Realismo REALISMO E IMPRESSIONISMO TRADIÇÃO E RUPTURA O PROCESSO DA MODERNIDADE

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Realismo REALISMO E IMPRESSIONISMO TRADIÇÃO E RUPTURA O PROCESSO DA MODERNIDADE"

Transcrição

1 REALISMO E IMPRESSIONISMO TRADIÇÃO E RUPTURA O PROCESSO DA MODERNIDADE

2 A invenção da fotografia em 1823 influencia as artes de diversas maneiras; Surgem duas correntes, os Realistas e os Impressionistas; O olhar fotográfico impulsiona o Realismo (ano de 1850); É a vida real na tela ou nas letras, sem preconceitos ou limitações morais ou estéticas;

3 A partir dos anos sessenta (ano de 1860); Outro grupo de artistas, também influenciado pela fotografia, rompe com as técnicas tradicionais de representação e passa a fazer seus registros diretamente na natureza; Como um flagrante fotográfico, captando a luz e a atmosfera são os impressionistas.

4 ESTAMOS ENTÃO ENTRE O SÉCULO XVIII E XIX A invenção da fotografia em 1823 Primeira metade do século a influencia foi de neutralizar o olhar fotográfico REALISMO Rompimento das técnicas tradicionais captando a luz e a atmosfera IMPRESSIONISTAS

5

6 Entre 1850 e 1900 surge nas artes europeias, sobretudo na pintura francesa, uma nova tendência estética chamada Realismo;

7 Desenvolveu o Realismo ao lado da crescente industrialização das sociedades; Conhecida como Idade das máquinas;

8 O despertar da consciência de classe do proletariado; Coincide com o surgimentos das teorias socialistas e com as frentes artísticas que se antagonizam com a arte romântica.

9 Deixando de lado as visões subjetivas e emotivas da realidade; Estilo de denuncia contra a velha burguesia romantizante; Representação de camponeses e classes trabalhadora (gente comum);

10 GUSTAVE COUBERT PAI DO MOVIMENTO REALISTA

11 Courbet é o chefe do grupo, tanto pela arte como pela sua origem operária; Pinta o que vê da fealdade explícita nos quadros de: Enterro de Ornans; Os quebradores de pedra; É efetivamente a realidade que se via nas ruas, na vida.

12 Os quebradores de pedra Realismo

13 Courbet Realismo Foi considerado o criador do realismo social na pintura, pois procurou retratar em suas telas temas da vida cotidiana, principalmente das classes populares. Manifesta sua simpatia particular pelos trabalhadores e pelos homens mais pobres da sociedade no século XIX.

14 Enterro em Onans, 1849 Realismo

15 Bonjour Monsieur Courbet, 1854, óleo sobre tela, 149x129cm, Museu Fabre, Montpellier Courbet, tinha uma profunda autoconfiança e era muito ousado.

16 Mulheres peneirando trigo. Realismo

17 Os camponeses de Flagey, Gustave Courbet, Realismo 55, óleo sobre tela, Musée des Beaux-Arts et d'archéologie, Besançon Camponeses que retornam da feira.

18 CARACTERÍSTICAS GERAIS o cientificismo; a valorização do objeto; o sóbrio e o minucioso; a expressão da realidade e dos aspectos descritivos.

19 Arte engajada socialmente, influenciada pelo próprio pensamento socialista e as manifestações trabalhistas da época. Corrente voltada diretamente para a verdade, a realidade cotidiana e as características humanas. Retrato fiel da realidade, sem alterações.

20 ESCULTURA Os escultores preferiam temas atuais, assumindo muitas vezes uma intenção política.

21 A característica principal é a fixação do momento significativo de um gesto humano. August Rodin principal escultor realista não se preocupava em idealizar a realidade, ele retratava os seres tal qual como eles são. O beijo Realismo O pensador

22 O pensador August Rodin Realismo Uma das mais famosas esculturas de bronze do escultor francês. Retrata um homem em meditação soberba, lutando com uma poderosa força interna. Está atualmente no Museu Rodin (Musée Rodin), em Paris. Mais de vinte cópias da escultura estão em museus em volta do mundo. Algumas destas cópias são versões ampliadas da obra original assim como as esculturas de diferentes proporções.

23 O beijo August Rodin Realismo Na obra do escultor francês, o artista inspirouse nos delírios amorosos vividos com Camille Claudel, sua assistente. Está atualmente no Museu Rodin (Musée Rodin), em Paris.

24 PINTURA: representação da realidade com a mesma objetividade que um cientista estuda um fenômeno da natureza. Lição de tricô - Millet Realismo Pintura social: denunciavam as injustiças e desigualdades sociais.

25 Jean-François Millet Sensível observador da vida campestre, criou uma obra realista na qual o principal elemento é a ligação atávica do homem com a terra. Foi educado num meio de profunda religiosidade e respeito pela natureza. Trabalhou na lavoura desde muito cedo. Seus numerosos desenhos de paisagens influenciaram, mais tarde, Pissarro e Van Gogh.

26 Jean François Millet Malaysianized Artista famoso socialista que originou o realismo na França durante o século XIX.

27 - Representação da realidade buscando representar o mundo de maneira documental; - Ao artista não cabe "melhorar" artisticamente a natureza, pois a beleza está na realidade tal qual ela é; - Revelação dos aspectos mais característicos e expressivos da realidade.

28 Jean François Millet Malaysianized Sua obra foi uma resposta à estética romântica, deu forma à realidade circundante, sobretudo a das classes trabalhadoras.

29 A arte passa a ser um meio para denunciar uma ordem social que considera injusta; A arte manifesta um protesto em favor dos oprimidos; Pintura social denunciando as injustiças; - As pessoas das classes menos favorecidas o povo, em resumo - tornaram-se assunto frequente da pintura realista.

30 Pastora com seu rebanho (1864), Museu de Orsay - Paris Jean François Millet Malaysianized

CARACTERÍSITICAS DO REALISMO

CARACTERÍSITICAS DO REALISMO REALISMO Entre 1850 e 1900 surge nas artes européias, sobretudo na pintura francesa, uma nova tendência estética chamada Realismo, que se desenvolveu ao lado da crescente industrialização das sociedades.

Leia mais

Características: Oposição aos mitos, as idealizações, as lendas... Exaltação da realidade imediata: Representação fiel das paisagens naturais e do

Características: Oposição aos mitos, as idealizações, as lendas... Exaltação da realidade imediata: Representação fiel das paisagens naturais e do Realismo Pintura Características: Oposição aos mitos, as idealizações, as lendas... Exaltação da realidade imediata: Representação fiel das paisagens naturais e do cotidiano de pessoas comuns. Transformações

Leia mais

- Desenvolveu ao lado da crescente industrialização da sociedade

- Desenvolveu ao lado da crescente industrialização da sociedade Realismo - Desenvolveu ao lado da crescente industrialização da sociedade - O homem europeu, que tinha aprendido a utilizar o conhecimento científico e a técnica para interpretar e dominar a natureza,

Leia mais

A ARTE DO REALISMO NA EUROPA

A ARTE DO REALISMO NA EUROPA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 8 º TURMA(S):

Leia mais

Artes visuais AULA 4 Do Romantismo ao Impressionismo

Artes visuais AULA 4 Do Romantismo ao Impressionismo Artes visuais AULA 4 Do Romantismo ao Impressionismo Prof. André de Freitas Barbosa O século XIX foi agitado por fortes mudanças sociais, políticas e culturais, resultando numa reação ao espírito iluminista,

Leia mais

História 4B: Aula 10. Europa no Século XIX.

História 4B: Aula 10. Europa no Século XIX. História 4B: Aula 10 Europa no Século XIX. Alemanha e Itália Até 1870 eram dois amontoados de pequenas monarquias e principados independentes. ESTADOS DO NORTE: Industrializados. Piemonte-Sardenha. Lombardia.

Leia mais

aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaa Realismo Realismo Profª Adalgiza

aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaa Realismo Realismo Profª Adalgiza aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaaa aaa Realismo Entre 1850 e 1900 surge nas artes européias (em especial na pintura francesa) uma tendência estética chamada Realismo; A palavra

Leia mais

Teve como base os ideais do Iluminismo, iniciando-se na França e na Inglaterra, expandindo-se por toda Europa.

Teve como base os ideais do Iluminismo, iniciando-se na França e na Inglaterra, expandindo-se por toda Europa. Arte no século XIX Neoclassicismo O Neoclassicismo foi um movimento cultural nascido na Europa em meados do século XVIII, que teve larga influência na arte e na cultura de todo o ocidente até meados do

Leia mais

Surge em em Paris, na França, tendo em Édouard Manet seu mentor.

Surge em em Paris, na França, tendo em Édouard Manet seu mentor. Impressionismo Surge em 1.863 em Paris, na França, tendo em Édouard Manet seu mentor. O artista rompeu definitivamente com os valores clássicos da antiguidade; apesar de não se considerar um impressionista

Leia mais

O Impressionismo é um movimento artístico surgido na França no século XIX que criou uma nova visão conceitual da natureza utilizando pinceladas

O Impressionismo é um movimento artístico surgido na França no século XIX que criou uma nova visão conceitual da natureza utilizando pinceladas O Impressionismo é um movimento artístico surgido na França no século XIX que criou uma nova visão conceitual da natureza utilizando pinceladas soltas dando ênfase na luz e no movimento. Geralmente as

Leia mais

Expressionismo EDUARDO CARLETTO JUNIOR EDUARDO FALCHETTI SOVRANI GIAN CARLOS MENCATTO PAULO ROBERTO MASCARELLO VILMAR IBANOR BERTOTTI JUNIOR

Expressionismo EDUARDO CARLETTO JUNIOR EDUARDO FALCHETTI SOVRANI GIAN CARLOS MENCATTO PAULO ROBERTO MASCARELLO VILMAR IBANOR BERTOTTI JUNIOR Expressionismo ALUNOS: EDUARDO CARLETTO JUNIOR EDUARDO FALCHETTI SOVRANI GIAN CARLOS MENCATTO PAULO ROBERTO MASCARELLO VILMAR IBANOR BERTOTTI JUNIOR DEFINIÇÃO E PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS Movimento heterogêneo

Leia mais

SÉCULO XIX NO BRASIL: A MODERNIZAÇÃO DA ARTE

SÉCULO XIX NO BRASIL: A MODERNIZAÇÃO DA ARTE SÉCULO XIX NO BRASIL: A MODERNIZAÇÃO DA ARTE 1 Em meados do séc. XIX o Brasil passou por um período de crescimento econômico, estabilidade social e incentivo às letras, ciência e arte por parte do imperador

Leia mais

SEMINÁRIOS AVANÇADOS EM ARTES VISUAIS FUNDAMENTOS

SEMINÁRIOS AVANÇADOS EM ARTES VISUAIS FUNDAMENTOS SEMINÁRIOS AVANÇADOS EM ARTES VISUAIS FUNDAMENTOS Entre gritando, obra de Luciano Mariussi apresentada no Panorama MAM de 2005. O QUE É ARTE CONTEMPORÂNEA? Regina Silveira. Descendo a escada, 2002

Leia mais

Universidade Cidade de São Paulo UNICID. Curso Superior de Tecnologia em Produção Publicitária. Core Curriculum: Arte e suas Linguagens

Universidade Cidade de São Paulo UNICID. Curso Superior de Tecnologia em Produção Publicitária. Core Curriculum: Arte e suas Linguagens Universidade Cidade de São Paulo UNICID Curso Superior de Tecnologia em Produção Publicitária Core Curriculum: Arte e suas Linguagens Pesquisa e Análise de Obra de Arte Nome Completo CA Priscila Nakayama

Leia mais

BARROCO PROFESSORA: GEORGIANA E G SOUSA 3º ANO E. M.

BARROCO PROFESSORA: GEORGIANA E G SOUSA 3º ANO E. M. BARROCO PROFESSORA: GEORGIANA E G SOUSA 3º ANO E. M. BARROCO Surgiu na Itália no século XVII e deve-se a uma série de mudanças econômicas, religiosas e sociais ocorridas na Europa; Contrarreforma reafirmar

Leia mais

MODERNIDADE Renascimento

MODERNIDADE Renascimento MODERNIDADE Renascimento O fim do feudalismo e o início da modernidade: rompimentos e resgates A modernidade Nova Economia Comércio Manufatura Nova política Absolutismo Novas relações sociais Burguesia

Leia mais

Art Nouveau significa arte nova; Rompimento com as tradições; Surgiu em 1895, mas teve seu apogeu em 1900.

Art Nouveau significa arte nova; Rompimento com as tradições; Surgiu em 1895, mas teve seu apogeu em 1900. Art Nouveau significa arte nova; Rompimento com as tradições; Surgiu em 1895, mas teve seu apogeu em 1900. O nome do movimento artístico deriva do nome da loja parisiense, L'art Nouveau, de artigos mobiliários.

Leia mais

IMPRESSIONISMO. As figuras não devem ter contornos nítidos, pois a linha é uma abstração do ser humano para representar imagens.

IMPRESSIONISMO. As figuras não devem ter contornos nítidos, pois a linha é uma abstração do ser humano para representar imagens. IMPRESSIONISMO O Impressionismo foi um movimento artístico que revolucionou profundamente a pintura e deu início às grandes tendências da arte do século XX. Havia algumas considerações gerais, muito mais

Leia mais

A Semana de Arte Moderna, também conhecida como Semana de 1922, aconteceu no Teatro Municipal de São Paulo, de 11 a 18 de fevereiro de 1922.

A Semana de Arte Moderna, também conhecida como Semana de 1922, aconteceu no Teatro Municipal de São Paulo, de 11 a 18 de fevereiro de 1922. A Semana de Arte Moderna, também conhecida como Semana de 1922, aconteceu no Teatro Municipal de São Paulo, de 11 a 18 de fevereiro de 1922. Foi um encontro de novas ideias estéticas, que mudaram a arte

Leia mais

Da fotografia à pintura A construção do olhar a partir de um imagético processual lírico

Da fotografia à pintura A construção do olhar a partir de um imagético processual lírico Da fotografia à pintura A construção do olhar a partir de um imagético processual lírico Rafael Teixeira de Resende 1 O presente relato visa refletir sobre o processo de criação do Artista capixaba Rafael

Leia mais

ARTE DA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX

ARTE DA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX ARTE DA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX Entre os artistas que se destacaram na segunda metade do século XIX, estavam: Benedito Calixto de Jesus (1853-1927) Pedro Alexandrino( 1856-1942) Belmeiro de Almeida

Leia mais

Material protegido pelas leis de direito autoral Proibida qualquer tipo de divulgação sem à devida autorização ou citada a fonte de forma correta.

Material protegido pelas leis de direito autoral Proibida qualquer tipo de divulgação sem à devida autorização ou citada a fonte de forma correta. Qual a definição de desenho? Desenho é a representação artística de sentimentos, situações cotidianas, ideias, enfim, de qualquer coisa, situação ou sensação que o ser humano seja capaz de perceber. Por

Leia mais

Concurso Arte na Capa 2011

Concurso Arte na Capa 2011 Concurso Arte na Capa 2011 Roteiro de participação O Concurso Arte na Capa 2011 terá como atividade principal o exercício de releitura dos grandes movimentos artísticos, tendo como tema paisagens naturais

Leia mais

A TRANSIÇÃO DO SÉCULO XVIII PARA O SÉCULO XIX

A TRANSIÇÃO DO SÉCULO XVIII PARA O SÉCULO XIX A TRANSIÇÃO DO SÉCULO XVIII PARA O SÉCULO XIX Quando surgiu? Durante o século XVIII. Está ligado ao pensamento filosófico do Iluminismo. Como Surgiu? Através de achados arqueológicos durante o século XVIII

Leia mais

CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL AULA ARTES. Aula 4.2 Conteúdo: Romantismo Realismo Impressionismo

CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL AULA ARTES. Aula 4.2 Conteúdo: Romantismo Realismo Impressionismo Aula 4.2 Conteúdo: Romantismo Realismo Impressionismo 1 Habilidades: Reconhecer diferentes funções da arte, do trabalho de produção dos artistas em seus meios culturais. 2 Romantismo Designa uma tendência

Leia mais

Colégio Avanço de Ensino Programado

Colégio Avanço de Ensino Programado α Colégio Avanço de Ensino Programado Trabalho de Recuperação1º Semestre - 1º Bim. /2016 Nota: Professor (a): Lúcia Disciplina: Arte Turma: 9º Ano Ensino Fundamental Nome: Nº: ORIENTAÇÕES PARA DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Direitos, cidadania e movimentos sociais

Direitos, cidadania e movimentos sociais Direitos, cidadania e movimentos sociais não são predeterminados; dependem sempre das condições específicas em que se desenvolvem, ou seja, das forças sociais e políticas que os apoiam ou os confrontam,

Leia mais

Aula dia 13/03/15 IMPRESSIONISMO PÓS IMPRESSIONISMO

Aula dia 13/03/15 IMPRESSIONISMO PÓS IMPRESSIONISMO 2º ano - ENSINO MÉDIO Aula dia 13/03/15 IMPRESSIONISMO PÓS IMPRESSIONISMO Professora Alba Baroni Arquiteta IMPRESSIONISMO Movimento com origem na França no fim do século XIX que explorou a intensidade

Leia mais

Mulher de chapéu, Matisse 1905, Óleo sobre tela

Mulher de chapéu, Matisse 1905, Óleo sobre tela Mulher de chapéu, Matisse 1905, Óleo sobre tela O termo Fauvismo deriva de fauve (fera selvagem), exclamação feita pelo crítico de arte Louis Vauxcelles perante a exposição de pintura do Salão de Outono

Leia mais

O mundo de cavaleiros destemidos, de virgens ingênuas e frágeis, e o ideal de uma vida primitiva, distante da civilização, tudo isso terminara.

O mundo de cavaleiros destemidos, de virgens ingênuas e frágeis, e o ideal de uma vida primitiva, distante da civilização, tudo isso terminara. O mundo de cavaleiros destemidos, de virgens ingênuas e frágeis, e o ideal de uma vida primitiva, distante da civilização, tudo isso terminara. A segunda metade do século XIX presencia profundas modificações

Leia mais

A Arte na Roma Antiga

A Arte na Roma Antiga A Arte na Roma Antiga 01 Quais as civilizações que influenciaram Roma no campo artístico? R. na pag. 51 02 Como a arte grego-helenística contribuiu com a expressão artística romana? R. na pag. 52 (na caixa

Leia mais

Neoclassicismo, Romantismo e Realismo

Neoclassicismo, Romantismo e Realismo 2º ano - ENSINO MÉDIO Aula dia 20/02/15 Neoclassicismo, Romantismo e Realismo Professora Alba Fim do século XVIII e início do século XIX. Período complexo e inquietante de profundas mudanças. A Revolução

Leia mais

CUBISMO ANALÍTICO E SINTÉTICO

CUBISMO ANALÍTICO E SINTÉTICO CUBISMO ANALÍTICO E SINTÉTICO O Cubismo Surgiu no século XX, sendo que o marco inicial foi em 1907 com a obra Les Demoiselles d Avignon de Picasso. Principais fundadores foram Pablo Picasso e Georges Braque,

Leia mais

Flagelação de Cristo (Foto: Pintura: Caravaggio / Reprodução)

Flagelação de Cristo (Foto: Pintura: Caravaggio / Reprodução) O Barroco O Barroco foi um período do século XVI marcado pela crise dos valores Renascentistas, gerando uma nova visão de mundo através de lutas religiosas e dualismos entre espírito e razão. O movimento

Leia mais

5 Direitos, cidadania e

5 Direitos, cidadania e Unidade 5 Direitos, cidadania e movimentos sociais não são predeterminados; dependem sempre das condições específicas em que se desenvolvem, ou seja, das forças sociais e políticas que os apoiam ou os

Leia mais

O formato determina a composição. O formato exerce um papel fundamental no resultado final da composição.

O formato determina a composição. O formato exerce um papel fundamental no resultado final da composição. Composição Introdução UMA DAS PEÇAS ELEMENTARES NO DESENHO É A COMPOSIÇÃO... Uma pintura ou desenho muito bem feito pode perder todo o seu poder, se não estiver enquadrado dentro de uma composição bem

Leia mais

ART NOUVEAU. TH3 Teoria, História e Crítica da Arquitetura e Urbanismo III

ART NOUVEAU. TH3 Teoria, História e Crítica da Arquitetura e Urbanismo III TH3 Teoria, História e Crítica da Arquitetura e Urbanismo III ART NOUVEAU Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Artes e Arquitetura Curso de Arquitetura e Urbanismo Prof. Ana Paula

Leia mais

CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL AULA ARTES. Aula 2.1 Conteúdo: Roma Arte Primitiva Cristã

CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA INTERATIVIDADE FINAL AULA ARTES. Aula 2.1 Conteúdo: Roma Arte Primitiva Cristã Aula 2.1 Conteúdo: Roma Arte Primitiva Cristã 2 Habilidades: Reconhecer as manifestações artísticas relacionadas ao período da arte: Roma Antiga e primitiva Cristã. 3 4 5 Todos os caminhos levam à Roma:

Leia mais

H11 - RECONHECER A LINGUAGEM CORPORAL COMO MEIO DE INTERAÇÃO SOCIAL, CONSIDERANDO OS LIMITES DE DESEMPENHO E AS ALTERNATIVAS DE ADAPTAÇÃO PARA

H11 - RECONHECER A LINGUAGEM CORPORAL COMO MEIO DE INTERAÇÃO SOCIAL, CONSIDERANDO OS LIMITES DE DESEMPENHO E AS ALTERNATIVAS DE ADAPTAÇÃO PARA H11 - RECONHECER A LINGUAGEM CORPORAL COMO MEIO DE INTERAÇÃO SOCIAL, CONSIDERANDO OS LIMITES DE DESEMPENHO E AS ALTERNATIVAS DE ADAPTAÇÃO PARA DIFERENTES INDIVÍDUOS. 01.(JAT) Hoje, tem-se preocupado cada

Leia mais

Obra e Pablo Picasso Título da obra: Guernica

Obra e Pablo Picasso Título da obra: Guernica Artes Profª Silvana Chaves I - CUBISMO O marco inicial do Cubismo ocorreu em Paris, em 1907, com a tela Les Demoiselles d''avignon, pintura que Pablo Picasso levou um ano para finalizar. Nesta obra, este

Leia mais

NEOCLASSICISMO De volta ao lirismo da Grécia antiga

NEOCLASSICISMO De volta ao lirismo da Grécia antiga NEOCLASSICISMO De volta ao lirismo da Grécia antiga O ideal romântico de ressuscitar os valores estéticos da antiguidade clássica inspirou o movimento artístico conhecido como neoclassicismo, que dominou

Leia mais

As modifi dificações no conceito de Arte

As modifi dificações no conceito de Arte O Sistema como Obra de Arte As modificações no conceito de Arte Principais Teorias (Essencialistas) teoria da imitação teoria da expressão teoria formalista. A tese básica a todas as teorias essencialistas

Leia mais

ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL

ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL Disciplina: Arte Prof.: Paula Caroline de Souza Turmas: 61 e 62 ESCOLA ADVENTISTA SANTA EFIGÊNIA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENSINO FUNDAMENTAL Rua Prof Guilherme Butler, 792 - Barreirinha - CEP 82.700-000 - Curitiba/PR

Leia mais

Fotógrafos da Cena Britânica desde 1930 até Hoje

Fotógrafos da Cena Britânica desde 1930 até Hoje OBSERVADORES Fotógrafos da Cena Britânica desde 1930 até Hoje Diante de uma platéia global de 1 bilhão de pessoas, a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Londres de 2012 criou um espetáculo que

Leia mais

ANEXO I. QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I

ANEXO I. QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I ANEXO I QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I Desemho básico Desemho intermediário Desemho básico de observação Desenho de observação Fotografia

Leia mais

Expressionismo. adyart.wordpress.com

Expressionismo. adyart.wordpress.com Expressionismo Arte Pós-Impressionismo A cada movimento de arte, podemos notar transformações estéticas que demonstram a necessidade de o homem expressar a sua visão de mundo em épocas diferentes. Durante

Leia mais

LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS

LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS LINGUAGENS, CÓDIGOS E SUAS TECNOLOGIAS Lista de Recuperação do II Trimestre / 2 º ano/arte Professor(a): Márcio Data: / setembro / 2016. 1-Sobre a Arte no Realismo, julgue os itens a seguirem(c) CERTOS

Leia mais

O Impressionismo foi um movimento artístico que revolucionou profundamente a pintura e deu início às grandes tendências da arte do

O Impressionismo foi um movimento artístico que revolucionou profundamente a pintura e deu início às grandes tendências da arte do Impressionismo Impressionismo O Impressionismo foi um movimento artístico que revolucionou profundamente a pintura e deu início às grandes tendências da arte do século XX; O termo impressionismo foi imprimido

Leia mais

Releitura Fotográfica Jornalística das Obras de Vincent van Gogh 1

Releitura Fotográfica Jornalística das Obras de Vincent van Gogh 1 Releitura Fotográfica Jornalística das Obras de Vincent van Gogh 1 Gustavo KRELLING 2 Maria Zaclis Veiga FERREIRA 3 Universidade Positivo, Curitiba, PR RESUMO O produto artístico é uma releitura fotográfica

Leia mais

se desenvolveu entre 1300 e 1650

se desenvolveu entre 1300 e 1650 RENASCIMENTO se desenvolveu entre 1300 e 1650 ocorreram nesse período muitos progressos e incontáveis realizações no campo das artes, da literatura e das ciências. a valorização do Humanismo e da natureza,

Leia mais

O ROMANTISMO: PRIMEIRA REAÇÃO À ARTE NEOCLÁSSICA

O ROMANTISMO: PRIMEIRA REAÇÃO À ARTE NEOCLÁSSICA O ROMANTISMO: PRIMEIRA REAÇÃO À ARTE NEOCLÁSSICA os pintores românticos, como Goya, Delacroix, Turner e Constable, recuperam o dinamismo e o realismo que os neoclássicos haviam negado. Outro elemento que

Leia mais

Estilos de Representação e Apresentação no Desenho eliane bettocchi

Estilos de Representação e Apresentação no Desenho eliane bettocchi Maneirismo/Barroco/Rococó = apresentação naturalista observação do real representando, de maneira expressionista ou clássica, temas "ideais" em que os valores tonais preponderam e a sensação de "real"

Leia mais

MOVIMENTOS DE VANGUARDA

MOVIMENTOS DE VANGUARDA MOVIMENTOS DE VANGUARDA Séc. XIX Séc. XX Parte 1 História da Arte História do Mobiliário Aplicado Profª Natalia Pieroni MOVIMENTOS DE VANGUARDA LINHA DO TEMPO - HISTORIOGRAFIA Período PRÉ-HISTÓRIA Origens

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE PLANO DE ENSINO PLANO DE ENSINO CÓDIGO 042 CÓD. CURSO CÓD. DISC. 17032441 CRÉDITOS UNIDADE CENTRO DE COMUNICAÇÃO E LETRAS CURSO PROPAGANDA, PUBLICIDADE E CRIAÇÃO DISCIPLINA Evolução das Artes Visuais II ETAPA 2ª Período

Leia mais

Sociologia. Surgimento e principais tópicos. Prof. Alan Carlos Ghedini

Sociologia. Surgimento e principais tópicos. Prof. Alan Carlos Ghedini Sociologia Surgimento e principais tópicos Prof. Alan Carlos Ghedini Podemos entender a sociologia, de modo geral, como a área de estudo que se dedica a entender o comportamento humano em sociedade. São

Leia mais

Holanda: ladrões roubam obras de Picasso, Monet e outros famosos

Holanda: ladrões roubam obras de Picasso, Monet e outros famosos Holanda: ladrões roubam obras de Picasso, Monet e outros famosos Mulher diante de uma janela aberta, de Paul Gauguin, é um dos quadros que foram roubados do museu Kunsthal. Foto: AP Sete quadros de grande

Leia mais

NEOCLASSICISMO Neoclassicismo

NEOCLASSICISMO Neoclassicismo NEOCLASSICISMO Movimento cultural do fim do século XVIII, e início do século XIX (1780 1830), o NEOCLASSICISMO está identificado com a retomada da cultura clássica (Grécia e Roma) por parte da Europa Ocidental

Leia mais

Pingos da Língua Portuguesa...

Pingos da Língua Portuguesa... Pingos da Língua Portuguesa... Pequenas doses de Gramática, Literatura e Redação para você... no Rio Branco/Campinas Vol. 8 2011 Gramática & Interpretação de textos Os estudos gramaticais podem auxiliar

Leia mais

Seminários Estado e Regulação Apresentação do texto Após o liberalismo: em busca da reconstrução do mundo (2002), de Imannuel Wallerstein.

Seminários Estado e Regulação Apresentação do texto Após o liberalismo: em busca da reconstrução do mundo (2002), de Imannuel Wallerstein. Seminários Estado e Regulação Apresentação do texto Após o liberalismo: em busca da reconstrução do mundo (2002), de Imannuel Wallerstein. Sobre o autor Imannuel Wallerstein, nascido em 1930 na cidade

Leia mais

Liberte-se: um exercício usando a técnica alternativa do fotograma 1

Liberte-se: um exercício usando a técnica alternativa do fotograma 1 Liberte-se: um exercício usando a técnica alternativa do fotograma 1 Vinicius Medeiros BRASIL 2 Anamaria TELES 3 Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, SC RESUMO A técnica utilizada neste trabalho,

Leia mais

ARTE DOS SÉCULOS XIX E XX

ARTE DOS SÉCULOS XIX E XX ARTE DOS SÉCULOS XIX E XX Os movimentos europeus de vanguarda eram aqueles que, segundo seus próprios autores, guiavam a cultura de seus tempos, estando de certa forma à frente deles. Movimentos vanguardistas

Leia mais

O Brasil moderno - Semana de Arte Moderna

O Brasil moderno - Semana de Arte Moderna TECNOLOGIA CONSCIENTE:UM DESAFIO PARA SOCIEDADE Aluno: Série/ano: 9º Turma: Turno: Professor: Data: / / Nota: ARTES O Brasil moderno - Semana de Arte Moderna O ano de 1922 foi marcado por grandes mudanças

Leia mais

RODIN O DESPERTAR MODERNISTA

RODIN O DESPERTAR MODERNISTA RODIN O DESPERTAR MODERNISTA ESPAÇO CULTURAL MARCANTONIO VILAÇA TCU DE 17 DE AGOSTO A 5 DE NOVEMBRO DE 2016. Esculturas de Auguste Rodin e fotografias sobre o artista e sua obra pela primeira vez em Brasília

Leia mais

Arte da cor. Se no desenho o que mais se utiliza é o traço, na pintura o mais importante é a cor

Arte da cor. Se no desenho o que mais se utiliza é o traço, na pintura o mais importante é a cor O tom da cor Arte da cor. Se no desenho o que mais se utiliza é o traço, na pintura o mais importante é a cor Ao escrever, cada pessoa tem uma maneira própria de fazer as letras. O mesmo acontece com a

Leia mais

HISTÓRIA DA ARTE. Modernidade. Professor Isaac Antonio Camargo

HISTÓRIA DA ARTE. Modernidade. Professor Isaac Antonio Camargo HISTÓRIA DA ARTE Modernidade 1 Professor Isaac Antonio Camargo Modernismo e Modernidade Modernismo e Modernidade são dois termos usados para identificar as obras de arte que ocorrem a partir do final do

Leia mais

A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E O LIBERALISMO ECONÔMICO

A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E O LIBERALISMO ECONÔMICO A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL E O LIBERALISMO ECONÔMICO Na segunda metade do século XVIII, a Inglaterra iniciou um processo que teve consequências em todo o mundo. Esse novo sistema de produção modificou as relações

Leia mais

Classificação da Fotografia I Prof. Dr. Isaac A. Camargo

Classificação da Fotografia I Prof. Dr. Isaac A. Camargo Classificação da Fotografia I Prof. Dr. Isaac A. Camargo a- As primeiras fotografias: suas categorias e funções b- Desenvolvimento e classificação dos gêneros As primeiras fotografias: suas categorias

Leia mais

Impressão: nascer do sol

Impressão: nascer do sol IMPRESSIONISMO França 1860 a 1886. Os impressionistas representavam sensações visuais imediatas através da cor e da luz. Seu objetivo principal era apresentar uma impressão ou as percepções iniciais registradas

Leia mais

REUNIÃO DE ESPECIALISTAS Março/2016

REUNIÃO DE ESPECIALISTAS Março/2016 REUNIÃO DE ESPECIALISTAS Março/2016 Pauta do encontro Apresentação dos professores, concepção das áreas e conteúdos de ensino; Organização do tempo (apresentação dos professores e momento para tirar dúvidas);

Leia mais

Aula ao vivo 21/03/2014 Pensamento Sociológico

Aula ao vivo 21/03/2014 Pensamento Sociológico Aula ao vivo 21/03/2014 Pensamento Sociológico 1) Através dos tempos o homem pensou sobre si mesmo e sobre o universo. Contudo, foi apenas no século XVIII que uma confluência de eventos na Europa levou

Leia mais

Matéria: literatura Assunto: pintura - tarsila do amaral Prof. IBIRÁ

Matéria: literatura Assunto: pintura - tarsila do amaral Prof. IBIRÁ Matéria: literatura Assunto: pintura - tarsila do amaral Prof. IBIRÁ Literatura TARSILA DO AMARAL Introdução Tarsila do Amaral foi uma das mais importantes pintoras brasileiras do movimento modernista.

Leia mais

Arte 1º. Ano do Ensino Médio

Arte 1º. Ano do Ensino Médio Conteúdo Avaliativo 3º. Trimestre: Arte 1º. Ano do Ensino Médio 1. A transição do século XVIII XIX: Neoclassicismo/Romantismo/Realismo. 2. Impressionismo/Fotografia. 3. Vanguardas Europeias: Expressionismo/Cubismo/Surrealismo/Dadaísmo.

Leia mais

André Derain

André Derain - 029 - André Derain 1880-1954 André Derain, nascido em Chatou, comunidade a 20 km a Leste de Paris, no dia 10 de julho de 1880 e falecido em Garches (15 km a Oeste de Paris) foi um pintor, escultor, impressor

Leia mais

Área do Conhecimento: Arte

Área do Conhecimento: Arte Área do Conhecimento: Arte Série: 1ª Carga Horária: 4h/a Período: Semestral (conteúdos) Elementos Formais Composição Movimentos e Períodos 1. Ponto, linha, plano, volume, textura, cor 2. Ponto, linha,

Leia mais

Romantismo. Questão 01 Sobre a Arte no Romantismo, julgue os itens a seguir em (C) CERTOS ou (E) ERRADOS:

Romantismo. Questão 01 Sobre a Arte no Romantismo, julgue os itens a seguir em (C) CERTOS ou (E) ERRADOS: Romantismo Questão 01 Sobre a Arte no Romantismo, julgue os itens a seguir em (C) CERTOS ou (E) ERRADOS: 1. ( C ) Foi a primeira e forte reação ao Neoclassicismo. 2. ( E ) O romantismo não valorizava a

Leia mais

Revisão/ 2 Ano/Arte. Neoclassicismo/ Romantismo/ Realismo/ Impressionismo/Pósimpressionismo/Neoimpressionismo/ Art noveau

Revisão/ 2 Ano/Arte. Neoclassicismo/ Romantismo/ Realismo/ Impressionismo/Pósimpressionismo/Neoimpressionismo/ Art noveau Revisão/ 2 Ano/Arte Neoclassicismo/ Romantismo/ Realismo/ Impressionismo/Pósimpressionismo/Neoimpressionismo/ Art noveau Neoclassicismo: Novo clássico. Novo resgate do vocabulário e das ideias que surgiram

Leia mais

ESCULTURA E MEMÓRIA TESTEMUNHO DE LAGOA HENRIQUES NA COLECÇÃO DA FBAUP

ESCULTURA E MEMÓRIA TESTEMUNHO DE LAGOA HENRIQUES NA COLECÇÃO DA FBAUP ESCULTURA E MEMÓRIA TESTEMUNHO DE LAGOA HENRIQUES NA COLECÇÃO DA FBAUP Galeria dos Leões Faculdade de Belas Artes da Unviversidade do Porto ESCULTURA E MEMÓRIA Prof. Pintor Francisco Laranjo Director da

Leia mais

Situações de Aprendizagem Estratégias/ Actividades Avaliação

Situações de Aprendizagem Estratégias/ Actividades Avaliação ESCOLA SECUNDÁRIA ARTÍSTICA DE SOARES DOS REIS PLANIFICAÇÃO ANUAL DE HISTÓRIA DA CULTURA E DAS ARTES - 12.º ANO (ensino diurno) ANO LECTIVO DE 20010/2011 7 A Cultura do Salão Das revoluções à Revolução

Leia mais

OFICINA DE HISTÓRIA: ICONOGRAFIA E ENSINO DE HISTÓRIA

OFICINA DE HISTÓRIA: ICONOGRAFIA E ENSINO DE HISTÓRIA OFICINA DE HISTÓRIA: ICONOGRAFIA E ENSINO DE HISTÓRIA Estágio Supervisionado em Ensino de História I 1. Imagens, assim como textos e testemunhos orais, constituem-se numa forma importante de evidência

Leia mais

Desenho Técnico. Desenho. Desenho Artístico. Representação de coisas, seres, e objetos através de linhas e pontos. Expressão gráfica da forma.

Desenho Técnico. Desenho. Desenho Artístico. Representação de coisas, seres, e objetos através de linhas e pontos. Expressão gráfica da forma. Desenho Técnico Desenho Técnico e CAD Prof. Luiz Antonio do Nascimento Desenho 2/29 Representação de coisas, seres, e objetos através de linhas e pontos. Expressão gráfica da forma. Pode ser: Desenho Artístico

Leia mais

Filosofia da Arte. Unidade II O Universo das artes

Filosofia da Arte. Unidade II O Universo das artes Filosofia da Arte Unidade II O Universo das artes FILOSOFIA DA ARTE Campo da Filosofia que reflete e permite a compreensão do mundo pelo seu aspecto sensível. Possibilita compreender a apreensão da realidade

Leia mais

ROMANTISMO. Idealização e arrebatamento. Literatura Brasileira 2ª série EM Prof.: Flávia Guerra

ROMANTISMO. Idealização e arrebatamento. Literatura Brasileira 2ª série EM Prof.: Flávia Guerra ROMANTISMO Idealização e arrebatamento Literatura Brasileira 2ª série EM Prof.: Flávia Guerra CONTEXTO NO BRASIL Em 1822, o Brasil conquista sua independência política, mas não tem definida sua identidade.

Leia mais

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Disciplina: Artes Curso: Técnico Em Eletromecânica Integrado Ao Ensino Médio Série: 1º Carga Horária: 67 h.r Docente Responsável: EMENTA O universo da arte, numa abordagem

Leia mais

Desenho Técnico. Desenho. Desenho Artístico. Representação de coisas, seres, e objetos através de linhas e pontos. Expressão gráfica da forma.

Desenho Técnico. Desenho. Desenho Artístico. Representação de coisas, seres, e objetos através de linhas e pontos. Expressão gráfica da forma. Desenho Técnico Desenho Técnico e CAD Prof. Luiz Antonio do Nascimento Desenho 2/29 Representação de coisas, seres, e objetos através de linhas e pontos. Expressão gráfica da forma. Pode ser: Desenho Artístico

Leia mais

Sugestão de Atividades História 8º ano Unidade 4

Sugestão de Atividades História 8º ano Unidade 4 1. Sobre o despotismo esclarecido assinale a alternativa incorreta. a) Houve procura pela modernização dos Estados da parte dos monarcas europeus. b) O objetivo da modernização dos Estados era uma administração

Leia mais

IDADE MÉDIA ARTE GÓTICA

IDADE MÉDIA ARTE GÓTICA IDADE MÉDIA ARTE GÓTICA A partir do século XII, após as cruzadas, tem início na Europa uma economia fundamentada no comércio. Isso faz com que o centro da vida social se desloque do campo para a cidade

Leia mais

Francisco José Soller de Mattos

Francisco José Soller de Mattos Francisco José Soller de Mattos A fase de predomínio da relações interpessoais. O industrialismo - produção em larga escala (Séc. XIX). Surgimento dos negócios pluripessoais e difusos. A busca por conquistas

Leia mais

PEB II - ARTES PROFESSOR EM EDUCAÇÃO BÁSICA II DE ARTES

PEB II - ARTES PROFESSOR EM EDUCAÇÃO BÁSICA II DE ARTES PEB II - ARTES PROFESSOR EM EDUCAÇÃO BÁSICA II DE ARTES 01. A arte na contemporaneidade (e seu ensino) busca ser conectada à cultura e sua diversidade. Nesse sentido, para uma educação multicultural, é

Leia mais

Departamento Curricular de Ciências Sociais e Humanas. Grupo de Recrutamento: 400. Planificação Trimestral de História A. 3º Período.

Departamento Curricular de Ciências Sociais e Humanas. Grupo de Recrutamento: 400. Planificação Trimestral de História A. 3º Período. Departamento Curricular de Ciências Sociais e Humanas Grupo de Recrutamento: 400 Coordenadora: Rosa Santos Subcoordenador: Armando Castro Planificação Trimestral de História A 3º Período 11º Ano Professor:

Leia mais

TEORIA DO DESIGN. Aula 03 Composição e a História da arte. Prof.: Léo Diaz

TEORIA DO DESIGN. Aula 03 Composição e a História da arte. Prof.: Léo Diaz TEORIA DO DESIGN Aula 03 Composição e a História da arte Prof.: Léo Diaz O QUE É ARTE? Definição: Geralmente é entendida como a atividade humana ligada a manifestações de ordem estética ou comunicativa,

Leia mais

CURSO BÁSICO DE TATUAGEM

CURSO BÁSICO DE TATUAGEM APRESENTAÇÃO O Lado B Estúdio foi criado na cidade de São Paulo em 2010, para estudar tatuagem, desenho, pintura e várias formas de arte, com profissionais que são referencias pelo excelente trabalho desenvolvido.

Leia mais

ARTE URBANA. Vol 6. Modulo 27

ARTE URBANA. Vol 6. Modulo 27 ARTE URBANA Vol 6. Modulo 27 Arte Urbana É uma das tendências mais fortes da Arte Contemporânea Impulsionada pela Arte Conceitual e o movimento Hip-hop (1970) Interage com o espaço comum Objetivo: aproximar

Leia mais

Arte Romana. 6º Ano Apostila 2015 Artes Professor Juventino

Arte Romana. 6º Ano Apostila 2015 Artes Professor Juventino Arte Romana 6º Ano Apostila 2015 Artes Professor Juventino Arte Romana A soberania do Império Romano, sem paralelos na história, estendia-se da Espanha ao sul da Rússia, da Inglaterra ao Egito e em seu

Leia mais

Estratificação, Classes Sociais e Trabalho. Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli

Estratificação, Classes Sociais e Trabalho. Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli Estratificação, Classes Sociais e Trabalho Sociologia Profa. Maria Thereza Rímoli Estratificação social, classes sociais e trabalho Objetivos da aula: O que é estratificação? O que é classes sociais? Conceitos

Leia mais

CONSCIÊNCIA E EXPRESSÃO CORPORAL

CONSCIÊNCIA E EXPRESSÃO CORPORAL FAAC Faculdade Afonso Cláudio Pólo Tijuca Rio de Janeiro Pós-graduação em Educação Psicomotora CONSCIÊNCIA E EXPRESSÃO CORPORAL Rosane Tesch rosanetesch@gmail.com Diferente do que ocorre com as crianças,

Leia mais

Artes visuais AULA 3 Barroco, Rococó e Neoclassicismo

Artes visuais AULA 3 Barroco, Rococó e Neoclassicismo Artes visuais AULA 3 Barroco, Rococó e Neoclassicismo Prof. André de Freitas Barbosa Altar do Mosteiro de São Bento (Rio de Janeiro, 1617), traçado original de Francisco Frias de Mesquita. Numa época de

Leia mais

Arte. Paisagem. 6 A - Volume 02 Professor: Alexandro Lima

Arte. Paisagem. 6 A - Volume 02 Professor: Alexandro Lima 01 Arte Paisagem 6 A - Volume 02 Professor: Alexandro Lima 02 Paisagem História da arte Professor: Alexandro Lima 03 Em cada um de nós há um segredo, uma paisagem interior com planícies invioláveis, vales

Leia mais

Estudo dirigido artes Milton Gomes Segundo ano Ensino Médio. Capítulo 14. A arte no Barroco Europeu. 01 Como foi criado o termo Barroco? R. na p.

Estudo dirigido artes Milton Gomes Segundo ano Ensino Médio. Capítulo 14. A arte no Barroco Europeu. 01 Como foi criado o termo Barroco? R. na p. Estudo dirigido artes Milton Gomes Segundo ano Ensino Médio Capítulo 14 A arte no Barroco Europeu 01 Como foi criado o termo Barroco? R. na p.141 02 No livro, encontramos duas explicações para o surgimento

Leia mais

ROMANTISMO E IDEALISMO (Século XIX)

ROMANTISMO E IDEALISMO (Século XIX) ROMANTISMO E IDEALISMO O Idealismo alemão sofreu forte influência, na sua fase inicial, do Romantismo, movimento cultural que se manifestou na Arte, na Literatura e na Filosofia. No seu ponto culminante,

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Área de Ciências Humanas Disciplina: Série: 7ª Ensino Fundamental Professora: Ione Botelho Atividades para Estudos Autônomos Data: 5 / 9 / 2016 Valor: xxx pontos Aluno(a): Nº: Turma: Vamos rever nosso

Leia mais