Microsoft Management Summit 2012

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Microsoft Management Summit 2012"

Transcrição

1 Bimestral Distribuição Gratuita 06 A primeira revista sobre System Center no mundo é brasileira! MAI JUN 2012 CanalSystemCenter.com.br Uma revista independente feita pela comunidade Microsoft Management Summit 2012 Detalhes do maior evento da Microsoft sobre gerenciamento. Aconteceu em Las Vegas e apresentou o novo System Center 2012 System Center 2012 Agora já temos o RTM em mãos Entrevista com Rod Trent CEO do myitforum SCCM HealthCheck Toolkit Saiba como utilizar esta importante ferramenta FREE Hyper-V: Entenda como funciona o Dynamic Memory no Windows Server 2008 R2

2 AVISO Todo o conteúdo desta revista é meramente informativo, sendo as opiniões compartilhadas aqui de responsabilidade dos seus autores, e os procedimentos e dicas sugeridas são de responsabilidade de quem executar, não havendo qualquer possibilidade de garantia de funcionamento ou suporte por problemas causados devido a alguma configuração. Esta é uma publicação independente, logo, se algum conteúdo infringir a sua política de direitos autorais, contate a equipe responsável o quanto antes. 2 Nenhuma opinião de autor nesta publicação reflete a opinião da Microsoft ou alguma outra empresa.

3 Editorial MAIO-JUNHO de 2012 Nº 06 A é uma publicação independente, bimestral e gratuita, feita pela comunidade para a comunidade, sem fins lucrativos. O intuito da revista é compartilhar conhecimento e apresentar as novidades na área de gerenciamento com tecnologias Microsoft. As edições anteriores estão disponíveis no site: EQUIPE Editor Cleber Marques Coordenador Raphael Perez Articulista Alexandre Perazza Articulista Alexandro Prado Articulista Jordano Mazzoni Articulista Igor Humberto COLABORADORES Caro leitor, Começamos bem o mês de maio lançando esta que é a segunda edição da revista no ano, a sexta edição em número, e eu considero esta uma edição especial, porque nela finalmente abordamos a versão final do System Center Falando nisso, temos como matéria da capa uma cobertura do maior evento de gerenciamento realizado pela Microsoft, sim estou falando do Microsoft Management Summit (MMS) 2012, que aconteceu em Las Vegas, juntou profissionais do mundo inteiro em torno de 160 sessões técnicas, com direito a prova beta de Nuvem Privada, lançamento oficial do System Center 2012 e apresentação do Windows Server 2012, simplesmente fantástico. Na sequência temos também uma matéria que apresenta cada um dos nove componentes que formam a nova suíte System Center, e podemos já nos preparar para o que vem por ai, muita nova funcionalidade e integração. Em seguida temos a ótima matéria escrita pelo Nelson Sakai que exemplifica, como ninguém, a funcionalidade Dynamic Memory no Windows Server 2008 R2, comentando como trabalha esta que é a melhor funcionalidade no mercado, e mais segura, para gerenciamento virtual de memória, imperdível. Nelson Sakai A foto da capa é de Cleber Marques, em Las Vegas - EUA Participe Também Continuando um assunto que vimos na quarta edição da revista, o Raphael Perez nos apresenta um passo a passo para melhor utilizarmos a ferramenta SCCM HealthCheck Toolkit, com dicas de como documentar automaticamente a topologia do System Center Configuration Manager. E pra fechar esta edição com chave de ouro, temos a entrevista com Rod Trent, criador e CEO da comunidade myitforum e simplesmente um dos melhores exemplos de dedicação quando falamos em colaboração e comunidade Microsoft. Diretamente de Las Vegas, esta edição vem cheia de novidades para você, aproveite. Quer publicar um artigo na revista? Então envie um para: Ainda, se quiser colaborar com a capa da próxima edição, envie uma foto, de sua autoria, com resolução de no mínimo 1600 x Obrigado por acompanhar a revista e boa leitura! Cleber Marques, 3

4 Collection Nesta Edição ADVERTISEMENT CAPA MMS 2012: O evento do ano...05 Saiba como foi o maior evento de gerenciamento MANAGEMENT PACK MATÉRIAS O System Center 2012 Chegou...09 Agora já temos a versão RTM da nova suíte Windows e Dynamic Memory...13 Entenda como funciona esta nova funcionalidade KNOWLEDGE BASE ARTIGOS Utilizando o SCCM HealthCheck...17 Aprenda a utilizar esta importante ferramenta RUN AS ACCOUNT ENTREVISTA Entrevista com Rod Trent...22 Conheça mais sobre o CEO da comunidade myitforum 4

5 ADVERTISEMENT CAPA Microsoft Management Summit 2012 Saiba como foi o maior evento de gerenciamento da Microsoft, MMS 2012, com o lançamento do System Center 2012 e muito mais. Por Cleber Marques No mês de Abril aconteceu o evento Microsoft Management Summit (MMS) 2012 em Las Vegas, o maior evento da Microsoft dedicado aos produtos e soluções de gerenciamento. Foram cinco dias repletos de sessões e anúncios que reforçaram o valor do evento, este ano o MMS recebeu em torno de 5300 visitantes, mais de 160 sessões técnica divididas em cinco tópicos (+ um extra). Porém, o ano de 2012 trouxe um detalhe que tornou o evento bem mais concorrido, o lançamento do System Center 2012, acorreu lá, durante um keynote e foi um sucesso. Você testa em primeira mão os novos produtos e soluções que a Microsoft acabou de lançar Encontro e troca de experiência com especialistas, MVPS e funcionários da Microsoft O evento teve como tema a Nuvem e a Nuvem Privada, para todo lugar se via propagandas e anúncios sobre estes assuntos, a com o anúncio oficial do System Center 2012 foram apresentadas também muitas novidades e funcionalidades que suportam esta nova tendência de mercado. Um assunto muito discutido também foi a Consumerização de TI, citado bastante durante o keynote apresentado por Brad Anderson (Corporate VP of Management and Security), onde os usuários de TI acessam informações e sistemas da organização através de dispositivos pessoais. O Valor do MMS Cerificações É uma semana intensiva de treinamento técnico que você não encontra em nenhum outro lugar A Microsoft anunciou também a volta do título MCSE para o plano de certificações, porém com um novo foco, o da Nuvem Privada e os componentes da suíte System Center. O novo plano de certificação começa com o MCSA 5

6 (Microsoft Certified Solutions Associate) que é alcançado realizando os exames 640, 642, e 646, na sequência tem o MCSE (Microsoft Certified Solutions Expert) que para conquista é preciso ser aprovado nos exames 246 e 247, ambos específicos para a Nuvem Privada com System Center 2012 (estas duas provas puderam ser feitas gratuitamente pelos participantes do evento). 100, 13 sessões foram de nível 200, 160 sessões foram de nível 300, e 15 sessões foram de nível 400. O que quer dizer que o MMS 2012 explorou fortemente as sessões com conteúdo realmente técnico. Com esta abordagem podemos perceber que o intuito da Microsoft é trazer o termo Nuvem Privada para a lista de negócios principais, e certamente está conseguindo, visto a grande procura dos profissionais de TI por estas certificações, e isso não só durante o MMS O SCCM 2012 teve 175 mil download registrados durante a fase beta, 500 mil dispositivos gerenciados e mais de 300 mil dispositivos seguros com o FEP durante o TAP (Technology Adoption Program). System Center 2012 Números As sessões do MMS foram divididas entre cinco tópicos, com base na popularidade de cada assunto, e também de acordo com as sessões sugeridas por especialistas e MVPs. Em números a divisão ficou assim: Application Management: 19 sessões Client and Device Mgmt: 93 sessões Extra Sessions: 04 sessões Fabric Infrastructure Mgmt: 29 sessões Server and Virtualization: 36 sessões Service Delivery & Autom.: 14 sessões Além disso, o nível do evento foi muito bom também, cerca de 4 sessões foram de nível No segundo dia do evento, o System Center 2012 foi anunciado oficialmente, muito se falou sobre a nova forma de licenciamento de todos os componentes que agora formam um único produto, e também nas diversas novas funcionalidades, como a monitoração de dispositivos de rede com o SCOM, o gerenciamento de dispositivos não-microsoft com o 6

7 SCCM, a facilidade de criação de nuvens privadas com o SCVMM, a nova interface e integração do SCDPM, a adição de controle de SLA e novos processos no SCSM, e muito mais. Um pendrive foi fornecido para todos os participantes do evento contendo todos os componentes e pré-requisitos para se montar uma nuvem privada com tecnologia Microsoft, o público adorou. Anteriormente chamado de Windows Server 8, o novo Windows foi oficializado como Windows Server A quantidade de novidades e a qualidade das novas capacidades impressionaram todos os presentes, como, por exemplo, o Shared Nothing Live Migration que permite a migração de máquinas virtuais entre servidores sem a necessidade de storages compartilhadas. Isso é apenas uma amostra do que o futuro reserva para a próxima versão do Windows Server. Digital MMS Pela primeira vez o MMS oferece o acesso público e digital aos conteúdo apresentado, e ainda melhor, de graça! Se você perdeu o evento, não conseguiu se registrar, ou simplesmente viu uma sessão no lugar da outra basta acessar o site, se registrar e APREN- DER! Link do Digital MMS. Foi citado também o beta público do Service Pack 1 para o System Center 2012, que além de novas funcionalidades possivelmente possibilitará o System Center trabalhar com as futuras novas versões do Windows. Windows Server 2012 Próximo Evento E por fim, os organizadores divulgaram que o MMS 2013 vai acontecer em New Orleans em junho de 2013, ficamos esperando ansiosamente pelo evento e todas as novidades que caminham juntas com ela. Espero poder cobrir também a próxima edição, até lá! 7

8 Siga a comunidade 8

9 MANAGEMENT PACK MATÉRIAS O System Center 2012 Chegou Finalmente temos a versão final do System Center 2012 disponível para implementação, conheça seus componentes e detalhes. Por Cleber Marques A computação na nuvem está transformando a maneira como as empresas fornecem e consomem serviços de TI com a promessa de uma infraestrutura mais produtiva e aplicações mais previsíveis. Os usuários empresariais veem redução de custos e flexibilidade quando eles consome TI como um serviço, um serviço que se auto atribui através de um portal, que escala para cima ou para baixa de acordo com a necessidade da organização, e que eles pagam com base na utilização. Gerenciar diferentes hypervisors através de uma console centralizada com suporte para Windows Server Hyper-V, VMware vsphere, e Citrix XenServer. Monitorar Windows Server, Oracle Solaris, dentre outras distribuições Linux e Unix. Integrar ferramentas da HP, CA, BMC, EMC, e VMware através de fluxos automatizados. Administradores de Datacenter veem redução de custos através da agregação de recursos compartilhados em uma nuvem privada que atende múltiplos usuários que consomem apenas o que precisam. A flexibilidade está na utilização de recursos em nuvem pública para complementar a capacidade do ambiente local. Lançado oficialmente no mês de Abril, o System Center 2012 permite às empresas se beneficiarem de nuvens privadas e públicas enquanto satisfaz as suas necessidades de negócio. Ele organiza ativos de TI existentes (rede, armazenamento, computadores) em uma nuvem privada que fica perfeitamente integrada com os serviços de nuvem pública, integração esta conhecida como Nuvem Híbrida. Um ponto muito interessante do System Center 2012 é que ele permite a integração de uma vasta game de tecnologias em uma nuvem privada, como: Com esta nova versão do System Center temos 9 componentes que formam a suíte, cada componente oferece um conjunto de funcionalidades específico que de modo integrado eleva o nível de maturidade dos serviços oferecidos pela TI e suporta todo o negócio da organização. Estes componentes são: System Center 2012 Unified Installer 9

10 Este é um componente desenhado para realizar novas instalações do System Center 2012, com o propósito de teste e avaliação apenas. Para atualizar a versão atual de cada componente para o 2012, ou criar ambiente com alta-disponibilidade e múltiplos servidores, é recomendado realizar os passos de instalação para cada componente separadamente. System Center 2012 App Controller usuários mais produtivos e mantendo os ambiente de TI em conformidade e bem controlado, através do inventário de Hardware e Software, Contabilidade do uso de Software, Definição de configurações desejadas, distribuição de aplicativos e atualizações, atualização de sistemas operacionais e muito mais. System Center 2012 Data Protection Manager Oferece uma experiência única de autoatendimento através de nuvem privada e pública e pode ajudar na delegação de permissões para os donos de aplicações facilitando o processo de criação, configuração, e gerenciamento de novos serviços. Entrega um ambiente unificado para proteção e recuperação de dados em servidores e desktops com o Windows, oferecendo uma solução de proteção escalável, segura e custo-efetiva com armazenamento em disco e em fita. System Center 2012 Configuration Manager System Center 2012 Endpoint Protection Realiza o gerenciamento da configuração da plataforma Microsoft instalada no ambiente de TI da organização auxiliando a manter os 10

11 Com base no System Center Configuration Manager (SCCM) este é um componente que fornece a detecção de ameaças de malware e exploits como parte de uma infraestrutura unificada para o gerenciamento de segurança do cliente e conformidade que pode ajudar a simplificar e melhorar a proteção. System Center 2012 Service Manager System Center 2012 Operations Manager Fornece uma rica experiência de autoatendimento e padronização para processos operacionais de TI viabilizando o trabalho com as melhores práticas de mercado sugeridas pela ITIL/MOF, colaborando com a integração de pessoas, fluxos, e conhecimento através da infraestrutura e serviços na organização. Fornece diagnósticos detalhados de aplicação e monitoramento de infraestrutura que pode ajudar a garantir o desempenho previsível e disponibilidade de aplicações vitais através de uma visão abrangente do seu datacenter, nuvem privada, e as nuvens públicas. System Center 2012 Virtual Machine Manager System Center 2012 Orchestrator Este é um componente que ajuda na orquestração, integração e automatização de processos através da criação de runbooks que auxiliam a definir e padronizar as melhores práticas e melhorar a eficiência operacional. Componente que fornece gerenciamento de máquina virtual e implantação de serviços com suporte para multi-hypervisors (Hyper- V, VMWare, e XenServer) ajudando na entrega de uma solução flexível e de custo eficaz para o ambiente de nuvem privada. E então, este é o System Center Você quer testar? Faça o download aqui. 11

12 12

13 MANAGEMENT PACK MATÉRIAS Windows Server e Dynamic Memory Entenda como funciona a funcionalidade Dynamic Memory no Microsoft Windows Server, a melhor solução para ambientes críticos. Por Nelson Sakai Que atire a primeira pedra quem nunca esteve tranquilamente sentado no aeroporto, esperando seu avião, quando surge aquela voz metálica dizendo: Senhores passageiros do voo ABC123, estamos oferecendo um voucher no valor de US$ 1000,00, mais alimentação e estadia, para quem se dispuser a desistir de embarcar, para viajar amanhã, no voo das 9 horas... Pior, quem nunca perdeu o voo, planejado com décadas de antecedência, simplesmente porque não havia lugar no avião? Muito chato, não? E por que acontece este tipo de coisa? Fácil, a empresa aérea vende mais passagens do que o número de assentos no avião, apostando que algumas pessoas irão desistir de voar. overcommitment de avião, acham esta funcionalidade cool. Que mundo estranho, não? Bem, deixando a ironia um pouco de lado, e também os detalhes mais técnicos, o que realmente acontece quando todos os passageiros tentam embarcar ao mesmo tempo, ou seja, quando as máquinas virtuais requerem mais memória do que a máquina física (ou o hypervisor, como queira) é capaz de entregar, é que devem existir mecanismos que controlem quais passageiros vão deixar de embarcar. Primeiramente, o hypervisor usa mecanismos para tentar evitar que o transbordamento de memória ocorra: page sharing e balooning. Page Sharing e Ballooning Memory Overcommitment Bem, como funciona o famoso Memory Overcommitment de nosso concorrente, no âmbito da virtualização? Exatamente igual ao caso do avião que descrevi acima!! Ou seja, é prometida mais memória para as máquinas virtuais do que a somatória de memória real da máquina física. As máquinas virtuais podem alocar mais memória do que a máquina física é capaz de entregar. E os mesmos caras que xingaram até a oitava geração da atendente da companhia aérea, quando perderam o aquele voo por causa do Page Sharing, é a eliminação de páginas de memória com o conteúdo duplicado, através do compartilhamento da mesma página, ou seja, páginas com conteúdo idêntico possuem somente uma imagem única na memória. Se o conteúdo é o mesmo, por que não compartilhá-lo? Seria excelente, excepcional mesmo, eu diria, se não fosse um pequeno detalhe: a identificação das páginas duplicadas é um processo custoso, trabalhoso e pode levar um tempo enorme. Além disso, page sharing não é um processo lá muito dinâmico, o que torna o processo bastante questionável, do ponto de vista de eficiência. 13

14 14 Já o ballooning (sei lá como traduzir isto para o português), é o processo através do qual o hypervisor retoma memória de uma máquina virtual. É como se houvesse uma sala (máquina virtual) com um balão gigante dentro dela. Se alguém inflar o balão, obviamente vai sobrar menos espaço (memória) dentro da sala. É mais ou menos esta a analogia. Esta memória, resgatada pelo hypervisor, pode ser alocada em uma outra máquina virtual que precise (tirar o ar de um balão para encher um outro). É importante notar que, do ponto de vista de nosso concorrente, este mecanismo é implementado pela instalação de uma espécie de driver específico no sistema operacional da máquina hospedada. Estes mecanismos, dentro da analogia do avião, são similares ao voucher que a companhia aérea oferece para você desistir do voo. Bem, dado que ninguém desistiu de voar, ou seja, no momento em que o page sharing e o ballooning não forem mais eficientes, vai ter mais gente do que lugar no avião. Second Level Paging Só nos resta botar os passageiros para voar em pé. Neste caso, será acionado o processo conhecido como Second Level Paging. Ou seja, o hypervisor inicia o processo de paginação, migra páginas da memória física para disco, mecanismo clássico, desde o tempo dos mainframes. Alguns problemas aqui. Primeiro, a já conhecida diferença de velocidade de I/O entre memória física e disco. Paginação sempre gera algum grau de degradação de performance. Segundo, e mais grave, o termo segundo nível está lá porque já existe uma paginação de primeiro nível, a realizada pelo próprio sistema operacional hospedado. Corre-se o risco de dupla paginação (não confundir com outra coisa). O hypervisor pagina um segmento de memória, e o sistema operacional resolve paginar o mesmo segmento, com as consequências já imagináveis sobre o tempo de resposta. Terceiro, mais grave ainda, o hypervisor não é o sistema operacional hospedado, e consequentemente, não tem a informação exata de quais páginas de memória são essenciais, dentro do mesmo. Ao iniciar o processo de paginação, digamos, aleatória, corre-se o risco de se fazer swap, por exemplo, de segmentos do kernel do sistema hospedado. É como se, retomando o exemplo do avião, colocássemos os cadeirantes para viajar em pé. Resumindo, Memory Overcommitment NÃO é uma ideia recomendável para grandes ambientes de produção de missão crítica. O próprio concorrente cita isto em sua documentação. Dynamic Memory Diriam alguns, melhor isto do que nada. É pior não ter um mecanismo que consiga flexibilizar a utilização de memória pelas máquinas virtuais, de forma a se fazer melhor uso da memória física. Bem, têm razão. O Hyper-V, da Microsoft, não possuía este tipo de mecanismo, o que obrigava a se dimensionar a memória atribuída às máquinas virtuais pelo pico, ou então gerava-se problema de performance na mesma. Pode-se ter, no mesmo servidor físico, máquinas virtuais com memória sobrando e outras fazendo swap de memória loucamente, por falta de memória física. Tudo isto se traduz numa baixa eficiência de uso de um recurso caro, memória e, consequentemente, numa baixa taxa de consolidação de servidores, que no final das contas, é o objetivo da virtualização. Mas não seria melhor um mecanismo que, ao mesmo tempo em que permitisse a flexibilização do uso de memória, não permitisse o overcommit-

15 ment do recurso físico, com as consequências descritas acima? Foi exatamente nisso que a Microsoft pensou, quando arquitetou o recurso de Dynamic Memory, presente no SP1 do Windows Server 2008 R2. É importante dizer que, em nenhum caso, o Hyper-V irá liberar mais memória do que a quantidade de memória física do servidor. O Hyper-V permite que memória com baixa utilização pelas máquinas virtuais seja desalocada, através do recurso de ballooning, já descrito anteriormente, mas não permite que mais memória física seja distribuída às máquinas virtuais do que o total de memória existente no servidor, evitando a chamada dupla paginação. A alocação/desalocação de memória, utiliza recursos do próprio sistema operacional dos guests hospedados, portanto, estes devem possuir suporte para este recurso. Atualmente, Windows Server 2003, 2008, 2008 R2, Windows Vista e Windows 7, possuem. Mínimo, máximo, priorização Como o mecanismo foi implementado? Foram introduzidos 3 novos parâmetros na definição da máquina virtual. O primeiro é a memória alocada no startup da mesma (default, 500MB); o segundo, é a quantidade máxima alocada (default 64GB); e o terceiro, é a prioridade da máquina virtual, ou seja, em caso de falta de memória, que máquina virtual será priorizada. Esta prioridade varia de 0 a 10000, sendo o default Ah, além disso, existe um quarto parâmetro, que é a quantidade de memória que o Hyper- V tentará reservar, para fins de bufferização. Conclusão Desta forma, estamos unindo o melhor dos dois mundos: alocação flexível de memória, mas sem os problemas causados pelo overcommitment e, ainda, gerando um mínimo overhead no hypervisor. Assim, podemos ter um maior nível de consolidação de servidores, sem riscos de problemas de performance, num ambiente adequado e recomendado para workloads de produção críticos. E então, nada de ficar sofrendo no aeroporto de novo... 15

16 Leia as edições anteriores

17 KNOWLEDGE BASE ARTIGOS Utilizando o SCCM HealthCheck Toolkit Saiba um pouco mais sobre esta necessária ferramenta que permite avaliar a saúde do seu ambiente de SCCM, de ponta a ponta. Por Raphael Perez Na edição número 4 da revista Canal System Center vimos um overview da ferramenta SCCM HealthCheck Toolkit. Nesta edição, veremos como triar o máximo de proveito dela. Começando pelos pré-requisitos para a execução do software, que são: Windows XP SP3 ou Superior Microsoft.NET Framework 3.5 SP1 SQL Server Compact 3.5 SP2 Microsoft Word 2010 Microsoft Office 2010: Primary Interop Assemblies Redist. Coleta de Dados A Coleta de Dados é onde a ferramenta irá executar queries na hierarquia do SCCM. Essas queries podem ser em SQL, WQL, Registro e Logs do Windows. Além disso, é possível executar scripts VBS para coletar qualquer tipo de informação. A coleta de dados pode ser alterada quando clicado no botão Data Capture Options. Estes componentes só serão necessários e for exportar relatórios para o Microsoft Word. A instalação da ferramenta é muito simples e não é necessário nenhum conhecimento específico. Após a instalação, abrimos o aplicativo através do Menu Iniciar, onde uma nova pasta chamada SCCM HealthCheck Toolkit irá conter o ícone para o uso: Nesta tela, pode-se: Configurar se a execução será apenas em sites primários ou em qualquer site; Tipo da query executada (documentação, healthcheck ou ambos); Ativar ou desativar a execução da query. Para capturar os dados utilizamos a coleta de dados conforme a imagem a seguir: 17

18 Ao abrir o Wizard de coleta de dados, na tela de boas vindas, clique em Next: Em Site Settings, podemos forças as configurações. Essa opção é importante apenas quando não desejamos conectar ao servidor SQL utilizado pelo SCCM, mas sim uma cópia de backup. Caso não seja utilizada, a ferramenta irá identificar coletar essas informações através da conexão com o SCCM (SMS Provider). Clique em Next: Na tela de Connection, digitamos o nome do servidor. Caso a ferramenta esteja sendo executada no servidor do SCCM (SMS Provider), a opção de localhost deve ser utilizada. Clique em Next: Em Credentials, devemos utilizar o usuário e senha que possui acesso ao SCCM (SMS Provider) caso o usuário que esteja executando a ferramenta não possua os direitos necessários. Em Collection Data, podemos configurar o tipo de query que será executada. Por padrão, todas as queries serão executadas e todos os tipos de queries serão coletadas. Isso nem sempre é possível, pois a pessoa executando a ferramenta, por exemplo, não possui direitos de visualização do registro. Nesses casos, a query Registry deve ser desmarcada. Além disso, devemos selecionar o tipo de coleta (documentação e/ou healthcheck), além de uma pasta onde a ferramenta irá salvar o resultado das queries. Clique em Next; Nota: Caso o usuário possua direitos administrativos em todos os computadores não é necessário desmarcar nenhuma query. 18

19 Exportar os Dados coletados Exportar os dados coletados é feito através da opção Export Data e existem as opções de Exportar para Word ou para HTML. Neste tutorial, utilizaremos a opção exportar para Word. Da mesma forma como na coleta de dados, podemos escolher as informações que queremos exportar usando o Export Data Options: Em Completing the wizard, clique em Finish para que a coleta seja iniciada. Nota: A coleta é feita utilizando-se o arquivo Collectdata.exe. Caso não deseje instalar a ferramenta no servidor SCCM, basta copiar seguintes arquivos para um diretório qualquer no servidor SCCM. adminui.wqlqueryengine.dll; CollectData.exe; Functions.dll; healthcheck.xml; Logs.dll; microsoft.configurationmanagement.dll; microsoft. configurationmanagement. managementprovider.dll; Security.dll; WMIUtil.dll; Nessa tela, podemos: Alterar a ordem da exportação; Alterar a descrição; Ativar ou desativar a exportação; Exportar em formato tabela ou não; O estilo do título; Ativar ou desativar a exportação; Para exportar os dados clique em Export Data e depois em Export to Word para iniciar o Wizard. Como vimos, a coleta dos dados pode ser feita através de uma linha de comando, entretanto, a exportação para para o Word ou HTML, é necessária a utilização da console do healthcheck. Em Welcome to the Wizard, clique em Next: 19

20 Em Export Options, pode-se selecionar um template do Word, além de duas imagens que serão utilizadas no cabeçalho. Clique em Next: Em Completing the Wizard, clique em Finish para iniciar a exportação dos dados. Uma janela do Word 2010 irá abrir e os dados serão populados. A lista abaixo, representa apenas algumas das queries utilizadas pelo HealthCheck: Em Export Options, podemos configurar o autor do documento e a possibilidade de inserir um cabeçalho e/ou rodapé. Lembrando que essas opções não devem ser selecionadas caso o template utilizado já possua um cabeçalho e/ou rodapé. Clique em Next; Listas dos computadores com alteração de hardware alterado nos últimos 7 dias; Fragmentação de disco dos servidores; Erros de SQL; Clientes Inativos ou com informações duplicadas; Clientes reportando erros; Lista de computadores que não estão usando a última versão do Agente de Software Update; Principais erros de software update; Advertisement com erros; Possíveis soluções para os erros encontrados; Conclusão Nesta edição vimos como utilizar a ferramenta SCCM HealthCheck Toolkit, sendo ela uma das mais valiosas para equipes que trabalham com analise de ambiente e muito mais. Grande abraço e até a próxima edição! Em Export Options, deve-se selecionar o local onde os arquivo de coleta de dados foram salvos. Clique Next; 20

21 Seja fã da comunidade 21

22 RUN AS ACCOUNT ENTREVISTA Entrevista com Rod Trent Conheça um pouco mais sobre o Gerente de Produto responsável por Windows Server, Hyper-V e System Center no Brasil. Por Cleber Marques O entrevistado desta edição é o CEO da maior comunidade dedicada ao gerenciamento em toda a Internet. Com 25 anos de carreira, Rod Trent mantém o portal myitforum.com e é um dos grandes organizadores do evento Microsoft Management Summit (MMS). Durante nossa entrevista ela falou sobre sua vida pessoal e profissional, contando sobre sua história e como ama fazer o que faz, uma leitura imperdível para os entusiastas de System Center! 22 Quem é Rod Trent? Rod: Sou um pai de quatro crianças, com idades de 3 até 21 anos, e recentemente minha esposa Megan e eu celebramos nosso 22º aniversário de casamento. Sou um cristão, frequentador da igreja, um fã ávido de gadgets, programas antigos de TV e desenhos, louco por saúde e exercícios físicos, um evangelista de longa data dos produtos System Center, e um missionário em meio período para o povo chinês. Pode falar um pouco sobre sua experiência profissional? Rod: Trabalho em TI há 25 anos. Comecei como um vendedor de computadores, e então virei gerente de um centro de conserto de computadores, e finalmente migrei para TI no início da década de 90, trabalhando para uma grande empresa de contabilidade. Fui abençoado com uma aptidão real para simplesmente consertar coisas. TI é a indústria perfeita para isto. Então, enquanto mantenho meu lado técnico, ao longo dos anos, devido ao trabalho com o myitforum.com, também me tornei uma pessoa de marketing. O myitforum.com cresce pela forma que enaltecemos e interagimos com nossos patrocinadores. Não cobramos para ser parte da comunidade, e nossos patrocinadores nos ajudam a bancar os custos, permitindo que tudo no myitforum.com seja gratuito. Não acreditamos que suporte, comunidade, ou o conteúdo devam ser cobrados. Então, enquanto nunca foi minha intenção ser um marqueteiro, minha experiência em mais de 10 anos tem sido ampla, e se serviu de patrocinadores o suficiente para construir uma ampla e forte comunidade. Como você criou o myitforum? Rod: Há muitos anos na época do SMS 1.x, o produto mal era suportado pela própria Microsoft. Então uma comunidade para o SMS 1.x foi iniciada em um site de suporte antigo,

Manual do Usuário Cyber Square

Manual do Usuário Cyber Square Manual do Usuário Cyber Square Criado dia 27 de março de 2015 as 12:14 Página 1 de 48 Bem-vindo ao Cyber Square Parabéns! Você está utilizando o Cyber Square, o mais avançado sistema para gerenciamento

Leia mais

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center

Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Otimização do Gerenciamento de Datacenters com o Microsoft System Center Aviso de Isenção de Responsabilidade e Direitos Autorais As informações contidas neste documento representam a visão atual da Microsoft

Leia mais

Asset Inventory Service (AIS)

Asset Inventory Service (AIS) Asset Inventory Service (AIS) Última revisão feita em 02 de Setembro de 2008. Objetivo Neste artigo veremos detalhes sobre o Asset Inventory Service (AIS), um serviço disponível através do System Center

Leia mais

Preparando o Ambiente e Instalando o System Center Configuration Manager 2012 R2

Preparando o Ambiente e Instalando o System Center Configuration Manager 2012 R2 Preparando o Ambiente e Instalando o System Center Configuration Manager 2012 R2 Artigo escrito por Walter Teixeira wteixeira.wordpress.com Sumário Cenário Proposto... 3 Preparação do Servidor SQL Server

Leia mais

Como usar a nuvem para continuidade dos negócios e recuperação de desastres

Como usar a nuvem para continuidade dos negócios e recuperação de desastres Como usar a nuvem para continuidade dos negócios e recuperação de desastres Há diversos motivos para as empresas de hoje enxergarem o valor de um serviço de nuvem, seja uma nuvem privada oferecida por

Leia mais

Executando o Modo Windows XP com Windows Virtual PC

Executando o Modo Windows XP com Windows Virtual PC Executando o Modo Windows XP com Windows Virtual PC Um guia para pequenas empresas Conteúdo Seção 1: Introdução ao Modo Windows XP para Windows 7 2 Seção 2: Introdução ao Modo Windows XP 4 Seção 3: Usando

Leia mais

Manual de Instalação Corporate

Manual de Instalação Corporate Manual de Instalação Corporate Sumário 1. Sobre este documento...3 2. Suporte técnico...3 3. Requisitos de hardware...3 3.1. Estação...3 3.2. Servidor...4 4. Instalação...4 4.1. Instalação do Imobiliária21

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 4.2 - Instalando o Ubuntu Virtualizado

Sistema Operacional Unidade 4.2 - Instalando o Ubuntu Virtualizado Sistema Operacional Unidade 4.2 - Instalando o Ubuntu Virtualizado Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 CRIAÇÃO DA MÁQUINA VIRTUAL... 3 Mas o que é virtualização?... 3 Instalando o VirtualBox...

Leia mais

Consolidação inteligente de servidores com o System Center

Consolidação inteligente de servidores com o System Center Consolidação de servidores por meio da virtualização Determinação do local dos sistemas convidados: a necessidade de determinar o melhor host de virtualização que possa lidar com os requisitos do sistema

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Sumário 1. Sobre este documento...3 2. Suporte técnico...3 3. Requisitos de hardware...3 3.1. Estação...3 3.2. Servidor...4 4. Instalação...4 4.1. Instalação do Group Folha no servidor...6

Leia mais

Microsoft Lync Manual de Instalação e Uso

Microsoft Lync Manual de Instalação e Uso Microsoft Lync Manual de Instalação e Uso Sumário Introdução_... 3 Detalhamento_... 5 Importação_... 8 Funcionalidades na Intranet_... 13 Geração de nova senha... 14 Lembrete de expiração da senha... 15

Leia mais

Licenciamento de estações de trabalho Windows para Ambientes VDI

Licenciamento de estações de trabalho Windows para Ambientes VDI Microsoft VDI e Windows VDA Perguntas Frequentes Licenciamento de estações de trabalho Windows para Ambientes VDI Como a Microsoft licencia o Windows das estações de trabalho em ambientes virtuais? A Microsoft

Leia mais

Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve

Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve Desafios do cliente Hoje em dia, você enfrenta desafios como acordos de nível de serviço exigentes e limitações de equipe e orçamento. Você procura maneiras

Leia mais

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA Você deve ter em mente que este tutorial não vai te gerar dinheiro apenas por você estar lendo, o que você deve fazer e seguir todos os passos

Leia mais

Avaliação da plataforma de armazenamento multiprotocolo EMC Celerra NS20

Avaliação da plataforma de armazenamento multiprotocolo EMC Celerra NS20 Avaliação da plataforma de armazenamento multiprotocolo EMC Celerra NS20 Relatório elaborado sob contrato com a EMC Corporation Introdução A EMC Corporation contratou a Demartek para realizar uma avaliação

Leia mais

Introdução. O que é Serviços de Terminal

Introdução. O que é Serviços de Terminal Introdução Microsoft Terminal Services e Citrix MetaFrame tornaram-se a indústria padrões para fornecer acesso de cliente thin para rede de área local (LAN), com base aplicações. Com o lançamento do MAS

Leia mais

Licenciamento do System Center Server 2012 Server Management

Licenciamento do System Center Server 2012 Server Management 1. O que há de novo no licenciamento do System Center 2012?... 2 2. Você consegue descrever as edições do produto oferecidas com o System Center 2012?... 2 3. Como eu determino o número de Server Management

Leia mais

A R P O BPMN++ MODELER KLUG PROCESSO PARA DOWNLOAD E INSTALAÇÃO VERSÃO FREEWARE. Verificar requisitos para instalação. Testar instalação do software

A R P O BPMN++ MODELER KLUG PROCESSO PARA DOWNLOAD E INSTALAÇÃO VERSÃO FREEWARE. Verificar requisitos para instalação. Testar instalação do software A R P O KLUG BPMN++ MODELER PROCESSO PARA DOWNLOAD E INSTALAÇÃO VERSÃO FREEWARE Verificar requisitos para instalação Iniciar procedimento de instalação Executar procedimento de instalação Efetuar primeiro

Leia mais

www.neteye.com.br NetEye Guia de Instalação

www.neteye.com.br NetEye Guia de Instalação www.neteye.com.br NetEye Guia de Instalação Índice 1. Introdução... 3 2. Funcionamento básico dos componentes do NetEye...... 3 3. Requisitos mínimos para a instalação dos componentes do NetEye... 4 4.

Leia mais

Máquinas Virtuais com o VirtualBox

Máquinas Virtuais com o VirtualBox Máquinas Virtuais com o VirtualBox Marcos Elias Picão www.explorando.com.br No exemplo: Windows XP dentro do Windows 7 Você pode compartilhar livremente sem interesses comerciais, desde que não modifique.

Leia mais

BOLETIM TÉCNICO NComputing Brasil - #110502 Instalando o Oracle Virtualbox 4.0.2 e Criando uma VM Windows Server 2008 no Virtualbox O que é virtualbox? O virtualbox é um aplicativo de virtualização multi-plataforma

Leia mais

PERGUNTAS FREQÜENTES: Proteção de dados Perguntas freqüentes sobre o Backup Exec 2010

PERGUNTAS FREQÜENTES: Proteção de dados Perguntas freqüentes sobre o Backup Exec 2010 Que produtos estão incluídos nesta versão da família Symantec Backup Exec? O Symantec Backup Exec 2010 oferece backup e recuperação confiáveis para sua empresa em crescimento. Proteja mais dados facilmente

Leia mais

Este guia foi escrito para ajudar os administradores de sistema ou qualquer um que usa o Avast Small Office. 1.0 Requisitos do sistema...

Este guia foi escrito para ajudar os administradores de sistema ou qualquer um que usa o Avast Small Office. 1.0 Requisitos do sistema... Este guia foi escrito para ajudar os administradores de sistema ou qualquer um que usa o Avast Small Office. 1.0 Requisitos do sistema... 3 1.1 Console de Administração Small Office... 3 1.2 Gerenciamento

Leia mais

CONHECENDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Moodle - Learning Management System Versão 1.3

CONHECENDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Moodle - Learning Management System Versão 1.3 CONHECENDO O AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Moodle - Learning Management System Versão 1.3 Este tutorial não tem como finalidade esgotar todas as funcionalidades do Ambiente, ele aborda de forma prática

Leia mais

Resumo da solução de virtualização

Resumo da solução de virtualização Resumo da solução de virtualização A virtualização de servidores e desktops se tornou muito difundida na maioria das organizações, e não apenas nas maiores. Todos concordam que a virtualização de servidores

Leia mais

Kaspersky Security for Virtualization. Overview

Kaspersky Security for Virtualization. Overview Kaspersky Security for Virtualization Overview Idéia da Virtualização Executar um sistema operacional como um programa dentro de outro sistema operacional Executar vários sistemas operacionais no mesmo

Leia mais

INSTALANDO UM SERVIDOR WINDOWS SERVER 2012 R2 SERVER CORE

INSTALANDO UM SERVIDOR WINDOWS SERVER 2012 R2 SERVER CORE INSTALANDO UM SERVIDOR WINDOWS SERVER 2012 R2 SERVER CORE A Microsoft disponibilizou em seu site, o link para download da versão Preview do Windows Server 2012 R2. A licença do produto irá expirar somente

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais

Manual. Rev 2 - junho/07

Manual. Rev 2 - junho/07 Manual 1.Desbloquear o software ------------------------------------------------------------------02 2.Botões do programa- --------------------------------------------------------------------- 02 3. Configurações

Leia mais

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Virtualização Microsoft: Data Center a Estação de Trabalho Estudo de Caso de Solução para Cliente Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Visão

Leia mais

Xen Cloud Platform Xen descomplicado

Xen Cloud Platform Xen descomplicado Xen Cloud Platform Xen descomplicado CAPA A Xen Cloud Platform facilita muito a criação e o gerenciamento de máquinas virtuais sobre o hypervisor Xen. por Boris Quiroz e Stephen Spector A revolução da

Leia mais

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4.

Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. 1 Sumário 1. SOBRE O NFGoiana DESKTOP... 3 1.1. Apresentação... 3 1.2. Informações do sistema... 3 1.3. Acessando o NFGoiana Desktop... 3 1.4. Interface do sistema... 4 1.4.1. Janela Principal... 4 1.5.

Leia mais

Sistemas Operacionais. Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery

Sistemas Operacionais. Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery Sistemas Operacionais Curso Técnico Integrado Profa: Michelle Nery Conteúdo Programático Virtual Box Instalação do Virtual Box Instalação do Extension Pack Criando uma Máquina Virtual Instalando o Windows

Leia mais

Guia: Este manual irá mostrar os procedimentos necessários para o upgrade das versões 5.60 e 6.01 para o Sophos SafeGuard Enterprise 6.10.

Guia: Este manual irá mostrar os procedimentos necessários para o upgrade das versões 5.60 e 6.01 para o Sophos SafeGuard Enterprise 6.10. Upgrade do Sophos SafeGuard Enterprise 5.60/6.0 para a versão 6.10 Guia: Este manual irá mostrar os procedimentos necessários para o upgrade das versões 5.60 e 6.01 para o Sophos SafeGuard Enterprise 6.10.0

Leia mais

Symantec NetBackup 7 O que há de novo e tabela de comparação de versões

Symantec NetBackup 7 O que há de novo e tabela de comparação de versões Symantec 7 O que há de novo e tabela de comparação de versões O 7 permite a padronização das operações de backup e recuperação em ambientes físicos e virtuais com menos recursos e menos riscos, pois oferece

Leia mais

Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011

Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte Prof. Vitor H. Migoto de Gouvêa Colégio IDESA 2011 Edição 1 Levante e ande - Instalando o Lazarus e outros sistemas de suporte. Ano: 02/2011 Nesta Edição

Leia mais

ArpPrintServer. Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02

ArpPrintServer. Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02 ArpPrintServer Sistema de Gerenciamento de Impressão By Netsource www.netsource.com.br Rev: 02 1 Sumário INTRODUÇÃO... 3 CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DO SISTEMA... 3 REQUISITOS DE SISTEMA... 4 INSTALAÇÃO

Leia mais

Manual Software CMS. Introdução:

Manual Software CMS. Introdução: Introdução: O CMS é uma central de gerenciamento de DVRs, é responsável por integrar imagens de DVRs distintos, com ele é possível realizar comunicação bidirecional, vídeo conferência, função mapa eletrônico

Leia mais

1. Introdução. 2. Funcionamento básico dos componentes do Neteye

1. Introdução. 2. Funcionamento básico dos componentes do Neteye 1. Introdução Esse guia foi criado com o propósito de ajudar na instalação do Neteye. Para ajuda na utilização do Software, solicitamos que consulte os manuais da Console [http://www.neteye.com.br/help/doku.php?id=ajuda]

Leia mais

Requisitos do Sistema

Requisitos do Sistema PJ8D - 017 ProJuris 8 Desktop Requisitos do Sistema PJ8D - 017 P á g i n a 1 Sumario Sumario... 1 Capítulo I - Introdução... 2 1.1 - Objetivo... 2 1.2 - Quem deve ler esse documento... 2 Capítulo II -

Leia mais

Guia de Inicialização para o Windows

Guia de Inicialização para o Windows Intralinks VIA Versão 2.0 Guia de Inicialização para o Windows Suporte 24/7/365 da Intralinks EUA: +1 212 543 7800 Reino Unido: +44 (0) 20 7623 8500 Consulte a página de logon da Intralinks para obter

Leia mais

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1

Índice. Atualizado em: 01/04/2015 Página: 1 MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Introdução... 3 2. Acesso ao Sistema... 4 2.1. Instalação... 4 2.1.1. Servidor - Computador Principal... 4 2.1.2. Estação - Computador na Rede... 6 2.1.3. Estação - Mapeamento

Leia mais

Instalando o SQL Server 2005 para o SCOM 2007

Instalando o SQL Server 2005 para o SCOM 2007 Instalando o SQL Server 2005 para o SCOM 2007 Última revisão feita em 04 de Abril de 2008. Objetivo Para que o SCOM possa ser instalado devemos ter o SQL 2005 implementado no ambiente. Neste tutorial veremos

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SISTEMA DE ARQUIVOS

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SISTEMA DE ARQUIVOS ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS SISTEMA DE ARQUIVOS DISTRIBUÍDOS (DFS) Visão geral sobre o Sistema de Arquivos Distribuídos O Sistema de Arquivos Distribuídos(DFS) permite que administradores do

Leia mais

Kerio Exchange Migration Tool

Kerio Exchange Migration Tool Kerio Exchange Migration Tool Versão: 7.3 2012 Kerio Technologies, Inc. Todos os direitos reservados. 1 Introdução Documento fornece orientações para a migração de contas de usuário e as pastas públicas

Leia mais

Auditando o Acesso ao Sistema de Arquivos no Windows 2008 Server R2

Auditando o Acesso ao Sistema de Arquivos no Windows 2008 Server R2 Auditando o Acesso ao Sistema de Arquivos no Windows 2008 Server R2 Primeiramente vamos falar um pouco sobre a Auditoria do Windows 2008 e o que temos de novidades com relação aos Logs. Como parte de sua

Leia mais

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc

Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Procedimentos para Reinstalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Criação de backups importantes... 3 3. Reinstalação do Sisloc... 4 Passo a passo... 4 4. Instalação da base de dados Sisloc...

Leia mais

Manual de instalação Servidor Orion Phoenix

Manual de instalação Servidor Orion Phoenix Manual de instalação Servidor Orion Phoenix Fevereiro/2011 Este documento se destina a instalação do Orion Phoenix na sua rede Versão 1.01 C ONTE ÚDO 1. INTRODUÇÃO... 3 2. VISÃO GERAL... 3 3. PROCEDIMENTOS

Leia mais

Neste tutorial apresentarei o serviço DFS Distributed File System. Veremos quais as vantagens

Neste tutorial apresentarei o serviço DFS Distributed File System. Veremos quais as vantagens Neste tutorial apresentarei o serviço DFS Distributed File System. Veremos quais as vantagens em utilizar este serviço para facilitar a administração de pastas compartilhadas em uma rede de computadores.

Leia mais

Procedimentos para Instalação do SISLOC

Procedimentos para Instalação do SISLOC Procedimentos para Instalação do SISLOC Sumário 1. Informações Gerais...3 2. Instalação do SISLOC...3 Passo a passo...3 3. Instalação da Base de Dados SISLOC... 11 Passo a passo... 11 4. Instalação de

Leia mais

MicrovixPOS Requisitos, Instalação e Execução

MicrovixPOS Requisitos, Instalação e Execução MicrovixPOS Requisitos, Instalação e Execução Autor Público Alvo Rodrigo Cristiano dos Santos Suporte Técnico, Consultoria e Desenvolvimento. Histórico Data 13/06/2012 Autor Rodrigo Cristiano Descrição

Leia mais

ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7

ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7 ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7 OBJETIVO Conhecer as funcionalidades do software VMware Player implantando o sistema operacional Windows 7 e trabalhando em algumas ferramentas nativas

Leia mais

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico PERFIL DO CLIENTE Indústria: Mídia Companhia: Valor Econômico Funcionários:

Leia mais

www.proteq.com.br/download/sac/receita/safenetauthenticationclientrfbx32-8.1-sp2.msi (token SafeNet e-gov - Plataforma Windows 32).

www.proteq.com.br/download/sac/receita/safenetauthenticationclientrfbx32-8.1-sp2.msi (token SafeNet e-gov - Plataforma Windows 32). Instalação e-token do Governo Federal para acesso ao SIAPE. Baixe os arquivos de instalação de leitura do e-token GD StarSign em: www.comprasnet.gov.br/ajuda/certificacaodigital.html A tela que abrira

Leia mais

Como criar máquinas virtuais no Virtual Box

Como criar máquinas virtuais no Virtual Box Como criar máquinas virtuais no Virtual Box A virtualização de desktops pode ser trabalhada sobre servidores virtuais e esta técnica torna nossa tecnologia ainda mais atraente. Certifique-se que o seu

Leia mais

1. Escritório Virtual... 5. 1.1. Atualização do sistema...5. 1.2. Instalação e ativação do sistema de Conexão...5

1. Escritório Virtual... 5. 1.1. Atualização do sistema...5. 1.2. Instalação e ativação do sistema de Conexão...5 1 2 Índice 1. Escritório Virtual... 5 1.1. Atualização do sistema...5 1.2. Instalação e ativação do sistema de Conexão...5 1.3. Cadastro do Escritório...5 1.4. Logo Marca do Escritório...6...6 1.5. Cadastro

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO. LSoft Ponto Eletrônico

MANUAL DE INSTALAÇÃO. LSoft Ponto Eletrônico MANUAL DE INSTALAÇÃO LSoft Ponto Eletrônico SUPORTE TÉCNICO AO USUÁRIO: Atendimento On-line: www.lsoft.com.br E-Mail: suporte@lsoft.com.br (37) 3237-8900 Versão 1.0-2014. Todos os direitos reservados.

Leia mais

Benefícios do Windows Server 2008 R2 Hyper-V para SMB

Benefícios do Windows Server 2008 R2 Hyper-V para SMB Benefícios do Windows Server 2008 R2 Hyper-V para SMB Sumário Introdução... 3 Windows Server 2008 R2 Hyper-V... 3 Live Migration... 3 Volumes compartilhados do Cluster... 3 Modo de Compatibilidade de Processador...

Leia mais

arcserve Unified Data Protection Resumo da solução de virtualização

arcserve Unified Data Protection Resumo da solução de virtualização arcserve Unified Data Protection Resumo da solução de virtualização Hoje a virtualização de servidores e desktops é uma realidade não só nas empresas, mas em todos os tipos de negócios. Todos concordam

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre o Office 2010 OPK Integradores de Sistemas

Perguntas e Respostas sobre o Office 2010 OPK Integradores de Sistemas Perguntas e Respostas sobre o Office 2010 OPK Integradores de Sistemas 1. Por que eu executo o arquivo em lotes oemsetup do OPK na janela do prompt de comando e recebo a seguinte mensagem de erro? Resposta:

Leia mais

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador.

O programa Mysql acompanha o pacote de instalação padrão e será instalado juntamente com a execução do instalador. INTRODUÇÃO O Programa pode ser instalado em qualquer equipamento que utilize o sistema operacional Windows 95 ou superior, e seu banco de dados foi desenvolvido em MySQL, sendo necessário sua pré-instalação

Leia mais

Soluções de Gerenciamento de Clientes e de Impressão Universal

Soluções de Gerenciamento de Clientes e de Impressão Universal Soluções de Gerenciamento de Clientes e de Impressão Universal Guia do Usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registrada nos Estados Unidos da Microsoft Corporation.

Leia mais

TCM Informática Rua Senador Ivo D'Aquino, 121 Bairro: Lagoa da Conceição 88062-050 Florianópolis, SC Brasil Fone +55 48 3334-8877 Fax +55 48

TCM Informática Rua Senador Ivo D'Aquino, 121 Bairro: Lagoa da Conceição 88062-050 Florianópolis, SC Brasil Fone +55 48 3334-8877 Fax +55 48 1.1 Roteiro para Instalação do Software 1.1.1 Servidor 1.1.1.1 Requisitos de Hardware Servidor de pequeno porte Servidor dedicado: Processador: 500Mhz Memória RAM: 256MB Hard Disk: 20 ou 40GB (7.500rpm)

Leia mais

Procedimentos para Instalação do Sisloc

Procedimentos para Instalação do Sisloc Procedimentos para Instalação do Sisloc Sumário: 1. Informações Gerais... 3 2. Instalação do Sisloc... 3 Passo a passo... 3 3. Instalação da base de dados Sisloc... 16 Passo a passo... 16 4. Instalação

Leia mais

INSTALAÇÃO WinSEF_CC SEF. Manual de Instalação Versão 1.1. União Sul Brasileira da IASD Campanha de Colportagem 25/03/2009

INSTALAÇÃO WinSEF_CC SEF. Manual de Instalação Versão 1.1. União Sul Brasileira da IASD Campanha de Colportagem 25/03/2009 2009 INSTALAÇÃO WinSEF_CC SEF Manual de Instalação Versão 1.1 União Sul Brasileira da IASD Campanha de Colportagem 25/03/2009 Sumário Introdução... 3 Pré-requisitos para Instalação... 4 Instalação em Bases

Leia mais

COMO INSTALAR ZIM 8.50 WINDOWS

COMO INSTALAR ZIM 8.50 WINDOWS ZIM TECHNOLOGIES DO BRASIL COMO INSTALAR ZIM 8.50 WINDOWS Próx Antes de Iniciar O objetivo deste documento é apresentar os passos necessários para instalar a versão mais recente do Zim 8.50 para Windows.

Leia mais

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem

Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem 1 de 20 Estratégia para fazer cópias de segurança ( backup ) em nuvem Resolvi documentar uma solução que encontrei para fazer minhas cópias de segurança. Utilizo um software gratuito chamado Cobian Backup

Leia mais

Manual do Sistema "Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line" Editorial Brazil Informatica

Manual do Sistema Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line Editorial Brazil Informatica Manual do Sistema "Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line" Editorial Brazil Informatica I Fala Comigo - Sistema de Atendimento On-Line Conteúdo Part I Introdução 2 1 Fala Comigo -... Sistema de Atendimento

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Escritório Virtual Administrativo

Escritório Virtual Administrativo 1 Treinamento Módulos Escritório Virtual Administrativo Sistema Office Instruções para configuração e utilização do módulo Escritório Virtual e módulo Administrativo do sistema Office 2 3 1. Escritório

Leia mais

utilização da rede através da eliminação de dados duplicados integrada e tecnologia de archiving.

utilização da rede através da eliminação de dados duplicados integrada e tecnologia de archiving. Business Server Backup e recuperação abrangentes criados para a pequena empresa em crescimento Visão geral O Symantec Backup Exec 2010 for Windows Small Business Server é a solução de proteção de dados

Leia mais

CRIANDO BANCOS DE DADOS NO SQL SERVER 2008 R2 COM O SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO

CRIANDO BANCOS DE DADOS NO SQL SERVER 2008 R2 COM O SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO CRIANDO BANCOS DE DADOS NO SQL SERVER 2008 R2 COM O SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO Antes de criarmos um novo Banco de Dados quero fazer um pequeno parênteses sobre segurança. Você deve ter notado que sempre

Leia mais

Advanced Group Policy Management (AGPM) 2.5

Advanced Group Policy Management (AGPM) 2.5 Advanced Group Policy Management (AGPM) 2.5 Última revisão feita em 02 de Setembro de 2008. Objetivo Neste artigo iremos conhecer um dos cinco componentes do MDOP 2008. Você vai aprender sobre o Advanced

Leia mais

Solicitação de Manutenção de Veículo. Manual SRM

Solicitação de Manutenção de Veículo. Manual SRM Manual SRM 1 Índice 1. Requerimentos Técnicos para Utilização do Sistema... 4 1.1 Hardware... 4 1.2 Software... 5 1.3 Conexão à Internet... 9 2. Desabilitação do Bloqueio Automático de Pop-ups...10 3.

Leia mais

Criando um PC virtual

Criando um PC virtual Criando um PC virtual Microsoft Virtual PC Introdução Se você não sabe o que é virtualização de PCs, ou nem tem idéia dos inúmeros benefícios trazidos por essa técnica, recomendo ler esta introdução feita

Leia mais

Manual de Instalação Flex

Manual de Instalação Flex Manual de Instalação Flex Sumário 1. Sobre este documento... 3 2. Suporte técnico... 3 3. Requisitos de hardware... 4 4. Instalação... 5 4.1. Instalação no servidor... 5 4.1.1. Instalação do sistema...

Leia mais

Apresentação resumida

Apresentação resumida New Generation Data Protection Powered by AnyData Technology Apresentação resumida Para obter apresentação completa ou mais informações ligue (11) 3441 0989 ou encaminhe e-mail para vendas@dealerse.com.br

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Sumário 1. Sobre este documento... 3 2. Suporte técnico... 3 3. Requisitos de hardware... 4 3.1. Estação... 4 3.2. Servidor... 4 4. Instalação... 5 4.1. Instalação no servidor... 5

Leia mais

Palestrante: Leandro Carvalho. Palestrante: Francisco Ferreira. Moderador: Thiago Cardoso

Palestrante: Leandro Carvalho. Palestrante: Francisco Ferreira. Moderador: Thiago Cardoso Palestrante: Leandro Carvalho MVP Virtual Machine http://msmvps.com/blogs/msvirtualization twitter.com/leandroeduardo Palestrante: Francisco Ferreira Especialista em Virtualização http://ferreirafco.wordpress.com/

Leia mais

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7) SafeNet Authentication Client 8.2 SP1 (Para MAC OS 10.7) 2/28 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Tokens Homologados... 4 5 Instruções de Instalação...

Leia mais

SMART Sync 2010 Guia prático

SMART Sync 2010 Guia prático SMART Sync 2010 Guia prático Simplificando o extraordinário Registro do produto Se você registrar o seu produto SMART, receberá notificações sobre novos recursos e atualizações de software. Registre-se

Leia mais

GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC

GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC GERENCIAMENTO CENTRALIZADO DELL POWERVAULT DL 2000 BASEADO EM TECNOLOGIA SYMANTEC RESUMO EXECUTIVO O PowerVault DL2000, baseado na tecnologia Symantec Backup Exec, oferece a única solução de backup em

Leia mais

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA

GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA GERENCIAMENTO DE PROJETOS PRONIM, IMPLANTAÇÃO SQL SERVER GOVBR- UEM-MARINGA PREFEITURA MUNICIPAL DE PEROLA Cliente GOVBR, UEM-MARINGA / Prefeitura Municipal de PEROLA Data 10/09/2015 Versão 1.0 Objeto:

Leia mais

Perguntas frequentes do Samsung Drive Manager

Perguntas frequentes do Samsung Drive Manager Perguntas frequentes do Samsung Drive Manager Instalação P: Meu Disco Rígido Externo Samsung está conectado, mas nada está acontecendo. R: Verifique a conexão a cabo USB. Se seu Disco Rígido Externo Samsung

Leia mais

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2

INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 INSTALAÇÃO DO MICROSOFT SQL SERVER 2008 R2 Neste item aprenderemos a instalar o Microsoft SQL SERVER 2008 R2 e a fazer o Upgrade de versões anteriores do SQL SERVER 2008 R2. Também veremos as principais

Leia mais

Instruções para instalação do Virtual Lab (ChemLab 2.5 ou Physics 3.0)

Instruções para instalação do Virtual Lab (ChemLab 2.5 ou Physics 3.0) Instruções para instalação do Virtual Lab (ChemLab 2.5 ou Physics 3.0) 1. Pré-requisitos para instalação do Virtual Lab Windows XP, Windows Vista ou Windows 7 Adobe AIR instalado. Disponível em: http://get.adobe.com/br/air/

Leia mais

Qlik Sense Cloud. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados.

Qlik Sense Cloud. Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik Sense Cloud Qlik Sense 2.0.2 Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Copyright 1993-2015 QlikTech International AB. Todos os direitos reservados. Qlik, QlikTech,

Leia mais

Monitoração como serviço com o Microsoft Operations. Management Suite MDC209

Monitoração como serviço com o Microsoft Operations. Management Suite MDC209 Monitoração como serviço com o Microsoft Operations Management Suite MDC209 Monitoração como serviço com o Microsoft Operations Management Suite Quem é o palestrante? Paulo Teixeira Cloud Solution Architecht

Leia mais

Windows Server 2012 Perguntas frequentes sobre o licenciamento e os preços

Windows Server 2012 Perguntas frequentes sobre o licenciamento e os preços Windows Server 2012 Perguntas frequentes sobre o licenciamento e os preços Sumário WINDOWS SERVER 2012 PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O LICENCIAMENTO E OS PREÇOS... 1 WINDOWS SERVER 2012 DATACENTER E STANDARD...

Leia mais

Como Usar o DriverMax

Como Usar o DriverMax Como Usar o DriverMax Este programa é uma mão na roda para proteger os drivers dos componentes de um computador. Veja porquê. O DriverMax é uma ferramenta que faz cópias de segurança de todos os drivers

Leia mais

TUTORIAL VMWARE WORKSTATION 8. Aprenda a instalar e configurar corretamente uma máquina virtual utilizando VMware Workstation com este tutorial

TUTORIAL VMWARE WORKSTATION 8. Aprenda a instalar e configurar corretamente uma máquina virtual utilizando VMware Workstation com este tutorial TUTORIAL VMWARE WORKSTATION 8 Aprenda a instalar e configurar corretamente uma máquina virtual utilizando VMware Workstation com este tutorial INTRODUÇÃO O uso de máquinas virtuais pode ser adequado tanto

Leia mais

Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010

Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010 Manual de Instalação do Servidor Orion Phoenix Versão 1.0 - Novembro/2010 Manual de Instalação do Sistema Orion Phoenix 1.0 - Novembro/2010 Página 1 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO...3 2. VISÃO GERAL...3 3. PROCEDIMENTOS

Leia mais

Virtualização de Sistemas Operacionais

Virtualização de Sistemas Operacionais Virtualização de Sistemas Operacionais Felipe Antonio de Sousa 1, Júlio César Pereira 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil felipeantoniodesousa@gmail.com, juliocesarp@unipar.br Resumo.

Leia mais

Symantec Backup Exec.cloud

Symantec Backup Exec.cloud Proteção automática, contínua e segura que faz o backup dos dados na nuvem ou usando uma abordagem híbrida, combinando backups na nuvem e no local. Data Sheet: Symantec.cloud Somente 2% das PMEs têm confiança

Leia mais

CA ARCserve Backup PERGUNTAS MAIS FREQUENTES: ARCSERVE BACKUP R12.5

CA ARCserve Backup PERGUNTAS MAIS FREQUENTES: ARCSERVE BACKUP R12.5 PERGUNTAS MAIS FREQUENTES: ARCSERVE BACKUP R12.5 CA ARCserve Backup Este documento aborda as perguntas mais freqüentes sobre o CA ARCserve Backup r12.5. Para detalhes adicionais sobre os novos recursos

Leia mais

UNIFIED D TA. A nova geração de arquitetura para recuperação garantida. em ambientes locais ou na nuvem para imcomparável proteção PROTECTION

UNIFIED D TA. A nova geração de arquitetura para recuperação garantida. em ambientes locais ou na nuvem para imcomparável proteção PROTECTION UNIFIED A nova geração de arquitetura para recuperação garantida D TA em ambientes locais ou na nuvem para imcomparável proteção PROTECTION RESUMO DA SOLUÇÃO PARA PROVEDORES DE SERVIÇOS GERENCIADOS A plataforma

Leia mais

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com SUMÁRIO Introdução... 4 Nuvem pública: quando ela é ideal... 9 Nuvem privada: quando utilizá-la... 12 Alternativas de sistemas

Leia mais