O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB"

Transcrição

1 O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB Rodrigo Augusto Rodrigues Subchefe Adjunto da SAG/Casa Civil PR Coordenador da Comissão Executiva Interministerial do Biodiesel Niterói - RJ, 17 de abril de 2008

2 Contexto Histórico Proálcool: Introduzido entre as crises do petróleo 1975; Alta dependência do petróleo importado (principal item da pauta de importações); Dificuldades da balança de pagamentos (escassez de divisas); Flexibilidade das finanças públicas; Álcool introduzido como substituto da gasolina em veículos leves. Subsídios. Biodiesel: Introduzido na matriz energética em 2004; Auto-suficiência em petróleo; Não há crise de abastecimento de petróleo; Equilíbrio da balança de pagamentos e substanciais reservas internacionais; Estabilidade monetária e responsabilidade fiscal; Biodiesel substituto do diesel em veículos pesados; Sustentabilidade.

3 O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB Marco regulatório e linhas de financiamento definidos no âmbito federal. Lei nº , de : define biodiesel e estabelece mistura de 2% a 5%. Lei n , de : define modelo tributário aplicável ao biodiesel. Normas infra legais: decretos, resoluções ANP, instruções normativas SRF e MDA.

4 DIRETRIZES PARA O BIODIESEL Introduzir o biodiesel na matriz energética brasileira de forma SUSTENTÁVEL. Geração de emprego e renda, especialmente no campo INCLUSÃO SOCIAL. Atenuar disparidades regionais. Reduzir emissões de poluentes e gastos com importação de petróleo e derivados. Não privilegiar rotas tecnológicas, mas exigir e fiscalizar rigorosamente a QUALIDADE. Uso de distintas oleaginosas: mamona, palma (dendê), girassol, algodão, soja, pinhão-manso, amendoim, gordura animal e outras.

5 Produtividade agrícola média (kg/ha) Conteúdo de óleo 47% 42% 18% 20% 15% Rendimento de óleo (kg/ha) Produção de óleo vegetal en Brasil (m 3 )

6 O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB Marco regulatório e linhas de financiamento definidos no âmbito federal. Lei nº , de : define biodiesel e estabelece mistura de 2% a 5%. Lei n , de : define modelo tributário aplicável ao biodiesel. Normas infra legais: decretos, resoluções ANP, instruções normativas SRF e MDA.

7 218 Alíquota Máxima Agronegócio: Mamona ou Palma + Norte, Nordeste ou Semi-Árido Alíquota para Agricultura Familiar em qualquer Região com qualquer oleaginosa Agricultura Familiar + Mamona ou Palma + Norte, Nordeste ou Semi-Árido R$ / m 3

8 SELO Combustível Social Certificação a fabricantes de biodiesel que: a) adquiram oleaginosas da Agricultura Familiar dentro de limites mínimos: Nordeste: 50% Sul e Sudeste: 30% Norte e Centro-Oeste: 10% b) garantam a compra da produção; e c) prestem assistência técnica aos agricultores.

9 Leilões de Compra da ANP Objetivos: Criar demanda firme para o biodiesel, estimular investimentos e gerar empregos na agricultura familiar. Estimular a oferta de biodiesel. Reduzir assimetria de informação. Entre 2005 e 2007 (B2 autorizado) foram realizados 5 leilões e adquiridos 885 milhões de litros. Desse total, 427 milhões de litros foram entregues até 31/12/2007 (48,2%).

10 Resumo dos leilões de compra

11 S 17,3% N 1,5% NE 18,4% SE 24,2% CO 38,6% Região Mil m 3 Percentual N 42,60 1,55% NE 506,22 18,39% CO 1.061,31 38,56% SE 664,69 24,15% S 477,30 17,34% Brasil 2.752,12 100,00%

12 milh Capacidade Instalada (mar/2008) Capacidade Projetada (dez/08)

13 Biodiesel: mercado com B2 obrigatório Objetivando a consolidação do mercado e atendendo a pleitos dos produtores de biodiesel e distribuidores de combustíveis, foi mantida a política de leilões de compra para o fornecimento da obrigatoriedade da mistura de 2% de biodiesel (B2) a partir de 01/01/2008: : 80% do volume para produtores com Selo Combustível Social e 20% para produtores em geral + leilões para incremento de 1% de mistura adicional (Resolução CNPE nº 05, de 03/10/2007, Portarias MME nº 284, de 04/10/2007 e nº 301, de 29/10/2007) + leilões para estoque de garantia do abastecimento. Adquiridos 380 milhões de litros para fornecimento de biodiesel (B2) no 1º semestre/2008 e mais 100 milhões de litros como estoque de segurança (Nov.e Dez./2007). Preço médio ponderado (FOB) leilão ANP 380 milhões de litros = R$ 1,865/litro (deságio de 22,3% em relação ao preço de referência de R$ 2,40/litro). Preço médio ponderado (CIF) leilão Petrobras 100 milhões de litros = R$ 2,13/litros (deságio á de 20,0% em relação ao preço ç médio é de referência ê

14 180 (77,7%) (99,1%) (85,4%)

15 120 0,9% ,0% 4,4% 0% 80 0% - 1% 1% - 1,8% Nº de Distribuidores ,7% > 1,8% % 0% - 1% 1% - 1,8% > 1,8% % Biodiesel / Diesel

16 Preço (R$/Ton) PREÇOS CORRENTES - ÓLEOS BRUTOS R$/Ton/FOB 5.000, , , , , , , , ,00 500,00 10/06 01/07 04/07 06/07 08/07 11/07 01/08 03/08 Fonte: Cotações - Bolsa de Mercadorias. ALGODÃO GIRASSOL MAMONA PALMA SEBO BOVINO SOJA Período

17 R$ 2,00 R$ 1,90 R$ 1,80 R$ 1,70 R$ 1,60 R$ 1,50 R$ 1,40 R$ 1,30 R$ 1,20 R$ 1,10 R$ 1,00 Óleo de Soja Degomado (Fonte: ABOISSA) R$ / litro (Posto em SP sem ICMS) 31/12/07 31/7/06 31/8/06 30/9/06 31/10/06 30/11/06 31/12/06 31/1/07 28/2/07 31/3/07 30/4/07 31/5/07 30/6/07 31/7/07 31/8/07 30/9/07 31/10/07 30/11/07 31/1/08 +21%

18 Biodiesel: situação atual postos revendedores de diesel em todo o território nacional comercializam diesel com 2% de biodiesel (99%( da rede de postos). Geração de emprego e renda para 210 mil famílias de agricultores familiares. Principal gargalo: preços dos óleos vegetais necessidade de incrementar e diversificar a oferta de óleos vegetais. Ampliação da demanda cativa (B3( B3) mais

19 Biodiesel: ampliação para o B3 Considerando a capacidade instalada de produção de biodiesel e a extensão da garantia dos motores para o uso de B3, pela ANFAVEA, o Governo aprovou a ampliação da mistura obrigatória de B3 a partir de 01/07/2008 e a realização de leilões de compra para fornecimento de biodiesel, com intervalos menores para entrega (3 meses). Resolução CNPE nº 02/2008,

20 Novos leilões de estoque (Petrobras) de litros de biodiesel, para o fornecimento a partir de abril de milhões de litros de biodiesel, para o Preço médio de referência (CIF): R$ 3,02/litro. Preço médio ponderado (CIF) das propostas vencedoras: R$ 2,547/litro. Deságio médio: 18,6% 8 8 empresas vencedoras.

21 Leilões para o fornecimento de B3 (ANP) Realizados leilões (10 e 11 de abril de 2008) para a aquisição de 330 milhões de litros de biodiesel, para o atendimento da mistura obrigatória de B3 nos meses de julho a setembro. Preço de referência: R$ 2,804/litro. Preço médio ponderado das propostas vencedoras: R$ 2,691/litro. Deságio médio: 4,1%

22 Fonte: MME

23 Fonte: MME

24 A POLÍTICA DO GOVERNO FEDERAL NA PERSPECTIVA INTERNACIONAL Fórum Internacional dos Biocombustíveis (Brasil, EUA, União Européia, África do Sul, China e Índia): Padronização das normas técnicas para evitar barreiras; Tratar biocombustíveis como commodities (mercados futuros). Conferência Internacional sobre Biocombustíveis São Paulo SP, de 17 a 21 de novembro de Memorando de Entendimentos Brasil-EUA: Cooperação tecnológica bilateral; Cooperação em terceiros países (América Central e Caribe); No plano multilateral criar mercado internacional para os

25

26 MOTIVAÇÃO AMBIENTAL... X X X BIOCOMBUSTÍVEIS... COM INCLUSÃO SOCIAL!!!

27 ESTA TRANSFORMAÇÃO É POSSÍVEL X

28 Agradeço a atenção dos Senhores.

PRODUÇÃO E USO DE. Coordenador da Comissão Executiva Interministerial Biodiesel

PRODUÇÃO E USO DE. Coordenador da Comissão Executiva Interministerial Biodiesel O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL: DIRETRIZES, LEGISLAÇÃO E TRIBUTAÇÃO Rodrigo Augusto Rodrigues Coordenador da Comissão Executiva Interministerial Biodiesel Seminário Regional sobre Produção

Leia mais

Biodiesel no Brasil. Ricardo Borges Gomide. Departamento de Combustíveis Renováveis

Biodiesel no Brasil. Ricardo Borges Gomide. Departamento de Combustíveis Renováveis Biodiesel no Brasil Ricardo Borges Gomide Departamento de Combustíveis Renováveis São Paulo, 18.11.2011 Papel do Biodiesel 2 Biodiesel como mais um Energético na Matriz 3 Concorre com outros produtos e

Leia mais

A EVOLUÇÃO DO PNPB COM A PERSPECTIVA DE NOVAS MISTURAS

A EVOLUÇÃO DO PNPB COM A PERSPECTIVA DE NOVAS MISTURAS Conferência BiodieselBR 2010 A EVOLUÇÃO DO PNPB COM A PERSPECTIVA DE NOVAS MISTURAS Rodrigo Augusto Rodrigues Subchefe Adjunto da Subchefia de Análise e Acompanhamento de Políticas Governamentais da Casa

Leia mais

Biocombustíveis e Instrumentos Econômicos para a Gestão Ambiental no Brasil

Biocombustíveis e Instrumentos Econômicos para a Gestão Ambiental no Brasil Biocombustíveis e Instrumentos Econômicos para a Gestão Ambiental no Brasil Gerson Teixeira Diretor de Economia e Meio Ambiente Secretaria de Políticas para o Desenvolvimento Sustentável Ministério do

Leia mais

SETOR ENERGÉTICO: Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior (DER) Projeto Biodiesel

SETOR ENERGÉTICO: Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior (DER) Projeto Biodiesel AGRONEGÓCIO E SETOR ENERGÉTICO: Uma Parceria Estratégica! Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior (DER) Projeto Biodiesel UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA /Recursos Não Renováveis / Produção Industrial / População

Leia mais

SITUAÇÃO ATUAL, DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO PNPB

SITUAÇÃO ATUAL, DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO PNPB SITUAÇÃO ATUAL, DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO PNPB Rodrigo Augusto Rodrigues Casa Civil da Presidência da República Comissão Executiva Interministerial do Biodiesel Guarulhos (SP), 26 de outubro de 2011 ESTA

Leia mais

Gráfico - Participação de países selecionados no consumo mundial de petróleo (ANP 2008)

Gráfico - Participação de países selecionados no consumo mundial de petróleo (ANP 2008) O DESAFIO DA PRODUÇÃO SUSTENTÁVEL DE BIOCOMBUSTÍVEIS NO BRASIL Prof. Ednilton Tavares de Andrade, Engenheiro Agrícola, D.Sc. Eng. Agrícola MSG - LATEC Coordenador do Curso de Engenharia Agrícola Departamento

Leia mais

A Agricultura do Brasil e do Paraná

A Agricultura do Brasil e do Paraná Governo do Estado do Paraná A Agricultura do Brasil e do Paraná Políticas Públicas para a Produção de Biodiesel Orlando Pessuti Vice-Governador Abril/2007 BRASIL 5º Maior país do mundo PIB de US$ 1,0 trilhão

Leia mais

Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas

Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas Daniel Furlan Amaral Economista ESALQ 17 de novembro de 2010 1 Sobre a A, Associação Brasileira

Leia mais

O PNPB e a Organização da Produção de Biodiesel

O PNPB e a Organização da Produção de Biodiesel O PNPB e a Organização da Produção de Biodiesel Renata Lèbre La Rovere GEI/IE/UFRJ Selena Herrera LIMA/COPPE/UFRJ 1 O Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel - PNPB BIODIESEL: combustível produzido

Leia mais

Balanço dos 10 anos do Selo Combustível Social

Balanço dos 10 anos do Selo Combustível Social SEMINÁRIO NACIONAL DE AVALIAÇÃO DO SELO COMBUSTÍVEL SOCIAL: A INCLUSÃO SOCIAL E PRODUTIVA DA AGRICULTURA FAMILIAR NOS 10 ANOS DO PNPB Balanço dos 10 anos do Selo Combustível Social Dezembro de 2015 Brasília

Leia mais

Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel. Ricardo Borges Gomide Departamento de Combustíveis Renováveis

Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel. Ricardo Borges Gomide Departamento de Combustíveis Renováveis Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel Ricardo Borges Gomide Departamento de Combustíveis Renováveis Estrutura Organizacional Gabinete do Ministro Secretaria Executiva Secretaria de Planejamento

Leia mais

Biodiesel: produção e benefícios

Biodiesel: produção e benefícios Audiência Pública da Comissão Especial sobre Motores a Diesel para Veículos Leves Biodiesel: produção e benefícios Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia Câmara dos Deputados Brasília DF 2 de março 2016

Leia mais

Versão 21 Mai 14 IMPACTOS DO PNPB

Versão 21 Mai 14 IMPACTOS DO PNPB Versão 21 Mai 14 IMPACTOS DO PNPB Aspectos mais relevantes das Externalidades Positivas do PNPB (Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel) e Impactos na Progressão da Mistura. Programa Nacional

Leia mais

Biodiesel: Panorama e perspectivas. 23 de Abril 2014 Cuiabá - MT

Biodiesel: Panorama e perspectivas. 23 de Abril 2014 Cuiabá - MT Biodiesel: Panorama e perspectivas 23 de Abril 2014 Cuiabá - MT 1 Sumário Tecnologias de produção; A biomassa na matriz energética; Capacidade agrícola brasileira; Histórico do PNPB; Mercado; Novo marco

Leia mais

Petróleo e Biocombustíveis: A eterna busca pela autossuficiência. Suani Teixeira Coelho Sao Paulo, 5 de agosto de 2013

Petróleo e Biocombustíveis: A eterna busca pela autossuficiência. Suani Teixeira Coelho Sao Paulo, 5 de agosto de 2013 Petróleo e Biocombustíveis: A eterna busca pela autossuficiência Suani Teixeira Coelho Sao Paulo, 5 de agosto de 2013 No segmento de refino, a produção de derivados atingiu 2,02 milhões de barris/dia,

Leia mais

Agenda positiva setorial e o aumento da responsabilidade do biodiesel no cenário energético nacional

Agenda positiva setorial e o aumento da responsabilidade do biodiesel no cenário energético nacional - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Agenda positiva setorial e o aumento da responsabilidade do biodiesel no cenário energético nacional Leonardo Zilio Assessor Econômico leonardo@abiove.org.br

Leia mais

Petróleo & Gás no Século XXI: Desafios Tecnológicos 15 a 18 de setembro de RIOCENTRO. e uso do biodiesel - PNPB. Alan Kardec Presidente

Petróleo & Gás no Século XXI: Desafios Tecnológicos 15 a 18 de setembro de RIOCENTRO. e uso do biodiesel - PNPB. Alan Kardec Presidente t1 Petróleo & Gás no Século XXI: Desafios Tecnológicos 15 a 18 de setembro de 2008 - RIOCENTRO PAINEL: Biodiesel Desenvolvimento regional e sustentabilidade econômica PALESTRA: Sustentabilidade econômica

Leia mais

Plenária: Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil

Plenária: Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Plenária: Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil Ricardo de Gusmão

Leia mais

Perspectivas para o biodiesel no Brasil

Perspectivas para o biodiesel no Brasil Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Palma de Óleo Perspectivas para o biodiesel no Brasil Fábio Guerra Assessor Econômico Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Brasília DF 17 de março

Leia mais

Perspectivas para os Setores Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis

Perspectivas para os Setores Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Perspectivas para os Setores Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Marco Antônio Martins Almeida Secretário de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis spg@mme.gov.br Rio de Janeiro, 21

Leia mais

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia 18 de agosto de 2017 Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do

Leia mais

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia 18 de agosto de 2017 Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do

Leia mais

L. A. Horta Nogueira Universidade Federal de Itajubá

L. A. Horta Nogueira Universidade Federal de Itajubá Perspectivas para o biodiesel no Brasil L. A. Horta Nogueira Universidade Federal de Itajubá 1 Perspectivas para o biodiesel no Brasil Roteiro Evolução da produção de biodiesel Sustentabilidade e biodiesel

Leia mais

Ampliar a parceria estratégica entre China e Brasil no setor de petróleo, gás e biocombustíveis

Ampliar a parceria estratégica entre China e Brasil no setor de petróleo, gás e biocombustíveis Ampliar a parceria estratégica entre China e Brasil no setor de petróleo, gás e biocombustíveis Haroldo Lima Diretor-Geral Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis 1 1 Surgimento e evolução

Leia mais

Biodiesel: Combustível alinhado ao modelo de desenvolvimento global sustentável

Biodiesel: Combustível alinhado ao modelo de desenvolvimento global sustentável Versão 02/03/16 Biodiesel: Combustível alinhado ao modelo de desenvolvimento global sustentável Donizete Tokarski Diretor Superintendente Audiência Pública da Comissão Especial da Câmara dos Deputados

Leia mais

RELOP III Reunião Anual Rio de Janeiro, 04 de novembro de 2010

RELOP III Reunião Anual Rio de Janeiro, 04 de novembro de 2010 Os Biocombustíveis no Brasil RELOP III Reunião Anual Rio de Janeiro, 04 de novembro de 2010 SUMÁRIO 1. Alguns dados d sobre o Brasil e a ANP 2. Os biocombustíveis no Brasil 3. O etanol 4. O biodiesel PANORAMA

Leia mais

E C O N Ô S O C E N T A L. Cultura e Tradição

E C O N Ô S O C E N T A L. Cultura e Tradição 3º. Seminário Responsabilidade Social com Foco nos Atores Interessados 7 a 8/10/2008 Biodiesel e Agricultura Familiar www.biodiesel.gov.b PNPB Pilares de Sustentação PNPB S O C I A L E C O N Ô M I C O

Leia mais

(Do Sr. Rubens Otoni) O Congresso Nacional decreta:

(Do Sr. Rubens Otoni) O Congresso Nacional decreta: PROJETO DE LEI N o 6220, DE 2005 (Do Sr. Rubens Otoni) Insere o parágrafo 4º no art. 2º da Lei nº 11.097, de 13 de janeiro de 2005, que dispõe sobre a introdução do biodiesel na matriz energética brasileira.

Leia mais

Rotas de Produção de Diesel Renovável

Rotas de Produção de Diesel Renovável Petrobras - Tecnologia A preocupação mundial com o desenvolvimento sustentável evidenciou a necessidade da definição de limites de emissão para as tecnologias automotivas. Desde então, pesquisadores têm

Leia mais

SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL BACIA DO PARANÁ III. Programa Paranaense de Bioenergia - PR Bioenergia -

SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL BACIA DO PARANÁ III. Programa Paranaense de Bioenergia - PR Bioenergia - SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL BACIA DO PARANÁ III Programa Paranaense de Bioenergia - PR Bioenergia - Programa PR Bioenergia Criado pelo Decreto nº 2101 10/11/2003 Coordenação: SEAB

Leia mais

Biodiesel Medida Provisória nº 647 de de julho de 2014 Audiência Pública - Senado Federal

Biodiesel Medida Provisória nº 647 de de julho de 2014 Audiência Pública - Senado Federal Biodiesel Medida Provisória nº 647 de 2014 16 de julho de 2014 Audiência Pública - Senado Federal Aumento de mistura e seus impactos positivos Brasil é 2º maior mercado mundial de biodiesel e o 3º maior

Leia mais

Panorama sobre o Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel

Panorama sobre o Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel FEDERAÇÃO DA AGRICULTURA DO ESTADO DE SÃO PAULO Panorama sobre o Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel Cláudio Silveira Brisolara Departamento Econômico O que é agricultura energética? É a produção

Leia mais

Prepropostas de desoneração tributária para produtos derivados de oleaginosas

Prepropostas de desoneração tributária para produtos derivados de oleaginosas MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SECRETARIA DA AGRICULTURA FAMILIAR Prepropostas de desoneração tributária para produtos derivados de oleaginosas Brasília, 15 de março de 2013 Prepropostas de desoneração

Leia mais

O avanço do Brasil na descoberta do biodiesel

O avanço do Brasil na descoberta do biodiesel O avanço do Brasil na descoberta do biodiesel Fernanda Azeredo* Larissa Alves da Silva** Lucas Menezes*** Resumo Com o crescimento populacional e o desenvolvimento nacional das indústrias, a demanda de

Leia mais

A indústria de biodiesel no Brasil: desafios e oportunidades futuros

A indústria de biodiesel no Brasil: desafios e oportunidades futuros - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais A indústria de biodiesel no Brasil: desafios e oportunidades futuros Leonardo Zilio Assessor Econômico leonardo@abiove.org.br Fortaleza/CE Março

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia Brasília/DF 2010 2011 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Todos os direitos reservados. Permitida

Leia mais

A Chegada da Consolidação Amadurecimento na cadeia do Biodiesel

A Chegada da Consolidação Amadurecimento na cadeia do Biodiesel A Chegada da Consolidação Amadurecimento na cadeia do Biodiesel 18 de Novembro de 2011 Aprobio Introdução Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil Fundação: 17 de junho de 2011, sede em São Paulo

Leia mais

Óleo vegetal Hidrogênio H-BIO Propano Água

Óleo vegetal Hidrogênio H-BIO Propano Água O Negócio: Biodiesel vs. H-Bio Reações: FA FA: ácido graxo A: álcool G: glicerina FA FA FA Óleo vegetal Álcool Biodiesel Glicerina Óleo vegetal Hidrogênio H-BIO Propano Água O Negócio: O produto, sua eficiência

Leia mais

Política da Qualidade. Visão Estar entre os três maiores produtores de biodiesel no Brasil. Missão. Valores

Política da Qualidade. Visão Estar entre os três maiores produtores de biodiesel no Brasil. Missão. Valores Empresa A BSBIOS - Indústria e Comércio de Biodiesel Sul Brasil S/A, fundada em 2005, é referência na produção de biodiesel e, é a única indústria para a produção de energia renovável que possui sociedade

Leia mais

IMPACTOS SOCIOECONÔMICOS DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL: UMA COMPARAÇÃO ENTRE AS ROTAS DA SOJA E DA MAMONA

IMPACTOS SOCIOECONÔMICOS DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL: UMA COMPARAÇÃO ENTRE AS ROTAS DA SOJA E DA MAMONA IMPACTOS SOCIOECONÔMICOS DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL: UMA COMPARAÇÃO ENTRE AS ROTAS DA SOJA E DA MAMONA Marcelo Pereira da Cunha NIPE Unicamp Arnaldo César da Silva Walter FEM Unicamp Manoel Régis

Leia mais

Abiove: setor tem confiança na antecipação do B10 para 2018; produção de biodiesel é projetada em 5,3 bilhões de litros

Abiove: setor tem confiança na antecipação do B10 para 2018; produção de biodiesel é projetada em 5,3 bilhões de litros Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE Nº 175/2017 julho Informativo digital sobre temas da cadeia produtiva da soja Abiove: setor tem confiança na antecipação do B10 para 2018;

Leia mais

PETROBRAS BIOCOMBUSTÍVEL Estratégias para Agricultura Familiar. Jânio Rosa Diretoria de Suprimento Agrícola

PETROBRAS BIOCOMBUSTÍVEL Estratégias para Agricultura Familiar. Jânio Rosa Diretoria de Suprimento Agrícola PETROBRAS BIOCOMBUSTÍVEL Estratégias para Agricultura Familiar Jânio Rosa Diretoria de Suprimento Agrícola São Paulo, 28.10.2010 Missão da Petrobras Biocombustível Produzir biocombustíveis de forma segura

Leia mais

MATÉRIAS-PRIMAS PARA PRODUÇÃO DO BIODIESEL: PRIORIZANDO ALTERNATIVAS

MATÉRIAS-PRIMAS PARA PRODUÇÃO DO BIODIESEL: PRIORIZANDO ALTERNATIVAS MATÉRIAS-PRIMAS PARA PRODUÇÃO DO BIODIESEL: PRIORIZANDO ALTERNATIVAS SÍLVIO CRESTANA DIRETOR-PRESIDENTE SÃO PAULO AGOSTO, 2005 Cenários MATRIZ ENERGÉTICA MUNDIAL (%) Cenários MATRIZ ENERGÉTICA BRASILEIRA

Leia mais

PLATAFORMA MINEIRA DE BIOQUEROSENE & RENOVÁVEIS

PLATAFORMA MINEIRA DE BIOQUEROSENE & RENOVÁVEIS Agosto 2017 PLATAFORMA MINEIRA DE BIOQUEROSENE & RENOVÁVEIS Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Subsecretaria de Desenvolvimento Econômico A Plataforma Mineira

Leia mais

POTENCIAL BRASILEIRO PARA PRODUÇÃO DE BIOCOMBUSTÍVEIS

POTENCIAL BRASILEIRO PARA PRODUÇÃO DE BIOCOMBUSTÍVEIS Seminário Internacional de Energias Renováveis Brasília, DF 11 de Abril de 2006 POTENCIAL BRASILEIRO PARA PRODUÇÃO DE BIOCOMBUSTÍVEIS Paulo C. R. Lima, M.Sc., Ph.D. Consultor Legislativo da Câmara dos

Leia mais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ANÁLISE MENSAL DO MERCADO DE BIODIESEL: EDIÇÃO Nº 19 AGOSTO DE 214 A, documento elaborado pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE, possui o intuito de levar ao mercado informações

Leia mais

LIMITES DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL

LIMITES DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL Escola de Química da UFRJ LABCOM Laboratório de Combustíveis e Derivados de Petróleo LIMITES DA PRODUÇÃO DE BIODIESEL NO BRASIL Luiz Antonio d Avila Escola de Química da UFRJ LABCOM Laboratório de Combustíveis

Leia mais

Biodiesel obtenção e aplicação

Biodiesel obtenção e aplicação UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CENTRO DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA AGRÍCOLA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENG. AGRÍCOLA Biodiesel obtenção e aplicação João Valdenor Pereira Filho; Orientador:

Leia mais

Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil

Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil Coordenação Geral de Biocombustíveis - MDA Secretaria da Agricultura Familiar - SAF Departamento de Geração de Renda

Leia mais

III SEMINÁRIO LATINOAMERICANO Y DEL CARIBE DE BIOCOMBUSTÍBLES PORQUE OS BIOCOMBUSTÍVEIS NÃO REPRESENTAM UMA AMEÇA À PRODUÇÃO DE ALIMENTOS

III SEMINÁRIO LATINOAMERICANO Y DEL CARIBE DE BIOCOMBUSTÍBLES PORQUE OS BIOCOMBUSTÍVEIS NÃO REPRESENTAM UMA AMEÇA À PRODUÇÃO DE ALIMENTOS Jânio Rosa Coordenador Geral de Biocombustíveis SECRETARIA DA AGRICULTURA FAMILIAR MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO III SEMINÁRIO LATINOAMERICANO Y DEL CARIBE DE BIOCOMBUSTÍBLES PORQUE OS BIOCOMBUSTÍVEIS

Leia mais

10ª. AUDIÊNCIA DE SUSTENTABILIDADE PARCERIAS PELA SUSTENTABILIDADE AGOSTO/2008

10ª. AUDIÊNCIA DE SUSTENTABILIDADE PARCERIAS PELA SUSTENTABILIDADE AGOSTO/2008 10ª. AUDIÊNCIA DE SUSTENTABILIDADE PARCERIAS PELA SUSTENTABILIDADE AGOSTO/2008 Grupo Bertin 30 anos de conquistas Fundado em 1977 Operações no mercado local e em mais de 80 países Estimativa de Faturamento

Leia mais

A Estratégia de Ciência e Tecnologia no Programa Brasileiro de Biodiesel

A Estratégia de Ciência e Tecnologia no Programa Brasileiro de Biodiesel A Estratégia de Ciência e Tecnologia no Programa Brasileiro de Biodiesel Adriano Duarte Filho Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação Ministério da Ciência e Tecnologia Cali, 28 a 30 de abril

Leia mais

Seminário Biodiesel e Bioquerosene: Sustentabilidade econômica e ambiental

Seminário Biodiesel e Bioquerosene: Sustentabilidade econômica e ambiental Seminário Biodiesel e Bioquerosene: Sustentabilidade econômica e ambiental Painel Biodiesel: A visão do mercado e novas oportunidades A Visão do Setor sobre Regulação e o Mercado de Biocombustíveis Milas

Leia mais

Selo Combustível Social Avanços e Desafios

Selo Combustível Social Avanços e Desafios Selo Combustível Social Avanços e Desafios GIRASSOL AGRICULTURA FAMILIAR SISTEMA DE PRODUÇÃO AGRO PECUÁRIA INTEGRAÇÃO DO SISTEMA ALIMENTOS, ENERGIA E MERCADO SEGURANÇA ALIMENTAR E MERCADO AUTO-SUSTENTABILIDADE

Leia mais

II SEMINÁRIO DE MATRIZ ENERGÉTICA Perspectivas e desafios à produção e exportação de Biocombustíveis

II SEMINÁRIO DE MATRIZ ENERGÉTICA Perspectivas e desafios à produção e exportação de Biocombustíveis II SEMINÁRIO DE MATRIZ ENERGÉTICA Perspectivas e desafios à produção e exportação de Biocombustíveis Ricardo de Gusmão Dornelles Diretor do Departamento de Combustíveis Renováveis 29 de Maio de 2012 Bioenergia

Leia mais

A Experiência Brasileira em Biocombustíveis

A Experiência Brasileira em Biocombustíveis Ministério de Minas e Energia I Workshop Internacional de Sustentabilidade Energética A Experiência Brasileira em Biocombustíveis Luciano Costa de Carvalh Coordenador Substitu Departamento de Combustíveis

Leia mais

CIB Conselho de Informações sobre Biotecnologia BIODIESEL PARA TODOS. Prof. Gil Miguel de Sousa Câmara USP/ESALQ Piracicaba SP

CIB Conselho de Informações sobre Biotecnologia BIODIESEL PARA TODOS. Prof. Gil Miguel de Sousa Câmara USP/ESALQ Piracicaba SP CIB Conselho de Informações sobre Biotecnologia BIODIESEL PARA TODOS Prof. Gil Miguel de Sousa Câmara USP/ESALQ Piracicaba SP O motor diesel pode ser alimentado com óleos vegetais e poderá ajudar consideravelmente

Leia mais

Os preços médios da soja pago aos produtores familiares pelas cooperativas

Os preços médios da soja pago aos produtores familiares pelas cooperativas Soja Os preços médios da soja pago aos produtores familiares pelas cooperativas apresentaram queda no primeiro mês de 2014, como mostra a Tabela 1. O estado de Minas Gerais foi o único que apresentou variação

Leia mais

Ações de Governo Incentivos ao Uso Eficiente do Etanol. 3º SIUEE INEE 21 de Setembro de 2016

Ações de Governo Incentivos ao Uso Eficiente do Etanol. 3º SIUEE INEE 21 de Setembro de 2016 Ações de Governo Incentivos ao Uso Eficiente do Etanol 3º SIUEE INEE 21 de Setembro de 2016 PROÁLCOOL Lançado pelo governo brasileiro em 1975 choques do petróleo (1973 e 1979). Duas aplicações veiculares:

Leia mais

Comercialização de Biodiesel no Mercado Brasileiro

Comercialização de Biodiesel no Mercado Brasileiro Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Departamento de Combustíveis Renováveis Comercialização de Biodiesel no Mercado Brasileiro Ricardo Borges Gomide

Leia mais

Disponibilidade de Matérias Primas e Oportunidades de Diversificação da Matriz Energética do Biodiesel

Disponibilidade de Matérias Primas e Oportunidades de Diversificação da Matriz Energética do Biodiesel Disponibilidade de Matérias Primas e Oportunidades de Diversificação da Matriz Energética do Biodiesel Bruno Galvêas Laviola Pesquisador, Embrapa Agroenergia bruno.laviola@embrapa.br In: Câmara Setorial

Leia mais

Resultados e propostas para o SCS/MDA Leonardo Botelho Zilio - ABIOVE

Resultados e propostas para o SCS/MDA Leonardo Botelho Zilio - ABIOVE Resultados e propostas para o SCS/MDA Leonardo Botelho Zilio - ABIOVE Percepção da agricultura familiar em relação ao PNPB 97% 78% 74% 80% Fonte: ABIOVE Percepção da agricultura familiar em relação ao

Leia mais

Estratégia nacional do Brasil para perceber a diminuição dos gases de efeito estufa Marcelo Cupolo

Estratégia nacional do Brasil para perceber a diminuição dos gases de efeito estufa Marcelo Cupolo ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE BIOGÁS E BIOMETANO Estratégia nacional do Brasil para perceber a diminuição dos gases de efeito estufa Marcelo Cupolo AGENDA DA APRESENTAÇÃO Quem somos: Abiogás www.abiogas.org.br

Leia mais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ANÁLISE MENSAL DO MERCADO DE BIODIESEL: EDIÇÃO Nº 2 SETEMBRO DE 214 A, documento elaborado pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE, possui o intuito de levar ao mercado informações

Leia mais

PLANEJAMENTO ENERGÉTICO NACIONAL: PERSPECTIVAS DE DEMANDA E OFERTA DE ETANOL, GASOLINA, BIODIESEL E DIESEL

PLANEJAMENTO ENERGÉTICO NACIONAL: PERSPECTIVAS DE DEMANDA E OFERTA DE ETANOL, GASOLINA, BIODIESEL E DIESEL PLANEJAMENTO ENERGÉTICO NACIONAL: PERSPECTIVAS DE DEMANDA E OFERTA DE ETANOL, GASOLINA, BIODIESEL E DIESEL 10ª Edição do Fórum Nordeste Oportunidades nos Setores de Biocombustíveis, Etanol e Energias Limpas

Leia mais

O BIODIESEL E A AGRICULTURA FAMILIAR algumas questões

O BIODIESEL E A AGRICULTURA FAMILIAR algumas questões O BIODIESEL E A AGRICULTURA FAMILIAR algumas questões Gisélia Franco POTENGY 1 RESUMO: O objetivo desta comunicação é levantar algumas questões relativas ao Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel

Leia mais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ANÁLISE MENSAL DO MERCADO DE BIODIESEL: EDIÇÃO Nº 16 MAIO DE 214 A, documento elaborado pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE, possui o intuito de levar ao mercado informações

Leia mais

Agenda. Combustíveis Fosseis X Combustíveis Renováveis. Matrizes Energéticas no Transporte. Alternativas aos Motores Diesel. Opções Tecnológicas

Agenda. Combustíveis Fosseis X Combustíveis Renováveis. Matrizes Energéticas no Transporte. Alternativas aos Motores Diesel. Opções Tecnológicas Ethanol Summit 2009 Etanol: Nova Opção para Motores Diesel Engenharia de Desenvolvimento 3 de Junho de 2009 Agenda Combustíveis Fosseis X Combustíveis Renováveis Matrizes Energéticas no Transporte Alternativas

Leia mais

de Energia na Aviação

de Energia na Aviação Seminário DCA-BR- Fontes Renováveis de Energia na Aviação 08/Junho/2010 /2010 Ália Rached CENBIO Centro Nacional de Referência em Biomassa Instituto t de Eletrotécnica té e Energia Universidade de São

Leia mais

Biodiesel: O custo e a economia do biocombustível

Biodiesel: O custo e a economia do biocombustível Biodiesel: O custo e a economia do biocombustível O Histórico do PNPB Segurança energética Os benefícios do biodiesel: PIB e Emprego; Benefícios ambientais e de saúde pública; Agregação de valor na cadeia;

Leia mais

ENERGIAS RENOVÁVEIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO CEARÁ

ENERGIAS RENOVÁVEIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO CEARÁ ENERGIAS RENOVÁVEIS E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO CEARÁ R u b é r i a d a S i l v a C a m i n h a d e M e n e z e s M a r q u e s Indicadores do Ceará Área 146.348,30 km² IPECE,2008 População 8.450.527

Leia mais

23/04/2014. Os Impactos da Produção de Biodiesel no Segmento Energia Geração, Transmissão e Distribuição

23/04/2014. Os Impactos da Produção de Biodiesel no Segmento Energia Geração, Transmissão e Distribuição O Desempenho Econômico x Consumo de Diesel Os Impactos da Produção de Biodiesel no Segmento Projeto de Sebo Banco Bovino do Brasil Energia Geração, Transmissão e Distribuição O ano de foi marcado por um

Leia mais

Conjuntura e perspectivas

Conjuntura e perspectivas Conjuntura e perspectivas Panorama do mercado de oleaginosas Aproveitamento para produção de óleo e derivados IV Congresso Brasileiro de Mamona e I Simpósio Internacional de Oleaginosas Energéticas Daniel

Leia mais

BIODIESEL DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO DEGOMADO POR ESTERIFICAÇÃO

BIODIESEL DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO DEGOMADO POR ESTERIFICAÇÃO Página 36 BIODIESEL DO ÓLEO DE PINHÃO MANSO DEGOMADO POR ESTERIFICAÇÃO Alianda Dantas de Oliveira *1; Jose Geraldo Pacheco Filho1; Luiz Stragevitch1; Renata Santos Lucena Carvalho1; Ialy Silva Barros1;

Leia mais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais

Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ANÁLISE MENSAL DO MERCADO DE BIODIESEL: EDIÇÃO Nº 17 JUNHO DE 214 A, documento elaborado pela Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE, possui o intuito de levar ao mercado informações

Leia mais

Mercado de biodiesel no Brasil: conjuntura & perspectivas

Mercado de biodiesel no Brasil: conjuntura & perspectivas Mercado de biodiesel no Brasil: conjuntura & perspectivas Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia São Paulo SP 12 de novembro 2015 Principais oleaginosas, farelos e óleos Soja Algodão Amendoim Girassol

Leia mais

Tabela 4.1: Produção de biocombustíveis no Brasil (litros)

Tabela 4.1: Produção de biocombustíveis no Brasil (litros) Biocombustíveis Tamar Roitman / Fernanda Delgado A) Produção A produção de etanol anidro e hidratado em março/217 superou em 143,5% e 122%, respectivamente, a produção de fevereiro/217. A maior produção

Leia mais

O papel da AGRICULTURA FAMILIAR no

O papel da AGRICULTURA FAMILIAR no O papel da AGRICULTURA FAMILIAR no desenvolvimento do RS e do BRASIL Oportunidades de negócios para a Região Nordeste do Estado do Rio Grande do Sul Ministro Pepe Vargas Agricultura Familiar RS Receitas

Leia mais

R S E E S R E V R A V A DE D E PE P T E R T Ó R L Ó E L O E O MUN MU D N I D AL

R S E E S R E V R A V A DE D E PE P T E R T Ó R L Ó E L O E O MUN MU D N I D AL VISÃO DO PROGRAMA DE BIODIESEL: FOCO PERNAMBUCO 3 Ana Rita Fraga Drummond, Ph.D. Coordenadora Técnica do Probiodiesel-PEPE Instituto de Tecnologia de Pernambuco Seminário Biodiesel Fonte de Energia das

Leia mais

FONTE DE ENERGIA RENOVÁVEL. Prof.º: Carlos D Boa - geofísica

FONTE DE ENERGIA RENOVÁVEL. Prof.º: Carlos D Boa - geofísica FONTE DE ENERGIA RENOVÁVEL Prof.º: Carlos D Boa - geofísica Introdução Biocombustíveis (Biodiesel, Etanol e Hidrogênio) Biogás Biomassa Energia Eólica Energia das Marés Energia Hidrelétrica Energia Solar

Leia mais

Políticas Governamentais para Biocombustíveis

Políticas Governamentais para Biocombustíveis Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Departamento de Combustíveis Renováveis Políticas Governamentais para Biocombustíveis Ricardo B. Gomide ricardo.gomide@mme.gov.br

Leia mais

PRODUÇÃO DE BIODIESEL. Montes Claros MG

PRODUÇÃO DE BIODIESEL. Montes Claros MG PRODUÇÃO DE BIODIESEL Montes Claros MG 1 Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) 1- Objetivos e Diretrizes O Programa Nacional de Produção e Uso de Biodiesel (PNPB) é um programa interministerial

Leia mais

Etanol de milho: situação atual, desafios e perspectivas da produção Glauber Silveira

Etanol de milho: situação atual, desafios e perspectivas da produção Glauber Silveira Etanol de milho: situação atual, desafios e perspectivas da produção Glauber Silveira Aprosoja e Abramilho Mercado do milho Produção mundial Safra 17/18* EUA 370,3 CHINA 215,0 BRASIL 95,0 EUROPA 59,6 ARGENTINA

Leia mais

BIODIESEL DE SOJA PERSPECTIVA DE USO NO BRASIL

BIODIESEL DE SOJA PERSPECTIVA DE USO NO BRASIL BIODIESEL DE SOJA PERSPECTIVA DE USO NO BRASIL Dra. Roseli Aparecida Ferrari DEA UEPG Email ferrarir@uepg. @uepg.br PRODUÇÃO DE BIODIESEL BIODIESEL É um combustível renovável produzido a partir de óleos

Leia mais

Biocombustíveis em um Contexto Global. José Sérgio Gabrielli de Azevedo Presidente São Paulo 02 de junho de 2009

Biocombustíveis em um Contexto Global. José Sérgio Gabrielli de Azevedo Presidente São Paulo 02 de junho de 2009 Biocombustíveis em um Contexto Global José Sérgio Gabrielli de Azevedo Presidente São Paulo 02 de junho de 2009 MERCADO PARA BIOCOMBUSTÍVEIS A manutenção das metas dos governos para biocombustíveis, nos

Leia mais

Os Desafios do Setor Sucroenergético e o Movimento + Etanol Marcos Sawaya Jank

Os Desafios do Setor Sucroenergético e o Movimento + Etanol Marcos Sawaya Jank Os Desafios do Setor Sucroenergético e o Movimento + Etanol Marcos Sawaya Jank Presidente da União da Indústria da Cana-de-Açúcar São Paulo, 06 de fevereiro de 2012 O SETOR SUCROENERGÉTICO HOJE Estrutura

Leia mais

Distribuidoras: O Impacto do Aumento da Mistura

Distribuidoras: O Impacto do Aumento da Mistura Conferência BiodieselBR 2010 Distribuidoras: O Impacto do Aumento da Mistura Alisio Vaz Vice-Presidente Executivo Guarulhos 27 de Outubro de 2010 Conteúdo SINDICOM Mercado de Combustíveis Premissas PNPB

Leia mais

Agricultura Energética: Impulsionadora do Agronegócio Brasileiro

Agricultura Energética: Impulsionadora do Agronegócio Brasileiro FEDERAÇÃO DA AGRICULTURA DO ESTADO DE SÃO PAULO Agricultura Energética: Impulsionadora do Agronegócio Brasileiro Dr. Fábio de Salles Meirelles Presidente da FAESP e do SENAR/SP Primeiro Vice-Presidente

Leia mais

PROJEÇÃO DA PRODUÇÃO E CONSUMO DE DIESEL E BIODIESEL DA REGIÃO CENTRO-OESTE ATÉ O ANO 2030.

PROJEÇÃO DA PRODUÇÃO E CONSUMO DE DIESEL E BIODIESEL DA REGIÃO CENTRO-OESTE ATÉ O ANO 2030. PROJEÇÃO DA PRODUÇÃO E CONSUMO DE DIESEL E BIODIESEL DA REGIÃO CENTRO-OESTE ATÉ O ANO 2030. Mônica Joelma do Nascimento Anater 1 ; Eduardo Mirko Valenzuela Turdera 2 ; Vanessa Martins de Oliveira 3, Milena

Leia mais

O CONTEXTO ENERGÉTICO MUNDIAL E O MEIO AMBIENTE

O CONTEXTO ENERGÉTICO MUNDIAL E O MEIO AMBIENTE 3º Congresso Internacional de Bioenergia Feira Internacional de Tecnologia em Bioenergia e Biodiesel - 2008 O CONTEXTO ENERGÉTICO MUNDIAL E O MEIO AMBIENTE Rodrigo Augusto Rodrigues Subchefe Adjunto da

Leia mais

Perspectivas Mundiais dos Biocombustíveis

Perspectivas Mundiais dos Biocombustíveis Perspectivas Mundiais dos Biocombustíveis Sillas Oliva Filho Maio, 2007 Petrobras e os Biocombustíveis Uso dos Biocombustíveis no Mundo Motivação para os Biocombustíveis Atividades da Petrobras nos Biocombustíveis

Leia mais

Por que Estamos Importando Gasolina? Adriano Pires Agosto/2013

Por que Estamos Importando Gasolina? Adriano Pires Agosto/2013 Por que Estamos Importando Gasolina? Adriano Pires Agosto/2013 1 Agenda Oferta e Demanda de Gasolina Preços da Gasolina: Defasagem e Perdas Soluções do Governo Propostas 2 Oferta e Demanda de Gasolina

Leia mais

SUMÁRIO APRESENTAÇÃO BOLETIM MENSAL DOS COMBUSTÍVEIS RENOVÁVEIS

SUMÁRIO APRESENTAÇÃO BOLETIM MENSAL DOS COMBUSTÍVEIS RENOVÁVEIS Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Departamento de Combustíveis Renováveis BOLETIM MENSAL DOS COMBUSTÍVEIS RENOVÁVEIS EDIÇÃO N o 87 Abril/2015 SUMÁRIO

Leia mais

Alimentação e Biocombustíveis. Ramiro Raimundo

Alimentação e Biocombustíveis. Ramiro Raimundo Alimentação e Biocombustíveis Ramiro Raimundo Energia & Ambiente A União Europeia importa >50% das suas necessidades Energéticas O sector dos transportes representa 33% consumo de Energia, e é responsável

Leia mais

VALE A PENA DESENVOLVER O BIODIESEL?

VALE A PENA DESENVOLVER O BIODIESEL? VALE A PENA DESENVOLVER O BIODIESEL? Fernando Lagares Távora 1 A produção mundial de biodiesel, em 2010, foi de 19,5 bilhões de litros. Os continentes europeu e americano respondem por quase 80% dessa

Leia mais

Biodiesel: Matérias Primas

Biodiesel: Matérias Primas SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA E DO ABASTECIMENTO SECRETARIA DO ESTADO DA C&T E ENSINO SUPERIOR CURSO DE MESTRADO EM BIOENERGIA Biodiesel: Matérias Primas Londrina 22/04/14 RUY SEIJI YAMAOKA A CAFEIA

Leia mais

BIODIESEL PERÍODO: Março 2011

BIODIESEL PERÍODO: Março 2011 BIODIESEL PERÍODO: Março 2011 INTRODUÇÃO O mundo tem sido levado a repensar, agora com mais intensidade, as correlações que regem questões ligadas à energia, desenvolvimento e sustentabilidade. Essa afirmação

Leia mais

BIODIESEL. O NOVO COMBUSTÍVEL DO BRASIL.

BIODIESEL. O NOVO COMBUSTÍVEL DO BRASIL. Folder final 12/4/04 2:45 AM Page 1 BIODIESEL. O NOVO COMBUSTÍVEL DO BRASIL. PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL Folder final 12/4/04 2:45 AM Page 2 BIODIESEL. A ENERGIA PARA O DESENVOLVIMENTO

Leia mais