Os Benefícios Econômicos dos Gastos Estratégicos com TIC

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Os Benefícios Econômicos dos Gastos Estratégicos com TIC"

Transcrição

1 MONOGRAFIA Intel Low Touch Assunto de Negócios Os Benefícios Econômicos dos Gastos Estratégicos com TIC Modelos econômicos ajudam os governos do mundo inteiro a identificar políticas e investimentos otimizados de TIC FATOS SOBRE A TIC O setor de TIC responde por até 7,5% do PIB mundial, e corresponde a uma proporção ainda maior do crescimento do PIB.² Nas economias avançadas, para cada aumento de um ponto porcentual na penetração da banda larga em uma área específica, estima-se que o crescimento do emprego aumente entre 0,2 e 0,3 pontos percentuais por ano.³ As redes de banda larga oferecem uma plataforma construtiva para atender diversos desafios públicos, como saúde, educação, segurança de fronteiras e desenvolvimento da força de trabalho e econômico. 4 A crise econômica global intensificou a pressão sobre os governos no mundo inteiro para que desenvolvam políticas e programas que resultem no retorno mais alto possível, tanto em termos de emprego quanto de receita. Como foi enfatizado pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) em suas mais recentes previsões para a economia global, investimentos adicionais efetuados por governos nacionais em apoio às suas economias devem também ser direcionados às necessidades econômicas de longo prazo.¹ Muitos países que avaliaram os méritos dos investimentos em indústrias tradicionais tais como manufatura, têxteis e automotiva estão descobrindo um ROI melhor e de mais longo prazo no crescente setor da tecnologia da informação e comunicação (TIC). Para determinar os méritos relativos dos investimentos no setor de TIC, os governos agora estão desenvolvendo Modelos Econômicos de TIC específicos para cada região. Estes modelos usam dados quantitativos para determinar os riscos, benefícios e outros resultados prováveis dos diversos investimentos e iniciativas em TIC. Usando modelos e outros dados econômicos, países como a Turquia, Portugal, Austrália e Brasil fizeram investimentos estratégicos na indústria de TIC para produzir novos empregos, maior receita para o governo e economias mais estáveis de uma forma geral. Por que Investir em TIC? Pesquisas e implementações no mundo inteiro têm mostrado repetidamente que investimentos em TIC podem ter impacto positivo sobre os empregos, a produtividade, o crescimento do PIB e a inovação. Os efeitos demonstrados dos investimentos na infraestrutura de TIC são: Criação de empregos de alta capacitação e altos salários Maior competitividade internacional Efeito cascata, gerando oportunidades em muitas outras indústrias Melhor qualidade de vida por meio da maior educação, melhor saúde, etc. Pequenas e médias empresas mais fortes e competitivas Melhoria do comércio nacional e global devido à criação, distribuição e consumo mais fácil e rápido da informação Desenvolvimento de uma força de trabalho de TIC com conhecimentos e habilidades para exportar tecnologia a parceiros comerciais Conforme estes e outros benefícios dos investimentos em TIC se tornam cada vez mais eficientes, o desafio passou a ser identificar os melhores investimentos aqueles que têm maior probabilidade de aumentar o PIB, colocar as pessoas novamente em empregos, e que diminuem os custos tanto no futuro imediato quanto para os próximos anos.

2 ESTUDOS DE CASO Como demonstrado pelos exemplos a seguir da Turquia, Portugal, Austrália e Brasil, os Modelos Econômicos da TIC estão agora sendo usados para facilitar a tomada de decisões melhores sobre TIC por governos no mundo inteiro. O governo turco disponibilizou $100 milhões em apoio financeiro a compras de TIC para pequenas e médias empresas, além de reduzir o IVA sobre os PCs de 18% para 8% por três meses. A TIC comprovou ser um habilitador fundamental do progresso e desenvolvimento socioeconômico, aumentando a produtividade e, portanto o crescimento econômico, reduzindo a pobreza e melhorando os padrões de vida de muitas formas. Soumitra Dutta and Irene Mia, Relatório da Tecnologia da Informação Global : Mobilidade em um Mundo em Rede, Fórum Econômico Mundial de 2009 Exemplo 1: A Turquia Diminui o IVA para Fomentar o Crescimento no Emprego Durante o desenvolvimento inicial de seu programa de estímulo econômico, o governo turco enfocou principalmente a redução dos impostos para o setor não relacionado à TIC. A TUBISAD, uma organização não governamental (ONG) local, apontou uma razão importante para que o governo expandisse sua consideração para a indústria de TIC: Em média, na Turquia, são necessários $61 mil para criar um novo emprego no setor tradicional, como a indústria automotiva, em comparação a apenas $5 mil no setor de TIC. A indústria de manufatura de alta tecnologia local da Turquia também tinha um estoque excedente de computadores pessoais à mão e altas taxas de desemprego. Ao examinar os dados econômicos, o governo turco identificou que, reduzindo o imposto sobre o valor agregado (IVA) de computadores pessoais, estaria fazendo o investimento mais benéfico. O Modelo Econômico de TIC da Turquia projetou: Uma redução de 10 pontos percentuais no IVA aumentaria as vendas de PCs em 10,3% O programa de redução de impostos tem um valor estabelecido de $279 milhões em um período de cinco anos A redução do IVA levaria à criação de 14 a 15 mil empregos adicionais nas indústrias de manufatura e varejo de PCs em um período de cinco anos Cada dólar perdido em receita de IVA retornaria $1,31 ao governo em outros impostos Enquanto muitos países não têm recursos para efetuar estudos econômicos porque este trabalho não foi defendido durante as épocas de fartura econômica, o ambiente econômico atual requer uma abordagem mais proativa. Em junho de 2009, apenas três meses após a redução do IVA, os benefícios previstos pelo Modelo Econômico de TIC haviam se evidenciado: Aumento da receita tributária nominal do governo Aumento da demanda por compras relativas à TIC devido às respostas favoráveis do público às reduções de preços Maior produção local de PCs, que cresceu 4,3% em abril de Logo após o encerramento do período inicial de três meses, o sucesso desta política convenceu o governo a estender a redução do IVA por mais três meses. O Modelo Econômico de TIC da Turquia está agora sendo usado na avaliação de outras opções de estímulos econômicos como oferecer descontos em dinheiro para a compra do primeiro PC e subsidiar o custo da banda larga para PCs comprados por professores. 2

3 Exemplo 2: Programa Português Cria Novos Empregos e Gera Crescimento Econômico Recentemente, Portugal instituiu um plano nacional de tecnologia denominado Plano Tecnológico, com a meta geral de construir uma sociedade baseada no conhecimento. Como parte deste plano, o governo trabalhou com a Intel e com outros parceiros dos setores público e privado para desenvolver um programa de tecnologia educacional inovador estabelecido sobre um modelo econômico único e sustentável. O financiamento inicial para o programa educacional veio de um leilão de faixa que levantou 460 milhões. Os fundos foram usados de muitas formas, incluindo o subsídio a programas de compra de tecnologia para alunos e professores. As empresas locais de telefonia, desenvolvedores de software e provedores de conteúdo criaram produtos para os programas educacionais, e Portugal é um dos primeiros países da União Européia a produzir seus próprios computadores incluindo 500 mil PCs Magalhães que agora estão sendo produzidos para os alunos de ensino primário do país. No espaço de poucos anos, Portugal desenvolveu um modelo econômico muito bem-sucedido que gerou 2,3 bilhões em atividade econômica, e que tem produtos e serviços que agora são exportados aos parceiros comerciais. Por exemplo, a Venezuela fez um pedido para 1 milhão de PCs Magalhães que estão sendo manufaturados em Portugal. Além disso, a Portugal Telecom está conduzindo uma implantação inicial de serviços na Namíbia. Os benefícios econômicos diretos e indiretos previstos para os investimentos portugueses em TIC incluem: 6 Benefícios Diretos Criação de empregos locais associados à produção de hardware e software, e a serviços de suporte Maiores receitas e salários associados à criação de empregos Melhorias na infraestrutura física e da Internet Aumento das exportações; melhoria da balança comercial Benefícios Indiretos Atividade econômica indireta produzida pela criação de novos empregos em produção e serviços Maior capacidade de atrair investimentos estrangeiros devido à melhor capacitação da força de trabalho Melhoria da competitividade internacional Aumento das capacidades e do ecossistema local de TI Maior receita com impostos Exemplo 3: Dados Econômicos da Austrália: Tecnologias Inteligentes A Austrália tem examinado os benefícios econômicos potenciais da adoção de tecnologias inteligentes. A implantação ainda está em sua infância, e deverá continuar pelos próximos 5 a 10 anos, com tecnologias inteligentes em cinco áreas: eletricidade, irrigação, saúde, transporte e comunicações em banda larga. Estima-se conservadoramente que a adoção das tecnologias e sistemas inteligentes nestas cinco áreas resulte nos seguintes impactos sobre a economia e no emprego: 7 Um aumento do valor líquido presente (NPV) do Produto Interno Bruto (PIB) entre $35 a $80 bilhões nos primeiros 10 anos, com as estimativas precisas dependendo de quanta capacidade ociosa haverá na economia Com a economia operando a pleno emprego, um aumento da produtividade da mão de obra de cerca de 0,5% conforme as tecnologias se tornem mais amplamente adotadas Com a economia operando a menos do que pleno emprego, um impacto mais pronunciado no emprego foi previsto, conforme a adoção das tecnologias aumente. Apenas em 2014, espera-se que isto resulte em mais de 70 mil empregos sendo criados na economia De fato, investir na infraestrutura de informação de alta qualidade e acessível, na educação e no conhecimento pode ser a melhor forma de inovarmos para sairmos desta crise, especialmente para países em desenvolvimento. Investir no acesso mais amplo ao conhecimento se torna ainda mais, e não menos, importante durante os tempos de crise. Confrontando a Crise: Seu Impacto na Indústria de TIC, Fevereiro de 2009, pág. 71 3

4 A combinação de maior produtividade e níveis de emprego pode resultar em um aumento dos padrões de vida conforme abaixo: Um investimento em tecnologias de redes inteligentes da ordem de $3,2 bilhões em sete anos que resulte em um uso menor de eletricidade em cerca de 4% promoveria: - Um aumento do NPV do PIB entre $7 e $16 bilhões em um período de 10 anos empregos em uma economia que opera a menos do que pleno emprego A adoção de sistemas inteligentes por meio de um investimento de $200 milhões nas áreas de irrigação da Bacia de Murray-Darling que possibilitasse uma economia de 15% de água promoveria: - Um aumento do NPV do PIB entre $420 e $670 milhões em um período de 10 anos empregos em uma economia que opera a menos do que pleno emprego A adoção de um sistema nacional de registros eletrônicos para a saúde apenas um aspecto de como as tecnologias inteligentes podem auxiliar na busca de melhores resultados na saúde por meio de um investimento de $6,3 bilhões em tecnologia promoveria: - Um aumento do NPV do PIB entre $6 e $13 bilhões em um período de 10 anos - 12 mil empregos em uma economia operando a menos do que pleno emprego - Um aumento do NPV do PIB entre $8 e 23 bilhões em um período de 10 anos - 33 mil empregos até 2011 em uma economia operando a menos do que pleno emprego Exemplo 4: O Brasil Estimula a Economia com Investimentos em TIC No Brasil, o governo reconheceu o potencial de poderosos retornos do investimento no crescente setor de TIC, que agora compreende 7% do PIB do país. 8 O desafio era priorizar os investimentos em TIC que gerassem os mais altos retornos no curto prazo. O governo recorreu a dados econômicos para orientar suas decisões. Os programas em potencial foram classificados com base em seu possível impacto sobre o desenvolvimento socioeconômico e também sua facilidade de implementação. Sete programas de TIC se destacaram, desde a redução do custo da banda larga à aceleração de certos processos regulatórios. Os dados da Booz & Company mostraram que os programas poderiam ter um impacto significativo sobre a economia nacional, que incluiriam: Criação de pelo menos 15 mil empregos e formalização de até 50 mil empregos Desenvolvimento de mais de 1 milhão de novas linhas de acesso à banda larga em residências, pequenas empresas e Internet cafés Agenda: Impacto Significativo Agenda Vendas de até 5 milhões de novos PCs Os dados relacionados à TIC foram apresentados a contatos chave do governo tanto no nível estadual quanto no federal em workshops formais que contaram com a presença do Ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O governo escolheu prosseguir com uma das sugestões a eliminação do IVA sobre a banda larga, que diminui o preço ao usuário final em 18% - e continua avaliando outras sugestões. A redução tributária deverá beneficiar cidadãos, pequenas e médias empresas e provedores de serviço de Internet em um país onde o acesso à banda larga não se equiparou ao crescimento das aquisições de PCs e onde apenas 20% das residências têm algum tipo de conexão com a Internet. O impacto econômico previsto da redução tributária inclui: Mais de 1 milhão de novos usuários de banda larga Novos empregos no setor de TIC Maior produtividade entre as PMEs Maior acesso à banda larga em pequenas cidades e em outras áreas que antes estavam excluídas devido ao alto custo de aquisição Impacto A adoção de sistemas de transporte inteligente integrado, acompanhado de uma reforma regulatória e de governança, promoveria: - Um aumento do NPV do PIB entre $12 e $26 bilhões em um período de 10 anos Banda larga 1.0 PCs para todos 2.0 Lan Houses 3.0 Mais de 1 milhão de novas linhas de acesso em banda larga (incremental) Até 5 milhões de novos PCs maior penetração - 30 mil empregos em uma economia operando a menos do que pleno emprego Além de efetivamente habilitar as tecnologias inteligentes em outros setores da economia, um investimento de $12,6 bilhões na implantação de tecnologias de banda larga fiber-to-the-node na comunidade teria conservadoramente os seguintes resultados: 4 Treinamento para PMEs Acelerar processos regulatórios chave Lei (Custo do emprego) TIC no governo Nota: O impacto da iniciativa TIC no governo não foi qualificado. Booz & Company Junho de 2009 Criação de pelo menos 15 mil empregos Investimento de R$ 750 milhões em banda larga wireless Preparado para: BRASSCOM Efeito cascata sobre outros setores da economia Formalização de até 50 mil empregos Investimento de (pelo menos) R$ 65 milhões em Lan Houses

5 O QUE PODE FAZER UM MODELO ECONÔMICO DE TIC? Oferecer análises condicionais em uma ampla variedade de políticas e programas de TIC Avaliação dos custos, benefícios e compensações dos investimentos em TIC Cálculo das taxas de custo-benefício Geração de projeções detalhadas para vários prazos Como Projetar seu Modelo Econômico de TIC O sucesso dos investimentos em TIC feitos na Turquia, Portugal, Austrália e no Brasil ilustra o valor de se usar dados econômicos e especialmente Modelos Econômicos de TIC para identificar os melhores investimentos em TIC. Os modelos econômicos devem ser adaptados para a dinâmica particular do país para o qual foram criados, porém há elementos em comum no projeto e no processo de implementação, que incluem os seguintes passos: Identificar as políticas e investimentos em TIC que provavelmente devem ser analisadas e modelá-las Coletar os dados brutos necessários para o modelo econômico, como taxas de impostos, descontos e taxas de cobertura de banda larga Assegurar que o modelo seja de fácil interpretação e identificar claramente os custos e benefícios esperados Produzir um relatório completo e disseminá-lo aos principais stakeholders, oferecendo ações recomendadas com base na análise oferecida pelo modelo econômico Fazer ajustes ao modelo. Inserir dados brutos revisados conforme eles se tornem disponíveis, e criar análises de novas políticas e investimentos Comece Hoje Mesmo Os atuais governos estão sob pressão para responder rapidamente à crise econômica global, investindo em programas que gerem o máximo em receitas e empregos. O sucesso dos Modelos Econômicos de TIC na Turquia, Portugal, Austrália e no Brasil demonstra o potencial destes modelos em eliminar as especulações e identificar os investimentos em TIC que sejam mais promissores com base em projeções de custo-benefício e receitas. O Programa Intel World Ahead O Programa Intel World Ahead visa melhorar vidas acelerando o acesso à tecnologia sem compromissos para todos, em toda parte. Enfocado nas comunidades em desenvolvimento, ele integra e estende os esforços da Intel de utilizar a tecnologia para ajudar as pessoas a melhorarem suas vidas, suas sociedades e economias. Estamos trabalhando com governos, organizações de desenvolvimento, grupos comunitários e outros líderes de tecnologia para criar o mundo adiante um lugar que capacitará o próximo bilhão de pessoas por meio de: Acesso às tecnologias que melhor se adequam às necessidades locais Conexões com o mundo por meio de tecnologias de alta velocidade Educação que prepara para o futuro Conteúdo e serviços que melhoram vidas Melhorias em saúde por meio da tecnologia 5

6 1. Em seus comentários na coletiva de imprensa que acompanhou a publicação da mais recente previsão do FMI, o Economista-Chefe do FMI Olivier Blanchard observou a importância de se tentar utilizar medidas fiscais para tratar das tendências econômicas de longo prazo. Ele enfatizou os gastos em todas as formas de infraestrutura, incluindo a TIC. 2. Base de dados do Banco Mundial. 3. Robert W. Crandall, Robert E. Litan, and William Lehr, The Effects of Broadband Deployment on Output and Employment: A Cross-Sectional Analysis Of U.S. Data, Issues in Economic Policy: The Brookings Institution, No. 6, July Ibid Measuring the Economic Impact of Magellan A First Look; Vital Wave Consulting, June The Economic Benefits of Intelligent Technologies, Access Economies Pty Limited, May IBGE Contas Nacionais, Análise da Booz & Company, AS INFORMAÇÕES NESTE DOCUMENTO SÃO FORNECIDAS EM RELAÇÃO A PRODUTOS INTEL. NENHUMA LICENÇA, EXPRESSA OU IMPLÍCITA, POR MEIO DE PRECLUSÃO CONSUMATIVA OU DE OUTRA FORMA, A QUALQUER DIREITO DE PROPRIEDADE INTELECTUAL FOI CONCEDIDA NESTE DOCUMENTO. EXCETO CONFORME DISPOSTO NOS TERMOS E CONDIÇÕES DE VENDAS DA INTEL PARA ESTES PRODUTOS, A INTEL NÃO ASSUME NENHUMA RESPONSABILIDADE DE QUALQUER TIPO, E A INTEL NEGA QUALQUER GARANTIA EXPRESSA OU IMPLÍCITA, REFERENTE À VENDA E/OU USO DE PRODUTOS INTEL INCLUINDO RESPONSABILIDADES OU GARANTIAS RELATIVAS À ADEQUAÇÃO PARA UMA FINALIDADE PARTICULAR, CAPACIDADE COMERCIAL OU INFRAÇÃO DE PATENTES, DIREITOS AUTORAIS OU OUTROS DIREITOS DE PROPRIEDADE INTELECTUAL. A NÃO SER QUE SEJA ESTABELECIDO DE OUTRA FORMA POR ESCRITO PELA INTEL, OS PRODUTOS INTEL NÃO FORAM PROJETADOS NEM PRETENDIDOS PARA APLICAÇÕES ONDE A FALHA DO PRODUTO INTEL POSSA CRIAR SITUAÇÃO ONDE POSSA OCORRER LESÃO CORPORAL OU MORTE. A Intel poderá fazer modificações às especificações ou descrições de produtos a qualquer momento, sem notificação. Os projetistas não devem apoiar-se na ausência de características de quaisquer funções ou instruções marcadas como reservada ou não definida. A Intel as reserva para definição futura e não terá responsabilidade nenhuma quanto a conflitos ou incompatibilidades advindos de mudanças futuras nestas. As informações no presente estão sujeitas a mudanças sem aviso. Não finalize o seu projeto com estas informações. Os produtos descritos neste documento poderão conter defeitos ou erros de projeto conhecidos como errata, que podem fazer com que o produto desvie de suas especificações publicadas. As erratas atualmente caracterizadas estão disponíveis mediante solicitação. Contate seu escritório de vendas local ou seu distribuidor para obter as especificações mais recentes e antes de fazer o pedido de seu produto. Cópias dos documentos que têm número de pedido e são referenciados neste produto ou em outra literatura da Intel poderão ser obtidas ligando-se para , ou acessando-se o Website da Intel em Copyright 2009, Intel Corporation. Todos os direitos reservados. Intel, e o logotipo da Intel são marcas ou marcas registradas da Intel Corporation ou de suas subsidiárias nos Estados Unidos e em outros países. *Outros nomes e marcas podem ser considerados como de propriedade de terceiros. Impresso nos Estados Unidos 0909/PKO/CMD/XX/XX Favor reciclar US

CONVITE À APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS INOVAÇÃO EM FINANCIAMENTO

CONVITE À APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS INOVAÇÃO EM FINANCIAMENTO CONVITE À APRESENTAÇÃO DE PROPOSTAS INOVAÇÃO EM FINANCIAMENTO FUNDO COMUM PARA OS PRODUTOS BÁSICOS (FCPB) BUSCA CANDIDATURAS A APOIO PARA ATIVIDADES DE DESENVOLVIMENTO DOS PRODUTOS BÁSICOS Processo de

Leia mais

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional

Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem. Serviços HP Cloud Professional Folheto Acelere sua jornada rumo à nuvem Professional Folheto Professional A HP oferece um portfólio abrangente de serviços profissionais em nuvem para aconselhar, transformar e gerenciar sua jornada rumo

Leia mais

Pequenas e Médias Empresas no Canadá. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios

Pequenas e Médias Empresas no Canadá. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Pequenas e Médias Empresas no Canadá Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios De acordo com a nomenclatura usada pelo Ministério da Indústria do Canadá, o porte

Leia mais

Audiência Pública "Plano Nacional de Banda Larga

Audiência Pública Plano Nacional de Banda Larga Audiência Pública "Plano Nacional de Banda Larga Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática Senado Federal 09 de março de 2010 Plenário nº 03 da Ala Senador Alexandre Costa Imagine

Leia mais

Criar excelentes experiências de uso com o design centrado no usuário

Criar excelentes experiências de uso com o design centrado no usuário Criar excelentes experiências de uso com o design centrado no usuário O design centrado no usuário cria uma excelente experiência de uso pois ele se concentra em quem é o usuário final do aplicativo, como

Leia mais

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 A GSMA representa os interesses da indústria mundial de comunicações móveis. Presente em mais de 220 países, a GSMA

Leia mais

O PC Magalhães* para Educação:

O PC Magalhães* para Educação: Estudo de Impacto O PC Magalhães* para Educação: Tecnologia para Transformar o Presente e o Futuro de Portugal Para tirar proveito das oportunidades oferecidas pela globalização, uma sociedade deve buscar

Leia mais

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel Software de gerenciamento do sistema Intel do servidor modular Intel Declarações de Caráter Legal AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO RELACIONADAS AOS PRODUTOS INTEL, PARA FINS DE SUPORTE ÀS PLACAS

Leia mais

Transformação do Agile ajuda a IBM Software a economizar 300 milhões de dólares

Transformação do Agile ajuda a IBM Software a economizar 300 milhões de dólares Transformação do Agile ajuda a IBM Software a economizar 300 milhões de dólares IBM Rational software possibilita práticas Agile e reutilização mais ampla de ativos Visão geral A necessidade IBM Software

Leia mais

Educação e Mobilidade. Renata Aquino Ribeiro Consultora para o Instituto Crescer de redes sociais e educação

Educação e Mobilidade. Renata Aquino Ribeiro Consultora para o Instituto Crescer de redes sociais e educação Educação e Mobilidade Renata Aquino Ribeiro Consultora para o Instituto Crescer de redes sociais e educação TIC o que aprendemos com as pesquisas? Para se obter resultados positivos, a tecnologia deve

Leia mais

ABNT NBR ISO/IEC 27002:2005

ABNT NBR ISO/IEC 27002:2005 ABNT NBR ISO/IEC 27002:2005 Código de prática para a gestão da segurança da informação A partir de 2007, a nova edição da ISO/IEC 17799 será incorporada ao novo esquema de numeração como ISO/IEC 27002.

Leia mais

MACRO-OBJETIVOS DO PROGRAMA MACRO-METAS DO PROGRAMA LINHA DO TEMPO

MACRO-OBJETIVOS DO PROGRAMA MACRO-METAS DO PROGRAMA LINHA DO TEMPO MACRO-OBJETIVOS DO PROGRAMA 1- FORTALECER O SETOR DE SOFTWARE E SERVIÇOS DE TI, NA CONCEPÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS; 2- CRIAR EMPREGOS QUALIFICADOS NO PAÍS; 3- CRIAR E FORTALECER EMPRESAS

Leia mais

A Mobilização Empresarial pela Inovação: 25/05/2011

A Mobilização Empresarial pela Inovação: 25/05/2011 A Mobilização Empresarial pela Inovação: Desafios da Inovação no Brasil Rafael Lucchesi Rafael Lucchesi 25/05/2011 CNI e vários líderes empresariais fizeram um balanço crítico da agenda empresarial em

Leia mais

Oportunidades de Patrocínio. cloudstackday. 12/02/2015 São Paulo. Auditório István Jancsó Universidade de São Paulo

Oportunidades de Patrocínio. cloudstackday. 12/02/2015 São Paulo. Auditório István Jancsó Universidade de São Paulo Oportunidades de Patrocínio 12/02/2015 São Paulo Auditório István Jancsó Universidade de São Paulo Situação do mercado brasileiro de TI O Brasil vive um déficit de mão-de-obra qualificada, especialmente

Leia mais

Para informação adicional sobre os diversos países consultar: http://europa.eu.int/information_society/help/links/index_en.htm

Para informação adicional sobre os diversos países consultar: http://europa.eu.int/information_society/help/links/index_en.htm Anexo C: Súmula das principais iniciativas desenvolvidas na Europa na área da Sociedade de Informação e da mobilização do acesso à Internet em banda larga Para informação adicional sobre os diversos países

Leia mais

Governança Corporativa. A importância da Governança de TI e Segurança da Informação na estratégia empresarial.

Governança Corporativa. A importância da Governança de TI e Segurança da Informação na estratégia empresarial. Governança Corporativa A importância da Governança de TI e Segurança da Informação na estratégia empresarial. A virtualização dos negócios tem impactado diretamente a condição de fazer negócio, conferindo

Leia mais

BRASIL: Gigante de TI rumo ao mercado global

BRASIL: Gigante de TI rumo ao mercado global BRASIL: Gigante de TI rumo ao mercado global TENDÊNCIAS GLOBAIS DO SETOR DE TI-BPO 2 Empregos no Setor Milhões de Pessoas Ocupadas (1) Vendas do Setor Gasto em TIC no Brasil - USD Bi, 2008 (2) 11.7 100.3

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO CA IT Asset Manager como gerenciar o ciclo de vida de ativos, maximizar o valor dos investimentos em TI e obter uma exibição do portfólio de todos os meus ativos? agility made possible

Leia mais

Código de prática para a gestão da segurança da informação

Código de prática para a gestão da segurança da informação Código de prática para a gestão da segurança da informação Edição e Produção: Fabiano Rabaneda Advogado, professor da Universidade Federal do Mato Grosso. Especializando em Direito Eletrônico e Tecnologia

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br 1 BuscaLegis.ccj.ufsc.br BALBONI, Mariana (coord. executiva). Pesquisa Sobre o Uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação no Brasil: TIC Domicílios e TIC Empresas 2007. São Paulo: Comitê Gestor

Leia mais

Apresentação de Teresa Ter-Minassian na conferencia IDEFF: Portugal 2011: Coming to the bottom or going to the bottom? Lisboa, Jan.31-Fev.

Apresentação de Teresa Ter-Minassian na conferencia IDEFF: Portugal 2011: Coming to the bottom or going to the bottom? Lisboa, Jan.31-Fev. Apresentação de Teresa Ter-Minassian na conferencia IDEFF: Portugal 2011: Coming to the bottom or going to the bottom? Lisboa, Jan.31-Fev.1, 2011 Estrutura da apresentação Antecedentes Principais características

Leia mais

Sistema produtivo e inovativo de software e serviços de TI brasileiro: Dinâmica competitiva e Política pública

Sistema produtivo e inovativo de software e serviços de TI brasileiro: Dinâmica competitiva e Política pública Conferência Internacional LALICS 2013 Sistemas Nacionais de Inovação e Políticas de CTI para um Desenvolvimento Inclusivo e Sustentável 11 e 12 de Novembro, 2013 - Rio de Janeiro, Brasil Sistema produtivo

Leia mais

Perspectivas para o Mercado de Sw & Serviços de TI:

Perspectivas para o Mercado de Sw & Serviços de TI: Perspectivas para o Mercado de Sw & Serviços de TI: Política Industrial & Plano de Ação C,T&I 2007-2010 Ministério da Ciência e Tecnologia Secretaria de Política de Informática - SEPIN outubro/2010 Agenda

Leia mais

Desafios para a Expansão das Exportações de TI ENAEX 2011. Antonio Gil Presidente

Desafios para a Expansão das Exportações de TI ENAEX 2011. Antonio Gil Presidente Desafios para a Expansão das Exportações de TI ENAEX 2011 Antonio Gil Presidente São Paulo, Agosto 2011 Sobre a BRASSCOM VISÃO Posicionar o Brasil como um dos cinco maiores centros de TI do mundo. MISSÃO

Leia mais

Plano Brasil Maior e o Comércio Exterior Políticas para Desenvolver a Competitividade

Plano Brasil Maior e o Comércio Exterior Políticas para Desenvolver a Competitividade Plano Brasil Maior e o Comércio Exterior Políticas para Desenvolver a Competitividade Alessandro Golombiewski Teixeira Secretário-Executivo do MDIC Rio de Janeiro, Agosto de 2011 Introdução 1 Contexto

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

e-learning 1:1 na Henderson: Cumprindo a Promessa da Inclusão Total

e-learning 1:1 na Henderson: Cumprindo a Promessa da Inclusão Total ESTUDO DE CASO Escola de Primeiro Grau de Inclusão Dr. William W. Henderson e-learning 1:1 na Henderson: Cumprindo a Promessa da Inclusão Total Professores usam maior acesso à tecnologia para aumentar

Leia mais

REDUÇÃO DA TAXA DE POUPANÇA E AS EMPRESAS NÃO FINANCEIRAS: 2010-2014

REDUÇÃO DA TAXA DE POUPANÇA E AS EMPRESAS NÃO FINANCEIRAS: 2010-2014 NOTAS CEMEC 01/2015 REDUÇÃO DA TAXA DE POUPANÇA E AS EMPRESAS NÃO FINANCEIRAS: 2010-2014 Carlos A. Rocca Lauro Modesto Santos Jr. Fevereiro de 2015 1 1. Introdução No Estudo Especial CEMEC de novembro

Leia mais

As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012

As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012 As novas tecnologias podem finalmente - viabilizar o RH Estratégico? Thais Silva I Janeiro 2012 Universo TOTVS Fundada em 1983 6ª maior empresa de software (ERP) do mundo Líder em Software no Brasil e

Leia mais

Gnatus inova e simplifica gestão com SAP Business Suite powered by SAP HANA

Gnatus inova e simplifica gestão com SAP Business Suite powered by SAP HANA Gnatus inova e simplifica gestão com SAP Business Suite powered by SAP HANA A Gnatus é uma importante fabricante de equipamentos odontológicos e precisava sustentar seu crescimento em um ambiente de alta

Leia mais

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso 1. Muitas organizações estão utilizando tecnologia da informação para desenvolver sistemas

Leia mais

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM CUSTOMER SUCCESS STORY Maio 2014 Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Clarity PPM PERFIL DO CLIENTE Empresa: Renova Energia Indústria: Energia Funcionários: 182 (2012) Faturamento:

Leia mais

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Apoiar a empregabilidade pela melhora da qualidade do ensino profissionalizante UK Skills Seminar Series 2014 15 British Council UK Skills Seminar

Leia mais

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital

{ 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 2 } Parque Tecnológico Capital Digital { 3 } 1. INTRODUÇÃO: PARQUE TECNOLÓGICO CAPITAL DIGITAL - PTCD Principal polo de desenvolvimento Científico, Tecnológico e de Inovação do Distrito Federal, o PTCD

Leia mais

Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória

Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória Uso dos computadores e a Tecnologia da informação nas empresas: uma visão geral e introdutória Não há mais dúvidas de que para as funções da administração - planejamento, organização, liderança e controle

Leia mais

Brasileiro faz plano de banda larga dos EUA

Brasileiro faz plano de banda larga dos EUA Brasileiro faz plano de banda larga dos EUA 4 de outubro de 2009 O brasileiro Carlos Kirjner, nomeado pelo presidente Barack Obama para o cargo de conselheiro do diretor-geral da Comissão Federal de Comunicações

Leia mais

A REORIENTAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL BRASILEIRO IBGC 26/3/2015

A REORIENTAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL BRASILEIRO IBGC 26/3/2015 A REORIENTAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL BRASILEIRO IBGC 26/3/2015 1 A Situação Industrial A etapa muito negativa que a indústria brasileira está atravessando vem desde a crise mundial. A produção

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO PMI PULSO DA PROFISSÃO RELATÓRIO DETALHADO GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO Destaques do Estudo As organizações mais bem-sucedidas serão aquelas que encontrarão formas de se diferenciar. As organizações estão

Leia mais

Núcleo de Inovação e Empreendedorismo. CRI Nacional. Relatório de Evento 11 de Dezembro de 2013

Núcleo de Inovação e Empreendedorismo. CRI Nacional. Relatório de Evento 11 de Dezembro de 2013 Data Núcleo de Inovação e Empreendedorismo CRI Nacional Relatório de Evento 11 de Dezembro de 2013 Encontro do CRI Nacional 11 de Dezembro de 2013 Cenários Econômicos e Impactos para a Inovação em 2014

Leia mais

CA Clarity PPM. Visão geral. Benefícios. agility made possible

CA Clarity PPM. Visão geral. Benefícios. agility made possible FOLHA DO PRODUTO CA Clarity PPM agility made possible O CA Clarity Project & Portfolio Management (CA Clarity PPM) o ajuda a inovar com agilidade, a transformar seu portfólio com confiança e a manter os

Leia mais

Educação para o Desenvolvimento

Educação para o Desenvolvimento Educação para o Desenvolvimento FIESC Jornada pela Inovação e Competitividade Florianópolis, 19 de julho de 2012 gustavo.ioschpe@g7investimentos.com.br gioschpe A Educação no Brasil 74% da população brasileira

Leia mais

A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM UM MUNDO GLOBALIZADO

A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM UM MUNDO GLOBALIZADO A CARTA DE BANGKOK PARA A PROMOÇÃO DA SAÚDE EM UM MUNDO GLOBALIZADO Introdução Escopo A Carta de Bangkok identifica ações, compromissos e promessas necessários para abordar os determinantes da saúde em

Leia mais

COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS. Finanças

COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS. Finanças COMPETÊNCIAS FUNCIONAIS Finanças DESCRIÇÕES DOS NÍVEIS APRENDIZ Aprende para adquirir conhecimento básico. É capaz de pôr este conhecimento em prática sob circunstâncias normais, buscando assistência

Leia mais

COMO ENTENDER O VALOR EMPRESARIAL DOS SISTEMAS E COMO GERENCIAR A MUDANÇA

COMO ENTENDER O VALOR EMPRESARIAL DOS SISTEMAS E COMO GERENCIAR A MUDANÇA COMO ENTENDER O VALOR EMPRESARIAL DOS SISTEMAS E COMO GERENCIAR A MUDANÇA 1 OBJETIVOS 1. Como nossa empresa pode medir os benefícios de nossos sistemas de informação? Quais modelos deveríamos usar para

Leia mais

BPO para Empresas de Energia e Concessionárias de Serviços Públicos

BPO para Empresas de Energia e Concessionárias de Serviços Públicos BPO para Empresas de Energia e Concessionárias de Serviços Públicos Terceirização de Processos Empresariais da Capgemini Um componente da área de Serviços Públicos da Capgemini As concessionárias de serviços

Leia mais

CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA 2015

CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA 2015 ATENÇÃO: ANTES DE ASSINAR ESTA CARTA, LEIA O CONTEÚDO ATÉ O FINAL E CLIQUE NO LINK. FÓRUM DE AÇÃO EMPRESARIAL PELO CLIMA CARTA ABERTA AO BRASIL SOBRE MUDANÇA DO CLIMA 2015 O desafio da mudança do clima

Leia mais

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC

Incentivar a inovação em processos funcionais. Aprimorar a gestão de pessoas de TIC Incentivar a inovação em processos funcionais Aprendizagem e conhecimento Adotar práticas de gestão participativa para garantir maior envolvimento e adoção de soluções de TI e processos funcionais. Promover

Leia mais

Jonas de Souza H2W SYSTEMS

Jonas de Souza H2W SYSTEMS Jonas de Souza H2W SYSTEMS 1 Tecnólogo em Informática Fatec Jundiaí MBA em Gerenciamento de Projetos FGV Project Management Professional PMI Mestrando em Tecnologia UNICAMP Metodologia de apoio à aquisição

Leia mais

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO X PROJETO BÁSICO: DESCRIÇÃO DOS PROCESSOS DE TI

CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO X PROJETO BÁSICO: DESCRIÇÃO DOS PROCESSOS DE TI CONCORRÊNCIA AA Nº 05/2009 BNDES ANEXO X PROJETO BÁSICO: DESCRIÇÃO DOS PROCESSOS DE TI 1. PI06 TI 1.1. Processos a serem Atendidos pelos APLICATIVOS DESENVOLVIDOS Os seguintes processos do MACROPROCESSO

Leia mais

MANUTENÇÃO PREDITIVA : BENEFÍCIOS E LUCRATIVIDADE.

MANUTENÇÃO PREDITIVA : BENEFÍCIOS E LUCRATIVIDADE. 1 MANUTENÇÃO PREDITIVA : BENEFÍCIOS E LUCRATIVIDADE. Márcio Tadeu de Almeida. D.Eng. Professor da Escola Federal de Engenharia de Itajubá. Consultor em Monitoramento de Máquinas pela MTA. Itajubá - MG

Leia mais

Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens

Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens Academia de Tecnologia da IBM White paper de liderança de pensamento Novembro de 2010 Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens 2 Proteção da nuvem: do desenvolvimento da estratégia

Leia mais

Banda Larga e TICs para sociedades inteligentes, inclusivas e sustentáveis. RIO+ 20 Leila Loria

Banda Larga e TICs para sociedades inteligentes, inclusivas e sustentáveis. RIO+ 20 Leila Loria Banda Larga e TICs para sociedades inteligentes, inclusivas e sustentáveis RIO+ 20 Leila Loria 19.06.2012 Há pelo menos 20 anos se discute o desenvolvimento sustentável e seus 3 pilares interdependentes

Leia mais

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS?

PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? PÚBLICA, PRIVADA OU HÍBRIDA: QUAL É A MELHOR NUVEM PARA SEUS APLICATIVOS? As ofertas de nuvem pública proliferaram, e a nuvem privada se popularizou. Agora, é uma questão de como aproveitar o potencial

Leia mais

Otimizada para Crescimento:

Otimizada para Crescimento: Quinta Pesquisa Anual de Mudança na Cadeia de Suprimentos RESUMO REGIONAL: AMÉRICA LATINA Otimizada para Crescimento: Executivos de alta tecnologia se adaptam para se adequar às demandas mundiais INTRODUÇÃO

Leia mais

Adicionando valor na produção

Adicionando valor na produção Adicionando valor na produção Em um mercado global altamente competitivo e em constantes transformações, a otimização do resultado dos processos de produção é fundamental. Pressões ambientais e de custo,

Leia mais

Nas áreas urbanas, 44% da população está conectada à internet. 97% das empresas e 23,8% dos domicílios brasileiros estão conectados à internet.

Nas áreas urbanas, 44% da população está conectada à internet. 97% das empresas e 23,8% dos domicílios brasileiros estão conectados à internet. Algumas pesquisa realizada recentemente, revelaram resultados surpreendentes sobre o uso da Internet nas empresas no Brasil. Neste artigo interpreta alguns dados e lhe revela as soluções que podem ajudar

Leia mais

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro.

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. www.accenture.com.br/carreiras www.facebook.com/accenturecarreiras www.twitter.com/accenture_vagas Quem somos A Accenture é uma

Leia mais

Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico

Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico Guaiaquil tira proveito da IoE para oferecer à população os benefícios da telemedicina e do governo eletrônico RESUMO EXECUTIVO Objetivo Melhorar a vida dos moradores e ajudálos a serem bem-sucedidos na

Leia mais

PROMOVER O CRESCIMENTO DE ONTÁRIO ORÇAMENTO DE ONTÁRIO DE 2015

PROMOVER O CRESCIMENTO DE ONTÁRIO ORÇAMENTO DE ONTÁRIO DE 2015 PROMOVER O CRESCIMENTO DE ONTÁRIO ORÇAMENTO DE ONTÁRIO DE 2015 ORÇAMENTO DE 2015: PROMOVER O CRESCIMENTO DE ONTÁRIO Ontário estabeleceu um plano de quatro partes para assegurar que a província seja o melhor

Leia mais

Ementários. Disciplina: Gestão Estratégica

Ementários. Disciplina: Gestão Estratégica Ementários Disciplina: Gestão Estratégica Ementa: Os níveis e tipos de estratégias e sua formulação. O planejamento estratégico e a competitividade empresarial. Métodos de análise estratégica do ambiente

Leia mais

Visão. O papel anticíclico do BNDES e sua contribuição para conter a demanda agregada. do Desenvolvimento. nº 96 29 jul 2011

Visão. O papel anticíclico do BNDES e sua contribuição para conter a demanda agregada. do Desenvolvimento. nº 96 29 jul 2011 Visão do Desenvolvimento nº 96 29 jul 2011 O papel anticíclico do BNDES e sua contribuição para conter a demanda agregada Por Fernando Puga e Gilberto Borça Jr. Economistas da APE BNDES vem auxiliando

Leia mais

1º de outubro de 2007 A métrica de CRM correta para a sua organização MÉTRICAS REQUEREM DISCIPLINA PARA A IMPLEMENTAÇÃO DE CRM BEM-SUCEDIDA

1º de outubro de 2007 A métrica de CRM correta para a sua organização MÉTRICAS REQUEREM DISCIPLINA PARA A IMPLEMENTAÇÃO DE CRM BEM-SUCEDIDA 1º de outubro de 2007 A métrica de CRM correta para a sua organização por William Band com Sharyn C. Leaver e Mary Ann Rogan SUMÁRIO EXECUTIVO A Forrester entrevistou 58 executivos sobre as melhores práticas

Leia mais

Redução da Pobreza no Brasil

Redução da Pobreza no Brasil Conferencia Business Future of the Americas 2006 Câmara Americana de Comércio Redução da Pobreza no Brasil Resultados Recentes e o Papel do BNDES Demian Fiocca Presidente do BNDES Rio de Janeiro, 5 de

Leia mais

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA Service Virtualization

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA Service Virtualization CUSTOMER SUCCESS STORY Junho 2014 TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA Service Virtualization PERFIL DO CLIENTE Indústria: Telecomunicações Empresa: TIM Brasil Colaboradores:

Leia mais

gerenciando o desempenho de serviços em uma empresa conectada na nuvem CA Business Service Insight Julho de 2011

gerenciando o desempenho de serviços em uma empresa conectada na nuvem CA Business Service Insight Julho de 2011 gerenciando o desempenho de serviços em uma empresa conectada na nuvem CA Business Service Insight Julho de 2011 a computação na nuvem está presente em todos os lugares e está crescendo 72% das empresas

Leia mais

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello

Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS. Prof. Roberto Marcello Unidade II GERENCIAMENTO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Roberto Marcello SI Sistemas de gestão A Gestão dos Sistemas Integrados é uma forma organizada e sistemática de buscar a melhoria de resultados.

Leia mais

COMENTÁRIOS DA CIP À PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2015 E ÀS

COMENTÁRIOS DA CIP À PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2015 E ÀS COMENTÁRIOS DA CIP À PROPOSTA DE ORÇAMENTO DO ESTADO PARA 2015 E ÀS REFORMAS FISCAIS A CIP lamenta que a dificuldade em reduzir sustentadamente a despesa pública tenha impedido que o Orçamento do Estado

Leia mais

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Project & Portfolio Management SaaS

Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Project & Portfolio Management SaaS CUSTOMER SUCCESS STORY Junho 2014 Renova Energia Otimiza Gestão de Conhecimento e Projetos com CA Project & Portfolio Management SaaS PERFIL DO CLIENTE Empresa: Renova Energia Indústria: Energia Funcionários:

Leia mais

Adapte. Envolva. Capacite.

Adapte. Envolva. Capacite. Adapte. Envolva. Capacite. Ganhe produtividade em um Ambiente de trabalho digital #DigitalMeetsWork Os benefícios de um ambiente de trabalho digital têm impacto na competitividade do negócio. Empresas

Leia mais

Maximizando o Valor dos Laboratórios de Informática

Maximizando o Valor dos Laboratórios de Informática Monografia World Ahead: Educação Os laboratórios de informática podem ser projetados para satisfazer as necessidades de hoje, e também maximizar o valor para o futuro. Maximizando o Valor dos Laboratórios

Leia mais

Soluções de Output LRS

Soluções de Output LRS Soluções de Output LRS Enormes economias de custo estão aguardando L O G O A B A I X O D A S U P E R F Í C I E Organizações de todos os tamanhos enfrentam um desafio singular: reduzir dramaticamente os

Leia mais

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico PERFIL DO CLIENTE Indústria: Mídia Companhia: Valor Econômico Funcionários:

Leia mais

Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final

Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final Simplifique: consolidando a gestão do ambiente de trabalho do usuário final Para muitas organizações, a rápida proliferação das tecnologias para o usuário final tem demonstrado uma ambigüidade em seus

Leia mais

GRANDES OPÇÕES DO PLANO 2008 PRINCIPAIS ASPECTOS

GRANDES OPÇÕES DO PLANO 2008 PRINCIPAIS ASPECTOS GRANDES OPÇÕES DO PLANO 2008 PRINCIPAIS ASPECTOS I. INTRODUÇÃO O Governo apresentou ao Conselho Económico e Social o Projecto de Grandes Opções do Plano 2008 (GOP 2008) para que este Órgão, de acordo com

Leia mais

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA LISA

TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA LISA CUSTOMER SUCCESS STORY Maio 2014 TIM Brasil Padroniza Testes e Antecipa Erros em Aplicações com CA LISA PERFIL DO CLIENTE Indústria: Telecomunicações Empresa: TIM Brasil Colaboradores: 12,167 mil EMPRESA

Leia mais

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas

Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas Aula 1 Ementa Fases do Ciclo de Vida do Desenvolvimento de Software, apresentando como os métodos, ferramentas e procedimentos da engenharia de software, podem

Leia mais

A Nuvem Educacional: A Educação Disponibilizada como um Serviço

A Nuvem Educacional: A Educação Disponibilizada como um Serviço MONOGRAFIA Intel World Ahead Computação em Nuvem A Nuvem Educacional: A Educação Disponibilizada como um Serviço A nuvem educacional pode simplificar, agregar valor e reduzir o custo das transformações

Leia mais

Tarifas de banda larga na América Latina e Caribe: Avaliação comparativa e tendências. Hernan Galperin, Universidade de San Andrés (Argentina).

Tarifas de banda larga na América Latina e Caribe: Avaliação comparativa e tendências. Hernan Galperin, Universidade de San Andrés (Argentina). Tarifas de banda larga na América Latina e Caribe: Avaliação comparativa e tendências. Hernan Galperin, Universidade de San Andrés (Argentina). As características de oferta são um indicador chave no desempenho

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA EMPRESA 1 OBJETIVOS 1. Quais são as principais aplicações de sistemas na empresa? Que papel eles desempenham? 2. Como os sistemas de informação apóiam as principais funções empresariais:

Leia mais

Pequenas e Médias Empresas na Guatemala. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios

Pequenas e Médias Empresas na Guatemala. Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Pequenas e Médias Empresas na Guatemala Pequenos Negócios Conceito e Principais instituições de Apoio aos Pequenos Negócios Na Guatemala, existem várias definições fornecidas por diferentes instituições

Leia mais

Da conformidade regulatória ao compromisso

Da conformidade regulatória ao compromisso Da conformidade regulatória ao compromisso Da conformidade regulatória ao compromisso A cada ano, as empresas investem milhões para gerir cursos de capacitação e sistemas que estejam em conformidade com

Leia mais

152 a SESSÃO DO COMITÊ EXECUTIVO

152 a SESSÃO DO COMITÊ EXECUTIVO ORGANIZAÇÃO PAN-AMERICANA DA SAÚDE ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE 152 a SESSÃO DO COMITÊ EXECUTIVO Washington, D.C., EUA, 17 a 21 de junho de 2013 Tema 7.3 da Agenda Provisória CE152/INF/3 (Port.) 26 de

Leia mais

Compras de recebíveis, avaliações e consultoria INVESTIMENTOS EM RECEBÍVEIS. Liberte O VALOR DE SEUS RECEBÍVEIS

Compras de recebíveis, avaliações e consultoria INVESTIMENTOS EM RECEBÍVEIS. Liberte O VALOR DE SEUS RECEBÍVEIS Compras de recebíveis, avaliações e consultoria INVESTIMENTOS EM RECEBÍVEIS Liberte O VALOR DE SEUS RECEBÍVEIS INVESTIMENTOS EM RECEBÍVEIS Temos os recursos para financiar as maiores transações e examinamos

Leia mais

Detecção e investigação de ameaças avançadas. INFRAESTRUTURA

Detecção e investigação de ameaças avançadas. INFRAESTRUTURA Detecção e investigação de ameaças avançadas. INFRAESTRUTURA DESTAQUES A infraestrutura do RSA Security Analytics Arquitetura modular para coleta distribuída Baseada em metadados para indexação, armazenamento

Leia mais

Otimismo desenvolvedoras de softwares

Otimismo desenvolvedoras de softwares Otimismo nas nuvens Ambiente favorável alavanca negócios das empresas desenvolvedoras de softwares, que investem em soluções criativas de mobilidade e computação em nuvem para agilizar e agregar flexibilidade

Leia mais

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem White paper Para provedores de nuvem Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem Introdução: os novos desafios dos clientes estimulam a adoção da nuvem Em um ambiente de negócios dinâmico,

Leia mais

Perspectivas para o setor de TI. BM&F Bovespa. 26 de junho de 2013 BRASSCOM

Perspectivas para o setor de TI. BM&F Bovespa. 26 de junho de 2013 BRASSCOM Perspectivas para o setor de TI BM&F Bovespa 26 de junho de 2013 BRASSCOM Associados BRASSCOM 1 Mercado Mundial de TI Crescimento Mercado TI BRASIL (2012/2011) 10,8% Crescimento Mercado TI Mundo (2012/2011)

Leia mais

Sr. Secretário de Estado do Empreendorismo e da Inovação, caríssimos convidados, minhas senhoras e meus senhores, muito bom dia.

Sr. Secretário de Estado do Empreendorismo e da Inovação, caríssimos convidados, minhas senhoras e meus senhores, muito bom dia. Sr. Secretário de Estado do Empreendorismo e da Inovação, caríssimos convidados, minhas senhoras e meus senhores, muito bom dia. Bem-vindos à Conferência da ANACOM. Antes de mais gostaria de agradecer

Leia mais

Computação em nuvem. Mudança da função e da importância das equipes de TI O PONTO DE VISTA DOS EXECUTIVOS SOBRE A NUVEM.

Computação em nuvem. Mudança da função e da importância das equipes de TI O PONTO DE VISTA DOS EXECUTIVOS SOBRE A NUVEM. O PONTO DE VISTA DOS EXECUTIVOS SOBRE A NUVEM O ponto de vista dos executivos sobre a nuvem Janeiro de 2015 Computação em nuvem Mudança da função e da importância das equipes de TI Janeiro de 2015 1 Capacitação

Leia mais

I D C A N A L Y S T C O N N E C T I O N

I D C A N A L Y S T C O N N E C T I O N I D C A N A L Y S T C O N N E C T I O N Dan Vesset Vice-presidente de Programa, Business Analytics P r át i cas recomendadas para uma estr a t ég i a d e B u s i n e s s I n teligence e An a l yt i c s

Leia mais

Cidades: O Que Fazer? Competitividade e Desenvolvimento Sustentável no Brasil Senado Federal Subcomissão Permanente de Acompanhamento da Rio+20 e do

Cidades: O Que Fazer? Competitividade e Desenvolvimento Sustentável no Brasil Senado Federal Subcomissão Permanente de Acompanhamento da Rio+20 e do Cidades: O Que Fazer? Competitividade e Desenvolvimento Sustentável no Brasil Senado Federal Subcomissão Permanente de Acompanhamento da Rio+20 e do regime internacional sobre mudanças climáticas Brasília,

Leia mais

TIM faz teste inédito no Brasil de conexão móvel de alta velocidade na Futurecom

TIM faz teste inédito no Brasil de conexão móvel de alta velocidade na Futurecom TIM faz teste inédito no Brasil de conexão móvel de alta velocidade na Futurecom Demonstração é a primeira de uma rede LTE Advanced agregando três faixas de frequências distintas (2600 MHz, 1800 MHz e

Leia mais

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO ANALISTA DE SISTEMA ÊNFASE GOVERNANÇA DE TI ANALISTA DE GESTÃO RESPOSTAS ESPERADAS PRELIMINARES

CONCURSO PÚBLICO ANALISTA DE SISTEMA ÊNFASE GOVERNANÇA DE TI ANALISTA DE GESTÃO RESPOSTAS ESPERADAS PRELIMINARES CELG DISTRIBUIÇÃO S.A EDITAL N. 1/2014 CONCURSO PÚBLICO ANALISTA DE GESTÃO ANALISTA DE SISTEMA ÊNFASE GOVERNANÇA DE TI RESPOSTAS ESPERADAS PRELIMINARES O Centro de Seleção da Universidade Federal de Goiás

Leia mais

UM RESUMO EXECUTIVO. Organizado para empresas:construindo um modelo operacional contemporâneo de TI

UM RESUMO EXECUTIVO. Organizado para empresas:construindo um modelo operacional contemporâneo de TI UM RESUMO EXECUTIVO Organizado para empresas:construindo um modelo operacional contemporâneo de TI Ao longo da última década, a TI da EMC tem passado por uma transformação para se tornar uma parceira estrategicamente

Leia mais

Sugestão de Política Pública para o Atendimento Rural via Satélite

Sugestão de Política Pública para o Atendimento Rural via Satélite Sugestão de Política Pública para o Atendimento Rural via Satélite Sindicato Nacional das Empresas de Telecomunicações por Satélite SINDISAT Suporte: TELECO - Inteligência em Telecomunicações Brasília,

Leia mais

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral da solução Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral À medida que tecnologias como nuvem, mobilidade, mídias sociais e vídeo assumem papéis

Leia mais

Panorama e Perspectivas 2011/2012. Mercado de Seguros, Previdência Complementar Aberta e Capitalização

Panorama e Perspectivas 2011/2012. Mercado de Seguros, Previdência Complementar Aberta e Capitalização Panorama e Perspectivas / Mercado de Seguros, Previdência Complementar Aberta e Capitalização 1. Sumário Executivo... 2 2. Seguradoras do grupo de seguros gerais... 2 2.1 Ramos do grupo de seguros gerais...

Leia mais

IT@Intel Ciclo de atualização ainda é relevante, à medida que o panorama de TI evolui

IT@Intel Ciclo de atualização ainda é relevante, à medida que o panorama de TI evolui Informe oficial da IT@Intel Gerenciamento do conjunto de dispositivos clientes Agosto 2014 IT@Intel Ciclo de atualização ainda é relevante, à medida que o panorama de TI evolui SIMPLIFIQUE O PANORAMA Simplifique

Leia mais

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013.

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. ------------------------------------------- DUKE UNIVERSITY NEWS e FGV Notícias Duke University Office of News & Communications http://www.dukenews.duke.edu

Leia mais