Simula Quinzenal II 24/03/2012

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Simula Quinzenal II 24/03/2012"

Transcrição

1 Simula Quinzenal II 24/03/2012 SÓ ABRA ESTE CADERNO QUANDO O FISCAL AUTORIZAR. EM CADA TESTE HÁ 5 ALTERNATIVAS, SENDO CORRETA APENAS UMA. NÃO DEIXE NENHUMA DAS 50 QUESTÕES EM BRANCO. A PROVA TERÁ DURAÇÃO DE 2 HORAS E MEIA. NÃO HAVERÁ TEMPO ADICIONAL PARA TRANSCRIÇÃO DE GABARITO. CASD Vestibulares Simulado Quinzenal II 1

2 01 A figura a seguir mostra o ciclo de vida da hidra. 04 Os fenilcetonúricos têm falta de uma enzima do fígado responsável pelo metabolismo do aminoácido fenilalanina. Para que essa substância não se acumule no sangue, sua dieta alimentar deve se restringir, dentre os nutrientes mencionados a seguir: a) as proteínas apenas. b) aos carboidratos apenas. c) às gorduras apenas. d) às gorduras e aos carboidratos. e) às gorduras e às proteínas. A análise da figura leva às seguintes considerações: I. A hidra reproduz-se tanto sexuada como assexuadamente. II. As larvas ciliadas têm vida livre. III. No ciclo de vida da hidra só existe a fase de pólipo. Dessas considerações, APENAS a) I é correta. b) III é correta. c) I e II são corretas. d) I e III são corretas. e) II e III são corretas. 02 Relacione os filos enumerados na coluna 1 com as respectivas afirmativas da coluna 2. Coluna-1 I-Protozoários II-Poríferos III-Cnidários IV-Platelmintos Coluna-2 ( ) Os cnidoblastos com nematocistos são utilizados para captura de alimentos e defesa. ( ) Foram os primeiros animais a apresentar simetria bilateral e cefalização ( ) Os coanócitos são células flageladas que revestem a espongiocela. ( ) São eucariontes,unicelulares, heterótrofos, com exemplares parasitas e de vida livre. ( ) Podem apresentar a forma de pólipo ou medusa. ( )São animais triploblásticos acelomados. ( ) São sempre unicelulares e podem viver em diferentes habitats. Assinale a alternativa com a seqüência correta a) III, IV, II, I, III, IV e I. b) III, IV, I, I, II, IV e I. c) I, IV, II, I, III, III e I. d) III, I, II, IV, III, II e II. e) III, IV, I, IV, II, IV e II. 03 Algumas atividades físicas demandam um grande gasto energético. Assim, atletas, como Vanderlei de Souza, devem, antes de uma maratona, usufruir de uma refeição rica em: a) proteínas. b) lipídios. c) sais minerais. d) carboidratos. e) vitaminas. 05 Se o fluxo de energia em um ecossistema ártico passasse por uma cadeia alimentar simples, como a representada a seguir:algas marinhas peixes focas urso polar, poderíamos afirmar corretamente que: a)os ursos polares forneceriam mais alimento aos esquimós que às focas b)o conteúdo total de energia das algas marinhas seria menor do que aquele das focas c)a carne do urso polar conteria provavelmente as maiores concentrações de toxinas lipossolúveis d)as focas seriam mais numerosas que os peixes e)os carnívoros forneciam mais energia aos esquimós do que os herbívoros 06 Considere uma cadeia alimentar constituída por fitoplâncton, peixes herbívoros e peixes carnívoros. Qual das alternativas indica corretamente o que acontece com as outras populações imediatamente após redução drástica de peixes carnívoros? Fitoplâncton Peixes herbívoros a) crescimento crescimento b) diminuição nenhuma alteração c) crescimento diminuição d) diminuição crescimento e) nenhuma alteração diminuição 2 Simulado Quinzenal II CASD Vestibulares

3 07 O quadro abaixo mostra a taxa de crescimento natural da população brasileira no século XX. Período Taxa anual média de crescimento natural (%) , , , , , , ,64 FONTE: IBGE, Anuários Estatísticos do Brasil Analisando os dados podemos caracterizar o período entre a) 1920 e 1960, como de crescimento do planejamento familiar. b) 1950 e 1970, como de nítida explosão demográfica. c) 1960 e 1980, como de crescimento da taxa de fertilidade. d) 1970 e 1990, como de decréscimo da densidade demográfica. e) 1980 e 2000, como de estabilização do crescimento demográfico. 08 Sobre a estrutura etária da população, é correto afirmar que: I-Nos países industrializados europeus, tanto a taxa de natalidade quanto a de mortalidade são muito baixas, e a diferença entre elas é muito pequena, até mesmo nula. II-Os países desenvolvidos mais recentemente, como Austrália e Japão, apresentam altas taxas de natalidade e alto crescimento vegetativo. III-Suécia, Reino Unido e França são países onde se registra elevada expectativa devida. IV-A maioria dos países subdesenvolvidos nãoindustrializados apresenta elevadas taxas de natalidade e de mortalidade, com elevado crescimento vegetativo. V-Nos países subdesenvolvidos que iniciaram um processo de industrialização após a Segunda Guerra Mundial, verificaram-se, entre 1950 e 1970, baixas taxas de natalidade e de mortalidade. São corretas as afirmações: a) II, III e IV. b) I, III, IV e V. c) I, II, III e IV. d) I, III e IV. e) todas. 09 Projeção cartográfica é a representação de uma superfície esférica num plano. Como não se consegue planificar uma esfera sem distorções, existem muitos tipos de projeções, sendo que cada uma é destinada para um uso específico. Conforme a finalidade do mapa, o tipo de projeção utilizado é diferente. As projeções podem ser classificadas como equivalentes ou isométricas (a área representada no mapa tem valor proporcional ao da área real, com distorções nos continentes), conformes ou isogonais (os ângulos das coordenadas são idênticos aos valores reais, com distorções nas áreas) ou eqüidistantes (as distâncias representadas são proporcionais aos valores reais, com distorções nas coordenadas). Com base nos conceitos acima e nos conhecimentos acerca de Projeções Cartográficas, assinale a resposta correta: a) A Projeção Cônica de Mercator é uma projeção eqüidistante, e foi bastante utilizada nas navegações, facilitando o traçado de rotas. b) A Projeção Azimutal favorece a representação de regiões temperadas. c) A Projeção Cilíndrica de Mercator apresenta distorções nos continentes, portanto é classificada como equivalente. d) A Projeção de Peters procura manter correta a área dos continentes. É classificada como equivalente. e) Assim como a Projeção Cônica, a Projeção de Peters representa fielmente as bordas dos continentes, porém diminuindo o valor das áreas em regiões próximas aos pólos, portanto é classificada como conforme. 10 Um turista brasileiro resolve fazer uma viagem para Los Angeles, nos Estados Unidos, no dia 31 de março de A viagem dura 12 horas, partindo do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo (longitude 45 O), às 13 horas. Sabendo que a latitude de Los Angeles é aproximadamente 120 O, que horas, no horário local, ele chegará a seu destino? a) 8h do dia 31/03/2012 b) 14h do dia 31/03/2012 c) 20h do dia 31/03/2012 d) 1h do dia 01/04/2012 e) 6h do dia 01/04/ As cordilheiras, também conhecidas como cadeias montanhosas, são estruturas formadas por rochas magmáticas e sedimentares que se formam por meio da movimentação de placas tectônicas. É nos limites entre as placas que se encontra as mais intensas atividades geológicas do globo, aponte a alternativa que indica qual limite de placas é o responsável pela formação do relevo anteriormente citado: a) Divergentes b) Conservativos c) Convergentes d) Transformantes e) N.d.a 12 As rochas são agregados naturais de um ou mais minerais que se formam através da consolidação do magma. Três são os grandes grupos de rochas existentes: metamórficas, magmáticas e sedimentares. Mudanças nas condições de temperatura e pressão, bem como a atuação de um conjunto de processos operantes na superfície terrestres, são fatores responsáveis pela transformação de uma rocha. Contudo, dos três grupos de rochas existentes um deles é de origem primária e pode formar-se no interior da terra ou na superfície terrestre. Com base no texto é correto afirmar que: a) As rochas sedimentares se formam no interior da crosta terrestre, por isso são chamadas de rochas sedimentares intrusivas; b) Das rochas magmáticas ou ígneas se derivam rochas sedimentares e metamórficas; c) As rochas ígneas são rochas que passaram por processos de transformação devido a ação do intemperismo; d) As alternativas a e b estão corretas; CASD Vestibulares Simulado Quinzenal II 3

4 e) Todas as alternativas anteriores estão corretas. 13 Quanto à conquista da América por espanhóis e portugueses, na passagem do século XV ao XVI, pode-se dizer que : a) No caso português o objetivo principal era buscar minérios e produtos agrícolas para abastecer o mercado europeu e no caso espanhol pretendia-se apenas povoar os novos territórios e ampliar os limites do mundo conhecido. b) Nos dois casos ocorreram encontros com vastas comunidades indígenas nativas, porém na América Portuguesa a relação foi racional, harmoniosa e humana, resultando num povo pacífico, e na América Hispânica foi violenta e conflituosa. c) No caso português foi casual, pois os navegadores buscavam novas rotas de navegação para as Índias e desconheciam a América e no caso espanhol foi intencional, porque o conhecimento de instrumentos de navegação lhes permitiu prever a descoberta. d) Nos dois casos foi violenta, porém na América Portuguesa o extrativismo dos dois primeiros séculos de colonização restringiu os contatos com os nativos e na América Hispânica a implantação precoce da agricultura provocou maior aproximação. e) No caso português foi precedida por conquistas no norte e no litoral da África, que resultaram em colônias portuguesas nesse continente, e no caso espanhol iniciou a constituição de seu império ultramarino. 14 "Se, às vezes, estranhas famílias desembarcam - como uma pobre mulher de Granada, com um filho e quatro filhas das quais uma vai cair nos braços de Hernán Cortés -, aqueles que chegam são, em sua maioria, homens sós, solteiros ou casados que deixaram mulher, amante e filhos na Espanha. Como a astúcia e a teimosia, a juventude e a mobilidade dão a quem sobreviver e enriquecer atributos indispensáveis. Las Casas está com dezoito anos, Bernal Díaz e Cortés com dezenove, quando atravessam o Atlântico. O futuro conquistador do México responde a um amigo que propõe que permaneça na Hispaniola e que aceite ficar lá por pelo menos cinco anos para aproveitar dos privilégios reservados aos residentes (vecinos): Nem nesta ilha, nem em nenhuma outra, não tenho a intenção nem o pensamento de ficar por muito tempo; é por isto que não ficarei aqui nestas condições ". (GRUZINSKI, Serge; BERNARD, Carmen. "História do Novo Mundo". Trad. Cristina Murachco. São Paulo: EDUSP, p. 294.) Com base no texto e nos conhecimentos sobre a Conquista e a Colonização da América, considere as afirmativas a seguir. I. Os conquistadores, na sua maioria, eram filhos caçulas de famílias de média, pequena e bem pequena nobreza que conheceram em suas casas o modo de vida aristocrata, com as ambições que a terra de Espanha não podia mais alimentar. II. As vilas, muitas vezes miseráveis, que deveriam reter e fixar os recém-chegados, revelaram-se lugar de descanso provisório até que conseguissem, em outro lugar, um destino melhor, índios e ouro. III. Os casamentos de espanhóis com mulheres indígenas acrescentaram às sociedades americanas elementos estáveis e integradores, suficientes para constituir o núcleo de um mundo futuro. IV. Naquela fronteira americana do mundo ocidental, os conquistadores organizaram suas vidas de maneira estável, fixando suas famílias e cultivando a terra para a produção de especiarias exportáveis. Estão corretas apenas as afirmativas: a) I e II. b) I e III. c) III e IV. d) I, II e IV. e) II, III e IV. 15 Sobre o mundo grego clássico, leia as afirmativas: I- A política interna de Esparta caracterizava-se por uma Oligarquia, onde todo o poder político estava nas mãos do cidadãos espartanos. Outros estamentos da sociedade eram totalmete excluídos de participação política. II- A economia ateniense tinha sua base na agricultura, sendo em sua maioria dominada pelos pequenos proprietários, os Eupátridas. III- A Democracia nasceu na pólis Atenas, e foi uma reforma política criada por Clístenes. Nessa nova forma política, qualquer cidadão ateniense, filho de pai e mãe atenienses e maior de idade, pode exercer seu poder político. Os únicos que estavam excluídos desse processo eram os estrangeiros, os escravos e os cidadãos sem posse. IV- A Guerra do Peloponeso foi uma disputa por influência entre as duas Pólis mais poderosas do Mundo grego: Atenas e Esparta. Apesar da vitória espartana, o mundo grego como um todo enfraqueceu graças a tantos conflitos internos e acabou invadido e dominado pela civilização macedônica. V Após a vitória grega nas Guerras Médicas, o expansionismo se torna uma característica da política externa ateniense, através da Liga de Delos. As afirmativas corretas são: a) I e II. b) I, II e III. c) II, III e IV. d) I, IV e V e) I, II, III, IV e V 16 Sobre as consequências da Expansão romana, assinale a alternativa incorreta: a) Graças a expansão territorial, os pequenos proprietários se tornam uma classe cada vez mais numerosa, concorrendo com os grande latifúndios dos patrícios. b) Podemos dizer que a cultura greco-romana nasce da expansão e da dominação de Roma sobre o mundo grego. c) Há um aumento sensível no número de escravos, graças a dominação de outros povos. d) A expansão se inicia efetivamente com a vitória romana nas Guerras Púnicas, onde Roma entrou em conflito com a cidade de Cartago, antiga feitoria fenícia. e) O processo de exôdo rural foi uma forte consequencia da expansão romana. 17 Sobre a presença francesa na baía de Guanabara ( ), podemos dizer que foi: a) Apoiada por armadores franceses católicos que procuravam estabelecer no Brasil a agro-indústria açucareira. 4 Simulado Quinzenal II CASD Vestibulares

5 b) um desdobramento da política francesa de luta pela liberdade nos mares e assentou-se numa exploração econômica do tipo da feitoria comercial. c) um protesto organizado pelos nobres franceses huguenotes, descontentes com a Reforma Católica implementada pelo Concílio de Trento. d) uma alternativa de colonização muito mais avançada do que a portuguesa, porque os huguenotes que para cá vieram eram burgueses ricos. e) parte de uma política econômica francesa levada a cabo pelo Estado com intuito de criar companhias de comércio. 18 Enumere os eventos, de acordo com o período em que ocorreram e indique a alternativa que apresente a ordem CORRETA: 1. Período Pré-colonial ( ) 2. Período Colonial ( ) ( ) extração assistemática de pau-brasil. ( ) criação das Capitanias Hereditárias (D. João III). ( ) envio das expedições "exploradoras" e "guarda-costas". ( ) chegada dos jesuítas para catequese dos índios e educação dos colonos. a) b) c) d) e) Considere um átomo com número atômico 27. Quais são os números quânticos do elétron mais energético? a) n = 4; l = 0; m = 0; s = + b) n = 3; l = 2; m = + 2; s = - c) n = 3; l = 2; m = - 1; s = + d) n = 4; l = 0; m = + 2; s = - e) n = 3; l = 0; m = 0; s = + 20 A combinação entre o nitrogênio e o oxigênio pode originar diferentes óxidos. Entre os óxidos abaixo, indique aquele que apresenta, em sua composição, o menor teor percentual de nitrogênio em massa: Dados: massas atômicas (em u): N = 14, O = 16 a) NO b) N 2 O c) NO 2 d) N 2 O 3 e) N 2 O 5 21 A fórmula molecular de um hidrocarboneto com cadeia carbônica (hidrogênios não representados) é: a) C 9 H 9 b) C 9 H 7 c) C 9 H 10 d) C 9 H 12 e) C 9 H 8 22 Considere duas amostras de gases ideais nas condições indicadas na tabela abaixo. Gás Pressão Temperatura Volume A 1 atm 200 K 2 L B 2 atm 400 K 1 L Pode-se afirmar que a relação entre o número de mols de gás A e o número de mols de gás B a) 0,5 b) 1 c) 1,5 d) 2 e) 2,5 vale: 23 O átomo A de distribuição eletrônica 1s 2 2s 2 2p 6 3s 2 3p 6 4s 2 3d 10 4p 3 foi ionizado, perdendo 3 elétrons. Quais os números secundários e magnéticos, respectivamente, do elétron mais externo de A 3+? a) 2, +2 b) 2, -2 c) 0, 0 d) 1, -1 e) 2, O GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), ou gás de cozinha, consiste numa mistura gasosa de hidrocarboneto obtido do gás natural das reservas do subsolo, ou do processo de refino do petróleo cru nas refinarias. O GLP é acondicionado dentro de cilindros em estado líquido. O cilindro quando cheio contém em seu interior 85% de GLP em estado líquido e 15% em estado de vapor. O GLP em estado líquido começa a se transformar em vapor à medida que os aparelhos a gás são utilizados. Fonte: Copagaz >. Acesso em 17/03/2012. Considere um cilindro cheio de gás de cozinha que contenha 4,93 kg de butano líquido. Sabendo que o volume desse cilindro menos o volume do butano líquido é de 15 L, determine a pressão (em atm) de gás butano no interior desse cilindro na temperatura de 27 o C. Note e adote: Do texto, pode-se afirmar que: Constante universal dos gases: 0,082 atm.l.mol -1 K -1. Massas atômicas (em u): C = 12; H = 1. a) 24,6 b) 26 c) 27,2 d) 28 e) 30,2 25 De acordo com a Lei de Lavoisier, quando fizermos reagir completamente, em ambiente fechado, 1,12g de ferro com 0,64g de enxofre, a massa, em gramas, de sulfeto de CASD Vestibulares Simulado Quinzenal II 5

6 ferro obtido será de: Dados: massas atômicas (em u): Fe = 56; S = 32 a) 2,76 b) 1,76 c) 1,43 d) 1,28 e) 0,48 26 A Prednisona é um glicocorticoide sintético de potente ação antirreumática, anti-inflamatória e antialérgica, cujo uso, como de qualquer outro derivado da cortisona, requer uma série de precauções em função dos efeitos colaterais que pode causar. Os pacientes submetidos a esse tratamento devem ser periodicamente monitorados, e a relação entre o benefício e reações adversas deve ser um fator preponderante na sua indicação. 20 m/s, em uma trajetória retilínea, em 5,0 s, tem módulo igual a 8,0 N. II- Quando uma pessoa empurra uma mesa, e ela não se move, podemos concluir que a força de ação é anulada pela de reação. III- Durante uma viagem espacial, podem-se desligar os foguetes da nave que ela continua a se mover. Esse fato pode ser explicado pela primeira lei de Newton. Sobre essas afirmativas é correto afirmar que a) Todas são verdadeiras. b) Todas são falsas. c) Apenas I é verdadeira. d) Apenas I e II são verdadeiras. e) Apenas I e III são verdadeiras. 29 Duas esferas A e B neutras e metálicas são postas em contato. Aproximamos desse sistema um bastão negativamente carregado, conforme o mostrado na figura 1, e então separamos as esferas uma da outra. Figura 1 Com base na fórmula estrutural apresentada anteriormente, qual o número de átomos de carbono terciários que ocorrem em cada molécula da prednisona? a) 4 b) 5 c) 6 d) 7 e) 8 Depois disso, afastamos o bastão eletrizado e amarramos A e B usando fios isolantes de náilon no teto, veja a figura 2, sob o efeito da gravidade. A respeito desse processo assinale a alternativa correta: 27 Uma bolinha pendurada na extremidade de uma mola vertical executa um movimento oscilatório. Na situação da figura, a mola encontra-se comprimida e a bolinha está subindo com velocidade v. Indicando por F a força da mola e por P a força peso aplicadas na bolinha, o único esquema que pode representar tais forças na situação descrita anteriormente é: 28 Analise as afirmativas sobre as leis de Newton. I- A força resultante necessária para acelerar, uniformemente, um corpo de massa 4,0 kg, de 10 m/s para Figura 2 a) Não há nenhum tipo de eletrização, pois não houve contato entre o bastão carregado e as esferas metálicas. b) As cargas A e B sofrem eletrização por indução, ficando ambas com carga de sinal positivo, sofrendo repulsão na figura 2. c) As cargas A e B sofrem eletrização por indução, ficando ambas com carga de sinal negativo, sofrendo atração na figura 2. d) No final do processo, a esfera A fica com carga negativa e B com carga positiva, sofrendo repulsão na figura 2. e) No final do processo, a esfera A fica com carga positiva e B com carga negativa, sofrendo atração na figura Nos pontos A, B e C são colocadas cargas elétricas idênticas de valor q=200μc e dimensões desprezíveis. O triângulo ABC está mostrado na figura a seguir, tendo os lados. Sabendo disso, determine a força elétrica resultante que atua sobre a carga em A. 6 Simulado Quinzenal II CASD Vestibulares

7 Coeficiente de dilatação linear da placa: a) 45 N b) N c) 90 N d) N e) 180 N 31 Três corpos (A, B e C) realizam M.R.U. As velocidades e as posições iniciais estão indicadas na figura. Dentre as afirmações abaixo, são verdadeiras: a)60 b)70 c)80 d)90 e) Um recipiente de vidro. com a capacidade de 3000cm³, está completamente cheio com líquido, a 0 C. O conjunto é aquecido até 100 C e observa-se que 15cm³ desse líquido extravasa do recipiente. Considerando-se o coeficiente de dilatação linear do vidro como sendo constante no referido intervalo térmico e igual a :, qual o coeficiente de dilatação real desse líquido? I A velocidade relativa de aproximação dos corpos A e B é 15 m/s. II Os corpos A e B demoram menos do que 5 segundos para se encontrarem. III B encontrará A antes de se encontrar com C. IV B encontrará C antes de se encontrar com A. a) b) c) d) e) 35 O texto a seguir constitui-se uma propaganda de uma empresa aérea. Dicas do Povo: Ache o tempo de encontro para os corpos A e B e veja quanto o corpo C andou nesse intervalo. Para achar o tempo de encontro você pode usar velocidade relativa ou equação horária (escolha o referencial e oriente a trajetória). Não se esqueça de fazer a conversão de unidades. a) I, II e III. b) I e IV. c) I, II e IV. d) II e III. e) I e II. 32 Um corpo realiza um movimento cuja posição é descrita pela seguinte equação horária ( em metros e em segundos): A respeito desse movimento assinale a alternativa INCORRETA: a) A velocidade inicial do corpo é maior do que b) A velocidade do corpo para é maior que c) Para intervalos de tempos iguais o corpo percorre distâncias iguais. d) O movimento é progressivo acelerado. e) Ele atinge a posição antes de o relógio indicar 33 A uma temperatura de 20 C, uma esfera se apóia numa placa vazada de um furo circular conforme a figura abaixo. Sabendo que a dilatação térmica da esfera é desprezível em relação à da placa, a que temperatura a esfera será capaz de atravessar o furo? * Abaixo de a Roma! lê-se: (De Brasília para Roma por R$2.250,00). Qual das seguintes afirmações é correta em relação à propaganda acima? a) Os elementos não verbais utilizados, caso fossem suprimidos, em nada alterariam na compreensão da propaganda. b) O publicitário utiliza exclusivamente o sentido figurado da expressão Quem tem boca vai a Roma na propaganda, mostrando que quem persiste, alcança seus sonhos. c) Ao afirmar que quem tem boca vai a Roma, a empresa tem como finalidade anunciar a sua larga experiência em voos internacionais para a Itália. CASD Vestibulares Simulado Quinzenal II 7

8 d) Ao jogar com os sentidos existentes de Quem tem boca vai a Roma, a TAM caracteriza seus produtos como tendo preços acessíveis. e) O objetivo principal da propaganda é mostrar a cidade de Roma como sendo um excelente destino turístico. 36 Leia os comentários a seguir feitos em um mesmo veículo virtual. Texto I Odeio aqueles metidinhos do departamento de eletrônica que adoram se achar falando palavras elegantes. Não conseguem ouvir alguém dizendo resistor", transistor" ou diodo" que logo vem nos dizer que tal pronúncia nos caracteriza como ignorantes e que a forma correta é resístor, transístor e díodo. Por favor, sejamos um pouco mais brasileiros. Texto II Um bom profissional sempre tem que tomar cuidado com o linguajar. Certamente, é bem mais elegante para um engenheiro, por exemplo, falar transístor, resístor" e díodo ao invés de transistor, resistor e diodo, pois aproxima nossa pronúncia das palavras originais desses dispositivos (em inglês). Algumas pessoas simplesmente adoram aportuguesar a tonalidade de palavras inglesas, o que, raramente, soa bem. A partir da leitura dos textos, julgue as afirmações a seguir. I Apesar de a acentuação ser diferente nas palavras transístor" e transistor, ambas são paroxítonas. A única diferença é a ênfase dada na sílaba tônica. II Pelo contexto, a escrita correta, segundo a norma padrão, da palavra vem (na quinta linha do texto I) seria vêm. III A ideia que é expressa pelo autor do texto II vai de encontro à apresentada pelo autor do texto I. IV O autor do texto II defende que devem ser utilizadas palavras em inglês para nomear os dispositivos em detrimento dos termos próprios em português. Estão corretas: a) Apenas as alternativas I e II. b) Apenas as alternativas II e III. c) Apenas as alternativas II e IV. d) Apenas as alternativas III e IV. e) Todas as alternativas. Leia o texto a seguir para responder às quetões 37 e 38: Soneto da Separação De repente do riso fez-se o pranto Silencioso e branco como a bruma E das bocas unidas fez-se a espuma E das mãos espalmadas fez-se o espanto. De repente da calma fez-se o vento Que dos olhos desfez a última chama E da paixão fez-se o pressentimento E do momento imóvel fez-se o drama. De repente, não mais que de repente Fez-se de triste o que se fez amante E de sozinho o que se fez contente Fez-se do amigo próximo o distante Fez-se da vida uma aventura errante De repente, não mais que de repente. Vinícius de Moraes 37 O soneto é repleto de figuras de linguagem. A figura de linguagem que NÃO aparece no soneto é a (o): a) Antítese b) Polissíndeto c) Anacoluto d) Hipérbato e) Sinestesia 38 A figura de linguagem presente em De repente do riso fez-se o pranto também é encontrada em: I. Em tristes sombras morre a formosura, / Em contínuas tristezas e alegrias. Gregório de Matos II.É um contentamento descontente; (...) Luís Vaz de Camões III.A rua foi dominada por um silêncio ensurdecedor. a) I b)i e II c)i, II e III d)iii e)ii e III 39 Leia o poema a seguir. Sentimento do Mundo Tenho apenas duas mãos e o sentimento do mundo, mas estou cheio escravos, minhas lembranças escorrem e o corpo transige na confluência do amor. Quando me levantar, o céu estará morto e saqueado, eu mesmo estarei morto, morto meu desejo, morto o pântano sem acordes. Os camaradas não disseram que havia uma guerra e era necessário trazer fogo e alimento. Sinto-me disperso, anterior a fronteiras, humildemente vos peço que me perdoeis. Quando os corpos passarem, eu ficarei sozinho desfiando a recordação do sineiro, da viúva e do microcopista que habitavam a barraca e não foram encontrados ao amanhecer esse amanhecer mais noite que a noite. Carlos Drummond de Andrade, Sentimento do Mundo Sobre o texto, pode-se afirmar corretamente que: a) O poema possui uma estrutura rígida e fixa em relação às rimas, atrelada ao uso de palavras inusitadas e rebuscadas. b) O pessimismo expressado no texto pelo eu-lírico se assemelha aos ocorrentes nas cantigas trovadorescas. c) A presença de religiosidade no poema revela que o eulírico vive os mesmos dilemas dos autores do Humanismo. d) Apesar dos vários problemas que ocorrem no mundo o eu-lírico se sente forte e confiante para enfrentá-los. 8 Simulado Quinzenal II CASD Vestibulares

9 e) Na última estrofe o eu-lírico retoma a ideia principal apresentada no poema, concluindo-a por meio de um marcante paradoxo. 40 Leia os dois textos a seguir para responder a pergunta feita. Texto I Senhora minha, desde que vos vi, lutei para ocultar esta paixão que me tomou inteiro o coração; mas não o posso mais e decidi que saibam todos o meu grande amor, a tristeza que tenho, a imensa dor que sofro desde o dia em que vos vi. Cantiga de Amor, Afonso Fernandes Texto II Enfim, depois de muitas lutas consigo mesmo para vencer o acanhamento, tomou um dia a resolução de acabar com o medo, e dizer-lhe a primeira coisa que lhe viesse à boca. Luisinha estava no vão de uma janela a espiar para a rua pela rótula; Leonardo aproximou-se tremendo, pé ante pé, parou e ficou imóvel como uma estátua atrás dela que, entretida para fora, de nada tinha dado fé. Esteve assim por longo tempo calculando se devia falar em pé ou se devia ajoelhar-se. (...) os dois levaram algum tempo naquela mesma posição, até que o Leonardo, por um supremo esforço, rompeu o silêncio e com voz trêmula e em tom o mais sem graça que se possa imaginar perguntou desenxabidamente: A senhora... sabe... uma coisa? E riu-se com uma risada forçada, pálida e tola. Luisinha não respondeu. Ele repetiu no mesmo tom: Então... a senhora... sabe ou... não sabe? E tornou a rir-se do mesmo modo. Luisinha conservou-se muda. A senhora bem sabe... é porque não quer dizer... Nada de resposta. Se a senhora não ficasse zangada... eu dizia... Silêncio. Está bom... eu digo sempre... mas a senhora fica ou não fica zangada? Luisinha fez um gesto de quem estava impacientada. Pois então eu digo... a senhora não sabe... eu... eu lhe quero... muito bem. Luisinha fez-se cor de uma cereja; e fazendo meia volta à direita, foi dando as costas ao Leonardo e caminhando pelo corredor. Era tempo, pois alguém se aproximava. Leonardo viu-a ir-se, um pouco estupefato pela resposta que ela lhe dera, porém não de todo descontente: seu olhar de amante percebera que o que se acabava de passar não tinha sido totalmente desagradável a Luisinha. Manuel Antônio de Almeida, Memórias de um Sargento de Milícias A partir da leitura dos textos, é correto afirmar que: a) Enquanto no texto I o eu-lírico sofre com a desilusão amorosa (tema típico das cantigas de amor), no texto II Leonardo consegue uma correspondência parcial de sua amada. b) Em ambos os textos, a falta de um retorno em relação às declarações dos amantes por parte das respectivas amadas leva-os à condição de vassalagem amorosa. c) Enquanto no texto I o eu-lírico explicita sua confiança na conquista da amada, no texto II Leonardo se mostra uma pessoa excessivamente tímida para tomar a iniciativa. d) Em ambos os textos, os amantes revelam o grande sentimento de culpa que sentem em relação à situação incômoda. e) Enquanto no texto I o eu-lírico demonstra ao longo de todo o poema a certeza de seu amor, no texto II, Leonardo apresenta momentos de dúvida em relação ao assunto o que o leva a ponderar sua fala. Leia o texto a seguir para responder às quetões 41 e 42: Soldiers on multiple deployment need monitoring (13/03/2012) We don't know why one US soldier in Afghanistan broke into homes last week and killed 16 civilians, but recent research suggests such disasters are just waiting to happen. US army researchers have found that after Middle East deployment, 10 to 20 per cent of soldiers suffer severe post-traumatic stress disorder (PTSD), a type of chronic anxiety including flashbacks, emotional numbing and anger. The only treatments approved for PTSD are antidepressants and psychotherapies, neither of which always work, and reach just one in five veterans in need. 41 Sobre o texto é correto afirmar que: a) Relata a história de um soldado do Afeganistão que quebrou algumas casas b) Indica que mais desastres estão prestes a acontecer com soldados de guerra. c) Relata a história de 16 civis que se revoltaram contra soldados americanos. d) Indica que mais da metade dos soldados americanos sofrem de transtorno de estresse pós traumático (TEPT). e) Indica que até mesmo os pesquisadores do exército Americano sofrem do TEPT. 42 De acordo com os dois últimos parágrafos do texto, é correto afirmar que: a) São autorizados somente tratamentos com antidepressivos e/ou com psicoterapias para os casos de TEPT. b) O TEPT está diretamente relacionado com o desempenho do soldado durante a guerra. c) Um total de 10% dos soldados se recuperou após se submeter aos tratamentos oferecidos. d) Os tratamentos oferecidos consistem de uma análise completa da vida do soldado. e) Um em cada 5 veteranos de guerra precisam de receber tratamento adequado ao retornar de seu posto. 43 Dadas as matrizes, e abaixo, e sabendo que, o valor de é: a) -10 b) -3 c) 0 d) 3 e) 10 CASD Vestibulares Simulado Quinzenal II 9

10 44 Considere as matrizes A, B e C, e analise as afirmativas a seguir: I) É possível fazer apenas a multiplicações A.B e B.C entre as matrizes acima II) Se, pode-se afirmar que. III) O elemento do produto é igual a 13. Podemos afirmar corretamente que: a) Apenas I é correta b) Apenas II é correta c) Apenas I e II são corretas d) Apenas II e III são corretas e) Todas as afirmativas são corretas 45 Sejam os seguintes conjuntos: 47 Julgue as seguintes afirmativas: I: Se dois ângulos são suplementares, o seno de um é o cosseno do outro; II: ; III: O seno e o cosseno de um ângulo sempre assumem valores entre e ; Sobre as afirmativas acima, pode-se dizer que: a) Apenas a afirmativa I é verdadeira b) Apenas a afirmativa II é verdadeira c) Apenas a afirmativa III é verdadeira d) Apenas as afirmativas I e II são verdadeiras e) Apenas as afirmativas II e III são verdadeiras 48 O valor da expressão abaixo é: a) b) c) d) e) 49 Numa PG de razão positiva, o primeiro termo é igual ao dobro da razão, e a soma dos dois primeiros é 24. Nessa progressão a razão é: a) 1 b) 2 c) 3 d) 4 e) 5 Considere as seguintes afirmações: I. II. III. IV. Podemos afirmar corretamente que: a) I, II, III e IV são corretas b) I, III e IV são corretas c) Apenas I e III são corretas d) Apenas II e III são corretas e) Apenas II e IV são corretas 50 Qual o é a solução (valor de x) da equação abaixo? a) 20 d) e). 46 Determinado dia, uma renomada pizzaria de uma cidade decidiu fazer uma pesquisa para descobrir quais sabores de pizza eram os favoritos da clientela dentre 3 possíveis (muçarela, peperoni e presunto). Na pesquisa foram obtidos os seguintes dados: - Das 90 pessoas que gostam da pizza de muçarela, 28 não gostam de nenhuma outra; - Das 84 pessoas que gostam da pizza de peperoni, 26 nâo gostam de nenhuma outra; - Das 86 pessoas que gostam da pizza de presunto, 24 não gostam de nenhuma outra; Muito esperto, o gerente da pizzaria fez algumas contas e chegou à conclusão de que o número de pessoas que gostam de apenas um sabor é. Sabendo que 8 pessoas gostam dos 3 sabores de pizza, qual o valor de x? a) 78 b) 87 c) 96 d) 105 e) Simulado Quinzenal II CASD Vestibulares

GABARITO PRÉ-VESTIBULAR

GABARITO PRÉ-VESTIBULAR LINGUAGENS 01. C 02. D 03. C 04. B 05. C 06. C 07. * 08. B 09. A 10. D 11. B 12. A 13. D 14. B 15. D LÍNGUA ESTRANGEIRA 16. D 17. A 18. D 19. B 20. B 21. D MATEMÁTICA 22. D 23. C De acordo com as informações,

Leia mais

Colégio Senhora de Fátima

Colégio Senhora de Fátima Colégio Senhora de Fátima A formação do território brasileiro 7 ano Professora: Jenifer Geografia A formação do território brasileiro As imagens a seguir tem como principal objetivo levar a refletir sobre

Leia mais

Física. Resolução. Q uestão 01 - A

Física. Resolução. Q uestão 01 - A Q uestão 01 - A Uma forma de observarmos a velocidade de um móvel em um gráfico d t é analisarmos a inclinação da curva como no exemplo abaixo: A inclinação do gráfico do móvel A é maior do que a inclinação

Leia mais

Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos

Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos POPULAÇÃO BRASILEIRA Estrutura Populacional e Indicadores socioeconômicos Desde a colonização do Brasil o povoamento se concentrou no litoral do país. No início do século XXI, a população brasileira ainda

Leia mais

grandeza do número de elétrons de condução que atravessam uma seção transversal do fio em segundos na forma, qual o valor de?

grandeza do número de elétrons de condução que atravessam uma seção transversal do fio em segundos na forma, qual o valor de? Física 01. Um fio metálico e cilíndrico é percorrido por uma corrente elétrica constante de. Considere o módulo da carga do elétron igual a. Expressando a ordem de grandeza do número de elétrons de condução

Leia mais

RECUPERAÇÃO TURMAS: 2º ANO FÍSICA

RECUPERAÇÃO TURMAS: 2º ANO FÍSICA RECUPERAÇÃO TURMAS: 2º ANO Professor: XERXES DATA: 22 / 11 / 2015 RECUPERAÇÃO FINAL FORÇA ELÉTRICA (LEI DE COULOMB) FÍSICA Para todas as questões, considere a constante eletrostática no vácuo igual a 9.10

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2014

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 2ª Etapa 2014 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 2ª Etapa 2014 Disciplina: Física Série: 3ª Professor (a): Marcos Vinicius Turma: FG Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Introdução à Eletricidade e Lei de Coulomb

Introdução à Eletricidade e Lei de Coulomb Introdução à Eletricidade e Lei de Coulomb Introdução à Eletricidade Eletricidade é uma palavra derivada do grego élektron, que significa âmbar. Resina vegetal fossilizada Ao ser atritado com um pedaço

Leia mais

Lista de Exercícios:

Lista de Exercícios: PROFESSOR(A): Ero AVALIAÇÃO RECUPERAÇÃO DATA DA REALIZAÇÃO ROTEIRO DA AVALIAÇÃO 2ª ETAPA AVALIAÇÃO RECUPERAÇÃO DISCIPLINA: HISTÓRIA ANO: 6º CONTÉUDOS ABORDADOS Cap. 4: o mundo grego todos os temas Cap

Leia mais

DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS. -Atinge as Índias contornando a costa da África

DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS. -Atinge as Índias contornando a costa da África DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS EXPANSÃO MARÍTIMA início século XV ( 1415 ) DA CONQUISTA A COLONIZAÇÃO DAS AMÉRICAS EXPANSÃO MARÍTIMA início século XV ( 1415 ) PORTUGAL -Atinge as Índias contornando

Leia mais

Soluções das Questões de Física do Processo Seletivo de Admissão à Escola Preparatória de Cadetes do Exército EsPCEx

Soluções das Questões de Física do Processo Seletivo de Admissão à Escola Preparatória de Cadetes do Exército EsPCEx Soluções das Questões de Física do Processo Seletivo de dmissão à Escola Preparatória de Cadetes do Exército EsPCEx Questão Concurso 009 Uma partícula O descreve um movimento retilíneo uniforme e está

Leia mais

AS LEIS DE NEWTON PROFESSOR ANDERSON VIEIRA

AS LEIS DE NEWTON PROFESSOR ANDERSON VIEIRA CAPÍTULO 1 AS LEIS DE NEWTON PROFESSOR ANDERSON VIEIRA Talvez o conceito físico mais intuitivo que carregamos conosco, seja a noção do que é uma força. Muito embora, formalmente, seja algo bastante complicado

Leia mais

Professores: Gilberto / Gustavo / Luciano / Maragato CURSO DOMÍNIO. Comentário: Energia de Capacitor. Comentário: Questão sobre atrito

Professores: Gilberto / Gustavo / Luciano / Maragato CURSO DOMÍNIO. Comentário: Energia de Capacitor. Comentário: Questão sobre atrito Professores: Gilberto / Gustavo / Luciano / Maragato CURSO DOMÍNIO A prova de física exigiu um bom conhecimento dos alunos. Há questões relacionadas principalmente com a investigação e compreensão dos

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES. História

CADERNO DE ATIVIDADES. História COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES História Aluno (a): 4º ano: Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos Conteúdo de Recuperação O que é História. Identificar a História como ciência. Reconhecer que

Leia mais

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão III

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão III Questões COVEST Física Mecânica Prof. Rogério Porto Assunto: Cinemática em uma Dimensão III 1. Um atleta salta por cima do obstáculo na figura e seu centro de gravidade atinge a altura de 2,2 m. Atrás

Leia mais

1. (Ufsm 2012) Observe as projeções cartográficas: Numere corretamente as projeções com as afirmações a seguir.

1. (Ufsm 2012) Observe as projeções cartográficas: Numere corretamente as projeções com as afirmações a seguir. 1. (Ufsm 2012) Observe as projeções cartográficas: Numere corretamente as projeções com as afirmações a seguir. ( ) Na projeção cilíndrica, a representação é feita como se um cilindro envolvesse a Terra

Leia mais

Capítulo 4 Trabalho e Energia

Capítulo 4 Trabalho e Energia Capítulo 4 Trabalho e Energia Este tema é, sem dúvidas, um dos mais importantes na Física. Na realidade, nos estudos mais avançados da Física, todo ou quase todos os problemas podem ser resolvidos através

Leia mais

Resolução Comentada CEFET/MG - 2 semestre 2014

Resolução Comentada CEFET/MG - 2 semestre 2014 Resolução Comentada CEFET/MG - 2 semestre 2014 01 - A figura mostra um sistema massa-mola que pode oscilar livremente, sem atrito, sobre a superfície horizontal e com resistência do ar desprezível. Nesse

Leia mais

ELETROSTÁTICA 214EE. Figura 1

ELETROSTÁTICA 214EE. Figura 1 1 T E O R I A 1. CARGA ELÉTRICA A carga elétrica é uma propriedade física inerente aos prótons e elétrons (os nêutrons não possuem esta propriedade) que confere a eles a capacidade de interação mútua.

Leia mais

Os aparelhos de GPS (Sistema de Posicionamento Global) se tornaram

Os aparelhos de GPS (Sistema de Posicionamento Global) se tornaram GPS Os aparelhos de GPS (Sistema de Posicionamento Global) se tornaram ferramentas importantes para nos localizarmos com mais facilidade. Agora imagine que você pudesse ter um GPS que, além de lhe fornecer

Leia mais

Lista de Eletrostática da UFPE e UPE

Lista de Eletrostática da UFPE e UPE Lista de Eletrostática da UFPE e UPE 1. (Ufpe 1996) Duas pequenas esferas carregadas repelem-se mutuamente com uma força de 1 N quando separadas por 40 cm. Qual o valor em Newtons da força elétrica repulsiva

Leia mais

EXPANSÃO EUROPÉIA E CONQUISTA DA AMÉRICA

EXPANSÃO EUROPÉIA E CONQUISTA DA AMÉRICA EXPANSÃO EUROPÉIA E CONQUISTA DA AMÉRICA EXPANSÃO EUROPEIA E CONQUISTA DA AMÉRICA Nos séculos XV e XVI, Portugal e Espanha tomaram a dianteira marítima e comercial europeia, figurando entre as grandes

Leia mais

Prof. André Motta - mottabip@hotmail.com_ 4.O gráfico apresentado mostra a elongação em função do tempo para um movimento harmônico simples.

Prof. André Motta - mottabip@hotmail.com_ 4.O gráfico apresentado mostra a elongação em função do tempo para um movimento harmônico simples. Eercícios Movimento Harmônico Simples - MHS 1.Um movimento harmônico simples é descrito pela função = 7 cos(4 t + ), em unidades de Sistema Internacional. Nesse movimento, a amplitude e o período, em unidades

Leia mais

ECOLOGIA GERAL FLUXO DE ENERGIA E MATÉRIA ATRAVÉS DE ECOSSISTEMAS

ECOLOGIA GERAL FLUXO DE ENERGIA E MATÉRIA ATRAVÉS DE ECOSSISTEMAS ECOLOGIA GERAL Aula 05 Aula de hoje: FLUXO DE ENERGIA E MATÉRIA ATRAVÉS DE ECOSSISTEMAS Sabemos que todos os organismos necessitam de energia para se manterem vivos, crescerem, se reproduzirem e, no caso

Leia mais

Lição 5. Instrução Programada

Lição 5. Instrução Programada Instrução Programada Lição 5 Na lição anterior, estudamos a medida da intensidade de urna corrente e verificamos que existem materiais que se comportam de modo diferente em relação à eletricidade: os condutores

Leia mais

CONTEÚDO DE PROVA DO 1º BIMESTRE 1º ANO ENSINO MÉDIO

CONTEÚDO DE PROVA DO 1º BIMESTRE 1º ANO ENSINO MÉDIO CONTEÚDO DE PROVA DO 1º BIMESTRE 1º ANO ENSINO MÉDIO IMPORTANTE!!! O ALUNO DEVE ESTUDAR ALÉM DOS CONTEÚDOS ABAIXO, O DO CADERNO, LIVRO E CADERNO DE ATIVIDADES. Disciplina Data da prova Conteúdo Apresentação

Leia mais

Hoje estou elétrico!

Hoje estou elétrico! A U A UL LA Hoje estou elétrico! Ernesto, observado por Roberto, tinha acabado de construir um vetor com um pedaço de papel, um fio de meia, um canudo e um pedacinho de folha de alumínio. Enquanto testava

Leia mais

Problemas de eletricidade

Problemas de eletricidade Problemas de eletricidade 1 - Um corpo condutor está eletrizado positivamente. Podemos afirmar que: a) o número de elétrons é igual ao número de prótons. b) o número de elétrons é maior que o número de

Leia mais

CALORIMETRIA, MUDANÇA DE FASE E TROCA DE CALOR Lista de Exercícios com Gabarito e Soluções Comentadas

CALORIMETRIA, MUDANÇA DE FASE E TROCA DE CALOR Lista de Exercícios com Gabarito e Soluções Comentadas COLÉGIO PEDRO II PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA DOCENTE RESIDENTE DOCENTE: Marcia Cristina de Souza Meneguite Lopes MATRÍCULA: P4112515 INSCRIÇÃO: PRD.FIS.0006/15

Leia mais

Leis Ponderais e Cálculo Estequiométrico

Leis Ponderais e Cálculo Estequiométrico Leis Ponderais e Cálculo Estequiométrico 1. (UFF 2009) Desde a Antiguidade, diversos povos obtiveram metais, vidro, tecidos, bebidas alcoólicas, sabões, perfumes, ligas metálicas, descobriram elementos

Leia mais

Geografia Prof. Rose Rodrigues. Força Total módulo zero

Geografia Prof. Rose Rodrigues. Força Total módulo zero 1-(UNESP) Observe o mapa do Brasil. Geografia Prof. Rose Rodrigues Força Total módulo zero Faça o que se pede. a) Sabendo-se que o segmento AB possui 2 cm no mapa e equivale a 1112 km, qual a escala do

Leia mais

1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor

1 a QUESTÃO: (2,0 pontos) Avaliador Revisor 1 a QUESTÃO: (,0 pontos) Avaliador evisor Vários fenômenos físicos podem ser explicados pela propagação retilínea da luz em meios homogêneos. Essa hipótese é conhecida como o modelo do raio luminoso da

Leia mais

Você acha que o rapaz da figura abaixo está fazendo força?

Você acha que o rapaz da figura abaixo está fazendo força? Aula 04: Leis de Newton e Gravitação Tópico 02: Segunda Lei de Newton Como você acaba de ver no Tópico 1, a Primeira Lei de Newton ou Princípio da Inércia diz que todo corpo livre da ação de forças ou

Leia mais

1) Calcular, em m/s, a velocidade de um móvel que percorre 14,4Km em 3min. a) ( ) 70m/s b) ( ) 80 m/s c) ( ) 90m/s d) ( ) 60m/s

1) Calcular, em m/s, a velocidade de um móvel que percorre 14,4Km em 3min. a) ( ) 70m/s b) ( ) 80 m/s c) ( ) 90m/s d) ( ) 60m/s SIMULADO DE FÍSICA ENSINO MÉDIO 1) Calcular, em m/s, a velocidade de um móvel que percorre 14,4Km em 3min. a) ( ) 70m/s b) ( ) 80 m/s c) ( ) 90m/s d) ( ) 60m/s 2) Um avião voa com velocidade constante

Leia mais

Centro Educacional Juscelino Kubitschek

Centro Educacional Juscelino Kubitschek Centro Educacional Juscelino Kubitschek ALUNO: N.º: DATA: / /2011 ENSINO FUNDAMENTAL SÉRIE: 6ª série/7 ano TURMA: TURNO: DISCIPLINA: GEOGRAFIA PROFESSOR: Equipe de Geografia Roteiro e lista de Recuperação

Leia mais

População é o conjunto de habitantes de um determinado lugar em um determinado tempo;

População é o conjunto de habitantes de um determinado lugar em um determinado tempo; INTRODUÇÃO À GEOGRAFIA DA POPULAÇÃO 1 Aspectos teóricos e metodológicos da geografia da população População é o conjunto de habitantes de um determinado lugar em um determinado tempo; A importância de

Leia mais

Exercícios de Eletrização

Exercícios de Eletrização Exercícios de Eletrização 1-Um corpo inicialmente neutro recebe 10 milhões de elétrons. Este corpo adquire uma carga de: (e = 1,6. 10 19 C). a) 1,6. 10 12 C b) 1,6. 10 12 C c) 16. 10 10 C d) 16. 10 7 C

Leia mais

UFMG - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

UFMG - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR UFMG - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Física Questão 01 Durante uma brincadeira, Rafael utiliza o dispositivo mostrado nesta figura para lançar uma bolinha horizontalmente. Nesse

Leia mais

Material de apoio para o exame final

Material de apoio para o exame final Professor Rui Piassini Geografia 1ºEM Material de apoio para o exame final Questão 01) Um transatlântico, navegando pelo Oceano Índico, cruza o Trópico de Capricórnio e segue do Sul para o Norte. Observando

Leia mais

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR

IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR IME - 2003 2º DIA FÍSICA BERNOULLI COLÉGIO E PRÉ-VESTIBULAR Física Questão 01 Um pequeno refrigerador para estocar vacinas está inicialmente desconectado da rede elétrica e o ar em seu interior encontra-se

Leia mais

Como está a situação da população mundial e que expectativa razoável podemos ter para o futuro?

Como está a situação da população mundial e que expectativa razoável podemos ter para o futuro? População mundial Leia as manchetes abaixo: População mundial superará 9,2 bilhões em 2050, estima ONU BBC Brasil Casais ricos burlam lei do filho único na China BBC Brasil A população mundial atingiu

Leia mais

FÍSICA - 1 o ANO MÓDULO 11 EQUILÍBRIO: DO PONTO MATERIAL E CORPO EXTENSO REVISÃO

FÍSICA - 1 o ANO MÓDULO 11 EQUILÍBRIO: DO PONTO MATERIAL E CORPO EXTENSO REVISÃO FÍSICA - 1 o ANO MÓDULO 11 EQUILÍBRIO: DO PONTO MATERIAL E CORPO EXTENSO REVISÃO Fixação F 1) (CESGRANRIO) A figura a seguir mostra uma peça de madeira, no formato de uma forca, 2 utilizada para suspender

Leia mais

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão.

REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS. Idade na admissão. REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DA GRAVIDEZ: A EXPERIÊNCIA DA MATERNIDADE EM INSTITUIÇÃO Código Entrevista: 2 Data: 18/10/2010 Hora: 16h00 Duração: 23:43 Local: Casa de Santa Isabel DADOS SÓCIO-DEMOGRÁFICOS Idade

Leia mais

Encontrando o seu lugar na Terra

Encontrando o seu lugar na Terra Encontrando o seu lugar na Terra A UU L AL A Nesta aula vamos aprender que a Terra tem a forma de uma esfera, e que é possível indicar e localizar qualquer lugar em sua superfície utilizando suas coordenadas

Leia mais

Ciências Humanas. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo

Ciências Humanas. baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo Ciências Humanas baseado nos Padrões Curriculares do Estado de São Paulo 1 PROPOSTA CURRICULAR DA DISCIPLINA DE CIÊNCIAS HUMANAS Elementary School 2 K5 Conteúdos Gerais Conteúdos Específicos Habilidades

Leia mais

ESTUDO DIRIGIDO 8ºANO Manhã e Tarde Professores: Mário e Walker GEOGRAFIA OBJETIVOS: MATERIAL DE TRABALHO E ORIENTAÇÕES GERAIS PARA O ESTUDO:

ESTUDO DIRIGIDO 8ºANO Manhã e Tarde Professores: Mário e Walker GEOGRAFIA OBJETIVOS: MATERIAL DE TRABALHO E ORIENTAÇÕES GERAIS PARA O ESTUDO: ESTUDO DIRIGIDO 8ºANO Manhã e Tarde Professores: Mário e Walker GEOGRAFIA Caro estudante, Este trabalho visa facilitar o processo de aprendizagem trabalhado em sala de aula durante o primeiro semestre

Leia mais

FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO

FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO FORMAÇÃO DO TERRITÓRIO BRASILEIRO É claro que o Brasil não brotou do chão como uma planta. O Solo que o Brasil hoje ocupa já existia, o que não existia era o seu território, a porção do espaço sob domínio,

Leia mais

COMUNICADO Nº 32/2014 SÉRIE: 1º ano / Ensino Médio ASSUNTO: Conteúdo das Avaliações Bimestrais. 1º ano D. Arte

COMUNICADO Nº 32/2014 SÉRIE: 1º ano / Ensino Médio ASSUNTO: Conteúdo das Avaliações Bimestrais. 1º ano D. Arte COMUNICADO Nº 32/2014 SÉRIE: 1º ano / Ensino Médio ASSUNTO: Conteúdo das Avaliações Bimestrais Arte -Resumo Arte feminino plural Função pragmática ou utilitária Função naturalista As linguagens artísticas

Leia mais

c = c = c =4,20 kj kg 1 o C 1

c = c = c =4,20 kj kg 1 o C 1 PROPOSTA DE RESOLUÇÃO DO TESTE INTERMÉDIO - 2014 (VERSÃO 1) GRUPO I 1. H vap (H 2O) = 420 4 H vap (H 2O) = 1,69 10 3 H vap (H 2O) = 1,7 10 3 kj kg 1 Tendo em consideração a informação dada no texto o calor

Leia mais

Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Física. Não abra o caderno antes de receber autorização.

Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Física. Não abra o caderno antes de receber autorização. 04/12/2011 Física Caderno de prova Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Física. Não abra o caderno antes de receber autorização. Instruções 1. Verifique

Leia mais

Do ponto de vista da Termodinâmica, gás ideal é aquele para o qual vale, para quaisquer valores de P e T, a equação de estado de Clapeyron:

Do ponto de vista da Termodinâmica, gás ideal é aquele para o qual vale, para quaisquer valores de P e T, a equação de estado de Clapeyron: Equação de Estado de Van der Waals Do ponto de vista da Termodinâmica, gás ideal é aquele para o qual vale, para quaisquer valores de P e T, a equação de estado de Clapeyron: P i V i = nrt em que colocamos

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CENTRO DE EDUCAÇÃO INTEGRADA Educando para o pensar Tema Integrador 2013 / Construindo o amanhã: nós agimos, o planeta sente BIOLOGIA I TRIMESTRE A descoberta da vida Biologia e ciência Origem da vida

Leia mais

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professor : Bruno Matias Telles 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES

COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professor : Bruno Matias Telles 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES COLÉGIO MARISTA - PATOS DE MINAS 2º ANO DO ENSINO MÉDIO - 2013 Professor : Bruno Matias Telles 1ª RECUPERAÇÃO AUTÔNOMA ROTEIRO DE ESTUDO - QUESTÕES Estudante: Turma: Data: / / QUESTÃO 1 Analise o mapa

Leia mais

R.: R.: R.: R.: R.: R.: R.:

R.: R.: R.: R.: R.: R.: R.: PROFESSOR: EQUIPE DE HISTÓRIA BANCO DE QUESTÕES - HISTÓRIA - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================== 01- Como o relevo

Leia mais

Valores eternos. MATÉRIA. PROFESSOR(A) Hermann ---- ---- 1. Para a associação da figura, a resistência equivalente entre os terminais A e B é igual a:

Valores eternos. MATÉRIA. PROFESSOR(A) Hermann ---- ---- 1. Para a associação da figura, a resistência equivalente entre os terminais A e B é igual a: Valores eternos. TD Recuperação ALUNO(A) MATÉRIA Física III PROFESSOR(A) Hermann ANO SEMESTRE DATA 3º 1º Julho/2013 TOTAL DE ESCORES ESCORES OBTIDOS ---- ---- 1. Para a associação da figura, a resistência

Leia mais

Química. Resolução das atividades complementares. Q36 Classificação de elementos

Química. Resolução das atividades complementares. Q36 Classificação de elementos Resolução das atividades complementares 3 Química Q36 Classificação de elementos p. 24 1 (Fatec-SP) Imagine que a tabela periódica seja o mapa de um continente, e que os elementosquímicos constituem as

Leia mais

2 - PRIMEIRA LEI DE NEWTON: PRINCÍPIO DA INÉRCIA

2 - PRIMEIRA LEI DE NEWTON: PRINCÍPIO DA INÉRCIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA F Í S I C A II - DINÂMICA ALUNO: RA: 1 - OS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS DINÂMICA A Dinâmica é a parte da Mecânica que estuda os movimentos e as causas que os produzem ou os modificam.

Leia mais

AULA 3 FORÇA ELÉTRICA. O conceito de força é a capacidade de provocar a mudança de intensidade, direção e sentido da velocidade.

AULA 3 FORÇA ELÉTRICA. O conceito de força é a capacidade de provocar a mudança de intensidade, direção e sentido da velocidade. AULA 3 FORÇA ELÉTRICA O conceito de força é a capacidade de provocar a mudança de intensidade, direção e sentido da velocidade. - Um objeto em repouso (v= 0) entra em movimento, mediante a aplicação de

Leia mais

PROGRAD / COSEAC ENGENHARIAS (CIVIL, DE PRODUÇÃO, MECÂNICA, PETRÓLEO E TELECOMUNICAÇÕES) NITERÓI - GABARITO

PROGRAD / COSEAC ENGENHARIAS (CIVIL, DE PRODUÇÃO, MECÂNICA, PETRÓLEO E TELECOMUNICAÇÕES) NITERÓI - GABARITO Prova de Conhecimentos Específicos 1 a QUESTÃO: (1,0 ponto) Considere uma transformação linear T(x,y) em que, 5 autovetores de T com relação aos auto valores -1 e 1, respectivamente. e,7 são os Determine

Leia mais

ALUNO(A): Nº TURMA: TURNO: DATA: / / SEDE:

ALUNO(A): Nº TURMA: TURNO: DATA: / / SEDE: Professor: Edney Melo ALUNO(A): Nº TURMA: TURNO: DATA: / / SEDE: 01. As pirâmides do Egito estão entre as construções mais conhecidas em todo o mundo, entre outras coisas pela incrível capacidade de engenharia

Leia mais

- Trecho da Carta de Pero Vaz de Caminha sobre o Descobrimento do Brasil. - Fotografias da posse do presidente do Brasil

- Trecho da Carta de Pero Vaz de Caminha sobre o Descobrimento do Brasil. - Fotografias da posse do presidente do Brasil MATERIAL DE REVISÃO PARA RECUPERAÇÃO FINAL 6 ANO 1) Classifique as fontes listadas abaixo em primarias e secundárias: - Vídeo do atentado terrorista ao World Trade Center em 2001 - Trecho da Carta de Pero

Leia mais

Centro Educacional Juscelino Kubitschek. Roteiro e Lista de Recuperação de Física

Centro Educacional Juscelino Kubitschek. Roteiro e Lista de Recuperação de Física Centro Educacional Juscelino Kubitschek ALUNO: N.º: DATA: / / ENSINO: ( ) Fundamental (x ) Médio SÉRIE: 1º TURMA: TURNO: DISCIPLINA: FÍSICA PROFESSOR: Equipe de Física Roteiro e Lista de Recuperação de

Leia mais

REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO

REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO REVISÃO AMÉRICA ANGLO SAXÔNICA E MÉXICO DIVISÃO DO CONTINENTE AMERICANO Os países que pertencem a América do Norte são: EUA, Canadá e México. Os países que pertencem a América Anglo Saxônica são: EUA

Leia mais

γ = 5,0m/s 2 2) Cálculo da distância percorrida para a velocidade escalar reduzir-se de 30m/s para 10m/s. V 2 2

γ = 5,0m/s 2 2) Cálculo da distância percorrida para a velocidade escalar reduzir-se de 30m/s para 10m/s. V 2 2 OBSERVAÇÃO (para todas as questões de Física): o valor da aceleração da gravidade na superfície da Terra é representado por g. Quando necessário, adote: para g, o valor 10 m/s 2 ; para a massa específica

Leia mais

Exercícios de Física Gravitação Universal

Exercícios de Física Gravitação Universal Exercícios de Física Gravitação Universal 1-A lei da gravitação universal de Newton diz que: a) os corpos se atraem na razão inversa de suas massas e na razão direta do quadrado de suas distâncias. b)

Leia mais

Questão 48. Questão 46. Questão 47. alternativa A. alternativa D. alternativa A

Questão 48. Questão 46. Questão 47. alternativa A. alternativa D. alternativa A Questão 46 Do alto de um edifício, lança-se horizontalmente uma pequena esfera de chumbo com velocidade de 8 m/s. Essa esfera toca o solo horizontal a uma distância de 24 m da base do prédio, em relação

Leia mais

Comportamento Físico dos Gases 3ª Parte

Comportamento Físico dos Gases 3ª Parte RECIFE Colégio Salesiano Sagrado Coração ] Aluna(o): Nº: Turma: 3º ano Recife, de de 03 Disciplina: Química Professor: Eber Barbosa Comportamento Físico dos Gases 3ª Parte 0 Energia Cinética Média dos

Leia mais

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão II

Prof. Rogério Porto. Assunto: Cinemática em uma Dimensão II Questões COVEST Física Mecânica Prof. Rogério Porto Assunto: Cinemática em uma Dimensão II 1. Um carro está viajando numa estrada retilínea com velocidade de 72 km/h. Vendo adiante um congestionamento

Leia mais

Professor : Vinicius Jacques Data: 03/08/2010 EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES / LEIS DE NEWTON

Professor : Vinicius Jacques Data: 03/08/2010 EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES / LEIS DE NEWTON Aluno (a): N Série: 1º Professor : Vinicius Jacques Data: 03/08/2010 Disciplina: FÍSICA EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES / LEIS DE NEWTON 01. Explique a função do cinto de segurança de um carro, utilizando o

Leia mais

IBM1018 Física Básica II FFCLRP USP Prof. Antônio Roque Aula 3

IBM1018 Física Básica II FFCLRP USP Prof. Antônio Roque Aula 3 Linhas de Força Mencionamos na aula passada que o físico inglês Michael Faraday (79-867) introduziu o conceito de linha de força para visualizar a interação elétrica entre duas cargas. Para Faraday, as

Leia mais

DINÂMICA. Força Resultante: É a força que produz o mesmo efeito que todas as outras aplicadas a um corpo.

DINÂMICA. Força Resultante: É a força que produz o mesmo efeito que todas as outras aplicadas a um corpo. DINÂMICA Quando se fala em dinâmica de corpos, a imagem que vem à cabeça é a clássica e mitológica de Isaac Newton, lendo seu livro sob uma macieira. Repentinamente, uma maçã cai sobre a sua cabeça. Segundo

Leia mais

Questão 28. Questão 30. Questão 29. alternativa E. alternativa C

Questão 28. Questão 30. Questão 29. alternativa E. alternativa C Sempre que for necessário, utilize a aceleraçãodagravidadelocalcomog= 10 m/s Questão 8 A potência hídrica média teórica da hidrelétrica de Tucuruí, localizada no Pará, é de, 10 6 kw (fonte: site oficial

Leia mais

QUÍMICA. Questão 31. Questão 32

QUÍMICA. Questão 31. Questão 32 QUÍMICA Questão 3 Em 9,9 g de um sal de cálcio encontra-se 0,5 mol desse elemento. Qual a massa molar do ânion trivalente que forma esse sal? Dado: Ca 40 g/mol. (A) 39 g/mol. (B) 278 g/mol. (C) 63,3 g/mol.

Leia mais

As Grandes navegações: a conquista da América e do Brasil. Descobrimento ou Conquista?

As Grandes navegações: a conquista da América e do Brasil. Descobrimento ou Conquista? As Grandes navegações: a conquista da América e do Brasil. Descobrimento ou Conquista? Navegar era preciso, era Navegar era preciso navegar... Por quê? O que motivou o expansionismo marítimo no século

Leia mais

www.enemdescomplicado.com.br

www.enemdescomplicado.com.br Exercícios de Física Gravitação Universal 1-A lei da gravitação universal de Newton diz que: a) os corpos se atraem na razão inversa de suas massas e na razão direta do quadrado de suas distâncias. b)

Leia mais

Vamos relatar alguns fatos do dia -a- dia para entendermos a primeira lei de Newton.

Vamos relatar alguns fatos do dia -a- dia para entendermos a primeira lei de Newton. CAPÍTULO 8 As Leis de Newton Introdução Ao estudarmos queda livre no capítulo cinco do livro 1, fizemos isto sem nos preocuparmos com o agente Físico responsável que provocava a aceleração dos corpos em

Leia mais

É o estudo do processo de produção, distribuição, circulação e consumo dos bens e serviços (riqueza).

É o estudo do processo de produção, distribuição, circulação e consumo dos bens e serviços (riqueza). GEOGRAFIA 7ª Série/Turma 75 Ensino Fundamental Prof. José Gusmão Nome: MATERIAL DE ESTUDOS PARA O EXAME FINAL A GEOGRAFIA DO MUNDO SUBDESENVOLVIDO A diferença entre os países que mais chama a atenção é

Leia mais

TURMA: 3º ANO: Campo Elétrico

TURMA: 3º ANO: Campo Elétrico DISCIPLINA: FÍSICA SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR UNIDADE POLIVALENTE MODELO VASCO

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação História 7 o ano Unidade 7 5 Unidade 7 Nome: Data: 1. Sobre as formas de conquista e exploração do governo português, associe corretamente as colunas. a) Relações diplomáticas.

Leia mais

Tânia observa um lápis com o auxílio de uma lente, como representado nesta figura:

Tânia observa um lápis com o auxílio de uma lente, como representado nesta figura: PROVA DE FÍSICA QUESTÃO 0 Tânia observa um lápis com o auxílio de uma lente, como representado nesta figura: Essa lente é mais fina nas bordas que no meio e a posição de cada um de seus focos está indicada

Leia mais

Movimento Retilíneo Uniforme (MRU) Equação Horária do MRU

Movimento Retilíneo Uniforme (MRU) Equação Horária do MRU Movimento Retilíneo Uniforme (MRU) velocímetro do automóvel da figura abaixo marca sempre a mesma velocidade. Quando um móvel possui sempre a mesma velocidade e se movimenta sobre uma reta dizemos que

Leia mais

Coordenadas Geográficas e Projeções Cartográficas. Prof. Bruno

Coordenadas Geográficas e Projeções Cartográficas. Prof. Bruno Coordenadas Geográficas e Projeções Cartográficas Prof. Bruno Paralelos Linhas Imaginárias que cortam o mundo no sentido horizontal Latitude É a medida do ângulo dos Paralelos. Varia de 0 a 90 graus, de

Leia mais

1. (1,0) APONTE o nome da região em que foi desenvolvida a civilização grega.

1. (1,0) APONTE o nome da região em que foi desenvolvida a civilização grega. PARA A VALIDADE DO QiD, AS RESPOSTAS DEVEM SER APRESENTADAS EM FOLHA PRÓPRIA, FORNECIDA PELO COLÉGIO, COM DESENVOLVIMENTO E SEMPRE A TINTA. TODAS AS QUESTÕES DE MÚLTIPLA ESCOLHA DEVEM SER JUSTIFICADAS.

Leia mais

São grandezas que para que a gente possa descrever 100%, basta dizer um número e a sua unidade.

São grandezas que para que a gente possa descrever 100%, basta dizer um número e a sua unidade. Apostila de Vetores 1 INTRODUÇÃO Fala, galera! Essa é a primeira apostila do conteúdo de Física I. Os assuntos cobrados nas P1s são: Vetores, Cinemática Uni e Bidimensional, Leis de Newton, Conservação

Leia mais

ATIVIDADE: USANDO UM ELETROÍMÃ

ATIVIDADE: USANDO UM ELETROÍMÃ ELETROÍMÃS 4.1- ELETROÍMÃS ELETROÍMÃS Você já ficou sabendo que em movimento, como numa corrente elétrica, gera magnetismo. Você também já ficou sabendo que um imã em movimento próximo de um condutor faz

Leia mais

UNIDADE IV: Ser humano e saúde Cultura indígena. Aula: 14.1 Conteúdo: Introdução a estática e suas definições.

UNIDADE IV: Ser humano e saúde Cultura indígena. Aula: 14.1 Conteúdo: Introdução a estática e suas definições. UNIDADE IV: Ser humano e saúde Cultura indígena. Aula: 14.1 Conteúdo: Introdução a estática e suas definições. Habilidade: Compreender os conceitos físicos relacionados a estática de um ponto material

Leia mais

De que jeito se governava a Colônia

De que jeito se governava a Colônia MÓDULO 3 De que jeito se governava a Colônia Apresentação do Módulo 3 Já conhecemos bastante sobre a sociedade escravista, especialmente em sua fase colonial. Pouco sabemos ainda sobre a organização do

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MATO GROSSO DO SUL UEMS CURSO DE FÍSICA LABORATÓRIO DE FÍSICA II. Gerador de Van De Graaff

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MATO GROSSO DO SUL UEMS CURSO DE FÍSICA LABORATÓRIO DE FÍSICA II. Gerador de Van De Graaff UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MATO GROSSO DO SUL UEMS CURSO DE FÍSICA LABORATÓRIO DE FÍSICA II Gerador de Van De Graaff Objetivos gerais: Ao término desta atividade o aluno deverá ser capaz de: - identificar

Leia mais

CAPACIDADE ELÉTRICA. Unidade de capacitância

CAPACIDADE ELÉTRICA. Unidade de capacitância CAPACIDADE ELÉTRICA Como vimos, a energia elétrica pode ser armazenada e isso se faz através do armazenamento de cargas elétricas. Essas cargas podem ser armazenadas em objetos condutores. A capacidade

Leia mais

1. INTRODUÇÃO CONCEITUAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO E O CRESCIMENTO ECONÔMICO

1. INTRODUÇÃO CONCEITUAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO E O CRESCIMENTO ECONÔMICO 1. INTRODUÇÃO CONCEITUAL SOBRE O DESENVOLVIMENTO E O CRESCIMENTO ECONÔMICO A análise da evolução temporal (ou dinâmica) da economia constitui o objeto de atenção fundamental do desenvolvimento econômico,

Leia mais

Unidade I: Introdução à CINEMÁTICA

Unidade I: Introdução à CINEMÁTICA Colégio Santa Catarina Unidade I: Introdução à Cinemática 1 O que é a Física? palavra física tem origem grega e significa natureza. ssim física é a ciência que estuda a natureza, daí o nome de ciência

Leia mais

Sumário. Prefácio... xi. Prólogo A Física tira você do sério?... 1. Lei da Ação e Reação... 13

Sumário. Prefácio... xi. Prólogo A Física tira você do sério?... 1. Lei da Ação e Reação... 13 Sumário Prefácio................................................................. xi Prólogo A Física tira você do sério?........................................... 1 1 Lei da Ação e Reação..................................................

Leia mais

1º ano. Os elementos da Paisagem Natural e Paisagem modificada

1º ano. Os elementos da Paisagem Natural e Paisagem modificada 1º ano Os elementos da Paisagem Natural e Paisagem modificada A origem da Terra; A origem dos continentes; A teoria da deriva dos continentes; A teoria das placas tectônicas; Tempo geológico; A estrutura

Leia mais

Guia Prático para Encontrar o Seu. www.vidadvisor.com.br

Guia Prático para Encontrar o Seu. www.vidadvisor.com.br Guia Prático para Encontrar o Seu Propósito de Vida www.vidadvisor.com.br "Onde os seus talentos e as necessidades do mundo se cruzam: aí está a sua vocação". Aristóteles Orientações Este é um documento

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO DECEx DEPA COLÉGIO MILITAR DE BRASÍLIA Prof. Salomão profsalomao@gmail.com PLANO DE AULA BIOLOGIA 1º ANO/EM Sem Mês Início Término CH 1ª FEV 7 11 3 ASSUNTO: ASPECTOS

Leia mais

A) Ação global. B) Ação Antrópica. C) Ação ambiental. D) Ação tectônic

A) Ação global. B) Ação Antrópica. C) Ação ambiental. D) Ação tectônic Disciplina: Geografia Roteiro de Recuperação Ano / Série: 6º Professor (a): Gabriel Data: / / 2013 Matéria da recuperação. Superficie da Terra. Litosfera, solo e relevo 1- Analise a imagem. www.trabanca.com-acesso:

Leia mais

Escravismo Antigo. Baseado na liberdade que se tem. Dois grupos sociais: Desenvolvimento intelectual, artístico, militar e político

Escravismo Antigo. Baseado na liberdade que se tem. Dois grupos sociais: Desenvolvimento intelectual, artístico, militar e político Escravismo Antigo Estrutura econômica Escravos produzem maior parte da riqueza Estrutura social Baseado na liberdade que se tem. Dois grupos sociais: à Livres: Desenvolvimento intelectual, artístico, militar

Leia mais

ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS

ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS ATENÇÃO ESTE CADERNO CONTÉM 10 (DEZ) QUESTÕES E RESPECTIVOS ESPAÇOS PARA RESPOSTAS. DURAÇÃO DA PROVA: 3 (TRÊS) HORAS A correção de cada questão será restrita somente ao que estiver registrado no espaço

Leia mais

Física. Setor B. Índice-controle de Estudo. Prof.: Aula 9 (pág. 102) AD TM TC. Aula 10 (pág. 102) AD TM TC. Aula 11 (pág.

Física. Setor B. Índice-controle de Estudo. Prof.: Aula 9 (pág. 102) AD TM TC. Aula 10 (pág. 102) AD TM TC. Aula 11 (pág. Física Setor B Prof.: Índice-controle de Estudo Aula 9 (pág. 102) AD TM TC Aula 10 (pág. 102) AD TM TC Aula 11 (pág. 104) AD TM TC Aula 12 (pág. 106) AD TM TC Aula 13 (pág. 107) AD TM TC Aula 14 (pág.

Leia mais