PREVALÊNCIA DE DOR LOMBAR E DOR PÉLVICA EM GESTANTES

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PREVALÊNCIA DE DOR LOMBAR E DOR PÉLVICA EM GESTANTES"

Transcrição

1 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, PREVALÊNCIA DE DOR LOMBAR E DOR PÉLVICA EM GESTANTES Karina Levorato Muriano 1 ; Sarah Bernardo da Rocha 1 ; Igor Diorio Peixoto 1 ; Priscila Pagotto 2 ; Elisa Bizetti Pelai 2 ; Lara Nery Peixoto 2 ; Nathalia Ulices Savian 3 ; Cristina Elena Prado Teles Fregonesi 4 ; Edna Maria do Carmo 4. 1 Aluno de graduação em Fisioterapia pela Universidade Estadual Paulista FCT/UNESP Presidente Prudente SP. 2 Aluna do curso de Pós Graduação Lato Sensu em Fisioterapia aplicada à Uroginecologia e Obstetrícia pela Universidade Estadual Paulista FCT/UNESP Presidente Prudente SP. 3 Aluna do curso de pós graduação Stricto Sensu em Fisioterapia da Faculdade de Ciências e Tecnologia FCT/UNESP Presidente Prudente. 4 Professora Doutora do Departamento de Fisioterapia da Universidade Estadual Paulista FCT/UNESP Presidente Prudente SP. E mail: RESUMO Durante a gestação ocorrem várias alterações no corpo da mulher que fica mais vulnerável à apresentar dor lombar e dor pélvica. Avaliar a prevalência de dor lombar e dor pélvica em gestantes avaliadas na FCT/UNESP Presidente Prudente. 200 gestantes foram questionadas quanto à presença de dor na região lombar e pélvica e aplicados os testes de confirmação de dor: Teste de Provocação de dor pélvica posterior e teste de verificação da dor lombar. A prevalência de dor lombar e dor pélvica em gestantes foram maiores durante o terceiro trimestre gestacional. As gestantes que estavam no terceiro trimestre gestacional apresentaram maior prevalência de dor lombar e dor pélvica posterior. Palavras chave: Gravidez; Dor Lombar; Dor Pélvica; Musculoesquelética. INTRODUÇÃO A gravidez é um período no qual ocorrem alterações físicas e emocionais, com o intuito de adaptar a mulher à sua nova condição de gestante. Entre essas modificações estão alterações hormonais, musculoesqueléticas, cardiovasculares, respiratórias, tegumentares, nervosas, gastrointestinais e urogenitais (MANN et al., 2008) Do ponto de vista biomecânico, ocorre um deslocamento do centro de gravidade para frente, devido ao aumento do abdome e das mamas, o que leva a alterações de postura, como diminuição do arco plantar, hiperextensão dos joelhos e anteversão pélvica que podem gerar acentuação da lordose lombar e consequente tensão da musculatura paravertebral (SOUZA, 2002). Além disso, a partir do segundo trimestre gestacional, a sobrecarga nos músculos e ligamentos da coluna vertebral é mais intensa, devido à ação hormonal como estrogênio e relaxina, sobre os grandes ligamentos das articulações pélvicas (OSTGAARD, 1996; PENNICK e YOUNG, 2007). A dor lombar ou lombalgia é um sintoma frequente em gestantes e acomete cerca de 50% das mulheres (NOVAES et al., 2006). Sua etiologia está ligada a inúmeros fatores, tais como as alterações fisiológicas, biomecânicas, vasculares e psicológicas (FERREIRA e NAKANO, 2001).

2 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, Segundo Ostgaard et al. (1991), a lombalgia gestacional pode ser classificada em dor lombar, dor pélvica posterior e na combinação das duas anteriores. Clinicamente, a dor lombar é uma condição que se caracteriza por dor à palpação da musculatura paravertebral, diminuição da amplitude de movimento da coluna lombar, interferindo pouco na marcha e na postura. Por outro lado, a dor pélvica posterior tem caráter intermitente, irradia se para a região glútea, piorando com a marcha e a postura estática (OSTGAARD et al., 1991). A lombalgia gestacional é um sintoma limitante, pois interfere nas atividades de vida diária (AVDs) e na qualidade de vida. A inatividade física está direta ou indiretamente relacionada com dores na coluna. O sedentarismo, aliado à deficiência no sistema musculoesquelético e sobrecargas na coluna tornam os indivíduos propensos a ter dor lombar ou pélvica (HARTMANN e BUNG, 1999; JESUS e MARINHO, 2006). Mesmo as evidências sendo limitadas, a influência dos exercícios na prevalência e duração dos episódios de dor lombar e pélvica é considerada forma de intervenção e prevenção significante (TOSCANO e EGYPTO, 2001). Diante disso, o objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência de dor lombar e dor pélvica em gestantes encaminhadas ao setor de Uroginecologia e Obstetrícia da FCT/UNESP Presidente Prudente. METODOLOGIA Sujeito e desenho Trata se de um estudo transversal observacional realizado no setor de Uroginecologia e Obstetrícia do no Centro de Estudos e Atendimentos em Fisioterapia e Reabilitação (CEAFIR) da FCT/UNESP Presidente Prudente. Participaram do estudo 200 voluntárias gestantes, encaminhadas por médicos ginecologistas de Presidente Prudente e região. Todas as participantes leram e assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da FCT/UNESP (n.308/2008). Os critérios de exclusão foram: presença de diabetes ou outras patologias sistêmicas, alterações circulatórias, neuropáticas e/ou vestibulares e patologias musculoesqueléticas anteriores a gestação e intercorrências do ciclo gravídico. Procedimento de Coleta As voluntárias passaram por uma avaliação inicial para coleta de dados pessoais, antropométricos e precedentes ginecológicos. Em seguida foi realizado exame físico que continha inspeção, palpação muscular e testes específicos funcionais. Depois foram questionadas quanto à

3 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, presença de dor na região lombar e pélvica e aplicado os testes de confirmação de dor: Teste de Provocação de dor pélvica posterior (OSTGAARD et al., 1994) e de verificação da dor lombar (PERRET et al., 2001). Para o teste de provocação da dor pélvica posterior, a gestante permaneceu em decúbito dorsal, o avaliador realizou uma flexão de 90º de um quadril e uma força no sentido da maca, enquanto estabilizava a pelve contralateral simultaneamente. O teste foi considerado positivo quando a gestante relatou dor na região sacroilíaca homolateral no momento em que o fêmur foi pressionado, dor ao virar na cama à noite, sensação de peso na região glútea profunda e confirmação do local da dor em um desenho da figura humana com registro na região sacroilíaca. Para a verificação da dor lombar, a gestante permaneceu em posição ortostática, com os pés paralelos e foi solicitada a realizar o movimento de flexão do tronco para verificar a presença ou não de dor, que foi confirmada pela palpação da musculatura da região lombar e confirmação do local da dor em um desenho da figura humana com registro na região da coluna lombar pela voluntária. Análise Estatística As variáveis idade, idade gestacional, estado civil, escolaridade, trabalho e a presença de dor lombar e dor pélvica foram analisadas por meio de estatística descritiva, expressa em média, desvio padrão e porcentagem. RESULTADOS Foi observado média de idade de 27,17 anos, 78% eram casadas e 55% cursaram o ensino médio. Na tabela 1 estão representados os dados referentes ao perfil das voluntárias do estudo. Tabela 1. Perfil da população Características Voluntárias Idade 27,17 (± 5,23) Idade Gestacional 1º Trimestre 42 (21%) 2º Trimestre 118 (59%) 3º Trimestre 40 (20%) Estado Civil Solteira 39 (19,5%) Casada 156 (78%) Amasiada 4 (2%) Divorciada 1 (0,5%)

4 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, Escolaridade Ensino fundamental 16 (8%) Ensino médio 110 (55%) Ensino superior 74 (37%) Trabalho Sim 118 (59%) Não 82 (41%) 200 gestantes. Dados representados pela média ± EPM ou porcentagem. Na Tabela 2 está apresentada a prevalência de dor lombar e dor pélvica nas gestantes divididas por trimestre gestacional. Tabela 2. Prevalência de dor lombar e dor pélvica por trimestre gestacional. Trimestre Gestacional Dor Lombar Dor Pélvica 1º Trimestre (42 gestantes) 13 (30,95%) 12 (28,57%) 2º Trimestre (118 gestantes) 49 (41,52%) 32 (27,11%) 3º Trimestre (40 gestantes) 19 (47,5%) 12 (30%) 200 gestantes. Dados representados pela porcentagem da população. DISCUSSÃO O presente estudo observou que a prevalência de dor lombar e dor pélvica em gestantes foram maiores durante o terceiro trimestre gestacional. Corroborando os achados deste estudo, Novaes et al. (2006) constataram que a prevalência de dor lombar gestacional, principalmente nos últimos meses varia de 48 a 83%. Outro estudo, no entanto, verificou que as queixas de dor foram mais prevalentes no primeiro trimestre, e não aumentaram com o avanço da gestação (OLSSON e NILSON WIKMAR, 2004). Com relação ao teste de provocação da dor pélvica posterior (DAMEN et al., 2008) observaram no terceiro trimestre gestacional resultados positivos ao teste de provocação da dor pélvica posterior, como também no presente estudo. A grande prevalência desses sintomas poderia ser explicada pela tentativa de compensação das curvaturas da coluna vertebral para a manutenção do equilíbrio postural, já que o centro de gravidade se modifica durante a gestação causando acentuação da curvatura lombar e horizontalização do sacro em relação à pelve (SOUZA, 2002). No entanto, Ostgaard et al. não observaram mudanças na angulação da coluna lombar entre a 12ª e 36ª semanas gestacionais, mas relacionaram a dor lombar com as gestantes que apresentavam uma lordose lombar mais acentuada (OSTGAARD et al., 1994).

5 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, Com base em tais resultados, pode se sugerir que as características posturais prévias das gestantes provavelmente podem interferir na adaptação postural frente às mudanças sofridas na gestação, já que estas ocorrem de maneira individual (LIMA et al., 2011). CONCLUSÃO Pode ser observada prevalência de dor lombar e dor pélvica na gestação com predomínio no terceiro trimestre gestacional. REFERÊNCIAS Damen L, Buyruk HM, Guler Uysal F, Lotgering FK, Snijders CJ, Stam HJ. Pelvic pain during pregnancy is associated with asymmetric laxity of sacroiliac joints. Acta Obstet Gynecol Scan. 2008;80(11): Ferreira CHJ, Nakano AMS. Reflexões sobre as bases conceituais que fundamentam a construção do conhecimento acerca da lombalgia na gestação. Rev Latino am Enfermagem. 2001;9(3): Hartmann S, Bung P. Physical exercise during pregnancy: physiological considerations and recommendations. J Perinat Med. 1999;27: Jesus GT, Marinho ISF. Causas de lombalgia em grupos de pessoas sedentárias e praticantes de atividades físicas. Rev Dig EF Deportes Jan [Acesso em 2007 ago 10];10(92):1 11.Disponível em: URL: Lima AS, Gomes MRA, Araújo RC, Pitangui ACR. Análise da postura e frequência de lombalgia em gestantes: estudo piloto. J Health Sci Inst. 2011;29(4): Mann L., Kleinpaul J. F., Teixeira C. S., Konopka C. K. Dor lombo pélvica e exercício físico durante a gestação. Revista de Fisioterapia em Movimento. 21(2): , abr/jun; Novaes FS, Shimo AKK, Lopes MHBM. Lombalgia na gestação. Rev Latino am Enfermagem. 2006;14(4): Olsson C, Nilson Wikmar L. Health related quality of life and physical ability among pregnant women with and without back pain in late pregnancy. Acta Obstet Gynecol Scand 2004;83: Ostgaard HC, Andersson GB, Karlsson K. Prevalence of back pain in pregnancy. Spine (Phila Pa 1976). 1991;16(5):

6 Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, Ostgaard HC, Zetherstrom G, Roos Hanson E. The posterior pelvic pain provocation test in pregnant women. Eur Spine J. 1994;3(5): Ostgaard HC. Assessment and treatment of low back pain in working pregnant women. Semin Perinatol. 1996;20(1):61 9. Pennick VE, Young G. Interventions for preventing and treating pelvic and back pain in pregnancy. Cochrane Database Syst Rev Perret C, Poiraudeau S, Fermanian J, Colau MML, Benhamou MAM, Revel M. Validity, reliability, and responsiveness of the fingertip to floor test. Arch Phys Med Rehabil. 2001;82: Souza ELBL. Fisioterapia aplicada a Obstetrícia: aspectos de ginecologia e neonatologia. 3ª ed. Rio de Janeiro: Medsi; Toscano JJO, Egypto EP. A influência do sedentarismo na prevalência de lombalgia. Rev Bras Med Esporte. 2001;7(4):

AVALIAÇÃO DA FLEXIBILIDADE EM GESTANTES DO ÚLTIMO TRIMESTRE GESTACIONAL

AVALIAÇÃO DA FLEXIBILIDADE EM GESTANTES DO ÚLTIMO TRIMESTRE GESTACIONAL 112 AVALIAÇÃO DA FLEXIBILIDADE EM GESTANTES DO ÚLTIMO TRIMESTRE GESTACIONAL Jessica Jessica Ribeiro, Letícia Endsfeldz Teixeira, Nathalia Ulices Savian, Elisa Bizetti Pelai, Alessandra Madia Montovani,

Leia mais

Lombalgia gestacional: prevalência e características de um programa pré-natal

Lombalgia gestacional: prevalência e características de um programa pré-natal Artigo Original Lombalgia gestacional: prevalência e características de um programa pré-natal Low back pain in pregnancy: prevalence and characteristics of a prenatal program Marília Manfrin dos Santos

Leia mais

TÍTULO: EFICÁCIA DO KINESIO-TAPING NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA EM GESTANTES: ESTUDO DE CASOS

TÍTULO: EFICÁCIA DO KINESIO-TAPING NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA EM GESTANTES: ESTUDO DE CASOS TÍTULO: EFICÁCIA DO KINESIO-TAPING NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA EM GESTANTES: ESTUDO DE CASOS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA INSTITUIÇÃO: FACULDADE ANHANGUERA

Leia mais

RELAÇÃO DA POSTURA ADOTADA PARA DORMIR E A QUEIXA DE LOMBALGIA

RELAÇÃO DA POSTURA ADOTADA PARA DORMIR E A QUEIXA DE LOMBALGIA ISBN 978-85-61091-05-7 V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 RELAÇÃO DA POSTURA ADOTADA PARA DORMIR E A QUEIXA DE LOMBALGIA Fernanda Cristina Pereira 1

Leia mais

OS MÉTODOS PILATES E RPG NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA NA GRAVIDEZ: UMA REVISÃO DE LITERATURA

OS MÉTODOS PILATES E RPG NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA NA GRAVIDEZ: UMA REVISÃO DE LITERATURA 22 OS MÉTODOS PILATES E RPG NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA NA GRAVIDEZ: UMA REVISÃO DE LITERATURA Clarice Amarante Scipiao 1 Joelma Gomes da Silva 2 RESUMO O período gestacional, é marcado por profundas modificações

Leia mais

DESCONFORTO OSTEOMUSCULAR E QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES EM DIFERENTES FASES DA GESTAÇÃO

DESCONFORTO OSTEOMUSCULAR E QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES EM DIFERENTES FASES DA GESTAÇÃO 142 DESCONFORTO OSTEOMUSCULAR E QUALIDADE DE VIDA DE MULHERES EM DIFERENTES FASES DA GESTAÇÃO Valeria Andrea Alegria Larrua, Jessica Jessica Ribeiro, Letícia Endsfeldz Teixeira, Nathália Savian Elisa Bizetti

Leia mais

INCIDÊNCIA DA DIÁSTASE DO MÚSCULO RETO ABDOMINAL NO PUERPÉRIO IMEDIATO

INCIDÊNCIA DA DIÁSTASE DO MÚSCULO RETO ABDOMINAL NO PUERPÉRIO IMEDIATO Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 164 INCIDÊNCIA DA DIÁSTASE DO MÚSCULO RETO ABDOMINAL NO PUERPÉRIO IMEDIATO Gabriela Samartino Zavanelli 1 ; Beatriz

Leia mais

DOR LOMBO-PÉLVICA E EXERCÍCIO FÍSICO DURANTE A GESTAÇÃO

DOR LOMBO-PÉLVICA E EXERCÍCIO FÍSICO DURANTE A GESTAÇÃO DOR LOMBO-PÉLVICA E EXERCÍCIO FÍSICO DURANTE A GESTAÇÃO Lumbar-pelvic pain and the physical exercise during the gestation period Luana Mann 1, Julio Francisco Kleinpaul 2, Clarissa Stefani Teixeira 3,

Leia mais

ANÁLISE E TRATAMENTO FISIOTERÁPICO DA LOMBALGIA GESTACIONAL ASSOCIANDO CINESIOTERAPIA E ESTIMULAÇÃO ELÉTRICA NERVOSA TRANSCUTÂNEA (TENS).

ANÁLISE E TRATAMENTO FISIOTERÁPICO DA LOMBALGIA GESTACIONAL ASSOCIANDO CINESIOTERAPIA E ESTIMULAÇÃO ELÉTRICA NERVOSA TRANSCUTÂNEA (TENS). ANÁLISE E TRATAMENTO FISIOTERÁPICO DA LOMBALGIA GESTACIONAL ASSOCIANDO CINESIOTERAPIA E ESTIMULAÇÃO ELÉTRICA NERVOSA TRANSCUTÂNEA (TENS). Autora: Fernanda Cristina Sposito G INESUL FISIOTERAPIA LONDRINA

Leia mais

Alterações. Músculo- esqueléticas

Alterações. Músculo- esqueléticas Alterações Músculo- esqueléticas Sistema Neurológico Alteração no tempo de reação e equilíbrio. A instabilidade articular. Alteração da visão Sensibilidade da córnea. c Aumento ou diminuição dos sentidos

Leia mais

OS BENEFÍCIOS DA FISIOTERAPIA NA LOMBALGIA GESTACIONAL RESUMO

OS BENEFÍCIOS DA FISIOTERAPIA NA LOMBALGIA GESTACIONAL RESUMO OS BENEFÍCIOS DA FISIOTERAPIA NA LOMBALGIA GESTACIONAL Lilian Alvico de Souza 1 Alessa Sin Singer Brugiolo 2 RESUMO A gestação e o parto são eventos marcantes na vida das mulheres e de suas famílias, com

Leia mais

INCIDÊNCIA DE DOR LOMBAR EM GESTANTES¹

INCIDÊNCIA DE DOR LOMBAR EM GESTANTES¹ INCIDÊNCIA DE DOR LOMBAR EM GESTANTES¹ MACHADO, Bruna La Roque; SILVA, Franciely; BRAUNER, Greice da Silva Ries; REFATTI, Jessica Ribeiro; GARLET, Patricia; GUEDES, Priscilla Fonseca Guedes²; VAUCHER,Daniela

Leia mais

PREVALÊNCIA DE LOMBALGIA EM GESTANTES ASSISTIDAS EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE

PREVALÊNCIA DE LOMBALGIA EM GESTANTES ASSISTIDAS EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE 46 PREVALÊNCIA DE LOMBALGIA EM GESTANTES ASSISTIDAS EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE RESUMO Jéssica da Cunha Gualberto 1 Juliana de Oliveira Souza 2 Laís Carvalho da Silva 3 Natana Vieira Alves de Moraes

Leia mais

Tratamento da lombalgia e dor pélvica posterior na gestação por um método de exercícios

Tratamento da lombalgia e dor pélvica posterior na gestação por um método de exercícios 275 Artigos Originais Tratamento da lombalgia e dor pélvica posterior na gestação por um método de exercícios An exercise method for the treatment of lumbar and posterior pelvic pain in pregnancy Roseny

Leia mais

IMPORTÂNCIA DO PERFIL GESTACIONAL DE PUERPERAS, PARA APLICAÇÃO ADEQUADA DA FISIOTERAPIA EM OBSTETRÍCIA

IMPORTÂNCIA DO PERFIL GESTACIONAL DE PUERPERAS, PARA APLICAÇÃO ADEQUADA DA FISIOTERAPIA EM OBSTETRÍCIA IMPORTÂNCIA DO PERFIL GESTACIONAL DE PUERPERAS, PARA APLICAÇÃO ADEQUADA DA FISIOTERAPIA EM OBSTETRÍCIA Introdução: KARINA OLIVEIRA MARTINHO, FERNANDA SILVA FRANCO, MEIRELE RODRIGUES GONÇALVES, ADELSON

Leia mais

Cadernos da Escola de Saúde INCIDÊNCIA DA DOR LOMBAR EM GESTANTES PRIMIGESTAS THE INCIDENCE OF LUMBAR PAIN IN PRIMIPAROUS PREGNANCY

Cadernos da Escola de Saúde INCIDÊNCIA DA DOR LOMBAR EM GESTANTES PRIMIGESTAS THE INCIDENCE OF LUMBAR PAIN IN PRIMIPAROUS PREGNANCY INCIDÊNCIA DA DOR LOMBAR EM GESTANTES PRIMIGESTAS THE INCIDENCE OF LUMBAR PAIN IN PRIMIPAROUS PREGNANCY Francielle Costa Valle 1, Tatiane Cristina Salgado 1, Cristiane Regina Gruber 2. RESUMO Objetivos:

Leia mais

Correlação entre a dor lombar e as alterações posturais em gestantes

Correlação entre a dor lombar e as alterações posturais em gestantes Artigo Original Correlação entre a dor lombar e as alterações posturais em gestantes Correlation between low back pain and postural alterations during pregnancy Paulo José Oliveira Cortez 1,2, Ticiane

Leia mais

EFEITO DO EXERCÍCIO FÍSICO NA DOR LOMBAR E NOS DESCONFORTOS DA GRAVIDEZ

EFEITO DO EXERCÍCIO FÍSICO NA DOR LOMBAR E NOS DESCONFORTOS DA GRAVIDEZ 3 EFEITO DO EXERCÍCIO FÍSICO NA DOR LOMBAR E NOS DESCONFORTOS DA GRAVIDEZ (EFFECT OF EXERCISE IN LOW BACK PAIN AND IN PREGNANCY DISCOMFORTS) Danilo Rogério Silveira de Toledo 1 Centro Universitário UNIFAFIBE

Leia mais

O MÉTODO PILATES NA DIMINUIÇÃO DA DOR LOMBAR EM GESTANTES

O MÉTODO PILATES NA DIMINUIÇÃO DA DOR LOMBAR EM GESTANTES O MÉTODO PILATES NA DIMINUIÇÃO DA DOR LOMBAR EM GESTANTES Cristiana Gomes Machado 1, Thelma Garcia Araújo 2, Renato Alves Sandoval 3, Cristina Aparecida Neves Ribeiro Machado 4, Marislayne de Sousa Freitas

Leia mais

Prevalência dos desconfortos do período gestacional e qualidade de vida em mulheres que freqüentam uma Unidade Básica de Saúde

Prevalência dos desconfortos do período gestacional e qualidade de vida em mulheres que freqüentam uma Unidade Básica de Saúde ARTIGO ORIGINAL Prevalência dos desconfortos do período gestacional e qualidade de vida em mulheres que freqüentam uma Unidade Básica de Saúde Prevalence of discomforts present during pregnancy and the

Leia mais

Artigo de Revisão. Rennan César da Silva 1, Andréa Thomazine Tufanin 2

Artigo de Revisão. Rennan César da Silva 1, Andréa Thomazine Tufanin 2 Artigo de Revisão Alterações respiratórias e biomecânicas durante o terceiro trimestre de gestação: uma revisão de literatura Respiratory and biomechanical changes during the third pregnancy trimester:

Leia mais

ALTERAÇÕES POSTURAIS EM GESTANTES E SUAS INFLUÊNCIAS NA BIOMECÂNICA DA COLUNA

ALTERAÇÕES POSTURAIS EM GESTANTES E SUAS INFLUÊNCIAS NA BIOMECÂNICA DA COLUNA ALTERAÇÕES POSTURAIS EM GESTANTES E SUAS INFLUÊNCIAS NA BIOMECÂNICA DA COLUNA DALLA NORA, Daniel; PETTER, Gustavo do Nascimento; SANTOS, Tarciso Silva dos; PIVETTA; Hedioneia Maria Foletto; BRAZ, Melissa

Leia mais

MODIFICAÇÕES NA FLEXIBILIDADE E NA FORÇA MUSCULAR EM PACIENTES COM DOR LOMBAR TRATADOS COM ISOSTRETCHING E RPG

MODIFICAÇÕES NA FLEXIBILIDADE E NA FORÇA MUSCULAR EM PACIENTES COM DOR LOMBAR TRATADOS COM ISOSTRETCHING E RPG 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 MODIFICAÇÕES NA FLEXIBILIDADE E NA FORÇA MUSCULAR EM PACIENTES COM DOR LOMBAR TRATADOS COM ISOSTRETCHING E RPG Fábio Alexandre Moreschi Guastala 1, Mayara

Leia mais

EFEITO DA CINESIOTERAPIA NA FORÇA MUSCULAR DE MULHERES MASTECTOMIZADAS

EFEITO DA CINESIOTERAPIA NA FORÇA MUSCULAR DE MULHERES MASTECTOMIZADAS 163 EFEITO DA CINESIOTERAPIA NA FORÇA MUSCULAR DE MULHERES MASTECTOMIZADAS Andressa Carvalho Viscone 1, Mariana Romanholi Palma 1, Mariane Fátima da Silva Araújo 1, Ana Paula Rodrigues Rocha 1, Lara Nery

Leia mais

AVALIAÇÃO FISIOTERAPÊUTICA E TRATAMENTO DA LOMBALGIA GESTACIONAL

AVALIAÇÃO FISIOTERAPÊUTICA E TRATAMENTO DA LOMBALGIA GESTACIONAL AVALIAÇÃO FISIOTERAPÊUTICA E TRATAMENTO DA LOMBALGIA GESTACIONAL Physical therapy evaluation and treatment of gestational low back pain Ana Carolina Rodarti Pitangui 1, Cristine Homsi Jorge Ferreira 2

Leia mais

CORPOMENTE E MOVIMENTO: A PRÁTICA DA FISIOTERAPIA E DA YOGA COMO PROMOÇÃO DE BEM-ESTAR EM GESTANTES

CORPOMENTE E MOVIMENTO: A PRÁTICA DA FISIOTERAPIA E DA YOGA COMO PROMOÇÃO DE BEM-ESTAR EM GESTANTES CORPOMENTE E MOVIMENTO: A PRÁTICA DA FISIOTERAPIA E DA YOGA COMO PROMOÇÃO DE BEM-ESTAR EM GESTANTES DUARTE 1, Myrna Deirdre Bezerra LEITE 2, Nathaly Santiago LIMA 3, Vânia Cristina Lucena MONTEIRO 4, Sthefany

Leia mais

EFEITOS DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA E LOMBALGIA DE PACIENTE GESTANTE

EFEITOS DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA E LOMBALGIA DE PACIENTE GESTANTE Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 151 EFEITOS DA FISIOTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA E LOMBALGIA DE PACIENTE GESTANTE Talita de Cássia Corrêa 1, Rafaela

Leia mais

Avaliação Fisioterapêutica da Coluna Lombar Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional

Avaliação Fisioterapêutica da Coluna Lombar Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional Avaliação Fisioterapêutica da Coluna Lombar Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional Profa. Dra. Sílvia Maria Amado João 1. Anatomia Aplicada Existem 2 tipos de artic. encontradas

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO ISO-STRETCHING

CURSO DE FORMAÇÃO ISO-STRETCHING CURSO DE FORMAÇÃO ISO-STRETCHING O Curso de Formação em Iso Stretching é ministrado pelo fundador da técnica, o osteopata e fisioterapeuta francês Bernard Redondo. O método Iso Stretching foi desenvolvido

Leia mais

TRATAMENTO PARA AS DORES. DA GESTAÇão e MUSCULOESQUELÉTICAS

TRATAMENTO PARA AS DORES. DA GESTAÇão e MUSCULOESQUELÉTICAS TRATAMENTO PARA AS DORES MUSCULOESQUELÉTICAS DA GESTAÇão e do PUERPério BIOMECÂNICA GESTACIONAL TRATAMENTO PARA AS DORES MUSCULOESQUELÉTICAS DA GESTAÇÃO E DO PUERPÉRIO Estima-se que 45% das gestantes e

Leia mais

Dor lombar gestacional: impacto de um protocolo de fisioterapia

Dor lombar gestacional: impacto de um protocolo de fisioterapia Dor lombar gestacional: impacto de um protocolo de fisioterapia Gestational lumbar pain: impact of a physical therapy protocol Silvia Reis Vaz de Moura*, Rachel da Silveira Campos*, Sílvia Helena Vanzelli

Leia mais

TRATAMENTO HIDROTERAPÊUTICO NA DOR LOMBAR EM GESTANTES

TRATAMENTO HIDROTERAPÊUTICO NA DOR LOMBAR EM GESTANTES TRATAMENTO HIDROTERAPÊUTICO NA DOR LOMBAR EM GESTANTES TRATAMENTO HIDROTERAPÊUTICO NA DOR LOMBAR EM GESTANTES Hydrotherapeutic treatment on lumbar pain at pregnant women SEBBEN, V. PERUSSOLO, C. GUEDES,

Leia mais

12º CONGRESSO DE MEDICINA DE FAMÍLIA E COMUNIDADE

12º CONGRESSO DE MEDICINA DE FAMÍLIA E COMUNIDADE 12º CONGRESSO DE MEDICINA DE FAMÍLIA E COMUNIDADE A Importância dos Grupos de Reabilitação em Dor Crônica Realizados pela Equipe NASF AUTOR THANYTA STELLA DE CAMPOS HISTÓRICO COMO SURGIU A IDÉIA DO TRABALHO?

Leia mais

AVALIAÇÃO DA FORÇA MUSCULAR ABDOMINAL NO ÚLTIMO TRIMESTRE GESTACIONAL ABDOMINAL MUSCULAR FORCE EVALUATION ON THE THIRD QUARTER OF PREGNANCY

AVALIAÇÃO DA FORÇA MUSCULAR ABDOMINAL NO ÚLTIMO TRIMESTRE GESTACIONAL ABDOMINAL MUSCULAR FORCE EVALUATION ON THE THIRD QUARTER OF PREGNANCY AVALIAÇÃO DA FORÇA MUSCULAR ABDOMINAL NO ÚLTIMO TRIMESTRE GESTACIONAL ABDOMINAL MUSCULAR FORCE EVALUATION ON THE THIRD QUARTER OF PREGNANCY Joice Aparecida Dornelles 1 ; Nara Maria Severo Ferraz 2 ; Fernanda

Leia mais

BENEFÍCIOS DA REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL NA LOMBALGIA GESTACIONAL: REVISÃO DE LITERATURA

BENEFÍCIOS DA REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL NA LOMBALGIA GESTACIONAL: REVISÃO DE LITERATURA BENEFÍCIOS DA REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL NA LOMBALGIA GESTACIONAL: REVISÃO DE LITERATURA Daniela Alves Toscano Terra Especialista em Fisioterapia Traumato-ortopédica e Terapia Manual pelo Centro Universitário

Leia mais

A IMPORTÃNCIA DA HIDROTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DA GESTANTE RESUMO

A IMPORTÃNCIA DA HIDROTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DA GESTANTE RESUMO A IMPORTÃNCIA DA HIDROTERAPIA NA QUALIDADE DE VIDA DA GESTANTE Bruna Raphaela Marques dos Santos - b_raphaela@hotmail.com Caroline Rossinoli - carolinerossinoli@hotmail.com Ana Claudia de Souza Costa -

Leia mais

Revista Latino-Americana de Enfermagem ISSN: 0104-1169 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil

Revista Latino-Americana de Enfermagem ISSN: 0104-1169 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil Revista Latino-Americana de Enfermagem ISSN: 0104-1169 rlae@eerp.usp.br Universidade de São Paulo Brasil Silva Novaes, Flavia; Kakuda Shimo, Antonieta Keiko; Baena de Moraes Lopes, Maria Helena Lombalgia

Leia mais

PREVALÊNCIA DE LOMBALGIA EM ALUNOS DE FISIOTERAPIA E SUA RELAÇÃO COM A POSTURA SENTADA

PREVALÊNCIA DE LOMBALGIA EM ALUNOS DE FISIOTERAPIA E SUA RELAÇÃO COM A POSTURA SENTADA ISBN 978-85-61091-05-7 Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 27 a 30 de outubro de 2009 PREVALÊNCIA DE LOMBALGIA EM ALUNOS DE FISIOTERAPIA E SUA RELAÇÃO COM A POSTURA SENTADA Juliana Camilla

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO MÉTODO PILATES NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA EM PRIMIGESTA: RELATO DE CASO

UTILIZAÇÃO DO MÉTODO PILATES NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA EM PRIMIGESTA: RELATO DE CASO UTILIZAÇÃO DO MÉTODO PILATES NO TRATAMENTO DA LOMBALGIA EM PRIMIGESTA: RELATO DE CASO V CONGRESSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DE JUNDIAÍ - 2010 ¹Milena Carrijo Dutra 2 Fernanda Romano da Silva e Oliveiro, ³Jamiler

Leia mais

AVALIAÇÃO POSTURAL. Figura 1 - Alterações Posturais com a idade. 1. Desenvolvimento Postural

AVALIAÇÃO POSTURAL. Figura 1 - Alterações Posturais com a idade. 1. Desenvolvimento Postural AVALIAÇÃO POSTURAL 1. Desenvolvimento Postural Vantagens e desvantagens da postura ereta; Curvas primárias da coluna vertebral; Curvas Secundárias da coluna vertebral; Alterações posturais com a idade.

Leia mais

A influência da prática da capoeira na postura dos capoeiristas: aspectos biomecânicos e fisiológicos.

A influência da prática da capoeira na postura dos capoeiristas: aspectos biomecânicos e fisiológicos. A influência da prática da capoeira na postura dos capoeiristas: aspectos biomecânicos e fisiológicos. Autores: Ft Mariana Machado Signoreti Profa. Msc. Evelyn Cristina Parolina A capoeira é uma manifestação

Leia mais

Avaliação Postural e Flexibilidade. Priscila Zanon Candido

Avaliação Postural e Flexibilidade. Priscila Zanon Candido Avaliação Postural e Flexibilidade Priscila Zanon Candido POSTURA A posição otimizada, mantida com característica automática e espontânea, de um organismo em perfeita harmonia com a força gravitacional

Leia mais

As alterações posturais do musculo esquelético no período da gestação

As alterações posturais do musculo esquelético no período da gestação 1 As alterações posturais do musculo esquelético no período da gestação Magda Rocha de Souza 1 Magda_rocha16@hotmail.com Dayana Priscila Maia Mejia 2 Pós-graduação em Fisioterapia em Reabilitação na Ortopedia

Leia mais

PERCEPÇAÕ DA QUALIDADE DE VIDA NO PUERPÉRIO IMEDIATO

PERCEPÇAÕ DA QUALIDADE DE VIDA NO PUERPÉRIO IMEDIATO 209 PERCEPÇAÕ DA QUALIDADE DE VIDA NO PUERPÉRIO IMEDIATO Nicole Silva Pedrosa 1, Daniela Bonfim Cortês 1, Karina Cristina Fernandes 1, Mariane Fátima da Silva Araujo 2, Ana Paula Rodrigues Rocha 2, Edna

Leia mais

Proteger a medula espinal e os nervos espinais. Fornece um eixo parcialmente rígido e flexível para o corpo e um pivô para a cabeça

Proteger a medula espinal e os nervos espinais. Fornece um eixo parcialmente rígido e flexível para o corpo e um pivô para a cabeça Cinthya Natel Baer Cristiane Schwarz Gelain Isabella Mauad Patruni Laila Djensa S. Santos Laiza Tabisz Mariana Escani Guerra Paula Moreira Yegros Veronica Dalmas Padilha Ana Paula Trotta Aline Sudoski

Leia mais

A INCIDÊNCIA DE DORES MUSCULOESQUELETICAS NA GESTAÇAO THE INCIDENCE OF PAINS MUSCULOSKELETAL DURING THE GESTATION

A INCIDÊNCIA DE DORES MUSCULOESQUELETICAS NA GESTAÇAO THE INCIDENCE OF PAINS MUSCULOSKELETAL DURING THE GESTATION A INCIDÊNCIA DE DORES MUSCULOESQUELETICAS NA GESTAÇAO THE INCIDENCE OF PAINS MUSCULOSKELETAL DURING THE GESTATION Camila Fernandes Piveta de Oliveira, e-mail: camilaopf@hotmail.com Deiner José Morani Barros,

Leia mais

Atividade Física Adaptada à Gestação

Atividade Física Adaptada à Gestação Atividade Física Adaptada à Gestação Atividade Física Adaptada à Gestação A única certeza que se tem é a de que nós, profissionais que vamos trabalhar com gestantes, devemos proporcionar a elas uma atividade

Leia mais

RAFAELA GUIMARÃES DE ASSIS ROBERTA ESPÍRITO SANTO TIBÚRCIO

RAFAELA GUIMARÃES DE ASSIS ROBERTA ESPÍRITO SANTO TIBÚRCIO RAFAELA GUIMARÃES DE ASSIS ROBERTA ESPÍRITO SANTO TIBÚRCIO PREVALÊNCIA E CARACTERÍSTICAS DA LOMBALGIA NA GESTAÇÃO: UM ESTUDO ENTRE GESTANTES ASSISTIDAS NO PROGRAMA DE PRÉ-NATAL DA MATERNIDADE DONA ÍRIS

Leia mais

Caracterização da dor lombar em gestantes atendidas no Hospital Universitário de Brasília

Caracterização da dor lombar em gestantes atendidas no Hospital Universitário de Brasília Universitas: Ciências da Saúde, v. 4, n. 1 / 2, p. 37-48, 2006 ISSN: 1678-5398 Caracterização da dor lombar em gestantes atendidas no Hospital Universitário de Brasília Priscilla Fernandes Sant ana * Sabrina

Leia mais

ARTIGO ORIGINAL LOMBALGIA: A RELAÇÃO COM A FLEXIBILIDADE DA REGIÃO POSTERIOR DA COXA E DO GLÚTEO E A FORÇA ABDOMINAL E LOMBAR

ARTIGO ORIGINAL LOMBALGIA: A RELAÇÃO COM A FLEXIBILIDADE DA REGIÃO POSTERIOR DA COXA E DO GLÚTEO E A FORÇA ABDOMINAL E LOMBAR LOMBALGIA: A RELAÇÃO COM A FLEXIBILIDADE DA REGIÃO POSTERIOR DA COXA E DO GLÚTEO E A FORÇA ABDOMINAL E LOMBAR Mariana Cristina de Jesus 1, José Francisco Daniel 2 RESUMO A lombalgia se caracteriza pela

Leia mais

TÉCNICAS EM AVALIAÇÃO E REEDUCAÇÃO POSTURAL

TÉCNICAS EM AVALIAÇÃO E REEDUCAÇÃO POSTURAL 13. CONEX Pôster Resumo Expandido 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE (X ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA TÉCNICAS

Leia mais

Isabela Ferreira da Costa. Benefícios do Método Pilates na Gestação

Isabela Ferreira da Costa. Benefícios do Método Pilates na Gestação Isabela Ferreira da Costa Benefícios do Método Pilates na Gestação Londrina 2011 Isabela Ferreira da Costa Benefícios do Método Pilates na Gestação Monografia apresentada ao Curso de Especialização, em

Leia mais

EXAME DO QUADRIL E DA PELVE

EXAME DO QUADRIL E DA PELVE EXAME DO QUADRIL E DA PELVE Jefferson Soares Leal O quadril é composto pela articulação coxofemural e a pelve pelas articulações sacroilíacas e pela sínfise púbica. O exame do quadril e da pelve devem

Leia mais

www.fisiconcept.com QuickTime and a None decompressor are needed to see this picture.

www.fisiconcept.com QuickTime and a None decompressor are needed to see this picture. QuickTime and a None decompressor are needed to see this picture. O seu conceito de Fisioterapia está prestes a mudar... Problemas? Perturbações músculo-esqueléticas são as doenças mais comuns relacionadas

Leia mais

X JORNADA DE FISIOTERAPIA DE DOURADOS I ENCONTRO DE EGRESSOS DO CURSO DE FISIOTERAPIA DA UNIGRAN

X JORNADA DE FISIOTERAPIA DE DOURADOS I ENCONTRO DE EGRESSOS DO CURSO DE FISIOTERAPIA DA UNIGRAN 65 Centro Universitário da Grande Dourados X JORNADA DE FISIOTERAPIA DE DOURADOS I ENCONTRO DE EGRESSOS DO CURSO DE FISIOTERAPIA DA UNIGRAN 66 ANÁLISE POSTURAL EM ADOLESCENTES DO SEXO FEMININO NA FASE

Leia mais

UNILUS CENTRO UNIVERSITÁRIO LUSÍADA PLANO ANUAL DE ENSINO ANO 2010

UNILUS CENTRO UNIVERSITÁRIO LUSÍADA PLANO ANUAL DE ENSINO ANO 2010 UNILUS CENTRO UNIVERSITÁRIO LUSÍADA PLANO ANUAL DE ENSINO ANO 2010 CURSO: Fisioterapia DEPARTAMENTO: Fisioterapia DISCIPLINA: Fisioterapia Uroginecológica e Obstetrica SÉRIE: 4º. Ano PROFESSOR RESPONSÁVEL:

Leia mais

Reabilitação em Dores Crônicas da Coluna Lombar. Michel Caron Instituto Dr. Ayrton Caron Porto Alegre - RS

Reabilitação em Dores Crônicas da Coluna Lombar. Michel Caron Instituto Dr. Ayrton Caron Porto Alegre - RS Reabilitação em Dores Crônicas da Coluna Lombar Michel Caron Instituto Dr. Ayrton Caron Porto Alegre - RS Introdução - Estima-se que a dor lombar afete até 84% da população adulta. - Episódio de dor autolimitado

Leia mais

Alterações da Estrutura Corporal

Alterações da Estrutura Corporal Alterações da Estrutura Corporal Exercícios e Postura milenadutra@bol.com.br Os Exercícios Realmente Mudam a Postura? Vício postural pode ser corrigido voluntariamente com reeducação psicomotora Desvio

Leia mais

INVOLUÇÃO X CONCLUSÃO

INVOLUÇÃO X CONCLUSÃO POSTURA INVOLUÇÃO X CONCLUSÃO *Antigamente : quadrúpede. *Atualmente: bípede *Principal marco da evolução das posturas em 350.000 anos. *Vantagens: cobrir grandes distâncias com o olhar, alargando seu

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CARATINGA

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CARATINGA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE CARATINGA RELAÇÃO DE RESUMOS DE MONOGRAFIAS E ARTIGOS DE PÓS- GRADUAÇÃO Lato sensu - Daniela Cristina dos Santos Alves O Uso do Spray de Fluorometano no Tratamento Prof. D. Sc.

Leia mais

LOMBALGIAS: MECANISMO ANÁTOMO-FUNCIONAL E TRATAMENTO

LOMBALGIAS: MECANISMO ANÁTOMO-FUNCIONAL E TRATAMENTO LOMBALGIAS: MECANISMO ANÁTOMO-FUNCIONAL E TRATAMENTO Alessandra Vascelai #, Ft, Titulacão: Especialista em Fisioterapia em Traumatologia do Adulto Reeducação Postural Global (RPG) Acupuntura. Resumo: Lombalgia

Leia mais

Componente Curricular: Fisioterapia nas Disfunções Posturais PLANO DE CURSO

Componente Curricular: Fisioterapia nas Disfunções Posturais PLANO DE CURSO CURSO DE FISIOTERAPIA Autorizado pela Portaria nº 377 de 19/03/09 DOU de 20/03/09 Seção 1. Pág. 09 Componente Curricular: Fisioterapia nas Disfunções Posturais Código: Fisio 218 Pré-requisito: --------

Leia mais

UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA FCS/ESS

UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA FCS/ESS UNIVERSIDADE FERNANDO PESSOA FCS/ESS LICENCIATURA EM FISIOTERAPIA PROJECTO E ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE II Efeitos de uma abordagem fisioterapêutica baseada no Método de Pilates no tratamento da dor lombar

Leia mais

4.00.00.00-1 CIÊNCIAS DA SAÚDE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL 4.08.00.00-8

4.00.00.00-1 CIÊNCIAS DA SAÚDE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL 4.08.00.00-8 4.00.00.00-1 CIÊNCIAS DA SAÚDE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL 4.08.00.00-8 ANÁLISE MORFOMÉTRICA DO FÊMUR HUMANO E SUAS IMPLICAÇÕES MORFOFUNCIONAIS Thelma Gomes Faria Acadêmica do Curso de Fisioterapia

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO E DA SAÚDE CURSO DE FISIOTERAPIA

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO E DA SAÚDE CURSO DE FISIOTERAPIA CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO E DA SAÚDE CURSO DE FISIOTERAPIA CARACTERIZAÇÃO DA DOR LOMBAR EM GESTANTES PRATICANTES E NÃO PRATICANTES DE EXERCÍCIO FÍSICO Camila Urbieta

Leia mais

REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL EM GESTANTES COM LOMBALGIA RESUMO INTRODUÇÃO

REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL EM GESTANTES COM LOMBALGIA RESUMO INTRODUÇÃO REEDUCAÇÃO POSTURAL GLOBAL EM GESTANTES COM LOMBALGIA Nádia Rodrigues Leão 1, Stela Cristina Serbêto Medina da Silva 2, Renato Alves Sandoval 3 1. Fisioterapeuta. 2. Fisioterapeuta. 3. Fisioterapeuta,

Leia mais

Fisioterapeuta; Mestre e Doutoranda em Fisioterapia pelo Programa de Pós-Graduação da UFSCar São Carlos (SP), Brasil. 3

Fisioterapeuta; Mestre e Doutoranda em Fisioterapia pelo Programa de Pós-Graduação da UFSCar São Carlos (SP), Brasil. 3 PESQUISA ORIGINAL Avaliação da lordose lombar e sua relação com a dor lombopélvica em gestantes Evaluation of lumbar lordosis and its relation to the lumbopelvic pain in pregnants Beatriz da Silva Firmento

Leia mais

CENTRO DE ESTUDOS AVANÇADOS E FORMAÇÃO INTEGRADA CEAFI ANA PAULA DE LIMA PORTO OS BENEFÍCIOS DA HIDROTERAPIA NO PERÍODO GESTACIONAL.

CENTRO DE ESTUDOS AVANÇADOS E FORMAÇÃO INTEGRADA CEAFI ANA PAULA DE LIMA PORTO OS BENEFÍCIOS DA HIDROTERAPIA NO PERÍODO GESTACIONAL. 1 CENTRO DE ESTUDOS AVANÇADOS E FORMAÇÃO INTEGRADA CEAFI ANA PAULA DE LIMA PORTO OS BENEFÍCIOS DA HIDROTERAPIA NO PERÍODO GESTACIONAL. Goiânia GO 2012 2 Ana Paula de Lima Porto Os benefícios da hidroterapia

Leia mais

FUTURO DO GOLFE = NÃO SE BASEIA SOMENTE NA CÓPIA DO SWING PERFEITO - MECÂNICA APROPRIADA - EFICIÊNCIA DE MOVIMENTO

FUTURO DO GOLFE = NÃO SE BASEIA SOMENTE NA CÓPIA DO SWING PERFEITO - MECÂNICA APROPRIADA - EFICIÊNCIA DE MOVIMENTO FUTURO DO GOLFE = NÃO SE BASEIA SOMENTE NA CÓPIA DO SWING PERFEITO - MECÂNICA APROPRIADA - EFICIÊNCIA DE MOVIMENTO CARACTERÍSTICAS INDIVIDUAIS - Flexibilidade - Estabilidade - Equilíbrio - Propiocepção

Leia mais

Método pilates e seus benefícios nas alterações osteomusculares do período gestacional

Método pilates e seus benefícios nas alterações osteomusculares do período gestacional 1 Método pilates e seus benefícios nas alterações osteomusculares do período gestacional Camila Lima Pereira¹ camilarrster@gmail.com Dayana Priscila Maia Mejia² Pós-graduação em Ortopedia e Traumatologia

Leia mais

RESUMO. Palavras chave: análise postural, software Alcimagem, desvios laterais.

RESUMO. Palavras chave: análise postural, software Alcimagem, desvios laterais. ANALISE COMPARATIVA DA POSTURA DOS ACADÊMICOS DOS CURSOS DE DIREITO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS, FISIOTERAPIA E EDUCAÇÃO FÍSICA DAS FACULDADES SUDAMÉRICA DE CATAGUASES-MG Fernanda Martins Cazeta Lacerda Graduada

Leia mais

PILATES E BIOMECÂNICA. Thaís Lima

PILATES E BIOMECÂNICA. Thaís Lima PILATES E BIOMECÂNICA Thaís Lima RÍTMO LOMBOPÉLVICO Estabilidade lombopélvica pode ser definida como a habilidade de atingir e manter o alinhamento ótimo dos segmentos da coluna (lombar e torácica), da

Leia mais

DE VOLTA ÀS AULAS... CUIDADOS COM A POSTURA E O PESO DA MOCHILA!

DE VOLTA ÀS AULAS... CUIDADOS COM A POSTURA E O PESO DA MOCHILA! DE VOLTA ÀS AULAS... CUIDADOS COM A POSTURA E O PESO DA MOCHILA! SUA MOCHILA NÃO PODE PESAR MAIS QUE 10% DO SEU PESO CORPORAL. A influência de carregar a mochila com o material escolar nas costas, associado

Leia mais

FIBROMIALGIA EXERCÍCIO FÍSICO: ESSENCIAL AO TRATAMENTO. Maj. Carlos Eugenio Parolini médico do NAIS do 37 BPM

FIBROMIALGIA EXERCÍCIO FÍSICO: ESSENCIAL AO TRATAMENTO. Maj. Carlos Eugenio Parolini médico do NAIS do 37 BPM FIBROMIALGIA EXERCÍCIO FÍSICO: ESSENCIAL AO TRATAMENTO Maj. Carlos Eugenio Parolini médico do NAIS do 37 BPM A FIBROMIALGIA consiste numa síndrome - conjunto de sinais e sintomas - com manifestações de

Leia mais

A MULHER E A ATIVIDADE FÍSICA

A MULHER E A ATIVIDADE FÍSICA A MULHER E A ATIVIDADE FÍSICA INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA DEFICIENTE DIFICULDADES METODOLÓGICAS SEXO FRÁGIL (????) PARTICIPAÇÃO REDUZIDA EQUIPARAÇÃO DE RENDIMENTO CARACTERÍSTICAS GERAIS DO SEXO FEMININO

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Fisioterapia 2010-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Fisioterapia 2010-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Fisioterapia 2010-1 O USO DA OXIGENIOTERAPIA DOMICILIAR NO PACIENTE DPOC Autora: ROSA, Ana Carolina

Leia mais

Avaliação das alterações posturais em pacientes submetidas à mastectomia radical. modificada 1. Resumo

Avaliação das alterações posturais em pacientes submetidas à mastectomia radical. modificada 1. Resumo Avaliação das alterações posturais em pacientes submetidas à mastectomia radical modificada 1 Fernanda Bulgarelli 2 Karina Brongholi 3 Melissa Medeiros Braz Resumo No contexto atual da sociedade em que

Leia mais

TREINAMENTO FUNCIONAL PARA GESTANTES

TREINAMENTO FUNCIONAL PARA GESTANTES TREINAMENTO FUNCIONAL PARA GESTANTES Prof.ª Msc. Clarissa Rios Simoni Mestre em Atividade Física e Saúde UFSC Especialista em Personal Trainer UFPR Licenciatura Plena em Educação Física UFSC Doutoranda

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CENTRO DE GRAVIDADE, DAS ALTERAÇÕES POSTURAIS E DOS SINTOMAS OSTEOMUSCULARES DURANTE A GESTAÇÃO

AVALIAÇÃO DO CENTRO DE GRAVIDADE, DAS ALTERAÇÕES POSTURAIS E DOS SINTOMAS OSTEOMUSCULARES DURANTE A GESTAÇÃO FACULDADE DE PINDAMONHANGABA Danilo Felipe Jonas Luis Gustavo Teixeira de Castro Priscila Domene Suhr dos Santos AVALIAÇÃO DO CENTRO DE GRAVIDADE, DAS ALTERAÇÕES POSTURAIS E DOS SINTOMAS OSTEOMUSCULARES

Leia mais

A importância da Ergonomia Voltada aos servidores Públicos

A importância da Ergonomia Voltada aos servidores Públicos A importância da Ergonomia Voltada aos servidores Públicos Fisioterapeuta: Adriana Lopes de Oliveira CREFITO 3281-LTT-F GO Ergonomia ERGONOMIA - palavra de origem grega, onde: ERGO = trabalho e NOMOS

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Ementas das Disciplinas CURSO DE GRADUAÇÃO DE FISIOTERAPIA ATIVIDADES COMPLEMENTARES As atividades complementares correspondem a 204 horas realizadas nos diferentes espaços proporcionados

Leia mais

CARACTERÍSTICAS POSTURAIS DE IDOSOS

CARACTERÍSTICAS POSTURAIS DE IDOSOS CARACTERÍSTICAS POSTURAIS DE IDOSOS 1INTRODUÇÃO A partir dos 40 anos, a estatura começa a se reduzir em torno de um centímetro por década¹.a capacidade de manter o equilíbrio corporal é um prérequisito

Leia mais

A prática de exercício físico durante o período de gestação

A prática de exercício físico durante o período de gestação A prática de exercício físico durante o período de gestação Cristiane Chistófalo* Ariane Jacon Martins* Sérgio Tumelero** tumelero.prof@toledo.br * Faculdades Integradas Toledo de Araçatuba Curso de Educação

Leia mais

Incidência de Disfunção Sacroilíaca

Incidência de Disfunção Sacroilíaca Incidência de Disfunção Sacroilíaca ::: Fonte Do Saber - Mania de Conhecimento ::: adsense1 Introdução A pelve e em especial as articulações sacroilíacas sempre foram consideradas como tendo valor clínico

Leia mais

Cintia da Silva Freire Jardim

Cintia da Silva Freire Jardim Cintia da Silva Freire Jardim Brasileira, solteira, 28 anos Endereço: Rua Wilson Soares Fernandes, 160, bairro Planalto Belo Horizonte MG CEP 31730-700 Telefone: (31) 34941785 e (31) 91068827 e-mail: cintiafreire@gmail.com

Leia mais

AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE DE EXERCÍCIO DE IDOSOS COM LOMBALGIA E SUA INTERFERÊNCIA NA QUALIDADE DE VIDA

AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE DE EXERCÍCIO DE IDOSOS COM LOMBALGIA E SUA INTERFERÊNCIA NA QUALIDADE DE VIDA 1 AVALIAÇÃO DA CAPACIDADE DE EXERCÍCIO DE IDOSOS COM LOMBALGIA E SUA INTERFERÊNCIA NA QUALIDADE DE VIDA FEITOSA P. O. ; FELIPE D. M. Resumo: Entre os declínios fisiológicos relacionados ao envelhecimento

Leia mais

ANALISE DA REPRODUTIBILIDADE DE UM QUESTIONÁRIO CRIADO PARA IDENTIFICAR CUIDADOS COM A SAÚDE DE TRABALHADORES

ANALISE DA REPRODUTIBILIDADE DE UM QUESTIONÁRIO CRIADO PARA IDENTIFICAR CUIDADOS COM A SAÚDE DE TRABALHADORES Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 91 ANALISE DA REPRODUTIBILIDADE DE UM QUESTIONÁRIO CRIADO PARA IDENTIFICAR CUIDADOS COM A SAÚDE DE TRABALHADORES Everton

Leia mais

INCIDÊNCIA DE LER/DORT EM FISIOTERAPEUTAS DOCENTES DE UMA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR EM TERESINA (PI)

INCIDÊNCIA DE LER/DORT EM FISIOTERAPEUTAS DOCENTES DE UMA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR EM TERESINA (PI) INCIDÊNCIA DE LER/DORT EM FISIOTERAPEUTAS DOCENTES DE UMA INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR EM TERESINA (PI) Nayana Pinheiro Machado 1,2,3, Relândia Cristina Machado Reinaldo Ratts 4, Veruska Cronemberger

Leia mais

ANÁLISE FUNCIONAL DA MUSCULATURA HUMANA (Tronco) Aula 9 CINESIOLOGIA. Raul Oliveira 2º ano 2007-2008. músculos monoarticulares

ANÁLISE FUNCIONAL DA MUSCULATURA HUMANA (Tronco) Aula 9 CINESIOLOGIA. Raul Oliveira 2º ano 2007-2008. músculos monoarticulares ANÁLISE FUNCIONAL DA MUSCULATURA HUMANA (Tronco) Aula 9 CINESIOLOGIA Raul Oliveira 2º ano 2007-2008 músculos monoarticulares músculos multiarticulares Músculos bi-articulares 1 LINHA DE TRACÇÃO DO MÚSCULO

Leia mais

CINESIOLOGIA DA COLUNA VERTEBRAL. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior

CINESIOLOGIA DA COLUNA VERTEBRAL. Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior CINESIOLOGIA DA COLUNA VERTEBRAL Prof. Dr. Guanis de Barros Vilela Junior COLUNA VERTEBRAL 7 vértebras cervicais 12 vértebras torácicas 5 vértebras lombares 5 vértebras sacrais 4 vértebras coccígeas anterior

Leia mais

TÍTULO: ANÁLISE DA INCAPACIDADE EM MULHERES COM DOR LOMBAR E PÉLVICA GESTACIONAL CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE

TÍTULO: ANÁLISE DA INCAPACIDADE EM MULHERES COM DOR LOMBAR E PÉLVICA GESTACIONAL CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE TÍTULO: ANÁLISE DA INCAPACIDADE EM MULHERES COM DOR LOMBAR E PÉLVICA GESTACIONAL CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: FISIOTERAPIA INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO

Leia mais

Cuidando da Coluna e da Postura. Texto elaborado por Luciene Maria Bueno. Coluna e Postura

Cuidando da Coluna e da Postura. Texto elaborado por Luciene Maria Bueno. Coluna e Postura Cuidando da Coluna e da Postura Texto elaborado por Luciene Maria Bueno Coluna e Postura A coluna vertebral possui algumas curvaturas que são normais, o aumento, acentuação ou diminuição destas curvaturas

Leia mais

EFETIVIDADE DA ESCOLA DE COLUNA EM IDOSOS COM LOMBALGIA

EFETIVIDADE DA ESCOLA DE COLUNA EM IDOSOS COM LOMBALGIA EFETIVIDADE DA ESCOLA DE COLUNA EM IDOSOS COM LOMBALGIA Maria Lucia Ziroldo 1 ; Mateus Dias Antunes 2 ; Daniela Saldanha Wittig 3 ; Sonia Maria Marques Gomes Bertolini 4 RESUMO: A dor lombar é uma das

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIENCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE COMUNITÁRIA ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO BRUNO MASSINHAN

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIENCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE COMUNITÁRIA ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO BRUNO MASSINHAN UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIENCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE COMUNITÁRIA ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA DO TRABALHO BRUNO MASSINHAN QUEIXAS REFERIDAS POR CAMINHONEIROS E MOTORISTAS PROFISSIONAIS

Leia mais

OS BENEFÍCIOS DO MÉTODO PILATES NA LOMBALGIA

OS BENEFÍCIOS DO MÉTODO PILATES NA LOMBALGIA OS BENEFÍCIOS DO MÉTODO PILATES NA LOMBALGIA WELLINTON GONÇALVES DO SANTOS ¹ RICARDO BASÍLIO DE OLIVEIRA CALAND² LUCIANA ALVES BRANDÃO³ SONNALE DA SILVA ARAÚJO4 RESUMO A dor lombar é um mal recorrente

Leia mais

DIAGNÓSTICO DAS LOMBALGIAS. Luiza Helena Ribeiro Disciplina de Reumatologia UNIFESP- EPM

DIAGNÓSTICO DAS LOMBALGIAS. Luiza Helena Ribeiro Disciplina de Reumatologia UNIFESP- EPM DIAGNÓSTICO DAS LOMBALGIAS Luiza Helena Ribeiro Disciplina de Reumatologia UNIFESP- EPM LOMBALGIA EPIDEMIOLOGIA 65-80% da população, em alguma fase da vida, terá dor nas costas. 30-50% das queixas reumáticas

Leia mais

COLUNA LOMBAR TODOS OS PERIÓDICOS ESTÃO NO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FACULDADE.

COLUNA LOMBAR TODOS OS PERIÓDICOS ESTÃO NO ACERVO DA BIBLIOTECA DA FACULDADE. OBJETIVOS: O aluno deverá ser capaz de identificar as principais doenças da coluna lombar assim como avaliação e prescrição de conduta fisioterápica pertinente. LER: O que é Hérnia de disco? A coluna vertebral

Leia mais

Avaliação Fisioterapêutica da Coluna Lombar

Avaliação Fisioterapêutica da Coluna Lombar Avaliação Fisioterapêutica da Coluna Lombar Profa. Dra. Sílvia Maria Amado João Disciplina: MFT-0377 Métodos de Avaliação Clínica e Funcional Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional

Leia mais

PREVALÊNCIA DE DOR LOMBAR E OS DESEQUILÍBRIOS MUSCULARES EM

PREVALÊNCIA DE DOR LOMBAR E OS DESEQUILÍBRIOS MUSCULARES EM VOLUME 6 NÚMERO 1 Janeiro/ Junho 2010 PREVALÊNCIA DE DOR LOMBAR E OS DESEQUILÍBRIOS MUSCULARES EM RESUMO MANICURES Claudia Tarragô Candotti 1 Matias Noll 2 Melissa da Cruz 3 O objetivo deste estudo foi

Leia mais