CONTABILIDADE EM TEMPO REAL

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTABILIDADE EM TEMPO REAL"

Transcrição

1 CONTABILIDADE EM TEMPO REAL

2 A EMPRESA A SINC CONTABILIDADE é uma organização especialista em assessoria nas áreas: CONTÁBIL, FISCAL, SOCIETÁRIA e TRABALHISTA. Contamos com uma equipe de profissionais qualificados em suas respectivas áreas de atuação, apoiada por uma estrutura moderna e focada em tecnologia, processos e métodos para facilitar a vida dos clientes. Nossa filosofia será sempre buscar as melhores práticas relacionadas à prestação de serviços contábeis, agindo com bom atendimento, transparência e ética no fornecimento de informações patrimoniais dos nossos clientes.

3 CONTABILIDADE EM TEMPO REAL Para aumentar a agilidade e segurança em nossos serviços investimos continuamente em tecnologia. Cada cliente possui uma Área Restrita de sua empresa em nosso Portal com todos os seus Documentos, Guias de Impostos, Certidões Atualizadas, DRE, Balanço, Folha de Pagamento, entre outros, totalmente disponíveis online. Temos ainda simuladores de uso livre em nosso site para o auxílio em diversas atividades dos empresários e contadores, os apresentaremos nos próximos slides. Benefícios da Tecnologia na Contabilidade 1. Importação de Documentos (Centenas de horas gastas na digitação de documentos é coisa do passado. Através da utilização de sistemas modernos, importamos todos os seus documentos de forma automática, inclusive suas notas fiscais). 2. Seus Impostos em Dia (Nunca mais esqueça o vencimento das guias de impostos. Disponibilizamos as guias online, em tempo hábil para o pagamento.). 3. Documentos à Mão 24hs (Chega de implorar para receber seus livros ou documentos contábeis. Seus documentos contábeis estão disponíveis online e em poucos cliques. Consulte os relatórios, saiba o resultado financeiro e tome decisões importantes em sua empresa).

4 SIMULADOR DE PLANEJAMENTO TRBIUTÁRIO ONLINE O Planejamento das operações e suas consequências tributárias se tornaram informações muito relevantesnomundodehoje,ondea competitividade está cada vez maior e mais presente nos mais diversos segmentos. Nosso sistema permite realizar o Planejamento Tributário de sua empresa fazendo a comparação entre os regimes: Simples Nacional x Lucro Presumido x Lucro Real.

5 SIMULADOR PARA CÁLCULO ENCARGOS E BENEFÍCIOS SOBRE O SALÁRIO Nosso simulador visa encontrar uma estimativa do valor gasto pela empresa para se manter um funcionário considerando a soma das verbas trabalhistas: 13º, adicional de férias, vale alimentação e transporte, além das contribuições sociais como o INSS, considerando também indenizações em caso de demissão; reunindo os impostos e encargos previstos em lei.

6 SIMULADOR PARA ACHAR O VALOR DE RECUPERUÇÃO DE ICMS SOBRE ATIVO FIXO De acordo com a nova redação do art. 20, 5º, da Lei Complementar nº 87/96 dada pela Lei Complementar nº 102/00, a apropriação do crédito do ICMS incidente sobre o bem adquirido para o ativo imobilizado será feita à razão de 1/48 por mês e proporcional à relação das saídas tributadas e o total de saídas, devendo a primeira fração ser apropriada no mês em que ocorrer a entrada no estabelecimento.

7 SIMULADOR PARA BUSCA DE ALÍQUOTA INICIAL DO SIMPLES NACIONAL A partir de uma palavra-chave com parte da descrição da atividade de seu interesse será fornecido além do Código CNAE, a Denominação Social, Anexo e Alíquota Inicial da mesma no Simples Nacional e se esta atividade está permitida ou não o enquadramento no mesmo.

8 SERVIÇO: ASSESSORIA SOCIETÁRIA Oferecemos toda a assessoria nesta etapa, desde a escolha do tipo jurídico até a sistemática de tributação, para que você economize legalmente o máximo nos tributos, fazendo ainda a elaboração dos documentos e visitas aos órgãos caso necessário. Principais Atividades : - Abertura, incorporação, cisão parcial ou total. Atualização e revisão de documentos e obrigações em atraso. - Constituição e aberturas de empresas: empresas nacionais ou internacionais. - Alterações sociais e registros nos órgão e autarquias concernentes: mudanças de endereço ou quadro societário. - Levantamentos, Legalização e Regularização de documentação de empresas.

9 SERVIÇO: ASSESSORIA TRABALHISTA Esta área é imprescindível para qualquer empresa que tenha funcionário, sendo responsável pela execução de toda a rotina do departamento de pessoal. Cabe ainda a ela a apuração dos tributos e das guias de recolhimento, além de dar consultoria específica referente à legislação pertinente, nas áreas Trabalhista, Previdenciária, Fundiária e Sindical. Atividades Executadas: - Admissão de funcionários. - Atualização de CTPS e ficha/livro de registro. - Atualização e informações de acordos coletivos. - Emissão de informe de rendimento dos funcionários. - Processamento da folha de pagamento. -Preparação de declarações fiscais e previdenciárias, tais como: DIRF / Informes de Rendimentos / CAGED. - Cálculo e controle de férias. - Cálculos rescisórios. - Cálculo de 13º Salário. - Acompanhamento à homologações.

10 SERVIÇO: ASSESSORIA CONTÁBIL A Área Contábil é responsável pelo processamento das movimentações econômicas e financeiras de empresas e entidades, possibilitando a geração de informações contábeis e gerenciais. Atividades Executadas: - Elaboração de balancetes, balanços patrimoniais. - Processamento de informações contábeis. - Elaboração de Demonstrações Financeiras. - Relatórios Gerenciais. - Escrituração contábil e SPED. - Contabilidade adaptada às normas contábeis internacionais. - Apuração dos resultados mensais ou trimestrais. - Declaração de Imposto de Renda Pessoa Jurídica. - Controle e Administração dos bens do Ativo Fixo com relatórios gerenciais. - Atendimento a fiscalizações e auditorias externas e internas.

11 SERVIÇO: ASSESSORIA FISCAL Responsável pelo processamento das movimentações fiscais geradas pelas empresas. Através do nosso sistema de processamento importamos automaticamente as Notas Fiscais Eletrônicas e também a Memória das Impressoras Fiscais direto da da Receita Federal. Atividades Executadas: - Cálculos dos tributos federais, estaduais e municipais: ICMS, IRPJ, IPI, PIS, COFINS, CSLL, ISS entre outros. - Preparação dos arquivos SPED s e EFD s. - Geração dos arquivos para o Sped Fiscal (ICMS-IPI) junto com o detalhamento de operações fornecidas pelo cliente em relação ao itens de produtos movimentados: entradas, saídas, inventário (Bloco H) e Controle de produção de estoques(bloco K). - Elaboração das demais informações fiscais, inclusive, SISCOSERV. - Armazenamos por seis anos as NF-es/CTes recebidas e emitidas com toda segurança e praticidade.

12 NOSSA MISSÃO Atender às necessidades e expectativas de gestão contábil dos clientes, agindo com ética, transparência e responsabilidade.

13 Endereço: Av. Almirante Wandenkolk nº 1243, Sala 401 CEP: Nazaré Belém/PA Telefone: (91) / (91) Contador: Jean Bitar

Satisfação dos interesses e necessidade do seu negócio.

Satisfação dos interesses e necessidade do seu negócio. Satisfação dos interesses e necessidade do seu negócio. Av. C-18, 404, Qd. 173, Lt. 19 S. Sudoeste Goiânia Goiás TEL: +55 (62) 3088-1130 CNPJ: 10.552.050/0001-35 Inscrição Municipal: 257.865-4 E-MAIL:

Leia mais

SPED GESTÃO E TREINAMENTO LTDA Av. Guilherme Cotching, 1948, Conj. 20 V. Maria - 02113-014 São Paulo SP (11) 2386-8850 / 2386-8851

SPED GESTÃO E TREINAMENTO LTDA Av. Guilherme Cotching, 1948, Conj. 20 V. Maria - 02113-014 São Paulo SP (11) 2386-8850 / 2386-8851 www.gefisc.com.br SPED GESTÃO E TREINAMENTO LTDA Av. Guilherme Cotching, 1948, Conj. 20 V. Maria - 02113-014 São Paulo SP (11) 2386-8850 / 2386-8851 UNIDADE SOROCABA/SP Rua Elisa Bramante Francisco, 15

Leia mais

CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTABILIDADE

CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTABILIDADE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO DE CONTABILIDADE CONTRATO DE GESTÃO IGAM/ABHA N 002/2009 = TERMO DE REFERÊNCIA = REPETIÇÃO DE PROCESSO PROCESSO SELETIVO 004-A/2012 ARAGUARI - MG ABRIL / 2012 1. INTRODUÇÃO 1.1.

Leia mais

esocial esocial Compartilhar informações integradas e atualizadas através de um único banco de dados entre os órgãos envolvidos;

esocial esocial Compartilhar informações integradas e atualizadas através de um único banco de dados entre os órgãos envolvidos; Ref.: nº 34/2013 esocial 1. Conceito O esocial é um projeto do Governo Federal que vai coletar as informações descritas em seu objeto, armazenando-as em Ambiente Nacional, possibilitando aos órgãos participantes,

Leia mais

Emenda Constitucional nº. 42 (19/03/2003)

Emenda Constitucional nº. 42 (19/03/2003) EVOLUÇÃO Emenda Constitucional nº. 42 (19/03/2003) Art. 37 da Constituição Federal... XXII as administrações tributárias da União dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios,... e autuarão de forma

Leia mais

Escrituração Contábil Fiscal - ECF

Escrituração Contábil Fiscal - ECF EMPRESAS LUCRO REAL As empresas que são tributadas pelo Lucro Real, pagam o IRPJ e a CSLL com base no lucro obtido em sua contabilidade, ajustado de receitas e despesas que não devem ser consideradas,

Leia mais

ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL

ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL LEGISLAÇÃO Diante da mais nova modernização das obrigações que o Brasil está passando, um dos mais importantes impostos do país não poderia ficar de fora. Com a publicação

Leia mais

"A verdadeira motivação vem de realização, desenvolvimento pessoal, satisfação no trabalho e reconhecimento." - Frederick Herzberg

A verdadeira motivação vem de realização, desenvolvimento pessoal, satisfação no trabalho e reconhecimento. - Frederick Herzberg "A verdadeira motivação vem de realização, desenvolvimento pessoal, satisfação no trabalho e reconhecimento." - Frederick Herzberg EMPRESA JJ Contabilidade foi fundada a mais de duas décadas, por João

Leia mais

MISSÃO A KOMCORP VISÃO. VALORES Ética Comprometimento Entusiasmo - Gratidão

MISSÃO A KOMCORP VISÃO. VALORES Ética Comprometimento Entusiasmo - Gratidão MISSÃO A KOMCORP São quase três décadas em constante atualização. Atenta às revoluções tecnológicas e de olho nas mudanças sociais. Aprimorar, diferenciar e inovar são verbos conjugados à exaustão. Competência

Leia mais

O SPED foi instituído pelo Decreto nº 6.022/2007 com o conceito de modernização da sistemática do cumprimento das obrigações acessórias, transmitidas

O SPED foi instituído pelo Decreto nº 6.022/2007 com o conceito de modernização da sistemática do cumprimento das obrigações acessórias, transmitidas Bem vindo a O SPED foi instituído pelo Decreto nº 6.022/2007 com o conceito de modernização da sistemática do cumprimento das obrigações acessórias, transmitidas pelos contribuintes às administrações tributárias

Leia mais

MISSÃO VISÃO INOVAÇÃO ÉTICA CONFIANÇA COMPROMETIMENTO EFICIÊNCIA TRANSPARÊNCIA

MISSÃO VISÃO INOVAÇÃO ÉTICA CONFIANÇA COMPROMETIMENTO EFICIÊNCIA TRANSPARÊNCIA QUEM SOMOS A VP Consultoria é uma empresa que atua nos segmentos de Consultoria Contábil e Fiscal, de Recursos Humanos, Tributário e Societário e de Gestão Financeira. Contamos com uma equipe de profissionais

Leia mais

Atividades das áreas Contábil, Fiscal e Trabalhista

Atividades das áreas Contábil, Fiscal e Trabalhista Circular Nº 28/2016 São Paulo, 01 setembro 2016. Prezado Cliente, Atividas das áreas, e Como é seu conhecimento, o Brasil é um dos países mais complexos no que tange as questões fiscais, tributárias e

Leia mais

RESOLUÇÃO N 41/2009/CONEPE. O CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO da UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE no uso de suas atribuições legais e;

RESOLUÇÃO N 41/2009/CONEPE. O CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO da UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE no uso de suas atribuições legais e; SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO DO ENSINO, DA PESQUISA E DA EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 41/2009/CONEPE Aprova alteração na Departamentalização do Núcleo

Leia mais

Treinamentos do Programa de Educação Profissional Continuada do CRC

Treinamentos do Programa de Educação Profissional Continuada do CRC Treinamentos do Programa de Educação Profissional Continuada do CRC Temas Ativos 2017 Pontuação Geral Categoria(s) Pontuadas(s) ÁREA CONTÁBIL 1 Análise das Demonstrações Contábeis (Com Foco em Preparadores

Leia mais

Neste bip. Novas Configurações de Plano de Saúde. Você Sabia? Edição 49 Setembro de 2014

Neste bip. Novas Configurações de Plano de Saúde. Você Sabia? Edição 49 Setembro de 2014 Neste bip Novas configurações de plano de saúde... 1 Alterações no Rumo para o CAGED... 2 Cuidado ao instalar o programa DAPI... 2 Data de entrada ao importar notas do site... 3 Importação de extrato bancário...

Leia mais

APRESENTAÇÃO DADOS PESSOAIS DADOS DE ESCOLARIDADE

APRESENTAÇÃO DADOS PESSOAIS DADOS DE ESCOLARIDADE JOSÉ TOMÁS RIBEIRO tomasslz2012@gmail.com Rua São José, 38 Sacavém São Luís/MA Celular: 98 98820 7562 Casa: 3275 2901 APRESENTAÇÃO O objetivo deste presente CV, é apresentar-me para os diversos segmentos

Leia mais

Sistema Fiscal. Integração via Chave de Acesso XML. Menu

Sistema Fiscal. Integração via Chave de Acesso XML. Menu Soluções Sistema Fiscal Integração via Chave de Acesso XML Sistema Fiscal Importação de XML em Lote Sistema Fiscal Integração via Portal XML-e Sistema Fiscal Mapa de Apuração / Fechamento Tratamento por

Leia mais

Prof Flávio S. Ferreira

Prof Flávio S. Ferreira Prof Flávio S. Ferreira flavioferreira@live.estacio.br http://flaviosferreira.wordpress.com 1 Conceitos Introdutórios Receita produto da venda Gasto sacrifício financeiro Investimento gasto ativado em

Leia mais

Material de Apoio Comercial. Retornos de Resultados!

Material de Apoio Comercial. Retornos de Resultados! Material de Apoio Comercial Retornos de Resultados! Estrutura do Comercial 1 a 6 - Segmentação de Clientes por Serviços Contábeis A a F - Portfólio de Serviços Contábeis (Assessorias e Consultorias) e

Leia mais

Slide 1 O CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES FISCAIS ATRAVÉS DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS. Slide 2. Slide 3 DADOS DISPONÍVEIS AO FISCO

Slide 1 O CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES FISCAIS ATRAVÉS DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS. Slide 2. Slide 3 DADOS DISPONÍVEIS AO FISCO Slide 1 O CRUZAMENTO DE INFORMAÇÕES FISCAIS ATRAVÉS DAS OBRIGAÇÕES ACESSÓRIAS Nilson José Goedert Contador 2016 Slide 2 Obrigações Federais para Pessoas Jurídicas em Geral: 1. SPED Sistema Público de Escrituração

Leia mais

Escrito por Eduardo Sex, 09 de Outubro de 2009 08:28 - Última atualização Qua, 09 de Dezembro de 2009 14:05

Escrito por Eduardo Sex, 09 de Outubro de 2009 08:28 - Última atualização Qua, 09 de Dezembro de 2009 14:05 Os códigos de situação tributária abaixo identificados para ICMS foram extraídos do manual de integração da Nota Fiscal Eletrônica - NF-e, disponível também no endereço: http://www.nfe.fazenda.gov.br/portal/integracao.aspx,

Leia mais

ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015

ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015 ECF- Escrituração Contábil Fiscal 2015 Versão 1.2 (26/08/2015) Prazo de entrega 2015-30/09/2015. Instrução Normativa RFB nº 1524, de 08 de dezembro de 2014) Art. 3º A ECF será transmitida anualmente ao

Leia mais

Boletim Mensal - Dezembro/2015

Boletim Mensal - Dezembro/2015 Boletim Mensal - Dezembro/2015 Fiscal Contábil RH Notícias Calendário Obrigações Fiscal Receita abre consulta ao último lote de restituição do IR. Para fazer a consulta, o contribuinte deve acessar a página

Leia mais

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL

EMPREENDEDOR INDIVIDUAL EMPREENDEDOR INDIVIDUAL 1 Oportunidade de regularização para os empreendedores individuais, desde a vendedora de cosméticos, da carrocinha de cachorro-quente ao pipoqueiro. 2 Receita Bruta de até R$ 36

Leia mais

Título: Como importar as informações do registro P300 referente ao cálculo do IRPJ?

Título: Como importar as informações do registro P300 referente ao cálculo do IRPJ? Título: Como importar as informações do registro P300 referente ao cálculo do IRPJ? Esta opção estará disponível somente para empresas com forma de tributação de lucro: Lucro Presumido. 1 IMPORTAÇÃO SPED

Leia mais

Sistema Fiscal. Integração via Chave de Acesso XML. Menu

Sistema Fiscal. Integração via Chave de Acesso XML. Menu Soluções Sistema Fiscal Integração via Chave de Acesso XML Sistema Fiscal Importação de XML em Lote Sistema Fiscal Integração via Portal XML-e Sistema Fiscal Mapa de Apuração / Fechamento Tratamento por

Leia mais

IRPJ, CSLL, PIS, COFINS

IRPJ, CSLL, PIS, COFINS Alguns Clientes O objetivo da Studio Fiscal é oferecer serviços de consultoria tributária, buscando otimizar a carga tributária das empresas com base em trabalhos que envolvem gestão contábil, fiscal e

Leia mais

1) TRIBUTOS FEDERAIS (aplicados ao Comércio ) 2) PERFIL DO CONTADOR MODERNO

1) TRIBUTOS FEDERAIS (aplicados ao Comércio ) 2) PERFIL DO CONTADOR MODERNO 1) TRIBUTOS FEDERAIS (aplicados ao Comércio ) 2) PERFIL DO CONTADOR MODERNO Maria Alzirene Mota de Brito Empresária da Contabilidade (92) 99981-9878 / 99116-6622 TÓPICOS PARA ABORDAGEM 1) QUAIS TRIBUTOS

Leia mais

Centro Interamericano de Administrações Tributárias CIAT 46ª. ASAMBLEA GENERAL DEL CIAT

Centro Interamericano de Administrações Tributárias CIAT 46ª. ASAMBLEA GENERAL DEL CIAT Centro Interamericano de Administrações Tributárias CIAT 46ª. ASAMBLEA GENERAL DEL CIAT MELHORAR O DESEMPENHO DA ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA: O CONTROLE DE EVASÃO E ASSISTÊNCIA AOS CONTRIBUINTES Subtema 1.3

Leia mais

SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - ISS

SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - ISS 1 SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - ISS Este tutorial aborda, de forma simples e rápida, a geração do EFD-Contribuições para empresas do Lucro Presumido, que realizam a tributação de ISS. 1. Acesse

Leia mais

AS DESVANTAGENS DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL NÃO LEGALIZADO

AS DESVANTAGENS DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL NÃO LEGALIZADO AS DESVANTAGENS DO MICROEMPREENDEDOR INDIVIDUAL NÃO LEGALIZADO Eduardo Pimenta BERNARDES 1 ¹ Nathalia de Mello MENDONÇA ² Everson José JUAREZ ³ RESUMO: O presente trabalho enfoca a problemática existente

Leia mais

CURSO ANALISTA FISCAL FORTALEZA/CE - TURMA 18

CURSO ANALISTA FISCAL FORTALEZA/CE - TURMA 18 CURSO ANALISTA FISCAL FORTALEZA/CE - TURMA 18 A função de Analista Fiscal é uma das mais nobres na área fiscal de um estabelecimento, tendo em vista sua importância na verificação do processamento de todo

Leia mais

Desde 1998 no mercado e com atuação na prestação de serviços a pequenas e médias empresas, a Tecnicont oferece uma solução completa de terceirização

Desde 1998 no mercado e com atuação na prestação de serviços a pequenas e médias empresas, a Tecnicont oferece uma solução completa de terceirização Desde 1998 no mercado e com atuação na prestação de serviços a pequenas e médias empresas, a Tecnicont oferece uma solução completa de terceirização nas áreas contábil, fiscal e de recursos humanos, com

Leia mais

Torne seu negócio mais seguro e lucrativo com a

Torne seu negócio mais seguro e lucrativo com a Torne seu negócio mais seguro e lucrativo com a E scritório de Contabilidade, Consultoria Tributária e Análises Financeiras, tudo FOCADO 100% em Supermercados Nossa razão de existir: ir além dos aspectos

Leia mais

NOSSA SOLUÇÕES VALORES Solidez: Buscar crescimento sustentável com geração de valores.

NOSSA SOLUÇÕES VALORES  Solidez: Buscar crescimento sustentável com geração de valores. Escritório Paulista Soluções Contábeis, Empresariais e Tributárias, localizado à Avenida dos Ferroviários, 596 - Vila Xavier (Próximo a Caixa Econômica da Alameda Paulista), empresa de prestação de serviços

Leia mais

Gestão de. Recursos Humanos SOLUÇÕES WK PAGADORIA TERCEIROS PONTO ELETRÔNICO DESONERAÇÃO BENEFÍCIOS EMPRÉSTIMOS CARGOS E SALÁRIOS SEGURANÇA DE CUSTOS

Gestão de. Recursos Humanos SOLUÇÕES WK PAGADORIA TERCEIROS PONTO ELETRÔNICO DESONERAÇÃO BENEFÍCIOS EMPRÉSTIMOS CARGOS E SALÁRIOS SEGURANÇA DE CUSTOS SOLUÇÕES WK RH Gestão de Recursos Humanos As Soluções WK para Gestão de Pessoas integram processos e controles operacionais do departamento pessoal relacionados ao esocial, Ponto Eletrônico, Benefícios,

Leia mais

SIMPLES NACIONAL. Corretor de Imóveis

SIMPLES NACIONAL. Corretor de Imóveis SIMPLES NACIONAL Corretor de Imóveis MARIA RICARTE CRC-CE: 016078/O-9 Contadora, graduada em Ciências Contábeis pela Universidade Estadual do Ceará UECE. Profissional com vastos conhecimentos nas áreas:

Leia mais

Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015 (Ano-Calendário 2014) Junho de 2015

Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015 (Ano-Calendário 2014) Junho de 2015 Painel Escrituração Contábil Fiscal 2015 (Ano-Calendário 2014) Junho de 2015 Agenda 1 Quem está com você hoje 2 Informações Gerais sobre a ECF 3 Escrituração Contábil Fiscal (ECF) Blocos e Registros 1

Leia mais

Título: Conteúdo Contábil Tributário Comparativo Regime Tributário

Título: Conteúdo Contábil Tributário Comparativo Regime Tributário Título: Conteúdo Contábil Tributário Comparativo Regime Tributário 1- FUNCIONALIDADE: por meio da opção COMPARATIVO REGIME TRIBUTÁRIO do sistema Domínio você é direcionado automaticamente para a opção

Leia mais

SISTEMA ISS - CURITIBA LIVRO ELETRÔNICO

SISTEMA ISS - CURITIBA LIVRO ELETRÔNICO PREFEITURA MUNICIPAL DE CURITIBA SECRETARIA MUNICIPAL DE FINANÇAS DEPARTAMENTO DE RENDAS MOBILIÁRIAS SISTEMA ISS - CURITIBA LIVRO ELETRÔNICO EMPRESAS Curitiba 2008 2 1 - CONCEITO O Sistema ISS Curitiba

Leia mais

Neste bip. Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego. Você Sabia? Edição 68 Abril de 2016

Neste bip. Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego. Você Sabia? Edição 68 Abril de 2016 Neste bip Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego... 1 Geração dos recibos de vale transporte... 2 Horário de Trabalho... 3 Dicas para resolver erros do Seguro Desemprego O validador do arquivo

Leia mais

Título: Como configurar uma empresa de atividade imobiliária com Sociedade em Conta de Participação - SCP?

Título: Como configurar uma empresa de atividade imobiliária com Sociedade em Conta de Participação - SCP? Título: Como configurar uma empresa de atividade imobiliária com Sociedade em Conta de Participação - SCP? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE e clique em PARÂMETROS; 1.2 Clique no botão

Leia mais

Orientações Consultoria de Segmentos Detalhamento de Receitas Recebidas no Registro F500 do SPED Contribuições 21/07/14

Orientações Consultoria de Segmentos Detalhamento de Receitas Recebidas no Registro F500 do SPED Contribuições 21/07/14 21/07/14 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas Apresentadas pelo Cliente... 3 2.1. Perguntas RFB... 3 2.2. Artigo Portal Tributário... 4 3. Análise da Consultoria... 4 3.1. Manual SPED...

Leia mais

IMPACTOS DA MUDANÇA TRIBUTÁRIA NAS EMPRESAS QUE NECESSITAM OPTAR POR OUTRO REGIME DE TRIBUTAÇÃO

IMPACTOS DA MUDANÇA TRIBUTÁRIA NAS EMPRESAS QUE NECESSITAM OPTAR POR OUTRO REGIME DE TRIBUTAÇÃO IMPACTOS DA MUDANÇA TRIBUTÁRIA NAS EMPRESAS QUE NECESSITAM OPTAR POR OUTRO REGIME DE TRIBUTAÇÃO Bartira Escobar 1 Nádia Cristina de Castilhos INTRODUÇÃO Esta pesquisa apresenta como tema central buscar

Leia mais

13/06/2016 SPED ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL NOVIDADES Prof. Fellipe Guerra Ceará, 10 de Junho de 2016.

13/06/2016 SPED ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL NOVIDADES Prof. Fellipe Guerra Ceará, 10 de Junho de 2016. SPED ECF ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL FISCAL NOVIDADES 2016 Prof. Fellipe Guerra Ceará, 10 de Junho de 2016. 1 2 3 1.218.088 CONTABILIDADE NO BRASIL Lei 6.404/1976 Lei 12.973/2014 Decreto Lei 1.598/1977 Lei 11.941/2009

Leia mais

INSTITUTO COMUNITÁRIO GRANDE FLORIANÓPOLIS - ICOM

INSTITUTO COMUNITÁRIO GRANDE FLORIANÓPOLIS - ICOM INSTITUTO COMUNITÁRIO GRANDE FLORIANÓPOLIS - ICOM DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS REFERENTES AO EXERCÍCIO FINDO EM 31 DE DEZEMBRO DE 2007 E PARECER DOS AUDITORES INDEPENDENTES A BDO International é uma rede mundial

Leia mais

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED

ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED ECF DIPJ INCLUÍDA NO SPED O que é ECF Escrituração Contábil Fiscal? Demonstra o cálculo do IRPJ e da CSLL Sucessora da DIPJ Faz parte do projeto SPED Instituída pela Instrução Normativa RFB 1.422/2013

Leia mais

OS IMPACTOS DOS REGIMES TRIBUTÁRIOS SOBRE O RESULTADO DOS EXERCÍCIOS

OS IMPACTOS DOS REGIMES TRIBUTÁRIOS SOBRE O RESULTADO DOS EXERCÍCIOS OS IMPACTOS DOS REGIMES TRIBUTÁRIOS SOBRE O RESULTADO DOS EXERCÍCIOS Edilson Cardoso de SOUZA 1 RESUMO: O presente artigo discorre sobre os impactos causados pelos regimes tributários sobre os resultados

Leia mais

SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - COMÉRCIO

SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - COMÉRCIO 1 SPED CONTRIBUIÇÕES LUCRO PRESUMIDO - COMÉRCIO Este tutorial aborda, de forma simples e rápida, a geração do EFD-Contribuições para empresas do Lucro Presumido, com foco em REVENDA. 1. Acesse a opção

Leia mais

1 PARÂMETROS DA EMPRESA

1 PARÂMETROS DA EMPRESA Título: Como configurar o sistema para realizar o cálculo do Simples Nacional para atividade de Serviços com anexo V a partir de 2009, conforme Lei Complementar 128/2008? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse

Leia mais

PEPC 2016 CAPACITADORA: 100 % AUDIT (PE-00028) CONTATO: EPC Auditores QTG BCB SUSEP. EPC Responsável Técnico.

PEPC 2016 CAPACITADORA: 100 % AUDIT (PE-00028) CONTATO: EPC Auditores QTG BCB SUSEP. EPC Responsável Técnico. CAPACITADORA: 100 % AUDIT (PE-00028) CONTATO: 3242-2406 COACH CONTÁBIL PE-01023 40h 40 40 40 0 CAPACITADORA: 4M TREINAMENTOS EMPRESARIAIS E ASESSORIA (PE-00022) CONTATO: 3465.7495 CREDITOS PIS/PASEP E

Leia mais

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico

PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015. Ensino Técnico PLANO DE TRABALHO DOCENTE 1º Semestre/2015 Ensino Técnico Código: ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Componente Curricular: Contabilidade Tributária e Fiscal Eixo tecnológico: Gestão e Negócios

Leia mais

OM Contabilidade Ltda Portfólio Corporativo, Brasil, 2016

OM Contabilidade Ltda Portfólio Corporativo, Brasil, 2016 OM Contabilidade Ltda Portfólio Corporativo, Brasil, 2016 Perfil e Histórico Empresa estabelecida no Rio de janeiro com mais de 25 anos de experiência no cenário financeiro brasileiro e na contabilidade

Leia mais

Grupos de Serviços Tipos de Serviços Serviços Eventuais Recorrentes

Grupos de Serviços Tipos de Serviços Serviços Eventuais Recorrentes Grupos de Serviços Tipos de Serviços Serviços Eventuais Recorrentes Desenvolvimento do Conteúdo Grupos de Serviços Centralizam todos os serviços que pertencem a determinado grupo e que serão vinculados

Leia mais

Título: Como configurar uma empresa de lucro presumido com regime de caixa?

Título: Como configurar uma empresa de lucro presumido com regime de caixa? Título: Como configurar uma empresa de lucro presumido com regime de caixa? 1 PARÂMETROS DA EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE e clique em PARÂMETROS; 1.2 Na guia GERAL, clique em IMPOSTOS; 1.3 - Verifique

Leia mais

ANALISTA FISCAL E TRIBUTÁRIO. Conhecimentos e Práticas Tributárias e Fiscais

ANALISTA FISCAL E TRIBUTÁRIO. Conhecimentos e Práticas Tributárias e Fiscais ANALISTA FISCAL E TRIBUTÁRIO Conhecimentos e Práticas Tributárias e Fiscais Objetivos do Workshop 1 Conhecer e Atualizar os Conhecimentos acerca da Legislação Tributária e Fiscal Vigente 2 Adotar Procedimentos

Leia mais

Portal Fiscal. É uma ferramenta voltada para o. Armazenamento e Auditoria de Documentos. Fiscais desde NF-e e Ct-e até Arquivos do Projeto

Portal Fiscal. É uma ferramenta voltada para o. Armazenamento e Auditoria de Documentos. Fiscais desde NF-e e Ct-e até Arquivos do Projeto O que é o Portal Fiscal? É uma ferramenta voltada para o Armazenamento e Auditoria de Documentos Fiscais desde NF-e e Ct-e até Arquivos do Projeto SPED e outras Obrigações anteriores, Como GIA, Sintegra,

Leia mais

SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF)

SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF) SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF) Este tutorial destina-se a empresas de Regime Lucro Real. A exportação para o SPED Escrituração Contábil Fiscal (ECF) no Sistema LedWin, deverá ser feita da seguinte

Leia mais

O SPED e o cruzamento das obrigações acessórias

O SPED e o cruzamento das obrigações acessórias O SPED e o cruzamento das obrigações acessórias ENTRADA DE DADOS PROCESSAMENTO DE DADOS Maior risco Entradas erradas causam saídas erradas SAÍDA DE INFORMAÇÃO Na visão de LAUDON & LAUDON(1999, p.

Leia mais

REVISÃO FISCAL. Não é novidade o fato de que o cenário fiscal brasileiro exige o conhecimento multidisciplinar dos gestores de tributos.

REVISÃO FISCAL. Não é novidade o fato de que o cenário fiscal brasileiro exige o conhecimento multidisciplinar dos gestores de tributos. REVISÃO FISCAL Não é novidade o fato de que o cenário fiscal brasileiro exige o conhecimento multidisciplinar dos gestores de tributos. As constantes alterações na legislação, a implementação do padrão

Leia mais

Soluções Integradas em Gestão de Negócios

Soluções Integradas em Gestão de Negócios Soluções Integradas em Gestão de Negócios ALMEIDA ROCHA A Almeida Rocha sempre trabalhou para atender a seus clientes de forma diferenciada, com destaque especial para um atendimento de prontidão e personalizado.

Leia mais

Projeto de Lei Alterações Imposto de Renda. 06 de maio de 2016

Projeto de Lei Alterações Imposto de Renda. 06 de maio de 2016 1 Projeto de Lei Alterações Imposto de Renda 06 de maio de 2016 Correção na tabela do IRPF 2 Alteração em 5% da tabela progressiva mensal, nas deduções e limites de isenção Validade a partir de janeiro

Leia mais

SPED ECF - Como importar as informações do registro U182 referente ao cálculo da CSLL para empresa Imune/ Isenta?

SPED ECF - Como importar as informações do registro U182 referente ao cálculo da CSLL para empresa Imune/ Isenta? SPED ECF - Como importar as informações do registro U182 referente ao cálculo da CSLL para empresa Imune/ Isenta? Esta opção estará disponível somente para empresas com forma de tributação de lucro: Imune/Isenta.

Leia mais

OPORTUNIDADES DA SEMANA

OPORTUNIDADES DA SEMANA OPORTUNIDADES DA SEMANA 04/02/2014 A Faculdade PIO XII faz questão de divulgar oportunidades de emprego e estágio que são encaminhadas pelas empresas para divulgação ou coletadas em sites e jornais. As

Leia mais

INFORMATIVO Nº 001 MÊS JANEIRO- ANO 2016

INFORMATIVO Nº 001 MÊS JANEIRO- ANO 2016 Avenida Amaral Peixoto, n.º 91 Salas 806 e 817 Centro - Volta Redonda/RJ CEP 27.253-220 Tel. (24) 3342-8800 Fax.: (24) 3342-8709 E-mail: sindcontvr@sindcontvr.org.br Site: www.sindcontvr.org.br INFORMATIVO

Leia mais

Título: Como configurar uma empresa com Sociedade em Conta de Participação?

Título: Como configurar uma empresa com Sociedade em Conta de Participação? Título: Como configurar uma empresa com Sociedade em Conta de Participação? 1 PARÂMETROS EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Clique no botão [Nova Vigência]; 1.3 Na guia GERAL,

Leia mais

Ferramenta Fiscal e Tributária para pequenas e médias Empresas

Ferramenta Fiscal e Tributária para pequenas e médias Empresas Ferramenta Fiscal e Tributária para pequenas e médias Empresas Redução de exposição fiscal, processos automatizados, ganho de produtividade e economia fiscal que a sua empresa precisa. Thomson Reuters

Leia mais

Microempreendedor Individual MEI: Constituição e Tributação

Microempreendedor Individual MEI: Constituição e Tributação Microempreendedor Individual MEI: Constituição e Tributação Quem é o Microempreendedor Individual? É a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para ser um microempreendedor

Leia mais

EI, VOCÊ AÍ! Passo a passo para as declarações de renda do MEI - Microempreendedor Individual 2014

EI, VOCÊ AÍ! Passo a passo para as declarações de renda do MEI - Microempreendedor Individual 2014 EI, VOCÊ AÍ! Regularize a situação da sua empresa com as dicas do Sebrae-SP e aproveite todos os benefícios da formalização. Passo a passo para as declarações de renda do MEI - Microempreendedor Individual

Leia mais

EXPERIÊNCIA DE MERCADO

EXPERIÊNCIA DE MERCADO QUEM SOMOS A Dias e Ribeiro Serviços Contábeis é uma empresa com um foco: atender o cliente de modo personalizado. Para isto se estruturou com ferramentas tecnológicas, profissionais competentes e uma

Leia mais

SPED. Cruzamento das Informações: CRUZAMENTOS: Aspectos conceituais 24/09/2009. Acompanhamento Diferenciado: DACON DIRF DIPJ DCOMP DCTF DARF

SPED. Cruzamento das Informações: CRUZAMENTOS: Aspectos conceituais 24/09/2009. Acompanhamento Diferenciado: DACON DIRF DIPJ DCOMP DCTF DARF Cruzamento das Informações: DACON DIRF SPED DCTF DIPJ DCOMP DARF Palestrante: Thamara Jardim CRUZAMENTOS: Aspectos conceituais Acompanhamento Diferenciado: Art. 2º O acompanhamento diferenciado deverá

Leia mais

Neste bip. Informações sobre CAGED. Você Sabia? Edição 47 Julho de 2014

Neste bip. Informações sobre CAGED. Você Sabia? Edição 47 Julho de 2014 Neste bip Informações sobre CAGED... 1 Sincronização da Integração Contábil... 2 Aviso de Vencimentos... 2 Geração do Bloco I no Rumo... 3 Livro Diário... 3 Aniversário da Priori... 4 Você Sabia? Que no

Leia mais

Drawback. 1. O que é o regime de drawback?

Drawback. 1. O que é o regime de drawback? Drawback 1. O que é o regime de drawback? O drawback é um regime aduaneiro especial que consiste na suspensão, isenção ou restituição dos tributos incidentes nos produtos utilizados no processo produtivo

Leia mais

Iob.com.br folhamatic.com.br. Índice

Iob.com.br folhamatic.com.br. Índice Índice MÓDULO BÁSICO Central Folhamatic... 06 Cadastro de Empresas... 07 Aba Básico... 07 Aba E-Fiscal... 08 Cadastros... 09 Responsável... 09 Contador... 10 Saldos... 11 ICMS e IPI... 11 PIS/PASEP, COFINS,

Leia mais

SPED Contábil - Versão 3.1.9

SPED Contábil - Versão 3.1.9 SPED Contábil - Versão 3.1.9 A Escrituração Contábil Digital (ECD) é parte integrante do projeto SPED e tem por objetivo a substituição da escrituração em papel pela escrituração transmitida via arquivo,

Leia mais

SPED ECF - Como importar as informações do registro P500 referente ao cálculo da CSLL?

SPED ECF - Como importar as informações do registro P500 referente ao cálculo da CSLL? SPED ECF - Como importar as informações do registro P500 referente ao cálculo da CSLL? Esta opção estará disponível somente para empresas com forma de tributação de lucro: Lucro Presumido. 1 IMPORTAÇÃO

Leia mais

Boletim Mensal - Outubro/2015

Boletim Mensal - Outubro/2015 Boletim Mensal - Outubro/2015 Fiscal Contábil RH Notícias Calendário Obrigações Fiscal Medida provisória aumenta imposto sobre ganho de capital. A atual alíquota, prevista pela Lei nº 8.981/1995, é de

Leia mais

Neste bip. Antecipação de Reajuste Salarial. Você Sabia? Edição 62 Outubro de 2015

Neste bip. Antecipação de Reajuste Salarial. Você Sabia? Edição 62 Outubro de 2015 Neste bip Antecipação de Reajuste Salarial... 1 Como informar retenções (notas do registro A100)de PIS e Cofins na EFD Contribuições?... 2 Importação de Extratos Bancários... 2 Recolhimento de FGTS torna-se

Leia mais

Fernando Versignassi Cirurgião dentista pela UNIP-SP / Especialista em saúde pública Experiência profissional APCD Central, Santa Casa SP,

Fernando Versignassi Cirurgião dentista pela UNIP-SP / Especialista em saúde pública Experiência profissional APCD Central, Santa Casa SP, Fernando Versignassi Cirurgião dentista pela UNIP-SP / 2001 - Especialista em saúde pública Experiência profissional APCD Central, Santa Casa SP, SPDM, Hospital Albert Einstein Palestrante Programa Integração

Leia mais

SOFOLHA SOLUÇÕES CORPORATIVAS CONSULTORIA TRIBUTÁRIA. Projeto SPED x SFFISCAL Lucro Presumido

SOFOLHA SOLUÇÕES CORPORATIVAS CONSULTORIA TRIBUTÁRIA. Projeto SPED x SFFISCAL Lucro Presumido Projeto SPED x SFFISCAL Lucro Presumido Legislação Conforme instituído pela Instrução Normativa RFB nº 1.052, de 5 de julho de 2010, sujeitam à obrigatoriedade de geração de arquivo da Escrituração Fiscal

Leia mais

Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente

Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - O que são os FUNDOS DE DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE? São recursos públicos mantidos em contas bancárias específicas. Essas contas têm a finalidade de receber repasses orçamentários e depósitos

Leia mais

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES SOCIAIS E FISCAIS 2017.2 JULHO.2017 subsequente ao AGOSTO.2017 subsequente ao SETEMBRO.2017 subsequente ao OUTUBRO.2017 subsequente ao NOVEMBRO.2017 subsequente ao DEZEMBRO.2017..

Leia mais

Escrituração Fiscal Digital de PIS/Pasep e Cofins. Sistema Público de Escrituração Digital

Escrituração Fiscal Digital de PIS/Pasep e Cofins. Sistema Público de Escrituração Digital Escrituração Fiscal Digital de PIS/Pasep e Cofins Sistema Público de Escrituração Digital ARRECADAÇÃO FEDERAL 2008 Imposto de Renda Pessoa Jurídica (SPED - ECD): 72 Bilhões PJ Não Financeiras 12 Bilhões

Leia mais

Título: Como realizar a contabilização em SCP - Sociedades em Conta de Participação?

Título: Como realizar a contabilização em SCP - Sociedades em Conta de Participação? Título: Como realizar a contabilização em SCP - Sociedades em Conta de Participação? 1 PARÂMETROS EMPRESA 1.1 Acesse o menu CONTROLE, clique em PARÂMETROS; 1.2 Na guia GERAL, opção DEFINIÇÕES, no quadro

Leia mais

O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado do Piauí, no uso das atribuições legais que lhe confere a Lei Orgânica do Município, e

O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado do Piauí, no uso das atribuições legais que lhe confere a Lei Orgânica do Município, e DECRETO Nº 9.540, DE 17 DE AGOSTO DE 2009. Disciplina a emissão da Nota Fiscal de Serviços Eletrônica NFS-e e dá outras providências, nos termos que especifica. O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado

Leia mais

TIPOS DE INVESTIMENTOS IMPORTANTES NA ELABORAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA- PARTE ll

TIPOS DE INVESTIMENTOS IMPORTANTES NA ELABORAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA- PARTE ll TIPOS DE INVESTIMENTOS IMPORTANTES NA ELABORAÇÃO DO FLUXO DE CAIXA- PARTE ll! Investimento pré-operacional! Investimento em giro! Liberação do investimento em giro! Sunk Cost Francisco Cavalcante(f_c_a@uol.com.br)

Leia mais

GERAÇÃO DA ECF NO ERP SOLUTION

GERAÇÃO DA ECF NO ERP SOLUTION Carine Lena 21/08/2015 008.016.028 1/14 GERAÇÃO DA ECF NO ERP SOLUTION Sumário 1. Plano de Contas referencial... 2 2. Geração do SPED ECF no ERP Solution... 6 3. Importação do arquivo no validador... 10

Leia mais

Neste bip. Esocial é prorrogado. Você Sabia? Listagem custos da mão de obra. Edição 73 Setembro de 2016

Neste bip. Esocial é prorrogado. Você Sabia? Listagem custos da mão de obra. Edição 73 Setembro de 2016 Neste bip Esocial é prorrogado... 1 Listagem custos da mão de obra... 1 Livro Razão... 2 Pagamento em Banco... 3 Simples Nacional Bases anteriores para o cálculo... 4 Você Sabia? Que as Notas de consumidor

Leia mais

FAPAN Faculdade de Agronegócio de Paraíso do Norte DRE DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO

FAPAN Faculdade de Agronegócio de Paraíso do Norte DRE DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO DRE DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO A DRE é a apresentação, em forma resumida, das operações realizadas pela empresa, durante o exercício social, demonstradas de forma a destacar o resultado líquido

Leia mais

GESTÃO DOS TRIBUTOS NA FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA

GESTÃO DOS TRIBUTOS NA FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA GESTÃO DOS TRIBUTOS NA FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA Silvério das Neves Graduado em Contabilidade e Administração pela Universidade Mackenzie. MBA Executivo em Gestão de Negócios pelo INPG. Participou da

Leia mais

FORTES FISCAL ECONTÁBIL ECF LUCRO PRESUMIDO

FORTES FISCAL ECONTÁBIL ECF LUCRO PRESUMIDO FORTES FISCAL ECONTÁBIL ECF LUCRO PRESUMIDO Esse manual tem o objetivo de demonstrar como será realizada a geração da ECF de uma empresa optante pelo Lucro presumido no Fortes Fiscal. O que é a ECF? A

Leia mais

Auditoria Contábil. Mapeamento e Apontamento na Matriz de Riscos e Oportunidades

Auditoria Contábil. Mapeamento e Apontamento na Matriz de Riscos e Oportunidades Auditoria Contábil Mapeamento e Apontamento na Matriz de Riscos e Oportunidades Financeiro A auditoria desta área tem como objetivo geral verificar se os controles financeiros adotados pela empresa são

Leia mais

Manual de geração do Arquivo para o Sped ECF Escrituração Contábil Fiscal. Introdução

Manual de geração do Arquivo para o Sped ECF Escrituração Contábil Fiscal. Introdução Manual de geração do Arquivo para o Sped ECF Escrituração Contábil Fiscal Introdução A Escrituração Contábil Fiscal (ECF) substitui a Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica (DIPJ),

Leia mais

Soluções Tributárias em esfera administrativa

Soluções Tributárias em esfera administrativa Soluções Tributárias em esfera administrativa Studio Fiscal A Studio Fiscal foi criada para atender as necessidades das empresas na área fiscal. A metodologia própria e o exclusivo trabalho técnico aprimorado

Leia mais

Anexo II - Planilha de Formação de Preço - Serviço de Vigilância - PRT24ª - Sede - Campo Grande/MS

Anexo II - Planilha de Formação de Preço - Serviço de Vigilância - PRT24ª - Sede - Campo Grande/MS Anexo II - Planilha de Formação de Preço - Serviço de Vigilância - PRT24ª - Sede - Campo Grande/MS ENTRADA DE DADOS - Convenção Coletiva de Trabalho 2013/2014 DATA BASE DA CATEGORIA: 01 de março I - REMUNERAÇÃO

Leia mais

SIMPLES NACIONAL versus LUCRO PRESUMIDO

SIMPLES NACIONAL versus LUCRO PRESUMIDO SIMULADOR A ferramenta do Contador. Qual é o melhor regime para sua empresa? SIMPLES NACIONAL versus LUCRO PRESUMIDO Acesse nosso ebook http://www.etecnico.com.br/ https://www.facebook.com/mapaetecnicofiscal

Leia mais

PEPC 2017 CAPACITADORA: 100 % AUDIT (PE-00028) CONTATO: EPC Auditores QTG BCB SUSEP. EPC Responsável Técnico.

PEPC 2017 CAPACITADORA: 100 % AUDIT (PE-00028) CONTATO: EPC Auditores QTG BCB SUSEP. EPC Responsável Técnico. CAPACITADORA: 100 % AUDIT (PE-00028) CONTATO: 3242-2406 COACH CONTÁBIL PE-01023 40h 40 40 40 0 CAPACITADORA: 4M TREINAMENTOS EMPRESARIAIS E ASESSORIA (PE-00022) CONTATO: 3465.7495 CREDITOS PIS/PASEP E

Leia mais

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO DO SETOR DE PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA COM ATUAÇÃO NA QUALIDADE, PRODUTIVIDADE E SUSTENTABILIDADE

PROJETO DE DESENVOLVIMENTO DO SETOR DE PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA COM ATUAÇÃO NA QUALIDADE, PRODUTIVIDADE E SUSTENTABILIDADE Expediente: PROJETO DE DESENVOLVIMENTO DO SETOR DE PANIFICAÇÃO E CONFEITARIA COM ATUAÇÃO NA QUALIDADE, PRODUTIVIDADE E SUSTENTABILIDADE Convênio ABIP / ITPC / SEBRAE Serviço Brasileiro de Apoio às Micro

Leia mais

SPED PIS/COFINS e Cordilheira Software Contábil

SPED PIS/COFINS e Cordilheira Software Contábil SPED PIS/COFINS e Cordilheira Software Contábil Bloco 0 Abertura do arquivo Operações de serviços Bloco A Operações de CTRC e outros serviços com ICMS Apuração dos valores dos impostos Fechamento do arquivo

Leia mais

ANEXO I BALANCETE ANALÍTICO (MODELO)

ANEXO I BALANCETE ANALÍTICO (MODELO) ANEXO I A) - DADOS CONTÁBEIS E FINANCEIROS I. Balancete Contábil BALANCETE ANALÍTICO (MODELO) Período: 01/xx/20xx a 31/xx/20xx CONTA 1 - ATIVO 1.1 - CIRCULANTE 1.1.01 - DISPONIBILIDADES 1.1.01.01 - FUNDO

Leia mais