CONTAINER LABORATÓRIO MANUAL DE OPERAÇÃO PARA COMBUSTÍVEIS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTAINER LABORATÓRIO MANUAL DE OPERAÇÃO PARA COMBUSTÍVEIS"

Transcrição

1 LABORATÓRI O DE POLUI ÇÃO ATMOSFÉRI CA EXPERI MENTAL LPAE - LAB.DE POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA EXPERIMENTAL DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO NEP - NÚCLEO DE EQUIPAMENOS E PROJETOS CONTAINER LABORATÓRIO PARA COMBUSTÍVEIS MANUAL DE OPERAÇÃO VERSÃO 2: 12.JUN.2013

2 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO DESCRIÇÃO PROCEDIMENTO DE PREPARAÇÃO PROCEDIMENTO DE PRÉ-EXPOSIÇÃO PROCEDIMENTO DE EXPOSIÇÃO PROCEDIMENTO DE PÓS-EXPOSIÇÃO DOCUMENTAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS Anexos: Ficha de Uso do sistema Ficha de Exposição Versão 2: 12.jun

3 1. Introdução O INAIRA Instituto Nacional de Análise Integrada do Risco Ambiental, é um dos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia patrocinado pelo CNPq Conselho Nacional de Pesquisas do MCT Ministério de Ciência e Tecnologia, conforme processo /2008-6, em colaboração com a FAPESP Fundação de Amparo a Pesquisas do Estado de São Paulo, conforme processo 2008/ Dentre as diversas linhas de pesquisa estabelecidas pelo INAIRA, descritas em resumo no site está a realização de ensaios toxicológicos para a investigação comparativa de diversos combustíveis utilizados em motores de combustão interna, sejam eles ciclo diesel ou Otto. Para isso foi desenvolvido um equipamento experimental montado em container, onde os diferentes combustíveis possam gerar emissões gasosas que sejam encaminhadas, de forma controlada, para câmaras de intoxicação onde protocolos previamente aprovados sejam realizados para a avaliação do impacto dessas emissões no sistema biológico de animais, com vistas a esclarecer os diversos mecanismos de atuação envolvidos. Por se tratar de equipamento experimental, o presente laboratório de toxicologia de combustíveis, resumidamente chamado de Container para Combustíveis, permanece em contínuo desenvolvimento de maneira a atender às necessidades das pesquisas previstas e dos requisitos dos pesquisadores que o utilizam. Versão 2: 12.jun

4 2. Descrição O Container para Combustíveis constitui não apenas um conjunto de equipamentos projetados e montados em um container, mas um sistema dinâmico cuja regulagem e operação permite uma gama muito grande de situações de uso. Seus detalhes técnicos e principais características estão descritos na Especificação Técnica para projeto de desenvolvimento, número ET-811-HARD-002. Uma cópia do Manual de Informações de Fabricação (Data Book) com a especificação técnica do projeto do sistema e os catálogos, desenhos e especificações técnicas de todos os equipamentos individuais, disponível para consulta (incluindo o manual do gerador diesel/biodiesel e etanol/gasolina). Outras informações podem ser obtidas pelos interessados mediante consulta ao NEP Núcleo de Equipamentos e Projetos. Entretanto,é apresentado abaixo uma figura do arranjo físico do equipamento. Figura 1: Arranjo físico geral do Laboratório de Combustíveis, com dimensões principais e os diversos compartimentos que o compõem Área de exposição, ou Laboratório composta por bancada para a colocação das câmaras de exposição, comandos e instrumentação; Sala de Máquinas, para a instalação dos principais equipamentos de operação como filtro HEPA, sistema de ar comprimido, sistema de bombeamento e dosagem individual de gases, painéis elétricos, e unidade condensadora do sistema de refrigeração de ar; Sala do Gerador, área onde será gerado e armazenado o gás de combustão, onde estão montados o motor de combustão alimentado pelo combustível de interesse, o tanque do combustível, mangueiras e dutos de exaustão, sistema de bombeamento do gás de exaustão, e um saco para armazenamento do gás (Bag). Nas fotos a seguir, são exibidas as duas vistas do container laboratório por onde existem Versão 2: 12.jun

5 acessos às áreas acima descritas. Na foto da direita a lateral menor onde estão as duas portas de acesso à Sala de Máquinas (porta da direita) e à Sala do Gerador (porta da esquerda, visualizando-se ainda a parte externa do sistema de duto de exaustão de gases do gerador). Figura 2: Fotos das faces do Container Laboratório de Combustíveis onde temos os acessos aos diversos compartimentos 3. Procedimento de preparação Antes da realização de qualquer protocolo de ensaios é necessário preparar a estrutura do Container para Combustíveis para o combustível a ser testado e as concentrações de exposição pretendidas. Combustível a ser testado Deve ser preparado na Sala do Gerador o equipamento necessário à operação do combustível em estudo: diesel, biodiesel, etanol, gasolina, ou suas combinações. A colocação do combustível no tanque do gerador deve ser providenciada. Também precisa ser verificado se o Bag está na condição limpo, devidamente vazio (ver procedimento de lavagem do Bag). Concentração Com o protocolo de testes que se pretende realizar é preciso verificar se a carga do gás no Bag será feita com ou sem diluição, em função da duração da carga, número de recargas durante o protocolo, e estimativa da pressão de alimentação de ar comprimido na bomba pneumática para ser utilizada no regulador de pressão. Animais do protocolo A partir do protocolo selecionado deve ser verificado se os animais já estão à disposição Versão 2: 12.jun

6 além dos seguintes parâmetros: Número de animais por câmara (ver tabela para capacidade máxima recomendada de animais na Câmara de Exposição) Repetições da exposição, a partir do número de animais necessários para a significância estatística do protocolo e capacidade máxima de acomodação na câmara Tabela 1: Capacidade máxima recomendada de animais para acomodação na Câmara de Exposição cilíndrica com diâmetro de 500 mm e comprimento de 600 mm, para a realização de exposições Tipo de Animal Capacidade Máxima de animais Acomodação Interna Camundongo XX até 4 gaiolas Rato YY soltos 4. Procedimento de pré-exposição Após essas definições, siga os passos abaixo para realizar seu protocolo de exposição: 4.1. Preparação do laboratório Antes de iniciar seu protocolo, proceda às seguintes verificações: Inspecione a limpeza da área de trabalho Sala de Máquinas Disjuntores: ligados Filtro HEPA: ligado Sistema de ar comprimido: pressurizado Válvula de bloqueio do tanque de ar comprimido: aberta Estabilizador de voltagem: ligado Ligue as unidades de ar condicionado regulando a temperatura para 21 o C (o comando do sistema de refrigeração está colocado em um suporte fixado na parede interna junto à porta de acesso ao Laboratório) Sala do Gerador Sistema de bombeamento do gás de exaustão: energizado mas desligado Válvula de interligação Ventilador Bag: fechada Versão 2: 12.jun

7 Figura 3: Fotos dos paineis elétricos do Container Laboratório de Combustíveis, instalados na Sala de Máquinas: imagem central com os painéis fechados, à direita o painel com energia estabilizada, e à esquerda o painel geral Painl estabilizado Vista Externa dos painéis elétricos Painel geral Figura 4: Sala de Máquinas: vista geral, com a identificação e localização dos equipamentos e sistemas instalados Sistema de dosagem com bombas pneumáticas Sistema de filtração HEPA Sistema de ar comprimido Estabilizador de Voltagem para instrumentação Condensador do sistema de refrigeração Versão 2: 12.jun

8 Figura 5: Sala de Máquinas: vista detalhada do acionamento do Filtro HEPA e do Sistema de ar comprimido com seus componentes Acionamento do Sistema de filtração HEPA Sistema de ar comprimido Tanque Manômetro Pressostato Válvula de bloqueio Figura 6: Sala do Gerador: vista geral com o gerador diesel e/ou biodeisel, duto de coleta de escapamento, sistema de bombeamento e BAG armazenamento BAG para armazenamento dos gases Duto de coleta e exaustão de gases Motor de Combustão mangote de interligação Versão 2: 12.jun

9 Figura 7: Sala do Gerador: vista detalhada do sistema de bombeamento de gases para o BAG de armazenamento, com todos os componentes e as duas posições para montagem do ventilador: no duto durante procedimento de enchimento; no suporte para procedimentos de diluição de enchimento ou coleta de ar limpo (durante lavagem BAG) Sistema de bombeamento de gases - Ventilador - Válvula de interligação Ventilador-BAG - Suporte ventilador-duto Detalhe da interligação Ventilador-BAG Ventilador na posição de coleta de ar limpo (diluição BAG) Versão 2: 12.jun

10 4.2. Verificações de processo Preencher Ficha de Uso do sistema, com dados do experimento a realizar Comando do sistema de exposição selecionado: Botoeira: ligada regulador de pressão da bomba pneumática: sem pressão Câmara de exposição selecionada: tampa aberta Rack do sistema de exposição selecionado: Instrumentos: ligados (prever pelo menos 1 hora de funcionamento antes da exposição de animais, para o correto aquescimento e estabelização do monitor) set-up de inicialização: verificar manifold de amostragem: verificar vazamentos nas conexões Figura 8: Vista do sistema de exposição com a identificação e localização dos principais componentes Sistema de seleção e comando (botoeira e regulador pressão) Rack dos instrumentos Câmara Exposição Captação Ar HEPA Injeção Poluente Manifold de amostragem Coleta instrumentos Retorno Instrumentos Versão 2: 12.jun

11 4.3. Colocação de animais Colocar animais na câmara e fechar a porta Apertar manípulos, verificando correta vedação Figura 9: Vista do sistema de exposição com a identificação e localização dos principais componentes e a localização dos bocais de entrada e saída do ar HEPA contaminado com o poluente armazenado no BAG emitido pelo motor de combustão interna Câmara de Intoxicação para animais Câmara aberta Bocal de entrada Bocal de saída Vista interna Versão 2: 12.jun

12 4.4. Carregamento do Bag Motor de combustão: ligar e deixar aquecer (mínimo 5 minutos); utilize o manual do equipamento em caso de dúvida Válvula de interligação Ventilador Bag: abrir Sistema de bombeamento do gás de exaustão: ligar Carregamento Bag poluente: verificar tempo de enchimento Motor de combustão interna: desligar; utilize o manual do equipamento Carregamento Bag com ar de diluição (se necessário): retirar ventilador do duto de exaustão e verificar tempo de enchimento de ar de diluição, até completar tempo do ciclo de enchimento (tempo total do ciclo de 6 minutos) Válvula de interligação Ventilador Bag: fechar Sistema de bombeamento do gás de exaustão: desligar e colocar no duto Ficha de Uso do sistema: completar dados Ficha de Exposição: preencher ficha Versão 2: 12.jun

13 5. Procedimento de exposição Agora que o sistema foi inicializado e os animais já estão prontos, deve ser iniciada a exposição dos animais. Monitor de Material Particulado: iniciar um novo registro do logger do instrumento Regulador de pressão da bomba pneumática: ajustar pressão até atingir concentração nominal do protocolo Ficha de Exposição: complementar as informações do registro do logger e acompanhar registros periódicos dos demais instrumentos Caso o Bag esvazie antes do término do protocolo, repetir o procedimento de carregamento do Bag. Regulador de pressão da bomba pneumática: retirar a pressão do ar Repetir o procedimento de enchimento do Bag, como descrito anteriormente Regulador de pressão da bomba pneumática: ajustar pressão até atingir concentração nominal do protocolo Ficha de Exposição: complementar as informações e acompanhar registros periódicos dos demais instrumentos Ao completar o tempo previsto de exposição, inicie o Procedimento de Pós-Exposição. Versão 2: 12.jun

14 6. Procedimento de pós-exposição Ao término do tempo de exposição ou ao atingir a carga de poluentes do protocolo, devese seguir a seguinte sequencia de operações Encerramento da exposição Regulador de pressão da bomba pneumática: retirar a pressão do ar Ficha de Exposição: complementar as informações da exposição Monitores com logger: fazer o download no computador da sala 6.2. Retirada dos animais Abrir a câmara de exposição Retirar os animais Fechar novamente a câmara de exposição Apertar os manípulos, verificando correta vedação 6.3. Lavagem do Bag - esvaziamento Verificar o estado do Bag Regulador de pressão da bomba pneumática: colocar pressão do ar em 40 psi até o Bag esvaziar 6.4. Lavagem do Bag enchimento ar limpo Sistema de bombeamento do gás de exaustão: retirar ventilador do duto de exaustão Válvula de interligação Ventilador Bag: abrir Sistema de bombeamento do gás de exaustão: ligar por aprox. 6 minutos Válvula de interligação Ventilador Bag: fechar Regulador de pressão da bomba pneumática: colocar pressão do ar em 40 psi até o Bag esvaziar Monitores de poluição: verificar estabilização das concentrações em patamar limpo Caso concentrações não tenham estabilizado limpo: repetir este procedimento Versão 2: 12.jun

15 6.5. Desativação do sistema Instrumentos: desligar Comando do sistema de exposição selecionado: desligar botoeira Ficha de Uso do sistema: encerrar preenchimento Ficha de Exposição: encerrar preenchimento 6.6. Limpeza dos equipamentos Providenciar limpeza da câmara Providenciar arrumação da bancada de trabalho Colocar pasta com fichas de registro no lugar Copiar arquivo do download do logger Caso tenha sujado a sala, providencie a limpeza 6.7. Desligamento do laboratório Quando encerrar as atividades do dia, desative o laboratório: Unidade de ar condicionado: desligar Sistema de bombeamento do gás de exaustão (Sala do Gerador): desligar Sala de Máquinas Válvula de bloqueio do tanque de ar comprimido: fechar Filtro HEPA: desligar Disjuntores: desligar Versão 2: 12.jun

16 7. Documentação dos equipamentos Existe uma pasta, chamada Databook com todos os catálogos, especificações e manuais dos diversos equipamentos instalados no Container Laboratório, disponível para consulta em caso de dúvidas. Não tire nenhum documento dessa pasta e tampouco retire a pasta do laboratório, pois é muito importante que ela permaneça disponível no local para consulta dos usuários. Além da pasta Databook existe uma outra pasta contendo o Plano de Manutenção onde está descrita todas as atividades de manutenção preventiva necessárias. Nesse pasta há uma folha para que você registre as ocorrências que julgue necessárias alertando para problemas observados ou ocorrências cujo registro seja importante como, por exemplo, interrupção de fornecimento de energia elétrica, paradas inesperadas ou dificuldades no cumprimento das ações prevstas neste Manual de Operação. Em caso de quebra ou problemas no funcionamento de qualquer componente, a área de Manutenção da FMUSP (ramal interno ) deve ser avisada, para providências de verificação ou reparo. Eles dispõem de chaves do laboratório para isso. Elaborado por: Paulo Afonso de André/NEP arquivo: Manual Operação Container Combustíveis V1 21jan2013.doc Versão 2: 12.jun

17 LABORATÓRI O DE POLUI ÇÃO ATMOSFÉRI CA EXPERI MENTAL LPAE - LAB.DE POLUIÇÃO ATMOSFÉRICA EXPERIMENTAL DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO NEP - NÚCLEO DE EQUIPAMENOS E PROJETOS CONTAINER LABORATÓRIO PARA COMBUSTÍVEIS MANUAL DE OPERAÇÃO ANEXOS - FICHA DE USO DO SISTEMA - - FICHA DE EXPOSIÇÃO VERSÃO 2: 12.JUN.2013

18

19

Manual Filtros SFMC 150/400/1000

Manual Filtros SFMC 150/400/1000 Manual Filtros SFMC 150/400/1000 Filtro Micrônico e Coalescente, com capacidade de retenção de sólidos de 5 micra e separação de água com eficiência de 99,5% e vazão de 150 ou 400 litros por minuto. Composto

Leia mais

Manual de instruções para DP-6800 Maquina de demarcação Nunca mexa a tinta com madeira, use um batedor

Manual de instruções para DP-6800 Maquina de demarcação Nunca mexa a tinta com madeira, use um batedor Manual de instruções para DP-6800 Maquina de demarcação Nunca mexa a tinta com madeira, use um batedor 1. Monte as partes que estão desmontadas conforme visto na foto Abaixo Escapamento Cuidado quente!

Leia mais

TEQ Sistemas de Instrumentação e Controle de Processos Lista de Exercícios nº 3 RESPOSTAS

TEQ Sistemas de Instrumentação e Controle de Processos Lista de Exercícios nº 3 RESPOSTAS Questões TEQ00141- Sistemas de Instrumentação e Controle de Processos Lista de Exercícios nº 3 RESPOSTAS 1- Especifique a ação segura de falha (se é falha-abre ou falha-fecha) apropriada para as válvulas

Leia mais

4LD LDG Motor e Gerador

4LD LDG Motor e Gerador LD 00 LDG 00 Motor e Gerador MOTOR LD 00 / LDG 00 ÍNDICE A Bloco do Motor Bloco do Motor Cabeçote Conjunto Pistão Virabrequim Comando de Válvulas Trem de Válvulas Trem de Engrenagens Alimentação e Escape

Leia mais

MOTOCULTIVADOR BUFFALO BFD 850

MOTOCULTIVADOR BUFFALO BFD 850 BFD 850 MOTOCULTIVADOR BUFFALO BFD 850 ÍNDICE: Componentes do motocultivador... 1 1.0 Funcionamento do Motor Diesel... 2 1.1 Abastecimento de Óleo Lubrificante... 2 1.2 Abastecimento de Óleo Diesel...

Leia mais

Motobombas. Diesel. BFD 6" - Ferro Fundido BFD 8" - Ferro Fundido

Motobombas. Diesel. BFD 6 - Ferro Fundido BFD 8 - Ferro Fundido Motobombas Diesel BFD 6" - Ferro Fundido BFD 8" - Ferro Fundido 1 - Motobomba BFDE 6", BFDE 8" Sua aplicação básica está na captação de água de rio e lagos. Utilizado quando é necessário uma transferência

Leia mais

Nº Código Descrição Nº Código Descrição

Nº Código Descrição Nº Código Descrição Desenho - MG-1000D 1 00025756.7 TAMPA TRASEIRA 40 00025798.9 PROTEÇAO CARENAGEM 2 00025757.5 JUNTA DA TAMPA TRASEIRA 41 00025799.7 CARENAGEM ESQUERDA 3 00025758.3 PORCA 42 00025800.3 INDICADOR DE OLEO

Leia mais

União flexível de tubos

União flexível de tubos Instruções de montagem Acessórios União flexível de tubos Flexible Rohrverbindung Suprastar-O KU 7... com SK60-00-5Z Suprastar-O KU 7... com queimador e SK60-00-5Z 6 70 80 05 (00/) PT Conteudo Instalação...............................................

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS C-230

CATÁLOGO DE PEÇAS C-230 CATÁLOGO DE PEÇAS C-230 Roçadeira lateral Versão 22/10/14 Kit cilindro e silenciador Item Código Descrição Qtd./Máq. Clas. Qtd. por emb. 1 9239949 Kit cilindro 1 C 1 2 9206312 Cilindro 1 C 1 3 9206619

Leia mais

Motores CATÁLOGO DE PEÇAS. Página 01 Página 37 Página 137 2T 4T- GASOLINA 4T- DIESEL

Motores CATÁLOGO DE PEÇAS. Página 01 Página 37 Página 137 2T 4T- GASOLINA 4T- DIESEL Motores CATÁLOGO DE PEÇAS 2T 4T- GASOLINA 4T- DIESEL Página 01 Página 37 Página 137 Motores Diesel 41 40 39 137 3A 10200171 Porca do cabeçote - longa BD 5.0 / BD 7.0 2 3B 10200172 Porca do cabeçote - longa

Leia mais

Vista Explodida Clientes do Motor a Diesel 10HP

Vista Explodida Clientes do Motor a Diesel 10HP Vista Explodida Clientes do Motor a Diesel 10HP CONJUNTO TANQUE DE COMBUSTÍVEL 1 2 3 4 5 6 7 8 01.03.10.015.052 01.03.01.016.004 01.03.08.007.002 01.03.040.008.001 01.03.04.007.003 02.05.03.01.06.001 01.03.03.014.001

Leia mais

Vista Explodida Clientes Gerador a Gasolina - NG3100

Vista Explodida Clientes Gerador a Gasolina - NG3100 Vista Explodida Clientes Gerador a Gasolina - Conjunto da Cabeça do Cilindro Conjunto da Cabeça do Cilindro 1 01.01.10.014.008 Parafuso Sextavado Flangeado Grande M6*12 4 2 01.01.07.008.005 Tubo de Descarga

Leia mais

MANUAL DE FUNCIONAMENTO

MANUAL DE FUNCIONAMENTO MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS TA CE 1 - INTRODUÇÃO ESQUEMA HIDRÁULICO 1.1. - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de instalação, operação e manutenção dos

Leia mais

Introdução geral Bomba Hidráulica... 4 PC 200 C Cuidados com o seu equipamento... 12

Introdução geral Bomba Hidráulica... 4 PC 200 C Cuidados com o seu equipamento... 12 Manual PC 200C ÍNDICE Introdução geral... 3 Bomba Hidráulica... 4 PC 200 C... 4 DESCRIÇÃO DAS PARTES... 5 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS PC 200 C... 7 DIMENSÕES... 7 MODO DE OPERAÇÃO DO COMANDO DIGITAL... 7

Leia mais

Desenho Explodido - MG-2600D

Desenho Explodido - MG-2600D Desenho Explodido - MG-2600D 1 00026375.5 MOTOR COMPLETO 52 00026419.2 EIXO 2 00026376.3 ROTOR 110V 53 00026420.8 PARAFUSO M5X16 2 00026377.1 ROTOR 220V 54 00026421.6 RETIFICADOR 3 00026378.8 ESTATOR 110V

Leia mais

MANUAL FILTRO PRENSA SULFILTROS

MANUAL FILTRO PRENSA SULFILTROS 1. INTRODUÇÃO MANUAL FILTRO PRENSA SULFILTROS O objetivo deste manual é disponibilizar todas as informações necessárias para a instalação, operação e manutenção dos filtros prensa da SULFILTROS, assim

Leia mais

Cap. 4: Análise de Volume de Controle

Cap. 4: Análise de Volume de Controle Cap. 4: Análise de Volume de Controle AR Ar+Comb. www.mecanicavirtual.org/carburador2.htm Cap. 4: Análise de Volume de Controle Entrada, e Saída, s Conservação da Massa em um Sistema dm dt sist = 0 Conservação

Leia mais

MOTOCULTIVADOR BUFFALO BFG ÍNDICE: Componentes do motocultivador Abastecimento de Óleo na Transmissão Funcionamento do Motor...

MOTOCULTIVADOR BUFFALO BFG ÍNDICE: Componentes do motocultivador Abastecimento de Óleo na Transmissão Funcionamento do Motor... BFG 91 PLUS MOTOCULTIVADOR BUFFALO BFG ÍNDICE: Componentes do motocultivador... 1 1.0 Funcionamento do Motor Gasolina... 2 1.1 Abastecimento de Óleo Lubrificante... 2 1.2 Abastecimento de Gasolina...

Leia mais

TR 450 E CATÁLOGO DE PEÇAS

TR 450 E CATÁLOGO DE PEÇAS TR 0 E CATÁLOGO DE PEÇAS ÍNDICE TR 0 E Catálogo de peças...0 Bloco do motor...0 Carter...0 Caixa de engrenagens...0 Conjunto cabeçote...0 Conjunto pistão...0 Conjunto eixo virabrequim...0 Conjunto eixo

Leia mais

New Holland TL exitus

New Holland TL exitus New Holland TL exitus TL60E TL75E TL85E TL95E MaIoR PRodUTIVIdade e MaIoR economia: o MelHoR CUSTo/BeNeFÍCIo da CaTeGoRIa. A New Holland desenvolveu o trator perfeito para as multitarefas da sua fazenda.

Leia mais

INDÚSTRIA AERONÁUTICA NEIVA LTDA ENERGIA ELÉTRICA INSTALAÇÃO DO SISTEMA DE ACIONAMENTO AUTOMÁTICO DA BOMBA ELÉTRICA DE COMBUSTÍVEL (OE B/N 940)

INDÚSTRIA AERONÁUTICA NEIVA LTDA ENERGIA ELÉTRICA INSTALAÇÃO DO SISTEMA DE ACIONAMENTO AUTOMÁTICO DA BOMBA ELÉTRICA DE COMBUSTÍVEL (OE B/N 940) ENERGIA ELÉTRICA INSTALAÇÃO DO SISTEMA DE ACIONAMENTO AUTOMÁTICO DA BOMBA ELÉTRICA DE COMBUSTÍVEL 1. PLANEJAMENTO (OE B/N 940) 1.1 APLICAÇÃO Aeronaves afetadas : MODELO N/S *EMB-201A IPANEMA 200277 a 200661

Leia mais

Vista Explodida Geradores a Gasolina - 168F, 168F-1 e 170F

Vista Explodida Geradores a Gasolina - 168F, 168F-1 e 170F Vista Explodida Geradores a Gasolina - 168F, 168F-1 e 170F Conjunto da Cabeça do Cilindro Conjunto da Cabeça do Cilindro 1 01.01.10.014.008 Parafuso Sextavado Flangeado Grande M6*12 4 2 01.01.07.008.005

Leia mais

4LD LDG Motor e Gerador

4LD LDG Motor e Gerador LD 00 LDG 00 Motor e Gerador MOTOR LD 00 / LDG 00 ÍNDICE A Bloco do Motor Bloco do Motor Cabeçote Conjunto Pistão Virabrequim Comando de Válvulas Trem de Válvulas Trem de Engrenagens Alimentação e Escape

Leia mais

Lista de materiais. 1 Carcaça 1. 2 Placas superior e inferior 2. 3 Molde 6. 4 Roletes de suporte 2. 5 Pinos dos roletes de suporte 2.

Lista de materiais. 1 Carcaça 1. 2 Placas superior e inferior 2. 3 Molde 6. 4 Roletes de suporte 2. 5 Pinos dos roletes de suporte 2. 0 Lista de materiais Código Descrição Unidades 1 Carcaça 1 2 Placas superior e inferior 2 3 Molde 6 4 Roletes de suporte 2 5 Pinos dos roletes de suporte 2 6 Alavanca 1 7 Bolsa de peças de reposição 1

Leia mais

Conservação de Energia

Conservação de Energia Lei de Pascal F = Força A = Área P = Pressão 1. Suponhamos uma garrafa cheia de um líquido, o qual é, praticamente, incompressível 2. Se aplicarmos uma força de 10kgf numa rolha de 1 cm 2 de área 3. o

Leia mais

Investigação desenvolvida. Biocombustíveis. Universidade de Trás os Montes e Alto Douro Workshop sobre Biocombustíveis Sustentáveis

Investigação desenvolvida. Biocombustíveis. Universidade de Trás os Montes e Alto Douro Workshop sobre Biocombustíveis Sustentáveis Universidade de Trás os Montes e Alto Douro Workshop sobre Biocombustíveis Sustentáveis Investigação desenvolvida Vila Real 8 junho 2016 Biocombustíveis OBJETIVOS E MOTIVAÇÃO Redução das emissões de gases

Leia mais

FICHA TÉCNICA SISTEMA DE PURIFICAÇÃO POR ULTRAFILTRAÇÃO COM MÓDULO DE ÁGUA PURIFICADA

FICHA TÉCNICA SISTEMA DE PURIFICAÇÃO POR ULTRAFILTRAÇÃO COM MÓDULO DE ÁGUA PURIFICADA FICHA TÉCNICA SISTEMA DE PURIFICAÇÃO POR ULTRAFILTRAÇÃO COM MÓDULO DE ÁGUA PURIFICADA 1. Características Gerais O sistema está desenhado para dispor a água filtrada (ou purificada) em múltiplos pontos

Leia mais

4 / 81. Parte 4: Catálogo de Peças Tanker e

4 / 81. Parte 4: Catálogo de Peças Tanker e 4 / 81 Parte 4: Catálogo de Peças Tanker 10.500 e 12.000 4 / 82 CHASSI 01 26000007 Suporte lateral 02 02 26000008 Suporte intermediário lateral 03 03 26000009 Suporte intermediário dianteiro 02 04 26000010

Leia mais

Seção 6 Cabeças de cilindro e válvulas

Seção 6 Cabeças de cilindro e válvulas Seção 6 Cabeças de cilindro e válvulas Página MANUTENÇÃO DA CABEÇA DO CILINDRO... 120 Remoção do cabeça do cilindro... 120 Desmontagem... 121 Inspeção e reparo... 121 Montagem... 123 Instalação da cabeça

Leia mais

AR FUSION. Brasil. Pneumática. Resfriador de painel Tubo VORTEX SÉRIE VRP AR FUSION. Pneumática. VRP9-01 pressão de trab. 07bar

AR FUSION. Brasil. Pneumática. Resfriador de painel Tubo VORTEX SÉRIE VRP AR FUSION. Pneumática. VRP9-01 pressão de trab. 07bar Resfriador de painel Tubo VORTEX SÉRIE VRP VRP9-01 pressão de trab. 07bar WWW.ARFUSION.COM.BR Resfriador de painel VORTEX Os Resfriadores com Ar Comprimido - Vortex são destinados à aplicações especiais

Leia mais

MOTORES GASOLINA G160 - G200 - G270 - G390 - G420

MOTORES GASOLINA G160 - G200 - G270 - G390 - G420 MOTORES GASOLINA G160 - G200 - G270 - G390 - G420 CATÁLOGO DE PEÇAS MOTORES LINTEC - GASOLINA ÍNDICE SISTEMA DO BLOCO DO MOTOR SISTEMA DA TAMPA DE ALUMINIO SISTEMA DO VIRABREQUIM E PISTÃO SISTEMA DO CABEÇOTE

Leia mais

EcoBuddy. Manual de Instrucções. Dois modelos disponíveis: com ou sem dispositivo de limpeza

EcoBuddy. Manual de Instrucções. Dois modelos disponíveis: com ou sem dispositivo de limpeza EcoBuddy Manual de Instrucções Dois modelos disponíveis: com ou sem dispositivo de limpeza Rua Veloso Salgado, 1104 4450-801 Leça da Palmeira Tel: 229 991 100 Telm: 969 825 815 / 939 808 188 Fax: 229 991

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - SRP SRP 3040 E. Analógico / Eletrônico CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CT SRP SRP 3040 E

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - SRP SRP 3040 E. Analógico / Eletrônico CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CT SRP SRP 3040 E CT 222 SRP 30 SRP 30 E CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR SRP 30 SRP 30 E INÍCIO DE FABRICAÇÃO NOVEMBRO/20 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MODELO VAZÃO VOLUMÉTRICA MOTOR ELÉTRICO PRINCIPAL Ruído ø Polia 7,5 barg/110

Leia mais

Baixa Pressão 5m.c.a Modelos: 15/20/25 Tubos

Baixa Pressão 5m.c.a Modelos: 15/20/25 Tubos Baixa Pressão 5m.c.a Modelos: 15/20/25 Tubos Página2 SUMÁRIO INFORMAÇÕES SOBRE O PRODUTO Coletor a Vácuo... 3 Indicações de segurança Cuidados especiais Principais vantagens do sistema solar a vácuo Especificações

Leia mais

Desenho Explodido: MG168FA-3 / MG-168F - Conjunto Governador Mecânico

Desenho Explodido: MG168FA-3 / MG-168F - Conjunto Governador Mecânico Desenho Explodido: MG168FA-3 / MG-168F - Conjunto Governador Mecânico Lista de Peças: MG-168FA / MG168F - Conjunto Governador Mecânico Nº Código Referência Descrição 01 12637.9 168F.8-1 Governador 02 07184.1

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS pág. 1 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS MODELOS Potência térmica máx. Potência térmica mín. Vazão máx. óleo Vazão mín. óleo Voltagem 60 Hz Motor Velocidade Capacitor Transformador de ignição Programador Programador

Leia mais

Seção Reservatório e Linhas de Combustível APLICAÇÃO NO VEÍCULO: Ranger. Índice FERRAMENTAS ESPECIAIS DESCRIÇÃO E OPERAÇÃO

Seção Reservatório e Linhas de Combustível APLICAÇÃO NO VEÍCULO: Ranger. Índice FERRAMENTAS ESPECIAIS DESCRIÇÃO E OPERAÇÃO 1 de 19 15/07/2011 14:20 Seção 310-01 Reservatório e Linhas Seção 310-01 Reservatório e Linhas de Combustível APLICAÇÃO NO VEÍCULO: Ranger Índice Assunto Página FERRAMENTAS ESPECIAIS 310-01-02 DESCRIÇÃO

Leia mais

PRINCÍPIOS BÁSICOS DA TERMODINÂMICA

PRINCÍPIOS BÁSICOS DA TERMODINÂMICA PRINCÍPIOS BÁSICOS DA TERMODINÂMICA... 1 1.1 Variáveis e Transformações Termodinâmicas... 1 1.2 Primeiro Princípio da Termodinâmica... 1 1.3 Segundo Princípio da Termodinâmica... 2 1.4 Expressões das Variáveis

Leia mais

4 LDG LDG 3900 T

4 LDG LDG 3900 T MOTORES T CATÁLOGO DE PEÇAS MOTORMOTOR / T 1 BLOCO DO MOTOR 1 7042.001.001.00.2 4 Prisioneiro M8X70 X X 2 7042.001.002.00.0 2 Pino Guia Ø12X25 X X 3 7042.001.003.00.8 5 Prisioneiro M10X45 X X 4 7042.001.004.00.6

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES TURBO GÁS

MANUAL DE INSTRUÇÕES TURBO GÁS MANUAL DE INSTRUÇÕES TURBO GÁS Progás Indústria Metalúrgica Ltda. Av. Eustáquio Mascarello, 5 - Desvio Rizzo Caxias do Sul - RS - Brasil Fone: 0800.979. www.progas.com.br - e-mail: progas@progas.com.br

Leia mais

NEW HOLLAND TT TT384O

NEW HOLLAND TT TT384O NEW HOLLAND TT TT384O 2 3 PERFEITO PARA A SUA LAVOURA, DO TAMANHO DA SUA NECESSIDADE. O TT384O foi projetado para atender às suas necessidades mais específicas no campo. Com 55 cavalos, ele é robusto,

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS EB-500 / STD

CATÁLOGO DE PEÇAS EB-500 / STD CATÁLOGO DE PEÇAS EB-500 / STD Soprador costal Versão 13/09/16 Cilindro 1 9202455 Parafuso allen M5 x 25 2 D 2 9235259 Isolador 1 D 3 9025007 Porca SX M5 x 0,8 2 D 4 9235242 Vedação do isolador 1 C 5 9235265

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS TMBG / GTG 1200

CATÁLOGO DE PEÇAS TMBG / GTG 1200 CATÁLOGO DE PEÇAS TMBG 0-0 / GTG 00 PREFÁCIO PREFÁCIO Esté catálogo foi elaborado para facilitar a identificação e localização das peças originais de reposição dos produtos TRAMONTINI. Para facilitar a

Leia mais

New Holland TT TT384O

New Holland TT TT384O New Holland TT TT384O 2 3 Perfeito para a sua lavoura, do tamanho da sua necessidade. O TT384O foi projetado para atender às suas necessidades mais específicas no campo. Com 55 cavalos, ele é robusto,

Leia mais

TÉCNICA DE ANÁLISE DE GASES PARA GANHO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA.

TÉCNICA DE ANÁLISE DE GASES PARA GANHO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. TÉCNICA DE ANÁLISE DE GASES PARA GANHO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. 1 - Resumo Desde a assinatura do Protocolo de Kyoto em 1997, o mundo vive, um momento de reflexão sobre o desequilíbrio ocasionado pela

Leia mais

Bomba Manual QUICKSHOT BAM.B01 Manual de Montagem e Utilização

Bomba Manual QUICKSHOT BAM.B01 Manual de Montagem e Utilização Bomba Manual QUICKSHOT BAM.B01 Manual de Montagem e Utilização Sumário Sequência de montagem da bomba BAM.B01... 3 Carabinas que usam bicos de encher com conexão 1/8 BSP diretamente... 6 Usando a bomba

Leia mais

CHEVROLET S10 CABINE SIMPLES 2.4 FLEXPOWER 2014

CHEVROLET S10 CABINE SIMPLES 2.4 FLEXPOWER 2014 CHEVROLET S10 CABINE SIMPLES 2.4 FLEXPOWER 2014 FICHA TÉCNICA Carroceria / motorização: Construção: Fabricação: Chevrolet S10 Cabine Simples Flexpower Picape, 2 ou 3 ocupantes (dependendo da versão), 2

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS DIESEL AG80 NS75 COM FOTOS

CATÁLOGO DE PEÇAS  DIESEL AG80 NS75 COM FOTOS CATÁLOGO DE PEÇAS WWW.AGPARTSBR.COM DIESEL AG80 NS75 COM FOTOS 01 DIESEL AG80 - NS75 NS7561542 AG8061540 AG8002500 ALAVANCA GOVERNADOR NS80 BOSCH ALAVANCA GOVERNADOR AG80 NS75 DECKEL ALOJAMENTO AG80 NS75

Leia mais

Apresentação Técnica. Compressores Portáteis 300Q. People. Footer Passion. Performance.

Apresentação Técnica. Compressores Portáteis 300Q. People. Footer Passion. Performance. Apresentação Técnica Compressores Portáteis 300Q People. Footer Passion. Performance. 1. Date 300Q Índice O Produto Características Técnicas; Layout Detalhes do Produto; Desenho Dimensional; Fluxograma;

Leia mais

CALDEIRAS Winter 201 5

CALDEIRAS Winter 201 5 CALDEIRAS 201 Winter 5 30 CALDEIRAS COMPACTAS 31 CALDEIRAS COMPACTAS SZM A nova gama de caldeiras compactas Solzaima foi desenvolvida utilizando as mais modernas tecnologias e integra componentes de elevada

Leia mais

Vista Explodida Clientes Gerador a Gasolina - NG8100 Conjunto do Cilindro

Vista Explodida Clientes Gerador a Gasolina - NG8100 Conjunto do Cilindro Vista Explodida Clientes Gerador a Gasolina - Conjunto do Cilindro Conjunto do Cilindro 1 01.01.10.013.061 Parafuso M6*61 1 2 01.01.10.006.001 Tampa do Parafuso 1 3 01.01.07.015.001 Arruela 1 4 01.01.07.008.004

Leia mais

MONTAGEM de BOMBAS SUBMERSÍVEIS

MONTAGEM de BOMBAS SUBMERSÍVEIS TUBOFURO Tubos em PVC, S.A. Produtos para MONTAGEM de BOMBAS SUBMERSÍVEIS 1 TUBOFURO Tubos em PVC, S.A. HIDROROSCADO Nominal Classe Externo Espessura parede Interno mínimo Ext. União Resistência União

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS SRM-3605U

CATÁLOGO DE PEÇAS SRM-3605U CATÁLOGO DE PEÇAS SRM-3605U Roçadeira lateral Versão 13/02/15 Carter 1 9235816 Carter completo 1 D 2 9213298 Retentor 2 C 3 9220105 Pino de guia 2 D 4 9201705 Rolamento 6201 C3 2 C 5 9244070 Vedação do

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSV 6/50 - DENTAL SPLIT - 1 ESTÁGIO psig ISENTO DE ÓLEO

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSV 6/50 - DENTAL SPLIT - 1 ESTÁGIO psig ISENTO DE ÓLEO SCHULZ: INÍCIO DE FABRICAÇÃO - ABRIL/005 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSV 6/ - DENTAL SPLIT - 1 ESTÁGIO - psig ISENTO DE ÓLEO L C DESLOCAMENTO TEÓRICO PRESSÃO MÁX. pés /min l/min

Leia mais

(2) PISTÃO / VIRABREQUIM / BIELA (2) PISTÃO / VIRABREQUIM / BIELA GERADOR KGE1300

(2) PISTÃO / VIRABREQUIM / BIELA (2) PISTÃO / VIRABREQUIM / BIELA GERADOR KGE1300 (1) CARCAÇA / CILINDRO (1) CARCAÇA / CILINDRO GERADOR KGE1300 1 KGE13001301 Parafuso 4 2 KGE13001302 Tampa do Cabeçote 1 3 TG15P0503 Engrenagem de Comando de Válvulas 1 4 KGE13001304 Engrenagem do Virabrequim

Leia mais

VALIDADE DA PROPOSTA:... dia(s) (VALIDADE MINIMA - ) PRAZO DE ENTREGA:... dia(s) (PRAZO MAXIMO - ) Responsavel pela Firma Proponente

VALIDADE DA PROPOSTA:... dia(s) (VALIDADE MINIMA - ) PRAZO DE ENTREGA:... dia(s) (PRAZO MAXIMO - ) Responsavel pela Firma Proponente 1 1,0000 PECA 2491 ESTATOR DO ALTERNADOR. 2 1,0000 PECA 2852 BUCHA DE BIELA JOGO. MOTOR 3 1,0000 PECA 3089 FILTRO FILTRO 4 2,0000 JOGO 3154 REPARO DO FREIO MOTOR. 5 4,0000 PECA 3159 REPARO DO PISTAO laterais

Leia mais

Instalação. Tubulação... 7, 8. Fiação... 9

Instalação. Tubulação... 7, 8. Fiação... 9 Instruções de Instalação Índice Sistemadeválvulasdedescarga Descrição do sistema... 1 Instalação Válvula de descarga... 2, 4 Válvula piloto... 5, 6 Tubulação... 7, 8 Fiação... 9 Leia atentamente as instruções

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS 2015 MÁXIMA QUALIDADE E TECNOLOGIA DA MARCA QUE VOCÊ CONHECE E CONFIA! A FORÇA QUE VOCÊ PRECISA, AGORA NO BRASIL! A Hyundai Corporation é uma empresa renomada e líder no comércio

Leia mais

Aerosphere 350. Catálogo de Peças de Reposição

Aerosphere 350. Catálogo de Peças de Reposição Aerosphere 350 Catálogo de Peças de Reposição Edição: AGOSTO 2013 Código: 000-00000-000 Aerosphere 350 Índice 1. Módulo Evaporador 4 2. Módulo Condensador 6 3. Compressor Bitzer 4NFCY 8 4. Compressor Bock

Leia mais

Válvulas auxiliares. Produtos. Controle de vazão Escape rápido Seletora Retenção Retenção pilotada Alívio de pressão

Válvulas auxiliares. Produtos. Controle de vazão Escape rápido Seletora Retenção Retenção pilotada Alívio de pressão Produtos Controle de vazão Escape rápido Seletora Retenção Retenção pilotada Alívio de pressão Deslizante União rotativa Pressostato Pistola de ar Tanque de ar Tabela de seleção Tabela de seleção de válvulas

Leia mais

Problema 1 Problema 2

Problema 1 Problema 2 1 Problema 1 7ª Edição Exercício: 2.42 / 8ª Edição Exercício: 1.44 A área da seção transversal da válvula do cilindro mostrado na figura abaixo é igual a 11cm 2. Determine a força necessária para abrir

Leia mais

Aspirador de piscina robótico Mass 13 Manual de instruções

Aspirador de piscina robótico Mass 13 Manual de instruções PT Aspirador de piscina robótico Mass 13 Manual de instruções Conteúdo 1. INTRODUÇÃO... 68 2. ESPECIFICAÇÕES... 68 3. AVISOS E PRECAUÇÕES... 68 3.1 Avisos... 68 3.2 Precauções... 68 4. PEÇAS DO ASPIRADOR

Leia mais

BFD 5.0 BFD 7.0 BFD 10.0 BFD 12.0

BFD 5.0 BFD 7.0 BFD 10.0 BFD 12.0 BFD 5.0 BFD 7.0 BFD 10.0 BFD 12.0 Indicador de Componentes Tampa do Tanque Escapamento Tanque de Combustível Torneira de Combustível Bomba de Combustível Filtro de Ar Carenagem Acelerador Partida retrátil

Leia mais

Vistas Explodidas. Lavorwash Brasil Departamento Tecnico SAL Modelo: Lavadora de Alta Pressão LKX - M / LKX - 15

Vistas Explodidas. Lavorwash Brasil Departamento Tecnico SAL Modelo: Lavadora de Alta Pressão LKX - M / LKX - 15 Lavadora de Alta Pressão LKX - M / LKX - 15 01 4.613.0181 1 Carenagem Superior Amarela LKX 02 4.608.0170 1 Alça LKX Esquerda 03 4.608.0169 1 Alça LKX Direita 04 5.613.0182 1 Carenagem Posterior LKX Preta

Leia mais

Soquete para solda com contorno otimizado, reto, encaixado sobre o furo. Ø Da

Soquete para solda com contorno otimizado, reto, encaixado sobre o furo. Ø Da Acessórios para ondas Retráteis Acessórios para onda Retrátil ensogate Acessórios oquete de segurança para solda, reto Para parede de tanque Contorno otimizado para tubo DN 50 Contorno otimizado para tubo

Leia mais

MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA I

MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA I Departamento de Engenharia de Biossistemas ESALQ/USP MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA I LEB0332 Mecânica e Máquinas Motoras Prof. Leandro M. Gimenez 2017 TÓPICOS Motores de combustão interna I Aspectos teóricos,

Leia mais

PISTOLA DE PINTURA HVLP10

PISTOLA DE PINTURA HVLP10 *Imagens meramente ilustrativas PISTOLA DE PINTURA HVLP10 Manual de Instruções 1. DADOS TÉCNICOS PISTOLA DE PINTURA HVLP10 Modelo Bico Pressão de trabalho Consumo de ar V8-HVLP10 1,4 mm 30-50 PSI 380

Leia mais

BRUDDEN EQUIPAMENTOS LTDA.

BRUDDEN EQUIPAMENTOS LTDA. Catalogo de Peças ROÇADEIRA SRM 0 DISTRIBUIDOR EXCLUSIVO Brudden BRUDDEN EQUIPAMENTOS LTDA. Carter Completo 9 0 99 Cárter completo 9 Retentor lado partida C 9 Pino D 900 Rolamento 0 C C 99 Rolamento 0

Leia mais

ETANOL E AS EMISSÕES LOCAIS

ETANOL E AS EMISSÕES LOCAIS ETANOL E AS EMISSÕES LOCAIS Alfred Szwarc 3 Seminário Internacional - Uso Eficiente do Etanol Campinas, SP 20/21 de setembro de 2016 Poluição do Ar Local e Regional Tema do aquecimento global colocou a

Leia mais

Instalação, Operação, Reparo e Manual de Peças

Instalação, Operação, Reparo e Manual de Peças Séries 1542P-3SP Motor a Gasolina, Auto-escorvante Bombas Centrífugas em Autopropileno Instalação, Operação, Reparo e Manual de Peças Descrição Form L-1497 (12/04) 1542P-3SP Bomba Completa, Motor a Gasolina,

Leia mais

FILTRO DE MANGAS PULSE JET

FILTRO DE MANGAS PULSE JET FILTRO DE MANGAS PULSE JET Princípios gerais, aparatos e cuidados de operação Empresa: PDL SISTEMAS LTDA. Website: www.pdl.com.br EMPRESA CERTIFICADA ISO 9001:2008 Os filtros de mangas pulse jet são equipamentos

Leia mais

Pulverizador Agrícola Manual

Pulverizador Agrícola Manual R Pulverizador Agrícola Manual Fone: (42) 3522-2789 3522-1819 3523-7926 Rua Prefeito Alfredo Metzler, 480 - CEP 89400-000 - Porto União - SC Site: www.knapik.com.br E-mail: knapik@knapik.com.br vendas@knapik.com.br

Leia mais

JARDIM. PULVERIZADORES 0,5 Litros WT ,9 Litros C-9. PULVERIZADORES PRESSÃO 1,5 Litros G1500 PULVERIZADORES

JARDIM. PULVERIZADORES 0,5 Litros WT ,9 Litros C-9. PULVERIZADORES PRESSÃO 1,5 Litros G1500 PULVERIZADORES 0,5 Litros WT-2056-2 Peso: 56g Ø bocal: 22mm Cx.: 50 un. Cod.: 180 050 001 050 0,9 Litros C-9 Peso: 83g Ø bocal: 22mm Cx.: 50 un. Cod.: 180 050 001 090 - Pulverizadores de cores sortidas com bomba de pistão

Leia mais

CC 200T. Catálogo de Peças de Reposição

CC 200T. Catálogo de Peças de Reposição CC 200T Catálogo de Peças de Reposição Edição: MARÇO 2012 Código: 000-00000-000 CC 200T Índice 1. Módulo Condensador 4 2. Módulo Evaporador 6 2. Módulo Evaporador (Continuação) 8 3. Compressor TM31 10

Leia mais

REDE DE DISTRIBUIÇÃO ECO-PIPE MANUAL DE ESPECIFICAÇÃO E INSTALAÇÃO

REDE DE DISTRIBUIÇÃO ECO-PIPE MANUAL DE ESPECIFICAÇÃO E INSTALAÇÃO REDE DE DISTRIBUIÇÃO ECO-PIPE MANUAL DE ESPECIFICAÇÃO E INSTALAÇÃO Características técnicas Temperatura trabalho: -20 C a +70 C Pressão de trabalho: -0,13 a 13 bar Material: Tubo de alumínio estrudado

Leia mais

Manual do Proprietário. Forno Elétrico Multi.

Manual do Proprietário. Forno Elétrico Multi. Manual do Proprietário. Forno Elétrico Multi. Índice 1- Apresentação. 2- Instalação e Instruções. 2.1- Local de instalação. 2.2- Instalação Hidráulica. 2.3-Instalação Elétrica. 3- Operação. 3.1-Programação.

Leia mais

MOTOR 4 LD 2500 / 4 LDG 2500

MOTOR 4 LD 2500 / 4 LDG 2500 MOTOR LD 500 / LDG 500 ÍNDICE A 5 6 Bloco do Motor Carcaça Tampa do Motor LD 500 Tampa do Motor LDG 500 Cabeçote Tampa do Cabeçote Conjunto Pistão LD 500 6A Conjunto Pistão LDG 500 7 8 9 0 5 6 7 8 9 0

Leia mais

Módulo I Motores de Combustão Interna e Ciclo Otto

Módulo I Motores de Combustão Interna e Ciclo Otto Módulo I Motores de Combustão Interna e Ciclo Otto Motores de Combustão Interna. Apesar de serem ciclos de potência como os estudados em todas as disciplinas anteriores que envolvem os conceitos de Termodinâmica

Leia mais

Operação e manutenção. Válvula de alívio de descarga. Índice. Ilustrações. Visite-nos em

Operação e manutenção. Válvula de alívio de descarga. Índice. Ilustrações. Visite-nos em Válvula de alívio de descarga Operação e manutenção Form. N.º F-1031 Seção 2302.6 Data de emis. 11/95 Data de rev. 10/08/09 Índice Informação de segurança... 2 Descrição geral... 3 Instruções de operação...

Leia mais

HIDROSUPRIMENTOS CONTROLADORA E BOMBA DE BEXIGA DEDICADA

HIDROSUPRIMENTOS CONTROLADORA E BOMBA DE BEXIGA DEDICADA HIDROSUPRIMENTOS CONTROLADORA E BOMBA DE BEXIGA DEDICADA MANUAL DE INSTALAÇÂO E OPERAÇÃO. Versão 1.0_Rev1.0 Agosto/2005 CONTROLADORA E BOMBA DE BEXIGA DEDICADA * LEIA ANTES DE UTILIZAR O EQUIPAMENTO *

Leia mais

KA-042 EQUIPAMENTO DE LIMPEZA E TESTE DE INJETORES COM CUBA DE 1 LITRO EMBUTIDA

KA-042 EQUIPAMENTO DE LIMPEZA E TESTE DE INJETORES COM CUBA DE 1 LITRO EMBUTIDA 1 KA-042 EQUIPAMENTO DE LIMPEZA E TESTE DE INJETORES COM CUBA DE 1 LITRO EMBUTIDA 1 Máquina de Limpeza e Teste de Injetores Introdução: O KA-042 Máquina de limpeza e teste de injetores com cuba embutida

Leia mais

LINTEC VEÍCULOS E MOTORES ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

LINTEC VEÍCULOS E MOTORES ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS LINTEC VEÍCULOS E MOTORES ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Código: ET 700.018 Data: 05/08/2011 MOTOR 3LD1500 LINTEC PRODUTO: MOTOR APROVADO: Adelair Colombo ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MODELO: MOTOR 3LD1500 ELABORADO:

Leia mais

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA E LEGISLAÇÃO DAS VALVULAS CORTA CHAMA. Lei NR /MTB

INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA E LEGISLAÇÃO DAS VALVULAS CORTA CHAMA. Lei NR /MTB INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA E LEGISLAÇÃO DAS VALVULAS CORTA CHAMA Lei 6.514-NR-18.11.6 /MTB (Ministério do Trabalho) 18.11. Operações de Soldagem e Corte a Quente Parágrafo 18.11.6 As mangueiras devem possuir

Leia mais

8 Linha Alta Pressão Linha Alta Pressão Regulagem de Detergente Montagem ASPIRAÇÃO DO DEPÓSITO INCORPORADO: 1. Encha o depósito interno como mostra a figura 1. Selecione a baixa pressão acionando a lança

Leia mais

Guia para dimensionamento

Guia para dimensionamento Guia para dimensionamento Válvulas Proporcionais e Servo-Válvulas. Guia para dimensionamento de Válvulas Proporcionais e Servo-válvulas. Palestra de Fevereiro de 2008. 1 Temos as seguintes perguntas: I.

Leia mais

CATÁLOGO DE PEÇAS GASOLINA COM FOTOS

CATÁLOGO DE PEÇAS  GASOLINA COM FOTOS CATÁLOGO DE PEÇAS WWW.AGPARTSBR.COM GASOLINA COM FOTOS MOTORES A GASOLINA - REFRIGERADOR À AR SÉRIE AG - 5,5HP À 15,0HP APLICAÇÃO Em todo equipamento que necessite de uma tomada de força, tais como bombas

Leia mais

TÉCNICO/A DE MECATRÓNICA AUTOMOVEL

TÉCNICO/A DE MECATRÓNICA AUTOMOVEL TÉCNICO/A DE MECATRÓNICA AUTOMOVEL QUADRO RESUMO FORMAÇÃO UFCD (H) Serralharia para mecânicos 5004 25 Rodas/Pneus/Geometria de direção 5008 25 Motores - reparação/dados técnicos 5012 50 Motores - diagnóstico

Leia mais

Lista de peças sobressalentes ( ) Lista de peças de reposição K7.91

Lista de peças sobressalentes ( ) Lista de peças de reposição K7.91 Lista de peças sobressalentes (5.962-118.0) Lista de peças de reposição K7.91 09.02.2012 www.kaercher.com Página 2 Página 3 Página 4 Índice Lista de peças de reposição K7.91 (5.962-118.0)... 6 10 Caixa

Leia mais

Manual instruções bomba submersível poço

Manual instruções bomba submersível poço Manual instruções bomba submersível poço Bomba Submersível Poço 1. Recomendações Antes de proceder à instalação, leia atentamente o conteúdo deste manual. Ele pretende fornecer toda a informação necessária

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Climatizador SX 070A

MANUAL DO USUÁRIO. Climatizador SX 070A MANUAL DO USUÁRIO Climatizador SX 070A PRINCÍPIOS DO CLIMATIZADOR EVAPORATIVO SX 070A. O Clima:zador Evapora:vo é o equipamento do século que usa água para absorver o calor do ar durante o processo de

Leia mais

Válvulas auxiliares. Produtos. Deslizante União rotativa Pressostato Pistola de ar Tanque de ar

Válvulas auxiliares. Produtos. Deslizante União rotativa Pressostato Pistola de ar Tanque de ar Produtos Controle de vazão Escape rápido Seletora Retenção Alívio de pressão Deslizante União rotativa Pressostato Pistola de ar Tanque de ar Tabela de seleção Tabela de seleção de válvulas controle de

Leia mais

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE PRODUTO: SEL-SV-UL-O2- K4 FOLHA TÉCNICA 1/5 1. CERTIFICAÇÕES DA SELCON 2. APLICAÇÃO Sensor utilizado para indicar a presença de chama em queimadores de gás, óleos leves e pesados ou qualquer outro tipo

Leia mais

Manual de Instalação. Compressor Delphi

Manual de Instalação. Compressor Delphi Manual de Instalação Compressor Delphi Este manual tem como objetivo fornecer instruções, dicas e orientações sobre a instalação correta dos Compressores Delphi. As informações contidas neste manual, alinhadas

Leia mais

Lavadora a água quente de alta manobrabilidade e desenho vertical único

Lavadora a água quente de alta manobrabilidade e desenho vertical único 1 - Lavadora compacta a água quente A 1 combina um forte e robusto design, alta fiabilidade e facilidade de uso. A sua caldeira EcoPower proporciona uma eficiência inigualável e um baixo consumo de combustível,

Leia mais

web curso 2015 Instalação de Produtos Economizadores de Água

web curso 2015 Instalação de Produtos Economizadores de Água web curso 2015 Instalação de Produtos Economizadores de Água Misturadores Pressmatic O uso de misturadores junto a torneiras e duchas garante o fornecimento de água na temperatura desejada, já que o equipamento

Leia mais

Disciplina: Motores a Combustão Interna. Ciclo Ideal e Real

Disciplina: Motores a Combustão Interna. Ciclo Ideal e Real Disciplina: Motores a Combustão Interna Ciclo Ideal e Real Ciclos Ideais A termodinâmica envolvida nos processos químicos reais dos motores de combustão interna é bastante complexa. Sendo assim, é útil

Leia mais

MULTIPLICADOR DE PRESSÃO (BOOSTER) Ø40 e Ø63

MULTIPLICADOR DE PRESSÃO (BOOSTER) Ø40 e Ø63 MULTIPLICADOR DE PRESSÃO (BOOSTER) Ø e Ø O multiplicador de pressão (Booster) é um dispositivo que comprime o ar para obter uma saída de pressão que é o dobro da pressão, que é o dobro da pressão de entrada.

Leia mais

Análise de Modos de Falha e Efeitos

Análise de Modos de Falha e Efeitos Análise de Modos de Falha e Efeitos Patriota de Siqueira 3 Sistema de Resfriamento. Arrefecimento Falta ventilação Ventilador Aquecimento do motor Resfriar a água do sistema entre forçada quebrado Ventilador

Leia mais

TF a. EDIÇÃO - OUT/1997 LISTA DE PEÇAS VISTA EXPLODIDA MOTORES DIESEL TF60 / TF60H

TF a. EDIÇÃO - OUT/1997 LISTA DE PEÇAS VISTA EXPLODIDA MOTORES DIESEL TF60 / TF60H LISTA DE PEÇAS VISTA EXPLODIDA MOTORES DIESEL TF60 / TF60H PARTES QUE COMPÕEM ESTA LISTA: Esta lista compõem-se de 2 partes, sendo a primeira com os códigos das peças e a vista explodida da secção da máquina

Leia mais

GARANTA SUA GARANTIA LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES.

GARANTA SUA GARANTIA LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES. GARANTA SUA GARANTIA LEIA E COMPREENDA O MANUAL DE INSTRUÇÕES. VERIFIQUE SE A TENSÃO DO APARELHO CORRESPONDE A DA TOMADA ONDE SERÁ LIGADO (127V ou 220V). ASPIRADOR DE PÓ E ÁGUA WORK10 INTRODUÇÃO Parabéns

Leia mais