Aplicação de RFID na Logística e Manufatura

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aplicação de RFID na Logística e Manufatura"

Transcrição

1 Aplicação de RFID na Logística e Manufatura 1º Congresso de Supply Chain do IBPSC MMC AUTOMOTORES DO BRASIL LTDA SERGIO GEBARA RAMOS Gerente de Planejamento 1

2 Localização 08 Fábricas / 20 Royalties / 136 Subsidiárias 2

3 Fluxo Logístico SUÉCIA EUA JAPÃO TAILÂNDIA CATALÃO MAIS DE 280 FORNECEDORES NACIONAIS COM APROXIMADAMENTE 3000 ITENS ATIVOS DE PRODUÇÃO 3

4 História da MMCB A Mitsubishi Motors do Brasil é a única montadora com o capital 100% brasileiro. Em setembro de 1998 começava a ser traçada sua história, quando a marca inaugurou sua planta de produção, tornando-se a primeira indústria a instalar-se na região de Catalão-Goiás. O primeiro veículo da marca a ser produzido na unidade, foi a Cabine Dupla L200. Seu sucesso abriu caminho para uma ambiciosa expansão, chamada de "Projeto Anhangüera", finalizada em julho de

5 História da MMCB 26 de Janeiro de 2007, alcançamos a marca de veículos produzidos no Brasil. A montagem deste carro veio coroar uma fase vitoriosa de uma equipe que venceu muitos desafios, independente da missão que cada um desempenha na empresa. 5

6 História da MMCB Produção Anual Nacionais e Importados 48 mil 6

7 História da MMCB Somando os veículos nacionais, importados e de competição, hoje são produzidos em Catalão 220 unidades/dia. A instalação conta ainda com pistas de testes off-road, testes especiais e testes de veículos de produção. Ocupando uma área de 622 mil m² onde mais de 94 mil m² são de área construída, a MMC Automotores e outras empresas parceiras no processo de produção dos veículos, geram cerca postos de trabalho, além de aproximadamente empregos indiretos. 7

8 História da MMCB Modelos Produzidos na MMC Automotores do Brasil Ltda L200 OUTDOOR PAJERO TR4 PAJERO SPORT P45 L200 RALLY PAJERO TR4 RALLY L200 SAVANA 8

9 História da MMCB Modelos Importados pela MMC Automotores do Brasil Ltda AIRTREK GRANDIS ECLIPSE GT 3.8 V6 OUTLANDER LANCER EVO PAJERO FULL 9

10 História da MMCB L200 TRITON, 5º veículo produzido na fábrica de Catalão A Mitsubishi Motors lançou, em outubro de 2007, a L200 TRITON 4x4 com exclusiva versão equipada com motor a gasolina V6 de 200 cv de potência, um novo conceito em cabine dupla. 10

11 RFID - Manufatura Aplicação nas Linhas de Produção Substituição dos apontamentos manuais pelos automáticos Rastreabilidade de carrocerias nos processos produtivos Eliminação de falhas 11

12 RFID - Manufatura 12

13 RFID - Manufatura BENEFÍCIOS 1. OBTENÇÃO DE INFORMAÇÕES ONLINE PARA SUPORTAR A TOMADA DE DECISÃO NO SEQUENCIAMENTO DE PRODUÇÃO. 2. ELIMINAR FALHAS HUMANAS DE DIGITAÇÃO. 3. REDUZIR E ELIMINAR DIGITAÇÃO DE INFORMAÇÕES MANUAIS. PONTOS CHAVE 1. ESCOLHA DA FREQUÊNCIA ADEQUADA. 2. ESCOLHA DO LOCAL DE COLOCAÇÃO DA TAG (etiqueta). 3. ESCOLHA DOS PONTOS DE INSTALAÇÃO DAS ANTENAS. 4. GERENCIAMENTO DE MUDANÇAS E EXECUÇÃO DO SERVIÇO. 13

14 RFID - Manufatura Escolha da Freqüência adequada Custo devido a quantidade de leitoras versus tags. Características do processo de manufatura muito manual. Linhas de Solda (ruídos, etc) Expansão para Pintura (disponibilidade de tags no mercado) Robustez dos equipamentos. 14

15 RFID - Manufatura EQUIPAMENTOS UTILIZADOS ANTENAS UTILIZADAS TAGS E SUPORTES 15

16 RFID - Manufatura SELETIVIDADE LOCAL DE FIXAÇÃO DA TAG (ASSOALHO DO VEÍCULO) TAG LOCAL DE FIXAÇÃO DA ANTENA (CHÃO) 16

17 RFID - Manufatura LINHA PAJERO TR4 LOCAL DE FIXAÇÃO DA TAG (ASSOALHO DO VEÍCULO) LOCAL DE FIXAÇÃO DA ANTENA (CHÃO) 17

18 RFID - Manufatura LINHA L200 LOCAL DE FIXAÇÃO DA TAG (ASSOALHO DO VEÍCULO) LOCAL DE FIXAÇÃO DA ANTENA (CHÃO) 18

19 RFID - Manufatura DETALHAMENTO DA TAG + SUPORTE 1 SUPORTE METÁLICO COM DISPOSITIVO MÓVEL (GARANTE ELIMINAÇÃO DE INTEFERÊNCIAS NO PROCESSO PRODUTIVO) 2 SUPORTE PLÁSTICO PARA FIXAÇÃO DA TAG (GARANTE ISOLAMENTO E INTEREFERÊNCIAS DO AÇO COM A TAG) 3 TAG COM GRAU DE PROTEÇÃO IP ESTA PARTE É FIXADA NO ASSOALHO DO CARRO 19

20 RFID - Manufatura TELA DE INCLUSÃO DE INFORMAÇÕES NA TAG ACESSO DIRETO COM O ERP (PEOPLE SOFT) 20

21 RFID - Manufatura VANTAGENS Eliminação de erros de leitura de dados e digitação. Coleta de dados automática. Redução de processamento de dados e maior segurança. Operação segura em ambiente severo (lugares úmidos, molhados, sujos, corrosivos, baixas temperaturas, vibração, choques). Operação sem contato e sem necessidade de campo visual. Grande variedade de formatos e tamanhos, de tags e antenas. 21

22 RFID - Manufatura PONTOS A SEREM OBSERVADOS NA IMPLEMETAÇÃO Fluxo dos Produtos Identificar nível necessário de identificação dos itens Identificar infra-estrutura existente Identificar Sistemas de Gerenciamento de Dados Identificar necessidades de segurança As características de cada meio de aplicação são únicas (Ruído EM, movimentação, metal) 22

23 RFID - Manufatura DIFICULDADES ENCONTRADAS Resistência à mudanças por parte do pessoal de TI Necessidade de adequação da Rede LAN Necessidade de SERVIDOR DEDICADO GRANDE RESISTÊNCIA DO PESSOAL DA PRODUÇÃO (eliminação de apontamentos falsos) 23

24 RFID - Logística 24

25 RFID - Logística KANBAN COM CARTÃO DE COD. BARRAS (((((((((((((((((((((((( (((((((((((((((((((((( Servidor Estação de montagem Rota Interna A B B A A A C D D C C C F E F F Armazém Emissão de picking PROBLEMAS: Perda de cartão ou alteração dos dados (quantidade ou localização) 25

26 RFID - Logística FLUXO CONTINUO DE MATERIAIS E PRODUTOS Servidor (((( (((((((((((((((((( )))) Estação de montagem Rota Interna A B B A A A C D D C C C F E F F Armazém Emissão de picking 26

27 RFID - Logística VANTAGENS Estação de trabalho mais enxuta. (Maior variedade de itens com a mesma linha de produção) Agilidade e redução de investimentos no atendimento à variações de demanda e lançamento de novos produtos. Quantidade de embalagens no circuito (Redução pelo aumento da freqüência de entrega). Eliminação de cartões kanban e seus controles além dos dispositivos eletrônicos para chamada de peças. Redução de paradas de linha por falta de peça no momento correto (perda de cartões ou chamada inadequada). 27

28 RFID - Logística CONTROLE DE EMBALAGENS E DISPOSITIVOS DE MOVIMENTAÇÃO )))))) ((((( Fornecedores Portais no recebimento e expedição Servidor Emissão de NFs de retorno Tags fixas e seriadas por embalagens ( CPF da embalagem) Controles de Armazém (FIFOs, Inventários, etc.) Controle de Embalagens (Manutenções, Alterações, etc.) A BB A A A C D D C CC F E F F Recebimento /Expedição Embalagens + tags Armazém Produção 28

29 RFID - Logística VANTAGENS Controle e bloqueio de embalagens danificadas e/ou em manutenção. Posicionamento / Inventário de embalagens on-line. Controle de FIFO das embalagens /peças em todo o processo. Facilidade de estudo do fluxo visando melhorias contínuas. Associação com o Número do lote de peças fornecidas melhorando a rastreabilidade para o Gerenciamento da Qualidade. 29

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns WMS Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com Informática Aplicada a Logística Profº Breno Amorimsexta-feira, 11 de setembro de 2009 Agenda

Leia mais

TECNOLOGIA NC-MES. Coleta de dados no chão de fábrica. ApontamentoS PRECISOS Coleta de dados no local e no momento de origem

TECNOLOGIA NC-MES. Coleta de dados no chão de fábrica. ApontamentoS PRECISOS Coleta de dados no local e no momento de origem Supervisão e monitoração da produção Análise de perdas, falhas e causas Indicadores de desempenho OEE e TRS O chão de fábrica em tempo real Mesmo quando todas as variáveis são idênticas mesmo produto,

Leia mais

COMO AS SOLUÇÕES DIGITAIS ESTÃO TRANSFORMANDO A GESTÃO DO SUPPLY CHAIN CARLOS VALLE, OUTUBRO/2015

COMO AS SOLUÇÕES DIGITAIS ESTÃO TRANSFORMANDO A GESTÃO DO SUPPLY CHAIN CARLOS VALLE, OUTUBRO/2015 COMO AS SOLUÇÕES DIGITAIS ESTÃO TRANSFORMANDO A GESTÃO DO SUPPLY CHAIN CARLOS VALLE, OUTUBRO/2015 UM MUNDO SUPER CONECTADO! Redefinir o seu modelo de negócio Conectando pessoas, devices e redes de negócios

Leia mais

JUST-IN-TIME & KANBAN

JUST-IN-TIME & KANBAN JUST-IN-TIME & KANBAN Prof. Darli Rodrigues Vieira darli@darli.com.br 1 OBJETIVO DA AULA OBJETIVO: EVIDENCIAR O QUE É JUST IN TIME E QUAL É SUA UTILIDADE EM PROJETOS DE OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS EM OPERAÇÕES

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Suprimentos. WMS Gerenciamento de Armazém

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Suprimentos. WMS Gerenciamento de Armazém Bloco Suprimentos WMS Gerenciamento de Armazém Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo WMS, que se encontra no Bloco Suprimentos. Todas informações aqui disponibilizadas foram

Leia mais

Usos Práticos da Tecnologia RFID em Aplicações de Produção e Distribuição

Usos Práticos da Tecnologia RFID em Aplicações de Produção e Distribuição Whitepaper Usos Práticos da Tecnologia RFID em Aplicações de Produção e Distribuição ÍNDICE A Tecnologia RFID simplifica os Processos de Negócio 2 O que é RFID? 2 Como funciona a Tecnologia RFID 2 Vantagens

Leia mais

Sistema de Gestão de Armazéns por Rádio Frequência

Sistema de Gestão de Armazéns por Rádio Frequência Sistema de Gestão de Armazéns por Rádio Frequência problema Má organização do espaço físico Mercadoria estagnada Tempos de resposta longos Expedições incorrectas Ausência de rastreabilidade Informação

Leia mais

Soluções RFID Óleo & Gás

Soluções RFID Óleo & Gás Soluções RFID Óleo & Gás IDENTIFICAR E INOVAR TAGS RFID Etiquetas baseadas em tecnologias patenteadas - Taxas de leitura superiores; - Funcionalidade Global; - Ampla interoperabilidade de HW e SW; - Etiquetas

Leia mais

Lenke e Meitech é um grupo de empresas especializadas em fornecer equipamentos e sistemas para a indústria de alimentos.

Lenke e Meitech é um grupo de empresas especializadas em fornecer equipamentos e sistemas para a indústria de alimentos. Lenke e Meitech é um grupo de empresas especializadas em fornecer equipamentos e sistemas para a indústria de alimentos. Atuando a mais de 10 anos no mercado brasileiro, com o apoio de profissionais experientes,

Leia mais

SOBRE A TECNOLOGIA RFID

SOBRE A TECNOLOGIA RFID SOBRE A TECNOLOGIA RFID (*) - RFID Identificação por Rádio Freqüência Usa antenas que lêem e gravam informações em chips para monitoramento de ativos pessoas ou objetos fixos ou móveis. A tecnologia RFID

Leia mais

OPERACIONAIS ADMINISTRATIVAS

OPERACIONAIS ADMINISTRATIVAS PROCESSOS OPERACIONAIS ADMINISTRATIVAS PROCESSOS CONSULTORIA EM GESTÃO E CONTROLES PROJETOS PARA USO DE TECNOLOGIAS CONTROLE DE ENXOVAIS NAS ROUPARIAS E LAVANDERIAS MACRO FLUXO PROCESSO Fixação TAG ARMÁRIO

Leia mais

Estamos presentes no mercado de prestação de serviços logísticos há 11 anos; Temos Know-how europeu;

Estamos presentes no mercado de prestação de serviços logísticos há 11 anos; Temos Know-how europeu; Estamos presentes no mercado de prestação de serviços logísticos há 11 anos; Temos Know-how europeu; Fazemos uma parceria total com o cliente, combinando redução de custos fixos e otimização de recursos

Leia mais

Armazenagem. Por que armazenar?

Armazenagem. Por que armazenar? Armazenagem Introdução Funções da armazenagem Atividades na armazenagem Objetivos do planejamento de operações de armazenagem Políticas da armazenagem Pilares da atividade de armazenamento Armazenagem

Leia mais

Porto e Aeroporto Rio de Janeiro SIGMA BETA GAMMA ALPHA ZETA

Porto e Aeroporto Rio de Janeiro SIGMA BETA GAMMA ALPHA ZETA 5 Projeto 3 O Capítulo 5 segue a mesma lógica apresentada nos Capítulos 3 e 4. Este quinto Capítulo apresenta o terceiro Projeto a ser analisado nesta dissertação. Assim como no Projeto 2, o Projeto 3

Leia mais

Grupo MedLog. 35 anos de experiência e inovação em exclusivo na logística da saúde. Susana Quelhas Coimbra, 14 de Outubro 2010

Grupo MedLog. 35 anos de experiência e inovação em exclusivo na logística da saúde. Susana Quelhas Coimbra, 14 de Outubro 2010 Grupo MedLog 35 anos de experiência e inovação em exclusivo na logística da saúde Susana Quelhas Coimbra, 14 de Outubro 2010 MedLog - As Empresas MedLog Passado e Presente Distribuição de medicamentos

Leia mais

White Paper. Como os sistemas portáteis de identificação por radiofrequência (RFID) melhoram as operações e o retorno sobre o investimento (ROI)

White Paper. Como os sistemas portáteis de identificação por radiofrequência (RFID) melhoram as operações e o retorno sobre o investimento (ROI) White Paper Como os sistemas portáteis de identificação por radiofrequência (RFID) melhoram as operações e o retorno sobre o investimento (ROI) Escalabilidade inerente elimina o custo incremental Introdução

Leia mais

- SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ENXOVAL HOSPITALAR - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMAS

- SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ENXOVAL HOSPITALAR - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMAS - SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ENXOVAL HOSPITALAR - ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMAS I - Aspectos gerais: 1. Sistema eletrônico para gestão e rastreamento do enxoval hospitalar, composto por etiquetas dotadas

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM WMS WAREHOUSE MANAGEMENT SYSTEM SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ARMAZÉM/DEP M/DEPÓSITO WMS Software de gerenciamento de depósito que auxilia as empresas na busca de melhorias nos

Leia mais

Entendendo a Tecnologia RFID

Entendendo a Tecnologia RFID Entendendo a Tecnologia RFID Como o próprio nome sugere a identificação por radiofreqüência é uma tecnologia de identificação automática que utiliza ondas eletromagnéticas como meio para capturar as informações

Leia mais

Logística Lean: conceitos básicos

Logística Lean: conceitos básicos Logística Lean: conceitos básicos Lando Nishida O gerenciamento da cadeia de suprimentos abrange o planejamento e a gerência de todas as atividades da logística. Inclui também a coordenação e a colaboração

Leia mais

Zero Error in the Supply Chain. Visidot Visual Traceability

Zero Error in the Supply Chain. Visidot Visual Traceability Zero Error in the Supply Chain Visidot - Visual Traceability Agenda Breve enquadramento e benefícios esperados Solução Zetes VISIDOT Captura Processamento Controlo Proposta de Valor Aplicações e Casos

Leia mais

ROADSHOW PORTO RFID aplicado à Gestão Logística 26 de Maio 2011 Luis Peixoto

ROADSHOW PORTO RFID aplicado à Gestão Logística 26 de Maio 2011 Luis Peixoto ROADSHOW PORTO RFID aplicado à Gestão Logística 26 de Maio 2011 Luis Peixoto The global language of business GS1 EPCglobal/RFID Uma ferramenta logística RASTREABILIDADE INFORMAÇÃO EM TEMPO REAL GS1 EPC

Leia mais

Tecnologia RFID na Gestão de Ativos

Tecnologia RFID na Gestão de Ativos Warehousing Transport Field Operations Maintenance & Inspection Tecnologia RFID na Gestão de Ativos DESAFIOS Existe uma solução de tecnologia viável e econômica disponível para gerir de forma eficaz e

Leia mais

RFID Você vai usar! Jean Pierre Borges de Sousa jeansousa@inf.ufg.br

RFID Você vai usar! Jean Pierre Borges de Sousa jeansousa@inf.ufg.br RFID Você vai usar! Jean Pierre Borges de Sousa jeansousa@inf.ufg.br Graduado em Sistemas de Informação FASAM Mestrado em andamento em Ciência da Computação INF/UFG PRIMEIROS PASSOS Surgiu na Segunda Guerra

Leia mais

ARMAZENAGEM E T.I. Prof.: Disciplina Integrantes

ARMAZENAGEM E T.I. Prof.: Disciplina Integrantes ARMAZENAGEM E T.I. Pós-Graduação em Gestão Integrada da Logística Turma: GIL131M - 2013 Universidade São Judas Tadeu Prof.: Ms. Maurício Pimentel Disciplina: Tecnologia da Informação Aplicada a Logística

Leia mais

A Tecnologia RFID Aplicada à Logística Instituto de Desenvolvimento Logístico

A Tecnologia RFID Aplicada à Logística Instituto de Desenvolvimento Logístico A Tecnologia RFID Aplicada à Logística Instituto de Desenvolvimento Logístico Avenida Prudente de Morais, 290 4º andar Cidade Jardim (31) 2531 0166 contato@idel.com.br www.idel.com.br 1 Palestrante Mac

Leia mais

TM-RFID010: MODULO DE TREINAMENTO COMERCIAL DE LEITORES E TAGS

TM-RFID010: MODULO DE TREINAMENTO COMERCIAL DE LEITORES E TAGS TM-RFID010: MODULO DE TREINAMENTO COMERCIAL DE LEITORES E TAGS TM-RFID010: PALESTRANTES Antonio de Carvalho Administração de Empresas - FECAP Analise de Sistemas ADP Systems Gerente de Negócios Wagner

Leia mais

Artigo de Referência. Apresentação. Índice

Artigo de Referência. Apresentação. Índice Artigo de Referência Apresentação Neste documento são apresentados alguns Artigos de Referência do sistema Solid Acesso Controle de Acesso de Veículos e Pessoas via RFID. Abaixo você verá exemplos de aplicação

Leia mais

LNet Mobility WIRELESS SOLUTIONS

LNet Mobility WIRELESS SOLUTIONS LNet Mobility WIRELESS SOLUTIONS INTRODUÇÃO: Entende-se por Mobilidade a possibilidade de poder se comunicar em qualquer momento e de qualquer lugar. Ela é possível graças às redes wireless, que podem

Leia mais

Como a tecnologia móvel de RFID pode melhorar a produtividade e o ROI

Como a tecnologia móvel de RFID pode melhorar a produtividade e o ROI Whitepaper Como a tecnologia móvel de RFID pode melhorar a produtividade e o ROI ÍNDICE Introdução 2 Quatro maneiras pelas quais o uso de RFID em empilhadeiras melhora o ROI 2 Redução Dos Gastos 2 Aumento

Leia mais

VERMELHO (Não Conforme)

VERMELHO (Não Conforme) (Conforme com ) MÓDULOS AVALIADOS PARECER FINAL: IDENTIFICAÇÃO: ESTRUTURA: CONFORME CONFORME (conforme) CHASSI MOTOR Observações: DIANTEIRA TRASEIRA Página 1 de 5 http://www.dekra.com.br/smartmobile/backofficeanalise/vistoriavarejo/impressao?coleta=16979969&parceiro=0&produto=6&produtonome=dekra%2

Leia mais

Solução SGI (ERP) Sistema de Gestão Integrado

Solução SGI (ERP) Sistema de Gestão Integrado 2014 Solução SGI (ERP) Sistema de Gestão Integrado SOLUÇÃO SGI Sistema de Gestão Integrado (ERP), é um sistema WEB voltado para empresas que necessitam controlar e realizar a gestão de seus principais

Leia mais

O Lean Thinking aplicado ao Supply Chain. Alexandre Cardoso

O Lean Thinking aplicado ao Supply Chain. Alexandre Cardoso O Lean Thinking aplicado ao Supply Chain Alexandre Cardoso Agenda Logística lean Armazenagem Inbound Outbound Lean em Fornecedores 2 Competitividade além das operações e da empresa Produção Produção Produção

Leia mais

TOLEDO Gerenciamento Automação de pesagem de veículos Controle de acesso de veículos Integração de dados

TOLEDO Gerenciamento Automação de pesagem de veículos Controle de acesso de veículos Integração de dados TOLEDO Gerenciamento Automação de pesagem de veículos Controle de acesso de veículos Integração de dados GUARDIAN PLUS - INFORMATIVO PARA CLIENTE 1 / 7 1 Objetivo da solução Ganho de tempo e segurança

Leia mais

DEFINIÇÃO DE LEAN MANUFACTURING

DEFINIÇÃO DE LEAN MANUFACTURING MANUFATURA ENXUTA DEFINIÇÃO DE LEAN MANUFACTURING A ORIGEM DA PALAVRA LEAN O termo LEAN foi cunhado originalmente no livro A Máquina que Mudou o Mundo de Womack, Jones e Roos, publicado nos EUA em 1990.

Leia mais

Tecnologia Fácil para Gestão de Rodovias

Tecnologia Fácil para Gestão de Rodovias Tecnologia Fácil para Gestão de Rodovias Portfolio de Produtos SOS Rodovias, o 0800 único para todas as rodovias concessionadas do Brasil! Nunca se sabe quando você vai precisar de atendimento mecânico

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração. Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Marcus Fontes

FTAD Formação Técnica em Administração. Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Marcus Fontes FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Marcus Fontes AULA PASSADA: CADASTRAMENTO DE MATERIAIS UMA REVISÃO RÁPIDA CONCEITO DE CADASTRAMENTO DE MATERIAIS E SUAS

Leia mais

Infor ERP SyteLine Visão Geral. Edgar Eler Arquiteto de Sistemas

Infor ERP SyteLine Visão Geral. Edgar Eler Arquiteto de Sistemas Infor ERP SyteLine Visão Geral Edgar Eler Arquiteto de Sistemas Sobre a Mag-W A Mag-W foi criada especialmente para trazer ao mercado o que há de melhor em soluções corporativas de Tecnologia da Informação

Leia mais

Introdução à tecnologia RFID

Introdução à tecnologia RFID Sumário Como surgiu a tecnologia RFID... 2 Como funciona?... 2 Quais os benefícios e onde utilizar o sistema de RFID... 4 Utilização proposta... 4 Etapas para leitura de dados via RFID... 5 Diagrama de

Leia mais

Sistema de Bilhetagem Eletrônica RioCard

Sistema de Bilhetagem Eletrônica RioCard Sistema de Bilhetagem Eletrônica RioCard SBERC-DET Documento de Especificação Técnica Manual de Instalação do Leitor Biométrico (Finger) nos Ônibus Solicitante / Área / Empresa SOBRE A SOLICITAÇÃO Representante

Leia mais

Gerenciamento Automação de pesagem de veículos Controle de acesso de veículos Integração de dados

Gerenciamento Automação de pesagem de veículos Controle de acesso de veículos Integração de dados PRO TI TAG g EIXO Gerenciamento Automação de pesagem de veículos Controle de acesso de veículos Integração de dados GUARDIAN - INFORMATIVO PARA CLIENTE Rev. 02 1 / 13 1 Objetivo da solução Segurança -

Leia mais

Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1

Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1 Nexcode Systems, todos os direitos reservados. Documento versão 15.1.1 1 1 - INTRODUÇÃO NEXCODE ACESS, também conhecido como NEXCESS, é um conjunto de soluções de software desenvolvidas sob a plataforma

Leia mais

Conectando a Montagem aos Processos em Lotes através de Sistemas Puxados Básicos

Conectando a Montagem aos Processos em Lotes através de Sistemas Puxados Básicos Conectando a Montagem aos Processos em Lotes através de Sistemas Puxados Básicos Art Smalley Tradução: Diogo Kosaka Sistemas puxados são uma parte fundamental da manufatura lean e freqüentemente são mal

Leia mais

Logística empresarial

Logística empresarial 1 Logística empresarial 2 Logística é um conceito relativamente novo, apesar de que todas as empresas sempre desenvolveram atividades de suprimento, transporte, estocagem e distribuição de produtos. melhor

Leia mais

17/02/2015 JIT KANBAN. Uma técnica que se utiliza de várias normas e regras para modificar o ambiente produtivo.

17/02/2015 JIT KANBAN. Uma técnica que se utiliza de várias normas e regras para modificar o ambiente produtivo. ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO JIT KANBAN - JIT Uma técnica que se utiliza de várias normas e regras para modificar o ambiente produtivo. Técnica voltada para a otimização da produção. PODE SER APLICADA TANTO

Leia mais

RFID. RFID - Identificação por Radiofreqüência

RFID. RFID - Identificação por Radiofreqüência RFID RFID - Identificação por Radiofreqüência Sistema de Identificação por Radio Frequência O que é RFID? Objetivo e utilidade similares ao código de barras; Composto por 3 elementos: Uma antena; Um leitor;

Leia mais

Controle de Qualidade de Laboratório

Controle de Qualidade de Laboratório Controle de Qualidade de Laboratório de Ensaio Aliado à Tecnologia Paulo Henrique Muller Sary Diretor Técnico SaaS Ambiental Porto Alegre, 25 de julho de 2014. Garantia da Qualidade O programa de garantia

Leia mais

Acompanhamento e Rastreabilidade de Explosivos

Acompanhamento e Rastreabilidade de Explosivos Acompanhamento e Rastreabilidade de Explosivos A solução para implementar a diretiva UE de identificação 2008/43/CE e 2012/4/UE Para pequenas, médias e grandes empresas Considerável potencial de melhoria

Leia mais

LNET-SURVEY SITE SURVEY-WIRELESS

LNET-SURVEY SITE SURVEY-WIRELESS LNET-SURVEY SITE SURVEY-WIRELESS INTRODUÇÃO: O Site Survey é uma metodologia aplicada para inspeção técnica e minuciosa do local que será objeto da instalação de uma nova infra-estrutura de rede, na avaliação

Leia mais

Projeto Porto Inteligente

Projeto Porto Inteligente Projeto Porto Inteligente SOLUÇÃO UNIFICADA DE RASTREABILIDADE VISIBILIDADE COMPLETA DE ATIVOS E PESSOAS Localização Status EM USO Condição Padrão redes de Wi-Fi PARA AUTOMATIZAR E OTIMIZAR PROCESSOS Logistica,

Leia mais

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso

Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso Os Sistemas de Informação para as Operações das Empresas e o Comércio Eletrônico Simulado Verdadeiro ou Falso 1. Muitas organizações estão utilizando tecnologia da informação para desenvolver sistemas

Leia mais

FTAD Formação Técnica em Administração. Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Gildo Neves Baptista jr

FTAD Formação Técnica em Administração. Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Gildo Neves Baptista jr FTAD Formação Técnica em Administração Módulo de Gestão de Materiais Aula 2 Prof. Gildo Neves Baptista jr AULA PASSADA: CADASTRAMENTO DE MATERIAIS UMA REVISÃO RÁPIDA CONCEITO DE CADASTRAMENTO DE MATERIAIS

Leia mais

O novo sistema de movimentação de materiais da Toyota mostra a flexibilidade do TPS

O novo sistema de movimentação de materiais da Toyota mostra a flexibilidade do TPS O novo sistema de movimentação de materiais da Toyota mostra a flexibilidade do TPS Tradução: Diogo Kosaka A Toyota introduziu um novo sistema de manuseio de material baseado em kits para reduzir a complexidade

Leia mais

Brasil EPC. Código Eletrônico de Produto. Volume 3

Brasil EPC. Código Eletrônico de Produto. Volume 3 Brasil EPC Código Eletrônico de Produto Volume 3 A implementação do código eletrônico de produto (EPC) e da tecnologia de identificação por radiofrequência (RFID), promete importantes benefícios aos consumidores

Leia mais

Portal RFID Identificação Wireless de Ativos, Estoques e Materiais. www.idutto.com.br

Portal RFID Identificação Wireless de Ativos, Estoques e Materiais. www.idutto.com.br Portal RFID Identificação Wireless de Ativos, Estoques e Materiais www.idutto.com.br RFID Logística & Inventário WIS - Warehouse Information System RECEBIMENTO EXPEDIÇÃO ARMAZENAMENTO INVENTÁRIO COLETA

Leia mais

Cartão BNDES Peças, Partes e Componentes. São Paulo, 23 de setembro de 2010

Cartão BNDES Peças, Partes e Componentes. São Paulo, 23 de setembro de 2010 Cartão BNDES Peças, Partes e Componentes São Paulo, 23 de setembro de 2010 Cartão BNDES Baseado no conceito de cartão de crédito, visa financiar de forma ágil e simplificada os investimentos das MPMEs.

Leia mais

Lei de Informática - resultados em P&D. Design. Build. Ship. Service.

Lei de Informática - resultados em P&D. Design. Build. Ship. Service. Lei de Informática - resultados em P&D Localidades da Flextronics no Brasil MASA Manaus AM (Plásticos & PCBA) Parque Industrial Sorocaba SP (PCBA, Montagem Final, Logística) Multek São Paulo SP (Fabricação

Leia mais

Fitas Espuma Acrílicas AFT

Fitas Espuma Acrílicas AFT Fitas Espuma Acrílicas AFT Infinitas possibilidades... Estética e segurança em seu projeto Benefícios As Fitas de Espuma Acrílica (AFT) da SCAPA foram desenvolvidas para serem utilizadas em aplicações

Leia mais

DIAGNÓSTICO E DEFINIÇÃO DE SOLUÇÕES

DIAGNÓSTICO E DEFINIÇÃO DE SOLUÇÕES Somos uma empresa brasileira, especializada em soluções de automação de máquinas e processos industriais, instalação, comissionamento e segurança de infraestrutura elétrica e de máquinas, microgeração

Leia mais

RASTREABILIDADE & VISIBILIDADE DE FERRAMENTAS COM WELCOSS-iTracking COSS / SANDVIK / VOLKSWAGEN

RASTREABILIDADE & VISIBILIDADE DE FERRAMENTAS COM WELCOSS-iTracking COSS / SANDVIK / VOLKSWAGEN MANUFATURA São Carlos, SP Brasil, 11.10.2011 t h i n k c u s t o m e r RASTREABILIDADE & VISIBILIDADE DE FERRAMENTAS COM WELCOSS-iTracking COSS / / VOLKSWAGEN O Projeto Sandvik-Volkswagen Implementar uma

Leia mais

Portifólio Informe Técnico de Projeto

Portifólio Informe Técnico de Projeto Portifólio Informe Técnico de Projeto Ponte Rolante de Aciaria Cliente Área de Negócio Ano de Execução Ficha Técnica Sinobras Turn Key 2011 Tecnologia em Sistemas Industriais e Serviços Fornecimento de

Leia mais

INNOVA. Soluções de software que capacitam os processadores de aves a...

INNOVA. Soluções de software que capacitam os processadores de aves a... INNOVA Soluções de software que capacitam os processadores de aves a... Maximizar o rendimento e a produtividade Estar em conformidade com os padrões de qualidade e garantir a segurança dos alimentos Obter

Leia mais

Sobre nós 1. Um pouco da nossa história 1. Sobre o produto 2. Sistema 100% Web 2. Controle operacional 3. Coletores de dados 4.

Sobre nós 1. Um pouco da nossa história 1. Sobre o produto 2. Sistema 100% Web 2. Controle operacional 3. Coletores de dados 4. Apresentação Sumário Sobre nós 1 Um pouco da nossa história 1 Sobre o produto 2 Sistema 100% Web 2 Controle operacional 3 Coletores de dados 4 Faturamento 5 Nota fiscal eletrônica 5 Nota fiscal de serviços

Leia mais

Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.br Este material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda

Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.br Este material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda Tecnologia da Informação Aplicada à Logística Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.br Este material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda Como garantir

Leia mais

PIMS Process Information Management System

PIMS Process Information Management System INTRODUÇÃO O setor industrial vem sofrendo constantes pressões para alcançar a excelência operacional, objetivando garantir sua competitividade. Algumas das principais pressões observadas são: redução

Leia mais

Superando desafios em Centros de Distribuição com Voice Picking. Rodrigo Bacelar ID Logistics Paula Saldanha Vocollect

Superando desafios em Centros de Distribuição com Voice Picking. Rodrigo Bacelar ID Logistics Paula Saldanha Vocollect Superando desafios em Centros de Distribuição com Voice Picking Rodrigo Bacelar ID Logistics Paula Saldanha Vocollect Prêmio ABRALOG Índice Informações Gerais... 3 Dificuldades Encontradas...............

Leia mais

Custos Logísticos. Não basta somente realizar tarefas, é preciso ser assertivo.

Custos Logísticos. Não basta somente realizar tarefas, é preciso ser assertivo. É todo custo gerado por operações logística em uma empresa, visando atender as necessidades dos clientes de qualidade custo e principalmente prazo. Não basta somente realizar tarefas, é preciso ser assertivo.

Leia mais

Soluções para Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas. Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas

Soluções para Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas. Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas Soluções para Segurança, Gerenciamento e Automação de Bibliotecas Bem Vindos Antonio Klodzinski antonio@rtsbrasil.com.br Desde 1999 em Segurança e Automação de Bibliotecas A partir de 2009 com 3M Brasil

Leia mais

TOTVS COLABORAÇÃO 2.0 FISCAL powered by NeoGrid

TOTVS COLABORAÇÃO 2.0 FISCAL powered by NeoGrid TOTVS COLABORAÇÃO 2.0 FISCAL powered by NeoGrid Recebimento de NF-e e CT-e Emissão de NF-e, CT-e, MDF-e e NFS-e Integração nativa com o seu ERP Exija a solução que é o melhor investimento para a gestão

Leia mais

Participação dos Profissionais de Engenharia de Alimentos na Cadeia de Frio

Participação dos Profissionais de Engenharia de Alimentos na Cadeia de Frio Participação dos Profissionais de Engenharia de Alimentos na Cadeia de Frio 2ª Reunião Extraordinária Câmara Setorial de Alimentos - ANVISA Brasília - DF 11/Dezembro/2012 Isaac Rybak ISAAC RYBAK Engenheiro

Leia mais

Gestão de Ativos Retornáveis na Cadeia de Fornecedores RFID para Embalagens e Racks Retornáveis (RTI s)

Gestão de Ativos Retornáveis na Cadeia de Fornecedores RFID para Embalagens e Racks Retornáveis (RTI s) Gestão de Ativos Retornáveis na Cadeia de Fornecedores RFID para Embalagens e Racks Retornáveis (RTI s) 2 Agenda 1 Institucional MAN 2 Motivação 3 4 Estudo de Viabilidade do RFID POC 5 Monitoramento 6

Leia mais

As diferenças entre um UPS Comercial e um UPS Industrial Saiba mais sobre as diferenças entre um UPS comercial e um UPS industrial, e tirar o melhor

As diferenças entre um UPS Comercial e um UPS Industrial Saiba mais sobre as diferenças entre um UPS comercial e um UPS industrial, e tirar o melhor As diferenças entre um UPS Comercial e um UPS Industrial Saiba mais sobre as diferenças entre um UPS comercial e um UPS industrial, e tirar o melhor decisão para a protecção das suas instalações críticas.

Leia mais

LEAN APLICADO À CADEIA DE SUPRIMENTOS

LEAN APLICADO À CADEIA DE SUPRIMENTOS LEAN APLICADO À CADEIA DE SUPRIMENTOS INTRODUÇÃO AO LEAN MANUFACTURING SUPPLY CHAIN (INCLUI LOGÍSTICA) 2 2 INTRODUÇÃO AO LEAN MANUFACTURING 3 INTRODUÇÃO AO LEAN MANUFACTURING Pensar fora da caixa... Lean

Leia mais

ECM Gerenciamento de Conteúdo Corporativo

ECM Gerenciamento de Conteúdo Corporativo ECM Gerenciamento de Conteúdo Corporativo Jambu Tecnologia Consultoria e Engenharia Ltda www.jambu.com.br - (91) 3224-5440 Responsável Comercial: Marcelo Rocha de Sá - (91) 8882-0319 Soluções abertas em

Leia mais

O que é e-ppcp? Funcionalidades adicionadas:

O que é e-ppcp? Funcionalidades adicionadas: e-ppcp / e-kanban 1 O que é e-ppcp? O e-ppcp é um aplicativo desenvolvido em ABAP/4 pela IntegrationSys para adicionar ao ERP SAP funcionalidades para suportar efetivamente o planejamento e operação de

Leia mais

Especialista em Gestão de Documentos Fiscais eletrônicos

Especialista em Gestão de Documentos Fiscais eletrônicos Especialista em Gestão de Documentos Fiscais eletrônicos Especialista A G2KA atua desde 2008 na Gestão de NF-e, acompanhou todos os períodos de obrigatoriedade e evolução dos projetos de CT-e e NFS-e.

Leia mais

WMS - Warehouse Management System

WMS - Warehouse Management System Sistema de Gestão Empresarial LUSANA SOUZA NATÁLIA BATUTA MARIA DAS GRAÇAS TATIANE ROCHA GTI V Matutino Prof.: Itair Pereira Sumário 1. INTRODUÇÃO... 2 2. WMS... 2 3. SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO... 2 4. POLÍTICA

Leia mais

Engenharia de Vendas Online

Engenharia de Vendas Online ECOMMERCE SCHOOL Fundada em junho de 2007, com o objetivo de ser um centro voltado para o desenvolvimento de profissionais de Internet, reunindo parcerias com escolas de excelência e importantes centros

Leia mais

MC3190-Z LEITOR RFID DE MÃO DE CLASSE EMPRESARIAL DA MOTOROLA

MC3190-Z LEITOR RFID DE MÃO DE CLASSE EMPRESARIAL DA MOTOROLA MC3190-Z LEITOR RFID DE MÃO DE CLASSE EMPRESARIAL DA MOTOROLA Produtos que se adaptam perfeitamente bem à sua maneira de trabalhar DA FÁBRICA ATÉ A LOJA Industrial Armazenamento no depósito e distribuição

Leia mais

SOBRE A SOFTLOG. APRESENTAÇÃO - SoftLog LOGuinho

SOBRE A SOFTLOG. APRESENTAÇÃO - SoftLog LOGuinho SOBRE A SOFTLOG A SoftLog Tecnologia é uma empresa especializada no desenvolvimento de soluções tecnológicas para empresas e instituições de diversos modais de transporte. Dentre os diversos tipos de soluções

Leia mais

VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA A ERA DA GESTÃO INTELIGENTE?

VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA A ERA DA GESTÃO INTELIGENTE? COSS Consulting Gestão de Resíduos Sólidos (resumo) São Carlos, SP Brasil Desde: 05.11.2012 t h i n k c u s t o m e r VOCÊ ESTÁ PREPARADO PARA A ERA DA GESTÃO INTELIGENTE? Política Nacional de Resíduos

Leia mais

IX FÓRUM NACIONAL DE LOGÍSTICA & SEMINÁRIO INTERNACIONAL Rio de Janeiro, 18 a 20 de agosto 2003 PALESTRANTES:

IX FÓRUM NACIONAL DE LOGÍSTICA & SEMINÁRIO INTERNACIONAL Rio de Janeiro, 18 a 20 de agosto 2003 PALESTRANTES: IX FÓRUM NACIONAL DE LOGÍSTICA & SEMINÁRIO INTERNACIONAL Rio de Janeiro, 18 a 20 de agosto 2003 PALESTRANTES: Richard Schues Diretor, VW Transport Fabio Luis Fontes Coordenador do Projeto, VW Transport

Leia mais

Sistemas de Transformação e Estratégia de produção

Sistemas de Transformação e Estratégia de produção Sistemas de Transformação e de produção A seleção do Processo de produção depende: -Tecnologia dos Processos de Transformaçã ção -Tecnologia dos meios auxiliares (dispositivos, ferramentas) -Tecnologia

Leia mais

A APLICAÇÃO DA TECNOLOGIA RFID NAS DIFERENTES ÁREAS DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE SANTA CATARINA-CBMSC

A APLICAÇÃO DA TECNOLOGIA RFID NAS DIFERENTES ÁREAS DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE SANTA CATARINA-CBMSC A APLICAÇÃO DA TECNOLOGIA RFID NAS DIFERENTES ÁREAS DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DE SANTA CATARINA-CBMSC Angelo João Heinzen Miguel 1 RESUMO Este artigo trata da tecnologia RFID (Radio Frequency Identification),

Leia mais

OEE à Vista. Apresentando Informações da Produção em Tempo Real. Primeira Edição 2013 Caique Cardoso. Todos os direitos reservados.

OEE à Vista. Apresentando Informações da Produção em Tempo Real. Primeira Edição 2013 Caique Cardoso. Todos os direitos reservados. Apresentando Informações da Produção em Tempo Real Primeira Edição 2013 Caique Cardoso. Todos os direitos reservados. 2/20 Tópicos 1Introdução...3 2O que é Gestão à Vista?...3 3Como é a Gestão à Vista

Leia mais

Pesquisa de Débitos e Restrições de Veículos

Pesquisa de Débitos e Restrições de Veículos Pesquisa de Débitos e Restrições de Veículos PLACA : DSK2175 RENAVAM : 878107908 IPVA : R$ 404,10 ** IPVA TOTAL : MULTAS RESTRIÇÕES BLOQUEIO DE FURTO : NADA CONSTA RESTRIÇÃO TRIBUTÁRIA : RESTRIÇÃO FINANCEIRA

Leia mais

Centro de Operações Logísticas do Futuro

Centro de Operações Logísticas do Futuro Centro de Operações Logísticas do Futuro Luís Simões Logística Integrada Workshop Normas GS1 nos T&L 29 de Novembro de 2012 - Villa Rica - Lisboa Agenda Apresentação Luís Simões Projeto COL do Futuro -

Leia mais

Considerações do mundo real. Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Eng. Luiz Renato Costa - RFID CoE

Considerações do mundo real. Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Eng. Luiz Renato Costa - RFID CoE Considerações do mundo real Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Eng. Luiz Renato Costa - RFID CoE 2 Benefícios e oportunidades com RFID 3 Benefícios e oportunidades com RFID São os benefícios

Leia mais

NOVO REGIME AUTOMOTIVO INOVAR-AUTO

NOVO REGIME AUTOMOTIVO INOVAR-AUTO NOVO REGIME AUTOMOTIVO INOVAR-AUTO OBJETIVOS Atração de Investimentos Inovação Tecnológica Incorporação Tecnológica Competitividade da Cadeia Automotiva Adensamento da Cadeia Automotiva Abrangência Automóveis,

Leia mais

Augusto Ribeiro Mendes Filho Assessor de Comunicação da Elipse Software NECESSIDADE

Augusto Ribeiro Mendes Filho Assessor de Comunicação da Elipse Software NECESSIDADE ELIPSE E3 AGREGA AGILIDADE AOS SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO DA FÁBRICA DE MOTORES DA AV MANUFACTURING Solução da Elipse Software permite executar comandos rapidamente, sem o auxílio de uma mão-de-obra especializada,

Leia mais

Influencia da Tecnologia da Informação no controle de estoques: estudo de caso

Influencia da Tecnologia da Informação no controle de estoques: estudo de caso Influencia da Tecnologia da Informação no controle de estoques: estudo de caso Elaine Cristina Lucas Graduanda em Administração Stefânia Aparecida Belute Queiroz Especialista em Gestão Empresarial e professora

Leia mais

MANUAL DE GESTÃO DA QUALIDADE

MANUAL DE GESTÃO DA QUALIDADE Revisão: 07 Data: 05.03.09 Página 1 de 7 Copia controlada MANUAL DE GESTÃO DA QUALIDADE José G. Cardoso Diretor Executivo As informações contidas neste Manual são de propriedade da Abadiaço Ind. e Com.

Leia mais

Manual Técnico. Autotransformadores para Chave Compensadora. Revisão 3.0. Índice

Manual Técnico. Autotransformadores para Chave Compensadora. Revisão 3.0. Índice Página 1 de 6 Manual Técnico Autotransformadores para Chave Compensadora Revisão 3.0 Índice 1 Introdução...2 2 Recebimento...2 3 Instalação...3 3.1 Local de instalação...3 3.2 Ligações...3 4 Manutenção...5

Leia mais

COMO CONSEGUIR QUE O SEU ARMAZÉM RENTÁVEL SEJA. Warehouse Management System. Software Solutions

COMO CONSEGUIR QUE O SEU ARMAZÉM RENTÁVEL SEJA. Warehouse Management System. Software Solutions COMO CONSEGUIR QUE O SEU ARMAZÉM RENTÁVEL SEJA Warehouse Management System Software Solutions Porque é que um SGA pode tornar o seu armazém seja rentável? Com a instalação de um Software de Gestão de Armazéns

Leia mais

COMO CONSEGUIR QUE O SEU ARMAZÉM RENTÁVEL SEJA. Warehouse Management System Software

COMO CONSEGUIR QUE O SEU ARMAZÉM RENTÁVEL SEJA. Warehouse Management System Software COMO CONSEGUIR QUE O SEU ARMAZÉM RENTÁVEL SEJA Warehouse Management System Software O seu armazém deve ser: produtivo, com movimentos eficazes, com o stock otimizado, com o espaço aproveitado, sem erros,

Leia mais

MRP / MRP II / ERP (capítulos 11 e 12)

MRP / MRP II / ERP (capítulos 11 e 12) MRP / MRP II / ERP (capítulos 11 e 12) As siglas MRP, MRP II e ERP são bastante difundidas e significam: MRP Materials Requirements Planning Planejamento das Necessidades de Materiais; MRP II Resource

Leia mais

Terceirização total ou terceirização parcial: qual delas escolher? Dialetto Comunicação Estratégica

Terceirização total ou terceirização parcial: qual delas escolher? Dialetto Comunicação Estratégica Terceirização total ou terceirização parcial: qual delas escolher? Dialetto Comunicação Estratégica Índice Introdução Capítulo 1 - Por que terceirizar a montagem de placas? Capítulo 2 - Como escolher a

Leia mais

LAUDO TÉCNICO Nº 174898. Resultado dos itens avaliados: APROVADO

LAUDO TÉCNICO Nº 174898. Resultado dos itens avaliados: APROVADO LAUDO TÉCNICO Nº 174898 DATA CRIAÇÃO: 30/07/2013 11:39:51 DATA FINALIZAÇÃO: 30/07/2013 11:49:51 DATA CERTIFICAÇÃO: Resultado dos itens avaliados: APROVADO Parabéns, o veículo acima não apresentou nenhuma

Leia mais

COMPANHIA DE ÁGUA E ESGOTOS DA PARAÍBA DIRETORIA DE EXPANSÃO GERÊNCIA EXECUTIVA DE PLANEJAMENTO E PROJETOS

COMPANHIA DE ÁGUA E ESGOTOS DA PARAÍBA DIRETORIA DE EXPANSÃO GERÊNCIA EXECUTIVA DE PLANEJAMENTO E PROJETOS 1 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DO GRUPO GERADOR - 30 KVA ESTAÇÃO ELEVATÓRIA DE ESGOTO - EEE1 JARDIM CIDADE UNIVERSITÁRIA 1. OBJETIVO Esta especificação técnica apresenta as características técnicas e comerciais

Leia mais

Supply Chain Management. SCM e Ti aplicada à Logística Marco Aurelio Meda

Supply Chain Management. SCM e Ti aplicada à Logística Marco Aurelio Meda Supply Chain Management e TI aplicada à Logística 24 de Junho de 2004 SCM e Ti aplicada à Logística Cenário de Competição... Operações Globalizadas Operações Integradas Introdução LOGÍSTICA Tecnologia

Leia mais