A adesão pelo Comerciante ao serviço MB SPOT implica sempre a assinatura de um Contrato para adesão ao Serviço MB SPOT.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A adesão pelo Comerciante ao serviço MB SPOT implica sempre a assinatura de um Contrato para adesão ao Serviço MB SPOT."

Transcrição

1 Serviço MB SPOT O MB SPOT é um serviço disponibilizado pela SIBS através dos Terminais de Pagamento Automático (TPA) da Rede MB, que permite Executar carregamentos de serviços pré-pagos, pagamento de serviços, pagamentos ao Estado e consultas de saldos e movimentos entre outras operações na rede multibanco de TPA. As operações disponíveis no MB SPOT são: Pagamento de Serviços Consulta de Saldos Consulta de Movimentos Carregamentos de Serviços Pré-Pagos Pagamentos ao Estado A Caixa disponibiliza o serviço MB SPOT em toda a Rede netcaixa, tanto em TPA netcaixa MB Only como em TPA netcaixa Multimarca, podendo ser utilizado quer por clientes detentores de cartão quer por clientes não detentores de cartão. Pela dinamização do serviço a Caixa remunerará o Comerciante aderente pelas operações de Pagamento de Serviços, Carregamentos pré-pagos e Pagamentos ao Estado efetuadas no TPA do Estabelecimento aderente. A adesão pelo Comerciante ao serviço MB SPOT implica sempre a assinatura de um Contrato para adesão ao Serviço MB SPOT. Como funciona o MB-SPOT O pagamento pode ser efetuado pelo cliente com cartão com a marca Multibanco. Para efetuar a operação de pagamento de faturas é necessário que o cliente forneça os dados Entidade, Referência e Montante que constam na fatura, ou Referência e Montante para os Carregamentos de Serviços Pré-Pagos e Pagamentos ao Estado. No caso do carregamento de telemóveis e Internet a Entidade é do conhecimento dos Comerciantes aderentes ao MB SPOT, através de uma peça de Marketing (tabela) fornecida para ser colocada junto ao TPA, com as Entidades para carregamento de telefones. No TPA, o Comerciante seleciona a funcionalidade MB SPOT, no Menu de Cliente, seguindo os passos sequencialmente, à medida que forem sendo solicitadas pelo equipamento, como se ilustra de seguida.

2 Carregamentos de serviços pré-pagos A concretização das operações de carregamentos em TPA implica os seguintes passos: São efetuadas, entre outras, as seguintes validações ao nível da operação de carregamento de serviços pré-pagos: O cartão e respetivo PIN têm de estar válidos; A referência introduzida e respetivo montante têm de estar em vigor, de acordo com os dados informados pela empresa à SIBS, para carregamentos na rede Multibanco; O débito tem de ser autorizado; O NIF tem de ser superior a É possível a obtenção de uma 2ª via de fatura/recibo em qualquer CA da rede Multibanco.

3 Pagamentos de serviços O documento a pagamento na posse do titular do cartão indica a informação (entidade, referência e montante) a introduzir para efetuar o pagamento na rede Multibanco. São efetuadas, entre outras, as seguintes validações ao nível da operação de pagamento de serviços: O cartão e respetivo PIN têm de estar válidos; O código da empresa prestadora do serviço, a referência introduzida e respetivo montante têm de estar em vigor de acordo com os dados informados pela empresa à SIBS, para pagamento de serviço na rede Multibanco; O débito tem de ser autorizado. É possível a obtenção de uma 2ª via de fatura/recibo em qualquer CA da rede Multibanco.

4 Pagamentos ao Estado Permite o pagamento de Documentos Únicos de Cobrança. O documento na posse do contribuinte indica a informação (identificação do Documento Único de Cobrança e montante) a introduzir para efetuar o pagamento na rede Multibanco. São efetuadas as seguintes validações ao nível da operação de pagamentos ao Estado: O cartão e respetivo PIN têm de estar válidos; A referência do Documento Único de Cobrança (DUC) e respetivo montante devem cumprir as regras de formatação para pagamentos ao Estado na rede Multibanco; O débito tem de ser autorizado. É possível a obtenção de uma 2ª via de fatura/recibo em qualquer CA da rede Multibanco.

5 Consulta de Saldo O titular do cartão com a vertente multibanco pode consultar o saldo da sua conta bancária em qualquer TPA.

6 Consulta de Movimentos O titular do cartão com a vertente multibanco pode consultar os movimentos da sua conta bancária em qualquer TPA. Meios de Pagamento MB-SPOT O serviço MB SPOT suporta duas formas distintas de pagamento: Cartão com vertente multibanco; Em numerário;

7 Cartão com vertente multibanco; A figura seguinte exemplifica um pagamento com cartão com vertente multibanco numa operação de carregamento de telemóvel

8 Pagamentos em dinheiro A figura seguinte exemplifica um pagamento em dinheiro numa operação de carregamento de telemóvel

9 Questões Mais Frequentes (FAQ) 1 É necessário possuir um terminal MB SPOT só para este serviço? Não! O serviço MB SPOT usa o TPA que o Comerciante possui no seu Estabelecimento para a aceitação de pagamentos com cartão. Os pagamentos de faturas e carregamentos de serviços prépagos são efetuados na funcionalidade MB SPOT. 2 Existe algum custo associado à utilização da funcionalidade MB SPOT em TPA? Não! O Comerciante não tem qualquer custo associado às operações MB SPOT. No entanto poderá haver um custo com a comunicação em função da modalidade de comunicações contratada pelo Comerciante no serviço de TPA; 3 É possível efetuar a devolução de uma operação de MB SPOT? Não! Não existe funcionalidade devolução na operativa MB SPOT. Concretizada a operação o pagamento é considerado definitivo. Quaisquer questões relacionadas com o pagamento devem ser colocadas pelo cliente diretamente à Entidade cobradora. 4 Numa operação de carregamento de Telemóvel como proceder quando é introduzido um número de telemóvel incorreto? Existe uma validação do número de telemóvel introduzido. No caso de o número não se encontrar válido, o TPA devolve um erro e a operação não é concretizada. Se for introduzido um número válido, o cliente deverá reportar diretamente a situação ao serviço de apoio a clientes do Operador. 5 Numa operação de carregamento de telemóvel como proceder quando é introduzido um montante incorreto? A operativa do pagamento de Serviços utilizada nos pontos MB SPOT não permite a devolução dos pagamentos/carregamentos. O procedimento de regularização, a existir, seguirá um procedimento semelhante ao que existe atualmente para os carregamentos noutros canais da Rede Multibanco (Caixa Automático, MB Phone, Homebanking). O Cliente deverá reportar diretamente a situação à respetiva entidade tendo na sua posse o talão comprovativo do carregamento realizado.

O cliente pode escolher as transações que quer pagar na Loja CTT? Não, pode escolher os dias (valor total para um dia) que pretende pagar.

O cliente pode escolher as transações que quer pagar na Loja CTT? Não, pode escolher os dias (valor total para um dia) que pretende pagar. FAQ 1. Sistema Pós-Pago Quais os custos administrativos associados? Os custos administrativos são cobrados no momento do pagamento, dependendo do número de viagens cobradas (0,26 +IVA por viagem até um

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES

PERGUNTAS FREQUENTES PERGUNTAS FREQUENTES SERVIÇO MB WAY O que é o MB WAY? O MB WAY é a primeira solução interbancária que permite fazer compras e transferências imediatas através de smartphone ou tablet. Basta aderir ao serviço

Leia mais

Cláusulas Contratuais Gerais de Adesão ao Serviço MB WAY

Cláusulas Contratuais Gerais de Adesão ao Serviço MB WAY Cláusulas Contratuais Gerais de Adesão ao Serviço MB WAY Objeto a) Pelo presente contrato, a Caixa Económica Montepio Geral, entidade com capital aberto ao investimento do público, com sede na Rua Áurea,

Leia mais

Índice. Introdução 3. Problemas com os Terminais 16. Caixa Automático (CA) 4. Glossário 20. Terminal de Pagamento Automático (TPA) 7

Índice. Introdução 3. Problemas com os Terminais 16. Caixa Automático (CA) 4. Glossário 20. Terminal de Pagamento Automático (TPA) 7 Índice Introdução 3 Caixa Automático (CA) 4 O que é um Caixa Automático? 4 Que tipos de Caixas Automáticos existem? 4 Onde estão localizados os Caixas Automáticos? 5 Problemas com os Terminais 16 Problemas

Leia mais

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Pagamento de Contribuições à Segurança Social (2015 v5.14) PROPRIEDADE Instituto

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES

PERGUNTAS FREQUENTES PERGUNTAS FREQUENTES SERVIÇO MB WAY O que é o MB WAY? O MB WAY é a primeira solução interbancária que permite fazer compras e transferências imediatas através de smartphone ou tablet. Basta aderir ao serviço

Leia mais

Cartões Pré-pagos. Cartões Pré-pagos

Cartões Pré-pagos. Cartões Pré-pagos Cartões Pré-pagos A funcionalidade de cartões com pré-pagamento está disponível na versão Disco e o conceito é a associação de um cartão a um cliente. Cada cartão passa a dispor da conta corrente do cliente

Leia mais

Como pagar - cidadão Atualizado em: 04-04-2016

Como pagar - cidadão Atualizado em: 04-04-2016 SEGURANÇA SOCIAL Como pagar - cidadão Atualizado em: 04-04-2016 Esta informação destina-se a que cidadãos Trabalhadores Independentes Seguro Social Voluntário O que é Os Trabalhadores Independentes e as

Leia mais

Net24 Empresas. 1. O que é o Net24 Empresas?... 1. 2. Quais as funcionalidades disponíveis?... 1. 3. Níveis de Segurança... 2. 4. Segurança...

Net24 Empresas. 1. O que é o Net24 Empresas?... 1. 2. Quais as funcionalidades disponíveis?... 1. 3. Níveis de Segurança... 2. 4. Segurança... Net24 Empresas Índice 1. O que é o Net24 Empresas?... 1 2. Quais as funcionalidades disponíveis?... 1 3. Níveis de Segurança... 2 4. Segurança... 4 5. Como funciona o acesso ao Net24 Empresas?... 5 6.

Leia mais

Campanha para Associados do Cartão da Santa Casa da Misericórdia da Amadora. Tarifários Unlimited Tarifários - Banda Larga

Campanha para Associados do Cartão da Santa Casa da Misericórdia da Amadora. Tarifários Unlimited Tarifários - Banda Larga Campanha para Associados do Cartão da Santa Casa da Misericórdia da Amadora Tarifários Unlimited Tarifários - Banda Larga Campanha para Associados Apresentamos uma oferta abrangente e competitiva que pretende

Leia mais

Campanha de Colaboradores Tarifários Unlimited Tarifários Grupo Tarifários - Banda Larga

Campanha de Colaboradores Tarifários Unlimited Tarifários Grupo Tarifários - Banda Larga Campanha de Colaboradores Tarifários Unlimited Tarifários Grupo Tarifários - Banda Larga Campanha de Colaboradores Apresentamos uma oferta abrangente e competitiva que pretende responder às diferentes

Leia mais

Adesão ao Serviço MB WAY

Adesão ao Serviço MB WAY Adesão ao Serviço MB WAY 1) Objecto Pelo presente contrato, o Banco Santander Totta SA obriga-se a prestar ao Utilizador o Serviço MB WAY, nas condições e termos regulados nas cláusulas seguintes, e o

Leia mais

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Pagamento de Contribuições à Segurança Social (2015 v5.11) PROPRIEDADE Instituto

Leia mais

Consulte a área Bancos Aderentes para saber em detalhe todas as informações relativas aos bancos aderentes.

Consulte a área Bancos Aderentes para saber em detalhe todas as informações relativas aos bancos aderentes. SERVIÇO MB Way O que é o MB Way? O MB Way é a primeira solução interbancária que permite fazer compras e transferências imediatas através de smartphone ou tablet. Basta aderir ao serviço num MULTIBANCO,

Leia mais

Campanha de Sócios. Tarifários Unlimited Tarifários - Banda Larga

Campanha de Sócios. Tarifários Unlimited Tarifários - Banda Larga Campanha de Sócios Tarifários Unlimited Tarifários - Banda Larga Campanha de Sócios Adesões na Madeira e Contactos Campanha disponível numa loja MEO/TMN perto de si, contactos; Centro Comercial Dolce Vita

Leia mais

Campanha de Colaboradores Tarifários Unlimited Tarifários Grupo Tarifários

Campanha de Colaboradores Tarifários Unlimited Tarifários Grupo Tarifários Campanha de Colaboradores Tarifários Unlimited Tarifários Grupo Tarifários Campanha de Colaboradores Apresentamos uma oferta abrangente e competitiva que pretende responder às diferentes necessidades do

Leia mais

Mensalidade -- 7,50 IVA 23%

Mensalidade -- 7,50 IVA 23% TPA Físico Terminais de Pagamento Automático 1. Equipamento TPA - Banco de Apoio (equipamento do cliente) 2. Equipamento TPA - Modalidade de Aluguer (equipamento colocado pela CGD) Mensalidade -- 7,50

Leia mais

anexo ao pedido de portabilidade e rescisão do contrato

anexo ao pedido de portabilidade e rescisão do contrato pedido de portabilidade e rescisão do contrato ORIGINAL (tmn) 2. INFORMAÇÃO DE CONTACTO Telemóvel contacto 3. DADOS DE PORTABILIDADE MÓVEL E-mail Informamos que, por motivos de portabilidade, pretendemos

Leia mais

Alterações a vigorar a partir de 1 de outubro de 2013

Alterações a vigorar a partir de 1 de outubro de 2013 Alterações a vigorar a partir de 1 de outubro de 2013 Este documento deve ser impresso e lido com atenção, preferencialmente, na presença do contabilista da sua empresa. Caso subsistam dúvidas após a sua

Leia mais

MANUAL PROCEDIMENTOS DE TESOURARIA

MANUAL PROCEDIMENTOS DE TESOURARIA MANUAL PROCEDIMENTOS DE TESOURARIA Janeiro 2015 Índice 1. ENQUADRAMENTO LEGAL... 3 2. OBJETIVO... 4 3. COMPETÊNCIAS... 4 4. PROCEDIMENTOS... 7 4.1. PAGAMENTOS... 10 4.2. RECEBIMENTOS... 17 4.3. FOLHA DE

Leia mais

GUIA DO UTILIZADOR Cartão BPI Prémio

GUIA DO UTILIZADOR Cartão BPI Prémio GUIA DO UTILIZADOR Cartão BPI Prémio Índ ce 1. O Cartão BPI Prémio... 2 2. Precauções a ter com o seu Cartão BPI Prémio... 2 3. O que fazer em caso de perda, furto, roubo ou extravio do cartão... 3 4.

Leia mais

Serviço de Faturação Eletrónica

Serviço de Faturação Eletrónica E-Invoicing Serviço prestado em acordo de interoperabilidade com a: Nov.2013 Ref. 02.007.14353 ÍNDICE 1 O que é uma Fatura Eletrónica? 3 2 Porquê a Faturação Eletrónica? 4 3 Quais as Vantagens? 7 4 O papel

Leia mais

ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE

ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE ADSE DIRETA MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARA PRESTADORES DA REDE DA ADSE 2 ÍNDICE ADSE Direta... 4 Serviços Disponíveis... 6 Atividade Convencionada... 7 Atualizar/Propor Locais de Prestação... 9 Propor Novo

Leia mais

Reduza custos na Empresa, aumentando o rendimento disponível dos seus Colaboradores. Cartão Millennium bcp Free Refeição

Reduza custos na Empresa, aumentando o rendimento disponível dos seus Colaboradores. Cartão Millennium bcp Free Refeição Reduza custos na Empresa, aumentando o rendimento disponível dos seus Colaboradores Cartão Millennium bcp Free Refeição Jan.2015 ÍNDICE 1 Características 3 2 Poupança 4 3 Utilização 8 4 Operações Disponíveis

Leia mais

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Pagamento de Contribuições à Segurança Social (2015 v5.7) PROPRIEDADE Instituto

Leia mais

Automático. DMKT gestao campanhas e crm

Automático. DMKT gestao campanhas e crm Terminais de Pagamento Automático DMKT gestao campanhas e crm 1 Mais vantagens para o seu Negócio A utilização de um Terminal de Pagamento Automático facilita e torna mais rápido o acto de pagamento. Desta

Leia mais

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO PAGAMENTO DE CONTRIBUIÇÕES À SEGURANÇA SOCIAL INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Pagamento de Contribuições à Segurança Social (2015 v5.9) PROPRIEDADE Instituto

Leia mais

Disponibilização da v4.20 do ETPOS - Procedimentos

Disponibilização da v4.20 do ETPOS - Procedimentos 1. Introdução... 3 2. Licenciamento via sms... 3 3. Configuração do ETPOS... 5 3.1. Ativação do Regime de IVA de caixa no cliente... 5 3.2. Criação de novos tipos de recibos... 5 3.2.1. Criar um recibo

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA - 2013/14. FUNCIONAMENTO: refeições, prolongamento horário, férias em movimento

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA - 2013/14. FUNCIONAMENTO: refeições, prolongamento horário, férias em movimento COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA - 2013/14 FUNCIONAMENTO: refeições, prolongamento horário, férias em movimento Objeto e âmbito de aplicação O presente documento visa regular o funcionamento da Componente

Leia mais

1 de 1 08-04-2016 17:54

1 de 1 08-04-2016 17:54 https://www.ctt.pt/fepme/app/open/paymentreference.jspx;jsessionid=... 1 de 1 08-04-2016 17:54 Referência MB para a matrícula 32-30-XM obtida em 2016-04-08 Entidade : 21154 Referência : 203 795 377 Valor

Leia mais

Dos documentos que se seguem quais os necessários para abrir uma conta num banco?

Dos documentos que se seguem quais os necessários para abrir uma conta num banco? Quais as principais funções de um banco? A Captar depósitos e gerir a poupança dos seus clientes. B Conceder empréstimos a empresas, particulares e ao Estado. C Disponibilizar meios e formas de pagamento

Leia mais

Manual para Pagamento de Alojamento em Residências dos SAS.IPP

Manual para Pagamento de Alojamento em Residências dos SAS.IPP Manual para Pagamento de Alojamento em Residências dos SAS.IPP Índice 1 Enquadramento... 2 1.1 Aspetos gerais... 2 1.2 Normas importantes de acesso e utilização do Portal... 2 1.3 Definições e abreviaturas...

Leia mais

ÁREA DE FORMAÇÃO: CONTRAIR CRÉDITO CARTÃO DE CRÉDITO

ÁREA DE FORMAÇÃO: CONTRAIR CRÉDITO CARTÃO DE CRÉDITO ÁREA DE FORMAÇÃO: CONTRAIR CRÉDITO CARTÃO DE CRÉDITO Índice O que é o cartão de crédito? Ficha de Informação Normalizada (FIN) Modalidades de reembolso Custo do crédito Taxas máximas Livre revogação Contrato

Leia mais

FAQs. 1. Os bilhetes já estão à venda? 2. Quais são os meios de pagamento disponíveis nos canais de venda online?

FAQs. 1. Os bilhetes já estão à venda? 2. Quais são os meios de pagamento disponíveis nos canais de venda online? FAQs BILHETES E INSCRIÇÕES 1. Os bilhetes já estão à venda? R: Sim, poderá proceder à compra de bilhetes em www.presentenofuturo.pt, na loja online da Fundação Francisco Manuel dos Santos (www.ffms.pt/loja),

Leia mais

MANUAL DE CONTROLO INTERNO

MANUAL DE CONTROLO INTERNO MANUAL DE CONTROLO INTERNO ARSN, IP Página 1 de 12 Ed. Rev. Data Autor 00 00 s/ data Implementação do Modelo de Controlo Interno nas ACSS ARS. 01 00 jan./2013 Adequação dos procedimentos à ARSN,IP. UACI

Leia mais

2. Posso aderir aos serviços da Nacacomunik se residir nos Açores ou na Madeira? Sim.

2. Posso aderir aos serviços da Nacacomunik se residir nos Açores ou na Madeira? Sim. Nacacomunik e pré-seleção de operador 1. Porque é que a ACN se chama Nacacomunik Serviços de Telecomunicações, Lda. em Portugal? Como em Portugal já existiam duas empresas com o nome ACN, registámos a

Leia mais

Cartão Millennium bcp Free Empresas Nov.2011

Cartão Millennium bcp Free Empresas Nov.2011 Empresas Nov.2011 ÍNDICE 1. Características Pág. 3 2. Versões Existentes Pág. 4 3. Operações Disponíveis Pág. 5 4. Plafonds Pág. 5 5. Extractos Pág. 6 6. Modalidades de Carregamento Pág. 7 7. Vantagens

Leia mais

Câmara dos Solicitadores

Câmara dos Solicitadores Exmos. Colegas, As alterações introduzidas com vista à conciliação dos movimentos bancários têm, conforme já se havia previsto, provocado alguns problemas na infra-estrutura, obrigando a várias intervenções

Leia mais

Comércio Digital 2015

Comércio Digital 2015 Comércio Digital 2015 SIBS MARKET REPORT Missão SIBS: Contribuir para o bem-estar social, promovendo eficiência nos serviços financeiros e similares, nomeadamente na área dos pagamentos, através da disponibilização

Leia mais

O FUNDO DE MANEIO. Breviário de funções do secretário de justiça ENTRAR. Direção-geral da Administração da Justiça. Ver instruções de utilização

O FUNDO DE MANEIO. Breviário de funções do secretário de justiça ENTRAR. Direção-geral da Administração da Justiça. Ver instruções de utilização O FUNDO DE MANEIO Centro de Formação de Funcionários de Justiça ENTRAR Ver instruções de utilização Direção-geral da Administração da Justiça Bem vindo ao Manual sobre o Fundo de Maneio Esta apresentação

Leia mais

h) TERMO DE ADESÃO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato.

h) TERMO DE ADESÃO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PROGRAMA DE FIDELIDADE inscrita no CNPJ/MF sob o n. 09.016.557/0001-95, com sede na Rua Dr. Sodré 122 Sala 53, Vila Nova Conceição, São Paulo SP - CEP: 04535-110,

Leia mais

Formação. Serviços Mínimos Bancários

Formação. Serviços Mínimos Bancários Formação Serviços Mínimos Bancários AÇÃO DE FORMAÇÃO Serviços Mínimos Bancários 21 de março de 2013 CONTEÚDO FORMATIVO 3 HORAS I Gestão do orçamento familiar e poupança Identificar rendimentos e despesas

Leia mais

Mobile Payments: projeto piloto

Mobile Payments: projeto piloto Mobile Payments: projeto piloto Sustentabilidade Maio, 2013 AGENDA ENQUADRAMENTO PILOTO MOBILE PAYMENTS RESULTADOS ENQUADRAMENTO Já assumida como uma tendência, o sistema de pagamento pelo telemóvel começa

Leia mais

Campanha de Membros da Ordem Tarifários Unlimited

Campanha de Membros da Ordem Tarifários Unlimited Campanha de Membros da Ordem Tarifários Unlimited Campanha de Membros da Ordem Apresentamos uma oferta abrangente e competitiva que pretende responder às diferentes necessidades do Cliente. 1- Tarifários

Leia mais

Regulamento. Cartão. Giae. Pag. 1

Regulamento. Cartão. Giae. Pag. 1 Regulamento Cartão Giae Pag. 1 Regulamento Cartão GIAE I Objecto e Âmbito O presente documento define e regula o funcionamento do Sistema de Gestão Integrada para a Administração Escolar, designado de

Leia mais

Condições gerais de utilização de cartões de débito PESSOAS SINGULARES. Cartão MB Only Cartão Visa Electron

Condições gerais de utilização de cartões de débito PESSOAS SINGULARES. Cartão MB Only Cartão Visa Electron CAPÍTULO I 1. Conceito 1.1. Os cartões de débito Multibanco Only ( cartão MB Only ) e Visa Electron ( cartão Visa Electron ) (em conjunto designados como os cartões ), identificados neste Contrato, são

Leia mais

Cartão BRB Pré-Pago. Como adquirir

Cartão BRB Pré-Pago. Como adquirir Cartão BRB Pré-Pago O Cartão BRB Pré-Pago facilita a sua vida e da sua família. Com ele você tem mais controle dos seus castos, paga pequenas despesas do dia a dia, usa em vários lugares do País e pode

Leia mais

Gestão Integrada Administração Escolar. Cartão Magnético / GIAE. Agrupamento de Escolas de Cristelo

Gestão Integrada Administração Escolar. Cartão Magnético / GIAE. Agrupamento de Escolas de Cristelo Gestão Integrada Administração Escolar Cartão Magnético / GIAE Agrupamento de Escolas de Cristelo 1. INTRODUÇÃO Considerando a importância que as novas tecnologias representam no quotidiano dos cidadãos

Leia mais

Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

Agrupamento de Escolas Martim de Freitas 1º- O cartão é pessoal e intransmissível. Em caso algum pode alguém utilizar o cartão pertencente a outrem. 2º- O mesmo cartão é válido para todos os anos que um aluno ou funcionário frequente ou trabalhe

Leia mais

Obrigação de comunicação à AT

Obrigação de comunicação à AT Obrigação de comunicação à AT Perguntas e respostas sobre o impacto das novas regras de comunicação à AT nas empresas Page 2 of 10 Introdução A Publicação do Decreto-Lei nº 197/2012, de 24 de agosto introduz

Leia mais

Condições Gerais de Utilização do Cartão de Jogador

Condições Gerais de Utilização do Cartão de Jogador Condições Gerais de Utilização do Cartão de Jogador As presentes condições são complementares das normas que disciplinam os jogos cuja exploração está atribuída ao Departamento de Jogos da Santa Casa da

Leia mais

MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO

MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO 5910 Diário da República, 1.ª série N.º 201 17 de outubro de 2012 MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO Decreto-Lei n.º 225/2012 de 17 de outubro O Decreto -Lei n.º 27 -C/2000, de 10 de março, que cria o

Leia mais

REFEIÇÕES ESCOLARES. cascais.pt

REFEIÇÕES ESCOLARES. cascais.pt REFEIÇÕES ESCOLARES cascais.pt REFEIÇÕES ESCOLARES PROGRAMA ALIMENTAR (PA) O Programa Alimentar do Município de Cascais tem mais de 20 anos e abrange todas as Escolas do Pré-escolar e 1º Ciclo da rede

Leia mais

INFORMAÇÃO SOBRE REGRAS DE FATURAÇÃO/MERCADORIAS E OUTRAS REGRAS CONTABILÍSTICAS

INFORMAÇÃO SOBRE REGRAS DE FATURAÇÃO/MERCADORIAS E OUTRAS REGRAS CONTABILÍSTICAS INFORMAÇÃO SOBRE REGRAS DE FATURAÇÃO/MERCADORIAS E OUTRAS REGRAS CONTABILÍSTICAS Só os Técnicos Oficiais de Contas estão habilitados técnica e legalmente a responsabilizarem-se pela sua contabilidade.

Leia mais

Manual SMS24. 1. O que é o SMS24?... 1. 2. Quais as Funcionalidades Disponíveis?... 1. 3. Como Activar o SMS24?... 2. 4. Como funciona o SMS24?...

Manual SMS24. 1. O que é o SMS24?... 1. 2. Quais as Funcionalidades Disponíveis?... 1. 3. Como Activar o SMS24?... 2. 4. Como funciona o SMS24?... Manual SMS24 Índice 1. O que é o SMS24?... 1 2. Quais as Funcionalidades Disponíveis?... 1 3. Como Activar o SMS24?... 2 4. Como funciona o SMS24?... 4 5. Personalização de Contas... 4 6. Estrutura das

Leia mais

CÂMARA DO COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE PONTA DELGADA. Rua Ernesto do Canto, 13/15 9504-531 PONTA DELGADA AÇORES

CÂMARA DO COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE PONTA DELGADA. Rua Ernesto do Canto, 13/15 9504-531 PONTA DELGADA AÇORES CÂMARA DO COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE PONTA DELGADA Rua Ernesto do Canto, 13/15 9504-531 PONTA DELGADA AÇORES E-MAIL: ccipd@ccipd.pt TEL. 296 30 50 00 FAX 296 30 50 50/30 50 40 ASSUNTO: CHEQUE PRENDA Exmo(s).

Leia mais

Neste momento estão em uso as seguintes funcionalidades:

Neste momento estão em uso as seguintes funcionalidades: Apresentação O SIGE - Sistema Integrado de Gestão de Escolas é um produto desenvolvido pela empresa Micro I/O visando contribuir para tornar as escolas locais mais seguros, mais aprazíveis e mais eficientes.

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE QUINTA DA LOMBA ESCOLA BÁSICA 2+3 DE QUINTA DA LOMBA. Regulamento de utilização do cartão eletrónico - GIAE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE QUINTA DA LOMBA ESCOLA BÁSICA 2+3 DE QUINTA DA LOMBA. Regulamento de utilização do cartão eletrónico - GIAE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE QUINTA DA LOMBA ESCOLA BÁSICA 2+3 DE QUINTA DA LOMBA Regulamento de utilização do cartão eletrónico - GIAE OBJETO E ÂMBITO O Agrupamento de Escolas de Quinta da Lomba implementou,

Leia mais

Guia do Utilizador BCI Negócios

Guia do Utilizador BCI Negócios Guia do Utilizador BCI Negócios Guia do Utilizador BCI Negócios Introdução 5 Formas de utilização 6 Modalidades de pagamento 8 Consultas 8 Formas de pagamento 9 Regras de segurança 10 Introdução Este

Leia mais

alteração ao contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas e adesão a serviços adicionais

alteração ao contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas e adesão a serviços adicionais alteração ao contrato de adesão a serviços de comunicações eletrónicas e adesão a serviços adicionais Mod.C/1001262 A preencher pela TMN ID pedido Cód. Loja / Agente Vendedor 1. IDENTIFICAÇÃO DO CLIENTE

Leia mais

Documento para Instituições Aderentes

Documento para Instituições Aderentes Documento para Instituições Aderentes Versão: 01.10 Data: 2009-10-15 Classificação: Restrito Novembro 2009, SIBS, SA A informação contida neste documento é propriedade da SIBS, SA e não pode ser duplicada,

Leia mais

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES)

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) 11.1. Cartões de crédito Comissões (Euros) Designação do Redes onde o é aceite NB Business Silver NB Business Gold NB Corporate Gold NB Corporate Gold Negócios 1. Anuidades 1.º Titular Outros titulares

Leia mais

TRABALHADORES INDEPENDENTES SEGURANÇA SOCIAL DIRETA

TRABALHADORES INDEPENDENTES SEGURANÇA SOCIAL DIRETA TRABALHADORES INDEPENDENTES SEGURANÇA SOCIAL DIRETA PASSO-A-PASSO PARA SOLICITAR PEDIDO DE ALTERAÇÃO DE ESCALÃO ATRAVÉS DA SEGURANÇA SOCIAL DIRETA Aceda à Segurança Social Direta, em https:///consultas/ssdirecta/

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA. Preâmbulo

CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA. Preâmbulo CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA Preâmbulo 1.º Estas condições gerais de venda são acordadas entre Betweien, Challenge and Success, Lda., uma sociedade por quotas, com sede no Centro de Escritórios Panoramic,

Leia mais

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB 1. Condições Gerais Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB participantes

Leia mais

INTRODUÇÃO CAIXA AUTOMÁTICO (CA) REDE MULTIBANCO OPERAÇÕES EM CAIXAS AUTOMÁTICOS TERMINAL DE PAGAMENTO AUTOMÁTICO (TPA)

INTRODUÇÃO CAIXA AUTOMÁTICO (CA) REDE MULTIBANCO OPERAÇÕES EM CAIXAS AUTOMÁTICOS TERMINAL DE PAGAMENTO AUTOMÁTICO (TPA) Terminais de Pagamento e Caixas Automáticos 10 INTRODUÇÃO 1 CAIXA AUTOMÁTICO (CA) 3 REDE MULTIBANCO O que é um Caixa Automático? Que tipos de Caixas Automáticos existem? Onde estão localizados os Caixas

Leia mais

INSTRUÇÕES DO SISTEMA DE EMISSÃO ELETRÓNICA DAS FATURAS-RECIBO

INSTRUÇÕES DO SISTEMA DE EMISSÃO ELETRÓNICA DAS FATURAS-RECIBO INSTRUÇÕES DO SISTEMA DE EMISSÃO ELETRÓNICA DAS FATURAS-RECIBO O sistema de preenchimento e emissão das faturas-recibo está disponível em www.portaldasfinancas.pt, nos SERVIÇOS, opção Obter e Consultar.

Leia mais

REGULAMENTO DO SERVIÇO DE MENSAGEM BRADESCO

REGULAMENTO DO SERVIÇO DE MENSAGEM BRADESCO REGULAMENTO DO SERVIÇO DE MENSAGEM BRADESCO O Banco Bradesco S.A., com sede na Cidade de Osasco, Estado de São Paulo, à Cidade de Deus, s/nº, inscrito no CNPJ sob o nº 60.746.948/0001/12, disponibilizará

Leia mais

Novas regras de faturação. (DL n.º197/2012 de 24 de agosto)

Novas regras de faturação. (DL n.º197/2012 de 24 de agosto) 1 Novas regras de faturação (DL n.º197/2012 de 24 de agosto) Este diploma introduz alterações às regras de faturação em matéria de imposto sobre o valor acrescentado, em vigor a partir de 1 de janeiro

Leia mais

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB 1. Condições Gerais Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB participantes

Leia mais

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE)

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE) 11.1. Cartões de crédito Designação do Redes onde o é 3. Substituição de 4. Inibição do 5. Comissão pela recuperação de valores em dívida 6. Não pagamento até à data limite Cartão Business Estrangeiro:

Leia mais

FAQ s Tecnologia Contactless

FAQ s Tecnologia Contactless FAQ s Tecnologia Contactless 1. A implementação da tecnologia Contactless obrigará à substituição dos terminais de pagamento (TPA), por parte dos comerciantes, para aceitação de pagamentos com cartão que

Leia mais

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE)

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE) 11.1. Cartões de crédito Designação do Redes onde o é 3. Substituição de 4. Inibição do 5. Comissão pela recuperação de valores em dívida 6. Não pagamento até à data limite Cartão Business 43,27 43,27

Leia mais

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS

SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS SERVIÇOS DISPONÍVEIS NO BANRISUL OFFICE BANKING EXTRATOS Através do serviço de extratos do Banrisul Office Banking, o correntista pode consultar e imprimir os movimentos em suas contas (correntes ou poupança),

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS AMERICAN EXPRESS CONDIÇÕES GERAIS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS AMERICAN EXPRESS CONDIÇÕES GERAIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS AMERICAN EXPRESS CONDIÇÕES GERAIS BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. Sociedade Aberta, com sede na Praça D. João I, 28, Porto, com o Capital Social de 6.064.999.986 Euros,

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO SERVIÇO MB WAY

CONDIÇÕES GERAIS DO SERVIÇO MB WAY CONDIÇÕES GERAIS DO SERVIÇO MB WAY Cláusula 1ª Definições No âmbito das presentes Condições Gerais e dos Termos e Condições Gerais da App MB WAY, os termos abaixo indicados terão o seguinte sentido, quando

Leia mais

Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente. Nome Completo B.I./ Cartão Cidadão Nº Contribuinte Código Repartição Finanças Morada de residência

Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente. Nome Completo B.I./ Cartão Cidadão Nº Contribuinte Código Repartição Finanças Morada de residência 1 Proposta de Adesão de Crédito - Particulares Agência Nº Conta de Depósitos à Ordem Nº Cliente _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ Identificação do titular Nome Completo B.I./ Cidadão Nº Contribuinte

Leia mais

PRINCIPAIS ALTERAÇÕES PARA 2013

PRINCIPAIS ALTERAÇÕES PARA 2013 PRINCIPAIS ALTERAÇÕES PARA 2013 Índice CERTIFICAÇAO DOS PROGRAMAS DE FATURAÇAO... 3 DECRETO-LEI Nº 197/2012... 4 FATURAS... 5 PRAZO PARA EMISSÃO DAS FATURAS:... 5 ELEMENTOS E MENÇÕES EXIGÍVEIS NAS FATURAS...

Leia mais

h) CADASTRO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato.

h) CADASTRO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PROGRAMA DE FIDELIDADE inscrita no CNPJ/MF sob o n. 09.016.557/0001-95, com sede na Rua Dr. Sodré 122 Sala 53, Vila Nova Conceição, São Paulo SP - CEP: 04535-110,

Leia mais

contrato de adesão ao serviço faturação repartida, faturação repartida vpn, faturação repartida com diferenciação horária e agenda de contactos

contrato de adesão ao serviço faturação repartida, faturação repartida vpn, faturação repartida com diferenciação horária e agenda de contactos contrato de adesão ao serviço faturação repartida, faturação repartida vpn, faturação repartida com diferenciação horária e agenda de contactos Mod.C/1000127 A preencher pela tmn Nº conta Nº Solicitação

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SISTEMA DE ACEITAÇÃO DE PAGAMENTOS EM TERMINAL DE PAGAMENTO AUTOMÁTICO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SISTEMA DE ACEITAÇÃO DE PAGAMENTOS EM TERMINAL DE PAGAMENTO AUTOMÁTICO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SISTEMA DE ACEITAÇÃO DE PAGAMENTOS EM TERMINAL DE PAGAMENTO AUTOMÁTICO Entre: CAIXA GERAL DE DEPÓSITOS, S.A., com sede na Av. João XXI, nº 63, em Lisboa, matriculada na

Leia mais

Comparação com o Sistema de Débitos Diretos nacional

Comparação com o Sistema de Débitos Diretos nacional 1 Sobre a SEPA A criação da Área Única de Pagamentos em Euros (SEPA Single Euro Payments Area) tem como objetivo principal o estabelecimento de um mercado único de pagamentos de retalho. Nesta Área, particulares,

Leia mais

Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos

Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos Sistema de Informação da Organização do Estado (SIOE-RH) XML março de 2012 Introdução De acordo com o previsto na Lei n.º 57/2011, de 28 de novembro,

Leia mais

TMN CAMPANHAS PROMOCIONAIS DE MAIO

TMN CAMPANHAS PROMOCIONAIS DE MAIO TMN CAMPANHAS PROMOCIONAIS DE MAIO Em maio, as campanhas tmn são imbatíveis: > Samsung E1050 por apenas 1, mediante aquisição de Samsung Star S5230 a 69,90 > Nokia C3-00 com desconto de 20 mediante carregamento

Leia mais

REGULAMENTO. Presenteador: É a pessoa física ou jurídica que adquire o VALE-VIAGEM CVC, mediante a compra direta de cargas de valores.

REGULAMENTO. Presenteador: É a pessoa física ou jurídica que adquire o VALE-VIAGEM CVC, mediante a compra direta de cargas de valores. REGULAMENTO A CVC BRASIL OPERADORA E AGÊNCIA DE VIAGENS S.A., o Presenteador e o Presenteado do VALE-VIAGEM CVC, a primeira, na qualidade de prestadora de serviços de turismo, e o segundo, aderindo às

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO 1. IDENTIFICAÇÃO A Quatro Educativo, na pessoa de Paulo Sérgio da Silva Vieira, tem sede na Rua do Barreiro nº 5, Casal da Estortiga, 2495-102 Santa Catarina da Serra.

Leia mais

Condições de Utilização do Cartão de Jogador

Condições de Utilização do Cartão de Jogador Condições de Utilização do Cartão de Jogador Condições Gerais de Utilização do Cartão de Jogador As presentes Condições Gerais de Utilização do Cartão de Jogador, adiante simplesmente também designadas

Leia mais

Canal Direto. O banco no sistema da sua empresa!

Canal Direto. O banco no sistema da sua empresa! Canal Direto O banco no sistema da sua empresa! ÍNDICE 1. CARACTERIZAÇÃO DO SERVIÇO PÁG. 3 2. FUNCIONALIDADES ATUALMENTE DISPONÍVEIS PÁG. 4 3. VANTAGENS PÁG. 5 4. CUSTOS PÁG. 6 5. ADESÃO PÁG. 7 6. SUBSCRIÇÃO

Leia mais

Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas 1.

Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas 1. Condições Gerais de Prestação do Serviço Telefónico Acessível ao Público num Local Fixo através de Cartão Virtual de Chamadas da MEO - Serviços de Comunicações e Multimédia, S.A., com sede na Av. Fontes

Leia mais

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA/ATIVIDADES DE ANIMAÇÃO E DE APOIO À FAMILIA - 2015/16

COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA/ATIVIDADES DE ANIMAÇÃO E DE APOIO À FAMILIA - 2015/16 COMPONENTE DE APOIO À FAMÍLIA/ATIVIDADES DE ANIMAÇÃO E DE APOIO À FAMILIA - 2015/16 FUNCIONAMENTO: refeições, prolongamento horário, férias divertidas Objeto e âmbito de aplicação O presente documento

Leia mais

1. Preenchimento do Formulário de Recapitulativo de Despesas com Recursos Humanos (Anexo I)

1. Preenchimento do Formulário de Recapitulativo de Despesas com Recursos Humanos (Anexo I) ASSUNTO FUNDO FLORESTAL PERMANENTE EIXO I SENSIBILIZAÇÃO E INFORMAÇÃO CAMPANHAS DE SENSIBILIZAÇÃO DESTINADAS A POPULAÇÕES ESCOLARES NA ÁREA DE PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS FLORESTAIS 2013/2014 ORIENTAÇÕES PARA

Leia mais

REGULAMENTO. Capítulo 1º. Definições:

REGULAMENTO. Capítulo 1º. Definições: REGULAMENTO A OPERADORA E AGÊNCIA DE VIAGENS CVC TUR LTDA., o Presenteador e o Presenteado do VALE-VIAGEM CVC, a primeira, na qualidade de prestadora de serviços de turismo, e o segundo, aderindo às condições

Leia mais

Regulamento da Utilização dos Cartões Magnéticos da Escola EB 2,3/S de Mora. (anexo L)

Regulamento da Utilização dos Cartões Magnéticos da Escola EB 2,3/S de Mora. (anexo L) da Escola EB 2,3/S de Mora (anexo L) Artigo 1º Âmbito e função 1. O cartão magnético é propriedade da Escola que é responsável pela sua emissão e que por motivos fundamentados pode fazer cessar a sua utilização;

Leia mais

Artigo 17º do RCP. Boas práticas processuais.

Artigo 17º do RCP. Boas práticas processuais. Artigo 17º do RCP Boas práticas processuais. O presente documento descreve a aplicação prática das alterações ao artigo 17º do RCP (cobrança do custo pelas consultas ao abrigo do 833ºA do CPC) Data: 20

Leia mais

Regulamento Campanha Promocional Páscoa - Oferta de 15 mediante compras de 40 Dolce Vita Douro

Regulamento Campanha Promocional Páscoa - Oferta de 15 mediante compras de 40 Dolce Vita Douro Regulamento Campanha Promocional Páscoa - Oferta de 15 mediante compras de 40 Dolce Vita Douro APLICAÇÃO VII INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO, S.A., pessoa colectiva e matrícula nº504 840 266, vai levar a cabo,

Leia mais

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) ( ÍNDICE)

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) ( ÍNDICE) 3.1. Cartões de crédito Designação do Redes onde o é 5. Comissão pela recuperação de valores em dívida 6. Não pagamento até à data limite Cartão Classic Estrangeiro: Rede 28,85 28,85 19,23 19,23 Isenção

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE USO DO APLICATIVO CONTROLY E DO CARTÃO CONTROLY Os presentes termos e condições gerais de uso (os Termos de Uso ) definem os direitos e obrigações aplicáveis aos usuários do

Leia mais

Com o módulo TOC já pode, através do KeyInvoice, disponibilizar toda a informação relevante para o seu Dep. de Contabilidade.

Com o módulo TOC já pode, através do KeyInvoice, disponibilizar toda a informação relevante para o seu Dep. de Contabilidade. Módulo TOC Com o módulo TOC já pode, através do KeyInvoice, disponibilizar toda a informação relevante para o seu Dep. de Contabilidade. A partir deste menu, o seu Contabilista tem a possibilidade de consultar

Leia mais

Manual de Utilização DDA Débito Direto Autorizado

Manual de Utilização DDA Débito Direto Autorizado Manual de Utilização DDA Débito Direto Autorizado Índice Apresentação Conceito Funcionamento Operacionalização Perguntas e Respostas Glossário Apresentação Pelo sistema DDA desenvolvido pelo Banco Santander

Leia mais

Guia rápido. Flex Car Visa Vale. Segurança e fidelização de Clientes

Guia rápido. Flex Car Visa Vale. Segurança e fidelização de Clientes Segurança e fidelização de Clientes Guia rápido Cartão benefício utilizado por empresas que disponibilizam aos seus colaboradores valores para o pagamento de despesas em segmentos automotivos (postos de

Leia mais