Projeto de um Data Warehouse para a Saúde Pública

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projeto de um Data Warehouse para a Saúde Pública"

Transcrição

1 Projeto de um Data Warehouse para a Saúde Pública Ricardo S Santos 1, Marco Antônio Gutierrez 2, Sergio Furuie 2, Umberto Tachinardi 3 1 Departamento de Informática em Saúde (DIS) Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Brasil 2 Serviço de Informática, Instituto do Coração (INCOR) Universidade de São Paulo (USP), Brasil 3 Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo Resumo As técnicas de Data Warehouse para produzir informações estratégicas destinadas à tomada de decisão têm despertado o interesse de organizações desde os anos 90 A área da saúde, sobretudo o segmento da saúde pública, começa adotar esta tecnologia para obter uma maior eficiência no gerenciamento da saúde O objetivo deste trabalho é apresentar um projeto de Data Warehouse para a gestão da saúde pública O Data Warehouse proposto pretende suprir a Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo com informação gerencial obtida através da integração dos dados provenientes de diversas fontes isoladas Este artigo detalha a metodologia e a estratégia adotadas para o projeto, as ferramentas utilizadas, os desafios encontrados e as soluções estabelecidas A conclusão do trabalho mostra que os resultados obtidos, até o estágio atual, superam as expectativas iniciais e encorajam a ampliação do projeto A experiência obtida com a implementação do data warehouse apresentada neste trabalho, pode contribuir, significativamente, em projetos similares na área da saúde Palavras-chave: Data Warehouse, Gestão da Saúde, OLAP, Banco de Dados, Informática Médica Abstract The Data Warehouse techniques for powered strategic decision-making information are dominating the companies attention since the 1990s The healthcare organizations, including the public healthcare organizations, are adopting this technology to achieve the better efficiency in the health management The objective of this work is to present a Data Warehouse project for the management of the public health The Data Warehouse will supply the Health Secretary of São Paulo with strategic information through the integration from several isolated data sources This Paper details the methodology and strategy adopted for the project, the used tools, the challenges and the solutions The conclusion show the success in the implementation of the first part of project and stimulate the continuity of the project The experience obtained with the implementation of the data warehouse showed by this work, can be used to similar projects in the health care organizations Key-words: Data Warehouse, Health Management, OLAP, Databases, Medical Informatics 1 Introdução A produção de informações estratégicas para tomadas de decisão, através das técnicas de data warehouse (DW), tem despertado o interesse de organizações desde os anos 90 [1] Os benefícios obtidos com a utilização desta tecnologia são muitos Entre eles destacam-se: - agilidade na tomada de decisão, melhor gerenciamento dos recursos, descoberta de novas oportunidades de negócio, etc A área da saúde, sobretudo a da saúde pública, também busca, através de soluções DW, maior eficácia dos programas de saúde pública Muitas iniciativas de sucesso, como o DW desenvolvido pela Universidade do Sul da Flórida para gerenciamento da saúde comunitária [2] e ferramentas para gerenciamento de doenças que identificam e incluem cidadãos com potencial para determinadas doenças em programas preventivos [3], incentivam a adoção desta tecnologia como um facilitador para o aumento de qualidade da saúde pública O objetivo deste trabalho é apresentar um projeto de implementação de um DW destinado à gestão da saúde pública O DW pretende suprir a Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo (SES- SP) com informação gerencial obtida através da 1

2 integração de dados provenientes de diversas fontes isoladas O projeto será apresentado detalhadamente, mostrando o contexto e o escopo, a metodologia e estratégia adotada, as ferramentas utilizadas, e as soluções adotadas para os principais desafios 2 Definições Para melhor compreensão do projeto apresentado neste trabalho, é necessário conhecer a arquitetura de uma solução DW, que está representada pela figura 1 Shams [1] define DW como uma plataforma que contém todos os dados da organização, centralizados e organizados de forma que usuários, de maneira muito simples, possam extrair relatórios analíticos complexos, contendo informações gerenciais para apoio à decisão Pode-se observar, pela arquitetura, que os dados contidos no DW são provenientes dos sistemas operacionais São considerados sistemas operacionais ou OLTP (On line Transaction Processing), os sistemas que registram os detalhes das transações ocorridas na organização [4] A extração dos dados operacionais e a sua inclusão no DW, são denominados processo de carga, e correspondem a uma das mais árduas tarefas do projeto Neste processo, são realizados procedimentos de limpeza, integração e transformação dos dados Isto é necessário para que eles sejam inseridos no DW em um formato adequado à produção de informação gerencial [5] Os procedimentos do processo de carga podem ser implementados por programas desenvolvidos em alguma linguagem de programação, ou, podem ser utilizadas ferramentas disponíveis no mercado destinadas a esta finalidade São denominadas ferramentas ETL (Extracting, Transforming and Loading) Após a carga, os dados contidos no DW estão num modelo propício para a produção de informação gerencial Este modelo é denominado Modelo Dimensional Segundo Kimball [6], este modelo corresponde a uma maneira intuitiva de organizar os dados permitindo um acesso rápido O modelo consiste em uma tabela central, denominada tabela fato, e num conjunto de tabelas periféricas ligadas à tabela fato, denominadas tabela dimensão Finalmente é necessário disponibilizar ao usuário, em forma de informação gerencial, os dados contidos no DW O principal meio para obtêlos ocorre através de ferramentas OLAP (On Line Analytical Processing), que são apropriadas para trabalharem com o modelo dimensional Estas ferramentas permitem ao usuário elaborar análises sofisticadas através de diferentes e complexas visões [5] Para auxiliar os processos envolvidos em uma solução DW, existe um amplo dicionário de dados denominado metadados Segundo Berson [5], metadados são dados utilizados para descreverem os dados contidos no DW, além de descreverem, também, informações técnicas necessárias à administração do DW As descrições contidas no metadados facilitam a elaboração de consultas e relatórios pelo usuário final D a d o s O p e r a c io n a is B D 1 B D 2 B D 3 P r o c e s s o d e C a r g a (F e rra m e n ta s E T L ) D W A c e s s o a o s D a d o s (F e rra m e n ta s O L A P ) C o n s u lta s /R e la tó r io s G e r e n c ia is Figura 1 Arquitetura de uma solução DW 3 O contexto do projeto M e ta d a d o s Além de uma visão geral sobre a arquitetura de um DW, também é necessária uma noção sobre as instituições relacionadas ao projeto: A Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, como cliente das informações e o DATASUS, como provedor dos dados As informações aqui apresentadas foram extraídas dos sites institucionais das respectivas instituições [7],[8] A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP), é o gestor estadual do SUS - Sistema Único de Saúde Está constituída por 6 coordenadorias e 24 diretorias regionais Além destas, integram a estrutura organizacional da SES- 2

3 SP, Fundações, Autarquias, Conselhos e Assessorias Uma das metas da SES-SP é a construção de uma rede estadual de informações, cujo objetivo é garantir acesso à informação a todos os gestores do SUS e a cidadãos comuns O Departamento de Informática do SUS (DATASUS) é o órgão responsável por coletar, processar e disseminar informações sobre saúde" O DATASUS possui vários sistemas, cujos dados serão utilizados como fonte para o DW, entre eles destacam-se: O sistema de Informações Ambulatoriais (SIA); Informações Hospitalares (SIH); Estatísticas Vitais (IEV); Informações Epdemiológicas (IEP); Prestadoras de Serviços (PS) e materiais médicos (MAT) 4 O projeto O objetivo primordial é suprir a SES-SP e os gestores municipais de informações estratégicas referentes à saúde no estado de São Paulo O objetivo do projeto é a definição e implementação de um DW para centralizar, integrar e disponibilizar as informações provenientes dos sistemas do DATASUS Após um estudo inicial foi possível limitar um escopo para o projeto (figura 2) DATASUS XLS DOC SIA SIH IEV IEP PS MAT Carga WEB As fontes de dados, representadas na figura 2, correspondem às bases de dados provenientes dos sistemas do DATASUS, além de planilhas e documentos internos Cada base de dados do DATASUS corresponde a um conjunto de sistemas que foram agrupados na fase do estudo inicial As informações produzidas devem atender três tipos diferentes de usuários: Os gestores municipais, os diretores regionais e os coordenadores 41 Metodologia de Desenvolvimento Existem várias abordagens metodológicas para o desenvolvimento de um DW Inmon [9], estabelece uma metodologia que pode ser resumida de acordo com a tabela 1 Etapa Descrição 1- Análise do Modelo de Dados Elaborar o modelo de dados para o DW 2- Dimensionamento Estimar o volume de dados que o DW vai conter 3- Avaliação Técnica Definição das configurações técnicas para o DW 4- Preparação do Ambiente Identificar tecnicamente como Técnico a configuração definida será acomodada 5- Análise das áreas de Seleção da área de negócio Interesse para ser povoada 6- Projeto do Data Warehouse Elaborar o projeto físico de banco de dados para o DW 7- Análise do Sistema Fonte Identificar, nos sistemas existentes, a fonte de dados para o DW, e efetuar um mapeamento entre eles 8- Especificações Definir, em especificações de programas, as rotinas para carga dos dados 9- Programação Codificação das especificações para as rotinas de carga 10-Povoamento Execução das rotinas de carga do DW Coordena -dorias DW SESSP Front-End Diretorias Regionais Figura 2 Escopo global do projeto Gestores Município Tabela 1 Metodologia para desenvolvimento de um DW (Inmon) Considerando as particularidades do nosso projeto, definimos uma metodologia específica, baseada na proposta por Inmon, porém, com a alteração de algumas etapas A principal diferença é que Inmon sugere definir inicialmente o modelo do DW e depois estudar os sistemas fontes Em nosso projeto iniciamos pelo estudo dos sistemas fontes para posteriormente definir o modelo do DW Esta decisão é fundamentada no fato dos sistemas fontes pertencerem a outra instituição (DATASUS), portanto, o nosso modelo deve ser projetado em função dos dados disponibilizados por estes sistemas A tabela 2 mostra a metodologia adotada para o projeto 3

4 Etapa da metodologia Equivalente Inmon 1- Estudo dos sistemas existentes Etapa 7 (sistemas fontes) 2- Modelagem dos Dados Etapa 1 3- Análise do volume de dados Etapa 2 3- Definição das regras para carga Etapa 8 4- Definição da arquitetura do DW Etapa 6 5- Análise do Ambiente Etapa 3 Operacional 6- Implementação do Ambiente Etapa 4 Operacional 7- Implementação das rotinas de Etapa 9 carga 8- Execução da Carga Etapa Desenvolvimento dos relatórios Tabela 2 Metodologia adotada para o projeto 42 Estratégia de Desenvolvimento Visando permitir ao usuário usufruir dos benefícios rapidamente e, ainda, possibilitar uma avaliação parcial dos resultados, foi adotada a estratégia de implementação modular, onde cada módulo corresponde a uma fonte de dados proveniente dos sistemas do DATASUS Esta estratégia reforça o motivo de iniciar o desenvolvimento com o estudo dos sistemas fontes, pois, só após este estudo, foi possível a definição dos módulos Outro aspecto estratégico significativo é a criação de um banco de dados relacional (operacional) além do dimensional O motivo é manter os dados fontes em um meio mais seguro Eles estão disponíveis para download na homepage do DATASUS, porém, não há garantias que sempre estarão lá A figura 3 mostra o fluxo dos dados no projeto R e l a t ó r i o s / C o n s u l t a s B D D i m e n s i o n a l Conseqüentemente, na fase de modelagem de dados são criados dois modelos: O modelo relacional, representado pelo DER (Diagrama de Entidade e Relacionamento) e o modelo dimensional, representado pelo Esquema Estrela A figura 4 mostra uma parte do modelo dimensional do projeto, referente aos atendimentos ambulatoriais Ainda, nas definições estratégicas, deve-se escolher as ferramentas para o desenvolvimento do projeto O processo de escolha abrange vários aspectos, entre eles: robustez para suportar o volume de dados; existência de casos de sucesso implementados na ferramenta e um custo acessível Considerando estes aspectos, foi adotado um conjunto de ferramentas Oracle, conforme tabela 3 Além das ferramentas adotadas, também foi utilizada uma ferramenta específica para automatização do processo de carga Tarefa Ferramenta Armazenamento do DW Oracle 9i Modelagem Oracle Designer ETL Oracle WarehouseBuilder 1 Metadados / Ferramenta OLAP Oracle Discoverer 1 Tabela 3 Ferramentas Utilizadas D_SEXO D_FAIXA_ETARIA D_PROCEDIMENTO D_ESPECIALIDADE D_TEMPO F_ATENDIMENTOS D_CID D_TIPO D_UNIDADE D_MUNICIPIO D_SERVICO Figura 4 Esquema Estrela Modelo Dimensional B D R e l a c i o n a l A r q u i v o s S U S Figura 3 Fluxo de dados no projeto 43 O processo de carga Devido a estratégia adotada, o processo de carga dos dados é constitui-se de duas fases Na primeira fase os dados dos sistemas fontes (DATASUS) são carregados em um banco relacional, e posteriormente, os dados são 4

5 carregados da base relacional para o banco dimensional (figura 3) Na primeira etapa da carga, há um grande número de arquivos recebidos por download numa grande variedade de formatos Visando facilitar a carga para a base relacional, foi desenvolvida, em parceria com a Compumédica Informática Ltda, uma ferramenta para automatização do processo de download, descompactação, transformação e carga dos arquivos contidos na home-page do DATASUS para a Base Relacional A ferramenta também efetua a validação do conteúdo e da estrutura do arquivo para garantir a integridade dos dados Todo o processo de carga é armazenado em um arquivo log, permitindo auditorias ou a repetição da carga A figura 5 mostra a interface da ferramenta A segunda etapa da carga é efetuada por scripts simples gerados pelos mapeamentos implementados no Oracle Warehouse Builder As rotinas são extremamente simples, pois, as tarefas de limpeza, padronização e consistência dos dados foram efetuadas na primeira etapa são desenvolvidos pela ferramenta Oracle Discoverer A figura 9 mostra um exemplo de consulta analítica desenvolvida para o usuário O exemplo analisa procedimentos realizados por cada município em um determinado período, de acordo com o tipo de gestão e tipo de serviço Figura 5 Consulta Analítica Pré-Definida 5 Resultados e Discussão Embora o projeto ainda não esteja implementado em sua totalidade, resultados preliminares podem ser discutidos Atualmente, o projeto encontra-se em fase final da implementação do primeiro módulo (SIA) O desenvolvimento do primeiro módulo permitiu a identificação de algumas dificuldades Estas dificuldades confirmam os desafios de um projeto de DW para a área da saúde citadas por autores como Berndt et al[2], DeJesus [10], Isken et al [11] Os desafios encontrados estão listados na tabela 4 Figura 4 Ferramenta para carga (etapa 1) 44 A exibição dos Dados do DW Nesta etapa, além do cadastramento das descrições dos dados e das regras de negócio no metadados, são desenvolvidos relatórios e consultas pré-definidos para atender os principais requisitos dos usuários Os relatórios e consultas Desafio - Dados provenientes de muitas fontes e em diversos formatos - Constantes Alterações na estrutura dos arquivos - Dados lançados em um determinado período, correspondentes a períodos anteriores Ação Adotada A ferramenta de carga desenvolvida possui uma função de padronização que unifica os vários formatos dos arquivos A ferramenta de carga analisa a estrutura do arquivo e efetua os ajustes necessários Inclusão de um campo para controle no modelo de dados e tratamento desta particularidade, através de uma regra de negócio, no metadados e consequentemente nos relatórios desenvolvidos Para prover todos os usuários com a informação analítica, a estratégia é disponibilizar o acesso via Web - Relatórios (saídas) devem ser disseminados para usuários separados geograficamente Tabela 4 Principais desafios do projeto 5

6 Outros resultados preliminares que podem ser discutidos, são o volume de dados e o desempenho do processo de carga Considerando apenas o módulo SIA, o volume mensal de dados para serem carregados no DW é de registros, que corresponde a aproximadamente a 211 Mb Acrescentando as tabelas auxiliares, este número aproxima-se de 250 Mb Isto corresponde a 2,9 Gb por ano Somando outras estruturas de banco de dados, como índices e log, o volume anual será de, aproximadamente, 3,5 Gb Embora não seja um número assustador, é um volume razoável se comparado aos 23 Gb do CDR (Clinical Data Repository) da Universidade de Virgínia [12] após 5 anos de existência Os tempos para o processo de carga estão plenamente satisfatórios, mesmo sendo realizados os testes de performance em um ambiente muito inferior ao ambiente de produção Os testes foram realizados em um servidor x-series 200 da IBM, com 128 Mb de RAM, uma rede de 10 Mbps, e acesso web speedy 256 mbps A primeira fase da carga, que inclui as rotinas de limpeza e consistência demorou aproximadamente 2 horas A segunda fase, bem mais simples, demora menos que 10 minutos O tempo para download dos arquivos de um mês é de aproximadamente 30 minutos No estágio atual, ainda não é possível mensurar a satisfação do usuário, nem quantificar os benefícios obtidos com a nova solução, embora eles sejam óbvios 6 Conclusões O artigo mostrou um projeto de uma solução DW para fornecer informações estratégicas para a gestão da saúde pública O estágio atual do projeto, mostra um resultado positivo que supera as expectativas iniciais e encoraja a implementação dos demais módulos Uma das grandes contribuições do trabalho é a identificação de alguns aspectos peculiares da área da saúde e a implementação de mecanismos para a superação destes desafios O projeto foi desenvolvido utilizando um conjunto de ferramentas robustas e adotando metodologia adequada para garantir o sucesso do empreendimento Os fatores mensuráveis apresentaram números positivos O volume de dados é razoável, comparado a outros projetos, e o desempenho dos procedimentos de carga está plenamente satisfatório Os próximos passos, já em andamento, são a avaliação da satisfação dos usuários para o módulo desenvolvido e a implementação dos demais módulos Após a implementação de todos o módulos, será iniciada a introdução de técnicas de Data Mining para realização de simulações e análises mais complexas 7 Agradecimentos Aos funcionários da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo 8 Referências [1] Shams K, Farishta M (2001), Data Warehousing: Toward knowledge Management, Topics in Health Information Management, v 21, n 3, p [2] Berndt DJ, Hevner AR, Studnicki J (2003) The Catch Data Warehouse: Support for Community Health Care Decision-Making, Decision Support Systems, v35 n3, p [3] Ramick DC (2001), Data Warehousing in Disease Management Programs, Journal of Healthcare Information Management, v 15, n 2, p [4] Moody, D L, Kortink, MAR (2000), From Entreprise Models to Dimensional Models: A Methodology for Data Warehouse and Data Mart Design, Proceedings of the International Workshop on Desing and Management of Data Warehouse, Stockholm, Sweden, p , 5-6 June [5] Berson A, Smith S J (1997), Data Warehousing, Data Mining, & OLAP, New York: McGraw-Hill [6] Kimball R (1997), A Dimensional Modeling Manifesto, DBMS Online, (http:/wwwdbmsmagcom/9708d15html) [7] Secretaria de Estado da Saúde de SP Disponível em Acesso em 05 mai 2003 [8] DataSUS Ministério da Saúde Disponível em Acesso em 05 mai 2003 [9] Inmon, W H (1997), Como Construir o Data Warehouse, Rio de Janeiro: Campus [10] DeJesus EX (1999), Disease Management in a Warehouse: Data Warehouse Technology Makes a Good Fit for Disease Management programs, Healthcare Informatics, v16, n 9, p 33-36, [11] Isken MW, Littig SJ, West M (2001), A data Mart for Operations Analysis, Journal of Healthcare Information Management, v 15, n 2, p [12] Einbinder JS, Scully KW, Pates RD, Schubart JR, Reynolds RE (2001), Case Study: A Data Warehouse for an Academic Medical Center, Journal of Healthcare Infornmation Management, v 15, n 2, p Contato 6

Data Warehouse para a Saúde Pública: Estudo de Caso SES-SP

Data Warehouse para a Saúde Pública: Estudo de Caso SES-SP Data Warehouse para a Saúde Pública: Estudo de Caso SES-SP Ricardo S. Santos 1,4, André Luiz de Almeida 2, Umberto Tachinardi 2, Marco Antônio Gutierrez 3 1 Departamento de Informática em Saúde (DIS) Universidade

Leia mais

Data Warehousing Visão Geral do Processo

Data Warehousing Visão Geral do Processo Data Warehousing Visão Geral do Processo Organizações continuamente coletam dados, informações e conhecimento em níveis cada vez maiores,, e os armazenam em sistemas informatizados O número de usuários

Leia mais

Implementações de Data Warehouse na Área da Saúde

Implementações de Data Warehouse na Área da Saúde Implementações de Data Warehouse na Área da Saúde Ricardo S. Santos 1, Marco Antônio Gutierrez 2 1 Departamento de Informática em Saúde (DIS), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Brasil 2 Serviço

Leia mais

CONSIDERAÇÕES SOBRE ATIVIDADES DE IDENTIFICAÇÃO, LOCALIZAÇÃO E TRATAMENTO DE DADOS NA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE

CONSIDERAÇÕES SOBRE ATIVIDADES DE IDENTIFICAÇÃO, LOCALIZAÇÃO E TRATAMENTO DE DADOS NA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE CONSIDERAÇÕES SOBRE ATIVIDADES DE IDENTIFICAÇÃO, LOCALIZAÇÃO E TRATAMENTO DE DADOS NA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE Fabio Favaretto Professor adjunto - Programa de Pós Graduação em Engenharia de Produção

Leia mais

Data Warehousing. Leonardo da Silva Leandro. CIn.ufpe.br

Data Warehousing. Leonardo da Silva Leandro. CIn.ufpe.br Data Warehousing Leonardo da Silva Leandro Agenda Conceito Elementos básicos de um DW Arquitetura do DW Top-Down Bottom-Up Distribuído Modelo de Dados Estrela Snowflake Aplicação Conceito Em português:

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani Planejamento Estratégico de TI Prof.: Fernando Ascani Data Warehouse - Conceitos Hoje em dia uma organização precisa utilizar toda informação disponível para criar e manter vantagem competitiva. Sai na

Leia mais

Projeto de Data Warehousing sobre Informações em Saúde para dar Suporte a Análise de Faturamento Hospitalar

Projeto de Data Warehousing sobre Informações em Saúde para dar Suporte a Análise de Faturamento Hospitalar Projeto de Data Warehousing sobre Informações em Saúde para dar Suporte a Análise de Faturamento Hospitalar Newton Shydeo Brandão Miyoshi Joaquim Cezar Felipe Grupo de Informática Biomédica Departamento

Leia mais

Uma Ferramenta Web para BI focada no Gestor de Informação

Uma Ferramenta Web para BI focada no Gestor de Informação Uma Ferramenta Web para BI focada no Gestor de Informação Mikael de Souza Fernandes 1, Gustavo Zanini Kantorski 12 mikael@cpd.ufsm.br, gustavoz@cpd.ufsm.br 1 Curso de Sistemas de Informação, Universidade

Leia mais

TÓPICOS AVANÇADOS EM ENGENHARIA DE SOFTWARE

TÓPICOS AVANÇADOS EM ENGENHARIA DE SOFTWARE TÓPICOS AVANÇADOS EM ENGENHARIA DE SOFTWARE Engenharia de Computação Professor: Rosalvo Ferreira de Oliveira Neto OLPT x OLAP Roteiro OLTP Datawarehouse OLAP Operações OLAP Exemplo com Mondrian e Jpivot

Leia mais

5 Estudo de Caso. 5.1. Material selecionado para o estudo de caso

5 Estudo de Caso. 5.1. Material selecionado para o estudo de caso 5 Estudo de Caso De modo a ilustrar a estruturação e representação de conteúdos educacionais segundo a proposta apresentada nesta tese, neste capítulo apresentamos um estudo de caso que apresenta, para

Leia mais

srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo

srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo CBSI Curso de Bacharelado em Sistemas de Informação BI Prof. Dr. Sandro Ronaldo Bezerra Oliveira srbo@ufpa.br www.ufpa.br/srbo Tópicos Especiais em Sistemas de Informação Faculdade de Computação Instituto

Leia mais

DATA WAREHOUSE. Introdução

DATA WAREHOUSE. Introdução DATA WAREHOUSE Introdução O grande crescimento do ambiente de negócios, médias e grandes empresas armazenam também um alto volume de informações, onde que juntamente com a tecnologia da informação, a correta

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE PLUG-INS KETTLE PARA GERAÇÃO DE MONDRIAN SCHEMA A PARTIR DE BASES RELACIONAIS, UTILIZANDO A METODOLOGIA AGILE ROLAP.

DESENVOLVIMENTO DE PLUG-INS KETTLE PARA GERAÇÃO DE MONDRIAN SCHEMA A PARTIR DE BASES RELACIONAIS, UTILIZANDO A METODOLOGIA AGILE ROLAP. DESENVOLVIMENTO DE PLUG-INS KETTLE PARA GERAÇÃO DE MONDRIAN SCHEMA A PARTIR DE BASES RELACIONAIS, UTILIZANDO A METODOLOGIA AGILE ROLAP. Eduardo Cristovo de Freitas Aguiar (PIBIC/CNPq), André Luís Andrade

Leia mais

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4.

SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4. SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. O QUE É DATA WAREHOUSE?... 2 3. O QUE DATA WAREHOUSE NÃO É... 4 4. IMPORTANTE SABER SOBRE DATA WAREHOUSE... 5 4.1 Armazenamento... 5 4.2 Modelagem... 6 4.3 Metadado... 6 4.4

Leia mais

Data Warehouses. Alunos: Diego Antônio Cotta Silveira Filipe Augusto Rodrigues Nepomuceno Marcos Bastos Silva Roger Rezende Ribeiro Santos

Data Warehouses. Alunos: Diego Antônio Cotta Silveira Filipe Augusto Rodrigues Nepomuceno Marcos Bastos Silva Roger Rezende Ribeiro Santos Data Warehouses Alunos: Diego Antônio Cotta Silveira Filipe Augusto Rodrigues Nepomuceno Marcos Bastos Silva Roger Rezende Ribeiro Santos Conceitos Básicos Data Warehouse(DW) Banco de Dados voltado para

Leia mais

Prova INSS RJ - 2007 cargo: Fiscal de Rendas

Prova INSS RJ - 2007 cargo: Fiscal de Rendas Prova INSS RJ - 2007 cargo: Fiscal de Rendas Material de Apoio de Informática - Prof(a) Ana Lucia 53. Uma rede de microcomputadores acessa os recursos da Internet e utiliza o endereço IP 138.159.0.0/16,

Leia mais

Aplicação de Data Warehousing no Cadastro de Ficha Limpa do TSE

Aplicação de Data Warehousing no Cadastro de Ficha Limpa do TSE Aplicação de Data Warehousing no Cadastro de Ficha Limpa do TSE Mateus Ferreira Silva, Luís Gustavo Corrêa Lira, Marcelo Fernandes Antunes, Tatiana Escovedo, Rubens N. Melo mateusferreiras@gmail.com, gustavolira@ymail.com,

Leia mais

Sistemas de Apoio à Decisão (SAD) - Senado

Sistemas de Apoio à Decisão (SAD) - Senado Sistemas de Apoio à Decisão (SAD) - Senado DW OLAP BI Ilka Kawashita Material preparado :Prof. Marcio Vitorino Sumário OLAP Data Warehouse (DW/ETL) Modelagem Multidimensional Data Mining BI - Business

Leia mais

Construção de Data Warehouse para a base de AIH do SUS

Construção de Data Warehouse para a base de AIH do SUS Construção de Data Warehouse para a base de AIH do SUS Atilla de Mattos Duarte 1, Marco Antélio Neves da Silva 1, Marcus Vinicius Oliveira Santos 1, José Avelino Placca 1 1 Curso de Sistemas de Informação

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO @ribeirord FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br Lembrando... Aula 4 1 Lembrando... Aula 4 Sistemas de apoio

Leia mais

Data Warehouse Processos e Arquitetura

Data Warehouse Processos e Arquitetura Data Warehouse - definições: Coleção de dados orientada a assunto, integrada, não volátil e variável em relação ao tempo, que tem por objetivo dar apoio aos processos de tomada de decisão (Inmon, 1997)

Leia mais

Uma análise multidimensional dos dados estratégicos da empresa usando o recurso OLAP do Microsoft Excel

Uma análise multidimensional dos dados estratégicos da empresa usando o recurso OLAP do Microsoft Excel Uma análise multidimensional dos dados estratégicos da empresa usando o recurso OLAP do Microsoft Excel Carlos Alberto Ferreira Bispo (AFA) cafbispo@siteplanet.com.br Daniela Gibertoni (FATECTQ) daniela@fatectq.com.br

Leia mais

Resumo dos principais conceitos. Resumo dos principais conceitos. Business Intelligence. Business Intelligence

Resumo dos principais conceitos. Resumo dos principais conceitos. Business Intelligence. Business Intelligence É um conjunto de conceitos e metodologias que, fazem uso de acontecimentos e sistemas e apoiam a tomada de decisões. Utilização de várias fontes de informação para se definir estratégias de competividade

Leia mais

Fundamentos da inteligência de negócios: gestão da informação e de bancos de dados

Fundamentos da inteligência de negócios: gestão da informação e de bancos de dados Fundamentos da inteligência de negócios: gestão da informação e de bancos de dados slide 1 1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall Objetivos de estudo Como um banco de dados

Leia mais

Business Intelligence. Business Intelligence. Business Intelligence. Business Intelligence. Business Intelligence

Business Intelligence. Business Intelligence. Business Intelligence. Business Intelligence. Business Intelligence Juntamente com o desenvolvimento desses aplicativos surgiram os problemas: & Data Warehouse July Any Rizzo Oswaldo Filho Década de 70: alguns produtos de BI Intensa e exaustiva programação Informação em

Leia mais

Business Intelligence Um enfoque gerencial para a Inteligência do Negócio.Efrain Turban e outros.tradução. Bookman, 2009.

Business Intelligence Um enfoque gerencial para a Inteligência do Negócio.Efrain Turban e outros.tradução. Bookman, 2009. REFERÊNCIAS o o Business Intelligence Um enfoque gerencial para a Inteligência do Negócio.Efrain Turban e outros.tradução. Bookman, 2009. Competição Analítica - Vencendo Através da Nova Ciência Davenport,

Leia mais

Criação e uso da Inteligência e Governança do BI

Criação e uso da Inteligência e Governança do BI Criação e uso da Inteligência e Governança do BI Criação e uso da Inteligência e Governança do BI Governança do BI O processo geral de criação de inteligência começa pela identificação e priorização de

Leia mais

Business Intelligence aplicado a área da saúde: potencializando a tomada de decisão

Business Intelligence aplicado a área da saúde: potencializando a tomada de decisão Business Intelligence aplicado a área da saúde: potencializando a tomada de decisão Daiane Kelly de Oliveira 1, Dorirley Rodrigo Alves 1 1 Instituto de Ciências Exatas e Informática PUC Minas Campus Guanhães

Leia mais

Thiago Locatelli de OLIVEIRA, Thaynara de Assis Machado de JESUS; Fernando José BRAZ Bolsistas CNPq; Orientador IFC Campus Araquari

Thiago Locatelli de OLIVEIRA, Thaynara de Assis Machado de JESUS; Fernando José BRAZ Bolsistas CNPq; Orientador IFC Campus Araquari DESENVOLVIMENTO DE AMBIENTE PARA A GESTÃO DO CONHECIMENTO RELACIONADO AOS DADOS PRODUZIDOS PELO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE TRANSITO DA CIDADE DE JOINVILLE/SC PARTE I Thiago Locatelli de OLIVEIRA, Thaynara

Leia mais

PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ

PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ PROPOSTA DE UMA ARQUITETURA PARA CONSTRUÇÃO DE UM DATA WAREHOUSE PARA GESTÃO DA SAÚDE PÚBLICA DE UM MUNICÍPIO DO VALE DO ITAJAÍ Renan Felipe dos Santos Prof. Alexander Roberto Valdameri,Orientador ROTEIRO

Leia mais

Curso Data warehouse e Business Intelligence

Curso Data warehouse e Business Intelligence Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura Apresentação Os projetos de Data Warehouse e Business Intelligence são dos mais interessantes e complexos de desenvolver

Leia mais

Aplicação A. Aplicação B. Aplicação C. Aplicação D. Aplicação E. Aplicação F. Aplicação A REL 1 REL 2. Aplicação B REL 3.

Aplicação A. Aplicação B. Aplicação C. Aplicação D. Aplicação E. Aplicação F. Aplicação A REL 1 REL 2. Aplicação B REL 3. Sumário Data Warehouse Modelagem Multidimensional. Data Mining BI - Business Inteligence. 1 2 Introdução Aplicações do negócio: constituem as aplicações que dão suporte ao dia a dia do negócio da empresa,

Leia mais

Adriano Maranhão BUSINESS INTELLIGENCE (BI),

Adriano Maranhão BUSINESS INTELLIGENCE (BI), Adriano Maranhão BUSINESS INTELLIGENCE (BI), BUSINESS INTELLIGENCE (BI) O termo Business Intelligence (BI), popularizado por Howard Dresner do Gartner Group, é utilizado para definir sistemas orientados

Leia mais

DATA WAREHOUSE. Rafael Ervin Hass Raphael Laércio Zago

DATA WAREHOUSE. Rafael Ervin Hass Raphael Laércio Zago DATA WAREHOUSE Rafael Ervin Hass Raphael Laércio Zago Roteiro Introdução Aplicações Arquitetura Características Desenvolvimento Estudo de Caso Conclusão Introdução O conceito de "data warehousing" data

Leia mais

Sistemas de Apoio à Inteligência do Negócio

Sistemas de Apoio à Inteligência do Negócio Sistemas de Apoio à Inteligência do Negócio http://www.uniriotec.br/~tanaka/sain tanaka@uniriotec.br Visão Geral de Business Intelligence Evolução dos Sistemas de Informação (computadorizados) 1950 s:

Leia mais

Uma Arquitetura de Gestão de Dados em Ambiente Data Warehouse

Uma Arquitetura de Gestão de Dados em Ambiente Data Warehouse Uma Arquitetura de Gestão de Dados em Ambiente Data Warehouse Alcione Benacchio (UFPR) E mail: alcione@inf.ufpr.br Maria Salete Marcon Gomes Vaz (UEPG, UFPR) E mail: salete@uepg.br Resumo: O ambiente de

Leia mais

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação. Sistemas de Informação no SUS Informação para Gestão

Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação. Sistemas de Informação no SUS Informação para Gestão Assessoria Técnica de Tecnologia da Informação Sistemas de Informação no SUS Informação para Gestão Contato Cláudio Giulliano Alves da Costa, MD, MSc. Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo Assessoria

Leia mais

Data Warehouse. Diogo Matos da Silva 1. Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, MG, Brasil. Banco de Dados II

Data Warehouse. Diogo Matos da Silva 1. Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, MG, Brasil. Banco de Dados II Data Warehouse Diogo Matos da Silva 1 1 Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, MG, Brasil Banco de Dados II Diogo Matos (DECOM - UFOP) Banco de Dados II Jun 2013 1 /

Leia mais

Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura

Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura Curso Data warehouse e Business Intelligence Fundamentos, Metodologia e Arquitetura Apresentação Os projetos de Data Warehouse e Business Intelligence são dos mais interessantes e complexos de desenvolver

Leia mais

Banco de Dados - Senado

Banco de Dados - Senado Banco de Dados - Senado Exercícios OLAP - CESPE Material preparado: Prof. Marcio Vitorino OLAP Material preparado: Prof. Marcio Vitorino Soluções MOLAP promovem maior independência de fornecedores de SGBDs

Leia mais

Data Warehouse: uma classificação de seus Custos e Benefícios

Data Warehouse: uma classificação de seus Custos e Benefícios Data Warehouse: uma classificação de seus Custos e Benefícios Marcos Paulo Kohler Caldas (CEFET-ES/CEFET-PR) marcospaulo@cefetes.br Prof. Dr. Luciano Scandelari (CEFET-PR) luciano@cefetpr.br Prof. Dr.

Leia mais

Trata-se de uma estratégia de negócio, em primeira linha, que posteriormente se consubstancia em soluções tecnológicas.

Trata-se de uma estratégia de negócio, em primeira linha, que posteriormente se consubstancia em soluções tecnológicas. CUSTOMER RELATIONSHIP MANAGEMENT Customer Relationship Management CRM ou Gestão de Relacionamento com o Cliente é uma abordagem que coloca o cliente no centro dos processos do negócio, sendo desenhado

Leia mais

Módulo 2. Definindo Soluções OLAP

Módulo 2. Definindo Soluções OLAP Módulo 2. Definindo Soluções OLAP Objetivos Ao finalizar este módulo o participante: Recordará os conceitos básicos de um sistema OLTP com seus exemplos. Compreenderá as características de um Data Warehouse

Leia mais

UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CURSO DE CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO (Bacharelado)

UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CURSO DE CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO (Bacharelado) UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CURSO DE CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO (Bacharelado) SISTEMA INTERNO INTEGRADO PARA CONTROLE DE TAREFAS INTERNAS DE UMA EMPRESA DE DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Armazém de Informações - SIAD. Sistema Integrado de Administração de Material e Serviço. Módulo Execução de Compras

Armazém de Informações - SIAD. Sistema Integrado de Administração de Material e Serviço. Módulo Execução de Compras Armazém de Informações - SIAD Sistema Integrado de Administração de Material e Serviço Módulo Execução de Compras A definição... Um Armazém de Informações é (Data Warehouse) um conjunto de dados construído

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE -Inteligência nos Negócios-

BUSINESS INTELLIGENCE -Inteligência nos Negócios- UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS, HUMANAS E SOCIAIS BUSINESS INTELLIGENCE -Inteligência nos Negócios- Curso: Administração Hab. Sistemas de Informações Disciplina: Gestão de Tecnologia

Leia mais

A aplicação do Business Intelligence no segmento de Saúde Pública Ambulatorial

A aplicação do Business Intelligence no segmento de Saúde Pública Ambulatorial A aplicação do Business Intelligence no segmento de Saúde Pública Ambulatorial Gilberto Capatina Valente 1, Newton Naoki Ahagon 1 1 Atech Tecnologias Críticas, São Paulo, SP Resumo Este artigo descreve

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO DW NA ANVISA

IMPLANTAÇÃO DO DW NA ANVISA IMPLANTAÇÃO DO DW NA ANVISA Bruno Nascimento de Ávila 1 Rodrigo Vitorino Moravia 2 Maria Renata Furtado 3 Viviane Rodrigues Silva 4 RESUMO A tecnologia de Business Intelligenge (BI) ou Inteligência de

Leia mais

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser:

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser: CONCEITOS INICIAIS O tratamento da informação precisa ser visto como um recurso da empresa. Deve ser planejado, administrado e controlado de forma eficaz, desenvolvendo aplicações com base nos processos,

Leia mais

OLAP em âmbito hospitalar: Transformação de dados de enfermagem para análise multidimensional

OLAP em âmbito hospitalar: Transformação de dados de enfermagem para análise multidimensional OLAP em âmbito hospitalar: Transformação de dados de enfermagem para análise multidimensional João Silva and José Saias m5672@alunos.uevora.pt, jsaias@di.uevora.pt Mestrado em Engenharia Informática, Universidade

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9

TERMO DE REFERÊNCIA TÍTULO: Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD. GECOQ Gerência de Controle e Qualidade 1/9 TÍTULO: ASSUNTO: GESTOR: TERMO DE REFERÊNCIA Termo de Referência para contratação de ferramenta case de AD DITEC/GECOQ Gerência de Controle e Qualidade ELABORAÇÃO: PERÍODO: GECOQ Gerência de Controle e

Leia mais

Faculdade Pitágoras Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados

Faculdade Pitágoras Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Faculdade Pitágoras Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Disciplina: Ferramentaspara Tomadade Decisão Prof.: Fernando Hadad Zaidan Unidade 1.2 1 Conceitos Iniciais Tomada de Decisão, Modelagem

Leia mais

Aline França a de Abreu, Ph.D

Aline França a de Abreu, Ph.D Aline França a de Abreu, Ph.D igti.eps.ufsc.br 07 / 10/ 04 Núcleo de estudos Criado em 1997 - UFSC/EPS Equipe multidisciplinar, com aproximadamente 20 integrantes OBJETIVO Gerar uma competência e uma base

Leia mais

Data Warehouse a experiência da ANVISA

Data Warehouse a experiência da ANVISA Data Warehouse a experiência da ANVISA Camilo Mussi, Denis Murahovschi, Giliana Bettni, Luiz Gustavo Kratz Assessoria da Presidência, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), Brasil Resumo -

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE OPERACIONALIZANDO O PROGRAMA DE ANTICOAGULAÇÃO DO HU

BUSINESS INTELLIGENCE OPERACIONALIZANDO O PROGRAMA DE ANTICOAGULAÇÃO DO HU BUSINESS INTELLIGENCE OPERACIONALIZANDO O PROGRAMA DE ANTICOAGULAÇÃO DO HU Stanley Galvão 1, Cláudia Miranda 2, Cristiano Souza 3 e Liz Yoshihara 4 1 Departamento de Informática do HU, São Paulo, Brasil

Leia mais

BUSINESS INTELLIGENCE, O ELEMENTO CHAVE PARA O SUCESSO DAS ORGANIZAÇÕES.

BUSINESS INTELLIGENCE, O ELEMENTO CHAVE PARA O SUCESSO DAS ORGANIZAÇÕES. Encontro de Ensino, Pesquisa e Extensão, Presidente Prudente, 22 a 25 de outubro, 2012 88 BUSINESS INTELLIGENCE, O ELEMENTO CHAVE PARA O SUCESSO DAS ORGANIZAÇÕES. Andrios Robert Silva Pereira, Renato Zanutto

Leia mais

Implementação de um Data Warehouse para Analise Multidimensional de Informações da Secretária de Trânsito de Guaíba

Implementação de um Data Warehouse para Analise Multidimensional de Informações da Secretária de Trânsito de Guaíba Implementação de um Data Warehouse para Analise Multidimensional de Informações da Secretária de Trânsito de Guaíba Fernando Maganha 1, Daniel Murara Barcia 2 1 Acadêmico do Curso de Sistemas de Informação

Leia mais

AME. Levando mais saúde para o cidadão. Junho 2009. PROCERGS - Centro de Soluções em Governo Eletrônico. Prêmio CONIP de Excelência

AME. Levando mais saúde para o cidadão. Junho 2009. PROCERGS - Centro de Soluções em Governo Eletrônico. Prêmio CONIP de Excelência PROCERGS - Centro de Soluções em Governo Eletrônico AME Levando mais saúde para o cidadão Prêmio CONIP de Excelência Categoria: Administração Pública Eficiente e Eficaz - Aplicações Voltadas para o Cidadão

Leia mais

Integração Access-Excel para produzir um sistema de apoio a decisão que simula um Data Warehouse e OLAP

Integração Access-Excel para produzir um sistema de apoio a decisão que simula um Data Warehouse e OLAP Integração Access-Excel para produzir um sistema de apoio a decisão que simula um Data Warehouse e OLAP Wílson Luiz Vinci (Faculdades IPEP) wilson@cnptia.embrapa.br Marcelo Gonçalves Narciso (Embrapa Informática

Leia mais

Business Intelligence

Business Intelligence 1/ 24 Business Intelligence Felipe Ferreira 1 Nossa empresa Jornal O Globo Jornais Populares Parcerias Grupo Folha Grupo Estado 2 1 Fundada em 1925 3100 funcionários 2 Parques Gráficos e SP Globo: 220

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS DE DADOS

ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS DE DADOS Capítulo 7 ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS DE DADOS 7.1 2003 by Prentice Hall OBJETIVOS Por que as empresas sentem dificuldades para descobrir que tipo de informação precisam ter em seus sistemas de informação?

Leia mais

APLICAÇÃO DA FERRAMENTA OLAP EM DIFERENTES MÓDULOS DE UM SISTEMA ERP MELHORANDO A TOMADA DE DECISÃO. Henrique César Gouveia 1 gouveia.henriq@gmail.

APLICAÇÃO DA FERRAMENTA OLAP EM DIFERENTES MÓDULOS DE UM SISTEMA ERP MELHORANDO A TOMADA DE DECISÃO. Henrique César Gouveia 1 gouveia.henriq@gmail. APLICAÇÃO DA FERRAMENTA OLAP EM DIFERENTES MÓDULOS DE UM SISTEMA ERP MELHORANDO A TOMADA DE DECISÃO Henrique César Gouveia 1 gouveia.henriq@gmail.com Muller Marciel Melo 2 muller_melo@hotmail.com Pedro

Leia mais

Professor: Disciplina:

Professor: Disciplina: Professor: Curso: Esp. Marcos Morais de Sousa marcosmoraisdesousa@gmail.com Sistemas de informação Disciplina: Introdução a SI Noções de sistemas de informação Turma: 01º semestre Prof. Esp. Marcos Morais

Leia mais

Arquitetura de Disseminação de Informações baseada em Datawarehouse 05/04/2006

Arquitetura de Disseminação de Informações baseada em Datawarehouse 05/04/2006 Arquitetura de Disseminação de Informações baseada em Datawarehouse 05/04/2006 Agenda A Informal Perspectiva Histórica Modelos de Arquitetura Benefícios para Gestão Caso de Referência Agenda A Informal

Leia mais

Uma aplicação de Data Warehouse para análise do processo de coleta de sangue e de medula óssea

Uma aplicação de Data Warehouse para análise do processo de coleta de sangue e de medula óssea Uma aplicação de Data Warehouse para análise do processo de coleta de sangue e de medula óssea Rogério de Torres Pelito, Gleise Celeste Gonzaga Pereira, Diana Maria da Silva de Souza, André Luiz Alves

Leia mais

Uma análise de ferramentas de modelagem e gerência de metadados aplicadas ao projeto de BI/DW-UFBA

Uma análise de ferramentas de modelagem e gerência de metadados aplicadas ao projeto de BI/DW-UFBA Universidade Federal da Bahia Instituto de Matemática Departamento de Ciência da Computação MATA67 Projeto Final II Uma análise de ferramentas de modelagem e gerência de metadados aplicadas ao projeto

Leia mais

Modelagem de Sistemas de Informação

Modelagem de Sistemas de Informação Modelagem de Sistemas de Informação Professora conteudista: Gislaine Stachissini Sumário Modelagem de Sistemas de Informação Unidade I 1 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO...1 1.1 Conceitos...2 1.2 Objetivo...3 1.3

Leia mais

Palavras-chave: On-line Analytical Processing, Data Warehouse, Web mining.

Palavras-chave: On-line Analytical Processing, Data Warehouse, Web mining. BUSINESS INTELLIGENCE COM DADOS EXTRAÍDOS DO FACEBOOK UTILIZANDO A SUÍTE PENTAHO Francy H. Silva de Almeida 1 ; Maycon Henrique Trindade 2 ; Everton Castelão Tetila 3 UFGD/FACET Caixa Postal 364, 79.804-970

Leia mais

DESMISTIFICANDO O CONCEITO DE ETL

DESMISTIFICANDO O CONCEITO DE ETL DESMISTIFICANDO O CONCEITO DE ETL Fábio Silva Gomes da Gama e Abreu- FSMA Resumo Este artigo aborda os conceitos de ETL (Extract, Transform and Load ou Extração, Transformação e Carga) com o objetivo de

Leia mais

Capítulo 5. 5.1 Laudon, Cap. 5

Capítulo 5. 5.1 Laudon, Cap. 5 Capítulo 5 Fundamentos da Inteligência de Negócios: Gerenciamento da Informação e de Bancos de Dados 5.1 Laudon, Cap. 5 OBJETIVOS DE ESTUDO Descrever como um banco de dados relacional organiza os dados

Leia mais

Business Intelligence e ferramentas de suporte

Business Intelligence e ferramentas de suporte O modelo apresentado na figura procura enfatizar dois aspectos: o primeiro é sobre os aplicativos que cobrem os sistemas que são executados baseados no conhecimento do negócio; sendo assim, o SCM faz o

Leia mais

Módulo 4: Gerenciamento de Dados

Módulo 4: Gerenciamento de Dados Módulo 4: Gerenciamento de Dados 1 1. CONCEITOS Os dados são um recurso organizacional decisivo que precisa ser administrado como outros importantes ativos das empresas. A maioria das organizações não

Leia mais

Gerenciamento de Dados e Gestão do Conhecimento

Gerenciamento de Dados e Gestão do Conhecimento ELC1075 Introdução a Sistemas de Informação Gerenciamento de Dados e Gestão do Conhecimento Raul Ceretta Nunes CSI/UFSM Introdução Gerenciando dados A abordagem de banco de dados Sistemas de gerenciamento

Leia mais

CEP 97420-000 São Vicente do Sul RS Brasil. filipe-kulinski@hotmail.com, {maicon.amarante, eliana.zen} @iffarroupilha.edu.br

CEP 97420-000 São Vicente do Sul RS Brasil. filipe-kulinski@hotmail.com, {maicon.amarante, eliana.zen} @iffarroupilha.edu.br Utilização de Businnes Intelligence para análise de evasão escolar com base na cidade de origem dos alunos no Instituto Federal Farroupilha Câmpus São Vicente do Sul Filipe Kulinski Mello 1, Eliana Zen

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Competências Analista 1. Administração de recursos de infra-estrutura de tecnologia da informação 2.

Leia mais

Data Mining: Conceitos e Técnicas

Data Mining: Conceitos e Técnicas Data Mining: Conceitos e Técnicas DM, DW e OLAP Data Warehousing e OLAP para Data Mining O que é data warehouse? De data warehousing para data mining Data Warehousing e OLAP para Data Mining Data Warehouse:

Leia mais

Uma abordagem utilizando Business Intelligence para apoiar o processo de tomada de decisão na gestão da evolução de serviços web 1

Uma abordagem utilizando Business Intelligence para apoiar o processo de tomada de decisão na gestão da evolução de serviços web 1 Uma abordagem utilizando Business Intelligence para apoiar o processo de tomada de decisão na gestão da evolução de serviços web 1 Ernando Silva 1, Renata Galante (Orientadora) 1, Karin Becker (Coorientadora)

Leia mais

SAD orientado a DADOS

SAD orientado a DADOS Universidade do Contestado Campus Concórdia Curso de Sistemas de Informação Prof.: Maico Petry SAD orientado a DADOS DISCIPLINA: Sistemas de Apoio a Decisão SAD orientado a dados Utilizam grandes repositórios

Leia mais

Data Warehouse. Djenane Cristina Silveira dos Santos¹, Felipe Gomes do Prado¹, José Justino Neto¹, Márcia Taliene Alves de Paiva¹

Data Warehouse. Djenane Cristina Silveira dos Santos¹, Felipe Gomes do Prado¹, José Justino Neto¹, Márcia Taliene Alves de Paiva¹ Data Warehouse. Djenane Cristina Silveira dos Santos¹, Felipe Gomes do Prado¹, José Justino Neto¹, Márcia Taliene Alves de Paiva¹ ¹Ciência da Computação Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) MG Brasil

Leia mais

Experiência em Processo de Teste Iterativo e Automatizado para Data Warehouse

Experiência em Processo de Teste Iterativo e Automatizado para Data Warehouse Experiência em Processo de Teste Iterativo e Automatizado para Data Warehouse Luana M. de A. Lobão 1, Eliane F. Collins 1,2,, Ronaldo N. Martins 1, Leandro A. O. Leão 1, Vicente Ferreira de Lucena Jr.

Leia mais

Sistema de Informação Gerencial baseado em Data Warehouse aplicado a uma software house

Sistema de Informação Gerencial baseado em Data Warehouse aplicado a uma software house Universidade Regional de Blumenau Centro de Ciências Exatas e Naturais Curso de Sistemas de Informação (Bacharelado) Sistema de Informação Gerencial baseado em Data Warehouse aplicado a uma software house

Leia mais

Módulo 4. Visão geral dos controles do COBIT aplicáveis para implantação da Sarbanes, o papel de TI, a importância dos softwares e exercícios

Módulo 4. Visão geral dos controles do COBIT aplicáveis para implantação da Sarbanes, o papel de TI, a importância dos softwares e exercícios Módulo 4 Visão geral dos controles do COBIT aplicáveis para implantação da Sarbanes, o papel de TI, a importância dos softwares e exercícios Estruturas e Metodologias de controle adotadas na Sarbanes COBIT

Leia mais

Tópicos Avançados Business Intelligence. Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira. Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence.

Tópicos Avançados Business Intelligence. Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira. Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence. Tópicos Avançados Business Intelligence Banco de Dados Prof. Otacílio José Pereira Unidade 10 Tópicos Avançados Business Inteligence Roteiro Introdução Níveis organizacionais na empresa Visão Geral das

Leia mais

ARMAZÉM DE DADOS SOBRE A ASSISTÊNCIA ONCOLÓGIA AMBULATORIAL DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE

ARMAZÉM DE DADOS SOBRE A ASSISTÊNCIA ONCOLÓGIA AMBULATORIAL DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE ARMAZÉM DE DADOS SOBRE A ASSISTÊNCIA ONCOLÓGIA AMBULATORIAL DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE Rômulo Cristovão de Souza 1, Sergio Miranda Freire 1, Rosimary Terezinha de Almeida 2 1 Departamento de Tecnologia

Leia mais

A Brief History of Decision Support Systems

A Brief History of Decision Support Systems UNIRIO / PPGI Mestrado em Informática Disciplina: Sistemas de Apoio à Inteligência do Negócio Profs.: Astério K. Tanaka; Fernanda Baião A Brief History of Decision Support Systems Apresentação do artigo

Leia mais

Uma Ferramenta WEB para apoio à Decisão em Ambiente Hospitalar

Uma Ferramenta WEB para apoio à Decisão em Ambiente Hospitalar Uma Ferramenta WEB para apoio à Decisão em Ambiente Hospitalar Mikael de Souza Fernandes 1, Gustavo Zanini Kantorski 12 mikael@cpd.ufsm.br, gustavoz@cpd.ufsm.br 1 Curso de Sistemas de Informação, Universidade

Leia mais

CEP 97420-000 São Vicente do Sul RS Brasil. filipe-kulinski@hotmail.com, {maicon.amarante, eliana.zen} @iffarroupilha.edu.br

CEP 97420-000 São Vicente do Sul RS Brasil. filipe-kulinski@hotmail.com, {maicon.amarante, eliana.zen} @iffarroupilha.edu.br 109 Utilização de Businnes Intelligence para análise de evasão escolar nos diferentes níveis de ensino do Instituto Federal Farroupilha Campus São Vicente do Sul Filipe Kulinski Mello 1, Eliana Zen 1,

Leia mais

Bloco Administrativo

Bloco Administrativo Bloco Administrativo BI Business Intelligence Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo Business Intelligence, que se encontra no Bloco Administrativo. Todas informações aqui

Leia mais

Sistemas de Informação I

Sistemas de Informação I + Sistemas de Informação I Tipos de SI Ricardo de Sousa Britto rbritto@ufpi.edu.br + Introdução 2 n As organizações modernas competem entre si para satisfazer as necessidades dos seus clientes de um modo

Leia mais

Uma peça estratégica para o seu negócio

Uma peça estratégica para o seu negócio Uma peça estratégica para o seu negócio INFORMAÇÃO GERAL DA EMPRESA CASO DE SUCESSO EM IMPLEMENTAÇÃO BI PERGUNTAS E RESPOSTAS Fundada em 1997, Habber Tec é uma empresa especializada na oferta de soluções

Leia mais

PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012

PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012 PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012 Curso: TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL Habilitação: TECNÓLOGO Disciplina: NEGÓCIOS INTELIGENTES (BUSINESS INTELLIGENCE) Período: M V N 4º semestre do Curso

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS DE DADOS

ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS DE DADOS 7 ADMINISTRAÇÃO DOS RECURSOS DE DADOS OBJETIVOS Por que as empresas sentem dificuldades para descobrir que tipo de informação precisam ter em seus sistemas de informação ão? Como um sistema de gerenciamento

Leia mais

Sobre o que falaremos nesta aula?

Sobre o que falaremos nesta aula? Business Intelligence - BI Inteligência de Negócios Prof. Ricardo José Pfitscher Elaborado com base no material de: José Luiz Mendes Gerson Volney Lagmman Introdução Sobre o que falaremos nesta aula? Ferramentas

Leia mais

ASPECTOS DE CRIAÇÃO E CARGA DE UM AMBIENTE DE DATA WAREHOUSE ANDRÉ FERNANDES DA COSTA FELIPE CURVELLO ANCIÃES

ASPECTOS DE CRIAÇÃO E CARGA DE UM AMBIENTE DE DATA WAREHOUSE ANDRÉ FERNANDES DA COSTA FELIPE CURVELLO ANCIÃES ASPECTOS DE CRIAÇÃO E CARGA DE UM AMBIENTE DE DATA WAREHOUSE ANDRÉ FERNANDES DA COSTA FELIPE CURVELLO ANCIÃES Universidade Federal do Rio De Janeiro UFRJ Instituto de Matemática - IM Departamento de Ciência

Leia mais

1. DESCRIÇÃO DO SIE Sistema de Informações para o Ensino

1. DESCRIÇÃO DO SIE Sistema de Informações para o Ensino 1. DESCRIÇÃO DO SIE Sistema de Informações para o Ensino O SIE é um sistema aplicativo integrado, projetado segundo uma arquitetura multicamadas, cuja concepção funcional privilegiou as exigências da Legislação

Leia mais

Padronização de Processos: BI e KDD

Padronização de Processos: BI e KDD 47 Padronização de Processos: BI e KDD Nara Martini Bigolin Departamento da Tecnologia da Informação -Universidade Federal de Santa Maria 98400-000 Frederico Westphalen RS Brazil nara.bigolin@ufsm.br Abstract:

Leia mais

Chapter 3. Análise de Negócios e Visualização de Dados

Chapter 3. Análise de Negócios e Visualização de Dados Chapter 3 Análise de Negócios e Visualização de Dados Objetivos de Aprendizado Descrever a análise de negócios (BA) e sua importância par as organizações Listar e descrever brevemente os principais métodos

Leia mais

IBM Cognos Business Intelligence Scorecarding

IBM Cognos Business Intelligence Scorecarding IBM Cognos Business Intelligence Scorecarding Unindo a estratégia às operações com sucesso Visão Geral O Scorecarding oferece uma abordagem comprovada para comunicar a estratégia de negócios por toda a

Leia mais