Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300"

Transcrição

1 Mancais de Pillow Block de Montagem Direta DODGE USAF 200/300 Estas instruções devem ser integralmente lidas antes da instalação ou operação. ATENÇÃO: Para garantir que a unidade não comece a girar acidentalmente, desligue e bloqueie ou coloque uma plaqueta de aviso na fonte de alimentação antes de continuar. A não observância destes cuidas pode resultar em lesões. Leia todas as instruções na íntegra antes de iniciar. INSPEÇÃO Inspecione o eixo. Certifique-se de que ele esteja liso, reto, limpo e dentro das tolerâncias comerciais. Inspecione o mancal. Não permita que o mancal seja exposto a nenhuma poeira ou umidade Não remova o composto preservativo visto que ele atua tanto como protetor quanto como lubrificante e também é compatível com lubrificantes padrão. INSTALAÇÃO NOTA: As tampas e bases de alojamento não são intercambiáveis; elas devem ser combinadas com uma metade correspondente. Instale primeiro o mancal não expansível. MANCAIS MONTADOS DIRETOS 1. Meça a folga interna mancal antes da montagem. Coloque o mancal em uma posição reta como mostra na Figura 1. Figura 1 Encaixe o anel interno e os elementos de rolamento pressionan para baixo no orifício anel interno e giran o anel interno algumas vezes. Posicione os conjuntos de rolamentos para que eles fiquem nas posições mais elevadas em cada la. Para tamanhos de orifício acima de 6-1/2 pol., pressione esses rolamentos superiores para dentro, garantin o contato com o flange guia central. Usan um medir de folga, meça a folga de cada la inserin o medir de folga o máximo possível e deslizan sobre o topo rolamento. Anote a folga medida e compare com as especificações (Tabela 1). ATENÇÃO: Em virtude possível perigo de acidentes, envolven pessoas ou patrimônio, que podem resultar mau uso s produtos, é importante seguir os procedimentos corretos. Os produtos devem ser usas de acor com as informações técnicas especificadas no catálogo. Deve-se observar os procedimentos corretos de instalação, operação e manutenção. Deve-se seguir as instruções contidas nos manuais. Quan necessário, deve-se fazer inspeções para garantir uma operação segura sob determinadas condições. Quan as normas de segurança sugerirem, ou exigirem, deve-se providenciar proteções ou outros dispositivos de segurança adequas; sen que tais providências não são fornecidas pela Balr Electric Company e nem são de sua responsabilidade. Esta unidade e seus respectivos equipamentos devem ser instalas, ajustas e mantis por pessoal qualifica e familiariza com a construção e operação de tos os equipamentos sistema e cientes s possíveis riscos envolvis. Quan houver riscos às pessoas ou ao patrimônio, deve haver um dispositivo de segurança, como parte integrante equipamento aciona, além eixo de saída redutor de velocidade. 1 NOTA: Não gire o mancal ao mover a folga entre o rolamento e o anel externo. Tabela 1 - Folga interna radial nos mancais de rolamento com alinhamento automático (Valores em 0,0001 polegadas) Diâmetro orifício (mm) Com orifício cilíndrico Mais de Incl. Baixo Alto Instale as peças mancal na sequência indicada abaixo: (consulte os desenhos e a tabela das peças de reposição.) NOTA: As vedações TRIPLE-TECT são padrão para orifícios de 220 mm (10 pol.). Para assistência na instalação das vedações, use o manual de instruções MN3020 (que substitui o ). a. Vedação de anel em V Deslize uma das vedações no anel em V no eixo, certifican-se de que o lábio esteja direciona para o mancal. NOTA: Não instale a vedação de anel em V até a tampa alojamento ter si inserida e apertada. b. Anel de vedação Instale um anel de vedação no eixo com o maior diâmetro externo em direção ao mancal. c. Mancal Certifique-se de que a folga interna tenha si anotada. Instale o mancal. Os mancais com orifício cilíndrico de até 70 mm (2-3/4 pol.) podem ser montas no eixo. Aplique revestimento de óleo leve no eixo e no orifício mancal; em seguida, pressione o mancal usan o dispositivo mecânico ou hidráulico ou use a porca de montagem no eixo. Mancais com orifícios cilíndricos acima de 70 mm (2-3/4 pol.) são aquecis para montagem no eixo. Os mancais, aquecis em óleo entre 93 C C, quan ainda estiverem aquecis, devem ter o orifício seco e limpo com um pano limpo. O mancal deve ser empurra rapidamente no eixo e posiciona na luva. Um leve movimento de curva durante o encaixe facilita a montagem. É aconselhável usar luvas. Em geral, luvas grandes são manipuladas por mecanismo de içamento ou guindaste. Para mancais montas diretamente no orifício cilíndrico, não é necessário verificar a folga interna após a montagem. No entanto, é importante verificar os diâmetros eixo (Tabelas 2, 4 e 5) e medir a folga interna desmontada para garantir conformidade com as especificações (Tabela 1).

2 d. Arruela de trava e contraporca Instale a arruela de trava com o pino interno localiza no slot eixo, em um ângulo em direção contrária ao macal. Instale a contraporca, com a face chanfrada direcionada para o mancal. Aperte a contraporca usan uma chave inglesa. Localize uma lingueta da arruela de trava que esteja alinhada com o slot da contraporca e bre a lingueta para dentro slot. Se o slot tiver passa da lingueta e estiver aperta, não solto, a contraporca deve encostar em uma lingueta de arruela. As etapas e. e f. não são necessárias se o alojamento pillow block for fundi. e. Anel de vedação Instale um segun anel de vedação com uma contraporca grande direcionada ao diâmetro externo. f. Vedação de anel em V Deslize a vedação segun anel em V em direção ao eixo, certifican-se de que o lábio esteja direciona para o mancal. NOTA: Não instale a vedação de anel em V até a tampa alojamento ter si inserida e apertada. 3. Remova tinta, poeira e farpas das superfícies correspondentes das metades alojamento. Limpe bem as ranhuras da vedação em cada um s las. Posicione a metade inferior alojamento na base e aplique óleo nos encaixes mancal. S-3 S-1 Figura 2 S-2 Tabela 2 -- Os diâmetros de encaixe de mancal eixo para Pillow Blocks montas em orifícios cilíndricos. Diâmetro orifício mancal Carga normal (M6) Carga elevada MM Polegadas Diâmetro eixo (S-1) MÉDIO Diâmetro eixo (S-1) MÉDIO Nom. Máx. Mín. Máx. Mín. AJUSTE Máx. Mín. AJUSTE ,5748 1,7717 1,9685 2,1654 2,3622 2,5591 2,7559 2,9528 3,1496 3,3464 3,5433 3,9370 4,1338 4,3307 4,7244 4,9212 5,1181 5,5118 5,9055 6,2992 6,6929 7,0866 7,4803 7,8740 8,6614 1,5743 1,7712 1,9680 2,1648 2,3616 2,5585 2,7553 2,9522 3,1490 3,3457 3,5426 3,9362 4,1331 4,3299 4,7236 4,9203 5,1171 5,5108 5,9045 6,2982 6,6919 7,0856 7,4791 7,8728 8,6602 1,5758 1,7727 1,9695 2,1666 2,3634 2,5603 2,7571 2,9540 3,1508 3,3479 3,5447 3,9384 4,1353 4,3321 4,7258 4,9229 5,1197 5,5134 5,9071 6,3008 6,6945 7,0882 7,4821 7,8758 8,6632 1,5752 1,7721 1,9689 2,1658 2,3626 2,5595 2,7563 2,9532 3,1500 3,3470 3,5838 3,9375 4,1344 4,3312 4,7249 4,9219 5,1187 5,5124 5,9061 6,2998 6,6935 7,0872 7,4810 7,8746 8,6620 Esses ajustes aplicam-se aos mancais de rolamento com rotação de anel interno sob cargas axiais e radiais. Diâmetro orifício mancal Carga normal Carga alta Até 220 mm P/C = 0,10 a 0,15 P/C > 0, Lubrifique os mancais e os anéis de vedação. O lubrificante deve ser espalha entre elementos rolantes. Esta etapa e a primeira frase da Etapa 8 não se aplicam aos mancais lubrificas a óleo. 5. Coloque o eixo com mancal na metade inferior alojamento enquanto guia cuidasamente os anéis de vedação pelas ranhuras alojamento. 6. Aparafuse a metade inferior mancal não expansível na base. Mova o eixo para a ponta para que o anel espaçar possa ser inseri. Centralize tos os mancais no mesmo eixo nos encaixes seu alojamento. NOTA: Apenas um mancal por eixo é não expansível, os outros mancais devem ser expansíveis. 7. Quan forem necessárias pontas fechadas e o bloco não for fundi, o bujão final forneci deve ser encaixa na ranhura anel de vedação central alojamento. O eixo não deve ultrapassar a ponta adaptar para assegurar que não ocorra atrito com o bujão final. 8. Lubrifique as ranhuras da vedação mancal na tampa alojamento e coloque sobre o mancal depois de limpar as superfícies de contato. Os is pinos-guias vão alinhar a tampa com a metade inferior alojamento. NOTA: Cada tampa deve combinar com sua metade inferior correspondente visto que essas partes não são intercambiáveis. A tampa e a base possuem números de série impressos nas junções. Os números de série devem ser alinhas. 9. Aperte os parafusos sextavas no valor de torque recomenda na Tabela Certifique-se que de haja uma folga no anel de vedação. 0,0009T 0,0011T 0,0014T 0,0016T 0,0019T 1,5761 1,7730 1,9698 2,1669 2,3637 2,5606 2,7574 2,9543 3,1511 3,3483 3,5452 3,9388 4,1357 4,3325 4,7262 4,9233 5,1201 5,5138 5,9075 6,3012 6,6949 7,0886 7,4827 7,8772 8,6646 1,5655 1,7724 1,9693 2,1662 2,3630 2,5599 2,7567 2,9536 3,1504 3,3474 3,5443 3,9379 4,1348 4,3316 4,7253 4,9224 5,1192 5,5129 5,9066 6,3003 6,6940 7,0877 7,4815 7,8760 8,6634 0,0012T 0,0014T 0,0015T 0,0019T 0,0022T 0,0026T 0,0032T Onde: P = Carga radial equivalente no mancal (lbs.) C = Classificação de carga dinâmica básica mancal (lbs.)

3 Tabela 3 - Valores recomendas para torque parafuso sextava de montagem (N-m) 3/6-16 7/ /2-13 5/8-11 3/4-10 7/ / /2-6 Séries de alojamento Classe Aço inoxidável L (316) Tabela 4 - Diâmetros de eixo S-2 e S-3 (polegadas) Orifício mancal S-2 S-3 Diâmetro em mm (pol.) 40 (1,5748) 49,21 36,51 45 (1,7717) 53,98 42,86 50 (1,9685) 60,33 47,63 55 (2,1654) 65,09 52,39 60 (2,3622) 73,03 57,15 65 (2,5591) 77,79 61,91 70 (2,7559) 82,55 66,68 75 (2,9528) 87,31 71,44 80 (3,1496) 92,08 76,20 85 (3,3465) 100,01 80,96 90 (3,5493) 104,78 85, (3,9370) 114,30 96, (4,3370) 123,83 85, (4,7244) 134,94 115, (5,1181) 149,23 125, (5,5118) 158,75 134, (5,9055) 168,28 146, (6,2992) 177,80 153, (6,6929) 188,91 163, (7,0866) 198,44 174, (7,4803) 212,73 184, (7,8740) 222,25 193, (8,6614) 242,89 211,14 Tabela 5 - Tolerância Diâmetro eixo (S-2 e S-3) Mais de Incluin Tolerância 40 mm (1-1/2 pol.) 100 mm (4 pol.) Mais 150 mm (6 pol.) 100 mm (4 pol.) 150 mm (6 pol.) +0,000 a -0,004 +0,000 a -0,005 +0,000 a -0,006 MANUTENÇÃO ATENÇÃO: Para garantir que a unidade não comece a girar acidentalmente, desligue e bloqueie ou coloque uma plaqueta de aviso na fonte de alimentação antes de continuar. A não observância destes cuidas pode resultar em lesões. Remova a tampa alojamento para inspecionar o mancal e o lubrificante. Antes da remontagem, é importante que as vedações de anel em V sejam removidas se as ferramentas de instalação da vedação TRIPLE TECT não estiverem disponíveis. Se disponível, não remova as vedações e siga a instalação da tampa descrita no manual de instruções de vedações. LUBRIFICAÇÃO COM GRAXA ATENÇÃO: A relubrificação exige que as peças giratórias estejam expostas. Tenha muito cuida durante essas operações. A não observância destes cuidas pode resultar em lesões. Os mancais USAF são especialmente projetas para ambientes com poeira ou úmis. Para proteger devidamente os mancais durante a instalação, encha totalmente o casquilho mancal, repleto de graxa, imediatamente depois de ter monta devidamente o mancal no eixo. Se a rotação por minuto (RPM) da aplicação estiver entre 20% e 80%da RPM máximo (Tabela 8), encha a metade inferior alojamento de um terço até a metade. Se a RPM da aplicação for inferior a 20% da RPM máxima, encha totalmente a cavidade alojamento. Se a RPM exceder 80% da RPM máximo, não acrescente graxa na parte inferior alojamento ou na tampa. A cada ciclo de relubrificação, para aplicações de até 80% da RPM máxima, adicione lentamente o lubrificante até que seja possível ver o lubrificante novo sain das vedações. A relubrificação deve ser feita durante a operação. As linhas remotas de relubrificação devem ser adicionadas para evitar colocar o pessoal em risco. Se a RPM for superior a 80% da RPM máxima, acrescente 4 disparadas de uma pistola em cada ciclo de relubrificação para orifíciosde até 55 mm. Para orifícios de 55 mm até 140 mm, adicione 8 disparadas de uma pistola em cada ciclo de relubrificação. Para orifícios de 140 mm até 220 mm, adicione 16 disparadas de uma pistola em cada ciclo de relubrificação. Para unidades acima de 80% da RPM máxima, a temperatura operacional deve ser monitorada. Se uma mudança drástica na temperatura de operação for observada, é recomendável remover completamente a graxa usada e repassar uma graxa nova conforme as instruções acima. Selecione uma graxa com viscosidade na temperatura operacional que forneça uma lubrificação total em película (Tabela 6). A temperatura operacional, dependen da RPM e da carga, estarão de 10 C a 38 C acima da temperatura ambiente. Use a Tabela 7 como um guia geral para relubrificar os mancais. Uma pequena quantidade de lubrificante em intervalos frequentes é preferível em relação a uma grande quantidade de lubrificante em intervalos frequentes. Para aplicações especiais envolven velocidades elevadas, altas temperaturas, consulte a DODGE Engineering, Greenville, SC. 3

4 DN Tabela 6 - Viscosidade óleo na graxa Viscosidade de cargas de até 18% da capacidade dinâmica (SUS a temp operacional)* DN Viscosidade de cargas de até 18% da capacidade dinâmica (SUS a temp operacional)* DN = Diâmetro orifício (mm) x RPM * Para cargas acima de 18% da capacidade dinâmica, uma graxa EP com a viscosidade de óleo acima é recomendável., mm Tabela 7 - Intervalos de relubrificação (meses)* (Basea em 12 horas por dia, 66 C máx.) RPM ,5 0,5 0,25 0, ,5 0,25 0, ,5 0,5 0, ,5 0,5 0, ,5 0, ,5 0, ,5 0, ,5 0,25 * Para operação contínua, 24 horas/dia, diminua o intervalo de lubrificação em 50%. Para outras velocidades, consulte a DODGE Engineering, Greenville, SC. ARMAZENAMENTO DE LONGO PRAZO DE MANCAIS PRÉ-MONTADOS Quan os mancais pré-montas precisam permanecer montas por longos períos, os mancais devem estar totalmente cheios com lubrificante e desligas. Antes da instalação da estrutura, se a RPM da aplicação for superior a 20% da velocidade máxima catálogo, o excesso de lubrificante deve ser removi até atingir os níveis especificas anteriormente. A remoção de lubrificante excedente deve ser feita em um ambiente limpo e protegi. Tabela 8 - RPM máximo (montagem direta) Série 300 Série 200 eixo, mm Lubrificante Óleo Lubrificante Óleo LUBRIFICAÇÃO DE ÓLEO Os mancais USAF foram especificamente projetas para lubrificação por graxa ou óleo. Normalmente, a lubrificação por óleo é exigida em altas velocidades, cargas elevadas ou sempre que uma fonte externa está fluin no mancal. Lubrificação de óleo podem ser estática ou circulante. Com óleo estático, encha a cavidade com óleo até a linha central rolamento inferior. A dimensão é identificada como W (Tabelas 11 e 12). Monte um medir de respiro de óleo em um s orifícios de dreno perfura e cônico na lateral pillow block para indicação visual desse nível. O nível óleo pode cair ou subir durante a operação, dependen da rotação mancal. O óleo só deve ser adiciona quan o mancal não estiver operan. O nível óleo estático e o nível óleo em execução deve ser marca no medir de respiro de óleo e devidamente identifica. Para óleo circulante, a taxa de vazão e o tamanho s drenos de retorno são mostras na Tabela 11 e 12. 4

5 JJ2 G JJ1 GG1 J GG2 LC OF HSG LC OF HSG Figura 3 I H G F II HH GG1 B A E D C B A CC GG2 BB TYPO AA TYPO Item Descrição A B C D E F G H I J lubrificante de vedação opcional A localização opcional para ventilação, captação de vibração e/ou localização de lubrificantes para Mancal Ranhura Não W33 Posição para localização termopar Posição para lubrificação mancal com W33 Groove Porta de lubrificação para Padrão Perfura no Mancal Ranhura para W33 Groove nos Pillow Blocks pré-perfurada e cônica para ventilação ou lubrificação lateral para mancal sem W33 Groove pino-guia para blocos de apoio métricos de perfuração para montagem com is parafusos ou localização de pino-guia opcional opcional para localização pino-guia de perfuração para montagem com quatro parafusos ou localização de pino-guia opcional La esquer Calibre de respiro (a ser forneci pelo usuário) Y X W = nível de óleo estático Orifício de dreno (um em cada la) E C Orifício de sensor de vibração (normalmente 8-32 ou 1/4-28) Figura 4 ÓLEO ESTÁTICO Orifício termopar A B ÓLEO DE CIRCULAÇÃO (conectar ambos os drenos) 5

6 Série HSG Tabela 9 - Pino-guia Pillow Block Série USAF 200, posições de orifício de montagem e lubrificação H J Série BRG AA BB CC GG1 GG2 Diâm. máx. G 6 HH orifício II JJ1 JJ2 parafuso orifício /8 1-7/32 23/64 7-1/2 1-1/4 5/16 9-1/16 11/16 5/8 10-1/4 8-21/32 1-7/8 9/16 1/ /32 1-3/8 5/ /32 1-3/8 5/ /4 13/16 3/ / /16 2-1/16 11/16 5/ / /32 13/ /32 1-3/8 5/ /4 13/16 3/ / /16 2-1/16 11/16 5/ /8 1-1/2 7/16 9-7/ /64 5/ /32 13/16 3/4 12-5/8 11-1/32 2-9/32 11/16 5/ / /32 17/ /4 1-39/64 5/ /32 15/16 7/ / / /32 13/16 3/ / /16 19/ / /32 15/ /32 15/16 7/8 15-1/ / /32 13/16 3/ /8 1-29/32 11/ / /32 15/ /8 15/16 7/8 15-7/ /32 13/16 3/ /4 2-3/32 3/ /32 2-3/64 15/ /32 11/ /8 14-9/16 3-5/32 15/16 7/ / /32 3/ /32 2-5/32 15/ /32 15/16 1-1/ / /4 3-5/8 1-1/ / /32 13/ /4 2-3/8 15/ /32 15/16 1-1/4 19-1/ / /16 1-1/ /32 2-9/16 29/ / /64 15/ /2 15/16 1-1/4 20-9/ / /16 1-1/ / /2 19/16 1-1/4 23-3/ / /4 19/16 1-1/2 25-1/ /2 3-1/8 1-1/ /16 1-1/2 26-5/ /64 3-5/8 1-3/ /6 11-3/16 1-3/4 30-3/ Tabela 10 - Pino-guia Pillow Block Série USAF 300, posições de orifício de montagem e lubrificação H J Série HSG AA BB CC GG1 GG2 Diâm. máx. G HH parafuso orifício II JJ1 JJ /32 5-7/64 1-7/64 5-5/16 29/32 1-5/64 6-5/ /32 7/16 3/ /32 1 9/ /16 1-1/16 5/16 7-7/8 1-9/16 9/16 1/ / / /64 1-1/16 5/16 7-7/8 1-9/16 9/16 1/ /32 1-9/16 11/32 7-1/2 1-1/4 5/16 91/16 11/16 5/8 10-1/4 8-21/32 1-7/8 9/16 1/ /8 1-7/32 23/64 7-1/2 1-1/4 5/16 91/16 11/16 5/8 10-1/4 8-21/32 1-7/8 9/16 1/ /32 1-3/8 5/ /32 1-3/8 5/16 10¼ 13/16 3/ / /16 2-1/16 11/16 5/ / /32 13/ /32 1-3/8 5/16 10¼ 13/16 3/ / /16 2-1/16 11/16 5/ /8 1-1/2 7/16 9-7/ /64 5/ /32 13/16 3/4 12-5/8 11-1/32 2-9/32 11/16 5/ /32 1-5/8 17/32 9-7/ /64 5/ /32 13/16 3/ /32 2-9/32 11/16 5/ / /32 17/ /4 1-39/64 5/ /32 15/16 7/ / / /32 13/16 3/ /8 1-29/32 1-1/ / /32 15/ /8 15/16 7/8 15-7/ /32 13/16 3/ /4 2-3/32 3/ /32 2-3/64 15/ /32 1-1/ /8 14-9/16 3-5/32 15/16 7/ / /32 13/ /4 2-3/8 15/ /32 1-5/16 1-1/4 19-1/ / /16 1-1/ /32 2-9/16 29/ / /64 15/ /2 1-5/16 1-1/4 20-9/ / /16 1-1/ / /2 1-9/16 1-1/2 23-3/ / /4 1-9/16 1-1/2 25-1/ /2 3-1/8 1-1/ /16 1-1/2 26-5/ /64 3-7/32 1-1/8 23-3/4 1-9/16 1-1/2 27-1/ /64 3-5/8 1-3/ /6 1-13/16 1-3/4 30-3/4 parafuso orifício parafuso

7 Tabela 11 - Taxas de vazão de óleo de circulação série USAF 200, tamanhos de orifício de drenagem, localização termopar e localização sensor de vibração HSG Série Rolamento Ajuste MM Vazão de óleo circulante* Quantidade suficiente de lubrificação normal Quantidade máxima para dissipação de calor devi à origem externa calor Nível de óleo estático Recipiente seco de orifício de dreno Orifício termopar Espessura da parede Orifício de sensor de vibração Espessura da parede Litres/Mín. Litres/Mín. W** X Y A B C D ,02 0,66 1-5/ /32 7/8 1/ /64 5/8 2-1/4 1-3/ ,02 0,74 1-1/4 1-31/32 61/64 1/4 18 5/16 1/2 2-9/ / ,03 0,76 1-3/8 2-1/8 1-1/16 3/ /32 43/64 2-1/2 1-7/ ,03 0, /32 2-1/4 1-1/8 3/8 18 7/16 39/ / / ,04 1, /64 2-5/8 1-1/4 3/ /32 45/64 3-5/ / ,06 1, /64 2-7/8 1-11/32 3/ /32 17/ / / ,07 1, /32 3-3/16 1-3/8 1/ /16 49/64 3-3/8 1-55/ ,07 2, /32 3-5/16 1-5/8 1/2 14 3/ /32 2-5/ ,09 2,27 2-1/32 3-5/8 1-15/32 1/2 14 3/4 57/64 4-1/32 2-5/ ,09 2,84 2-1/ / /64 1/ /16 7/8 4-11/32 2-1/ ,11 3,03 2-3/32 4-1/ /64 1/ /32 59/ /64 2-7/ ,13 3,22 2-3/16 4-5/ /64 1/ / / / ,14 3, /64 4-7/32 1-5/8 1/ /64 5-1/4 2-3/ ,15 3, /32 4-3/4 1-39/64 1/ /8 1-1/4 5-1/4 3-3/ ,19 5,30 3-1/4 5-7/16 2-1/32 1/ /16 1-1/4 6-5/8 3-23/64 Tabela 12 - Taxas de vazão de óleo de circulação série USAF 300, tamanhos de orifício de drenagem, localização termopar e localização sensor de vibração Vazão de óleo circulante* Recipiente seco de orifício de dreno Orifício termopar Orifício de sensor de vibração HSG Série Rolamento Ajuste MM Quantidade suficiente de lubrificação normal Quantidade máxima para dissipação de calor devi à origem externa calor Nível de óleo estático Espessura da parede Espessura da parede Litres/Mín. Litres/Mín. W** X Y A B C D ,01 0,34 13/16 1-1/4 13/16 1/ /64 19/ /64 31/ ,02 0,38 19/32 15/16 53/64 1/8 27 9/32 17/ /64 1-1/ ,02 0,45 1-3/8 1-17/32 63/64 1/ /32 35/64 2-3/32 1-1/ ,02 0,57 1-7/ /32 25/32 1/ /32 37/64 2-1/64 1-1/ ,02 0,66 15/ /32 7/8 1/ /64 5/8 2-1/4 1-3/ ,02 0, / /32 61/64 1/4 18 5/16 1/2 2-9/ / ,03 0, /32 2-1/8 1-1/16 3/ /32 43/64 2-1/2 1-7/ ,03 0, /32 2-1/4 1-1/8 3/8 18 7/16 39/ / / ,04 0, /16 2-3/8 1-11/64 3/ /32 21/ / / ,04 1,32 1-3/4 2-5/8 1-1/4 3/ /32 45/64 3-5/ / ,07 1,82 2-1/32 3-3/16 1-3/8 1/ /16 49/64 3-3/8 1-55/ ,07 2, /32 3-5/16 1-5/8 1/2 14 3/ /32 2-5/ ,09 2,84 2-3/8 4-19/ /64 1/ /16 7/8 4-11/32 2-1/ ,11 3,03 2-7/16 4-1/ /64 1/ /32 59/ /64 2-7/ ,13 3,22 2-9/16 4-5/ /64 1/ / / / ,14 3,31 2-5/8 4-7/32 1-5/8 1/ /64 5-1/4 2-3/ ,15 3, /16 4-3/4 1-39/64 1/ /8 1-1/4 5-1/2 2-3/ ,16 3,79 2-3/4 4-29/ /32 1/ /8 1-1/8 5-13/ / ,19 5,30 3-3/8 5-7/16 2-1/32 1/ /16 1-1/2 6-5/8 3-23/64 NOTAS para as Tabelas 11 e 12: * Basea na temperatura de óleo de 54 C-65 C e nível de óleo na linha central rolamento mais baixo. Para valores máximos de vazão de óleo, os is drenos devem ser utilizas. Monte o bloco com orifícios de dreno la direito da linha central bloco quan a rotação for em senti anti-horário, a menos que a ponta tenha si fundida para fechar. Remonte com orifícios de dreno la direito da linha central bloco quan a rotação é o senti anti-horário. ** Nível de óleo estático é medi a partir da parte inferior da base bloco para o menisco no medir de respiro de óleo. (Mo não giratório) *** Para recipiente úmi, consulte a DODGE Application Engineering, Greenville, SC. 7

8 Sede mundial Caixa Postal 2400, Fort Smith, AR EUA, Tel.: (1) , Fax (1) , Fax Internacional (1) Balr Electric Company IMN3013BR (Substitui e ) Suporte a Produto Dodge 6040 Ponders Court, Greenville, SC EUA, Tel.: (1) , Fax: (1) Tos os direitos reservas. Impresso nos EUA. 6/11

Unidade Hidráulica de Pré-Crimpagem com Múltiplas Cabeças (MHSU) Instruções de Instalação e Operação

Unidade Hidráulica de Pré-Crimpagem com Múltiplas Cabeças (MHSU) Instruções de Instalação e Operação www.swagelok.com Unidade Hidráulica de Pré-Crimpagem com Múltiplas Cabeças (MHSU) Instruções de Instalação e Operação MHSU para tubos de até 1"/25 mm com base MHSU para tubos maiores do que 1"/25 mm com

Leia mais

Extensômetro de Alto Alongamento AHX800 Manual Title

Extensômetro de Alto Alongamento AHX800 Manual Title Extensômetro de Alto Alongamento AHX800 Manual Title Additional Manual do Information Produto be certain. 100-238-343 A Informações sobre Direitos Autorais Informações sobre Marca Registrada Informação

Leia mais

Seção 12 Conjunto do motor

Seção 12 Conjunto do motor Seção 12 Conjunto do motor Página CONJUNTO DO MOTOR... 164 Instalação do virabrequim... 164 Instale o pistão e a biela... 164 Instalação do eixo de cames... 164 Instalação da bomba de óleo... 165 Instalação

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação que acompanha o gabinete do rack para as informações sobre segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

Qu e f a z j u s a o s e u n o m e

Qu e f a z j u s a o s e u n o m e Ma n c a i s Co m p l e t o s ISN Do d g e Ma n c a i s Completos ISN DODGE Conjuntos Montados com Rolamentos Autocompensadores de Rolos Qu e f a z j u s a o s e u n o m e Há mais de 125 anos, a marca

Leia mais

Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS

Vedação => TC. Vedação => TA. Vedação => TG. Vedação => TS Montagem das caixas SNHL Vedação => TC Vedação => TA Vedação => TG Vedação => TS Burger S/A Industria e Comércio Técnica/di 15/05/2009 66 Vedação TC Vedadores de Feltro TC Os vedadores são constituídos

Leia mais

7. CABEÇOTE/VÁLVULAS INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-1 NX-4 FALCON

7. CABEÇOTE/VÁLVULAS INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-1 NX-4 FALCON NX-4 FALCON 7. CABEÇOTE/VÁLVULAS INFORMAÇÕES DE SERVIÇO 7-1 DIAGNOSE DE DEFEITOS 7-3 COMPRESSÃO DO CILINDRO 7-4 REMOÇÃO DA TAMPA DO CABEÇOTE 7-5 DESMONTAGEM DA TAMPA DO 7-6 CABEÇOTE REMOÇÃO DA ÁRVORE DE

Leia mais

Caixas SNH. www.fcm.ind.br VE-001-SNH. Copyright FCM 2001

Caixas SNH. www.fcm.ind.br VE-001-SNH. Copyright FCM 2001 Catálogo Eletrônico VE-001-SNH www.fcm.ind.br Caixas SNH Copyright FCM 2001 O conteúdo deste catálogo é de propriedade da empresa FCM - Fábrica de Mancais Curitiba Ltda., sendo proibida a reprodução parcial

Leia mais

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Página CILINDROS... 150 Inspeção e medição... 150 Retificação de cilindros... 150 Acabamento... 151 Limpeza... 151 MANCAIS DE MOTOR... 152 Mancal

Leia mais

www.reinhausen.com Eixo de transmissão Instruções de serviço BA 042/07

www.reinhausen.com Eixo de transmissão Instruções de serviço BA 042/07 www.reinhausen.com Eixo de transmissão Instruções de serviço BA 042/07 NOTA! O produto pode ter sido modificado depois de este documento ter sido enviado para impressão. Reservamo-nos expressamente o direito

Leia mais

MANUTENÇÃO EM MANCAIS E ROLAMENTOS Atrito É o contato existente entre duas superfícies sólidas que executam movimentos relativos. O atrito provoca calor e desgaste entre as partes móveis. O atrito depende

Leia mais

DODGE USA Montado em Adaptador DODGE Pillow Blocks Série 500/600

DODGE USA Montado em Adaptador DODGE Pillow Blocks Série 500/600 DODGE USA Montado em Adaptador DODGE Pillow Blocks Série 500/600 Estas instruções devem ser lidas integralmente antes da instalação ou operação. ATENÇÃO: Para garantir que a unidade não comece a girar

Leia mais

Instruções complementares. Centragem. para VEGAFLEX Série 80. Document ID: 44967

Instruções complementares. Centragem. para VEGAFLEX Série 80. Document ID: 44967 Instruções complementares Centragem para VEGAFLEX Série 80 Document ID: 44967 Índice Índice 1 Descrição do produto 1.1 Vista geral... 3 1.2 Centragens... 3 2 Montagem 2.1 Informações gerais... 10 2.2 Estrelas

Leia mais

McCannalok VÁLVULA BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. The High Performance Company

McCannalok VÁLVULA BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. The High Performance Company McCannalok VÁLVULA BORBOLETA DE ALTO DESEMPENHO MANUAL DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO The High Performance Company Índice do Conteúdo Informações de Segurança - Definição de Termos... 1 Introdução... 1 Instalação...

Leia mais

MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO

MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO MANUAL DE INSTRUÇÃO MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO MODELO: SS-26-1W - 1 - MÁQUINA PARA COSTURAR BOCA DE SACO Leia atentamente as instruções antes de iniciar o uso: a) Verificar se a voltagem está correta

Leia mais

Sumário Serra Fita FAM

Sumário Serra Fita FAM Sumário Serra Fita FAM 1 Componentes... 1 Painel de controle... 1 Sensores de segurança... 2 Especificações... 2 Instalação... 3 Condições Gerais do Local... 3 Rede Elétrica... 3 Instalação da Tomada...

Leia mais

Utilizem sempre peças originais, para que possam ter garantida a performance e vida útil do seu equipamento. ALGODEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA

Utilizem sempre peças originais, para que possam ter garantida a performance e vida útil do seu equipamento. ALGODEN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA ALGODEN INSTRUÇÕES GERAIS Antes de colocar em operação o equipamento, este deve funcionar em vazio durante algum tempo. Neste período deve se dar atenção nos diferentes pontos de lubrificação. Durante

Leia mais

Fábrica de Mancais Curitiba Ltda

Fábrica de Mancais Curitiba Ltda Caixas SNH e SN30 Fábrica de Mancais Curitiba Ltda SNH As caixas de rolamentos com base SNH foram projetadas para possibilitar maior flexibilidade na escolha do rolamento, vedação e lubrificação. Foram

Leia mais

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 Conheça o funcionamento, diagnóstico e reparo do ajustador de freio automático, um componente primordial para segurança, aplicado em veículos pesados. Que a

Leia mais

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Página 1 de 9 Informativo nº 9 VENTILADOR DE MESA 30cm VENTNK1200 ASSUNTO: Lançamento. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS Alimentação: Cor: Potência do aparelho: Consumo de energia: Característica diferencial: Período

Leia mais

Galoneira Industrial série ZJ-W562

Galoneira Industrial série ZJ-W562 Galoneira Industrial série ZJ-W562 Instruções de Segurança IMPORTANTE Antes de utilizar sua máquina, leia atentamente todas as instruções desse manual. Ao utilizar a máquina, todos os procedimentos de

Leia mais

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS

Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Seção 9 PISTÕES - ANÉIS - BIELAS Índice da seção Página Bielas Montagem da biela no pistão... 4 Verificação Instalação... 7 Remoção Torque... 8 Pistões Montagem do pistão na biela... 4 Verificação do desgaste

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA LAVA RÁPIDO

MANUAL DE OPERAÇÃO MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA LAVA RÁPIDO MANUAL DE OPERAÇÃO MÁQUINA DE LAVAR LOUÇA LAVA RÁPIDO 1 1. AVISOS Leia este manual cuidadosamente antes de instalar e operar o equipamento. A operação da máquina deve estar de acordo com as instruções

Leia mais

Manual de montagem e operação para EAS -dutytorque Tipo 404_. 400 Tamanho 2 9

Manual de montagem e operação para EAS -dutytorque Tipo 404_. 400 Tamanho 2 9 Ler atentamente e respeitar o manual de operação. A inobservância pode causar avarias de funcionamento ou a falha do limitador de torque, bem como os danos associados. Índice Página 1: - Índice - Símbolos

Leia mais

CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA

CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA *Imagens meramente ilustrativas CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA Manual de Instruções www.v8brasil.com.br 1. DADOS TÉCNICOS CHAVE DE IMPACTO PARAFUSADEIRA PNEUMÁTICA Modelo V8 Chave de impacto

Leia mais

Actuador de Diafragma 657 de Tamanhos 30-70 e 87 da Fisher

Actuador de Diafragma 657 de Tamanhos 30-70 e 87 da Fisher Manual de Instruções Actuador 657 (30-70 e 87) Actuador de Diafragma 657 de Tamanhos 30-70 e 87 da Fisher Conteúdo Introdução................................... 1 Âmbito do Manual...........................

Leia mais

Martelete Rotativo. Makita do Brasil Ferramentas Elétricas Ltda. MANUAL DE INSTRUÇÕES HR2445- HR2455

Martelete Rotativo. Makita do Brasil Ferramentas Elétricas Ltda. MANUAL DE INSTRUÇÕES HR2445- HR2455 Martelete Rotativo HR445- HR455 MANUAL DE INSTRUÇÕES Makita do Brasil Ferramentas Elétricas Ltda. Fábrica Rua Makita Brasil, 00 Bairro Alvarengas - S. B. do Campo - SP - CEP: 0985-080 PABX: (0xx) 439-4

Leia mais

Inspiron 14. Manual de serviço. 5000 Series. Modelo do computador: Inspiron 5448 Modelo normativo: P49G Tipo normativo: P49G001

Inspiron 14. Manual de serviço. 5000 Series. Modelo do computador: Inspiron 5448 Modelo normativo: P49G Tipo normativo: P49G001 Inspiron 14 5000 Series Manual de serviço Modelo do computador: Inspiron 5448 Modelo normativo: P49G Tipo normativo: P49G001 Notas, avisos e advertências NOTA: uma NOTA indica informações importantes que

Leia mais

SEÇÃO 7C Alternadores

SEÇÃO 7C Alternadores SEÇÃO 7C Alternadores Índice da Seção Página ALTERNADORES Tabela nº... Identificação, Descrição dos Sistemas... Teste de Saída de Tensão - Somente CA... 0 Teste de Saída de Tensão - Somente CC... 9 / A...

Leia mais

2. ORIENTAÇÕES DE SEGURANÇA

2. ORIENTAÇÕES DE SEGURANÇA MANUAL DE INSTRUÇÕES COMPRESSOR DE AR ÍNDICE 1. PREPARAÇÃO 2. ORIENTAÇÕES DE SEGURANÇA 3. PRECAUÇÕES 4. DESCRIÇÃO BREVE 5. VISÃO GERAL E COMPONENTES PRINCIPAIS 6. PRINCIPAIS PARÂMETROS TÉCNICOS 7. VISÃO

Leia mais

Manual de Montagem, Operação e Manutenção. Aparelho de Levantamento. Série B200

Manual de Montagem, Operação e Manutenção. Aparelho de Levantamento. Série B200 Manual de Montagem, Operação e Manutenção Aparelho de Levantamento Série B200 Português Índice Página 1 Aplicação e características gerais 1 Aplicação e características gerais 3 1.1 Aplicação 3 1.2 Características

Leia mais

CORTADOR DE FRIOS C-300. Manual do Usuário Instruções de uso, manutenção e limpeza do equipamento. www.elgin.com.br Suporte 0800 77 00 300

CORTADOR DE FRIOS C-300. Manual do Usuário Instruções de uso, manutenção e limpeza do equipamento. www.elgin.com.br Suporte 0800 77 00 300 CORTADOR DE FRIOS C-300 Manual do Usuário Instruções de uso, manutenção e limpeza do equipamento. www.elgin.com.br Suporte 0800 77 00 300 ÍNDICE APRESENTAÇÃO... 2 Descrição Geral... 2 Principais Características...

Leia mais

AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções

AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções AFIADOR ELÉTRICO 511 A Manual de Instruções ESTE MANUAL CONTÉM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE MONTAGEM, OPERAÇÃO, MANUTENÇÃO E SEGURANÇA REFERENTES AO AFIADOR ELÉTRICO DE BANCADA OREGON 511A. FAVOR LER

Leia mais

Manual de instalação, operação e manutenção

Manual de instalação, operação e manutenção Manual de instalação, operação e manutenção para a válvula esférica assentada em metal RSVP aprimorada da MOGAS Como INSTALAR A VÁLVULA CORRETAMENTE ALÍVIO DE TENSÃO DAS SOLDAS CONFORME ASME B31.1 FAÇA

Leia mais

DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS

DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS DESMONTADORA/MONTADORA DE PNEUS MANUAL DE OPERAÇÃO 1 Índice Introdução... 3 Limitações de Uso... 3 Instruções Gerais de Segurança... 3 Especificações Técnicas... 4 Descrição da STC-210... 5 Acessórios

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação fornecida com o gabinete do rack para obter informações de segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

IMO-308PT Modelo C VÁLVULA WAFER-SPHERE. Instruções de Instalação, Manutenção e Operação

IMO-308PT Modelo C VÁLVULA WAFER-SPHERE. Instruções de Instalação, Manutenção e Operação IMO-308PT Modelo C VÁLVULA WAFER-SPHERE Instruções de Instalação, Manutenção e Operação IMO-308PT 4/2009 2 IMO-308PT Índice 1 GERAL....................................... 3 1.1 Aviso.......................................

Leia mais

Carolina Vilanova. 26/12/13 www.omecanico.com.br/modules/revista.php?action=printout&recid=423. Desmontagem e dicas da caixa VW

Carolina Vilanova. 26/12/13 www.omecanico.com.br/modules/revista.php?action=printout&recid=423. Desmontagem e dicas da caixa VW Desmontagem e dicas da caixa VW Vamos apresentar nessa reportagem as características, dicas de manutenção, desmontagem e montagem da caixa de câmbio MQ200, que em suas várias aplicações, equipa a maioria

Leia mais

PROCEDIMENTO DE MONTAGEM PASSO A PASSO

PROCEDIMENTO DE MONTAGEM PASSO A PASSO 3189P RETENTOR APLICADO NO CUBO DE RODA TRASEIRO DO EIXO MÉRITOR 1) Após desmontagem e limpeza do cubo, verificar o estado do alojamento do mesmo. 5) O retentor deverá ser aplicado até o encosto final

Leia mais

6 Manutenção de Tratores Agrícolas

6 Manutenção de Tratores Agrícolas 6 Manutenção de Tratores Agrícolas 6.1 Introdução Desenvolvimento tecnológico do país Modernização da agricultura Abertura de novas fronteiras agrícolas Aumento no uso de MIA Aumento da produtividade Maiores

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO Cópias eletrônicas atualizadas dos Manuais Técnicos e de Manutenção (TSM) estão disponíveis no website da Viking Pump: www.vikingpump.com MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO SÉRIE 8124A, 8123A, 8127A TAMANHOS K,

Leia mais

Instruções de Operação. Instruções importantes e avisos de advertência estão retratados na máquina por meio de símbolos:

Instruções de Operação. Instruções importantes e avisos de advertência estão retratados na máquina por meio de símbolos: 1 Instruções de Operação Instruções importantes e avisos de advertência estão retratados na máquina por meio de símbolos: Antes de começar a trabalhar, leia o manual de instruções da máquina. Trabalhe

Leia mais

Manual de Instruções e Operação Moinhos USI-180

Manual de Instruções e Operação Moinhos USI-180 USIFER A Solução em Moagem Indústria Metalúrgica Ltda. Rua Vêneto, n 969 Bairro Nova Vicenza CEP 95180-000 Farroupilha RS Fones: (54) 3222 5194 Vendas (54) 3261 7356 Fábrica e-mail: usifermoinhos@usifermoinhos.com.br

Leia mais

Instruções para o Motorista

Instruções para o Motorista Eaton Fuller Heavy Duty Transmissions Instruções para o Motorista Fuller Heavy Duty Transmissions FTS- XX108LL Abril 2009 CUIDADOS Leia completamente as instruções para o motorista antes de operar a transmissão.

Leia mais

Epson SureColor F6070 Manual de instalação

Epson SureColor F6070 Manual de instalação Epson SureColor F6070 Manual de instalação 2 Remoção da embalagem e montagem da impressora Leia todas estas instruções antes de usar a sua impressora. Também siga todos os alertas e instruções indicados

Leia mais

Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços

Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços Aros e Rodas Manual de Segurança e Serviços ÍNDICE SEÇÃO PÁGINAS I Apresentação 1 II Nota Especial aos Clientes / Alertas e Cuidados 2 III Procedimentos de Segurança para Manusear Aros e Rodas 3 IV Nomes

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO AGA-TEC Indústria, Comércio e Manutenção Ltda. R: Danilo Valbuza, 703 - Laranjeiras 07700-000 Caieiras / SP - Brasil Tels /Fax: (11) 4441 8353 / 8309 / 8247 / 8502 E-mail: agatecvendas@terra.com.br MANUAL

Leia mais

Boletim da Engenharia

Boletim da Engenharia Boletim da Engenharia 10 Verificação e Ajuste da Folga Axial dos Compressores Parafuso 11/02 Tipos de compressores: OS.53 / OS.70 / OS.74 HS.53 / HS.64 / HS.74 HSKC 64 / HSKC 74 Sumário Página 1 Introdução

Leia mais

Manual de instalação, operação e manutenção DOC.IOM.EF.BR, Rev. 3 Fevereiro de 2015. EL-O-Matic Série F Atuadores pneumáticos tipo pinhão e rack

Manual de instalação, operação e manutenção DOC.IOM.EF.BR, Rev. 3 Fevereiro de 2015. EL-O-Matic Série F Atuadores pneumáticos tipo pinhão e rack Manual de instalação, operação e manutenção DOC.IOM.EF.BR, Rev. 3 EL-O-Matic Série F Atuadores pneumáticos tipo pinhão e rack EL Matic TM EL-O-Matic F DOC.IOM.EF.BR Rev. 3 Índice Índice Seção 1: Seção

Leia mais

INSTRUÇÕES DE MONTAGEM E OPERAÇÃO / LISTA DE PEÇAS BETONEIRA MANUAL DO USUÁRIO NB120L. Leia este manual com atenção para o uso do equipamento.

INSTRUÇÕES DE MONTAGEM E OPERAÇÃO / LISTA DE PEÇAS BETONEIRA MANUAL DO USUÁRIO NB120L. Leia este manual com atenção para o uso do equipamento. INSTRUÇÕES DE MONTAGEM E OPERAÇÃO / LISTA DE PEÇAS BETONEIRA MANUAL DO USUÁRIO NB120L Leia este manual com atenção para o uso do equipamento. INTRODUÇÃO Obrigado por ter escolhido a qualidade e confiança

Leia mais

USO, MANUTENÇÃO E REGULAGEM DE CASSETES PARA ÁREA DE TREFILAÇÃO

USO, MANUTENÇÃO E REGULAGEM DE CASSETES PARA ÁREA DE TREFILAÇÃO USO, MANUTENÇÃO E REGULAGEM DE CASSETES PARA ÁREA DE TREFILAÇÃO Cassetes Os cassetes laminadores são micro cadeiras de laminação, que substituem as fieiras nas máquinas de trefilação. Seu surgimento no

Leia mais

MANIFOLD DIGITAL PARA SISTEMAS HVAC/R

MANIFOLD DIGITAL PARA SISTEMAS HVAC/R Manual de Instruções MANIFOLD DIGITAL PARA SISTEMAS HVAC/R RECURSOS ESPECIAIS Indicador de nível baixo de bateria Exibe 61 gases de refrigeração Exibe temperatura correspondente do ponto de saturação,

Leia mais

InTrac 787 Manual de Instruções

InTrac 787 Manual de Instruções 1 Manual de Instruções 2 Índice: 1. Introdução... 5 2. Observações importantes... 6 2.1 Verificando a entrega... 6 2.2 Instruções operacionais... 6 2.3 Uso normal... 7 2.4 Instruções de segurança... 7

Leia mais

Sumário. FS 6209 Manual de Serviços

Sumário. FS 6209 Manual de Serviços FS 6209 Sumário Seção A Visão geral da transmissão FS6209 Transmissão Eaton Synchromesh 9 velocidades Descrição do modelo 1 Identificação da transmissão 1 Descrição Geral 2 Características 2 O Sistema

Leia mais

Manual Dana de Montagem de Eixos Diferenciais você Linha Direta Dana Canal On-Line Equipes de Promoção e Assistência Técnica

Manual Dana de Montagem de Eixos Diferenciais você Linha Direta Dana Canal On-Line Equipes de Promoção e Assistência Técnica Como já é tradição no mercado, a Dana apresenta mais uma novidade que vai facilitar muito a vida dos profissionais que trabalham na reparação de sistemas de transmissão. É a nova edição do Manual Dana

Leia mais

Keystone RMI DUBEX Válvula Borboleta

Keystone RMI DUBEX Válvula Borboleta Keystone RMI DUBEX Válvula Borboleta Dubex é uma válvula de sede resiliente triexcêntrica com flange duplo, projetada para serviços na indústria de água Características Aplicação geral Estação de bombeamento

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES MÁQUINA DE COSTURA

MANUAL DE INSTRUÇÕES MÁQUINA DE COSTURA MANUAL DE INSTRUÇÕES MÁQUINA DE COSTURA Modelo: GF1000 (Bivolt) Leia atentamente este Manual, antes de usar sua Máquina de Costura. Guarde-o em local seguro, para futuras consultas. SAC: (11) 5660.2600

Leia mais

PULVERIZADOR MOTORIZADO PARA TRANSPORTAR NAS COSTAS

PULVERIZADOR MOTORIZADO PARA TRANSPORTAR NAS COSTAS PULVERIZADOR MOTORIZADO PARA TRANSPORTAR NAS COSTAS Manual do Operador COMPONENTES e ACESSÓRIOS Tampa do tanque de produtos químicos Bocal Lança Tanque de produtos químicos Vela de ignição Acionador de

Leia mais

Procedimentos de montagem e instalação

Procedimentos de montagem e instalação Procedimentos de montagem e instalação de elementos filtrantes Pall grau P (farmacêutico) 1. Introdução Os procedimentos abaixo devem ser seguidos para a instalação dos elementos filtrantes Pall grau P

Leia mais

Manual de Instruções. Parabéns você acaba de adquirir um produto de excelente qualidade. Serra Fita de Bancada Lâmina - 1,74m.

Manual de Instruções. Parabéns você acaba de adquirir um produto de excelente qualidade. Serra Fita de Bancada Lâmina - 1,74m. Manual de Instruções Serra Fita de Bancada Lâmina - 1,74m Modelos BM 24NR BM 25NR TERMO DE GARANTIA TODOS OS PRODUTOS BERMAR TÊM A GARANTIA TOTAL DURANTE 6 MESES DATA DA VENDA / / NOTA FISCAL Nº APARELHO

Leia mais

Procedimento de Manutenção Preventiva Mecânica

Procedimento de Manutenção Preventiva Mecânica GOM - GERÊNCIA DE APOIO À OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO Procedimento de Manutenção Preventiva Mecânica Edição Data Alterações em relação a edição anterior 1ª 26/06/14 Edição inicial Objetivo A Gerência de Apoio

Leia mais

Manual de Instruções. Leia todas as instruções antes de operar essa ferramenta. Taxa de consumo de energia Corrente 10,5ª / 4,0A

Manual de Instruções. Leia todas as instruções antes de operar essa ferramenta. Taxa de consumo de energia Corrente 10,5ª / 4,0A Manual de Instruções Leia todas as instruções antes de operar essa ferramenta Chanfradeira portátil Modelo HB-15B Ferramenta profissional HB-15B Especificações Fonte de energia (fase única) AC110v-120v

Leia mais

Manual de Instruções

Manual de Instruções Manual de Instruções Máquina de Costura Galoneira de Base Plana e Aberta de AltaVelocidade Mc-562-01CB Mc-562-01DQ Índice 1 Instruções de Segurança 1.1 Instruções Importantes de Segurança 1.2 Operação

Leia mais

1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho

1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho 1 ME-01 REV00 13 3 1 2 14 9 10 12 4 5 6 7 11 8 1 - AUTOMATIZADOR: Utilizado exclusivamente em portas de enrolar de aço. Existem diversas capacidades e tamanhos. Verifique sempre o peso e o tamanho da porta

Leia mais

TORVEL EQUIPAMENTOS HIDRÁULICOS LTDA. PENSE EM SEGURANÇA

TORVEL EQUIPAMENTOS HIDRÁULICOS LTDA. PENSE EM SEGURANÇA TORVEL EQUIPAMENTOS HIDRÁULICOS LTDA. PENSE EM SEGURANÇA Manual Sobre Segurança e Utilização de equipamentos Hidráulicos de Alta Pressão. Página 1 de 24 DE TORVEL PARA VOCÊ... EQUIPAMENTOS HIDRÁULICOS

Leia mais

Inspiron 3647 Manual do proprietário

Inspiron 3647 Manual do proprietário Inspiron 3647 Manual do proprietário Modelo do computador: Inspiron 3647 Modelo regulamentar: D09S Tipo regulamentar: D09S001 Notas, Avisos e Advertências NOTA: Uma NOTA indica informações importantes

Leia mais

DuPont Surfaces SUPERFÍCIES SÓLIDAS DUPONT CORIAN INSTALAÇÃO DE SUPERFÍCIES EM INTERIOES DE AMBIENTES COMERCIAIS BOLETIM TÉCNICO INTRODUÇÃO

DuPont Surfaces SUPERFÍCIES SÓLIDAS DUPONT CORIAN INSTALAÇÃO DE SUPERFÍCIES EM INTERIOES DE AMBIENTES COMERCIAIS BOLETIM TÉCNICO INTRODUÇÃO DuPont Surfaces SUPERFÍCIES SÓLIDAS DUPONT CORIAN INSTALAÇÃO DE SUPERFÍCIES EM INTERIOES BOLETIM TÉCNICO SUMÁRIO PÁGINA SEÇÃO 3 A. Adesivo de silicone 4 B. Limites da extensão das paredes INTRODUÇÃO Este

Leia mais

Manual PORTA PLACAS. Rev 00-12/07/2012 pág - 1 de 21

Manual PORTA PLACAS. Rev 00-12/07/2012 pág - 1 de 21 Rev 00-12/07/2012 pág - 1 de 21 Manual PORTA PLACAS Rev 00-12/07/2012 pág - 2 de 21 Índice CERTIFICADO ISO 9001:2008 DESENHO DE OPERAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÃO DESENHO DE CONJUNTO TABELAS DIMENSIONAIS Histórico

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES CONJUNTO DIESEL PARA SOLDA ELÉTRICA MODELO O - MOTOR PERKINS

MANUAL DE INSTRUÇÕES CONJUNTO DIESEL PARA SOLDA ELÉTRICA MODELO O - MOTOR PERKINS Consulte as Assistências Técnicas Autorizadas acesse: www.bambozzi.com.br/assistec.xls ou ligue: +55 (16) 33833806 / 33833807 MANUAL DE INSTRUÇÕES BAMBOZZI PRODUTOS ESPECIAIS LTDA. Av. XV de Novembro,

Leia mais

CÉLULA / SENSOR ION-SELETIVO CLORO LIVRE INORGÂNICO

CÉLULA / SENSOR ION-SELETIVO CLORO LIVRE INORGÂNICO Head office: Via Catania 4, 00040 Pavona di Albano Laziale (Roma) Italy, Tel. +39 06 9349891 (8 lines) Fax +39 06 9343924 CÉLULA / SENSOR ION-SELETIVO CLORO LIVRE INORGÂNICO GUIA DE OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO

Leia mais

INSTALAÇÃO, LUBRIFICAÇÃO E MANUTENÇÃO DAS CORRENTES TRANSPORTADORAS PROCEDIMENTO DE INSTALAÇÃO DA CORRENTE

INSTALAÇÃO, LUBRIFICAÇÃO E MANUTENÇÃO DAS CORRENTES TRANSPORTADORAS PROCEDIMENTO DE INSTALAÇÃO DA CORRENTE UNP-130408 1 de 6 INSTALAÇÃO, LUBRIFICAÇÃO E MANUTENÇÃO DAS CORRENTES TRANSPORTADORAS A vida útil das correntes transportadoras e elevadoras está diretamente ligada aos cuidados com a instalação, lubrificação

Leia mais

MOTORES ESTACIONÁRIOS GX 120/160/200

MOTORES ESTACIONÁRIOS GX 120/160/200 MOTORES ESTACIONÁRIOS GX 120/160/200 MANUAL DO PROPRIETÁRIO INTRODUÇÃO GX 120/160/200 MANUAL DO PROPRIETÁRIO 1 Aproveitamos a oportunidade para agradecê-lo pela escolha do Motor Estacionário Honda. Desejamos

Leia mais

Modelo SOLO900 SOLO700 TOPO700. Carga máx. 3000 kg o par 3000 kg o par 3000 kg o par. 726 mm. 702 mm (linha superior) ( 702 mm)

Modelo SOLO900 SOLO700 TOPO700. Carga máx. 3000 kg o par 3000 kg o par 3000 kg o par. 726 mm. 702 mm (linha superior) ( 702 mm) Barras de Pesagem Beckhauser Manual do Usuário Conheça seu equipamento em detalhes e saiba como aproveitar todo seu potencial no manejo. Leia atentamente este Manual antes de utilizar o produto e antes

Leia mais

International Paper do Brasil Ltda.

International Paper do Brasil Ltda. International Paper do Brasil Ltda. Autor do Doc.: Marco Antonio Codo / Wanderley Casarim Editores: Marco Antonio Codo / Wanderley Casarim Título: Técnicas de Inspeção, Montagem, uso de Rebolos ( Esmeris

Leia mais

Manual de Instruções FURADEIRA PARAFUSADEIRA A BATERIA FP 818/K1. ADVERTÊNCIA: Leia atentamente este manual antes de usar o produto.

Manual de Instruções FURADEIRA PARAFUSADEIRA A BATERIA FP 818/K1. ADVERTÊNCIA: Leia atentamente este manual antes de usar o produto. Manual de Instruções FURADEIRA PARAFUSADEIRA A BATERIA FP 818/K1 ADVERTÊNCIA: Leia atentamente este manual antes de usar o produto. ÍNDICE SEÇÃO PÁGINA Introdução 3 Normas gerais de segurança 3 Uso e cuidados

Leia mais

EXAUSTOR MUNTERS MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P

EXAUSTOR MUNTERS MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR MUNTERS REV.00-11/2012-MI0047P 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 IMPORTANTE... 3 SEGURANÇA... 3 CUIDADOS AO RECEBER O EQUIPAMENTO... 4 1) Instalação dos exaustores... 5 2) Instalação

Leia mais

Serra de Fita LB1200F. MANUAL DE INSTRUÇÕES IMPORTANTE: Leia antes de usar.

Serra de Fita LB1200F. MANUAL DE INSTRUÇÕES IMPORTANTE: Leia antes de usar. Serra de Fita LB1200F MANUAL DE INSTRUÇÕES IMPORTANTE: Leia antes de usar. ESPECIFICAÇÕES Modelo Tamanho da roda Capacidade máxima de corte Velocidade em vazio Velocidade de corte Tamanho da lâmina Dimensões

Leia mais

ALISADOR DE CONCRETO MANUAL DO USUÁRIO NAC2. Por favor, leia este Manual com atenção pára uso do equipamento.

ALISADOR DE CONCRETO MANUAL DO USUÁRIO NAC2. Por favor, leia este Manual com atenção pára uso do equipamento. ALISADOR DE CONCRETO MANUAL DO USUÁRIO NAC2 Por favor, leia este Manual com atenção pára uso do equipamento. Aviso Importante Certifique-se de verificar o nível de óleo como é descrito a seguir: 1. Nível

Leia mais

06.06-PORB. Adaptadores Vic-Flange. Nº. Sistema Enviado por Seção Espec. Parágr. Local Data Aprovado Data TUBO DE AÇO-CARBONO ACOPLAMENTOS RANHURADOS

06.06-PORB. Adaptadores Vic-Flange. Nº. Sistema Enviado por Seção Espec. Parágr. Local Data Aprovado Data TUBO DE AÇO-CARBONO ACOPLAMENTOS RANHURADOS PARA MAIS DETALHES CONSULTE A PUBLICAÇÃO VICTAULIC 10.01 Modelo 741 O adaptador Modelo 741 é desenhado para incorporar diretamente componentes flangeados com padrões de orifício do parafuso ANSI CL. 125

Leia mais

Estação de Musculação Gonew MK3 Limited PRO

Estação de Musculação Gonew MK3 Limited PRO MANUAL DO USUÁRIO Estação de Musculação Gonew MK3 Limited PRO Sumário Informações importantes de segurança Instruções de montagem Diagrama de mapeamento dos cabos Diagrama de vista explodida Lista de

Leia mais

Instruções de Instalação do Rack

Instruções de Instalação do Rack Instruções de Instalação do Rack Revise a documentação fornecida com o gabinete do rack para obter informações de segurança e cabeamento. Antes de instalar o servidor em um gabinete do rack, revise as

Leia mais

Sistema de Válvula de Controle e Atuador GX Fisher

Sistema de Válvula de Controle e Atuador GX Fisher Manual de Instruções D103175X0BR Sistema de Válvula de Controle e Atuador GX Fisher Conteúdo Introdução..................................... 1 Escopo do Manual............................. 1 Descrição....................................

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES CONJUNTO DIESEL PARA SOLDA ELÉTRICA MODELO OL MODELO OL - MOTOR PERKINS

MANUAL DE INSTRUÇÕES CONJUNTO DIESEL PARA SOLDA ELÉTRICA MODELO OL MODELO OL - MOTOR PERKINS Consulte as Assistências Técnicas Autorizadas acesse: www.bambozzi.com.br/assistec.xls ou ligue: +55 (16) 33833806 / 33833807 MANUAL DE INSTRUÇÕES BAMBOZZI PRODUTOS ESPECIAIS LTDA. Av. XV de Novembro,

Leia mais

O Moto Vibrador a Gasolina é utilizado para acionar os vibradores de imersão pendular de concreto e bombas de mangotes.

O Moto Vibrador a Gasolina é utilizado para acionar os vibradores de imersão pendular de concreto e bombas de mangotes. 1 APLICAÇÃO: O Moto Vibrador a Gasolina é utilizado para acionar os vibradores de imersão pendular de concreto e bombas de mangotes. ESPECIFICAÇÃO: Motor Gasolina: MODELO Potência Rotação Peso MGK-5.5

Leia mais

GUIA DE INSTALAÇÃO. AXIS T91A61 Wall Mount. AXIS T91A62 Parapet Mount. AXIS T91A63 Ceiling Mount. AXIS T91A64 Corner Mount. AXIS T91A67 Pole Mount

GUIA DE INSTALAÇÃO. AXIS T91A61 Wall Mount. AXIS T91A62 Parapet Mount. AXIS T91A63 Ceiling Mount. AXIS T91A64 Corner Mount. AXIS T91A67 Pole Mount GUIA DE INSTALAÇÃO AXIS T91A61 Wall Mount AXIS T91A62 Parapet Mount PORTUGUÊS AXIS T91A63 Ceiling Mount AXIS T91A64 Corner Mount AXIS T91A67 Pole Mount Considerações legais A vigilância por vídeo e áudio

Leia mais

Instruções de montagem

Instruções de montagem Instruções de montagem Indicações importantes relativas às instruções de montagem VOSS O desempenho e a segurança mais elevados possíveis no funcionamento dos produtos VOSS só serão obtidos se forem cumpridas

Leia mais

EQ 7881. Manual de montagem, instalação e operação

EQ 7881. Manual de montagem, instalação e operação EQ 7881 Manual de montagem, instalação e operação 0 A Rampa para elevação e alinhamento de veículos EQ 7881 foi desenvolvida e fabricada para facilitar e auxiliar os trabalhos de alinhamento de direção,

Leia mais

SUDAM 125cc RL MY MANUAL DE MONTAGEM/DESMONTAGEM E MANUTENÇÃO PARA MOTORES MY 30/11/09 1 MAN-058

SUDAM 125cc RL MY MANUAL DE MONTAGEM/DESMONTAGEM E MANUTENÇÃO PARA MOTORES MY 30/11/09 1 MAN-058 SUDAM 125cc RL MY MANUAL DE MONTAGEM/DESMONTAGEM E MANUTENÇÃO PARA MOTORES MY 30/11/09 1 MAN-058 ÍNDICE Page 1. SUDAM 125cc DESMONTAGEM DO MOTOR 2. VIRABREQUIM - MONTAGEM/DESMONTAGEM 2.1 OPERAÇÕES PARA

Leia mais

- -Pressionando essa tecla podemos diminuir os valores a serem ajustados no menu de programação.

- -Pressionando essa tecla podemos diminuir os valores a serem ajustados no menu de programação. Apresentação 1 Display LCD 2 Tecla + (aumentar) 3 Tecla Seleção 4 Tecla (diminuir) 5 Tecla Motor manual 6 Tecla Reset contador 7 Led Indica painel ligado 8 Led resistência ligada 9 Led Prensa ligada 10

Leia mais

SKYMSEN LINHA DIRETA. Ramais 2011 2012 2013. E-mail: at@siemsen.com.br

SKYMSEN LINHA DIRETA. Ramais 2011 2012 2013. E-mail: at@siemsen.com.br PRODUTOS METALÚRGICA SIEMSEN LTDA. Rua Anita Garibaldi, nº 262 Bairro: S o Luiz CEP: 88351-410 Brusque Santa Catarina Brasil Fone: +55 47 255 2000 Fax: +55 47 255 2020 www.siemsen.com.br - comercial@siemsen.com.br

Leia mais

Guia Rápido - Roma A800

Guia Rápido - Roma A800 Normas de Segurança Guia Rápido - Roma A800 A fim de garantir sua segurança e evitar quaisquer danos ou acidentes causados pelo uso impróprio do produto, por favor, leia com atenção antes de começar a

Leia mais

Atuador de diafragma Fisher 667 tamanhos 30 a 76 e 87

Atuador de diafragma Fisher 667 tamanhos 30 a 76 e 87 Manual de instruções Atuador 667 Tamanhos 30 a 76 e 87 Atuador de diafragma Fisher 667 tamanhos 30 a 76 e 87 Índice Introdução... 1 Escopo do manual... 1 Descrição... 2 Especificações... 3 Serviços educacionais...

Leia mais

VERIFICAÇÃO DE NÍVEL DE FLUIDO E SUBSTITUIÇÃO DO FLUIDO DA TRANSMISSÃO DE ENGATES DIRETOS 02E VW/AUDI DSG.

VERIFICAÇÃO DE NÍVEL DE FLUIDO E SUBSTITUIÇÃO DO FLUIDO DA TRANSMISSÃO DE ENGATES DIRETOS 02E VW/AUDI DSG. VERIFICAÇÃO DE NÍVEL DE FLUIDO E SUBSTITUIÇÃO DO FLUIDO DA TRANSMISSÃO DE ENGATES DIRETOS 02E VW/AUDI DSG. Veículos envolvidos: JETTA, NEW BEETLE, PASSAT, AUDI SPORTSBACK de 2006 em diante. FLUIDO RECOMENDADO:

Leia mais

------------------------------- -----------------------------Henflex. Henflex------------------------------ Índice

------------------------------- -----------------------------Henflex. Henflex------------------------------ Índice Índice 1.Características Gerais... 2 2.Seleção do Tamanho do Acoplamento... 2 2.1- Dimensionamento dos acoplamentos Henflex HXP para regime de funcionamento contínuo... 2 2.2 Seleção do Acoplamento...

Leia mais

Manual de Instruções e Certificado de Garantia

Manual de Instruções e Certificado de Garantia CHAVE CATRACA 1/2" MXT-0511 07 01 05 1100 Manual de Instruções e Certificado de Garantia Identificação da Empresa SIGMA TOOLS Comércio de Máquinas, Equipamentos e Acessórios LTDA Rua Joaquim Lapas Veiga,

Leia mais

By Columbus McKinnon

By Columbus McKinnon By Columbus McKinnon DICAS PARA OPERAR CARGA COM SEGURANÇA. Estudar o Manual do Fabricante, mesmo que você seja um operacor experiente em movimentacão de cargas. Manter sempre a talha centralizada sobre

Leia mais

Rolamento Autocompensador de Rolos Esféricos SÉRIE EA

Rolamento Autocompensador de Rolos Esféricos SÉRIE EA Rolamento Autocompensador de Rolos Esféricos SÉRIE EA Rolamento autocompensador de rolos esféricos de alta performance com maior capacidade de carga Rolamento Autocompensador de Rolos Esféricos SÉRIE EA

Leia mais

VARREDEIRA ZE072. Manual de serviço

VARREDEIRA ZE072. Manual de serviço VARREDEIRA ZE072 Manual de serviço A varredeira ZE072 foi desenvolvida para trabalhos na construção civil, de manutenção em estradas, ou locais que necessitem o mesmo sistema de remoção de resíduos. Qualquer

Leia mais

0800-55 03 93 Segunda à Sexta, das 7h às 20h. Sábado, das 07h às 13h.

0800-55 03 93 Segunda à Sexta, das 7h às 20h. Sábado, das 07h às 13h. 1 ANO DE GARANTIA Manual de Instruções P-17 SERVIÇO DE ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR L I G U E G R Á T I S 0800-55 03 93 Segunda à Sexta, das 7h às 20h. Sábado, das 07h às 13h. M.K. Eletrodomésticos Mondial

Leia mais