Your Partner in Business

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Your Partner in Business"

Transcrição

1 Your Partner in Business PT

2 PERFIL A Finpartner é uma sociedade especializada na prestação de serviços de contabilidade, fiscalidade e consultoria a nível nacional e internacional. A actuação da Finpartner está, não só, voltada para as empresas nacionais e internacionais, mas também para as pessoas singulares, assegurando sempre os melhores serviços de contabilidade, consultoria e assessoria fiscal, respondendo a todos os desafios que a conjuntura económica e fiscal exige.

3 Privilegiamos o contacto pessoal e permanente com os nossos clientes de modo a sermos um parceiro activo no desenvolvimento do seu negócio. Adaptamo-nos à sua situação particular de modo a satisfazer as necessidades e a superar as expectativas. A garantia da excelência do serviço prestado pela Finpartner advém da qualidade dos técnicos que constituem a sua equipa, os quais aliados ao seu dinamismo conseguem conjugar a experiência do dia-a-dia com o conhecimento nos mais variados temas.

4

5 Flexibilidade Integridade Neutralidade Pró-actividade Ambição Rigor Trabalho de Equipa Notoriedade Eficácia Respeito

6 MISSÃO & VALORES

7 A Finpartner pauta o seu serviço pelo rigor, integridade e eficiência, adoptando uma postura de pro-actividade e neutralidade nos seus métodos de trabalho. Tem como Missão a constante melhoria dos seus serviços, crescendo com as necessidades dos clientes, contribuindo assim para o desenvolvimento e crescimento sustentável do seu negócio.

8

9 OS NOSSOS SERVIÇOS Contabilidade & Preparação de Impostos. Elaboração da contabilidade de acordo com os princípios do S.N.C.. Preparação das Demonstrações Financeiras. Elaboração do Dossier Fiscal. Cumprimento de todas as obrigações legais. Planeamento e Preparação de todas as obrigações fiscais exigidas. Elaboração de facturação e a sua comunicação AT (via SAFT). Relatórios e/ou Mapas pontuais de suporte à gestão conforme as necessidades do cliente

10

11 OS NOSSOS SERVIÇOS Recursos Humanos. Processamento de Salários. Recibos de Vencimento. Mapa de Vencimentos. Cumprimento de todas as obrigações legais inerentes (tais como ACT, Fundo de Compensação, Declaração Mensal de Remunerações, Relatório Único entre outros). Gestão de Recursos Humanos Sede Temporária de Empresas. Morada para Sede Fiscal. Caixa Postal. Gestão de Correspondência

12

13 OS NOSSOS SERVIÇOS Consultoria & Assessoria Fiscal. Responsabilidade de Contabilista Certificado. Aconselhamento e apoio aos clientes em todos os aspectos da fiscalidade. Definição de estratégias fiscais de forma a obter o melhor proveito dos benefícios existentes. Apoio a auditorias e inspecções tributárias. Informação para o INE e Banco de Portugal. Controlo de prazos de pagamento e outros compromissos. Elaboração do orçamento anual e o controlo mensal dos desvios. Orçamentos de exploração e tesouraria. Análise Económica e Financeira

14

15 OS NOSSOS SERVIÇOS Apoio a Pessoas Singulares e Trabalhadores Independentes. Acompanhamento de processos de Residentes Não Habituais e Golden Visa. Aconselhamento e orientação sobre impostos. Declarações anuais de IRS. Declarações de IVA. Contabilidade organizada

16 A NOSSA EXPERIÊNCIA INTERNACIONAL Canadá Estados Unidos da América Brasil Argentina Portugal Espanha França Itália Alemanha Reino Unido Suíça Áustria Holanda Finlândia Noruega Dinamarca

17 Rússia Japão China Índia Timor-Leste Angola África do Sul Moçambique São Tomé e Príncipe Cabo Verde Guiné Bissau Tailândia Irão Afeganistão Arábia Saudita Emirados Árabes Unidos

18 OS NOSSOS ESCRITÓRIOS Escritório Lisboa Rua Castilho nº 39-14º andar Lisboa, Portugal Tel.: (+351) Escritório Porto Praça Mouzinho de Albuquerque, nº 113 5º andar Porto, Portugal Tel.: (+351)

19 Escritório Algarve Rua de Santo António, nº 2A - 1º andar Faro, Portugal Tel.: (+351) Poderá também contactar-nos por através de: Visite-nos em: w fb.com/finpartnersa linkedin.com/company/finpartner

20

Anuário Estatístico de Turismo - 2016

Anuário Estatístico de Turismo - 2016 Secretaria Executiva Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2016 Volume 43 Ano base 2015 Sumário I - Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2014-2015 1.1. Chegadas de turistas

Leia mais

Calendário Fiscal 2016

Calendário Fiscal 2016 1224455645 45 46 456 4 45 345 8990 4322 344445 5666 2 2121 212 477 7 35 578997896 2345 345 45 6 65 3 24 6 76 7 1 168 1 5 95 64966 883 55 7 9 0 4564576 3 5345345 66345343 1223 576 7 8888 24 76868 123234

Leia mais

Para onde foi a Economia Portuguesa? A Crise através dos Números

Para onde foi a Economia Portuguesa? A Crise através dos Números Para onde foi a Economia Portuguesa? A Crise através dos Números Pedro Nogueira Ramos GEMF e Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011 Taxa de Analfabetismo (nos

Leia mais

Curriculum Vitae. Identificação. Nome profissional: Joana Lança. Experiencia Profissional

Curriculum Vitae. Identificação. Nome profissional: Joana Lança. Experiencia Profissional Curriculum Vitae Identificação Nome profissional: Joana Lança Experiencia Profissional Desde 2014 Associada Sénior da Área de Prática de Direito Fiscal de PLMJ A. M. PEREIRA,SÁRAGGA LEAL, OLIVEIRA MARTINS,

Leia mais

APONTAMENTOS. Contraordenação Fiscal Coima (1) (2) compensatórios (3)

APONTAMENTOS. Contraordenação Fiscal Coima (1) (2) compensatórios (3) APONTAMENTOS COIMAS E JUROS FISCAIS ANO 2015 1 Apresentam-se de seguida as principais coimas devidas por contraordenações fiscais. Os valores indicados aplicam-se a pessoas coletivas, a título de negligência.

Leia mais

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento Your global partner Quem Somos A NewEvents, constituída por profissionais com elevado Know-how, é uma empresa pioneira e especializada na organização, formação e consultoria internacional em Gestão e Marketing

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular COMPLEMENTOS DE PROJECTO APLICADO Ano Lectivo 2013/2014

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular COMPLEMENTOS DE PROJECTO APLICADO Ano Lectivo 2013/2014 Programa da Unidade Curricular COMPLEMENTOS DE PROJECTO APLICADO Ano Lectivo 2013/2014 1. Unidade Orgânica Ciências da Economia e da Empresa (1º Ciclo) 2. Curso Contabilidade 3. Ciclo de Estudos 1º 4.

Leia mais

2 - Resumo das autorizações de trabalho temporário

2 - Resumo das autorizações de trabalho temporário 2 - Resumo das autorizações de trabalho temporário Atualizado até 30/09/2011 Atualizada até 31/12/2012 1 I - Autorizações de trabalho temporário - Geral 1 - Síntese geral das autorizações de trabalho temporário.

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA ÁREA DE CONSULTORIA CONTABILÍSTICA

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PARA ÁREA DE CONSULTORIA CONTABILÍSTICA NIF 5417381993 Contacto: 924 29 53 28 / 912 84 45 69 / 944340808 E-mail: franconsulting30@gmail.com Address: Av. Rua Principal do Patriota Sede Patriota, Luanda Angola. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO

Leia mais

ESPECIAL CONTAT CONSULT. Empresas Agropecuárias Vemos Oportunidades!

ESPECIAL CONTAT CONSULT. Empresas Agropecuárias Vemos Oportunidades! ESPECIAL CONTAT CONSULT Empresas Agropecuárias Vemos Oportunidades! CONTAT CONSUT Divisão AGROCONTAT SOBRE A CONTAT CONSULT A CONTAT CONSULT é uma empresa experiente. Nossa estrutura profissional é completa

Leia mais

www.franmac.com.br (21) 3490.7159 98192.8073 contato@franmac.com.br

www.franmac.com.br (21) 3490.7159 98192.8073 contato@franmac.com.br www.franmac.com.br (21) 3490.7159 98192.8073 contato@franmac.com.br Avenida Embaixador Abelardo Bueno, 3500 Sl 810 - Vision Offices - Jacarepagua - RJ - CEP: 22.775-040 INSTITUCIONAL SOBRE A FRANMAC A

Leia mais

Contabilidade e Gestão, Lda O FUTURO DO SEU NEGÓCIO COMEÇA AQUI! CRIAMOS SOLUÇÕES PARA A SUA EMPRESA!

Contabilidade e Gestão, Lda O FUTURO DO SEU NEGÓCIO COMEÇA AQUI! CRIAMOS SOLUÇÕES PARA A SUA EMPRESA! Contabilidade e Gestão, Lda O FUTURO DO SEU NEGÓCIO COMEÇA AQUI! CRIAMOS SOLUÇÕES PARA A SUA EMPRESA! QUEM SOMOS A Gonti, é uma empresa de contabilidade e gestão, especializada na prestação de serviços

Leia mais

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES 11/08/10 10/09/10 10/10/10 09/11/10 09/12/10 08/01/11 07/02/11 09/03/11 08/04/11 08/05/11 07/06/11 07/07/11 06/08/11 05/09/11 05/10/11 04/11/11 04/12/11

Leia mais

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES 11/06/11 11/07/11 11/08/11 11/09/11 11/10/11 11/11/11 11/12/11 11/01/12 11/02/12 11/03/12 11/04/12 11/05/12 11/06/12 11/07/12 11/08/12 11/09/12 11/10/12

Leia mais

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES

MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES MOEDAS, JUROS, BOLSAS INTERNACIONAIS E COMMODITIES 15/07/10 14/08/10 13/09/10 13/10/10 12/11/10 12/12/10 11/01/11 10/02/11 12/03/11 11/04/11 11/05/11 10/06/11 10/07/11 09/08/11 08/09/11 08/10/11 07/11/11

Leia mais

Fiscalidade do Terceiro Sector IPSS 4 de Junho de 2015

Fiscalidade do Terceiro Sector IPSS 4 de Junho de 2015 www.pwc.pt IPSS 4 de Junho de 2015 Filipa Moreira Ribeiro Universidade Católica Portuguesa, Lisboa Agenda 1. IPSS Problemáticas Fiscais 2. Conclusão 2 IPSS Problemáticas Fiscais 3 Enquadramento fiscal

Leia mais

Participantes no TALIS

Participantes no TALIS 2 Participantes no TALIS TALIS 2008: 24 países TALIS 2013: 30 países Países da OCDE Austrália Áustria Bélgica (Comunidade Flamenga) Dinamarca Espanha Estónia Holanda Hungria Islândia Irlanda Itália México

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA APRESENTAÇÃO CORPORATIVA Apresentação Soluções de Futuro A TwoSoft Systems é uma empresa angolana que se dedica ao Desenvolvimento de Software, Consultoria Informática e Assistência Técnica Especializada.

Leia mais

Uma parceria forte e segura. Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã

Uma parceria forte e segura. Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã Uma parceria forte e segura Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã CCILA Experiência consolidada no reforço das relações bilaterais! A maior Câmara estrangeira em Portugal com mais de 1000 sócios em

Leia mais

São Paulo, Estado Nº 1 do Brasil

São Paulo, Estado Nº 1 do Brasil São Paulo, Estado Nº 1 do Brasil Sérgio Costa Diretor 1 de dezembro de 2014 Missão Ser a porta de entrada para novos investimentos ou expansão dos negócios existentes, gerando inovação, emprego e renda,

Leia mais

Relatório Estatístico de Pedidos de Cooperação

Relatório Estatístico de Pedidos de Cooperação Relatório Estatístico de Pedidos de Cooperação Março de 2015 TOTAL: 369 PEDIDOS DE COOPERAÇÃO Por Ano Quantidade Percentual do Total Pesquisado 2015 369 100.00% Por Tipo de Pedido Quantidade Percentual

Leia mais

Clique nos macroprocessos e conheça os processos da Unimed do Brasil

Clique nos macroprocessos e conheça os processos da Unimed do Brasil Clique nos macroprocessos e conheça os processos da Unimed do Brasil GESTÃO DA ESTRATÉGIA 1.1. Gestão da Estratégia FLX.019 GESTÃO ESTRATÉGICA 1.2. Gestão dos Indicadores de Desempenho FLX.026 GESTÃO ESTRATÉGICA

Leia mais

AD SHOPPING, UMA FILOSOFIA DE TRABALHO QUE O TEMPO MOSTROU ESTAR CERTA

AD SHOPPING, UMA FILOSOFIA DE TRABALHO QUE O TEMPO MOSTROU ESTAR CERTA AD SHOPPING, UMA FILOSOFIA DE TRABALHO QUE O TEMPO MOSTROU ESTAR CERTA A AD SHOPPING, desde a sua fundação fez opção pela qualidade do seu trabalho e pelo desenvolvimento de soluções para otimização dos

Leia mais

Boletim nº VIII, Agosto de 2012 Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná Ocepar, Curitiba. agroexportações

Boletim nº VIII, Agosto de 2012 Sindicato e Organização das Cooperativas do Estado do Paraná Ocepar, Curitiba. agroexportações agroexportações EXPORTAÇÕES DAS COOPERATIVAS DO PARANÁ De Janeiro a Julho de 2012 Contexto Nacional Cooperativas do Paraná 1,15 bilhão de dólares em exportações 36% das exportações brasileiras de cooperativas

Leia mais

GUIA PRÁTICO SUPLEMENTO ESPECIAL DE PENSÃO

GUIA PRÁTICO SUPLEMENTO ESPECIAL DE PENSÃO GUIA PRÁTICO SUPLEMENTO ESPECIAL DE PENSÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/9 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Suplemento Especial de Pensão (7017-A v4.13) PROPRIEDADE

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. www.vantagem.com PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. www.vantagem.com PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

O SNC NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Preparação para a mudança. I Congresso Internacional de Contabilidade Pública

O SNC NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Preparação para a mudança. I Congresso Internacional de Contabilidade Pública O SNC NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA Preparação para a mudança I Congresso Internacional de Contabilidade Pública PREPARAÇÃO PARA A IMPLEMENTAÇÃO DO SNC-AP A SITUAÇÃO ATUAL Caracteriza-se pela existência de

Leia mais

Março de 2013 UMA REDE GLOBAL

Março de 2013 UMA REDE GLOBAL Março de 2013 UMA REDE GLOBAL O Camões - Instituto da Cooperação e da Língua é um instituto público, integrado na administração indireta do Estado, dotado de autonomia administrativa, financeira e património

Leia mais

AHPTUS. PLANEIE O FUTURO DA SUA ORGANIZAÇÃO. AhptusAcademia de. Competências

AHPTUS. PLANEIE O FUTURO DA SUA ORGANIZAÇÃO. AhptusAcademia de. Competências AHPTUS. PLANEIE O FUTURO DA SUA ORGANIZAÇÃO. AhptusAcademia de Competências AHPTUS. PLANEIE O FUTURO DA SUA ORGANIZAÇÃO. AhptusAcademia de Competências AHPTUS AHPTUS. A SUA ORGANIZAÇÃO CRESCE CONNOSCO.

Leia mais

Terra no horizonte 2014-2020 13 de Março de 2014. inovação constante para novos desafios

Terra no horizonte 2014-2020 13 de Março de 2014. inovação constante para novos desafios Terra no horizonte 2014-2020 13 de Março de 2014 inovação constante para novos desafios Missão & Valores Missão & Valores Missão Promover o desenvolvimento económico, colocando no mercado produtos e serviços

Leia mais

Formação COMPETÊNCIAS FORMAÇÃO PARA A PRODUTIVIDADE. Consultoria SERVIÇOS SOLUÇÕES À MEDIDA DE CADA CLIENTE PARA AUMENTO DE EFICIÊNCIA

Formação COMPETÊNCIAS FORMAÇÃO PARA A PRODUTIVIDADE. Consultoria SERVIÇOS SOLUÇÕES À MEDIDA DE CADA CLIENTE PARA AUMENTO DE EFICIÊNCIA OFERECEMOS SERVIÇOS DIFERENCIADOS, EM PARCERIA COM OS NOSSOS CLIENTES, DE FORMA A ULTRAPASSAR AS SUAS EXPECTATIVAS E A PRODUZIR RESULTADOS TRANSFORMATIVOS Ao unir o talento dos profissionais de todo o

Leia mais

Novembro de 2011. O fazemos:

Novembro de 2011. O fazemos: Novembro de 2011 O fazemos: A nossa missão é por excelência acolher, atender, informar e orientar os clientes para a resolução dos seus problemas dentro ou fora da Autarquia. Pretendemos ser reconhecidos

Leia mais

SALDOPOSITIVO.CGD.PT PROGRAMA DE LITERACIA FINANCEIRA GUIA DO ALOJAMENTO LOCAL

SALDOPOSITIVO.CGD.PT PROGRAMA DE LITERACIA FINANCEIRA GUIA DO ALOJAMENTO LOCAL SALDOPOSITIVO.CGD.PT GUIA DO ALOJAMENTO LOCAL Conheça as obrigações de quem tem uma casa disponível para alugar a turistas 1. INTRODUÇÃO Embora sejam atividades semelhantes, o arrendamento tradicional

Leia mais

PLANO ANUAL AUDITORIA. Serviço de. Auditoria Interna. Aprovado na reunião n.º 54/2015 do Conselho de Administração, realizada a 30 de dezembro

PLANO ANUAL AUDITORIA. Serviço de. Auditoria Interna. Aprovado na reunião n.º 54/2015 do Conselho de Administração, realizada a 30 de dezembro PLANO ANUAL DE AUDITORIA Serviço de Auditoria Interna Aprovado na reunião n.º 54/2015 do Conselho de Administração, realizada a 30 de dezembro PLANO ANUAL DE AUDITORIA INTERNA Introdução O presente Plano

Leia mais

TAXA DE OCUPAÇÃO HOTELEIRA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

TAXA DE OCUPAÇÃO HOTELEIRA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO TAXA DE OCUPAÇÃO HOTELEIRA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis Rio de Janeiro, em parceria com a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro Novembro

Leia mais

Taxa de Ocupação (em %)

Taxa de Ocupação (em %) Ocupação de agosto dos hotéis cariocas atinge 66,12% Viagens de negócios e numero de turistas brasileiros tiveram aumento Os hotéis cariocas registraram 66,12% de ocupação no mês de agosto, ficando 1,06

Leia mais

Público nos estádios durante a Copa das Confederações 2013. Futebol de qualidade e arenas modernas, que resultaram em público recorde da competição.

Público nos estádios durante a Copa das Confederações 2013. Futebol de qualidade e arenas modernas, que resultaram em público recorde da competição. Público nos estádios durante a Copa das Confederações 2013 Julho de 2013 Futebol de qualidade e arenas modernas, que resultaram em público recorde da competição. Marketing e Gestão Esportiva 1 Mesmo com

Leia mais

O que é e quais as suas vantagens e benefícios. Linha do tempo e Garantia Estendida em números

O que é e quais as suas vantagens e benefícios. Linha do tempo e Garantia Estendida em números Garantia Estendida Garantia Estendida no mundo O que é e quais as suas vantagens e benefícios Principais varejistas Linha do tempo e Garantia Estendida em números Benefícios para sociedade Volume de atendimento

Leia mais

TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL

TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL Agrupamento de Escolas de Arraiolos Escola EB 2,3/S Cunha Rivara de Arraiolos Ano Lectivo 2009/2010 HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL 6º Ano Teste de Avaliação nº 6 TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA

Leia mais

PLANO BÁSICO DE SERVIÇO LONGA DISTÂNCIA INTERNACIONAL

PLANO BÁSICO DE SERVIÇO LONGA DISTÂNCIA INTERNACIONAL TRANSIT DO BRASIL LTDA. PLANO BÁSICO DE SERVIÇO LONGA DISTÂNCIA INTERNACIONAL Este Plano Básico de Serviço visa oferecer aos assinantes do Serviço Móvel Pessoal (SMP) e do Serviço Telefônico Fixo Comutado

Leia mais

Concurso de 2015 REGULAMENTO RELATIVO ÀS DESPESAS ELEGÍVEIS

Concurso de 2015 REGULAMENTO RELATIVO ÀS DESPESAS ELEGÍVEIS Concurso de 2015 REGULAMENTO RELATIVO ÀS DESPESAS ELEGÍVEIS Artigo 1.º Objeto O presente Regulamento estabelece os procedimentos e documentos necessários à verificação das despesas elegíveis necessárias

Leia mais

O DIA DAS MÃES NA ERA MODERNA

O DIA DAS MÃES NA ERA MODERNA O DIA DAS MÃES O DIA DAS MÃES Desde os primórdios dos tempos o homem celebra a MÃE - das festas pagãs dos solstícios e equinócios, ao nosso almoço no segundo domingo de maio de todos os anos, passando

Leia mais

DESIGN GRÁFICO QUE NEGÓCIO É ESSE?

DESIGN GRÁFICO QUE NEGÓCIO É ESSE? DESIGN GRÁFICO QUE NEGÓCIO É ESSE? O QUE É DESIGN GRÁFICO? Design Gráfico é o planejamento dos aspectos funcionais e visuais de peças gráficas que servem de suporte para a comunicação de diversos tipos

Leia mais

CRESCIMENTO ECONÓMICO POTENCIAÇÃO DO CRÉDITO À ECONOMIA XXIII ENCONTRO DE LISBOA

CRESCIMENTO ECONÓMICO POTENCIAÇÃO DO CRÉDITO À ECONOMIA XXIII ENCONTRO DE LISBOA 1 CRESCIMENTO ECONÓMICO POTENCIAÇÃO DO CRÉDITO À ECONOMIA XXIII ENCONTRO DE LISBOA 2 Sumário da Apresentação 1. Objectivos. Principais Constrangimentos ao Crescimento do Crédito Bancário em Angola. Conclusões

Leia mais

PRINCÍPIOS GERAIS PRINCÍPIOS GERAIS PRINCÍPIOS GERAIS NÍVEIS DA REFORMA PRINCÍPIOS GERAIS. Funções de suporte Apoio à Governação Gestão de Recursos

PRINCÍPIOS GERAIS PRINCÍPIOS GERAIS PRINCÍPIOS GERAIS NÍVEIS DA REFORMA PRINCÍPIOS GERAIS. Funções de suporte Apoio à Governação Gestão de Recursos PRINCÍPIOS GERAIS Funções de suporte Apoio à Governação Gestão de Recursos Funções Operacionais 30-03-2006 1 30-03-2006 2 PRINCÍPIOS GERAIS Apoio à Governação (em todos os Ministérios) Serviços de planeamento,

Leia mais

Ano lectivo de 2009/2010 Geografia 7ºano. A União Europeia

Ano lectivo de 2009/2010 Geografia 7ºano. A União Europeia Ano lectivo de 2009/2010 Geografia 7ºano A União Europeia A origem da UE Com o final da Segunda Guerra Mundial ( 1939-1945) e a emergência das duas grandes potências mundiais: E.U.A e União Soviética,

Leia mais

Enquadramento económico dos mercados regionais da CPLP

Enquadramento económico dos mercados regionais da CPLP www.pwc.com/pt Enquadramento económico dos mercados regionais da CPLP Oportunidades maximizadas? Jaime Carvalho Esteves 19 de Março 2013 Agenda 1. Conceito de hub 2. Relevância da CPLP 3. Os mercados de

Leia mais

Educação Matemática. Profª. Andréa Cardoso MATEMÁTICA - LICENCIATURA 2015/2

Educação Matemática. Profª. Andréa Cardoso MATEMÁTICA - LICENCIATURA 2015/2 Educação Matemática Profª. Andréa Cardoso MATEMÁTICA - LICENCIATURA 2015/2 UNIDADE II: TENDÊNCIAS EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA Para construção de uma nova 2 O Índice Global de Habilidades Cognitivas e Realizações

Leia mais

Pág. 1 de 48 MAPA DE PESSOAL 2015 - TURISMO DE PORTUGAL - 1ª ALTERAÇÃO LISTA DE ATIVIDADES/PROCEDIMENTOS E POSTOS DE TRABALHO NECESSÁRIOS*

Pág. 1 de 48 MAPA DE PESSOAL 2015 - TURISMO DE PORTUGAL - 1ª ALTERAÇÃO LISTA DE ATIVIDADES/PROCEDIMENTOS E POSTOS DE TRABALHO NECESSÁRIOS* MAPA DE PESSOAL 2015 - TURISMO DE PORTUGAL - 1ª ALTERAÇÃO LISTA DE ATIVIDADES/PROCEDIMENTOS E POSTOS DE TRABALHO NECESSÁRIOS* existentes 1ª Alteração Funções Dirigente superiores 1 1 Presidente Conselho

Leia mais

O ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PORTUGUÊS NO ÂMBITO DA COOPERAÇÃO

O ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PORTUGUÊS NO ÂMBITO DA COOPERAÇÃO O ACESSO AO ENSINO SUPERIOR PORTUGUÊS NO ÂMBITO DA COOPERAÇÃO PALOP E TIMOR-LESTE ANTÓNIO MORÃO DIAS DIRECTOR-GERAL DO ENSINO SUPERIOR Centro de Congressos de Lisboa, 22 de Abril de 2010 DIRECÇÃO DE SERVIÇOS

Leia mais

dossier institucional

dossier institucional dossier institucional Diferenciação Ideias que geram resultados A ADSO é a primeira agência de comunicação global em Portugal. Com confiança, proatividade e orientados para os resultados ajudamos as empresas

Leia mais

Desoneração da Folha de Pagamento - Tributação sobre Receita

Desoneração da Folha de Pagamento - Tributação sobre Receita Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

TABELA DE FRETES MÉDIO PRATICADOS PARA ANGOLA REFERENTE AO MÊS DE JANEIRO Moeda: USD

TABELA DE FRETES MÉDIO PRATICADOS PARA ANGOLA REFERENTE AO MÊS DE JANEIRO Moeda: USD REPÚBLICA DE ANGOLA MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES BOLSA NACIONAL DE FRETE Sede: Palácio de Vidro, 5º andar; CX Postal 2223; Telefone +(244) 222-311339/40/41; Fax 222-310555- Luanda, Angola. TABELA DE FRETES

Leia mais

Quem Somos ONE-STOP SHOP para a Sustentabilidade em Edifícios

Quem Somos ONE-STOP SHOP para a Sustentabilidade em Edifícios Quem Somos ONE-STOP SHOP para a Sustentabilidade em Edifícios Apresentação A Edifícios Saudáveis nasceu em 1996 vocacionada para as temáticas da sustentabilidade ambiental em edifícios (eficiência energética

Leia mais

ciclo de WORKSHOPS «COMO MAXIMIZAR A SUA PARTICIPACÄO EM FEIRAS» LISBOA I PORTO I BRAGA I ALGARVE Apoio lnstitucional ~ IAEE CertOfledO~ Organizac;:äo

ciclo de WORKSHOPS «COMO MAXIMIZAR A SUA PARTICIPACÄO EM FEIRAS» LISBOA I PORTO I BRAGA I ALGARVE Apoio lnstitucional ~ IAEE CertOfledO~ Organizac;:äo ciclo de WORKSHOPS LISBOA I PORTO I BRAGA I ALGARVE «COMO MAXIMIZAR A SUA PARTICIPACÄO EM FEIRAS» Organizac;:äo Apoio lnstitucional ~ IAEE CertOfledO~ Exhibition ~t=.=!~ ~~g~ ont ~ WORKSHOP Como Maximizar

Leia mais

inedem Instituto de Estudos Para o Desenvolvimento Empresarial PORTO

inedem Instituto de Estudos Para o Desenvolvimento Empresarial PORTO inedem Instituto de Estudos Para o Desenvolvimento Empresarial PORTO Julho 2009 COACHING PARA A DIRECÇÃO DE PESSOAS 15 Horas O coaching está na moda entre os líderes empresariais porque revela as capacidades

Leia mais

ESTUDO COMPARATIVO DE PREÇOS. Diferenças de preços na Europa em produtos das cadeias de lojas H&M, Zara, C&A e Body Shop.

ESTUDO COMPARATIVO DE PREÇOS. Diferenças de preços na Europa em produtos das cadeias de lojas H&M, Zara, C&A e Body Shop. ESTUDO COMPARATIVO DE PREÇOS Diferenças de preços na Europa em produtos das cadeias de lojas H&M, Zara, C&A e Body Shop Maio 2009 Realizado pela Rede de Centros Europeus do Consumidor (ECC-Net) Introdução

Leia mais

O papel das Alfândegas no Comércio Internacional. Jorge Carvalho Aveiro, 26 de maio de 2014

O papel das Alfândegas no Comércio Internacional. Jorge Carvalho Aveiro, 26 de maio de 2014 O papel das Alfândegas no Comércio Internacional Jorge Carvalho Aveiro, 26 de maio de 2014 Índice I. Missão e Intervenção das Alfândegas II. As Alfândegas e a Exportação III. A relação aduaneira com a

Leia mais

NET ZERO ENERGY BUILDING Adeilton Hilário Júnior

NET ZERO ENERGY BUILDING Adeilton Hilário Júnior NET ZERO ENERGY BUILDING Adeilton Hilário Júnior 1 - PREOCUPAÇÃO AMBIENTAL MUNDIAL O aquecimento global é um dos mais graves problemas com que se depara o Planeta Terra. Aumento da concentração de gases

Leia mais

Procedimento por Ajuste Directo SCM nº 03/2009 ANEXO I. Caderno de Encargos

Procedimento por Ajuste Directo SCM nº 03/2009 ANEXO I. Caderno de Encargos Procedimento por Ajuste Directo SCM nº 03/2009 ANEXO I Caderno de Encargos 1. Especificações: O presente procedimento tem por objecto o fornecimento de serviços de assessoria de imprensa, incluindo, necessariamente,

Leia mais

Associação dos Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes. APFCertifica. (Licença C014488)

Associação dos Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes. APFCertifica. (Licença C014488) Associação dos Produtores Florestais do Concelho de Coruche e Limítrofes APFCertifica (Licença C014488) 1. A Certificação Florestal FSC A Certificação Florestal FSC é uma garantia escrita, dada por uma

Leia mais

Departamento comercial e marketing

Departamento comercial e marketing Departamento comercial e marketing Trabalho realizado: Cátia Nunes Nº6 12ºS Marketing Os profissionais do Marketing podem dividir-se em dois grupos, os que estão directamente ligados as empresas, isto

Leia mais

BIM Plano de Marketing Internacional

BIM Plano de Marketing Internacional Solução Plano de Marketing Internacional Quer Exportar Pergunte-nos Como? parceria de futuro ÍNDICE DA APRESENTAÇÃO 1 O QUE É O? 2 PARA QUE SERVE O? 3 QUAL A METODOLOGIA DO? 4 QUEM INTERVÉM NO? 5 QUANTO

Leia mais

SITUAÇÃO MUNDIAL DA VITIVINICULTURA

SITUAÇÃO MUNDIAL DA VITIVINICULTURA nº 6 SITUAÇÃO MUNDIAL DA VITIVINICULTURA Índice I. SUPERFÍCIES VITÍCOLAS 3 II. PRODUÇÃO MUNDIAL DE UVAS 4 III PRODUÇÃO DE VINHO 5 IV CONSUMO MUNDIAL DE VINHO 5 V COMÉRCIO MUNDIAL DE VINHO 6 1 Situação

Leia mais

A Contabilidade em Cabo Verde. V Congresso OTOC 17 e 18 Setembro

A Contabilidade em Cabo Verde. V Congresso OTOC 17 e 18 Setembro 2 Cabo Verde - Panorama do País Arquipélago constituído por 10 ilhas Situado no oceano atlântico, a cerca de 455 km da costa ocidental Africana População com cerca de 500 mil habitantes 3 Cabo Verde -

Leia mais

Relatório Anual de Transparência Ano de 2015

Relatório Anual de Transparência Ano de 2015 Relatório Anual de Transparência Ano de 2015 2 Índice 1. Introdução... 3 2. Estrutura jurídica e da Propriedade... 3 3. Estrutura de governação... 4 4. Sistema interno de controlo de qualidade... 4 5.

Leia mais

Ouvidoria Unimed-Rio Seminário de Atualização e Implantação de Ouvidoria do Sistema Unimed

Ouvidoria Unimed-Rio Seminário de Atualização e Implantação de Ouvidoria do Sistema Unimed Ouvidoria Unimed-Rio Seminário de Atualização e Implantação de Ouvidoria do Sistema Unimed Missão, Visão e Valores da Unimed-Rio Missão: Oferecer soluções éticas e de qualidade em saúde, compartilhando

Leia mais

Calendário fiscal 2016

Calendário fiscal 2016 www.pwc.pt/tax Uma compilação das principais obrigações fiscais e parafiscais de periodicidade regular das pessoas coletivas e das pessoas singulares A PwC Os conteúdos aqui apresentados são de natureza

Leia mais

PARTICIPAÇÃO DO PORTO DE SANTOS SOBE PARA 30,8% NA BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA

PARTICIPAÇÃO DO PORTO DE SANTOS SOBE PARA 30,8% NA BALANÇA COMERCIAL BRASILEIRA Página 1 de 6 Atualizado às 11:04, 28-04-2016 Pesquisar... h cib ENTRAR Destaques Licenciamento ambiental pode deixar de existir Notícias Portos e logística PARTICIPAÇÃO DO PORTO DE SANTOS SOBE PARA 30,8%

Leia mais

Gabinete Medicina do Trabalho

Gabinete Medicina do Trabalho Gabinete Medicina do Trabalho Este gabinete foi criado em Março de 1996, tendo por base diversos contactos desenvolvidos pela União junto de diversas entidades, em que se incluem as empresas Associadas.

Leia mais

BONCRED LEASING S/A. - Arrendamento Mercantil MANUAL DE POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL (PRSA)

BONCRED LEASING S/A. - Arrendamento Mercantil MANUAL DE POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL (PRSA) BONCRED LEASING S/A. - Arrendamento Mercantil MANUAL DE POLÍTICA DE RESPONSABILIDADE SOCIOAMBIENTAL (PRSA) BONCRED LEASING S/A. ARRENDAMENTO MERCANTIL Manual de Política de Responsabilidade Socioambiental

Leia mais

Curriculum vitae. Área Funcional. Educação Ambiental. Gestão Ambiental. Formação. Eng.º Marco Ferraz

Curriculum vitae. Área Funcional. Educação Ambiental. Gestão Ambiental. Formação. Eng.º Marco Ferraz Área Funcional Educação Ambiental Gestão Ambiental Formação Curriculum vitae Eng.º Marco Ferraz Nome Correio electrónico Marco Alexandre dos Santos Ferraz Morada Praça Artur Santos Silva nº88, 5ºD, 4200-534

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE ANALÍTICA E GESTÃO ORÇAMENTAL

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE ANALÍTICA E GESTÃO ORÇAMENTAL PROGRAMA DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE ANALÍTICA E GESTÃO ORÇAMENTAL LICENCIATURA BI-ETÁPICA EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA ANO LECTIVO 2006/2007 3.º ANO ANUAL DOCENTE: Equiparado a Assistente do 1.º Triénio

Leia mais

O Ciclo da Gestão Pública: Planos Plurianuais, Orçamento e Execução Orçamentária. Joaquim Liberalquino E-mail: jliberalquino@globo.

O Ciclo da Gestão Pública: Planos Plurianuais, Orçamento e Execução Orçamentária. Joaquim Liberalquino E-mail: jliberalquino@globo. O Ciclo da Gestão Pública: Planos Plurianuais, Orçamento e Execução Orçamentária Joaquim Liberalquino E-mail: jliberalquino@globo.com LIVRO GBRSP O livro oferece uma abordagem didática para auxiliar na

Leia mais

Orçamento Empresarial

Orçamento Empresarial Controladoria Prof. Dr. Fábio Frezatti aula 07 Etapa Financeira Aula 7 Ao final desta aula você: - Inserirá o conceito de gastos, custos, despesas e investimentos na análise do orçamento. - Explicitará

Leia mais

Conferência FAUBAI 2016 reúne mais de 560 participantes para discutir internacionalização da educação superior

Conferência FAUBAI 2016 reúne mais de 560 participantes para discutir internacionalização da educação superior Conferência FAUBAI 2016 reúne mais de 560 participantes para discutir internacionalização da educação superior Encontro internacional realizado em Fortaleza, no Ceará, promoveu palestras, workshops e sessões

Leia mais

Eixo VI _ Assistência Técnica. VI.1. Gestão Operacional e Monitorização Estratégica

Eixo VI _ Assistência Técnica. VI.1. Gestão Operacional e Monitorização Estratégica _ Assistência Técnica CONTROLO DO DOCUMENTO Versão Data Descrição N. de Página 1ª 2008.05.15 5 Pág. 1 de 5 Objectivo Assegurar as condições adequadas para a gestão, acompanhamento, avaliação, monitorização

Leia mais

ÍNDICE GERAL. CP-cp 1:CP-cp 1.qxd 08-09-2011 15:59 Página 5 1. CONTABILIDADE PÚBLICA... 13

ÍNDICE GERAL. CP-cp 1:CP-cp 1.qxd 08-09-2011 15:59 Página 5 1. CONTABILIDADE PÚBLICA... 13 CP-cp 1:CP-cp 1.qxd 08-09-2011 15:59 Página 5 1. CONTABILIDADE PÚBLICA...................................... 13 1.1 Características......................................... 15 1.2 Princípios contabilísticos..................................

Leia mais

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE DE GESTÃO E CONTROLO ORÇAMENTAL I

PROGRAMA DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE DE GESTÃO E CONTROLO ORÇAMENTAL I PROGRAMA DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE DE GESTÃO E CONTROLO ORÇAMENTAL I ANO LECTIVO 2006/2007 3.º ANO 1.º SEMESTRE SEMESTRAL Docente: Assistente do 1.º Triénio Daniel Ferreira de Oliveira CARGA HORÁRIA

Leia mais

Termos de Referência para Serviços especializados de consultoria Individual na área de Arquitetura de Sistemas

Termos de Referência para Serviços especializados de consultoria Individual na área de Arquitetura de Sistemas Termos de Referência para Serviços especializados de consultoria Individual na área de Arquitetura de Sistemas Projeto de Modernização Fiscal do Tocantins (PMF/TO) Banco Interamericano de Desenvolvimento

Leia mais

ABERTURA CONTA DEPÓSITOS À ORDEM PESSOAS SINGULARES/ EMPRESÁRIOS EM NOME INDIVIDUAL FICHA DE INFORMAÇÃO DE CLIENTE

ABERTURA CONTA DEPÓSITOS À ORDEM PESSOAS SINGULARES/ EMPRESÁRIOS EM NOME INDIVIDUAL FICHA DE INFORMAÇÃO DE CLIENTE Balcão Data / / N.º Conta DO Ficha Inicial Ficha de Alteração IDENTIFICAÇÃO DE PESSOA SINGULAR/ENI Nome Completo Data de Nascimento / / Número de Identificação Fiscal Bilhete de Identidade/Cartão cidadão

Leia mais

EMBAIXADAS EM PORTUGAL

EMBAIXADAS EM PORTUGAL EMBAIXADAS EM PORTUGAL África do Sul Av. Luís Bivar, 10 1069 024 Lisboa Tel. 213192200 Fax: 213555931-213535713 E-mail: safrica@mail.eunet.pt Alemanha Campo dos Mártires da Pátria, 38 1169-043 Lisboa Endereço

Leia mais

Certificação da Qualidade e da Inovação. Ana Oliveira Preto

Certificação da Qualidade e da Inovação. Ana Oliveira Preto Certificação da Qualidade e da Inovação Ana Oliveira Preto Tópicos Breve apresentação da APCER A norma ISO 9001 A norma NP 4457 Certificação Apresentação APCER A APCER posiciona-se como parceiro global

Leia mais

Estamos presentes em todas as etapas da viagem. A sua empresa poderá contar com a qualidade do nosso atendimento.

Estamos presentes em todas as etapas da viagem. A sua empresa poderá contar com a qualidade do nosso atendimento. Gestão de Viagens Corporativas Estamos presentes em todas as etapas da viagem. A sua empresa poderá contar com a qualidade do nosso atendimento. Rua Pamplona, 1465 - Cj. 51/52 São Paulo 11 2574 1234 24hs

Leia mais

Business Consulting & Accounting OS NÚMEROS SÃO A NOSSA PALAVRA.

Business Consulting & Accounting OS NÚMEROS SÃO A NOSSA PALAVRA. Business Consulting & Accounting OS NÚMEROS SÃO A NOSSA PALAVRA. Um novo Conceito, numa só palavra. Compromisso, responsabilidade, informação e proximidade. Estas são as palavras fundamentais para a Acountia,

Leia mais

ATIVIDADE CONSULTORIA ESTRATÉGICA MARKETING E COMUNICAÇÃO ESTUDOS EVENTOS PUBLICAÇÕES FORMAÇÃO

ATIVIDADE CONSULTORIA ESTRATÉGICA MARKETING E COMUNICAÇÃO ESTUDOS EVENTOS PUBLICAÇÕES FORMAÇÃO 1 ATIVIDADE 6 ATIVIDADE CONSULTORIA ESTRATÉGICA MARKETING E COMUNICAÇÃO ESTUDOS EVENTOS PUBLICAÇÕES FORMAÇÃO 7 ESTUDOS Os estudos são ferramentas importantes para conhecer tendências, comportamentos, perfis

Leia mais

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES ENTIDADE EMPREGADORA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES ENTIDADE EMPREGADORA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES ENTIDADE EMPREGADORA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Pagamento de Contribuições Entidade Empregadora (2015 v4.05) PROPRIEDADE

Leia mais

OLIVEIRA TRUST DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS S.A.

OLIVEIRA TRUST DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. MAIO Rio de Janeiro, 27 de maio de 2013. À OLIVEIRA TRUST DISTRIBUIDORA DE TÍTULOS E VALORES MOBILIÁRIOS S.A. (na qualidade de administradora do TRX Realty Logística Renda I Fundo de Investimento Imobiliário

Leia mais

GESTÃO FINANCEIRA NAS FREGUESIAS DA REGIÃO CENTRO. A cooperação técnica e financeira entre a CCDRC e as Freguesias da Região Centro.

GESTÃO FINANCEIRA NAS FREGUESIAS DA REGIÃO CENTRO. A cooperação técnica e financeira entre a CCDRC e as Freguesias da Região Centro. GESTÃO FINANCEIRA A cooperação técnica e financeira entre a CCDRC e as Freguesias da Região Centro NAS FREGUESIAS DA REGIÃO CENTRO CCDRCentro 2011 Matriz da acção de formação O MODELO FINANCEIRO DAS FREGUESIAS

Leia mais

Women in business: o caminho para a liderança. Grant Thornton International Business Report 2015

Women in business: o caminho para a liderança. Grant Thornton International Business Report 2015 Women in business: o caminho para a liderança Grant Thornton International Business Report 2015 A liderança feminina mundial A proporção de mulheres em posição de liderança ao redor do mundo manteve-se

Leia mais

O Financiamento dos hospitais portugueses e a gestão da saúde das populações. Pedro Pita Barros Faculdade de Economia Universidade Nova de Lisboa

O Financiamento dos hospitais portugueses e a gestão da saúde das populações. Pedro Pita Barros Faculdade de Economia Universidade Nova de Lisboa O Financiamento dos hospitais portugueses e a gestão da saúde das populações Pedro Pita Barros Faculdade de Economia Universidade Nova de Lisboa Introdução Triângulo: Saúde das populações Financiamento

Leia mais

Obrigatoriedade de visto para estrangeiros que entram na Ucrânia. País Visto obrigatório/não obrigatório Nota *

Obrigatoriedade de visto para estrangeiros que entram na Ucrânia. País Visto obrigatório/não obrigatório Nota * Obrigatoriedade de visto para estrangeiros que entram na Ucrânia País Visto obrigatório/não obrigatório Nota * 1. Áustria Não é obrigatório o Visto para estadia 2. Afganistão PD possuidores de passaporte

Leia mais

Gestão do Conhecimento

Gestão do Conhecimento Encontro GIGCI Outubro, 2008 1 Grupo Gerdau 107 anos de existência Foco em siderurgia Mercado de capitais: Bovespa NYSE Latibex Toronto Brasil EUA Espanha Canadá Maior produtor de aços longos das Américas

Leia mais

Modelo cooperativo de publicação Eletrônica em paises em Desenvolvimento. Solange Santos Unidade SciELO BIREME/OPS/OMS

Modelo cooperativo de publicação Eletrônica em paises em Desenvolvimento. Solange Santos Unidade SciELO BIREME/OPS/OMS Modelo cooperativo de publicação Eletrônica em paises em Desenvolvimento Solange Santos Unidade SciELO BIREME/OPS/OMS Scientific Electronic Library Online Biblioteca Científica Electrónica em Linha Lançado

Leia mais

ECONOMIA TEXANA. Se o Texas fosse uma nação, seria a 13 a maior economia mundial. Produto Interno Bruto (PIB) 2013

ECONOMIA TEXANA. Se o Texas fosse uma nação, seria a 13 a maior economia mundial. Produto Interno Bruto (PIB) 2013 PORQUE O TEXAS? PORQUE O TEXAS? WHY TEXAS? ECONOMIA TEXANA Rank Nação Milhões de US$ 1 Estados Unidos* 16,244,600 2 China 8,227,103 3 Japão 5,959,718 4 Alemanha 3,428,131 5 França 2,612,878 6 Reino Unido

Leia mais

PROCEDIMENTO INTERNO

PROCEDIMENTO INTERNO 1. Objectivo Regulamentar a actividade do Gabinete de Auditoria Interna do Centro Hospitalar Cova da Beira, EPE. 2. Aplicação Gabinete de Auditoria Interna do Centro Hospitalar Cova da Beira, EPE. 3. Definições

Leia mais

Relatório Estatístico de Pedidos de Cooperação

Relatório Estatístico de Pedidos de Cooperação Relatório Estatístico de Pedidos de Cooperação Dezembro 2015 ********* TOTAL: 454 PEDIDOS DE COOPERAÇÃO ********************** Por Ano Quantidade Percentual do Total Pesquisado 2015 454 100.00% Por Tipo

Leia mais

DECOMTEC Departamento de Competitividade e Tecnologia

DECOMTEC Departamento de Competitividade e Tecnologia Departamento de Competitividade e Tecnologia Custo Brasil e câmbio valorizado: Efeitos na produtividade da Indústria de Transformação José Ricardo Roriz Coelho Vice Presidente da FIESP Diretor Titular

Leia mais

Preçário UNION DE CREDITOS INMOBILIARIOS, S.A., EFC - SUCURSAL EM PORTUGAL

Preçário UNION DE CREDITOS INMOBILIARIOS, S.A., EFC - SUCURSAL EM PORTUGAL Preçário UNION DE CREDITOS INMOBILIARIOS, S.A., EFC - SUCURSAL EM INSTITUIÇÕES FINANCEIRAS DE CRÉDITO COM SEDE EM ESTADO-MEMBRO DA UNIÃO EUROPEIA Consulte o FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Consulte o FOLHETO

Leia mais

Mercados. informação regulamentar. Portugal Acordos Bilaterais Celebrados

Mercados. informação regulamentar. Portugal Acordos Bilaterais Celebrados Mercados informação regulamentar Portugal Acordos Bilaterais Celebrados Março 2010 Índice 5 NOTA DE PRÉVIA 6 ENQUADRAMENTO GERAL A 7 ÁFRICA DO SUL 7 ALBÂNIA 7 ALEMANHA 8 ANDORRA 8 ANGOLA 9 ANGUILLA 9 ARGÉLIA

Leia mais