A pré-impressão ponto por ponto. Goiânia, maio de 2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A pré-impressão ponto por ponto. Goiânia, maio de 2008"

Transcrição

1 A pré-impressão ponto por ponto Goiânia, maio de 2008

2 Definição A pré-impressão é a técnica de preparação do original para possibilitar a sua reprodução por meio de um processo de impressão. CRIAÇÃO PRÉ-IMPRESSÃO IMPRESSÃO

3 Provedor de serviço de pré-impressão (clicheria) Assume o vácuo de responsabilidade entre a criação e a produção; Vetor de inovações no processo de impressão; Fala a linguagem dos criadores e dos compradores de embalagens; Suporte ao sistema de gerenciamento do conteúdo digital e de informação (MIS).

4 Digitalização Design Imagem Fluxo de produção PROVA Correção Design OK? N Correção N Preflight Tratamento de imagem e Preparação Gráfica S Rasterização PROVA N OK? Filme ou CTP

5 Preflight Detecção de inconsistências nos arquivos de arte que podem gerar perdas de tempo, filmes e chapas; Verificação da conformidade do arquivo para os requisitos de produção (formatações, cores, fontes imagens etc);

6 Preflight Definição de referência de conteúdo e cor Restauração da referência visual do original; Prova contratual aprovada ou uma nova prova com perfil offset ou Cromalin do arquivo (amostra de produção anterior); Elimina abordagens conceituais e cria parâmetros objetivos que minimizam a possibilidade de conflitos posteriores; Reaprovação da arte na fase de pré-impressão pode gerar conflitos.

7 Preflight Definição de conteúdo e de referência de cor Prova digital com sistema de gerenciamento de cor

8 Preflight Definição de conteúdo e de referência de cor Perfil Cromalin

9 Preflight Definição de conteúdo e de referência de cor Perfil Flexo

10 Preflight Definição de conteúdo e de referência de cor Provas digitais Perfil Cromalin Perfil Flexo

11 Preflight Definição de conteúdo e de referência de cor Provas digitais Perfil Cromalin Perfil Flexo Impresso

12 O que faz Preparação gráfica Produção de provas Gravação de chapas

13 Preparação gráfica (arquivo digital) Tratamento de imagem Revetorização e renderização Trapping Separação/montagem Imposição (step & repeat) Rasterização (Ripping)

14 Preparação gráfica Tratamento de imagem - processo empírico

15 Preparação gráfica Tratamento de imagem - por sistema de gerenciamento de cor (aplicação de perfis) Dispositivo A CMM Dispositivo B

16 Preparação gráfica Revetorização e renderização

17 Preparação gráfica Revetorização

18 Preparação gráfica Renderização

19 Preparação gráfica Trapping

20 Preparação gráfica Separação/montagem

21 Preparação gráfica Imposição (step & repeat)

22 Preparação gráfica Rasterização (Ripping) Prova Controle Filme Processador de rasterização de imagem (RIP) Chapa

23 O que proporciona Economia através da previsibilidade de resultado; Maior produtividade com redução de variáveis na impressão; Maior competitividade por atender as expectativas dos proprietários de marcas.

24 Arte controle de variáveis X Ciência controle de processo

25 Possíveis causas de problemas Offset: 198 Flexografia: 28 FRANK ANTONY Vice-Presidente de Operações da Chattanooga Times Free Press TN EUA e membro da FTA

26 Variáveis Offset CHAPA Erro de exposição 01 Problema de revelação 01 Problema de camada 01 FOTOLITO Erro de exposição 01 Problema na revelação 01 Densidade do filme 01 BLANQUETA (2X) Desgaste 02 Dureza 02 Esmagamento 02 ROLO ENTINTADOR (X10) Desgaste da borracha 10 Danos 10 Endurecimento 10 DOSADOR DE TINTA (X32) Desgaste 32 Disfunção da válvula 32 Lâmina de alimentação 01 SISTEMA DE MOLHA Condição da água 01 Solução de molha 01 Ajustes 20 CILINDRO DE CHAPA Danos 01 CILINDRO DA BLANQUETA Danos 02 AJUSTE DO ROLO IMPRESSOR Transferência de tinta 10 Chapa p/ blanqueta 08 Blanqueta p/ impressão 08 ESPECIFICAÇÃO DE ROLOS Entitandores 10 Cilindro de chapa 01 Cilindros da blanqueta 02 AJUSTE DE TINTA Volume de tinta 32 Volume de água 01 TOTAL 198

27 Variáveis Flexo CHAPA Erro de exposição 01 Problema de revelação 01 Problema de matéria-prima 01 FOTOLITO Erro de exposição 01 Problema na revelação 01 Densidade do filme 01 DUPLA-FACE Desgaste 01 Dureza 01 Esmagamento 01 ANILOX Desgaste 01 Danos 01 Entupimento 01 CÂMARA DE TINTA / DOCTOR-BLADE Desgaste 02 Excesso de pressão 02 Falta de pressão 02 Problema na válvula 02 ROLO IMPRESSOR Danos 01 ROLO ALIMENTADOR Danos 01 AJUSTE DO ROLO IMPRESSOR Anilox para chapa 01 Chapa p/ substrato 01 ESPECIFICAÇÃO DE ROLOS Anilox 01 Cilindro de chapa 01 AJUSTE DE TINTA Densidade 01 Viscosidade 01 TOTAL 28

28 Controle de processo na impressão Densitometria Colorimetria

29 Densitometria Controle de ganho de ponto Controle de tinta Controle de contraste

30 Densitometria Princípio de medição Densitômetro de reflexão

31 Controle de processo Princípio de medição Densitômetro de reflexão

32 Densitometria Princípio de medição Cor de processo Cor complementar a ser medida Cores filtradas do filtro utilizado para medir a densidade Amarelo Verm. + Verde Azul Magenta Verm. + Azul Verde Cyan Verde + Azul Verm. Preto Nenhuma Transparente

33 Densitometria Equação do cálculo de densidade D = log Io I D = Densidade da cor Io = Luz enviada (100%) I = Luz retornada (entre 0 e 100%) Luz enviada Luz retornada Densidade calculada 100% 1,00% 2,00 100% 10,00% 1,00 100% 50,00% 0,30 100% 97,72% 0,01

34 Densitometria Variáveis no processo de medição No controle de cores são utilizados, tanto o padrão ANSI como DIN que utilizam filtros amarelos diferentes. A pré-impressão e a impressão devem utilizar o mesmo padrão. A densidade da tinta varia de acordo com a secagem e absorção por substrato, deve-se encontar a correlação entre a medição com tinta seca e molhada.

35 Densitometria Fingerprint

36 Densitometria Ganho de ponto - medição O ganho de ponto é obtido com a medição da porcentagem (dot área) dos steps do fingerprint, utilizando um densitômetro de reflexão.

37 Densitometria Ganho de ponto - controle Medição de um fingerprint de uma impressora banda-estreita. Retícula de 58 lpc e gravação convencional.

38 Densitometria Ganho de ponto - controle CYFOS TESTFORM 58,0 LPC NOMINAL AMARELO MAGENTA CYAN PRETO Medição de um fingerprint de uma impressora banda-estreita. Retícula de 58 lpc e gravação convencional.

39 Densitometria Ganho de ponto - controle Step de controle do ganho de ponto. Convencional

40 Densitometria Ganho de ponto - controle Step de controle do ganho de ponto. Digital

41 Densitometria Controle de tinta - Densidade A densidade de tinta sólida ou espessura da camada de tinta é um ponto chave na medição do fingerprint. A mesma revela a escala de valores tonais que encontraremos ao longo do impresso. O densitômetro mede a quantidade de luz refletida pelo substrato em valores numéricos. Quanto mais alta a medição, mais espessa é a camada de tinta e mais saturada será a cor.

42 Densitometria Controle de tinta - Densidade Densidade de tinta sólida para flexografia Papel Filme Amarelo 1,00 1,00 Magenta Cyan Preto 1,25 1,30 1,55+ 1,20 1,25 1,50+ Não existe um padrão de densidade de fato na indústria flexográfica, mas apenas um guia para ajudar a encontrar o melhor equilíbrio de cores no processo CMYK.

43 Densitometria Controle de tinta - densidade O controle da densidade de sólidos cria a primeira padronização e define as tonalidades de cores possíveis de serem alcançadas na impressora. A pré-impressão pode definir curvas de compensação que somente terão validade enquanto a medida de densidade forem mantidas. C M Y K

44 Densitometria Controle de tinta - contaminantes As cores do processo CMYK contém contaminantes que criam o componente cinza que causa desvio de tonalidades. Cyan deveria conter 100% de pigmento cyan, entretanto, contém pigmentos amarelos e magenta e assim por diante. Cyan ideal 100% Cyan real 23% 32% 45%

45 Densitometria Controle de tinta - contaminantes O compontente cinza encontra-se baixo da linha vermelha e o desvio da cor cyan é mostrado acima da linha. 45% Cyan real Desvio de ton 32% 23% Componente cinza

46 Densitometria Controle de tinta - contaminantes O densitômetro utiliza filtros que permitem mostrar o perfil da tinta, fornecendo a leitura de cada CMYK cor presente. 1,18 (Dmax) Cyan real 0,45 (Dm) 0,22 (Dmim) Contaminantes

47 Densitometria Controle de tinta - contaminantes Equação para cálculo do percentual do valor de cinza. Cyan real 1,18 (Dmax) 0,45 (Dm) 0,22 (Dmim) Dmin 0,22 Valor de cinza = x 100 = x 100 = 18,64% Dmax 1,18

48 Densitometria Controle de tinta - contaminantes O nível de contaminação causada pelo magenta no cyan é fornecida pela equação: Dm Dmin 0,45 0,22 erro (%) = x 100 = x 100 Dmax Dmin 1,18 0,22 0,23 erro (%) = x 100 = 23,95% 0,96

49 Densitometria Contraste de imagem Contraste é essencialmente a diferença criada pelos pontos impressos a partir da tinta sólida. Na impressão de retícula é desejável o máximo de contraste. O desafio consiste em alcançar a máxima densidade possível nos sólidos e ao mesmo tempo manter as retículas limpas e abertas.

50 Densitometria Contraste de imagem M 75 O contraste é obtido com medida da diferença de densidade entre a tinta sólida (100%) e o step de 3/4 da mesma tinta (75%) Equação: (dens. Sólido dens. 75%) x 100 Contraste = densidade da tinta sólida A leitura de contraste de 25% é aceitável, 10% é muito baixo. Deve-se buscar o contraste mais alto possível.

51 Controle de processo na impressão Reduz o tempo de acerto Economiza insumos e substatos Garante a repetibilidade Elimina aprovação em máquina

52 O que vem pela frente?

53 HI FI Color (impressão com gama de cores expandida (EGC), processo multicolor, etc) Impressão com mais de 4 cores de processo (CMYK) Nomes comerciais: Hexachrome, FMsix, Opaltone

54 HI FI Color Benefícios potenciais Maior aproximação de tonalidade das cores especiais; Menos tempo para limpeza da impressora com a redução de tintas de cores especiais; Redução do inventário de tintas; Impressão com anilox de linhaturas mais altas; Redução do inventário de cilindros anilox;

55 HI FI Color Benefícios potenciais Aumento da velocidades de impressão graças à redução do volume de transferência de tinta; Redução do tempo de setup com a redução da troca de tintas; Redução de desperdício.

56 HI FI Color Vantagens Possibilita a combinação de variações de itens (SKU s) na mesma chapa; Permite a redução do volume do pedido mínimo; Melhora a consistência de cores entre embalagens de diferentes tamanhos; Aumenta o impacto visual de imagens com seis ou sete cores de processo;

57 HI FI Color Desvantagens Requer utilização de cores especiais não contemplados na gama de cores; Exige impressora de 10 cores em trabalhos com branco, preto traço e uma tinta de cor especial; Dificuldade de registro, especialmente em letras vazadas em áreas de cores compostas.

58 HI FI Color Desvantagens Aumenta a possibilidade de moirè; Poucas opções de sistemas de provas com gama de cores expandida; Requer sistema de pré-impressão com suporte ao ECG (Ex.: Esko-Graphics InkWizard).

59 HI FI Color Pantone Hexachrome Lançado comercialmente em 1995 é o sistema HI FI mais conhecido; Processo de meio-tom a seis cores que utiliza tintas com formulação especial de CMYK e adicionalmente laranja e verde; Expande a gama de cores tradicional CMYK em 50% e cobre 90% da gama de cores sólidas Pantone (CMYK = 60%);

60 HI FI Color Pantone Hexachrome Pantone HexaWare plug-in para Photoshop e Ilustrator permite selecionar, corrigir, gerar softproof e separação para Hexachrome; Guia com mais de 2000 cores com referência Pantone e indicações de porcentagens; Suporte de fabricantes de tinta, programas aplicativos, fluxos de produção e soluções de prova.

61 HI FI Color FMsix Desenvolvido por M.Y. Cartons em cooperação com MAN Roland, Creo (Kodak), SunChemical e ArtWorks, lançado em 2003 por MY PrinTech. Renderização CMYK Rend. outras tecnologias Renderização FMsix

62 HI FI Color FMsix O sistema utiliza cores padrões CMYK e mais duas tintas de um conjunto de tres cores especiais (laranja, verde e azul)

63 HI FI Color FMsix Software de conversão MY PrinTech converte cores especiais em cores FMsix apropriadas; Utiliza retícula estocástica nas imagens (CMYK) e nas composições de cores especiais (livre de moirè);

64 HI FI Color FMsix Diferentemente de outros sistemas HI Fi Color, imagens em CMYK simplificam a separação de cor e facilitam o processo de impressão.

65 HI FI Color Opaltone Sistema HI FI Color de sete cores lançado em 1998 por Opaltone Graphic Solution (Austrália)

66 HI FI Color Opaltone Imagens e cores especiais reproduzidas com CMYK e mais cores Opaltone verde, vermelho e azul;

67 HI FI Color Opaltone O sistema é composto de um software de separação de cores e tres escalas de cores com cores OMS (Opaltone Matching System) possíveis de serem reproduzidas por flexografia.

68 HI FI Color Opaltone Plug-in multicolorido de alto nível para Adobe Photoshop e palheta digital para aplicativos baseados em vetor como Freehand e Ilustrator; Separação da imagem em seis cores (CMY + RGB) com o preto formado por RGB possibilita a impressão de jobs com apenas seis cores.

69 Os clientes de amanhã serão conquistados com a qualidade que fazemos hoje.

70 Perguntas?

71 Obrigado! Tel.: (11) TPG SERVIÇOS GRÁFICOS

72 A pré-impressão ponto por ponto Goiânia, maio de 2008

A pré-impressão como vantagem competitiva. São Paulo, abril de 2008

A pré-impressão como vantagem competitiva. São Paulo, abril de 2008 A pré-impressão como vantagem competitiva São Paulo, abril de 2008 Definição A pré-impressão é o processo de preparação do original para a impressão Atividades Preparação do original Impressão de provas

Leia mais

custos Ana Carina Marcussi Atuando no mercado desde 2000

custos Ana Carina Marcussi Atuando no mercado desde 2000 Treinamento Técnico T sobre a importância de clichês e pré-impressão na redução de custos Ana Carina Marcussi Formação em Administração de empresas Atuando no mercado desde 2000 Gerente Comercial Clicherlux

Leia mais

Conteúdo 2 - Conceitos básicos de produção gráfica. professor Rafael Hoffmann

Conteúdo 2 - Conceitos básicos de produção gráfica. professor Rafael Hoffmann Conteúdo 2 - Conceitos básicos de produção gráfica professor Rafael Hoffmann Cor Modelos cromáticos - Síntese aditiva/cor-luz Isaac Newton foi o responsável pelo desenvolvimento da teoria das cores. Em

Leia mais

Porque as. cores mudam?

Porque as. cores mudam? Porque as cores mudam? O que são cores? As cores não existem materialmente. Não possuem corpo, peso e etc. As cores correspondem à interpretação que nosso cérebro dá a certo tipo de radiação eletro-magnética

Leia mais

Introdução à Produção Gráfica

Introdução à Produção Gráfica Introdução à Produção Gráfica Flávio Gomes 1 - Sistemas de Cores Atualmente boa parte dos layouts desenvolvidos para impressão são elaborados em softwares gráficos, esses softwares utilizam um processo

Leia mais

UM POUCO DE COMPUTAÇÃO GRÁFICA.

UM POUCO DE COMPUTAÇÃO GRÁFICA. UM POUCO DE COMPUTAÇÃO GRÁFICA. Imagem digital é a representação de uma imagem bidimensional usando números binários codificados de modo a permitir seu armazenamento, transferência, impressão ou reprodução,

Leia mais

HD FLEXO Flexo de alta-definição Jorge Fumio Kurossu Barueri, 21 de março de 2013

HD FLEXO Flexo de alta-definição Jorge Fumio Kurossu Barueri, 21 de março de 2013 HD FLEXO Flexo de alta-definição Jorge Fumio Kurossu Barueri, 21 de março de 2013 Pré-impressão flexo - evolução Chapa de fotopolímero (1973, lançamento do Cyrel) Introdução do processo fotográfico para

Leia mais

Special Effects for Print. Design em uma nova dimensão com o Process Metallic Color System por Color-Logic

Special Effects for Print. Design em uma nova dimensão com o Process Metallic Color System por Color-Logic Special Effects for Print Design em uma nova dimensão com o Process Metallic Color System por Color-Logic Process Metallic Color System O sistema Process Metallic Color System (Sistema de Cores Metálicas

Leia mais

Guia de qualidade de cores

Guia de qualidade de cores Página 1 de 5 Guia de qualidade de cores O Guia de qualidade de cores ajuda você a entender como as operações disponíveis na impressora podem ser usadas para ajustar e personalizar a saída colorida. Menu

Leia mais

Alguns métodos utilizados

Alguns métodos utilizados Alguns métodos utilizados TIF Algumas pessoas exportam o trabalho feito no Corel em formato TIF,que é um procedimento comum para impressão em jornais e publicações impressas. Para exportar desta forma

Leia mais

Prof. Wanderlei Paré PROCESSOS DE IMPRESSÃO

Prof. Wanderlei Paré PROCESSOS DE IMPRESSÃO CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS DIRETA QUANDO A MATRIZ IMPRIME DIRETAMENTE SOBRE O PAPEL. INDIRETA QUANDO A MATRIZ IMPRIME SOBRE UMA SUPERFÍCIE E DESTA PARA O PAPEL. PLANA QUANDO TODA A SUPERFÍCIE DA MATRIZ TOMA

Leia mais

DICAS. #gruposantaedwiges

DICAS. #gruposantaedwiges DICAS Para você que irá confiar o fechamento à nossa gráfica, recomendamos que você se atente a pequenos detalhes de seu arquivo, pois estes farão enorme diferença na qualidade final do seu impresso gráfico.

Leia mais

LEIA ATENTAMENTE AS SEGUINTES INSTRUÇÕES:

LEIA ATENTAMENTE AS SEGUINTES INSTRUÇÕES: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS - CGIC Concurso Público (Aplicação: 07/08/2011) Cargo: Técnico em Artes Gráficas/Classe D-101 LEIA ATENTAMENTE AS SEGUINTES INSTRUÇÕES: Verifique,

Leia mais

A cor é a música dos olhos. Goethe

A cor é a música dos olhos. Goethe LUZ - COR - TINTA A cor é a música dos olhos. Goethe ONDAS ELETROMAGNÉTICAS RAIO X CALOR RÁDIO 1/1000000 nm 1/1000 nm 1 nm 400 nm 700 1/1000 mm 1 mm 1 m 1 km 1000 km RAIOS GAMA E ALFA LUZ TELEVISÃO CORRENTE

Leia mais

1ª Decomposição das cores contínuas em padrões de distribuição de pontos de cor sólidos através de um scanner

1ª Decomposição das cores contínuas em padrões de distribuição de pontos de cor sólidos através de um scanner 1 2 Qualidade na reprodução Originais Qualidade do original Separação de cores Fotolitos Chapas Tinta Papel Esse itens são fundamentais para que as cores não sejam modificadas na reprodução. 1- opacos

Leia mais

Provas com a mesma tecnologia, integridade de pontos e retículas do seu processo de impressão

Provas com a mesma tecnologia, integridade de pontos e retículas do seu processo de impressão Provas com a mesma tecnologia, integridade de pontos e retículas do seu processo de impressão Com Chromedot você tem provas com pontos idênticos aos do CTP, fotocompositora ou clichê com lineatura de até

Leia mais

Xerox EX Print Server Powered by Fiery para a Xerox igen 150 Press. Impressão em cores

Xerox EX Print Server Powered by Fiery para a Xerox igen 150 Press. Impressão em cores Xerox EX Print Server Powered by Fiery para a Xerox igen 150 Press Impressão em cores 2013 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão contempladas pelos Avisos de caráter legal deste

Leia mais

Configurando Color Sttings - no CS3 Shift + Ctrl + K

Configurando Color Sttings - no CS3 Shift + Ctrl + K GCR Photoshop CS3 Cores Digitais Primeiramente, vamos entender como é possível substituir o CMY por preto apenas nas áreas cinzas e escuras sem influenciar nas outras cores da foto. Quando um scanner captura

Leia mais

Guia Informativo Maio de 2009

Guia Informativo Maio de 2009 Guia Informativo Maio de 2009 Indice Apresentação Geral... 03 Sistema Integrado... 03 Tranquilidade e Confiança... 03 Estabilidade e Controle... 04 Economia de Tempo e Tinta... 04 Segurança... 05 Meio

Leia mais

Fiery E100 Color Server. Impressão em cores

Fiery E100 Color Server. Impressão em cores Fiery E100 Color Server Impressão em cores 2011 Electronics For Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 45098264 09 de agosto

Leia mais

Fiery Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Glossário

Fiery Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Glossário Fiery Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS Glossário 2004 Electronics for Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos das Avisos de caráter legal deste produto. 45044849

Leia mais

sobre clichês e pré- impressão para papelão ondulado Ana Carina Marcussi Gerente Comercial - Clicherlux

sobre clichês e pré- impressão para papelão ondulado Ana Carina Marcussi Gerente Comercial - Clicherlux Treinamento Técnico T sobre clichês e pré- impressão para papelão ondulado Ana Carina Marcussi Gerente Comercial - Clicherlux Histórico da Flexografia Década de 1930 nos Estados Unidos, em 1952 foi dado

Leia mais

Técnico em Artes Gráficas pelo SENAI-SP, graduado em Administração e pós-graduado em Administração. Atualmente é gestor e consultor de empresas do

Técnico em Artes Gráficas pelo SENAI-SP, graduado em Administração e pós-graduado em Administração. Atualmente é gestor e consultor de empresas do Técnico em Artes Gráficas pelo SENAI-SP, graduado em Administração e pós-graduado em Administração. Atualmente é gestor e consultor de empresas do segmento gráfico de conversão e ministra cursos e palestras

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Índice Apresentação Malha Construtiva Área de Proteção Família Tipográ ca Padrões Cromáticos Redução da Marca Fundos Marca D água Marcas Especiais Especi cações Finais 02 Apresentação

Leia mais

PUBLICIDADE & PROPAGANDA PRODUÇÃO GRÁFICA

PUBLICIDADE & PROPAGANDA PRODUÇÃO GRÁFICA PRODUÇÃO GRÁFICA PUBLICIDADE & PROPAGANDA Prova Semestral --> 50% da nota final. Sistema de avaliação Atividades em laboratório --> 25% da nota final Exercícios de práticos feitos nos Laboratórios de informática.

Leia mais

PRODUTOS NOBRE. Manual de desenvolvimento de Rótulos e embalagens.

PRODUTOS NOBRE. Manual de desenvolvimento de Rótulos e embalagens. PRODUTOS NOBRE Manual de desenvolvimento de Rótulos e embalagens. :: INTRODUÇÃO A importância da marca. Vivemos em uma época em que a disputa de um produto em relação ao seu concorrente não acontece somente

Leia mais

Siga nossos padrões de margens especificadas abaixo e utilize nossas matrizes (disponíveis no link Gabaritos).

Siga nossos padrões de margens especificadas abaixo e utilize nossas matrizes (disponíveis no link Gabaritos). Guia de Instruções Atenção com as margens de corte Siga nossos padrões de margens especificadas abaixo e utilize nossas matrizes (disponíveis no link Gabaritos). Sempre utilize no mínimo a 3,5mm de margem

Leia mais

Quadricromia. e as Retículas AM e FM

Quadricromia. e as Retículas AM e FM Quadricromia e as Retículas AM e FM A retícula A retícula tradicional ou convencional AM (Amplitude Modulada) é composta de pontos eqüidistantes e com dimensões variáveis. A retícula A retícula tradicional

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual sumário Manual de Identidade Visual EBSERH Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares 3 a marca 4 malha construtiva 5 cores institucionais 6 aplicações em fundo colorido 7

Leia mais

Sistema Flexográfico Digital Flexcel NX. Tudo. é possível

Sistema Flexográfico Digital Flexcel NX. Tudo. é possível Sistema Flexográfico Digital Flexcel NX Tudo é possível Várias opções de aplicações Ampliando as fronteiras da impressão flexográfica, o Sistema Kodak Flexcel NX permite que você Faça mais com flexo em

Leia mais

Imagens Digitais Tratamento de Imagens

Imagens Digitais Tratamento de Imagens Imagens Digitais Imagens de Bitmap Bitmap = Mapa de Bits ou Imagens Raster São as imagens formadas por pixels em oposição às imagens vetoriais. Imagens de Bitmap Imagem de bitmap Imagem vetorial Imagens

Leia mais

A MELHOR IMPRESSÃO DA INFORMAÇÃO

A MELHOR IMPRESSÃO DA INFORMAÇÃO A MELHOR IMPRESSÃO DA INFORMAÇÃO Multi Criatividade em Impressão é uma unidade de negócios do Grupo Sinos. Sabemos e acreditamos no trabalho impresso, estamos preparados para ajudar na elaboração das peças,

Leia mais

Outro componente no portfólio de produtos da KBA-MePrint AG

Outro componente no portfólio de produtos da KBA-MePrint AG Varius LX-TX Impressora Offset modular e sem água para uma diversidade de aplicações ilimitada Impressão de etiquetas e laminada com uma qualidade imbatível Varius LX-TX Outro componente no portfólio de

Leia mais

Manual de Artes Fechamento de Arquivos para a OPEC/GP Novembro/2007 Manual de Artes da OPEC Arquivos Impressos

Manual de Artes Fechamento de Arquivos para a OPEC/GP Novembro/2007 Manual de Artes da OPEC Arquivos Impressos Manual de Artes Fechamento de Arquivos para a OPEC/GP Novembro/2007 Manual de Artes da OPEC Arquivos Impressos Gazeta do Povo -vs02- Recomendações para preparação da arte final Segue abaixo algumas dicas

Leia mais

Cooperação para criar valor

Cooperação para criar valor Cooperação para criar valor & 0 Cooperação para criar valor & 1 PALESTRANTE Dr. Bernhard Fritz Gerente de Productos Marketing SunChemical 2 Dr. Bernhard Fritz Gerente de Produtos & Marketing, Sun Chemical

Leia mais

Manual de Fechamento e Envio de Arquivos Digitais

Manual de Fechamento e Envio de Arquivos Digitais Manual de Fechamento e Envio de Arquivos Digitais 2015 Manual de Fechamento e Envio de Arquivos Digitais Introdução Você tem em mãos a nova versão do Manual de Fechamento e Envio de Arquivos Digitais do

Leia mais

Referência de cores Fiery

Referência de cores Fiery 2014 Electronics For Imaging. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste produto. 11 de junho de 2014 Conteúdo 3 Conteúdo Introdução à referência de cores

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CONSELHO FEDERAL DE ODONTOLOGIA BRASÍLIA

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CONSELHO FEDERAL DE ODONTOLOGIA BRASÍLIA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CONSELHO FEDERAL DE ODONTOLOGIA BRASÍLIA JUL.2014 1 APRESENTAÇÃO MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL // CONSELHO FEDERAL DE ODONTOLOGIA CFO 3 //APRESENTAÇÃO A concepção da nova marca

Leia mais

Película Scotchcal MR Série BR 7300

Película Scotchcal MR Série BR 7300 Película Scotchcal MR Série BR 7300 Dados Técnicos Julho/2005 Substitui: Junho/2004 Revisão 09 Barras pretas nas margens indicam as alterações Descrição Descrição e usos As películas Scotchcal MR Série

Leia mais

A Inca Digital leva os recursos de flexibilidade e desempenho garantidos para um nível mais alto com a série Onset X

A Inca Digital leva os recursos de flexibilidade e desempenho garantidos para um nível mais alto com a série Onset X A Inca Digital leva os recursos de flexibilidade e desempenho garantidos para um nível mais alto com a série Onset X A nova plataforma revolucionária tem potencial para 14 canais, mesa de vácuo com 25

Leia mais

Calibração, Qualificação Internacional e Aparência Compartilhada de impressos.

Calibração, Qualificação Internacional e Aparência Compartilhada de impressos. Calibração, Qualificação Internacional e Aparência Compartilhada de impressos. Pontos Chaves 35 anos de experiência em flexografia. Unidades em locais estratégicos. Mais de 140 colaboradores. Sempre em

Leia mais

Espectro Eletromagnético. Espectro Eletromagnético. Onda Curta - Radio. Vermelho. Laranja Amarelo. Luz Visível. Luz Visível. Verde. Azul.

Espectro Eletromagnético. Espectro Eletromagnético. Onda Curta - Radio. Vermelho. Laranja Amarelo. Luz Visível. Luz Visível. Verde. Azul. Aplliicações Ulltraviiolleta p. 1/12 Utiilliizando Tecnollogiia de Ponta UV na Indústtrri I ia Grráffi ica e Moveleirra Sumárri io 1. INTRODUÇÃO Nesta Palestra: - O que são raios ultravioleta e infravermelho

Leia mais

GUIA DE PROCEDIMENTOS PARA FABRICAÇÃO CD / DVD NO PADRÃO NOVODISC

GUIA DE PROCEDIMENTOS PARA FABRICAÇÃO CD / DVD NO PADRÃO NOVODISC GUIA DE PROCEDIMENTOS PARA FABRICAÇÃO CD / DVD NO PADRÃO NOVODISC MATERIAL A SER ENVIADO PARA A NOVODISC : FORNECIMENTO DE MATRIZES CD / DVD ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE RÓTULO E PEÇAS GRÁFICAS EMBALAGENS

Leia mais

Manual de identidade LINHA PROFISSIONAL

Manual de identidade LINHA PROFISSIONAL Índice Proporções do logotipo Manual de identidade LINHA PROFISSIONAL A Black & Decker desenvolveu este guia para manter o padrão visual na comunicação da LINHA PROFISSIONAL. Nela você encontrará os elementos

Leia mais

Padrões da Marca de Bandeira Cirrus

Padrões da Marca de Bandeira Cirrus ORIENTAÇÕES DA MARCA Padrões da Cirrus Versión 8.0 Abril 2015 Cirrus A Cirrus pode aparecer apenas nas versões aprovadas. A escolha da versão depende da aplicação, das restrições orçamentárias, das limitações

Leia mais

Fraternidade Espírita Irmãos de Cascais

Fraternidade Espírita Irmãos de Cascais Fraternidade Espírita Irmãos de Cascais 1 1.0 Grid da Logomarca 03 2.0 Área de proteção 05 3.0 Definição das Cores 06 3.1 Cores em Policromia 06 3.2 Cores em Pantone 07 3.3 Cores em Escala de Cinza 08

Leia mais

Perguntas Freqüentes sobre a Gráfica Abril

Perguntas Freqüentes sobre a Gráfica Abril Perguntas Freqüentes sobre a Gráfica Abril Qual é o papel usado na impressão de revistas? Cada revista utiliza um tipo de papel diferente. Na gráfica são utilizados papéis do tipo LWC, SC, Couchê, Jornal

Leia mais

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta.

Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. 1 Prezado(a) candidato(a): Assine e coloque seu número de inscrição no quadro abaixo. Preencha, com traços firmes, o espaço reservado a cada opção na folha de resposta. Nº de Inscrição Nome PROVA DE CONHECIMENTOS

Leia mais

Infiniti. Como criar perfis de cor para a Infiniti Fina através do PhotoPRINT

Infiniti. Como criar perfis de cor para a Infiniti Fina através do PhotoPRINT Infiniti Como criar perfis de cor para a Infiniti Fina através do PhotoPRINT O procedimento abaixo ilustra como criar um perfil de cor no PhotoPRINT para as impressoras Infiniti FINA SERIES através do

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA FECHAMENTO E ENVIO DE ARQUIVOS DE JORNAIS PARA IMPRESSÃO

PROCEDIMENTOS PARA FECHAMENTO E ENVIO DE ARQUIVOS DE JORNAIS PARA IMPRESSÃO PROCEDIMENTOS PARA FECHAMENTO E ENVIO DE ARQUIVOS DE JORNAIS PARA IMPRESSÃO JANEIRO/2012 Introdução Este guia descreve os padrões, formatos e procedimentos a serem adotados na preparação e fechamento de

Leia mais

Fernando Pini Manual da Categoria 11.4 - CONFORMIDADE COM A NORMA ABNT NBR ISO 12647-7

Fernando Pini Manual da Categoria 11.4 - CONFORMIDADE COM A NORMA ABNT NBR ISO 12647-7 Fernando Pini Manual da Categoria 11.4 - CONFORMIDADE COM A NORMA ABNT NBR ISO 12647-7 Comissão Técnica do Prêmio Fernando Pini 2014 INTRODUÇÃO Este manual visa orientar as Gráficas, Bureaus, Editoras

Leia mais

Associação dos Agentes de Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica.

Associação dos Agentes de Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica. Associação dos Agentes de Fornecedores de Equipamentos e Insumos para a Indústria Gráfica. Planejamento & Sucesso de um Trabalho Gráfico Alexandre Keese alekeese@dtp.com.br Editor da Revista Desktop e

Leia mais

Guia de Solução de Problemas para Offset Plana

Guia de Solução de Problemas para Offset Plana Tinta desencostando do rolo do tinteiro (dormindo) Rebatida da tinta Podragem Imagem fantasma Brilho Caroço (forma regular) Chapa cega causa química Chapa cega causa mecânica Desgaste da chapa Cor fraca

Leia mais

Relatório de teste personalizado

Relatório de teste personalizado Relatório de teste personalizado Comparação do rendimento de páginas / Avaliação de confiabilidade JUNHO de 2012 Cartuchos de impressão a jato de tinta originais da HP versus cartuchos recarregados de

Leia mais

Tipos de cores. Entendendo as cores. Imprimindo. Usando cores. Manuseio de papel. Manutenção. Solucionando problemas. Administração.

Tipos de cores. Entendendo as cores. Imprimindo. Usando cores. Manuseio de papel. Manutenção. Solucionando problemas. Administração. Sua impressora permite que você se comunique em cores. As cores chamam a atenção, indicam respeito e agregam valor ao material ou às informações impressas. O uso de cor aumenta o público leitor e faz com

Leia mais

Design Cerâmico Adaptado à Impressão Digital

Design Cerâmico Adaptado à Impressão Digital http://dx.doi.org/10.4322/cerind.2014.013 Design Cerâmico Adaptado à Impressão Digital J. J. Clausell a, L. Ortiz a, J. Mira a a Instituto de Tecnología Cerámica ITC, Asociación de Investigación de las

Leia mais

P ROVA: página impressa, fora de escala industrial, para identificação de erros e

P ROVA: página impressa, fora de escala industrial, para identificação de erros e P ROVA: página impressa, fora de escala industrial, para identificação de erros e eventual correção anteriormente à impressão final. Existem vários tipos de prova de impressão e cada tipo recebe um nome

Leia mais

Aula 6 Fundamentos da fotografia digital

Aula 6 Fundamentos da fotografia digital Aula 6 Fundamentos da fotografia digital Fundamentos da fotografia digital: Câmeras digitais CCD e CMOS Resolução Armazenamento Softwares para edição e manipulação de imagens digitais: Photoshop e Lightroom

Leia mais

CMYK. Muito além do PROCESSO

CMYK. Muito além do PROCESSO André Borges Lopes* Muito além do O uso de tintas especiais permite ampliar o universo de cores oferecido pela quadricromia tradicional, além de criar efeitos especiais como tons metálicos. Mas o uso dessa

Leia mais

Organização de uma sequência para tratamento de imagem

Organização de uma sequência para tratamento de imagem Aula 7 Tratamento Organização de uma sequência para tratamento de imagem SEMPRE guarde o arquivo original. Crie uma pasta para as imagens tratadas Verifique a qualidade da imagem e também se a resolução

Leia mais

PHOTOSHOP. Menus. Caixa de Ferramentas:

PHOTOSHOP. Menus. Caixa de Ferramentas: PHOTOSHOP Universidade de Caxias do Sul O Photoshop 5.0 é um programa grande e complexo, é o mais usado e preferido pelos especialistas em editoração e computação gráfica para linha PC. Outros programas

Leia mais

Este manual explica como utilizar corretamente a marca Um Carimbo, Por favor! O Objetivo é uniformizar a comunicação visual, através da padronização

Este manual explica como utilizar corretamente a marca Um Carimbo, Por favor! O Objetivo é uniformizar a comunicação visual, através da padronização Este manual explica como utilizar corretamente a marca Um Carimbo, Por favor! O Objetivo é uniformizar a comunicação visual, através da padronização dos elementos gráficos. É importante seguir as indicações

Leia mais

Clique no número da página escolhida para acessá-la. Como funciona o sistema digital Transmissão de anúncios via internet Troca de material

Clique no número da página escolhida para acessá-la. Como funciona o sistema digital Transmissão de anúncios via internet Troca de material MANUAL DE ENVIO DE MATERIAL 2013 Como funciona o sistema digital Transmissão de anúncios via internet Troca de material Resolução Formatos Conteúdo Prova de cor Layout Marcas de corte Cores Clique no número

Leia mais

THE SWEDISH DOCTOR BLADE

THE SWEDISH DOCTOR BLADE THE SWEDISH DOCTOR BLADE SOBRE A PRIMEBLADE A PrimeBlade Sweden AB é uma empresa fabricante e fornecedora global de lâminas doctorblade para impressoras flexográfica, rotogravura e offset. Juntamente com

Leia mais

Manipulação Digital de Imagens Recursos Básicos de Tratamento

Manipulação Digital de Imagens Recursos Básicos de Tratamento Manipulação Digital de Imagens Recursos Básicos de Tratamento 1 Antes de mais nada, é extremamente necessário lembrar que para tratar uma imagem é necessário que o monitor de seu computador esteja calibrado

Leia mais

Epson Professional Imaging Gerenciamento de cores

Epson Professional Imaging Gerenciamento de cores Epson Professional Imaging Gerenciamento de cores Impressão com perfis ICC Aviso de direitos autorais Todos os direitos reservados. Esta publicação não pode ser integral ou parcialmente reproduzida, arquivada

Leia mais

Gerenciamento de Cores e Provas na Indústria de Embalagens

Gerenciamento de Cores e Provas na Indústria de Embalagens Gerenciamento de Cores e Provas na Indústria de Embalagens Desafios da Indústria de Embalagens Grande pressão de tempo e custos Exigências de Produção { O ciclo de vida dos produtos de bens de consumo

Leia mais

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA 1. APRESENTAÇÃO Este manual apresenta, documenta e normatiza a utilização da identidade visual do Circo Crescer e Viver e de seu selo comemorativo de 10 anos. É fundamental

Leia mais

Gama do monitor. Michael v.ostheim Tradução: Marcus Gama Tradução: André Marcelo Alvarenga

Gama do monitor. Michael v.ostheim Tradução: Marcus Gama Tradução: André Marcelo Alvarenga Michael v.ostheim Tradução: Marcus Gama Tradução: André Marcelo Alvarenga 2 Conteúdo 1 Introdução 4 2 Usando as imagens de teste 4 2.1 Imagem de teste da escala de cinza............................ 4 2.2

Leia mais

Atualização: JULHO/2011

Atualização: JULHO/2011 Uso do logo Teuto Pfizer Este material também é conhecido por manual da marca Teuto Pfizer. Ele é destinado a profissionais de comunicação, agências de publicidade, fornecedores e usuários em geral que

Leia mais

CMs - Gestão de cor. josé gomes ferreira

CMs - Gestão de cor. josé gomes ferreira josé gomes ferreira CMs - Gestão de cor APRESENTAÇÃO A Gestão de Cor da captura à impressão! Conhecer e compreender a teoria da cor para a gestão de cor. A Luz e a sua natureza, os espaços de cor, etc.

Leia mais

manual de identidade visual

manual de identidade visual manual de identidade visual Índice do nosso manual 1.Nosso Logo 1.1. Apresentação...3 1.2. Versões...4 Logo A Aplicações...5 Cores...6 Logo B Aplicações...7 Cores...8 Logo C Aplicações...9 Cores...10 1.3.

Leia mais

Otimização do tempo de setup na operação gargalo de uma indústria gráfica utilizando o Sistema de Troca Rápida de Ferramentas

Otimização do tempo de setup na operação gargalo de uma indústria gráfica utilizando o Sistema de Troca Rápida de Ferramentas Otimização do tempo de setup na operação gargalo de uma indústria gráfica utilizando o Sistema de Troca Rápida de Ferramentas Jonas Alves de Paiva (UFPB) jonas@ct.ufpb.br Thiago Miranda de Vasconcelos

Leia mais

gerenciamento Gerenciamento da cor de cor na pré-impressão e impressão digital Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes

gerenciamento Gerenciamento da cor de cor na pré-impressão e impressão digital Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes Gerenciamento da cor na pré-impressão e impressão digital Ary Luiz Bon Alberto Sanches Lopes Gerenciamento da cor na pré-impressão e impressão digital Apresentação em 5 partes Filosofia de trabalho do.

Leia mais

GMG Soluções de software para Gerenciamento de Cor e Prova

GMG Soluções de software para Gerenciamento de Cor e Prova GMG Soluções de software para Gerenciamento de Cor e Prova GMG O Padrão em Gerenciamento de cor e Prova 25 anos de experiencia na industria de artes gráficas particularmente no campo de gerenciamento de

Leia mais

O objetivo deste manual é auxiliar e esclarecer algumas dúvidas que possam surgir durante o processo de fechamento dos arquivos a serem enviados para

O objetivo deste manual é auxiliar e esclarecer algumas dúvidas que possam surgir durante o processo de fechamento dos arquivos a serem enviados para O objetivo deste manual é auxiliar e esclarecer algumas dúvidas que possam surgir durante o processo de fechamento dos arquivos a serem enviados para impressão, evitando assim atrasos e possíveis erros

Leia mais

Manual de Identidade Visual UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UFRPE

Manual de Identidade Visual UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO UFRPE Manual de Identidade Visual UFRPE INTRODUÇÃO A Universidade Federal Rural de Pernambuco, em comemoração ao seu centenário, apresenta, através da Coordenadoria de Comunicação Social, o redesign de sua marca,

Leia mais

Epson Stylus Pro 4800 / 7800 / 9800 Impressões de qualidade, monocromáticas e a cores

Epson Stylus Pro 4800 / 7800 / 9800 Impressões de qualidade, monocromáticas e a cores Epson Stylus Pro 4800 / 7800 / 9800 Impressões de qualidade, monocromáticas e a cores A tecnologia única de tinta Epson UltraChrome K3 oferece-lhe as impressões monocromáticas e a cores de excelência.

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual APRESENTAÇÃO :::... A Associa ção Horizontes, apresenta seu manual de aplicação de marca e com ele pretende consolidar o bem mais valioso que uma empresa ou instituição possui:

Leia mais

GUIA DE PRODUTOS 2016

GUIA DE PRODUTOS 2016 GUIA DE PRODUTOS 2016 Alltak Premium é indicado para aplicações diversas, como sinalização, propaganda, design, decoração e identificação de frotas, onde são exigidas precisão, durabilidade, estabilidade

Leia mais

Fotografia Digital. Aula 1

Fotografia Digital. Aula 1 Fotografia Digital Aula 1 FOTOGRAFIA DIGITAL Tema da aula: A Fotografia 2 A FOTOGRAFIA A palavra Fotografia vem do grego φως [fós] ("luz"), e γραφις [grafis] ("estilo", "pincel") ou γραφη grafê, e significa

Leia mais

Guia do Usuário de Toner Transparente do Servidor de Impressão Xerox FreeFlow Dê ênfase ao brilho!

Guia do Usuário de Toner Transparente do Servidor de Impressão Xerox FreeFlow Dê ênfase ao brilho! Impressoras em Cores Xerox 800/1000 Servidor de Impressão FreeFlow Guia do Usuário de Toner Transparente Guia do Usuário de Toner Transparente do Servidor de Impressão Xerox FreeFlow Dê ênfase ao brilho!

Leia mais

automatizar a criação de embalagens

automatizar a criação de embalagens 3 motivos para automatizar a criação de embalagens 1. Qualidade máxima em todos os projetos 2. Todas as tarefas envolvidas na execução do projeto 3. Integração com sistemas administrativos de pedidos O

Leia mais

O que é a cor? Como converter as cores para CMYK

O que é a cor? Como converter as cores para CMYK Introdução A Cartilha de Fechamento de Arquivos a seguir foi preparada pela equipe de criação da gráfica Cores, com o intuito de ajudar seus clientes a criarem artes o mais precisa possível, evitando assim

Leia mais

Série Rho 1000 A mais produtiva impressora UV de mesa plana

Série Rho 1000 A mais produtiva impressora UV de mesa plana PT Série Rho 1000 A mais produtiva impressora UV de mesa plana A série Rho 1000 é o porta-estandarte do abrangente portfólio de impressoras UV de jato de tinta e mesa plana da Durst. Ela une uma excelente

Leia mais

Cores em Computação Gráfica

Cores em Computação Gráfica Cores em Computação Gráfica Uso de cores permite melhorar a legibilidade da informação, possibilita gerar imagens realistas, focar atenção do observador, passar emoções e muito mais. Colorimetria Conjunto

Leia mais

GERENCIAMENTO DE CORES FERRAMENTA FUNDAMENTAL PARA A DOCUMENTAÇÃO DIGITAL DE BENS CULTURAIS

GERENCIAMENTO DE CORES FERRAMENTA FUNDAMENTAL PARA A DOCUMENTAÇÃO DIGITAL DE BENS CULTURAIS Revista Brasileira de Arqueometria, Restauração e Conservação. Vol.1, No.4, pp. 215-220 Copyright 2007 AERPA Editora GERENCIAMENTO DE CORES FERRAMENTA FUNDAMENTAL PARA A DOCUMENTAÇÃO DIGITAL DE BENS CULTURAIS

Leia mais

Uma nova maneira de interagir com a Gráfica Art3! A mais nova tecnologia em aprovação de arquivos via WEB.

Uma nova maneira de interagir com a Gráfica Art3! A mais nova tecnologia em aprovação de arquivos via WEB. Uma nova maneira de interagir com a Gráfica Art3! A mais nova tecnologia em aprovação de arquivos via WEB. O Portal Art3 é um sistema que permite uma grande flexibilidade na entrega e aprovação de seus

Leia mais

Componente B Catalisador AL 1006 Componente B (12256557) - (1,5L)

Componente B Catalisador AL 1006 Componente B (12256557) - (1,5L) WEGNILICA CVE 804 DESCRIÇÃO DO PRODUTO: Promotor de aderência bicomponente, formulado a partir de resinas vinílicas com excelente aderência sobre metais ferrosos e não ferrosos. RECOMENDAÇÕES DE USO: Indicado

Leia mais

Programa ITG de Qualidade Gráfica

Programa ITG de Qualidade Gráfica Programa ITG de Qualidade Gráfica Densitometria de Reflexão Manual Técnico ITG (sofrendo revisão técnica por Ary Luiz Bon e David Manoel Barbosa) Autoria: Carlos E. Monteiro / Alberto S. Lopes Material

Leia mais

"ESCRITÓRIO SEM PAPEL"

ESCRITÓRIO SEM PAPEL HÁ ALGO DE NOVO NO MUNDO GRÁFICO? Bruno Mortara "ESCRITÓRIO SEM PAPEL" Expressão cunhada pela The Economist em 1985 Acreditava-se que em 10 anos o papel sumiria dos escritórios Na última década o gasto

Leia mais

FORMATOS DE ARQUIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS NATIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS GENÉRICOS. Produção Gráfica 2 A R Q U I V O S D I G I T A I S -

FORMATOS DE ARQUIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS NATIVOS FORMATOS DE ARQUIVOS GENÉRICOS. Produção Gráfica 2 A R Q U I V O S D I G I T A I S - Produção Gráfica 2 FORMATOS DE ARQUIVOS A R Q U I V O S D I G I T A I S - FORMATOS DE ARQUIVOS PARA IMAGEM BITMAPEADAS Uma imagem bitmapeada, uma ilustração vetorial ou um texto são armazenados no computador

Leia mais

Aula 6: Lista de Exercícios Tipos de Manutenções Sistemas Hidráulicos Sistemas Pneumáticos

Aula 6: Lista de Exercícios Tipos de Manutenções Sistemas Hidráulicos Sistemas Pneumáticos Aula 6: Lista de Exercícios Tipos de Manutenções Sistemas Hidráulicos Sistemas Pneumáticos Assinale V para as afirmações verdadeiras e F para as falsas. ( ) Garantir a produção normal e a qualidade dos

Leia mais

Especificações Técnicas - Dicas, evitando erros

Especificações Técnicas - Dicas, evitando erros http://publicidade.abril.com.br/revistas/espe_tecnicas/rev _recomenda.shtml Especificações Técnicas - Dicas, evitando erros Recomendações que evitam os erros mais freqüentes Nunca utilize quadricromia

Leia mais

CORES: MAGENTA / AMARELO / CIANO

CORES: MAGENTA / AMARELO / CIANO Brasília, 13 de dezembro de 2012. AVALIAÇÃO DE AMOSTRA DE CARTUCHOS DE TONER PREGÃO 74/2012 CORES: MAGENTA / AMARELO / CIANO I - OBJETIVO O objetivo do presente laudo técnico é avaliar o rendimento e as

Leia mais

Usando os Softwares Corretos. Tudo bem explicadinho

Usando os Softwares Corretos. Tudo bem explicadinho Cartilha da Pré-Impressão A JACUÍ apresenta sua Cartilha da Pré-Impressão, elaborada especialmente como ferramenta de auxílio aos nossos clientes/agências. Facilitar o desenvolvimento de seus impressos

Leia mais

Fiery EXP8000 Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Impressão em cores

Fiery EXP8000 Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS. Impressão em cores Fiery EXP8000 Color Server SERVER & CONTROLLER SOLUTIONS Impressão em cores 2005 Electronics for Imaging, Inc. As informações nesta publicação estão cobertas pelos termos dos Avisos de caráter legal deste

Leia mais

IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE CORES PARA O DESIGN GRÁFICO

IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE CORES PARA O DESIGN GRÁFICO IMPORTÂNCIA DO GERENCIAMENTO DE CORES PARA O DESIGN GRÁFICO Rodrigo Holdschip Pós-Graduação em Desenho Industrial, FAAC, Unesp Bauru, SP, Brasil rodrigoholdschip@yahoo.com.br Dr. João Fernando Marar Departamento

Leia mais

Colour for every perspective. Coloured MDF

Colour for every perspective. Coloured MDF Colour for every perspective Coloured MDF Innovus Coloured MDF: cor em todas as perspectivas A mais recente adição à gama de produtos decorativos Innovus - o Innovus Coloured MDF - alia as altas prestações

Leia mais

Mídia Impressa X Mídia Eletrônica

Mídia Impressa X Mídia Eletrônica Diferenças entre Mídia Impressa e Eletrônica Resolução Web >> 72dpi Impressão >> 300dpi Padrão de cores Web >> RGB Impressão >> CMYK Tipos de Arquivos Web >> GIF / JPEG Impressão >> TIF / EPS Tamanho dos

Leia mais