Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS"

Transcrição

1 Montagem das caixas SNHL Vedação => TC Vedação => TA Vedação => TG Vedação => TS Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

2 Vedação TC Vedadores de Feltro TC Os vedadores são constituídos por tiras de feltro alojadas em um anel de alumínio bipartido. As tiras de borracha O ring devem ser inseridas entre o anel vedador e a ranhura da caixa SNHL evitando que o vedador gire no alojamento. As vedações TC são apropriadas para lubrificação com graxa. Podem ser usadas em velocidades periféricas de até 4 m/s. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

3 Montagem Mancal com Vedação TC Certifique-se de que o ambiente esteja limpo e verifique se não há saliências na superfície de apoio. Para rolamentos montados com buchas de fixação, determine a posição da caixa pois o bico graxeiro deve sempre ficar voltado para o lado oposto à porca de segurança da bucha. Posicione a caixa na superfície de apoio. Coloque os parafusos de fixação, mas não os aperte. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

4 Montagem Mancal com Vedação TC Posicionar as tiras de O rings no fundo do alojamento da vedação da base da caixa Insira uma metade da vedação em cada uma das ranhuras da base da caixa sobre a tira de O ring. Monte o rolamento no eixo, seja diretamente em um eixo escalonado ou utilizando uma bucha de fixação. Siga corretamente as orientações de montagem, indicadas pelo fabricante. Preencha completamente o rolamento com graxa. Instale o rolamento na caixa. O restante da quantidade recomendada de graxa deve ser colocada na base da caixa e nos lados Se o mancal for bloqueado não esquecer de colocar os anéis de bloqueio (FRB). Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

5 Montagem Mancal com Vedação TC Posicionar as tiras O rings no fundo do alojamento da vedação da tampa da caixa Insira uma metade da vedação em cada uma das ranhuras da tampa da caixa sobre a tira de O ring. Alinhe cuidadosamente a base da caixa. Marcações verticais no meio das faces laterais e das extremidades da base da caixa facilitam isso. Em seguida, aperte levemente os parafusos de fixação. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

6 Montagem Mancal com Vedação TC A tampa e a base de cada caixa não são intercambiáveis com as de outras caixas, devendo ser verificado a identificação inicialmente marcada. A tampa da caixa deve ser colocada sobre a base na orientação certa e os parafusos da tampa (para unir a tampa e a base) devem ser apertados com o torque especificado em catálogo. Aperte totalmente os parafusos de fixação na base da caixa. Os torques de aperto recomendados são indicados no catálogo. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

7 Vedação TA Os vedadores V ring consistem em um anel em V e uma arruela de vedação em aço laminado com retentor de borracha vulcanizada que se encaixa na ranhura de vedação da caixa. A arruela é protegida contra corrosão. Os anéis em V são feitos de borracha de nitrila (NBR) e possuem um lábio de vedação fino que veda axialmente contra a arruela de vedação. O anel em V, que fica apertado no eixo e gira com este. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

8 Montagem Mancal com Vedação TA Certifique-se de que o ambiente esteja limpo e verifique a superfície de apoio se não há saliências. Para rolamentos montados com buchas de fixação, determine a posição da caixa pois o bico graxeiro deve sempre ficar voltado para o lado oposto à porca de segurança da bucha. Posicione a caixa na superfície de apoio. Coloque os parafusos de fixação, mas não os aperte. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

9 Montagem Mancal com Vedação TA Coloque o anel em V com arruela de vedação no eixo. O anel em V deve ficar o mais afastado do rolamento e vedar contra a arruela, ou seja, o retentor deve apontar para dentro, em direção à arruela. Monte o rolamento no eixo seja diretamente em um eixo escalonado ou utilizando uma bucha de fixação. Siga corretamente as orientações de montagem do rolamento, indicadas pelo fabricante. Coloque a segunda arruela de vedação e o anel em V no eixo no outro lado do rolamento. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

10 Montagem Mancal com Vedação TA Preencha completamente o rolamento com graxa. Ponha o eixo com rolamento e as arruelas de vedação na base da caixa. O restante da quantidade recomendada de graxa deve ser colocada na base da caixa e nos lados Se o mancal for bloqueado não esquecer de colocar os anéis de bloqueio (FRB). Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

11 Montagem Mancal com Vedação TA Alinhe cuidadosamente a base da caixa. Marcações verticais no meio das faces laterais e das extremidades da base da caixa facilitam isso. Em seguida, aperte levemente os parafusos de fixação. A tampa e a base de cada caixa não são intercambiáveis com as de outras caixas, devendo ser verificado a identificação inicialmente marcada. A tampa da caixa deve ser colocada sobre a base na orientação certa e os parafusos da tampa (para unir a tampa e a base) devem ser apertados com o torque especificado em catálogo. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

12 Montagem Mancal com Vedação TA Aperte totalmente os parafusos de fixação na base da caixa. Os torques de aperto recomendados constam no catálogo. Cubra as contrafaces dos anéis em V nas arruelas de vedação com graxa. Finalmente, empurre os anéis V ring para sua posição correta. Isso pode ser feito utilizando-se uma chave de fenda ao mesmo tempo que o eixo é girado. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

13 Vedação TG Vedadores de Lábio Duplo TG Os vedadores de lábio duplo são fabricados em borracha nitrílica, um material resistente ao desgaste e com propriedades elásticas muito boas. Esses vedadores de contato são divididos horizontalmente e, portanto, são fáceis de instalar. A velocidade permitida do eixo é de até 8 m/s a uma temperatura entre -50 a 100º C. O espaço entre os raspadores deve ser totalmente preenchido com graxa. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

14 Montagem Mancal com Vedação TG Certifique-se de que o ambiente esteja limpo e verifique a superfície de apoio se não há saliências. Para rolamentos montados com buchas de fixação, determine a posição da caixa pois o bico graxeiro deve sempre ficar voltado para o lado oposto à porca de segurança da bucha. Posicione a caixa na superfície de apoio. Coloque os parafusos de fixação, mas não os aperte. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

15 Montagem Mancal com Vedação TG Insira uma metade do vedador em cada uma das ranhuras da base da caixa. Preencha o espaço entre os dois lábios de vedação com graxa. Monte o rolamento no eixo seja diretamente em um eixo escalonado ou utilizando uma bucha de fixação. Siga corretamente as orientações de montagem do rolamento, indicadas pelo fabricante. Preencha completamente o rolamento com graxa. Instale o rolamento na caixa. O restante da quantidade recomendada de graxa deve ser colocada na base da caixa e nos lados. Se o mancal for bloqueado não esquecer de colocar os anéis de bloqueio (FRB). Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

16 Montagem Mancal com Vedação TG Alinhe cuidadosamente a base da caixa. Marcações verticais no meio das faces laterais e das extremidades da base da caixa facilitam isso. Em seguida, aperte levemente os parafusos de fixação. As metades de vedador restantes devem ser inseridas nas ranhuras da tampa da caixa e o espaço entre os retentores de vedação deve ser preenchido com graxa. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

17 Montagem Mancal com Vedação TG A tampa e a base de cada caixa não são intercambiáveis com as de outras caixas, devendo ser verificado a identificação inicialmente marcada. A tampa da caixa deve ser colocada sobre a base na orientação certa e os parafusos da tampa (para unir a tampa e a base) devem ser apertados com o torque especificado em catálogo. Aperte totalmente os parafusos de fixação na base da caixa. Os torques de aperto recomendados são indicados no catálogo. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

18 Vedação TS Vedadores tipo labirinto TS Os vedadores tipo labirinto são fabricados em aço (podem ser fornecidos em alumínio), possuem dois labirintos arranjados radialmente, que formam uma fenda estreita com a ranhura de vedação da tampa da caixa. Cordões de O ring impedem que o anéis de labirinto girem no eixo. São apropriados para altas rotações e altas temperaturas, pois são vedações sem contato. É admissível desalinhamento angular do eixo de aproximadamente 0,3º C. A temperatura de operação é de -50 até +200º C. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

19 Montagem Mancal com Vedação TS Certifique-se de que o ambiente esteja limpo e verifique a superfície de apoio se não há saliências. Para rolamentos montados com buchas de fixação, determine a posição da caixa pois o bico graxeiro deve sempre ficar voltado para o lado oposto à porca de segurança da bucha. Posicione a caixa na superfície de apoio. Coloque os parafusos de fixação, mas não os aperte. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

20 Montagem Mancal com Vedação TS Coloque o anel de labirinto no eixo. Monte o rolamento no eixo, seja diretamente em um eixo escalonado ou utilizando uma bucha de fixação. Siga corretamente as orientações de montagem do rolamento, indicadas pelo fabricante. Preencha completamente o rolamento com graxa. O restante da quantidade recomendada de graxa deve ser colocada na base da caixa e nos lados. Monte o segundo anel de labirinto na posição sobre o eixo. Coloque o eixo com os anéis e o rolamento montado na base da caixa Se o mancal for bloqueado não esquecer de colocar os anéis de bloqueio (FRB) em cada lado do rolamento. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

21 Montagem Mancal com Vedação TS Alinhe cuidadosamente a base da caixa. Marcações verticais no meio das faces laterais e das extremidades da base da caixa facilitam isso. Em seguida, aperte levemente os parafusos de fixação. A tampa e a base de cada caixa não são intercambiáveis com as de outras caixas, devendo ser verificado a identificação inicialmente marcada. A tampa da caixa deve ser colocada sobre a base na orientação certa e os parafusos da tampa (para unir a tampa e a base) devem ser apertados com o torque especificado em catálogo. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

22 Montagem Mancal com Vedação TS Aperte totalmente os parafusos de fixação na base da caixa. Os torques de aperto recomendados são indicados no catálogo. Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/

Caixas SNH. www.fcm.ind.br VE-001-SNH. Copyright FCM 2001

Caixas SNH. www.fcm.ind.br VE-001-SNH. Copyright FCM 2001 Catálogo Eletrônico VE-001-SNH www.fcm.ind.br Caixas SNH Copyright FCM 2001 O conteúdo deste catálogo é de propriedade da empresa FCM - Fábrica de Mancais Curitiba Ltda., sendo proibida a reprodução parcial

Leia mais

Fábrica de Mancais Curitiba Ltda

Fábrica de Mancais Curitiba Ltda Caixas SNH e SN30 Fábrica de Mancais Curitiba Ltda SNH As caixas de rolamentos com base SNH foram projetadas para possibilitar maior flexibilidade na escolha do rolamento, vedação e lubrificação. Foram

Leia mais

Vedações. www.fcm.ind.br VE-001-VED. Copyright FCM 2001

Vedações. www.fcm.ind.br VE-001-VED. Copyright FCM 2001 Catálogo Eletrônico VE-001-VED www.fcm.ind.br Vedações Copyright FCM 2001 O conteúdo deste catálogo é de propriedade da empresa FCM - Fábrica de Mancais Curitiba Ltda., sendo proibida a reprodução parcial

Leia mais

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Índice da seção Página Bielas Montagem da biela no pistão... 4 Verificação Instalação... 7 Remoção Torque... 8 Pistões Montagem do pistão na biela... 4 Verificação do desgaste

Leia mais

Caixas para rolamentos e

Caixas para rolamentos e Caixas para rolamentos e acessórios Série SNN e Série SD NSK, sua provedora de soluções Os números e sua história comprovam o sucesso A NSK é uma das líderes mundiais na fabricação de rolamentos: com 62

Leia mais

Seção 12 Conjunto do motor

Seção 12 Conjunto do motor Seção 12 Conjunto do motor Página CONJUNTO DO MOTOR... 164 Instalação do virabrequim... 164 Instale o pistão e a biela... 164 Instalação do eixo de cames... 164 Instalação da bomba de óleo... 165 Instalação

Leia mais

099-100-R02 MANUAL DE DESMONTAGEM E MONTAGEM DE ACUMULADORES DE BEXIGA 1/6 1 - CARACTERÍSTICAS GERAIS

099-100-R02 MANUAL DE DESMONTAGEM E MONTAGEM DE ACUMULADORES DE BEXIGA 1/6 1 - CARACTERÍSTICAS GERAIS MANUAL DE DESMONTAGEM E MONTAGEM DE ACUMULADORES DE BEXIGA 1 - CARACTERÍSTICAS GERAIS - Se o acumulador precisa ser desmontado por qualquer razão, o procedimento seguinte deve ser seguido na sequência

Leia mais

MANUTENÇÃO EM MANCAIS E ROLAMENTOS Atrito É o contato existente entre duas superfícies sólidas que executam movimentos relativos. O atrito provoca calor e desgaste entre as partes móveis. O atrito depende

Leia mais

Manual de Montagem e Manutenção Bombas Verticais

Manual de Montagem e Manutenção Bombas Verticais Manual de Montagem e Manutenção Bombas Verticais 1,5/1 CV-SHD, 3/2 DV-SHD, 3/2 QV-SHD, 4/3 DV-SHD, 4/3 QV-SHD, 4/3 RV-SHD, 6/4 RV-SHD, 8/6 SV-SHD, 10/8 SV-SHD Índice I. Identificação da Bomba... II. Montagem

Leia mais

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 Conheça o funcionamento, diagnóstico e reparo do ajustador de freio automático, um componente primordial para segurança, aplicado em veículos pesados. Que a

Leia mais

7. CABEÇOTE/VÁLVULAS INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-1 NX-4 FALCON

7. CABEÇOTE/VÁLVULAS INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-1 NX-4 FALCON NX-4 FALCON 7. CABEÇOTE/VÁLVULAS INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-1 DIAGNOSE DE DEFEITOS 7-3 COMPRESSÃO DO CILINDRO 7-4 REMOÇÃO DA TAMPA DO CABEÇOTE 7-5 DESMONTAGEM DA TAMPA DO 7-6 CABEÇOTE REMOÇÃO DA ÁRVORE DE

Leia mais

Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300

Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300 Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300 Estas instruções devem ser integralmente lidas antes da instalação ou operação. ATENÇÃO: Para garantir que a unidade não comece a girar acidentalmente,

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Página 1 de 9 Informativo nº 9 VENTILADOR DE MESA 30cm VENTNK1200 ASSUNTO: Lançamento. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Alimentação: Cor: Potência do aparelho: Consumo de energia: Característica diferencial: Período

Leia mais

Industry. SNC: Linha de mancais bipartidos para sua aplicação

Industry. SNC: Linha de mancais bipartidos para sua aplicação Industry SNC: Linha de mancais bipartidos para sua aplicação ÍndicePágina Geral Prefácio 2 O conceito dos mancais de rolamento SNR 3 Princípios de desenvolvimento 5 Detalhes estruturais 6 Denominações

Leia mais

Parafusos do cubo R10 Parafusos da tampa TAMANHO. Tamanho Torque de aperto

Parafusos do cubo R10 Parafusos da tampa TAMANHO. Tamanho Torque de aperto Acoplamento Falk Wrapflex Instalação e manutenção Tipos R10, R31, R35 Tamanhos 2 a 80 (Pág. 1 de 8) TIPO R10 TIPO R35 1 Montagem dos cubos BE Cubos R10 ESPAÇAMENTO TIPO R31 Cubos do eixo R31/R35 (R31)

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS O acoplamento ACRIFLEX AD, consiste em dois flanges simétricos inteiramente usinados, pinos de aço com superfícies retificadas e buchas amortecedoras de borracha nitrílica à prova

Leia mais

Qu e f a z j u s a o s e u n o m e

Qu e f a z j u s a o s e u n o m e Ma n c a i s Co m p l e t o s ISN Do d g e Ma n c a i s Completos ISN DODGE Conjuntos Montados com Rolamentos Autocompensadores de Rolos Qu e f a z j u s a o s e u n o m e Há mais de 125 anos, a marca

Leia mais

Porca. Arruela de pressão. Arruela especial

Porca. Arruela de pressão. Arruela especial Caro Senhor, Informamos que foi desenvolvida uma melhoria no Batente do Balancim dos Canhões RL400, RL300 e RL250 em atendimento às sugestões de alguns clientes. Vantagens: - Maior durabilidade. - Intercambiável

Leia mais

Sumário. FS 6209 Manual de Serviços

Sumário. FS 6209 Manual de Serviços FS 6209 Sumário Seção A Visão geral da transmissão FS6209 Transmissão Eaton Synchromesh 9 velocidades Descrição do modelo 1 Identificação da transmissão 1 Descrição Geral 2 Características 2 O Sistema

Leia mais

PROCEDIMENTO DE MONTAGEM PASSO A PASSO

PROCEDIMENTO DE MONTAGEM PASSO A PASSO 3189P RETENTOR APLICADO NO CUBO DE RODA TRASEIRO DO EIXO MÉRITOR 1) Após desmontagem e limpeza do cubo, verificar o estado do alojamento do mesmo. 5) O retentor deverá ser aplicado até o encosto final

Leia mais

Preparativos Antes da Montagem

Preparativos Antes da Montagem Preparativos Antes da Montagem Manter o local da montagem seco e livre de poeira. Observar a limpeza do eixo, alojamento e das ferramentas. Organizar a área de trabalho. Selecionar as ferramentas adequadas

Leia mais

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Página CILINDROS... 150 Inspeção e medição... 150 Retificação de cilindros... 150 Acabamento... 151 Limpeza... 151 MANCAIS DE MOTOR... 152 Mancal

Leia mais

Selecione o tipo de rolamento e configuração. Limitações dimensionais

Selecione o tipo de rolamento e configuração. Limitações dimensionais Seleção do 2. Seleção do Os s e de estão disponíveis numa variedade de tipos, formas e dimensões. Quando se faz a correta seleção do para a sua aplicação, é importante considerar diversos fatores, e analisar

Leia mais

Actuador de Diafragma 657 de Tamanhos 30-70 e 87 da Fisher

Actuador de Diafragma 657 de Tamanhos 30-70 e 87 da Fisher Manual de Instruções Actuador 657 (30-70 e 87) Actuador de Diafragma 657 de Tamanhos 30-70 e 87 da Fisher Conteúdo Introdução................................... 1 Âmbito do Manual...........................

Leia mais

06.06-PORB. Adaptadores Vic-Flange. Nº. Sistema Enviado por Seção Espec. Parágr. Local Data Aprovado Data TUBO DE AÇO-CARBONO ACOPLAMENTOS RANHURADOS

06.06-PORB. Adaptadores Vic-Flange. Nº. Sistema Enviado por Seção Espec. Parágr. Local Data Aprovado Data TUBO DE AÇO-CARBONO ACOPLAMENTOS RANHURADOS PARA MAIS DETALHES CONSULTE A PUBLICAÇÃO VICTAULIC 10.01 Modelo 741 O adaptador Modelo 741 é desenhado para incorporar diretamente componentes flangeados com padrões de orifício do parafuso ANSI CL. 125

Leia mais

Carolina Vilanova. 26/12/13 www.omecanico.com.br/modules/revista.php?action=printout&recid=423. Desmontagem e dicas da caixa VW

Carolina Vilanova. 26/12/13 www.omecanico.com.br/modules/revista.php?action=printout&recid=423. Desmontagem e dicas da caixa VW Desmontagem e dicas da caixa VW Vamos apresentar nessa reportagem as características, dicas de manutenção, desmontagem e montagem da caixa de câmbio MQ200, que em suas várias aplicações, equipa a maioria

Leia mais

Sumário Serra Fita FAM

Sumário Serra Fita FAM Sumário Serra Fita FAM 1 Componentes... 1 Painel de controle... 1 Sensores de segurança... 2 Especificações... 2 Instalação... 3 Condições Gerais do Local... 3 Rede Elétrica... 3 Instalação da Tomada...

Leia mais

Utilizem sempre peças originais, para que possam ter garantida a performance e vida útil do seu equipamento. ALGODEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA

Utilizem sempre peças originais, para que possam ter garantida a performance e vida útil do seu equipamento. ALGODEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA ALGODEN INSTRUÇÕES GERAIS Antes de colocar em operação o equipamento, este deve funcionar em vazio durante algum tempo. Neste período deve se dar atenção nos diferentes pontos de lubrificação. Durante

Leia mais

INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA. Faça uma manutenção preventiva a cada 6 meses. NUNCA USE QUALQUER OUTRO PRODUTO DE LIMPEZA.

INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA. Faça uma manutenção preventiva a cada 6 meses. NUNCA USE QUALQUER OUTRO PRODUTO DE LIMPEZA. w i n d INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA Faça uma manutenção preventiva a cada 6 meses. NUNCA USE QUALQUER OUTRO PRODUTO DE LIMPEZA. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Disponível nas tensões nacional 127 V - 60 Hz - 120

Leia mais

Classificação e Características dos Rolamentos

Classificação e Características dos Rolamentos Classificação e Características dos 1. Classificação e Características dos 1.1 dos rolamentos A maioria dos rolamentos é constituída de anéis com pistas (um anel e um anel ), corpos rolantes (tanto esferas

Leia mais

BARGOA. Conjunto de Emenda Aérea Selada Vertical - CEASV

BARGOA. Conjunto de Emenda Aérea Selada Vertical - CEASV O CEASV consiste de um conjunto para a acomodação e proteção de emendas de cabos de rede externa de telefonia, em montagem de topo, para instalações aéreas. Trata-se de um sistema versátil, de fácil instalação

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação que acompanha o gabinete do rack para as informações sobre segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

APRESENTAÇÃO RELAÇÃO DE COMPONENTES

APRESENTAÇÃO RELAÇÃO DE COMPONENTES Manual de Instalação Linha Máximo Fotos ilustrativas. Ventiladores de Teto Nesta marca você pode confiar APRESENTAÇÃO Os ventiladores de teto da LINHA MÁXIMO são desenvolvidos para oferecer ao usuário

Leia mais

Elementos de Máquinas

Elementos de Máquinas Professor: Leonardo Leódido Sumário Buchas Guias Mancais de Deslizamento e Rolamento Buchas Redução de Atrito Anel metálico entre eixos e rodas Eixo desliza dentro da bucha, deve-se utilizar lubrificação.

Leia mais

Bomba Submersível para Instalação em Poço Úmido. 1. Aplicação. 3. Denominação. 2. Descrição Geral. 4. Dados de Operação. Linha : Submersível

Bomba Submersível para Instalação em Poço Úmido. 1. Aplicação. 3. Denominação. 2. Descrição Geral. 4. Dados de Operação. Linha : Submersível Folheto Descritivo A2750.1P/1 KSB KRT DRAINER Bomba Submersível para Instalação em Poço Úmido Linha : Submersível 1. Aplicação A bomba submersível KRT DRAINER é recomendada para aplicação em drenagem de

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO Cópias eletrônicas atualizadas dos Manuais Técnicos e de Manutenção (TSM) estão disponíveis no website da Viking Pump: www.vikingpump.com MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO SÉRIE 8124A, 8123A, 8127A TAMANHOS K,

Leia mais

INSTRUTIVO DE REMANUFATURA - CARTUCHO DE TONER SAMSUNG CLP-315 TONER CARTRIDGE

INSTRUTIVO DE REMANUFATURA - CARTUCHO DE TONER SAMSUNG CLP-315 TONER CARTRIDGE INSTRUTIVO DE REMANUFATURA - CARTUCHO DE TONER SAMSUNG CLP-315 SAMSUNG CLP-315 TONER CARTRIDGE REMANUFATURA DO CARTUCHO DE TONER SAMSUNG CLP-315 Por Enrique Stura e equipe técnica UniNet A série de impressoras

Leia mais

MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO

MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO MANUAL DE INSTRUÇÃO MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO MODELO: SS-26-1W - 1 - MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO Leia atentamente as instruções antes de iniciar o uso: a) Verificar se a voltagem está correta

Leia mais

Boletim de Serviço Nº 01 / 08

Boletim de Serviço Nº 01 / 08 1 Boletim de Serviço Nº 01 / 08 04 de março de 2008 FOLHA 1 de 9 Veículo/Modelo: TR4R CIRCULAR POR: x Diretoria Marketing x - Cup x Eng. Competição Pilotos x Mod. Center - CAT INSTALAÇÃO DO LIMITADOR DE

Leia mais

------------------------------- -----------------------------Henflex. Henflex------------------------------ Índice

------------------------------- -----------------------------Henflex. Henflex------------------------------ Índice Índice 1.Características Gerais... 2 2.Seleção do Tamanho do Acoplamento... 2 2.1- Dimensionamento dos acoplamentos Henflex HXP para regime de funcionamento contínuo... 2 2.2 Seleção do Acoplamento...

Leia mais

USO, MANUTENÇÃO E REGULAGEM DE CASSETES PARA ÁREA DE TREFILAÇÃO

USO, MANUTENÇÃO E REGULAGEM DE CASSETES PARA ÁREA DE TREFILAÇÃO USO, MANUTENÇÃO E REGULAGEM DE CASSETES PARA ÁREA DE TREFILAÇÃO Cassetes Os cassetes laminadores são micro cadeiras de laminação, que substituem as fieiras nas máquinas de trefilação. Seu surgimento no

Leia mais

Acoplamento. Uma pessoa, ao girar o volante de seu automóvel, Conceito. Classificação

Acoplamento. Uma pessoa, ao girar o volante de seu automóvel, Conceito. Classificação A U A UL LA Acoplamento Introdução Uma pessoa, ao girar o volante de seu automóvel, percebeu um estranho ruído na roda. Preocupada, procurou um mecânico. Ao analisar o problema, o mecânico concluiu que

Leia mais

ROMPEDOR DE CORRENTE HEAVY DUTY DE BANCADA

ROMPEDOR DE CORRENTE HEAVY DUTY DE BANCADA ROMPEDOR DE CORRENTE HEAVY DUTY DE BANCADA INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA Ao manusear correntes de motosserra, sempre há o risco de acontecer pequenos cortes nos dedos e na própria mão. Ao romper uma corrente,

Leia mais

Acoplamentos elásticos. eflex. www.aciobras.com.br

Acoplamentos elásticos. eflex. www.aciobras.com.br Acoplamentos elásticos eflex www.aciobras.com.br Os acoplamentos elásticos EFLEX com garras, tipos EA, GA e HA, são utilizados na ligação de eixos rotativos, com desalinhamentos normalmente inevitáveis,

Leia mais

Introdução... 3 Modelos & Designação... 4 Materiais... 6 Montagem... 7 Funcionamento... 8. Retentores de Pressão... 93. Retentores BADUO...

Introdução... 3 Modelos & Designação... 4 Materiais... 6 Montagem... 7 Funcionamento... 8. Retentores de Pressão... 93. Retentores BADUO... www.hidromarinha.pt Rua José Alves Júnior, 2430-076 Marinha Grande, Portugal TEL +351 244 570 400 Fax +351 244 568 914 GPS 39 o 44'28.07"N 8 o 54'11.33"W Í Introdução... 3 Modelos & Designação... 4 Materiais...

Leia mais

Máquina de Costura Industrial Reta ZJ-9600. Manual de Montagem

Máquina de Costura Industrial Reta ZJ-9600. Manual de Montagem Máquina de Costura Industrial Reta ZJ-9600 Manual de Montagem ÍNDICE . Instalação do Reservatório de Óleo Primeiramente fixe as duas borrachas diretamente na mesa usando os pregos, conforme a figura. Em

Leia mais

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Treinamento Antenor Vicente VEDAÇÃO PROCESSO USADO PARA IMPEDIR A PASSAGEM, DE MANEIRA ESTÁTICA OU DINÂMICA DE LÍQUIDOS, GASES E SÓLIDOS DE UM MEIO PARA OUTRO JUNTAS JUNTA É TODO MATERIAL

Leia mais

Manual de Montagem, Operação e Manutenção. Aparelho de Levantamento. Série B200

Manual de Montagem, Operação e Manutenção. Aparelho de Levantamento. Série B200 Manual de Montagem, Operação e Manutenção Aparelho de Levantamento Série B200 Português Índice Página 1 Aplicação e características gerais 1 Aplicação e características gerais 3 1.1 Aplicação 3 1.2 Características

Leia mais

Manual de montagem e operação para EAS -dutytorque Tipo 404_. 400 Tamanho 2 9

Manual de montagem e operação para EAS -dutytorque Tipo 404_. 400 Tamanho 2 9 Ler atentamente e respeitar o manual de operação. A inobservância pode causar avarias de funcionamento ou a falha do limitador de torque, bem como os danos associados. Índice Página 1: - Índice - Símbolos

Leia mais

Caminhões basculantes. Design PGRT

Caminhões basculantes. Design PGRT Informações gerais sobre caminhões basculantes Informações gerais sobre caminhões basculantes Os caminhões basculantes são considerados como uma carroceria sujeita à torção. Os caminhões basculantes são

Leia mais

Elementos de máquina. Curso de Tecnologia em Mecatrônica 6º fase. Diego Rafael Alba

Elementos de máquina. Curso de Tecnologia em Mecatrônica 6º fase. Diego Rafael Alba E Curso de Tecnologia em Mecatrônica 6º fase Diego Rafael Alba 1 Mancais De modo geral, os elementos de apoio consistem em acessórios para o bom funcionamento de máquinas. Desde quando o homem passou a

Leia mais

Acoplamento Altamente Elástico

Acoplamento Altamente Elástico Acoplamento Altamente Elástico Spxpt 04/02 GENERALIDADES Acoplamentos altamente elásticos Speflex modelos SPA e SPG O acoplamento VULKAN SPEFLEX é constituído de um elemento altamente elástico em borracha

Leia mais

SPIRIT WIND 203 e 303 MANUAL TÉCNICO E TERMO DE GARANTIA

SPIRIT WIND 203 e 303 MANUAL TÉCNICO E TERMO DE GARANTIA SPIRIT WIND 203 e 303 MANUAL TÉCNICO E TERMO DE GARANTIA www.ventiladorspirit.com.br 30% mais vento maior prêmio de design europeu ecológico e econômico resistente e durável CUIDADOS DE LIMPEZA E MANUTENÇÃO

Leia mais

4 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

4 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 1 4 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Os acoplamentos ACRIFLEX AG são compostos por dois cubos simétricos de ferro fundido cinzento, e um elemento elástico alojado entre eles, de borracha sintética de elevada resistência

Leia mais

RALAS JOST. Manual de Montagem, Operação e Manutenção MODELOS KLK HE, KLK SO E KDL 900

RALAS JOST. Manual de Montagem, Operação e Manutenção MODELOS KLK HE, KLK SO E KDL 900 Manual de Montagem, Operação e Manutenção RALAS JOST MODELOS KLK HE, KLK SO E KDL 900 GB E Installation and operating instructions for TURNTABLES SERIES KLK HE, KLK SO AND KDL 900 Instrucciones de montaje

Leia mais

Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços

Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços ÍNDICE SEÇÃO PÁGINAS I Apresentação 1 II Nota Especial aos Clientes / Alertas e Cuidados 2 III Procedimentos de Segurança para Manusear Aros e Rodas 3 IV Nomes

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS IS

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS IS MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS IS Sr. Proprietário Parabéns! Você acaba de adquirir um equipamento de construção simples, projetado e fabricado com a mais avançada tecnologia, com excelente

Leia mais

GME-100C Olho Mágico Digital com campainha

GME-100C Olho Mágico Digital com campainha GME-100C Olho Mágico Digital com campainha Manual de Instruções Antes de tentar conectar ou operar este produto, por favor, leia atentamente estas instruções. Índice 1. Apresentação do Produto 1.1 Embalagem

Leia mais

RDLO / RDLO V. Manual de Serviço A1387.8P. Bombas de Corpo Espiral Bipartido axialmente

RDLO / RDLO V. Manual de Serviço A1387.8P. Bombas de Corpo Espiral Bipartido axialmente Manual de Serviço A1387.8P RDLO / RDLO V Bombas de Corpo Espiral Bipartido axialmente ATENÇÃO: Este manual de serviço contém instruções e avisos importantes. Solicitamos a sua leitura atenta antes da montagem,

Leia mais

Válvulas Borboleta VÁLVULAS ASAHI AV. Nº de Série H-V036E-5. (1) Instruções gerais de operação 1. Manual do Usuário

Válvulas Borboleta VÁLVULAS ASAHI AV. Nº de Série H-V036E-5. (1) Instruções gerais de operação 1. Manual do Usuário Nº de Série H-V036E-5 Válvulas Borboleta Tipo 57: 40 mm (1 1 / 2 ) 350 mm (14 ) Tipo 56: 400 mm (16 ) Índice Manual do Usuário (1) Instruções gerais de operação 1 (2) Instruções gerais para transporte,

Leia mais

www.dumaxcomercial.com (53) 3228-9891 3028-9892

www.dumaxcomercial.com (53) 3228-9891 3028-9892 www.dumaxcomercial.com (53) 3228-9891 3028-9892 Index - Anéis O rings - Gaxetas - Raspadores - Reparos - Retentores - Placas - Rolamentos para Bombas - Rotativos - Bombas - Peças Especiais - Dumax Comercial

Leia mais

DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS

DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS MANUAL DE OPERAÇÃO 1 Índice Introdução... 3 Limitações de Uso... 3 Instruções Gerais de Segurança... 3 Especificações Técnicas... 4 Descrição da STC-210... 5 Acessórios

Leia mais

Manual de instalação, operação e manutenção DOC.IOM.EF.BR, Rev. 3 Fevereiro de 2015. EL-O-Matic Série F Atuadores pneumáticos tipo pinhão e rack

Manual de instalação, operação e manutenção DOC.IOM.EF.BR, Rev. 3 Fevereiro de 2015. EL-O-Matic Série F Atuadores pneumáticos tipo pinhão e rack Manual de instalação, operação e manutenção DOC.IOM.EF.BR, Rev. 3 EL-O-Matic Série F Atuadores pneumáticos tipo pinhão e rack EL Matic TM EL-O-Matic F DOC.IOM.EF.BR Rev. 3 Índice Índice Seção 1: Seção

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI CÓD: MAN001-10 REVISÃO: 00 27/09/2010 ÍNDICE INTRODUÇÃO...3 1. PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO...6 2. IDENTIFICAÇÃO DO EQUIPAMENTO...6

Leia mais

Plataforma elevadora PE-1000

Plataforma elevadora PE-1000 Plataforma elevadora PE-1000 MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO ZELOSO DESDE 1956 PREFÁCIO PLATAFORMA ELEVADORA APLICAÇÃO: Este manual contém informações para a operação e manutenção, bem como uma lista ilustrada

Leia mais

Instruções para utilização

Instruções para utilização Instruções para utilização MÁQUINA DE LAVAR ROUPA Português AWM 129 Sumário Instalação, 16-17-18-19 Desembalar e nivelar Ligações hidráulicas e eléctricas Primeiro ciclo de lavagem Dados técnicos Instruções

Leia mais

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO & MANUTENÇÃO PARA A A LINHA DE CAIXAS ABTECH ABCS TÜV 11.0323 X

INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO & MANUTENÇÃO PARA A A LINHA DE CAIXAS ABTECH ABCS TÜV 11.0323 X ABTQ-81 rev 03 Última Revisão: 13 Dez 2011 INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO & MANUTENÇÃO PARA A A LINHA DE CAIXAS ABTECH ABCS TÜV 11.0323 X Marcação A marcação mostrada é para uma caixa de terminação

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÕES DO ALINHADOR ALD300

MANUAL DE OPERAÇÕES DO ALINHADOR ALD300 MANUAL DE OPERAÇÕES DO ALINHADOR ALD300 1. Introdução O Alinhador ALD300 foi desenvolvido para verificação e ajuste do sistema de direção de veículos automotivos leves, através do sistema ótico. O sistema

Leia mais

EPS Mancais Industriais Ltda

EPS Mancais Industriais Ltda Série SNH Série SNH 200 Mancal versátil, desenvolvido para trabalho com rolamento autocompensador de esfera séries 1200 e 200 ou autocompensador de rolo séries 22200 e 23200, onde o bloqueio do mesmo é

Leia mais

KSB ETA. Bomba Centrífuga para Uso Geral. 1. Aplicação. 3. Denominação KSB ETA 80-40 / 2. 2. Descrição Geral. 4. Dados de Operação

KSB ETA. Bomba Centrífuga para Uso Geral. 1. Aplicação. 3. Denominação KSB ETA 80-40 / 2. 2. Descrição Geral. 4. Dados de Operação Manual Técnico e Curvas Características Nº A1150.0P/3 Bomba Centrífuga para Uso Geral 1. Aplicação A bomba é indicada para o bombeamento de líquidos limpos ou turvos e encontra aplicação preferencial em

Leia mais

Sistema de Esteira Porta Cabos igus Guia de Instalação

Sistema de Esteira Porta Cabos igus Guia de Instalação Sistema de Esteira Porta Cabos igus Guia de Instalação Cursos Longos (Deslizantes) Horizontais Atenção: Não seguir as instruções instalação pode resultar em falha séria Antes de iniciar o processo de instalação,

Leia mais

Capacidade de Carga. P 55º P 90º P 120º P 150º P 180º P a. Tamanho do mancal. kn 2100 2400 2700 SNL 3036 SNL 3038 SNL 3040 SNL 3044 SNL 3048 SNL 3052

Capacidade de Carga. P 55º P 90º P 120º P 150º P 180º P a. Tamanho do mancal. kn 2100 2400 2700 SNL 3036 SNL 3038 SNL 3040 SNL 3044 SNL 3048 SNL 3052 Capacidade de Carga Os mancais bipartidos SNL destinamse a cargas atuantes na vertical, na direção da placa de base (apoio). Se ocorerem cargas atuantes em outras direções, deverão ser feitas verificações

Leia mais

www.reinhausen.com Eixo de transmissão Instruções de serviço BA 042/07

www.reinhausen.com Eixo de transmissão Instruções de serviço BA 042/07 www.reinhausen.com Eixo de transmissão Instruções de serviço BA 042/07 NOTA! O produto pode ter sido modificado depois de este documento ter sido enviado para impressão. Reservamo-nos expressamente o direito

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação fornecida com o gabinete do rack para obter informações de segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

REMANUFATURA OKIDATA C 3400 TONER E CILINDRO

REMANUFATURA OKIDATA C 3400 TONER E CILINDRO REMANUFATURA OKIDATA C 3400 TONER E CILINDRO 1. Identifique se você tem um cartucho starter (cartucho inicial que acompanha a impressora) ou cartucho de reposição. Verifique a seção de resíduos e o compartimento

Leia mais

DESENHO TÉCNICO MECÂNICO I (SEM0564) AULA 10 - ELEMENTOS DE MÁQUINA

DESENHO TÉCNICO MECÂNICO I (SEM0564) AULA 10 - ELEMENTOS DE MÁQUINA DESENHO TÉCNICO MECÂNICO I (SEM0564) AULA 10 - ELEMENTOS DE MÁQUINA (APOIO, ELÁSTICO E VEDAÇÃO) Notas de Aulas v.2015 ELEMENTOS DE APOIO BUCHAS Radial Axial Cônica ELEMENTOS DE APOIO BUCHAS ELEMENTOS DE

Leia mais

Manual de Instruções e Operação Moinhos USI-180

Manual de Instruções e Operação Moinhos USI-180 USIFER A Solução em Moagem Indústria Metalúrgica Ltda. Rua Vêneto, n 969 Bairro Nova Vicenza CEP 95180-000 Farroupilha RS Fones: (54) 3222 5194 Vendas (54) 3261 7356 Fábrica e-mail: usifermoinhos@usifermoinhos.com.br

Leia mais

21 55 102 Volume de ar (fluxo livre) 24 55 100 Volume de ar (com filtro de exaustão instalado) m³/h. 14 40 75 Nível de ruído

21 55 102 Volume de ar (fluxo livre) 24 55 100 Volume de ar (com filtro de exaustão instalado) m³/h. 14 40 75 Nível de ruído Série - Ventilador com Filtro (24 630) m³/h SÉRIE.50.8.xxx.1020.50.8.xxx.2055.50.8.xxx.3100 Ventilador com Filtro adequado para armários e painéis elétricos, versões de 120V ou 230V AC Baixo nível de ruído

Leia mais

Galoneira Industrial série ZJ-W562

Galoneira Industrial série ZJ-W562 Galoneira Industrial série ZJ-W562 Instruções de Segurança IMPORTANTE Antes de utilizar sua máquina, leia atentamente todas as instruções desse manual. Ao utilizar a máquina, todos os procedimentos de

Leia mais

Instruções de montagem

Instruções de montagem Instruções de montagem Indicações importantes relativas às instruções de montagem VOSS O desempenho e a segurança mais elevados possíveis no funcionamento dos produtos VOSS só serão obtidos se forem cumpridas

Leia mais

SUSPENSÃO 2-1 SUSPENSÃO CONTEÚDO

SUSPENSÃO 2-1 SUSPENSÃO CONTEÚDO R1 SUSPENSÃO 2-1 SUSPENSÃO CONTEÚDO página ALINHAMENTO... 1 SUSPENSÃO DIANTEIRA - 4X4... 13 página SUSPENSÃO DIANTEIRA-4X2... 6 SUSPENSÃO TRASEIRA... 23 ALINHAMENTO ÍNDICE página DESCRIÇÃO E OPERAÇÃO ALINHAMENTO

Leia mais

Após terminar de montar a parte inferior. Iniciar a montagem do paneleiro superior

Após terminar de montar a parte inferior. Iniciar a montagem do paneleiro superior Montagem Gabinete Inferior Montagem Paneleiro Superior Instrução de montagem Lado inferior. Lateral Esq/Dir Dobras para baixo. Lateral ozinha runa Prateleira Paneleiro corpo e meio portas Quantidade -

Leia mais

MANCAIS DE ROLAMENTOS. 1. Introdução 2- Classificação. 3. Designação de rolamentos. 4. Defeitos comuns dos rolamentos. 5. Critérios de seleção.

MANCAIS DE ROLAMENTOS. 1. Introdução 2- Classificação. 3. Designação de rolamentos. 4. Defeitos comuns dos rolamentos. 5. Critérios de seleção. MANCAIS DE ROLAMENTOS. 1. Introdução 2- Classificação. 3. Designação de rolamentos. 4. Defeitos comuns dos rolamentos. 5. Critérios de seleção. Os mancais em geral têm como finalidade servir de apóio às

Leia mais

Manual Técnico e Certificado de Garantia

Manual Técnico e Certificado de Garantia Parabéns! Você acabou de adquirir um ventilador de teto com luminária, especialmente criado para trazer mais conforto e beleza aos ambientes. Com design diferenciado o Efyx Nauta é pré-montado. Siga todas

Leia mais

VARREDEIRA ZE072. Manual de serviço

VARREDEIRA ZE072. Manual de serviço VARREDEIRA ZE072 Manual de serviço A varredeira ZE072 foi desenvolvida para trabalhos na construção civil, de manutenção em estradas, ou locais que necessitem o mesmo sistema de remoção de resíduos. Qualquer

Leia mais

11/06 119-32/00 012807 REV.0. www.britania.com.br sac@britania.com.br Manual de Instruções

11/06 119-32/00 012807 REV.0. www.britania.com.br sac@britania.com.br Manual de Instruções 11/06 119-32/00 012807 REV.0 www.britania.com.br sac@britania.com.br Manual de Instruções CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS INTRODUÇÃO Tensão Corrente Potência/Consumo Freqüência Rotações Diâmetro Área de ventilação

Leia mais

ATUADORES PNEUMÁTICOS SIMPLES E DUPLA AÇÃO

ATUADORES PNEUMÁTICOS SIMPLES E DUPLA AÇÃO ATUADORES PNEUMÁTICOS SIMPLES E DUPLA AÇÃO ATUADORES PARA CADA AMBIENTE A ACTREG,SA fabrica uma ampla gama de atuadores pneumáticos oferecendo um desempenho seguro nas principais aplicações da válvula.

Leia mais

BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002. Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior. Goulds Pumps

BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002. Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior. Goulds Pumps BOLETIM 222.1 Fevereiro de 2002 Bombas Goulds Modelos 5150/VJC cantiléver verticais de sucção inferior Goulds Pumps Goulds Modelos 5150/VJC Bombas cantiléver verticais Projetadas para lidar com lamas corrosivas

Leia mais

Manual de Manutenção 10ª Edição

Manual de Manutenção 10ª Edição Manual de Manutenção 10ª Edição Nosso Freio, Sua Segurança Falar da história da Master é resgatar uma trajetória de sucessos. Em 1986, quando foi fundada a partir de uma joint-venture entre Randon e Rockwell

Leia mais

AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções

AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções ESTE MANUAL CONTÉM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE MONTAGEM, OPERAÇÃO, MANUTENÇÃO E SEGURANÇA REFERENTES AO AFIADOR ELÉTRICO DE BANCADA OREGON 511A. FAVOR LER

Leia mais

SUDAM 125cc RL MY MANUAL DE MONTAGEM/DESMONTAGEM E MANUTENÇÃO PARA MOTORES MY 30/11/09 1 MAN-058

SUDAM 125cc RL MY MANUAL DE MONTAGEM/DESMONTAGEM E MANUTENÇÃO PARA MOTORES MY 30/11/09 1 MAN-058 SUDAM 125cc RL MY MANUAL DE MONTAGEM/DESMONTAGEM E MANUTENÇÃO PARA MOTORES MY 30/11/09 1 MAN-058 ÍNDICE Page 1. SUDAM 125cc DESMONTAGEM DO MOTOR 2. VIRABREQUIM - MONTAGEM/DESMONTAGEM 2.1 OPERAÇÕES PARA

Leia mais

EQ 7881. Manual de montagem, instalação e operação

EQ 7881. Manual de montagem, instalação e operação EQ 7881 Manual de montagem, instalação e operação 0 A Rampa para elevação e alinhamento de veículos EQ 7881 foi desenvolvida e fabricada para facilitar e auxiliar os trabalhos de alinhamento de direção,

Leia mais

EXAUSTOR MUNTERS MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P

EXAUSTOR MUNTERS MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 IMPORTANTE... 3 SEGURANÇA... 3 CUIDADOS AO RECEBER O EQUIPAMENTO... 4 1) Instalação dos exaustores... 5 2) Instalação

Leia mais

INSTRUÇÕES DE MONTAGEM E OPERAÇÃO / LISTA DE PEÇAS BETONEIRA MANUAL DO USUÁRIO NB120L. Leia este manual com atenção para o uso do equipamento.

INSTRUÇÕES DE MONTAGEM E OPERAÇÃO / LISTA DE PEÇAS BETONEIRA MANUAL DO USUÁRIO NB120L. Leia este manual com atenção para o uso do equipamento. INSTRUÇÕES DE MONTAGEM E OPERAÇÃO / LISTA DE PEÇAS BETONEIRA MANUAL DO USUÁRIO NB120L Leia este manual com atenção para o uso do equipamento. INTRODUÇÃO Obrigado por ter escolhido a qualidade e confiança

Leia mais

McCannalok VÁLVULA BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. The High Performance Company

McCannalok VÁLVULA BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. The High Performance Company McCannalok VÁLVULA BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO The High Performance Company Índice do Conteúdo Informações de Segurança - Definição de Termos... 1 Introdução... 1 Instalação...

Leia mais

by d Avila, 2004 versão 1.0

by d Avila, 2004 versão 1.0 Versão 1.0 2 by d Avila, 2004 versão 1.0 O autor e o Grupo CB Brasil acreditam que todas as informações aqui apresentadas estão corretas e podem ser utilizadas para qualquer fim legal. Entretanto, não

Leia mais

27 Sistemas de vedação II

27 Sistemas de vedação II A U A UL LA Sistemas de vedação II Ao examinar uma válvula de retenção, um mecânico de manutenção percebeu que ela apresentava vazamento. Qual a causa desse vazamento? Ao verificar um selo mecânico de

Leia mais

Procedimento de Manutenção Preventiva Mecânica

Procedimento de Manutenção Preventiva Mecânica GOM - GERÊNCIA DE APOIO À OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO Procedimento de Manutenção Preventiva Mecânica Edição Data Alterações em relação a edição anterior 1ª 26/06/14 Edição inicial Objetivo A Gerência de Apoio

Leia mais

Manual de instalação, operação e manutenção

Manual de instalação, operação e manutenção Manual de instalação, operação e manutenção para a válvula esférica assentada em metal RSVP aprimorada da MOGAS Como INSTALAR A VÁLVULA CORRETAMENTE ALÍVIO DE TENSÃO DAS SOLDAS CONFORME ASME B31.1 FAÇA

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO PLACAS DECORADAS - PROCESSO DE COLAGEM O produto deve ser aplicado sobre alvenaria, gesso ou madeira. A superfície deve estar lisa, completamente seca, sólida e forte o suficiente

Leia mais