Este documento tem por objetivo a definição das especificações necessárias para transmissão de Conhecimento de Transporte eletrônico - CT-e.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Este documento tem por objetivo a definição das especificações necessárias para transmissão de Conhecimento de Transporte eletrônico - CT-e."

Transcrição

1 Conhecimento de Transporte Eletrônico OBJETIVO Este documento tem por objetivo a definição das especificações necessárias para transmissão de Conhecimento de Transporte eletrônico - CT-e. CONSIDERAÇÕES O CT-e é um documento de existência exclusivamente digital, emitido e armazenado eletronicamente com o intuito de documentar prestações de serviço de transporte, com validade jurídica garantida pela assinatura digital do emitente e pela "Autorização de Uso" fornecida pela administração tributária do domicílio do contribuinte. Os documentos fiscais eletrônicos simplificam o cumprimento das obrigações acessórias a que os contribuintes estão sujeitos e permitem ao Fisco um melhor acompanhamento das operações comerciais, mostrando-se uma solução vantajosa para todos os envolvidos nas transações com estes documentos. A possibilidade do uso de documentos fiscais eletrônicos em substituição aos documentos tradicionalmente emitidos em papeis está prevista no parágrafo único da cláusula segunda do Protocolo ENAT 03/2005. O Conhecimento de Transporte Eletrônico (Modelo 57) é um documento fiscal eletrônico, instituído pelo AJUSTE SINIEF 09/07 (25/10/2007), que poderá ser utilizado para substituir um dos seguintes documentos fiscais: Conhecimento de Transporte Rodoviário de Cargas, modelo 8. Conhecimento de Transporte Aquaviário de Cargas, modelo 9. Conhecimento Aéreo, modelo 10. Conhecimento de Transporte Ferroviário de Cargas, modelo 11. Nota Fiscal de Serviço de Transporte Ferroviário de Cargas, modelo 27. Nota Fiscal de Serviço de Transporte, modelo 7, quando utilizada em transporte de cargas. UTILIZAÇÃO Na tela de Emissão de Conhecimento de Transporte localizada em: " Transportes Movimentos Emissão de Conhecimentos", foram adicionados novos campos como mostra a Figura 1.

2 Figura 1 - Tela de Emissão de Conhecimento de Transporte Campos no cabeçalho do Conhecimento de Transporte: Tipo CT-e: Tipo do CT-e (0 - CT-e Normal / 1 - CT-e de Complemento de Valores / 2 - CT-e de Anulação de Valores / 3 - CT-e Substituto). Tipo Serviço CT-e: Tipo do Serviço (0 - Normal / 1 - Subcontratação / 2 - Redespacho / 3 - Redespacho Intermediário). Município Início: Município de início da prestação de serviço. Município Fim: Município do término da prestação de serviço. UF Início: Unidade Federativa de início da prestação de serviço. UF Fim: Unidade Federativa do término da prestação de serviço. Campos na guia Informações Complementares: RNTRC: Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Carga. Entrega Prevista: Data prevista para entrega da carga no Recebedor. Produto Predomintante: Informar a descrição do produto predominante. CIOT: Código Identificador da Operação de Transporte, também Conhecido como conta frete. Receb. Retira: Indicador se o Recebedor retira no Aeroporto, Filial, Porto ou Estação de Destino (Sim / Não). Ind. Lotação: Indicador de Lotação (Sim / Não). Obs. Será lotação quando houver apenas 1 tomador do serviço por veículo, ou combinação veicular, e por viagem. Chave CT-e Ref.: Chave de acesso do CT-e referenciado. Campos no Rodapé do Conhecimento de Transporte (Figura 2): Notas Fiscais: As informações referentes a composição de notas fiscais foram alteradas, sendo necessário preencher informações diferentes conforme o modelo da nota fiscal. Cargas: Inclusão das cargas para o conhecimento de transporte visualizado. Seguro: Informação dos dados da seguradora. Complemento: Inclusão dos serviços para o conhecimento de transporte visualizado. Figura 2 - Rodapé da tela Emissão de Conhecimento de Transporte Caso o usuário selecione a série do conhecimento de transporte que esteja configurada como modelo 57, ao clicar no botão Notas Fiscais abrirá uma tela para incluir os detalhes das notas e/ou a chave da DANFE (NF-e)

3 para o conhecimento de transporte visualizado. TRANSMISSOR ELETRÔNICO A tela de Transmissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico está localizada em: " Transportes Processos Transmissão de Conhecimentos de Transporte Eletrônicos (CT-e)". O sistema exibirá a tela abaixo: Figura 3 - Tela de Transmissão de Conhecimento de Transporte. De maneira simplificada, a empresa emissora de CT-e gerará um arquivo eletrônico contendo as informações fiscais da prestação de serviço de transporte, que deverá ser assinado digitalmente, de maneira a garantir a integridade dos dados e a autoria do emissor. Este arquivo eletrônico, que corresponderá ao Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e), será transmitido pela Internet para a Secretaria de Fazenda Estadual de jurisdição do contribuinte emitente. Esta tela é responsável por diversas operações, tais como: Impressão de DACTES. Cancelamento de conhecimento de transporte. Inutilização de conhecimento de transporte. Consultas de lote e cadastros via WebService. Envio de . NAVEGAÇÃO A navegação entre as diversas funções é realizada através do menu lateral esquerdo, como mostra a Figura 4: Automático Manual Transmitir CTe Completo: realiza a transmissão para o SEFAZ dos conhecimentos de transporte selecionados. Imprimir CTe: impressão uma representação gráfica simplificada do Conhecimento de Transporte Eletrônico, intitulada DACTE (Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico). Validar XML: verifica se o arquivo xml selecionado é válido. Juntar CTe + Protocolo: realiza a junção do protocolo no arquivo xml.

4 envio de para o tomador do serviço de transporte. Imprimir CTe: mesma função descrita acima. Complementos Cancelar CTe: cancela no SEFAZ um documento conhecimento de transporte. Inutilizar CTe: informa ao SEFAZ a inutilização de uma numeração de documentos. Consultar CTe / Lote: consulta lote de conhecimentos de transporte via WebService. Consultar Cadastro / Serviço: consulta cadastro e status do serviço via WebService. Parametrização Configurações: configurações gerais da aplicação. Configuração de configuração para a transmissão de automático / manual. Figura 4 - Barra de navegação lateral. CONFIGURAÇÃO INICIAL Para o primeiro acesso realize a navegação através do menu lateral, clicando em " Parametrização Configuraçõ es ". O sistema exibirá a tela abaixo:

5 Figura 5 - Configurações. Nesta tela para o quadro "Xml" é informado as pastas que conterão os arquivos xml referentes a consulta, cancelamento, inutilização, etc. Importante ressaltar que o campo "Versão XML" deve ser mantido atualizado conforme as novas versões de layout disponibilizadas pelo SEFAZ. Figura Configurações das pastas. Recomendamos a utilização de pastas distintas para melhor organização. No quadro " Geral" é informado as configurações de impressão da DACTE e Ambiente. Importante ressaltar os seguintes campos: Ambiente: Produção ou Homologação. O ambiente de homologação é específico para a realização de testes e integração das aplicações do contribuinte durante a fase de implementação e adequação do sistema de emissão de CT-e. Tipo Ambiente: NORMAL - Padrão do SEFAZ, Contingência FSDA - Formulário de Segurança - (Caso

6 tenha problema de envio no cliente) exige papel especial na gráfica para uso, SVC-RS e SVC-SP - são ambientes virtuais, caso o SEFAZ esteja com problemas ou o estado não atende o serviço solicitado. Figura Configurações gerais. No quadro "Proxy" é informado as configurações de proxy do servidor: Clique em " Salvar". Figura Configurações de Proxy. O próximo passo é realizar a Configuração de , clicando em " ". Parametrização Configuração de O sistema exibirá a tela abaixo:

7 Figura 6 - Configuração de No quadro "Servidor" informe as configurações do servidor de envio de e a mensagem padrão a ser enviada ( Figura 6.1). Importante ressaltar a caixa de seleção " Enviar Automático" possui o padrão marcado como verdadeiro, implica no envio de ao termino da transmissão automática.

8 Figura Configuração de - Servidor O botão "Pré-Definidos" exibe os parâmetros que podem ser utilizados para a customização da mensagem (Fig ura 6.2). Figura Configuração de - campos pré-definidos.

9 Após as configurações, clique em " Salvar". UTILIZAÇÃO PROCESSO AUTOMÁTICO A partir deste ponto, seu sistema está configurado e apto a realizar as operações do Conhecimento de Transporte Eletrônico. Na tela principal do sistema você poderá realizar os seguintes filtros: Série do conhecimento de transporte (se deixado em branco buscará por todas a séries). Período de número do conhecimento de transporte. Período de datas de emissão. Exibir os conhecimentos de transporte já autorizados pelo SEFAZ. Conhecimentos de transporte gerados em FS-DA. Preencha os campos desejados em " Filtrar" ou pressione a tecla "F5". O sistema realizará o filtro informado, exibindo na grade de registros os documentos que atendam o critério.esta grade de registros permite efetuar filtros através da utilização dos cabeçalhos da coluna. As colunas podem ser arrastadas para o campo superior e esta ação permite a geração de tabelas dinâmicas, que proporcionam a flexibilidade de construir filtros mais apurados para o controle da informação. O próximo passo é a seleção dos conhecimentos de transporte que deseja fazer a transmissão. A seleção deve ser feita clicando sobre a caixa de seleção ou pressionando a tecla " ENTER". Os conhecimentos de transporte selecionados serão enviados em "lote" para o SEFAZ. Sendo assim, sugere-se que seja selecionado no máximo 50 documentos por lote, pois existe restrição do tamanho máximo do arquivo a 500 kb (importante salientar que a restrição se dá por parte do SEFAZ e não do transmissor do TI9 ) causando rejeição caso exceda o limite de tamanho. Ainda que não selecionado 50 documentos, pode haver a exceção de tamanho devido ao número de itens na descrição de "Produtos" ou "Serviços". Figura 7 - Tela Principal. Após a seleção, no menu lateral em clique em " Automático Transmitir CTe Completo". Aparecerá uma nova janela para a seleção do certificado, selecione o correto ( caso seja exibido mais de um). Clique em "OK" e acompanhe as mensagens na tela de status a cada processo, conforme o modelo abaixo: No primeiro momento o sistema irá gerar o XML com os CTe selecionados, assinará o XML, após efetuará a validação com os schemas do SEFAZ, caso encontre alguma falha exibirá uma tela com o(s) erro(s) e cancela o envio deste lote, caso contrario iniciará a transmissão do lote ao SEFAZ, no qual deve retornar um número de

10 Recibo para cada lote transmitido. Para cada lote transmitido se tem um recibo, onde o sistema efetuará a consulta de cada lote, exibindo o retorno de todas as CTe de um lote de uma vez, até exibir todos os lotes, em seguida o sistema fará a junção da CTe + Protocolo de autorização (caso autorizado) para enviar o ao seu cliente/destinatário (se parametrizado para enviar automaticamente), podendo imprimir o DACTE a qualquer momento, caso um ou mais CTe for rejeitado será exibido a informação na tela onde o usuário poderá tomar as providencias necessárias. Passo a passo: 1 - Selecionar os CTe a serem transmitidos. 2 - Sistema irá gerar o XML, Assinar e quebrar em Lote(s) conforme necessidade. 3 - Sistema válida o xml de Lote gerado com os schemas do SEFAZ caso tenha erro(s) é exibido na tela pro usuário, caso esteja OK, continua no item Sistema envia o Lote (XML) para o SEFAZ e salva o recibo de transmissão de cada lote (exibe na tela). 5 - Sistema consulta o(s) recibo(s) e exibe o processamento de cada CTe na tela. 6 - Se o CTe foi autorizado, o sistema ( dependendo da parametrização) envia o ao destinatário com o XML em anexo, caso seja rejeitado este CTe é ignorado e exibido um aviso ao usuário do motivo da rejeição. 7 - Opcionalmente o usuário poderá imprimir o DACTE via impressora ou PDF conforme escolha pela tela de "Imprimir CTe". PROCESSO MANUAL No menu lateral clique em " Manual Validar XML". O sistema abrirá uma janela solicitando a seleção do XML a ser validado. Escolha o arquivo assinado ( se seguido a sugestão, estará na pasta pré-definida na configuração). Uma vez selecionado, o arquivo será validado. Figura 8 - Validar XML.

11 Próximo passo é a junção do Conhecimento de Transporte com o protocolo de autorização. No menu lateral clique em " Manual Juntar CTe + Protocolo". O sistema abrirá a janela abaixo onde será possível realizar a junção de duas maneiras: Junção Automática: informe a série, número do conhecimento de transporte e o lote. Pressione o botão "Juntar". Junção Manual: informe o xml de lote e o xml de protocolo. Pressione o botão "Juntar". Figura 9 - Juntar CTe + Protocolo. Depois que os dados foram juntados, o sistema exibirá uma tela informando que os dados foram considerados. Será questionado se deseja enviar por . Após esta operação será exibida a tela abaixo de envio de . Esta tela pode ser acessada também no menu lateral, clique em " Manual ".

12 Figura No quadro " Anexos " deverá ser anexado o arquivo XML, basta clicar no botão "Adicionar". No quadro " Destinatários" clique em "Adicionar" para incluir ou em "Remover" para excluir um endereço de . Estes s serão indexados para o envio destes documentos. Selecione se houver necessidade de enviar com cópia ou cópia oculta e clique em OK. No quadro " Assunto / Mensagem" os campos já devem possuir um assunto e uma mensagem pré-definidas na parametrização. No entanto, pode-se modificar o texto a seu critério. Clique em " Enviar ". O sistema emitirá uma mensagem de sucesso do envio do . Após este processo é necessário a impressão da DACTE. O DACTE não é o Conhecimento de Transporte Eletrônico, nem o substitui, serve apenas como instrumento auxiliar para o transporte da mercadoria e para a consulta do CT-e por meio da chave de acesso numérica ali impressa, representada e impressa em código de barras. Permite ao detentor do documento

13 confirmar ao efetiva existência do CT-e, por meio dos sítios das Secretarias de Fazenda Estaduais autorizadoras ou Receita Federal do Brasil. Esta tela pode ser acessa no menu lateral, clique em " Manual Imprimir Cte" ou " Automático Imprimir Cte". Esta tela possui filtros idênticos aos realizados na tela principal do emissor, basta escolher os critérios que desejar e clicar em "Listas CTs". Os documentos correspondentes ao critério serão exibidos na grade de registros. Para leitura de um documento XML basta selecionar o arquivo e clicar em "Ler CTs do XML". Selecione os documentos e clique em imprimir. Figura 11 - Impressão de Dactes. COMPLEMENTOS Cancelamento de Conhecimento de Transporte: no menu lateral clique em " Complementos Cancelar CTe". O sistema exibirá a tela abaixo onde deve ser preenchido série e número do conhecimento de transporte. Após o preenchimento clique em " Recuperar Protocolo e Chave". O sistema localizará o protocolo e a chave correspondente ao Conhecimento de Transporte escolhido e exibirá a tela de confirmação do certificado. Clique em " OK" para submeter o cancelamento ao SEFAZ. Para que possa ser utilizado este procedimento, o conhecimento de transporte deve ter sido submetido previamente ao SEFAZ

14 Figura 12 - Cancelar CTe. Inutilização de Conhecimento de Transporte: no menu lateral clique em " Complementos Inutilizar CTe". O sistema exibirá a tela abaixo onde deve ser preenchido a Justificativa da inutilização, série, modelo do documento ( 57 - conhecimento de transporte) e o intervalo de documentos que deseja inutilizar (se for somente um, repita o número para os dois campos). Pressione o botão " Inutilizar Numeração de CTe". Figura 13 - Inutilizar CTe. Consultar CTe/Lote: no menu lateral clique em " Complementos Consultar CTe/Lote". O sistema exibirá a tela abaixo onde deve ser preenchido série e número do conhecimento de transporte. Após o preenchimento clique em " Recuperar Dados". O sistema localizará a chave e o número do recibo correspondente ao Conhecimento de Transporte escolhido. Caso não seja exibido clique em " Consultar CTe" e o sistema solicitará o certificado novamente. Informe o certificado e clique em " OK". Será exibido a chave da CTe. O mesmo se aplica ao " Cons ultar Lote" Figura 14 - Consultar Lote CTe.

15 Consultar CTe/Lote: no menu lateral clique em " Complementos Consultar Cadastro/Serviço". O sistema exibirá a tela abaixo onde deve ser preenchido um dos três campos a seguir: Inscrição Estadual, CNPJ ou CPF. Clique em "Consultar Cadastro" e o sistema exibirá uma tela confirmando se o cadastro do emitente ou emissor está devidamente habilitado para emissão do CTe. Pressione o botão "Consultar Status do Serviço" o sistema verificará se o servidor do SEFAZ está em operação. O sistema solicitará o certificado. Clique em " OK" e o status do servidor será exibido. Figura 15 - Consultar Cadastro/ Status Serviço

Manual de Utilização

Manual de Utilização Manual de Utilização Versão 3.10 Sumário 1 Funções do Emissor... 3 1.1 Aba Inicial... 4 1.2 Aba Sistema... 5 1.2.1 Mensagem Sistema... 5 1.2.2 Extras... 6 1.2.3 Contingência... 6 1.2.4 Execução... 7 1.3

Leia mais

Tutorial para emissão de NF-e

Tutorial para emissão de NF-e Tutorial para emissão de NF-e Conteúdo 1.Configuração do Módulo de NF-e... 2 1.1.Códigos Fiscais... 3 1.2.Contas Contábeis... 4 1.3.Conta corrente... 6 2.Emissão de NF-e... 8 2.1.Gerar NF-e... 9 2.2.NF-e

Leia mais

Manual do Usuário do Produto EmiteNF-e. Manual do Usuário

Manual do Usuário do Produto EmiteNF-e. Manual do Usuário Manual do Usuário Produto: EmiteNF-e Versão: 1.2 Índice 1. Introdução... 2 2. Acesso ao EmiteNF-e... 2 3. Configurações Gerais... 4 3.1 Gerenciamento de Usuários... 4 3.2 Verificação de Disponibilidade

Leia mais

Manual do Registro de Saída da Nota Fiscal Eletrônica. Procedimentos e Especificações Técnicas

Manual do Registro de Saída da Nota Fiscal Eletrônica. Procedimentos e Especificações Técnicas Manual do Registro de Saída da Nota Fiscal Eletrônica Procedimentos e Especificações Técnicas Versão 1.01 Maio 2012 ÍNDICE INTRODUÇÃO GERAL... 3 MODELO OPERACIONAL... 4 REGISTRO DE SAÍDA - SITUAÇÃO NORMAL...

Leia mais

Tutorial de Notas Fiscais Eletrônicas

Tutorial de Notas Fiscais Eletrônicas Tutorial de Notas Fiscais Eletrônicas Geração e transmissão de NF-e Após preencher os dados da nota fiscal, se não houver alguma informação faltando, o sistema sugere a geração do arquivo texto necessário

Leia mais

Conhecimento de Transporte

Conhecimento de Transporte Página1 Conhecimento de Transporte No menu de navegação, este item é a opção para emissão e administração dos Conhecimentos de Transporte do sistema. Para acessar, posicione o mouse no local correspondente

Leia mais

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE

MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE MUNICÍPIO DE ESTEIO SECRETARIA MUNICIPAL DE FAZENDA NOTA FISCAL DE SERVIÇOS ELETRÔNICA - NFS-E MANUAL DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO APLICATIVO ON-LINE Versão 1.0.5 Março/2014 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 6 2.

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA

NOTA FISCAL ELETRÔNICA NOTA FISCAL ELETRÔNICA Instalação do certificado digital Para cada empresa certificadora existe um manual de instalação. Antes de emitir o certificado no cliente, leia atentamente as instruções do manual.

Leia mais

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Procedimentos de Configuração no CalcExpress....2 Procedimentos de Configuração no Emissor de Nota Fiscal Eletrônica...3 Gerando Arquivo

Leia mais

e-nota NFC-e PR Nota Fiscal de Consumidor eletrônica Versão Gratuita - Paraná

e-nota NFC-e PR Nota Fiscal de Consumidor eletrônica Versão Gratuita - Paraná e-nota NFC-e PR Nota Fiscal de Consumidor eletrônica Versão Gratuita - Paraná Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página1 Índice 1. O que é NFC-e?... 03 2. Safeweb enota NFC-e PR...

Leia mais

NFe e NFCe Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE?

NFe e NFCe Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE? Como emitir nota fiscal pelo Lince? COMO EMITIR NOTA FISCAL PELO LINCE? O que é a Nota Fiscal Eletrônica? Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) tem como intuito emitir e armazenar eletronicamente, para fins fiscais,

Leia mais

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda

Versão para atualização do Gerpos Retaguarda Versão para atualização do Gerpos Retaguarda A Gerpos comunica a seus clientes que nova versão do aplicativo Gerpos Retaguarda, contendo as rotinas para emissão da Nota Fiscal Eletrônica, já está disponível.

Leia mais

MANUAL DE EMISSÃO DA CL-e

MANUAL DE EMISSÃO DA CL-e PROJETO CAPA DE LOTE ELETRÔNICA (CL-e) MANUAL DE EMISSÃO DA CL-e Versão 1.5 Outubro de 2010 1/13 SUMÁRIO Informações Gerais... 3 Acessando o Portal da CL-e... 4 Acessando o Módulo Emissor da CL-e... 5

Leia mais

Copyrigth 2011. ERSystem Sistemas de Informações e Tecnologia. Todos Direitos Reservados. visite nosso site www.ersystem.com.

Copyrigth 2011. ERSystem Sistemas de Informações e Tecnologia. Todos Direitos Reservados. visite nosso site www.ersystem.com. Manual do CT-e. (Conhecimento de Transporte Eletrônico) no SistranNet 3.0 Página 1 Índice Introdução 03 Conceitos do CT-e 04 Histórico do documento fiscal eletrônico 05 Descrição Simplificada do Modelo

Leia mais

Respostas - Perguntas Frequentes - versão 02/2009

Respostas - Perguntas Frequentes - versão 02/2009 Conhecimento de Transporte Eletrônico CTe Respostas Perguntas Frequentes versão 02/2009 I. Conceito, uso e obrigatoriedade da CTe 1. O que é o Conhecimento de Transporte Eletrônico CTe? Podemos conceituar

Leia mais

Conhecimento de Transporte Eletrônico - CT-e

Conhecimento de Transporte Eletrônico - CT-e Conhecimento de Transporte Eletrônico - CT-e Sumário: 1. Orientações Gerais:... 3 1.1 Cadastros Básicos:... 3 1.2 Conhecimento de Transporte Eletrônico CTe:... 3 1.3 Tela inicial:... 4 2. CT-e (Conhecimento

Leia mais

Megasale NFe. 2013 Aob Software Informatica ltda

Megasale NFe. 2013 Aob Software Informatica ltda 2 Tabela de Conteúdo Nota Fiscal Eletrônica 3 1 Tela de... Acesso 4 Digitalizando o Pedido 4 1 Preenchendo... o Item 6 2 Recebimento... A Vista 7 3 Recebimento... A Prazo 7 Gerando Proposta Comercial Emissão

Leia mais

Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE

Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE Manual de Instrução Emissor de Nota Fiscal Eletrônica OSEDE Fernandópolis SP Emissão de NFe Na aba NF-e clique no botão Gerar XML. Na tela de geração do XML, terá 2 tipos de emissão: Normal e Rápida, onde

Leia mais

M D F -e CONSIDERAÇÕES INICIAIS

M D F -e CONSIDERAÇÕES INICIAIS M D F -e CONSIDERAÇÕES INICIAIS Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais (MDF-e) é o documento emitido e armazenado eletronicamente, de existência apenas digital, para vincular os documentos fiscais

Leia mais

Manual de Utilização. Versão 1.0.0

Manual de Utilização. Versão 1.0.0 Manual de Utilização Versão 1.0.0 Sumário 1 Funções do Emissor... 3 1.1 Aba Sistema... 4 1.2 Aba Certificados... 4 1.3 Aba Recebimento de E-mail... 5 1.4 Aba Saída de Dados... 6 1.5 Aba Proxy... 7 1.6

Leia mais

DF-e Manager Manual de uso Serviço de Envio ao Recebimento Novembro de 2015

DF-e Manager Manual de uso Serviço de Envio ao Recebimento Novembro de 2015 DF-e Manager Manual de uso Serviço de Envio ao Recebimento Novembro de 2015 Copyright 2015 Synchro Solução Fiscal Brasil Conteúdo 1. Introdução... 1 2. Processo de recepção do DF-e Manager... 1 2.1. Requisitos

Leia mais

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual

Aplicativo da Manifestação do Destinatário. Manual Aplicativo da Manifestação do Destinatário Manual Novembro de 2012 1 Sumário 1 Aplicativo de Manifestação do Destinatário...4 2 Iniciando o aplicativo...4 3 Menus...5 3.1 Manifestação Destinatário...5

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo:

GUIA DE ORIENTAÇÃO. 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: GUIA DE ORIENTAÇÃO 1- Para acessar o sistema é necessário seguir os passos abaixo: 1.1 - ACESSAR O SITE DA PREFEITURA: 1.2 - CLICAR NA OPÇÃO: SERVIÇOS >> NOTA FISCAAL ELETRÔNICA 1.3 - Aguarde carregar

Leia mais

UNICOM / SEFAZ-MS / Jan. 2015 - Versão 1.00

UNICOM / SEFAZ-MS / Jan. 2015 - Versão 1.00 UNICOM / SEFAZ-MS / Jan. 2015 - Versão 1.00 Manual para Emissão da Carta de Correção eletrônica (CT-e) Este Manual tem como finalidade a apresentação do procedimento operacional de uma Carta de Correção

Leia mais

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O

Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Roteiro de Instalação da NF-e no Sistema CalcExpress S U M À R I O Instalação da Aplicação Java...2 Instalação do Emissor...5 Instalação do Framework...7 Instalação das DLL s URL, SCHEMAS, CADEIA DE CERTIFICADO

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa

Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa Nota Fiscal Eletrônica Avulsa Tributada NF-e Avulsa 1 TRIBUTADA. MANUAL PARA EMISSÃO. 2014. INTRODUÇÃO A Nota Fiscal Eletrônica Avulsa - NF-e avulsa implementada pela Secretaria de Estado da Fazenda do

Leia mais

Gestão inteligente de documentos eletrônicos

Gestão inteligente de documentos eletrônicos Gestão inteligente de documentos eletrônicos MANUAL DE UTILIZAÇÃO VISÃO DE EMPRESAS VISÃO EMPRESAS - USUÁRIOS (OVERVIEW) No ELDOC, o perfil de EMPRESA refere-se aos usuários com papel operacional. São

Leia mais

Boletim Técnico. É imprescindível a atualização do TSS para a versão 2.29 ou superior, para o funcionamento adequado da nova versão do MDF-e 2.0a.

Boletim Técnico. É imprescindível a atualização do TSS para a versão 2.29 ou superior, para o funcionamento adequado da nova versão do MDF-e 2.0a. Nova Versão do CTE 2.0 Produto : Microsiga Protheus Gestão de Transportes versão 10 Chamado : TI9545 Data da publicação : 03/12/13 País(es) : Brasil Banco(s) de Dados Todos Disponibilizada na rotina Manifesto

Leia mais

EDIG MANUAL DO USUÁRIO

EDIG MANUAL DO USUÁRIO EDIG MANUAL DO USUÁRIO Av. Duque de Caxias, 882 - Maringá, PR Telefone: (44) 3033-6300 SÚMARIO Introdução... 4 Cadastros... 4 Empresas... 4 Certificados... 5 Doc. Emitidos... 7 Monitor de Operações...

Leia mais

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166

Tel. (0xx11) 3038-1150 Fax (0xx11) 3038-1166 Sistema Nota Já Este manual tem por objetivo apresentar o sistema NotaJá a fim de auxiliar o usuário com todos os processos de cadastro, lançamentos de notas, cancelamentos, inutilizações, notas complementares

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

GERENCIAMENTO DE NF-e (VEND0079)

GERENCIAMENTO DE NF-e (VEND0079) GERENCIAMENTO DE NF-e (VEND0079) 1. IDENTIFICAÇÃO DAS INFORMAÇÕES NA TELA.... 2 2. FUNCIONALIDADES.... 3 2.1 EMISSÕES DE NOTAS... 3 2.2 DESTINATÁRIO DE NF-E... 4 2.3 ENVIAR NOTA POR E-MAIL... 7 2.4 VISUALIZAÇÃO...

Leia mais

Nota Fiscal Eletrônica... 5. Conceitos... 6. DANFE comum e DANFE em contingência... 7. Principais dúvidas... 8. Considerações... 9

Nota Fiscal Eletrônica... 5. Conceitos... 6. DANFE comum e DANFE em contingência... 7. Principais dúvidas... 8. Considerações... 9 Cartilha NF-e 1 Sumário Nota Fiscal Eletrônica... 5 Conceitos... 6 DANFE comum e DANFE em contingência... 7 Principais dúvidas... 8 Considerações... 9 Procedimento para operacionalização da NF-e... 10

Leia mais

MANUAL DE EMISSÃO DO CONHECIMENTO DE TRANSPORTE ELETRÔNICO CT-e

MANUAL DE EMISSÃO DO CONHECIMENTO DE TRANSPORTE ELETRÔNICO CT-e MANUAL DE EMISSÃO DO CONHECIMENTO DE TRANSPORTE ELETRÔNICO CT-e INICIANDO O SISTEMA Ao iniciar o sistema, selecione a empresa e clique no botão iniciar. CADASTRO DE CLIENTES O sistema utiliza um cadastro

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE

GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE GUIA RÁPIDO DE UTILIZAÇÃO DO PORTAL DO AFRAFEP SAÚDE INTRODUÇÃO O portal do Afrafep Saúde é um sistema WEB integrado ao sistema HEALTH*Tools. O site consiste em uma área onde os Usuários e a Rede Credenciada,

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e)

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES. NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO DE BIGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DA FAZENDA GUIA DE ORIENTAÇÕES NOTA FISCAL ELETRÔNICA DE SERVIÇOS (NFS-e) Diretoria Geral de Tributos Biguaçu, Janeiro de 2012 INTRODUÇÃO

Leia mais

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA

Manual de Instruções ISS WEB SISTEMA ISS WEB. Sil Tecnologia LTDA SISTEMA ISS WEB Sil Tecnologia LTDA Sumário INTRODUÇÃO 3 1. ACESSO AO SISTEMA 4 2. AUTORIZAR USUÁRIO 5 3. TELA PRINCIPAL 6 4. ALTERAR SENHA 7 5. TOMADORES DE SERVIÇO 7 5.1 Lista de Declarações de Serviços

Leia mais

- Nota Fiscal Eletrônica -

- Nota Fiscal Eletrônica - Manual Portal de Clientes e Transportadores - Nota Fiscal Eletrônica - ÍNDICE. INTRODUÇÃO 3. OBJETIVO 3.2 ABRANGÊNCIA 3 2. FUNCIONALIDADES 3 2. CADASTRO DE CLIENTES NO PORTAL 3 2.2 CONSULTA NOTAS FISCAIS

Leia mais

NF-e Procedimentos e Operações

NF-e Procedimentos e Operações NF-e Procedimentos e Operações - Cores : Amarela - Nota Fiscal cadastrada no insig com emissão ainda não autorizada pela SEFAZ Verde Nota Fiscal com emissão autorizada pela SEFAZ Vermelha Nota Fiscal com

Leia mais

2. Corrigida a pesquisa e filtro por grupo de estoque nível 1 que em alguns casos fazia com que o relatório fosse exibido em branco.

2. Corrigida a pesquisa e filtro por grupo de estoque nível 1 que em alguns casos fazia com que o relatório fosse exibido em branco. Release 3.99 Resumo das alterações Gerais Faturamento ERP-22761 Nota Fiscal Eletrônica v3.0 (XML) Falha na transmissão da NF-e Ao transmitir uma NF de entrada com frete internacional do tipo "Courrier",

Leia mais

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11

ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 MANUAL DE USO DO SISTEMA GOVERNO DIGITAL ÍNDICE ANALÍTICO: 1.0. CADASTRO DE CONTABILISTAS... 4 1.1. Primeiro Acesso... 4 1.2. Visão Geral... 11 2.0. SOLICITAÇÕES DE AIDF E AUTORIZAÇÃO DE EMISSÃO DE NOTA

Leia mais

OPERAÇÃO NF-E MASTERSAF DF-E

OPERAÇÃO NF-E MASTERSAF DF-E MASTERSAF DF-E ÍNDICE Fluxo NF-e SEFAZ... 1 Fluxo do NF-e Mastersaf... 1 Emissão de NF-e...2 Ícones do Produto...5 Atualização do Licenciamento...5 Painéis de Consulta...6 Ordenação dos Grids... 6 Visualizar

Leia mais

MANIFESTO ELETRÔNICO DE DOCUMENTOS FISCAIS (MDF-e) NO TRC

MANIFESTO ELETRÔNICO DE DOCUMENTOS FISCAIS (MDF-e) NO TRC MANIFESTO ELETRÔNICO DE DOCUMENTOS FISCAIS (MDF-e) NO TRC 1 Conceito do MDF-e: MDF-e é o documento emitido e armazenado eletronicamente por contribuinte credenciado pela Secretaria da Fazenda como emitente

Leia mais

Informativo de Versão 18.12

Informativo de Versão 18.12 Informativo de Versão 18.12 Índice ERP Posto... 2 Cadastro Contrato de Abastecimento (Chamado 21982)... 2 Resulth Business... 3 Entrada de Produtos (Chamado 24400)... 3 ERP Faturamento... 4 Consulta Preço

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota

MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota EBM ASSESSORIA E CONSULTORIA EM INFORMÁTICA LTDA MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA e-nota PRESTADOR / CONTADOR Índice 1- Nota fiscal eletrônica 2- Cadastro 3- Contador 4- Livro

Leia mais

Manual de Instruções. Programa para Baixar e Transmitir Arquivos XML XML CONQUER MÓDULO TRANSMISSOR

Manual de Instruções. Programa para Baixar e Transmitir Arquivos XML XML CONQUER MÓDULO TRANSMISSOR 1 Manual de Instruções Programa para Baixar e Transmitir Arquivos XML XML CONQUER MÓDULO TRANSMISSOR Sumário Apresentação... 2 Instalação... 3 Utilização... 4 Menu Cadastro... 5 XML NFE Notas Emitidas

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Acesso ao Sistema - Pessoa Física Acesso ao Sistema - Pessoa Física Página 2 de 37 Índice ÍNDICE... 2 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS... 4 1.1. DEFINIÇÃO... 4 1.2. OBRIGATORIEDADE DE EMISSÃO DA NFS-E... 4 1.3. CONTRIBUINTES IMPEDIDOS DA EMISSÃO

Leia mais

Emissão e autorização da NF-e 2. Quais são as validações realizadas pela Secretaria de Fazenda na autorização de uma NF-e?

Emissão e autorização da NF-e 2. Quais são as validações realizadas pela Secretaria de Fazenda na autorização de uma NF-e? O QUE MUDA COM A NF-e 1. Como funciona o modelo operacional da NF-e? De maneira simplificada, a empresa emissora de NF-e, previamente credenciada segundo as normas ditadas pela Secretaria de Fazenda de

Leia mais

Manual XML Center DESENVOLVENDO SOLUÇÕES. Autora: Laila Maria Doc. Vrs. 01 Revisão: Aprovado em: Outubro de 2015.

Manual XML Center DESENVOLVENDO SOLUÇÕES. Autora: Laila Maria Doc. Vrs. 01 Revisão: Aprovado em: Outubro de 2015. Manual XML Center DESENVOLVENDO SOLUÇÕES Autora: Laila Maria Doc. Vrs. 01 Revisão: Aprovado em: Outubro de 2015. Nota de copyright Copyright 2015 Teorema Informática, Guarapuava. Todos os direitos reservados.

Leia mais

e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico

e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico Página1 e-nota MDF-e Manifesto de Documento Fiscal eletrônico Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é MDF-e?... 03 2. Safeweb e-nota MDF-e... 04 3. Acesso e-nota

Leia mais

DF-e Manager Manual de uso Arquivos Gerados Novembro de 2015

DF-e Manager Manual de uso Arquivos Gerados Novembro de 2015 DF-e Manager Manual de uso Arquivos Gerados Novembro de 2015 Copyright 2015 Synchro Solução Fiscal Brasil Conteúdo 1. Introdução... 1 2. Relatórios... 1 2.1. Relatório de Valores Totais por NF-e... 1 2.2.

Leia mais

NF-e. O Sistema de Emissão de NF-e do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget GoNF-e - Brasil. versão 1.00 2015. Gosocket - GoNF-e v1.

NF-e. O Sistema de Emissão de NF-e do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget GoNF-e - Brasil. versão 1.00 2015. Gosocket - GoNF-e v1. NF-e O Sistema de Emissão de NF-e do Gosocket. Manual de Usabilidade Gadget GoNF-e - Brasil versão 1.00 2015 Gosocket - GoNF-e v1.00 Página 1 Índice 1. Introdução... 3 2. Ativação do GoNF-e... 4 3. Visão

Leia mais

MANIFESTO DE DOCUMENTOS FISCAIS ELETRÔNICOS MDF - E

MANIFESTO DE DOCUMENTOS FISCAIS ELETRÔNICOS MDF - E MANIFESTO DE DOCUMENTOS FISCAIS ELETRÔNICOS MDF - E RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para

Leia mais

Manual de Registro de Saída. Procedimentos e Especificações Técnicas

Manual de Registro de Saída. Procedimentos e Especificações Técnicas Manual de Registro de Saída Procedimentos e Especificações Técnicas Versão 1.0 Dezembro 2010 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO GERAL... 3 2 INTRODUÇÃO AO MÓDULO REGISTRO DE SAÍDA - SIARE... 3 2.1 SEGURANÇA... 4 2.2

Leia mais

: Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e

: Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e Produto : RM NUCLEUS - 11.52.61 Processo Subprocesso : Manifesto Eletrônico de Documentos Fiscais - MDF-e : Integração com o TSS / TopConnect / CT-e Data

Leia mais

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012

MANUAL DIPAM A Versão de 10/05/2012 MANUAL DA DIPAM A Versão de 10/05/2012 1 Índice Geral... 3 Configuração Mínima... 3 Instalação... 4 Procedimento pós-instalação para sistemas com Vista ou Windows 7... 8 Uso do Programa DIPAM-A... 10 DIPAM

Leia mais

Manual dos procedimentos para Emissão de NFE.

Manual dos procedimentos para Emissão de NFE. Manual dos procedimentos para Emissão de NFE. CADASTRO DE CLIENTES - deve-se utilizar o programa 203. Os campos em VERMELHO são os campos de preenchimento obrigatório. Os campos em PRETO não são obrigatórios,

Leia mais

FAQ - CTe Substituição e Anulação

FAQ - CTe Substituição e Anulação Configuração COMO GERAR CT-E DE ANULAÇÃO E SUBSTITUIÇÃO NO LOGIX Para a geração do CT-e de Anulação e CT-e de Substituição, existe a necessidade de informar o código da natureza de operação no programa

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. NF-e e NFS-e

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Comercial. NF-e e NFS-e Bloco Comercial NF-e e NFS-e Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre os Módulos NF-e e NFS-e, que fazem parte do Bloco Comercial. Todas informações aqui disponibilizadas foram retiradas

Leia mais

AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3

AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3 AGENDAMENTO PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS FISCAIS SUMÁRIO 1. PARÂMETROS DO ESTABELECIMENTO... 2 2. CONFIGURAÇÃO DO AGENDADOR... 3 3. CONFIGURAÇÕES PARA IMPORTAÇÃO DE NOTAS PARA USUÁRIOS NET... 7 4. PROCEDIMENTOS

Leia mais

Manual do Emissor RPS

Manual do Emissor RPS Manual do Emissor RPS Fly E-Nota 1/14 Índice 1.Instalação...3 1.1.Pré-requisitos da instalação...3 1.2.Baixar e instalar do Emissor RPS...3 1.3.Carregar as configurações do prestador...4 1.4.Instalação

Leia mais

Max Fatura Sistema de Gestão

Max Fatura Sistema de Gestão Sumário 1 Tela Inicial... 2 2 Tela de Pesquisa... 3 3 Tela de Vendas... 4 5 Aproveitamento de Icms... 5 6 Salvar... 5 9 Para emissão da nota fiscal... 7 10 Impressão de relatórios... 10 11 Contas a Pagar

Leia mais

Agendador de Rotinas

Agendador de Rotinas Agendador de Rotinas Agendamento para Importação de Notas Fiscais É possível parametrizar o agendamento para importação de notas fiscais de entrada, saída e conhecimento de transporte, para todas as empresas

Leia mais

Manual do módulo Hábil NFC-e Emissor de Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica

Manual do módulo Hábil NFC-e Emissor de Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica Manual do módulo Hábil NFC-e Emissor de Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica Hábil Empresarial 2014 by Ltda (0xx46) 3225-6234 I Hábil Empresarial NFC-e Índice 1 Cap. I Introdução 1 O que é... o Hábil NFC-e

Leia mais

Restart Informática Ltda. Equipe de Suporte [E-CAFI] Manual da equipe de Suporte. Proibida a reprodução e distribuição não autorizada.

Restart Informática Ltda. Equipe de Suporte [E-CAFI] Manual da equipe de Suporte. Proibida a reprodução e distribuição não autorizada. 2012 Restart Informática Ltda. Equipe de Suporte [E-CAFI] Manual da equipe de Suporte. Proibida a reprodução e distribuição não autorizada. Sumário Instalando o ecafi... 2 Instalando o Serviço de E-mail...

Leia mais

Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e)

Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) Para dar mais agilidade e segurança à administração tributária, os Estados brasileiros, o Distrito

Leia mais

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE

ÍNDICE. ISS Online. Guia do Usuário ÍNDICE Guia do Usuário ÍNDICE ÍNDICE Setembro /2009 www.4rsistemas.com.br 15 3262 8444 IDENTIFICAÇÃO E SENHA... 3 Sou localizado no município... 4 Não sou localizado no município... 4 ACESSO AO SISTEMA... 5 Tela

Leia mais

Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária (SIS 1.0)

Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária (SIS 1.0) Parte:Manual Atualização: OriginalPágina 1 Manual de Instalação e Utilização do Sistema Integrado de Secretária () Instalação Se houver alguma versão do FireBird Instalada na máquina desinstale antes de

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO MANUAL PARA CONVERSÃO DE RECIBOS PROVISÓRIOS DE SERVIÇO EM NF-E (Modelo II) 1 Introdução Este manual apresenta e detalha os procedimentos para a realização do processo

Leia mais

Outlook XML Reader Versão 8.0.0. Manual de Instalação e Demonstração UNE Tecnologia

Outlook XML Reader Versão 8.0.0. Manual de Instalação e Demonstração UNE Tecnologia Outlook XML Reader Versão 8.0.0 Manual de Instalação e Demonstração UNE Tecnologia Add-in para o Outlook 2003, 2007 e 2010 responsável pela validação e armazenamento de notas fiscais eletrônicas. Atenção,

Leia mais

WORKSHOP CARTA CORREÇÃO ELETRONICA

WORKSHOP CARTA CORREÇÃO ELETRONICA WORKSHOP CARTA CORREÇÃO ELETRONICA Sistema JAD NOTA FISCAL ELETRÔNICA OBJETIVO: O objetivo deste WORKSHOP é apresentar a nova ferramenta do Sistema JAD, conforme o Ajuste Sinief 10 de 30/09/2011, que altera

Leia mais

GUIA RÁPIDO MANIFESTO DO DESTINATÁRIO

GUIA RÁPIDO MANIFESTO DO DESTINATÁRIO GUIA RÁPIDO MANIFESTO DO DESTINATÁRIO RMS Software S.A. - Uma Empresa TOTVS Todos os direitos reservados. A RMS Software é a maior fornecedora nacional de software de gestão corporativa para o mercado

Leia mais

Manual do FACGTO - Autorizador Online Odontologia

Manual do FACGTO - Autorizador Online Odontologia Manual do FACGTO - Autorizador Online Odontologia 1 Acessar o endereço: http://facgtounafisco.facilinformatica.com.br 1.2 - Será exibida a página abaixo, selecionar o Tipo de acesso (Clínica (CNPJ) e/ou

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIETÊ

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIETÊ PREFEITURA MUNICIPAL DE TIETÊ Nota Fiscal Digital de Serviços A Nota Fiscal Digital é um documento cujo valor é de um arquivo eletrônico assinado digitalmente, que apresenta algumas características como

Leia mais

Manual - Versão 1.2 1

Manual - Versão 1.2 1 Manual - Versão 1.2 1 2 Requisitos para emissão da Nota Fiscal de Consumidor eletrônica - Sistema Gerenciador Gestor Prime - Sistema Transmissor - Uninfe Instalado automaticamente pelo Gestor. - Internet

Leia mais

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012

ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 ROTEIRO NOTA FISCAL ELETRONICA A partir de Agosto/2012 1. INSTALAÇÃO DO GESTOR Confira abaixo as instruções de como instalar o sistema Gestor. Caso já tenha realizado esta instalação avance ao passo seguinte:

Leia mais

Emissor de Nota Fiscal Eletrônica. Novembro de 2007. Equipe Nota Fiscal Eletrônica Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo

Emissor de Nota Fiscal Eletrônica. Novembro de 2007. Equipe Nota Fiscal Eletrônica Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Emissor de Nota Fiscal Eletrônica Novembro de 2007 Equipe Nota Fiscal Eletrônica Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo Índice I - Instalação do Software Emissor NF-e... 3 II Software Emissor NF-e

Leia mais

ANO XXIV - 2013-4ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 30/2013

ANO XXIV - 2013-4ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 30/2013 ANO XXIV - 2013-4ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 30/2013 IPI LIVRO DE ENTRADA - NORMAS PARA ESCRITURAÇÃO DETERMINADAS PELO RIPI... Pág. 407 ICMS MS/MT/RO CONHECIMENTO DE TRANSPORTE ELETRÔNICO

Leia mais

Pergunte à CPA. Nota Fiscal Eletrônica Modalidades de Contingência

Pergunte à CPA. Nota Fiscal Eletrônica Modalidades de Contingência 30/04/2013 Pergunte à CPA Nota Fiscal Eletrônica Modalidades de Contingência Apresentação: Helen Mattenhauer Oliveira 2 Conceito de Contingência para a NF- e A contingência é apenas de comunicação ou de

Leia mais

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Utilização Envio de arquivos RPS. Versão 2.1

NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Utilização Envio de arquivos RPS. Versão 2.1 NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e) Manual de Utilização Envio de arquivos RPS Versão 2.1 SUMÁRIO SUMÁRIO... 2 1. INTRODUÇÃO... 3 2. LAYOUT DO ARQUIVO... 4 3. TRANSMITINDO O ARQUIVO... 5 4. CONSULTANDO

Leia mais

Manual Operacional Vendedores

Manual Operacional Vendedores Manual Operacional Vendedores Versão 1.0 Abril/2015 1. ACESSO AO SISTEMA SSE a) Localize em seu Desktop ou menu de acesso o ícone do sistema conforme abaixo. b) Após localizar, clique 2 vezes para acessar

Leia mais

NOTA FISCAL ELETRÔNICA

NOTA FISCAL ELETRÔNICA NOTA FISCAL ELETRÔNICA 1. Comprei mercadoria com NF-e denegada. Qual o procedimento para regularizar essa situação? Resposta: Preliminarmente, temos que esclarecer o que é uma NF-e Denegada:, A Denegação

Leia mais

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1

2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 1 2015 GVDASA Sistemas Suprimentos 2 AVISO O conteúdo deste documento é de propriedade intelectual exclusiva da GVDASA Sistemas e está sujeito a alterações sem aviso prévio.

Leia mais

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica

Tutorial. O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Tutorial O Trade e a Nota Fiscal Eletrônica Este tutorial explica como configurar o Trade Solution e realizar as principais atividades relacionadas à emissão e ao gerenciamento das Notas Fiscais Eletrônicas

Leia mais

Manual Básico de Procedimentos Nota Fiscal Eletrônica NF-e no APOLO

Manual Básico de Procedimentos Nota Fiscal Eletrônica NF-e no APOLO Manual Básico de Procedimentos Nota Fiscal Eletrônica NF-e no APOLO 1- Geração e Envio Normal: Quando estiver tudo pronto para a geração da NF-e, selecione a nota, clique com o botão direito do mouse,

Leia mais

e-nota R Sistema de Emissão de Documentos Fiscais Eletrônicos

e-nota R Sistema de Emissão de Documentos Fiscais Eletrônicos Página1 e-nota R Sistema de Emissão de Documentos Fiscais Eletrônicos Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa Página2 Índice 1. O que é o e-nota R?... 03 2. Configurações e Requisitos...

Leia mais

1. O que é a Nota Fiscal Eletrônica - NF-e?

1. O que é a Nota Fiscal Eletrônica - NF-e? 1. O que é a Nota Fiscal Eletrônica - NF-e? Podemos conceituar a Nota Fiscal Eletrônica como sendo um documento de existência apenas digital, emitido e armazenado eletronicamente, com o intuito de documentar,

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-E

MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-E MANUAL DE INSTRUÇÃO SISTEMA EMISSOR DE NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-E SELECIONE A EMPRESA EMISSORA DA NFE CLIQUE EM INICIAR TELA DE AVISOS FAÇA A LEITURA DOS AVISOS E CLIQUE EM FECHAR EMISSÃO DA NOTA FISCAL

Leia mais

EMISSOR DE NOTA FISCAL GRATUITO GUIA DE USO. 2014 - VALID Certificadora Digital

EMISSOR DE NOTA FISCAL GRATUITO GUIA DE USO. 2014 - VALID Certificadora Digital EMISSOR DE NOTA FISCAL GRATUITO GUIA DE USO 2014 - VALID Certificadora Digital Controle de Versões Autor Descrição Versão Data Lays Almeida Versão Inicial 1.0 06.11.2014 2014 - VALID Certificadora Digital

Leia mais

1. Conhecendo a GissOnline

1. Conhecendo a GissOnline 1. Conhecendo a GissOnline 1.01 Quem deve utilizar a ferramenta Gissonline? Todos os prestadores e tomadores de serviço sejam eles pessoas jurídicas (empresas) ou equiparadas, estabelecidas ou sediadas

Leia mais

Copyright 2004/2014 - VLC

Copyright 2004/2014 - VLC Escrituração Fiscal Manual do Usuário Versão 7.2 Copyright 2004/2014 - VLC As informações contidas neste manual são de propriedade da VLC Soluções Empresariais Ltda., e não poderão ser usadas, reproduzidas

Leia mais

Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e)

Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) Secretaria de Estado da Fazenda Guia prático para emissão de Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e) Para dar mais agilidade e segurança à administração tributária, os Estados brasileiros, o Distrito

Leia mais

Averbação eletrônica

Averbação eletrônica Averbação eletrônica Introdução A averbação dos documentos antes do transporte é de fundamental importância para a cobertura de possíveis sinistros. Observar a transmissão e autorização da averbação antes

Leia mais

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços.

Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços. 1 Apresentação: O Sistema Integrado de Gerenciamento de Imposto Sobre Serviços ou SIG-ISS é um sistema para gerenciamento do Imposto sobre

Leia mais

Referência: Decreto Estadual-RJ nº 44.785/14 - ICMS - NFC-e - Emissão, autorização, contingência e outros Alterações.

Referência: Decreto Estadual-RJ nº 44.785/14 - ICMS - NFC-e - Emissão, autorização, contingência e outros Alterações. Rio de Janeiro, 13 de maio de 2014. Of. Circ. Nº 137/14 Referência: Decreto Estadual-RJ nº 44.785/14 - ICMS - NFC-e - Emissão, autorização, contingência e outros Alterações. Senhor Presidente, Fazendo

Leia mais

Emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico - CT-e

Emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico - CT-e Emissão do Conhecimento de Transporte Eletrônico - CT-e Sumário: 1. Orientações Gerais:... 3 1.1 Cadastros Básicos:... 3 1.2 Conhecimento de Transporte Eletrônico CTe:... 3 2. Tela inicial:... 4 3. CT-e

Leia mais

A implantação da Nota Fiscal Eletrônica NF-e e seus Benefícios à empresa e a sociedade.

A implantação da Nota Fiscal Eletrônica NF-e e seus Benefícios à empresa e a sociedade. A implantação da Nota Fiscal Eletrônica NF-e e seus Benefícios à empresa e a sociedade. Cristiane Mamede Gislene Medrado Hapoliana Batista Lindemberg Ruiz Centro Universitário Candido Rondon Unirondon

Leia mais