ALL AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA NORTE S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n o / FATO RELEVANTE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ALL AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA NORTE S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n o / FATO RELEVANTE"

Transcrição

1 ALL AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA OESTE S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n o / ALL AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA PAULISTA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n o / ALL AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA NORTE S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n o / FATO RELEVANTE ALL América Latina Logística Malha Oeste S.A., sociedade anônima com sede na Cidade e Estado de São Paulo, na Rodovia Anhanguera, Km 24,2 Sala 4, inscrita no CNPJ/MF sob o n o / ( ALL Malha Oeste ), ALL América Latina Logística Malha Paulista S.A., sociedade anônima com sede na Cidade e Estado de São Paulo, com escritório na Rodovia Anhanguera, Km 24,2 Sala 2, inscrita no CNPJ/MF sob o n o / ( ALL Malha Paulista ), ALL América Latina Logística Malha Norte S.A., sociedade anônima com sede na Cidade de Cuiabá, Estado de Mato Grosso, na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 2000, sala 308, inscrita no CNPJ/MF sob o n o / ( ALL Malha Norte ), e em cumprimento às exigências da Instrução CVM nº 319, de 03 de dezembro de 1999, e da Instrução CVM nº 358, de 03 de janeiro de 2002, e, em complemento ao divulgado ao mercado por meio da publicação das atas das Reuniões do Conselho de Administração da ALL América Latina Logística S.A. ( ALL Holding ), de 24 de julho de 2008 e 07 de novembro de 2007, que trata do processo de reorganização societária da ALL Holding, vêm informar ao público, aos seus acionistas e ao mercado o quanto segue. Em 14 de dezembro de 2009, as administrações da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista, da ALL Malha Norte e da Multimodal Participações Ltda., sociedade limitada inscrita no CNPJ/MF sob o nº / ( Multimodal ), celebraram Protocolo e Justificação de Cisão Total da Multimodal ( Protocolo e Justificação ), estabelecendo as condições da cisão da Multimodal com incorporação das parcelas cindidas pela ALL Malha Oeste, pela ALL Malha Paulista e pela ALL Malha Norte ( Operação ), a qual será submetida à aprovação da assembleia geral da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte e em reunião de sócios da Multimodal, convocadas para serem realizadas em 30 de dezembro de 2009.

2 Informações relativas à Instrução CVM 319/ Motivos da Operação: 1.1. A Operação tem por objetivo a simplificação da estrutura societária atual, de forma a promover maior eficácia e sinergia das atividades das sociedades envolvidas, havendo, ainda, redução de custos e despesas. 2. Custos da Operação: 2.1. Estima-se que o custo da Operação será de aproximadamente R$ ,00, considerando-se despesas com publicação, contratação de empresa especializada para elaboração do laudo de avaliação, honorários de auditores, consultores e advogados. 3. Atos societários e negociais que antecederam a Operação: 3.1. Em 14 de dezembro de 2009, ALL Malha Oeste, ALL Malha Paulista, ALL Malha Norte e Multimodal celebraram o Protocolo e Justificação. Nesta mesma data, foram realizadas Reuniões dos Conselhos de Administração da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte que determinaram a convocação das assembleias gerais extraordinárias das respectivas companhias para deliberar sobre a Operação. 4. Ações de emissão da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte que serão entregues aos sócios da Multimodal: 4.1. As parcelas do patrimônio líquido da Multimodal destinadas à ALL Malha Oeste, à ALL Malha Paulista e à ALL Malha Norte foram avaliadas pela empresa especializada Donner & Prosper Auditores S/S Ltda., inscrita no CNPJ/MF sob o nº / , com sede na Cidade de Joinville, Estado de Santa Catarina, na Rua Blumenau, n.º 178, sala 405 ( Empresa Especializada ), pelo seu valor contábil, tendo como base as demonstrações financeiras da Multimodal levantadas em 31 de dezembro de 2008 ( Data- Base ), devidamente ajustada para refletir os eventos relevantes subsequentes, ocorridos entre a Data-Base e a data da avaliação, com base em premissas objetivas estabelecidas no respectivo laudo de avaliação. A indicação da Empresa Especializada será objeto de ratificação pelas assembleias gerais extraordinárias da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha

3 Norte Na forma do art. 226, 1º, da LSA, as ações de emissão da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Norte e da ALL Malha Paulista hoje de titularidade da Multimodal serão extintas e, simultaneamente, serão emitidas, em igual número, ações de emissão das referidas sociedades para os atuais sócios da Multimodal, na proporção de suas participações no capital social da Multimodal. Em razão da incorporação do acervo líquido da Multimodal pela ALL Malha Oeste e pela ALL Malha Paulista, haverá aumento do capital social das referida sociedades no montante equivalente ao acervo líquido da Multimodal incorporado pela por ALL Malha Oeste e por ALL Malha Paulista, equivalente a, respectivamente, R$ ,24 e R$ ,06, sem emissão de ações adicionais em função do referido aumento que não aquelas emitidas em substituição das ações extintas. No que se refere à ALL Malha Norte, tendo em vista que o acervo líquido da Multimodal a ser incorporado corresponde exclusivamente à participação que a Multimodal detém no capital social da ALL Malha Norte, não haverá, em razão da Operação, aumento do capital social da ALL Malha Norte As respectivas parcelas cindidas do patrimônio líquido da Multimodal passarão a compor o patrimônio da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte, conforme o caso, por sucessão, a partir da data efetiva da cisão e respectiva incorporação na ALL Malha Oeste, na ALL Malha Paulista e na ALL Malha Norte As administrações da ALL Malha Oeste, ALL Malha Paulista, ALL Malha Norte e Multimodal julgam eqüitativa a Operação, nos termos propostos. 5. Relação teórica de troca, para fins do art. 264 da Lei n o 6.404/ Considerando que não haverá relação de substituição, não se aplica a exigência da avaliação do patrimônio líquido da ALL Malha Oeste, ALL Malha Paulista, ALL Malha Norte e da Multimodal a preços de mercado, conforme precedentes já analisados pela Comissão de Valores Mobiliários CVM. 6. Comparação, em quadro demonstrativo, entre as vantagens políticas e patrimoniais das ações do controlador e dos demais acionistas: 6.1. Segue abaixo quadro comparativo dos direitos das quotas da Multimodal com

4 os direitos das ações de emissão da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte que serão entregues aos sócios da Multimodal em decorrência da Operação: Matéria Direito de voto Participação nos resultados Direito de recesso Exclusão do direito de preferência Antes da Operação (Quotas da Multimodal) Cada quota confere ao seu titular direito a um voto nas reuniões de sócios. Não há obrigatoriedade de distribuição mínima de lucros ou resultados. Os lucros apurados poderão ser distribuídos desproporcionalmente à participação dos sócios no capital social, se aprovado pela maioria do capital social. Direito de receber, a título de reembolso, montante correspondente ao valor patrimonial contábil, desconsiderada qualquer perspectiva de rentabilidade futura. Não consta previsão específica no Contrato Social da Multimodal. Depois da Operação (Ações Ordinárias da ALL Malha Oeste, Ações Ordinárias da ALL Malha Paulista e Ações Ordinárias da ALL Malha Norte) Cada ação ordinária confere ao seu titular direito a um voto nas assembleias gerais. Direito de receber, em cada exercício social, dividendo de 25% sobre o lucro líquido do exercício. Direito de exercer o recesso de acordo com o patrimônio líquido constante do último balanço aprovado pela assembleia geral. Poderão ser emitidas, sem direito de preferência para os antigos acionistas, (i) em relação à ALL Malha Oeste e à ALL Malha Paulista, ações e partes beneficiárias conversíveis em ações e bônus de subscrição, dentro dos limites do capital autorizado, desde que a colocação seja feita mediante venda por subscrição pública ou permuta por ações, em oferta pública de aquisição de controle, ou,

5 ainda, nos termos de lei especial sobre incentivos fiscais; e (ii) em relação à ALL Malha Norte, ações, debêntures conversíveis ou bônus de subscrição, desde que a respectiva colocação seja feita mediante (a) venda em bolsa de valores ou subscrição pública; ou (b) permuta de ações em oferta pública de aquisição de controle Não ocorrerá nenhuma modificação dos direitos (ou vantagens políticas e patrimoniais) conferidos às ações atualmente emitidas pela ALL Malha Oeste, pela ALL Malha Paulista e pela ALL Malha Norte. 7. Cálculo das relações de substituição das ações dos sócios não controladores: 7.1. Cada um dos sócios da Multimodal receberá ações de emissão da ALL Malha Oeste e da ALL Malha Paulista com base nos mesmos critérios, conforme mencionado no item 4 acima. 8. Critérios de avaliação do patrimônio líquido, a data a que serão referidas as avaliações e o tratamento das variações patrimoniais posteriores: 8.1. Critérios de avaliação: os patrimônios líquidos a serem cindidos da Multimodal foram avaliados pelo seu valor contábil na Data-Base Tratamento das Variações Patrimoniais Posteriores: As variações patrimoniais apuradas a partir da Data-Base relativas aos elementos ativos e passivos que constituem as parcelas cindidas do patrimônio da Multimodal serão apropriadas pela ALL Malha Paulista, pela ALL Malha Oeste e pela ALL Malha Norte, conforme o caso, passando-se para seus livros contábeis e efetuando-se as necessárias alterações. 9. Solução quanto às participações de uma sociedade detida por outra: 9.1. As ações de emissão da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte de titularidade da Multimodal serão extintas, com a simultânea emissão, em igual número, de ações de emissão da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte para entrega aos atuais sócios da

6 Multimodal, na proporção de suas participações no capital social da Multimodal A ALL Malha Oeste, a ALL Malha Paulista e a ALL Malha Norte não são titulares de quotas da Multimodal. 10. Valor do aumento de capital da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte: Conforme mencionado acima, a incorporação das parcelas cindidas da Multimodal pela ALL Malha Norte não acarretará aumento de seu capital social. A incorporação das parcelas cindidas da Multimodal resultará no aumento do capital social da ALL Malha Oeste e da ALL Malha Paulista no montante de, respectivamente, R$ ,24 e R$ ,06, sem emissão de ações adicionais em função do referido aumento que não aquelas emitidas em substituição das ações extintas, conforme já mencionado. 11. A composição do capital social da companhia que deverá emitir ações, por espécie e classe de ações: Conforme mencionado acima, a incorporação das parcelas cindidas da Multimodal pela ALL Malha Oeste, pela ALL Malha Paulista e pela ALL Malha Norte não implicará alteração da composição do capital social das referidas companhias. 12. Valor de reembolso das ações dos sócios ou acionistas dissidentes: Os acionistas da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte não terão direito de recesso em função da realização da Operação. Considerando que a Operação deverá ser aprovada pela totalidade dos sócios da Multimodal, não se aplicam as disposições relativas ao reembolso aos sócios da Multimodal. 13. Detalhamento da composição dos passivos e das contingências passivas não contabilizados na Multimodal a serem assumidos pela ALL Malha Oeste, pela ALL Malha Paulista e pela ALL Malha Norte: A Multimodal declara desconhecer quaisquer passivos ou contingências passivas que não tenham sido contabilizadas nas demonstrações financeiras da

7 Multimodal levantadas na Data-Base. 14. Identificação da empresa especializada para avaliar o patrimônio líquido da Multimodal com declaração sobre a existência ou não de conflito de interesses: A Empresa Especializada foi contratada pela administração das sociedades como empresa especializada responsável pela avaliação do patrimônio líquido da Multimodal e para proceder à elaboração do respectivo laudo de avaliação, na Data-Base A Empresa Especializada declarou à ALL Malha Oeste, à ALL Malha Paulista, à ALL Malha Norte e à Multimodal que: (i) (ii) (iii) não possui interesse, direto ou indireto, na ALL Malha Oeste, na ALL Malha Paulista, na ALL Malha Norte e/ou na Multimodal, e nem na Operação por elas pretendida; inexistem situações que possam ser consideradas como conflito ou comunhão de interesses, atual ou potencial, entre a Empresa Especializada e a ALL Malha Oeste, a ALL Malha Paulista, a ALL Malha Norte e/ou a Multimodal e/ou os seus respectivos controladores; e nem os controladores e nem os administradores da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista, da ALL Malha Norte e/ou da Multimodal direcionaram, limitaram, dificultaram ou praticaram quaisquer atos que tenham ou possam ter comprometido o acesso, a utilização ou o conhecimento de informações, bem como de documentos ou metodologia de trabalhos relevantes para a qualidade de suas conclusões. 15. Submissão da Operação à aprovação das autoridades reguladoras ou de defesa da concorrência brasileiras e estrangeiras: A Operação pretendida é uma reorganização societária dentro do mesmo grupo econômico, uma vez que a ALL Malha Oeste, a ALL Malha Paulista e a ALL Malha Norte são controladas pela Multimodal. Desta forma, não se configura hipótese de concentração econômica decorrente da consolidação das atividades das sociedades em uma única companhia. Por essas razões, não há a necessidade de submissão da Operação à análise dos órgãos de defesa da concorrência, conforme jurisprudência firmada pelo próprio Conselho Administrativo de Defesa Econômica CADE.

8 15.2. A Operação foi objeto de manifestação da Agência Nacional de Transportes Terrestres ANTT por meio do Ofício n.º 271/2008/SUREF/ANTT. 16. Indicação dos locais onde estarão disponíveis aos acionistas os documentos referentes à Operação: Os documentos relativos à Operação de que trata este Fato Relevante estão à disposição dos acionistas da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte e dos sócios da Multimodal, e poderão ser analisados no período das 10h00min às 16h30min, a partir desta data, nos seguintes endereços: (i) na Cidade de Cuiabá, MT: na Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 2000, sala 308; e (ii) na Cidade de São Paulo, SP: na Rodovia Anhanguera, Km 24,2 Sala Os sócios e acionistas que desejarem examinar os referidos documentos deverão agendar data e horário de visita por meio do telefone (41) Cópias desses mesmos documentos estão sendo encaminhadas à CVM e à BM&FBovespa. As administrações da ALL Malha Oeste, da ALL Malha Paulista e da ALL Malha Norte manterão seus acionistas e o mercado informado na medida em que as matérias e operações informadas neste Fato Relevante evoluírem. São Paulo, 15 de dezembro de ALL - AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA OESTE S.A. ALL - AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA PAULISTA S.A. ALL - AMÉRICA LATINA LOGÍSTICA MALHA NORTE S.A. Rodrigo Barros de Moura Campos Diretor de Relação com Investidores

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA S.A. FÁBRICA DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS VIGOR PELA VIGOR ALIMENTOS S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA S.A. FÁBRICA DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS VIGOR PELA VIGOR ALIMENTOS S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA S.A. FÁBRICA DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS VIGOR PELA VIGOR ALIMENTOS S.A. Pelo presente instrumento particular, os administradores das partes abaixo qualificadas:

Leia mais

JEREISSATI PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta. JP PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta

JEREISSATI PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta. JP PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta JEREISSATI PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº 60.543.816/0001-93 Companhia Aberta JP PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº 15.463.423/0001-15 Companhia Aberta FATO RELEVANTE Jereissati Participações S.A. ( Jereissati

Leia mais

PDG REALTY S.A. EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES CNPJ nº / NIRE FATO RELEVANTE

PDG REALTY S.A. EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES CNPJ nº / NIRE FATO RELEVANTE PDG REALTY S.A. EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES CNPJ nº 02.950.811/0001-89 NIRE 35.3.0015895.4 FATO RELEVANTE A PDG Realty S.A. Empreendimentos e Participações, companhia de capital aberto cujas ações

Leia mais

COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS AMBEV CNPJ/MF Nº / NIRE Companhia Aberta FATO RELEVANTE

COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS AMBEV CNPJ/MF Nº / NIRE Companhia Aberta FATO RELEVANTE COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS AMBEV CNPJ/MF Nº 02.808.708/0001 07 NIRE 35.300.157.770 1 Companhia Aberta FATO RELEVANTE A Companhia de Bebidas das Américas AMBEV ( AmBev ), em cumprimento ao disposto

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA MMX PORTO SUDESTE S.A. PELA MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA MMX PORTO SUDESTE S.A. PELA MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA MMX PORTO SUDESTE S.A. PELA MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A. Os membros da Diretoria da: I. MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A., companhia aberta listada no Novo Mercado

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA PROVENCE PARTICIPAÇÕES S.A. PELA COMPANHIA DE GÁS DE SÃO PAULO COMGÁS

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA PROVENCE PARTICIPAÇÕES S.A. PELA COMPANHIA DE GÁS DE SÃO PAULO COMGÁS PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA PROVENCE PARTICIPAÇÕES S.A. PELA COMPANHIA DE GÁS DE SÃO PAULO COMGÁS Pelo presente instrumento particular, I. PROVENCE PARTICIPAÇÕES S.A., sociedade por ações,

Leia mais

1. Justificação da Incorporação da Tivit Investimentos pela Softway

1. Justificação da Incorporação da Tivit Investimentos pela Softway Instrumento de Justificação e Protocolo de Incorporação da Tivit Investimentos S.A. pela Softway Contact Center Serviços de Teleatendimento a Clientes S.A., celebrado em [---] de junho de 2008 Pelo presente

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA G.A. SMILES PARTICIPAÇÕES S.A. PELA SMILES S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA G.A. SMILES PARTICIPAÇÕES S.A. PELA SMILES S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA G.A. SMILES PARTICIPAÇÕES S.A. PELA SMILES S.A. Pelo presente instrumento particular, e na melhor forma de direito, as partes abaixo qualificadas, por seus respectivos

Leia mais

DIREITOS DOS ACIONISTAS

DIREITOS DOS ACIONISTAS DO GRUPO DE ESTUDOS DE DIREITO EMPRESARIAL FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS DIREITO SOCIETÁRIO APLICADO Mário Tavernard Martins de Carvalho Patrocinadores: 2 Direitos essenciais

Leia mais

MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A. CNPJ/MF n / NIRE Companhia Aberta

MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A. CNPJ/MF n / NIRE Companhia Aberta MMX MINERAÇÃO E METÁLICOS S.A. CNPJ/MF n 02.762.115/0001-49 NIRE 3.33.002.6111-7 Companhia Aberta ANEXO 14 DA INSTRUÇÃO CVM 481/2009 AUMENTO DE CAPITAL Em conformidade com o artigo 14 da Instrução CVM

Leia mais

PERDIGÃO S.A. Companhia Aberta de capital autorizado CNPJ n / Av. Escola Politécnica, n.º 760 São Paulo SP FATO RELEVANTE

PERDIGÃO S.A. Companhia Aberta de capital autorizado CNPJ n / Av. Escola Politécnica, n.º 760 São Paulo SP FATO RELEVANTE PERDIGÃO S.A. Companhia Aberta de capital autorizado CNPJ n 01.838.723/0001-27 Av. Escola Politécnica, n.º 760 São Paulo SP FATO RELEVANTE A administração da PERDIGÃO S.A. ( PERDIGÃO Bovespa: PRGA3; NYSE:

Leia mais

EMPRESA ENERGÉTICA DE MATO GROSSO DO SUL S.A - ENERSUL CNPJ/MF nº / NIRE Companhia Aberta

EMPRESA ENERGÉTICA DE MATO GROSSO DO SUL S.A - ENERSUL CNPJ/MF nº / NIRE Companhia Aberta EMPRESA ENERGÉTICA DE MATO GROSSO DO SUL S.A - ENERSUL CNPJ/MF nº 15.413.826/0001-50 NIRE 54.300.000.566 Companhia Aberta Campo Grande - MS, 04 de outubro de 2010. Aos Srs. Acionistas da ENERSUL. PROPOSTA

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DE AÇÕES DE EMISSÃO DA LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE S.A. PELA LIGHT S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DE AÇÕES DE EMISSÃO DA LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE S.A. PELA LIGHT S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DE AÇÕES DE EMISSÃO DA LIGHT SERVIÇOS DE ELETRICIDADE S.A. PELA LIGHT S.A. Pelo presente instrumento particular, os administradores das seguintes sociedades: a.

Leia mais

JUSTIFICAÇÃO DA INCORPORAÇÃO DA MOINHO SANTA LÚCIA S/A PELA M. DIAS BRANCO S/A INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ALIMENTOS

JUSTIFICAÇÃO DA INCORPORAÇÃO DA MOINHO SANTA LÚCIA S/A PELA M. DIAS BRANCO S/A INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ALIMENTOS JUSTIFICAÇÃO DA INCORPORAÇÃO DA MOINHO SANTA LÚCIA S/A PELA M. DIAS BRANCO S/A INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ALIMENTOS M. DIAS BRANCO S/A INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ALIMENTOS, sociedade anônima constituída e existente

Leia mais

PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E INSTRUMENTO DE JUSTIFICAÇÃO LABS CARDIOLAB EXAMES COMPLEMENTARES S.A FLEURY S.A. POR DATADO DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011

PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E INSTRUMENTO DE JUSTIFICAÇÃO LABS CARDIOLAB EXAMES COMPLEMENTARES S.A FLEURY S.A. POR DATADO DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011 PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E INSTRUMENTO DE JUSTIFICAÇÃO DE LABS CARDIOLAB EXAMES COMPLEMENTARES S.A POR FLEURY S.A. DATADO DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011 1 PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E INSTRUMENTO DE JUSTIFICAÇÃO

Leia mais

LAUDO DE AVALIAÇÃO CONTÁBIL

LAUDO DE AVALIAÇÃO CONTÁBIL Laudo de Avaliação Contábil Versalhes Comércio de Produtos Eletroeletrônicos Ltda. 30 de junho de 2007 LAUDO DE AVALIAÇÃO CONTÁBIL 1. Objetivo ERNST & YOUNG Auditores Independentes S.S., inscrita no Conselho

Leia mais

Contax Participações S.A. CNPJ/MF nº / NIRE Companhia Aberta

Contax Participações S.A. CNPJ/MF nº / NIRE Companhia Aberta Contax Participações S.A. CNPJ/MF nº 04.032.433/0001-80 NIRE 33300275410 Companhia Aberta FATO RELEVANTE Contax Participações S.A. ( Contax Participações ou Companhia ), em cumprimento ao disposto no art.

Leia mais

Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil da AES Brazilian Energy Holdings Ltda. Companhia Brasiliana de Energia. 30 de junho de 2015

Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil da AES Brazilian Energy Holdings Ltda. Companhia Brasiliana de Energia. 30 de junho de 2015 Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil da AES Brazilian Energy Holdings Ltda. Companhia Brasiliana de Energia Condomínio São Luiz Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 1830 Torre I - 8º Andar

Leia mais

Kroton Educacional S.A. Companhia Aberta NIRE CNPJ n.º /

Kroton Educacional S.A. Companhia Aberta NIRE CNPJ n.º / Kroton Educacional S.A. Companhia Aberta NIRE 31.300.025.187 CNPJ n.º 02.800.026/0001-40 Anhanguera Educacional Participações S.A. Companhia Aberta NIRE 35.300.184.092 CNPJ n.º 04.310.392/0001-46 FATO

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA MTH VENTURES DO BRASIL LTDA. PELA BRASIL TELECOM S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA MTH VENTURES DO BRASIL LTDA. PELA BRASIL TELECOM S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA MTH VENTURES DO BRASIL LTDA. PELA BRASIL TELECOM S.A. São partes neste instrumento de Protocolo e Justificação de Incorporação, 1. BRASIL TELECOM S.A., sociedade

Leia mais

IDEIASNET S.A. CNPJ/MF n.º / NIRE Companhia Aberta AVISO AOS ACIONISTAS

IDEIASNET S.A. CNPJ/MF n.º / NIRE Companhia Aberta AVISO AOS ACIONISTAS IDEIASNET S.A. CNPJ/MF n.º 02.365.069/0001 44 NIRE 3330016719 6 Companhia Aberta AVISO AOS ACIONISTAS Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração da Ideiasnet S.A. 1.

Leia mais

FATO RELEVANTE. 1. Operação

FATO RELEVANTE. 1. Operação ITAUSA INVESTIMENTOS ITAU S.A. COMPANHIA LIGNA DE INVESTIMENTOS DURATEX S.A SATIPEL INDUSTRIAL S.A FATO RELEVANTE A Itaúsa - Investimentos Itaú S.A. ( Itaúsa ), a Companhia Ligna de Investimentos ( Ligna

Leia mais

RAIZEN ENERGIA S.A. CNPJ/MF nº / NIRE nº ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA REALIZADA EM 29 DE JANEIRO DE 2014.

RAIZEN ENERGIA S.A. CNPJ/MF nº / NIRE nº ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA REALIZADA EM 29 DE JANEIRO DE 2014. RAIZEN ENERGIA S.A. CNPJ/MF nº 08.070.508/0001-78 NIRE nº 35.3.0033916-9 ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA REALIZADA EM 29 DE JANEIRO DE 2014. 1. Data, hora e local: Aos 29 dias do mês de janeiro

Leia mais

Safra Fundo de Investimento em Ações Vale do Rio Doce (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30

Safra Fundo de Investimento em Ações Vale do Rio Doce (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 Safra Fundo de Investimento em Ações Vale do Rio Doce Demonstrações Financeiras em 31 de março de 2004 e em 30 de setembro de 2003 e parecer dos auditores independentes Parecer dos auditores independentes

Leia mais

AREZZO INDÚSTRIA E COMÉRCIO S.A. (Companhia Aberta) CNPJ/MF nº / NIRE AVISO AOS ACIONISTAS

AREZZO INDÚSTRIA E COMÉRCIO S.A. (Companhia Aberta) CNPJ/MF nº / NIRE AVISO AOS ACIONISTAS AREZZO INDÚSTRIA E COMÉRCIO S.A. (Companhia Aberta) CNPJ/MF nº 16.590.234/0001-76 NIRE 31.300.025.91-8 AVISO AOS ACIONISTAS AREZZO INDÚSTRIA E COMÉRCIO S.A. ( Companhia ), COMUNICA aos seus acionistas

Leia mais

ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/ (R$) ,29

ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/ (R$) ,29 ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 1. Informar o lucro líquido do exercício. (R$) 864.940.364,29 2. Informar o montante global e o valor por ação dos dividendos,

Leia mais

FATO RELEVANTE. RESTOQUE COMÉRCIO E CONFECÇÕES DE ROUPAS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº /

FATO RELEVANTE. RESTOQUE COMÉRCIO E CONFECÇÕES DE ROUPAS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº / FATO RELEVANTE RESTOQUE COMÉRCIO E CONFECÇÕES DE ROUPAS S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 49.669.856/0001-43 A Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. (BM&FBovespa: LLIS3) ( Restoque ), em observância

Leia mais

MRS LOGÍSTICA S.A. CNPJ/MF nº / NIRE nº Companhia Aberta Registro CVM nº

MRS LOGÍSTICA S.A. CNPJ/MF nº / NIRE nº Companhia Aberta Registro CVM nº MRS LOGÍSTICA S.A. CNPJ/MF nº 01.417.222/0001-77 NIRE nº 33.300.163.565 Companhia Aberta Registro CVM nº 01794-9 Ata da Reunião do Conselho de Administração da MRS LOGÍSTICA S.A. ( Companhia ) realizada

Leia mais

Materiais de Avaliação

Materiais de Avaliação Materiais de Avaliação Índice Hipóteses Legais Código Civil Lei de S/A Outras Hipóteses Critérios de Avaliação Competência para a Escolha Deveres e Responsabilidades Principais Discussões Hipóteses Previstas

Leia mais

Yara Brasil Agronegócios Ltda. Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil Ajustado a Valor de Mercado em 31 de maio de 2007

Yara Brasil Agronegócios Ltda. Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil Ajustado a Valor de Mercado em 31 de maio de 2007 Yara Brasil Agronegócios Ltda. Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil Ajustado a Valor de Mercado em 31 de maio de 2007 Laudo de Avaliação do Patrimônio Líquido Contábil Ajustado a Valor de

Leia mais

ANEXO I Circular SUSEP nº 07/94

ANEXO I Circular SUSEP nº 07/94 ANEXO I Circular SUSEP nº 07/94 1. Sociedades Seguradoras Nacionais, Sociedades de Capitalização e Sociedades de Previdência Privada Aberta com fins lucrativos. 1.1- ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA - AGE

Leia mais

JSL S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ/MF nº / NIRE: FATO RELEVANTE

JSL S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ/MF nº / NIRE: FATO RELEVANTE JSL S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ/MF nº 52.548.435/0001-79 NIRE: 35.300.362.683 FATO RELEVANTE A JSL S.A. ("Companhia" ou JSL ), sociedade anônima de capital aberto, detentora do mais

Leia mais

OI S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta. TELEMAR PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta FATO RELEVANTE

OI S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta. TELEMAR PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº / Companhia Aberta FATO RELEVANTE OI S.A. CNPJ/MF nº 76.535.764/0001-43 Companhia Aberta TELEMAR PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF nº 02.107.946/0001-87 Companhia Aberta FATO RELEVANTE Oi S.A. ( Oi ) e Telemar Participações S.A. ( TmarPart e,

Leia mais

CONSTRUTORA TENDA S.A.

CONSTRUTORA TENDA S.A. CONSTRUTORA TENDA S.A. CNPJ/MF n 71.476.527/0001-35 NIRE 31300013863 Ata da Assembléia Geral Extraordinária realizada em 31 de julho de 2007, lavrada em forma de sumário: DATA, HORÁRIO E LOCAL: No dia

Leia mais

MANUAL PARA PARTICIPAÇÃO DE ACIONISTAS NA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA A SER REALIZADA EM 30 DE ABRIL DE 2015

MANUAL PARA PARTICIPAÇÃO DE ACIONISTAS NA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA A SER REALIZADA EM 30 DE ABRIL DE 2015 MANUAL PARA PARTICIPAÇÃO DE ACIONISTAS NA ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA A SER REALIZADA EM 30 DE ABRIL DE 2015 MENSAGEM DA ADMINISTRAÇÃO Ecorodovias Infraestrutura e Logística S.A. ( Companhia ) convida seus

Leia mais

PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E JUSTIFICAÇÃO

PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E JUSTIFICAÇÃO 1 PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO E JUSTIFICAÇÃO O presente protocolo firmado entre: - COMPANHIA BRASILEIRA DE DISTRIBUIÇÃO, sociedade inscrita no CNPJ/MF sob nº 47.508.411/0001-56, com sede na Capital do Estado

Leia mais

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA SOCIEDADE LABORATÓRIO WEINMANN S.A. PELA FLEURY S.A.

INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA SOCIEDADE LABORATÓRIO WEINMANN S.A. PELA FLEURY S.A. INSTRUMENTO PARTICULAR DE PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA SOCIEDADE LABORATÓRIO WEINMANN S.A. PELA FLEURY S.A. Pelo presente instrumento particular, e na melhor forma de direito, as partes

Leia mais

Assembleia Geral Extraordinária. Seiva S.A. Florestas e Indústrias

Assembleia Geral Extraordinária. Seiva S.A. Florestas e Indústrias Assembleia Geral Extraordinária Seiva S.A. Florestas e Indústrias ÍNDICE Proposta da Administração 2 Informações sobre a operação a ser realizada com Parte Relacionada (Art. 8º - Instrução CVM nº 481)

Leia mais

ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. CNPJ / Companhia Aberta NIRE FATO RELEVANTE

ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. CNPJ / Companhia Aberta NIRE FATO RELEVANTE ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. CNPJ 60.872.504/0001-23 Companhia Aberta NIRE 35300010230 FATO RELEVANTE ITAÚ UNIBANCO HOLDING S.A. ( Companhia ) comunica aos seus acionistas que o Conselho de Administração,

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA DURATEX S.A. PELA SATIPEL INDUSTRIAL S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA DURATEX S.A. PELA SATIPEL INDUSTRIAL S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DA DURATEX S.A. PELA SATIPEL INDUSTRIAL S.A. DURATEX S.A., companhia aberta com ações listadas no Nível I da BM&FBOVESPA, com sede na Avenida Paulista, 1938, 5º

Leia mais

CPC 18 INVESTIMENTO EM CONTROLADA E COLIGADA. Prof. Mauricio Pocopetz

CPC 18 INVESTIMENTO EM CONTROLADA E COLIGADA. Prof. Mauricio Pocopetz CPC 18 INVESTIMENTO EM CONTROLADA E COLIGADA Prof. Mauricio Pocopetz OBJETIVOS O objetivo deste Pronunciamento é estabelecer: a contabilização de investimentos em coligadas e em controladas; e definir

Leia mais

Coligadas, Controladas e Método da Equivalência Patrimonial (MEP)

Coligadas, Controladas e Método da Equivalência Patrimonial (MEP) UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE CIÊNCIAS JURÍCAS E ECONÔMICAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS CONTABILIDADE AVANÇADA Coligadas, Controladas e Método da Equivalência Patrimonial (MEP)

Leia mais

Proposta da Administração

Proposta da Administração Proposta da Administração ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA EXPOSIÇÃO AOS ACIONISTAS ITEM I AUMENTO DO CAPITAL SOCIAL COM SUBSCRIÇÃO DE AÇÕES. A administração da Companhia encaminha proposta à Assembleia

Leia mais

Aspectos Tributários Relevantes

Aspectos Tributários Relevantes Aspectos Tributários Relevantes Fundos de Investimento em Participações e Holdings Estrutura FIP Cumprimento dos Requisitos Histórico Regra 40% Fiscalização Principais Considerações Características Gerais

Leia mais

FATO RELEVANTE. 1. Motivos ou fins da operação e interesse das Companhias na sua realização.

FATO RELEVANTE. 1. Motivos ou fins da operação e interesse das Companhias na sua realização. BR Properties S.A. CNPJ 06.977.751/0001-49 One Properties S.A. CNPJ 07.875.234/0001-21 FATO RELEVANTE Em atendimento às disposições do artigo 157, 4º da Lei nº 6.404/76, conforme alterada, observando as

Leia mais

Questões relevantes no processo de M&A envolvendo companhias abertas

Questões relevantes no processo de M&A envolvendo companhias abertas Questões relevantes no processo de M&A envolvendo companhias abertas 12.11.2015 Timeline Usual para Operações de M&A envolvendo Companhias Abertas Início das Tratativas 2 Divulgação da Operação Celebração

Leia mais

CIRCULAR N d) contabilização das quotas de depreciação e amortização;

CIRCULAR N d) contabilização das quotas de depreciação e amortização; CIRCULAR N 3017 Altera e consolida procedimentos contábeis a serem observados nos processos de incorporação, fusão e cisão. A Diretoria Colegiada do Banco Central do Brasil, em sessão realizada em 6 de

Leia mais

ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 28 de dezembro de 2015

ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 28 de dezembro de 2015 ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 28 de dezembro de 2015 1.) Divulgar ao mercado o valor do aumento e do novo capital social: O valor do aumento

Leia mais

ATIVOS PETROQUÍMICOS QUE SERÃO APORTADOS NA BRASKEM. Os Ativos Petroquímicos que serão aportados pela Petrobras e Petroquisa na Braskem são:

ATIVOS PETROQUÍMICOS QUE SERÃO APORTADOS NA BRASKEM. Os Ativos Petroquímicos que serão aportados pela Petrobras e Petroquisa na Braskem são: FATO RELEVANTE PETRÓLEO BRASILEIRO S.A. - PETROBRAS ( Petrobras ), PETROBRAS QUÍMICA S.A. PETROQUISA ( Petroquisa ), ODEBRECHT S.A. ( Odebrecht ), NORDESTE QUÍMICA S.A. ( Norquisa ) e BRASKEM S.A. ( Braskem

Leia mais

Safra Exportação - Fundo de Investimento em Ações (Administrado pelo Banco Safra S.A.)

Safra Exportação - Fundo de Investimento em Ações (Administrado pelo Banco Safra S.A.) Safra Exportação - Fundo de Investimento em Ações Demonstrações financeiras em 30 de setembro de 2004 e parecer de auditores independentes Parecer dos auditores independentes Aos Quotistas e ao Administrador

Leia mais

Contabilidade Introdutória

Contabilidade Introdutória Contabilidade Introdutória Profa. Mara Jane Contrera Malacrida 1 Ö : Parte residual do patrimônio Riqueza líquida da empresa PL = Ativo Passivo Evidencia os recursos dos proprietários aplicados no empreendimento

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO Pelo presente instrumento particular, Os administradores da Companhia de Tecidos Norte de Minas COTEMINAS, companhia aberta com sede na cidade de Montes Claros, Estado de Minas Gerais, na Av. Magalhães

Leia mais

COMUNICADO AO MERCADO

COMUNICADO AO MERCADO COMUNICADO AO MERCADO COMUNICAÇÃO SOBRE AUMENTO DE CAPITAL SOCIAL CONFORME DELIBERADO EM REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DO DIA 05 DE FEVEREIRO DE 2015. A JBS S.A. ( JBS ; Companhia ) comunica aos

Leia mais

FERROVIA CENTRO ATLÂNTICA S.A. CNPJ/MF / NIRE (Companhia Aberta)

FERROVIA CENTRO ATLÂNTICA S.A. CNPJ/MF / NIRE (Companhia Aberta) FERROVIA CENTRO ATLÂNTICA S.A. CNPJ/MF 00.924.429/0001-75 NIRE 313001187-9 (Companhia Aberta) ATA DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA REALIZADA EM 11 DE OUTUBRO DE 2016 1. DATA, HORA E LOCAL: Realizada

Leia mais

BRF S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ / NIRE CVM

BRF S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ / NIRE CVM 1. DATA, HORÁRIO E LOCAL: Realizada virtualmente no dia 29 do mês de junho de 2015, às 18h00min, conforme faculta o Parágrafo Segundo do Artigo 17 do Estatuto Social. 2. COMPOSIÇÃO DA MESA: Presidente:

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DO BANCO POPULAR DO BRASIL S.A. PELO BANCO DO BRASIL S.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DO BANCO POPULAR DO BRASIL S.A. PELO BANCO DO BRASIL S.A. PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE INCORPORAÇÃO DO BANCO POPULAR DO BRASIL Pelo presente instrumento particular, as partes abaixo qualificadas: BANCO DO BRASIL S.A., pessoa jurídica de direito privado, sociedade

Leia mais

FATO RELEVANTE. A Operação, cuja consumação estará sujeita às aprovações societárias aplicáveis e ao quanto previsto no item 5 abaixo, resultará:

FATO RELEVANTE. A Operação, cuja consumação estará sujeita às aprovações societárias aplicáveis e ao quanto previsto no item 5 abaixo, resultará: KROTON EDUCACIONAL S.A. CNPJ/MF nº 02.800.026/0001-40 NIRE 31.300.025.187 Companhia Aberta ESTÁCIO PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ/MF n.º 08.807.432/0001-10 NIRE 31.300.282.050 Companhia Aberta FATO RELEVANTE

Leia mais

FUNDO DE INVESTIMENTO EM DIREITOS CREDITÓRIOS MULTISETORIAL MASTER II CNPJ/MF n.º /

FUNDO DE INVESTIMENTO EM DIREITOS CREDITÓRIOS MULTISETORIAL MASTER II CNPJ/MF n.º / FUNDO DE INVESTIMENTO EM DIREITOS CREDITÓRIOS MULTISETORIAL MASTER II CNPJ/MF n.º 11.989.256/0001-90 Ata da Assembleia Geral de Quotistas do Fundo realizada em 23 de julho de 2014 DATA, HORA E LOCAL: Aos

Leia mais

ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 26 de junho de 2015

ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 26 de junho de 2015 ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 26 de junho de 2015 1.) Divulgar ao mercado o valor do aumento e do novo capital social: O valor do aumento

Leia mais

De acordo com a declaração recebida pela Companhia:

De acordo com a declaração recebida pela Companhia: VANGUARDA AGRO S.A. CNPJ/MF sob nº. 05.799.312/0001-20 NIRE nº. 35.300.380.657 Companhia Aberta COMUNICADO AO MERCADO AQUISIÇÃO DE PARTICIPAÇÃO SOCIETÁRIA RELEVANTE VANGUARDA AGRO S.A., sociedade por ações

Leia mais

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. Companhia Aberta CNPJ nº / NIRE FATO RELEVANTE

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. Companhia Aberta CNPJ nº / NIRE FATO RELEVANTE ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. Companhia Aberta CNPJ nº 33.256.439/0001-39 NIRE 35.300.109.724 FATO RELEVANTE INCORPORAÇÃO DE AÇÕES DA EXTRAFARMA PELA ULTRAPAR São Paulo, 19 de dezembro de 2013 A Ultrapar

Leia mais

Política de Negociação de Valores Mobiliários da Multiner S.A.

Política de Negociação de Valores Mobiliários da Multiner S.A. MULTINER S.A. CNPJ/MF: 08.935.054/0001-50 Companhia Aberta Política de Negociação de Valores Mobiliários da Multiner S.A. A presente Política foi elaborada nos termos da Instrução da CVM n.º 358, de 3

Leia mais

PARTE GERAL CONTRATO DE SOCIEDADE

PARTE GERAL CONTRATO DE SOCIEDADE PARTE GERAL CONTRATO DE SOCIEDADE 1 CONTRATO DE SOCIEDADE 1 Elementos contratuais 2 Sociedades simples e empresárias 3 Sociedades não personificadas 4 Sociedade em comum 4.1 Patrimônio social e responsabilidade

Leia mais

FATO RELEVANTE. BM&FBOVESPA S.A. Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros CNPJ nº / NIRE Companhia Aberta

FATO RELEVANTE. BM&FBOVESPA S.A. Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros CNPJ nº / NIRE Companhia Aberta BM&FBOVESPA S.A. Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros CNPJ nº 09.346.601/0001-25 NIRE 35.300.351.452 Companhia Aberta CETIP S.A. Mercados Organizados CNPJ nº 09.358.105/0001-91 NIRE 33.300.285.601 Companhia

Leia mais

DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO

DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO 1. Informar o lucro líquido do exercício O lucro líquido do exercício social findo em 31.12.2010 foi de R$ 72.793.804,47 (setenta e dois milhões, setecentos e noventa e três

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria de Acompanhamento Econômico

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria de Acompanhamento Econômico MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria de Acompanhamento Econômico Parecer Técnico n.º 06538/2008/RJ COGCE/SEAE/MF 09 de setembro de 2008 Referência: Ofício n 5878/2008/SDE/GAB, de 03 de setembro de 2008. Assunto:

Leia mais

BRASIL INSURANCE PARTICIPAÇÕES E ADMINISTRAÇÃO S.A. CNPJ/MF: / NIRE: Companhia Aberta

BRASIL INSURANCE PARTICIPAÇÕES E ADMINISTRAÇÃO S.A. CNPJ/MF: / NIRE: Companhia Aberta BRASIL INSURANCE PARTICIPAÇÕES E ADMINISTRAÇÃO S.A. CNPJ/MF: 11.721.921/0001-60 NIRE: 35.300.442.377 Companhia Aberta ATA SUMÁRIA DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA REALIZADA EM 16 DE DEZEMBRO DE 2013

Leia mais

ANEXO 30-XXXII. Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 11 de maio de 2016

ANEXO 30-XXXII. Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 11 de maio de 2016 ANEXO 30-XXXII Comunicação sobre aumento de capital deliberado pelo Conselho de Administração em 11 de maio de 2016 1) Divulgar ao mercado o valor do aumento e do novo capital social: O valor do Aumento

Leia mais

AVISO AOS ACIONISTAS AUMENTO DE CAPITAL POR SUBSCRIÇÃO PRIVADA DELIBERADA PELO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO EM

AVISO AOS ACIONISTAS AUMENTO DE CAPITAL POR SUBSCRIÇÃO PRIVADA DELIBERADA PELO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO EM CNPJ 97.837.181/0001-47 Companhia Aberta AVISO AOS ACIONISTAS AUMENTO DE CAPITAL POR SUBSCRIÇÃO PRIVADA DELIBERADA PELO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO EM 12.02.2016 (ANEXO 30-XXXII DA ICVM 480/09) 1. Informar

Leia mais

Unidade I CONTABILIDADE AVANÇADA. Prof. Walter Dominas

Unidade I CONTABILIDADE AVANÇADA. Prof. Walter Dominas Unidade I CONTABILIDADE AVANÇADA Prof. Walter Dominas Consolidação das demonstrações contábeis A Consolidação das Demonstrações Contábeis é uma técnica que permite conhecer a posição financeira de um grupo

Leia mais

PELA. Sendo Telesp e Vivo Part., designadas conjuntamente Partes ou Companhias ;

PELA. Sendo Telesp e Vivo Part., designadas conjuntamente Partes ou Companhias ; PROTOCOLO DE INCORPORAÇÃO DE AÇÕES DA VIVO PARTICIPAÇÕES S.A PELA TELECOMUNICAÇÕES DE SÃO PAULO S.A. TELESP E INSTRUMENTO DE JUSTIFICAÇÃO Pelo presente instrumento particular, as partes abaixo qualificadas,

Leia mais

RUMO LOGÍSTICA OPERADORA MULTIMODAL S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ/MF nº / NIRE AVISO AOS ACIONISTAS

RUMO LOGÍSTICA OPERADORA MULTIMODAL S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ/MF nº / NIRE AVISO AOS ACIONISTAS RUMO LOGÍSTICA OPERADORA MULTIMODAL S.A. Companhia Aberta de Capital Autorizado CNPJ/MF nº 71.550.388/0001-42 NIRE 35.300.170.865 AVISO AOS ACIONISTAS Nos termos da Instrução da Comissão de Valores Mobiliários

Leia mais

Uma Corretora que tenha firmado um Contrato de Agente Autorizado com a Administradora.

Uma Corretora que tenha firmado um Contrato de Agente Autorizado com a Administradora. GLOSSÁRIO Administradora Citibank Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S.A. Agente Autorizado Uma Corretora que tenha firmado um Contrato de Agente Autorizado com a Administradora. Ativos do

Leia mais

BRPR 51 SECURITIZADORA CRÉDITOS IMOBILIÁRIOS S.A. (Companhia Aberta) CNPJ/MF n / NIRE DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO

BRPR 51 SECURITIZADORA CRÉDITOS IMOBILIÁRIOS S.A. (Companhia Aberta) CNPJ/MF n / NIRE DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO BRPR 51 SECURITIZADORA CRÉDITOS IMOBILIÁRIOS S.A. (Companhia Aberta) CNPJ/MF n. 04.800.265/0001-25 NIRE 35.300.1193.563 Nos termos do artigo 9º, parágrafo 1º, inciso II, da Instrução CVM n.º 481 de 17

Leia mais

Reestruturação Societária da Companhia Brasiliana de Energia e controladas 12 de Junho de 2015

Reestruturação Societária da Companhia Brasiliana de Energia e controladas 12 de Junho de 2015 Reestruturação Societária da Companhia Brasiliana de Energia e controladas 12 de Junho de ESTA COMUNICAÇÃO NÃO CONSTITUI UMA OFERTA DE VENDA OU PEDIDO DE UMA OFERTA PARA AQUISIÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 4.278, DE 31 DE OUTUBRO DE 2013

RESOLUÇÃO Nº 4.278, DE 31 DE OUTUBRO DE 2013 RESOLUÇÃO Nº 4.278, DE 31 DE OUTUBRO DE 2013 Altera e revoga disposições da Resolução nº 4.192, de 1º de março de 2013, que dispõe sobre a metodologia para apuração do Patrimônio de Referência (PR). O

Leia mais

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Laudo de Avaliação de Patrimônio Líquido Valor Contábil

TIM PARTICIPAÇÕES S.A. Laudo de Avaliação de Patrimônio Líquido Valor Contábil Laudo de Avaliação de Patrimônio Líquido Valor Contábil Data de Emissão: 10 de Dezembro de 2009 2 LAUDO DE AVALIAÇÃO DE PATRIMÔNIO LÍQUIDO A ACAL CONSULTORIA E AUDITORIA S/S, empresa especializada em avaliações,

Leia mais

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE CISÃO PARCIAL DA FAZENDA PLANORTE EMPREENDIMENTOS AGRÍCOLAS LTDA.A.

PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE CISÃO PARCIAL DA FAZENDA PLANORTE EMPREENDIMENTOS AGRÍCOLAS LTDA.A. ANEXO I PROTOCOLO E JUSTIFICAÇÃO DE CISÃO PARCIAL DA FAZENDA PLANORTE EMPREENDIMENTOS AGRÍCOLAS LTDA., SEGUIDA DE INCORPORAÇÃO DA PARCELA CINDIDA POR SLC AGRÍCOLA S.A. O presente Protocolo e Justificação

Leia mais

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA LINX S.A. I. PROPÓSITO

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA LINX S.A. I. PROPÓSITO POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA LINX S.A. I. PROPÓSITO Esta Política de Negociação de Valores Mobiliários de Emissão da LINX S.A. ( Companhia ), nos termos da Instrução CVM

Leia mais

AVISO AOS ACIONISTAS

AVISO AOS ACIONISTAS COMPANHIA VALE DO RIO DOCE COMPANHIA ABERTA CNPJ 33.592.510/0001-54 CAEMI MINERAÇÃO E METALURGIA S.A COMPANHIA ABERTA CNPJ 31.865.728/0001-00 AVISO AOS ACIONISTAS As administrações da COMPANHIA VALE DO

Leia mais

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA OURO FINO SAÚDE ANIMAL PARTICIPAÇÕES S.A.

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA OURO FINO SAÚDE ANIMAL PARTICIPAÇÕES S.A. POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA OURO FINO SAÚDE ANIMAL PARTICIPAÇÕES S.A. 1 PROPÓSITO A presente Política de Negociação de Valores Mobiliários tem como propósito estabelecer

Leia mais

ÁGIO. Aspectos Contábeis e Fiscais. Elaine Maria de Souza Funo Controller da EMBRAER S.A

ÁGIO. Aspectos Contábeis e Fiscais. Elaine Maria de Souza Funo Controller da EMBRAER S.A ÁGIO Aspectos Contábeis e Fiscais Elaine Maria de Souza Funo Controller da EMBRAER S.A São Paulo, 27 de novembro de 2012 Sumário Ágio Aspectos contábeis e tributários; Proposta de alteração fiscal; Aquisições

Leia mais

ESTUDO DE CASO. Os Novos Ajustes da Lei

ESTUDO DE CASO. Os Novos Ajustes da Lei ESTUDO DE CASO Os Novos Ajustes da Lei 11.638 Os Novos Ajustes da Lei 11.638 As demonstrações financeiras foram elaboradas com base nas práticas contábeis adotadas no Brasil e normas da Comissão de Valores

Leia mais

CETIP S.A. MERCADOS ORGANIZADOS CNPJ/MF Nº / NIRE Companhia Aberta COMUNICADO AO MERCADO PEDIDO PÚBLICO DE PROCURAÇÃO

CETIP S.A. MERCADOS ORGANIZADOS CNPJ/MF Nº / NIRE Companhia Aberta COMUNICADO AO MERCADO PEDIDO PÚBLICO DE PROCURAÇÃO CETIP S.A. MERCADOS ORGANIZADOS CNPJ/MF Nº. 09.358.105/0001-91 NIRE 33.300.285.601 Companhia Aberta COMUNICADO AO MERCADO PEDIDO PÚBLICO DE PROCURAÇÃO Rio de Janeiro, 10 de maio de 2013 - A Cetip S.A.

Leia mais

AVISO AOS ACIONISTAS

AVISO AOS ACIONISTAS -1- TELECOMUNICAÇÕES DE SÃO PAULO S.A. TELESP COMPANHIA ABERTA - CNPJ/MF 02.558.157/0001-62 NIRE 35.300.158.814 TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. COMPANHIA ABERTA - CNPJ/MF 04.295.166/0001-33 NIRE 35.300.183.991

Leia mais

São Paulo, 12 de dezembro de 2012.

São Paulo, 12 de dezembro de 2012. São Paulo, 12 de dezembro de 2012. Ref.: Ratificação da aprovação da anuência do Fundo de Investimento Imobiliário FII Ancar IC em relação à doação de área do empreendimento CenterVale Shopping para Prefeitura

Leia mais

As Modificações Referentes ao Ágio e a Lei /2014. Apresentação: Rafael Correia Fuso

As Modificações Referentes ao Ágio e a Lei /2014. Apresentação: Rafael Correia Fuso As Modificações Referentes ao Ágio e a Lei 12.973/2014 Apresentação: Rafael Correia Fuso A formação do ágio / deságio ÁGIO / DESÁGIO CUSTO DE AQUISIÇÃO VALOR PATRIMONIAL Se custo de aquisição > valor patrimonial

Leia mais

Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. Balanço Patrimonial Consolidado em 31 de dezembro de 2014 Em milhares de reais

Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. Balanço Patrimonial Consolidado em 31 de dezembro de 2014 Em milhares de reais Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. Balanço Patrimonial Consolidado em 31 de dezembro de 2014 Em milhares de reais Ativo Passivo e Patrimônio Líquido Circulante R$ Circulante R$ Caixa e equivalentes

Leia mais

IOCHPE-MAXION S.A. CNPJ/MF / NIRE Companhia Aberta

IOCHPE-MAXION S.A. CNPJ/MF / NIRE Companhia Aberta IOCHPE-MAXION S.A. CNPJ/MF 61.156.113/0001-75 NIRE 35.300.014.022 Companhia Aberta ATA DE REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 12 SETEMBRO DE 2016 1. Data, Hora e Local: Ao 12 dias do mês

Leia mais

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA CENTRO DE IMAGEM DIAGNÓSTICOS S.A.

POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA CENTRO DE IMAGEM DIAGNÓSTICOS S.A. Versão 1.0 Página 1 de 10 POLÍTICA DE NEGOCIAÇÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS DE EMISSÃO DA CENTRO DE IMAGEM DIAGNÓSTICOS S.A. 1. OBJETIVO 1.1. A presente Política de Negociação de Valores Mobiliários tem como

Leia mais

Avaliação de Investimentos

Avaliação de Investimentos Avaliação de Investimentos 1) A Cia. Investidora adquiriu por $ 72.000, em 31-12-1, 60% das ações da Cia. Investida, cujo patrimônio líquido nessa data era de $ 120.000. Em 31-12-2, a Cia. Investida apurou

Leia mais

Balanço patrimonial da Holding S.A. antes da cisão parcial: Ativos $ Passivos $

Balanço patrimonial da Holding S.A. antes da cisão parcial: Ativos $ Passivos $ CISÃO 1 INTRODUÇÃO A cisão é um processo no qual uma companhia transfere parcelas de seu patrimônio para uma ou mais sociedades, constituídas para esse fim ou já existentes, extinguindo-se a companhia

Leia mais

Companhia Aberta Companhia Aberta CNPJ/MF / CNPJ/MF / NIRE NIRE

Companhia Aberta Companhia Aberta CNPJ/MF / CNPJ/MF / NIRE NIRE MMX MINERAÇÃO E LLX LOGÍSTICA S.A. METÁLICOS S.A. Companhia Aberta Companhia Aberta CNPJ/MF 02.762.115/0001-49 CNPJ/MF 08.741.499/0001-08 NIRE 33.3.0026111-7 NIRE 33.3.0028154-1 CENTENNIAL ASSET PARTICIPAÇÕES

Leia mais

MAGNESITA REFRATÁRIOS S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF nº / NIRE FATO RELEVANTE

MAGNESITA REFRATÁRIOS S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF nº / NIRE FATO RELEVANTE MAGNESITA REFRATÁRIOS S.A. Aberta CNPJ/MF nº 08.684.547/0001-65 NIRE 31.300.026.485 FATO RELEVANTE A Refratários S.A. ( ), em atendimento ao disposto na Lei nº 6.404/76 e na Instrução da Comissão de Valores

Leia mais

INSTRUÇÃO CVM Nº 547, DE 5 DE FEVEREIRO DE 2014

INSTRUÇÃO CVM Nº 547, DE 5 DE FEVEREIRO DE 2014 Altera dispositivos da Instrução CVM nº 358, de 3 de janeiro de 2002, e da Instrução CVM nº 480, de 7 de dezembro de 2009. O PRESIDENTE DA COMISSÃO DE VALORES MOBILIÁRIOS - CVM torna público que o Colegiado,

Leia mais

PROPOSTA PARA DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO NOS TERMOS DO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO N o CVM 481/09

PROPOSTA PARA DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO NOS TERMOS DO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO N o CVM 481/09 PROPOSTA PARA DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO NOS TERMOS DO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO N o CVM 481/09 1. Informar o lucro líquido do exercício O lucro líquido do exercício de 2012 foi de R$ 1.448.887.908,07

Leia mais

ÉVORA SA CNPJ nº / NIRE Capital Aberto. Ata de Reunião do Conselho de Administração

ÉVORA SA CNPJ nº / NIRE Capital Aberto. Ata de Reunião do Conselho de Administração ÉVORA SA CNPJ nº 91.820.068/0001-72 NIRE 43.300.028.593 Capital Aberto Ata de Reunião do Conselho de Administração Data, hora e local: aos 3 dias do mês de fevereiro do ano de 2016, às 17:00 horas, na

Leia mais

MANUAL PARA PARTICIPAÇÃO NA

MANUAL PARA PARTICIPAÇÃO NA MULTIPLUS S.A. CNPJ nº 11.094.546/0001-75 NIRE nº 35.300.371.658 Companhia Aberta de Capital Autorizado Rua Ministro Jesuíno Cardoso, 454, 2º andar, Edifício The One, Vila Nova Conceição, CEP 04544-051,

Leia mais

TPI TRIUNFO PARTICIPAÇÕES E INVESTIMENTOS S.A. 3ª EMISSÃO DE DEBÊNTURES RELATÓRIO ANUAL DO AGENTE FIDUCIÁRIO EXERCÍCIO DE 2015

TPI TRIUNFO PARTICIPAÇÕES E INVESTIMENTOS S.A. 3ª EMISSÃO DE DEBÊNTURES RELATÓRIO ANUAL DO AGENTE FIDUCIÁRIO EXERCÍCIO DE 2015 TPI TRIUNFO PARTICIPAÇÕES E INVESTIMENTOS S.A. 3ª EMISSÃO DE DEBÊNTURES RELATÓRIO ANUAL DO AGENTE FIDUCIÁRIO EXERCÍCIO DE 2015 Rio de Janeiro, 29 de Abril de 2016. Prezados Senhores Debenturistas, Na qualidade

Leia mais

ÉVORA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n.º / NIRE n.º ATA DE ASSEMBLEIA GERAL DE DEBENTURISTAS

ÉVORA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n.º / NIRE n.º ATA DE ASSEMBLEIA GERAL DE DEBENTURISTAS ÉVORA S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF n.º 91.820.068/0001-72 NIRE n.º 43.300.028.593 ATA DE ASSEMBLEIA GERAL DE DEBENTURISTAS 1. Data, hora e local: 28 de dezembro de 2015, às 10:00 horas, na sede social

Leia mais