Direito Previdenciário

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Direito Previdenciário"

Transcrição

1 Direito Previdenciário Benefícios em espécie Aposentadoria Especial Parte 1 Prof. Bruno Valente

2 Art. 57 a 58 da Lei 8.213/91 Art. 64 a 70 do Decreto 3.048/99

3 O benefício de aposentadoria especial é uma garantia de proteção previdenciária para o segurado que labora em ambiente nocivo à sua saúde e à sua integridade física, o que naturalmente prejudica suas condições físicas e mentais a longo prazo. Preservar a integridade física e mental do segurado.

4 O risco social protegido pela aposentadoria especial está descrito no art. 201, 1º da CF e traz nítido carácter previdenciário, em razão da necessidade da proteção dos trabalhadores que estejam expostos a ambientes laborais degradantes e nocivos à sua saúde e integridade física.

5 É vedada a adoção de requisitos e critérios diferenciados para a concessão de aposentadoria aos beneficiários do regime geral de previdência social, ressalvados os casos de atividades exercidas sob condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física. (art. 201, 1º, CF)

6 A aposentadoria especial foi criada pelo art. 31 da Lei nº 3.807/60 (LOPS) e vem sendo mantida até os dias atuais. Inicialmente foi estipulada para proteger trabalhador que laboravam em ambiente penoso, perigoso e insalubre.

7 O rol de atividade consideradas especiais era disposto no anexo do Decreto nº /64 e no anexo II do Decreto nº /79, os quais tiveram ultra-atividade declarada pelo art. 152 da Lei 8.213/91, permanecendo vigentes mesmo após 1991.

8 Art. 152 A relação de atividades profissionais prejudiciais à saúde ou à integridade física deverá ser submetida à apreciação do Congresso Nacional, no prazo de 30 dias a partir da data da publicação desta lei, prevalecendo, até então, a lista constante da legislação atualmente em vigor.

9 Com a redação constitucional (originária), a Lei 9.032/95 e após a edição da EC nº 20/98, restringiu-se às situações prejudiciais à integridade física e à saúde, limitando a proteção para atividades de natureza insalubre, afastando a penosidade e a periculosidade.

10 O anexo IV do Decreto nº 2.172/97, substituído pelo anexo IV do Decreto nº 3.048/99 somente contemplam atividades insalubres como especiais. STJ tem posicionamento favorável eletricidade, mesmo após o advento do Decreto nº 2.172/97

11 Definição legal: A aposentadoria especial, uma vez cumprida a carência exigida, será devida ao segurado empregado, trabalhador avulso e contribuinte individual, este somente quando cooperado filiado a cooperativa de trabalho ou de produção, (...)

12 Definição legal: (...) que tenha trabalhado durante quinze, vinte ou vinte e cinco anos, conforme o caso, sujeito a condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física.

13 Requisitos: 1)Qualidade de segurado empregado, trabalhador avulso ou contribuinte individual (cooperado); Súmula 62 TNU - O segurado contribuinte individual pode obter reconhecimento de atividade especial para fins previdenciários, desde que consiga comprovar exposição a agentes nocivos à saúde ou à integridade física.

14 Requisitos: 2) Tempo de efetiva exposição a agentes nocivos pelo tempo mínimo de 15, 20 ou 25 anos; Possibilidade de conversão Anexo IV do Decreto nº 3.048/99 3) Exposição permanente, não ocasional.

15 Considera-se tempo de trabalho permanente aquele que é exercido de forma não ocasional nem intermitente, no qual a exposição do empregado, do trabalhador avulso ou do cooperado ao agente nocivo seja indissociável da produção do bem ou da prestação do serviço.

16 Requisitos: 4) Comprovação da efetiva exposição por meio de formulário próprio (perfil profissiográfico previdenciário - PPP);

17 O PPP constitui-se em um documento histórico laboral do trabalhador, segundo modelo instituído pelo INSS, conforme formulário do Anexo XV, que deve conter as seguintes informações básicas: I - Dados da Empresa e do Trabalhador; II - Registros Ambientais;

18 III - Resultados de Monitoração Biológica; e IV - Responsáveis pelas Informações. O PPP deverá ser assinado pelo representante legal da empresa ou seu preposto, que assumirá a responsabilidade sobre a fidedignidade das informações prestadas quanto a:

19 a) fiel transcrição dos registros administrativos; e b) veracidade das demonstrações ambientais e dos programas médicos de responsabilidade da empresa. A prestação de informações falsas no PPP constitui crime de falsidade ideológica e de falsificação de documento público.

20 Requisitos: 5) PPP produzido com base em laudo técnico das condições ambientais do trabalho LTCAT, elaborado por médico do trabalho ou engenheiro de segurança do trabalho (obrigação da empresa manter atualizado o LTCAT multa art. 283 RPS);

21 Requisitos: 6) LTCAT deve conter informações sobre a existência de EPC/EPI; (EPI Eficaz - STF Agravo (ARE) ) 7) LTCAT deve utilizar das normas do ANEXO IV do Decreto 3.048/99, da legislação trabalhista (NR 15 MTE) e metodologia da FUNDACENTRO;

Atualizações no preenchimento do PPP, conforme IN 77 de , Memo-Circular n 02 de e IN 85 de Ciesp Jundiaí 12/05/16

Atualizações no preenchimento do PPP, conforme IN 77 de , Memo-Circular n 02 de e IN 85 de Ciesp Jundiaí 12/05/16 Atualizações no preenchimento do PPP, conforme IN 77 de 21.01.15, Memo-Circular n 02 de 23.07.15 e IN 85 de 18.01.16 Ciesp Jundiaí 12/05/16 1 Preenchimento de PPP conforme IN 85 de 18.01.16 e atualizações

Leia mais

1. Tempo de Serviço em atividade prejudicial a saúde ou a integridade física 2. Carência 3. Manutenção da qualidade de segurado

1. Tempo de Serviço em atividade prejudicial a saúde ou a integridade física 2. Carência 3. Manutenção da qualidade de segurado APOSENTADORIA ESPECIAL É um tipo de aposentadoria por tempo de serviço, concedida ao segurado que trabalha em atividade prejudicial a saúde ou a integridade física (insalubre, penosa ou perigosa), durante

Leia mais

PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP DEMONSTRAÇÕES AMBIENTAIS PPRA PCMAT PGR COOPERATIVAS

PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP DEMONSTRAÇÕES AMBIENTAIS PPRA PCMAT PGR COOPERATIVAS PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP DEMONSTRAÇÕES AMBIENTAIS PPRA PCMAT PGR COOPERATIVAS Portaria n.º 3.214/78 Aprovou as Normas Regulamentadoras: (NR-7; NR-9; NR-15; NR-18; NR-22) Lei nº 8.212/91

Leia mais

Palavras-chave: Aposentadoria especial; direito à saúde; requisitos; extinção; trabalhador.

Palavras-chave: Aposentadoria especial; direito à saúde; requisitos; extinção; trabalhador. APOSENTADORIA ESPECIAL COM REFLEXOS NO DIREITO FUNDAMENTAL À SAÚDE Bruna Alexandre Juvêncio 1 ; Andréia Alves Soares; 2 Lourdes Rosalvo Silva dos Santos 3 Resumo: A pesquisa tem como finalidade um breve

Leia mais

a) PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário), com as informações sobre as atividades exercidas em condições especiais ou de risco,

a) PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário), com as informações sobre as atividades exercidas em condições especiais ou de risco, Dúvida: Recebemos hoje a decisão do TJ onde foi concedida a ordem de um Mandado de Injunção interposto pela Guarda Municipal, requerendo aposentadoria especial. Gostaríamos de uma orientação de como procedermos,

Leia mais

Aposentadoria Especial

Aposentadoria Especial Aposentadoria Especial Doutrina Indicada sobre Aposentadoria Especial Livro Aposentadoria Especial - Teoria e Prática da Adriane Bramante Livro Aposentadoria Especial - Regime Geral da Previdência Social

Leia mais

Aposentaria Especial dos Profissionais da Área de Saúde

Aposentaria Especial dos Profissionais da Área de Saúde Aposentaria Especial dos Profissionais da Área de Saúde Gabriel Tinoco Palatnic Procurador Geral do Município de Teresópolis Ex- Conselheiro do Conselho de Recursos do Seguro Social Coordenador e Professor

Leia mais

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O Escola de Engenharia de Lorena EEL SISTEMA NORMATIVO NORMA DE SEGURANÇA DO TRABALHO PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO (PPP) SSNS NS / CCL Nº 37 GSMT R E

Leia mais

A aposentadoria especial por sua vez poderá ser concedida aos 15, 20 ou 25 anos dependendo da penosidade da atividade de cada trabalhador

A aposentadoria especial por sua vez poderá ser concedida aos 15, 20 ou 25 anos dependendo da penosidade da atividade de cada trabalhador INTRODUÇÃO: Este laudo foi feito recentemente para um segurado cliente da Previcalc, trata-se de uma ação de revisão com objetivo de aplicar proporcionalmente o fato previdenciário, conforme explicativos

Leia mais

XIII Congresso Nacional de Previdência Social Caracterização de Atividades Periculosas na esfera Administrativa e Judicial Prof. Paulo Vitor Nazário

XIII Congresso Nacional de Previdência Social Caracterização de Atividades Periculosas na esfera Administrativa e Judicial Prof. Paulo Vitor Nazário XIII Congresso Nacional de Previdência Social Caracterização de Atividades Periculosas na esfera Administrativa e Judicial Prof. Paulo Vitor Nazário Sermann O que é periculosidade? Risco iminente de morte

Leia mais

OS DESAFIOS PARA A ELABORAÇÃO DO PPP E DO CONSTRUÇÃO

OS DESAFIOS PARA A ELABORAÇÃO DO PPP E DO CONSTRUÇÃO OS DESAFIOS PARA A ELABORAÇÃO DO PPP E DO LTCAT NA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO P P P (PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO) E LTCAT (LAUDO TÉCNICO DE CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO) PPP E LTCAT FUNDAMENTAÇÃO

Leia mais

MINUTA DE ANTEPROJETO DE LEI COMPLEMENTAR

MINUTA DE ANTEPROJETO DE LEI COMPLEMENTAR MINUTA DE ANTEPROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Regulamenta o inciso III do 4 do art. 40 da Constituição Federal, que dispõe sobre a concessão de aposentadoria especial ao servidor público titular de cargo efetivo

Leia mais

Assessoria jurídica orienta sobre direito à aposentadoria especial MI 904

Assessoria jurídica orienta sobre direito à aposentadoria especial MI 904 Aparecida, calma procure orientação especializada, Advogado Trabalhista e priu. Leia e procure orientação especializada, seus direitos serão preservados. Att, Bartolomeu Dias TST/Recife Acesse a fonte

Leia mais

MICHEL OLIVEIRA GOUVEIA

MICHEL OLIVEIRA GOUVEIA MICHEL OLIVEIRA GOUVEIA www.michelgouveia.adv.br Michel Gouveia (não respondo no messenger) Prof. Michel Gouveia Professor Michel Gouveia / Previtube michelogouveia michel@michelgouveia.adv.br É uma espécie

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.500695/2015-61 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Insalubridade Os Riscos Biológicos em Estabelecimentos de Serviços de Saúde. Histórico e Legislação

Insalubridade Os Riscos Biológicos em Estabelecimentos de Serviços de Saúde. Histórico e Legislação Insalubridade Os Riscos Biológicos em Estabelecimentos de Serviços de Saúde Histórico e Legislação Interpretação de normas jurídicas para: - Advogados - Assistentes Técnicos (Médicos e Engenheiros do Trabalho)

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.059869/2014-16 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

APOSENTADORIAS ESPECIAIS NO RGPS.

APOSENTADORIAS ESPECIAIS NO RGPS. APOSENTADORIAS ESPECIAIS NO RGPS BRUNO BAPTISTA bruno@baptistaevasconcelos.com.br 1) ESPÉCIES DE APOSENTADORIA ESPECIAIS: Art. 201, 1º da CR/88 (com redação da EC 47/2005): É vedada a adoção de requisitos

Leia mais

Carla de Carvalho Sousa Perito Médico INSS

Carla de Carvalho Sousa Perito Médico INSS Entendimento técnico-legal quanto ao critério qualitatio para exposição ocupacional aos agentes da LINACH e seus efeitos preiidenciários ( PPP)- Efcácia de proteções coletias e indiiiduais Carla de Carvalho

Leia mais

Direito Previdenciário e Infortunístico

Direito Previdenciário e Infortunístico Direito Previdenciário e Infortunístico - 7º tema Aposentadoria Especial. (o presente texto representa apenas anotações para exposição do autor sem validade para citação) Indicação: FREUDENTHAL, Sergio

Leia mais

Tempos computáveis pelo INSS para fins de concessão da aposentadoria Especial

Tempos computáveis pelo INSS para fins de concessão da aposentadoria Especial Tempos computáveis pelo INSS para fins de concessão da aposentadoria Especial Serão computados como tempo de serviço : - A partir de 29 de abril de 1995, data da publicação da Lei nº 9.032, a caracterização

Leia mais

Direito Previdenciário

Direito Previdenciário Direito Previdenciário Benefícios em espécie Aposentadoria por tempo de contribuição Parte 1 Prof. Bruno Valente Art. 201, 7º, I da CF Art. 52 a 56 da Lei 8.213/91 (alguns dispositivos encontram-se revogados)

Leia mais

Aposentadoria Especial

Aposentadoria Especial Aposentadoria Especial Tuffi Messias Saliba Engenheiro Mecânico. Engenheiro de Segurança do Trabalho. Advogado. Mestre em Meio Ambiente. Ex-professor dos cursos de Pós-Graduação de Engenharia de Segurança

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.590220/2016-30 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Previdencia e Perícia Medicina do Trabalho. Regime Previdenciário

Previdencia e Perícia Medicina do Trabalho. Regime Previdenciário Previdencia e Perícia Medicina do Trabalho Regime Previdenciário Auxilio-Doença Benefício concedido ao segurado temporariamente incapaz ao trabalho, Carteira assinada: os primeiros 15 dias são pagos pelo

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL

APOSENTADORIA ESPECIAL 51 3219 6586 ASC ebook APOSENTADORIA ESPECIAL a) O QUE É APOSENTADORIA ESPECIAL? A aposentadoria especial está prevista no art. 57 da Lei n. 8.213/91, sendo o benefício concedido pelo Instituto Nacional

Leia mais

SB = média dos últimos 36 salários-de-contribuição, considerados em um período não superior a 48 meses, cujo divisor não pode ser inferior a 24.

SB = média dos últimos 36 salários-de-contribuição, considerados em um período não superior a 48 meses, cujo divisor não pode ser inferior a 24. APOSENTADORIA POR TEMPO DE SERVIÇO (REGRAS VIGENTES ANTES DA EC 20/98) * Requisitos: Qualidade de Segurado e Carência 30 anos de tempo de serviço, se homem, e 25, se mulher * Cálculo do benefício: 70%

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 22 DE JULHO DE 2010 (Publicada no D.O.U. de 27/07/2010)

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 22 DE JULHO DE 2010 (Publicada no D.O.U. de 27/07/2010) INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 22 DE JULHO DE 2010 (Publicada no D.O.U. de 27/07/2010) Estabelece instruções para o reconhecimento do tempo de serviço público exercido sob condições especiais que prejudiquem

Leia mais

Assessoria, Consultoria e Treinamentos em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente.

Assessoria, Consultoria e Treinamentos em Segurança do Trabalho e Meio Ambiente. www.ssocial.com.br TÓPICOS Sobre Nós...03 Relatório do perfil profissiográfico previdenciário - PPP...04 Laudo técnico das condições do ambiente de trabalho...04 Laudo de avaliação dos riscos ambientais...05

Leia mais

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O Escola de Engenharia de Lorena EEL SISTEMA NORMATIVO NORMA DE SEGURANÇA DO TRABALHO ATIVIDADES POTENCIALMENTE INSALUBRES SSNS NS / CCL Nº 40 GSMT R E V 00 SUMÁRIO

Leia mais

PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP

PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP Cód.: PPP Nº: Versão: 1 Data: 23/10/2018 DEFINIÇÃO O Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP) é uma descrição histórico-laboral, elaborada em formulário próprio

Leia mais

Manual da aposentadoria especial dos deficientes e fatores multiplicadores

Manual da aposentadoria especial dos deficientes e fatores multiplicadores 1 Orientações básicas sobre a aposentadoria especial dos deficientes e fatores multiplicadores (Decreto n. 8.145, de 03 de dezembro de 2013) Segundo a Lei Complementar n. 142, de 8 de maio de 2013, foram

Leia mais

REFORMA DA PREVIDÊNCIA E OS PROFISSIONAIS DE SAÚDE

REFORMA DA PREVIDÊNCIA E OS PROFISSIONAIS DE SAÚDE REFORMA DA PREVIDÊNCIA E OS PROFISSIONAIS DE SAÚDE R. Marechal Deodoro 500 conj. 75 80.010-911 Curitiba PR - (41) 3016-4535 elisangela@epadv.com.br - www.epadv.com.br O QUE NÓS SABEMOS? Fonte: FENAPREVI

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.371063/2015-84 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENGENHARIA DE SEGURANÇA DO TRABALHO DISCIPLINA: HIGIENE DO TRABALHO IV Aula: Legislação Previdenciária Lorivando Antônio Costa Engenheiro Mecânico e de Segurança do Trabalho

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.421650/2015-21 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 1.410.057 - RN (2013/0342505-2) RELATOR : MINISTRO NAPOLEÃO NUNES MAIA FILHO RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ADVOGADO : PROCURADORIA-GERAL FEDERAL - PGF - PR000000F

Leia mais

Sabemos que existem 3 regimes: a) RGPS Social. Regime Geral de Previdência. b) Regimes Próprios. c) Regime de Previdência Complementar.

Sabemos que existem 3 regimes: a) RGPS Social. Regime Geral de Previdência. b) Regimes Próprios. c) Regime de Previdência Complementar. 1 Sabemos que existem 3 regimes: a) RGPS Social Regime Geral de Previdência b) Regimes Próprios c) Regime de Previdência Complementar. 2 Regimes Próprios Servidores Públicos Vamos informar só a regra geral

Leia mais

Aposentadoria Especial

Aposentadoria Especial Continuação... Aposentadoria Especial O PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário-PPP) passa a existir em 01.01.2004 (Instrução Normativa 99/2003 do INSS). Quais eram os formulários utilizados pelos

Leia mais

REFORMA DA PREVIDÊNCIA análise da PEC 287/2016 no RGPS

REFORMA DA PREVIDÊNCIA análise da PEC 287/2016 no RGPS REFORMA DA PREVIDÊNCIA análise da PEC 287/2016 no RGPS Fábio Souza fabio@idsamericalatina.com.br abril/2017 4 PONTOS ESSENCIAIS DA REFORMA Igualdade formal Aplicabilidade imediata Idade mínima Redução

Leia mais

Tema: Atividade especial de trabalhador rural

Tema: Atividade especial de trabalhador rural Tema: Atividade especial de trabalhador rural Palestrante: Helielthon Manganeli Advogado previdenciário, pós-graduando em direito e processo previdenciário, especialista em cálculo previdenciário, coordenador

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO TRANSCREVA PARA A FOLHA DE RESPOSTAS, COM CANETA DE

CONCURSO PÚBLICO TRANSCREVA PARA A FOLHA DE RESPOSTAS, COM CANETA DE CONCURSO PÚBLICO 36. PROVA OBJETIVA ANALISTA NÍVEL I (ÁREA DE ATUAÇÃO: RECURSOS HUMANOS) VOCÊ RECEBEU SUA FOLHA DE RESPOSTAS E ESTE CADERNO CONTENDO 30 QUESTÕES OBJETIVAS. CONFIRA SEU NOME E NÚMERO DE

Leia mais

Como fica a Aposentadoria Especial e a Conversão do Tempo Especial com a Reforma da Previdência?

Como fica a Aposentadoria Especial e a Conversão do Tempo Especial com a Reforma da Previdência? Como fica a Aposentadoria Especial e a Conversão do Tempo Especial com a Reforma da Previdência? ALMIR REIS Diretor do Instituto dos Advogados Previdenciários IAPE (Gestão 2017 2019) O QUE DIZ ATUALMENTE

Leia mais

ANO XXIV ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2013

ANO XXIV ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2013 ANO XXIV - 2013-5ª SEMANA DE JULHO DE 2013 BOLETIM INFORMARE Nº 31/2013 ASSUNTOS PREVIDENCIÁRIOS APOSENTADORIA ESPECIAL CONSIDERAÇÕES... Pág. 821 APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO CONSIDERAÇÕES...

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL LUIZ ALBERTO GURGEL DE FARIA

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL LUIZ ALBERTO GURGEL DE FARIA REOAC Nº 394383 - SE (2005.85.01.002180-4) PARTE AUTORA: ATONIEL BATISTA DOS SANTOS ADVOGADO(S): TEREZINHA PACHEO FREDERICO e outros PARTE RÉ: INSS INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL REPRESENTANTE: PROCURADORIA

Leia mais

] = 0,524. Exemplo de cálculo do Fator Previdenciário

] = 0,524. Exemplo de cálculo do Fator Previdenciário Exemplo de cálculo do Fator Previdenciário Maria Marta, 47 anos de idade, contribui para a previdência desde os 17 anos de idade, contando com 30 anos de contribuição. Sua expectativa de sobrevida, de

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE JARAGUÁ DO SUL

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE JARAGUÁ DO SUL D E C R E T O Nº 10.370/2015 Institui Normas e Procedimentos Administrativos para Aposentadoria Especial, Prevista no Artigo 40, 4º, III, da Constituição Federal de 1988, dos Servidores Públicos Municipais,

Leia mais

Aposentadoria Especial

Aposentadoria Especial Continuação... Aposentadoria Especial Art. 246, da IN INSS/PRES 77/2015. A concessão de aposentadoria especial, uma vez cumprida a carência exigida, dependerá de caracterização da atividade exercida em

Leia mais

Sendo assim, saiba quais são os tipos de aposentadoria e quais as condições que o trabalhador deve observar para cada um deles:

Sendo assim, saiba quais são os tipos de aposentadoria e quais as condições que o trabalhador deve observar para cada um deles: O trabalhador brasileiro pode ter acesso à aposentadoria de várias formas, dependendo das condições de saúde, idade, tempo em que o empregado trabalhou com carteira assinada, bem como se o cidadão trabalhou

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL

APOSENTADORIA ESPECIAL APOSENTADORIA ESPECIAL Professor: Rodrigo Sodero Facebook: Professor Rodrigo Sodero (fanpage) e Rodrigo Sodero III Instagram: @profrodrigosodero Conversão do Tempo de Serviço A Aposentadoria Especial,

Leia mais

MANUAL DE APOSENTADORIA ESPECIAL

MANUAL DE APOSENTADORIA ESPECIAL MANUAL DE APOSENTADORIA ESPECIAL DIRETORIA DE SAÚDE DO TRABALHADOR AGOSTO/2017 2017 - Instituto Nacional do Seguro Social INSS Presidente Leonardo de Melo Gadelha Diretora de Saúde do Trabalhador Karina

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 27ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.168691/2013-12 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

DICAS DE PRÁTICA ACIDENTÁRIA. Normas Regulamentadoras

DICAS DE PRÁTICA ACIDENTÁRIA. Normas Regulamentadoras DICAS DE PRÁTICA ACIDENTÁRIA Normas Regulamentadoras Conteúdo programático Quais as NRś Vigentes NR 6 Equipamento de Proteção Individual EPI PPRA x LTACT LTCAT NR 15 INSALUBRIDADE QUAIS AS NRS VIGENTES

Leia mais

CARTILHA APOSENTADORIA ESPECIAL PARA MÉDICOS VETERINÁRIOS E ZOOTECNISTAS

CARTILHA APOSENTADORIA ESPECIAL PARA MÉDICOS VETERINÁRIOS E ZOOTECNISTAS CARTILHA APOSENTADORIA ESPECIAL PARA MÉDICOS VETERINÁRIOS E ZOOTECNISTAS CONCEITO A aposentadoria especial é um benefício concedido ao cidadão que trabalha sujeito a condições especiais que prejudiquem

Leia mais

Saúde Ocupacional e Regulamentação dos Planos de Saúde

Saúde Ocupacional e Regulamentação dos Planos de Saúde Saúde Ocupacional e Regulamentação dos Planos de Saúde Regulamentação dos planos Resolução CONSU 10 Art. 2º, 2º Nos contratos de planos coletivos, não é obrigatória a cobertura para os procedimentos relacionados

Leia mais

Médico de Saúde Ocupacional

Médico de Saúde Ocupacional } NR 3 - Embargo ou Interdição } NR 5 - CIPA - Comissão Interna de Prevenção de Acidentes } NR 6 - EPI } NR 7 - PCMSO - Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional } NR 8 - Edificações } NR 9 - PPRA

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 Altera o Regulamento da Previdência Social - RPS, aprovado pelo Decreto n o 3.048, de 6

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.501539/2015-18 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Direito Previdenciário

Direito Previdenciário Direito Previdenciário Benefícios em espécie Salário-maternidade Parte 1 Prof. Bruno Valente Art. 71 a 73 da Lei 8.213/91 Art. 93 a 103 do Decreto 3.048/99 O benefício de salário-maternidade é uma garantia

Leia mais

DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013

DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 DECRETO Nº 8.145, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2013 Altera o Regulamento da Previdência Social - RPS, aprovado pelo Decreto no 3.048, de 6 de maio de 1999, para dispor sobre a aposentadoria por tempo de contribuição

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL DOS GUARDAS MUNICIPAIS

APOSENTADORIA ESPECIAL DOS GUARDAS MUNICIPAIS APOSENTADORIA ESPECIAL DOS GUARDAS MUNICIPAIS CURITIBA 15 DE SETEMBRO DE 2012 FESSMUC O QUE É APOSENTADORIA ESPECIAL O QUE É APOSENTADORIA ESPECIAL? EM RAZÃO DE CONDIÇÕES ESPECIAIS NOCIVAS À SAÚDE HÁ REDUÇÃO

Leia mais

Aposentadoria Especial

Aposentadoria Especial Continuação... Aposentadoria Especial AGENTES PERIGOSOS art. 201, 1º, da CF o art. 57, da Lei 8.213/91 Tutela o direito a aposentadoria especial pelos agentes perigosos Em 1995 tivemos alteração trazida

Leia mais

ENQUADRAMENTO DA GFIP COM BASE NO PPRA. Eng.º Jaques Sherique. 08 de Setembro de 2005

ENQUADRAMENTO DA GFIP COM BASE NO PPRA. Eng.º Jaques Sherique. 08 de Setembro de 2005 ENQUADRAMENTO DA GFIP COM BASE NO PPRA Eng.º Jaques Sherique 08 de Setembro de 2005 PERFIL PROFISSIOGRÁFICO PREVIDENCIÁRIO PPP DEMONSTRAÇÕES AMBIENTAIS PPRA PCMAT - PGR ENQUADRAMENTO NO CÓDIGO GFIP RISCOS

Leia mais

Edição Número 128 de 06/07/2005

Edição Número 128 de 06/07/2005 Atos do Congresso Nacional Edição Número 128 de 06/07/2005 EMENDA CONSTITUCIONAL N o 47 Altera os arts. 37, 40, 195 e 201 da Constituição Federal, para dispor sobre a previdência social, e dá outras providências.

Leia mais

Informação Eletrônica nº 1.764/2014. Destinatário: MUNICÍPIO ELDORADO DO SUL PODER LEGISLATIVO.

Informação Eletrônica nº 1.764/2014. Destinatário: MUNICÍPIO ELDORADO DO SUL PODER LEGISLATIVO. Informação Eletrônica nº 1.764/2014. Destinatário: MUNICÍPIO ELDORADO DO SUL PODER LEGISLATIVO. Consulente: Rosângela Claudete Dietrich Braga, Contadora. Registro da consulta: 31.337/2014. Texto da consulta:

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 2ª Composição Adjunta da 13ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.724140/2016-94 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA

Leia mais

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos

Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Ministério da Previdência Social Conselho de Recursos da Previdência Social 05ª Junta de Recursos Número do Processo: 44232.112273/2014-51 Unidade de Origem: AGÊNCIA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL GUARAMIRIM Benefício:

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL, PENSÃO E REDUÇÃO DE DIREITOS DRA. THAIS RIEDEL

APOSENTADORIA ESPECIAL, PENSÃO E REDUÇÃO DE DIREITOS DRA. THAIS RIEDEL APOSENTADORIA ESPECIAL, PENSÃO E REDUÇÃO DE DIREITOS DRA. THAIS RIEDEL PARA QUE SERVE UMA PREVIDÊNCIA SOCIAL? Proteção da Sociedade em relação aos RISCOS SOCIAIS. Contingências que diminuem ou retiram

Leia mais

Aposentadoria especial nos RPPS

Aposentadoria especial nos RPPS Aposentadoria especial nos RPPS Quem deve emitir o PPP e os Laudos Periciais? Conversão de períodos especiais em comum para servidores públicos; Regime Jurídico único????? Mandado de Injunção e Aposentadoria

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 1ª TURMA RECURSAL JUÍZO A JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº2007.70.53.000659-2/PR RELATOR : Juíza Federal Luciane Merlin Clève Kravetz RECORRENTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS RECORRIDO : CLAUDINE ANDRIOLI

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2ª TURMA RECURSAL JUÍZO A

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2ª TURMA RECURSAL JUÍZO A JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº200870500208531/PR RELATOR : Juiz Federal Leonardo Castanho Mendes RECORRENTE : Roberto Osvaldo Heil RECORRIDO : INSS VOTO DIVERGENTE Trata-se de recurso do autor

Leia mais

Nº CNJ :

Nº CNJ : Nº CNJ : 0813431-84.2009.4.02.5101 RELATOR : ANDRÉ FONTES APELANTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS PROCURADOR APELADO ADVOGADO ORIGEM : JULIANA PIMENTEL DE ALMEIDA : JOÃO QUEIROZ DO NASCIMENTO

Leia mais

INSS. Leg. Previdenciária Apostila 8. Prof. Eduardo Tanaka

INSS. Leg. Previdenciária Apostila 8. Prof. Eduardo Tanaka 8. PRESTAÇÕES DA PREVIDÊNCIA SOCIAL BENEFÍCIOS E SERVIÇOS 8.1. APOSENTADORIA POR INVALIDEZ 8.1.1. REGRAS BÁSICAS DA APOSENTADORIA POR INVALIDEZ. A aposentadoria por invalidez, uma vez cumprida, quando

Leia mais

APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO

APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO Professor: Rodrigo Sodero Facebook/FAN PAGE: Professor Rodrigo Sodero e Rodrigo Sodero III Instagram: @profrodrigosodero Histórico Lei Eloy Chaves (Decreto Legislativo):

Leia mais

1.º ENCONTRO NACIONAL DO TRABALHADOR SAUDÁVEL. NR - 32 e suas interfaces com o PPP-PPRA-SAT JAQUES SHERIQUE

1.º ENCONTRO NACIONAL DO TRABALHADOR SAUDÁVEL. NR - 32 e suas interfaces com o PPP-PPRA-SAT JAQUES SHERIQUE 1.º ENCONTRO NACIONAL DO TRABALHADOR SAUDÁVEL NR - 32 e suas interfaces com o PPP-PPRA-SAT JAQUES SHERIQUE 25 de Novembro de 2004 A Elaboração correta do PPRA e do PPP em Estabelecimentos de Saúde e sua

Leia mais

Dir. Previdenciário Marcos. Alterações: Salário Maternidade

Dir. Previdenciário Marcos. Alterações: Salário Maternidade Alterações: Salário Maternidade NOVIDADE - ALTERAÇÃO Lei 8213/91 Art. 71-A. Ao segurado ou segurada da Previdência Social que adotar ou obtiver guarda judicial para fins de adoção de criança é devido

Leia mais

A alíquota de 0,31 = soma dos 20% do empregador + 11% do empregado

A alíquota de 0,31 = soma dos 20% do empregador + 11% do empregado RESUMO DA AULA PÓS PREVIDENCIÁRIO 47 10 DE OUTUBRO DE 2018 PROF. RODRIGO SODERO APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO FATOR PREVIDENCIÁRIO Hoje não tem mais aplicação obrigatória na aposentadoria por

Leia mais

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS PELO INSS E MINISTÉRIO DO TRABALHO

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS PELO INSS E MINISTÉRIO DO TRABALHO Informativo Concity Concity Pessoal - 2018 PRINCIPAIS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS PELO INSS E MINISTÉRIO DO TRABALHO APOSENTADORIA POR TEMPO DE CONTRIBUIÇÃO Principais requisitos: Regra 85/95 progressiva Não

Leia mais

Previdência social LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA. Os beneficiários

Previdência social LEGISLAÇÃO SOCIAL E TRABALHISTA. Os beneficiários 1 Previdência social Conceito Previdência Social é um seguro que garante a renda do contribuinte e de sua família, em casos de doença, acidente, gravidez, prisão, morte e velhice. Oferece vários benefícios

Leia mais

1. Qualidade do que é previdente. 2. Previsão do futuro; conjectura (inferir ou deduzir que algo é provável).

1. Qualidade do que é previdente. 2. Previsão do futuro; conjectura (inferir ou deduzir que algo é provável). 1. Qualidade do que é previdente. 2. Previsão do futuro; conjectura (inferir ou deduzir que algo é provável). A Previdência Social é um seguro público que tem como função garantir que as fontes de renda

Leia mais

ANEXO I DESPACHO E ANÁLISE ADMINISTRATIVA DA ATIVIDADE ESPECIAL

ANEXO I DESPACHO E ANÁLISE ADMINISTRATIVA DA ATIVIDADE ESPECIAL ANEXO I DESPACHO E ANÁLISE ADMINISTRATIVA DA ATIVIDADE ESPECIAL CÓDIGO/LOCAL do RH: NOME DO SERVIDOR: Nº DO PROCESSO: Para efeito de requerimento de aposentadoria com tempo de atividade exercida em condições

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 267, DE 2013 COMPLEMENTAR (Senador Alfredo Nascimento - PR/AM)

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 267, DE 2013 COMPLEMENTAR (Senador Alfredo Nascimento - PR/AM) PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 267, DE 2013 COMPLEMENTAR (Senador Alfredo Nascimento - PR/AM) Modifica a Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991, para conferir aposentadoria especial aos trabalhadores em atividades

Leia mais

LAUDO TÉCNICO DE CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO - LTCAT

LAUDO TÉCNICO DE CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO - LTCAT LAUDO TÉCNICO DE CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO - LTCAT PANIFICADORA CONDE CONDE DO PÃO FILIAL 1 SASMET SERVIÇO DE ASSESSORIA EM SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO ELABORADO POR APROVADO POR EMPRESA: DATA

Leia mais

FACEBOOK: Professor Marco Serau APOSENTADORIA POR IDADE

FACEBOOK: Professor Marco Serau APOSENTADORIA POR IDADE LEGALE Pós graduação em D. Previdenciário Prof. Marco Aurélio Serau Jr. FACEBOOK: Professor Marco Serau APOSENTADORIA POR IDADE Previsão constitucional: CF 201, 7º, II Previsão Legal: LB: arts. 48 a 51

Leia mais

CONSTITUIÇÃO PEC Nº 287

CONSTITUIÇÃO PEC Nº 287 CONSTITUIÇÃO PEC Nº 287 Artigo 201 Art. 1º Art. 201. A previdência social será organizada sob a forma de regime geral, de caráter contributivo e de filiação obrigatória, observados critérios que preservem

Leia mais

Salário maternidade para homem

Salário maternidade para homem Salário maternidade para homem Art. 71-A. Ao segurado ou segurada da Previdência Social que adotar ou obtiver guarda judicial para fins de adoção de criança é devido salário-maternidade pelo período de

Leia mais

esocial Uma nova forma de registro das informações de Saúde e Segurança do Trabalhador

esocial Uma nova forma de registro das informações de Saúde e Segurança do Trabalhador esocial Uma nova forma de registro das informações de Saúde e Segurança do Trabalhador Orion Sávio Santos de Oliveira Analista Técnico de Políticas Sociais ATPS DPSSO/SPPS/MF orion.oliveira@previdencia.gov.br

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL DO PROFISSIONAL DA SAÚDE

APOSENTADORIA ESPECIAL DO PROFISSIONAL DA SAÚDE APOSENTADORIA ESPECIAL DO PROFISSIONAL DA SAÚDE FUNDAMENTO LEGAL REGIME GERAL DE PREVIDENCIA SOCIAL Art. 201, 1º, CF; Art. 57 e 58 da Lei 8.213/91; Art. 22, II, da Lei 8.212/91; Art. 64 a 70 do Decreto

Leia mais

GUIA COMPLETO DA APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE. Aposentadoria dos Médicos. Assessoria Previdenciária

GUIA COMPLETO DA APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE. Aposentadoria dos Médicos. Assessoria Previdenciária GUIA COMPLETO DA APOSENTADORIA ESPECIAL PARA PROFISSIONAIS DA SAÚDE Aposentadoria dos Médicos Assessoria Previdenciária SUMÁRIO 1. MÉDICOS...03 1.1. Quando devo me aposentar?...04 1.2. E se o tempo de

Leia mais

Programa de Educação Previdenciária Centro de Formação e Aperfeiçoamento do INSS

Programa de Educação Previdenciária Centro de Formação e Aperfeiçoamento do INSS A Seguridade Social compreende um conjunto integrado de ações de iniciativa dos poderes públicos e da sociedade, destinadas a assegurar os direitos relativos à saúde, à previdência e à assistência social.

Leia mais

Curso esocial - SST. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Ministério do Trabalho

Curso esocial - SST. uma nova era nas relações entre Empregadores, Empregados e Governo. Ministério do Trabalho Curso esocial - SST Ministério do Trabalho DANIEL MAGALHÃES AUDITOR-FISCAL DO TRABALHO daniel.magalhaes@mte.gov.br A avaliação dos riscos ocupacionais O processo de gerenciamento de riscos baseiase fundamentalmente

Leia mais

Aposentadoria Aposentadoria por idade Quem tem direito? Qual a carência exigida? Que benefícios podem ser transformados em aposentadoria por idade?

Aposentadoria Aposentadoria por idade Quem tem direito? Qual a carência exigida? Que benefícios podem ser transformados em aposentadoria por idade? Aposentadoria Aposentadoria por idade Quem tem direito? Têm direito ao benefício os trabalhadores urbanos do sexo masculino aos 65 anos e do sexo feminino aos 60 anos de idade. Os trabalhadores rurais

Leia mais

CURSO SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO. Pericia de Engenharia de Segurança

CURSO SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO. Pericia de Engenharia de Segurança CURSO SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO Pericia de Engenharia de Segurança Conteúdo programático Como emitir um relatório pericial? Como emitir um LTCAT? COMO EMITIR UM RELATÓRIO PERICIAL? Para emissão

Leia mais

- Aula 0 - Demonstrativa Legislação Previdenciária Legislação Previdenciária Lei n /91. Benefícios Decorrentes de Acidentes do Trabalho. Decreto

- Aula 0 - Demonstrativa Legislação Previdenciária Legislação Previdenciária Lei n /91. Benefícios Decorrentes de Acidentes do Trabalho. Decreto Livro Eletrônico Legislação Previdenciária p/ Câmara de Goiânia (Assistente - Téc. Segurança do Trabalho) Pós-Edital Professor: Rubens Mauricio Corrêa - Aula 0 - Demonstrativa Legislação Previdenciária

Leia mais

Painel 1: Acordo Nacional do Benzeno

Painel 1: Acordo Nacional do Benzeno Painel 1: Acordo Nacional do Benzeno Impactos LINACH e Legislação Previdenciária no Acordo Ana Claudia L de Moraes FIRJAN anacmoraes@petrobras.com.br CREA/MG 21/06/2018 Legislação Previdenciária Decreto

Leia mais

E não é porque recebe adicional de periculosidade que tem direito a aposentadoria especial.

E não é porque recebe adicional de periculosidade que tem direito a aposentadoria especial. RESUMO DA AULA PÓS PREVIDENCIÁRIO 47 24 DE OUTUBRO DE 2018 PROF. ADRIANE BRAMANTE APOSENTADORIA ESPECIAL Para o frentista, o agente de exposição é o BENZENO. No ambiente há a evaporação dos agentes; no

Leia mais

INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE. Aspectos Técnicos e Práticos

INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE. Aspectos Técnicos e Práticos INSALUBRIDADE E PERICULOSIDADE Aspectos Técnicos e Práticos 1ª edição 1994 2ª edição 1995 3ª edição 1997 4ª edição 1998 5ª edição 2000 6ª edição 2002 7ª edição 2004 8ª edição 2007 9ª edição 2009 10ª edição

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO

DIREITO ADMINISTRATIVO DIREITO ADMINISTRATIVO Agentes públicos e Lei 8.112 de 1990 Regime Previdenciário Parte 1 Prof. Thamiris Felizardo -RPPS -Aos servidores titulares de cargos efetivos da União, dos Estados, do Distrito

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça EDcl no RECURSO ESPECIAL Nº 1.306.113 - SC (2012/0035798-8) RELATOR : MINISTRO HERMAN BENJAMIN EMBARGANTE : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL - INSS PROCURADOR : PROCURADORIA-GERAL FEDERAL - PGF EMBARGADO

Leia mais