CHEGA! Valter Luiz Orsi. Presidente da ACIL EDITORIAL DIRETORIA DA ACIL GESTÃO 2014/2016. Adelino Favoretto Junior Diretor Institucional

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CHEGA! Valter Luiz Orsi. Presidente da ACIL EDITORIAL DIRETORIA DA ACIL GESTÃO 2014/2016. Adelino Favoretto Junior Diretor Institucional"

Transcrição

1

2

3 EDITORIAL CHEGA! Há 15 anos, o Movimento Pé Vermelho Mãos Limpas lutou contra a corrupção em Londrina. Mesmo enfrentando poderosas forças contrárias, a sociedade civil conseguiu vencer o esquema de desvios instalado na cidade. Agora, chegou o momento de lutar pelo Brasil. Com assombro e indignação, vemos que o sistema de corrupção montado numa empresa pública local foi reproduzido em grande escala na maior empresa pública nacional. Na Sercomtel, desviavam milhões. Na Petrobras, desviam bilhões. E alguns dos nomes envolvidos com o Petrolão foram justamente aqueles que Londrina rejeitou no passado. Não ficamos calados ontem, não ficaremos calados hoje. Vamos denunciar com todo vigor as forças que transformaram o Brasil na república da corrupção, do custo de vida e da incompetência. Independentemente do partido ou do grupo político envolvido, as instituições da sociedade civil exigem um fim na escalada de desvios, aumentos de custos e má gestão administrativa. Os cidadãos de bem devem esquecer as diferenças e unir vontades para mudar o Brasil. Vamos juntos plantar a semente de uma árvore que amanhã vai gerar os frutos do trabalho, da lei e da moralidade. Chega de corrupção! Chega de incompetência! Chega de impunidade! Valter Luiz Orsi Presidente da ACIL DIRETORIA DA ACIL GESTÃO 2014/2016 Fundada em 5 de junho de 1937 Rua Minas Gerais 297 1º andar Ed. Palácio do Comércio Londrina (PR) CEP Telefone (43) Fax (43) Valter Luiz Orsi Presidente Rogerio Pena Chineze Vice-Presidente Fabricio Massi Salla Diretor Secretário Alexandra de Paula Yusiasu dos Santos 2º Diretor Secretário Rodolfo Tramontini Zanluchi Diretor Financeiro Angelo Pamplona da Costa 2º Diretor Financeiro Fernando Mauricio de Moraes Diretor Comercial Marcus Vinicius Gimenes Diretor Industrial Marcia Regina Vieira Mocelin Manfrin Diretor de Serviços Claudio Sergio Tedeschi Diretor de Comércio Internacional Luigi Carrer Filho Diretor de Produtos Adelino Favoretto Junior Diretor Institucional CONSELHO DELIBERATIVO Ary Sudan Carlos Alberto Dorotheu Mascarenhas Eduardo Yoshimura Ajita Flávio Montenegro Balan George Hiraiwa Herson Rodrigues Figueiredo Jr. José Augusto Rapcham Katsumi Sergio Otaguiri Luiz Carlos I. Adati Nivaldo Benvenho Oswaldo Pitol Paulo Fernando Ozelame Wilson Geraldo Cavina CONSELHO FISCAL Titulares Adoniro Prieto Mathias Marcus Vinicius Bossa Grassano Rafael de Giovanni Netto Suplentes Carlos Alberto de Souza Faria Rafael Lopes Rogério Silvano da Silva Mercado em Foco é uma publicação da Associação Comercial e Industrial de Londrina. Distribuição gratuita. Correspondências, inclusive reclamações e sugestões de reportagens, devem ser enviadas à sede da Associação ou pelo Paulo Briguet Coordenação Vinicius Bersi Edição Josoé de Carvalho Fotografia Thiago Mazzei Projeto gráfico Diego Rigon Menão Superintendente Claudia Motta Pechin Gerente Comercial Barbara Della Libera Analista de Marketing Colaboradores Cristiane Oya Felipe Brandão Fernanda Bressan Juliana Mastelini Kalinka Amorim Loriane Comeli Michelle Aligleri Muriel Amaral Impressão Midiograf Tiragem 8 mil exemplares

4 Agenda março e abril 2015 ATENDIMENTO E VENDAS FINANÇAS MARKETING GESTÃO DE RH WEB DIVERSOS Análise de Crédito Sivaldo Dal Ry 02 e 03 de março 19h às 23h Crédito como instrumento de vendas Elementos de uma política de crédito Normas de crédito Garantias Não associados: R$ 157,00 Associados e estudantes: R$ 81,00 Intensivo em importação passo a passo 2ª Edição Rodrigo Giraldelli 03 e 04 de março 19h às 23h Órgãos intervenientes do comércio exterior: Receita Federal, bancos, ANVISA e outros Habilitação para se tornar importador: RADAR Custos e impostos na importação Riscos e cuidados que devem ser tomados no processo de importação Não associados: R$ 250,00 Associados e estudantes: R$ 200,00 Abordagem comercial com foco nos resultados financeiros Junior Souza 09 e 10 de março 19h às 23h Como se preparar para o mercado no ano de 2015 transformar a crise em oportunidade A diferença entre ser vendedor e consultor entendendo o portfólio e o perfil do cliente O que e como oferecer para o cliente estratégias e técnicas avançadas em vendas Construindo um relacionamento e criando vínculos Não associados: R$ 157,00 Associados e estudantes: R$ 81,00 Qualidade de serviços em recepção e secretaria Silvana Oliveira 16 e 17 de março 19h às 23h Desenvolvimento pessoal e profissional Perfil e postura profissional Atendimento telefônico Espírito de equipe Superação no atendimento aos clientes Técnicas de recepção e atendimento Não associados: R$ 157,00 Associados e estudantes: R$ 81,00 R E G I O N A L N O R T E Negociação e vendas Sidney Kayamori 18 de março 08h às 12h e das 14h às 18h As vendas no mercado globalizado Estratégias da fidelização A negociação nas vendas O reforço positivo do pós venda Não associados: R$ 157,00 Associados e estudantes: R$ 81,00 PALESTRA: Venda valor e não preço Natasha Bacchi 19 de março 19h às 21h Como convencer o cliente do valor Como provar que sua solução vale mais do que as dos concorrentes As etapas da venda de valor Convença o cliente a pagar mais Não associados: R$ 70,00 Associados e estudantes: R$ 37,00 PALESTRA: Oportunidades online para sua empresa Sheila Dal Ry 24 de março 19h às 21h Cenário da internet no Brasil Comportamento consumidor Paraná Oportunidades de vendas e relacionamento online Não associados: R$ 70,00 Associados e estudantes: R$ 37,00 Passo a passo para criar sua loja virtual Sheila Dal Ry 30 e 31 de março 19h às 23h Perfil do analista de loja virtual Panorama e tendências do varejo online Processo e passo a passo para montar sua loja virtual Qual é a melhor plataforma? Estratégias de marketing para lojas virtuais Cases de sucesso Não associados: R$ 157,00 Associados e estudantes: R$ 81,00 PALESTRA: Atendimento é TUDO Regina Nakayama 23 de abril 19h às 21h Atitudes que fazem a diferença no atendimento ao cliente e na conversão em vendas Orientações para melhorar a performance do profissional em atendimento e vendas Compreendendo e conhecendo as fases do ciclo de vendas Não associados: R$ 70,00 Associados e estudantes: R$ 37,00 Comunicação eficaz: O sucesso da liderança Gislene Isquierdo 27 e 28 de abril 19h às 23h Como gerar engajamento e motivação O processo de comunicação interpessoal Validação e checagem da informação O perfil do líder de sucesso e suas estratégias Não associados: R$ 157,00 Associados e estudantes: R$ 81,00 Analista Financeiro: Formação e atualização Thiago Terzoni 27, 28 e 29 de abril 19h às 23h Contabilidade financeira Finanças corporativas Gestão de custos Classificação de custos Matemática financeira Funções do profissional na área financeira Demonstrações financeiras Não associados: R$ 250,00 Associados e estudantes: R$ 200,00 ABRASEL NORTE DO PARANÁ CURSO DE BOAS PRÁTICAS E HIGIENIZAÇÃO NAS MANIPULAÇÕES DE ALIMENTOS 24, 25 e 26 de Março e 28, 29 e 30 de Abril 13h30 às 17h30 Local: Blue Tree Premium Av. Juscelino Kubtischek, 1356 Informações: Não associados: R$100,00 Associados ACIL: R$70,00 Saiba mais: ou com Mariana Reche: Associação Comercial e Industrial de Londrina Rua Minas Gerais, 297, 1º andar, Londrina, PR Av. Saul Elkind, 1820 Regional Norte

5 ÍNDICE EMPREENDEDORISMO DIGITAL O cliente a um clique de distância GOVERNO Conseguir benefícios previdenciários está mais difícil ECONOMIA Apertem os cintos: os impostos subiram ARTIGO Londrina: passado, presente e futuro ENTREVISTA O Brasil não pode continuar como está FINANÇAS Poupança: um mau negócio em tempos de inflação 14 CARTAS DA GRATIDÃO Prezado Empresário PERFIL Adoçando Londrina EMPRESAS Um brinde ao sucesso 18 VIVA BEM Um hobby para chamar de seu COLUNA DA ACIL Tapete vermelho para o empreendedor EMPREENDEDORISMO Elas à frente 26 Associação Comercial e Industrial de Londrina 5

6 ECONOMIA Por Cristiane Oya Entre os meses de dezembro e janeiro, os governos estadual e federal anunciaram uma série de aumentos de preços e de impostos que certamente irão impactar todo o setor produtivo e, consequentemente, o bolso dos contribuintes. Em alguns casos, como no do combustível, esses reajustes ainda se sobrepõem. Em âmbito federal, o aumento nas alíquotas de PIS/Cofins e a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) sobre o combustível, que representa um aumento de R$ 0,22 sobre o litro da gasolina e de R$ 0,15 no valor do diesel na refinaria. No Paraná, a alta do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e O economista Marcos Rambalducci destaca o aumento da produtividade e da eficiência para driblar a crise: Onde temos crise, temos uma oportunidade. Este tem que ser o foco do nosso empresário Serviços (ICMS) do álcool e da gasolina, que passou de 28% para 29%. Mas os aumentos não param por aí. Desde primeiro de dezembro, rodar nas estradas do Paraná ficou em média 4,8% mais caro com a alta do pedágio, e a alíquota para o cálculo do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) subiu de 2,5% para 3,5%, que deve provocar um aumento de 40% no valor do imposto a ser pago. A energia elétrica também está mais cara. Em janeiro, devido à adoção das bandeiras tarifárias, a conta de luz sofreu um acréscimo de R$ 3 a cada 100 kwh consumidos. Para o setor produtivo ainda pesam outras medidas econômicas anunciadas pelo governo federal que são a reversão da desoneração do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que volta a ser de 3%; a equiparação de atacadistas e industriais do setor de cosméticos para efeito de incidência do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), e a elevação da alíquota de PIS/Cofins de 9,25% para 11,75% sobre a importação. Em âmbito estadual, foi reajustada a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), de 12% para até 25% sobre uma lista de cerca de 95 mil itens de consumo popular como alimentos, medicamentos, produtos de limpeza e higiene, aparelhos eletrônicos, vestuário e material escolar. Essas medidas do combustível serão as mais impactantes porque todo o processo produtivo está calcado em cima. Atinge não só o cidadão comum como o empresário e essa situação se agrava ainda mais com algumas outras medidas de saneamento econômico do governo federal que aumentam a tributação direta e indireta e retiram a renda do trabalhador. Tudo aquilo que retira o poder de compra do cidadão acaba impactando, reduz a demanda, analisa o consultor econômico da ACIL, Marcos Rambalducci. Segundo o economista, o governo precisa sinalizar que está tomando 6 março e abril de 2015

7 Para o economista e professor da UEL, Azenil Staviski, as medidas anunciadas pelo governo federal são a correção de um caminho equivocado mas podem não alcançar o efeito desejado sem o corte dos gastos públicos as rédeas da economia. A pretensão do governo é sinalizar que a inflação ficará dentro dos limites, o que é por excelência recessivo. Para fazer com que a demanda caia tem que ser pela retirada do poder de compra do povo, para deixar de existir pressão sobre os preços. O que o governo está fazendo é provocando o processo recessivo no intuito de controlar a inflação, como o aumento da taxa Selic, aponta. Na avaliação do economista e professor da Universidade Estadual de Londrina (UEL) Azenil Staviski, as medidas anunciadas pelo governo federal são a correção de um caminho equivocado. As reduções aplicadas à energia elétrica, à não colocação do repasse periódico e paulatino dos combustíveis, retirando a capacidade de se financiar. Agora, de uma única vez, o governo volta atrás, mas durante quatro anos ou mais foi aplicada uma política que agora precisa ser remodelada. É preciso fazer a correção de um erro. Para o presidente do Sindicato dos Economistas de Londrina (Sindecon), Ronaldo Antunes da Silva, as medidas são uma forma de os dois governos ajustarem as contas porque gastam demais. No curto prazo é muito restritiva. Agora, se os governos federal e estadual conseguirem ajustar as contas e gastar de forma mais prudente, no médio prazo, tende a ser bom. Apesar do otimismo, Silva acredita que no final das contas, quem mais vai sofrer os reflexos das altas será o trabalhador. O cenário hoje é ruim, de muita dificuldade para quem está na ponta que é o trabalhador. O empresário terá muita dificuldade de manter a empresa aberta e competitiva, e o trabalhador pode pagar com a única coisa que tem, que é a força de trabalho. Staviski alerta que, sem o corte dos gastos públicos, o aumento da arrecadação pretendida com a majoração dos impostos pode não surtir o efeito desejado. Acho que o governo está procurando o caminho mais fácil que é onerar o setor produtivo e o cidadão que com sua renda consome. Toda vez que onera o consumo e o setor produtivo, está criando um efeito anti-crescimento, inibindo a produção, o consumo, afirma. Ao fazer isso, o governo pensa em reequilíbrio das finanças públicas mas, ao mesmo tempo, vai causar recessão. Se compensa de um lado e perde de outro, não sei se terá algum resultado positivo. Diante disso, ao meu ver, é uma política equivocada, muito fácil em um momento que teria que reeducar o gasto público, diminuir a despesa improdutiva, conclui. Staviski vai além e projeta que o aumentos de preços pode anular a política monetária adotada pelo governo federal. O governo tem Associação Comercial e Industrial de Londrina 7

8 que combater a inflação, mas o aumento de preços pode anular a política monetária do governo, que é a de aumentar a taxa básica de juros, que é para abaixar a demanda efetiva da economia para ver se desaquece os preços. Mas, por outro lado, aumentando os preços, a política fiscal anula a política monetária de combate a inflação. Como as previsões mais otimistas aguardam somente para 2016 os eventuais O empresário terá muita dificuldade reflexos positivos dos de manter a empresa aberta e pacotes governamentais, os competitiva, e o trabalhador pode economistas ouvidos pela pagar com a única coisa que tem, que é a força de trabalho, avalia o Mercado em Foco foram presidente do Sindecon, Ronaldo unânimes em apontar a Antunes da Silva criatividade do empresariado como uma poderosa arma para driblar a crise. Alguma empresa, algum setor pode identificar uma possibilidade de negócio ou se estruturar de forma mais forte, enquanto as outras serão levadas pela crise. Para tentar sobreviver o empresário tem que exercer a sua criatividade na gestão, aposta o presidente do Sindecon. Rambalducci concorda. Onde temos crise, temos uma oportunidade. Este tem que ser o foco do nosso empresário. Se o poder de compra das pessoas está diminuindo, é possível que esteja migrando para produtos mais baratos. É preciso diminuir custos para aumentar o lucro diante da quantidade que vou vender. É a percepção de mercado, de quem está consumindo. Não pode deixar de investir no aumento da produtividade, fazer mais com menos. O aumento da produtividade, da eficiência é tônica em momentos de crise, sintetiza. Empresariado ainda avalia impactos das medidas Entre os empresários, os reflexos do aumento de custos provocado pelo alta dos preços da energia elétrica e dos combustíveis, somado à elevação da carga tributária em diversos setores, ainda são uma incógnita. Como as medidas econômicas do governo federal foram anunciadas entre dezembro e janeiro, o impacto nas finanças das empresas ainda não foi esmiuçado por alguns empresários. É o caso da Transportadora Falcão, com sede em Londrina, e que vai amargar aumentos em tributos e custeio impostos tanto pelo governo estadual como a alta da alíquota do IPVA, de 2,5% para 3,5% quanto pelo governo federal, como a alteração do PIS e da Cide sobre os combustíveis, que provocará um aumento conjugado 8 março e abril de 2015

9 Confira as principais medidas econômicas do governo federal... Aumento nas alíquotas de PIS/Cofins e na Cide - Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico sobre o combustível, o que deve gerar um aumento de 22 centavos sobre o litro da gasolina e de 15 centavos para o valor do diesel na refinaria; Marcos Vinícius Gimenes: A pergunta que fica é se (essas medidas) vão dar resultado ou não das duas alíquotas de R$ 0,22 centavos no litro da gasolina e de R$ 0,15 do diesel nas refinarias. Como parte da equipe ainda está de férias, não tivemos reuniões para verificar (os impactos) no nosso ramo de atividade, mas com certeza essas medidas vão impactar, observa um dos sócios da transportadora, Milton Batista de Castro. O empresário reconhece que o setor foi beneficiado com desonerações fiscais nos últimos anos, mas teme que agora a conta fique ainda mais cara. Tivemos algumas desonerações de impostos lá atrás, mas com esses aumentos não sei se vai zerar o que foi no passado ou se vai acrescentar mais ainda. Nosso setor é muito sacrificado, reclama. Ainda não foi feito esse cálculo porque é complicado, são muitas variáveis. Geralmente o pessoal faz a conta de padeiro, ou seja, subiu 10% o custo, vou subir o preço. Mas o empresário tem que fazer outra análise considerando a crise que está aí. Ele não consegue repassar para o preço e vai ter que absorver. Se já estava difícil antes, vai ficar mais difícil ainda, prevê o presidente do Sindicato dos Contabilistas de Londrina (Sincolon), Geraldo Sapateiro. Para o diretor da Autopeças MGL Mecânica de Precisão, Marcos Vinícius Gimenes, que também é diretor industrial da ACIL, os pacotaços estadual e federal diminuem a competitividade das empresas e colocam em risco os empregos. Gimenes ainda coloca em xeque o resultados dessas medidas. A gestão do ajuste fiscal para colocar a economia nos eixos é necessária, porém, mais uma vez, quem está pagando a conta é a sociedade. Os governos não estão melhorando a eficiência das máquinas públicas e os gastos governamentais. A pergunta que fica é se (essas medidas) vão dar resultado ou não, questiona. Já estamos com redução de consumo em diversas atividades industriais. As vendas caíram em função da desconfiança no cenário econômico. Menos venda com mais custos é letal para a continuidade dos negócios. O caminho passa por ganho de competitividade, da produtividade, enxugamento de gastos. A ACIL tem feito inúmeros treinamentos para capacitar o empresariado local para melhorar o negócio e, em âmbito institucional, tem pressionado o governo para que melhorem a eficiência pública, observa. Reversão da desoneração do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que volta a ser de 3% para pessoas físicas; Equiparação de atacadistas e industriais do setor de cosméticos para efeito de incidência do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI); Elevação da alíquota de PIS/Cofins de 9,25% para 11,75% sobre a importação; Aplicação do sistema de cobrança diferenciado pela Aneel nas contas de luz, que em janeiro aumentou a conta em R$ 3 a cada 100 kwh consumidos.... e do governo estadual: Aumento de 12% para até 25% a alíquota de ICMS sobre uma lista de cerca de 95 mil itens de consumo popular, como alimentos, medicamentos, produtos de higiene e limpeza, aparelhos eletrônicos, artigos de vestuário, material escolar, objetos plásticos, e outros; Majoração do Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) em 40% a partir do valor atual, e reduzindo o valor do desconto para pagamento adiantado de 10% para 3%; Aumento em um ponto porcentual o ICMS do álcool e da gasolina, que passará de 28% para 29%; Aumento médio de 4,88% no pedágio nas estradas paranaenses. Associação Comercial e Industrial de Londrina 9

10 EMPREENDEDORISMO DIGITAL 10 março e abril de 2015

11 IDEAL É FAZER COM QUE O CLIENTE SE SINTA UM AMIGO ATRAVÉS DAS REDES SOCIAIS Por Michelle Aligleri Mais de 70% dos brasileiros que têm acesso à internet usam as redes sociais. Pesquisas realizadas em 2014 pelas empresas de mercado comscore e Shareablee mostram que a população da América Latina é a que apresenta maior média global de uso de redes sociais em computadores e laptops, com 8,13 horas mensais por pessoa. Não bastasse este dado, os brasileiros superam a média mundial de tempo médio em redes sociais. Por aqui as sessões giram em torno de 18,5 minutos, enquanto no restante do mundo as pessoas geralmente gastam 12,5 minutos por acesso. A pesquisa mostra ainda que o Brasil é o segundo país onde as pessoas gastam mais tempo nas redes sociais, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. Mais do que números, as pesquisas mostram que os brasileiros estão adaptados e vivem uma vida online muito intensa. As redes sociais completaram dez anos em 2014 e já ocupam um espaço grande na vida dos brasileiros, especialmente entre os mais jovens com idade entre 15 e 34 anos. O acesso fácil a smartphones, tablets e notebooks facilita o relacionamento online, seja ele pessoal ou profissional. De olho neste filão, muitas empresas aproveitam a rede social para divulgar produtos, fazer promoções e se aproximar do cliente. Falando a língua que os clientes gostam de ouvir, a Papel de Papel Jardim há dois anos é ativa nas redes sociais. Com perfis no Facebook e no Instagram, a empresa encontrou uma forma de mostrar as promoções, atrair novos clientes e manter um relacionamento próximo daqueles que já conhecem a loja. Com quase 20 mil seguidores no Facebook, há quase dois anos a empresa decidiu investir e passou a ver a rede social como mídia. Fizemos alguns cursos de capacitação nesta área e buscamos o acompanhamento de uma empresa especializada em redes sociais. Eles nos ajudaram a Ana Paula Amâncio, gerente da Papel de Papel Jardim, e Flávia Pires Brandão, sócia-diretora da loja que apostou nas redes sociais para atrair clientes. definir o tamanho das imagens que seriam postadas, a frequência de publicações, a quantidade de texto e outros detalhes, explica a publicitária e gerente da loja, Ana Paula Amâncio. Ela afirma que esta é a mídia que recebe maior investimento da empresa ao longo do ano, outros tipos de mídias só são utilizados em datas comemorativas e épocas interessantes para o público da loja, como a volta às aulas, por exemplo. Como a empresa comercializa um produto muito especializado, direcionado para estudantes e profissionais de arquitetura e urbanismo e para pessoas que fazem artesanato com papel, Ana Paula afirma que é a própria equipe da loja quem administra as redes sociais. Para vender nosso produto é preciso conhecer de perto as características dele e dos nossos clientes. Buscamos sempre uma linguagem informal e direta, a mesma linguagem que utilizamos na loja física e no contato face a face, comenta. A publicitária garante que o Facebook permite estreitar o relacionamento da empresa com os compradores, mas tem dois pontos negativos. O primeiro, segundo ela, é o fato de muitos clientes ficarem aguardando as publicações promocionais para irem até a loja e o segundo ponto negativo para ela tem a ver com o gerenciamento de crises. A partir do momento em que você cria o perfil da sua empresa na internet ela está exposta e pode receber elogios ou críticas que serão vistos por todos. É preciso saber contornar este tipo de situação para que a empresa não fique com uma imagem negativa perante os demais seguidores, ressalta. Com o passar dos anos as redes sociais foram se aprimorando e se especializaram na arte de alcançar o público exato para cada publicação. Isso significa que para atingir pessoas de determinada região e com um perfil pré-estabelecido as empresas pagam. Na Papel de Papel, por exemplo, há um orçamento mensal utilizado para impulsionar postagens e alcançar exatamente quem tem interesse no produto que está sendo anunciado. O mesmo acontece com a loja Móveis Brasília, que utiliza uma ferramenta do Facebook para direcionar suas publicações e fazer com que a informação chegue exatamente a quem se interessa pelo assunto. O diretor operacional da loja Móveis Brasília, Wilsonei Mattos, explica Associação Comercial e Industrial de Londrina 11

12 que a empresa não participa das redes sociais apenas com ofertas. Mandamos mensagens diversas, informativos do setor, a ideia é fazer com que o cliente se sinta amigo, comenta. Conforme ele, o ponto mais importante de manter um perfil empresarial nas redes sociais é a moderação. Se todos os dias eu mandar uma oferta eu posso cansar o seguidor. Quando eu tenho uma promoção eu mando direcionada aos clientes que se interessam por aquele produto, explica. Além do perfil no Facebook a Móveis Brasília possui conta no Twitter, Instagram e os critérios levados em conta na hora de fazer uma publicação são sempre os mesmos. Mattos acredita em todas as redes sociais como ferramentas que podem contribuir para melhorar o relacionamento com o cliente. O próprio WhatsApp é muito legal. Usamos para facilitar o contato com um cliente específico, enviar uma foto mais rápida do produto que ele deseja... O mais importante é usar a mídia online de forma ponderada, complementa. Para ele, manter um seguidor é difícil, por isso é preciso prezar pelo respeito aos limites do cliente. Estamos há 38 anos no mercado e nas redes sociais nós conseguimos fortalecer a imagem da empresa, conclui. MAIS DO QUE USUÁRIOS, PROFISSIONAIS EM POTENCIAL Apesar de muito usadas para promover as empresas, as redes sociais possuem um papel bem maior dentro das organizações. Muitos empresários aproveitam os dados disponibilizados pelos usuários para definir contratações. Em várias instituições equipes de Recursos Humanos analisam o perfil dos candidatos a vagas na empresa antes de decidir quem será contratado. Por este motivo, da mesma forma que as empresas devem seguir um código de ética na rede para não importunar os clientes, os demais usuários também deveriam se policiar, e pensar duas vezes antes de compartilhar determinadas fotos, comentários e links. A orientação é da administradora de empresas e consultora de Marketing, Sheila Dal-Ry Issa. De acordo com ela, as pessoas não podem se esquecer que a rede social é uma vitrine e que todas as ações realizadas no perfil podem ser vistas por muita gente. Antes de postar alguma coisa, a pessoa deve pensar se sentirá vergonha se alguém da família, o chefe ou um amigo ver, comenta. Ela defende que as redes sociais sejam usadas pelas pessoas para mostrar suas habilidades. O envolvimento em questões polêmicas, especialmente as que possam ofender outras pessoas, não é recomendado. A consultora lembra que a exposição negativa pode fechar as portas de um emprego. Os usuários devem encarar a rede social como um currículo e colocar lá informações e fotos que agregam valor à sua vida pessoal e profissional. Muitas empresas fazem análise de perfil antes de contratar. A rede social é uma aliada e deve ser usada com bom senso, complementa. Para a empresária Tanila Mariele Dalmut as redes sociais se tornaram aliadas na hora de contratar um funcionário. Dona de uma revista voltada para noivas, ela afirma que faz uma avaliação prévia dos candidatos a partir das informações postadas por eles nas redes. Fazemos uma rápida análise do perfil da pessoa para identificar se ela tem interesses semelhantes aos nossos. Uma pessoa que reclama muito da vida na internet, por exemplo, não combina com o nosso produto e a nossa política de trabalho, comenta. Conforme ela, o perfil do candidato na rede social é avaliado antes mesmo da entrevista. Já vamos mais preparados para a conversa. De dezembro a janeiro nós contratamos quatro pessoas e em todas as situações levamos em conta o comportamento dos candidatos nas redes sociais, complementa. Sheila Dal-Ry Issa, consultora: Os usuários devem encarar a rede social como um currículo e colocar lá informações e fotos que agregam valor à sua vida pessoal e profissional. Muitas empresas fazem análise de perfil antes de contratar. A rede social é uma aliada e deve ser usada com bom senso 12 março e abril de 2015

13 HORÁRIO DE ABERTURA DOS PORTÕES: 9h HORÁRIO DE FECHAMENTO DOS PORTÕES: 00h CONFIRA AS REGRAS DE ACESSO NO SITE REALIZAÇÃO PONTOS DE VENDA COMPRE SEU INGRESSO ANTECIPADO E GARANTA O BENEFÍCIO DA MEIA ENTRADA CATUAÍ SHOPPING LONDRINA NORTE SHOPPING PARQ. GOV. NEY BRAGA EXPOLONDRINA2015.COM.BR PATROCÍNIO

14 FINANÇAS Por Loriane Comeli A boa e velha caderneta de poupança, sinônimo de segurança e rentabilidade, continua segura, mas já não goza mais do status de rentável, especialmente entre empresários e investidores com maiores volumes de recursos. Em 2014, o Brasil registrou um dos mais baixos volumes de aplicações na caderneta de poupança, criada há 154 anos, no reinado de Dom Pedro II. Com a inflação de 7%, em termos de rentabilidade, a poupança não é interessante, afirma o professor de Economia e Finanças da Universidade Estadual de Londrina (UEL), Azenil Staviski. Os investimentos na caderneta de poupança são remunerados a taxa de... entre as aplicações mais seguras estão os títulos expedidos pelo governo federal para rolar a dívida pública... Azenil Staviski, professor de Economia 0,5% ao mês, mais a TR (taxa referencial) que gira em torno de 0,1%. No cenário atual, a poupança basicamente está repondo o poder de compra da moeda, completa o professor, acrescentando que médias e grandes empresas não mais depositam suas economias em poupança. Os grandes empresários, que fazem uma gestão eficiente de caixa, normalmente preferem outras aplicações de curto prazo que tenham taxas mais atrativas. Por ser completamente livre de tributos e não ter valor mínimo a ser depositado, a poupança ainda é largamente utilizada por pessoas físicas, com baixo volume de recursos os pequenos poupadores. Neste caso, continua sendo o investimento adequado, aconselha Staviski. O cidadão tem que pensar o seguinte: não é quanto eu ganho aplicando, mas quanto deixo de pagar juros quando eu consigo poupar para utilizar este recurso lá na frente. Criada pelo decreto 2.723, de 12 de janeiro de 1861, a caderneta de poupança tinha como função original receber, a juro de 6%, as pequenas economias das classes menos abastadas, e de assegurar, sob garantia do Governo Imperial, a fiel restituição do que pertencer a cada contribuinte. As retiradas poderiam ser feitas a cada oito dias. Ao longo dos anos sofreu modificações, mas, a essência é a mesma. É um patrimônio social brasileiro. Um presente para o pequeno poupador. Incentiva os cidadãos a poupar e é a principal 14 março e abril de 2015

15 COM A INFLAÇÃO EM 7%, POUPANÇA NÃO É INTERESSANTE Otávio Monteiro, sócioadministrador da Horus Investimentos: Risque a poupança da lista de possibilidades razão do histórico econômico brasileiro: bancos quebrando, troca de moedas e o evento do confisco (no governo de Fernando Collor de Mello). Aquilo deixou muita gente desconfiada. Mas isso já faz 25 anos. As pessoas deixam de ganhar dinheiro por preconceito, enfatiza. O consultor, que atua no setor há 21 anos, também cita a falta de profissionalismo dos empresários para fazer o dinheiro render. Há casos de empresários cuja empresa vale R$ 50 milhões, com aplicações financeiras de R$ 30 milhões. A aplicação vale quase tanto quanto a empresa e ele não tem profissionalismo nenhum para gerir isso, comenta. O dinheiro fica nas mãos do gerente do banco, que tem interesse divergente do empresário. fonte de financiamento para habitação, saneamento, etc, afirma o economista. O sócio-administrador da Horus Investimentos, Otávio Monteiro, tem um conselho afiado para quem quer ganhar dinheiro com aplicações financeiras, especialmente no meio empresarial. Risque a poupança da lista de possibilidades. Para Monteiro, existe vasto preconceito quanto a outras aplicações, especialmente, quanto ao risco, e um desconhecimento generalizado acerca de investimentos mais rentáveis. Eu atribuo esse preconceito ao público mais velho, que é muito ressabiado com relação aos investimentos, principalmente em R$ 5 trilhões em títulos Hoje, estão no mercado uma série de possíveis investimentos tão seguros quanto a poupança, porém, bem mais rentáveis, explicam Staviski e Monteiro. Aplicações até R$ 250 mil são totalmente garantidas, diz o consultor, referindo-se a títulos privados como o CDB, LCI e LCA, amparados pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC), entidade formada por Associação Comercial e Industrial de Londrina 15

16 A poupança é um patrimônio social brasileiro. Um presente para o pequeno poupador Azenil Staviski geral, são isentas de IOF após 30 dias de aplicação. Staviski explica que entre as aplicações mais seguras estão os títulos expedidos pelo governo federal para rolar a dívida pública. São os títulos do Tesouro Nacional. Há vários deles, como a LTN (Letras do Tesouro Nacional), NTN (Notas do Tesouro Nacional) e LFT (Letras Financeiras do Tesouro). Alguns (LTN e NTN da série F) têm rendimento prefixado, ou seja, a taxa é determinada no momento da compra. Os outros são pós-fixados: o valor do título é corrigido por um indexador definido (LFT, pela Selic; NCN da série C, pelo IGP-M; NTN da série B pelo IPCA). Os títulos podem ser ainda de curto, médio ou longo prazo. Incidência de Imposto de Renda sobre aplicações financeiras Percentual descontado sobre o rendimento Prazo do título 22,5% Até 180 dias 20% De 181 a 360 dias 17,5% De 361 a 720 dias 15% Acima de 720 dias * Poupança, LCI e LCA são isentas todos os bancos privados, cujo objetivo é dar estabilidade aos investidores do Sistema Financeiro Nacional (SFN). A LCI (Letra de Crédito Imobiliário), cujos recursos arrecadados pelos bancos se destinam ao financiamento do setor imobiliário, e a LCA (Letra de Crédito do Agronegócio), direcionada ao setor agrícola, são isentos de impostos, assim como a poupança. É um incentivo governamental, explica o professor da UEL. Já sobre quaisquer outros títulos públicos ou privados incide Imposto de Renda. A alíquota varia entre 15% e 22,5% sobre o rendimento, conforme o prazo da aplicação. Quanto menor o prazo, maior o índice. As aplicações financeiras, de maneira Metas Num cenário de inflação alta, como o atual, os mais indicados sãos pós-fixados, aconselha o economista. Porém, destaca que o melhor investimento deve ser moldado no perfil do investidor, levando-se em conta, por exemplo, o volume de recursos, a sensibilidade ao risco e o prazo para retorno. A melhor aplicação financeira é aquela moldada para você. Quanto você tem, qual tempo que pretende deixar aplicado, qual seu grau de sensibilidade ao risco, discorre Staviski. 16 março e abril de 2015

17 O MÍNIMO QUE ACEITO GANHAR É TAXA LIVRE DE RISCO Trata-se da meta atuarial. De acordo com os planos de cada investidor, o consultor traça a meta atuarial, resume Monteiro. Há diferentes tipos de tomadores no mercado e, por isso, uma gama tão grande de títulos, completa. Em novembro de 2014, o Banco Central divulgou que circulam no mercado aproximadamente R$ 5 trilhões em títulos públicos e privados, o que corresponde a 98% do PIB brasileiro. Mais de 60% são títulos públicos. O estoque aplicado em poupança é de R$ 670 bilhões, o que corresponde a 14% do total. Com todo esse volume de papéis circulando, o consultor enfatiza que, mesmo para o pequeno empresário ou para o capital de giro, há investimentos adequados, bem mais risco. Agora, quando são quantias volumosas, o mercado não te impõe um pênalti. A rentabilidade é bem maior. Por isso, são comuns as aplicações por meio dos fundos de investimento. É um condomínio de investidores que ganha escala e obtém resultados melhores, explica. Risco total Ao lado dos títulos públicos e privados, que são investimentos de renda fixa, há, ainda, os investimentos de renda variável, que podem ser extremamente lucrativos, porém, envolvem PRINCIPAIS TÍTULOS TÍTULOS PRIVADOS Renda fixa CDB (Certificado de Depósito Bancário) LCI (Letra de Crédito Imobiliário) LCA (Letra de Crédito do Agronegócio) Debêntures título expedido por companhias para investimentos ou pagar dívidas Letras de Câmbio expedidas por instituições financeiras não bancárias para captar recursos no mercado Renda variável Ações parte de empresas (sociedades anônimas) negociados na Bolsa de Valores TÍTULOS PÚBLICOS LTN (Letras do Tesouro Nacional) NTN-F (Notas do Tesouro Nacional Série F) NTN-B Principal (Notas do Tesouro Nacional Série B Principal) NTN-B (Notas do Tesouro Nacional Série B) LFT (Letras Financeiras do Tesouro) NTN-C (Nota do Tesouro Nacional - Série C) *Desde 2002, o governo tentou popularizar a venda de títulos públicos pela internet, o Tesouro Direto. O site também oferece cursos online com instruções básicas sobre como investir. Pessoas físicas podem fazer aplicações de sua própria casa. vantajosos que a poupança. O mínimo que aceito ganhar com uma aplicação é taxa livre de risco. Essa taxa livre de risco, calculada diariamente a partir dos empréstimos feitos entre bancos, os CDI (Certificado de Depósito Interbancário), está em pouco mais de 12% e é sempre muito próxima da Selic, a taxa oficial de juros (12,25%), usada para medir os juros dos títulos públicos. Monteiro explica que ganhar dinheiro no mercado de aplicações é mais fácil quando se tem grandes quantias de dinheiro. Quem investe, por exemplo, R$ 500 em um CDB dificilmente conseguirá auferir integralmente a taxa livre de risco total. Trata-se do mercado de ações, negociadas por meio da Bolsa de Valores. As ações são cotas de sociedades anônimas e a lucratividade reside em comprá-las por baixo valor e revendê-las quando a empresa estiver em plena lucratividade. É risco total e, normalmente, o investidor precisa de auxílio profissional para isso. Pode-se ganhar muito. Mas, também, pode-se perder muito, diz Staviski. Por exemplo, quem comprou ações da Petrobras, não vai recuperar (o investimento) tão cedo. Se não venderam, têm que esperar. Um dia, talvez, esses preços voltem. Associação Comercial e Industrial de Londrina 17

18 EMPRESAS Por Kalinka Amorim Já faz algum tempo que o mundo corporativo vem discutindo novos modelos de gestão de pessoas. E é fato que as empresas que investem em gestão estratégica têm colhido bons frutos. Valorizar o capital humano, apostar no crescimento profissional do colaborador, gerar um ambiente saudável para se trabalhar, incentivar o espírito de equipe, dar liberdade para o colaborador expor suas ideias, desenvolver lideranças motivadoras e inspiradoras que se importam em dar e receber feedback, entre tantos outros fatores praticados é o que a GolSat, o Sicoob Norte Paraná e Apetit Serviço de Alimentação têm feito. Essas empresas londrinenses são destaques dentre as 25 melhores do Paraná para se trabalhar, de acordo com levantamento do Instituto Great Place to Work (GPTW). Tecnologia transformadora A GolSat, empresa de telemetria, alcançou o 8º lugar no ranking das 25 melhores empresas para se trabalhar no Paraná. As soluções práticas desenvolvidas por especialistas em gestão de frotas leves, além de deixar seus clientes satisfeitos, no âmbito econômico, ambiental e social traz orgulho para sua equipe de 65 colaboradores. O segredo para tanto sucesso, de acordo com o gerente de Recursos Humanos Carlos Tudisco, é a sinergia entre colaboradores, líderes e diretores que acreditam e seguem a diretriz da empresa que é gerar uma economia de combustível, limitar os riscos e reduzir a poluição, sempre melhorando a segurança dos condutores. Os colaboradores entendem o que a empresa quer e onde almeja chegar. A diretoria tem uma forma de Golsat: O resultado surpreendeu. Foi um presente para todos que trabalham aqui. É importante trabalhar numa empresa certificada pelo GPTW, garante Carlos Tudisco comunicação muito dinâmica com o pessoal. Isso elimina algumas barreiras hierárquicas. Não há muita formalidade para os processos e esse é um fator que acho relevante, explica. De acordo com ele, qualquer funcionário tem acesso ao alto escalão da empresa podendo 18 março e abril de 2015

19 expor suas ideias. Isso, jamais, é visto como passar por cima do outro, muito pelo contrário, gostamos de saber o que os colaboradores pensam. Afinal, são eles que estão em contato direto com o cliente, complementa. Participar do levantamento realizado pelo Instituto Great Place to Work (GPTW), conforme Tudisco foi a iniciativa tomada para entender como seus funcionários olhavam a empresa. É uma forma muito isenta de entender o que os colaboradores pensam a respeito da instituição na qual trabalham. Percebemos que teríamos condições de concorrer e ganhar uma boa colocação nesse prêmio, que é uma certificação reconhecida internacionalmente e muito rigorosa com relação ao sigilo, afirma. O resultado surpreendeu. Foi um presente para todos que trabalham aqui. É importante trabalhar numa empresa certificada pelo GPTW, garante. Liberdade e União Administrador por formação, Márcio Pereira, 32, atua na empresa há dois anos como Supervisor de Relacionamento. União, para ele, é uma das características que mantém seu entusiasmo e a paixão pelo trabalho. A empresa proporciona um sentimento de equipe. É como se fosse uma extensão da casa da gente, uma família, afirma. Sempre recebemos apoio dos colegas, tanto nos assuntos profissionais como também nos pessoais e essa sensação de estar sempre junto para tudo é muito boa, declara. Outro fator pontuado por Pereira, que faz com que a GolSat se destaque entre as Melhores Empresas para se Trabalhar no Paraná, é a liberdade que a empresa concede aos colaboradores. Nós temos nossas atividades e cada função mostra claramente o que deve ser realizado. Eles direcionam e você realiza de acordo com seu perfil profissional. Não há imposição. Isso gera um crescimento pessoal e profissional e traz muita segurança, isso cria em nós o desejo de sempre querer fazer o melhor, afirma. A gente acredita tanto no que faz, trabalhamos tanto em conjunto, que se tornou natural esse espírito de equipe, corrobora a analista de projetos, Luciana Mantovani Tejo. Para ela, o que chama a atenção além do espírito de equipe é a chance de fazer uma carreira na empresa. Todo mundo é muito valorizado e quando surge uma vaga para uma hierarquia maior, o líder direto analisa e a chance de se fazer carreira e subir de cargo na empresa é muito grande. A empresa trabalha muito em direcionar os funcionários de acordo com o seu potencial. Isso dá uma chance enorme para se desenvolver e crescer profissionalmente. Além desse clima benéfico, o colaborador da GolSat também conta com os seguintes benefícios: Assistência Médica e odontológica, bolsa de estudos, vale alimentação, ginástica laboral, treinamentos periódicos, confraternizações em datas especiais. Além de ter um incentivo para uma alimentação mais saudável com a disponibilização de frutas frescas no período da manhã e da tarde. Humanização, respeito e valorização à pessoa No Sicoob Norte do Paraná a surpresa também tomou conta da equipe. É a primeira vez que a instituição participa do GPTW e garante o 17º lugar de Melhor Empresa para se Trabalhar no Paraná. Para o diretor presidente Wilson Cavina, um conjunto de ações gerou esse resultado. Proximidade entre líderes e liderados, clima agradável de trabalho, discurso coerente com a prática, feedbacks constantes, planos de cargos e salários, plano de saúde e odontológico, auxílio combustível, auxílio telefonia, cartão farmácia, treinamentos, bolsa de estudos. Mas o que cativa mesmo os funcionários, na opinião dele, é a forma diferenciada de tratamento que é dispensada aos colaboradores. Realmente consideramos o colaborador como fator importante no nosso negócio. Humanizamos as formas de trabalho prezando sempre a comunicação assertiva. Antes de ser mão de obra importante, são pessoas e merecem ser tratadas com tal. Sem eles o Sicoob não existiria, garante. Datas como o dia do aniversário, da formatura, da descoberta da gravidez, do nascimento do primeiro filho, o primeiro aniversário de casamento, todas são comemoradas. Fazemos questão de entregar uma lembrancinha e isso faz muita diferença na vida do funcionário, consequentemente, o desempenho melhora, assegura a gerente de Recursos Humanos do Sicoob Norte Paraná, Milena Campreguer. Além de todos esses detalhes que cativam os funcionários, um programa diferenciado de licença maternidade estendido chama a atenção. A funcionária Associação Comercial e Industrial de Londrina 19

20 Sicoob: Humanizamos as formas de trabalho prezando sempre a comunicação assertiva. Antes de ser mão de obra importante, são pessoas e merecem ser tratadas com tal. Sem eles a Sicoob não existiria, afirma Wilson Cavina goza o que é de direito por lei, os quatro meses. Sai de férias e depois retorna gradativamente até o bebê completar um ano de idade. Além de não ser uma separação traumática, identificamos que a colaboradora rende muito mais, num curto período de quatro horas ela consegue entregar mais resultados do que permanecendo o tempo integral de trabalho, afirma Milena. O ganho, a dedicação e a fidelidade que temos com esse projeto é muito grande, complementa Cavina. Matutino ou vespertino, a escolha do período a ser trabalhado é feita pela colaboradora e o tempo integral de sete horas de trabalho só volta a ser praticado a partir do momento que a criança completa um ano. Detalhes que fazem a diferença Há sete anos, Carmen Paiva Gouvea, 34 anos, debutou no Sicoob como estagiária. Hoje ocupa o cargo de gestora do departamento de crédito e está feliz da vida por trabalhar numa empresa certificada pelo GPTW. Amo a cooperativa e o que faço. A valorização humana aqui é muito boa. Não conheço uma empresa que valorize o lado humano do funcionário como o Sicoob valoriza, afirma. Ela conta que uma das primeiras coisas que chamou muito a sua atenção foi ter ganhado um presente no dia da formatura. Não tinha comentado nada com ninguém. Eles descobriram e me presentearam. Fiquei surpresa e muito feliz! São pequenos detalhes que fazem a diferença, diz. Carmen pretende seguir carreira no Sicoob e vem se preparando para isso. Atualmente ela faz um curso de MBA em Gestão, custeado pela empresa. Comecei como estagiária, fui assistente e hoje sou gestora, mas em breve pretendo chegar à diretoria. RH Estratégico Há quatro anos consecutivos a empresa Apetit Serviços de Alimentação figura no ranking das melhores empresas para se trabalhar. Com mais de 1,6 mil colaboradores e escritórios espalhados em 12 estados brasileiros, o cuidado com as pessoas é o segredo que mantém a Apetit em destaque, explica a gerente de Estratégia, Pamela Manfrin. É por meio delas que crescemos e nos desenvolvemos. Dessa forma, nada melhor do que o alinhamento entre a cultura e a gestão, o discurso e a prática. Pensando assim, investimos constantemente na capacitação para que os colaboradores estejam realmente engajados com a estratégia organizacional e estejam aptos a trabalhar a favor dela, diz Alinhamento, foco, determinação, conforme ela, são palavras constantes no vocabulário de quem trabalha na empresa. Nada disso seria possível sem uma equipe forte e estruturada, e é nesse aspecto que a atuação do RH estratégico faz a diferença, afirma. São dezenas de práticas formalizadas para ouvir, falar, cuidar, compartilhar, contratar, agradecer, desenvolver, inspirar e celebrar, todas essas formam o que chamamos de Universo Apetit, complementa. Para ela, o que motiva os colaboradores é a oportunidade de crescimento encontrada na empresa. Esse é um grande diferencial para quem trabalha conosco. A empresa cresce em média 30% ao ano e, isso, gera muitas oportunidades de promoções. Pamela acredita que o reconhecimento motiva a busca por resultados. Nossa equipe de RH e toda a liderança é muito comprometida com as etapas de recrutamento e seleção, com o perfil dos colaboradores e seus objetivos pessoais. Queremos profissionais que se sintam felizes conosco. Alinhamento entre Apetit: Queremos profissionais que se sintam felizes conosco. Alinhamento entre expectativas do colaborador e a realidade da empresa é fundamental para o sucesso de ambas as partes, opina Pâmela Manfrin. expectativas do colaborador e a realidade da empresa é fundamental para o sucesso de ambas as partes, opina. Plano de Saúde, Plano odontológico, Uniforme, Alimentação - café da manhã, almoço e frutas à tarde-, Universidade Corporativa, Convênio Educação, Vale transporte, Cartão Alimentação, Programa de qualidade de vida com massagem, Ginástica laboral, Palestras, Participação nos Lucros e Resultados PLR, entre muitos outros são os benefícios oferecidos pela Apetit. Liderança Inspiradora Para o consultor empresarial Wellington Moreira, da Caput Consultoria, uma boa empresa para se trabalhar precisa ter lideranças inspiradoras que compartilhem informações. Uma empresa pode até ter uma boa política, mas se essa política não for o que os trabalhadores querem, não basta. O segredo é entender o que os trabalhadores querem e isso se descobre conversando com as pessoas. Por isso a importância de um líder aberto ao diálogo. Além de lideranças inspiradoras, a empresa, na opinião de Moreira, deve ter boa política de remuneração, proporcionar perspectiva de futuro, aprendizado contínuo e espírito colaborativo. 20 março e abril de 2015

INVESTIMENTOS CONSERVADORES

INVESTIMENTOS CONSERVADORES OS 4 INVESTIMENTOS CONSERVADORES QUE RENDEM MAIS QUE A POUPANÇA 2 Edição Olá, Investidor. Esse projeto foi criado por Bruno Lacerda e Rafael Cabral para te ajudar a alcançar mais rapidamente seus objetivos

Leia mais

RENDA FIXA? Fuja do seu banco!

RENDA FIXA? Fuja do seu banco! RENDA FIXA? Fuja do seu banco! Janeiro 2014 COMO FUNCIONA A RENDA FIXA? COMO INVESTIR EM RENDA FIXA! COMO FUNCIONA A RENDA FIXA? Renda Fixa = Emprestar Dinheiro Tipos de Investimentos em Renda Fixa: CDB

Leia mais

PRAZOS E RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução.

PRAZOS E RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução. Proibida a reprodução. A Planner oferece uma linha completa de produtos financeiros e nossa equipe de profissionais está preparada para explicar tudo o que você precisa saber para tomar suas decisões com

Leia mais

03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança

03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança 03 Passos para o Seu Dinheiro da Poupança Render 5 Vezes Mais por Leandro Sierra Índice Apresentação...03 Introdução... 04 Passo 1...05 Passo 2... 08 Educação Financeira para a Segurança do seu Investimento...

Leia mais

Estudo sobre Investimentos World One Julho 2014

Estudo sobre Investimentos World One Julho 2014 Introdução, perguntas e respostas que vão te ajudar a conseguir dialogar com clientes que tenham dúvidas sobre os investimentos que estão fazendo, ou alguma outra pessoa que realmente entenda do mercado

Leia mais

Semana Nacional de Educação Financeira Tema. Opções de investimentos em um cenário de juros em elevação

Semana Nacional de Educação Financeira Tema. Opções de investimentos em um cenário de juros em elevação Tema Opções de investimentos em um cenário de juros em elevação Apresentação JOCELI DA SILVA SILVA Analista Administrativo/Gestão Pública Lotado na Assessoria de Coordenação 3ª CCR Especialização UNB Clube

Leia mais

Com tendência de alta do juro, renda fixa volta a brilhar nas carteiras

Com tendência de alta do juro, renda fixa volta a brilhar nas carteiras Veículo: Estadão Data: 26.11.13 Com tendência de alta do juro, renda fixa volta a brilhar nas carteiras Veja qual produto é mais adequado ao seu bolso: até R$ 10 mil, de R$ 10 mil a R$ 100 mil e acima

Leia mais

COMO A GIR NA CRI $E 1

COMO A GIR NA CRI $E 1 1 COMO AGIR NA CRI$E COMO AGIR NA CRISE A turbulência econômica mundial provocada pela crise bancária nos Estados Unidos e Europa atingirá todos os países do mundo, com diferentes níveis de intensidade.

Leia mais

ONDE ESTAMOS? Mais de 40 mil clientes. 110 escritórios pelas principais cidades do Brasil. Mais de 600 Agentes Autônomos de Investimentos.

ONDE ESTAMOS? Mais de 40 mil clientes. 110 escritórios pelas principais cidades do Brasil. Mais de 600 Agentes Autônomos de Investimentos. ONDE ESTAMOS? Mais de 40 mil clientes. 110 escritórios pelas principais cidades do Brasil. Mais de 600 Agentes Autônomos de Investimentos. RENDA FIXA? Fuja do seu banco! Novembro 2013 COMO FUNCIONA A RENDA

Leia mais

SOBRE O AUTOR. Leonardo Rocha é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

SOBRE O AUTOR. Leonardo Rocha é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). SOBRE O AUTOR Leonardo Rocha é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Iniciou seu aprendizado em 2007, quando começou a estudar sobre o mercado financeiro.

Leia mais

Saiba o que vai mudar no seu bolso com as novas medidas econômicas do governo

Saiba o que vai mudar no seu bolso com as novas medidas econômicas do governo Cliente: Trade Energy Veículo: Portal R7 Assunto: Saiba o que vai mudar no seu bolso com as novas medidas Data: 21/01/2015 http://noticias.r7.com/economia/saiba-o-que-vai-mudar-no-seu-bolso-com-as-novas-medidaseconomicas-do-governo-21012015

Leia mais

PRAZOS E RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução.

PRAZOS E RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução. Proibida a reprodução. A Planner oferece uma linha completa de produtos financeiros e nossa equipe de profissionais está preparada para explicar tudo o que você precisa saber para tomar suas decisões com

Leia mais

RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução.

RISCOS DE INVESTIMENTO. Proibida a reprodução. Proibida a reprodução. A Planner oferece uma linha completa de produtos financeiros e nossa equipe de profissionais está preparada para explicar tudo o que você precisa saber para tomar suas decisões com

Leia mais

TÍTULO: DE POUPADOR A INVESTIDOR DESPERTANDO O GÊNIO FINANCEIRO DE INVESTIDORES CONSERVADORES

TÍTULO: DE POUPADOR A INVESTIDOR DESPERTANDO O GÊNIO FINANCEIRO DE INVESTIDORES CONSERVADORES TÍTULO: DE POUPADOR A INVESTIDOR DESPERTANDO O GÊNIO FINANCEIRO DE INVESTIDORES CONSERVADORES CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS SUBÁREA: CIÊNCIAS CONTÁBEIS INSTITUIÇÃO: FACULDADE DE

Leia mais

Alguns preferem papéis federais mais curtos, de menor risco, mas há os que sugerem títulos um pouco mais longos corrigidos pela inflação.

Alguns preferem papéis federais mais curtos, de menor risco, mas há os que sugerem títulos um pouco mais longos corrigidos pela inflação. Empírica Investimentos na mídia EXAME Janeiro 23/12/2014 Com juro alto, renda fixa é mais atrativa e Petrobras, opção A alta dos juros na semana passada por conta da instabilidade externa tornou mais atrativos

Leia mais

Como investir em 2012 Entenda como funciona cada produto financeiro : O Globo 2/fev/2012

Como investir em 2012 Entenda como funciona cada produto financeiro : O Globo 2/fev/2012 Como investir em 2012 Entenda como funciona cada produto financeiro : O Globo 2/fev/2012 Analistas indicam quais cuidados tomar no mercado financeiro em 2012 e quais investimentos oferecem menor probabilidade

Leia mais

Um futuro sossegado para curtir

Um futuro sossegado para curtir PREVIDÊNCIA Aposentadoria privada: como, quanto, quando, onde e por que aplicar PLANEJAR A APOSENTADORIA É GARANTIR UMA QUALIDADE DE VIDA FUTURA, MAS É IMPORTANTE INVESTIR NUM PLANO QUE SE ADEQUE AO ESTILO

Leia mais

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665

Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 Boletim Econômico Edição nº 56 fevereiro de 2015 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Pela revogação das Medidas Provisórias 664 e 665 As duas medidas visam economizar R$ 18 bilhões

Leia mais

REALIZAÇÃO: PARCERIA:

REALIZAÇÃO: PARCERIA: REALIZAÇÃO: PARCERIA: Com esta palestra, você descobrirá como a educação financeira pode ajudar você na melhoria de sua qualidade de vida e dicas sobre planejamento financeiro e previdência privada. Somos

Leia mais

Especialistas ensinam como é possível arcar com as despesas escolares da criança sem causar grandes estragos no orçamento

Especialistas ensinam como é possível arcar com as despesas escolares da criança sem causar grandes estragos no orçamento Veículo: Bebê.com.br Data: 03/02/10 Poupe pelo futuro do seu filho Especialistas ensinam como é possível arcar com as despesas escolares da criança sem causar grandes estragos no orçamento Assim que a

Leia mais

Luiz Maia (UFRPE), luiz_maia@yahoo.com Recife, 19 de agosto de 203

Luiz Maia (UFRPE), luiz_maia@yahoo.com Recife, 19 de agosto de 203 A influência da inflação e dos juros na poupança e em outras aplicações de renda fixa Luiz Maia (UFRPE), luiz_maia@yahoo.com Recife, 19 de agosto de 203 Roteiro O que é... e o que não é Renda Fixa (flashback!)

Leia mais

NOSSO OBJETIVO. GESTÃO DO DESEMPENHO: uma possibilidade de ampliar o negócio da Organização

NOSSO OBJETIVO. GESTÃO DO DESEMPENHO: uma possibilidade de ampliar o negócio da Organização NOSSO OBJETIVO GESTÃO DO DESEMPENHO: uma possibilidade de ampliar o negócio da Organização RHUMO CONSULTORIA EMPRESARIAL Oferecer soluções viáveis em tempo hábil e com qualidade. Essa é a receita que a

Leia mais

Nesta primeira edição, saiba o que são e como funcionam os CDBs

Nesta primeira edição, saiba o que são e como funcionam os CDBs SAIA DA POUPANÇA COM ALTERNATIVAS NA RENDA FIXA Nesta primeira edição, saiba o que são e como funcionam os CDBs Quando o assunto é investimentos, o cenário atual desperta cautela. Diante da sequência de

Leia mais

Perfis de Investimento. GEBSA Prev

Perfis de Investimento. GEBSA Prev Perfis de Investimento GEBSA Prev 2 GEBSA-PREV INTRODUÇÃO Esta cartilha reúne as principais informações relacionadas aos Perfis de Investimento da GEBSA PREV e vai lhe ajudar a identificar alguns aspectos

Leia mais

Jonatam Cesar Gebing. Tesouro Direto. Passo a passo do Investimento. Versão 1.0

Jonatam Cesar Gebing. Tesouro Direto. Passo a passo do Investimento. Versão 1.0 Jonatam Cesar Gebing Tesouro Direto Passo a passo do Investimento Versão 1.0 Índice Índice 2 Sobre o autor 3 O Tesouro Direto 4 1.1 O que é? 4 1.2 O que são Títulos Públicos? 5 1.3 O que é o grau de investimento?

Leia mais

Perfis de Investimento

Perfis de Investimento Perfis de Investimento Manual Perfis de Investimento Manual Perfis de Investimento Índice Objetivo... 3 Introdução... 3 Falando sobre sua escolha e seu plano... 3 Perfis de Investimento... 5 Principais

Leia mais

Os fundos referenciados identificam em seu nome o indicador de desempenho que sua carteira tem por objetivo acompanhar.

Os fundos referenciados identificam em seu nome o indicador de desempenho que sua carteira tem por objetivo acompanhar. FUNDO REFERENCIADO DI Os fundos referenciados identificam em seu nome o indicador de desempenho que sua carteira tem por objetivo acompanhar. Para tal, investem no mínimo 80% em títulos públicos federais

Leia mais

EDIÇÃO 06 NOVEMBRO 2014 ANO 2. Uso consciente do crédito: PROPAGUE ESSA IDEIA!

EDIÇÃO 06 NOVEMBRO 2014 ANO 2. Uso consciente do crédito: PROPAGUE ESSA IDEIA! Uso consciente do crédito: PROPAGUE ESSA IDEIA! EDUCAÇÃO FINANCEIRA USO CONSCIENTE DO CRÉDITO: PROPAGUE ESSA IDEIA! Ele está tão integrado ao nosso dia a dia, que alguns consumidores acabam usando o recurso

Leia mais

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL

7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL DICAS PARA DIVULGAR SUA EMPRESA E AUMENTAR AS VENDAS NO FIM DE ANO 7 dicas rápidas de marketing digital para você sair na frente! MARKETING DIGITAL Sumário Apresentação Capítulo 1 - Crie conteúdo de alta

Leia mais

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul

GESTÃO FINANCEIRA para FICAR NO Azul GESTÃO FINANCEIRA para ficar no azul índice 03 Introdução 04 Capítulo 1 O que é gestão financeira? 06 Capítulo 2 Gestão financeira e tomada de decisões 11 13 18 Capítulo 3 Como projetar seu fluxo financeiro

Leia mais

O ABC do Programa de Fidelização

O ABC do Programa de Fidelização O ABC do Programa de Fidelização COMO E POR QUÊ RETER CLIENTES? Diagnóstico As empresas costumam fazer um grande esforço comercial para atrair novos clientes. Isso implica Investir um alto orçamento em

Leia mais

CONHEÇA A NOSSA EMPRESA >>

CONHEÇA A NOSSA EMPRESA >> CONHEÇA A NOSSA EMPRESA >> Para se candidatar a Vaga de Promotor(a) iremos dividir por etapas a apresentação e o treinamento: Primeira Etapa: 1. Apresentação da Empresa e seus Canais de Vendas 2. Apresentação

Leia mais

Alterações na Poupança

Alterações na Poupança PRODUTOS E SERVIÇOS FINANCEIROS INVESTIMENTOS POUPANÇA A conta de poupança foi criada para estimular a economia popular e permite a aplicação de pequenos valores que passam a gerar rendimentos mensalmente.

Leia mais

A CONTRA-REFORMA DA PREVIDÊNCIA. Denise Lobato Gentil Instituto de Economia/Universidade Federal do Rio de Janeiro

A CONTRA-REFORMA DA PREVIDÊNCIA. Denise Lobato Gentil Instituto de Economia/Universidade Federal do Rio de Janeiro A CONTRA-REFORMA DA PREVIDÊNCIA Denise Lobato Gentil Instituto de Economia/Universidade Federal do Rio de Janeiro Resultado do ajuste fiscal: Dados acumulados de janeiro a agosto/2015 revelam deterioração

Leia mais

RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil.

RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil. 1 RAÏSSA LUMACK, Vice-Presidente de RH da Coca-Cola Brasil. O Informativo Previcoke (Fundo de Pensão da Coca-Cola Brasil) é feito para quem já pensa no amanhã e para quem quer começar a pensar. Aqui, você

Leia mais

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce...

Bleez Agência Digital... 3. Quem sou eu... 4. Introdução... 5. Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7. Quem está comprando no ecommerce... Sumário Bleez Agência Digital... 3 Quem sou eu... 4 Introdução... 5 Quanto o ecommerce cresceu no Brasil... 7 Quem está comprando no ecommerce... 10 Por que os brasileiros estão comprando mais... 12 O

Leia mais

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO

Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Comunicação empresarial eficiente: Saiba como gerir uma equipe com essas dicas REALIZAÇÃO Sumário 01 Introdução 02 02 03 A comunicação dentro das empresas nos dias de hoje Como garantir uma comunicação

Leia mais

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015

Recupere a saúde financeira e. garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Recupere a saúde financeira e garanta um futuro tranquilo Reitoria da UNESP, 13/05/2015 Objetivo geral Disseminar conhecimento financeiro e previdenciário dentro e fora da SP-PREVCOM buscando contribuir

Leia mais

Veja na tabela a seguir as performances de cada aplicação em setembro e no acumulado do ano. Desempenho em setembro. Ibovespa 4,84% -17,96% 30/09/2013

Veja na tabela a seguir as performances de cada aplicação em setembro e no acumulado do ano. Desempenho em setembro. Ibovespa 4,84% -17,96% 30/09/2013 Veículo: Exame.com Os melhores e os piores investimentos de setembro Ibovespa fecha o mês com a maior alta, seguido pelos fundos de ações small caps; na renda fixa, a LTN, título do Tesouro prefixado,

Leia mais

Família e dinheiro. Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? Todos juntos ganham mais

Família e dinheiro. Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? Todos juntos ganham mais 1016327-7 - set/2012 Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? No site www.itau.com.br/usoconsciente, você encontra vídeos, testes e informações para uma gestão financeira eficiente. Acesse

Leia mais

DATUSPREV CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR!

DATUSPREV CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR! DATUSPREV INFORMATIVO CHEGOU O MOMENTO DE APROVEITAR! Quem já cumpriu 5 anos de contribuição pode solicitar o benefício de aposentadoria programada? Essas e mais informações pra você neste Informativo.

Leia mais

A importância de um plano de aposentadoria complementar

A importância de um plano de aposentadoria complementar INFORMATIVO É a melhor maneira de planejar a sua aposentadoria; Poupança com 100% de rentabilidade - Parte Patrocinadora; Rentabilidade totalmente revertida ao participante Datusprev sem fins lucrativos;

Leia mais

Disciplina: Economia ECN001. Macroeconomia

Disciplina: Economia ECN001. Macroeconomia Disciplina: Economia ECN001 Macroeconomia Orçamento do Setor Público É a previsão de receitas e a estimativa de despesas a serem realizadas por um Governo em um determinado exercício (geralmente um ano).

Leia mais

Case: Reconheço Você

Case: Reconheço Você Case: Reconheço Você Razão Social: Wilson Sons Ramo de Atividade: Sistema Portuário e Logístico & Sistema Marítimo Ano de fundação: 1837 Nome/Titulação do responsável: Antônio Linhares, Rodrigo Sampaio

Leia mais

Medidas Provisórias 664 e 665 ( Pacote Levy ): mudanças no seguro-desemprego, abono salarial, auxílio-doença, pensão por morte OTAVIO PINTO E SILVA

Medidas Provisórias 664 e 665 ( Pacote Levy ): mudanças no seguro-desemprego, abono salarial, auxílio-doença, pensão por morte OTAVIO PINTO E SILVA Medidas Provisórias 664 e 665 ( Pacote Levy ): mudanças no seguro-desemprego, abono salarial, auxílio-doença, pensão por morte OTAVIO PINTO E SILVA Pacote Levy No dia 30 de dezembro de 2014, o Governo

Leia mais

seu dinheiro Consórcio ou financiamento? #103 Saiba qual é a melhor opção na hora de comprar um automóvel

seu dinheiro Consórcio ou financiamento? #103 Saiba qual é a melhor opção na hora de comprar um automóvel #103 seu dinheiro a sua revista de finanças pessoais Saiba qual é a melhor opção na hora de comprar um automóvel Consórcio ou financiamento? Poupança com ganho real Investimento volta a superar a inflação

Leia mais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Fonte: O Globo Data: 16/09/2015 Seção: Economia Versão: Impresso (página 25) e Online Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Retomada de cobrança

Leia mais

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex...

Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... Atendimento pós-venda: gestão estratégica da ex... (/artigos /carreira/comopermanecercalmosob-pressao /89522/) Carreira Como permanecer calmo sob pressão (/artigos/carreira/como-permanecer-calmosob-pressao/89522/)

Leia mais

Assim, a plataforma BFast é um espaço fácil e seguro para ajudar pessoas da sua comunidade e ao mesmo tempo receber pagamentos por isso.

Assim, a plataforma BFast é um espaço fácil e seguro para ajudar pessoas da sua comunidade e ao mesmo tempo receber pagamentos por isso. Bem-vindo a BFast! A Bfast é uma plataforma online que conecta pessoas que tem tempo e amam o que fazem a pessoas que gostariam de ter mais tempo para fazerem o que amam! As Bees fazem parte de uma comunidade

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS Julgue os itens a seguir, a respeito da Lei n.º 6.404/197 e suas alterações, da legislação complementar e dos pronunciamentos do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC). 71 Os gastos incorridos com pesquisa

Leia mais

Acredite no seu trabalho que o Brasil acredita em você. Ministério do Desenvolvimento, Confiança no Brasil.

Acredite no seu trabalho que o Brasil acredita em você. Ministério do Desenvolvimento, Confiança no Brasil. Acredite no seu trabalho que o Brasil acredita em você. Ministério do Desenvolvimento, Confiança no Brasil. Indústria É assim que e Comércio a gente segue Exterior em frente. Introdução Atualmente, muitos

Leia mais

Thaísa Fortuni. 15 dicas de Mídias Sociais para Moda. Copyright 2015 - Todos os direitos reservados

Thaísa Fortuni. 15 dicas de Mídias Sociais para Moda. Copyright 2015 - Todos os direitos reservados Thaísa Fortuni Thaísa Fortuni 15 dicas de Mídias Sociais para Moda Copyright 2015 - Todos os direitos reservados Sobre Thaísa Fortuni Publicitária por formação, escritora e empreendora digital. Trabalha

Leia mais

BEM-VINDO AO SICOOB. A maior instituição financeira cooperativa do país. www.sicoob.com.br

BEM-VINDO AO SICOOB. A maior instituição financeira cooperativa do país. www.sicoob.com.br BEM-VINDO AO SICOOB. A maior instituição financeira cooperativa do país. www.sicoob.com.br Parabéns! Agora você faz parte de uma cooperativa Sicoob e conta com todos os produtos e serviços de um banco,

Leia mais

Alteração no Cálculo da Poupança: Pontos para uma Discussão mais Precisa

Alteração no Cálculo da Poupança: Pontos para uma Discussão mais Precisa Alteração no Cálculo da Poupança: Pontos para uma Discussão mais Precisa LUIZ HUMBERTO CAVALCANTE VEIGA Consultor Legislativo da Área VII Sistema Financeiro, Direito Comercial, Econômico, Defesa do Consumidor

Leia mais

AUTORAS ROSANGELA SOUZA

AUTORAS ROSANGELA SOUZA AUTORAS ROSANGELA SOUZA Especialista em Gestão Empresarial com MBA pela FGV e Professora de Estratégia na Pós-Graduação da FGV. Desenvolveu projetos acadêmicos sobre segmento de idiomas, planejamento estratégico

Leia mais

Versão atualizada em março de 2011

Versão atualizada em março de 2011 Versão atualizada em março de 2011 Apresentação Ativo, rentabilidade, renda fixa, perfil de investimento... Se você tem o hábito de se informar sobre como anda o dinheiro investido no seu plano previdenciário,

Leia mais

MISAEL COLLETA RIBEIRO. 1 Edição, Dezembro de 2014.

MISAEL COLLETA RIBEIRO. 1 Edição, Dezembro de 2014. 1 O CAMINHO PARA A INDEPENDÊNCIA FINANCEIRA MISAEL COLLETA RIBEIRO Site: investimentosedinheiro.com.br E-mail: ebook@investimentosedinheiro.com.br Todos os direitos protegidos e reservados (Lei 9.610 de

Leia mais

Carteira Recomendada RENDA FIXA segunda-feira, 1 de junho de 2015

Carteira Recomendada RENDA FIXA segunda-feira, 1 de junho de 2015 1. Alocação recomendada para Junho de 2015 Classe de Ativo Carteira Conservadora* Carteira Moderada* Carteira Agressiva* Curto Prazo Longo Prazo Curto Prazo Longo Prazo Curto Prazo Longo Prazo Pós-Fixado

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS E PRODUTIVIDADE

GESTÃO DE PESSOAS E PRODUTIVIDADE GESTÃO DE PESSOAS E PRODUTIVIDADE 2 Download da Apresentação www.gptw.com.br publicações e eventos palestras Great Place to Work - Missão 3 Construindo um Excelente Ambiente de Trabalho 4 1 2 3 4 O que

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

Neste e-book vamos esclarecer melhor como é feita essa transição financeira, quais os melhores investimentos para a aposentadoria, como você deve administrar os demais gastos, onde é possível cortar despesas

Leia mais

de um redator freelancer

de um redator freelancer de um redator freelancer Introdução 04 Horário flexível, ausência do chefe, mas... 06 Monte sua planilha financeira 09 Sim, impostos também existem para você 12 Nem tudo são flores 15 Saiba onde você quer

Leia mais

Caderneta de Poupança

Caderneta de Poupança Caderneta de Poupança A Caderneta de Poupança é uma das mais antigas e populares formas de aplicação financeira existente no Brasil e foi concebida para atender poupadores de baixa renda, com reduzida

Leia mais

Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009

Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009 Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009 Seção: Estilo&Gestão RH Pág.: www.catho.com.br Assunto: Entrevista Marly Vidal Marly Macedo ajuda a Sabin a ser uma das melhores empresas para trabalhar Tatiana Aude

Leia mais

plano Taesaprev Editada em fevereiro de 2012

plano Taesaprev Editada em fevereiro de 2012 plano Taesaprev Editada em fevereiro de 2012 Apresentação Ativo, rentabilidade, renda fixa, perfil de investimento... Se você tem o hábito de se informar sobre como anda o dinheiro investido no seu plano

Leia mais

Veja 10 fatores a serem avaliados ao receber proposta de emprego

Veja 10 fatores a serem avaliados ao receber proposta de emprego Terça-feira, 10 de dezembro de 2013 Atualizado em 10/12/2013 08h00 Veja 10 fatores a serem avaliados ao receber proposta de emprego Profissional deve pesar salário, plano de carreira, horário, entre outros.

Leia mais

INSTRUMENTO DE APOIO GERENCIAL

INSTRUMENTO DE APOIO GERENCIAL INSTRUMENTO DE APOIO GERENCIAL 0405 05 IDENTIFICAÇÃO: Título: ORÇAMENTO EMPRESARIAL Atributo: ADMINISTRAÇÃO EFICIENTE Processo: PLANEJAMENTO E CONTROLE ORÇAMENTÁRIO O QUE É : É um instrumento de planejamento

Leia mais

cartilha educação financeira

cartilha educação financeira cartilha educação financeira cartilha educação financeira A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO FINANCEIRA A educação financeira é decisiva para o bem-estar presente e futuro das famílias, contudo, ela nem sempre

Leia mais

Como driblar a crise. e obter sucesso no Gerenciamento de Projetos

Como driblar a crise. e obter sucesso no Gerenciamento de Projetos Como driblar a crise e obter sucesso no Gerenciamento de Projetos COMO DRIBLAR A CRISE E OBTER SUCESSO NO GERENCIAMENTO DE PROJETOS Índice Introdução 03 A crise 04 Conclusão 22 Sobre a Projectlab 24 8

Leia mais

Sede Sebrae Nacional

Sede Sebrae Nacional Sede Sebrae Nacional Somos o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresa, uma entidade privada sem fins lucrativos, e a nossa missão é promover a competitividade e o desenvolvimento sustentável

Leia mais

TIPOS DE INVESTIMENTO

TIPOS DE INVESTIMENTO TIPOS DE INVESTIMENTO CDB O Certificado de Depósito Bancário (CDB) e o Recibo de Depósito Bancário, (RDB) são os mais antigos e utilizados títulos de captação do setor privado. São oficialmente conhecidos

Leia mais

Relatório Gestão do Projeto 2013

Relatório Gestão do Projeto 2013 Relatório Gestão do Projeto 2013 Fundação Aperam Acesita e Junior Achievement Minas Gerais: UMA PARCERIA DE SUCESSO SUMÁRIO Resultados 2013... 6 Resultados dos Programas... 7 Programa Vamos Falar de Ética...

Leia mais

Aprenda a fazer uma pequena quantia de sua renda crescer

Aprenda a fazer uma pequena quantia de sua renda crescer Veículo: Diário do Comércio Data: 24/10/15 Aprenda a fazer uma pequena quantia de sua renda crescer Para obter um retorno próximo (ou superior) aos 14,25% da Selic, o investidor deve descobrir o prazo

Leia mais

André Proite. Novembro de 2012

André Proite. Novembro de 2012 Tesouro Direto André Proite Rio de Janeiro, Novembro de 2012 Princípios da Gestão da Dívida Visão Geral do Programa Vantagens do Tesouro Direto Entendendo o que altera o preço Simulador do Tesouro Direto

Leia mais

PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL

PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL PESQUISA DE CLIMA MOTIVACIONAL Relatório e Análise 2005 Introdução: ``Para que a Construtora Mello Azevedo atinja seus objetivos é necessário que a equipe tenha uma atitude vencedora, busque sempre resultados

Leia mais

Sicredi União PR e ACEJ: Uma parceria que coopera com o seu crescimento.

Sicredi União PR e ACEJ: Uma parceria que coopera com o seu crescimento. Sicredi União PR e ACEJ: Uma parceria que coopera com o seu crescimento. Parceria Sicredi e ACEJ O objetivo desta parceria é proporcionar redução de custo financeiro para os empresários de Jaguapitã através

Leia mais

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções.

Estratégias para aumentar a rentabilidade. Indicadores importantes. Controle a produção. Reduza filas. Trabalhe com promoções. Uma publicação: Estratégias para aumentar a rentabilidade 04 Indicadores importantes 06 Controle a produção 08 Reduza filas 09 Trabalhe com promoções 10 Conclusões 11 Introdução Dinheiro em caixa. Em qualquer

Leia mais

Resumo de Análise de Projetos de Investimento

Resumo de Análise de Projetos de Investimento Agosto/2011 Resumo de Análise de Projetos de Investimento Valor Quanto vale um ativo? Quanto vale uma empresa? Quanto vale um projeto? Valor Contábil É o valor da empresa para a Contabilidade. Ou seja,

Leia mais

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice

7 Passos Para a Criação de Uma Boa Loja Virtual. Índice 2 Índice Introdução... 3 Passo 1 Entender o que é Venda Online e E-commerce... 4 Passo 2 Entender o Mercado de Comércio Eletrônico... 5 Passo 3 Canais de Venda... 6 Passo 4 Como identificar uma Boa Plataforma

Leia mais

Como investir no Tesouro Direto Compra e venda de títulos públicos pode ser feita online, pelo próprio investidor

Como investir no Tesouro Direto Compra e venda de títulos públicos pode ser feita online, pelo próprio investidor UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO, ATUÁRIA E CONTABILIDADE DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO Análise de Investimentos Prof. Isidro LEITURA COMPLEMENTAR # 19 Como investir no

Leia mais

Manual Perfis de Investimentos

Manual Perfis de Investimentos Manual Perfis de Investimentos 2015 Manual de Perfis de Investimentos Índice Perfi s de Investimentos Avonprev... 4 Por que existem os Perfi s de Investimentos... 5 O que são Perfi s de Investimentos...

Leia mais

Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos

Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos Termos e Condições para opção pelos Novos Perfis de Investimentos Conforme aprovado pelo Conselho Deliberativo em reunião realizada em 4 de abril de 2011 a São Bernardo implementará em 1º de julho de 2011

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL (SIG) Conjunto integrado de pessoas, procedimentos, banco de dados e dispositivos que suprem os gerentes e os tomadores

Leia mais

Terceirização e plano Brasil Maior são destaques em palestras na Câmara 18/08/2011

Terceirização e plano Brasil Maior são destaques em palestras na Câmara 18/08/2011 Terceirização e plano Brasil Maior são destaques em palestras na Câmara 18/08/2011 A oitava reunião mensal do ano da Comissão Trabalhista e de Gestão Empresarial superou as expectativas. 50 representantes

Leia mais

Fase 2 (setembro 2012) Sondagem: Expectativas Econômicas do Transportador Rodoviário - 2012

Fase 2 (setembro 2012) Sondagem: Expectativas Econômicas do Transportador Rodoviário - 2012 Sondagem: Expectativas Econômicas do Transportador Rodoviário - 2012 Apresentação A sondagem Expectativas Econômicas do Transportador Rodoviário 2012 Fase 2 apresenta a visão do empresário do transporte

Leia mais

ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS

ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS PREFEITURA FAZ INFORMATIVO DA PREFEITURA DE CONTAGEM CONTAGEM - Nº 23 - JUNHO - 2010 ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS Prefeitura valoriza servidores para melhorar qualidade dos serviços Nos últimos cinco anos,

Leia mais

CONSUMIR? SEU DINHEIRO VOCÊ SABE #212. Especialista diz que brasileiro não sabe comprar

CONSUMIR? SEU DINHEIRO VOCÊ SABE #212. Especialista diz que brasileiro não sabe comprar #212 SEU DINHEIRO A SUA REVISTA DE FINANÇAS PESSOAIS VOCÊ SABE CONSUMIR? Especialista diz que brasileiro não sabe comprar COMO PARAR ANTES DO TEMPO CONHEÇA A MELHOR ESTRATÉGIA PARA LARGAR O BATENTE AOS

Leia mais

COMPRA. certa. Treinamento para o profissional de compras. Tributação e seus impactos na rentabilidade. www.contento.com.br

COMPRA. certa. Treinamento para o profissional de compras. Tributação e seus impactos na rentabilidade. www.contento.com.br COMPRA certa Treinamento para o profissional de compras www.contento.com.br 503117 Tributação e seus impactos na rentabilidade editorial Calculando a rentabilidade Gerir uma farmácia requer conhecimentos

Leia mais

5ª EDIÇÃO. Agenda. 08 de Outubro 2015. Hotel Green Place Flat São Paulo, SP. Realização: www.corpbusiness.com.br

5ª EDIÇÃO. Agenda. 08 de Outubro 2015. Hotel Green Place Flat São Paulo, SP. Realização: www.corpbusiness.com.br Agenda 5ª EDIÇÃO 08 de Outubro 2015 Hotel Green Place Flat São Paulo, SP Realização: www.corpbusiness.com.br Patrocínio Gold Patrocínio Bronze Apoio Realização: APRESENTAÇÃO COMO ESTABELECER UM PROGRAMA

Leia mais

Guia de Renda Fixa. 1. Principais Características

Guia de Renda Fixa. 1. Principais Características Guia de Renda Fixa Os títulos de renda fixa se caracterizam por possuírem regras definidas de remuneração. Isto é, são aqueles títulos cujo rendimento é conhecido previamente (juro prefixado) ou que depende

Leia mais

O melhor crédito para você

O melhor crédito para você 1016324-4 - abr/2012 Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? No site www.itau.com.br/usoconsciente, você encontra vídeos, testes e informações para uma gestão financeira eficiente. Acesse

Leia mais

manual liga elo7 2.0 ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES PARA PLANEJAMENTO DE EVENTOS

manual liga elo7 2.0 ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES PARA PLANEJAMENTO DE EVENTOS ORIENTAÇÕES E RECOMENDAÇÕES PARA PLANEJAMENTO DE EVENTOS Olá Elosetter, Então você está com vontade de organizar um evento? O Elo7 incentiva as ações que fortaleçam e integram a comunidade artesanal e

Leia mais

Renda fixa e Tesouro Direto

Renda fixa e Tesouro Direto Renda fixa e Tesouro Direto Classificação de investimentos Collor CDB Renda fixa Caderneta de poupança Fundos DI Imóveis Renda variável Ações Liquidez Liquidez Liquidez Segurança Segurança Segurança Rentabilidade

Leia mais

Curso Preparatório CEA

Curso Preparatório CEA Curso Preparatório Tel: 4004-0435 ramal 4505 Email: contato@ifb.net.br CEA 1ª Edição 13. Matemática Financeira Na prova da ANBIMA, para o CEA, não só é permitido usar calculadora como deve-se utilizar

Leia mais

Resumo das regras nas medidas provisórias nº 664 e nº 665

Resumo das regras nas medidas provisórias nº 664 e nº 665 Resumo das regras nas medidas provisórias nº 664 e nº 665 Cenário Aumentou o emprego e a formalização: 15,5 milhões no setor privado de 2003 a 2013 Base de segurados da previdência aumentou em 30 milhões

Leia mais

UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011

UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011 UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011 Entendendo as mordidas do leão como funciona o cálculo do imposto de renda Profa. Raquel Lehrer Todos

Leia mais

Curso Preparatório ANBIMA - CPA-10 Curso Preparatório ANBIMA - CPA-20

Curso Preparatório ANBIMA - CPA-10 Curso Preparatório ANBIMA - CPA-20 Solange Honorato Curso Preparatório ANBIMA - CPA-10 Curso Preparatório ANBIMA - CPA-20 Módulo VI CPA10 Demais produtos de Investimentos Pg 70 De 8 a 13 Questões na prova (15% a 25%) Demais produtos de

Leia mais