PREFEITURA MUNICIPAL DE TAGUAÍ

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PREFEITURA MUNICIPAL DE TAGUAÍ"

Transcrição

1 Viagem Literária Para ler os Clássicos Projeto de Mediação de Leitura 1. Identificação Cidade: Taguaí. Biblioteca: Biblioteca Municipal de Taguaí. Responsável pela unidade: Pedro Luiz Corona. Responsável pelo projeto: Nair Cristina da Silva. 2. Título do Projeto Contação de histórias, um caminho de incentivo a leitura. 3. Local de desenvolvimento do projeto Biblioteca Municipal de Taguaí, Rua José Gobbo, 546, Centro Taguaí/SP. 4. Descrição Geral das Atividades 4.1. Introdução e objetivos Sabemos que as histórias sempre estiveram presentes na nossa cultura, pois mesmo antes do surgimento da escrita dos livros, os povos antigos contavam histórias prazerosas, propiciando viagem ao mundo imaginário. Essa maneira de contar as histórias antigas é popularmente conhecida como Contar Causos. Atualmente existem excessos de outros atrativos infantis (vídeo-game, internet, entre outros), fato esse que dificulta a disseminação da Contação de Histórias entre as crianças

2 e adolescentes. Entretanto, é notável que as histórias desempenham importante papel no desenvolvimento do educando. Além de ser um incentivo a leitura e uma forma de mostrar a literatura como arte, a Contação de Histórias tem como objetivo transmitir valores que determinam atitudes éticas, possibilitando melhor convivência social. Portanto, justifica-se o presente projeto Descrição das ações ª Ação Possibilitar conhecimento acerca da origem das histórias, fazendo a roda da leitura com idosos para a Contação de Causos. Serão convidados idosos para que contem histórias de suas vidas e para que reproduzam histórias que ouviam de seus antepassados quando crianças. Roda Construtiva (era uma vez...). A responsável proporá a criação de uma história para as crianças presentes. A partir do início Era uma vez... cada criança deverá escrever uma parte da história ª Ação Trabalhar conto clássico Chapeuzinho Vermelho, resgatando valores. A responsável propiciará a contação do clássico Chapeuzinho Vermelho para as crianças presentes. Sugerir clássicos para leitura ª Ação Clube do Leitor, compartilhando leitura através do bate-papo em roda. Cada criança contará para os demais o clássico que leu. diário Frequência das atividades As ações serão desenvolvidas semanalmente. O desenvolvimento do projeto será

3 5. Cronograma de implantação Data Atividade 21/11/2012 Preparação do material 22/11/2012 Seleção da equipe de trabalho 23/11/2012 Iniciação da divulgação do projeto 26/11/2012 Realização da 1ª ação 27/11/2012 Avaliação dos resultados 29/11/2012 Preparação dos materiais para 2ª ação 30/11/2012 Iniciação da divulgação 03/12/2012 Realização da 2ª ação 04/12/2012 Avaliação dos resultados 10/12/2012 Realização da 3ª ação 11/12/2012 Avaliação dos resultados finais 6. Calendário de atividades para o público Data Atividade 26/11/2012 Roda de leitura com idosos contação de causos 03/12/2012 Contação de história: Capeuzinho Vermelho 10/12/2012 Clube do leitor 7. Público Alvo

4 O projeto visa envolver toda a comunidade, com suas diversas faixas etárias. No primeiro momento (correspondente a 1ª ação), farão parte do presente projeto idosos do município. Para as demais atividades (2ª e 3ª ações) estarão envolvidos educandos do 1º e do 2º anos das escolas municipais de Taguaí. 8. Divulgação Os idosos que participarão da Contação de Causos serão convidados pessoalmente. A seleção dos idosos será feita através de uma parceria com a Coordenadoria da Saúde e com a Coordenadoria da Assistência Social, as quais desenvolvem outros projetos com pessoas dessa faixa etária. Portanto, possuem um contato maior e consequentemente, conhecem os idosos que têm habilidade para desenvolver essa atividade. Para a divulgação das demais atividades serão elaborados panfletos que serão afixados nos escolas municipais, mobilizando os alunos. 9. Equipe e parceiros envolvidos São parceiros externos desse projeto: Coordenadoria Municipal da Educação (Escola Municipal Pedro Soldera e Escola Municipal Governador Mário Covas), Coordenadoria Municipal da Saúde e Coordenadoria Municipal da Assistência Social. Além dos parceiros acima citados, todos os funcionários da biblioteca estão envolvidos com o presente projeto. 10. Sobre a responsável pelo projeto Função dentro do projeto

5 Nair Cristina da Silva é Auxiliar de Educação Básica, funcionária da Prefeitura Municipal de Taguaí. Atualmente a funcionária Responsável pela Biblioteca está afastada de suas funções em virtude de problemas de saúde e essa função foi atribuída a Nair Cristina da Silva, que sempre desenvolveu contação de histórias dentro da escola municipal em que é lotada. Dentro desse projeto, Nair realizará todas as ações em parceira com outros funcionários. Ela convidará os participantes, organizará todos os eventos, contará o clássico, estimulará a produção da história e controlará clube do leitor, sempre estimulando os participantes Quem é a responsável Nair Cristina da Silva é graduada em Pedagogia pela FAFIJA Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Jacarezinho, Estado do Paraná. Segue foto anexa. Taguaí, 13 de novembro de 2012.

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE 1. APRESENTAÇÃO Este Projeto de Incentivo a Leitura "Minha Escola Lê", será desenvolvido nas unidades escolares que

Leia mais

PROJETO SEMEANDO LEITORES

PROJETO SEMEANDO LEITORES PROJETO SEMEANDO LEITORES APRESENTAÇÃO: O Projeto Semeando Leitores, é um projeto de iniciativa voluntária que se propõe a contribuir para o estimulo a leitura, promoção da literatura piauiense, valorização

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA DE GOIÁS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SANTA BÁRBARA DE GOIÁS. O Mascote da Turma

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA DE GOIÁS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SANTA BÁRBARA DE GOIÁS. O Mascote da Turma ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA DE GOIÁS SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SANTA BÁRBARA DE GOIÁS O Mascote da Turma SANTA BÁRBARA DE GOIÁS JANEIRO 2013 ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA

Leia mais

PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA

PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA Giruá, outubro de 2014. 1.DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1.1. NOME DO PROJETO: SEMANA LITERÁRIA: LEITURA, CIDADANIA E VIDA 1.2. PÚBLICO ALVO Alunos e professores

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL IVAIPORÃ PROJETO DE LEITURA: LIVRO AMIGO

ESCOLA MUNICIPAL IVAIPORÃ PROJETO DE LEITURA: LIVRO AMIGO ESCOLA MUNICIPAL IVAIPORÃ PROJETO DE LEITURA: LIVRO AMIGO Projeto escolar com a temática Livro Amigo produzido no ano de 2012, 2013 e em andamento em 2014, por todos os integrantes da escola e comunidade.

Leia mais

PROJETO. A inserção das Famílias no CAMP

PROJETO. A inserção das Famílias no CAMP PROJETO A inserção das Famílias no CAMP APRESENTAÇÃO O CAMP-Gna é uma entidade filantrópica sediada em Goiânia, no Setor Central, onde funciona ininterruptamente há 36 anos. Desde 01 de julho de 1973,

Leia mais

Proposta Pedagógica para as Salas de Leitura: a experiência do Instituto Ayrton Senna em parceria com a SEE-SP e SEE-RJ

Proposta Pedagógica para as Salas de Leitura: a experiência do Instituto Ayrton Senna em parceria com a SEE-SP e SEE-RJ Proposta Pedagógica para as Salas de Leitura: a experiência do Instituto Ayrton Senna em parceria com a SEE-SP e SEE-RJ 0 DESENVOLVER O POTENCIAL DAS NOVAS GERAÇÕES Conhecimento aplicado 74.893 Educadores

Leia mais

Espaço Criança Esperança São Paulo CEE Oswaldo Brandão

Espaço Criança Esperança São Paulo CEE Oswaldo Brandão Espaço Criança Esperança São Paulo CEE Oswaldo Brandão OS RECURSOS FINANCEIROS DO ESPAÇO CRIANÇA ESPERANÇA TV GLOBO realiza CAMPANHA CRIANÇA ESPERANÇA com programa na TV UNESCO recebe DOAÇÃO e apóia diferentes

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Baú da Leitura

Mostra de Projetos 2011. Baú da Leitura Mostra de Projetos 2011 Baú da Leitura Mostra Local de: Dois Vizinhos Categoria do projeto: Projeto em implantação, com resultados parciais Nome da Instituição/Empresa: Secretaria Municipal de Educação,

Leia mais

CURSOS DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

CURSOS DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS CURSOS DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS OBJETIVO Promover cursos para formação em Contação de Histórias A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS Linguagem milenar de transmissão de cultura em todas as sociedades e épocas Meio

Leia mais

ANEXO I ROTEIRO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS FIA 2011. Cada projeto deve conter no máximo 20 páginas

ANEXO I ROTEIRO PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS FIA 2011. Cada projeto deve conter no máximo 20 páginas Cada projeto deve conter no máximo 20 páginas 1. APRESENTAÇÃO Faça um resumo claro e objetivo do projeto, considerando a situação da criança e do adolescente, os dados de seu município, os resultados da

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

Projeto Biblioteca Escolar: Quem lê aprende, imagina e viaja...

Projeto Biblioteca Escolar: Quem lê aprende, imagina e viaja... Mostra Local de: Tomazina Projeto Biblioteca Escolar: Quem lê aprende, imagina e viaja... Categoria do projeto: I - Projetos em Andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

Promover a participação de toda comunidade escolar no projeto PIBID;

Promover a participação de toda comunidade escolar no projeto PIBID; Título do projeto: Parada da leitura Tema: O letramento literário na comunidade escolar. Introdução O presente projeto visa disseminar o projeto PIBID para toda a comunidade escolar (alunos, professores,

Leia mais

PDE Plano de Desenvolvimento da Educação

PDE Plano de Desenvolvimento da Educação PDE Plano de Desenvolvimento da Educação Secretaria de Educação Básica Ministério da Educação Foto: João Bittar Garantir o direito de aprender, para todos e para cada um. PLANO DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO

Leia mais

CURSOS DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS

CURSOS DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS CURSOS DE CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS É a linguagem primeira de transmissão de cultura em todas as sociedade e épocas É meio de aproximação de pessoas por meio de trocas simbólicas do

Leia mais

RESPONSÁVEL: MARIA DA GUIA LUCENA

RESPONSÁVEL: MARIA DA GUIA LUCENA RELATÓRIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS NA 12ª SEMANA DE AÇÃO MUNDIAL 2014 - DIREITO À EDUCAÇÃO INCLUSIVA POR UMA ESCOLA E UM MUNDO PARA TODOS NO MUNICÍPIO DE PICUÍ - PARAÍBA RESPONSÁVEL: MARIA DA GUIA

Leia mais

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MUNICIPAL PROJETO DE INCENTIVO A LEITURA BIBLIOTECA ITINERANTE LÊ TAMBÉM É PROJETO SÓCIO EDUCACIONAL VIV 1. INTRODUÇÃO O presente documento propõe o Projeto da Biblioteca Itinerante

Leia mais

Com-Vida. Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida

Com-Vida. Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida Com-Vida Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida Com-Vida Comissao de Meio Ambiente e Qualidade de Vida Depois de realizar a Conferência... Realizada a Conferência em sua Escola ou Comunidade, é

Leia mais

PROJETO IMAGINAR CONTADORES DE HISTÓRIA DA UNICARIOCA

PROJETO IMAGINAR CONTADORES DE HISTÓRIA DA UNICARIOCA PROJETO IMAGINAR CONTADORES DE HISTÓRIA DA UNICARIOCA A UniCarioca, por meio do Núcleo de Ação Socioambiental (NASA) convida seus alunos a participarem da SEGUNDA EDIÇÃO do projeto IMAGINAR (inicialmente

Leia mais

Programa Viver é Melhor. Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos em execução atualmente)

Programa Viver é Melhor. Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos em execução atualmente) Programa Viver é Melhor Mostra Local de: Londrina Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa: Legião da Boa Vontade (LBV) Cidade: Londrina/PR

Leia mais

PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE

PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE 1. JUSTIFICATIVA A região do Baixo Tocantins apresenta-se na área cultural e artística, é um grande celeiro de talentos, que vem enraizado culturalmente em nosso povo,

Leia mais

Como escrever um bom Relato de Experiência em Implantação de Sistema de Informações de Custos no setor público. Profa. Msc. Leila Márcia Elias

Como escrever um bom Relato de Experiência em Implantação de Sistema de Informações de Custos no setor público. Profa. Msc. Leila Márcia Elias Como escrever um bom Relato de Experiência em Implantação de Sistema de Informações de Custos no setor público O que é Relato de Experiência? Faz parte dos gêneros pertencentes ao domínio social da memorização

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Terceira Idade e Movimento

Mostra de Projetos 2011. Terceira Idade e Movimento Mostra de Projetos 2011 Terceira Idade e Movimento Mostra Local de: Campina Grande do Sul Categoria do projeto: I - Projetos em implantação, com resultados parciais. Nome da Instituição/Empresa: Secretaria

Leia mais

PARECER TÉCNICO DA ATIVIDADE:

PARECER TÉCNICO DA ATIVIDADE: PARECER TÉCNICO DA ATIVIDADE: Encontro com o Livro no Colégio Coração de Maria Me. Maria Aparecida da Costa Bezerra - Bibliotecária escolar e universitária Resumo: O Colégio Coração de Maria proporciona

Leia mais

Projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil

Projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil Projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil - Justificativa: O projeto Lendo desde Pequeninos : Uma Biblioteca na Escola de Educação Infantil iniciou no segundo semestre

Leia mais

Interação das Escolas do Tocantins

Interação das Escolas do Tocantins SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Interação das Escolas do Tocantins Palmas 2010. SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Projeto:

Leia mais

Projeto Jornal Educativo Municipal

Projeto Jornal Educativo Municipal Estado de Goiás Prefeitura Municipal de Santa Bárbara de Goiás Secretaria Municipal da Educação Santa Bárbara de Goiás - GO Projeto Jornal Educativo Municipal Santa Bárbara de Goiás Janeiro/2013 Estado

Leia mais

Biblioteca Escolar. Atividades 2013-2014

Biblioteca Escolar. Atividades 2013-2014 Biblioteca Escolar Atividades 2013-2014 1 Uma ESCOLA 1 100 ALUNOS ( 10-18 anos) uma professora bibliotecária nove professores colaboradores duas assistentes operacionais uma EQUIPA 2 Biblioteca Escolar:

Leia mais

Uma Biblioteca e a vontade de formar leitores.

Uma Biblioteca e a vontade de formar leitores. Uma Biblioteca e a vontade de formar leitores. Prof. Ms. Deisily de Quadros (FARESC) deisily@uol.com.br Graduando Mark da Silva Floriano (FARESC) markfloriano@hotmail.com Resumo: Este artigo apresenta

Leia mais

O título do projeto deve refletir a natureza do problema enfocado e ter um impacto significativo em seu leitor. Não deve ser muito extenso.

O título do projeto deve refletir a natureza do problema enfocado e ter um impacto significativo em seu leitor. Não deve ser muito extenso. P R O G R A M A D E R E S P O N S A B I L I D A D E S O C I A L C E N T R O U N I V E R S I T Á R I O E S T Á C I O D O C E A R Á E S T Á C I O - F I C CURSO: COORDENADOR: DADOS DO PROFESSOR RESPONSÁVEL

Leia mais

Nome do curso: Pedagogia

Nome do curso: Pedagogia Nome do curso: Pedagogia MANUAL DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Artigo 1º - O ESTÁGIO SUPERVISIONADO, previsto na Lei nº 9394/96 de Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 20 de dezembro de 1996, visa a complementar

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária Apoio: Secretária municipal de educação de santo Afonso PROJETO INTERAÇÃO FAMÍLIA X ESCOLA: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA. É imperioso que dois dos principais

Leia mais

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II

Centro Comunitário Vila Gaúcha. Projeto Experimental II Centro Comunitário Vila Gaúcha Projeto Experimental II Apresentação da Empresa O Centro Comunitário Vila Gaúcha presta atendimento regular em Educação Infantil, Serviço de Apoio Sócio Educativo, Trabalho

Leia mais

PROJETO DE LEITURA CESTA LITERÁRIA

PROJETO DE LEITURA CESTA LITERÁRIA Escola de Ensino Médio João Barbosa Lima PROJETO DE LEITURA CESTA LITERÁRIA DESPERTANDO O GOSTO PELA LEITURA E A ARTE DE ESCREVER Projeto na Sala de PCA da Área de Linguagens e Códigos PROEMI -Programa

Leia mais

PROJETO QUARTA LITERÁRIA

PROJETO QUARTA LITERÁRIA PROJETO QUARTA LITERÁRIA * Francisca Wládia de Medeiros Inocêncio ** Leni Oliveira da Silva Este artigo pretende socializar o Projeto Quarta Literária, desenvolvido no Centro Educacional do Projeto SESC

Leia mais

AS PRODUÇÕES LITERÁRIAS COMO INSTRUMENTOS DE APRENDIZAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL

AS PRODUÇÕES LITERÁRIAS COMO INSTRUMENTOS DE APRENDIZAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL AS PRODUÇÕES LITERÁRIAS COMO INSTRUMENTOS DE APRENDIZAGEM DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL Ivone Aparecida Borges (1) Coordenadora de projetos, professora de Biologia e Educadora Ambiental no Centro Operacional de

Leia mais

a Resolução CONAMA nº 422/2010 de 23 de março de 2010, que estabelece diretrizes para as campanhas, ações e projetos de educação ambiental;

a Resolução CONAMA nº 422/2010 de 23 de março de 2010, que estabelece diretrizes para as campanhas, ações e projetos de educação ambiental; Portaria Normativa FF/DE N 156/2011 Assunto: Estabelece roteiros para elaboração de Plano Emergencial de Educação Ambiental e de Plano de Ação de Educação Ambiental para as Unidades de Conservação de Proteção

Leia mais

FOME DE LER: UMA PARCERIA EXITOSA

FOME DE LER: UMA PARCERIA EXITOSA FOME DE LER: UMA PARCERIA EXITOSA Angela da Rocha Rolla1 RESUMO FOME DE LER é um Programa de Leitura desenvolvido pelo Laboratório de Leitura e Escrita do Curso de Letras ULBRA/Guaíba em parceria com a

Leia mais

REMIÇÃO DA PENA PELO ESTUDO ATRAVÉS DA LEITURA

REMIÇÃO DA PENA PELO ESTUDO ATRAVÉS DA LEITURA REMIÇÃO DA PENA PELO ESTUDO ATRAVÉS DA LEITURA Mostra Local de: Quatro Barras (Municípios de Quatro Barras, Piraquara, Pinhais e Campina Grande do Sul) Categoria do projeto: I Projetos em andamento (projetos

Leia mais

Doce Natal Gold Bazar Campanha Sagrada Família

Doce Natal Gold Bazar Campanha Sagrada Família Cada vez mais conscientes da nossa responsabilidade social e do nosso papel TRANSFORMADOR na sociedade, a Arriba! Comunicação lança o projeto Transforma!, o braço social da agência que irá desenvolver

Leia mais

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre.

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre. ]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. ANO 2013-1ª EDIÇÃO A equipe gestora está sempre preocupada com o desempenho dos alunos e dos educadores, evidenciando

Leia mais

OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul

OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul OFICINA DE REESTRUTURACÃO DA REABRI Data: 14 de Maio de 2010 UNIDAVI - Rio do Sul Moderação: Graciane Regina Pereira e Katiuscia Wilhelm Kankerski 13h Apresentação dos objetivos e da metodologia de trabalho.

Leia mais

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores

PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores PNBE Programa Nacional Biblioteca da Escola: análise descritiva e crítica de uma política de formação de leitores EMENTA Apresentação e discussão do processo de avaliação e seleção de obras de literatura

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROJETO JUDÔ NA ESCOLA: A SALA DE AULA E O TATAME Projeto: Domingos Sávio Aquino Fortes Professor da Rede Municipal de Lorena Semeie um pensamento,

Leia mais

Profea- Projeto de Formação de Educadores Ambientais

Profea- Projeto de Formação de Educadores Ambientais Profea- Projeto de Formação de Educadores Ambientais Mostra Local de: Maringá PR Categoria do projeto: I Projetos em Andamento (projetos em execução atualmente) Nome da Instituição/Empresa: Facinor- Faculdade

Leia mais

PROJETO Educação de Qualidade: direito de todo maranhense

PROJETO Educação de Qualidade: direito de todo maranhense PROJETO Educação de Qualidade: direito de todo maranhense 1. DISCRIMINAÇÃO DO PROJETO Título do Projeto Educação de Qualidade: direito de todo maranhense Início Janeiro de 2015 Período de Execução Término

Leia mais

visitas às instituições sociais. Os colaboradores voluntários também foram consultados, por meio da aplicação de um questionário.

visitas às instituições sociais. Os colaboradores voluntários também foram consultados, por meio da aplicação de um questionário. 1. Apresentação O Voluntariado Empresarial é um dos canais de relacionamento de uma empresa com a comunidade que, por meio da atitude solidária e proativa de empresários e colaboradores, gera benefícios

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS*

PERGUNTAS E RESPOSTAS* 1. PROJETO CURTA NA EDUCAÇÃO PERGUNTAS E RESPOSTAS* O que é o Curta na Educação? É o projeto criado e desenvolvido, por iniciativa conjunta da Associação Nacional de Educação Católica ANEC e da Comissão

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DO IDOSO DE SALTO

CONSELHO MUNICIPAL DO IDOSO DE SALTO CONSELHO MUNICIPAL DO IDOSO DE SALTO SECRETARIA MUNICIPAL DE AÇÃO SOCIAL E CIDADANIA PREFEITURA DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SALTO www.cmisalto.com.br Pesquisa sobre a Frequência de Idosos em Grupos Em parceria

Leia mais

UNICEF BRASIL Edital de Licitação de Consultoria RH/2012/061

UNICEF BRASIL Edital de Licitação de Consultoria RH/2012/061 UNICEF BRASIL Edital de Licitação de Consultoria RH/2012/061 O UNICEF, Fundo das Nações Unidas para a Infância, a Organização mundial pioneira na defesa dos direitos das crianças e adolescentes, convida

Leia mais

Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo

Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo Biblioteca e Leitura, Janelas para o Mundo Um país se faz com homens e livros. Monteiro Lobato O que é uma biblioteca? A palavra biblioteca tem sua origem nos termos gregos biblío (livro) e teca (caixa),

Leia mais

CRONOGRAMA PROVAS ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIES FINAIS-2014 3º TRIMESTRE 6ª SÉRIE

CRONOGRAMA PROVAS ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIES FINAIS-2014 3º TRIMESTRE 6ª SÉRIE CRONOGRAMA PROVAS ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIES FINAIS-2014 3º TRIMESTRE 6ª SÉRIE Senhores Pais ou Responsáveis: Com a proximidade do término do ano letivo, informamos que na Semana de 24 de novembro à 08

Leia mais

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras

Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras Plano de Trabalho e Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras 1. Introdução O Projeto Político-Pedagógico da Escola Legislativa de Araras foi idealizado pelo Conselho Gestor da Escola,

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Horta: Fazendo em casa o que se aprende na Entidade

Mostra de Projetos 2011. Horta: Fazendo em casa o que se aprende na Entidade Mostra de Projetos 2011 Horta: Fazendo em casa o que se aprende na Entidade Mostra Local de: Dois Vizinhos Categoria do projeto: Projetos em implantação, com resultados parciais. Nome da Instituição/Empresa:

Leia mais

GUIA DE SUGESTÕES DE AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO PROGRAMA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA

GUIA DE SUGESTÕES DE AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO PROGRAMA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA GUIA DE SUGESTÕES DE AÇÕES PARA IMPLEMENTAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO PROGRAMA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA ALFABETIZAÇÃO NO TEMPO CERTO NAs REDES MUNICIPAIS DE ENSINO SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS

Leia mais

TEMPO AO TEMPO, NO MUSEU HERING "TIME TO TIME" IN HERING'S MUSEUM. Em Blumenau, a história e as tradições são preservadas de muitas formas e

TEMPO AO TEMPO, NO MUSEU HERING TIME TO TIME IN HERING'S MUSEUM. Em Blumenau, a história e as tradições são preservadas de muitas formas e TEMPO AO TEMPO, NO MUSEU HERING "TIME TO TIME" IN HERING'S MUSEUM Marli Rudnik Em Blumenau, a história e as tradições são preservadas de muitas formas e uma delas é através do acervo e das exposições dos

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ATIVIDADES EXTRA-CURRICULARES (ESPORTIVOS OU DE ÁREA)

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ATIVIDADES EXTRA-CURRICULARES (ESPORTIVOS OU DE ÁREA) ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE ATIVIDADES EXTRA-CURRICULARES (ESPORTIVOS OU DE ÁREA) I - CAPA NA CAPA DEVE CONSTAR: - Nome da Unidade Escolar com DRE; - Nome do professor responsável pela elaboração

Leia mais

Os Catadores de Materiais Recicláveis e a atuação do Ministério Público

Os Catadores de Materiais Recicláveis e a atuação do Ministério Público Os Catadores de Materiais Recicláveis e a atuação do Ministério Público Promotora Marina Brandão Póvoa Coordenadoria de Inclusão e Mobilização Sociais Coordenadoria de Inclusão e Mobilização Sociais Criação

Leia mais

COORDENADORIA NACIONAL DAS ENTIDADES DE SENHORAS DE ROTARIANOS

COORDENADORIA NACIONAL DAS ENTIDADES DE SENHORAS DE ROTARIANOS COORDENADORIA NACIONAL DAS ENTIDADES DE SENHORAS DE ROTARIANOS Projeto Novas Gerações Gestão 2014/2016 Coordenadora do Projeto Claudete H. Mallmann Que você tenha, de tudo um pouco. Sensibilidade, para

Leia mais

Proposta de Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Proteção Social Básica do SUAS BLOCO I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

Proposta de Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Proteção Social Básica do SUAS BLOCO I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Proposta de Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos Proteção Social Básica do SUAS BLOCO I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO NOME DA ENTIDADE: TIPO DE SERVIÇO: ( ) de convivência para crianças de 3

Leia mais

PROJETO MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA: CONVIVÊNCIA, CIDADANIA, SAÚDE E LAZER

PROJETO MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA: CONVIVÊNCIA, CIDADANIA, SAÚDE E LAZER SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ESCOLA AGROTÉCNICA FEDERAL DE UBERLÂNDIA Fazenda Sobradinho, s/ nº, Município de Uberlândia, CEP: 38.400-974, telefone: (34) 3233-8800 Fax: (34) 3233-8833,

Leia mais

FORTALECENDO E ARTICULANDO A REDE DE ATENÇÃO A CRIANÇA E O ADOLESCENTE

FORTALECENDO E ARTICULANDO A REDE DE ATENÇÃO A CRIANÇA E O ADOLESCENTE FORTALECENDO E ARTICULANDO A REDE DE ATENÇÃO A CRIANÇA E O ADOLESCENTE Fazer laços é ligar, entrelaçar o que está separado. Literal e metaforicamente falando. A inclusão do trabalho sobre o tema da sexualidade

Leia mais

Termo de Referência para Elaboração de Plano de Gestão de Praça do PAC modelo de 700m 2

Termo de Referência para Elaboração de Plano de Gestão de Praça do PAC modelo de 700m 2 MINISTÉRIO DA CULTURA Diretoria de Infraestrutura Cultural Secretaria Executiva Termo de Referência para Elaboração de Plano de Gestão de Praça do PAC modelo de 700m 2 1. Objetivos A Praça do PAC é de

Leia mais

Para facilitar a realização do

Para facilitar a realização do Para facilitar a realização do sugerimos 10 passos que consideramos primordiais para o sucesso da ação. Este livreto traz um resumo desse percurso. A versão completa da Cartilha dos 10 passos está disponível

Leia mais

BOLSA FAMÍLIA. Beneficiáriosdo Bolsa Família participam deatividade para a formatação de cursos

BOLSA FAMÍLIA. Beneficiáriosdo Bolsa Família participam deatividade para a formatação de cursos Diário Oficial Ano: 2 Edição: 258 Páginas: 6 BOLSA FAMÍLIA Beneficiáriosdo Bolsa Família participam deatividade para a formatação de cursos A Prefeitura de Canavieiras, por meio da Secretaria da Assistência

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL BAIANO CAMPUS URUÇUCA PLANO DE TRABALHO QUADRIÊNIO 2014-2018 EURO OLIVEIRA DE ARAÚJO

INSTITUTO FEDERAL BAIANO CAMPUS URUÇUCA PLANO DE TRABALHO QUADRIÊNIO 2014-2018 EURO OLIVEIRA DE ARAÚJO INSTITUTO FEDERAL BAIANO CAMPUS URUÇUCA PLANO DE TRABALHO QUADRIÊNIO 2014-2018 EURO OLIVEIRA DE ARAÚJO Euro Oliveira de Araújo, graduado em Licenciatura em Química pela Universidade Estadual da Bahia.

Leia mais

RESOLUÇÃO UnC-CONSEPE 040/2007

RESOLUÇÃO UnC-CONSEPE 040/2007 RESOLUÇÃO UnC-CONSEPE 040/2007 Aprova a Reformulação do Regimento da Educação a Distância O Reitor da Universidade do Contestado, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 25 do Estatuto da Universidade

Leia mais

II - obrigatoriedade de participação quando realizados no período letivo; III - participação facultativa quando realizados fora do período letivo.

II - obrigatoriedade de participação quando realizados no período letivo; III - participação facultativa quando realizados fora do período letivo. Capítulo II DA EDUCAÇÃO Art. 182. A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada pelo Município, com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento

Leia mais

Valores Educacionais. Aula 2 Alegria do Esforço

Valores Educacionais. Aula 2 Alegria do Esforço Valores Educacionais Aula 2 Alegria do Esforço Objetivos 1 Apresentar o valor Alegria do Esforço. 2 Indicar possibilidades de aplicação pedagógica do valor Alegria do Esforço. Introdução As próximas aulas

Leia mais

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS E AS PRÁTICAS DE LETRAMENTO NO ENSINO FUNDAMENTAL: REFLEXÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO DESENVOLVIDO NA PUCGOIÁS/GOIÂNIA

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS E AS PRÁTICAS DE LETRAMENTO NO ENSINO FUNDAMENTAL: REFLEXÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO DESENVOLVIDO NA PUCGOIÁS/GOIÂNIA GT 13 - DIÁLOGOS ABERTOS SOBRE A EDUCAÇÃO BÁSICA CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS E AS PRÁTICAS DE LETRAMENTO NO ENSINO FUNDAMENTAL: REFLEXÕES SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO DESENVOLVIDO NA PUCGOIÁS/GOIÂNIA Daniella

Leia mais

Projeto Escola Brasil

Projeto Escola Brasil Projeto Escola Brasil Projeto Escola Brasil Programa de voluntariado corporativo do Grupo Santander Brasil Objetivos: Atuar pela melhoria da educação na escola pública Envolver a comunidade e estimular

Leia mais

APRESENTAÇÃO OBJETIVO

APRESENTAÇÃO OBJETIVO APRESENTAÇÃO O Projeto Quero Ler Prá Você consiste em percorrer praças públicas, asilos, creches, abrigos e outros espaços, a cada quinze dias, convidando às pessoas para ouvir um texto, um poema ou partes

Leia mais

COLÉGIO J. OLIVEIRA PROJETO PEDAGÓGICO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

COLÉGIO J. OLIVEIRA PROJETO PEDAGÓGICO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS COLÉGIO J. OLIVEIRA PROJETO PEDAGÓGICO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS 01. JUSTIFICATIVA: Entendemos que a Educação de Jovens e Adultos foi concebida para resgatar aqueles que por vários motivos tenham

Leia mais

Mostra de Projetos 2011 BRINQUEDOTECA: O LÚDICO NO RESGATE

Mostra de Projetos 2011 BRINQUEDOTECA: O LÚDICO NO RESGATE Mostra de Projetos 2011 BRINQUEDOTECA: O LÚDICO NO RESGATE Mostra Local de: Londrina. Categoria do projeto: Projetos finalizados. Nome da Instituição/Empresa: (Campo não preenchido). Cidade: Londrina.

Leia mais

PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS

PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS EDUCAÇÃO BÁSICA ENSINO SUPERIOR EDUCAÇÃO NÃO-FORMAL EDUCAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DO SISTEMA DE JUSTIÇA E SEGURANÇA EDUCAÇÃO E MÍDIA Comitê Nacional de Educação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA Escola de Gestores. Orientações para elaboração da proposta de intervenção

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA Escola de Gestores. Orientações para elaboração da proposta de intervenção UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA Escola de Gestores Orientações para elaboração da proposta de intervenção ELEMENTOS QUE COMPÕEM O TCC -PROJETO DE INTERVENÇÃO 1. INTRODUÇÃO 2. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 3. PROPOSTA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTANHA ES SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE

PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTANHA ES SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE 0 PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTANHA ES SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE PRORAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PEA PLANO DE AÇÃO Montanha ES 2014 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 02 2. JUSTIFICATIVA... 03 3. OBJETIVO GERAL...

Leia mais

Primeiro Segmento equivalente à alfabetização e às quatro primeiras séries do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série).

Primeiro Segmento equivalente à alfabetização e às quatro primeiras séries do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série). INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE A EJA 1- Você se matriculou em um CURSO DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA). Esse curso tem a equivalência do Ensino Fundamental. As pessoas que estudam na EJA procuram um curso

Leia mais

Planejamento das Atividades da SMED na Área da Educação Ambiental.

Planejamento das Atividades da SMED na Área da Educação Ambiental. Secretaria Municipal da Educação - SMED Planejamento das Atividades da SMED na Área da Educação Ambiental. Ação/Projeto Parceiro Objetivo Detalhamento Público Projeto Encontro de Saberes: ecossistemas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DO OESTE ESTADO DE MINAS GERAIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DO OESTE ESTADO DE MINAS GERAIS LEI COMPLEMENTAR Nº 38, DE 22 DE FEVEREIRO DE 2011. Altera dispositivos e Cria Secretaria de Esporte, Cultura, Lazer e Turismo na Lei Complementar nº 24, de 23 de abril de 2009, que dispõe sobre a Organização

Leia mais

1º Lugar: Uma Égua por Livros.

1º Lugar: Uma Égua por Livros. Programas Vencedores: cinco 5º Concurso FNLIJ Os Melhores Programas de Incentivo à Leitura junto a Crianças e Jovens de todo o Brasil / Programa Nacional de Incentivo à Leitura - PROLER 2000 1º Lugar:

Leia mais

LETRAMENTO MATEMÁTICO DE ALUNOS COM BAIXO DESEMPENHO POR MEIO DE REFORÇO ESCOLAR. Palavras-chave: Letramento Matemático; Reforço Escolar; SAERJINHO.

LETRAMENTO MATEMÁTICO DE ALUNOS COM BAIXO DESEMPENHO POR MEIO DE REFORÇO ESCOLAR. Palavras-chave: Letramento Matemático; Reforço Escolar; SAERJINHO. LETRAMENTO MATEMÁTICO DE ALUNOS COM BAIXO DESEMPENHO POR MEIO DE REFORÇO ESCOLAR Agnaldo da Conceição Esquincalha PUC-SP/PUC-Rio/Fundação CECIERJ aesquincalha@gmail.com Resumo: Neste texto elenca-se um

Leia mais

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE

Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE Política do Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE O Programa de Voluntariado Corporativo GRPCOM ATITUDE visa fortalecer a missão de desenvolver a nossa terra e nossa gente e contribuir para

Leia mais

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PROPOSTA DE AÇÃO Criar um fórum permanente onde representantes dos vários segmentos do poder público e da sociedade civil atuem juntos em busca de uma educação

Leia mais

RELATÓRIOS DAS OFICINAS: CUIDANDO DO CUIDADOR: CPPT CUNIÃ. Facilitadoras: Liliane Lott Pires e Maria Inês Castanha de Queiroz

RELATÓRIOS DAS OFICINAS: CUIDANDO DO CUIDADOR: CPPT CUNIÃ. Facilitadoras: Liliane Lott Pires e Maria Inês Castanha de Queiroz 1 RELATÓRIOS DAS OFICINAS: CUIDANDO DO CUIDADOR: CPPT CUNIÃ Facilitadoras: Liliane Lott Pires e Maria Inês Castanha de Queiroz Empresa: SENSOTECH ASSESSORAMENTO E REPRESENTAÇÕES LTDA 4ª Oficina Data: 31/07/2012

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOGI DAS CRUZES

PREFEITURA MUNICIPAL DE MOGI DAS CRUZES Projeto de Lei n 340/99 464 LEI N 4.864 DE 12 DE MARÇO DE 1999 Dispõe sobre a Política Municipal do Idoso, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE MOGI DAS CRUZES; FAÇO SABER QUE A CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

Serviços de Extensão. O que é?

Serviços de Extensão. O que é? Serviços de Extensão O que é? São ações realizadas para alcançar grupos de pessoas que, por alguma razão, não podem ir até o espaço físico da biblioteca e ter contato com os serviços e informações oferecidos

Leia mais

INTREGRAPE PROJETO APE

INTREGRAPE PROJETO APE INTREGRAPE PROJETO APE Ações Preventivas na Escola Atua no fortalecimento e desenvolvimento do Eixo-Saúde no Programa Escola da Família, sistematizando ações de organização social, que qualifique multiplicadores

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA

CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA Salvador 2015 CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM CURSO DE GRADUAÇÃO EM NUTRIÇÃO PROJETO OUTUBRO ROSA Projeto institucional

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS REGULAMENTO DO PROJETO DE CONCLUSÃO DE CURSO

UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA CURSO DE ENGENHARIA DE ALIMENTOS REGULAMENTO DO PROJETO DE CONCLUSÃO DE CURSO REGULAMENTO DO PROJETO DE CONCLUSÃO DE CURSO O curso de Engenharia de Alimentos da UPF, através do seu Projeto Pedagógico, se propõe a oportunizar ao egresso uma série de habilidades pessoais e profissionais,

Leia mais

Fórum Estadual de Educação PR Plano Nacional de Educação PNE 2011/2020

Fórum Estadual de Educação PR Plano Nacional de Educação PNE 2011/2020 Fórum Estadual de Educação PR Plano Nacional de Educação PNE 2011/2020 Sessão de Debate Regional Sudoeste, 01/07/2011 UTFPR Campus Pato Branco Região: Sudoeste Cidade: Pato Branco Data do debate: 01-07-

Leia mais

REGULAMENTO SEMANA UEMG

REGULAMENTO SEMANA UEMG REGULAMENTO SEMANA UEMG Belo Horizonte, abril de 2015 0 SUMÁRIO CAPÍTULO I DA SEDE, DATA E DA INSTITUIÇÃO PROMOTORA... 2 CAPÍTULO II DA ABRANGÊNCIA DA SEMANA UEMG... 2 CAPÍTULO III DOS OBJETIVOS... 2 CAPÍTULO

Leia mais

Fundação Itaú Social. Por uma educação integral,

Fundação Itaú Social. Por uma educação integral, Fundação Itaú Social Por uma educação integral, integrada e integradora Visão Itaú Ser o banco líder em performance e perene reconhecidamente sólido e ético, destacando-se por equipes motivadas, comprometidas

Leia mais

Palavras-chave: LEITURA E ESCRITA, CIDADANIA, PROTAGONISMO SOCIAL. OFICINA PALAVRA MAGICA DE LEITURA E ESCRITA

Palavras-chave: LEITURA E ESCRITA, CIDADANIA, PROTAGONISMO SOCIAL. OFICINA PALAVRA MAGICA DE LEITURA E ESCRITA OFICINA PALAVRA MAGICA DE LEITURA E ESCRITA ELAINE CRISTINA TOMAZ SILVA (FUNDAÇÃO PALAVRA MÁGICA). Resumo A Oficina Palavra Mágica de Leitura e Escrita, desenvolvida pela Fundação Palavra Mágica, é um

Leia mais

REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS OPERACIONAIS PARA ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DOS ESTUDOS COMPLEMENTARES

REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS OPERACIONAIS PARA ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DOS ESTUDOS COMPLEMENTARES REGULAMENTO INSTITUCIONAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS OPERACIONAIS PARA ACOMPANHAMENTO E REGISTRO DOS ESTUDOS COMPLEMENTARES O Parecer do CNE/CES nº 492/2001, assim define as atividades complementares:

Leia mais

A operacionalização da gestão de condicionalidades no Programa Bolsa Família (PBF) ocorre de forma:

A operacionalização da gestão de condicionalidades no Programa Bolsa Família (PBF) ocorre de forma: CONDICIONALIDADES DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA ATORES RESPONSÁVEIS PELA GESTÃO A operacionalização da gestão de condicionalidades no Programa Bolsa Família (PBF) ocorre de forma:» Intersetorial: com os responsáveis

Leia mais

Primeira comunicação por MSN entre turmas do 2º ano Escola Estadual Marechal Rondon

Primeira comunicação por MSN entre turmas do 2º ano Escola Estadual Marechal Rondon Fábio José de Araujo Primeira comunicação por MSN entre turmas do 2º ano Escola Estadual Marechal Rondon Nova Andradina MS Agosto de 2009 Fábio José de Araujo Primeira comunicação por MSN entre turmas

Leia mais