Planejamento Estratégico Gestão 2013 a 2016 Federação Mineira de Basketball

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Planejamento Estratégico Gestão 2013 a 2016 Federação Mineira de Basketball"

Transcrição

1 Planejamento Estratégico Gestão 2013 a 2016 Federação Mineira de Basketball

2 Visão Ser uma referência na excelência no desenvolvimento do basquetebol no Brasil até Pilares Capacitação Qualificação dos profissionais Disseminação Massificação do basquete Competitividade Evolução do nível técnico Objetivos específicos Incrementar a iniciação da prática do basquete nas regiões do Estado. Promover a busca pela excelência nos profissionais da cadeia produtiva do basquete (Dirigentes, Supervisores, Treinadores, Professores, Equipe Técnica, Atletas, Árbitros). Criar ações para aumentar o interesse e os adeptos no basquete. Elevar equipes e atletas ao mais alto nível competitivo nos torneios da FIBA, CBB e LNB. Construir um novo modelo para o basquete feminino de Minas Gerais. Viabilizar mais equipes e jogos nos campeonatos do sub 13 a sub 17, através de recursos e incentivos financeiros e materiais.

3 ESTRATÉGIAS DA FMB PLANO DE AÇÃO CAPACITAÇÃO ARBITROS E TREINADORES ADM & FINANCEIRO MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO EVENTOS & FESTIVAIS DE MINI BASQUETE FORMAÇÃO DE ATLETAS (13 E 14) COMPETIÇÕES (15, 16 E 17) BASQUETE FEMININO PLANO DE MARKETING ALTO RENDIMENTO SELEÇÕES MINEIRAS

4 1. Administrativo / Financeiro Modernização da gestão Elaboração do Planejamento Estratégico 2013 a Consultoria de Gestão 2 Capacitação dos colaboradores da FMB (atendimento aos clubes) 3 Sistema de gestão (súmula eletrônica) 2. Capacitação Implementar o Programa de Capacitação do Basquete Mineiro Dirigentes e Supervisores Formação Aprimoramento Excelência Introdução ao basquete: noções gerais sobre lei do esporte, estrutura FIBA-CBB-FMB, gestão de treinadores e atletas, regras e normas, administrativo e orçamentos, captação de recursos Cursos e palestras semestrais com aprimoramento do conhecimento e troca de experiências Grupo de estudos sobre excelência da gestão do basquete Treinadores e professores Iniciação ao basquete (10 a 13 anos) Formação e desenvolvimento de atletas (14 a 15 anos) Aprimoramento das técnicas do basquete (16 a 18 anos) Grupo de excelência no treinamento do basquete Árbitros Curso de formação de árbitros e oficiais de mesa Aperfeiçoamento e avaliação do quadro de árbitros Classe internacional de árbitros e oficiais de mesa Formar multiplicadores da FMB para implantar a filosofia e os projetos nas diversas regiões do estado.

5 3. Festivais de Mini Basquete Promover 14 etapas: mais de 280 equipes e crianças de 8 a 12 anos. RMBH (6 etapas) Triângulo (4 etapas) Uberlândia (2) Araguari Patos de Minas Sul (4 etapas) Varginha (2) Três Pontas Lavras Col. Santo Agostinho Colégio Batista Colégio Arnaldo

6 4. Formação de atletas Sub 13 e Sub 14 anos Pilar disseminação atuação na base da pirâmide; Sequência natural do mini basquete; Maior presença do interior, aproximadamente 70% Sub-13. Quantidade de equipes Sub 13 e Sub MASC & FEM SUB MASC SUB

7 Quantidade de equipes Sub 13 SUB RMBH TRIANGULO SUL NORTE ZONA DA MATA RMBH TRIANGULO SUL NORTE ZONA DA MATA RMBH TRIANGULO SUL NORTE ZONA DA MATA RMBH TRIANGULO SUL NORTE ZONA DA MATA SUB 13

8 5. Competições Sub 15, Sub 16 e Sub 17 Aumentar os participantes e crescer o nível técnico dos atletas; Campeonatos Estaduais com etapas regionais e final (Sub 15 e Sub 17); Incentivar a realização de Copas Interestaduais. Quantidade de equipes - Sub 15, sub 16 e Sub MASCULINO EQUIPES SUB SUB SUB

9 6. Basquete feminino Estabelecer pólos do basquete feminino; Ampliar o número de equipes: Sub 13, Sub 15 e Sub 17. Quantidade de equipes por categoria/ idade 30 FEMININO EQUPES SUB SUB ADULTO

10 7. Seleções Mineiras Ficar entre os 3(três) primeiros colocados em todos os Campeonatos de Base da CBB. ANO SUB 15 M SUB 15 F SUB 17 M SUB 17 F o lugar (1a Div.) 8o lugar (1a Div.) Vice-campeão (1a Div.) Campeão (3a Div.) 2012 Campeão (1a Div.) Campeão (2a Div.) 3o lugar (1a Div.) Vice-campeão (2a Div,) Criar um Programa de Identificação e Aprimoramento de Talentos do Sub 14 a sub Alto Rendimento Ter no mínimo 02 equipes na Copa do Brasil. Aumentar o número de participantes no LDB. Criar uma Copa Interestadual MG, DF, RJ e ES como preparação para o NBB. Ter uma equipe feminina adulta na Liga Nacional.

11 9. Eventos Promover o Basquete 3x3, em várias regiões do Estado. Etapa Regional Etapa Final Etapa Regional Etapa Regional Etapa Regional

12 10. Marketing & Comunicação Maior presença Ampliar comunicação & implementar novos processos Cadastro de jornalistas esportivos Matérias especiais em sites e blogs Parceria com veículos mineiros (EM, Itatiaia, TV Alterosa,...) Funcionário para comunicação Novo Site Novo sistema relacionamento Apoio Governo e Prefeituras Presença nas Redes Sociais CBB Clubes e Escolas Notas oficiais Identificar formadores de opinião Releases semanais Iniciativa privada Projetos incentivados IRPJ e ICMS (2014) Viabilidade financeira

13

14 Resultados 2013 Categoria Masculina SUB13 SUB15 SUB17 ADULTO Categoria Feminina SUB13 SUB15 SUB17

15 Orçamento Projeto Categoria Total (R$mil) # Atletas R$/ atleta Programa de Capacitação 102,3 Multiplicadores 43,1 Festivais de Mini Basquete 75, Campeonato Estadual Sub 13 M 39, Sub 14 M 32, Sub 15 M 49, Sub 16 M 30, Sub 17 M 46, Sub 15 F 38, Sub 17 F 28, Seleções Mineiras 77, Aprimoramento de Talentos 40, x3 88, Modernização FMB 88, , ,0 FMB Fontes e recursos, (R$ mil) 780 O orçamento anual base da FMB é de aproximadamente R$780mil; Recursos próprios e patrocínios somam R$278mil (35,6%); Existe um gap de R$503mil para a execução do planejamento proposto. Alocação do orçamento da FMB -503 Gap Demanda Recursos Proprios Patrocinios Gov Estadual ALMG PBH

16

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO

PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO DO BASQUETE MINEIRO O que é? O Programa de Desenvolvimento do Basquete Mineiro (PDBM) é um projeto focado no atendimento as demandas dos clubes e escolas, em novas metodologias

Leia mais

Gestão e Marketing Esportivo. Prof. José Carlos Brunoro

Gestão e Marketing Esportivo. Prof. José Carlos Brunoro Gestão e Marketing Esportivo Prof. José Carlos Brunoro O Sucesso depende de 3 pontos importantes 1. CONHECIMENTO 2. LIDERANÇA 3. CONDUTA PESSOAL 1 CONHECIMENTO Estudo Constante Aprender com todos Idioma

Leia mais

Crianças e jovens, de 09 até 17 anos de idade, participam de Escolinha e das Equipes nas competições oficiais.

Crianças e jovens, de 09 até 17 anos de idade, participam de Escolinha e das Equipes nas competições oficiais. ABIG / JEQUIÁ BASQUETE * Localizado na Ilha do Governador * Há 40 anos participando das competições de Basquete no Estado do Rio de Janeiro * Equipes participando de 5 categorias nesta temporada Crianças

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2006 GINÁSTICA ARTÍSTICA. * COPA A! BODYTECH de GINÁSTICA OLÍMPICA 06 / 05 / 06.

RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2006 GINÁSTICA ARTÍSTICA. * COPA A! BODYTECH de GINÁSTICA OLÍMPICA 06 / 05 / 06. RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2006 GINÁSTICA ARTÍSTICA Eventos realizados na Ginástica Artística com o apoio da FGERJ. * COPA A! BODYTECH de GINÁSTICA OLÍMPICA 06 / 05 / 06. * COPA do Clube de Regatas Vasco

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO

PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO SUMÁRIO 01. INTRODUÇÃO 01. a. APRESENTAÇÃO DA FEDERAÇÃO 03 01. b. DIFERENCIAIS COMPETITIVOS 04 02. PRINCIPIOS NORTEADORES 02. a. MISSÃO 05 02. b. VISÃO 05 02. c. VALORES 05 02.

Leia mais

APRESENTAÇÃO JORGE HACHIYA SAEKI (11) 3016-8450 / 9.9996-1546

APRESENTAÇÃO JORGE HACHIYA SAEKI (11) 3016-8450 / 9.9996-1546 APRESENTAÇÃO Jorge Hachiya Saeki é advogado, sócio do Clube de Campo de São Paulo onde já atuou na diretoria do departamento de golfe, atualmente faz parte da diretoria da Federação Paulista de Golfe no

Leia mais

Proposta de projetos para o desenvolvimento do remo nacional Autor: Gustavo Maia Atualizado em: 27/03/2015

Proposta de projetos para o desenvolvimento do remo nacional Autor: Gustavo Maia Atualizado em: 27/03/2015 P1. Implantação e manutenção de unidades gerenciais na CBR Aumentar o nível de maturidade gerencial da CBR A melhoria do gerenciamento da CBR causará impacto positivo em todas as partes interessadas Captação

Leia mais

Pólo Aquático Calendário Anual

Pólo Aquático Calendário Anual Pólo Aquático Calendário Anual O Clube Paineiras Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua programação sociocultural, com grandes

Leia mais

PLANEJAMENTO II DETECÇÃO NACIONAL DE TALENTOS DO BRASIL 2012. Fase 1. Detecção Municipal nos 27 Estados do Brasil 25 de março (domingo)

PLANEJAMENTO II DETECÇÃO NACIONAL DE TALENTOS DO BRASIL 2012. Fase 1. Detecção Municipal nos 27 Estados do Brasil 25 de março (domingo) A Liderança de Seleções, no uso das atribuições que lhe foram concedidas pela Confederação Brasileira de Tênis de Mesa CBTM, conforme disposto no Estatuto desta Entidade, Art. 4º, no Regulamento Geral

Leia mais

Daniela Bassi Técnica e Atleta Associação Jauense de Tênis de Mesa

Daniela Bassi Técnica e Atleta Associação Jauense de Tênis de Mesa Daniela Bassi Técnica e Atleta Associação Jauense de Tênis de Mesa CURRICULUM IDENTIFICAÇÃO PESSOAL Nome: Daniela Bassi Naturalidade: Quatigua PR Data de Nascimento: 01/11/79 Idade: 33 anos Estado Civil:

Leia mais

R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1

R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1 R e g u l a m e n t o Q u a d r a n g u l a r d e A s c e n s o / D e s c e n s o N B B - 2 0 1 2 / 2 0 1 3 Página 1 1. Competição: Quadrangular de Ascenso e Descenso do NBB 2012/2013 2. Bases legais a.

Leia mais

Rede Nacional de Treinamento de Atletismo

Rede Nacional de Treinamento de Atletismo Belo Horizonte (MG) UFMG Rio de Janeiro (RJ) CEFAN São Paulo (SP) CEPEUSP / Pinheiros São Bernardo do Campo, SP Rio de Janeiro (RJ) ESEFEX Porto Alegre (RS) CETE Legado dos Jogos Olímpicos de 2016 Lei

Leia mais

III Seminário Gestão e Otimização dos Espaços de Cultura, Esporte e Lazer

III Seminário Gestão e Otimização dos Espaços de Cultura, Esporte e Lazer III Seminário Gestão e Otimização dos Espaços de Cultura, Esporte e Lazer Unidades SESI 94 Unidades em 77 Municípios: 30 unidades escolares 43 unidades multioperacionais 6 Clubes 4 Centros de Cultura 6

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER. Lançamento oficial dos programas, projetos e ações do esporte e Lazer 2013

SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER. Lançamento oficial dos programas, projetos e ações do esporte e Lazer 2013 SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER Lançamento oficial dos programas, projetos e ações do esporte e Lazer 2013 Equipe Smel 2013 Programas e ações de Esporte e Lazer de Uberaba em 2013 Programa Esporte

Leia mais

Projeto: Futsal Clube Belo Horizonte

Projeto: Futsal Clube Belo Horizonte Projeto: Futsal Clube Belo Horizonte Fundada em 4 de julho de 2012, a partir de um grupo de profissionais que acredita no poder transformador do esporte e da cultura na sociedade, a Movimenta Brasil tem

Leia mais

Natação Calendário Anual

Natação Calendário Anual Natação Calendário Anual O Clube Paineiras Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua programação sociocultural, com grandes shows

Leia mais

Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras - SELAM

Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras - SELAM Secretaria de Esportes, Lazer e Atividades Motoras - SELAM PPA 2014 / 2017 Administração 2013 / 2016 Prefeito: Gabriel Ferrato Vice-Prefeito: João Chaddad Secretário de Esportes, Lazer e Atividades Motoras:

Leia mais

OBJETIVO CARACTERIZAÇÃO

OBJETIVO CARACTERIZAÇÃO OBJETIVO Incrementar a economia digital do Estado de Alagoas e seus benefícios para a economia local, através de ações para qualificação, aumento de competitividade e integração das empresas e organizações

Leia mais

PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI

PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI Temporada 2016/2017 Breve Histórico Criado pelo medalhista olímpico Flávio Canto em 2003, o Instituto Reação é uma organização não governamental que promove o desenvolvimento

Leia mais

Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE

Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE PATROCINE os Esportes do Paineiras! O Clube Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua ampla

Leia mais

Atingir Escolinhas de Futebol e Futsal em todos os Estados Brasileiros, oferecendo uma competição de alto nível, planejada, organizada e contínua;

Atingir Escolinhas de Futebol e Futsal em todos os Estados Brasileiros, oferecendo uma competição de alto nível, planejada, organizada e contínua; A ABEFF A ABEFF é uma associação sem fins lucrativos que visa oportunizar, organizar, representar e defender as entidades que se denominam Escolinhas de Futebol e de Futsal e Futsete, setor este, que tem

Leia mais

PROGRAMA ESPORTIVO PARA ASSOCIADOS

PROGRAMA ESPORTIVO PARA ASSOCIADOS FÓRUM NACIONAL DE GESTORES E PROFISSIONAIS DE CLUBES PROGRAMA ESPORTIVO PARA ASSOCIADOS DE CLUBES DE ESPECTADOR A PRINCIPAL ATOR CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CLUBES Palestrante: ROBERTO LIBARDI Administrador

Leia mais

PREFEITURA DE CAXIAS DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DO ESPORTE E LAZER FINANCIAMENTO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE E LAZER - FIESPORTE

PREFEITURA DE CAXIAS DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DO ESPORTE E LAZER FINANCIAMENTO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE E LAZER - FIESPORTE PREFEITURA DE CAXIAS DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DO ESPORTE E LAZER FINANCIAMENTO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE E LAZER - EDITAL DO CONCURSO Nº 01/2014 SMEL ANEXO II A. IDENTIFICAÇÃO DO PROPONENTE

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO DEPARTAMENTO TECNICO PARA O SEGUNDO SEMESTRE - 2006

PROGRAMAÇÃO DO DEPARTAMENTO TECNICO PARA O SEGUNDO SEMESTRE - 2006 PROGRAMAÇÃO DO DEPARTAMENTO TECNICO PARA O SEGUNDO SEMESTRE - 2006 O Taekwondo brasileiro está passando por grandes transformações em sua estrutura administrativa e política. Nos últimos anos, devido a

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES E PROJETOS EXECUTADOS EM 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES E PROJETOS EXECUTADOS EM 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES E PROJETOS EXECUTADOS EM 2004 A Fundação Aprender, no ano de 2004, procurou cumprir as etapas previstas no Planejamento 2003, levando a efeito iniciativas no sentido de ampliar

Leia mais

A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA

A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA 1 A HISTÓRIA DA MODALIDADE EM INDAIATUBA O handebol é praticado em Indaiatuba há 20 anos. Nos primeiros anos sem um forte trabalho de base, os times foram montados com atletas migrados de outros esportes

Leia mais

PLANO DE TRABALHO CANOAGEM VELOCIDADE

PLANO DE TRABALHO CANOAGEM VELOCIDADE Versão 1 26/08/2015 PLANO DE TRABALHO CANOAGEM VELOCIDADE CRITÉRIOS PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS INTERNACIONAIS PARA O ANO DE 2016 E CONVOCAÇÃO PARA O CENTRO DE TREINAMENTO Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2.

Leia mais

Projetos de Captação de Recursos do Ministério Público do Trabalho

Projetos de Captação de Recursos do Ministério Público do Trabalho Plano de Gestão 2015-2017 Projetos de Captação de Recursos do Ministério Público do Trabalho Superintendência de Planejamento e Gestão Outubro/2015 Introdução Os recursos oriundos de multas ou indenizações

Leia mais

Empresa que atua desde 2001 com marketing de relacionamento corporativo por meio de eventos esportivos. 6 edições em SP e RJ 2001 a 2005

Empresa que atua desde 2001 com marketing de relacionamento corporativo por meio de eventos esportivos. 6 edições em SP e RJ 2001 a 2005 Organização: Apoio: Histórico 2001-2006 Empresa que atua desde 2001 com marketing de relacionamento corporativo por meio de eventos esportivos. Eventos: 5 edições em SP e RJ 2003 a 2005 6 edições em SP

Leia mais

A. D. HANDEBOL MASCULINO 15 DE PIRACICABA PROJETO DE PATROCÍNIO TEMPORADA 2010

A. D. HANDEBOL MASCULINO 15 DE PIRACICABA PROJETO DE PATROCÍNIO TEMPORADA 2010 A. D. HANDEBOL MASCULINO 15 DE PIRACICABA PROJETO DE PATROCÍNIO TEMPORADA 2010 A História da Modalidade O Handebol: O jogo de "Urânia" era praticado com as mãos na antiga Grécia com uma bola do tamanho

Leia mais

ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA

ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA Projeto enviado por Lúcia de Fátima Albuquerque Silva - Juíza de Direito Titular da Vara Criminal e da Infância e da Juventude

Leia mais

Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados

Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados Governo federal e governo do Estado de São Paulo constroem o maior legado dos Jogos Paraolímpicos de 2016 para

Leia mais

José Ricardo Rezende Técnico da Secretaria de Esporte SEMES Prefeitura de Sorocaba 09/11/2011 CIESP / REGIONAL SOROCABA

José Ricardo Rezende Técnico da Secretaria de Esporte SEMES Prefeitura de Sorocaba 09/11/2011 CIESP / REGIONAL SOROCABA José Ricardo Rezende Técnico da Secretaria de Esporte SEMES Prefeitura de Sorocaba 09/11/2011 CIESP / REGIONAL SOROCABA LEI FEDERAL Nº 11.438/06 PROPONENTE (Entidade desportiva) PROJETO DESPORTIVO APOIADOR

Leia mais

LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE UM DIREITO SEU QUE TRANSFORMA VIDAS

LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE UM DIREITO SEU QUE TRANSFORMA VIDAS LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE UM DIREITO SEU QUE TRANSFORMA VIDAS Realização: OS TRÊS SERVIÇOS PIRÂMIDE INSTITUCIONAL ORGANOGRAMA: SEDE O QUE É: Uma ação socioesportiva que transforma positivamente a vida

Leia mais

Plano Brasil Medalhas Rio 2016 Plano Esportivo Comentado - 2014

Plano Brasil Medalhas Rio 2016 Plano Esportivo Comentado - 2014 Plano Brasil Medalhas Rio 2016 Plano Esportivo Comentado - 2014 Dados do Atleta Nome: Nome completo do atleta Escolaridade: Cidade: Especificar o nível de escolaridade do atleta Cidade onde reside e receberá

Leia mais

A equipe de basquetebol eleita para ser investigada tem sua sede no município

A equipe de basquetebol eleita para ser investigada tem sua sede no município A HISTÓRIA DO BASQUETE MASCULINO PROFISSIONAL DE LONDRINA (1996-2004) EDSON HIRATA PPG- UEPG/CEFET PR - Campo Mourão LUIZ ALBERTO PILATTI CEFET PR - Ponta Grossa INTRODUÇÃO A equipe de basquetebol eleita

Leia mais

SÃO PAULO, DEZEMBRO 2014

SÃO PAULO, DEZEMBRO 2014 SÃO PAULO, DEZEMBRO 2014 Objetivo e público Programa para incentivar a prática esportiva nas escolas, democratizar o acesso ao esporte, desenvolver e difundir valores olímpicos e paraolímpicos entre estudantes

Leia mais

1- Informar os resultados e a classificação final dos Campeonatos Estaduais Fase Final, categorias Sub 13, Sub 14, Sub 15 e Sub 16.

1- Informar os resultados e a classificação final dos Campeonatos Estaduais Fase Final, categorias Sub 13, Sub 14, Sub 15 e Sub 16. NOTA OFICIAL 097.2015 DA COORDENAÇÃO TÉCNICA 1- Informar os resultados e a classificação final dos Campeonatos Estaduais Fase Final, categorias Sub 13, Sub 14, Sub 15 e Sub 16. FASE DE CLASSIFICAÇÃO SUB

Leia mais

Prospecto para Patrocínadores

Prospecto para Patrocínadores Esporte Clube São Bento Prospecto para Patrocínadores Apresentação A Ogli Consultoria e Gestão de Negócios, terá a responsabilidade de gerir todo o projeto desde a captação de recursos, formação de elenco

Leia mais

NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG

NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG NÚCLEO CONSTRUÇÃO E CIDADANIA DO SICEPOT-MG SICEPOT-MG CONSTRUINDO UM MUNDO MELHOR O Núcleo Construção e Cidadania foi criado em 1995 para coordenar, planejar e executar as ações de Responsabilidade Social

Leia mais

Rede Nacional de Treinamento Legado olímpico para a infraestrutura do esporte brasileiro

Rede Nacional de Treinamento Legado olímpico para a infraestrutura do esporte brasileiro Rede Nacional de Treinamento Legado olímpico para a infraestrutura do esporte brasileiro Parque Poliesportivo do Campus Central da UFRN, a ser inaugurado nesta terça-feira (29.04.14) em Natal, é mais uma

Leia mais

Gestão pela Excelência

Gestão pela Excelência OLIMPÍADA DA BAIXADA Gestão pela Excelência Triplo E Excelente Experiência Esportiva PROF. MS LUCIO MACEDO Academia Olímpica Brasileira Gestão pela Excelência 13 Municípios Participantes Belford Roxo

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUDESTE DE MINAS GERAIS Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI 2014-2016 Versão 1.0 1 APRESENTAÇÃO O Planejamento

Leia mais

BASQUETE FEMININO DE BLUMENAU FMD BLUMENAU / VASTO VERDE PROPOSTA DE PARCERIA

BASQUETE FEMININO DE BLUMENAU FMD BLUMENAU / VASTO VERDE PROPOSTA DE PARCERIA BASQUETE FEMININO DE BLUMENAU FMD BLUMENAU / VASTO VERDE PROPOSTA DE PARCERIA As empresas cidadãs como são chamadas as empresas que se utilizam do marketing social, sabem da importância de sua imagem e

Leia mais

PROJETO de REVITALIZAÇÃO do FUTEBOL CAPIXABA 2009-2014. João Henrique Areias. Diretor Executivo da Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo

PROJETO de REVITALIZAÇÃO do FUTEBOL CAPIXABA 2009-2014. João Henrique Areias. Diretor Executivo da Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo PROJETO de REVITALIZAÇÃO do 2009-2014 João Henrique Areias Diretor Executivo da Federação de Futebol do Estado do Espírito Santo Curriculum 1973-1974 Grupo Tristão - RJ 1975-1987 IBM Brasil Vendas Marketing

Leia mais

Projeto Voleibol Valinhos

Projeto Voleibol Valinhos Projeto Voleibol Valinhos Atualmente o Country Club Valinhos em parceria com a Prefeitura Municipal de Valinhos e apoiado pela Lei Paulista de Incentivo ao Esporte possui 4 categorias de Voleibol Feminino,

Leia mais

Gabinete de Secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo/SECOPA

Gabinete de Secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo/SECOPA Gabinete de Secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo/SECOPA RELATÓRIO DE EXECUÇÃO 2ª ETAPA DO ACORDO DE RESULTADOS PERÍODO DE REFERÊNCIA: 2011 Belo Horizonte, maio de 2012 SUMÁRIO ITEM PÁGINA

Leia mais

RELATÓRIO DE OUVIDORIA CAMPEONATO MINEIRO UNICEF 2015 MÓDULO II

RELATÓRIO DE OUVIDORIA CAMPEONATO MINEIRO UNICEF 2015 MÓDULO II RELATÓRIO DE OUVIDORIA CAMPEONATO MINEIRO UNICEF 2015 MÓDULO II Conforme determinam o art. 6º da Lei 10.671/03 e o art. 87 do Estatuto da FMF, sirvo-me do presente para apresentar o relatório da Ouvidoria

Leia mais

Workshop (Da Estrutura e Desenvolvimento)

Workshop (Da Estrutura e Desenvolvimento) NOTA PRÉVIA: Dada a diversidade e quantidade de ideias e propostas manifestadas, optou por fazer-se uma síntese dos assuntos abordados retirando os comentários e as trocas de opiniões que entretanto surgiram,

Leia mais

柔 道 パウリスタ. Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016:

柔 道 パウリスタ. Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016: Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016: Convênios Número do Convênio SIAFI: 755940 Situação: Aguardando Prestação

Leia mais

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann Esporte na Educação Olimpismo O Olimpismo é uma filosofia de vida que defende a formação de uma consciência pacifista, democrática, humanitária, cultural e ecológica por meio da prática esportiva. COB

Leia mais

Futebol alemão X Futebol brasileiro

Futebol alemão X Futebol brasileiro Futebol alemão X Futebol brasileiro Um fez sua revolução. Outro nem começou! Novembro de 2015 A revolução na Alemanha Eliminação precoce na Eurocopa de 2000 impulsionou as mudanças. Plano de longo prazo

Leia mais

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL IDENTIFICAÇÃO Nome: Saulo Augusto Rocha Nascimento Sexo: Masculino Estado civil: Solteiro Data de Nascimento: 19/04/1985 Idade: 25 anos Endereço: Rua Nestor Soares de Melo, n 25, 202 Bairro: Palmares Cidade:

Leia mais

Coordenação: João Henrique Lara do Amaral Cynthya Almeida Coradi Relatoria: Stela Maris Aguiar Lemos

Coordenação: João Henrique Lara do Amaral Cynthya Almeida Coradi Relatoria: Stela Maris Aguiar Lemos RELATÓRIO OFICINA FNEPAS ESTADUAL MINAS GERAIS INTEGRALIDADE E QUALIDADE NA FORMAÇÃO E NAS PRÁTICAS EM SAÚDE: Integrando Formação, Serviços, Gestores e Usuários Local: COBEM Uberlândia Data: 22 de outubro

Leia mais

PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL

PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL Dir. Nac. de Marketing Jun/13 APRESENTAÇÃO As emoções da Copa Espírito Santo de Futebol estão de volta. A Rede Vitória, pelo sexto ano consecutivo,

Leia mais

IV Encontro Nacional de Escolas de Servidores e Gestores de Pessoas do Poder Judiciário Rio de Janeiro set/2012

IV Encontro Nacional de Escolas de Servidores e Gestores de Pessoas do Poder Judiciário Rio de Janeiro set/2012 IV Encontro Nacional de Escolas de Servidores e Gestores de Pessoas do Poder Judiciário Rio de Janeiro set/2012 Rosely Vieira Consultora Organizacional Mestranda em Adm. Pública Presidente do FECJUS Educação

Leia mais

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL

TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL TEXTO BASE PARA UM POLÍTICA NACIONAL NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO PATRIMONIAL Eixos Temáticos, Diretrizes e Ações Documento final do II Encontro Nacional de Educação Patrimonial (Ouro Preto - MG, 17 a 21 de julho

Leia mais

RG Nº: 804.950-SSP/MT. CPF Nº: 276.523.359-49 Estado civil: Casado

RG Nº: 804.950-SSP/MT. CPF Nº: 276.523.359-49 Estado civil: Casado Curriculum Vitae l- DADOS PESSOAIS: Nome: Gilmar Geraldo Ferreira Filiação: Osmar Ferreira Costa Maria José de Moura Ferreira Data de nascimento: 10.06.53 Naturalidade: Barbosa Ferraz- Paraná-PR Nacionalidade:

Leia mais

PROJETO DE CONSTRUÇÃO DA SEDE DO REAL MARÉ F.C.

PROJETO DE CONSTRUÇÃO DA SEDE DO REAL MARÉ F.C. PROJETO DE CONSTRUÇÃO DA SEDE DO REAL MARÉ F.C. O lugar O Complexo da Maré é um agrupamento de favelas e conjuntos habitacionais na zona norte da cidade, um dos maiores do RJ. No universo de 28 grupos

Leia mais

Futebol do Futuro. Resultados da Pesquisa: Os principais Problemas do Futebol Brasileiro

Futebol do Futuro. Resultados da Pesquisa: Os principais Problemas do Futebol Brasileiro Futebol do Futuro Resultados da Pesquisa: Os principais Problemas do Futebol Brasileiro Calendário Ruim, Baixa qualidade dos jogos, Clubes insolventes, Insegurança dos torcedores, Estádios vazios. Esses

Leia mais

Número de. Empregados. Pessoa Física Nenhum R$ 50,00 R$ 600,00. Microempresa Até 5 R$ 70,00 R$ 840,00. Acima de 5 R$ 400,00 R$ 4800,00

Número de. Empregados. Pessoa Física Nenhum R$ 50,00 R$ 600,00. Microempresa Até 5 R$ 70,00 R$ 840,00. Acima de 5 R$ 400,00 R$ 4800,00 FICHA DE ADESÃO Por esta Ficha de adesão, solicito meu ingresso como associado da ABRIMPE ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE INCENTIVO E MELHORIA EM PROJETOS EMPRESARIAIS, EMPREENDEDORISMO E EDUCACIONAL, comprometendo-me

Leia mais

CADASTRO DE PROJETO ESPORTIVO. Estruturação da Federação Gaúcha de Rugby Duração prevista (máximo de 12 meses) R$ 40.361,45

CADASTRO DE PROJETO ESPORTIVO. Estruturação da Federação Gaúcha de Rugby Duração prevista (máximo de 12 meses) R$ 40.361,45 1 PRÓ-ESPORTE/RS CADASTRO DE PROJETO ESPORTIVO 1. DADOS DO PROJETO Nome do projeto Estruturação da Federação Gaúcha de Rugby Duração prevista (máximo de 12 meses) 12 meses Endereço onde o projeto será

Leia mais

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013

UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013 UNICEF BRASIL Edital de Seleção de Consultor: RH/2014/013 O UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Organização mundial pioneira na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, convida profissionais

Leia mais

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1

Planejamento Estratégico 2007 2008. Quatro Projetos da Equipe 1 Planejamento Estratégico 2007 2008 Objetivo Estratégico: Estimular criação / desenvolvimento e fortalecimento de programas estaduais e setoriais. Quatro Projetos da Equipe 1 revisão em 26/09/2007 Missão:

Leia mais

AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS

AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS AÇÕES SOCIAIS, AMBIENTAIS E CULTURAIS Relatório de Atividades 2014 Sumário 1.0 Introdução - Pág 3 2.0 Quem Somos, Estatísticas, Valores - Pág 4 3.0 Projetos 2014 - Pág 5 a 15 3.1 Novo site - Pág 5 a 12

Leia mais

Projeto Cidades da Copa PLANO DE AÇÃO PORTO ALEGRE - RS

Projeto Cidades da Copa PLANO DE AÇÃO PORTO ALEGRE - RS Projeto Cidades da Copa PLANO DE AÇÃO PORTO ALEGRE - RS PORTO ALEGRE EM AÇÃO É ESPORTE E EDUCAÇÃO O esporte não é educativo a priori, é o educador que precisa fazer dele ao mesmo tempo um objeto e meio

Leia mais

ESPORTE. Foto: Fabio Arantes/ Secom/ PMSP

ESPORTE. Foto: Fabio Arantes/ Secom/ PMSP ESPORTE O partido Solidariedade está atento à necessidade do esporte na vida da população. Entendemos que ele é uma importante ferramenta para retirar crianças das ruas e assim, reduzir a violência e o

Leia mais

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas.

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas. 1 Análise de comparação dos resultados dos alunos/atletas do Atletismo, categoria infanto, nos Jogos Escolares Brasiliense & Olimpíadas Escolares Brasileira. Autora: Betânia Pereira Feitosa Orientador:

Leia mais

A MAIOR PREMIAÇÃO DO ESPORTE PARAENSE

A MAIOR PREMIAÇÃO DO ESPORTE PARAENSE 2 0 1 3 A MAIOR PREMIAÇÃO DO ESPORTE PARAENSE TROFÉU ROMULO MAIORANA (TRM) transformando o esporte em uma poderosa ferramenta de comunicação. Reconhecendo e premiando os ídolos do desporto no Estado, e

Leia mais

RESUMO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DO SESCOOP/AM

RESUMO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DO SESCOOP/AM RESUMO DO PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO DO SESCOOP/AM MISSÃO DO SESCOOP Promover o desenvolvimento do Cooperativismo de forma integrada e sustentável, por meio da formação profissional, da promoção social e

Leia mais

MANUAL DE DIRETRIZ E EXECUÇÃO 2013

MANUAL DE DIRETRIZ E EXECUÇÃO 2013 MANUAL DE DIRETRIZ E EXECUÇÃO 2013 1. APRESENTAÇÃO O Programa Minas Olímpica Oficina de Esportes é uma ação do Governo de Minas por meio da SEEJ, cujo objetivo é o fomento e desenvolvimento do esporte

Leia mais

Estrutura empresarial e Controle de Qualidade da Presidência ao Nível Técnico;

Estrutura empresarial e Controle de Qualidade da Presidência ao Nível Técnico; Estrutura empresarial e Controle de Qualidade da Presidência ao Nível Técnico; Geraldo José Piancó Junior _ Rio de Janeiro - Brasil 1. O Contexto O Futebol alcançou no mundo moderno o "status" de maior

Leia mais

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional

Associativismo a modernização do sindicalismo nacional A união faz a força O dito popular encaixa-se como uma luva quando o assunto é associativismo o assunto em pauta no meio sindical. As principais confederações patronais do País estão investindo nessa bandeira

Leia mais

EIXOS DA POLÍTICA PÚBLICA DO ESPORTE PARA JUVENTUDE

EIXOS DA POLÍTICA PÚBLICA DO ESPORTE PARA JUVENTUDE MINISTÉRIO DO ESPORTE EIXOS DA POLÍTICA PÚBLICA DO ESPORTE PARA JUVENTUDE APOLINÁRIO REBELO DANIELLE FERMIANO DOS SANTOS GRUNEICH Representantes do Ministério do Esporte no CONJUVE Marco no Governo Lula:

Leia mais

ESPORTE CLUBE PINHEIROS

ESPORTE CLUBE PINHEIROS EC PINHEIROS 2012 NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 113 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais de primeiro nível. 170.000 m² de

Leia mais

PLANO DE TRABALHO FUTEBOL

PLANO DE TRABALHO FUTEBOL PLANO DE TRABALHO FUTEBOL Telefone: (44) 3220-5750 E-mail: centrosesportivos@maringa.pr.gov.br EQUIPE ORGANIZADORA SECRETARIO MUNICIPAL DE ESPORTES E LAZER Francisco Favoto DIRETOR DE ESPORTES E LAZER

Leia mais

Presidente: Sami Arap Sobrinho Vice Presidente: Werner Grau Neto

Presidente: Sami Arap Sobrinho Vice Presidente: Werner Grau Neto PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO 2010 Confederação Brasileira de Rugby ( CBRu ) Presidente: Sami Arap Sobrinho Vice Presidente: Werner Grau Neto Diretor eo Esportivo: o Antonio omartoni Diretor de Desenvolvimento:

Leia mais

A experiência da Assessoria de Comunicação dos grupos de Educação Tutorial na UFJF 1

A experiência da Assessoria de Comunicação dos grupos de Educação Tutorial na UFJF 1 A experiência da Assessoria de Comunicação dos grupos de Educação Tutorial na UFJF 1 Isabela LOURENÇO 2 Caio Cardoso de QUEIROZ 3 Francisco José Paoliello PIMENTA 4 Universidade Federal de Juiz de Fora,

Leia mais

QUEM SOMOS CAPOEIRA QUE TE QUERO...OLÍMPICA!

QUEM SOMOS CAPOEIRA QUE TE QUERO...OLÍMPICA! QUEM SOMOS CAPOEIRA QUE TE QUERO...OLÍMPICA! Mais que um slogan, mais que um Programa, é a força que move esta Rede, integrada pela Confederação Internacional, Federação Brasileira, Federação Paulista,

Leia mais

Resoluções sobre Financiamento das três edições da Conferência Nacional do Esporte

Resoluções sobre Financiamento das três edições da Conferência Nacional do Esporte SEMINÁRIO NACIONAL DO ESPORTE EM CONSTRUÇÃO: SISTEMAS PÚBLICOS NACIONAIS E MODELOS ESPORTIVOS INTERNACIONAIS Resoluções sobre Financiamento das três edições da Conferência Nacional do Esporte Prof. Dr.

Leia mais

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010.

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010. COPA SENAI 2010 REGULAMENTO GERAL SESI SENAI - SP 2010 REGULAMENTO GERAL FASE INTERCLASSES I DOS OBJETIVOS Art. 01 A COPA SENAI 2010, tem por finalidade o bem estar e a integração do aluno perante a sociedade

Leia mais

COACHING DESPORTIVO APLICADO ÀS

COACHING DESPORTIVO APLICADO ÀS Formação COACHING DESPORTIVO APLICADO ÀS - A Liderança do Desporto para as Organizações - Luanda Lisboa Fev. 2015 Em parceria com Apresentação Alcançar elevados níveis de desempenho e obter o máximo de

Leia mais

PREFEITURA DE CAXIAS DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DO ESPORTE E LAZER FINANCIAMENTO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE E LAZER - FIESPORTE

PREFEITURA DE CAXIAS DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DO ESPORTE E LAZER FINANCIAMENTO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE E LAZER - FIESPORTE PREFEITURA DE CAXIAS DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DO ESPORTE E LAZER FINANCIAMENTO MUNICIPAL DE DESENVOLVIMENTO DO ESPORTE E LAZER - EDITAL DO CONCURSO Nº 01/2014 SMEL ANEXO II A. IDENTIFICAÇÃO DO PROPONENTE

Leia mais

MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE DE ALTO RENDIMENTO

MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE DE ALTO RENDIMENTO MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE DE ALTO RENDIMENTO PUBLICAÇÃO DAS PROPOSTAS HABILITADAS - EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 06/2013 CALENDÁRIO 2014 Aos oito dias do mês de maio de dois

Leia mais

Número de cadastro do proponente: 02SP020592008. Basquetebol sobre rodas desafiando limites

Número de cadastro do proponente: 02SP020592008. Basquetebol sobre rodas desafiando limites Número de cadastro do proponente: 02SP020592008 Basquetebol sobre rodas desafiando limites ASSOCIAÇÃO PARADESPORTIVA DA BAIXADA SANTISTA. A ASSOCIAÇÃO PARADESPORTIVA DA BAIXADA SANTISTA- APBS fundada em

Leia mais

Capacitação Gerencial PST

Capacitação Gerencial PST Capacitação Gerencial PST Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social SNELIS Ministério do Esporte Direito Social É dever do estado fomentar práticas desportivas formais e não formais:

Leia mais

FUTEBOL 2013 PATROCÍNIO CAMP. PAULISTA SÉRIE A2 SUPERCOPA INTERNAC. JR CAMP. PAULISTA SUB-20 COPA PAULISTA COBERTURA MUNDIAL DE CLUBES COPA

FUTEBOL 2013 PATROCÍNIO CAMP. PAULISTA SÉRIE A2 SUPERCOPA INTERNAC. JR CAMP. PAULISTA SUB-20 COPA PAULISTA COBERTURA MUNDIAL DE CLUBES COPA PATROCÍNIO JANEIRO DE 2013 REDETV! www.redetv.com.br CAMP. SÉRIE A2 SUPERCOPA INTERNAC. JR CAMP. SUB-20 COPA COBERTURA MUNDIAL DE CLUBES SÉRIE A2 SUPERCOPA INTERN. JR SUB-20 COPA www.redetv.com.br/comercial

Leia mais

EVENTOS. Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania

EVENTOS. Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania A União dos Vereadores do Estado de São Paulo UVESP, desde 1977 (há 38 anos) promove parceria com o Poder Legislativo para torná-lo cada vez mais forte, através de várias ações de capacitação e auxílio

Leia mais

Torneio de Futebol Entre Empresas. Uma Etapa do:

Torneio de Futebol Entre Empresas. Uma Etapa do: Torneio de Futebol Entre Empresas Uma Etapa do: Case Circuito Inter-Biz Em 2006, o torneio acontecerá entre os meses de julho e dezembro em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Campinas. Alguns dos participantes:

Leia mais

Consultoria: Alta Performance em Vendas

Consultoria: Alta Performance em Vendas MPRADO COOPERATIVAS Consultoria: Alta Performance em Vendas Apresentação: MPrado Consultoria Empresarial Uma das maiores consultorias em Agronegócio do Brasil; 15 anos de mercado; 70 Consultores em Gestão

Leia mais

Federação Portuguesa de Canoagem

Federação Portuguesa de Canoagem Federação Portuguesa de Canoagem Eleições Ciclo Olímpico 2012 a 2016 Carlos Cunha de Sousa Este documento serve para apresentar a todos, as linhas orientadoras para o mandato que me proponho fazer enquanto

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE MODALIDADES E TEMÁTICAS

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE MODALIDADES E TEMÁTICAS SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE MODALIDADES E TEMÁTICAS ESPECIAIS DE ENSINO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO ESPECIAL A Política

Leia mais

Terceiro Setor, Cultura e Responsabilidade Social. Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados. Todos os direitos reservados.

Terceiro Setor, Cultura e Responsabilidade Social. Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados. Todos os direitos reservados. Terceiro Setor, Cultura e Responsabilidade Social Mattos Filho, Veiga Filho, Marrey Jr. e Quiroga Advogados. Todos os direitos reservados. Nossos serviços Nossa equipe atende empresas que investem em responsabilidade

Leia mais

Futebol e arbitragem: o resultado da preparação

Futebol e arbitragem: o resultado da preparação Futebol e arbitragem: o resultado da preparação Sérgio Corrêa (presidente da Comissão de Arbitragem) Em recente artigo publicado em O Estado de São Paulo, o jornalista Ugo Giorgetti fez críticas à arbitragem

Leia mais

Programa Rede A PARCERIA CFC E SEBRAE: EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA EM RESPONSABILIDADE PROFISSIONAL E SOCIAL

Programa Rede A PARCERIA CFC E SEBRAE: EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA EM RESPONSABILIDADE PROFISSIONAL E SOCIAL Programa Rede A PARCERIA CFC E SEBRAE: EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA EM RESPONSABILIDADE PROFISSIONAL E SOCIAL JUSTIFICATIVA A experiência na implementação da primeira versão do Programa Contabilizando o Sucesso

Leia mais

Voleibol. Bernardo Rezende

Voleibol. Bernardo Rezende Voleibol Histórico e Desenvolvimento Bernardo Rezende d Voleibol Amador Panorama Histórico Anos 70 Início do desenvolvimento profissional Influência da Escola Japonesa Planejamentoamédioelongoprazo Planejamento

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA. Programa Pernambuco: Trabalho e Empreendedorismo da Mulher

TERMO DE REFERENCIA. Programa Pernambuco: Trabalho e Empreendedorismo da Mulher TERMO DE REFERENCIA Programa Pernambuco: Trabalho e Empreendedorismo da Mulher Supervisão Geral No âmbito do Programa Pernambuco: Trabalho e Empreendedorismo da Mulher, conveniado com a Secretaria Especial

Leia mais

PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016

PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016 PLANO COMERCIAL PÉ DE VENTO 2014 À 2016 QUEM SOMOS A Associação Atlética Pé de Vento é uma organização não governamental. Considerada hoje uma das maiores equipes de corrida de longa distância da América

Leia mais

PROJETO EXPORTAR BRASIL

PROJETO EXPORTAR BRASIL CNPJ: 10692.348/0001-40 PROJETO EXPORTAR BRASIL Apresentação da GS Educacional A GS Educacional faz parte de um grupo que trabalha há vários anos com cursos e serviços na área de comércio exterior e vem

Leia mais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 Belo Horizonte Brasil. Ações do Governo de Minas Gerais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 Belo Horizonte Brasil. Ações do Governo de Minas Gerais COPA DO MUNDO FIFA 2014 Belo Horizonte Brasil Ações do Governo de Minas Gerais 27 de Outubro de 2009 Roteiro Estratégia de Execução Modernização do Mineirão Reforma dos Estádios Alternativos Mobilidade

Leia mais