Estudo PARTNER. Foi convidado a participar neste estudo porque tem uma relação em que é o parceiro VIH positivo.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Estudo PARTNER. Foi convidado a participar neste estudo porque tem uma relação em que é o parceiro VIH positivo."

Transcrição

1 Informação ao participante e consentimento informado para o parceiro VIH positivo Estudo PARTNER O estudo PARTNER é um estudo levado a cabo com casais em que: (i) um parceiro é VIH positivo e o outro é VIH negativo, (ii) o parceiro VIH positivo toma medicação para o VIH (terapêutica anti-retroviral), (iii) o casal teve relações sexuais não protegidas (com penetração vaginal ou anal sem preservativo) no último mês e (iv) o casal pretende voltar a ter relações sexuais nos próximos meses. Foi convidado a participar neste estudo porque tem uma relação em que é o parceiro VIH positivo. O estudo é financiado pelo National Institute for Health Research (NIHR) na Inglaterra e é realizado em cooperação entre o hospital Royal Free em Londres e o Copenhagen HIV Programme (CHIP). O financiamento total é de O estudo foi concebido para obter mais informações sobre os riscos da transmissão do VIH, particularmente numa situação em que o parceiro VIH positivo segue uma terapêutica de medicação anti-retroviral e é portador de uma carga viral indetectável. Também queremos analisar a utilização de preservativo. Esperamos compreender o motivo por que alguns parceiros usam preservativo de forma mais consistente e os factores associados às alterações na utilização de preservativo. Trata-se de um estudo europeu e a nossa estimativa é de que haja a participação de cerca de 1650 casais. A sua participação neste estudo é completamente voluntária. Caso opte por não participar, não haverá quaisquer consequências para o tratamento e os cuidados que lhe são prestados a si e ao seu parceiro. Se optar por participar no estudo, mas decidir posteriormente descontinuar a sua participação, pode abandonar o estudo em qualquer altura e por qualquer motivo (ou sem indicar qualquer razão), uma vez mais, sem que tal afecte o tratamento e os cuidados prestados a si ou ao seu parceiro. Se participar neste estudo, terá de ser enquanto casal. Se o seu parceiro não aceitar a participação, então não poderá participar. O estudo Se você e o seu parceiro decidirem participar, serão convidados para uma primeira consulta, em que lhes será pedido para preencher um questionário sobre os vossos comportamentos sexuais nos últimos 4 meses. São colocadas questões sobre aspectos muito íntimos da vossa vida sexual, mas o preenchimento será efectuado em privado e não será visto pelo pessoal clínico. Será enviado directamente para o centro coordenador, em Copenhaga. Não conterá o vosso nome ou número de hospital/clínica, pelo que ninguém no centro coordenador poderá fazer qualquer identificação com base nas informações enviadas. O seu parceiro também não terá conhecimento das suas respostas. 1

2 Será pedido o preenchimento de um questionário sobre o comportamento em relações sexuais a cada 3-6 meses. Também estaremos interessados em informações sobre a sua carga viral, contagem de CD4 e tratamento do VIH a cada 3-6 meses, sendo que isto será fornecido ao centro coordenador pelo pessoal clínico. O estudo tem a duração de dois anos, mas este período pode ser alargado se você e o seu parceiro desejarem continuar e ambos se mantiverem elegíveis. Se o seu parceiro passar a ser VIH positivo durante o estudo, será orientado para receber cuidados. Também será pedido que forneça uma amostra de sangue. Esta destina-se a realizar uma comparação de vírus de modo a compreender se pode ser excluída a possibilidade de transmissão de si para o seu parceiro. Este teste pode mostrar se o vírus é semelhante ao do seu parceiro, mas não pode provar qualquer via de transmissão.. A comparação apenas será efectuada após a anonimização das amostras, o que significa que não saberemos de quem provêm as duas amostras. Como tal, não poderemos fornecer-lhe a si nem ao seu parceiro os resultados destes testes. Nenhuma destas amostras ou quaisquer outras serão utilizadas para quaisquer testes genéticos. Após ter concluído o estudo, os dados que são mantidos no centro coordenador serão totalmente anonimizados, de modo a que não seja possível estabelecer qualquer ligação para o identificar. Isto será feito através da remoção do seu número de ID do estudo nos dados guardados no centro coordenador. Factos sobre a transmissão do VIH e sexo mais seguro Gostaríamos de fornecer algumas informações sobre a transmissão do VIH e a utilização de preservativos. 1. O VIH encontra-se no sémen, no líquido seminal e nas secreções vaginais em quantidades suficientes para provocar infecções. 2. As infecções podem ocorrer através das mucosas na boca, na vagina, no recto e na glande. 3. Se existirem úlceras ou doenças sexualmente transmissíveis na mucosa, o risco de infecção aumenta, mas a infecção pode ocorrer sem úlceras ou doenças sexualmente transmissíveis. Como tal, aconselhamos que faça uma avaliação do seu estado de saúde geral ("checkup") se suspeitar que tem alguma doença sexualmente transmissível. 4. Quando recebe tratamento do VIH, a carga viral no sangue diminui e, na maior parte dos casos, faz com que as secreções genitais diminuam também. Como consequência, o risco de transmissão também diminuirá. 5. Contudo, em alguns doentes, a diminuição da carga viral no sangue não está necessariamente ligada a uma diminuição da carga viral nas secreções genitais. 6. Assim, é importante que use preservativo sempre que praticar sexo vaginal ou anal, mesmo que tenha uma carga viral indetectável. As investigações sugerem que uma pessoa infectada com VIH que tenha uma carga viral < 50/ml e esteja a seguir uma terapêutica tem muito menos probabilidades de transmitir o VIH quando tem relações sexuais não protegidas do que uma pessoa que tenha uma elevada carga viral. No entanto, é importante reconhecer que não é possível saber se a carga viral de hoje ou de qualquer outro dia é < 50/ml; apenas se pode saber que era < 50/ml na última vez que forneceu uma amostra de sangue. Assim, mesmo que a sua medição mais recente da carga viral seja < 50/ml, não se pode saber ao certo se o VIH não pode ser transmitido por si. 2

3 7. É importante que tome a sua medicação para o VIH todos os dias. A toma inconsistente da medicação pode provocar alterações na carga viral no sangue e, consequentemente, provocar também alterações na carga viral nas secreções genitais. Isto poderia levar a um aumento do risco de transmissão. 8. O cumprimento inconsistente do tratamento também poderia fazer com que se desenvolvesse resistência ao tratamento, resistência essa que poderia ser transferida para o seu parceiro. A profilaxia pós-exposição (PEP) é um tratamento anti-retroviral de curto prazo que pode reduzir a probabilidade de infecção por VIH após uma potencial exposição através de relações sexuais. Deve informar-se junto dos médicos/enfermeiros na clínica quanto às directrizes locais. Os locais podem adicionar aqui as respectivas directrizes locais/nacionais Risco A participação neste estudo não inclui quaisquer outros riscos adicionais para si, além do desconforto que possa constituir a colheita de sangue. É necessário que meça o nível da sua carga viral a cada 3-4 meses, o que, provavelmente, será efectuado de qualquer forma como parte dos seus cuidados e seguimento de rotina para o VIH. Se tiver relações sexuais não protegidas com o seu parceiro VIH negativo, há o risco de infectar o seu parceiro, mas não há motivo para pensar que este risco é aumentado como resultado da participação neste estudo. Benefícios O que se pode aprender com este estudo poderá ajudar-nos a melhorar o tratamento, a prestar aconselhamento e a fornecer informações a portadores de VIH positivo e aos respectivos parceiros. Poderá obter benefícios a título pessoal. Os resultados do estudo podem ajudá-lo a avaliar as suas próprias decisões sobre práticas sexuais mais seguras na sua actual relação. Os riscos exactos da transmissão do VIH não são claros, especialmente em pessoas com uma carga viral de VIH indetectável. Este estudo visa definir esses riscos. Também queremos obter mais informações sobre o motivo por que alguns casais não usam preservativo e sobre alterações de comportamento para práticas sexuais mais seguras. Estas informações ajudarão os profissionais de cuidados de saúde ao trabalhar com portadores de VIH positivo e respectivos parceiros. Também nos ajudará a compreender os efeitos prováveis de uma utilização mais generalizada de terapêutica anti-retroviral na propagação do VIH. Para portadores de VIH positivo e respectivos parceiros, o estudo fornecerá esclarecimentos para informar sobre decisões individuais relativamente a uma prática de sexo mais seguro nas respectivas relações, de modo a minimizar o risco de transmissão do VIH. Descontinuação da sua participação Se os testes do seu parceiro apresentarem resultados de VIH positivo, será orientado imediatamente para receber cuidados. Numa fase final, ser-lhe-á pedido que preencha um questionário sobre comportamentos de risco em relações sexuais para o estudo e que forneça uma amostra para isolamento do vírus. Depois, você e o seu parceiro já não terão de ser seguidos no estudo. Despesas 3

4 Não haverá reembolso de despesas para os participantes. Acesso aos resultados deste estudo Os resultados deste estudo serão divulgados de forma anónima em publicações de revistas da área e através de vários outros fóruns, tais como conferências e outras apresentações. Serão fornecidos comentários aos pacientes em conjunto com a aprovação da Comissão de Ética, mas poderão ser incluídos resumos de documentos científicos para mater os pacientes informados acerca dos resultados do projecto. Grande parte da equipa de investigação envolvida neste projecto tem um contacto próximo com grupos de defensores dos doentes e estes contactos serão utilizados para assegurar que a comunidade de pacientes tem conhecimento do estado actual da investigação no projecto. Mais informações Pode obter mais informações sobre o estudo junto do seu médico ou enfermeiros na clínica. (preencher as informações de contacto do investigador principal / enfermeiros do local) Também poderá obter mais informações em Este estudo e o folheto informativo foram revistos pela Comissão de Ética XXX (número de referência CE). Li e compreendi as informações acima indicadas, bem como as indicações fornecidas verbalmente, e foi-me dada a oportunidade de colocar questões, tendo ficado satisfeito com as respostas. Compreendo que há risco de transmissão do VIH caso pratique relações sexuais não protegidas e que a forma mais eficaz que se conhece para minimizar este risco é ter relações sexuais com utilização de preservativo. Foi-me explicado que a participação é voluntária e que poderei desistir do estudo em qualquer altura e por qualquer motivo, sem prejuízo para o meu tratamento ou quaisquer outros direitos. Confirmo que o meu parceiro tinha conhecimento de que eu era VIH positivo ao ter relações sexuais não protegidas no último mês, antes do estudo. Aceito preencher questionários a cada 3-6 meses e continuar a comparecer para os cuidados necessários durante o tempo em que participar no estudo, aceitando também preencher um questionário caso os testes do meu parceiro indiquem VIH positivo. Autorizo a colheita de uma amostra de sangue separada para uma comparação anónima de vírus caso o meu parceiro fique infectado com VIH. Foi-me dada uma cópia do folheto informativo e do consentimento informado. Foi-me dada uma cópia assinada do folheto informativo e do consentimento informado do meu parceiro. Declaro que aceito participar no estudo. 4

5 Nome e data de nascimento do meu parceiro /.../... NOME DO PACIENTE ASSINATURA DO PACIENTE DATA /.../... NOME DO INVESTIGADOR ASSINATURA DO INVESTIGADOR DATA 5

Estudo PARTNER. Foi convidado a participar neste estudo porque é um parceiro VIH positivo numa relação com um homem.

Estudo PARTNER. Foi convidado a participar neste estudo porque é um parceiro VIH positivo numa relação com um homem. Informação ao participante e consentimento informado para o parceiro VIH positivo Estudo PARTNER O estudo PARTNER é um estudo levado a cabo com casais em que: (i) um parceiro é VIH positivo e o outro é

Leia mais

Resumo do Protocolo Partner

Resumo do Protocolo Partner Resumo do Protocolo Partner Estudo em casais serodiscordantes em relação ao VIH para estimativa da taxa de transmissão de VIH e investigação de factores associados à utilização de preservativo. Partners

Leia mais

Informação ao participante e consentimento informado para o parceiro VIH negativo. Estudo PARTNER

Informação ao participante e consentimento informado para o parceiro VIH negativo. Estudo PARTNER Informação ao participante e consentimento informado para o parceiro VIH negativo Estudo PARTNER O estudo PARTNER é um estudo levado a cabo com casais em que: (i) um parceiro é VIH positivo e o outro é

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INICIAL - HOMEM VIH NEGATIVO

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INICIAL - HOMEM VIH NEGATIVO INSTRUÇÕES PARA A EQUIPA DO ESTUDO: Após inscrição no estudo, os participantes devem preencher este questionário de avaliação inicial. Certifique-se de que é distribuído o questionário adequado. Após o

Leia mais

PARTE A. Instituto da AIDS Consentimento Informado para fazer o exame de HIV

PARTE A. Instituto da AIDS Consentimento Informado para fazer o exame de HIV DEPARTAMENTO DE SAÚDE DO ESTADO DE NOVA YORK Instituto da AIDS Consentimento Informado para fazer o exame de HIV O exame de HIV é voluntário. O consentimento pode ser revogado a qualquer momento, mediante

Leia mais

Manual do facilitador

Manual do facilitador Manual do facilitador Introdução Este manual faz parte do esforço para institucionalizar o sistema de informação de uma maneira coordenada a fim de que as informações possam ser de acesso de todos que

Leia mais

EXEMPLO. Ensaio CHIPS. (Control of Hypertension In Pregnancy Study/Estudo do Controle da Hipertensão na Gravidez)

EXEMPLO. Ensaio CHIPS. (Control of Hypertension In Pregnancy Study/Estudo do Controle da Hipertensão na Gravidez) {Colocar no Cabeçalho do Hospital} Ensaio CHIPS (Control of Hypertension In Pregnancy Study/Estudo do Controle da Hipertensão na Gravidez) Introdução (CHECK LIST) TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE FOLLOW-UP - HOMEM VIH NEGATIVO

QUESTIONÁRIO DE FOLLOW-UP - HOMEM VIH NEGATIVO INSTRUÇÕES PARA A EQUIPA DO ESTUDO: Os participantes no estudo devem preencher o questionário de follow-up com intervalos regulares de -6 meses. Certifique-se de que é distribuído o questionário adequado.

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INICIAL - HOMEM VIH POSITIVO

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO INICIAL - HOMEM VIH POSITIVO INSTRUÇÕES PARA A EQUIPA DO ESTUDO: Após inscrição no estudo, os participantes devem preencher este questionário de avaliação inicial. Certifique-se de que é distribuído o questionário adequado. Após o

Leia mais

ÍNDICE. Anexos: I. Formulário de notificação II. Quadro metodológico com vista a facilitar uma estimativa e avaliação consistentes do risco

ÍNDICE. Anexos: I. Formulário de notificação II. Quadro metodológico com vista a facilitar uma estimativa e avaliação consistentes do risco ANEXO ORIENTAÇÕES GERAIS RELATIVAS À NOTIFICAÇÃO DE PRODUTOS DE CONSUMO PERIGOSOS ÀS AUTORIDADES COMPETENTES DOS ESTADOS-MEMBROS POR PARTE DOS PRODUTORES E DOS DISTRIBUIDORES, EM CONFORMIDADE COM O N.º

Leia mais

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS Bruxelas, 09.03.2001 COM(2001) 128 final 2001/0067 (ACC) VOLUME IV Proposta de DECISÃO DO CONSELHO Relativa à posição da Comunidade no Conselho de Associação sobre a

Leia mais

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA RELATIVO À ASSISTÊNCIA MÚTUA ENTRE OS RESPECTIVOS SERVIÇOS ADUANEIROS.

ACORDO ENTRE A REPÚBLICA PORTUGUESA E OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA RELATIVO À ASSISTÊNCIA MÚTUA ENTRE OS RESPECTIVOS SERVIÇOS ADUANEIROS. Decreto n.º 25/95 Acordo entre a República Portuguesa e os Estados Unidos da América Relativo à Assistência Mútua entre os Respectivos Serviços Aduaneiros Nos termos da alínea c) do n.º 1 do artigo 200.º

Leia mais

cartões de bolso serié 2 SEXO SEGURO

cartões de bolso serié 2 SEXO SEGURO cartões de bolso serié 2 SEXO SEGURO 1 O que quer dizer sexo seguro? Sexo seguro quer dizer, práticas sexuais responsáveis sem riscos de engravidar, ou de contrair uma infecção transmitida sexualmente,

Leia mais

O QUE É AIDS?... 2 TESTAGEM... 3 PRINCIPAIS SINTOMAS DA AIDS... 4 SAIBA COMO SE PEGA AIDS... 5 Assim Pega... 5 Assim não pega... 5 Outras formas de

O QUE É AIDS?... 2 TESTAGEM... 3 PRINCIPAIS SINTOMAS DA AIDS... 4 SAIBA COMO SE PEGA AIDS... 5 Assim Pega... 5 Assim não pega... 5 Outras formas de O QUE É AIDS?... 2 TESTAGEM... 3 PRINCIPAIS SINTOMAS DA AIDS... 4 SAIBA COMO SE PEGA AIDS... 5 Assim Pega... 5 Assim não pega... 5 Outras formas de transmissão... 6 Acidentes ocupacionais com materiais

Leia mais

Inquérito aos Estabelecimentos de Ensino: TIC e Educação MANUAL DO COORDENADOR ESCOLAR

Inquérito aos Estabelecimentos de Ensino: TIC e Educação MANUAL DO COORDENADOR ESCOLAR Inquérito aos Estabelecimentos de Ensino: TIC e Educação MANUAL DO COORDENADOR ESCOLAR European Schoolnet Service d Approches Quantitatives des faits éducatifs Índice Introdução... 2 1. VISÃO GERAL DA

Leia mais

o Maria Hermínia Cabral o Sérgio Guimarães o Pedro Krupenski

o Maria Hermínia Cabral o Sérgio Guimarães o Pedro Krupenski II Oficina de Trabalho Código de Conduta: Processos e Metodologias 24 de Setembro 2015 Conclusões da Sessão da manhã Com o apoio dos Parceiros do Mecanismo de Apoio à Elaboração de Projetos de Cooperação,

Leia mais

R E L A T Ó R I O D E E N G E N H A R I A D E S O F T W A R E ( 2 0 0 5 / 2 0 0 6 )

R E L A T Ó R I O D E E N G E N H A R I A D E S O F T W A R E ( 2 0 0 5 / 2 0 0 6 ) R E L A T Ó R I O D E E N G E N H A R I A D E S O F T W A R E ( 2 0 0 5 / 2 0 0 6 ) Tendo iniciado no presente ano lectivo 2005/2006 o funcionamento da plataforma Moodle na Universidade Aberta, considerou-se

Leia mais

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO (TCLE)

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO (TCLE) TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO (TCLE) (Responsável por paciente com idade 24 meses) TÍTULO DA PESQUISA: IDENTIFICAÇÃO DE ALTERAÇÕES IMUNOFENOTÍPICAS E MOLECULARES DAS LEUCEMIAS DE CÉLULAS-T

Leia mais

Caros pais/tutor: Parent Consent 2015 (Portuguese)

Caros pais/tutor: Parent Consent 2015 (Portuguese) Caros pais/tutor: Chamo-me Lori Cooney e sou coordenador de projecto e especialista em design universal no Instituto para a Inclusão na Comunidade (Institute for Community Inclusion, ICI) na Universidade

Leia mais

Acesso à informação, participação do público e acesso à justiça em matéria de ambiente a nível comunitário um Guia Prático

Acesso à informação, participação do público e acesso à justiça em matéria de ambiente a nível comunitário um Guia Prático Acesso à informação, participação do público e acesso à justiça em matéria de ambiente a nível comunitário um Guia Prático O acesso à informação, a participação do público no processo de tomada de decisão

Leia mais

O que esperar do SVE KIT INFORMATIVO PARTE 1 O QUE ESPERAR DO SVE. Programa Juventude em Acção

O que esperar do SVE KIT INFORMATIVO PARTE 1 O QUE ESPERAR DO SVE. Programa Juventude em Acção O QUE ESPERAR DO SVE Programa Juventude em Acção KIT INFORMATIVO Parte 1 Maio de 2011 Introdução Este documento destina-se a voluntários e promotores envolvidos no SVE. Fornece informações claras a voluntários

Leia mais

A última relação sexual

A última relação sexual PARTE G QUESTIONÁRIO AUTO-PREENCHIDO (V1 - M) As próximas perguntas são sobre a sua vida sexual. É muito importante que responda, pois só assim poderemos ter informação sobre os hábitos sexuais da população

Leia mais

Construir uma sociedade para todas as idades

Construir uma sociedade para todas as idades Construir uma sociedade para todas as idades O VIH/SIDA e as Pessoas Idosas O VIH/SIDA é um problema mundial de proporções catastróficas. O desafio é enorme, mas não estamos impotentes perante ele. Foi

Leia mais

Descrição do Serviço Diagnóstico no Local

Descrição do Serviço Diagnóstico no Local Apresentação do serviço A Dell tem o prazer de fornecer o Serviço de (o Serviço ) de acordo com este documento (a Descrição do Serviço ). Este fornece actividades opcionais de diagnóstico no local na empresa

Leia mais

Seguro-Saúde. Guia para Consulta Rápida

Seguro-Saúde. Guia para Consulta Rápida Seguro-Saúde. Guia para Consulta Rápida O que é seguro? 6 O que é Seguro-Saúde? 6 Como são os contratos de Seguro-Saúde? 7 Como ficaram as apólices antigas depois da Lei nº 9656/98? 8 Qual a diferença

Leia mais

O que é o Contrato de Seguro?

O que é o Contrato de Seguro? O que é o Contrato de Seguro? O contrato de seguro é um acordo através do qual o segurador assume a cobertura de determinados riscos, comprometendo-se a satisfazer as indemnizações ou a pagar o capital

Leia mais

O SMMP oferece aos seus associados uma apólice de Internamento Hospitalar, com as seguintes características:

O SMMP oferece aos seus associados uma apólice de Internamento Hospitalar, com as seguintes características: SEGUROS E ASSISTÊNCIA MÉDICA DOS ASSOCIADOS DO SMMP RESUMO 2015 SEGURO DE INTERNAMENTO HOSPITALAR O SMMP oferece aos seus associados uma apólice de Internamento Hospitalar, com as seguintes características:

Leia mais

C 188/6 Jornal Oficial da União Europeia 11.8.2009

C 188/6 Jornal Oficial da União Europeia 11.8.2009 C 188/6 Jornal Oficial da União Europeia 11.8.2009 Comunicação da Comissão Critérios para a análise da compatibilidade dos auxílios estatais a favor de trabalhadores desfavorecidos e com deficiência sujeitos

Leia mais

GUIA PRÁTICO PROVA ESCOLAR (Abono de Família para Crianças e Jovens e Bolsa de Estudo)

GUIA PRÁTICO PROVA ESCOLAR (Abono de Família para Crianças e Jovens e Bolsa de Estudo) Manual de GUIA PRÁTICO PROVA ESCOLAR (Abono de Família para Crianças e Jovens e Bolsa de Estudo) INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/20 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE FOLLOW-UP - HOMEM VIH POSITIVO

QUESTIONÁRIO DE FOLLOW-UP - HOMEM VIH POSITIVO INSTRUÇÕES PARA A EQUIPA DO ESTUDO: Os participantes no estudo devem preencher o questionário de follow-up com intervalos regulares de - meses. Certifique-se de que é distribuído o questionário adequado.

Leia mais

Derrotar o cancro do útero

Derrotar o cancro do útero Portuguese translation of Beating cervical cancer The HPV vaccine questions and answers for parents of girls in Year 9 Derrotar o cancro do útero A vacina HPV perguntas e respostas para os pais de jovens

Leia mais

ENSINO CURRICULUM NACIONAL. Vírus do Herpes

ENSINO CURRICULUM NACIONAL. Vírus do Herpes Este módulo tem por objectivo ensinar aos alunos o modo como a actividade sexual pode levar à transmissão de micróbios e doenças. O Capítulo 2.3, Infecções Sexualmente Transmissíveis, ensina aos alunos

Leia mais

cartões de bolso serié 3 Transmissão das ITS

cartões de bolso serié 3 Transmissão das ITS cartões de bolso serié 3 Transmissão das ITS 1 O que são ITS? São infecções causadas por vírus, bactérias ou outros micróbios, que se transmitem de pessoas infectadas para outras, através das relações

Leia mais

Transição para a parentalidade após um diagnóstico de anomalia congénita no bebé: Resultados do estudo

Transição para a parentalidade após um diagnóstico de anomalia congénita no bebé: Resultados do estudo 2013 Transição para a parentalidade após um diagnóstico de anomalia congénita no bebé: Resultados do estudo Ana Fonseca, Bárbara Nazaré e Maria Cristina Canavarro Pontos de interesse especiais: Porque

Leia mais

Comissão de Ética para a Investigação Clínica (CEIC) NORMAS A OBSERVAR PELOS REQUERENTES SOBRE O FORMATO E CONTEÚDO DO PEDIDO

Comissão de Ética para a Investigação Clínica (CEIC) NORMAS A OBSERVAR PELOS REQUERENTES SOBRE O FORMATO E CONTEÚDO DO PEDIDO Comissão de Ética para a Investigação Clínica (CEIC) NORMAS A OBSERVAR PELOS REQUERENTES SOBRE O FORMATO E CONTEÚDO DO PEDIDO DE PARECER À CEIC PARA A REALIZAÇÃO DE ENSAIO CLÍNICO COM MEDICAMENTOS DE USO

Leia mais

Guia de Cliente Seguro de Saúde

Guia de Cliente Seguro de Saúde 1 2 Índice O que está coberto pelo meu Seguro de Saúde? Qual o valor máximo pago pelo Segurador por ano por cada cobertura? O que tenho de pagar quando utilizar o Seguro de Saúde? Tabela de Franquias e

Leia mais

Rastreio de CPE Informação para o Doente

Rastreio de CPE Informação para o Doente Rastreio de CPE Informação para o Doente Em caso de dúvidas sobre a informação fornecida neste folheto, é muito importante discuti-las com um dos membros da equipa médica ou de enfermagem responsável pelos

Leia mais

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO O(A) paciente, ou seu responsável, declara, para todos os fins legais, especialmente do disposto no artigo 39, VI, da Lei, 8.078/90 que dá plena autorização ao

Leia mais

Recenseamento Geral da População e Habitação 2014

Recenseamento Geral da População e Habitação 2014 Census 2014 Angola Informação Geral:- Recenseamento Geral da População e Habitação 2014 A República de Angola vai efectuar, de 16 a 31 de Maio de 2014, o Recenseamento Geral da População e Habitação, aquela

Leia mais

Regulamento dos cursos de segundo ciclo integrado na FCTUC

Regulamento dos cursos de segundo ciclo integrado na FCTUC Regulamento dos cursos de segundo ciclo integrado na FCTUC Autorizado na reunião da Comissão Coordenadora do Conselho Científico de 2006-10-09, na reunião do Conselho Directivo de 2006-10-13 e na reunião

Leia mais

CÓDIGO DE FORNECEDORES DA GALDERMA

CÓDIGO DE FORNECEDORES DA GALDERMA CÓDIGO DE FORNECEDORES DA Código de fornecedores da Galderma Preâmbulo A Galderma tem como missão ser reconhecida como a empresa de inovação mais competente e bemsucedida, centrada exclusivamente em corresponder

Leia mais

PLANEJANDO A GRAVIDEZ

PLANEJANDO A GRAVIDEZ dicas POSITHIVAS PLANEJANDO A GRAVIDEZ Uma pessoa que vive com HIV/aids pode ter filhos biológicos? Pode. As pessoas que vivem com HIV/aids não devem abandonar seus sonhos, incluindo o desejo de construir

Leia mais

Medicamentos que contêm dextropropoxifeno com Autorização de Introdução no Mercado na União Europeia. Romidon 75mg/2ml Solução injectável

Medicamentos que contêm dextropropoxifeno com Autorização de Introdução no Mercado na União Europeia. Romidon 75mg/2ml Solução injectável ANEXO I LISTA DAS DENOMINAÇÕES FORMAS FARMACÊUTICAS, DOSAGENS, VIA DE ADMINISTRAÇÃO DOS MEDICAMENTOS, DOS TITULARES DAS AUTORIZAÇÕES DE INTRODUÇÃO NO MERCADO NOS ESTADOS-MEMBROS 1 Medicamentos que contêm

Leia mais

SÍNTESE a SÍNTESE. Janet Murdock NOVEMBRO 2009. Understanding conflict. Building peace.

SÍNTESE a SÍNTESE. Janet Murdock NOVEMBRO 2009. Understanding conflict. Building peace. SÍNTESE a Governação de Recursos Naturais em São Tomé e Príncipe: Um Estudo de Caso sobre a Supervisão e Transparência das Receitas Petrolíferas SÍNTESE Janet Murdock NOVEMBRO 2009 Understanding conflict.

Leia mais

Número de casos de aids em pessoas acima de 60 anos é extremamente preocupante

Número de casos de aids em pessoas acima de 60 anos é extremamente preocupante 22 Entrevista Número de casos de aids em pessoas acima de 60 anos é extremamente preocupante Texto: Guilherme Salgado Rocha Fotos: Denise Vida O psicólogo Nilo Martinez Fernandes, pesquisador da Fundação

Leia mais

Que tipo de trabalhadores se encontra abrangido pelo seguro de acidentes de trabalho por conta de outrem?

Que tipo de trabalhadores se encontra abrangido pelo seguro de acidentes de trabalho por conta de outrem? Qual a importância do seguro de acidentes de trabalho? Desde 1913 que é reconhecida em Portugal a obrigatoriedade de as entidades empregadoras repararem as consequências dos acidentes de trabalho sofridos

Leia mais

Itália-Ispra: Contrato-quadro de serviços relativo à manutenção de exaustores no JRC de Ispra Dividido em 3 lotes 2015/S 241-436449

Itália-Ispra: Contrato-quadro de serviços relativo à manutenção de exaustores no JRC de Ispra Dividido em 3 lotes 2015/S 241-436449 1 / 10 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:436449-2015:text:pt:html Itália-Ispra: Contrato-quadro de serviços relativo à manutenção de exaustores no JRC de Ispra

Leia mais

NOTIFICAÇÃO URGENTE DE SEGURANÇA (Recolha do Mercado)

NOTIFICAÇÃO URGENTE DE SEGURANÇA (Recolha do Mercado) A/c Administração Hospitalar A/c Bloco Operatório A/c Serviço de Aprovisionamento 16 de Abril de 2012 (8 Números de Catálogo, 11 Lotes) C06120MV C06120SV C06150MV C06150SV C07120MV C07120SV C07150MV C08150MV

Leia mais

PREVENÇÃO DA SIDA MAIS DE 10 MIL RESPOSTAS!

PREVENÇÃO DA SIDA MAIS DE 10 MIL RESPOSTAS! PREVENÇÃO DA SIDA Não baixar os braços Campanhas de prevenção frequentes, bem dirigidas e sem tabus são armas essenciais na luta contra a propagação da sida. O nosso inquérito a mais de 10 mil pessoas

Leia mais

Mulheres grávidas ou a amamentar*

Mulheres grávidas ou a amamentar* Doença pelo novo vírus da gripe A(H1N1) Fase Pandémica 6 OMS Mulheres grávidas ou a amamentar* Destaques: A análise dos casos ocorridos, a nível global, confirma que as grávidas constituem um grupo de

Leia mais

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS COMUNICAÇÃO DA COMISSÃO AO CONSELHO E AO PARLAMENTO EUROPEU

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS COMUNICAÇÃO DA COMISSÃO AO CONSELHO E AO PARLAMENTO EUROPEU COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS Bruxelas, 8.11.2007 COM(2007) 686 final COMUNICAÇÃO DA COMISSÃO AO CONSELHO E AO PARLAMENTO EUROPEU que transmite o acordo-quadro europeu sobre assédio e violência no

Leia mais

Guidelines COMUNICAÇÃO INTERPROFISSIONAL E PARTILHA DE INFORMAÇÃO

Guidelines COMUNICAÇÃO INTERPROFISSIONAL E PARTILHA DE INFORMAÇÃO Prefácio A criação da Ordem dos Psicólogos Portugueses pela lei 57/2008 de 4 de Setembro, bem como a elaboração e aprovação do Código Deontológico dos Psicólogos Portugueses em 25 de Março de 2011, responderam

Leia mais

Tratado do Paris contra o câncer

Tratado do Paris contra o câncer Tratado do Paris contra o câncer portugais portuguese 71 72 Profundamente pertubados pelas repercussões importantes e universais do câncer sobre a vida humana, o sofrimento humano, e sobre a produtividade

Leia mais

Corro o risco de contrair Hepatite B?

Corro o risco de contrair Hepatite B? Corro o risco de contrair Hepatite B? O que é? A hepatite B é um vírus que infecta o fígado e pode provocar doenças graves do fígado. O fígado é um órgão importante e é responsável por destruir os alimentos

Leia mais

Guião Terceira Sessão Infeções Sexualmente Transmissíveis

Guião Terceira Sessão Infeções Sexualmente Transmissíveis Guião Terceira Sessão Infeções Sexualmente Transmissíveis SLIDE 1 Introdução do trabalho: Bom dia, estamos aqui para falar a cerca das infeções sexualmente transmissíveis, os problemas associados e o modo

Leia mais

Roteiro Sugerido para Reuniões

Roteiro Sugerido para Reuniões Roteiro Sugerido para Reuniões Acreditamos que o uso consistente deste roteiro faz com que as reuniões sejam focadas na recuperação em CCA, fortalece nosso programa e estimula a unidade. Ele também oferece

Leia mais

Associação Portuguesa de Psicoterapia Centrada na Pessoa e de Counselling. Código Deontológico

Associação Portuguesa de Psicoterapia Centrada na Pessoa e de Counselling. Código Deontológico Associação Portuguesa de Psicoterapia Centrada na Pessoa e de Counselling Código Deontológico Art. 1 Princípios Gerais 1. O Psicoterapeuta e o Counsellor alicerçam as suas actividades profissionais no

Leia mais

Aviso de Segurança Urgente

Aviso de Segurança Urgente IMMULITE IMMULITE 1000 IMMULITE 2000 IMMULITE 2000 XPi Aviso de Segurança Urgente 4005 Novembro de 2012 Todas as plataformas IMMULITE para o ensaio IGF -I (Factor de Crescimento I Tipo Insulina ) - Alteração

Leia mais

Orientações sobre o tratamento de dados dos documentos de identificação dos titulares de cartão de pagamento por parte das firmas comerciais

Orientações sobre o tratamento de dados dos documentos de identificação dos titulares de cartão de pagamento por parte das firmas comerciais Orientações sobre o tratamento de dados dos documentos de identificação dos titulares de cartão de pagamento por parte das firmas comerciais Muitas firmas comerciais de Macau solicitam o fornecimento de

Leia mais

5. É altamente recomendado que Rotaract Clubs mencionem após seu nome, patrocinado pelo Rotary Club de (nome).

5. É altamente recomendado que Rotaract Clubs mencionem após seu nome, patrocinado pelo Rotary Club de (nome). Declaração de Normas do Rotaract 1. O programa Rotaract foi desenvolvido e estabelecido pelo Rotary International. A autoridade pela elaboração e execução dos dispositivos estatutários, requisitos de organização,

Leia mais

FICHA DE PERCURSO PROFISSIONAL E DE FORMAÇÃO

FICHA DE PERCURSO PROFISSIONAL E DE FORMAÇÃO FICHA DE PERCURSO PROFISSIONAL E DE FORMAÇÃO NRP / (A atribuir pelo IEFP) UNIDADE ORGÂNICA RECEPTORA Data de Recepção - - Técnicos Responsáveis: O Técnico Receptor PREENCHER ESTA PÁGINA COM LETRAS MAIÚSCULAS

Leia mais

FUNDO PARA AS ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS EM PORTUGAL COMPONENTE AMBIENTE

FUNDO PARA AS ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS EM PORTUGAL COMPONENTE AMBIENTE Guia do Formulário de Candidatura Anexo I ao REGULAMENTO do PROJECTO GESTÃO GLOBAL DO FUNDO ONG COMPONENTE AMBIENTE PT0033 FUNDO PARA AS ORGANIZAÇÕES NÃO GOVERNAMENTAIS EM PORTUGAL COMPONENTE AMBIENTE

Leia mais

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TCLE

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TCLE TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TCLE O TCLE não é apenas um texto jurídico com a assinatura do sujeito da pesquisa afixada. É um instrumento que se usa para facilitar a comunicação entre pesquisador

Leia mais

PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS DOMÍNIO - RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL

PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS DOMÍNIO - RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS DOMÍNIO - RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL CÓDIGO DO AVISO: POVT-34-2010-39

Leia mais

INFORMAÇÃO IMPORTANTE SOBRE A GRIPE SUÍNA

INFORMAÇÃO IMPORTANTE SOBRE A GRIPE SUÍNA INFORMAÇÃO IMPORTANTE SOBRE A GRIPE SUÍNA Este folheto contém informação importante para o ajudar a si e à sua família Guarde-o Bem Contactos Úteis Para se manter informado acerca da gripe suína telefone

Leia mais

CONVENÇÃO COMPLEMENTAR À CONVENÇÃO DE PARIS DE 29 DE JULHO DE 1960 SOBRE A RESPONSABILIDADE CIVIL NO DOMÍNIO DA ENERGIA NUCLEAR.

CONVENÇÃO COMPLEMENTAR À CONVENÇÃO DE PARIS DE 29 DE JULHO DE 1960 SOBRE A RESPONSABILIDADE CIVIL NO DOMÍNIO DA ENERGIA NUCLEAR. Decreto do Governo n.º 24/84 Convenção de 31 de Janeiro de 1963 Complementar da Convenção de Paris de 29 de Julho de 1960 sobre Responsabilidade Civil no Domínio da Energia Nuclear O Governo decreta, nos

Leia mais

Regras de procedimento para a implementação e cumprimento do Plano de Contingência ARC/COP2/D010.2211_13. Segunda Conferência das Partes da ARC

Regras de procedimento para a implementação e cumprimento do Plano de Contingência ARC/COP2/D010.2211_13. Segunda Conferência das Partes da ARC Regras de procedimento para a implementação e cumprimento do Plano de Contingência ARC/COP2/D010.2211_13 Segunda Conferência das Partes da ARC Quénia 26-28 de Novembro de 2013 Antecedentes O Acordo de

Leia mais

CÓDIGO DE BOAS PRÁTICAS COMERCIAIS

CÓDIGO DE BOAS PRÁTICAS COMERCIAIS CÓDIGO DE BOAS PRÁTICAS COMERCIAIS DIRECTRIZES DA APORMED AOS SEUS ASSOCIADOS SOBRE AS INTERACÇÕES COM OS PROFISSIONAIS DE SAÚDE E O MERCADO DE PRODUTOS DE SAÚDE Documento aprovado na Assembleia-Geral

Leia mais

COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO CEARÁ

COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO CEARÁ COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA DA ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO CEARÁ 1. ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO (TCLE) A importância do TCLE. A Resolução CNS 196/96 afirma

Leia mais

Papiloma Vírus Humano - HPV

Papiloma Vírus Humano - HPV VACINAÇÃO HPV 2015 Papiloma Vírus Humano - HPV O vírus HPV é altamente contagioso, sendo possível contaminar-se com uma única exposição. A sua transmissão se dá por contato direto com a pele ou mucosa

Leia mais

5 Instrução e integração

5 Instrução e integração SEÇÃO 5 Instrução e integração no meio de trabalho Quando um novo funcionário entra para uma organização, é importante que ele receba um bom apoio para entender sua função e a organização. Instrução é

Leia mais

Desdobrável de informação ao paciente

Desdobrável de informação ao paciente Desdobrável de informação ao paciente Cancro do colo do útero Secções para este tópico: Introdução Sintomas Causas Diagnóstico Tratamento Prevenção Bibliografia Parceiros de informações Introdução O cancro

Leia mais

Auxílio estatal n SA.32012 (2010/N) Portugal Alteração do regime de auxílios para a modernização empresarial (SIRME)

Auxílio estatal n SA.32012 (2010/N) Portugal Alteração do regime de auxílios para a modernização empresarial (SIRME) COMISSÃO EUROPEIA Bruselas, 16.11.2011 C(2011)8317 final Assunto: Auxílio estatal n SA.32012 (2010/N) Portugal Alteração do regime de auxílios para a modernização empresarial (SIRME) Excelência, Procedimento

Leia mais

Jornal oficial no. L 024 de 30/01/1998 P. 0001-0008

Jornal oficial no. L 024 de 30/01/1998 P. 0001-0008 Jornal oficial no. L 024 de 30/01/1998 P. 0001-0008 DIRECTIVA 97/66/CE DO PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO de 15 de Dezembro de 1997 relativa ao tratamento de dados pessoais e à protecção da privacidade

Leia mais

A Importância da Família na Educação

A Importância da Família na Educação A Importância da Família na Educação Não caminhes à minha frente Posso não saber seguir-te. Não caminhes atrás de mim Posso não saber guiar-te. Educadora Social Dra. Joana Valente Caminha antes a meu lado

Leia mais

Conhecendo o vírus v. Vírus da Imunodeficiência Humana VIH

Conhecendo o vírus v. Vírus da Imunodeficiência Humana VIH Conhecendo o vírus v da Sida Vírus da Imunodeficiência Humana VIH Conhecendo o Vírus da Sida O vírus entra na corrente sanguínea; Determina a posição exacta e reconhece os linfócitos T helper, fixando-se

Leia mais

LONDRES Reunião do GAC: Processos Políticos da ICANN

LONDRES Reunião do GAC: Processos Políticos da ICANN LONDRES Reunião do GAC: Processos Políticos da ICANN e Responsabilidades do interesse público em relação aos Direitos Humanos e Valores Democráticos Terça feira, 24 de junho de 2014 09:00 a 09:30 ICANN

Leia mais

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO O(A) paciente, ou seu responsável, declara, para todos os fins legais, especialmente do disposto no artigo 39, VI, da Lei, 8.078/90 que dá plena autorização ao

Leia mais

NOTA TÉCNICA 04/08 ASSUNTO: UTILIZAÇÃO DOS TESTES RÁPIDOS ANTI- HIV EM SITUAÇÕES DE EMERGÊNCIA.

NOTA TÉCNICA 04/08 ASSUNTO: UTILIZAÇÃO DOS TESTES RÁPIDOS ANTI- HIV EM SITUAÇÕES DE EMERGÊNCIA. ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE DIRETORIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA GERÊNCIA DE VIGILÂNCIA DAS DST/HIV/AIDS NOTA TÉCNICA 04/08 ASSUNTO:

Leia mais

Regulamento de Formação AIP

Regulamento de Formação AIP Regulamento de Formação AIP Introdução Considerando que: Primeiro: A AIP Associação Industrial Portuguesa - Câmara de Comércio e Indústria é uma organização de utilidade pública sem fins lucrativos que

Leia mais

VARICELA ZOSTER VARICELA E GRAVIDEZ

VARICELA ZOSTER VARICELA E GRAVIDEZ ZOSTER E GRAVIDEZ A varicela é uma doença comum da infância considerada habitualmente benigna. Adquirida na idade adulta pode acompanhar-se de complicações que serão ainda mais graves se for uma mulher

Leia mais

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE E ESCLARECIDO O(A) paciente, ou seu responsável, declara, para todos os fins legais, especialmente do disposto no artigo 39, VI, da Lei, 8.078/90 que dá plena autorização ao

Leia mais

Como reclamar de um profissional de saúde. Índice

Como reclamar de um profissional de saúde. Índice Como reclamar de um profissional de saúde Índice Acerca desta brochura... 1 O que é o HPC?... 1 O que significa aptidão para exercer?... 2 E se não ficar satisfeito com um registante?... 2 Quem pode fazer

Leia mais

ACADEMIA PIONEIROS Férias

ACADEMIA PIONEIROS Férias sempre a mexer (regime OCUPAÇÃO ABERTA) Regulamento Interno Férias 2013 Art.º 1 - Informações Gerais 1. As Férias Academia decorrem nas instalações da Academia Pioneiros e seus parceiros, em regime fechado;

Leia mais

NOME DA INSTITUIÇÃO QUE SERÁ DESENVOLVIDO O PROJETO OU QUE O PESQUISADOR PRINCIPAL ESTÁ VINCULADO

NOME DA INSTITUIÇÃO QUE SERÁ DESENVOLVIDO O PROJETO OU QUE O PESQUISADOR PRINCIPAL ESTÁ VINCULADO NOME DA INSTITUIÇÃO QUE SERÁ DESENVOLVIDO O PROJETO OU QUE O PESQUISADOR PRINCIPAL ESTÁ VINCULADO TÍTULO DO PROJETO DEVE SER IDÊNTICO AO RELATADO NA FOLHA DE ROSTO Pesquisadora Responsável R.G.: C.P.F.:

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ DE SANTA CATARINA

FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ DE SANTA CATARINA FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ DE SANTA CATARINA TUTORIAL DE PREENCHIMENTO DOS DOCUMENTOS A SEREM ENTREGUES PARA A OBTENÇÃO DO PARECER DO COMITÊ DE ÉTICA EM PESQUISA COM SERES HUMANOS INTRODUÇÃO. O Comitê de

Leia mais

Condições de utilização para a MediaPedia. 1 Generalidades/definições. 2 Objecto. 3 Registo, palavra-passe

Condições de utilização para a MediaPedia. 1 Generalidades/definições. 2 Objecto. 3 Registo, palavra-passe Condições de utilização para a MediaPedia 1 Generalidades/definições 1. A MediaPedia é um serviço que permite a publicação gratuita na plataforma de informação MediaPedia, bem como o acesso a contribuições

Leia mais

Rastreio do Aneurisma Aórtico Abdominal (AAA)

Rastreio do Aneurisma Aórtico Abdominal (AAA) Portuguese translation of Abdominal aortic aneurysm screening: Things you need to know Rastreio do Aneurisma Aórtico Abdominal (AAA) Aquilo que deve saber A quem se destina este folheto? Este folheto destina-se

Leia mais

Copenhagen HIV Programme University of Copenhagen Panum Institute, Building 21.1 Blegdamsvej 3B 2200 Copenhagen N Dinamarca www.cphiv.

Copenhagen HIV Programme University of Copenhagen Panum Institute, Building 21.1 Blegdamsvej 3B 2200 Copenhagen N Dinamarca www.cphiv. HIDES 2 (Estudo de Doenças Indicadoras de VIH na Europa) Instruções para Auditoria dos Testes do VIH Comissão executiva: Nathan Clumeck, CHU Saint-Pierre, Bruxelas, Bélgica Jose Gatell, Hospital Clínic

Leia mais

Exemplos de como praticá-los no Aconselhamento sobre o Tratamento Antiretroviral - TARV

Exemplos de como praticá-los no Aconselhamento sobre o Tratamento Antiretroviral - TARV 6 SABERES BÁSICOS DA COMUNICAÇÃO INTERPESSOAL Exemplos de como praticá-los no Aconselhamento sobre o Tratamento Antiretroviral - TARV Algumas habilidades de comunicação interpessoal foram identificadas

Leia mais

Solicitação e análise de exames durante um período determinado, para verificar se o acidentado com

Solicitação e análise de exames durante um período determinado, para verificar se o acidentado com 1/7 1. OBJETIVO Registrar, orientar e conduzir todo acidente de trabalho ocorrido com o colaborador do grupo SH Brasil nas instalações pertencentes à mesma, nos serviços prestados em áreas externas ou

Leia mais

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO DO ROTEIRO DE RESPOSTA AO ÉBOLA

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO DO ROTEIRO DE RESPOSTA AO ÉBOLA DESTAQUES RELATÓRIO DA SITUAÇÃO DO ROTEIRO DE RESPOSTA AO ÉBOLA RELATÓRIO DA SITUAÇÃO DO ROTEIRO DE RESPOSTA AO ÉBOLA 7 DE NOVEMBRO DE 204 Desde o início do surto, ocorreram 3 268 casos de Ébola em oito

Leia mais

EURO-LETTER(*) N.º 123 Agosto de 2005

EURO-LETTER(*) N.º 123 Agosto de 2005 EURO-LETTER(*) N.º 123 Agosto de 2005 A Euro-letter é publicada em nome da ILGA-Europa a estrutura regional europeia da Associação Internacional Lésbica e Gay (International Lesbian and Gay Association),

Leia mais

PROGRAMA SÓCRATES / ACÇÃO ERASMUS Gabinete de Relações Internacionais e Apoio a Projectos Europeus REGULAMENTO. Preâmbulo

PROGRAMA SÓCRATES / ACÇÃO ERASMUS Gabinete de Relações Internacionais e Apoio a Projectos Europeus REGULAMENTO. Preâmbulo PROGRAMA SÓCRATES / ACÇÃO ERASMUS Gabinete de Relações Internacionais e Apoio a Projectos Europeus REGULAMENTO Preâmbulo O Programa de Mobilidade de Estudantes SÓCRATES / ERASMUS é uma iniciativa da União

Leia mais

Regulamento Interno Academia Pioneiros

Regulamento Interno Academia Pioneiros Regulamento Interno Academia Pioneiros Art.º 1 - Informações Gerais 1. A Academia Pioneiros decorre nas suas próprias instalações, em regime fechado; 2. Cabe à Direção dos Pioneiros de Bragança Futsal

Leia mais

TERMOS DE REFERÊNCIA DE UM ASSISTENTE TÉCNICO PARA O TARV PEDIÁTRICO NA REGIÃO DE NAMPULA MOÇAMBIQUE

TERMOS DE REFERÊNCIA DE UM ASSISTENTE TÉCNICO PARA O TARV PEDIÁTRICO NA REGIÃO DE NAMPULA MOÇAMBIQUE TERMOS DE REFERÊNCIA DE UM ASSISTENTE TÉCNICO PARA O TARV PEDIÁTRICO NA REGIÃO DE NAMPULA MOÇAMBIQUE Moçambique é um dos dez países no mundo mais atingido pelo HIV/SIDA com uma prevalência de 16.2%. Devido

Leia mais

Eficiência e qualidade: mitos e contradições

Eficiência e qualidade: mitos e contradições 1 Eficiência e qualidade: mitos e contradições Colóquio-debate Eficiência e Justiça em Cuidados de Saúde Academia das Ciências, Lisboa, 25 de Maio de 1999 Pedro Pita Barros * 1. Introdução O tema de discussão

Leia mais

6 INTERMEDIÁRIOS FINANCEIROS

6 INTERMEDIÁRIOS FINANCEIROS 6. INTERMEDIÁRIOS FINANCEIROS 6. Intermediários Financeiros O QUE SÃO INTERMEDIÁRIOS FINANCEIROS? Intermediários financeiros são as empresas prestadoras dos serviços que permitem aos investidores actuar

Leia mais

Relatório sobre Actividades Subsidiadas Instruções de Preenchimento

Relatório sobre Actividades Subsidiadas Instruções de Preenchimento Relatório sobre Actividades Subsidiadas Instruções de Preenchimento Observações 1. (1) O Relatório sobre Actividades Subsidiadas é composto por duas partes: Parte A Sumário Geral do Plano Subsidiado; Parte

Leia mais

COMUNICAÇÃO DA COMISSÃO AO CONSELHO, AO PARLAMENTO EUROPEU, AO COMITÉ ECONÓMICO E SOCIAL EUROPEU E AO COMITÉ DAS REGIÕES

COMUNICAÇÃO DA COMISSÃO AO CONSELHO, AO PARLAMENTO EUROPEU, AO COMITÉ ECONÓMICO E SOCIAL EUROPEU E AO COMITÉ DAS REGIÕES PT PT PT COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 6.1.2010 COM(2009)708 final COMUNICAÇÃO DA COMISSÃO AO CONSELHO, AO PARLAMENTO EUROPEU, AO COMITÉ ECONÓMICO E SOCIAL EUROPEU E AO COMITÉ DAS REGIÕES sobre a aplicação

Leia mais