AVALIAÇÃO DA ESTÉTICA DENTÁRIA RELACIONADA COM A PROPORÇÃO ÁUREA NA DENTIÇÃO PERMANENTE ANTERIOR

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AVALIAÇÃO DA ESTÉTICA DENTÁRIA RELACIONADA COM A PROPORÇÃO ÁUREA NA DENTIÇÃO PERMANENTE ANTERIOR"

Transcrição

1 AVALIAÇÃO DA ESTÉTICA DENTÁRIA RELACIONADA COM A PROPORÇÃO ÁUREA NA DENTIÇÃO PERMANENTE ANTERIOR EVALUATION OF DENTAL ESTHETICS RELATION WITH THE GOLDEN PROPORTION IN THE ANTERIOR PERMANENT TEETH Fabiano Carlos Marson a Rodrigo José da Silva b Resumo O objetivo deste estudo foi determinar a freqüência com que a proporção áurea se manifesta em sorrisos considerados esteticamente harmônicos e não harmônicos segundo aspectos subjetivos de seleção e também a capacidade de distinguir o gênero através do sorriso. Foram fotografados sorrisos de 50 voluntários acadêmicos do curso de Odontologia e pacientes da faculdade Uningá. Os sorrisos foram aleatoriamente enumerados e avaliados individualmente por dez examinadores leigos na área de odontologia, dez graduandos em odontologia e 10 professores do curso de odontologia, que, através de critérios subjetivos os classificaram em harmônico e não harmônico. Como resultado foi encontrado proporção áurea nos dentes superiores anteriores, em apenas 1(2%) da amostra avaliada. Pela avaliação dos leigos 50,4% dos sorrisos foram considerados harmônicos, os alunos consideraram 42,6% dos sorrisos harmônicos e os professores 43,6% dos sorrisos avaliados como harmônicos. Em relação ao gênero o grupo de avaliadores leigos distinguiu corretamente o gênero de 57% dos sorrisos avaliados, o grupo de alunos que avaliaram os sorrisos distinguiram corretamente 76% e o grupo de professores distinguiram 78%. Com isso vemos que a proporção áurea não é comumente encontrada na população e, apesar da diferença não ser muito grande, a classe voltada pra odontologia possui maior capacidade de distinguir o gênero pelo sorriso Palavras-chave: Estética. Proporção Áurea. Proporção divina. Abstract The objective of this study was to determine the frequency with which the golden proportion manifests itself in smiles considered aesthetically harmonic and not harmonic according to subjective aspects of selection and also the ability to distinguish the gender through the smile. A total of 50 smiles of the dentistry academic volunteers and patients of Uningá University were photographed. The smiles were randomly listed and evaluated individually by ten lay examiners in the field of dentistry, ten students and ten professors of dentistry, who, through the subjective criteria ranked them in harmonic and not harmonic. As a result was found golden proportion in the upper frontal teeth only in 1 (2%) of the sample evaluated. For the evaluation of the lays 50.4% of smiles were considered harmonic, the students found 42.6% of smiles were harmonic and the professors assessed 43,6% of smiles as harmonic. Regarding the gender, the group of lay assessors correctly distinguished the gender of 57% of smiles assessed, the group of students who evaluated the smiles correctly distinguished 76% and the group of professors distinguished 78%. Therefore we conclude that the golden proportion is not commonly found in the local population, and although the difference is not very large, the class of dentistry has a greater capacity to distinguish the gender by the smile. Key-Words: Esthetic. Golden proportion. Divini proportion. Introdução Desde a antiguidade já existia o interesse no estudo da beleza, do harmônico e proporcional, pelos artistas, filósofos e estudiosos. A proporção áurea foi descrita pelo filósofo Pitágoras buscando relacionar a beleza encontrada na natureza com as proporções matemáticas, essa proporção encontra-se em arquiteturas antigas da Grécia como também em desenhos clássicos (Lombardi,1973; Huntley,1985). Com a evolução foi-se aumentando as exigências estéticas, elevando o desenvolvimento cada vez mais da odontologia estética, exigindo o melhoramento da cosmética dentária seja cada vez mais harmoniosa proporcionalmente entre a largura dos dentes, principalmente os maxilares anteriores, quando necessário restaurá-los ou substituí-los. Sendo merecida a devida atenção em relação à cor, textura e a forma, esta por sua vez não depende das propriedades materiais, mas sim da aptidão profissional, muitos autores se baseiam na teoria da proporção áurea para estes tipos de trabalho (Faria ET AL,2003; Fayyad et al,2006) a Mestre e Doutor em Dentística pela Universidade Federal de Santa Catarina Professor de Dentística e Clínica Integrada da Faculdade Ingá - Maringá - Paraná Professor da especialização em Dentística e Mestrado em Prótese da Faculdade Ingá Maringá-Paraná - b Aluno da Faculdade Ingá Maringá - Paraná

2 A introdução destes métodos na odontologia foi citada inicialmente por Lombardi, em 1973, e, logo depois, por Levin, em 1978, que utilizaram a proporção áurea para relatar as larguras dos dentes anteriores, com o intuito de auxiliar na seleção e montagem destes dentes. Baseando-se na largura mesio distal aparente dos dentes anteriores vistos de uma visão frontal. Para que se encontre a razão ideal, a largura do canino deve ser multiplicada por um valor definido como proporção áurea que é de 0,61803, aproximadamente 62%, dessa maneira a proporção dentária é notada a partir dos incisivos centrais em direção aos dentes posteriores (Mondelli, 2003). Este trabalho, levando em consideração as necessidades estéticas odontológicas, relaciona a análise subjetiva do sorriso e a ocorrência de proporção áurea entre dentes anteriores superior. Material e método Foram selecionados 50 voluntários alunos do curso de graduação de odontologia e pacientes da Faculdade Ingá, sendo 13 do gênero masculino e 37 do gênero feminino, de acordo com os seguintes critérios: Ausência de restaurações ou coroas protéticas nos dentes anteriores superiores; Ausência de desgastes acentuados causados por abrasão, atrição ou erosão nos dentes anteriores superiores; Ausência de desgaste cervical acentuado nos dentes anteriores superiores; Ausência de hiperplasia gengival nos dentes anteriores superiores; Ausência de aparelho ortodôntico nos dentes anteriores superiores; Foi feita uma tomada fotográfica, com a maquina fotográfica digital reflex (nikon D70, nikon Japão) com objetiva 120mm com flash eletrônico aclopado, pelo mesmo operador com o voluntário sentado na cadeira odontológica com o plano de Câmper paralelo ao solo, em mesmas condições de luminosidade e exposição para todos os pacientes, com vista frontal do sorriso. As imagens foram armazenadas e expostas, a 10 examinadores leigos em odontologia, 10 examinadores graduandos de odontologia e 10 examinadores docentes do curso de odontologia da Faculdade Ingá, em um computador portátil da marca Sony vaio, através do programa da Microsoft windows picture and fax viewer. As avaliações subjetivas foram feitas individualmente para que não houvesse influência nos julgamento de cada imagem, que foi marcado em um gabarito para cada examinador, onde cada examinador marcou o gênero e se considerava o sorriso harmônico ou não de cada sorriso. Foi verificada a ocorrência de proporção áurea, entre os elementos ânterosuperiores, através do programa de computador adobe photoshop CS2 e utilizando grades de Levin, onde, a partir da linha média os dentes devem ir aparecendo 62% em relação o dente adjacente mesial, ou seja, o incisivo lateral deve aparecer 62% em relação ao tamanho do incisivo central, canino 62% em relação ao incisivo lateral, e assim gradativamente. Avaliação da estética dentária relacionada com a proporção áurea na dentição permanente anterior 24

3 Foi considerada a presença de proporção áurea apenas os casos em que os seis dentes anteriores se apresentaram em proporção de acordo com a fórmula matemática. Figura 5. Grades de Levin Resultado O grupo composto pelos leigos considerou 50,4% dos sorrisos harmônicos e 49,6% não harmônicos e distinguiram corretamente 57% dos sorrisos quanto ao gênero através do sorriso, o grupo composto pelos graduandos de odontologia consideram 42,6% dos sorrisos harmônicos e 57,4% não harmônicos e distinguiram corretamente 76% dos sorrisos quando ao gênero através do sorriso, o grupo composto pelos professores de odontologia considerou 43,6% dos sorrisos como harmônicos e 56,4% dos sorrisos como não harmônicos e distinguiram corretamente 78% dos sorrisos quanto ao gênero. Após a averiguação da presença de proporção áurea nos dentes anteriores superiores, através do programa photoshop e das grades de Levin, podemos observar a ocorrência de proporção áurea em apenas 1 (2%) dos sorrisos, sendo este do gênero feminino, além da ocorrência de proporção áurea neste sorriso, foi observada a presença de proporção áurea entre incisivos centrais e laterais do lado direito em 6 (12%) dos sorrisos, sendo destes 4 (66,6%) femininos e 2 (33,4%) masculinos, presença de proporção áurea apenas entre incisivos central, incisivo lateral e canino do lado direito em 2 (4%) dos sorrisos, ambos do gênero feminino, presença de proporção áurea Avaliação da estética dentária relacionada com a proporção áurea na dentição permanente anterior 25

4 entre o incisivo central, incisivo lateral e canino esquerdo em 1 (2%) dos sorrisos sendo este do gênero feminino, proporção áurea entre incisivos centrais e lateral direito e incisivo central e lateral esquerdo em 4 (8%) dos sorrisos, sendo destes 3 (75%) femininos e 1 (25%) masculino, proporção áurea entre incisivo central, lateral e canino lado direito e incisivo central e lateral do lado esquerdo em 1 (2%) dos sorrisos, do gênero feminino e não foi verificada a presença de proporção áurea em 35 (70%) da amostra, sendo destes, 10 (28,6%) masculinos e 25 (71,4%) femininos. Tabela 01-Resultados da avaliação subjetiva dos sorrisos, em numero de votos recebidos. Harmônico Não harmônico Leigos Alunos de odontologia Docentes de odontologia Tabela 02-Ocorrência de proporção áurea na amostra avaliada feminino Masculino 1 0 entre dentes anteriores superiores 4 2 entre IC e IL direito entre IC, IL e C direito 2 0 entre IC, IL e C esquerda. entre IC e IL direito, IC e IL esquerdo. entre IC, IL e C direito e IC e IL esquerdo. Sem proporção áurea Tabela 03-Resultado da distinção quanto ao gênero através do sorriso. Fotos Leigos Graduandos Docentes Sexo dos pacientes Masc. Fem. Masc. Fem. Masc. Fem. Mas c. Fem X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X Avaliação da estética dentária relacionada com a proporção áurea na dentição permanente anterior 26

5 Tabela 04-Resultado da avaliação subjetiva dos sorrisos. Avaliação subjetiva Medição da proporção áurea Leigos Alunos professores Adobe Grades de Levin Photoshop Fotos Harm. Ñ. Harm. Harm. Ñ. Harm. Harm. Ñ. Harm. Com Prop. Áurea Sem prop. áurea Com Prop. Áurea Sem prop. áurea X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X X Discussão Nessa pesquisa a prevalência de proporção áurea esteve presente em apenas 2% da amostra pesquisada, indicando assim que não ha prevalência de proporção áurea na maior parte da população, assim como apresentado no trabalho de Morley (1991) e Soares et al (2006), a proporção áurea entre incisivos centrais e incisivos laterais, e principalmente entre incisivos laterais e Avaliação da estética dentária relacionada com a proporção áurea na dentição permanente anterior 27

6 caninos, foi pouco encontrada. E em concordância com a pesquisa, Mahshid et al. (2004), Ozelame (2006) e Ward (2007), afirmam que a proporção áurea tem sido mencionada como base na análise do sorriso, mas que na prática esta proporção raramente ocorre na população. Contrariando Levin (1978), Gilmore (1997) e Simon (2004), que afirmaram que para um sorriso seja estético tenha que haver proporção áurea em todos os dentes. Autores como Mondelli, 2003; Goldstein, 2000; estão de acordo com o uso da proporção áurea. Através deste, pode se observar que a proporção áurea esteve presente em sorrisos, mas não em todos os dentes, mas principalmente entre os incisivos centrais e laterais, e dificilmente entre laterais e caninos assim como no trabalho apresentado por Soares et al, Assim como no trabalho de Preston, 1993 e Mahshid et al, 2004; que encontraram em seus trabalhos apenas 17% da população em proporção áurea entre incisivos centrais e laterais. Com isso podemos afirmar que a ocorrência de proporção áurea em dentes anteriores naturais não é freqüente (Mahshid et al., 2004; Hasanreisoglu et al., 2005), por isso a proporção áurea não deve ser primordial na determinação de harmonia, em sorrisos, pois em várias pessoas o sorriso sem a ocorrência de proporção áurea é considerado harmônico e são considerados harmônicos aos olhos, porém é uma importante ferramenta quando estamos reabilitando um sorriso e não temos referências para o planejamento (Baratieri, 1995). Para a distinção do gênero pode-se notar que não é fácil distinguir o gênero apenas através do sorriso em relação aos profissionais da área odontológica e com leigos não área odontológica, porém entre os professores de odontologia e os alunos do quarto ano de odontologia não houve grandes diferenças. Conclusões A proporção áurea não é normalmente encontrada na população. Porém, mesmo os sorrisos sem a ocorrência de proporção áurea podem ser considerados harmônicos. Na distinção do gênero através do sorriso, os profissionais da área odontológica e os graduandos possuem maior capacidade de identificar o gênero do que os leigos em odontologia. Referências 1. BARATIERI, L. N. et al. Estética - normas básicas. In: Estética e restaurações adesivas em dentes anteriores fraturados. São Paulo: Santos, p FARIA, I. R. et al. Prevalência da proporção áurea na dentição natural. Revista da Associação Brasileira de Odontologia Nacional; 11(4): , FAYYAD, A. M.; JAMANI,K. D.; AGRABAWI,J. Geometric and mathematical proportions and their relations to maxillary anterior teeth. J Contemp Dent Pract. Nov. 1;7(5):62-70, GILMORE, S. L. Smile design and esthetic treatment planning. J Colo Dent Assocation. 76(1):20-3, HASANREISOGLU U. et al. An analysis of maxillary anterior teeth: facial and dental proportions. J Prosthet Dent, v.6, n. 94, p 530-8, HUNTLEY, H. E. A divina proporção. Tradução, Luís Carlos Ascêncio Nunes. Brasília: ed. Universidade de Brasília, LEVIN, E. I. Dental esthetics and the golden proportion. The Journal of Prosthetic Dentistry, v. 40, n. 3, LOMBARDI, R. E. The principle of visual perception and their clinical application to denture esthetics. J. Prosthet. Dent. p. 29, n. 4, p , MAHSHID M, KHOSHVAGHTI A, VARSHOSAZ M, VALLAEI N. Evaluation of golden proportion in individuals with an esthetic smile. J Esthet Restor Dent, v.3, n. 16, p , MONDELLI, J. Estética e cosmética em clínica integrada restauradora. Ed. Quintessence LTDA, OZELAME, M. Análise subjetiva da estética do sorriso e a ocorrência da proporção áurea na dentição natural Monografia (Graduação em Odontologia) UNINGÀ Unidade de Ensino Superior Ingá Faculdade Ingá. 12. PRESTON, J. D. The golden proportion revised. J Esthet Dent. 5:247-51, SIMON, J. Using the golden proportion in aesthetic treatment. Dent Today. 82-4, SOARES, G. P. Prevalência da proporção áurea em indivíduos adultos - jovens. Revista Odonto Ciência Faculdade Odontologia PUCRS, v. 21, n. 54, WARD, D. H. A study of dentists preferred maxillary anterior tooth widh proportions: comparing the recurring esthetic dental proportion to other mathematical an naturally occurring proportions. J. Esthet Restor dent. 19(6):324-37; discussion 338-9, Avaliação da estética dentária relacionada com a proporção áurea na dentição permanente anterior 28

Ana Graciela Zuchetto Barros AVALIAÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO. Faculdade de Odontologia UFRGS, Ambulatório do Curso de Especialização em Dentística UFRGS

Ana Graciela Zuchetto Barros AVALIAÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO. Faculdade de Odontologia UFRGS, Ambulatório do Curso de Especialização em Dentística UFRGS Ana Graciela Zuchetto Barros AVALIAÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO Faculdade de Odontologia UFRGS, Ambulatório do Curso de Especialização em Dentística UFRGS Orientadora- Profa. Dra. Juliana Nunes Rolla Porto

Leia mais

Caso Clínico. Flavia Caetano P. dos Santos* Weider de Oliveira Silva** Miquelle Carvalho***

Caso Clínico. Flavia Caetano P. dos Santos* Weider de Oliveira Silva** Miquelle Carvalho*** Caso Clínico Flavia Caetano P. dos Santos* Weider de Oliveira Silva** Miquelle Carvalho*** * Especialista em Dentística pela Associação Brasileira de Odontologia - ABO (Taguatinga DF). ** Especialista

Leia mais

Utilização de imagem digital para diagnóstico e planejamento estético

Utilização de imagem digital para diagnóstico e planejamento estético Artigo Inédito Utilização de imagem digital para diagnóstico e planejamento estético Breno Carnevalli Franco de Carvalho* Resumo A fotografia digital no pré-operatório, através da duplicação da imagem

Leia mais

A CIÊNCIA DA BELEZA DO SORRISO

A CIÊNCIA DA BELEZA DO SORRISO A CIÊNCIA DA BELEZA DO SORRISO Ana Carolina Francischone*, José Mondelli** RESUMO Os princípios estéticos participam de forma muito importante na Odontologia restauradora, protética e corretiva ortodôntica.

Leia mais

Golden Proportion In Upper Anterior Teeth

Golden Proportion In Upper Anterior Teeth 33 Proporção Áurea Em Dentes Permanentes Anteriores Superiores Golden Proportion In Upper Anterior Teeth ARTIGO DE REVISÃO Thaiana Damasceno Cunha *, Ivone de Oliveira Salgado **, Leonardo César Costa

Leia mais

A importância da proporção estética dos dentes na harmonia/beleza do sorriso

A importância da proporção estética dos dentes na harmonia/beleza do sorriso Artigo de Investigação Médico Dentário para obtenção do Grau de Mestre em Medicina Dentária (ciclo de estudos integrado) A importância da proporção estética dos dentes na harmonia/beleza do sorriso Marisa

Leia mais

PREVALÊNCIA DA PROPORÇÃO ÁUREA EM INDIVÍDUOS ADULTOS-JOVENS

PREVALÊNCIA DA PROPORÇÃO ÁUREA EM INDIVÍDUOS ADULTOS-JOVENS ARTIGO PREVALÊNCIA DA PROPORÇÃO ÁUREA EM INDIVÍDUOS ADULTOS-JOVENS PREVALENCE THE GOLDEN PROPORTION IN ADULT-YOUNG INDIVIDUALS Soares, Giulliana Panfiglio* Silva, Frederico Augusto Peixoto** Lima, Débora

Leia mais

TRANSFORMAÇÃO DA FORMA DOS LATERAIS CONÓIDES UTILIZANDO RESINA COMPOSTA (ESTHET-X)

TRANSFORMAÇÃO DA FORMA DOS LATERAIS CONÓIDES UTILIZANDO RESINA COMPOSTA (ESTHET-X) TRANSFORMAÇÃO DA FORMA DOS LATERAIS CONÓIDES UTILIZANDO RESINA COMPOSTA (ESTHET-X) Caso clínico realizado pelo especialista em Dentística Restauradora HECTOR GREGORY SOCIAS JUNIOR (República Dominicana).

Leia mais

Proporção áurea e harmonia de sorriso em alunos de graduação da Universidade Católica de Brasília

Proporção áurea e harmonia de sorriso em alunos de graduação da Universidade Católica de Brasília SCIENTIFIC ARTICLE Proporção áurea e harmonia de sorriso em alunos de graduação da Universidade Católica de Brasília GOPFERT, Isabela Marthes; RIVERA, Gustavo. Proporção áurea e harmonia de sorriso em

Leia mais

BRUNA LUIZA P. N. VICENTI JULIANA OCY SCHMITT VERIFICAÇÃO DA PROPORÇÃO ÁUREA EM ESTUDANTES DE ODONTOLOGIA DA UNIVALI QUE UTILIZARAM E NÃO UTILIZARAM

BRUNA LUIZA P. N. VICENTI JULIANA OCY SCHMITT VERIFICAÇÃO DA PROPORÇÃO ÁUREA EM ESTUDANTES DE ODONTOLOGIA DA UNIVALI QUE UTILIZARAM E NÃO UTILIZARAM 1 BRUNA LUIZA P. N. VICENTI JULIANA OCY SCHMITT VERIFICAÇÃO DA PROPORÇÃO ÁUREA EM ESTUDANTES DE ODONTOLOGIA DA UNIVALI QUE UTILIZARAM E NÃO UTILIZARAM DISPOSITIVO ORTODÔNTICO Trabalho de Conclusão de Curso

Leia mais

Influência da exposição gengival na estética do sorriso*

Influência da exposição gengival na estética do sorriso* A r t i g o I n é d i t o Influência da exposição gengival na estética do sorriso* Milene Brum Dutra**, Daltro Enéas Ritter***, Adriano Borgatto****, Carla D Agostine Derech*****, Roberto Rocha****** Resumo

Leia mais

Coluna Visão Protética

Coluna Visão Protética Coluna Visão Protética 88 PROSTHESIS Prosthes. Lab. Sci. 2013; 2(6):88-97. L A B O R A T O R Y i n Gustavo Bertholdo 1 Elson Bertholdo 2 Eduardo Souza Junior 3 Luis Gustavo Barrote Albino 4 Thays Bertoldo

Leia mais

Anatomia Dentária e Estética: Formas e Proporções

Anatomia Dentária e Estética: Formas e Proporções Anatomia Dentária e Estética: Formas e Proporções Índice: Introdução: Importância da Beleza para cada individuo em termos psicológicos através da precepção de equilibrio facial O que é a linha do sorriso.

Leia mais

SORRISO BONITO E SAUDÁVEL PARA TODA A VIDA!

SORRISO BONITO E SAUDÁVEL PARA TODA A VIDA! SORRISO BONITO E SAUDÁVEL PARA TODA A VIDA! INTRODUÇÃO Um sorriso bonito, saudável e harmônico faz toda a diferença! Na autoestima traz diversos benefícios, pois quem sorri abertamente acredita em si mesmo

Leia mais

Digital smile design: uma ferramenta para planejamento e comunicação em odontologia estética

Digital smile design: uma ferramenta para planejamento e comunicação em odontologia estética DICAS DE PRÓTESE LABORATORIAL Digital smile design: uma ferramenta para planejamento e comunicação em odontologia estética Coachman, Christian Cirurgião-dentista, Técnico em Prótese Dentária Calamita,

Leia mais

GUSTAVO PROCHNOW MARTINS LUAN PROCHNOW MARTINS

GUSTAVO PROCHNOW MARTINS LUAN PROCHNOW MARTINS UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE CURSO DE ODONTOLOGIA GUSTAVO PROCHNOW MARTINS LUAN PROCHNOW MARTINS AVALIAÇÃO DAS PREFERÊNCIAS DAS OPÇÕES MATEMÁTICAS, NO PLANEJAMENTO REVERSO,

Leia mais

A Excelência da Estética: Proporção Áurea

A Excelência da Estética: Proporção Áurea CASO CLÍNICO A Excelência da Estética: Proporção Áurea The Excellency of Esthetics: Golden Proportion Oscar Fernando MUÑOZ CHÁVEZ* Rogério Vieira REGES** Gelson Luís ADABO*** Carlos Alberto dos Santos

Leia mais

Influência de variações das normas estéticas na atratividade do sorriso

Influência de variações das normas estéticas na atratividade do sorriso ORIGINAL ORIGINAL Influência de variações das normas estéticas na atratividade do sorriso Influence of aesthetic norm variations on the attractiveness of a smile Caroline de Deus Tupinambá RODRIGUES 1

Leia mais

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada?

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? A avaliação da estética facial, bem como sua relação com a comunicação e expressão da emoção, é parte importante no

Leia mais

Caso Selecionado. Odontologia Estética Integrada - a busca do equilíbrio

Caso Selecionado. Odontologia Estética Integrada - a busca do equilíbrio Caso Selecionado Odontologia Estética Integrada - a busca do equilíbrio Cláudio de Pinho Costa, José Maria Gratone, Paulo Martins Ferreira, Tatiana Costa Ribeiro O conhecimento e domínio dos princípios

Leia mais

Stomatos ISSN: 1519-4442 ppgpediatria@ulbra.br Universidade Luterana do Brasil Brasil

Stomatos ISSN: 1519-4442 ppgpediatria@ulbra.br Universidade Luterana do Brasil Brasil Stomatos ISSN: 1519-4442 ppgpediatria@ulbra.br Universidade Luterana do Brasil Brasil Stefanello Busato, Adair Luiz; Prates Macedo, Ricardo; Galia Reston, Eduardo; Nunes Barbosa, Alcebíades; do Carmo Sanseverino,

Leia mais

Mariana Monteiro Gomes Martins

Mariana Monteiro Gomes Martins Mariana Monteiro Gomes Martins AVALIAÇÃO DAS PERSPETIVAS DOS ESTUDANTES DE MEDICINA DENTÁRIA E DOS PACIENTES QUANTO À ARQUITETURA DENTÁRIA E ASPETO DO SORRISO Universidade Fernando Pessoa Faculdade Ciências

Leia mais

Harmonia. Caso Selecionado. Sidney Kina e José Carlos Romanini

Harmonia. Caso Selecionado. Sidney Kina e José Carlos Romanini Caso Selecionado Harmonia Sidney Kina e José Carlos Romanini Na busca para encontrar uma composição agradável no sorriso, alguns fatores de composição estética devem ser observados, para orientação na

Leia mais

A PREVISIBILIDADE DIGITAL FACILITOU MUITO A COMUNICAÇÃO ENTRE O PROFESSIONAL E O PACIENTE EVITANDO-SE SURPRESAS NO FINAL DO TRATAMENTO

A PREVISIBILIDADE DIGITAL FACILITOU MUITO A COMUNICAÇÃO ENTRE O PROFESSIONAL E O PACIENTE EVITANDO-SE SURPRESAS NO FINAL DO TRATAMENTO Lorem. 2 A PREVISIBILIDADE DIGITAL FACILITOU MUITO A COMUNICAÇÃO ENTRE O PROFESSIONAL E O PACIENTE EVITANDO-SE SURPRESAS NO FINAL DO TRATAMENTO TÉCNICA DE HARMONIA DENTAL UTILIZANDO A PROPORÇÃO ÁUREA DIGITAL,

Leia mais

RSBO Revista Sul-Brasileira de Odontologia ISSN: 1806-7727 fbaratto@uol.com.br Universidade da Região de Joinville Brasil

RSBO Revista Sul-Brasileira de Odontologia ISSN: 1806-7727 fbaratto@uol.com.br Universidade da Região de Joinville Brasil RSBO Revista Sul-Brasileira de Odontologia ISSN: 1806-7727 fbaratto@uol.com.br Universidade da Região de Joinville Brasil Moura LOPES, Luiz Vicente de; STASZAK, Simone Regina; MORO, Alexandre; Reis BUENO,

Leia mais

Victor Silvano Resende. Estabilidade da margem gengival após cirurgia para recuperação do espaço biológico - avaliação clínica

Victor Silvano Resende. Estabilidade da margem gengival após cirurgia para recuperação do espaço biológico - avaliação clínica Victor Silvano Resende Estabilidade da margem gengival após cirurgia para recuperação do espaço biológico - avaliação clínica Brasília 2014 Victor Silvano Resende Estabilidade da margem gengival após cirurgia

Leia mais

Cosmética em Restaurações Estéticas de Prof. Dr. Fernando Mandarino 1 Introdução

Cosmética em Restaurações Estéticas de Prof. Dr. Fernando Mandarino 1 Introdução Cosmética em Restaurações Estéticas de Prof. Dr. Fernando Mandarino 1 Introdução Os padrões estéticos da sociedade atual exigem um sorriso bonito e harmonioso, incentivando a procura de tratamento odontológico

Leia mais

Quanto de desvio da linha média dentária superior ortodontistas e leigos conseguem perceber?

Quanto de desvio da linha média dentária superior ortodontistas e leigos conseguem perceber? A r t i g o In é d i t o Quanto de desvio da linha média dentária superior ortodontistas e leigos conseguem perceber? Antonio David Corrêa Normando*, Lediana Aguiar Azevedo**, Patrícia Nascimento Paixão**

Leia mais

UNINGÁ - UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ MESTRADO PROFISSIONALIZANTE EM ODONTOLOGIA FELISTEUS OLIVIO FAVA

UNINGÁ - UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ MESTRADO PROFISSIONALIZANTE EM ODONTOLOGIA FELISTEUS OLIVIO FAVA UNINGÁ - UNIDADE DE ENSINO SUPERIOR INGÁ FACULDADE INGÁ MESTRADO PROFISSIONALIZANTE EM ODONTOLOGIA FELISTEUS OLIVIO FAVA AVALIAÇÃO DO SORRISO LEVANDO EM CONSIDERAÇÃO A PROPORÇÃO ÁUREA, PARÂMETROS PERIODONTAIS,

Leia mais

Ponto de Contato. Reabilitação Estética Sobre Implante em Função Imediata. Aesthetic rehabilitation with implants in immediate function

Ponto de Contato. Reabilitação Estética Sobre Implante em Função Imediata. Aesthetic rehabilitation with implants in immediate function Ponto de Contato Reabilitação Estética Sobre Implante em Função Imediata Aesthetic rehabilitation with implants in immediate function José Norberto Garcia Nesello* Manoel Martin Junior** Carlos Marcelo

Leia mais

RECURSOS CONTEMPORÂNEOS DO PLANEJAMENTO ESTÉTICO INTEGRADO. Vivian Leite Martins Estudante de graduação da Escola Bahiana de

RECURSOS CONTEMPORÂNEOS DO PLANEJAMENTO ESTÉTICO INTEGRADO. Vivian Leite Martins Estudante de graduação da Escola Bahiana de CASOS CLÍNICOS RECURSOS CONTEMPORÂNEOS DO PLANEJAMENTO ESTÉTICO INTEGRADO Danielle Nishitani Shibasaki Estudante de graduação da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública. Vivian Leite Martins Estudante

Leia mais

DESENHO DIGITAL DO SORRISO DESCRIÇÃO DE UMA NOVA TÉCNICA DSD- DIGITAL SMILE DESIGN DESCRIPTION OF A NEW TECHNIQUE

DESENHO DIGITAL DO SORRISO DESCRIÇÃO DE UMA NOVA TÉCNICA DSD- DIGITAL SMILE DESIGN DESCRIPTION OF A NEW TECHNIQUE DESENHO DIGITAL DO SORRISO DESCRIÇÃO DE UMA NOVA TÉCNICA DSD- DIGITAL SMILE DESIGN DESCRIPTION OF A NEW TECHNIQUE Débora Cristina S. PINTO 1 Mayara MACHADO 1 *Andrea Malluf Dabul de MELLO 2 Fabiano Augusto

Leia mais

ASPECTO RADIOGRÁFICO DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL

ASPECTO RADIOGRÁFICO DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL ASPECTO RADIOGRÁFICO DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL Analisando-se a imagem de um dente íntegro, todas as suas partes são facilmente identificáveis, pois já conhecemos sua escala de radiopacidade e posição

Leia mais

Caso Selecionado. Como o olhar analítico da Odontologia Estética reconstrói um sorriso

Caso Selecionado. Como o olhar analítico da Odontologia Estética reconstrói um sorriso Como o olhar analítico da Odontologia Estética reconstrói um sorriso Marcelo Moreira*, Marcelo Kyrillos**, Luis Eduardo Calicchio***, Hélio Laudelino G. de Oliveira****, Márcio J. A. de Oliveira*****,

Leia mais

Planeamento Estético na Restauração Directa de Dentes Anteriores: Técnica de Simulação Semi-Directa

Planeamento Estético na Restauração Directa de Dentes Anteriores: Técnica de Simulação Semi-Directa CASO CLÍNICO Planeamento Estético na Restauração Directa de Dentes Anteriores: Técnica de Simulação Semi-Directa Liliana Teixeira*, Patrícia Manarte*, Sandra Gavinha**, Joana Domingues *, Beatriz Monteiro***

Leia mais

Proporção Áurea e a Odontologia Estética

Proporção Áurea e a Odontologia Estética REVISÃO DA LITERATURA Proporção Áurea e a Odontologia Estética Golden Proportion and Aesthetic Dentistry Clovis PAGANI* Marco Cícero BOTTINO** PAGANI, C.; BOTTINO, M.C. Proporção áurea e a Odontologia

Leia mais

ODONTOLOGIA ESTÉTICA

ODONTOLOGIA ESTÉTICA ODONTOLOGIA ESTÉTICA O sorriso enaltece os dentes que podem assim como outros elementos da face denunciar a idade cronológica do ser humano por meio de desgastes ou mesmo pela alteração da cor. Nesse contexto,

Leia mais

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS ESTUDO DA PROPORÇÃO ÁUREA E SUAS APLICAÇÕES NA ODONTOLOGIA LUIS FERNANDO BRANCAGLION SÃO PAULO 2012 INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS ESTUDO

Leia mais

Periodontia e estética: abordagem multidisciplinar

Periodontia e estética: abordagem multidisciplinar Periodontia e estética: abordagem multidisciplinar Naiara de Oliveira Farias 1, Rachel de Queiroz Ferreira Rodrigues 2, Maria Isabel Serpa Simões de Farias 3 RESUMO A forma, cor e disposição dos dentes

Leia mais

REABLITAÇÃO ESTÉTICA E FUNCIONAL DA GUIA ANTERIOR E CANINA UTILIZANDO RESINA COMPOSTA (ESTHET-X) DE UMA PACIENTE COM EROSÃO E BRUXISMO.

REABLITAÇÃO ESTÉTICA E FUNCIONAL DA GUIA ANTERIOR E CANINA UTILIZANDO RESINA COMPOSTA (ESTHET-X) DE UMA PACIENTE COM EROSÃO E BRUXISMO. REABLITAÇÃO ESTÉTICA E FUNCIONAL DA GUIA ANTERIOR E CANINA UTILIZANDO RESINA COMPOSTA (ESTHET-X) DE UMA PACIENTE COM EROSÃO E BRUXISMO. Caso clínico realizado pelo especialista em Dentística Restauradora

Leia mais

Excelência estética obtida com diagnóstico, planejamento e tratamento integrados

Excelência estética obtida com diagnóstico, planejamento e tratamento integrados Caso Selecionado Excelência estética obtida com diagnóstico, planejamento e tratamento integrados Carlos Eduardo Francischone O caso clínico apresentado mostra resultados estéticos e funcionais excelentes,

Leia mais

Ciência e prática. Importância do tratamento ortodôntico como auxílio da reabilitação oral

Ciência e prática. Importância do tratamento ortodôntico como auxílio da reabilitação oral Importância do tratamento ortodôntico como auxílio da reabilitação oral 36 MAXILLARIS OUTUBRO 2015 Ciência e prática : Margarida Malta Médica dentista. Licenciada no Instituto Superior de Ciencias da Saúde

Leia mais

CURSO INTENSIVO CLINICO E LABORATORIAL PARA CIRURGÕES DENTISTAS

CURSO INTENSIVO CLINICO E LABORATORIAL PARA CIRURGÕES DENTISTAS CURSO INTENSIVO CLINICO E LABORATORIAL PARA CIRURGÕES Dr. Dario Adolfi Dr. Gustavo Javier Vernazza Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Data: 20 a 24 de setembro de 2010 PROGRAMA DO CURSO PRIMERO DIA Dr. Gustavo

Leia mais

F U L L S C I E N C E rótese Coluna de P

F U L L S C I E N C E rótese Coluna de P 41 Coluna de Prótese Utilização de prótese parcial acrílica overlay para diagnóstico da dvo prévia a reabilitação estética Gil Montenegro 1 Weider Oliveira Silva 2 Tarcísio Pinto 3 Rames Abraão Basilio

Leia mais

TRANSFORMAÇÃO DE DENTE CONÓIDE E FECHAMENTO DE DIASTEMA EM CLÍNICA GERAL

TRANSFORMAÇÃO DE DENTE CONÓIDE E FECHAMENTO DE DIASTEMA EM CLÍNICA GERAL TRANSFORMAÇÃO DE DENTE CONÓIDE E FECHAMENTO DE DIASTEMA EM CLÍNICA GERAL ESTHETIC CORRECTION OF PEG SHAPED LATERAL INCISOR AND DIASTEMA CLOSURE IN GENERAL DENTISTRY Denise Pedrini Professora assistente

Leia mais

Instituto Latino Americano de Pesquisa e Ensino Odontológico. Renata Garcia Seco. Fatores estéticos na reabilitação protética: relato de caso clínico

Instituto Latino Americano de Pesquisa e Ensino Odontológico. Renata Garcia Seco. Fatores estéticos na reabilitação protética: relato de caso clínico Instituto Latino Americano de Pesquisa e Ensino Odontológico Renata Garcia Seco Fatores estéticos na reabilitação protética: relato de caso clínico CURITIBA 2012 Renata Garcia Seco Fatores estéticos na

Leia mais

Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior

Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior A RTIGO DE D IVULGA ÇÃO Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior Roberto M. A. LIMA FILHO*, Anna Carolina LIMA**, José H. G. de OLIVEIRA***, Antonio C. de

Leia mais

Princípios estéticos para reanatomização de dentes anteriores pós tratamento ortodôntico:

Princípios estéticos para reanatomização de dentes anteriores pós tratamento ortodôntico: CARDOSO, P. C., GONDO, R., VIEIRA, L.C.C., ANDRADA, M.C.A. de Principios Estéticos 1 Princípios estéticos para reanatomização de dentes anteriores pós tratamento ortodôntico: Relato Clínico. Esthetic fundamentals

Leia mais

Análise comparativa das distâncias mésio-distal e gêngivo-incisal dos incisivos centrais superiores com a régua trubyte tooth indicator INTRODUÇÃO

Análise comparativa das distâncias mésio-distal e gêngivo-incisal dos incisivos centrais superiores com a régua trubyte tooth indicator INTRODUÇÃO Análise comparativa das distâncias mésio-distal e gêngivo-incisal dos incisivos centrais superiores com a régua trubyte tooth indicator SIMONE SOARES MIRAGLIA*; KARINA BUAINAIN DE FREITAS** ; JOÃO HENRIQUE

Leia mais

OCORRÊNCIA E ETIOLOGIA DO TRAUMATISMO DENTAL EM ALUNOS DO CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL/RS

OCORRÊNCIA E ETIOLOGIA DO TRAUMATISMO DENTAL EM ALUNOS DO CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL/RS Revista de Endodontia Pesquisa e Ensino On Line - Ano 4, Número 7, Janeiro/Junho, 2008. 1 OCORRÊNCIA E ETIOLOGIA DO TRAUMATISMO DENTAL EM ALUNOS DO CURSO DE ODONTOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO

Leia mais

Dr Christian Coachman. Dr Guilherme Cabral. Dr Braulio Paolucci

Dr Christian Coachman. Dr Guilherme Cabral. Dr Braulio Paolucci Protócolo Wax-up Dr Christian Coachman Dr Guilherme Cabral Dr Braulio Paolucci Volume 3D / Posicão 3D Centrais 1. Encerar sobre a linha mediana antiga!! 2. Encerar os 2 centrais em um bloco de cera 3.

Leia mais

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS. Comunicação com laboratório de prótese dentária para confecção de enceramento diagnóstico.

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS. Comunicação com laboratório de prótese dentária para confecção de enceramento diagnóstico. 1 INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS Comunicação com laboratório de prótese dentária para confecção de enceramento diagnóstico. Natália Schmaedecke Victoriano Campo Grande-MS, 2014 INSTITUTO

Leia mais

IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL

IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL IMAGENS DAS ALTERAÇÕES DA COROA DENTAL Em um dente íntegro, suas imagens são facilmente identificáveis, pois já conhecemos a escala de radiopacidade. Estudamos as imagens das estruturas anatômicas, suas

Leia mais

Fechamento de Diastemas Unitários com Resinas Compostas: um tratamento conservador, reversível e estético

Fechamento de Diastemas Unitários com Resinas Compostas: um tratamento conservador, reversível e estético Fechamento de Diastemas Unitários com Resinas Compostas: um tratamento conservador, reversível e estético Frederico dos Reis GOYATÁ Leonardo Fernandes da Cunha*, Rafaella Caramori Saab**, Juliana de Souza

Leia mais

CLASSIFICAÇÃO DOS DISTÚRBIOS TIREOIDIANOS EM USUÁRIOS DE UM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS

CLASSIFICAÇÃO DOS DISTÚRBIOS TIREOIDIANOS EM USUÁRIOS DE UM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS CLASSIFICAÇÃO DOS DISTÚRBIOS TIREOIDIANOS EM USUÁRIOS DE UM LABORATÓRIO DE ANÁLISES CLÍNICAS Kamila Karoliny Ramos de Lima 1, Josimar dos Santos Medeiros 2. Resumo Entre as principais doenças de evolução

Leia mais

Visão Clínica. A odontologia Interdisciplinar na Estética Dental Anterior The interdisciplinary dentistry at the anterior dental aesthetics

Visão Clínica. A odontologia Interdisciplinar na Estética Dental Anterior The interdisciplinary dentistry at the anterior dental aesthetics Visão Clínica A odontologia Interdisciplinar na Estética Dental Anterior The interdisciplinary dentistry at the anterior dental aesthetics Cláudio Pinho*, Patricia N. R. Pereira**, José Maria Gratone***

Leia mais

Lentes de contato dental: construindo um protocolo previsível

Lentes de contato dental: construindo um protocolo previsível Lentes de contato dental: construindo um protocolo previsível Weider Silva Especialista em Dentística. Especialista em Prótese. Especialista em Implantodontia. Professor do Curso de Especialização de Dentística

Leia mais

Proporção áurea no restabelecimento de um sorriso harmonioso

Proporção áurea no restabelecimento de um sorriso harmonioso Renata Loureiro Louro 1 Daniele Ribon Galazi 2 Rodrigo Malbar Moscon 3 Golden section in restoration of a harmonious smile Proporção áurea no restabelecimento de um sorriso harmonioso Abstract Objective:

Leia mais

ENXERTO DE TECIDO MOLE:

ENXERTO DE TECIDO MOLE: ENXERTO DE TECIDO MOLE: ALIADO ESTÉTICO PARA IMPLANTES ANTERIORES As restaurações implanto-suportadas para reposicionamento de dentes unitários têm se tornado um estado da arte na implantodontia atual.

Leia mais

A PERCEPÇÃO DOS DISCENTES SOBRE O DESEMPENHO DOS DOCENTES DOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU

A PERCEPÇÃO DOS DISCENTES SOBRE O DESEMPENHO DOS DOCENTES DOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU A PERCEPÇÃO DOS DISCENTES SOBRE O DESEMPENHO DOS DOCENTES DOS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ADMINISTRAÇÃO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DE BLUMENAU PERCEPTION OF STUDENTS PERFORMANCE OF TEACHERS OF SCIENCE

Leia mais

COMPARAÇÃO DO DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DISTINTAS *Luciano Sampaio Marques; **Luiz Fernando Eto

COMPARAÇÃO DO DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DISTINTAS *Luciano Sampaio Marques; **Luiz Fernando Eto 1 COMPARAÇÃO DO DIAGNÓSTICO RADIOGRÁFICO DE ANÁLISES CEFALOMÉTRICAS DISTINTAS *Luciano Sampaio Marques; **Luiz Fernando Eto Resumo da monografia apresentada no curso de especilização em Ortodontia da Universidade

Leia mais

Digital. Design. Corso teoric o-pratic o Di G ital s M i L e D esign. Abordagem moderna. nei settori estetici Anterior

Digital. Design. Corso teoric o-pratic o Di G ital s M i L e D esign. Abordagem moderna. nei settori estetici Anterior Curso Teórico e Prático di Smile Design & DIGITAL TECHNOLOGY Digital smile Design Corso teoric o-pratic o Di G ital s M i L e D esign Abordagem moderna para Approccio o digital moderno estudo digital apresentação

Leia mais

136 sistemas ertty: ortodontia ı dtm ı oclusão

136 sistemas ertty: ortodontia ı dtm ı oclusão 136 sistemas ertty: ortodontia ı dtm ı oclusão 4 Princípios estéticos na ortodontia Cláudio Pinho Leandro Augusto Hilgert Ticyane de Oliveira Frota Patrícia Nobrega Rodrigues Pereira sistemas ertty: ortodontia

Leia mais

Artigo Inédito. Fabiano Carlos Marson* Sidney Kina** 76 Rev Dental Press Estét. 2010 jul-set;7(3):76-86

Artigo Inédito. Fabiano Carlos Marson* Sidney Kina** 76 Rev Dental Press Estét. 2010 jul-set;7(3):76-86 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 Artigo Inédito Fabiano Carlos Marson* Sidney Kina** * Mestre e Doutor em

Leia mais

PROPORÇÃO ÁUREA NA ODONTOLOGIA ESTÉTICA

PROPORÇÃO ÁUREA NA ODONTOLOGIA ESTÉTICA PROPORÇÃO ÁUREA NA ODONTOLOGIA ESTÉTICA >> CONCEITOS ESTÉTICOS

Leia mais

II CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DENTÍSTICA

II CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DENTÍSTICA II CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DENTÍSTICA Coordenadora: Profa.Dra. Fabiana Scarparo Naufel mail: biberes@terra.com.br Celular: (45) 9978.1515 Corpo Docente: Profa.Dra. Fabiana Scarparo Naufel Profa do Curso

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO ODONTOPEDIATRIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO ODONTOPEDIATRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO ODONTOPEDIATRIA THAISA CEZÁRIA TRICHES CONDIÇÃO MICROBIOLÓGICA APÓS TRATAMENTO

Leia mais

Doutorado em Odontologia pela UFRJ. Pós-Graduado em Implantes CERTO Odontologia FLAVIO QUEIROZ HENRIQUES. Especialista e Mestre em Prótese Dental

Doutorado em Odontologia pela UFRJ. Pós-Graduado em Implantes CERTO Odontologia FLAVIO QUEIROZ HENRIQUES. Especialista e Mestre em Prótese Dental Professores: RODRIGO REIS Master of Science em Odontologia Restauradora pela University of Michigan Master of Science em Biomateriais pela University of Michigan Doutorado em Odontologia pela UFRJ Pós-Graduado

Leia mais

A forma do incisivo central superior na visão da literatura

A forma do incisivo central superior na visão da literatura A forma do incisivo central superior na visão da literatura The upper central incisor shape in the literature viewpoint Ricardo Kanaan Mariano de Almeida * Mariana Paula Maggiorini de Magalhães ** Armando

Leia mais

Estética Dental: Clareamento e Resina Composta Dental Aesthetic: bleaching and composite resin

Estética Dental: Clareamento e Resina Composta Dental Aesthetic: bleaching and composite resin Estética Dental: Clareamento e Resina Composta Dental Aesthetic: bleaching and composite resin Frederico dos Reis GOYATÁ Doutor em Prótese UNITAU Taubaté-SP. Pós Doutorando em Prótese UNITAU Taubaté-SP.

Leia mais

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL. http://www.bbo.org.br [acesso em 15/02/2009, 07h30] Especificação dos Casos quanto às Categorias

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL. http://www.bbo.org.br [acesso em 15/02/2009, 07h30] Especificação dos Casos quanto às Categorias BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL http://www.bbo.org.br [acesso em 15/02/2009, 07h30] Especificação dos Casos quanto às Categorias A escolha dos casos a serem apresentados deverá seguir

Leia mais

O NÚMERO DE OURO E SUA RELAÇÃO COM A BELEZA E HARMONIA DOS OBJETOS. GT 10 - Docência em Matemática: desafios, contextos e possibilidades

O NÚMERO DE OURO E SUA RELAÇÃO COM A BELEZA E HARMONIA DOS OBJETOS. GT 10 - Docência em Matemática: desafios, contextos e possibilidades O NÚMERO DE OURO E SUA RELAÇÃO COM A BELEZA E HARMONIA DOS OBJETOS GT 10 - Docência em Matemática: desafios, contextos e possibilidades Marília Lidiane Chaves da Costa marilialidiane@gmail.com Izamara

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA VIVIANE COSTA LEITE GADOTTI REFERÊNCIAS ESTÉTICAS PARA AUMENTO DE COROA CLINICA EM DENTES ANTERIORES

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA VIVIANE COSTA LEITE GADOTTI REFERÊNCIAS ESTÉTICAS PARA AUMENTO DE COROA CLINICA EM DENTES ANTERIORES UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA VIVIANE COSTA LEITE GADOTTI REFERÊNCIAS ESTÉTICAS PARA AUMENTO DE COROA CLINICA EM DENTES ANTERIORES FLORIANÓPOLIS- SC 2008 VIVIANE COSTA LEITE GADOTTI REFERÊNCIAS

Leia mais

Estudo da prevalência de cárie dentária na dentição permanente em crianças de 6 a 12 anos da rede pública de ensino no município de Joinville (SC)

Estudo da prevalência de cárie dentária na dentição permanente em crianças de 6 a 12 anos da rede pública de ensino no município de Joinville (SC) ISSN 1806-7727 Estudo da prevalência de cárie dentária na dentição permanente em crianças de 6 a 12 anos da rede pública de ensino no município de Joinville (SC) Evaluated the prevalence of dental caries

Leia mais

PREVALÊNCIA DE CÁRIE DENTÁRIA NOS ALUNOS DA ESCOLA MUNICIPAL ADELMO SIMAS GENRO, SANTA MARIA, RS: UMA ANÁLISE DESCRITIVA PARCIAL 1

PREVALÊNCIA DE CÁRIE DENTÁRIA NOS ALUNOS DA ESCOLA MUNICIPAL ADELMO SIMAS GENRO, SANTA MARIA, RS: UMA ANÁLISE DESCRITIVA PARCIAL 1 Disc. Scientia. Série: Ciências da Saúde, Santa Maria, v. 7, n. 1, p. 121-125, 2006. 121 ISSN 1982-2111 PREVALÊNCIA DE CÁRIE DENTÁRIA NOS ALUNOS DA ESCOLA MUNICIPAL ADELMO SIMAS GENRO, SANTA MARIA, RS:

Leia mais

A influência dos arranjos dentários em prótese total: revisão de literatura

A influência dos arranjos dentários em prótese total: revisão de literatura revisão de literatura/ Bibliography Review A influência dos arranjos dentários em prótese total: revisão de literatura The esthetic influence of the dental arrangements in complete denture: literature

Leia mais

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 C U R S O O D O N T O L O G I A Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 Componente Curricular: ODONTOLOGIA PRÉ-CLÍNICA II Código: ODO-028 Pré-requisito:

Leia mais

TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DO CONE BEAM HIGH DEFINITION PARA AVALIAÇÃO PERIODONTAL

TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DO CONE BEAM HIGH DEFINITION PARA AVALIAÇÃO PERIODONTAL TOMOGRAFIA COMPUTADORIZADA DO CONE BEAM HIGH DEFINITION PARA AVALIAÇÃO PERIODONTAL Autora: Nelma Maria de Freitas Agradecimentos: Imagem Radiologia de Itajaí, Dr. Élio Giácomo Papaiz (in memorian). Dr.

Leia mais

Assessoria ao Cirurgião Dentista

Assessoria ao Cirurgião Dentista Assessoria ao Cirurgião Dentista Publicação mensal interna a Papaiz edição IV agosto de 2014 Escrito por: Dr. André Simões, radiologista da Papaiz Diagnósticos Odontológicos por Imagem 11 3894 3030 papaizassociados.com.br

Leia mais

Recuperação da Linha do Sorriso Utilizando Procedimentos Cirúrgico e Restaurador

Recuperação da Linha do Sorriso Utilizando Procedimentos Cirúrgico e Restaurador CASO CLÍNICO Recuperação da Linha do Sorriso Utilizando Procedimentos Cirúrgico e Restaurador Recovery of the Smile Line By Means of Surgical and Restorative Treatment Sandra Rahal MESTRENER* Jorge KOMATSU

Leia mais

Clareamento dental Associação de técnicas para obtenção de efetividade e naturalidade

Clareamento dental Associação de técnicas para obtenção de efetividade e naturalidade CASO CLÍNICO A linha inovadora de clareamento dental da Angelus TÍTULO Clareamento dental Associação de técnicas para obtenção de efetividade e naturalidade AUTOR AUTORES Jorge Eustáquio Mestre em Dentística

Leia mais

PARÂMETROS PARA OTIMIZAR A ESTÉTICA DO SORRISO

PARÂMETROS PARA OTIMIZAR A ESTÉTICA DO SORRISO IOPG - INSTITUTO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA Especialização em prótese dentária MARCIO WILSON BONI PARÂMETROS PARA OTIMIZAR A ESTÉTICA DO SORRISO CAMPO GRANDE MS 2011 MARCIO WILSON BONI PARÂMETROS

Leia mais

ADRIANA MAYUMI KIMURA PLANEJAMENTO ESTÉTICO EM DENTES ANTERIORES

ADRIANA MAYUMI KIMURA PLANEJAMENTO ESTÉTICO EM DENTES ANTERIORES ADRIANA MAYUMI KIMURA PLANEJAMENTO ESTÉTICO EM DENTES ANTERIORES Londrina 2014 ADRIANA MAYUMI KIMURA PLANEJAMENTO ESTÉTICO EM DENTES ANTERIORES Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Departamento

Leia mais

INFLUÊNCIA DO DIASTEMA INTERINCISIVO NA AVALIAÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO

INFLUÊNCIA DO DIASTEMA INTERINCISIVO NA AVALIAÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO INFLUÊNCIA DO DIASTEMA INTERINCISIVO NA AVALIAÇÃO ESTÉTICA DO SORRISO Dissertação apresentada à Universidade Católica Portuguesa Para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária Por: Virgílio José

Leia mais

ANÁLISE FACIAL DE ARNETT E BERGMAN COMPARADA A PERCEPÇÃO ESTÉTICA DE LEIGOS E CIRURGIÕES-DENTISTAS (CLÍNICOS GERAIS E ORTODONTISTAS)

ANÁLISE FACIAL DE ARNETT E BERGMAN COMPARADA A PERCEPÇÃO ESTÉTICA DE LEIGOS E CIRURGIÕES-DENTISTAS (CLÍNICOS GERAIS E ORTODONTISTAS) Original Article 297 ANÁLISE FACIAL DE ARNETT E BERGMAN COMPARADA A PERCEPÇÃO ESTÉTICA DE LEIGOS E CIRURGIÕES-DENTISTAS (CLÍNICOS GERAIS E ORTODONTISTAS) ARNETT AND BERGMAN FACIAL ANALYSIS COMPARED WITH

Leia mais

DANIELLE MARTINS STARTARI PROTOCOLO FOTOGRÁFICO PARA PRÓTESE ADESIVA CAMPO GRANDE 2014 DANIELLE MARTINS STARTARI

DANIELLE MARTINS STARTARI PROTOCOLO FOTOGRÁFICO PARA PRÓTESE ADESIVA CAMPO GRANDE 2014 DANIELLE MARTINS STARTARI DANIELLE MARTINS STARTARI PROTOCOLO FOTOGRÁFICO PARA PRÓTESE ADESIVA CAMPO GRANDE 2014 DANIELLE MARTINS STARTARI PROTOCOLO FOTOGRÁFICO PARA PRÓTESE ADESIVA Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao

Leia mais

ETEC PHILADELPHO GOUVÊA NETTO KENY PEREIRA DA SILVA SELEÇÃO DE DENTES ARTIFICIAIS PARA PRÓTESE TOTAL SÃO JOSÉ DO RIO PRETO - SP 2010

ETEC PHILADELPHO GOUVÊA NETTO KENY PEREIRA DA SILVA SELEÇÃO DE DENTES ARTIFICIAIS PARA PRÓTESE TOTAL SÃO JOSÉ DO RIO PRETO - SP 2010 1 ETEC PHILADELPHO GOUVÊA NETTO KENY PEREIRA DA SILVA SELEÇÃO DE DENTES ARTIFICIAIS PARA PRÓTESE TOTAL SÃO JOSÉ DO RIO PRETO - SP 2010 2 ETEC PHILADELPHO GOUVÊA NETTO KENY PEREIRA DA SILVA SELEÇÃO DE DENTES

Leia mais

Proposta para a Padronização das Tomadas Fotográficas Intrabucais, com Finalidade Ortodôntica

Proposta para a Padronização das Tomadas Fotográficas Intrabucais, com Finalidade Ortodôntica Artigo Inédito Relatos clínicos e de técnicas, investigações científicas e revisões literárias Proposta para a Padronização das Tomadas Fotográficas Intrabucais, com Finalidade Ortodôntica A fotografia

Leia mais

Reanatomização CosmétiCa associada à CiRuRgia PlástiCa PeRiodontal, Relato de Caso ClíniCo.

Reanatomização CosmétiCa associada à CiRuRgia PlástiCa PeRiodontal, Relato de Caso ClíniCo. CosmétiCa associada à CiRuRgia PlástiCa PeRiodontal, Relato de Caso ClíniCo. Cosmetic reanatomization associated to periodontal plastic surgery Leonardo Marques 1 Alessandra Capuano 1 Janayna Grando Macahdo

Leia mais

Reabilitação de Espaços Reduzidos no Sentido Mésio-Distal com Implantes de Pequeno Diametro Caso clínico

Reabilitação de Espaços Reduzidos no Sentido Mésio-Distal com Implantes de Pequeno Diametro Caso clínico Artigo Técnico Implantologia Reabilitação de Espaços Reduzidos no Sentido Mésio-Distal com Implantes de Pequeno Diametro Caso clínico José Ferreira Médico dentista Prática clínica em Implantologia Aluno

Leia mais

Caso Selecionado. Adauto de Freitas Jr. e Luiz Alves Ferreira

Caso Selecionado. Adauto de Freitas Jr. e Luiz Alves Ferreira Integração entre ciência, clínica e arte: a chave do sucesso estético/funcional dauto de Freitas Jr. e Luiz lves Ferreira O desafio do caso selecionado se concentra em duas palavras, integração e harmonia.

Leia mais

GUIA PADRONIZAÇÃO DE IMAGENS NO INDICADOR CRM

GUIA PADRONIZAÇÃO DE IMAGENS NO INDICADOR CRM GUIA PADRONIZAÇÃO DE IMAGENS NO INDICADOR CRM ÍNDICE ITEM Página 1. Objetivo... 3 2. Padrões de Proporção... 3 3. Qualidade das Imagens... 6 4. Fotos Panorâmicas... 7 5. Youtube... 8 Página 2 de 9 1. Objetivo

Leia mais

Educação Continuada em Odontologia Via Web: um Estado da Arte no Brasil

Educação Continuada em Odontologia Via Web: um Estado da Arte no Brasil Daniela Garbin, Graziela Oro Cericato, Ana Paula Soares Fernandes Universidade Federal de Santa Catarina Educação Continuada em Odontologia Via Web: um Estado da Arte no Brasil Introdução Odontologia:

Leia mais

Coordenador Carlos Eduardo Sabrosa CD, MSD, DScD Professor Associado

Coordenador Carlos Eduardo Sabrosa CD, MSD, DScD Professor Associado UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO BIOMÉDICO FACULDADE DE ODONTOLOGIA Dentística Operatória II 5 o Período 2 o Semestre de 2014 Coordenador Carlos Eduardo CD, MSD, DScD Professor Associado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA FACULDADE DE ODONTOLOGIA CENTRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL PROF. JOSÉ ÉDIMO SOARES MARTINS AVALIAÇÃO DA INFLUÊNCIA DA QUANTIDADE DE EXPOSIÇÃO DE GENGIVA NA ESTÉTICA

Leia mais

Lesões Músculo-esqueléticas na Medicina Dentária

Lesões Músculo-esqueléticas na Medicina Dentária Lesões Músculo-esqueléticas na Medicina Dentária Paula Carneiro, Mónica Barroso, Ana Cristina Braga Departamento de Produção e Sistemas Escola de Engenharia Universidade do Minho Workshop Atenção! Mais

Leia mais

SIMPLES E EFICIENTES PROCEDIMENTOS PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE DENTES NATURAIS E IMPLANTES

SIMPLES E EFICIENTES PROCEDIMENTOS PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE DENTES NATURAIS E IMPLANTES PARA AS REABILITAÇÕES ORAIS SOBRE Dr. Dario Adolfi Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Dr. Maurício Adolfi Data: 7 a 11 de outubro de 2013 OBJETIVOS: Saiba como planejar uma reabilitação total e mostrar ao paciente

Leia mais

Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa. subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações

Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa. subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações 1 INTRODUÇÃO Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações desse padrão. Vale a pena relembrarmos a definição

Leia mais

Estéticas Dentais (DRED) e a

Estéticas Dentais (DRED) e a Artigo Inédito Estética em Ortodontia: Parte I. Diagrama de Referências Estéticas Dentais (DRED) Carlos Alexandre Leopoldo Peersen da Câmara* Resumo Seria interessante que todas as especialidades odontológicas

Leia mais

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE CENTRO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DAS ALTERAÇÕES FUNCIONAIS DO SISTEMA ESTOMATOGNÁTICO Área de Prótese Fixa e Escultura Dental FICHA CLÍNICA 1 - Dados Pessoais

Leia mais