Perspectivas do Setor de Biodiesel Brasileiro

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Perspectivas do Setor de Biodiesel Brasileiro"

Transcrição

1 Perspectivas do Setor de Biodiesel Brasileiro Lançamento do Caderno de Biocombustíveis - Fgv Energia Donizete Tokarski Diretor Superintendente Rio de Janeiro, 15 de setembro de 2017

2 Produtoras de Biodiesel Associadas Insumos Tecnologia /Outras LINKER Equipamentos Consumidores

3 Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel (PNPB) Evolução da Mistura Proposta Ubrabio CNPE % % %3% %4% 2%3% % % 6% 5% 7% 7% 7% 8% 9% 9%10% 10% 11% AUTORIZATIVA Lei de 13/01/2005 OBRIGATÓRIA Lei de 24/09/2014 Lei /16 Fonte:Ubrabio

4 Proposta Ubrabio NDC Setor de Transporte B7 B7 B9 B10 B8 B9 Lei /2016 B11 B12 B13 B14 B15 CNPE CNPECNPE CNPECNPECNPE CNPECNPECNPECNPE CNPE 73% da meta NDC Transportes B16 B15 11 B18 B16 55% da meta NDC Transportes Importação de diesel Produção de biodiesel B19 B B21 B17 B22 B23 B18 B19 15 RenovaBio MME BIOFUTURO B25 21 B % da meta NDC Transportes 67% da meta NDC Transportes

5 Ações do Governo Brasileiro Renovabio NACIONAL Programa do Governo Brasileiro para ampliar a participação de biocombustíveis na matriz energética Brasileira, garantindo tranquilidade, estabilidade e previsibilidade ao setor. INTERNACIONAL Plataforma do Biofuturo Acordo Internacional liderado pelo Brasil focado em acelerar o desenvolvimento e expansão sustentáveis dos biocombustíveis avançados de baixo carbono na matriz energética global e a bioeconomia. Argentina Brasil Canadá China Dinamarca Egito Estados Unidos Filipinas Finlândia França Índia Indonésia Itália Marrocos Moçambique Países Baixos Paraguai Suécia Reino Unido Uruguai

6 BIOQUEROSENE O Que o Setor Pretende? Nacional Internacional Construção de Política Pública alinhada com: Renovabio O papel do Bioqav no atendimento das metas do NDC Investimento Integrado em PDI / arranjo sócio/ econômico/ambiental; Marco Regulatório: o que pode ser aproveitado dos modelos: Etanol e Biodiesel Plataforma Biofuturo ICAO CORSIA ASTM - EUA Especificação

7 Principais produtos das lavouras temporárias e permanentes, em ordem decrescente de valor da produção - Brasil Principais produtos das lavouras temporárias e permanentes Área colhida (ha) Participação no total da área colhida (%) Soja (em grão) ,4% Cana-de-açúcar ,3% Milho (em grão) ,3% Café (beneficiado) ,6% Mandioca ,8% Arroz (em casca) ,0% Algodão herbáceo (em caroço) ,4% Total das 7 principais lavouras Total das lavouras permanentes e temporárias ,8% % 76% 24% Fonte: Ubrabio a partir de IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de agropecuária, Produção agrícola municipal, 2015.

8 DIVERSIFICAÇÃO Pontos relevantes para escolha da fonte de matéria-prima Convencional Estágio de domesticação da cultura Tecnologia de produção conhecida Cultivares registrados Agrotóxicos registrados Zoneamento de risco climático Crédito agrícola (público e privado) Escala de produção Preço da matéria-prima em relação aos seus concorrentes Outras matérias-primas potenciais Sebo bovino Gordura de frango Gordura de porco Óleo de peixe Óleo de fritura usado Nativas Organização da cadeia produtiva extrativista

9 Biodiesel e Bioquerosene Matérias-primas Biodiesel Bioquerosene Soja Algodão Amendoim Camelina Pinhão-manso Canola Girassol Gorduras Animais Óleo de Fritura usado Palma Macaúba Buriti Inajá Tucumã Algas Cana-de-açucar Butanol Licor Negro Resíduos Sólidos Urbanos

10 Matérias-Primas Curto Prazo Médio Prazo Longo Prazo

11 BIODIESEL Complexo Soja 2016/2017 Previsão 2030 (mil toneladas) 51% 18% Exportação de soja em grão (61.900) (66.000) 54% BioQAv 75% Exportação (15.900) 49% Exportação (1.500) (42.000) (300) 51% 10% 37% Farelo (31.500) (83.500) Consumo Interno (15.600) Produção de Biodiesel (4.300) (41.500) (14.300) Glicerina (430) (1.430) Produção de Soja ( ) ( ) Processamento (42.000) ( ) 20% Óleo (8.400) 31% Alimentação Óleo de cozinha (2.600) (19.600) (5.000)

12 OBRIGADO! SCN Quadra 01 Bloco C - nº 85 - Sala 304, Edifício Brasília Trade Center - Brasília/DF CEP Telefone (61) ubrabio.com.br Siga-nos nas Redes Sociais ubrabio

13 Cadastre-se no site e receba o Clipping de Notícias da Ubrabio ubrabio.com.br Siga-nos nas Redes Sociais ubrabio

Biomassas promissoras, investimento em pesquisa e potencial de produção comercial. Donizete Tokarski Diretor Superintendente

Biomassas promissoras, investimento em pesquisa e potencial de produção comercial. Donizete Tokarski Diretor Superintendente Biomassas promissoras, investimento em pesquisa e potencial de produção comercial Donizete Tokarski Diretor Superintendente Belo Horizonte, Agosto de 2017 Produtoras de Biodiesel Associadas Insumos Tecnologia

Leia mais

ANP EPE e FGV RenovaBio Próximos Passos Perspectivas do Biodiesel com o RenovaBio Donizete Tokarski Diretor Superintendente

ANP EPE e FGV RenovaBio Próximos Passos Perspectivas do Biodiesel com o RenovaBio Donizete Tokarski Diretor Superintendente ANP EPE e FGV RenovaBio Próximos Passos Perspectivas do Biodiesel com o RenovaBio Donizete Tokarski Diretor Superintendente FGV ENERGIA Rio de Janeiro, 1º de fevereiro de 2018 1 Associados RECONHECIMENTO

Leia mais

ANP EPE e FGV RenovaBio Próximos Passos Perspectivas do Biodiesel com o RenovaBio Donizete Tokarski Diretor Superintendente

ANP EPE e FGV RenovaBio Próximos Passos Perspectivas do Biodiesel com o RenovaBio Donizete Tokarski Diretor Superintendente ANP EPE e FGV RenovaBio Próximos Passos Perspectivas do Biodiesel com o RenovaBio Donizete Tokarski Diretor Superintendente FGV ENERGIA Rio de Janeiro, 1º de fevereiro de 2018 1 2 Associados 3 4 RECONHECIMENTO

Leia mais

Biocombustíveis para Aviação

Biocombustíveis para Aviação Biocombustíveis para Aviação Fórum Aeroespacial 2017 Donizete Tokarski Diretor Superintendente Belo Horizonte, 1º de novembro de 2017 2 Associadas Produtoras de Biodiesel Equipamentos Insumos Tecnologia/Outras

Leia mais

Guarulhos/SP, 23 de outubro de 2017

Guarulhos/SP, 23 de outubro de 2017 Como o RenovaBio vai impulsionar o mercado de biodiesel brasileiro Conferência BiodieselBR 2017 O crescimento do mercado autorizativo com o RenovaBio O desafio de alinhar os interesses das usinas com o

Leia mais

Combustíveis Sustentáveis de Aviação Contribuição ao NDC Brasileiro. Pedro Scorza Dir. de Biocombustíveis de Aviação

Combustíveis Sustentáveis de Aviação Contribuição ao NDC Brasileiro. Pedro Scorza Dir. de Biocombustíveis de Aviação Combustíveis Sustentáveis de Aviação Contribuição ao NDC Brasileiro Pedro Scorza Dir. de Biocombustíveis de Aviação Brasília, 7 de dezembro de 2016 Produtoras de Biodiesel Associadas Insumos Tecnologia

Leia mais

Biodiesel: Combustível alinhado ao modelo de desenvolvimento global sustentável

Biodiesel: Combustível alinhado ao modelo de desenvolvimento global sustentável Versão 02/03/16 Biodiesel: Combustível alinhado ao modelo de desenvolvimento global sustentável Donizete Tokarski Diretor Superintendente Audiência Pública da Comissão Especial da Câmara dos Deputados

Leia mais

Biodiesel: Janela de Oportunidades

Biodiesel: Janela de Oportunidades Faet/Senar, Palmas/TO, 27 de novembro de 2018 Fórum de Desenvolvimento Estratégico da Agroenergia Biodiesel: Janela de Oportunidades Donizete Tokarski Produtores Associados Consumidores Insumos Tecnologia/Outras

Leia mais

"Bionergia e biocombustível: Perspectivas para crescimento no Brasil" COMISSÃO MISTA Donizete Tokarski Diretor Superintendente da Ubrabio

Bionergia e biocombustível: Perspectivas para crescimento no Brasil COMISSÃO MISTA Donizete Tokarski Diretor Superintendente da Ubrabio Brasília, 31 de outubro de 2017 "Bionergia e biocombustível: Perspectivas para crescimento no Brasil" COMISSÃO MISTA Donizete Tokarski Diretor Superintendente da Ubrabio PERMANENTE SOBRE MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Leia mais

Desenvolvimento Industrial da bioenergia: combustíveis de baixo carbono

Desenvolvimento Industrial da bioenergia: combustíveis de baixo carbono Desenvolvimento Industrial da bioenergia: combustíveis de baixo carbono Biofuture Summit 17 Donizete Tokarski Diretor Superintendente São Paulo, 24 de outubro de 2017 Associadas Produtoras de Biodiesel

Leia mais

COMBUSTÍVEIS SUSTENTÁVEIS DE AVIAÇÃO, UMA CONTRIBUIÇÃO AO NDC BRASILEIRO

COMBUSTÍVEIS SUSTENTÁVEIS DE AVIAÇÃO, UMA CONTRIBUIÇÃO AO NDC BRASILEIRO COMBUSTÍVEIS SUSTENTÁVEIS DE AVIAÇÃO, UMA CONTRIBUIÇÃO AO NDC BRASILEIRO Bioquerosene para avançar Ao ratificar o Acordo do Clima de Paris, o Brasil assumiu o compromisso de redução das emissões de gases

Leia mais

Congresso Nacional Comissão mista especial sobre a lei Kandir - CME Audiência Pública Donizete Tokarski Diretor Superintendente da Ubrabio

Congresso Nacional Comissão mista especial sobre a lei Kandir - CME Audiência Pública Donizete Tokarski Diretor Superintendente da Ubrabio Congresso Nacional Comissão mista especial sobre a lei Kandir - CME Audiência Pública Donizete Tokarski Diretor Superintendente da Ubrabio Associadas Produtoras de Biodiesel Equipamentos Insumos Tecnologia/Outras

Leia mais

ENVIROMMENT WORKSHOP AFTERNOON SESSION MARCH, 31st

ENVIROMMENT WORKSHOP AFTERNOON SESSION MARCH, 31st ENVIROMMENT WORKSHOP AFTERNOON SESSION MARCH, 31st PANEL 3: Latin America stage: alignment with international rules PAINEL 3: Estágio América Latina: alinhamento com as regras internacionais Donizete Tokarski

Leia mais

Perspectiva para o biodiesel no Brasil e no Mundo

Perspectiva para o biodiesel no Brasil e no Mundo Sede da CNA, Brasília, 10 de outubro de 2018 V Encontro de Pesquisa e Inovação da Embrapa Agroenergia (EnPI) Mesa Redonda 4 Biomassa para Bioenergia, visão do setor produtivo Perspectiva para o biodiesel

Leia mais

Como o RenovaBio vai impulsionar o mercado de biodiesel brasileiro

Como o RenovaBio vai impulsionar o mercado de biodiesel brasileiro Como o RenovaBio vai impulsionar o mercado de biodiesel brasileiro O crescimento do mercado autorizativo com o RenovaBio O desa o de alin ar os interesses das usinas com o resto da cadeia Donizete Tokarski

Leia mais

Política Nacional para Biocombustíveis

Política Nacional para Biocombustíveis Política Nacional para Biocombustíveis Biocombustíveis e a Aviação - Impactos Econômicos e Técnico-Operacionais - ABEAR Donizete Tokarski Diretor Superintendente São Paulo-SP, 21 de setembro de 2017 Produtoras

Leia mais

Faet/Senar, Palmas/TO, 27 de novembro de Fórum de Desenvolvimento Estratégico da Agroenergia. Bioquerosene.

Faet/Senar, Palmas/TO, 27 de novembro de Fórum de Desenvolvimento Estratégico da Agroenergia. Bioquerosene. Faet/Senar, Palmas/TO, 27 de novembro de 2018 Fórum de Desenvolvimento Estratégico da Agroenergia Bioquerosene Donizete Tokarski Produtores Associados Consumidores Insumos Tecnologia/Outras Co-Produtos

Leia mais

Unicamp, Campinas, 26 de novembro de A Era da Bioenergia. Desafios da Cadeia Produtiva do Biodiesel. Donizete Tokarski

Unicamp, Campinas, 26 de novembro de A Era da Bioenergia. Desafios da Cadeia Produtiva do Biodiesel. Donizete Tokarski Unicamp, Campinas, 26 de novembro de 2018 A Era da Bioenergia Desafios da Cadeia Produtiva do Biodiesel Donizete Tokarski Produtores Associados Consumidores Insumos Tecnologia/Outras Co-Produtos Parcerias

Leia mais

1º Workshop da RBIOCOMB

1º Workshop da RBIOCOMB Versão 11/07/16 1º Workshop da RBIOCOMB Donizete Tokarski, Diretor Superintendente Professor Donato Aranda, PhD Florianópolis-SC, 11 de julho de 2016 2 Associadas LINKER 3 Roteiro - Matérias-primas e uso

Leia mais

Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas

Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Biodiesel no Brasil: conjuntura atual e perspectivas Daniel Furlan Amaral Economista ESALQ 17 de novembro de 2010 1 Sobre a A, Associação Brasileira

Leia mais

4º Seminário Bioenergia: Desafios e Oportunidades de Negócios

4º Seminário Bioenergia: Desafios e Oportunidades de Negócios Realização Patrocínio Biodiesel: Avanços Tecnológicos, Mercado, Barreiras e Cenários Produção de Biodiesel por Meio da Transesterificação com Etanol Breno da Silveira Químico Fertibom Indústrias Ltda.

Leia mais

SITUAÇÃO ATUAL, DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO PNPB

SITUAÇÃO ATUAL, DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO PNPB SITUAÇÃO ATUAL, DESAFIOS E PERSPECTIVAS DO PNPB Rodrigo Augusto Rodrigues Casa Civil da Presidência da República Comissão Executiva Interministerial do Biodiesel Guarulhos (SP), 26 de outubro de 2011 ESTA

Leia mais

Caderno de Biocombustíveis e o RenovaBio. 01/02/2018 Tamar Roitman - pesquisadora

Caderno de Biocombustíveis e o RenovaBio. 01/02/2018 Tamar Roitman - pesquisadora Caderno de Biocombustíveis e o RenovaBio 01/02/2018 Tamar Roitman - pesquisadora Caderno de Biocombustíveis Histórico dos biocombustíveis no Brasil Aprovação da Lei que cria a Política Nacional de Biocombustíveis

Leia mais

Versão 21 Mai 14 IMPACTOS DO PNPB

Versão 21 Mai 14 IMPACTOS DO PNPB Versão 21 Mai 14 IMPACTOS DO PNPB Aspectos mais relevantes das Externalidades Positivas do PNPB (Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel) e Impactos na Progressão da Mistura. Programa Nacional

Leia mais

SETOR ENERGÉTICO: Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior (DER) Projeto Biodiesel

SETOR ENERGÉTICO: Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior (DER) Projeto Biodiesel AGRONEGÓCIO E SETOR ENERGÉTICO: Uma Parceria Estratégica! Prof. Aziz Galvão da Silva Júnior (DER) Projeto Biodiesel UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA /Recursos Não Renováveis / Produção Industrial / População

Leia mais

Energia a partir de Fontes Renováveis

Energia a partir de Fontes Renováveis Energia a partir de Fontes Renováveis A energia sempre teve um papel fundamental no desenvolvimento e crescimento de um país. Cada vez mais se faz necessário o uso das fontes energéticas, renováveis ou

Leia mais

José Manuel Cabral de Sousa Dias Embrapa Agroenergia. Guarujá (SP), 29 de outubro de 2012

José Manuel Cabral de Sousa Dias Embrapa Agroenergia. Guarujá (SP), 29 de outubro de 2012 José Manuel Cabral de Sousa Dias Embrapa Agroenergia Guarujá (SP), 29 de outubro de 2012 Cenários para os biocombustíveis no Brasil Matriz energética e fontes de energia Biocombustíveis no mundo Evolução

Leia mais

Disponibilidade de Matérias Primas e Oportunidades de Diversificação da Matriz Energética do Biodiesel

Disponibilidade de Matérias Primas e Oportunidades de Diversificação da Matriz Energética do Biodiesel Disponibilidade de Matérias Primas e Oportunidades de Diversificação da Matriz Energética do Biodiesel Bruno Galvêas Laviola Pesquisador, Embrapa Agroenergia bruno.laviola@embrapa.br In: Câmara Setorial

Leia mais

Biodiesel no Brasil. Ricardo Borges Gomide. Departamento de Combustíveis Renováveis

Biodiesel no Brasil. Ricardo Borges Gomide. Departamento de Combustíveis Renováveis Biodiesel no Brasil Ricardo Borges Gomide Departamento de Combustíveis Renováveis São Paulo, 18.11.2011 Papel do Biodiesel 2 Biodiesel como mais um Energético na Matriz 3 Concorre com outros produtos e

Leia mais

Metodologia. Modelos de Séries Temporais Específicos para previsão

Metodologia. Modelos de Séries Temporais Específicos para previsão Metodologia CONAB IBGE MAPA EMBRAPA FAPRI (Food and Agricultural Policy Research Institute ) USDA (United States Department of Agriculture) Modelos de Séries Temporais Específicos para previsão Foram usados

Leia mais

Alternativa para produção de combustíveis sustentáveis de aviação CTBE - Junho 2017

Alternativa para produção de combustíveis sustentáveis de aviação CTBE - Junho 2017 Alternativa para produção de combustíveis sustentáveis de aviação CTBE - Junho 2017 Lidando com a Mudança Climática Aviação e o Meio Ambiente Representa 2% das emissões totais de GEE A Aviação Internacional

Leia mais

MATÉRIAS-PRIMAS PARA PRODUÇÃO DO BIODIESEL: PRIORIZANDO ALTERNATIVAS

MATÉRIAS-PRIMAS PARA PRODUÇÃO DO BIODIESEL: PRIORIZANDO ALTERNATIVAS MATÉRIAS-PRIMAS PARA PRODUÇÃO DO BIODIESEL: PRIORIZANDO ALTERNATIVAS SÍLVIO CRESTANA DIRETOR-PRESIDENTE SÃO PAULO AGOSTO, 2005 Cenários MATRIZ ENERGÉTICA MUNDIAL (%) Cenários MATRIZ ENERGÉTICA BRASILEIRA

Leia mais

1 Congresso de Bioenergia de Mato Grosso. Situação do biodiesel em Mato Grosso: matérias-primas, produção e consumo

1 Congresso de Bioenergia de Mato Grosso. Situação do biodiesel em Mato Grosso: matérias-primas, produção e consumo 1 Congresso de Bioenergia de Mato Grosso Situação do biodiesel em Mato Grosso: matérias-primas, produção e consumo Donizete Tokarski Dir. Superintendente Oportunidades com Uso Autorizativo de B20 e B30

Leia mais

Conjuntura e perspectivas

Conjuntura e perspectivas Conjuntura e perspectivas Panorama do mercado de oleaginosas Aproveitamento para produção de óleo e derivados IV Congresso Brasileiro de Mamona e I Simpósio Internacional de Oleaginosas Energéticas Daniel

Leia mais

Perspectivas para o biodiesel no Brasil

Perspectivas para o biodiesel no Brasil Câmara Setorial da Cadeia Produtiva da Palma de Óleo Perspectivas para o biodiesel no Brasil Fábio Guerra Assessor Econômico Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Brasília DF 17 de março

Leia mais

Caderno de Biocombustíveis. 15/09/2017 Milas Evangelista de Sousa (consultor sênior) Tamar Roitman (pesquisadora)

Caderno de Biocombustíveis. 15/09/2017 Milas Evangelista de Sousa (consultor sênior) Tamar Roitman (pesquisadora) Caderno de Biocombustíveis 15/09/2017 Milas Evangelista de Sousa (consultor sênior) Tamar Roitman (pesquisadora) Cadernos FGV Energia A FGV Energia edita e atua em parcerias para a produção de publicações

Leia mais

Biodiesel: Panorama e perspectivas. 23 de Abril 2014 Cuiabá - MT

Biodiesel: Panorama e perspectivas. 23 de Abril 2014 Cuiabá - MT Biodiesel: Panorama e perspectivas 23 de Abril 2014 Cuiabá - MT 1 Sumário Tecnologias de produção; A biomassa na matriz energética; Capacidade agrícola brasileira; Histórico do PNPB; Mercado; Novo marco

Leia mais

Biodiesel: Matérias Primas

Biodiesel: Matérias Primas SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA E DO ABASTECIMENTO SECRETARIA DO ESTADO DA C&T E ENSINO SUPERIOR CURSO DE MESTRADO EM BIOENERGIA Biodiesel: Matérias Primas Londrina 22/04/14 RUY SEIJI YAMAOKA A CAFEIA

Leia mais

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel

Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Cadeia Produtiva da Soja e Biodiesel Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia 18 de agosto de 2017 Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do

Leia mais

Empresas Associadas BIODIESEL. ubrabio.com.br

Empresas Associadas BIODIESEL. ubrabio.com.br Empresas Associadas BIODIESEL Ubrabio Criada em 2007, a União Brasileira do Biodiesel (Ubrabio) é uma associação civil organizada que representa toda a cadeia de produção e comercialização do Biodiesel.

Leia mais

Biodiesel: produção e benefícios

Biodiesel: produção e benefícios Audiência Pública da Comissão Especial sobre Motores a Diesel para Veículos Leves Biodiesel: produção e benefícios Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia Câmara dos Deputados Brasília DF 2 de março 2016

Leia mais

MECANIZAÇÃO Custo hora-máquina, tratores e implementos

MECANIZAÇÃO Custo hora-máquina, tratores e implementos ÍNDICE ARTIGOS ESPECIAIS A crise de crédito na agricultura nacional... 11 Agricultura brasileira e a nova configuração geopolítica mundial... 16 Fertilizantes consomem o lucro da agricultura... 24 BIOCOMBUSTÍVEL

Leia mais

AGRIANUAL2014. :índice. . Biocombustível. Terras. Mecanização. Culturas. Abacate. Abacaxi. Acerola. Alface

AGRIANUAL2014. :índice. . Biocombustível. Terras. Mecanização. Culturas. Abacate. Abacaxi. Acerola. Alface AGRIANUAL2014. :índice :Artigos Especiais Políticas equivocadas roubam competitividade do agronegócio brasileiro 10 O trabalho no campo esta mudando 14 O agronegócio brasileiro será ainda mais importante

Leia mais

Mercado de Óleos Vegetais: histórico e conjuntura

Mercado de Óleos Vegetais: histórico e conjuntura Workshop AEA Mercado de Óleos Vegetais: histórico e conjuntura Daniel Furlan Amaral Gerente de Economia daniel@abiove.org.br São Paulo SP 26 de outubro de 2017 Principais matérias-primas Existem 10 oleaginosas,

Leia mais

Razões para os programas públicos de incentivos a combustíveis de fontes renováveis. Eng. GABRIEL FERIANCIC SISTRAN Engenharia

Razões para os programas públicos de incentivos a combustíveis de fontes renováveis. Eng. GABRIEL FERIANCIC SISTRAN Engenharia Razões para os programas públicos de incentivos a combustíveis de fontes renováveis Eng. GABRIEL FERIANCIC SISTRAN Engenharia Fontes renováveis representam 45% da nossa matriz, enquanto a média mundial

Leia mais

Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil

Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil Perspectivas e Desafios da Energia no Meio Rural no Estado de São Paulo e no Brasil Coordenação Geral de Biocombustíveis - MDA Secretaria da Agricultura Familiar - SAF Departamento de Geração de Renda

Leia mais

Combustível Renovável de Aviação

Combustível Renovável de Aviação Combustível Renovável de Aviação Descarbonização das Operações Campinas Outubro, 2016 Paulo Kakinoff 07 de Julho, 2015 Programa Estratégico GOL CNG das operações como objetivo estratégico em 2022-2025

Leia mais

AMEAÇAS E OPORTUNIDADES PARA O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

AMEAÇAS E OPORTUNIDADES PARA O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO AMEAÇAS E OPORTUNIDADES PARA O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO Junho/2008 Três Pontas/MG Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento DIMENSÃO DEMOGRÁFICO DIMENSÃO SOCIOECONÔMICA DIMENSÃO SEGURANÇA

Leia mais

Plataforma Mineira de Bioquerosene Farm to Fly Value Chain

Plataforma Mineira de Bioquerosene Farm to Fly Value Chain Plataforma Mineira de Bioquerosene Farm to Fly Value Chain *O setor representa cerca de 1% do PIB brasileiro ou R$32 bilhões de reais, gera aproximadamente 684 mil empregos, que representa 0,7% do mercado

Leia mais

TÓPICOS DE PESQUISA VISANDO APRIMORAR O RENOVABIO. Marcelo A. B. Morandi Nilza Patrícia Ramos

TÓPICOS DE PESQUISA VISANDO APRIMORAR O RENOVABIO. Marcelo A. B. Morandi Nilza Patrícia Ramos TÓPICOS DE PESQUISA VISANDO APRIMORAR O RENOVABIO Marcelo A. B. Morandi Nilza Patrícia Ramos Renan M. Novaes GT ACV A construção de um modelo de bioeconomia sólida requer investimento em desenvolvimento

Leia mais

Laboratório de eletrocatálise e reações superficiais, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Bauru,

Laboratório de eletrocatálise e reações superficiais, Universidade Estadual Paulista (UNESP), Bauru, Glicerol: l Uma Inovadora Fonte de Energia Proveniente da Produção de Biodiesel Bruna Rodrigues Lopes Gonçalves *, Letícia Perez e Antonio Carlos Dias Ângelo Laboratório de eletrocatálise e reações superficiais,

Leia mais

Boletim de Agropecuária da FACE Nº 76, Dezembro de 2017

Boletim de Agropecuária da FACE Nº 76, Dezembro de 2017 CURSO DE Boletim de Agropecuária da FACE Nº 76, Dezembro de 2017 Segue abaixo uma breve explicação sobre os dados agropecuários analisados neste Boletim. Pesquisa, acompanhamento e avaliação de safras

Leia mais

Aspectos do Mercado Biodiesel

Aspectos do Mercado Biodiesel Movimentando o Brasil com Biodiesel Aspectos do Mercado Biodiesel O biodiesel pode ser produzido a partir de qualquer óleo vegetal, como soja, girassol, canola, palma ou mamona, assim como a partir de

Leia mais

PLATAFORMA MINEIRA DE BIOQUEROSENE & RENOVÁVEIS

PLATAFORMA MINEIRA DE BIOQUEROSENE & RENOVÁVEIS Agosto 2017 PLATAFORMA MINEIRA DE BIOQUEROSENE & RENOVÁVEIS Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior Subsecretaria de Desenvolvimento Econômico A Plataforma Mineira

Leia mais

O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB

O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB O PROGRAMA NACIONAL DE PRODUÇÃO E USO DO BIODIESEL - PNPB Rodrigo Augusto Rodrigues Subchefe Adjunto da SAG/Casa Civil PR Coordenador da Comissão Executiva Interministerial do Biodiesel Niterói - RJ, 17

Leia mais

Dr. Carlos Adilio Maia do Nascimento

Dr. Carlos Adilio Maia do Nascimento S I M B R A S IV SIMPÓSIO BRASILEIRO DE AGROPECUÁRIA SUSTENTÁVEL I CONGRESSO INTERNACIONAL DE AGROPECUÁRIA SUSTENTÁVEL Dr. Carlos Adilio Maia do Nascimento Instituto Brasileiro de Produção Sustentável

Leia mais

A Agricultura do Brasil e do Paraná

A Agricultura do Brasil e do Paraná Governo do Estado do Paraná A Agricultura do Brasil e do Paraná Políticas Públicas para a Produção de Biodiesel Orlando Pessuti Vice-Governador Abril/2007 BRASIL 5º Maior país do mundo PIB de US$ 1,0 trilhão

Leia mais

SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL BACIA DO PARANÁ III. Programa Paranaense de Bioenergia - PR Bioenergia -

SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL BACIA DO PARANÁ III. Programa Paranaense de Bioenergia - PR Bioenergia - SEMINÁRIO REGIONAL SOBRE PRODUÇÃO E USO DE BIODIESEL BACIA DO PARANÁ III Programa Paranaense de Bioenergia - PR Bioenergia - Programa PR Bioenergia Criado pelo Decreto nº 2101 10/11/2003 Coordenação: SEAB

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Produção e Agroenergia Brasília/DF 2010 2011 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Todos os direitos reservados. Permitida

Leia mais

Desafios e oportunidades da produção de biocombustíveis no Brasil

Desafios e oportunidades da produção de biocombustíveis no Brasil Desafios e oportunidades da produção de biocombustíveis no Brasil Esdras Sundfeld Chefe Adjunto de P&D Embrapa Agroenergia II Simpósio sobre Metodologias de Laboratório de Pesquisa Agropecuária Pelotas,

Leia mais

Perspectivas dos Biocombustíveis na Matriz Energética. Milas Evangelista de Sousa - Consultor Sênior 30/10/2017

Perspectivas dos Biocombustíveis na Matriz Energética. Milas Evangelista de Sousa - Consultor Sênior 30/10/2017 Perspectivas dos Biocombustíveis na Matriz Energética Milas Evangelista de Sousa - Consultor Sênior 30/10/2017 Perspectivas dos Biocombustíveis na Matriz Energética 2 Argentina Brazil Canada China Denmark

Leia mais

Um olhar para o futuro do agronegócio. Igor Montenegro Celestino Otto

Um olhar para o futuro do agronegócio. Igor Montenegro Celestino Otto Um olhar para o futuro do agronegócio Igor Montenegro Celestino Otto O desafio de alimentar mais 2,2 bilhões de pessoas... Crescimento Populacional (em bilhões de pessoas) 10,0 9,0 8,0 7,0 6,0 5,0 4,0

Leia mais

Proposta de Metas Compulsórias Anuais de Redução de Emissões na Comercialização de Combustíveis

Proposta de Metas Compulsórias Anuais de Redução de Emissões na Comercialização de Combustíveis Ministério de Minas e Energia Política Nacional de Biocombustíveis Lei nº 13.576/17 Consulta Pública - Anexo da Nota Técnica nº 12/2018/DBIO/SPG Fotos: UNICA, ABIOVE e GRANBIO. Proposta de Metas Compulsórias

Leia mais

Agenda positiva setorial e o aumento da responsabilidade do biodiesel no cenário energético nacional

Agenda positiva setorial e o aumento da responsabilidade do biodiesel no cenário energético nacional - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Agenda positiva setorial e o aumento da responsabilidade do biodiesel no cenário energético nacional Leonardo Zilio Assessor Econômico leonardo@abiove.org.br

Leia mais

de Energia na Aviação

de Energia na Aviação Seminário DCA-BR- Fontes Renováveis de Energia na Aviação 08/Junho/2010 /2010 Ália Rached CENBIO Centro Nacional de Referência em Biomassa Instituto t de Eletrotécnica té e Energia Universidade de São

Leia mais

VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA DEVE AUMENTAR 2,99% EM 2018

VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA DEVE AUMENTAR 2,99% EM 2018 VALOR BRUTO DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA DEVE AUMENTAR 2,99% EM 2018 Destaques 1) Produção brasileira de grãos está estimada em 228,3 milhões de toneladas para a safra 2017/2018, redução de 3,9% em relação

Leia mais

Abiove: setor tem confiança na antecipação do B10 para 2018; produção de biodiesel é projetada em 5,3 bilhões de litros

Abiove: setor tem confiança na antecipação do B10 para 2018; produção de biodiesel é projetada em 5,3 bilhões de litros Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais ABIOVE Nº 175/2017 julho Informativo digital sobre temas da cadeia produtiva da soja Abiove: setor tem confiança na antecipação do B10 para 2018;

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS Segue abaixo uma breve explicação sobre os dados agropecuários analisados neste Boletim. Pesquisa, acompanhamento e avaliação de safras O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) em conjunto

Leia mais

Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Márcio Félix Secretário

Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Márcio Félix Secretário Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis Márcio Félix Secretário COP-21 - Compromisso Brasileiro Pretendida Contribuição Nacionalmente Determinada (intended Nationally

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADEDE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIASECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADEDE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIASECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS Bollettiim de Agrropecuárriia da FACE Nº 61,, Settembrro de 2016 Segue abaixo uma breve explicação sobre os dados agropecuários analisados neste Boletim. Pesquisa, acompanhamento e avaliação de safras

Leia mais

Modelo RenovaBio Cenário, Meta, Premissas e Impactos

Modelo RenovaBio Cenário, Meta, Premissas e Impactos Ministério de Minas e Energia Política Nacional de Biocombustíveis Lei nº 13.576/17 4ª Reunião do Comitê RenovaBio Fotos: UNICA, ABIOVE e GRANBIO. Modelo RenovaBio Cenário, Meta, Premissas e Impactos Entradas

Leia mais

Política da Qualidade. Visão Estar entre os três maiores produtores de biodiesel no Brasil. Missão. Valores

Política da Qualidade. Visão Estar entre os três maiores produtores de biodiesel no Brasil. Missão. Valores Empresa A BSBIOS - Indústria e Comércio de Biodiesel Sul Brasil S/A, fundada em 2005, é referência na produção de biodiesel e, é a única indústria para a produção de energia renovável que possui sociedade

Leia mais

ELABORAÇÃO DE UMA ESTRATÉGIA DE IMPLEMENTAÇÃO E FINANCIAMENTO DA CONTRIBUIÇÃO NACIONALMENTE DETERMINADA DO BRASIL AO ACORDO DE PARIS: Setor de Energia

ELABORAÇÃO DE UMA ESTRATÉGIA DE IMPLEMENTAÇÃO E FINANCIAMENTO DA CONTRIBUIÇÃO NACIONALMENTE DETERMINADA DO BRASIL AO ACORDO DE PARIS: Setor de Energia ELABORAÇÃO DE UMA ESTRATÉGIA DE IMPLEMENTAÇÃO E FINANCIAMENTO DA CONTRIBUIÇÃO NACIONALMENTE DETERMINADA DO BRASIL AO ACORDO DE PARIS: Setor de Energia Marcela Cardoso Guilles da Conceição Rio de Janeiro,

Leia mais

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO

REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO REFLEXOS DO CENÁRIO ECONÔMICO MUNDIAL SOBRE O AGRONEGÓCIO BRASILEIRO JOÃO CRUZ REIS FILHO SECRETÁRIO DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Brasília/DF JULHO DE 2015 22 CENÁRIO POPULACIONAL

Leia mais

O Agronegócio e o Programa de biocombustíveis

O Agronegócio e o Programa de biocombustíveis O Agronegócio e o Programa de biocombustíveis Regina Lago 3. BIOCOM ABQ - 09/04/2010 JOURNÉES CHEVREUL AFECG PARIS, 7-8 APRIL 2009 Agronegócio O Agronegócio - rede que envolve desde a produção e comercialização

Leia mais

Petróleo & Gás no Século XXI: Desafios Tecnológicos 15 a 18 de setembro de RIOCENTRO. e uso do biodiesel - PNPB. Alan Kardec Presidente

Petróleo & Gás no Século XXI: Desafios Tecnológicos 15 a 18 de setembro de RIOCENTRO. e uso do biodiesel - PNPB. Alan Kardec Presidente t1 Petróleo & Gás no Século XXI: Desafios Tecnológicos 15 a 18 de setembro de 2008 - RIOCENTRO PAINEL: Biodiesel Desenvolvimento regional e sustentabilidade econômica PALESTRA: Sustentabilidade econômica

Leia mais

Indicadores e metodologias para a quantificação dos impactos ambientais

Indicadores e metodologias para a quantificação dos impactos ambientais Workshop estratégico CTBE: modelagem econômica Campinas, 29 de setembro de 2017 Indicadores e metodologias para a quantificação dos impactos ambientais Embrapa Unicamp CBTE Agroicone Marília Folegatti

Leia mais

VISÃO ESTRATÉGICA DO USO DE MATÉRIAS-PRIMAS PARA BIOENERGIA E AÇÕES DE PD&I

VISÃO ESTRATÉGICA DO USO DE MATÉRIAS-PRIMAS PARA BIOENERGIA E AÇÕES DE PD&I http://www.cnpae.embrapa.br VISÃO ESTRATÉGICA DO USO DE MATÉRIAS-PRIMAS PARA BIOENERGIA E AÇÕES DE PD&I Frederico O M Durães e equipe Chefe Geral Embrapa Agroenergia In: Reunião Anual da SBPC 2008, 60.

Leia mais

Integração de Negócios. Integração de Negócios

Integração de Negócios. Integração de Negócios Especializada na negociação de matérias primas estratégias A empresa oferece oportunidades de investimentos através da integração dos negócios e atuação com clientes em diversos setores e países. Matérias

Leia mais

Coordenador do Grupo de Extensão e Pesquisas em História da Agricultura e dos Complexos Agroindustriais GEPHAC - e orientador do Grupo de Estudos e

Coordenador do Grupo de Extensão e Pesquisas em História da Agricultura e dos Complexos Agroindustriais GEPHAC - e orientador do Grupo de Estudos e Os Bio-combustíveis e os desafios do Desenvolvimento Rural Sustentável no Brasil Prof. Dr Carlos Eduardo de Freitas Vian Coordenador do Grupo de Extensão e Pesquisas em História da Agricultura e dos Complexos

Leia mais

O marco regulatório dos biocombustíveis: Biodiesel

O marco regulatório dos biocombustíveis: Biodiesel Ministério de Minas e Energia Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis Departamento de Combustíveis Renováveis O marco regulatório dos biocombustíveis: Biodiesel Ricardo de Gusmão

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE Bollettiim de Agrropecuárriia da FACE Nº 59,, JJullho de 2016 Segue abaixo uma breve explicação sobre os dados agropecuários analisados neste Boletim. Pesquisa, acompanhamento e avaliação de safras

Leia mais

Panorama e Perspectiva de Querosene de Aviação no Brasil: Desafios e Oportunidades para o Bioquerosene

Panorama e Perspectiva de Querosene de Aviação no Brasil: Desafios e Oportunidades para o Bioquerosene Panorama e Perspectiva de Querosene de Aviação no Brasil: Desafios e Oportunidades para o Bioquerosene Descarbonização: Oportunidades de negócios e investimentos na cadeia de valor do Bioquerosene 30 de

Leia mais

Seminário Biodiesel e Bioquerosene: Sustentabilidade econômica e ambiental

Seminário Biodiesel e Bioquerosene: Sustentabilidade econômica e ambiental Seminário Biodiesel e Bioquerosene: Sustentabilidade econômica e ambiental Painel Biodiesel: A visão do mercado e novas oportunidades A Visão do Setor sobre Regulação e o Mercado de Biocombustíveis Milas

Leia mais

AGRIANUAL Oferta de alimentos não crescerá apenas cam tecnologia agrícola 10 Diplomacia agrícola brasileira terá muito trabalho em

AGRIANUAL Oferta de alimentos não crescerá apenas cam tecnologia agrícola 10 Diplomacia agrícola brasileira terá muito trabalho em AGRIANUAL 2012. índice ARTIGOS ESPECIAIS Oferta de alimentos não crescerá apenas cam tecnologia agrícola 10 Diplomacia agrícola brasileira terá muito trabalho em 2012 13 O mundo precisará cada vez mais

Leia mais

Estado da Arte da Pesquisa de Biodiesel no Brasil

Estado da Arte da Pesquisa de Biodiesel no Brasil Audiência Pública POLÍTICAS DO PROGRAMA DO BIODIESEL Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Câmara dos Deputados Estado da Arte da Pesquisa de Biodiesel no Brasil José Manuel Cabral de

Leia mais

Indicadores Econômicos e Fomento à Indústria

Indicadores Econômicos e Fomento à Indústria Edição 10 Dezembro de 2018 Publicação do Sistema FIEMT elaborada pela área de Oportunidades no setor de biocombustíveis em Mato Grosso Destaques: A produção e o uso de biocombustíveis contribuem para a

Leia mais

A indústria de biodiesel no Brasil: desafios e oportunidades futuros

A indústria de biodiesel no Brasil: desafios e oportunidades futuros - Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais A indústria de biodiesel no Brasil: desafios e oportunidades futuros Leonardo Zilio Assessor Econômico leonardo@abiove.org.br Fortaleza/CE Março

Leia mais

TABELA 1 EXPORTAÇÕES DO RS JANEIRO DE 2017 VS JANEIRO DE 2018

TABELA 1 EXPORTAÇÕES DO RS JANEIRO DE 2017 VS JANEIRO DE 2018 Este relatório tem por objetivo apresentar os principais números referentes ao comércio exterior do agronegócio do Rio Grande do Sul no mês de janeiro de 2018. Total das exportações do Rio Grande do Sul.

Leia mais

UMA VISÃO INTEGRADA DO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO DE PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS EM UMA ERA DE TRANSIÇÃO:

UMA VISÃO INTEGRADA DO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO DE PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS EM UMA ERA DE TRANSIÇÃO: UMA VISÃO INTEGRADA DO PLANEJAMENTO ENERGÉTICO DE PETRÓLEO, GÁS NATURAL E BIOCOMBUSTÍVEIS EM UMA ERA DE TRANSIÇÃO: ONDE ESTAREMOS EM 10 ANOS? Almoço-palestra do Comitê de Energia, Indústria Naval & Offshore

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS Segue abaixo uma breve explicação sobre os dados agropecuários analisados neste Boletim. Pesquisa, acompanhamento e avaliação de safras O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) em conjunto

Leia mais

E TRIGO. No dia , o USDA divulgou seu relatório de oferta e demanda norte

E TRIGO. No dia , o USDA divulgou seu relatório de oferta e demanda norte INFORMATIVO DEAGRO Ago/2010 Coordenação Geral de Fibras e Oleaginosas Departamento de Comercialização e Abastecimento Agrícola e Pecuário - DEAGRO Secretaria de Política Agrícola Ministério da Agricultura,

Leia mais

PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL

PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL SECRETARIA DE ESTADO DE AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DO AGRONEGÓCIO PERFIL DO AGRONEGÓCIO MUNDIAL Março/2014 2 ÍNDICE 03. Apresentação 04. População Mundial 05. População

Leia mais

A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná

A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná Fórum de Competitividade da Câmara Americana de Comércio - AMCHAM Curitiba 27/setembro/2017 Curitiba/PR A semente do cooperativismo no desenvolvimento competitivo do Estado do Paraná Eng. Agr. J O S É

Leia mais

Negociações internacionais sobre biodiesel: conjuntura e perspectivas

Negociações internacionais sobre biodiesel: conjuntura e perspectivas Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais Negociações internacionais sobre biodiesel: conjuntura e perspectivas Daniel Furlan Amaral Economista Biodiesel Congress São Paulo - SP 27 de julho

Leia mais

Dados estatísticos dos principais produtos do Agronegócio Brasileiro

Dados estatísticos dos principais produtos do Agronegócio Brasileiro Dados estatísticos dos principais produtos do Agronegócio Brasileiro CADERNO DE ESTATÍSTICAS Uma publicação da Representação do IICA/Brasil Elaboração: Daniela Faria e Diego Machado 1. Apresentação 2.

Leia mais

Programa Biodiesel Brasil Agroenergia e Saltos de Competitividade Jatropha (Pinhão Manso) Rede P&DI Jatropha spp.: Embrapa e parceiros

Programa Biodiesel Brasil Agroenergia e Saltos de Competitividade Jatropha (Pinhão Manso) Rede P&DI Jatropha spp.: Embrapa e parceiros PROGRAMA BIODIESEL E JATROPHA O CO TEXTO TÉC ICO-CIE TÍFICO E LEGAL DO BRASIL Frederico O. M. Durães Chefe Geral da Embrapa Agroenergia In: Workshop Interno de P&DI em Jatropha (Pinhão Manso) para Produção

Leia mais