REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA"

Transcrição

1 REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO 10/Julho/2015 ACTA N.º07/2015 Aos dez dias do mês de Maio de dois mil e quinze, pelas quinze horas, na Sede do Centro Social de Tolosa, teve lugar a Reunião Ordinária da Direcção, em cumprimento do artigo 41.º dos Estatutos, onde compareceram os Senhores Presidente, Manuel Vences Cordeiro, Vice-Presidente, Alzira Trindade Pires Evaristo, Secretário, Armando Manuel Maria Vieira Luís, Tesoureira, Maria Clara Candeias Simas Evaristo e o Vogal, José Júlio Frasco Oliveira. Esteve também presente a Directora Técnica, Mónica Castanheira Pascoal. Ordem de Trabalhos: 1. Situação financeira. 2. Assuntos da Directora Técnica. 3. Balancetes de Abril/2015 e Maio/ SITUAÇÃO FINANCEIRA: a) Conta à Ordem A conta à ordem da Instituição, nesta data, tem um saldo de ,12. b) Conta a Prazo Em 04/Novembro/2014, foi renovado o depósito a prazo de ,00, à taxa de 1%. c) Empréstimo - Em 28/Junho/2015, pagou-se a prestação 93 do empréstimo de ,00, na importância de 2.764,01. O montante em dívida, no final de Junho de 2015, é de ,83. d) Empréstimo - Em 05/Julho/2015, pagou-se a prestação 12, do empréstimo de , na importância de 2.802,73. O montante em dívida, nesta data, é de , ASSUNTOS DA DIRECTORA: a) Contratos de Trabalho a Termo:

2 Os contratos de trabalho dos funcionários Carlos Alberto Silva Lamego e Isaura Maria Dinis Félix são renovados em Agosto/2015. O contrato de trabalho do funcionário Américo José Barrento da Costa é renovado em Dezembro/2015. b) Contratos de Trabalho sem Termo: As funcionárias Beatriz da Conceição Rufo Penedo (25/Abril/2915, Gilda Maria Miguel Mandeiro Saboeiro (09/Julho/2015), Rosalina Jorge Farinha Esgalhado (09/Julho/2015) e Maria Joaquina Matos Sacramento Carrilho (21Julho/2015) passaram a ter contratos de trabalho sem termo. c) Admissão de Funcionárias: Com contrato de emprego inserção (CEI), foi contratada a trabalhadora Mónica Alexandra Vences Vieira Luís Paulino, com início em 06/Julho/2015. Com contrato estímulo, foi contratada a trabalhadora Olga Sofia Trindade Vieira das Neves, com início em 01/Junho/2015. d) Estágio Profissional: O licenciado João Paulo Borrego Felício, em funções de Animador Sócio Cultural, termina o estágio remunerado em 21/Setembro/2015. A partir desta data, definimos outro tipo de contratação. e) Relógio de Ponto: O relógio de ponto já está a funcionar em pleno. f) Candidatura a prestação de serviços: A empresa K med XXI apresentou proposta para o fornecimento dos seguintes serviços: 1. Medicina no Trabalho; 2. Segurança no Trabalho; 3. Controlo de pragas. A Directora Técnica vai solicitar propostas a outras empresas, para decidirmos a adjudicação a quem oferecer melhores condições. g) Seguros: A Directora Técnica vai pedir propostas detalhadas a várias seguradoras, incluindo o actual fornecedor, para analisarmos, compararmos e deliberar em próxima reunião de Direcção. h) Outros: Pedir orçamento para alterar o fecho do portão junto ao Espírito Santo. A Directora Técnica vai falar com o Advogado para ele fazer os novos Estatutos, cedendo-lhe os actuais e a nova legislação

3 3. BALANCETES DE ABRIL E MAIO DE 2015 REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO BALANCETE DE 30 DE ABRIL DE jul-15 Depósito a prazo taxa 1%, vence em ,00 SALDO NO FINAL DE ABRIL ,21 MOVIMENTO NO FINAL DE ABRIL/2015 RECEITA DESPESA Comparticipação dos utentes em Centro de Dia 1.771,34 Comparticipação dos utentes em Apoio domiciliário 8.087,71 Comparticipação dos utentes em Lar ,70 Comparticipação do CATL 50,00 Acordo Seg.Social Centro de Dia - 10 utentes 962,41 Acordo Seg.Social Apoio Domiciliário - 51 utentes ,23 Acordo Seg.Social de Lar - 43 utentes ,52 Acordo Seg.Social ATL - 19 utentes s/almoço 1.225,43 Acordo Seg.Social ATL - 16 utentes ext./horário 642,56 Camas em Lar da Segurança Social 738,58 Dinheiro de utentes à nossa guarda 30,60 Quotas de Sócios 247,50 Donativos 1.637,50 Acerto de Cliente 1.295,19 Deslocações a Consultas e Exames 550,00 Cedência de Imóvel 100,00 Valor de Medicamentos recebido dos Utentes 1.110,70 Valor de Fraldas recebido dos Utentes 334,00 SOMA ,97

4 Depósito a prazo taxa 1%, vence em MOVIMENTO NO FINAL DE ABRIL/2015 REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO BALANCETE DE 30 DE ABRIL DE jul-15 SALDO NO FINAL DE ABRIL/2015 DESPESA Vencimentos ,55 TSU 9.940,17 IRS 1.646,00 Gás 285,29 Electricidade 2.397,07 Água 1.093,04 Serviço Médico 750,00 Serviço de Enfermagem 400,00 Serviço de Contabilidade 275,00 Telecomunicações 152,24 Farmácia 1.211,41 Diversos 27,50 Fundo de Compensação 42,82 Serviços Prestados 100,00 Amortização CGD 5.631,76 Despesas Financeiras 669,25 Jornais 23,80 Equipamento 577,26 Programas Informáticos 630,19 Material de Desgaste Rápido 2,50 Bens Alimentares ,38 Higiene e Limpesa 2.778,75 Imposto Municipal sobre Imóveis 115,81 Devolução de Dinheiro a Utentes 1.631,84 Amortização de Livrança 5.000,00 Leasing da Impressora 100,39 Material de Escritório 56,32 Assistência Técnica Informática 36,90 Caixas de Refeições 217,23 Manutenção e Reparação de Equipamento 169,13 Ferramentas e Utensílios 311,64 Combustível Auto 457,72 Animação 63,27 Manutenção e Reparação de Edifício 185,16 Seguro Auto 163,34 Material de Enfermagem 496,03 DESPESA TOTAL DE ABRIL/ ,76 120,00 SALDO ,21 SALDO DE ABRIL/ ,79

5 REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO BALANCETE DE 31 DE MAIO DE jul-15 Depósito a prazo taxa 1%, vence em ,00 SALDO NO FINAL DE MAIO ,27 MOVIMENTO NO FINAL DE MAIO/2015 RECEITA DESPESA Comparticipação dos utentes em Centro de Dia 1.771,34 Comparticipação dos utentes em Apoio domiciliário 7.273,70 Comparticipação dos utentes em Lar ,68 Comparticipação do CATL 75,00 Acordo Seg.Social Centro de Dia - 10 utentes 1.069,34 Acordo Seg.Social Apoio Domiciliário - 51 utentes ,23 Acordo Seg.Social de Lar - 43 utentes ,65 Acordo Seg.Social ATL - 19 utentes s/almoço 1.225,43 Acordo Seg.Social ATL - 16 utentes ext./horário 642,56 Camas em Lar da Segurança Social 366,17 Cantinas Sociais 930,00 Dinheiro de utentes à nossa guarda 55,00 Quotas de Sócios 300,00 Donativos 1.366,50 Máquina de Café 491,70 Deslocações a Consultas e Exames 290,00 Quermece Feira do Queijo 417,11 Valor de Medicamentos recebido dos Utentes 1.174,70 Valor de Fraldas recebido dos Utentes 365,09 Tranferência de Conta a Prazo para Conta à Ordem ,00 SOMA ,20

6 BALANCETE DE 31 DE MAIO DE mai-15 Depósito a prazo taxa 1%, vence em ,00 DESPESA SALDO SALDO NO FINAL DE MAIO/ ,27 MOVIMENTO NO FINAL DE MAIO/2015 Vencimentos ,92 TSU ,93 IRS 2.563,00 Gás 701,38 Electricidade 2.410,03 Água 691,11 Serviço Médico 750,00 Serviço de Enfermagem 400,00 Serviço de Contabilidade 329,00 Telecomunicações 213,75 Farmácia 866,84 Diversos 9,06 Fundo de Compensação 42,82 Loiça da Festa 225,00 Amortização CGD 5.601,02 Despesas Financeiras 477,03 Jornais 31,00 Licenças da Festa 48,00 Pagamento total de Livrança ,00 Serviços Prestados 100,00 Bens Alimentares ,34 Higiene e Limpesa 2.309,57 Café para a Máquina 121,97 Devolução de Dinheiro a Utentes 736,74 Portagens 6,01 Leasing da Impressora 100,39 Material de Escritório 259,15 Assistência Técnica Informática 184,50 Caixas de Refeições 146,94 Manutenção e Reparação de Viaturas 184,99 Inspecção de Viatura 30,54 Combustível Auto 458,02 Animação 125,84 Ofertas 25,00 Seguro Riscos Múltiplos 528,52 Registo Predial 418,50 Licença e Inspecção do Elevador 155,15 Seguro Acidentes de Trabalho 811,27 Seguro de CEI/IEFP - Olga 62,62 Recolha de Lixos Tóxicos 107,48 Liquidação Final da Obra ,29 DESPESA TOTAL DE MAIO/ ,72 SALDO DE MAIO/ ,48

7 Os Balancetes foram aprovados pelo Direcção. Por não haver mais assuntos a tratar, foi encerrada a Reunião, eram dezassete horas e trinta minutos, da qual se lavrou a presente acta, que foi aprovada e vai ser assinada pelos membros da Direcção presentes. O Presidente, (Manuel Vences Cordeiro) A Vice-Presidente, (Alzira Trindade Pires Evaristo) O Secretário, (Armando Manuel Maria Vieira Luís) A Tesoureira, (Maria Clara Candeias Simas Evaristo) O Vogal, (José Júlio Frasco Oliveira)

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA DO 24/Setembro/2015 ACTA N.º08/2015 Aos vinte e quatro dias do mês de Setembro de dois mil e quinze, pelas quinze horas e trinta minutos, na Sede do Centro Social de Tolosa, teve lugar a Reunião Ordinária

Leia mais

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO 24/Janeiro/2015 ACTA N.º01/2015 Aos vinte e quatro dias do mês de Janeiro de dois mil e quinze, pelas quinze horas, na Sede do Centro Social de Tolosa, teve lugar a Reunião

Leia mais

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO 20/Maio/2014 ACTA N.º 06/2014 Aos vinte dias do mês de Maio de dois mil e catorze, pelas dezoito horas, na Sede do Centro Social de Tolosa, teve lugar a Reunião Ordinária

Leia mais

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA

REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA REUNIÃO ORDINÁRIA DA DIRECÇÃO DO CENTRO SOCIAL DE TOLOSA 02/Dezembro/2014 ACTA N.º13/2014 Aos dois dias do mês de Novembro de dois mil e catorze, pelas vinte horas e trinta minutos, na Sede do Centro Social

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS Conselho Distrital de Évora - Delegação de Beja

ORDEM DOS ADVOGADOS Conselho Distrital de Évora - Delegação de Beja ORDEM DOS ADVOGADOS Conselho Distrital de Évora - Delegação de Beja PROPOSTA DE ORÇAMENTO PARA 2016 DESPESAS CORRENTES Serviços especializados 0,00 Trabalhos especializados Publicidade e propaganda (divulgação

Leia mais

Relatório e Contas. Referente. Ao exercício económico De

Relatório e Contas. Referente. Ao exercício económico De Relatório e Contas Referente Ao exercício económico De 2015 1 1 Demonstração Resultados 2 - Demonstração Resultados por Valências 3 Balanço 4 Demonstração Fluxos Caixa 5 Anexo ao Balanço 2 DEMONSTRAÇÃO

Leia mais

Freguesia de Norte Pequeno

Freguesia de Norte Pequeno Mapa do Orçamento de Receita (Inicial) Ano de 2016 Orçamento de Receita - Previsões Iniciais Data: 29-10-2016 Ano: 2016 (unidade: euros) 01.... 01.02... Código Designação Montante Receitas Correntes Impostos

Leia mais

Estatuto remuneratório fixado

Estatuto remuneratório fixado Estatuto remuneratório fixado O estatuto remuneratório dos órgãos sociais para o mandato 2015-2017, fixado por deliberação social unânime por escrito de 1 de julho de 2015, estabelece: 1. Mesa Assembleia

Leia mais

PEÇAS FINAIS DE APRESENTAÇÃO DE CONTAS

PEÇAS FINAIS DE APRESENTAÇÃO DE CONTAS ENTREGUE PEÇAS FINAIS DE APRESENTAÇÃO DE CONTAS NÚCLEO DE ORÇAMENTO DAS ANO DE 2015 E CONTAS DE IPSS INSTITUIÇÕES PARTICULARES DE SOLIDARIEDADE SOCIAL DENOMINAÇÃO: CENTRO DE BEM ESTAR SOCIAL DE SEIXAS

Leia mais

RECEITAS QUOTIZAÇÕES , ,80

RECEITAS QUOTIZAÇÕES , ,80 APM - Custos e Proveitos - Exercício de 2007 QUOTAS RECEITAS QUOTIZAÇÕES 123.798,80 123.798,80 SUBSÍDIOS CENTRO DE FORMAÇÃO 19.413,99 ENCONTRO NACIONAL PROFMAT/2007 50.450,00 GRUPO DE TRABALHO T3 38.132,00

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.082.354,28 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 521.480,07 Operações de Tesouraria 560.874,21 10.258.992,46 Receitas Correntes 8.628.274,56 01 Impostos

Leia mais

BALANÇO DO ANO DE 2014

BALANÇO DO ANO DE 2014 BALANÇO DO ANO DE 214 ACTIVO--------------------------------------------1.739.223 Activo não corrente ------------------------------ 1.447.599 Activos fixos tangíveis Activos fixos tangíveis é o termo

Leia mais

U.P.P.S.S. União dos Pensionistas da Previdência e Segurança Social RELATÓRIO E CONTAS DO EXERCICIO DE 2014

U.P.P.S.S. União dos Pensionistas da Previdência e Segurança Social RELATÓRIO E CONTAS DO EXERCICIO DE 2014 INTRODUÇÃO RELATÓRIO E CONTAS DO EXERCICIO DE 2014 Dando cumprimento à alínea b) do nº 1 do Artigo 13º do Decreto-Lei 119/83 de 25 de Fevereiro e á alínea b) do Artigo 31º dos Estatutos, vem a Direcção

Leia mais

(R ) 1 FREGUESIA DE FAZENDAS DE ALMEIRIM ACTA NÚMERO NOVENTA E NOVE DE DOIS MIL E NOVE

(R ) 1 FREGUESIA DE FAZENDAS DE ALMEIRIM ACTA NÚMERO NOVENTA E NOVE DE DOIS MIL E NOVE (R.2009.12.11) 1 FREGUESIA DE FAZENDAS DE ALMEIRIM --------ACTA NÚMERO NOVENTA E NOVE DE DOIS MIL E NOVE--------- --------Aos onze dias do mês de Novembro do ano de dois mil e nove, pelas dezanove horas,

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 674.613,26 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 268.351,04 Operações de Tesouraria 406.262,22 12.859.762,56 Receitas Correntes 9.296.958,84 01 Impostos

Leia mais

Freguesia de Aradas. Mapa do Orçamento (Inicial) Ano de 2014

Freguesia de Aradas. Mapa do Orçamento (Inicial) Ano de 2014 Mapa do (Inicial) Ano de 2014 Copyright Globalsoft 1992-2014 Pag.: 1 04 04.01 04.01.23 Correntes Taxas, multas e outras penalidades Taxas Taxas especificas das autarquias locais Canídeos Cemitério TMCA

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA 2296 Diário da República, 1.ª série N.º 88 7 de maio de 2015 ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Resolução da Assembleia da República n.º 47/2015 Primeiro orçamento suplementar da Assembleia da República para 2015

Leia mais

RELATÓRIO DE CONTAS DE 2010

RELATÓRIO DE CONTAS DE 2010 Resumo Antes de discriminar em pormenor as várias rubricas deste mapa, saliente-se a diferença positiva entre os valores activos e passivos, como se pode constatar dos valores abaixo discriminados: ACTIVO

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO ORÇAMENTAL E PATRIMONIAL DO POCAL, APROVADO PELO DECRETO-LEI N.º 54-A/99, DE 22 DE FEVEREIRO

CLASSIFICAÇÃO ORÇAMENTAL E PATRIMONIAL DO POCAL, APROVADO PELO DECRETO-LEI N.º 54-A/99, DE 22 DE FEVEREIRO Classe 0 Contas do controlo orçamental e de ordem* 01 Orçamento Exercício corrente* 02 Despesas 021 Dotações iniciais* 022 Modificações orçamentais* 0221 Transferências de dotações 02211 Reforços* 02212

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Código Saldo da gerência anterior Débitos Parcial Importâncias Total De Dotações orçamentais do Programa 001 -Medida 001 -Fonte Financiamento 510 do Programa 001 -Medida 001 -Fonte Financiamento 510 do

Leia mais

BALANÇO (em 31 de Dezembro de 2015)

BALANÇO (em 31 de Dezembro de 2015) RUBRICAS BALANÇO (em 31 de Dezembro de 2015) NOTAS Demonstrações Financeiras Montantes expressos em EURO PERÍODOS 2015 2014 ACTIVO Activo não corrente: Activos fixos tangíveis... 4 236.628,46 246.515,69

Leia mais

CRF/BA. Comparativo da Despesa Paga CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DA BAHIA - CRF-BA CNPJ: / Página:1/6

CRF/BA. Comparativo da Despesa Paga CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DA BAHIA - CRF-BA CNPJ: / Página:1/6 CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DA BAHIA - CRF-BA CNPJ: 13.529.565/0001-02 Comparativo da Paga CRÉDITO DISPONÍVEL DA DESPESA 10.692.70 517.916,89 9.309.452,52 1.383.247,48 CRÉDITO DISPONÍVEL DESPESAS

Leia mais

01 DESPESAS COM O PESSOAL ,00. Titulares de Órgãos de Soberania e Membros de Órgãos Autárquicos ,00

01 DESPESAS COM O PESSOAL ,00. Titulares de Órgãos de Soberania e Membros de Órgãos Autárquicos ,00 01 DESPESAS COM O PESSOAL 9.837.610,00 0101 Remunerações Certas e Permanentes 7.276.640,00 010101 Titulares de Órgãos de Soberania e Membros de Órgãos Autárquicos 168.720,00 010104 Pessoal dos Quadros

Leia mais

CRF/BA. Comparativo da Despesa Paga CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DA BAHIA - CRF-BA CNPJ: / Página:1/6

CRF/BA. Comparativo da Despesa Paga CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DA BAHIA - CRF-BA CNPJ: / Página:1/6 CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DA BAHIA - CRF-BA CNPJ: 13.529.565/0001-02 Comparativo da Paga CRÉDITO DISPONÍVEL DA DESPESA 10.292.70 9.375.483,91 CRÉDITO DISPONÍVEL DESPESAS CORRENTES 10.038.70

Leia mais

MEMÓRIA JUSTIFICATIVA À CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS E DESINVESTIMENTOS PARA O ANO DE 2014

MEMÓRIA JUSTIFICATIVA À CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS E DESINVESTIMENTOS PARA O ANO DE 2014 CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS E DESINVESTIMENTOS PARA O ANO DE 2014 SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE MOGADOURO 28-10-2013 MEMÓRIA JUSTIFICATIVA À CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL

Leia mais

CÂMARA MU ICIPAL COVILHÃ

CÂMARA MU ICIPAL COVILHÃ CÂMARA MU ICIPAL DA COVILHÃ TEXTO DEFINITIVO DA ACTA Nº 18/07 Da reunião extraordinária realizada no dia 27 de Novembro de 2007, iniciada às 09:10 horas e concluída às 09:30 horas. Sumário: Abertura Aprovação

Leia mais

F L U X O S D E C A I X A ANO 2006 ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 R E C E B I M E N T O S

F L U X O S D E C A I X A ANO 2006 ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 R E C E B I M E N T O S ENTIDADE MVN MUNICIPIO DE VENDAS NOVAS Pág. 1 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 809.124,29 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL... 550.398,68 OPERAÇÕES DE TESOURARIA... 258.725,61 RECEITAS ORÇAMENTAIS...

Leia mais

ORÇAMENTO RECEITA E DESPESA

ORÇAMENTO RECEITA E DESPESA FREGUESIA DE PORTO MARTINS MUNICÍPIO DE PRAIA DA VITÓRIA ORÇAMENTO RECEITA E DESPESA PARA O ANO FINANCEIRO DE 2010 POCAL Datas das Deliberações Junta de Freguesia Assembleia de Freguesia 26-11-2009 / /

Leia mais

CMA ,GER,I,RE,27118

CMA ,GER,I,RE,27118 ENTIDADE CM AMADORA MUNICIPIO DA AMADORA Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2014/12/31 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 63.382.313,97 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL... 60.847.742,70 OPERAÇÕES

Leia mais

Santa Casa da Misericórdia de Águeda. Índice CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS PARA 2017

Santa Casa da Misericórdia de Águeda. Índice CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS PARA 2017 CONTA DE EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS PARA 2017 Índice Assuntos Pág. 1 Demonstração de Resultados Previsionais para 2017 2 2 Investimentos 2 3 Memória justificativa 4 3.1 Custos

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Código Saldo da gerência anterior Débitos Parcial Importâncias Total De Dotações orçamentais do Programa 001 -Medida 001 -Fonte Financiamento 311 do Programa 001 -Medida 001 -Fonte Financiamento 311 do

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 901.192,95 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 829.974,24 Operações de Tesouraria 71.218,71 5.350.287,99 Receitas Correntes 4.993.147,29 01 Impostos

Leia mais

Comparativo da Despesa Paga. Plano de Saúde, Serviços Hospitalares e Farmacêuticos BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS RGPS - CFF

Comparativo da Despesa Paga. Plano de Saúde, Serviços Hospitalares e Farmacêuticos BENEFÍCIOS ASSISTENCIAIS RGPS - CFF CONSELHO REGIONAL DE FARMACIA DO AMAPA CNPJ: 12.967.467/0001-94 Comparativo da Paga CRÉDITO DISPONÍVEL DA DESPESA 1.066.322,00 986.698,34 CRÉDITO DISPONÍVEL DESPESAS CORRENTES 804.332,00 724.708,34 PESSOAL

Leia mais

FREGUESIA DE NOSSA SENHORA DA LUZ

FREGUESIA DE NOSSA SENHORA DA LUZ FREGUESIA DE NOSSA SENHORA DA LUZ MUNICÍPIO DE SANTA CRUZ DA GRACIOSA FLUXOS DE CAIXA APROVAÇÃO ANO FINANCEIRO DE 2012 Datas das Deliberações Junta de Freguesia Assembleia de Freguesia 23-04-2013 29-04-2013

Leia mais

Proposta de Orçamento para 2017

Proposta de Orçamento para 2017 Proposta de Orçamento para 2017 Introdução A presente proposta de orçamento para o ano de 2017, respeita numa primeira parte ao Conselho Regional do Porto, numa segunda parte às Delegações, e numa terceira

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 342.505,09 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 291.458,83 Operações de Tesouraria 51.046,26 13.407.175,15 Receitas Correntes 7.217.689,82 01 Impostos

Leia mais

FLUXOS DE CAIXA PERÍODO DE 2013/04/19 A 2013/12/31. Modelo de acordo com a Instrução n.º 1/2004 do Tribunal de Contas CÓDIGO PAGAMENTOS CÓDIGO

FLUXOS DE CAIXA PERÍODO DE 2013/04/19 A 2013/12/31. Modelo de acordo com a Instrução n.º 1/2004 do Tribunal de Contas CÓDIGO PAGAMENTOS CÓDIGO Despesas de fundos próprios: Saldo da gerência anterior: Dotações orçamentais (OE): Execução orçamental - Fundos próprios: Correntes: De dotações orçamentais (OE) 137.351,67 137.351,67 De receitas próprias:

Leia mais

Educação e Ciência. Universidade de Lisboa (UL) - Reitoria

Educação e Ciência. Universidade de Lisboa (UL) - Reitoria Educação e Ciência Universidade de Lisboa (UL) - Reitoria Mapa de fluxos de caixa em 31/12/2014 Valores em euros Ano: 2014 Código Recebimentos Importâncias Parcial Total Saldo da gerência anterior De Dotações

Leia mais

SPORTING CLUBE DE PORTUGAL FUTEBOL, SAD

SPORTING CLUBE DE PORTUGAL FUTEBOL, SAD SPORTING CLUBE DE PORTUGAL FUTEBOL, SAD Sociedade Aberta Capital Social: 39 000 000 euros Capital Próprio: (75.593.000) euros aprovado em Assembleia Geral de 28 de Setembro de 2012 Sede Social: Estádio

Leia mais

F L U X O S D E C A I X A ANO 2010 ENTIDADE CM MORA MUNICIPIO DE MORA Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO /12/31 R E C E B I M E N T O S

F L U X O S D E C A I X A ANO 2010 ENTIDADE CM MORA MUNICIPIO DE MORA Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO /12/31 R E C E B I M E N T O S 10:37 2011/04/02 Fluxos de caixa Pag. 1 ENTIDADE CM MORA MUNICIPIO DE MORA Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2010/12/31 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 165.362,24 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL...

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Código Saldo da gerência anterior Débitos Parcial Importâncias Total De Dotações orçamentais Dotações Orçamentais Receitas do Estado Operações de tesouraria Receitas do Estado Operações de tesouraria Sendo

Leia mais

FREGUESIA DE ALVORNINHA

FREGUESIA DE ALVORNINHA 32 Aos dezasseis dias do mês de maio do ano de dois mil e treze, nesta Freguesia de Alvorninha e edifício da Junta de Freguesia, compareceram os Senhores: Presidente Virgílio Leal dos Santos, Secretário

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.393.875,77 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 927.571,50 Operações de Tesouraria 466.304,27 15.021.298,43 Receitas Correntes 11.847.256,01 01 Impostos

Leia mais

Acta da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Figueira Castelo Rodrigo, realizada no dia sete de Abril de dois mil e oito.

Acta da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Figueira Castelo Rodrigo, realizada no dia sete de Abril de dois mil e oito. Acta da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Figueira Castelo Rodrigo, realizada no dia sete de Abril de dois mil e oito. ------ Aos sete dias do mês de Abril do ano de dois mil e oito, pelas quinze

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 353.206,61 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 248.002,69 Operações de Tesouraria 105.203,92 5.238.131,18 Receitas Correntes 4.287.790,85 01 Impostos

Leia mais

ORÇAMENTO RETIFICATIVO

ORÇAMENTO RETIFICATIVO ORÇAMENTO RETIFICATIVO ANO 2013 Pág. 1 INDICE INDICE... 2 1 IDENTIFICAÇÃO DA INSTITUIÇÃO... 3 2 CORPOS GERENTES... 4 3 MOTIVOS DA APRESENTAÇÃO DO ORÇAMENTO RETIFICATIVO... 5 3.1 PRESTAÇÃO SERVIÇOS... 6

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 2.976.969,19 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 2.953.436,80 Operações de Tesouraria 23.532,39 8.777.665,78 Receitas Correntes 5.115.251,25 01 Impostos

Leia mais

Base de dados I. Questionário de levantamento de recursos institucionais/ 2009

Base de dados I. Questionário de levantamento de recursos institucionais/ 2009 Base de dados I Nº de referência da instituição Nº de registo Questionário de levantamento de recursos institucionais/ 2009 Este questionário tem como objectivo proceder à actualização do Diagnóstico Social,

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE CÂMARA DE LOBOS

CÂMARA MUNICIPAL DE CÂMARA DE LOBOS ---------------------------- ACTA NÚMERO 24/2004---------------------------- Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Câmara de Lobos, realizada em vinte e cinco de Novembro de dois mil e quatro. --- Aos

Leia mais

DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS

DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADOS RELATÓRIO DE GESTÃO E DOCUMENTOS DE PRESTAÇÃO DE 2007 CUSTOS E PERDAS 61 CMVMC 611 CMVMC 108.211,73 78.721,15 108.211,73 78.721,15 62 FORNEC. SERVIÇOS EXTERNOS 621 SUBCONTRATOS 0,00 0,00 62211 ELECTRICIDADE

Leia mais

ELEIÇÕES DOS COORDENADORES DE CURSO DA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS (ESTGF) ACTA n.º 2 ACTA DE APURAMENTO

ELEIÇÕES DOS COORDENADORES DE CURSO DA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS (ESTGF) ACTA n.º 2 ACTA DE APURAMENTO ELEIÇÕES DOS COORDENADORES DE CURSO DA ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E GESTÃO DE FELGUEIRAS (ESTGF) ACTA n.º 2 ACTA DE APURAMENTO Aos catorze dias do mês de abril do ano de dois mil e catorze, entre as

Leia mais

ORÇAMENTO DA RECEITA

ORÇAMENTO DA RECEITA Código ORÇAMENTO DA RECEITA Designação Ano : 24 Montante RECEITAS CORRENTES Impostos directos 28.500,00 02 Outros 28.500,00 02 02 Imposto Municipal sobre imoveis 28.500,00 02 Impostos indirectos 62.500,00

Leia mais

OFERTAS DE EMPREGO PROFISSÃO VIGILANTE (GUARDA, RONDISTA) TÉCNICO DE GÁS. Unidade Emissora: Data de Emissão N.º de Folhas SINTRA SINTRA SINTRA SINTRA

OFERTAS DE EMPREGO PROFISSÃO VIGILANTE (GUARDA, RONDISTA) TÉCNICO DE GÁS. Unidade Emissora: Data de Emissão N.º de Folhas SINTRA SINTRA SINTRA SINTRA CENTRO DE EMPREGO DE 2011-10-14 1 / 5 587724367 587774470 587776634 587777134 587782284 587782717 587782724 587783858 587783864 VIGILANTE (GUARDA, RONDISTA) TÉCNICO DE GÁS SERRALHEIRO MECÂNICO COSTUREIRA

Leia mais

Freguesia de Aradas. Fluxos de Caixa. Ano de 2014

Freguesia de Aradas. Fluxos de Caixa. Ano de 2014 Fluxos de Caixa no de 2014 Fluxos de Caixa (Desagregados) - Recebimentos Pag.: 1 Saldo da Gerência nterior: Execução Orçamental: Operações de Tesouraria: 11.604,60 1.289,81 Receitas Correntes 04.... Taxas,

Leia mais

FREGUESIA DE ALVORNINHA

FREGUESIA DE ALVORNINHA 72 Aos seis dias do mês de dezembro do ano de dois mil e doze, nesta Freguesia de Alvorninha e edifício da Junta de Freguesia, compareceram os Senhores: Presidente Virgílio Leal dos Santos, Secretário

Leia mais

Fluxos de Caixa SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR ,12 RECEITAS ORÇAMENTAIS ,52 DESPESAS ORÇAMENTAIS ,29. Receitas Correntes

Fluxos de Caixa SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR ,12 RECEITAS ORÇAMENTAIS ,52 DESPESAS ORÇAMENTAIS ,29. Receitas Correntes SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR 34.139,12 Execução Orçamental 32.254,99 Operações de tesouraria 1.884,13 Pág.: 1 RECEITAS ORÇAMENTAIS 426.983,52 DESPESAS ORÇAMENTAIS 400.243,29 04 Taxas, multas e outras penalidades

Leia mais

Câmara Municipal de Mondim de Basto

Câmara Municipal de Mondim de Basto ACTA DA DÉCIMA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE MONDIM DE BASTO, REALIZADA NO DIA 25 DE MARÇO DE 2010. ------------------------------------------------------------- Aos Vinte e Cinco dias do mês

Leia mais

Tribunal de Contas ANEXO II LEGISLAÇÃO SOBRE BENEFÍCIOS FISCAIS

Tribunal de Contas ANEXO II LEGISLAÇÃO SOBRE BENEFÍCIOS FISCAIS Tribunal de Contas ANEXO II LEGISLAÇÃO SOBRE BENEFÍCIOS FISCAIS Tribunal de Contas LEGISLAÇÃO SOBRE BENEFÍCIOS FISCAIS I COM IMPLICAÇÕES NA RECEITA ESTADUAL A) No âmbito dos impostos directos a. 1) Imposto

Leia mais

CONTA EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS E DESINVESTIMENTOS

CONTA EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS E DESINVESTIMENTOS ENTREGUE NO CENTRO DISTRITAL DE SEG. SOC. FARO CONTA EXPLORAÇÃO PREVISIONAL E ORÇAMENTO DE INVESTIMENTOS E DESINVESTIMENTOS ANO DE 2016 1º ORÇAMENTO REVISTO Nº X NOME: MORADA CENTRO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE E ATUÁRIA CURSO: ADMINISTRAÇÃO

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE E ATUÁRIA CURSO: ADMINISTRAÇÃO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE DEPARTAMENTO DE CONTABILIDADE E ATUÁRIA CURSO: ADMINISTRAÇÃO DISCIPLINA: EAC0111 NOÇÕES DE CONTABILIDADE PARA ADMINISTRADORES

Leia mais

F L U X O S D E C A I X A ANO 2010 ENTIDADE M.P.M. MUNICIPIO DE PORTO MONIZ Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO /12/31 R E C E B I M E N T O S

F L U X O S D E C A I X A ANO 2010 ENTIDADE M.P.M. MUNICIPIO DE PORTO MONIZ Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO /12/31 R E C E B I M E N T O S ENTIDADE M.P.M. MUNICIPIO DE PORTO MONIZ Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2010/12/31 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 472.103,70 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL... 458.015,00 OPERAÇÕES DE TESOURARIA...

Leia mais

J U N T A D E F R E G U E S I A D E S I N E S ACTA Nº 24/2010

J U N T A D E F R E G U E S I A D E S I N E S ACTA Nº 24/2010 ACTA Nº 24/2010 Aos dezanove dias do mês de Outubro do ano de dois e mil e dez, nesta Cidade de Sines e sala de reuniões da Freguesia de Sines, sito no Largo Ramos da Costa nº 21 B, teve lugar a reunião

Leia mais

A Vida é a nossa maior inspiração

A Vida é a nossa maior inspiração PLANO ACTIVIDADES & ORÇAMENTO 2017 A Vida é a nossa maior inspiração O ano de 2017 será um ano de crescimento. A partir de Janeiro de 2017, a Vida Norte alargará a sua intervenção para o concelho de Braga.

Leia mais

EXECUÇÃO ORÇAMENTAL ,49 OPERAÇÕES DE TESOURARIA ,47 RECEITAS ORÇAMENTAIS ,02

EXECUÇÃO ORÇAMENTAL ,49 OPERAÇÕES DE TESOURARIA ,47 RECEITAS ORÇAMENTAIS ,02 ENTIDADE M.S.V. MUNICIPIO SAO VICENTE Pág. 1 PERÍODO JANEIRO A DEZEMBRO - 2014/12/31 R E C E B I M E N T O S SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR... 179.594,96 EXECUÇÃO ORÇAMENTAL... 113.004,49 OPERAÇÕES DE TESOURARIA...

Leia mais

ORÇAMENTO FINANCEIRO - Despesa

ORÇAMENTO FINANCEIRO - Despesa 11315 224 214 1.1.2 6411 Remuneração base - Orgãos directivos... 697641 Remuneração base - Orgãos directivos... 1.1.3.A 642111 RCTFP - Pessoal em funções... 1.1.3.B 642112 RCTFP - Alterações obrigatórias

Leia mais

Comparativo da Despesa Paga. Gratificação de Natal - 13º Salário. Material de Áudio, Vídeo e Foto

Comparativo da Despesa Paga. Gratificação de Natal - 13º Salário. Material de Áudio, Vídeo e Foto Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Estado do Rio Grande do Norte CNPJ: 14.829.126/0001-88 Comparativo da Paga CRÉDITO DISPONÍVEL DA DESPESA 2.024.098,05 432.765,55 1.591.332,50 DESPESA CORRENTE 1.256.703,32

Leia mais

ESTATUTO REMUNERATÓRIO. Conselho de Administração remunerações globais mensais ilíquidas:

ESTATUTO REMUNERATÓRIO. Conselho de Administração remunerações globais mensais ilíquidas: ESTATUTO REMUNERATÓRIO Ao abrigo do artigo 8.º dos Estatutos da CP, aprovados pelo Decreto-Lei n.º 137- A/2009, de 12 de junho, conjugado com o n.º 2 do artigo 28.º do EGP, com a aplicação das regras constantes

Leia mais

Instituição: Instituto do Vinho do Douro e Porto,I.P. Ano: 2008 Mapa: Fluxos de Caixa

Instituição: Instituto do Vinho do Douro e Porto,I.P. Ano: 2008 Mapa: Fluxos de Caixa Recebimentos SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR Execução Orçamental - Fundos Próprios 16 01 01 De dotações orçamentais (OE ou OE...) 0,00 0,00 De receitas próprias Na posse do serviço 10.302.904,47 10.302.904,47

Leia mais

BALANÇO de ATIVIDADES ANO LETIVO 2013/2014

BALANÇO de ATIVIDADES ANO LETIVO 2013/2014 BALANÇO de ATIVIDADES ANO LETIVO 2013/2014 1.º PERÍODO Elaboramos e distribuímos o Jornal da Associação de Pais; Dinamizamos o protocolo com a Casa da Luz, que permite aos alunos dos 2.º e 4.º ano, usufruírem

Leia mais

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS

FLUXOS DE CAIXA CONSOLIDADOS CÂMARA MUNICIPAL DO / SERVIÇOS MUNICIPALIZADOS DE TRANSPORTES COLECTIVOS DO RECEBIMENTOS Saldo da gerência anterior 2.164.836,98 Execução Orçamental 1.506.708,02 Operações de Tesouraria 658.128,96 Total

Leia mais

Agenda da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Lamego. "Terça-Feira, 25 de junho de 2013"

Agenda da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Lamego. Terça-Feira, 25 de junho de 2013 Agenda da Reunião Ordinária da Câmara Municipal de Lamego "Terça-Feira, 25 de junho de 2013" ANTES DA ORDEM DO DIA 01- Celebração das solenidades do Corpo de Deus - agradecimento 02- Festival da Cereja

Leia mais

0007 ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DO IPESC 20/11/ :08 Pág:0001 CNPJ: / Período: 01/07/2014 a 31/07/2014 Balancete Societário

0007 ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DO IPESC 20/11/ :08 Pág:0001 CNPJ: / Período: 01/07/2014 a 31/07/2014 Balancete Societário 0007 ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DO IPESC 20/11/2014 15:08 Pág:0001 1 S 1 ATIVO 938.218,79 47.302,43 30.140,53 955.380,69 2 S 1.1 CIRCULANTE 71.826,90 47.302,43 30.140,53 88.988,80 3 S 1.1.01 DISPONÍVEL

Leia mais

HABISOLVIS E.M. - Empresa Municipal de Habitação Social de Viseu

HABISOLVIS E.M. - Empresa Municipal de Habitação Social de Viseu ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA EMPRESA MUNICIPAL DE HABITAÇÃO HABISOLVIS REALIZADA NO DIA VINTE E NOVE DE MARÇO DE DOIS MIL E DEZASSEIS. ------ Aos vinte e nove dias do mês de março de dois mil e dezasseis,

Leia mais

RELATÓRIO REUNIÃO COM A ASSOCIAÇÃO FAIALENSE DE BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS.

RELATÓRIO REUNIÃO COM A ASSOCIAÇÃO FAIALENSE DE BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS. RELATÓRIO REUNIÃO COM A ASSOCIAÇÃO FAIALENSE DE BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS. Horta, 11 de Janeiro de 2006 A Comissão de Politica Geral visitou a Ilha do Faial, no dia 11 de Janeiro de 2006, onde, no âmbito das

Leia mais

Quarta-feira, 13 de março de nº Ano XVI - Caderno B esta edição tem 22 páginas. BALANÇO PATRIMONIAL (em reais)

Quarta-feira, 13 de março de nº Ano XVI - Caderno B esta edição tem 22 páginas. BALANÇO PATRIMONIAL (em reais) Imprensa Oficial da Estância de Atibaia esta edição tem 22 páginas BALANÇO PATRIMONIAL (em reais) ASSOCIAÇÃO MISSIONÁRIA DE AJUDA CRISTÃ - AMAC Ativo 2012 2011 Passivo 2012 2011 Ativo Circulante Passivo

Leia mais

ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE ALPIARÇA REALIZADA EM 20 DE DEZEMBRO DE NÚMERO VINTE SEIS: Aos vinte dias do mês

ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE ALPIARÇA REALIZADA EM 20 DE DEZEMBRO DE NÚMERO VINTE SEIS: Aos vinte dias do mês ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE ALPIARÇA REALIZADA EM 20 DE DEZEMBRO DE 2002 NÚMERO VINTE SEIS: Aos vinte dias do mês de Dezembro ano de dois mil e dois, nesta vila de Alpiarça, Edifício

Leia mais

Freguesia de Angustias. Fluxos de Caixa. Copyright Globalsoft

Freguesia de Angustias. Fluxos de Caixa. Copyright Globalsoft , Freguesia de Angustias Fluxos de Caixa Ano de 2011 Freguesia de Angustias Fluxos de Caixa Ano de 2011 ,~. Freguesia de Angustias De: 01-01-2011 Fluxos de Caixa (Desagregados) Recebimentos Saldo da Gerência

Leia mais

7.3D - MAPA DOS FLUXOS DE CAIXA - Despesa

7.3D - MAPA DOS FLUXOS DE CAIXA - Despesa 25 Agr S-Agr Rub DESPESAS COM PESSOAL: Remunerações certas e permanentes: Orgãos sociais... RCTFP - Por tempo indeterminado... Pessoal em regime cont individual trabalho. Pessoal além dos quadros... Pessoal

Leia mais

MAPA SÍNTESE O presente mapa é preenchido automaticamente com a informação constante nas folhas "INVESTIMENTOS", "GASTOS" e "RENDIMENTOS"

MAPA SÍNTESE O presente mapa é preenchido automaticamente com a informação constante nas folhas INVESTIMENTOS, GASTOS e RENDIMENTOS Presidência do Conselho de Ministros Secretaria de Estado do Desporto e Juventude Instituto Português do Desporto e Juventude, I. P. MAPA SÍNTESE O presente mapa é preenchido automaticamente com a informação

Leia mais

Actas da Associação Cultural, Recreativa, Desportiva, e Social Maljoga de Proença-a- ova

Actas da Associação Cultural, Recreativa, Desportiva, e Social Maljoga de Proença-a- ova ACTA DA ELEIÇÃO DOS CORPOS SOCIAIS DA ASSOCIAÇÃO CULTURAL, RECREATIVA, DESPORTIVA E SOCIAL DA MALJOGA PROENÇA-A-NOVA TRIÉNIO DE 2010-2012 ---- Aos dezasseis dias do mês de Agosto de dois mil e nove, reuniu-se

Leia mais

ORÇAMENTO DE 2007 Receitas/Despesas

ORÇAMENTO DE 2007 Receitas/Despesas CORRENTES 13.767.023,00 CORRENTES 13.767.023,00 01 Impostos directos 3.742.060,00 01 Despesas com o pessoal 6.715.760,00 01.02 Outros 3.742.060,00 01.01 Remunerações certas e permanentes 5.503.000,00 01.02.02

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS Orçamento da Ordem dos Advogados (consolidado) para o ano de 2016

ORDEM DOS ADVOGADOS Orçamento da Ordem dos Advogados (consolidado) para o ano de 2016 ORDEM DOS ADVOGADOS Orçamento da Ordem dos Advogados (consolidado) para o ano de 2016 Introdução Nos termos do disposto na alínea q) do nº 1 do artigo 46º do Estatuto da Ordem dos Advogados, aprovado pela

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 136.012,67 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 53.838,45 Operações de Tesouraria 82.174,22 5.925.173,99 Receitas Correntes 4.130.218,10 01 Impostos

Leia mais

RESUMO DOS FLUXOS DE CAIXA ENTIDADE M. CHAVES MUNICIPIO DE CHAVES ANO 2014 PAG. 1

RESUMO DOS FLUXOS DE CAIXA ENTIDADE M. CHAVES MUNICIPIO DE CHAVES ANO 2014 PAG. 1 RESUMO DOS FLUXOS DE CAIXA ENTIDADE M. CHAVES MUNICIPIO DE CHAVES PAG. 1 Recebimentos Pagamentos Saldo da gerência anterior... 2.688.960,12 Despesas orçamentais... 51.861.254,42 Execução orçamental...

Leia mais

1.ª Assembleia Geral da SOCIEDADE PORTUGUESA DE SEGURANÇA E HIGIENE OCUPACIONAIS

1.ª Assembleia Geral da SOCIEDADE PORTUGUESA DE SEGURANÇA E HIGIENE OCUPACIONAIS DPS, Escola de Engenharia Universidade do Minho Campus de Azurém 4800-058 Guimarães Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais 1.ª Assembleia Geral da SOCIEDADE PORTUGUESA DE SEGURANÇA E

Leia mais

ACTA N.º 05/2014 REUNIÃO ORDINÁRIA DA JUNTA DE FREGUESIA DE BENAVENTE

ACTA N.º 05/2014 REUNIÃO ORDINÁRIA DA JUNTA DE FREGUESIA DE BENAVENTE INÍCIO: 18,30 HORAS ENCERRAMENTO:21,00 HORAS No dia três de Março de dois mil e catorze, na Sala de Reuniões do edifício da Junta de Freguesia de Benavente, onde se encontrava pelas dezoito horas e trinta

Leia mais

Programa de Acção e Orçamento

Programa de Acção e Orçamento 1 ASSOCIAÇÃO HUMANITÁRIA DOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS DE VAGOS Programa de Acção e Orçamento 2013 2 PROGRAMA DE ACÇÃO E ORÇAMENTO PARA 2013 O programa de acção e orçamento para o ano de 2013 vai de encontro

Leia mais

Formulário de Candidatura

Formulário de Candidatura Formulário de Candidatura Finicia do Concelho de Vila Nova de Cerveira (a preencher pela XXX) N.º de Processo: Data de Entrada : (a preencher pela entidade receptora) Entidade Receptora : Local e data

Leia mais

Município de Portalegre EDITAL

Município de Portalegre EDITAL EDITAL MARIA ADELAIDE FRANCO LEBREIRO DE AGUIAR MARQUES TEIXEIRA, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DO MUNICÍPIO DE PORTALEGRE. ----------------------------------- Faz saber que, de harmonia com a deliberação

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES 5368 Diário da República, 1.ª série N.º 204 22 de outubro de 2014 Polo de captação de Faias REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Assembleia Legislativa Resolução da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos

Leia mais

-------- Aos três dias do mês de Março do ano de dois mil e três reuniu no Salão Nobre dos Paços do Município, a Câmara Municipal de Vila Pouca de

-------- Aos três dias do mês de Março do ano de dois mil e três reuniu no Salão Nobre dos Paços do Município, a Câmara Municipal de Vila Pouca de -------- Aos três dias do mês de Março do ano de dois mil e três reuniu no Salão Nobre dos Paços do Município, a Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, em reunião ordinária para apreciação e deliberação

Leia mais

7.3 - Mapa de Fluxos de Caixa Data de lançamento até Código Recebimentos

7.3 - Mapa de Fluxos de Caixa Data de lançamento até Código Recebimentos Instituição: ARSLVT, IP Página: 1 Código Recebimentos SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR: EXECUÇÃO ORÇAMENTAL - FUNDOS PRÓPRIOS: DE DOTAÇÕES ORÇAMENTAIS (OE OU OE-...) 0,00 0,00 DE INVESTIMENTO DO PLANO 112.420,03

Leia mais

SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR: EXECUÇÃO ORÇAMENTAL DE DOTAÇÕES ORÇAMENTAIS (OE) , ,72

SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR: EXECUÇÃO ORÇAMENTAL DE DOTAÇÕES ORÇAMENTAIS (OE) , ,72 5858 - DGPC Página: 1 Código Recebimentos SALDO DA GERÊNCIA ANTERIOR: EXECUÇÃO ORÇAMENTAL DE DOTAÇÕES ORÇAMENTAIS (OE)................ 25.430,72 25.430,72 DE RECEITAS PRÓPRIAS: NA POSSE DO SERVIÇO..................

Leia mais

UNIÃO DAS FREGUESIAS DE BAIXA DA BANHEIRA E VALE DA AMOREIRA CORRESPONDÊNCIA

UNIÃO DAS FREGUESIAS DE BAIXA DA BANHEIRA E VALE DA AMOREIRA CORRESPONDÊNCIA UNIÃO DAS FREGUESIAS DE BAIXA DA BANHEIRA E VALE DA AMOREIRA ACTA Nº48-UF/2015 02/12/2015 (Executivo) Aos dois dias do mês de Dezembro de dois mil e quinze, pelas vinte e uma horas, na Sede da União de

Leia mais

3. BASES DE APRESENTAÇÃO E PRINCIPAIS CRITÉRIOS VALORIMÉTRICOS

3. BASES DE APRESENTAÇÃO E PRINCIPAIS CRITÉRIOS VALORIMÉTRICOS NOTA INTRODUTÓRIA A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ermesinde (Instituição de Utilidade Pública), também denominada Bombeiros Voluntários de Ermesinde tem como objectivo principal manter

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DE CASAL DE CAMBRA

JUNTA DE FREGUESIA DE CASAL DE CAMBRA NORMAS DE UTILIZAÇÃO DO AUTOCARRO Artigo 1º Âmbito A presente norma estabelece as condições de utilização do autocarro de que a Junta de Freguesia é detentora, ao abrigo do Protocolo de Cooperação celebrado

Leia mais

Junta de Freguesia de Alcabideche

Junta de Freguesia de Alcabideche Junta de Freguesia de Alcabideche (Sede da Junta de Freguesia de Alcabideche) 2.ª Revisão das Opções do Plano e Orçamento para 2012 21 de Junho de 2012 Junta de Freguesia de Alcabideche Acão social No

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.977.731,45 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 1.926.829,23 Operações de Tesouraria 50.902,22 7.402.141,92 Receitas Correntes 5.078.741,85 01 Impostos

Leia mais

Fluxos de Caixa. Recebimentos

Fluxos de Caixa. Recebimentos Recebimentos Saldo da Gerência Anterior 1.671.626,66 Total das Receitas Orçamentais Execução Orçamental 1.541.850,60 Operações de Tesouraria 129.776,06 19.053.938,41 Receitas Correntes 8.176.200,31 01

Leia mais

Balanço Patrimonial - Exercicios Resolvidos

Balanço Patrimonial - Exercicios Resolvidos Balanço Patrimonial - Exercicios Resolvidos ::: Fonte Do Saber - Mania de Conhecimento ::: adsense1 AS RESPOSTAS ESTÃO DE VERMELHO. O BALANÇO PATRIMONIAL - EXERCÍCIOS 1) Aponte a alternativa em que não

Leia mais