PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE EQUILÍBRIO DE ÁCIDO-BASE - CÁLCULOS DE ph

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE EQUILÍBRIO DE ÁCIDO-BASE - CÁLCULOS DE ph"

Transcrição

1 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE EQUILÍBRIO DE ÁCIDO-BASE - CÁLCULOS DE ph Signific qu ist 97 g d H SO 4 m 0 g d solução. 1.. H O(l)? m m % m Ac sol. 1,84 0,97 n MAc MAc 98,08 [H SO 4 ] V V V 1 18mol / L 1.. V 500 cm 0,500 dm 1 dm 0,50 mol 0,500 dm n n 0,5 mol 18, mol 1 dm 0,5 mol V V 0,017 dm 1,7 ml 14 ml Com um pipt grdud (mbor um provt foss o suficint pr prcisão igid), rtirv 14 ml d ácido colocv num goblé qu já tinh águ dstild, gitv lntmnt com um vrt trnsfri pr um blão volumétrico d 500 ml, prfzi té o trço com águ gitv, dpois d tpr, pr homognizr. Est trblho dv sr rlizdo n hott com o ustor ligdo.. HClO(q) H O(l) H O (q) ClO - (q) HClO/ ClO - H O / H O. Considrndo os dois quilíbrios istnts: H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) HClO(q) H O(l) H O (q) ClO - (q) C q 0, [H O ] águ [ H O ] [ ClO ] [ HCLO] 5 [ H O ] 1,9 mol / dm,7 8,7 0, ,0 * Como <<< -, podmos considrr rcção dirct muito pouco tns; ssim pr fitos d cálculos 0,0 0,0. No finl vrific-s qu proimção foi corrct. 5 * 1

2 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph 4. H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) C in C q w [H O ] [OH - ] w 14 7 w 1,0 1,0 mol / L 5. 1.ª Ionizção: H S(q) H O(l) H O (q) HS - (q).ª Ionizção: HS - (q) H O(l) H O (q) S - (q) A spéci nfotéric é o ião hdrognosulfurto: HS Considrndo os dois quilíbrios istnts: H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) H S(q) H O(l) H O (q) HS - (q) C in 0, C q 0, - -- [H O ] águ [ HO ] [ HS ] 1,0 [ HS ] 4 [ H O ] 1,0 mol / dm 7 0, 1,0 7 1,0 0, 4 *Como <<< -, podmos considrr rcção dirct muito pouco tns; ssim pr fitos d cálculos 0, 0,. No finl vrific-s qu proimção foi corrct. 6.. Considrndo s ionizçõs, sgund fic: HS - (q) H O(l) H O (q) S - (q) C in 1, ,0-4 0 C q 1, ,0-4 [ H ] [ ] O S 1, [ HS ] 1 [ H O ] 1, mol / dm 1 4 ( 1,0 ) 4 ( 1,0 ) 1, 1

3 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph * Como <<< -, podmos considrr rcção dirct muito pouco tns; ssim pr fitos d cálculos 1,0-4 1,0-4. No finl vrific-s qu proimção foi corrct. ** o msmo [H O ] T [H O ] 1.ª [H O ].ª [H O ] T 1,0-4 1, -1 1,0-4 mol/l Nst cso podrímos tr dsprzdo sgund ionizção do ácido O HCl é um ácido fort logo ioniz-s qus totlmnt, ssim: HCl(q) H O(l) H O (q) Cl - (q) C in 1, C Finl ,0-1,0 - [H O ] T 1,0 - mol/l 7.. Nst cso sguindo o msmo rciocínio, [H O ] [HCl] 1,0-8 mol/l o qu dri um ph d 8, logo solução lclin Não pod sr! Signific qu não pomos dsprzr Rcção d uto-ionizção d águ. H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) Nos mplos ntriors [H 0 ] totl [H 0 ] ácido [H 0 ] HO [OH ] [H 0 ] HO w [OH ]. [H 0 ] totl w [OH ]. ([H 0 ] ácido [H 0 ] HO ) w. ([H 0 ] ácido ) w. (1,0-8 ) 1,0. 8 1, Rsolvndo : 9,51. 8 V Impossívl [OH ] [H 0 ] HO 9,51. 8 mol/l < 7 (Como sri d sprr plo Princípio d L Chtlir). [H 0 ] 1, ,51. -8, ,05-7 mol/l ph 6,98 (< 7 como sri d sprr).

4 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph 8.1. H O(l) H O(l) HNO (q) H O(l) H O (q) OH - (q) H O (q) NO - (q) C F ,0 [H O ] águ 0,0 0,0 [H 0 ] [HNO ] 0,0 mol/l ph -log(1.0 - ),0 8.. H O(l) H O(l H O (q) OH - (q) HCN(q) H O(l) H O (q) CN - (q) C q 0, [H O ] águ [ H O ] [ CN ] [ HCN] 6 [ H O ],19 mol / dm 4,8 0,0 4,8,19 0,0 6 Como <<< -, podmos considrr rcção dirct muito pouco tns; ssim pr fitos d cálculos 0,0 0,0. No finl vrific-s qu proimção foi corrct. ph -log(,19-6 ) 5,7 8.. H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) CH COOH(q) H O(l) H O (q) CH COO - (q) C q 0, [H O ] águ α n ionizds /n inicis 0,041 /0,0 [H 0 ] 4,1-4 mol/l ph, H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) NOH(q) N (q) OH - (q) C in 0,0 0 0 C F 0 0,0 0,0[OH - ] águ 0,0 poh -log(0,0),0 5ºC ph poh 14 ph

5 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph 9. C(NOH) n/v n m/m 0,0/40,0,50- mol C,50 - /0,50 1,00 - mol/l H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) NOH(q) N (q) OH - (q) C in 0,0 0 0 C F 0 0,0 0,0[OH - ] águ 0,0 poh -log(0,0),0 5ºC ph poh 14 ph w 1,0-1, 60ºC.1. H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) [H O ] w 1 7 1,0,16 mol / L ph 6,5.. No início: n(hno ) C V 0,0 0,005 1,00 - mol Dpois d diluição: [HNO ] n/vt 1,00 - /0,0 1,00 - mol/l H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) HNO (q) H O(l) H O (q) NO - (q) C F ,0 [H O ] águ 0,0 0,0 [H 0 ] [HNO ] 0,0 mol/l ph -log(1.0 - ),0 pw ph poh pw -log (1,0-1 ) 1 poh Rcção d Nutrlizção: NOH(q) HCl(q) NCl(q) H O(l) NCl(q) N (q) Cl - (q) (Iõs muito stávis, não rgm com águ) 5

6 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph n(h 0 ) n(hcl) C V 0, 0,00 0,000 mol n(oh - ) n(noh) C V 0, 0,00 0,000 mol O ácido bs são forts, logo rgm compltmnt n(h 0 ) n(oh - ) nutrlizção é complt logo o ph rsultnt srá dvido unicmnt à uto-ionizção d águ H O(l) H O(l) H O (q) OH - (q) C in C q w [H O ] [OH - ] w w 14 1,0 7 1,0 mol / L ph 7,0 1. NOH(q) HCl(q) NCl(q) H O(l) NCl(q) N (q) Cl - (q) (Iõs muito stávis, não rgm com águ) n(h 0 ) n(hcl) C V 0, 0,0 0,00 mol n(oh - ) n(noh) C V 0, 0,00 0,000 mol n(h 0 ) < n(oh - ) nutrlizção não é complt n(oh - ) sobrm n(oh - ) in n(h 0 ) 0,000 0,00 0,00 mol [OH - ] 0,00/0.00 0,0 mol/l poh 1,48 5ºC ph 14 1,48 1, NCN (q) CH COOH(q) 1.1. HCN/CN - Pr conjugdo ácido/bs w b b(cn - ) 1,0-14 /6,0-1,7-5 6

7 Rsolução d fich d Trblho Cálculos d ph 1.. NCN (q) CH COOH(q) HCN(q) NCH COO(q) n(ncn) C V 0,0 0,00 4,00 - mol n(ch COOH) C V 0,0 0,00 4,00 - mol Como s quntidds são iguis os dois rgnts vão s gstr compltmnt. Rst nlisr s rcçõs possívis dos produtos: NCH COO(q) N (q) CH COO - (q) O N não rg, ms o ião ctto vi sofrr um hidrólis lclin: CH COO - (q) H O(l) CH COOH(q) OH - (q) O HCN é um ácido frco, ms vi rgir: HCN(q) H O(l) H O (q) CN - (q) Como s quntidds d HCN d CH COO - são iguis, o qu tivr mior constnt sofrrá mior ionizção. Como o (HCN) > b(chcoo - ) podmos concluir qu quntidd m iõs hidrónio srá suprior à dos iõs hidróido, logo solução srá um pouco ácid. 14. HCOOH(q) HCOOH(q) H O(l) HCOO - (q) H O (q) HCOOH/HCOO - ou H O /H O 14.. HCOOH(q) H O(l) HCOO - (q) H O (q) C q 0,0 -- [H O ] águ [H O ] [HCOO - ] [H O ] -ph 1,0 - mol [ HCOO ] [ H O ] ( 1,0 ) 4 1,1 9,0 O ácido fórmico é frco 14.. S ph 7,0 [H O ] -ph 1,0-7 mol [ HCOO ] [ H O ] [ HCOO ] 10 1,1 4 [ HCOO ] 1,0 7 [ HCOO ] 10 A bs é mis bundnt. 7

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE TRABALHO SOBRE SOLUÇÕES TAMPÃO, HIDRÓLISE DE SAIS E TITULAÇÕES DE SOLUÇÕES ÁCIDAS E BÁSICAS

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE TRABALHO SOBRE SOLUÇÕES TAMPÃO, HIDRÓLISE DE SAIS E TITULAÇÕES DE SOLUÇÕES ÁCIDAS E BÁSICAS PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE TRABALHO SOBRE SOLUÇÕES TAMPÃO, HIDRÓLISE DE SAIS E TITULAÇÕES DE SOLUÇÕES ÁCIDAS E BÁSICAS 1. ph =? 5ºC 1.1. [CN = 0,049 mol/l (HCN) = 4,910 10 CN é um sl muito solúvl,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET/Agronomia. TUTOR: Dr. Ribamar Silva PETIANO: Rafael de Melo Clemêncio

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET/Agronomia. TUTOR: Dr. Ribamar Silva PETIANO: Rafael de Melo Clemêncio UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL PET/Agronomia TUTOR: Dr. Ribamar Silva PETIANO: Rafael de Melo Clemêncio Estabelecido entre uma substância e seus íons; Reação reversível Reagente

Leia mais

1- Reação de auto-ionização da água

1- Reação de auto-ionização da água Equilíbrio Iônico 1- Reação de auto-ionização da água A auto- ionização da água pura produz concentração muito baixa de íons H 3 O + ou H + e OH -. H 2 O H + (aq) + OH - (aq) (I) ou H 2 O + H 2 O H 3 O

Leia mais

FUNÇÕES INORGÂNICAS. As substâncias são agrupadas de acordo com as suas propriedades. ÁCIDO BASE SAL ÓXIDO

FUNÇÕES INORGÂNICAS. As substâncias são agrupadas de acordo com as suas propriedades. ÁCIDO BASE SAL ÓXIDO FUNÇÕES INORGÂNICAS As substâncias são agrupadas de acordo com as suas propriedades. ÁCIDO BASE SAL ÓXIDO ÁCIDOS e BASES de ARRHENIUS Acidos são substâncias que em solução aquosa liberam H +. Ex. HCl +

Leia mais

FCAV/ UNESP EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE

FCAV/ UNESP EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE FCAV/ UNESP EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE Prof a. Dr a. Luciana M. Saran 1 Tópicos da Aula: Substâncias que interferem no equilíbrio químico da água; Equilíbrio ácido-base; Soluções ácidas, neutras e alcalinas;

Leia mais

Química - Grupo J - Gabarito

Química - Grupo J - Gabarito - Gabarito 1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor Informe a que volume deve ser diluído com água um litro de solução de um ácido fraco HA 0.10 M, de constante de ionização extremamente pequena (K

Leia mais

FICHA DE TRABALHO DE FÍSICA E QUÍMICA A MAIO 2011

FICHA DE TRABALHO DE FÍSICA E QUÍMICA A MAIO 2011 FICHA DE TRABALHO DE FÍSICA E QUÍMICA A MAIO 2011 APSA Nº21 11º Ano de Escolaridade 1- Classifique, justificando, as soluções aquosas dos sais que se seguem como ácidas, básicas ou neutras. a) CaCO 3 b)

Leia mais

O CONCEITO DE ARRHENIUS PARA ÁCIDOS E BASES

O CONCEITO DE ARRHENIUS PARA ÁCIDOS E BASES ÁCIDOS E BASES O CONCEITO DE ARRHENIUS PARA ÁCIDOS E BASES Apresentado pelo químico, físico e matemático sueco Svante August Arrhenius (18591927) em 1887. Ácidos são substâncias que, quando dissolvidas

Leia mais

Equilíbrio Ácido-Base. Ácidos e Bases Fracos

Equilíbrio Ácido-Base. Ácidos e Bases Fracos Equilíbrio Ácido-Base Ácidos e Bases Fracos ph de soluções CH 3 COOH (aq) 0,10 mol/dm 3 HCl (aq) 0,10 mol/dm 3 ph? ph= 2,9 ph= 1 [H 3 O + ] < [H 3 O + ] PORQUÊ? 2 ph de soluções Segundo Arrhenius o ácido

Leia mais

EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE

EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE EQUILÍBRIO ÁCIDO-BASE INTRODUÇÃO Dsd a antiguidad qu s classificam as substâncias como ácidos ou como bass (anti-ácidos): O vinagr parc tr sido o primiro ácido conhcido (sabor amargo) As bass ram conhcidas

Leia mais

REAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO TITULAÇÕES ÁCIDO-BASE SOLUÇÕES TAMPÃO

REAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO TITULAÇÕES ÁCIDO-BASE SOLUÇÕES TAMPÃO REAÇÕE DE NEUTRALIZAÇÃO Uma ração d nutralização ocorr ntr um ácido uma bas qu s nutralizam mutuamnt. Esta ração obdc normalmnt ao sguint squma: Ácido + Bas al + Água O sal formado nstas raçõs dtrmina

Leia mais

= 1, independente do valor de x, logo seria uma função afim e não exponencial.

= 1, independente do valor de x, logo seria uma função afim e não exponencial. 6. Função Eponncil É todo função qu pod sr scrit n form: f: R R + = Em qu é um númro rl tl qu 0

Leia mais

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 19 EQUILÍBRIO IÔNICO - PARTE 1

QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 19 EQUILÍBRIO IÔNICO - PARTE 1 QUÍMICA - 2 o ANO MÓDULO 19 EQUILÍBRIO IÔNICO - PARTE 1 H O 2 + H + 2 - H - 2 O + 2 - H + - H O 2 2 + H + - Como pode cair no enem (PUC) A tabela abaixo se refere a dados de forças relativas de ácidos

Leia mais

TITULAÇÃO DE ÁCIDO-BASE

TITULAÇÃO DE ÁCIDO-BASE Universidade Federal de Juiz de Fora Instituto de Ciências Exatas Departamento de Química Introdução a Analise Química - II sem/2012 Profa Ma Auxiliadora - 1 Disciplina QUIO94 - Introdução à Análise Química

Leia mais

P4 PROVA DE QUÍMICA GERAL 02/12/08

P4 PROVA DE QUÍMICA GERAL 02/12/08 P4 PROVA DE QUÍMICA GERAL 0/1/08 Nome: Nº de Matrícula: GABARITO Turma: Assinatura: Questão Valor Grau Revisão 1 a,5 a,5 3 a,5 4 a,5 Total 10,0 Constantes e equações: R = 0,08 atm L mol -1 K -1 = 8,314

Leia mais

Produto Iônico da Água. - Equilíbrio Químico -Auto ionização da água -Balanços de carga e massa -Tratamento Sistemático 5/7/2012.

Produto Iônico da Água. - Equilíbrio Químico -Auto ionização da água -Balanços de carga e massa -Tratamento Sistemático 5/7/2012. Próximas Aulas -Ácidos e Bases -Forçados Ácidos -Soluções Tamponantes e Hidrólise - Volumetria Ácido-Base 1 Ácidos e Bases - Equilíbrio Químico -Auto ionização da água -Balanços de carga e massa -Tratamento

Leia mais

1. O amoníaco é uma base, segundo a teoria de Brönsted-Lowry, sendo a sua reação de ionização em água traduzida pela seguinte equação:

1. O amoníaco é uma base, segundo a teoria de Brönsted-Lowry, sendo a sua reação de ionização em água traduzida pela seguinte equação: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS FQA FICHA DE EXERCÍCIOS DE EXAME UNIDADE 2 - QUÍMICA 10.março. 2016 11.º Ano Turma B Professor: Duração da prova: 90 minutos. NOME: Nº 1 1. O amoníaco é uma base, segundo

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2014. 3ª Série Turma: FG

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2014. 3ª Série Turma: FG COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2014 Disciplina: QUÍMICA Professora: Maria Luiza 3ª Série Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

AULA 7. Equilíbrio Ácido Base envolvendo soluções de ácidos e bases fracas e sais

AULA 7. Equilíbrio Ácido Base envolvendo soluções de ácidos e bases fracas e sais Fundmentos de Químic Anlític, Ione M F liveir, Mri José S F Silv e Simone F B Tófni, Curso de Licencitur em Químic, Modlidde Distânci, UFMG AULA 7 Equilírio Ácido Bse Equilírio Ácido Bse envolvendo soluções

Leia mais

O que é uma solução-tampão

O que é uma solução-tampão Soluções Tampão O que é uma solução-tampão Soluções-tampão são soluções que não apresentam variação significativa de ph por adição de pequenas quantidades de ácido ou de base fortes. Dulce Campos 27-11-2011

Leia mais

Ácidos e Bases. Capítulo 15

Ácidos e Bases. Capítulo 15 Capítulo 15 Ácidos e Bases Ácidos e Bases de Brønsted Propriedades Ácido-Base da Água ph Uma Medida de Acidez Força de Ácidos e de Bases Ácidos Fracos e Constantes de Ionização Ácida Bases Fracas e Constantes

Leia mais

Equilíbrio. Prof a Alessandra Smaniotto. QMC 5325 - Química Analítica Curso de Graduação em Farmácia Turmas 02102A e 02102B

Equilíbrio. Prof a Alessandra Smaniotto. QMC 5325 - Química Analítica Curso de Graduação em Farmácia Turmas 02102A e 02102B Cap 3: Equilíbrio Químico Equilíbrio brioácido-base Prof a Alessandra Smaniotto QMC 5325 - Química Analítica Curso de Graduação em Farmácia Turmas 02102A e 02102B Íon hidrogênio O íon hidrogênio (H + )

Leia mais

Fundamentos de Química Profa. Janete Yariwake

Fundamentos de Química Profa. Janete Yariwake Soluções. Equilíbrio químico em solução aquosa Equilíbrio químico: ácidos e bases 1 ácidos e bases cf. Arrhenius Exemplo: Preparo de uma solução de HCl em água HCl (aq) + H 2 O H 3 O + (aq) + Cl (aq) íon

Leia mais

Fundamentos de Química Q101 Aulas Téorico-Práticas Ano letivo 2011/12 Licenciaturas em Química e Bioquímica

Fundamentos de Química Q101 Aulas Téorico-Práticas Ano letivo 2011/12 Licenciaturas em Química e Bioquímica DEPARTAMENTO DE QUÍMICA E BIOQUÍMICA Fundamentos de Química Q101 Aulas Téorico-Práticas Ano letivo 2011/12 Licenciaturas em Química e Bioquímica Equilíbrio ácido-base (10.32) Calcule o ph e o poh de cada

Leia mais

ÁCIDOS E BASES. + (aq) + OH - (aq)

ÁCIDOS E BASES. + (aq) + OH - (aq) ÁCIDOS E BASES O conhecimento sobre termodinâmica, particularmente sobre as constantes de equilíbrio é de grande importância na discussão quantitativa das forças de ácidos e bases o que permite desenvolver

Leia mais

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE EQUILÍBRIO DE SOLUBILIDADE

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE EQUILÍBRIO DE SOLUBILIDADE PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DA FICHA DE EQUILÍBRIO DE SOLUBILIDADE 1. 1.1. s(cdcl 2 ) = 114,1g/100g H 2 O M(CdCl 2 )= 183,3 g/mol M(H 2 O) = 18,0 g/mol x(cdcl 2 ) = n (CdCl2)/n total m(h 2 O) = 100 g e m(cdcl

Leia mais

Calcule o ph de uma solução de HCl 1x10-7 mol L-1

Calcule o ph de uma solução de HCl 1x10-7 mol L-1 Calcule o ph de uma solução de HCl 1x10-7 mol L-1 TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA Titulação Procedimento analítico, no qual a quantidade desconhecida de um composto é determinada através da reação deste

Leia mais

]CN, se obtém uma solução: a) básica, porque K 1. . e) neutra, porque [ácido] 5 [base]. b) básica, porque K 1. . c) ácida, porque K 1

]CN, se obtém uma solução: a) básica, porque K 1. . e) neutra, porque [ácido] 5 [base]. b) básica, porque K 1. . c) ácida, porque K 1 Resolução das atividades complementares 3 Química Q43 Constante de idrólise p 4 (UEL-PR) A adição de cianeto de sódio sólido em água estabelece o equilíbrio químico: C (aq) H 2 O(,) F HCN(aq) OH 2 (aq)

Leia mais

EQUILÍBRIO ÁCIDO BASE. Profa. Marcia M. Meier QUÍMICA GERAL II

EQUILÍBRIO ÁCIDO BASE. Profa. Marcia M. Meier QUÍMICA GERAL II EQUILÍBRIO ÁCIDO BASE Profa. Marcia M. Meier QUÍMICA GERAL II 1 EQUILÍBRIO ÁCIDO BASE Ácidos e bases são dois tipos muito comuns de substâncias encontradas no laboratório e no mundo cotidiano. Inclusive

Leia mais

IONIZAÇÃO DOS ÁCIDOS NOMENCLATURA DOS ÂNIONS

IONIZAÇÃO DOS ÁCIDOS NOMENCLATURA DOS ÂNIONS IONIZAÇÃO DOS ÁCIDOS NOMENCLATURA DOS ÂNIONS EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 Escrever a equação de ionização (total) dos ácidos abaixo em solução aquosa, nomeando seu respectivo ânion. a) HCl b) HBrO 3 c) H

Leia mais

QUI219 QUÍMICA ANALÍTICA (Farmácia) Prof. Mauricio X. Coutrim

QUI219 QUÍMICA ANALÍTICA (Farmácia) Prof. Mauricio X. Coutrim QUI219 QUÍMICA ANALÍTICA (Farmácia) Prof. Mauricio X. Coutrim (mcoutrim@iceb.ufop.br) SOLUÇÃO TAMPÃO Tampão Ácido Qual o ph de uma solução de ácido fórmico 1,00.10-1 mol.l -1 e formiato de sódio 1,00 mol.l

Leia mais

CURSO ABSOLUTO VESTIBULARES - ISOLADO DE QUÍMICA EQUILÍBRIO IÔNICO Prof.: Mazzei

CURSO ABSOLUTO VESTIBULARES - ISOLADO DE QUÍMICA EQUILÍBRIO IÔNICO Prof.: Mazzei 01. O ácido cianídrico tem ampla aplicação industrial, sendo matéria-prima para a fabricação de vários bens de consumo. Entretanto, ao trabalhar-se com essa substância deve-se tomar o devido cuidado. Esse

Leia mais

TITULAÇÃO ÁCIDO-BASE

TITULAÇÃO ÁCIDO-BASE Introdução a Analise Química - II sem/2013 Profa Ma Auxiliadora - 1 Universidade Federal de Juiz de Fora Instituto de Ciências Exatas Departamento de Química Disciplina QUIO94 - Introdução à Análise Química

Leia mais

Docente: Prof a. Dr a. Luciana M. Saran

Docente: Prof a. Dr a. Luciana M. Saran FCAV/ UNESP Jaboticabal Disciplina: Química Geral Assunto: Solução Tampão Docente: Prof a. Dr a. Luciana M. Saran 1 1. INTRODUÇÃO Por que a adição de 0,01 mol de HCl à 1L de sangue humano, altera o ph

Leia mais

Química C Semiextensivo V. 4

Química C Semiextensivo V. 4 Química C Semiextensivo V. Exercícios 01) E 02) B 0) D 0) C 05) B Quanto maior a constante ácida, maior a força do ácido (acidez). Assim, HF

Leia mais

Capítulo 8. Equilíbrios Iônicos. O) presentes numa solução 0,1 mol/l de H 2

Capítulo 8. Equilíbrios Iônicos. O) presentes numa solução 0,1 mol/l de H 2 Capítulo 8 Equilíbrios Iônicos 1. Calcule as concetrações em mol/l de todas as espécies (menos H 2 O) presentes numa solução 0,1 mol/l de H 2. Dadas as constantes de ionização do H 2 K 1 = muito elevado

Leia mais

Aula Teórica 3 Cálculo de ph de Ácidos Fracos e Bases Fracas

Aula Teórica 3 Cálculo de ph de Ácidos Fracos e Bases Fracas Aula Teórica 3 Cálculo de ph de Ácidos Fracos e Bases Fracas JRM Como calcular o ph de soluções de ácidos e bases fracas? Considere um ácido fraco (monoácido), HA H 2 O H OH - ------ Keq ~ 10-14 HA H A

Leia mais

Química Analítica Avançada: Volumetria de Neutralização. Prof a Lilian Silva 2011

Química Analítica Avançada: Volumetria de Neutralização. Prof a Lilian Silva 2011 Química Analítica Avançada: Volumetria de Neutralização Prof a Lilian Silva 2011 INTRODUÇÃO À VOLUMETRIA TITULAÇÃO Processo no qual uma solução padrão ou solução de referência é adicionada a uma solução

Leia mais

EQUILÍBRIO QUÍMICO MOLECULAR

EQUILÍBRIO QUÍMICO MOLECULAR EQUILÍBRIO QUÍMICO MOLECULAR Profº Enéas Torricelli 1 Equilíbrio químico é uma reação reversível na qual a velocidade da reação direta é igual à da reação inversa e, conseqüentemente, as concentrações

Leia mais

P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 05/12/12

P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 05/12/12 P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 05/12/12 Nome: GABARITO Nº de Matrícula: Turma: Assinatura: Questão Valor Grau Revisão 1 a 2,5 2 a 2,5 3 a 2,5 4 a 2,5 Total 10,0 Constantes e equações: 273,15 K = 0 C R = 0,0821

Leia mais

Reações ácido-base. Ácidos. Ácido = substâncias que se ionizam para formar H + em solução (por exemplo, HCl, HNO 3, CH 3 CO 2 H - vinagre).

Reações ácido-base. Ácidos. Ácido = substâncias que se ionizam para formar H + em solução (por exemplo, HCl, HNO 3, CH 3 CO 2 H - vinagre). Ácidos Ácido = substâncias que se ionizam para formar H + em solução (por exemplo, HCl, HNO 3, CH 3 CO 2 H - vinagre). H + é conhecido como próton Ácidos com um próton ácido são chamados monopróticos (por

Leia mais

Ácidos e bases. Aula 8 Ácidos e Bases / ph. Par ácido-base conjugado. Ácidos e bases

Ácidos e bases. Aula 8 Ácidos e Bases / ph. Par ácido-base conjugado. Ácidos e bases Aula 8 Ácidos e Bases / ph Prof. Ricardo Aparicio - IQ/Unicamp - 1s/2009 QG107 (Biologia) - 1s/2009 Definição de Brønsted-Lowry (1923) definição mais abrangente que a de Arrhenius ácidos e bases = ácidos

Leia mais

Experimentalmente, definimos a FAIXA DE TAMPONAMENTO de um tampão, sendo o intervalo de 1 unidade acima e 1 unidade abaixo do pka:

Experimentalmente, definimos a FAIXA DE TAMPONAMENTO de um tampão, sendo o intervalo de 1 unidade acima e 1 unidade abaixo do pka: 3a LISTA DE EXERCÍCIOS DE TRANSFORMAÇÕES BIOQUÍMICAS PROF. Ana Paula de Mattos Arêas Dau 22/02/2010 03. Defina faixa de tamponamento e poder tamponante. Do que depende cada um? Estes tampões diferem entre

Leia mais

Experimento 11 - Equilíbrio químico e sistema tampão

Experimento 11 - Equilíbrio químico e sistema tampão 1 Experimento 11 - Equilíbrio químico e sistema tampão 1. INTRODUÇÃO 1.1. EQUILÍBRIO QUÍMICO As reações estudadas em química não resultam de uma conversão completa de reagentes em produtos, pois todas

Leia mais

Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe

Y Zr Nb Mo Tc Ru Rh Pd Ag Cd In Sn Sb Te I Xe A H,0 Li 7,0 Na 2,0 9 K 9,0 7 Rb 85,5 55 Cs,0 87 Fr (22) 2 2A Be 9,0 2 Mg 2,0 20 Ca 0,0 8 Sr 88,0 56 Ba 7,0 88 Ra (226) Elementos de Transição B B 5B 6B 7B 8B B 2B 5 6 7 A A 5A 6A 7A 78,5 8,0 8,0 86,0

Leia mais

PROCESSOS REVERSÍVEIS

PROCESSOS REVERSÍVEIS EQUILÍBRIO QUÍMICO PROCESSOS REVERSÍVEIS São processos que reagentes e produtos são consumidos e produzidos ao mesmo tempo H2O ( líq. ) H2O (vap) N2O4(g) REAÇÃO DIRETA REAÇÃO INVERSA 2 NO2(g) velocidade

Leia mais

AULA 5 Equilíbrio Ácido Base Equilíbrio Ácido-Base envolvendo soluções de ácidos e bases fortes

AULA 5 Equilíbrio Ácido Base Equilíbrio Ácido-Base envolvendo soluções de ácidos e bases fortes AULA 5 Equilíbrio Ácido Base Equilíbrio Ácido-Base envolvendo soluções de ácidos e bases fortes Objetivo Definir e reconhecer um ácido forte e uma base forte. Calcular o ph de soluções aquosas de ácidos

Leia mais

Professora Sonia - Química para o Vestibular Questões Resolvidas Hidrólise Salina (com respostas e resoluções no final)

Professora Sonia - Química para o Vestibular Questões Resolvidas Hidrólise Salina (com respostas e resoluções no final) Questões Resolvidas Hidrólise Salina (com respostas e resoluções no final) 01. (Uftm) Em soluções aquosas de acetato de sódio, o íon acetato sofre hidrólise: 3 l 3 CH COO (aq) + H O( ) CH COOH (aq) + OH

Leia mais

ROTEIRO PRÁTICO DE QUÍMICA GERAL

ROTEIRO PRÁTICO DE QUÍMICA GERAL ROTEIRO PRÁTICO DE QUÍMICA GERAL 1- Objetivo 1. Estimar o ph de água destilada e de soluções aquosas usando indicadores ácidobase. 2. Diferenciar o comportamento de uma solução tampão. 2 Introdução Eletrólitos

Leia mais

QUÍMICA 3 - APOSTILA 4. Prof. Msc João Neto

QUÍMICA 3 - APOSTILA 4. Prof. Msc João Neto QUÍMICA - APOSTILA Prof. Msc João Neto A (g) B (g) C (g) D (g) Em um sistema fechado, o equilíbrio é atingido quando: as propriedades macroscópicas ficam inalteradas; no estado final, coexistem reagentes

Leia mais

(b) É uma reacção de neutralização: base + ácido sal + água 2 mol de NaOH reagem com 1 mol de H 2 SO 4 originando 1 mol de Na 2 SO 4 e 2 mol de H 2 O.

(b) É uma reacção de neutralização: base + ácido sal + água 2 mol de NaOH reagem com 1 mol de H 2 SO 4 originando 1 mol de Na 2 SO 4 e 2 mol de H 2 O. EB: QUÍMICA GERAL/ EQB: QUÍMICA GERAL I Capítulo 3. Reacções químicas I Soluções da ficha de exercícios 1. (a) NaOH = hidróxido de sódio. H 2 SO 4 = ácido súlfurico. Na 2 SO 4 = sulfato de sódio. H 2 O

Leia mais

Fundamentos de Química Profa. Janete Yariwake. Equilíbrio químico em solução aquosa. Soluções-tampão. Soluções tampão

Fundamentos de Química Profa. Janete Yariwake. Equilíbrio químico em solução aquosa. Soluções-tampão. Soluções tampão Equilíbrio químico em solução aquosa Soluções-tampão 1 Soluções tampão Definição: soluções que podem resistir a variações significativas de ph. (se adicionamos quantidades pequenas de ácidos fortes ou

Leia mais

Lista de exercícios ph e soluções-tampão (II) GABARITO

Lista de exercícios ph e soluções-tampão (II) GABARITO Lista de exercícios ph e soluções-tampão (II) GABARITO 1. Qual é o ph de uma solução que tem [H + ] de: a) 1,75 x 10-5 mol/l ph = -log 1,75 x 10-5 ph = 4,76 b) 6,5 x 10-10 mol/l ph = 9,19 c) 1,0 x 10-4

Leia mais

P2 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 11/10/08

P2 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 11/10/08 P2 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 11/10/08 Nome: Gabarito Nº de Matrícula: Turma: Assinatura: Questão Valor Grau Revisão 1 a 2,5 2 a 2,5 3 a 2,5 4 a 2,5 Total 10,0 Constantes: R 8,314 J mol -1 K -1 0,0821

Leia mais

Gabarito Química - Grupo A. 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Avaliador Revisor

Gabarito Química - Grupo A. 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Avaliador Revisor VESTIB LAR Gabarito Química - Grupo A 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Avaliador Revisor Muitos álcoois, como o butanol (C 4 H 10 O), têm importância comercial como solventes e matériasprimas na produção industrial

Leia mais

TITULAÇÃO BASE FRACA COM ÁCIDO FORTE

TITULAÇÃO BASE FRACA COM ÁCIDO FORTE TITULAÇÃO BASE FRACA COM ÁCIDO FORTE TITULAÇÃO BASE FRACA COM ÁCIDO FORTE 1 ETAPA Antes de iniciar a titulação A solução contém apenas base fraca e água - solução aquosa de uma base fraca. O ph da solução

Leia mais

SAIS SOLÚVEIS E SAIS INSOLÚVEIS EM ÁGUA. São muito solúveis em água, praticamente: Todos os sais de metais alcalinos. Todos os sais de amónio ) (NH 4

SAIS SOLÚVEIS E SAIS INSOLÚVEIS EM ÁGUA. São muito solúveis em água, praticamente: Todos os sais de metais alcalinos. Todos os sais de amónio ) (NH 4 MNERALZAÇÃO E DESMNERALZAÇÃO DA ÁGUA A água do mar as águas salobras contêm divrsos sais minrais dissolvidos. A rmoção d sais dstas águas é um procsso d obtr água potávl. Os procssos mais usados são a

Leia mais

Equilíbrio Ácido-Básico. Água : solvente das reações químicas

Equilíbrio Ácido-Básico. Água : solvente das reações químicas Equilíbrio Ácido-Básico Água : solvente das reações químicas Introdução Polaridade molecular: moléculas que possuem uma maior concentração de cargas numa parte da molécula. Os elétrons são compartilhados

Leia mais

Razão e Proporção. Noção de Razão. 3 3 lê-se: três quartos lê-se: três para quatro ou três está para quatro

Razão e Proporção. Noção de Razão. 3 3 lê-se: três quartos lê-se: três para quatro ou três está para quatro Razão Proporção Noção d Razão Suponha qu o profssor d Educação Física d su colégio tnha organizado um tornio d basqutbol com quatro quips formadas plos alunos da ª séri. Admita qu o su tim foi o vncdor

Leia mais

1. FAMECA-SP) Qual o valor de Ka para o HCN, sabendo-se que o ácido em solução 0,10 mol/l encontra-se 0,006% ionizado?

1. FAMECA-SP) Qual o valor de Ka para o HCN, sabendo-se que o ácido em solução 0,10 mol/l encontra-se 0,006% ionizado? 1. FAMECA-SP) Qual o valor de Ka para o HCN, sabendo-se que o ácido em solução 0,10 mol/l encontra-se 0,006% ionizado? a) 3,6 x 10 10 b) 3,6 x 10 8 c) 3,6 x 10 5 d) 6,0 x 10 5 e) 1,2 x 10 4 2. (Ufes) No

Leia mais

P2 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 09/05/08

P2 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 09/05/08 2 - ROVA DE QUÍMICA GERAL - 09/05/08 Nome: GABARITO Nº de Matrícula: Turma: Assinatura: Quão Valor Grau Revisão 1 a 2,5 2 a 2,5 3 a 2,5 4 a 2,5 Total 10,0 Constantes: R 8,314 J mol -1 K -1 0,0821 atm L

Leia mais

TEORIA DAS TITULAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO

TEORIA DAS TITULAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO QFL0230 2014 TEORIA DAS TITULAÇÕES DE NEUTRALIZAÇÃO! APLICAÇÃO: controle de qualidade; resposta rápida! ANÁLISE via úmida versus instrumental! AVALIAR: custo/benefício, seletividade, quantidade de amostra

Leia mais

TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA

TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA Titulação Procedimento analítico, no qual a quantidade desconhecida de um composto é determinada através da reação deste com um reagente padrão ou padronizado. Titulante

Leia mais

Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza

Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza Lista de Exercícios 4 Indústrias Químicas Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza 1) a-) Calcular a solubilidade do BaSO 4 em uma solução 0,01 M de Na 2 SO 4 Dissolução do Na 2 SO 4 : Dado: BaSO

Leia mais

Equilíbrio Ácido-base

Equilíbrio Ácido-base Universidade Federal de Juiz de Fora Instituto de Ciências Exatas Departamento de Química Disciplina Química das Soluções QUI084 II semestre 2016 AULA 01 Equilíbrio Ácido-base Profa. Maria Auxiliadora

Leia mais

AB-I - Concentrações e Diluições

AB-I - Concentrações e Diluições Problemas da disciplina de Química II Ácidos e bases 2º semestre de 2007-2008 Coligidos por: Rita Delgado e Luís Vilas Boas e outros docentes do DEQB - IST Este ficheiro destina-se exclusivamente aos alunos

Leia mais

Lista de Exercícios 8 Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza

Lista de Exercícios 8 Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza Lista de Exercícios 8 Resolução pelo Monitor: Rodrigo Papai de Souza 1) What is the ph of the buffer solution that contains 2,2 g of NH 4 Cl in 250 ml of 0,12M NH 3? Is the final ph lower or higher than

Leia mais

Produto Iônico da Água (Kw)

Produto Iônico da Água (Kw) Produto Iônico da Água (Kw) EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 (UNB-DF) Na atmosfera, parte do dióxido de enxofre - que é altamente solúvel em água - acaba por dissolver-se nas nuvens ou mesmo nas gotas de chuva,

Leia mais

P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 30/11/13

P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 30/11/13 P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL 30//3 Nome: Nº de Matrícula: GABARITO Turma: Assinatura: Questão Valor Grau Revisão a 2,5 2 a 2,5 3 a 2,5 4 a 2,5 Total 0,0 Constantes e equações: F = 96500 C mol - 273,5 K

Leia mais

PAGQuímica 2011/1 Exercícios de Equilíbrio Ácido-Base Parte III

PAGQuímica 2011/1 Exercícios de Equilíbrio Ácido-Base Parte III PAGQuímica 2011/1 Exercícios de Equilíbrio Ácido-Base Parte III Kw = [H + ][OH - ] = 1,0x10-14 (a 25 o C) Sólido Fórmula Kps Carbonato de Bário BaCO 3 4,9x10-9 Carbonato de Cádmio CdCO 3 2,5 x 10-14 Carbonato

Leia mais

Equilíbrio Iônico. Portal de Estudos em Química (PEQ) Página 1

Equilíbrio Iônico. Portal de Estudos em Química (PEQ)  Página 1 Equilíbrio Iônico Portal de Estudos em Química (PEQ) www.profpc.com.br Página 1 EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 01 (UFPE-PE) Quando somos picados por uma formiga, ela libera ácido metanóico (fórmico), HCOOH. Supondo

Leia mais

Docente: Prof a. Dr a. Luciana M. Saran

Docente: Prof a. Dr a. Luciana M. Saran FCAV/ UNESP Jaboticabal Disciplina: Química Geral Assunto: Sais e Hidrólise Salina Docente: Prof a. Dr a. Luciana M. Saran 1. OBJETIVOS Discutir as propriedades ácido-base dos sais em soluções aquosas;

Leia mais

Métodos Volumétricos 11/27/2013. Volumetria de Neutralização. Volumetria de Precipitação. Volumetria de Complexação. Volumetria de Óxido-Redução

Métodos Volumétricos 11/27/2013. Volumetria de Neutralização. Volumetria de Precipitação. Volumetria de Complexação. Volumetria de Óxido-Redução Métodos Volumétricos Volumetria de Neutralização Volumetria de Precipitação Volumetria de Complexação Volumetria de Óxido-Redução 1 Volumetria de Neutralização Titulação de: (a) ácidos fortes com bases

Leia mais

QUÍMICA. Resolução: a) CH 4 b) Ligações de Hidrogênio. c) 3,3 10 16 L

QUÍMICA. Resolução: a) CH 4 b) Ligações de Hidrogênio. c) 3,3 10 16 L QUÍMICA ª QUESTÃO O aquecimento global é o aumento da temperatura terrestre e tem preocupado a comunidade científica cada vez mais. Acredita-se que seja devido ao uso de combustíveis fósseis e outros processos

Leia mais

Equilíbrio Ácido-base

Equilíbrio Ácido-base Universidade Federal de Juiz de Fora Instituto de Ciências Exatas Departamento de Química Disciplina Química das Soluções QUI084 I semestre 2017 AULA 01 Equilíbrio Ácido-base Profa. Maria Auxiliadora Costa

Leia mais

PAGQuímica 2011/1 Exercícios de Equilíbrio Químico

PAGQuímica 2011/1 Exercícios de Equilíbrio Químico PAGQuímica 2011/1 Exercícios de Equilíbrio Químico 1. Para o equilíbrio gasoso entre NO e O 2 formando NO 2 (2 NO (g) + O 2 (g) 2 NO 2 (g)), a constante de equilíbrio é Kc = 6,45 x 10 5. a) em que concentração

Leia mais

a) Incorreta. O aumento da temperatura desloca o equilíbrio para o lado direito, no sentido da formação do vapor (transformação endotérmica).

a) Incorreta. O aumento da temperatura desloca o equilíbrio para o lado direito, no sentido da formação do vapor (transformação endotérmica). 01 a) Incorreta. O aumento da temperatura desloca o equilíbrio para o lado direito, no sentido da formação do vapor (transformação endotérmica). b) Incorreta. Quanto mais volátil o líquido, menor será

Leia mais

Resumo Teórico. Fala Gás Nobre! Tudo bem?

Resumo Teórico. Fala Gás Nobre! Tudo bem? Resumo Teórico 2 Fala Gás Nobre! Tudo bem? Já assistimos todos os vídeos sobre a Poluição da Água. Estamos cada vez mais próximos do sucesso. Por isso quero te entregar esse material que contém o resumo

Leia mais

Lista de Exercícios Volumetria de Precipitação ALGUNS EXERCÍCIOS SÃO DE AUTORIA PRÓPRIA. OS DEMAIS SÃO ADAPTADOS DE LIVROS CITADOS ABAIXO.

Lista de Exercícios Volumetria de Precipitação ALGUNS EXERCÍCIOS SÃO DE AUTORIA PRÓPRIA. OS DEMAIS SÃO ADAPTADOS DE LIVROS CITADOS ABAIXO. ALGUNS EXERCÍCIOS SÃO DE AUTORIA PRÓPRIA. OS DEMAIS SÃO ADAPTADOS DE LIVROS CITADOS ABAIXO. 1 Calcule o pag 2% antes do PE, no PE e 2% após o ponto de equivalência na titulação de 10,0 ml de solução 0,05

Leia mais

Capítulo by Pearson Education

Capítulo by Pearson Education QUÍMICA A Ciência Central 9ª Edição Equilíbrio ácido-base David P. White Ácidos e bases: uma breve revisão Ácidos: têm gosto azedo e fazem com que os corantes mudem de cor. Bases: têm gosto amargo e são

Leia mais

PAG Química Equilíbrio Químico 1. Para o equilíbrio gasoso entre NO e O 2 formando NO 2 (2 NO (g) + O 2 (g) 2 NO 2 (g)), a constante de equilíbrio é

PAG Química Equilíbrio Químico 1. Para o equilíbrio gasoso entre NO e O 2 formando NO 2 (2 NO (g) + O 2 (g) 2 NO 2 (g)), a constante de equilíbrio é 1. Para o equilíbrio gasoso entre NO e O 2 formando NO 2 (2 NO (g) + O 2 (g) 2 NO 2 (g)), a constante de equilíbrio é Kc = 6,45 x 10 5. a) em que concentração de O 2 as concentrações de NO 2 e de NO são

Leia mais

REACÇÕES ÁCIDO BASE. Q.1. Discuta a força relativa dos seguintes ácidos de Bronsted: SO 4 H 2 e SO 3 H 2 Q.2.

REACÇÕES ÁCIDO BASE. Q.1. Discuta a força relativa dos seguintes ácidos de Bronsted: SO 4 H 2 e SO 3 H 2 Q.2. Química Geral 607 REACÇÕES ÁCID BASE s exercícios seguintes estão directamente relacionados com a matéria exposta no capítulo. do manual da disciplina de Química Geral. São apresentados vários tipos de

Leia mais

Ácidos & Bases 1) Qual das alternativas não representa um par ácido-base conjugado?

Ácidos & Bases 1) Qual das alternativas não representa um par ácido-base conjugado? Ácidos & Bases 1) Qual das alternativas não representa um par ácido-base conjugado? A) B) C) HSO-4, H 2SO 4 D) -OH, O2- E) NO3-, NO2-2) A espécie que aceita prótons está definindo um A) Ácido de Arrenhius

Leia mais

Critérios de Classificação Específicos da Ficha de Avaliação Sumativa

Critérios de Classificação Específicos da Ficha de Avaliação Sumativa Critérios de Específicos da Ficha de Avaliação Sumativa Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos DISCIPLINA: Física e Química Módulo: Q 015/016 10 ºAno de escolaridade

Leia mais

P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 28/06/08

P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 28/06/08 P4 - PROVA DE QUÍMICA GERAL - 8/06/08 Nome: Nº de Matrícula: Turma: Assinatura: Questão Valor Grau Revisão 1 a,5 a,5 3 a,5 4 a,5 Total 10,0 Constantes e equações: R 0,08 atm L mol -1 K -1 8,314 J mol -1

Leia mais

Expressão Semi-Empírica da Energia de Ligação

Expressão Semi-Empírica da Energia de Ligação Exprssão Smi-Empíric d Enrgi d Ligção om o pssr do tmpo n usênci d um tori dtlhd pr dscrvr strutur nuclr, vários modlos form dsnvolvidos, cd qul corrlcionndo os ddos xprimntis d um conjunto mis ou mnos

Leia mais

Coleção NEM 2ª Série Volume 3 Química. Química 1. Aula 45. Série A

Coleção NEM 2ª Série Volume 3 Química. Química 1. Aula 45. Série A Química 1 Aula 5 Ordem crescente de acidez: NaF (solução II) < NaC (solução I) < NH C (solução III) A solução II é básica pois apresenta o ânion fluoreto (F ), de ácido fraco, que sofre hidrólise produzindo

Leia mais

Disciplina de BIOQUÍMICA do Ciclo Básico de MEDICINA Universidade dos Açores 1º Ano ENSINO PRÁTICO 4ª AULA PRÁTICA

Disciplina de BIOQUÍMICA do Ciclo Básico de MEDICINA Universidade dos Açores 1º Ano ENSINO PRÁTICO 4ª AULA PRÁTICA Disciplina de BIOQUÍMICA do Ciclo Básico de MEDICINA Universidade dos Açores 1º Ano ENSINO PRÁTICO 4ª AULA PRÁTICA CONCEITO DE SOLUÇÕES TAMPÃO, ph E pk 1. Conceito de soluções tampão (ph e pk) 2. Principais

Leia mais

Exercícios de ph Turma Evolução

Exercícios de ph Turma Evolução . A forma dos fios do cabelo (liso ou ondulado) se deve à forma das estruturas proteicas da queratina. Promovendo reações químicas nas ligações dissulfeto (RSSR) presentes na proteína, é possível alterar

Leia mais

A Água e Suas Relações. Funções Inorgânicas Ácidos, Bases e Sais

A Água e Suas Relações. Funções Inorgânicas Ácidos, Bases e Sais A Água e Suas Relações Funções Inorgânicas Ácidos, Bases e Sais Introdução: É constituída por 2 gases: Hidrogênio Oxigênio Água Na proporção 2:1, ou seja 2 átomos de hidrogênio e 1 átomo de oxigênio Sua

Leia mais

CONCEITOS MODERNOS DE ÁCIDOS E BASES

CONCEITOS MODERNOS DE ÁCIDOS E BASES CONCEITOS MODERNOS DE ÁCIDOS E BASES Portal de Estudos em Química (PEQ) www.profpc.com.br Página 1 01 Na reação segundo a equação: EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 1 1 1 3 2 2 4 NH H O NH OH a) Qual o doador de

Leia mais

TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA

TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA TITULAÇÃO EM QUÍMICA ANALÍTICA Titulação Procedimento analítico, no qual a quantidade desconhecida de um composto é determinada através da reação deste com um reagente padrão ou padronizado. Titulante

Leia mais

Substâncias Químicas Com Características Ácidas e Básicas

Substâncias Químicas Com Características Ácidas e Básicas Substâncias Químicas Com Características Ácidas e Básicas Introdução Existem várias teorias sobre acidez e basicidade. Contudo, não se trata realmente de teorias, mais simplesmente de diferentes definições

Leia mais

Resolução da Prova 1 de Física Teórica Turma C2 de Engenharia Civil Período

Resolução da Prova 1 de Física Teórica Turma C2 de Engenharia Civil Período Rsolução da Prova d Física Tórica Turma C2 d Engnharia Civil Príodo 2005. Problma : Qustõs Dados do problma: m = 500 kg ; v i = 4; 0 m=s ;! a = 5! g d = 2 m. Trabalho ralizado por uma força constant: W

Leia mais

Ácido-base: objectivos principais

Ácido-base: objectivos principais Ácido-base: objectivos principais Definição de ph e poh Definição e interpretação de K a, K b, K w Relação entre K a e K b de pares ácido-base conjugados (a 25ºC pk a pk b =14) Calcular o ph de uma solução

Leia mais

EQUILÍBRIO QUÍMICO. Profa. Loraine Jacobs DAQBI.

EQUILÍBRIO QUÍMICO. Profa. Loraine Jacobs DAQBI. EQUILÍBRIO QUÍMICO Profa. Loraine Jacobs DAQBI lorainejacobs@utfpr.edu.br http://paginapessoal.utfpr.edu.br/lorainejacobs EQUILÍBRIO IÔNICO DA ÁGUA Equilíbrio Iônico da Água Ácido e Base de Arrhenius H

Leia mais

sendo igual a 98, um mol desse ácido é igual a 98 g; portanto, em 180 g de ácido sulfúrico puro existem:

sendo igual a 98, um mol desse ácido é igual a 98 g; portanto, em 180 g de ácido sulfúrico puro existem: E X E R C Í C I O S QUÍ MI CA 01) Calcular os números de moles existentes em: a) 180 g de HSO4 ; b) 150 g de Al ( SO ) 10H O = 7. a) A massa molecular do H SO 4 4. Dados: H = 1; O = ; S = ; Al sendo igual

Leia mais

VOLUMETRIA DE NEUTRALIZAÇÃO

VOLUMETRIA DE NEUTRALIZAÇÃO VOLUMETRIA DE NEUTRALIZAÇÃO 1 semestre 2011 Profa. Maria Auxiliadora Costa Matos Volumetria de neutralização envolve a titulação de espécies químicas ácidas com uma solução padrão alcalina (ALCALIMETRIA)

Leia mais

Lista de exercícios sobre funções inorgânicas.

Lista de exercícios sobre funções inorgânicas. Lista de exercícios sobre funções inorgânicas. 1. X é uma substância gasosa nas condições ambientes. Quando liquefeita, praticamente não conduz corrente elétrica, porém forma solução aquosa que conduz

Leia mais

Química Analítica I Tratamento dos dados analíticos Soluções analíticas

Química Analítica I Tratamento dos dados analíticos Soluções analíticas Química Analítica I Tratamento dos dados analíticos Soluções analíticas Profª Simone Noremberg Kunz 2 Mol Medidas em química analítica É a quantidade de uma espécie química que contém 6,02x10 23 partículas

Leia mais