Caminhões basculantes. Design PGRT

Save this PDF as:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Caminhões basculantes. Design PGRT"

Transcrição

1 Informações gerais sobre caminhões basculantes Informações gerais sobre caminhões basculantes Os caminhões basculantes são considerados como uma carroceria sujeita à torção. Os caminhões basculantes são usados principalmente para o transporte de materiais soltos. A carroceria basculante é articulada e a descarga é feita usando cilindros de inclinação. A Scania pode preparar o veículo para a carroceria na fábrica. Design Caminhão basculante de movimento único Caminhão basculante com carroceria basculante que só pode ser inclinado para trás. Caminhão basculante de movimento tríplice: Caminhão basculante com carroceria basculante que pode ser inclinado para trás e para os dois lados. O cilindro de inclinação é montado centralmente abaixo da carroceria. O chassi auxiliar contém um eixo basculante dianteiro e traseiro que serve como uma junta basculante para cada direção de inclinação. Exemplo de caminhão basculante Mais informações sobre preparações na fábrica podem ser encontradas em Pacotes opcionais instalados na fábrica. 06:30-01 Edição 11 pt-br 1 (24)

2 Segurança Segurança Durante, por exemplo, a dispersão e a descarga para trás, o eixo de apoio basculante com fixações, chassis e suspensão no eixo traseiro assumem as tensões alternadas dinamicamente. Em casos extremos, isso pode resultar na capotagem do veículo. Mais informações sobre os testes de estabilidade e sobre como efetuá-los são encontradas no documento Estabilidade de rolamento. Instale um sensor de inclinação como um auxílio para evitar a capotagem. Em alguns países, são exigidos testes de estabilidade em caminhões basculantes. ADVERTÊNCIA! Se o solo ceder subitamente durante a descarga ou se um lado da carga congelar, existe um grande risco de capotagem e de ferimentos pessoais. Se a carga congela com frequência, o veículo pode ser equipado com um aquecedor de plataforma ou um vibrador para reduzir o risco de oscilação. 06:30-01 Edição 11 pt-br 2 (24)

3 Segurança Os componentes a seguir ajudam na operação mais segura do veículo em condições difíceis: Câmaras de ar vazias/suspensão rígida Barra estabilizadora (se a configuração permitir) Estabilizador do basculante Bloqueio do bogie Os fatores a seguir minimizam o risco de danos ao veículo e ferimentos pessoais: Um quadro basculante corretamente construído Distância curta do eixo Eixos de apoio basculantes próximos ao último eixo traseiro Plataformas pequenas e rígidas quanto à torção Balanços traseiros pequenos e rígidos quanto à torção usando, por exemplo, um perfil quadrado de viga final. Sempre siga as instruções do fabricante sobre como usar o veículo. 06:30-01 Edição 11 pt-br 3 (24)

4 Segurança Informações importantes sobre a descarga usando caminhões com suspensão a ar IMPORTANTE! Mais informações sobre a conexão do esvaziamento automático de câmaras de ar são encontradas no documento Abaixamento do chassi. A câmara de ar do bogie deve ser esvaziada antes da descarga. Para evitar sobrecarga do último eixo traseiro, o eixo deve estar apoiado no batente do eixo. Verifique a distância entre o eixo e o batente do eixo em todos os eixos traseiros. A verificação deve ser realizada no nível do solo e durante a descarga. Certifique-se de que as câmaras de ar estejam totalmente vazias e verifique se os eixos estão em contato com os batentes do eixo em todos os eixos traseiros. O peso deve ser igualmente distribuído em todos os eixos traseiros durante a descarga. Se o peso não for distribuído igualmente, o eixo mais distante na traseira deverá ser protegido contra a sobrecarga (veja a página seguinte). ADVERTÊNCIA! Existe risco de danos se o eixo traseiro carregar sozinho toda a carga durante a descarga Exemplo de uma boa distribuição de peso durante a descarga em que todos os eixos da roda estão apoiados em seus batentes do eixo. 06:30-01 Edição 11 pt-br 4 (24)

5 Segurança Encaixe de separação no caso de distribuição irregular do peso durante a descarga Durante a descarga, a distância entre o eixo e o batente do eixo pode ser diferente para o último eixo traseiro e para os outros eixos traseiros. Se a diferença for grande, um encaixe de separação deve ser colocado entre cada viga do chassi e batente do eixo (consulte a ilustração). Os encaixes de separação aliviam a carga no último eixo traseiro no caso de cargas pesadas. Prenda o encaixe de separação no batente do eixo usando parafusos e porcas de cabeça escareada. As dimensões do parafuso devem ser as mesmas da fixação original. Prenda o encaixe de separação no quadro nos orifícios de fixação existentes no friso traseiro. ADVERTÊNCIA! Não é permitido fazer orifícios de fixação para os encaixes de separação e batentes do eixo na longarina do chassi. Encaixes de separação :30-01 Edição 11 pt-br 5 (24)

6 Segurança Seletor do modo de condução em ponto morto durante a descarga. IMPORTANTE! Em veículos com Opticruise totalmente automático, uma conexão especial do controle de rotação do motor pode ser feita durante a descarga, que evita o aumento da rotação do motor caso o seletor do modo de condução não esteja na posição neutra. Mais informações sobre o aumento da rotação do motor durante a descarga são encontradas no documento Controle de rotação do motor durante a descarga. 06:30-01 Edição 11 pt-br 6 (24)

7 Segurança Batente do eixo da Scania A altura H do batente do eixo é a medida da borda inferior do quadro do chassi até a borda inferior do batente do eixo. Número de peça H (mm) ,8 H Altura do batente do eixo :30-01 Edição 11 pt-br 7 (24)

8 Recomendações Recomendações As recomendações da Scania oferecem a melhor solução completa com relação aos seguintes fatores: Sensibilidade às oscilações do chassi Compartilhamento de carga Conforto do motorista Como a carroceria basculante se apoia contra o chassi auxiliar ou é suportada de outra forma ao longo de todo o quadro do chassi. 06:30-01 Edição 11 pt-br 8 (24)

9 Recomendações Fixação do chassi auxiliar Prenda o chassi auxiliar com os suportes flexíveis na parte dianteira do chassi e com os suportes fixos no eixo traseiro e no balanço traseiro. O número de suportes flexíveis é determinado pelas condições de condução e deve ser de 3 suportes ou mais. São necessários suportes fixos acima do eixo traseiro motriz e do bogie. A seção dianteira do chassi auxiliar deve conseguir se mover para os lados quando o chassi for submetido a movimentos de torção. Mais informações sobre o projeto dos chassis auxiliares estão disponíveis no documento Projeto do chassi auxiliar. Mais informação sobre a escolha da fixação para determinado veículo estão disponíveis no documento Seleção do chassi auxiliar e da fixação. Mais informações sobre os suportes de adaptação da carroceria estão disponíveis no documento Fixação da carroceria. IMPORTANTE! O chassi auxiliar deve se apoiar sobre toda a superfície do quadro do chassi, pois o atrito entre as superfícies amortece qualquer oscilação do chassi. 06:30-01 Edição 11 pt-br 9 (24)

10 Recomendações Dimensionamento do chassi auxiliar A tabela mostra as dimensões recomendadas das longarinas do chassi auxiliar para diferentes estruturas de chassi. Caminhões com estrutura de chassi F950: Operação AxLxP (mm) I x (cm 4 ) Muito leve 110x80x6 290 Leve 110x80x8 380 Caminhões com estrutura de chassi F957 ou F958: Operação AxLxP (mm) I x (cm 4 ) Médio 140x80x6 800 Pesada 160x80x8 900 I x = Momento de inércia mínimo da superfície por viga. AxLxE = Altura, largura e espessura (para chassi auxiliar com perfil em U). Os dados sobre o momento de inércia da superfície consideram que o chassi auxiliar é feito de aço e tem um ponto mínimo de tensão de 310 N/mm2. Balanço traseiro Durante a descarga para trás, o balanço traseiro fica sujeito a tensões extremamente altas. Isso exerce grande tensão sobre a rigidez e modelo do chassi auxiliar nesta seção. 06:30-01 Edição 11 pt-br 10 (24)

11 Recomendações Distância entre o centro do eixo dianteiro e a borda dianteira do chassi auxiliar: Para amortecer qualquer oscilação do chassi, o chassi auxiliar deve ser puxado para frente e preso à estrutura do chassi o mais próximo possível do eixo dianteiro. Isso é especialmente importante em veículos com um eixo dianteiro com suspensão a ar. Distância máxima permitida entre o centro do eixo dianteiro e a borda dianteira do chassi auxiliar: Eixo dianteiro com suspensão a ar: 600 mm Eixo dianteiro com suspensão a mola: 800 mm Distância entre o eixo dianteiro e o suporte frontal Eixo dianteiro com suspensão a ar: o mais para frente possível na faixa de 550 a 700 mm. Eixo dianteiro com suspensão por mola em folha: o mais para frente possível na faixa de 550 a 875 mm Extremidade dianteira do veículo com suspensão a ar ou suspensão a mola :30-01 Edição 11 pt-br 11 (24)

12 Recomendações Exemplos de fixações A dimensão A nas ilustrações do exemplo não deve ultrapassar 900 mm. As medidas nas ilustrações são apenas exemplos e são específicas para cada veículo. Mais informações sobre o posicionamento dos suportes podem ser encontradas nos documentos Seleção do chassi auxiliar e fixação e Fixação da carroceria. 875 A A A A A A A A A :30-01 Edição 11 pt-br 12 (24)

13 Recomendações Transportador de carga Plataformas Uma carroceria basculante deve ser suficientemente rígida para não se flexionar ou curvar muito para os lados se, durante a descarga, a carga ficar presa na parte dianteira da carroceria basculante. de movimento único Garanta que a carroceria basculante esteja apoiada contra o chassi auxiliar sobre todo o seu comprimento. Instale suportes de alívio se isso não for possível. Alivie a plataforma na posição abaixada, fornecendo um suporte dianteiro e um suporte central. Certifique-se de que os controles estejam disponíveis, de maneira que a plataforma desça para a posição correta. A carga deve ser igualmente distribuída pelos suportes para evitar oscilações desconfortáveis do chassi. Posicione o suporte dianteiro no centro, entre as vigas laterais do chassi em caminhões basculantes que serão utilizados em condições difíceis de condução. Isso reduz a transferência de movimentos de torção do quadro do chassi à plataforma. Báscula tridirecional Sempre equipe a plataforma em uma báscula tridirecional com pelo menos um apoio de plataforma por longarina, além dos pontos de apoio que o eixo de apoio da báscula tem. Posicione também o apoio da plataforma entre os eixos de apoio da báscula dianteiros e traseiros. Mancais do eixo de apoio Os mancais da plataforma no eixo de apoio devem ter a mínima folga possível. O excesso de folga nos mancais de apoio aumenta o risco de capotagem. Exemplo de guia e suporte entre a plataforma e o chassi auxiliar :30-01 Edição 11 pt-br 13 (24)

14 Recomendações Cilindro de inclinação Localização do cilindro de inclinação O cilindro de inclinação deve ser colocado em frente ao centro de gravidade da carroceria basculante. A colocação atrás faria com que o cilindro de inclinação tentasse levantar a extremidade traseira da carroceria basculante. A posição longitudinal dos cilindros de inclinação é determinada pelos seguintes fatores: O comprimento da plataforma A carga Tipo de báscula Para aprimorar a estabilidade do basculante para a descarga traseira: Posicione a fixação do cilindro de inclinação ou cilindros de inclinação o mais para frente possível no quadro do chassi. Use cilindros dianteiros estabilizadores com mancal que permita movimento somente na direção de inclinação :30-01 Edição 11 pt-br 14 (24)

15 Recomendações Fixação do cilindro de inclinação único Prenda o cilindro de inclinação com sua fixação no chassi auxiliar. Fixação de cilindros de inclinação externos duplos Aparafuse os suportes do cilindro nos frisos das vigas do chassi auxiliar. Instale uma travessa de perfil em U forte entre ambos os suportes do cilindro de inclinação. Isso impede movimento de torção e assimetria da carga. Nota: Os cilindros de inclinação não devem ser fixados aos flanges do quadro do chassi Fixação no chassi auxiliar 06:30-01 Edição 11 pt-br 15 (24)

16 Recomendações Cilindro de basculamento montado em posição central Reforço do chassi Para cilindros de inclinação montados em posição central (1), pode ser apropriado um reforço externo no chassi (2). Em alguns casos, podem ser necessárias travessas adicionais no chassi para impedir que a parte inferior do chassi flexione para fora quando são aplicadas grandes cargas pelo cilindro de inclinação. 2 1 Deslocamento das travessas Se a carroceria tem cilindros de inclinação montados em posição central, pode ser necessário mover as travessas no chassi Nota: Sempre entre em contato com a Scania ou uma oficina Scania antes de movimentar qualquer travessa. Verifique se a travessa não colide com a árvore de transmissão. As travessas não podem ser movidas além da distância de mm da travessa mais próxima. As travessas fixadas a suportes de mola e mancais de árvore de transmissão não podem ser movidas. Mais informações sobre a localização das travessas são encontradas no documento Remoção e instalação das travessas. 06:30-01 Edição 11 pt-br 16 (24)

17 Recomendações Posição do eixo basculante B A posição do eixo basculante é fornecida como a distância do primeiro eixo motriz traseiro até o centro do eixo basculante da plataforma (B). As medidas máximas recomendadas para a posição do eixo basculante aplicam-se a caminhões equipados com: Um chassi auxiliar que tenha as dimensões e os materiais recomendados e tenha reforço transversal no balanço traseiro. Um tipo de estrutura do chassi F950, F957 ou F958. Veja a tabela na página seguinte :30-01 Edição 11 pt-br 17 (24)

18 Recomendações A posição do eixo basculante é fornecida como a distância do primeiro eixo traseiro de tração até o centro do eixo basculante da plataforma (B). Chassi Suspensão Dimensões recomendadas (B) para a posição do eixo basculante 4x2 A/B Máx mm 6x2/2 6x2/4 8x2/4 4x2 Z Máx mm (1.730 mm se houver boa estabilidade) 4x4 6x2 A/B Máx mm 6x2*4 6x4 8x2*6 8x2 8x4 6x2 Z Máx mm 8x2 6x4 Z Máx mm com distância do bogie de 1.350/1.355 (2.350 mm se houver 6x6 boa estabilidade) 8x4 Máx mm com distância do bogie de 1.445/ x6 8x8 8x4*4 A/B Máx mm 10x4*6 Entre em contato com uma concessionária Scania para obter mais informações sobre outras configurações. 06:30-01 Edição 11 pt-br 18 (24)

19 Melhoria da estabilidade Melhoria da estabilidade Bloqueio do bogie Os caminhões basculantes com molas em folha podem ser equipados com bloqueio do bogie hidráulico para melhorar a estabilidade durante a descarga: Instale os cilindros hidráulicos nos lados direito e esquerdo de modo que a barra do pistão bloqueie a mola traseira o mais próximo possível do centro do eixo da roda. Instale uma luz de advertência no painel de instrumentos. Ela deve indicar quando o bloqueio do bogie está ativo. Nota: O bloqueio do bogie não funciona em caminhões com a configuração da roda 6x A posição do cilindro hidráulico relativa à mola em caminhões basculantes sem carga (1) e na compressão de suspensão máxima (2), respectivamente. 06:30-01 Edição 11 pt-br 19 (24)

20 Melhoria da estabilidade Estabilizador do basculante Equipe o basculante com um estabilizador do basculante para melhorar ainda mais a estabilidade de inclinação. Esse estabilizador impede que a plataforma se flexione para fora no plano lateral direcionando para baixo as forças laterais da plataforma na estrutura do chassi. O estabilizador do basculante consiste em dois tirantes conectados um ao outro por uma junta, que é fixada à plataforma e ao chassi auxiliar (veja a ilustração). Para proporcionar efeito máximo, o estabilizador do basculante deve ser fixado imediatamente acima do centro do eixo traseiro ou no centro do bogie. A Scania recomenda estabilizadores do basculante para caminhões com caçamba basculante para pedras, por exemplo, outros tipos de caminhões basculantes que geralmente fazem descarga em superfícies muito difíceis :30-01 Edição 11 pt-br 20 (24)

21 sem chassi auxiliar sem chassi auxiliar Os caminhões basculantes sem chassi auxiliar podem ser construídos para condições especialmente favoráveis, boas estradas e ausência de sobrecarga. Os caminhões basculantes sem chassi auxiliar devem ter preparação para caminhão basculante 02, chassi F957 ou chassi F958. A preparação para caminhão basculante 02 pode ser encomendada da fábrica. Mais informações sobre as preparações para caminhões basculantes podem ser encontradas em Pacotes opcionais instalados na fábrica. Min 10 mm Blocos de borracha Para reduzir o risco de danos ao quadro do chassi, a plataforma deve ser apoiada com blocos de borracha contra o quadro do chassi. Instale um bloco de borracha com as dimensões 75x45 e com comprimento mínimo de 300 mm, conforme os exemplos ilustrados. Prenda os blocos nas longarinas sob a parte inferior da plataforma. O número de blocos de borracha por lado deve ser o seguinte: 8 blocos de borracha para veículos com distância do eixo superior a mm 6 blocos de borracha para veículos com distância do eixo inferior a mm A superfície de contato dos blocos de borracha deve ficar no mínimo a 10 mm da borda interna do flange. IMPORTANTE! A carroceria basculante deve repousar sobre todos os blocos de borracha ao longo de todo o comprimento. Min 610 mm Min 10 mm Min 75 mm Min 610 mm Min 10 mm Min 75 mm :30-01 Edição 11 pt-br 21 (24)

22 sem chassi auxiliar Localização do bloco de borracha Nenhum bloco de borracha deve começar ou terminar na área de 150 a 400 mm à frente ou atrás do centro do bogie (a área pontilhada na figura). No entanto, os blocos de borracha podem se estender por toda a área pontilhada, por exemplo, começando 50 mm à frente e terminando 50 mm atrás da área pontilhada :30-01 Edição 11 pt-br 22 (24)

23 sem chassi auxiliar Para veículos com preparação para caminhão basculante 02, chassi F957 ou chassi F958, são recomendados os seguintes locais para os blocos de borracha (todas as dimensões em mm): AD A B C AD A B D = no mín. 300 mm A B C A B AD JA 2210 AD JA 2160 Dx75x45 Dx75x :30-01 Edição 11 pt-br 23 (24)

24 sem chassi auxiliar Manutenção e modificação Para minimizar o desgaste do flange da viga, é preciso realizar manutenção contínua. A manutenção inclui: Verificação constante de blocos de borracha e chassi Substituição de blocos de borracha desgastados Lubrificação do eixo basculante Reparo de excesso de folga no eixo de basculamento IMPORTANTE! Faça as modificações na posição e tipo do apoio da plataforma de acordo com as recomendações acima quando o desgaste começar na parte externa do flange da viga. No caso de excesso de desgaste, as longarinas devem ser reforçadas. 06:30-01 Edição 11 pt-br 24 (24)

Caminhões de coleta de lixo. Informações gerais sobre caminhões de coleta de lixo. Design PGRT

Caminhões de coleta de lixo. Informações gerais sobre caminhões de coleta de lixo. Design PGRT Informações gerais sobre caminhões de coleta de lixo Informações gerais sobre caminhões de coleta de lixo Os caminhões de coleta de lixo podem ser construídos como carregadores traseiros, laterais ou dianteiros.

Leia mais

Preparação para guincho. Informações gerais sobre a preparação. Veículos fabricados a partir de setembro de 2015

Preparação para guincho. Informações gerais sobre a preparação. Veículos fabricados a partir de setembro de 2015 Informações gerais sobre a preparação Informações gerais sobre a preparação Para facilitar a conexão elétrica de um guincho, o pacote de preparação do chicote de cabos do guincho pode ser encomendado na

Leia mais

INSTALAÇÃO, LUBRIFICAÇÃO E MANUTENÇÃO DAS CORRENTES TRANSPORTADORAS PROCEDIMENTO DE INSTALAÇÃO DA CORRENTE

INSTALAÇÃO, LUBRIFICAÇÃO E MANUTENÇÃO DAS CORRENTES TRANSPORTADORAS PROCEDIMENTO DE INSTALAÇÃO DA CORRENTE UNP-130408 1 de 6 INSTALAÇÃO, LUBRIFICAÇÃO E MANUTENÇÃO DAS CORRENTES TRANSPORTADORAS A vida útil das correntes transportadoras e elevadoras está diretamente ligada aos cuidados com a instalação, lubrificação

Leia mais

EPS ABS AIRBAG CINTO DE SEGURANÇA CAPACETE CADEIRA DE BEBES

EPS ABS AIRBAG CINTO DE SEGURANÇA CAPACETE CADEIRA DE BEBES EPS ABS AIRBAG CINTO DE SEGURANÇA CAPACETE CADEIRA DE BEBES O Travão ABS encontra-se presente na maioria dos veículos modernos e contribui bastante para aumentar a eficiência da travagem, diminuindo a

Leia mais

WORX AEROCART MODELO WG050

WORX AEROCART MODELO WG050 WORX AEROCART MODELO WG050 Avisos Gerais de Segurança AVISO Leia todos os avisos e instruções de segurança. Não seguir os avisos e instruções pode resultar em lesão séria. Guarde todos os avisos e instruções

Leia mais

Para proteção completa contra chuva, está disponível em lojas de varejo uma capa de chuva ABC Design.

Para proteção completa contra chuva, está disponível em lojas de varejo uma capa de chuva ABC Design. MANUAL DE INSTRUÇÕES MODELO ABC DESIGN PRIMO Moldura de Alumínio leve Alças giratórias em 360 graus 4 posições de regulagem de encosto Rodas dianteiras giratórias e bloqueáveis. toldo removível Testado

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação que acompanha o gabinete do rack para as informações sobre segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation

Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation Outros FM (4), FH (4) VM Instalação do tanque de combustível suplementar, página 2 BRA72445 Data 8.15 Edição 02 Pág. 1(7) All Rights Reserved Instalação

Leia mais

Conexão de medidores de peso no sistema de suspensão a ar

Conexão de medidores de peso no sistema de suspensão a ar Geral Geral O display externo do peso é geralmente solicitado, por exemplo, durante o cregamento de uma empilhadeira de modo que o motorista possa ver a quantidade de cga que foi colocada na plataforma.

Leia mais

Instruções para Carrinho de Bebê Multifuncional SONHO

Instruções para Carrinho de Bebê Multifuncional SONHO Instruções para Carrinho de Bebê Multifuncional SONHO Carrinho SONHO Manual Carrinho Sonho- Dardara - 2 as ilustrações são apenas representações. o design e o estilo podem variar. Antes de usar o carrinho,

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Página 1 de 9 Informativo nº 9 VENTILADOR DE MESA 30cm VENTNK1200 ASSUNTO: Lançamento. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Alimentação: Cor: Potência do aparelho: Consumo de energia: Característica diferencial: Período

Leia mais

VARREDEIRA ZE072. Manual de serviço

VARREDEIRA ZE072. Manual de serviço VARREDEIRA ZE072 Manual de serviço A varredeira ZE072 foi desenvolvida para trabalhos na construção civil, de manutenção em estradas, ou locais que necessitem o mesmo sistema de remoção de resíduos. Qualquer

Leia mais

Instruções para utilização

Instruções para utilização Instruções para utilização MÁQUINA DE LAVAR ROUPA Português AWM 129 Sumário Instalação, 16-17-18-19 Desembalar e nivelar Ligações hidráulicas e eléctricas Primeiro ciclo de lavagem Dados técnicos Instruções

Leia mais

CAMINHÕES MILITARES UAI M1-50 e M1-34 UM TREM BÃO DAS GERAIS

CAMINHÕES MILITARES UAI M1-50 e M1-34 UM TREM BÃO DAS GERAIS CAMINHÕES MILITARES UAI M1-50 e M1-34 UM TREM BÃO DAS GERAIS No auge da Indústria de Material de Defesa no Brasil, nos anos 80, uma empresa mineira, localizada em Belo Horizonte, montadora de equipamentos

Leia mais

CSR/Instruções de inspeção para Técnicos

CSR/Instruções de inspeção para Técnicos INSTRUÇÕES DE INSPEÇÃO Carregadeiras sobre rodas CSR/Instruções de inspeção para Técnicos Esta instrução é um recurso técnico informal. Para obter especificações e procedimentos corretos, refira-se sempre

Leia mais

Biombos 70 e 90 Estações de Trabalho

Biombos 70 e 90 Estações de Trabalho 1 de 20 2 de 20 Detalhes Técnicos 3 de 20 Quadro de vidro PAINEL CEGO PAINEL TOTAL VIDRO SIMPLES VIDRO SIMPLES PAINEL MEIO Chassi Travessa Intermediária Calha Intermediária Placa Madeira Calha de fiação

Leia mais

Utilizem sempre peças originais, para que possam ter garantida a performance e vida útil do seu equipamento. ALGODEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA

Utilizem sempre peças originais, para que possam ter garantida a performance e vida útil do seu equipamento. ALGODEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA ALGODEN INSTRUÇÕES GERAIS Antes de colocar em operação o equipamento, este deve funcionar em vazio durante algum tempo. Neste período deve se dar atenção nos diferentes pontos de lubrificação. Durante

Leia mais

Manual Técnico e Certificado de Garantia

Manual Técnico e Certificado de Garantia Parabéns! Você acabou de adquirir um ventilador de teto com luminária, especialmente criado para trazer mais conforto e beleza aos ambientes. Com design diferenciado o Efyx Nauta é pré-montado. Siga todas

Leia mais

Preparo periódico do solo arados de discos *

Preparo periódico do solo arados de discos * Preparo periódico do solo arados de discos * 1. Arados de discos Os arados de discos distinguem-se das de aivecas por a lavoura ser efetuada por discos com movimento de rotação provocado pelo atrito de

Leia mais

IME - AUTOFLIFT - ESPECIALISTA EM SISTEMAS DE ELEVAÇÃO MÓVEL PARA TODO O TIPO DE VEÍCULOS.

IME - AUTOFLIFT - ESPECIALISTA EM SISTEMAS DE ELEVAÇÃO MÓVEL PARA TODO O TIPO DE VEÍCULOS. IME - AUTOFLIFT - ESPECIALISTA EM SISTEMAS DE ELEVAÇÃO MÓVEL PARA TODO O TIPO DE VEÍCULOS. Equipamentos Oficinais SSH ELEVADOR DE TESOURAS PARA CAMIÕES E AUTOCARROS Equipamentos Oficinais CARACTERÍSTICAS

Leia mais

Conheça nossa empresa

Conheça nossa empresa Conheça nossa empresa Empresa Damaeq Integridade, Vontade de Superar-se, Satisfação do Cliente. MODELO PANDA 2015 Novo coletor compactador modelo PANDA 2015, com capacidade para 15m³ ou 19m³ de lixo compactado.

Leia mais

Impressora HP LaserJet Série P2030. Guia de papel e mídia de impressão

Impressora HP LaserJet Série P2030. Guia de papel e mídia de impressão Impressora HP LaserJet Série P2030 Guia de papel e mídia de impressão Impressora HP LaserJet Série P2030 Guia de papel e mídia de impressão Copyright e licença 2008 Copyright Hewlett-Packard Development

Leia mais

Sistemas para Estacionamento e Vagas de Garagem DUPLIKAR. Projetamos e desenvolvemos inúmeras soluções para estacionamentos.

Sistemas para Estacionamento e Vagas de Garagem DUPLIKAR. Projetamos e desenvolvemos inúmeras soluções para estacionamentos. A Empresa A Duplikar é representante autorizado da marca Engecass, queremos apresentar uma solução caso tenha necessidades de aumentar suas vagas de garagem. A Engecass é uma indústria Brasileira, fabricante

Leia mais

20. CHASSI INFORMAÇÕES DE SERVIÇO DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 20-1 DESCRIÇÃO 20-2 INSPEÇÃO 20-4 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 20-1 DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 20-1

20. CHASSI INFORMAÇÕES DE SERVIÇO DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 20-1 DESCRIÇÃO 20-2 INSPEÇÃO 20-4 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 20-1 DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 20-1 20. CHASSI INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 20-1 DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 20-1 DESCRIÇÃO 20-2 INSPEÇÃO 20-4 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO Embora seja possível reparar trincas no chassi por meio de soldagem ou alinhar chassis

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação fornecida com o gabinete do rack para obter informações de segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

GUIA DO USUÁRIO. Dome fixo AXIS T90C10 IR-LED. Dome fixo AXIS T90C20 IR-LED PORTUGUÊS

GUIA DO USUÁRIO. Dome fixo AXIS T90C10 IR-LED. Dome fixo AXIS T90C20 IR-LED PORTUGUÊS GUIA DO USUÁRIO Dome fixo AXIS T90C10 IR-LED Dome fixo AXIS T90C20 IR-LED PORTUGUÊS Medidas de segurança Leia com atenção este guia de instalação até o final antes de instalar o produto. Guarde o guia

Leia mais

EXAUSTOR MUNTERS MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P

EXAUSTOR MUNTERS MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 IMPORTANTE... 3 SEGURANÇA... 3 CUIDADOS AO RECEBER O EQUIPAMENTO... 4 1) Instalação dos exaustores... 5 2) Instalação

Leia mais

No sentido da marcha. Manual de instruções. Grupo Peso Idade 2-3 15-36 kg 4-12 anos

No sentido da marcha. Manual de instruções. Grupo Peso Idade 2-3 15-36 kg 4-12 anos No sentido da marcha Manual de instruções ECE R44 04 Grupo Peso Idade 2-3 15-36 kg 4-12 anos 1 ! Obrigado por optar pela BeSafe izi Up FIX A BeSafe desenvolveu esta cadeira com todo o cuidado, para proteger

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1. ESTRUTURA E BLINDAGEM DOS MODULOS 1.1 - Estruturas Laterais Externas Deverão ser confeccionadas em chapa de aço SAE1010 #18, com varias dobras formando colunas, sem quinas ou

Leia mais

CONVERSOR DE TORQUE PRINCIPIO DE FUNCIONAMENTO

CONVERSOR DE TORQUE PRINCIPIO DE FUNCIONAMENTO CONVERSOR DE TORQUE PRINCIPIO DE FUNCIONAMENTO Em matérias anteriores, conhecemos algumas noções básicas do funcionamento de uma transmissão automática, com seus componentes principais, informando ao técnico

Leia mais

Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS

Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS Montagem das caixas SNHL Vedação => TC Vedação => TA Vedação => TG Vedação => TS Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/2009 66 Vedação TC Vedadores de Feltro TC Os vedadores são constituídos

Leia mais

Instalação da Corrente

Instalação da Corrente Instalação da Corrente Nivelando e Alinhando Todos os componentes devem estar nívelados e alinhados corretamente, para que a corrente e as rodas dentadas possa ter um tempo de vida mais longo. As duas

Leia mais

Manual Técnico de Instalação, Operação e Manutenção. Lavador de Ar

Manual Técnico de Instalação, Operação e Manutenção. Lavador de Ar Manual Técnico de Instalação, Operação e Manutenção ISO 9001:2008 VENTEC AMBIENTAL EQUIPAMENTOS E INSTALAÇÕES LTDA Rua André Adolfo Ferrari, nº 550 - Distrito Industrial Nova Era - Indaiatuba - São Paulo

Leia mais

COMPONENTES PARA ANDAIMES PROFISSIONAIS

COMPONENTES PARA ANDAIMES PROFISSIONAIS Bastidores das Torres Rolantes Disponíveis em 2 larguras (0,75 e 1,35 m) de 4 degraus (1 m) e 7 degraus (2 m) Os degraus possuem uma superfície estriada antideslizante e a distância entre degraus é de

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÃO PARA MONTAGEM DA ESTRUTURA DE FIXAÇÃO PARA SISTEMAS FOTOVOLTAICOS

MANUAL DE INSTRUÇÃO PARA MONTAGEM DA ESTRUTURA DE FIXAÇÃO PARA SISTEMAS FOTOVOLTAICOS MANUAL DE INSTRUÇÃO PARA MONTAGEM DA ESTRUTURA DE FIXAÇÃO PARA SISTEMAS FOTOVOLTAICOS Silver 00TO WWW.SOLARFIX.COM.BR Silver 00TO MATERIAL INCLUSO Cód Peças de alumínio Comprimento Quantidade Pilar BR0

Leia mais

Sumário Serra Fita FAM

Sumário Serra Fita FAM Sumário Serra Fita FAM 1 Componentes... 1 Painel de controle... 1 Sensores de segurança... 2 Especificações... 2 Instalação... 3 Condições Gerais do Local... 3 Rede Elétrica... 3 Instalação da Tomada...

Leia mais

How To de instalação de chicotes para farol de neblina Vectra C

How To de instalação de chicotes para farol de neblina Vectra C Este How to apresenta instruções de instalação de chicotes e outros componentes do sistema de farol de neblina. Foi instalado em um Vectra Expression 2008-09. Materiais Kit completo farol de neblina, código

Leia mais

O modelo da foto pode conter equipamentos opcionais.

O modelo da foto pode conter equipamentos opcionais. GARFO (Comprimento X Largura X Bitola) (mm): 100D7: 1.200 X 200 X 70 / 1.500 X 200 X 75 / 1.650 X 200 X 75 1.800 X 200 X 75 / 2.100 X 200 X 75 / 2.400 X 200 X 75 120D7: 1.200 X 200 X 75 / 1.500 X 200 X

Leia mais

Guia de Instalação Pinhão de 18 dentes

Guia de Instalação Pinhão de 18 dentes 1 Guia de Instalação Pinhão de 18 dentes por d Avila, Edson. 2004, versão 1.0. Autorizada reprodução se mantido os créditos do autor 2 O autor acredita que todas as informações aqui apresentadas estão

Leia mais

Descrição da base de encaixe Tipo de veículo Descrição de Inclinação e Rotação. Direção à direita. ou à esquerda. Direção à esquerda

Descrição da base de encaixe Tipo de veículo Descrição de Inclinação e Rotação. Direção à direita. ou à esquerda. Direção à esquerda Montagem de Inclinação e Rotação Swingaway Ready (direção à esquerda) Swingaway Ready (direção à direita) Guia de instalação Versão padrão Versão Pronta para Swingaway Ready 1 Descrição do produto A Montagem

Leia mais

MF 86 HS. Retroescavadeira / Pá carregadeira MASSEY FERGUSON

MF 86 HS. Retroescavadeira / Pá carregadeira MASSEY FERGUSON MF 86 HS Retroescavadeira / Pá carregadeira MASSEY FERGUSON 2 www.massey.com.br 4 tipos de versões e o maior número de vantagens Alavanca de múltipla ação no carregador frontal Plataforma para o operador

Leia mais

Artigo Descrição Núm. do artigo Cabo de conexão universal Cabo de conexão, fêmea-fêmea, universal

Artigo Descrição Núm. do artigo Cabo de conexão universal Cabo de conexão, fêmea-fêmea, universal Cabos Os cabos de tomada que se utilizam são especialmente robustos, fabricados por Amphenol (serie C 16 1/7pin) ou Binder (serie 693/7pin) para as balanças WL 103 e Fischer (tipo 104/4pin) para a WL 104.

Leia mais

Boletim de Serviço Nº 01 / 08

Boletim de Serviço Nº 01 / 08 1 Boletim de Serviço Nº 01 / 08 04 de março de 2008 FOLHA 1 de 9 Veículo/Modelo: TR4R CIRCULAR POR: x Diretoria Marketing x - Cup x Eng. Competição Pilotos x Mod. Center - CAT INSTALAÇÃO DO LIMITADOR DE

Leia mais

CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA

CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA *Imagens meramente ilustrativas CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA Manual de Instruções www.v8brasil.com.br 1. DADOS TÉCNICOS CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA Modelo V8 Chave de impacto

Leia mais

Correntes. Os problemas de uma empresa da área de. Conceito

Correntes. Os problemas de uma empresa da área de. Conceito A U A UL LA Correntes Introdução Os problemas de uma empresa da área de transporte e cargas fez com que o encarregado do setor tomasse algumas decisões referentes à substituição de equipamentos, como componentes

Leia mais

Benefícios. Design compacto. Facilidade de acesso a todos componentes para manutenção.

Benefícios. Design compacto. Facilidade de acesso a todos componentes para manutenção. Equipamento-padrão Dispositivo para descida de emergência manual Carregador de bateria com desativação automática Alerta de bateria baixa Desativação de bateria Inclinômetro com bloqueio e alarme Sensor

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO. AXIS T91A61 Wall Mount. AXIS T91A62 Parapet Mount. AXIS T91A63 Ceiling Mount. AXIS T91A64 Corner Mount. AXIS T91A67 Pole Mount

GUIA DE INSTALAÇÃO. AXIS T91A61 Wall Mount. AXIS T91A62 Parapet Mount. AXIS T91A63 Ceiling Mount. AXIS T91A64 Corner Mount. AXIS T91A67 Pole Mount GUIA DE INSTALAÇÃO AXIS T91A61 Wall Mount AXIS T91A62 Parapet Mount PORTUGUÊS AXIS T91A63 Ceiling Mount AXIS T91A64 Corner Mount AXIS T91A67 Pole Mount Considerações legais A vigilância por vídeo e áudio

Leia mais

O novo Arocs Loader. O novo Arocs Grounder.

O novo Arocs Loader. O novo Arocs Grounder. O novo Arocs Loader. O novo Arocs Grounder. * Forças extremas para esforços extremos. O Arocs Loader e o Arocs Grounder. Para uma carga útil especialmente elevada ou para esforços extremos. Com o Arocs

Leia mais

Manual de Montagem e Operação Pórtico Manual Serie FX

Manual de Montagem e Operação Pórtico Manual Serie FX 1 Manual de Montagem e Operação Pórtico Manual Serie FX Manual No. 103-0001 R EV. 8/07 ISO 9001 REGISTERED CONTEUDO 2 Advertencias... 3 Recebimento... 5 Ajustes...6 Kit de Transporte...8 Instalação dos

Leia mais

Recebimento, Manuseio e Armazenamento dos Centros de Controle de Motores CENTERLINE 2500

Recebimento, Manuseio e Armazenamento dos Centros de Controle de Motores CENTERLINE 2500 Instruções Recebimento, Manuseio e Armazenamento dos Centros de Controle de Motores CENTERLINE 2500 Recebimento IMPORTANTE A entrega de equipamentos às empresas de transporte pela Rockwell Automation é

Leia mais

RALAS JOST. Manual de Montagem, Operação e Manutenção MODELOS KLK HE, KLK SO E KDL 900

RALAS JOST. Manual de Montagem, Operação e Manutenção MODELOS KLK HE, KLK SO E KDL 900 Manual de Montagem, Operação e Manutenção RALAS JOST MODELOS KLK HE, KLK SO E KDL 900 GB E Installation and operating instructions for TURNTABLES SERIES KLK HE, KLK SO AND KDL 900 Instrucciones de montaje

Leia mais

Bigcompra. "Qualidade mundial na distribuição e fabricação de Equipamentos de Proteção ao Homem"

Bigcompra. Qualidade mundial na distribuição e fabricação de Equipamentos de Proteção ao Homem Bigcompra "Qualidade mundial na distribuição e fabricação de Equipamentos de Proteção ao Homem" A Bigcompra Ltda é uma empresa especializada na fabricação e importação de E.P.I. (Equipamentos de Proteção

Leia mais

Mancais. TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA Elementos de Máquinas. Professor: André Kühl andre.kuhl@ifsc.edu.br

Mancais. TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA Elementos de Máquinas. Professor: André Kühl andre.kuhl@ifsc.edu.br Mancais TECNÓLOGO EM MECATRÔNICA Elementos de Máquinas Professor: André Kühl andre.kuhl@ifsc.edu.br Introdução à Mancais O mancal pode ser definido como suporte ou guia em que se apóia o eixo; No ponto

Leia mais

Manual de Usuário. (Y-200, Y-300, Y-400, Y-500, Y-550, Y- 600, Y-700, Y-850, Y-1200, Y-1500 e Y- 2000)

Manual de Usuário. (Y-200, Y-300, Y-400, Y-500, Y-550, Y- 600, Y-700, Y-850, Y-1200, Y-1500 e Y- 2000) AUTOMATIZADORES PARA PORTAS DE ENROLAR IMPORTAÇÃO E SUPORTE TÉCNICO NA INSTALAÇÃO Manual de Usuário (Y-200, Y-300, Y-400, Y-500, Y-550, Y- 600, Y-700, Y-850, Y-1200, Y-1500 e Y- 2000) SAC: 55 + 11 3088

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DE ALINHAMENTO ENTRE EIXOS Manutenção Preditiva Alinhamentos. Introdução

A IMPORTÂNCIA DE ALINHAMENTO ENTRE EIXOS Manutenção Preditiva Alinhamentos. Introdução Introdução As perguntas mais freqüentes formuladas por gerentes, engenheiros, supervisores, contratantes, profissionais da área, referentes ao alinhamento (ou desalinhamento) de eixos e sua importância

Leia mais

DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS

DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS MANUAL DE OPERAÇÃO 1 Índice Introdução... 3 Limitações de Uso... 3 Instruções Gerais de Segurança... 3 Especificações Técnicas... 4 Descrição da STC-210... 5 Acessórios

Leia mais

Manual de Atualização dos Móveis Make-up - Nova Iluminação Fev/08

Manual de Atualização dos Móveis Make-up - Nova Iluminação Fev/08 Manual de Atualização dos Móveis Make-up - Nova Iluminação Fev/08 bandeja de metal que fica na 1ª prateleira. Os Móveis Make-up estão passando por uma atualização. Ganharam um novo display e uma nova iluminação.

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação fornecida com o gabinete do rack para obter informações de segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho

1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho 1 ME-01 REV00 13 3 1 2 14 9 10 12 4 5 6 7 11 8 1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho da porta

Leia mais

3. TESTE DE MOTOR INFORMAÇÕES DE SERVIÇO DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 3-1 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 3-1 DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 3-1 TESTE DE COMPRESSÃO 3-2

3. TESTE DE MOTOR INFORMAÇÕES DE SERVIÇO DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 3-1 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 3-1 DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 3-1 TESTE DE COMPRESSÃO 3-2 3. TESTE DE MOTOR INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 3-1 DIAGNÓSTICO DE DEFEITOS 3-1 TESTE DE COMPRESSÃO 3-2 INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 3 O teste de compressão fornece informações importantes sobre a condição mecânica

Leia mais

Estrada de Rodagem Lei de Balança

Estrada de Rodagem Lei de Balança Estrada de Rodagem Lei de Balança Prof. Dr. Rodrigo de Alvarenga Rosa rodrigoalvarengarosa@gmail.com (27) 9941-3300 1 Modo Rodoviário - Pesos e Dimensões A legislação vigente para pesos e dimensões dos

Leia mais

(a) a aceleração do sistema. (b) as tensões T 1 e T 2 nos fios ligados a m 1 e m 2. Dado: momento de inércia da polia I = MR / 2

(a) a aceleração do sistema. (b) as tensões T 1 e T 2 nos fios ligados a m 1 e m 2. Dado: momento de inércia da polia I = MR / 2 F128-Lista 11 1) Como parte de uma inspeção de manutenção, a turbina de um motor a jato é posta a girar de acordo com o gráfico mostrado na Fig. 15. Quantas revoluções esta turbina realizou durante o teste?

Leia mais

Manual de Instruções Transportadores Moveflex Série Roll

Manual de Instruções Transportadores Moveflex Série Roll Manual de Instruções Transportadores Moveflex Série Roll Versão: 4.0 Data:01/2015 Ind. e Com. Eletro Eletronica Gehaka Ltda. CNPJ: 13005553/0001-23 Av. Duquesa de Goiás, 235 - Real Parque 05686-900 -

Leia mais

Lista de exercícios sobre barras submetidas a força normal

Lista de exercícios sobre barras submetidas a força normal RESISTÊNCIA DOS MATERIAIS I Lista de exercícios sobre barras submetidas a força normal 1) O cabo e a barra formam a estrutura ABC (ver a figura), que suporta uma carga vertical P= 12 kn. O cabo tem a área

Leia mais

Instruções para uso do peso de bater automático

Instruções para uso do peso de bater automático Este equipamento foi desenvolvido com as finalidades de: 1) Agilizar e otimizar o tempo necessário para os testes de penetração de solo; 2) Melhorar a ergonomia do procedimento, evitando esforços físicos

Leia mais

LASERTECK LTA450 MANUAL DE USO

LASERTECK LTA450 MANUAL DE USO LASERTECK LTA450 MANUAL DE USO 2014 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO... 3 2 INFORMAÇÕES TÉCNICAS... 3 3 CALIBRAGEM DOS MÓDULOS LASER (AFERIÇÃO E TEMPORIZAÇÃO)... 3 3.1 AFERIÇÃO DO LASER PONTO LONGITUDINAL...3 3.2

Leia mais

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Índice da seção Página Bielas Montagem da biela no pistão... 4 Verificação Instalação... 7 Remoção Torque... 8 Pistões Montagem do pistão na biela... 4 Verificação do desgaste

Leia mais

SISTEMA ELÉTRICO. Bateria 64 Ah. Giro da lança Esquerda: 50 / Direita: 80. Comprimento do chassi Bitola da esteira Número de roletes

SISTEMA ELÉTRICO. Bateria 64 Ah. Giro da lança Esquerda: 50 / Direita: 80. Comprimento do chassi Bitola da esteira Número de roletes CX80 MIDIESCAVADEIRA MOTOR Modelo Tipo Isuzu AU-4LE2X 4 tempos, turboalimentado, intercooler Cilindros 4 Deslocamento 2,2 l (2.189 cm 3 ) Diâmetro x Curso 85 x 96 mm Injeção de combustível eletrônica Filtro

Leia mais

PLATAFORMAS ARTICULADAS REBOCÁVEIS

PLATAFORMAS ARTICULADAS REBOCÁVEIS Articuladas Rebocáveis Auto-Dirigidas com Lagartas Compre Produtos Certificados. Na Equipleva todos os equipamentos cumprem com as diretivas da CE. As Plataformas Articuladas Rebocáveis apresentam alturas

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO RAMPA PNEUMÁTICA RP 045 REVISÃO 00

MANUAL DE OPERAÇÃO RAMPA PNEUMÁTICA RP 045 REVISÃO 00 MANUAL DE OPERAÇÃO RAMPA PNEUMÁTICA RP 045 REVISÃO 00 B12-084 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 2 2. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 2.1. DIMENSÕES... 3 2.2. DADOS TÉCNICOS... 3 2.3. ACESSÓRIOS... 3 2.4. OPERAÇÃO... 4

Leia mais

Lubrificação IV. Notou-se excessivo ruído no sistema de mudança. Sistema selado

Lubrificação IV. Notou-se excessivo ruído no sistema de mudança. Sistema selado A U A UL LA Lubrificação IV Introdução Notou-se excessivo ruído no sistema de mudança da caixa de câmbio de um automóvel. Um mecânico verificou que a caixa de câmbio estava com problemas por falta de óleo.

Leia mais

Conjunto de empilhamento para o vaporizador combinado (gás)

Conjunto de empilhamento para o vaporizador combinado (gás) SmartCombi Classic Combi Conjunto de empilhamento para o vaporizador 845986----AIRU6- / 2.05.200 / TAG-MaBr Versão Conjunto de empilhamento do vaporizador combinado a gás CE Conjunto de empilhamento do

Leia mais

Manual de Instruções e Catálogo de Peças

Manual de Instruções e Catálogo de Peças 1 Manual de Instruções e Catálogo de Peças Mk-GT 800 2 ÍNDICE Apresentação... 03 Normas de Segurança... 04 Componentes... 07 Engate / Montagem... 08 Preparação p/trabalho... 09 Cuidados... 10 Manutenção...11

Leia mais

Selecione o tipo de rolamento e configuração. Limitações dimensionais

Selecione o tipo de rolamento e configuração. Limitações dimensionais Seleção do 2. Seleção do Os s e de estão disponíveis numa variedade de tipos, formas e dimensões. Quando se faz a correta seleção do para a sua aplicação, é importante considerar diversos fatores, e analisar

Leia mais

Extensômetro de Alto Alongamento AHX800 Manual Title

Extensômetro de Alto Alongamento AHX800 Manual Title Extensômetro de Alto Alongamento AHX800 Manual Title Additional Manual do Information Produto be certain. 100-238-343 A Informações sobre Direitos Autorais Informações sobre Marca Registrada Informação

Leia mais

Recline MANUAL DE INSTRUÇÕES. Dispositivo de Retenção Infantil Grupos 0 1 2 do nascimento aos 25 kg LM216

Recline MANUAL DE INSTRUÇÕES. Dispositivo de Retenção Infantil Grupos 0 1 2 do nascimento aos 25 kg LM216 Infantil Grupos 0 1 2 do nascimento aos 25 kg LM216 MANUAL DE INSTRUÇÕES LEIA ATENTAMENTE TODAS AS INSTRUÇÕES DESTE MANUAL ANTES DE MONTAR E USAR O PRODUTO E GUARDE-AS PARA FUTURAS CONSULTAS. IMPORTANTE

Leia mais

ESCORAMENTO ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 3

ESCORAMENTO ESPECIFICAÇÕES OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 3 ESCORAMENTO PÁGINA 1/16 MOS 4ª Edição ESPECIFICAÇÕES MÓDULO 05 VERSÃO 00 DATA jun/2012 SUMÁRIO OBJETIVO... 2 CONSIDERAÇÕES GERAIS... 2 CONSIDERAÇÕES ESPECÍFICAS... 3 0501 ESCORAMENTO DE MADEIRA... 3 0502

Leia mais

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br

R O B Ó T I C A. Sensor Smart. Ultrassom. Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13. www.robouno.com.br R O B Ó T I C A Sensor Smart Ultrassom Versão Hardware: 1.0 Versão Firmware: 1.0 REVISÃO 1211.13 Sensor Smart Ultrassom 1. Introdução Os sensores de ultrassom ou ultrassônicos são sensores que detectam

Leia mais

Lista de Exercícios - Unidade 8 Eu tenho a força!

Lista de Exercícios - Unidade 8 Eu tenho a força! Lista de Exercícios - Unidade 8 Eu tenho a força! Forças 1. (UFSM 2013) O uso de hélices para propulsão de aviões ainda é muito frequente. Quando em movimento, essas hélices empurram o ar para trás; por

Leia mais

Acumuladores hidráulicos

Acumuladores hidráulicos Tipos de acumuladores Compressão isotérmica e adiabática Aplicações de acumuladores no circuito Volume útil Pré-carga em acumuladores Instalação Segurança Manutenção Acumuladores Hidráulicos de sistemas

Leia mais

Trilateral MTC. Empilhadeiras para opera sentado ou em pé. Capacidade de Carga de 1.000, 1.300 e 1.500 kg. Pantógrafo integrado reduz corredor de ope

Trilateral MTC. Empilhadeiras para opera sentado ou em pé. Capacidade de Carga de 1.000, 1.300 e 1.500 kg. Pantógrafo integrado reduz corredor de ope Trilateral MTC Capacidade de Carga de 1.000, 1.300 e 1.500 kg Empilhadeiras para opera sentado ou em pé Pantógrafo integrado reduz corredor de ope Quatro motores de corrente alternada Console de controle

Leia mais

Pedro Rocha 2015-10-15

Pedro Rocha 2015-10-15 Pedro Rocha 2015-10-15 Circulação O veiculo não pode sair do centro para se posicionar nas linhas ou áreas de inspeção Via de fuga Evitar o cruzamento de veículos 2 As linhas devem ser estruturadas para

Leia mais

1 - Considerações gerais 03 A - Introdução 03 A1 - Direitos 03 A2 - Garantia 04 A3 - Uso apropriado 04. 2 - Início de trabalho 05 A - Testes 05

1 - Considerações gerais 03 A - Introdução 03 A1 - Direitos 03 A2 - Garantia 04 A3 - Uso apropriado 04. 2 - Início de trabalho 05 A - Testes 05 Sumário 1 - Considerações gerais 03 A - Introdução 03 A1 - Direitos 03 A2 - Garantia 04 A3 - Uso apropriado 04 2 - Início de trabalho 05 A - Testes 05 3 - Características do produto 06 4 - Funcionamento

Leia mais

TREINAMENTO DE CERTIFICAÇÃO QTEK Bomber

TREINAMENTO DE CERTIFICAÇÃO QTEK Bomber TREINAMENTO DE CERTIFICAÇÃO QTEK Bomber O QTEK Bomber é um dispositivo de separação de camada independente, projetado para remover ou adicionar camadas de produtos sobre um palete. O Bomber também pode

Leia mais

Elementos de máquina. Curso de Tecnologia em Mecatrônica 6º fase. Diego Rafael Alba

Elementos de máquina. Curso de Tecnologia em Mecatrônica 6º fase. Diego Rafael Alba E Curso de Tecnologia em Mecatrônica 6º fase Diego Rafael Alba 1 Mancais De modo geral, os elementos de apoio consistem em acessórios para o bom funcionamento de máquinas. Desde quando o homem passou a

Leia mais

Guia de Uso e Manutenção

Guia de Uso e Manutenção Guia de Uso e Manutenção ÍNDICE PERSIANAS HORIZONTAIS Persianas horizontais em alumínio de 16mm e 25mm - Conheça seus componentes - Tipos de posicionamento dos comandos - Como manusear Persianas horizontais

Leia mais

Manual de operação TRUCK LASER EDIÇÃO 2004 MOP 0504

Manual de operação TRUCK LASER EDIÇÃO 2004 MOP 0504 Manual de operação TRUCK LASER EDIÇÃO 2004 MOP 0504 INTRODUÇÃO O aparelho TRUCK LASER, permite a aferição dos ângulos característicos de todas as rodas e/ou eixos de caminhões, ônibus e camionetes. CONSIDERAÇÕES

Leia mais

Aplicação da camada de tinta nos chassis, eixos e aros de roda

Aplicação da camada de tinta nos chassis, eixos e aros de roda Informações gerais sobre pintura Informações gerais sobre pintura IMPORTANTE! A Scania recomenda que peças feitas de material macio e flexível não devem ser pintadas. Mangueiras hidráulicas de borracha

Leia mais

VALTRA VL. Plaina frontal 60-190 cv

VALTRA VL. Plaina frontal 60-190 cv VALTRA VL Plaina frontal 60-190 cv TECNOLOGIA E EFICIÊNCIA NA MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS Menor concentração de massa (peso) na parte frontal gera menor efeito alavanca, permite melhor dirigibilidade e estabilidade

Leia mais

Instruções de Instalação em Rack

Instruções de Instalação em Rack Instruções de Instalação em Rack Releia a documentação fornecida com seu gabinete de rack, para obter informações sobre cabeamento e segurança. Ao instalar seu servidor em um gabinete de rack, considere

Leia mais

0800 709 8000 - www.brasifmaquinas.com.br. Distribuidor exclusivo: Distrito Federal. Espírito Santo. Goiás. Minas Gerais. Paraná

0800 709 8000 - www.brasifmaquinas.com.br. Distribuidor exclusivo: Distrito Federal. Espírito Santo. Goiás. Minas Gerais. Paraná 0800 709 8000 - www.brasifmaquinas.com.br Distribuidor exclusivo: Distrito Federal. Espírito Santo. Goiás. Minas Gerais. Paraná Santa Catarina. São Paulo. Rio Grande do Sul. Tocantins ÍNDICE Confiança

Leia mais

Rosqueadeiras. Manual de Instruções

Rosqueadeiras. Manual de Instruções Manual de Instruções 2 NOMAQ Roscar/Cortar/Escarear Modelos para tubos de ½ a 6 Modelo NQ-R2 NQ-R2A NQ-R4 NQ-R6 Roscas Tubos 1/2, 3/4, 1, 2 1/2, 3/4, 1, 2 1/2, 3/4, 1, 2, 2.1/2, 4 2.1/2, 4, 5, 6 Roscas

Leia mais

Yep. Nicho para Fogão 80/90-57cm. Partes do Produto. Componentes

Yep. Nicho para Fogão 80/90-57cm. Partes do Produto. Componentes Yep Partes do Produto Nicho para Fogão 80/90-57cm Tampo Vendido Separadamente - Lateral Direita/ Esquerda (x) - Fechamento Frontal (x) - Travessa Inferior (x) - Travessa Traseira (x) 5- Fechamento Lateral

Leia mais

PLANTADEIRAS DE MÚLTIPLA SEMEADURA

PLANTADEIRAS DE MÚLTIPLA SEMEADURA PLANTADEIRAS DE MÚLTIPLA SEMEADURA Plantio direto para todo tipo de cultura. A Case IH lança no mercado sua linha de plantadeiras para todos os tipos de cultura: girassol, aveia, trigo, arroz, algodão,

Leia mais

Introdução ao Projeto de Aeronaves. Aula 5 Fundamentos Básicos sobre o Funcionamento de uma Aeronave

Introdução ao Projeto de Aeronaves. Aula 5 Fundamentos Básicos sobre o Funcionamento de uma Aeronave Introdução ao Projeto de Aeronaves Aula 5 Fundamentos Básicos sobre o Funcionamento de uma Aeronave Tópicos Abordados Fundamentos Básicos Sobre o Funcionamento de uma Aeronave. Superfícies de Controle.

Leia mais

Manual de Instalação do Encoder

Manual de Instalação do Encoder Status do Documento: Código de Referência do LS-CS-M-028 Documento Versão: 1 Liberado em: 16-03-2010 Histórico de Revisão do Documento Data Versão Resumo da Alteração 16-03-2010 1 Manual Novo Informação

Leia mais

Boletim da Engenharia

Boletim da Engenharia Boletim da Engenharia 10 Verificação e Ajuste da Folga Axial dos Compressores Parafuso 11/02 Tipos de compressores: OS.53 / OS.70 / OS.74 HS.53 / HS.64 / HS.74 HSKC 64 / HSKC 74 Sumário Página 1 Introdução

Leia mais

Hidráulica móbil aplicada a máquina agrícolas 1. 1. Bombas e Motores

Hidráulica móbil aplicada a máquina agrícolas 1. 1. Bombas e Motores Hidráulica móbil aplicada a máquina agrícolas 1 BOMBAS: 1. Bombas e Motores As bombas hidráulicas são o coração do sistema, sua principal função é converter energia mecânica em hidráulica. São alimentadas

Leia mais

Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços

Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços ÍNDICE SEÇÃO PÁGINAS I Apresentação 1 II Nota Especial aos Clientes / Alertas e Cuidados 2 III Procedimentos de Segurança para Manusear Aros e Rodas 3 IV Nomes

Leia mais