de um grupo de

Leia mais

Lisboa Interactiva Beta

Lisboa Interactiva Beta Lisboa Interactiva Beta Evolução para Web 2.0 com base na framework ExtJS Mauro Farracha GMV Portugal Sumário 3 Parte I Apresentação da GMV Portugal Quem Somos Organização Sistemas de Informação Geográfica

Leia mais

IDE_CIMAC O OSGeo na disponibilização de IG aos municípios do Alentejo Central. Teresa Batista, Cristina Carriço e Duarte Carreira CIMAC

IDE_CIMAC O OSGeo na disponibilização de IG aos municípios do Alentejo Central. Teresa Batista, Cristina Carriço e Duarte Carreira CIMAC IDE_CIMAC O OSGeo na disponibilização de IG aos municípios do Alentejo Central Teresa Batista, Cristina Carriço e Duarte Carreira CIMAC O projecto IDE CIMAC Enquadramento e objectivos Componentes da solução

Leia mais

AS REDES COMO UM MODELO DE DADOS GEOGRÁFICO EM EVOLUÇÃO: CASO PRÁTICO NUM SIG.

AS REDES COMO UM MODELO DE DADOS GEOGRÁFICO EM EVOLUÇÃO: CASO PRÁTICO NUM SIG. AS REDES COMO UM MODELO DE DADOS GEOGRÁFICO EM EVOLUÇÃO: CASO PRÁTICO NUM SIG. Carla Vaz Paulo 1 1. INTRODUÇÃO O rápido desenvolvimento urbano nas duas últimas décadas, desencadeou um elevado crescimento

Leia mais

CADASTRO COMÉRCIO E SERVIÇOS

CADASTRO COMÉRCIO E SERVIÇOS TOPONÍMIA CADASTRO COMÉRCIO E SERVIÇOS GEOREFERENCIAÇÃO DE EQUIPAMENTOS COLECTIVOS GEOREFERENCIAÇÃO DE PATRIMÓNIO GEOREFERENCIAÇÃO DE ESPAÇOS VERDES CIRCUITOS RECOLHA SELECTIVA (ECOPONTOS) GEOREFERENCIAÇÃO

Leia mais

Base de Dados para Saneamento. Sanepar Companhia de Saneamento do Paraná

Base de Dados para Saneamento. Sanepar Companhia de Saneamento do Paraná Base de Dados para Saneamento Sanepar Companhia de Saneamento do Paraná Área de Atuação S.A.A. 635 localidades 9,51 milhões de pessoas 100% pop. atendida 1,7 milhão análises de Água/Ano S.A.A. Infra-Estrutura

Leia mais

Entrega de Folhas de Férias

Entrega de Folhas de Férias Entrega de Folhas de Férias Guia do Utilizador Versão 4.0 Agosto/ 2014 Índice 1. Introdução 2. Criar/ Validar Folhas de Férias 3. Acesso à funcionalidade 4. Inserir/ Consultar Folhas de Férias 5. Comprovativo

Leia mais

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT E s t u d o s o b r e a i n t e g r a ç ã o d e f e r r a m e n t a s d i g i t a i s n o c u r r í c u l o d a d i s c i p l i n a d e E d u c a ç ã o V i s u a l e T e c n o l ó g i c a AutoCAD WS M

Leia mais

NORMAS DE INSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE OPERAÇÃO URBANÍSTICA EM FORMATO DIGITAL. Pedidos de Licenciamento (PL) e Comunicações Prévias (CP)

NORMAS DE INSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE OPERAÇÃO URBANÍSTICA EM FORMATO DIGITAL. Pedidos de Licenciamento (PL) e Comunicações Prévias (CP) NORMAS DE INSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE OPERAÇÃO URBANÍSTICA EM FORMATO DIGITAL Pedidos de Licenciamento (PL) e Comunicações Prévias (CP) No cumprimento da Lei n.º 60/2007 de 4 de Setembro e nas alterações

Leia mais

newsletter Infraestruturas de Dados Espaciais na Era da Mobilidade

newsletter Infraestruturas de Dados Espaciais na Era da Mobilidade newsletter Universal solutions in Geographic Information Systems and Mapping Número 3 Novembro 2009 ÍNDICE Destaques 1 Novageo no Catálogo Nacional de Compras nggeomunicipium Solução Web SIG Municipal

Leia mais

MAPAS E BASES DE DADOS EM SIG. QUANTUM GIS E POSTGRE SQL Operar e programar em tecnologia SIG com software open source

MAPAS E BASES DE DADOS EM SIG. QUANTUM GIS E POSTGRE SQL Operar e programar em tecnologia SIG com software open source MAPAS E BASES DE DADOS EM SIG QUANTUM GIS E POSTGRE SQL Operar e programar em tecnologia SIG com software open source 1 02 DESTINATÁRIOS Todos os que trabalhando ou que virão a trabalhar com tecnologia

Leia mais

Preservação Digital de Património: paradigmas, estratégias e instrumentos no âmbito da DGPC

Preservação Digital de Património: paradigmas, estratégias e instrumentos no âmbito da DGPC Preservação Digital de Património: paradigmas, estratégias e instrumentos no âmbito da DGPC Paulo Ferreira da Costa Divisão do Património Imóvel, Móvel e Imaterial / Departamento dos Culturais 1.º Seminário

Leia mais

ebook Guia prático para download das imagens gratuitas do INPE

ebook Guia prático para download das imagens gratuitas do INPE ebook Guia prático para download das imagens gratuitas do INPE Guia prático para download das imagens gratuitas do INPE Este guia vai ajudar você a como fazer download, e a visualizar as imagens de satélite

Leia mais

QGIS 2.2 Modo de Edição: Edição de Feições de Polígono

QGIS 2.2 Modo de Edição: Edição de Feições de Polígono QGIS 2.2 Modo de Edição: Edição de Feições de Polígono Jorge Santos 2014 Conteúdo Sumário Capítulo 1... 3 Material de Apoio... 3 1.1 Cartografia de Referência... 3 1.2 Base Cartográfica Vetorial de Referência...

Leia mais

Aplicação da Qualidade. Manual do Utilizador. Versão 1 2006-05-30

Aplicação da Qualidade. Manual do Utilizador. Versão 1 2006-05-30 Aplicação da Qualidade Versão 1 2006-05-30 Índice 1. Introdução 2. Acesso à Aplicação 3. Menu principal 3.1. Processo 3.1.1. Registo da Ocorrência - Fase 1 3.1.2. Análise das Causas - Fase 2 3.1.3. Acção

Leia mais

MANUAL DO ADMINISTRADOR LOCAL. Entidade Municipal

MANUAL DO ADMINISTRADOR LOCAL. Entidade Municipal MANUAL DO ADMINISTRADOR LOCAL Entidade Municipal Abril / 2011 ÍNDICE Objetivos do Sistema de Registro de Integrado - REGIN... 3 Principais Módulos do Sistema... 4 Módulo Controle de Acesso... 5 Módulo

Leia mais

Implementação do Web SIG para o PGRH

Implementação do Web SIG para o PGRH Implementação do Web SIG para o PGRH ARH Centro, I.P. Requisitos do Sistema Ref.: 30/11/2010 FICHA TÉCNICA Referência: Projecto: Implementação do Web SIG para o PGRH Gestor de Projecto: Miguel Rodrigues

Leia mais

O Município de Paredes tem vindo a implementar procedimentos e metodologias com o objetivo de facilitar o acesso do público em geral aos serviços

O Município de Paredes tem vindo a implementar procedimentos e metodologias com o objetivo de facilitar o acesso do público em geral aos serviços O Município de Paredes tem vindo a implementar procedimentos e metodologias com o objetivo de facilitar o acesso do público em geral aos serviços municipais, reduzindo-se os custos e os tempos associados.

Leia mais

Software GEFISEME Aplicação destinada ao auxílio do serviço de Metrologia. Rua D. Afonso Henriques, 1726 4435-003 Rio Tinto www.worldsolutions.

Software GEFISEME Aplicação destinada ao auxílio do serviço de Metrologia. Rua D. Afonso Henriques, 1726 4435-003 Rio Tinto www.worldsolutions. Software GEFISEME Aplicação destinada ao auxílio do serviço de Metrologia Rua D. Afonso Henriques, 1726 4435-003 Rio Tinto www.worldsolutions.pt Conteúdo Introdução... 2 Gestão de acessos... 3 Ficha de

Leia mais

SAMUO APP: MANUAL DO UTILIZADOR

SAMUO APP: MANUAL DO UTILIZADOR as novas tecnologias ao serviço do desenvolvimento de projectos w w w. i m a d i p. c o m CABO VERDE: REALIZAÇÃO DE UMA ACÇÃO- PILOTO PARA A MELHORIA DA GESTÃO NUM GABINETE TÉCNICO SELECCIONADO OFITEC

Leia mais

Centro de Trabalho Indigenista CTI

Centro de Trabalho Indigenista CTI Centro de Trabalho Indigenista CTI Termo de Referência para Contratação de Consultoria Técnica Junho de 2015 Projeto Proteção Etnoambiental de Povos Indígenas Isolados e de Recente Contato na Amazônia

Leia mais

GIIGA GESTÃO DA INFORMAÇÃO DA IGA

GIIGA GESTÃO DA INFORMAÇÃO DA IGA IGA INVESTIMENTOS E GESTÃO DA ÁGUA GIIGA GESTÃO DA INFORMAÇÃO DA IGA IGA INVESTIMENTOS E GESTÃO DA ÁGUA GIIGA GESTÃO DA INFORMAÇÃO DA IGA OBJECTIVOS O projecto GIIGA tem por objectivo elaborar o cadastro

Leia mais

MANUAL DE APOIO SISTEMA INTEGRADO DE DOCUMENTOS E ATENDIMENTO MUNICIPAL

MANUAL DE APOIO SISTEMA INTEGRADO DE DOCUMENTOS E ATENDIMENTO MUNICIPAL Município de Alfândega da Fé Câmara Municipal GABINETE de INFORMATICA (GI) MANUAL DE APOIO SISTEMA INTEGRADO DE DOCUMENTOS E ATENDIMENTO MUNICIPAL - CMAF Versão 2.00 PS.05_MAN.01 GI GABINETE de INFORMATICA

Leia mais

NOÇÕES DE GEOPROCESSAMENTO. Módulo 3

NOÇÕES DE GEOPROCESSAMENTO. Módulo 3 NOÇÕES DE GEOPROCESSAMENTO Módulo 3 Sistema Metropolitano de Informações Georreferenciadas MetroGeo Curso Noções de Geoprocessamento Módulo 3 Oscar Ricardo M. Schmeiske Programação Curso Noções de Geoprocessamento

Leia mais

MANUAL UTILIZADOR SERVIÇO FTP

MANUAL UTILIZADOR SERVIÇO FTP Edição: 1.0 Data: 07/08/15 Pág.: 1/10 O sistema de FTP é um serviço de transmissão de ficheiros bilateral, disponibilizado pela Monoquadros para os seus parceiros de negócio, com vista á fácil e rápida

Leia mais

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br

Copyright 2015 Mandic Cloud Solutions - Somos Especialistas em Cloud. www.mandic.com.br Sumário 1. Boas vindas... 4 2. Dashboard... 4 3. Cloud... 5 3.1 Servidores... 5 o Contratar Novo Servidor... 5 o Detalhes do Servidor... 9 3.2 Cloud Backup... 13 o Alteração de quota... 13 o Senha do agente...

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia de Setúbal. Projecto Final

Escola Superior de Tecnologia de Setúbal. Projecto Final Instituto Politécnico de Setúbal Escola Superior de Tecnologia de Setúbal Departamento de Sistemas e Informática Projecto Final Computação na Internet Ano Lectivo 2002/2003 Portal de Jogos Executado por:

Leia mais

actualização gratuita *para clientes Gnotarium com contrato de manutenção activo.

actualização gratuita *para clientes Gnotarium com contrato de manutenção activo. novidades da versão 4.0 Registo automóvel o Pedido de certidão automóvel o Pedidos de registo automóvel o Estado dos pedidos Registo predial o Pedido de certidão predial o Pedido de depósito o Pedido de

Leia mais

Manual de Operacionalização do Software Integrado para Gestão Ocupacional SOC Entrega e Controle dos Equipamentos de Proteção Individual E.P.I.

Manual de Operacionalização do Software Integrado para Gestão Ocupacional SOC Entrega e Controle dos Equipamentos de Proteção Individual E.P.I. ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...02 2. OBJETIVO...02 3. ACESSO AO SOFTWARE SOC...02 4. OPERACIONALIZAÇÃO DO SOFTWARE SOC...03 5. ENTREGA DE EQUIPAMANTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL...04 5.1 ALTERAÇÃO OU EXCLUSÃO DE UM

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Web para Consulta a Mapas Dinâmicos

Manual do Usuário. Sistema Web para Consulta a Mapas Dinâmicos Manual do Usuário Sistema Web para Consulta a Mapas Dinâmicos 1. Funcionalidades do Sistema PanaGeo Ferramenta de Emissão de Relatórios Ferramenta de Consulta Rápida OverView Painel de Controle (permite

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E

M O D E L O E U R O P E U D E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome HENRIQUES, Pedro Manuel Ferreira Morada Beco dos Marques, Nº1, Coroados, 2435-547 - Seiça Telefone +351 916 553 574 Correio

Leia mais

Engenharia de Software Sistemas Distribuídos. 2º Semestre, 2007/2008. Departamento Engenharia Informática. Enunciado do projecto: Loja Virtual

Engenharia de Software Sistemas Distribuídos. 2º Semestre, 2007/2008. Departamento Engenharia Informática. Enunciado do projecto: Loja Virtual Engenharia de Software Sistemas Distribuídos 2º Semestre, 2007/2008 Departamento Engenharia Informática Enunciado do projecto: Loja Virtual Fevereiro de 2008 Índice Índice...2 Índice de Figuras...3 1 Introdução...4

Leia mais

Software Livre e GIS: Quais são as alternativas?

Software Livre e GIS: Quais são as alternativas? Software Livre e GIS: Quais são as alternativas? Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org 1 Sumário Conceitos GIS e Software Livre Ferramentas: Thuban Qgis Jump MapServer O Futuro das Tecnologias

Leia mais

Índice. Enquadramento do curso 3 Estrutura Programática 4. Primeiros passos com o e-best Learning 6. Actividades e Recursos 11

Índice. Enquadramento do curso 3 Estrutura Programática 4. Primeiros passos com o e-best Learning 6. Actividades e Recursos 11 Índice Parte 1 - Introdução 2 Enquadramento do curso 3 Estrutura Programática 4 Parte 2 Desenvolvimento 5 Primeiros passos com o e-best Learning 6 Como aceder à plataforma e-best Learning?... 6 Depois

Leia mais

Matriz de Informações Sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Matriz de Informações Sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Matriz de Informações Sociais do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome Caio Nakashima Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação Agenda Apresentação do Problema Encaminhamento escolhido

Leia mais

A utilização do MapServer como ferramenta de aprendizagem de WebSIG. Nelson Mileu 1

A utilização do MapServer como ferramenta de aprendizagem de WebSIG. Nelson Mileu 1 A utilização do MapServer como ferramenta de aprendizagem de WebSIG Nelson Mileu 1 Resumo - Este trabalho descreve a utilização do software MapServer na disciplina de WebSIG, ministrada no segundo semestre

Leia mais

plataforma tecnológica de apoio à modernização administrativa regional

plataforma tecnológica de apoio à modernização administrativa regional Infraestrutura de Dados Espaciais do Algarve plataforma tecnológica de apoio à modernização administrativa regional - Conceito - A IDEAlg constitui um projeto de e-governance, alicerçado em Tecnologia

Leia mais

Desenvolvimento de Mapas Interativos Utilizando Tecnologias Livres 1

Desenvolvimento de Mapas Interativos Utilizando Tecnologias Livres 1 Desenvolvimento de Mapas Interativos Utilizando Tecnologias Livres 1 Fernando Martins Pimenta 2, Elena Charlotte Landau 3, André Hirsch 4 e Daniel Pereira Guimarães 3 1 Projeto financiado pela FAPEMIG

Leia mais

Microsoft Word 2007. Vantagens

Microsoft Word 2007. Vantagens Microsoft Word 2007 Vantagens Vantagens A versão 2007 do Microsoft Word permite elaborar documentos com um aspecto muito profissional. Para tal, esta versão utiliza um conjunto de ferramentas (novas e/ou

Leia mais

O Geoportal do projeto DESOURB. Vila Real, 18 de setembro de 2012

O Geoportal do projeto DESOURB. Vila Real, 18 de setembro de 2012 O Geoportal do projeto DESOURB Vila Real, 18 de setembro de 2012 2 Ordem do dia: 1.- O Geoportal. 2.- Breve explicação da estrutura do Geoportal. Fases de trabalho. 3.- Gestão de indicadores. Tipologia

Leia mais

selecionado. DICAS 1. Explore, sempre, o ícone

selecionado. DICAS 1. Explore, sempre, o ícone COMO USAR O MAPA COM INDICADORES DO GEOPORTAL DE INFORMAÇÕES EM SAÚDE DA BAHIA? Este documento fornece um passo a passo explicativo e ilustrado das principais ferramentas do Mapa com Indicadores do GeoPortal

Leia mais

No âmbito do projecto para elaboração

No âmbito do projecto para elaboração >>Boletim do IGeoE N.º 72 Novembro 2010 Levantamento de dados de aeródromos, heliportos e rádio Introdução No âmbito do projecto para elaboração do Manual VFR (Visual Flight Rules), responsabilidade do

Leia mais

Uma Autarquia Sem Papel

Uma Autarquia Sem Papel Uma Autarquia Sem Papel Simplificar a Vida às Pessoas as motivações Visibilidade Capacidade Autarca Quem são os munícipes? Que recursos existem? Que desempenho? Como melhorar? Quem são os munícipes? Como

Leia mais

TUTORIAL PARA MÓDULO CAR SISTEMA POSIÇÃO

TUTORIAL PARA MÓDULO CAR SISTEMA POSIÇÃO TUTORIAL PARA MÓDULO CAR SISTEMA POSIÇÃO Página 1/20 1. Visão Geral do Módulo CAR O módulo CAR foi desenvolvido para auxiliar o usuário na criação das geometrias (áreas, linhas e pontos) que serão utilizadas

Leia mais

Da Prancheta ao Computador...

Da Prancheta ao Computador... Da Prancheta ao Computador... Introdução Como necessidade básica de se localizar ou mesmo para detalhar projetos de quaisquer obras, ao longo do tempo inúmeras formas de representar paisagens e idéias

Leia mais

4ª aba do cadastro: Mapa Orientações para upload de shapefiles

4ª aba do cadastro: Mapa Orientações para upload de shapefiles Conteúdo: 1. Como fazer upload de arquivos espaciais no SiCAR-SP? Formato dos arquivos Características do shapefile Sistema de Coordenadas requerido Como preparar o shapefile para o upload 2. O que fazer

Leia mais

OTIMIZE OS SEUS PROCESSOS! Base sólida para negócios de sucesso

OTIMIZE OS SEUS PROCESSOS! Base sólida para negócios de sucesso OTIMIZE OS SEUS PROCESSOS! Base sólida para negócios de sucesso O SIGA Cloud é um sistema integrado de gestão administrativa que engloba todas as componentes de gestão documental e processos das organizações,

Leia mais

Manual de utilização do Moodle

Manual de utilização do Moodle Manual de utilização do Moodle Iniciação para docentes Universidade Atlântica Versão: 1 Data: Fevereiro 2010 Última revisão: Fevereiro 2010 Autor: Ricardo Gusmão Índice Introdução... 1 Registo no Moodle...

Leia mais

Série ArcGIS Online I. Aprenda em 20. Módulo 1. Explore um mapa. www.academiagis.com.br

Série ArcGIS Online I. Aprenda em 20. Módulo 1. Explore um mapa. www.academiagis.com.br Série ArcGIS Online I Aprenda em 20 Módulo 1 Explore um mapa Junho/2015 academiagis@img.com.br www.academiagis.com.br 1 Explore um mapa A Série ArcGIS Online I é um material traduzido para o português

Leia mais

Validação dos Serviços de Georreferenciamento

Validação dos Serviços de Georreferenciamento Validação dos Serviços de Georreferenciamento De onde viemos, onde estamos, e para onde vamos. INCRA / SRFAC Processo Convencional Recepção de peças técnicas (planta e memorial descritivo) em papel Processo

Leia mais

EMISSÃO DE CERTIDÃO DE PLANO DE PORMENOR PARA EFEITOS DE REGISTO PREDIAL

EMISSÃO DE CERTIDÃO DE PLANO DE PORMENOR PARA EFEITOS DE REGISTO PREDIAL Registo n.º Data / / O Funcionário Exmº. Sr. Presidente da Câmara Municipal de Cascais EMISSÃO DE CERTIDÃO DE PLANO DE IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE (Preencher com letra maiúscula) Nome/Designação/Representantes

Leia mais