Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo"

Transcrição

1

2 Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo

3 Um país se faz com homens e livros. Monteiro Lobato

4 O que é uma biblioteca? A palavra biblioteca tem sua origem nos termos gregos biblío (livro) e teca (caixa), significando a caixa ou casa de livros, um local onde os livros seriam colocados, de forma organizada, para consultas e leitura..

5 A primeira biblioteca pública oficial do Brasil foi a Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro, cujo acervo original foi trazido com a família real e a corte portuguesa, em Até então, havia somente bibliotecas particulares e de conventos, destinadas a poucos usuários. Biblioteca no Brasil!

6 Biblioteca nos dias atuais As bibliotecas de hoje já não são, portanto, só locais de guardar livros, como eram antigamente. A biblioteca passa a ser um espaço agradável para ler, acessar internet, ouvir e contar histórias, desenvolver atividades lúdicas e viajar por universo inimaginável de cultura.

7 Por que ter uma biblioteca na escola? Incentivo à leitura; Enriquecimento cultural; Apoio à pesquisa e estudo; Diversidade literária; Apoio ao professor; Criar e/ou desenvolver hábitos de leitura nos alunos e em extensão à comunidade escolar.

8

9 Como conseguir uma biblioteca? Mobilize-se por uma biblioteca: 1. A Lei /10 garante um direito inalienável: até 2020 todas as instituições de ensino do país, públicas e privadas, deverão ter biblioteca. 2. Existem recursos públicos para a criação e a manutenção de bibliotecas em escolas públicas. 3. Garantir este direito permitirá que crianças, jovens e adultos tenham ampliação de acesso ao universo da leitura.

10 Como adquirir o acervo para biblioteca? Através do (PNBE): O programa incentiva o hábito da leitura e a formação de alunos e professores leitores; O PNBE distribui: acervos compostos por obras de literatura, de referência, de pesquisa e de outros materiais; Todas as escolas públicas que estão cadastradas no Censo Escolar podem participar; A distribuição é periódica em ciclos bienais alternados; Anos pares: escolas da educação infantil, 1º ao 5º do ensino fundamental e educação de jovens e adultos; Nos anos ímpares: escolas de 6º ao 9º do ensino fundamental e ensino médio.

11 Através de doações: Campanha de arrecadação; Empresas privadas; Outras bibliotecas; Levantando fundos: Bingos; Festas Juninas e outros eventos; Poder público;

12

13 O Gestor ideal! Abraçar a causa da leitura e da biblioteca; Presente durante todo o horário letivo da escola; Formador e mobilizador de leitura; Dinâmico e criativo; Ser organizado e gostar de organizar; Ter conhecimento em informática; Saber trabalhar em equipe, cuidar bem do espaço e acervo da biblioteca

14

15 Iniciativas reais

16 Iniciativas reais

17 Outras Possiblidades Existem outras formas de tornar o acervo que existe na escola mais atraente e convidativo; Reaproveite materiais e (re)monte a sua biblioteca! Quando os livros estão disponíveis, os leitores aparecem

18 O espaço não é tudo! 67% Sabem que existe; 18% Afirma não existir; 15% Não sabe se existe; Fonte: Inst. Pró-Livro 2011

19 7% usa frequentemente; 17% usa só de vez em quando; 75% não usa. Fonte: Inst. Pró-Livro 2011

20 Número de livros lidos por ano 4,7 4 2,1 2 Livro por habitante Até o final Em partes Fonte: Inst. Pró-Livro 2011

21 Ler é prazeroso? Contato com os livros Leitura descompromissada Desenvolvimento do prazer de ler Canto Literário

22 Qual o melhor lugar para incentivar a leitura? A educação não pode estar somente em informar o que já foi feito, a educação também tem que abrir uma porta para o sujeito fantasiar o futuro e dar corpo a esta fantasia. A literatura é importante para a educação e se confirma também como o lugar de transformação e não apenas o lugar da informação (Bartolomeu Campos de Queirós) Quem lê mais, escreve melhor, pensa melhor e vive melhor (Denise Guilherme)

23 Práticas de incentivo à leitura literária: Práticas pedagógicas multidisciplinares: Árvore Literária; Mar de Histórias; Roda de leitura; Teatro; Rádio Novela; Jornal Escolar Recontando histórias; Mural de Texto; Varal Literário;

24 Leitura e Novas Tecnologias

25 Projeto 30 Minutos Pela Leitura 20 cidades 30 Minutos Pela Leitura 126 escolas 211 mil leitores

26 São João Literário

27 Levando leitura a quem não tem acesso... Escolas promovem atividades de incentivo à leitura para pessoas que por algum motivo não tem acesso a ela! Centro de apoio ao idoso E. M Luiz Viana Filho Irecê/BA Escola Otaviano Alves Lençóis/BA

28 Número de livros lidos após a implementação da Biblioteca Escola Pequeno Sabidinho Iraquara/BA já foram lidos livros desde a inauguração da biblioteca em abril de 2009 até 2013 Toda a comunidade escolar passou a ter acesso a literatura, os alunos passaram a conhecer uma diversidade de gêneros como também de autores. Muitos não acreditavam que seria possível organizar uma biblioteca com tanta funcionalidade numa escola pública que mais tarde seria referência para todo (Eliane Carvalho Gestora Escolar )

29 Escola Municipal Mariinha Rocha Balsas/MA A biblioteca é o nosso maior orgulho, fonte de inspiração e motivação. Promove transformações diárias e é tudo aquilo que nos sempre desejamos, um espaço querido, visitado e muito bem utilizado (Josélia Barros-Gestora Escolar)

30 Biblioteca além dos muros da escola Escola Anísio de Souza Marques (Iraquara/BA) Prêmio Educador Nota 10 Fundação Victor Civita O Projeto "A leitura: janela para enxergar o mundo, do gestor Wilson Neves foi inscrito ficou entre os 20 melhores do Brasil. Além de diversas ações, em 2012 saímos dos muros da escola em direção às casas de nossa comunidade para ler junto com os moradores. Deu tão certo que este ano repetimos as atividades, contou o professor

31 Políticas Públicas de Incentivo à Leitura Semana de Incentivo à Leitura (Balsas/MA); Dia Municipal da Leitura (Iraquara, Irecê, Gentio do Ouro, São Gabriel/BA E Natal/RN) 30 Minutos pela Leitura (Irecê e Gentio do Ouro/BA, Cabaceiras/PB); Política Municipal de Promoção da Leitura Literária (Natal/RN); Dia Municipal do Livro e da Leitura (Natal/RN) Prêmio Literário Cidade de Natal (Natal/RN)

32 Sugestões de sites portal.mec.gov.br leituraemrede.com.br brasilliterario.org.br

33 E para concluir... Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história. (Bill Gates)

34 Ler é prazer... A quase morte de Zé Malandro. Contos de Enganar a Morte Ricardo Azevedo

35 Download da palestra e vídeos: Realização brasilsolidario.org.br/blog youtube.com/brasilsolidario twitter.com/brasilsolidario facebook.com/institutobrasilsolidario

Seminário. Biblioteca escolar. Biblioteca Escolar - Leitura

Seminário. Biblioteca escolar. Biblioteca Escolar - Leitura Seminário Biblioteca escolar Biblioteca Escolar - Leitura Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo Um país se faz com homens e livros. Monteiro Lobato O que é uma biblioteca? A palavra biblioteca tem

Leia mais

Projeto Biblioteca Escolar: Quem lê aprende, imagina e viaja...

Projeto Biblioteca Escolar: Quem lê aprende, imagina e viaja... Mostra Local de: Tomazina Projeto Biblioteca Escolar: Quem lê aprende, imagina e viaja... Categoria do projeto: I - Projetos em Andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

PRONAC nº- 1410893 art. 18 da Lei Rouanet. Programa de Desenvolvimento da Escola - PDE Instituto Brasil Solidário - IBS

PRONAC nº- 1410893 art. 18 da Lei Rouanet. Programa de Desenvolvimento da Escola - PDE Instituto Brasil Solidário - IBS PRONAC nº- 1410893 art. 18 da Lei Rouanet Programa de Desenvolvimento da Escola - PDE Instituto Brasil Solidário - IBS SÍNTESE O projeto tem por objeto a realização de diversas atividades gratuitas nas

Leia mais

A LEITURA LITERÁRIA: UM OLHAR SOBRE AS ESTRATÉGIAS DE INCENTIVO À LEITURA DA LITERATURA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DE SÃO SEBASTIÃO

A LEITURA LITERÁRIA: UM OLHAR SOBRE AS ESTRATÉGIAS DE INCENTIVO À LEITURA DA LITERATURA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DE SÃO SEBASTIÃO A LEITURA LITERÁRIA: UM OLHAR SOBRE AS ESTRATÉGIAS DE INCENTIVO À LEITURA DA LITERATURA NAS ESCOLAS PÚBLICAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DE SÃO SEBASTIÃO Autores: Rúbia Ribeiro LEÃO; Letícia Érica Gonçalves

Leia mais

IFA MIRIM PROJETO: LEIA PARA MIM!

IFA MIRIM PROJETO: LEIA PARA MIM! IFA MIRIM PROJETO: LEIA PARA MIM! Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história.

Leia mais

Sala de Leitura Interativa E.E.E.I. Prof.ª Maria Ribeiro Guimarães Bueno Sala 4 / Sessão 2

Sala de Leitura Interativa E.E.E.I. Prof.ª Maria Ribeiro Guimarães Bueno Sala 4 / Sessão 2 Sala de Leitura Interativa E.E.E.I. Prof.ª Maria Ribeiro Guimarães Bueno Sala 4 / Sessão 2 Professora Responsável: Norma Sueli Zuccheratto Perez Realização: Foco Estimular a leitura e ampliar a comunidade

Leia mais

Projeto São João Literário Promovendo a cultura popular, incentivando a leitura e a produção literária.

Projeto São João Literário Promovendo a cultura popular, incentivando a leitura e a produção literária. Projeto São João Literário Promovendo a cultura popular, incentivando a leitura e a produção literária. Histórico e Justificativa No ano de 2012, ao participar de uma quadrilha temática, em homenagem ao

Leia mais

Uma Biblioteca e a vontade de formar leitores.

Uma Biblioteca e a vontade de formar leitores. Uma Biblioteca e a vontade de formar leitores. Prof. Ms. Deisily de Quadros (FARESC) deisily@uol.com.br Graduando Mark da Silva Floriano (FARESC) markfloriano@hotmail.com Resumo: Este artigo apresenta

Leia mais

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012

PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012 Biblioteca Escolar GIL VICENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GIL VICENTE ESCOLA GIL VICENTE EB1 CASTELO BIBLIOTECA ESCOLAR PLANO ANUAL DE ATIVIDADES - ANO LETIVO 2011/2012 As atividades constantes do presente

Leia mais

RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS

RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS RELENDO A HISTÓRIA AO LER HISTÓRIAS BRASÍLIA ECHARDT VIEIRA (CENTRO DE ATIVIDADES COMUNITÁRIAS DE SÃO JOÃO DE MERITI - CAC). Resumo Na Baixada Fluminense, uma professora que não está atuando no magistério,

Leia mais

Canal Futura. Comprometido com a Transformação Social

Canal Futura. Comprometido com a Transformação Social Canal Futura Comprometido com a Transformação Social Retratos do Brasil Total 190.755.799 habitantes Homens: 48,97% (93,4 milhões) Mulheres: 51,03% (97,3 milhões) Brancos: 47,73% Negros: 50,74% Amarelas

Leia mais

Por uma educação de qualidade para crianças e adolescentes

Por uma educação de qualidade para crianças e adolescentes Por uma educação de qualidade para crianças e adolescentes O que é o Instituto C&A? Organização sem fins lucrativos que investe em educação Foi criada pelos acionistas da C&A em 1991 Missão Promover a

Leia mais

PROJETO DE LEITURA CESTA LITERÁRIA

PROJETO DE LEITURA CESTA LITERÁRIA Escola de Ensino Médio João Barbosa Lima PROJETO DE LEITURA CESTA LITERÁRIA DESPERTANDO O GOSTO PELA LEITURA E A ARTE DE ESCREVER Projeto na Sala de PCA da Área de Linguagens e Códigos PROEMI -Programa

Leia mais

Gestão Pedagógica. Lucilene Gonçalves de Oliveira Lourenço Escola Estadual Matta Machado Diamantina/MG

Gestão Pedagógica. Lucilene Gonçalves de Oliveira Lourenço Escola Estadual Matta Machado Diamantina/MG Gestão Pedagógica Lucilene Gonçalves de Oliveira Lourenço Escola Estadual Matta Machado Diamantina/MG Foto da escola Escola Estadual Matta Machado Diamantina Minas Gerais Atendimento: 536 Alunos dos anos

Leia mais

PROJETO LITERATUDO JUSTIFICATIVA

PROJETO LITERATUDO JUSTIFICATIVA PROJETO LITERATUDO JUSTIFICATIVA Iniciado em 2010, o LITERATUDO é um projeto de incentivo à leitura desenvolvido pela Secretaria de Educação de Juiz de Fora (SE), por meio do Departamento de Planejamento

Leia mais

RELATóRIO ANUAL 2012. victor civita. prêmio victor civita

RELATóRIO ANUAL 2012. victor civita. prêmio victor civita Angela Dannemann Diretora da Fundação Victor Civita Mensagem da diretora A data mais aguardada na Fundação Victor Civita todos os anos o Dia do Professor contou com uma festa especial em 2012. No dia 15

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

1º Lugar: Uma Égua por Livros.

1º Lugar: Uma Égua por Livros. Programas Vencedores: cinco 5º Concurso FNLIJ Os Melhores Programas de Incentivo à Leitura junto a Crianças e Jovens de todo o Brasil / Programa Nacional de Incentivo à Leitura - PROLER 2000 1º Lugar:

Leia mais

INFORME UVV-ES Nº9 15-21/04 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional

INFORME UVV-ES Nº9 15-21/04 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional UVV POST Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO A cadeira que você senta, o quadro que o professor escreve, o portão

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

1º Lugar: Leia e Passe Adiante.

1º Lugar: Leia e Passe Adiante. Programas Vencedores: três 7º Concurso FNLIJ Os Melhores Programas de Incentivo à Leitura junto a Crianças e Jovens de todo o Brasil / Programa Nacional de Incentivo à Leitura - PROLER 2002 1º Lugar: Leia

Leia mais

Apresentação. A valorização do ser humano, dando-lhe oportunidade a partir da educação, é um dos principais objetivos do Instituto Brasil Solidário.

Apresentação. A valorização do ser humano, dando-lhe oportunidade a partir da educação, é um dos principais objetivos do Instituto Brasil Solidário. Apresentação A valorização do ser humano, dando-lhe oportunidade a partir da educação, é um dos principais objetivos do Instituto Brasil Solidário. O Instituto Brasil Solidário desenvolve projetos sustentáveis

Leia mais

LER E PERTENCER. Justificativa:

LER E PERTENCER. Justificativa: 1 LER E PERTENCER Justificativa: A Biblioteca Pública João XXIII possui mais de 70 anos de existência e funcionando desde 1981 no prédio da Casa da Cultura de Bom Jardim¹. O que durante um tempo foi uma

Leia mais

PROJETO DE LEITURA E ESCRITA. Era uma vez... E conte outra vez.

PROJETO DE LEITURA E ESCRITA. Era uma vez... E conte outra vez. PROJETO DE LEITURA E ESCRITA Era uma vez... E conte outra vez. CARACTERIZAÇÃO DO PROJETO TEMA; PROJETO DE LEITURA E ESCRITA. Era uma vez... E conte outra vez. INSTITUIÇÃO Escola Estadual Lino Villachá

Leia mais

Leitura e Literatura

Leitura e Literatura MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICAB Diretoria de Políticas de Formação, Materiais Didáticos e de Tecnologias para Educação BásicaB Leitura e Literatura Dia e Semana Nacional da Leitura

Leia mais

PROGRAMA RADIOFÔNICO INFANTIL

PROGRAMA RADIOFÔNICO INFANTIL PROGRAMA RADIOFÔNICO INFANTIL A FORMAÇÃO DO LEITOR E O PROTAGONISMO INFANTO-JUVENIL ATRAVÉS DO RÁDIO Área de implantação: Rádio comunidade Friburgo 104,9FM Responsável: Fernanda de Azevedo milanez Telefone:

Leia mais

A Importância das Bibliotecas Públicas. Adriana Cybele Ferrari. Pontifícia Universidade Católica de Campinas Campinas, 04 de junho de 2012

A Importância das Bibliotecas Públicas. Adriana Cybele Ferrari. Pontifícia Universidade Católica de Campinas Campinas, 04 de junho de 2012 A Importância das Bibliotecas Públicas Adriana Cybele Ferrari Pontifícia Universidade Católica de Campinas Campinas, 04 de junho de 2012 Imagine um lugar no qual para cada recém nascido é dado um pacote

Leia mais

APRESENTAÇÃO OBJETIVO

APRESENTAÇÃO OBJETIVO APRESENTAÇÃO O Projeto Quero Ler Prá Você consiste em percorrer praças públicas, asilos, creches, abrigos e outros espaços, a cada quinze dias, convidando às pessoas para ouvir um texto, um poema ou partes

Leia mais

Eu leio+, tu lês+, nós lemos m@is!

Eu leio+, tu lês+, nós lemos m@is! Apresentação do Projeto Eu leio+, tu lês+, nós lemos m@is! 2014-2016 O projeto envolve toda a comunidade escolar e extraescolar. Assenta na paixão pela leitura que uns vão, certamente, transmitir a outros,

Leia mais

LITERATURA INFANTIL E JUVENIL E A FORMAÇÃO DE LEITORES NA BIBLIOTECA ESCOLAR. Lília Santos

LITERATURA INFANTIL E JUVENIL E A FORMAÇÃO DE LEITORES NA BIBLIOTECA ESCOLAR. Lília Santos LITERATURA INFANTIL E JUVENIL E A FORMAÇÃO DE LEITORES NA BIBLIOTECA ESCOLAR Lília Santos NA BIBLIOTECA ESCOLAR, a MEDIAÇÃO com crianças e jovens acontece o tempo todo. É preciso ter atenção com os conteúdos

Leia mais

Creche Pelicano Atendimento - 95 Crianças - entre 1 anos e seis meses a quatro anos

Creche Pelicano Atendimento - 95 Crianças - entre 1 anos e seis meses a quatro anos Missão Promover programas sustentáveis e contínuos, priorizando a educação da criança e o re-erguimento da família formando bases sólidas na diminuição das desigualdades sociais. Títulos Reconhecida com

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO PESQUISA: Relação da população de Natal com a leitura: Uma Abordagem Quantitativa

RESUMO EXECUTIVO PESQUISA: Relação da população de Natal com a leitura: Uma Abordagem Quantitativa RESUMO EXECUTIVO PESQUISA: Relação da população de Natal com a leitura: Uma Abordagem Quantitativa Contratante: INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO - IDE Realização : CERTUS PESQUISA E CONSULTORIA

Leia mais

PROJETO SEMEANDO LEITORES

PROJETO SEMEANDO LEITORES PROJETO SEMEANDO LEITORES APRESENTAÇÃO: O Projeto Semeando Leitores, é um projeto de iniciativa voluntária que se propõe a contribuir para o estimulo a leitura, promoção da literatura piauiense, valorização

Leia mais

INSTITUTO BRASIL SOLIDÁRIO

INSTITUTO BRASIL SOLIDÁRIO INSTITUTO Programa de Desenvolvimento BRASIL da Educação SOLIDÁRIO - PDE Programa de Desenvolvimento da Educação PDE REFERÊNCIAS VISUAIS INCENTIVO A LEITURA O Instituto Brasil Solidário IBS é uma OSCIP

Leia mais

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO PORTFÓLIO -ATIVIDADES 2012

PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO PORTFÓLIO -ATIVIDADES 2012 PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAPIMIRIM SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA ESCOLA MUNICIPAL SANTA EUGÊNIA PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO PORTFÓLIO -ATIVIDADES 2012 Guapimirim, Dezembro de 2012. ESCOLA MUNICIPAL

Leia mais

Manual Arkos Secretaria de Educação

Manual Arkos Secretaria de Educação Manual Arkos Secretaria de Educação 1) Sobre Arkos O portal Arkos foi inspirado por uma das mais bem sucedidas iniciativas educacionais da Europa incentivando milhões de alunos a lerem mais. A ideia básica

Leia mais

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre.

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre. ]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. ANO 2013-1ª EDIÇÃO A equipe gestora está sempre preocupada com o desempenho dos alunos e dos educadores, evidenciando

Leia mais

MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES

MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES EDIT MARIA ALVES SIQUEIRA (UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA). Resumo Diferentes instrumentos de avaliação (ENEM, SIMAVE) tem diagnosticado o despreparo dos alunos

Leia mais

CLUBE DE LEITURA PALAVRA MÁGICA

CLUBE DE LEITURA PALAVRA MÁGICA CLUBE DE LEITURA PALAVRA MÁGICA LUCIANA PASCHOALIN (FUNDAÇÃO PALAVRA MÁGICA), GALENO AMORIM (OBSERVATÓRIO DO LIVRO E DA LEITURA). Resumo Em resposta ao diagnóstico e análise dos dados sobre o comportamento

Leia mais

LEITURA EM LÍNGUA ESPANHOLA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: COMPREENSÃO E EXPRESSÃO CRIATIVA

LEITURA EM LÍNGUA ESPANHOLA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: COMPREENSÃO E EXPRESSÃO CRIATIVA LEITURA EM LÍNGUA ESPANHOLA NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: COMPREENSÃO E EXPRESSÃO Instituto Federal Farroupilha Câmpus Santa Rosa ledomanski@gmail.com Introdução Ler no contexto mundial globalizado

Leia mais

Dicas para o sucesso no E-mail Marketing

Dicas para o sucesso no E-mail Marketing Dicas para o sucesso no E-mail Marketing O e-mail marketing é uma ferramenta poderosíssima desde que seja utilizada da maneira correta, mas seguramente é a ferramenta de marketing digital mais mal utilizada

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO CIÊNCIA DAINFORMAÇÃO CURSO DE BIBLIOTECONOMIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO CIÊNCIA DAINFORMAÇÃO CURSO DE BIBLIOTECONOMIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE ARTES E COMUNICAÇÃO DEPARTAMENTO CIÊNCIA DAINFORMAÇÃO CURSO DE BIBLIOTECONOMIA A LITERATURA INFANTIL COMO INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO DE LEITORES NA BIBLIOTECA

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO DE LEME/SP

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO DE LEME/SP SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO DE LEME/SP Patrícia Helena Boldt Terossi Orientadora Técnica Oficina Pedagógica-SEC PROJETO SALAS DE LEITURA 1-JUSTIFICATIVA: O acesso à aprendizagem da leitura apresenta-se

Leia mais

A experiência do Baú de leitura

A experiência do Baú de leitura A experiência do Baú de leitura Sueli Maria Gonçalves Hitti 1 Vera Maria Oliveira Carneiro 2 No Baú, qualquer baú, é onde guardamos lembranças, alegres e tristes, objetos preciosos, outros de valor afetivo,

Leia mais

Nome do projeto: Asa de Papel: leia um livro e vá ao teatro Nome Fantasia: Escrevendo com Escritor

Nome do projeto: Asa de Papel: leia um livro e vá ao teatro Nome Fantasia: Escrevendo com Escritor Nome do projeto: Asa de Papel: leia um livro e vá ao teatro Nome Fantasia: Escrevendo com Escritor Justificativa: O projeto Escrevendo com Escritor é uma das ações de incentivo à leitura do Instituto Francisca

Leia mais

Atividades Conteúdo Objetivos Quantidade Público Alvo

Atividades Conteúdo Objetivos Quantidade Público Alvo ASSOCIAÇÃO DAS PRIMEIRAS-DAMAS DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO CEARÁ - APDMCE Avenida Oliveira Paiva, 2621 Seis Bocas. CEP: 60.822-131 Fortaleza-CE Fone: (85) 4006.4058 / 4006.4059 CNPJ: 12. 361. 168 / 0001-01

Leia mais

A UTILIZAÇÃO DA BIBLIOTECA ESCOLAR: A LEITURA EM MOVIMENTO PARA AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM

A UTILIZAÇÃO DA BIBLIOTECA ESCOLAR: A LEITURA EM MOVIMENTO PARA AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM A UTILIZAÇÃO DA BIBLIOTECA ESCOLAR: A LEITURA EM MOVIMENTO PARA AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM Marilisa Gonsalves da Silva 1 G Pedagogia/UEL marilisagoncalvessilva@gmail.com Sandra Aparecida Pires Franco 2

Leia mais

ÍNDICE O QUE É... 2 COMO FUNCIONA... 3. Acervo... 3. Meus Livros... 4. Livros em destaque... 7. Fórum... 7. Notícias... 8. Ajuda... 9. Suporte...

ÍNDICE O QUE É... 2 COMO FUNCIONA... 3. Acervo... 3. Meus Livros... 4. Livros em destaque... 7. Fórum... 7. Notícias... 8. Ajuda... 9. Suporte... ÍNDICE O QUE É... 2 COMO FUNCIONA... 3 Acervo... 3 Meus Livros... 4 Livros em destaque... 7 Fórum... 7 Notícias... 8 Ajuda... 9 Suporte... 9 POR QUE USAR... 10 EQUIPE RESPONSÁVEL... 12 CONTATO... 13 O

Leia mais

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores EMENTA Apresentação e discussão do processo de avaliação e seleção de obras de literatura

Leia mais

PROJETO QUARTA LITERÁRIA

PROJETO QUARTA LITERÁRIA PROJETO QUARTA LITERÁRIA * Francisca Wládia de Medeiros Inocêncio ** Leni Oliveira da Silva Este artigo pretende socializar o Projeto Quarta Literária, desenvolvido no Centro Educacional do Projeto SESC

Leia mais

Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. (Mário Quintana).

Os verdadeiros analfabetos são os que aprenderam a ler e não leem. (Mário Quintana). Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história. (Bill Gates). Os verdadeiros analfabetos

Leia mais

BIBLIOTECA ESCOLAR PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Escola Portuguesa Ruy Cinatti 2013/2014

BIBLIOTECA ESCOLAR PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Escola Portuguesa Ruy Cinatti 2013/2014 O Pl Anual de Atividades é o documento que define as linhas orientadoras da ação da Biblioteca Escolar e tem como objetivo último tornar os alunos autónomos e eficientes nas diversas literacias. A adquisição

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO CEARÁ PLANO DE AÇÃO 2012

ASSOCIAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO CEARÁ PLANO DE AÇÃO 2012 ASSOCIAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO CEARÁ PLANO DE AÇÃO 2012 Avenida Oliveira Paiva, 2621 Seis Bocas Fortaleza, Ceará, CEP: 60.822-131 Tel: (85) 4006.4058 Fax: (85) 4006.4059

Leia mais

PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA

PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA Giruá, outubro de 2014. 1.DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1.1. NOME DO PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA 1.2. PÚBLICO ALVO Alunos e professores

Leia mais

A ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS NO CURSO DE TURISMO DA UNICENTRO: EXERCITANDO A RESPONSABILIDADE SOCIAL

A ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS NO CURSO DE TURISMO DA UNICENTRO: EXERCITANDO A RESPONSABILIDADE SOCIAL A ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS NO CURSO DE TURISMO DA UNICENTRO: EXERCITANDO A RESPONSABILIDADE SOCIAL Amanda Guarnieri de Oliveira Paula Grechenski Demczuk RESUMO: Desde 2012 o curso de Turismo da Universidade

Leia mais

PROJETO ANUAL. Tema Central: Mãe Terra, o que deixaremos para os nossos filhos?

PROJETO ANUAL. Tema Central: Mãe Terra, o que deixaremos para os nossos filhos? PROJETO ANUAL Tema Central: Mãe Terra, o que deixaremos para os nossos filhos? I TRIMESTRE Turmas: Maternal ao 5º ano Enfatizando: Maternal e jardim I: O Circo {A magia do riso] Levar os alunos a compreender

Leia mais

O Dirigente Municipal de Educação e a articulação com o terceiro setor

O Dirigente Municipal de Educação e a articulação com o terceiro setor Missão Promover e realizar ações que contribuam para a melhoria da qualidade da educação pública e que fomentem o desenvolvimento social de comunidades de baixa renda. Visão Ser referência como fundação

Leia mais

DIAGNÓSTICO DO PERFIL DO LEITOR: ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE O ENSINO PÚBLICO E PRIVADO NA REGIÃO OESTE DO ESTADO DE SÃO PAULO

DIAGNÓSTICO DO PERFIL DO LEITOR: ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE O ENSINO PÚBLICO E PRIVADO NA REGIÃO OESTE DO ESTADO DE SÃO PAULO DIAGNÓSTICO DO PERFIL DO LEITOR: ANÁLISE COMPARATIVA ENTRE O ENSINO PÚBLICO E PRIVADO NA REGIÃO OESTE DO ESTADO DE SÃO PAULO Érika Cristina Mashorca Fiorelli, UNESP - Presidente Prudente-SP, SESI/SP; Ana

Leia mais

pelouro da educação, cultura, desporto e juventude CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

pelouro da educação, cultura, desporto e juventude CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO CONSELHO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO ORDEM DE TRABALHOS.6ª reunião CME Leitura e aprovação da ata da reunião anterior; Balanço do 1º período do ano letivo 2011/12; Intervenção do representante do Ministério

Leia mais

Histórico do livro Menino brinca de boneca?

Histórico do livro Menino brinca de boneca? Histórico do livro Menino brinca de boneca? Menino brinca de boneca? foi lançado em 1990, com grande aceitação de público e crítica, e vem sendo referência de trabalho para profissionais, universidades,

Leia mais

CALENDÁRIO ESCOLAR 2015 SÁB SEX

CALENDÁRIO ESCOLAR 2015 SÁB SEX CALENDÁRIO ESCOLAR Escola Palotina JANEIRO 00 dias letivos TER QUA RESUMO GERAL o Semestre: 0 dias letivos o Semestre: 0 dias letivos ------------------------------------------------------------------

Leia mais

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE Mesmo não acreditando na Educação Criativa, o professor pode fazer uma experiência para ver o resultado. É o caso da professora deste relato. Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br

Leia mais

22.11.2010 Correio do Povo Geral Página 22

22.11.2010 Correio do Povo Geral Página 22 22.11.2010 Correio do Povo Geral Página 22 19.11.2010 Jornal Pequeno 23.11.2010 Correio do Povo Geral Página 19 20.11.2010 Zero hora Cultura Página 03 21.11.2010 Jornal do Comércio Economia Página 12 21.11.2010

Leia mais

Prêmio Vivaleitura. Dicas para se inscrever no. e outros projetos...

Prêmio Vivaleitura. Dicas para se inscrever no. e outros projetos... Dicas para se inscrever no Prêmio Vivaleitura e outros projetos... 2011 Vaga Lume R. Aspicuelta, 678 Vila Madalena São Paulo SP 05433-011 (11) 3032-6032 www.vagalume.org.br falecom@vagalume.org.br 1) Apresentação

Leia mais

Projeto de Leitura: Minha Escola Lê.

Projeto de Leitura: Minha Escola Lê. Projeto de Leitura: Minha Escola Lê. Ó bendito que semeia livros, Livros a mão cheia E manda o povo pensar... Castro Alves ESCOLA_ Municipal Barzotto DATA_ 06 de março de 2012 INTRODUÇÃO Ser capaz de imaginar

Leia mais

FOME DE LER: UMA PARCERIA EXITOSA

FOME DE LER: UMA PARCERIA EXITOSA FOME DE LER: UMA PARCERIA EXITOSA Angela da Rocha Rolla1 RESUMO FOME DE LER é um Programa de Leitura desenvolvido pelo Laboratório de Leitura e Escrita do Curso de Letras ULBRA/Guaíba em parceria com a

Leia mais

Circuito de Oficinas: Mediação de Leitura em Bibliotecas Públicas

Circuito de Oficinas: Mediação de Leitura em Bibliotecas Públicas Circuito de Oficinas: Mediação de Leitura em Bibliotecas Públicas outubro/novembro de 2012 A leitura mediada na formação do leitor. Professora Marta Maria Pinto Ferraz martampf@uol.com.br A leitura deve

Leia mais

Formulário de inscrição para Unidades Escolares:

Formulário de inscrição para Unidades Escolares: Presidência da República Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial Secretaria de Políticas de Ações Afirmativas 1. Contextualização: Formulário de inscrição para Unidades Escolares: a) Descreva

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Agosto 2014

Atividades Pedagógicas. Agosto 2014 Atividades Pedagógicas Agosto 2014 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO II A GRUPO II B GRUPO II C GRUPO II

Leia mais

Nome do Projeto: Compartilhando Livros por mais Cultura e Cidadania na Escola e na Comunidade

Nome do Projeto: Compartilhando Livros por mais Cultura e Cidadania na Escola e na Comunidade A escola é o lugar privilegiado da aprendizagem, planejado para educar pessoas mais participativas, solidárias, produtivas e felizes. GUIOMAR NAMO DE MELLO Diretora da EBRAP Escola Brasileira de Professores

Leia mais

INSTITUTO DE PROMOÇÃO SOCIAL DA BAIRRADA

INSTITUTO DE PROMOÇÃO SOCIAL DA BAIRRADA INSTITUTO DE PROMOÇÃO SOCIAL DA BAIRRADA Proposta de regulamento da BIBLIOTECA escolar I - CONCEITO A Biblioteca Escolar é um núcleo de organização pedagógica da Escola e deve ser entendida como um centro

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE CAIXAS-ESTANTES PARA INCENTIVO DA LEITURA PARA ALUNOS DE 1ª À 4ª SÉRIES NA ESCOLA MUNICIPAL HENRIQUE VERAS

UTILIZAÇÃO DE CAIXAS-ESTANTES PARA INCENTIVO DA LEITURA PARA ALUNOS DE 1ª À 4ª SÉRIES NA ESCOLA MUNICIPAL HENRIQUE VERAS UTILIZAÇÃO DE CAIXAS-ESTANTES PARA INCENTIVO DA LEITURA PARA ALUNOS DE 1ª À 4ª SÉRIES NA ESCOLA MUNICIPAL HENRIQUE VERAS Andréa Collyer Neves Acadêmica do Curso de Biblioteconomia da UFSC Araci Isaltina

Leia mais

Instruções para o Acervo... 05

Instruções para o Acervo... 05 Sumário Apresentação... 03 Instruções gerais... 04 Instruções para o Acervo... 05 Política de Troca... 06 2 Apresentação Ao compreender as mudanças que o livro e a leitura podem fazer na vida de nossos

Leia mais

BIBLIOTECA NA CALÇADA: dos muros da escola para a comunidade.

BIBLIOTECA NA CALÇADA: dos muros da escola para a comunidade. BIBLIOTECA NA CALÇADA: dos muros da escola para a comunidade. Penha Maria Cordeiro de Quadros Barreto Bibliotecária EMEF Mauro Braga, PMV/ES Orli Rocha Membro da Comunidade Escolar 1 IDENTIFICAÇÃO A Escola

Leia mais

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA

INED PROJETO EDUCATIVO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO MAIA INED INSTITUTO DE EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO PROJETO EDUCATIVO MAIA PROJETO EDUCATIVO I. Apresentação do INED O Instituto de Educação e Desenvolvimento (INED) é uma escola secundária a funcionar desde

Leia mais

Rio, uma cidade de leitores: Política Pública de leitura e de formação de leitores da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro.

Rio, uma cidade de leitores: Política Pública de leitura e de formação de leitores da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro. Rio, uma cidade de leitores: Política Pública de leitura e de formação de leitores da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro. Profª Simone Monteiro Secretaria Municipal de Educação 1.471 Unidades

Leia mais

O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL 0 O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL 1 O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL Renato da Guia Oliveira 2 FICHA CATALOGRÁFICA OLIVEIRA. Renato da Guia. O Papel da Contação

Leia mais

Poesia A Arte de brincar e aprender com as palavras. Prof. José Urbano

Poesia A Arte de brincar e aprender com as palavras. Prof. José Urbano Poesia A Arte de brincar e aprender com as palavras Prof. José Urbano O que vamos pensar: A Literatura e a Sociedade Funções e desdobramentos da Literatura Motivação Poesia Em hipótese alguma a literatura

Leia mais

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Jornal de Brasília Data: 22/08/2009 Seção: Sociedade Pág.: 49 Assunto: Great Place to Work

Ass. de Comunicação www.ptexto.com.br. Veículo: Jornal de Brasília Data: 22/08/2009 Seção: Sociedade Pág.: 49 Assunto: Great Place to Work Veículo: Jornal de Brasília Data: 22/08/2009 Seção: Sociedade Pág.: 49 Assunto: Great Place to Work Veículo: Site Revista Making Of Data: 20/08/2009 Seção: Marketing Pág.: www.revistamakingof.com.br Assunto:

Leia mais

Promover a participação de toda comunidade escolar no projeto PIBID;

Promover a participação de toda comunidade escolar no projeto PIBID; Título do projeto: Parada da leitura Tema: O letramento literário na comunidade escolar. Introdução O presente projeto visa disseminar o projeto PIBID para toda a comunidade escolar (alunos, professores,

Leia mais

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês

Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Ação 1 Foral andante o que eu escrevo, o que tu lês Criar ambientes de partilha; Proporcionar momentos de incentivo à leitura e ao relevo das ilustrações; Facilitar e promover a criatividade e imaginação;

Leia mais

O interesse por atividades práticas contribuindo na alfabetização através do letramento

O interesse por atividades práticas contribuindo na alfabetização através do letramento O interesse por atividades práticas contribuindo na alfabetização através do letramento A contribuição do interesse e da curiosidade por atividades práticas em ciências, para melhorar a alfabetização de

Leia mais

BIBLIOTECA CIDADÃ JOÃO MARQUES DA SILVA DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROJETO: LEITORES EM AÇÃO, UM CAMINHO PARA O SABER.

BIBLIOTECA CIDADÃ JOÃO MARQUES DA SILVA DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROJETO: LEITORES EM AÇÃO, UM CAMINHO PARA O SABER. BIBLIOTECA CIDADÃ JOÃO MARQUES DA SILVA DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PROJETO: LEITORES EM AÇÃO, UM CAMINHO PARA O SABER. BOM JESUS DO SUL MAIO DE 2011 BIBLIOTECA CIDADÃ JOÃO MARQUES DA SILVA DEPARTAMENTO

Leia mais

PROJETO LEITURA VIAJANTE Levando leitura à zona rural de Cacoal/RO RESUMO

PROJETO LEITURA VIAJANTE Levando leitura à zona rural de Cacoal/RO RESUMO PROJETO LEITURA VIAJANTE Levando leitura à zona rural de Cacoal/RO Cleuza Diogo Antunes 1 ; Maria Cristiana de Freitas Costa 2 ; Danielle Capelasso Soares de Souza 3 RESUMO Visando oferecer um trabalho

Leia mais

Projeto : Bixo tem coração

Projeto : Bixo tem coração Projeto : Bixo tem coração 1. Resumo : O projeto tem como objetivo prioritário incentivar o trote solidário voltado para a inserção dos alunos veteranos e calouros na comunidade local. Sua missão PRIORITÁRIA

Leia mais

O HÁBITO DA LEITURA E O PRAZER DE LER

O HÁBITO DA LEITURA E O PRAZER DE LER O HÁBITO DA LEITURA E O PRAZER DE LER ALVES, Ivanir da Costa¹ Universidade Estadual de Goiás Unidade Universitária de Iporá ¹acwania@gmail.com RESUMO A leitura é compreendida como uma ação que deve se

Leia mais

Práticas de leitura inclusiva para pessoa com deficiência visual: Cenário, avanços e desafios. II Fórum Catarinense do Livro e da Leitura maio/14

Práticas de leitura inclusiva para pessoa com deficiência visual: Cenário, avanços e desafios. II Fórum Catarinense do Livro e da Leitura maio/14 Práticas de leitura inclusiva para pessoa com deficiência visual: Cenário, avanços e desafios II Fórum Catarinense do Livro e da Leitura maio/14 Fundação Dorina Nowill para Cegos Existente há mais de 68

Leia mais

Este Plano de Gestão foi apresentado à Direção e suas ideias foram aprovadas. No entanto, a grafia é de responsabilidade exclusiva de seus autores.

Este Plano de Gestão foi apresentado à Direção e suas ideias foram aprovadas. No entanto, a grafia é de responsabilidade exclusiva de seus autores. Este Plano de Gestão foi apresentado à Direção e suas ideias foram aprovadas. No entanto, a grafia é de responsabilidade exclusiva de seus autores. PLANO DE GESTÃO BOB CHAPA 2014 DIRETOR SOCIAL: - Continuação

Leia mais

PROJETO CIDADANIA NA COMUNIDADE (COMUNIDADE DA ESCOLA SETE LÉGUAS)

PROJETO CIDADANIA NA COMUNIDADE (COMUNIDADE DA ESCOLA SETE LÉGUAS) PROJETO CIDADANIA NA COMUNIDADE (COMUNIDADE DA ESCOLA SETE LÉGUAS) Rio Verde 2010 MUNICÍPIO DE RIO VERDE-GO Professora responsável: Lílian Alves Rosa da Silva. Endereço: Rua Juarez Fernandes, nº. 178,

Leia mais

set-dez 2013 comunidade cabelo seco, marabá cursos projetos ações culturais inscrições 01 a 08 setembro

set-dez 2013 comunidade cabelo seco, marabá cursos projetos ações culturais inscrições 01 a 08 setembro comunidade cabelo seco, marabá set-dez 2013 cursos projetos ações culturais inscrições 01 a 08 setembro Vamos criar uma Universidade Comunitária dos Rios? Querida comunidade de Cabelo Seco! Amigos e amigas

Leia mais

PROJETO CLUBE DA LEITURA

PROJETO CLUBE DA LEITURA PROJETO CLUBE DA LEITURA Autor¹ Maria do Amparo Cardoso Autor² Elisete Lopes Cassiano RESUMO Este projeto tem como objetivos: exercitar a leitura como prática democrática, envolver e conscientizar a comunidade

Leia mais

A Fundação Victor Civita (FVC) divulgou nesta terça-feira, 7, a relação de projetos e professores vencedores da 15ª edição do Prêmio Educador Nota

A Fundação Victor Civita (FVC) divulgou nesta terça-feira, 7, a relação de projetos e professores vencedores da 15ª edição do Prêmio Educador Nota A Fundação Victor Civita (FVC) divulgou nesta terça-feira, 7, a relação de projetos e professores vencedores da 15ª edição do Prêmio Educador Nota 10. Entre os cerca de 2.500 professores, coordenadores

Leia mais

Em pleno poderio dos governos militares em 1976, nasce o periódico O Paraguaçu.

Em pleno poderio dos governos militares em 1976, nasce o periódico O Paraguaçu. Em pleno poderio dos governos militares em 1976, nasce o periódico O Paraguaçu. Sede da redação Jornalista Salvador de Souza Roger Redator e Editor A primeira edição é lançada em janeiro de 1977, ano em

Leia mais

Interação das Escolas do Tocantins

Interação das Escolas do Tocantins SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Interação das Escolas do Tocantins Palmas 2010. SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Projeto:

Leia mais

Rede de Bibliotecas Comunitárias de Porto Alegre/RS

Rede de Bibliotecas Comunitárias de Porto Alegre/RS Rede de Bibliotecas Comunitárias de Porto Alegre/RS Rede de Bibliotecas Comunitárias de Porto Alegre Criada em 2008, com um dos objetivos de promover a leitura e o prazer em ler, por meio do fortalecimento

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL GETÚLIO VARGAS ENSINO FUNDAMENTAL PROJETO RÁDIO ESCOLA

ESCOLA ESTADUAL GETÚLIO VARGAS ENSINO FUNDAMENTAL PROJETO RÁDIO ESCOLA ESCOLA ESTADUAL GETÚLIO VARGAS ENSINO FUNDAMENTAL PROJETO RÁDIO ESCOLA APRESENTAÇÃO: A Escola Estadual Getúlio Vargas Ensino Fundamental, do Município de Engenheiro Beltrão, Estado do Paraná, preocupada

Leia mais

ANEXO IV PROPOSTAS APROVADAS NA CONFERÊNCIA ESTADUAL. Eixo MOBILIZAÇÃO IMPLEMENTAÇÃO MONITORAMENTO

ANEXO IV PROPOSTAS APROVADAS NA CONFERÊNCIA ESTADUAL. Eixo MOBILIZAÇÃO IMPLEMENTAÇÃO MONITORAMENTO PROPOSTAS APROVADAS NA CONFERÊNCIA ESTADUAL ANEXO IV Eixo MOBILIZAÇÃO IMPLEMENTAÇÃO MONITORAMENTO 1-Promoção dos Direitos de Crianças e Adolescentes Buscar apoio das esferas de governo (Federal e Estadual)

Leia mais

RESGATANDO O FOLCLORE BRASILEIRO

RESGATANDO O FOLCLORE BRASILEIRO RESGATANDO O FOLCLORE BRASILEIRO Autora: Patrícia da Silveira Souza E-mail: patbzt@cabangu.com.br A escola deve estar também comprometida com nossa cultura, resgatando nossos valores, tradições e costumes;

Leia mais

PONTO DE CULTURA FAZENDO A DIFERENÇA EM PAQUETÁ Informativo Março -2009 ONDE INSCREVER-SE? NOVOS RUMOS... ATIVIDADES:

PONTO DE CULTURA FAZENDO A DIFERENÇA EM PAQUETÁ Informativo Março -2009 ONDE INSCREVER-SE? NOVOS RUMOS... ATIVIDADES: ONDE INSCREVER-SE? Sede do Ponto à Biblioteca Municipal Popular de Paquetá (Solar Del Rey) End.: Rua Príncipe Regente, 55. Tel: 3397-0388. Horário: terça-feira a sábado, das 8h às 16h. PONTO DE CULTURA

Leia mais