SIAPEC Sistema de Integração Agropecuária

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SIAPEC Sistema de Integração Agropecuária"

Transcrição

1 SIAPEC Sistema de Integração Agropecuária

2 UM BREVE HISTÓRICO DA SM SOLUÇÕES: Experiência acumulada em 17 anos em desenvolvimento de soluções para gestão da defesa agropecuária; Desenvolveu e implantou o SIAPEC Sistema de Integração Agropecuária em 10 estados brasileiros: BA, SE, PE, RN, PB, PA, RJ, ES, PI e MA; Especializada em Softwares Livres como Linux, Tomcat, Java (.jsp e.jsf), PostgreSQL, Postgis, GeoServer, WebService com CXF; Especializada em integrações via WebService com dispositivos móveis;

3 NOSSOS CLIENTES: Atualmente o SIAPEC Sistema de Integração Agropecuária está instalado em 10 estados do Brasil SIAPEC Outros Sistemas

4 Estrutura Implantada por Estado: (Última Atualização: 20/02/2015) BA PA ES PE SE RN RJ PB PI Mês de Implantação 04/ / / / / / / / /2013 Nº de Usuários Ativos Nº de Usuários do Serviço Oficial Ativos Nº de Usuários Produtores Ativos Nº de Usuários Veterinários não oficiais Ativos Produtores Cadastrados Ativos Propriedades Cadastradas Ativas Nº de Acessos/mês (última campanha de vacinação de aftosa nov/2014) Nº de GTA s Emitidas/mês (mês de referência: out/2014) Declarações de Vacinação/mês (última campanha de vacinação de aftosa nov/2014) Total Acumulado GTA s Emitidas pelo Produtor Total Acumulado GTA s Emitidas pelo Veterinário não oficial Total Acumulado GTA s Emitidas por Dispositivos Móveis Total Acumulado GTA s Emitidas pelo Serviço Oficial Total Acumulado GTA s Emitidas Qtd. Atendimento de Suporte / Mês (mês de referência: nov/2014)

5 CASES DE SUCESSO POR ESTADO: PROJETO: Integração Online com a PGA Emissão da e-gta pelo Produtor e pelo Veterinário não oficial Emissão da e-gta via CNA CARD por unidades móveis pelo produtor Emissão da GTA no POS nos retornos de feira Integração GTA X CAR (Cadastro Ambiental Rural) Controle de Estoque de Vacinas nas Revenda e na Declaração de Vacinação por Nota Fiscal Emissão de GTA pelo Veterinário não oficial em PETSHOP S Controle de EPE s para exportação de animais vivos (Estações de preparo de embarque) Auto Declaração de Vacinação pelo Produtor no site do órgão Controle de Confirmação de Chegada no Destino Controle Integrado de Arrecadação Integração entre os Estados Clientes SIAPEC ESTADOS: BA,PA,ES,PE,SE,RJ,PB,PI,RN BA,PA,ES,PE,SE,RJ,RN BA,PA,RN,ES PE PA RJ,ES,PA RJ PA RJ,ES PA PA,BA,RJ,ES BA,PA,ES,PE,SE,RJ,PB,PI,RN

6 TECNOLOGIA:

7 1) INSTITUCIONAL 2) CONTROLE DE ACESSO 3) CADASTROS GEERAIS 4) FUNDIÁRIO 5) DEFESA ANIMAL 6) DEFESA VEGETAL 7) INSPEÇÃO 8) FISCALIZAÇÃO 9) GEOREFERENCIAMENTO 10) PUBLICAÇÕES 11) ARRECADAÇÃO

8 INSTITUCIONAL: Institucional: Estados Municípios Territórios de Identidade Regionais Unidades Administrativas Parâmetros CONTROLE DE ACESSO: Controle de Acesso: Perfil Página por Perfil Usuários Assinaturas Digitalizadas Geração Mala Direta com Login para Produtores Geração Mala Direta com Login para Veterinários Habilitados Geração Mala Direta com Login para Revendedor de Vacina Autorização Emissão GTA para Produtores Autorização Emissão GTA para Veterinários Habilitados Auditoria Informativos CADASTROS GERAIS: Cadastros Gerais: Espécies de Animais MAPA Outras Espécies de Animais Culturas Produtos Unidades de Medida Padronização de Tonelagem para Culturas Padronização de Tonelagem para Produtos

9 FUNDIÁRIO: Fundiário: Propriedades Produtores Produtores de Outros Estados Propriedades Rurais o Certificadoras SISBOV o Tipos de Monitoramentos o Tipos de Risco o Inativação o Transferência de Titularidade o Transferência de Histórico Propriedades Rurais de Outros Estados Propriedades Urbanas o Tipos de Propriedades Urbanas Explorações Agropecuárias o Explorações Pecuárias Raças Tipos de Hospedagens de Animais o Declaração de Transferência de Animais (DTA) o Explorações Agrícolas Porta Enxertos

10 DEFESA ANIMAL: Controle da População de Animais Evolução do Rebanho Nascimentos Mortes Evolução Automática de Faixa Etária Regularização do Rebanho Regularizações de Ajuste de Saldo Regularizações Reais TIPOS DE EXPLORAÇÕES PECUÁRIAS: Produtiva Subsistência Industrial Companhia / Comercial Espécies : Cadastro : Todas as Espécies - Produtor - Propriedade Rural Todas as Espécies - Produtor - Propriedade Rural ou Propriedade Urbana Aves e Suídeos - Produtor - Propriedade Rural ou Estabelecimento Incubatório Aves, Pássaros, Animais exóticos, Animais de Companhia, Rato de Laboratório, etc. - Produtor - Propriedade Rural, Propriedade Urbana ou Estabelecimento de animais vivos

11 DEFESA ANIMAL: Vacinação Estoque de Vacinas Revendedoras de Vacinas Entidades Autorizadas a Compras Vacinas Inventário de Vacinas Compras de Vacinas Liberação de Inventário e Compras de Vacinas Vendas de Vacinas Vacinas Cedidas Campanhas de Vacinação Abertura de Campanhas o Doenças e Espécies de Animais Susceptíveis Declarações de Vacinação o Veterinários o Agentes de Saúde Agropecuária o Laboratórios Termo de Isenção de Vacinação para Brucelose Controle de Comparecimento Fechamento de Campanhas Autorização de Vacinação Fora do Prazo

12 DEFESA ANIMAL: Trânsito: Documentos de Trânsito Distribuição de Formulários de GTA para emissão Blocada o Séries o Distribuição por Regional o Distribuição por Unidade Administrativo o Distribuição para Veterinários Não Oficiais Autorizados o Cancelamento Emissão da Guia de Trânsito de Animais (e-gta) o Entidades Promotoras de Eventos Agropecuários o Estabelecimentos de Eventos Agropecuários o Tipos de Eventos de Esporte o Eventos Agropecuários o Funcionários Autorizados para Emissão o Finalidades de Trânsito o Estabelecimentos de Venda de Animais Vivos o Estabelecimentos Incubatórios de Aves o Motivos de Cancelamento o Exigências de Atestados de Exames por Estado de Destino o Exigências de Atestados de Exames por Município de Destino Emissão da Guia de Trânsito de Animais de Continuidade Entrada de Animais Oriundos de Outros Estados Controles de Trânsito Bloqueios Judiciais Quarentenas de AFTOSA na Origem Quarentenas de AFTOSA no Destino Confirmação de Chegada de Animais Confirmação de Chegada de Aves (Sistema de Integração) Confirmação de Chegada de Suídeos (Sistema de Integração)

13 VIGILÂNCIA SANITÁRIA: Vigilância Ativa Áreas de Risco Tipos de Risco Áreas de Monitoramento Tipos de Monitoramento Exames Ficha de Controle de Morcegos Hematófagos Furnas Abrigos de Morcegos Vigilância Passiva Ficha Epidemiológica Mensal Informe Mensal de Anemia Infecciosa Equina - Testes Informe Mensal de Mormo - Ocorrências Informe Mensal de Mormo - Testes Informe Mensal de Mormo - Ocorrências Informe Mensal de Sanidade Avícola - Ocorrências Informe Mensal de Sanidade Avícola - Vacinação Informe Mensal de Brucelose - Ocorrências Informe Mensal de Brucelose - Testes Informe Mensal de Tuberculose - Ocorrências Informe Mensal de Tuberculose - Testes Informe Mensal de Raiva - Ocorrências Informe Mensal de Raiva - Vacinações Informe Mensal de Raiva - Atendimentos FORM-IN Cronologia do Foco Resenhas FORM-COM

14 DEFESA VEGETAL: Trânsito: Documentos de Trânsito Distribuição de Formulários o Talões de Emissão de Certificados Fitossanitários de Origem (CFO) o Talões de Emissão de Certificados Fitossanitários de Origem Consolidados (CFOC) o Talões de Emissão de Permissões de Trânsito de Vegetais (PTV) Emissão do Certificados Fitossanitários de Origem (CFO) o Engenheiros Agrônomos o Unidades Produtivas Emissão do Certificados Fitossanitários de Origem Consolidado (CFOC) o Unidades de Consolidação o Formação de Lotes Emissão da Permissão de Trânsito de Vegetais (PTV) Emissão da Permissão de Trânsito Interno de Vegetais (PTIV) Emissão da Guia de Trânsito de Vegetais (GTV) Vigilância Sanitária Áreas de Risco o Tipos de Risco Áreas de Monitoramento o Tipos de Monitoramento Fiscalizações Fitossanitárias a Propriedades

15 INSPEÇÃO: Inspeção Agropecuária: Registro de Estabelecimentos e Produtos Estabelecimentos Atividades Categorias Classes Exames Laboratoriais Controle de Abate Alterações Macroscópicas Destinos de Condenações Controle de Produção Controle de Recebimento de Leite

16 FISCALIZAÇÃO: Fiscalização Agropecuária: Fiscalização nos Postos de Fiscalização Movimentação Diária Ocorrências

17 GEOREFERENCIAMENTO: Georeferenciamento: Institucional Unidades Operacionais Defesa Animal Propriedades por Espécie Animal Estabelecimentos Eventos Agropecuários Furnas Áreas de Risco Áreas de Monitoramento Simulações de Áreas de Emergência Defesa Vegetal Propriedades por Cultura Unidades Produtivas Talhões Inspeção Estabelecimentos

18 PUBLICAÇÕES: Defesa Animal Legislação Materiais Técnicos Educação Sanitária Defesa Vegetal Legislação Materiais Técnicos Educação Sanitária Defesa Inspeção Legislação Materiais Técnicos Educação Sanitária

19 ARRECADAÇÃO: EMISSÃO DOS DOCUMENTOS DE ARRECADAÇÃO ESTADUAL Taxas de Poder de Polícia e Serviços em Geral Indexadores Monetários Taxas de Poder de Polícia e Serviços em Geral por Espécie Espécies de Animais Taxas de Poder de Polícia e Serviços em Geral por Estratificação Taxas de Poder de Polícia e Serviços em Geral por Finalidade Documento de Arrecadação Pré-Pago SIAPEC Produtor - GTA Documento de Arrecadação Pré-Pago SIAPEC Veterinário Habilitado - GTA Consulta Documentos de Arrecadação BAIXA DOS DOCUMENTOS DE ARRECADAÇÃO ESTADUAL Baixa Documento de Arrecadação Manual - GTA Baixa Documento de Arrecadação Manual - PTV Baixa Documento de Arrecadação Manual - PTIV Baixa Documento de Arrecadação Manual - GTV Baixa Documento de Arrecadação Manual - Documentos em Geral Conciliação Bancária

20 SIAPEC Sistema de Integração Agropecuária

PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DE DOCUMENTOS DO IDAF (ATIVIDADES - FIM)

PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DE DOCUMENTOS DO IDAF (ATIVIDADES - FIM) PLANO DE CLASSIFICAÇÃO DE DOCUMENTOS DO IDAF (ATIVIDADES - FIM) CÓDIGO FUNÇÃO 100 GESTÃO DA POLÍTICA DE DEFESA AGROPECUÁRIA E FLORESTAL DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO ATIVIDADE 101 PLANEJAMENTO E NORMATIZAÇÃO

Leia mais

MANUAL SANIAGRO WEB PERFIL ESCRITÓRIO

MANUAL SANIAGRO WEB PERFIL ESCRITÓRIO MANUAL SANIAGRO WEB PERFIL ESCRITÓRIO OUTUBRO / 2015 Sumário 1. Como acessar o Sistema Login... 4 1.1. Efetuando o Login... 4 2. Conhecendo as funções do Perfil Escritório... 5 2.1. Produtor... 6 2.2.

Leia mais

EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS PARA O INGRESSO DE ANIMAIS EM EVENTOS PECUÁRIOS NO ESTADO DA BAHIA ATUALIZADO EM 15/07/2014

EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS PARA O INGRESSO DE ANIMAIS EM EVENTOS PECUÁRIOS NO ESTADO DA BAHIA ATUALIZADO EM 15/07/2014 EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS PARA O INGRESSO DE ANIMAIS EM EVENTOS PECUÁRIOS NO ESTADO DA BAHIA ATUALIZADO EM 15/07/2014 De acordo com a portaria do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento n.º 162/94,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 54, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2007

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 54, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2007 ANEXO I NORMA TÉCNICA PARA A UTILIZAÇÃO DA PERMISSÃO DE TRÂNSITO DE VEGETAIS - PTV CAPÍTULO I DA UTILIZAÇÃO DA PTV Seção I Da Exigência e do Uso da PTV Art. 1 o A Permissão de Trânsito de Vegetais - PTV

Leia mais

LEGISLAÇÃO EM SANIDADE

LEGISLAÇÃO EM SANIDADE Claudio Regis Depes 1983 Médico Veterinário Unesp (Jaboticabal) 2003 Especialização em Saúde Pública Veterinária Unesp (Botucatu) Trabalha na Coordenadoria de Defesa Agropecuária em Assis Gerente do Programa

Leia mais

PLATAFORMA DE GESTÃO AGROPECUÁRIA ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CNA/MAPA

PLATAFORMA DE GESTÃO AGROPECUÁRIA ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CNA/MAPA PLATAFORMA DE GESTÃO ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CNA/MAPA Histórico 1997 - U E publica Council Regulation CE 820/97 Inicio da Rastreabilidade para os membros do bloco e para países exportadores para o

Leia mais

PLATAFORMA DE GESTÃO AGROPECUÁRIA ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CNA/MAPA

PLATAFORMA DE GESTÃO AGROPECUÁRIA ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CNA/MAPA PLATAFORMA DE GESTÃO ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CNA/MAPA Histórico 2009/novembro Governo edita lei 12.097 que dispões sobre a rastreabilidade bovídea no Brasil: - Marca a Fogo - Guia de Transito Animal

Leia mais

Plataforma de Gestão Agropecuária PGA

Plataforma de Gestão Agropecuária PGA Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil Plataforma de Gestão Agropecuária PGA Maio de 2013 Histórico 2007/novembro - DG-SANCO/UE restringe as importações de carne bovina do Brasil e determina:

Leia mais

AQUICULTURA. Curso Sanidade em Aqüicultura. CRMVSP, 25 de maio de 2012

AQUICULTURA. Curso Sanidade em Aqüicultura. CRMVSP, 25 de maio de 2012 LEGISLAÇÃO SANITÁRIA EM AQUICULTURA Curso Sanidade em Aqüicultura CRMVSP, 25 de maio de 2012 CONCEITOS - A saúde é um direito de todos e dever do Estado (Constituição Federal); - Ações indelegáveis de

Leia mais

Responsabilidades Secretaria de Defesa Agropecuária

Responsabilidades Secretaria de Defesa Agropecuária Responsabilidades Secretaria de Defesa Agropecuária Prevenção, controle e erradicação de doenças e pragas animais e vegetais de interesse econômico e de importância para a saúde pública. Assegurar a sanidade,

Leia mais

CAPÍTULO I Seção I Da Exigência e do Uso da PTV

CAPÍTULO I Seção I Da Exigência e do Uso da PTV INSTRUÇÃO NORMATIVA N o 37, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2006 (Revogada pela IN 54, de 04/Dez/2007) O MINISTRO DE ESTADO, INTERINO, DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso da atribuição que lhe confere

Leia mais

CARTILHA GEDAVE. Gestão de Defesa Animal e Vegetal. Versão 1.0 DEZ/12. Do Usuário Externo. Guia Genérico para todos os tipos de Usuário Externo

CARTILHA GEDAVE. Gestão de Defesa Animal e Vegetal. Versão 1.0 DEZ/12. Do Usuário Externo. Guia Genérico para todos os tipos de Usuário Externo CARTILHA Versão 1.0 DEZ/12 Do Usuário Externo Guia Genérico para todos os tipos de Usuário Externo Gestão de Defesa Animal e Vegetal ATENÇÃO! Para ir diretamente ao item desejado aperte a tecla Ctrl do

Leia mais

Sistema de Defesa Agropecuária - Instruções para Impressão de e-gta para Equinos (Produtor Rural)

Sistema de Defesa Agropecuária - Instruções para Impressão de e-gta para Equinos (Produtor Rural) Instruções para Impressão de e-gta para Equinos (Produtor Rural) A Tabela 1 apresenta os tipos de lançamentos e finalidades de movimentações disponíveis para os produtores/possuidores de eqüídeos. Espécie

Leia mais

Rastreabilidade bovina: do campo ao prato - uma ferramenta a serviço da segurança alimentar Taulni Francisco Santos da Rosa (Chico)

Rastreabilidade bovina: do campo ao prato - uma ferramenta a serviço da segurança alimentar Taulni Francisco Santos da Rosa (Chico) Rastreabilidade bovina: do campo ao prato - uma ferramenta a serviço da segurança alimentar Taulni Francisco Santos da Rosa (Chico) Coordenador Agricultural Services SGS do Brasil Ltda. O que é Rastreabilidade?

Leia mais

Proposta Comercial. Projeto PRO-SUI. Cliente: CIDASC

Proposta Comercial. Projeto PRO-SUI. Cliente: CIDASC Projeto PRO-SUI Cliente: CIDASC 1. Introdução Este documento apresenta as características para a construção do sistema para o projeto PRO- SUI. O público ao qual este documento se destina abrange os interessados

Leia mais

Plataforma de Gestão Agropecuária (PGA)

Plataforma de Gestão Agropecuária (PGA) II Encontro Nacional de Defesa Sanitária Animal Plataforma de Gestão Agropecuária (PGA) José Luis Ravagnani Vargas Médico Veterinário Fiscal Federal Agropecuário São Paulo, 06 de Outubro de 2011 Era da

Leia mais

GEDAVE Sistema de Gestão de Defesa Animal e Vegetal. Manual da Revenda de Produtos Veterinários

GEDAVE Sistema de Gestão de Defesa Animal e Vegetal. Manual da Revenda de Produtos Veterinários GEDAVE Sistema de Gestão de Defesa Animal e Vegetal Manual da Revenda de Produtos Veterinários Versão 1.0 25/02/2013 P á g i n a 1 Considerações iniciais Com a publicação da Resolução SAA nº 79, de 10/12/2012

Leia mais

Orientações para emissão da Guia de Transporte Animal GTA

Orientações para emissão da Guia de Transporte Animal GTA Orientações para emissão da Guia de Transporte Animal GTA O Ministério da Agricultura regulamenta o transporte de animais dentro do Brasil (GTA) e também para fora do pais (CZI). 1 PARA NÃO PERDER TEMPO:

Leia mais

SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DEPARTAMENTO DE SAÚDE ANIMAL COORDENAÇÃO GERAL DE COMBATE ÀS DOENÇAS COORDENAÇÃO DA RAIVA DOS HERBÍVOROS E DAS EETS

SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DEPARTAMENTO DE SAÚDE ANIMAL COORDENAÇÃO GERAL DE COMBATE ÀS DOENÇAS COORDENAÇÃO DA RAIVA DOS HERBÍVOROS E DAS EETS SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DEPARTAMENTO DE SAÚDE ANIMAL COORDENAÇÃO GERAL DE COMBATE ÀS DOENÇAS COORDENAÇÃO DA RAIVA DOS HERBÍVOROS E DAS EETS PROGRAMA NACIONAL DE CONTROLE DA RAIVA DOS HERBIVOROS

Leia mais

Análise da vigilância para Peste Suína Clássica (PSC) na zona livre

Análise da vigilância para Peste Suína Clássica (PSC) na zona livre Análise da vigilância para Peste Suína Clássica (PSC) na zona livre Feira de Santana, 05 de maio de 2015 FFA Abel Ricieri Guareschi Neto Serviço de Saúde Animal Superintendência MAPA no PR Amparo legal

Leia mais

DETALHAMENTO DAS DIRETRIZES PARA IMPLEMENTAÇÃO DA RASTREABILIDADE NA CARNE DE EQUÍEOS PRODUZIDA EM ESTABELECIMENTO SOB INSPEÇÃO FEDERAL

DETALHAMENTO DAS DIRETRIZES PARA IMPLEMENTAÇÃO DA RASTREABILIDADE NA CARNE DE EQUÍEOS PRODUZIDA EM ESTABELECIMENTO SOB INSPEÇÃO FEDERAL DETALHAMENTO DAS DIRETRIZES PARA IMPLEMENTAÇÃO DA RASTREABILIDADE NA CARNE DE EQUÍEOS PRODUZIDA EM ESTABELECIMENTO SOB INSPEÇÃO FEDERAL 1. FORNECEDORES DE EQÜÍDEOS PARA ABATE 1.1. Aos fornecedores de eqüídeos

Leia mais

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 87, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2004

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 87, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2004 MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 87, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2004 O SECRETÁRIO DE DEFESA AGROPECUÁRIA, DO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA,

Leia mais

DIAGNÓSTICO DA FISCALIZAÇÃO DE USO E COMÉRCIO DE AGROTÓXICOS NO BRASIL

DIAGNÓSTICO DA FISCALIZAÇÃO DE USO E COMÉRCIO DE AGROTÓXICOS NO BRASIL CGAA/DFIA/SDA/MAPA DIAGNÓSTICO DA FISCALIZAÇÃO DE USO E COMÉRCIO DE AGROTÓXICOS NO BRASIL Luís Eduardo Pacifici Rangel Coordenador Geral de Agrotóxicos e Afins odilson.silva@agricultura.gov.br Objetivos

Leia mais

1 PASSO Acesse o link: http://www.siapec.emdagro.se.gov.br/siapecest/. Abrirá a tela de login a seguir:

1 PASSO Acesse o link: http://www.siapec.emdagro.se.gov.br/siapecest/. Abrirá a tela de login a seguir: MANUAL DE EMISSÃO DE e-gta PELO PRODUTOR Caro Produtor, para acessar o SIAPEC primeiro é necessário que você tenha o Nº do seu CPF e uma senha cadastrada no sistema. O cadastro é feito pelo órgão de defesa.

Leia mais

ASPECTOS LEGAIS DA PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E FISCALIZAÇÃO DE SEMENTES E MUDAS

ASPECTOS LEGAIS DA PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E FISCALIZAÇÃO DE SEMENTES E MUDAS ASPECTOS LEGAIS DA PRODUÇÃO, COMERCIALIZAÇÃO E FISCALIZAÇÃO DE SEMENTES E MUDAS CURSO SOBRE PROTEÇÃO E REGISTRO DE CULTIVARES 27 A 28 DE MAIO 2010 LONDRINA-PR SAMIRA OMAR MOHAMAD EL TASSA COLODEL FISCAL

Leia mais

IV - somente tiverem registro de importação em data anterior a 12 de agosto de 1997.

IV - somente tiverem registro de importação em data anterior a 12 de agosto de 1997. MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO GABINETE DO MINISTRO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 6, DE 16 DE MAIO DE 2005 O MINISTRO DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso da atribuição

Leia mais

Programa Estadual de Controle e Erradicação da Tuberculose e Brucelose Bovídea - PROCETUBE

Programa Estadual de Controle e Erradicação da Tuberculose e Brucelose Bovídea - PROCETUBE Estado do Rio Grande do Sul Secretaria da Agricultura, Pecuária e Agronegócio Departamento de Defesa Agropecuária Divisão de Defesa Sanitária Animal Programa Estadual de Controle e Erradicação da Tuberculose

Leia mais

MANUAL PRODUTOR Outubro / 2015

MANUAL PRODUTOR Outubro / 2015 MANUAL DO PRODUTOR Outubro / 2015 0 SUMÁRIO 1 - PRIMEIRO ACESSO... 3 2 - COMO ACESSAR O SISTEMA - LOGIN... 3 2.1 - EFETUANDO O LOGIN... 4 2.2 - LEMBRANDO A SENHA... 6 3 - EMITIR GTA ELETRÔNICA (E-GTA)...

Leia mais

Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos

Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos Cartilha do novo Serviço de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos SISBOV Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil COORDENAÇÃO:

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 042 de 07/04/2009

RESOLUÇÃO Nº 042 de 07/04/2009 RESOLUÇÃO Nº 042 de 07/04/2009 O SECRETÁRIO DE ESTADO DA AGRICULTURA E DO ABASTECIMENTO DO PARANÁ, no uso das atribuições que lhe conferem o art. 45, XIV, da Lei nº 8.485 de 03 de junho de 1.987; art.

Leia mais

MANUAL DA REVENDA Agosto / 2013 1

MANUAL DA REVENDA Agosto / 2013 1 MANUAL DA REVENDA Agosto / 2013 1 Sumário Introdução...3 1.Cadastro...4 2.Revenda...4 2.1. Venda de vacinas...5 2.1.1 Venda intraestadual...5 2.1.2 Venda interestadual...7 3. Consulta e Cancelamento...8

Leia mais

5º A emissão de CFOC se dará quando da certificação em unidade centralizadora.

5º A emissão de CFOC se dará quando da certificação em unidade centralizadora. MINISTÉRIO DA AGRICULTURA E DO ABASTECIMENTO SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 6, DE 13 DE MARÇO DE 2000 Revogado(a) pelo(a) Instrução Normativa nº 38/2006/MAPA O SECRETÁRIO DE DEFESA

Leia mais

MANUAL DE RASTREABILIDADE

MANUAL DE RASTREABILIDADE MANUAL DE RASTREABILIDADE A.P.C.B.R.H/RASTRECERT CNPJ: 76.607.597/0001-07 Inscrição Estadual: 101.15739-39 Endereço: Rua Professor Francisco Dranka, nº 608 Bairro Orleans - CEP: 81200-560 Curitiba-Paraná

Leia mais

Instrução de Serviço_12_22_04_2002 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento :: SISLEGIS

Instrução de Serviço_12_22_04_2002 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento :: SISLEGIS Instrução de Serviço_12_22_04_2002 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento :: SISLEGIS Senado Federal ANVISA Banco Central Sec. do Tesouro Nacional IBAMA Palácio do Planalto Instrução de Serviço

Leia mais

SITUAÇÃO ATUAL DA LEGISLAÇÃO DE BATATA SEMENTE

SITUAÇÃO ATUAL DA LEGISLAÇÃO DE BATATA SEMENTE SITUAÇÃO ATUAL DA LEGISLAÇÃO DE BATATA SEMENTE V SEMINÁRIO BRASILEIRO DA BATATA 21 DE OUTUBRO 2010 UBERLÂNDIA - MG SAMIRA OMAR MOHAMAD EL TASSA FISCAL FEDERAL AGROPECUÁRIO SERVIÇO DE FISCALIZAÇÃO DE INSUMOS

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE LEI N. 1.963, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2007 Dispõe sobre a Defesa Sanitária Vegetal no Estado do Acre. O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que a Assembléia Legislativa do Estado do Acre

Leia mais

MANUAL PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO DE ORIGEM CONSOLIDADO (CFOC) ELETRÔNICO

MANUAL PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO DE ORIGEM CONSOLIDADO (CFOC) ELETRÔNICO MANUAL PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO DE ORIGEM CONSOLIDADO (CFOC) ELETRÔNICO 1 INTRODUÇÃO Desde 2013 a ADAPAR tem realizado testes para a disponibilização da emissão do Certificado Fitossanitário

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. TEMÁRIO: 1 Portaria nº. 322, de 2 de setembro de 2014 Publicação: D.O.U. do dia 03/09/14 - Seção 1. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PORTARIA Nº 322,

Leia mais

"Se quer paz, prepara-se para guerra. Med. Vet. GUILHERME H. F. MARQUES, MSc Fiscal Federal Agropecuário. rio Departamento de Saúde Animal, Diretor

Se quer paz, prepara-se para guerra. Med. Vet. GUILHERME H. F. MARQUES, MSc Fiscal Federal Agropecuário. rio Departamento de Saúde Animal, Diretor "Se quer paz, prepara-se para guerra Med. Vet. GUILHERME H. F. MARQUES, MSc Fiscal Federal Agropecuário rio Departamento de Saúde Animal, Diretor 8.514.876 km 2 202.828.531 habitantes 27 Unidades da Federação

Leia mais

SISTEMA BRASILEIRO DE IDENTIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE ORIGEM

SISTEMA BRASILEIRO DE IDENTIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE ORIGEM SISTEMA BRASILEIRO DE IDENTIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE ORIGEM Luiz Carlos de Oliveira Secretário de Defesa Agropecuária Ministério Da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Instrução normativa n o 21 de

Leia mais

COMISSÃO TÉCNICA Workshop de Rastreabilidade Maio 2013 DRAFT

COMISSÃO TÉCNICA Workshop de Rastreabilidade Maio 2013 DRAFT COMISSÃO TÉCNICA Workshop de Rastreabilidade Maio 2013 DRAFT GTPS Comissão Técnica workshops Rastreabilidade Pastagens Administração e Gestão Financeira Genética e Reprodução / Sanidade Nutrição / Bem

Leia mais

MANUAL DE PREENCHIMENTO PARA EMISSÃO DE GUIA DE TRÂNSITO ANIMAL DE ABELHAS, BICHO- DA-SEDA E OUTROS INVERTEBRADOS TERRESTRES

MANUAL DE PREENCHIMENTO PARA EMISSÃO DE GUIA DE TRÂNSITO ANIMAL DE ABELHAS, BICHO- DA-SEDA E OUTROS INVERTEBRADOS TERRESTRES MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA SDA DEPARTAMENTO DE SAÚDE ANIMAL DSA COORDENAÇÃO DE TRÃNSITO E QUARENTENA ANIMAL CTQA MANUAL DE PREENCHIMENTO PARA

Leia mais

EXIGÊNCIAS PARA TRÂNSITO DE ANIMAIS MATO GROSSO DO SUL - 2004

EXIGÊNCIAS PARA TRÂNSITO DE ANIMAIS MATO GROSSO DO SUL - 2004 1. ANIMAIS AQUÁTICOS (PEIXES, MOLUSCOS E CRUSTÁCEOS EM QUALQUER FASE DE DESENVOLVIMENTO: ALEVINOS, ISCAS, LARVAS, ETC) Trânsito de espécies cultivadas (nativas e exóticas) Trânsito de espécies coletadas

Leia mais

Natal/RN maio de 2015. Aos colegas Médicos Veterinários

Natal/RN maio de 2015. Aos colegas Médicos Veterinários SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA VETERINÁRIA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE CRMV/RN Rua Segundo Wanderley nº 668 Barro Vermelho Natal/RN - CEP: 59.030-050 Telefax : (084) 3222-2166

Leia mais

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO DDA 04/03

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO DDA 04/03 INSTRUÇÃO DE SERVIÇO DDA 04/03 Assunto: definição dos formulários, fluxo de informações, testes laboratoriais e outros aspectos, a serem empregados para ingresso no Estado de Santa Catarina de ovinos,

Leia mais

SISPROF SISTEMA DE CONTROLE E MONITORAMENTO DE PRODUTOS FLORESTAIS Histórico

SISPROF SISTEMA DE CONTROLE E MONITORAMENTO DE PRODUTOS FLORESTAIS Histórico Seminário de Informação em Biodiversidade MMA e Instituições Vinculadas Brasília, 14 e 15 de outubro de 2009 SISPROF SISTEMA DE CONTROLE E MONITORAMENTO DE PRODUTOS FLORESTAIS Histórico Implantação em

Leia mais

PORTARIA Nº 038/2008-AGED/MA DE 03 DE MARÇO DE 2008.

PORTARIA Nº 038/2008-AGED/MA DE 03 DE MARÇO DE 2008. ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÀRIA E DESENVOLVIMENTO RURAL AGÊNCIA ESTADUAL DE DEFESA AGROPECUÁRIA DO MARANHÃO PORTARIA Nº 038/2008-AGED/MA DE 03 DE MARÇO DE 2008. O DIRETOR

Leia mais

REESTRUTURA o Sistema de Defesa Sanitária Vegetal no Estado do Amazonas e dá outras providências.

REESTRUTURA o Sistema de Defesa Sanitária Vegetal no Estado do Amazonas e dá outras providências. LEI N.º 3.097, de 27 de Novembro de 2006. REESTRUTURA o Sistema de Defesa Sanitária Vegetal no Estado do Amazonas e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS FAÇO SABER a todos os habitantes

Leia mais

II SEMANA INTEGRADA DE CURSOS CFO/CFOC

II SEMANA INTEGRADA DE CURSOS CFO/CFOC II SEMANA INTEGRADA DE CURSOS CFO/CFOC 29/06/15 A 03/07/15 CENTRO DE DIFUSÃO DE TECNOLOGIA IAPAR LONDRINA-PR CFO/CFOC CURSO PARA HABILITAÇÃO DE RESPONSÁVEIS TÉCNICOS PARA EMISSÃO DE CFO/CFO FDA Juliano

Leia mais

Produção Animal ( Corte e Leite) Gestão econômico-financeira. Controle de estoque. Registro de atividades

Produção Animal ( Corte e Leite) Gestão econômico-financeira. Controle de estoque. Registro de atividades Cadastro de animais completo com controle integrado de genealogia Controle de cadastro de lotes e suas movimentações Produção Animal ( Corte e Leite) Gestão econômico-financeira Avaliação patrimonial;

Leia mais

Passaporte para Trânsito de Cães e. Márcio Henrique Micheletti Coordenação Geral do Vigiagro

Passaporte para Trânsito de Cães e. Márcio Henrique Micheletti Coordenação Geral do Vigiagro Trânsito de Cães e Gatos Márcio Henrique Micheletti Coordenação Geral do Vigiagro Trânsito Internacional de Cães e Gatos A movimentação de passageiros internacionais no Brasil vem crescendo cerca de 10%

Leia mais

AGRIFAM 2014 01 A 03 DE AGOSTO DE 2014

AGRIFAM 2014 01 A 03 DE AGOSTO DE 2014 AGRIFAM 2014 01 A 03 DE AGOSTO DE 2014 REGULAMENTO ANIMAL CAPÍTULO I DA FEIRA E SUAS FINALIDADES Artigo I A AGRIFAM 2014 Feira da Agricultura Familiar e do Trabalhador Rural - será realizada sob o auspício

Leia mais

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Secretaria de Defesa Agropecuária Coordenação Geral da Vigilância Agropecuária - VIGIAGRO

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO Secretaria de Defesa Agropecuária Coordenação Geral da Vigilância Agropecuária - VIGIAGRO Perguntas e Respostas frequentes sobre Viagens Internacionais com Cães e Gatos O que preciso para viajar com meu cão ou gato para fora do Brasil? Para qualquer viagem internacional de cães e gatos, o estado

Leia mais

GTV. Guia de Trânsito Vegetal

GTV. Guia de Trânsito Vegetal GTV Guia de Trânsito Vegetal Secretaria de Defesa Agropecuária Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento Subsecretária de Planejamento Orçamento e Administração CGTI - Coordenação Geral de Tecnologia

Leia mais

Não DADOS DA EMPRESA RAZÃO SOCIAL: ENDEREÇO:

Não DADOS DA EMPRESA RAZÃO SOCIAL: ENDEREÇO: Formulário para renovação de credenciamento para comercialização de vacina contra a febre aftosa no Estado do Rio Grande do Sul (O preenchimento desse formulário deve ser realizado pelo Médico Veterinário

Leia mais

REALIZAÇÃO Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia - IDARON. PERÍODO 05 a 09 de outubro de 2015

REALIZAÇÃO Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia - IDARON. PERÍODO 05 a 09 de outubro de 2015 OBJETIVO Capacitar e habilitar Engenheiros Agrônomos ou Florestais, em suas respectivas áreas de competência profissional, para emissão de Certificado Fitossanitário de Origem (CFO) e Certificado Fitossanitário

Leia mais

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO N.º 014/2007 - GEDSA

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO N.º 014/2007 - GEDSA INSTRUÇÃO DE SERVIÇO N.º 014/2007 - GEDSA Considerando, a importância da avicultura catarinense para a economia do estado; Considerando a necessidade de controle sanitário para evitar a reintrodução da

Leia mais

EXPORTAÇÃO ANIMAIS VIVOS E MATERIAL GENÉTICO DE EQUINOS

EXPORTAÇÃO ANIMAIS VIVOS E MATERIAL GENÉTICO DE EQUINOS EXPORTAÇÃO ANIMAIS VIVOS E MATERIAL GENÉTICO DE EQUINOS PROCEDIMENTOS TÉCNICOS 1) Abertura de quarentena (quando for o caso e respeitando as exigências impostas pelo país importador) - FFA da UF de egresso

Leia mais

EXIGÊNCIAS GERAIS E DOCUMENTAÇÃO BÁSICA NECESSÁRIA PARA EMISSÃO DE CZI

EXIGÊNCIAS GERAIS E DOCUMENTAÇÃO BÁSICA NECESSÁRIA PARA EMISSÃO DE CZI EXIGÊNCIAS GERAIS E DOCUMENTAÇÃO BÁSICA NECESSÁRIA PARA EMISSÃO DE CZI Atenção!!! Para a emissão do CZI é necessária a apresentação dos documentos sempre em vias originais, acompanhados de uma fotocópia

Leia mais

Programa de Vigilância Epidemiológica - GEDSA Florianópolis, 14 de janeiro de 2014. Versão 3.0

Programa de Vigilância Epidemiológica - GEDSA Florianópolis, 14 de janeiro de 2014. Versão 3.0 Manual de Instruções Gerais para o Uso do Novo FORM-IN e demais Formulários Complementares de Atendimento a Suspeitas ou Focos de Doenças Animais. (versão revisada MAPA nov/2013) Programa de Vigilância

Leia mais

Sistema de Informações Gerenciais do GPNCEBT-PA

Sistema de Informações Gerenciais do GPNCEBT-PA Sistema de Informações Gerenciais do GPNCEBT-PA Versão 1.0 Desenvolvedor: João Victor Almeida E-mail: jvta2004@yahoo.com.br (91) 9 8948-8509 MANUAL DO SISTEMA DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS DO GPNCEBT-PA [MÓDULOS:

Leia mais

Por dentro do Fisco On-line. São Paulo 12/02/2009

Por dentro do Fisco On-line. São Paulo 12/02/2009 Por dentro do Fisco On-line São Paulo 12/02/2009 Situação Atual Base 31/12/08 15.800 empresas emitindo NF-e, atingindo, em média, 35% da arrecadação das UF); 70 milhões NF-e autorizadas: Média 700.000

Leia mais

SISTEMA DE PRODUÇÃO DE CARNE ORGÂNICA: A RASTREABILIDADE COMO FERRAMENTA PARA A CERTIFICAÇÃO.

SISTEMA DE PRODUÇÃO DE CARNE ORGÂNICA: A RASTREABILIDADE COMO FERRAMENTA PARA A CERTIFICAÇÃO. SISTEMA DE PRODUÇÃO DE CARNE ORGÂNICA: A RASTREABILIDADE COMO FERRAMENTA PARA A CERTIFICAÇÃO. Valmir L. Rodrigues Médico Veterinário/Biorastro Hoje, mais que antigamente, o consumidor busca serviços de

Leia mais

ANEXO I CAPÍTULO I DO CONTROLE, USO E EXIGÊNCIAS DO CFO E DO CFOC

ANEXO I CAPÍTULO I DO CONTROLE, USO E EXIGÊNCIAS DO CFO E DO CFOC ANEXO I REGULAMENTO TÉCNICO PARA DISCIPLINAR A UTILIZAÇÃO DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO DE ORIGEM - CFO E O CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO DE ORIGEM CONSOLIDADO - CFOC CAPÍTULO I DO CONTROLE, USO E EXIGÊNCIAS

Leia mais

Cliente: Processos. Nº 02ª Parte Configuração Geral Menu Data Responsável 01 Configuração do Sistema Todas as Máquinas:

Cliente: Processos. Nº 02ª Parte Configuração Geral Menu Data Responsável 01 Configuração do Sistema Todas as Máquinas: SisGEF FÁBRICA COMERCIAL Roteiro de Implantação Cliente: Data Início: Nº 01ª Parte Dados Gerais, Segurança e Outros Menu Data Responsável 01 Instalação do Sistema PCM Sistemas 02 Cadastro e Identificação

Leia mais

CAPÍTULO IV DAS EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS E ASSISTÊNCIA VETERINÁRIA

CAPÍTULO IV DAS EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS E ASSISTÊNCIA VETERINÁRIA CAPÍTULO IV DAS EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS E ASSISTÊNCIA VETERINÁRIA Art. 18º - Durante o evento o Serviço de Defesa Sanitária e Assistência Veterinária ficará a cargo da Comissão Sanitária Animal, a ser designada

Leia mais

Art. 3º Esta Instrução Normativa entra em vigor na data de sua publicação.

Art. 3º Esta Instrução Normativa entra em vigor na data de sua publicação. MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO GABINETE DO MINISTRO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 55, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2007 O MINISTRO DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso da atribuição

Leia mais

SISTEMA SIDAGO 2.0 Manual de Procedimentos

SISTEMA SIDAGO 2.0 Manual de Procedimentos SISTEMA SIDAGO 2.0 Manual de Procedimentos -AGRODEFESA NTI- Sumário SUMÁRIO... 2 1. SISTEMA DE DEFESA AGROPECUÁRIA DE GOIÁS (SIDAGO)... 4 1.1. ENDEREÇO DE ACESSO... 4 1.2. LOGIN... 4 1.3. PADRÕES SIDAGO...

Leia mais

Procedimento Operacional para Cadastro de Casas Veterinárias e controle da venda de aves vivas e vacinas avícolas nestes estabelecimentos.

Procedimento Operacional para Cadastro de Casas Veterinárias e controle da venda de aves vivas e vacinas avícolas nestes estabelecimentos. Elaboração: Data: 17/11/2008 Aprovação: Data: 18/11/2008 Responsável: Diego Marcel Alfaro Responsável: Hernani Melanda 1) Controle A Cadastro de Empresas classificadas como Casas s B Cadastro de Médico

Leia mais

EXPOSIÇÃO AGROPECUÁRIA E INDUSTRIAL DE LONDRINA DE 09 A 19 DE ABRIL 2015

EXPOSIÇÃO AGROPECUÁRIA E INDUSTRIAL DE LONDRINA DE 09 A 19 DE ABRIL 2015 EXPOSIÇÃO AGROPECUÁRIA E INDUSTRIAL DE LONDRINA DE 09 A 19 DE ABRIL 2015 EXIGÊNCIAS SANITÁRIAS DO SETOR ANIMAL DA DEFESA SANITÁRIA ANIMAL Art. 13 RECEBIMENTO Para ingressar no Evento Agropecuário, todos

Leia mais

VI FIAM FEIRA INTERNACIONAL DA AMAZÔNIA 26 A 29/10/2011 A AMAZÔNIA E SUAS FRONTEIRAS NO CONTEXTO DA INTEGRAÇÃO REGIONAL E DO COMÉRCIO EXTERIOR

VI FIAM FEIRA INTERNACIONAL DA AMAZÔNIA 26 A 29/10/2011 A AMAZÔNIA E SUAS FRONTEIRAS NO CONTEXTO DA INTEGRAÇÃO REGIONAL E DO COMÉRCIO EXTERIOR VI FIAM FEIRA INTERNACIONAL DA AMAZÔNIA 26 A 29/10/2011 A AMAZÔNIA E SUAS FRONTEIRAS NO CONTEXTO DA INTEGRAÇÃO REGIONAL E DO COMÉRCIO EXTERIOR VIGILÂNCIA AGROPECUÁRIA INTERNACIONAL VIGIAGRO SECRETARIA

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO RURAL E DA AGRICULTURA PORTARIA ESTADUAL Nº 015/GABS/SDA DE 27/04/2000

SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO RURAL E DA AGRICULTURA PORTARIA ESTADUAL Nº 015/GABS/SDA DE 27/04/2000 SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO RURAL E DA AGRICULTURA PORTARIA ESTADUAL Nº 015/GABS/SDA DE 27/04/2000 O SECRETÁRIO DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO RURAL E DA AGRICULTURA, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES

Leia mais

Cliente: Processos. Nº 02ª Parte Configuração Geral Menu Data Responsável

Cliente: Processos. Nº 02ª Parte Configuração Geral Menu Data Responsável SisGEF DISTRIBUIDOR DE MEDICAMENTO Roteiro de Implantação Cliente: Data Início: Nº 01ª Parte Dados Gerais, Segurança e Outros Menu Data Responsável 01 Instalação do Sistema e Identificação da Estação PCM

Leia mais

Manual de Integração WS-PGA

Manual de Integração WS-PGA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Defesa Agropecuária Manual de Integração WS-PGA Finalidade Descrição das entidades Métodos e regras disponíveis

Leia mais

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PORTARIA Nº 136, DE 2 DE JUNHO DE 2006.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO. SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PORTARIA Nº 136, DE 2 DE JUNHO DE 2006. Portaria Nº 136, DE 02 DE JUNHO DE 2006 Situação: Vigente Publicado no Diário Oficial da União de 05/06/2006, Seção 1, Página 4 Ementa: Submete à consulta pública, por um prazo de 60 (sessenta) dias, a

Leia mais

OBJETIVO DEFINIÇÕES. Para os efeitos deste Manual, define-se como: I MAPA: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento;

OBJETIVO DEFINIÇÕES. Para os efeitos deste Manual, define-se como: I MAPA: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento; OBJETIVO O sistema SIGVIG instituído pelo MAPA destina-se a atender a necessidade de gerenciamento e controle do recebimento, envio e fiscalização das mercadorias importadas e exportadas através dos portos,

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÃO PARA A PESSOA JURÍDICA INTERESSADA NA COMERCIALIZAÇÃO ANIMAIS SILVESTRES BRASILEIROS

GUIA DE ORIENTAÇÃO PARA A PESSOA JURÍDICA INTERESSADA NA COMERCIALIZAÇÃO ANIMAIS SILVESTRES BRASILEIROS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE INSTITUTO BRASILEIRO DO MEIO AMBIENTE E DOS RECURSOS NATURAIS RENOVÁVEIS CENTRO DE CONSERVAÇÃO E MANEJO DE RÉPTEIS E ANFÍBIOS RAN GUIA DE ORIENTAÇÃO

Leia mais

SEÇÃO VII PRODUTOS VEGETAIS, SEUS SUBPRODUTOS E RESÍDUOS DE VALOR ECONÔMICO, PADRONIZADOS PELO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO

SEÇÃO VII PRODUTOS VEGETAIS, SEUS SUBPRODUTOS E RESÍDUOS DE VALOR ECONÔMICO, PADRONIZADOS PELO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SEÇÃO VII PRODUTOS VEGETAIS, SEUS SUBPRODUTOS E RESÍDUOS DE VALOR ECONÔMICO, PADRONIZADOS PELO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS Os produtos vegetais, seus subprodutos

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE SANIDADE SUÍDEA PNSS

PROGRAMA NACIONAL DE SANIDADE SUÍDEA PNSS PROGRAMA NACIONAL DE SANIDADE SUÍDEA PNSS As atividades do Programa Nacional de Sanidade Suídea (PNSS) têm como objetivo a coordenação, normatização e o suporte das ações de defesa sanitária animal referentes

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 13.467, DE 15 DE JUNHO DE 2010. (publicada no DOE nº 112, de 16 de junho de 2010) Dispõe sobre a adoção de

Leia mais

O Serviço Veterinário Oficial e sua importância na Saúde Animal

O Serviço Veterinário Oficial e sua importância na Saúde Animal O Serviço Veterinário Oficial e sua importância na Saúde Animal Médica Veterinária Rita Dulac Domingues Tópicos da Apresentação 1. Serviço Veterinário Oficial (SVO) 2. Panorama no RS e no BR do SVO 3.

Leia mais

DESCRITIVO DO PLANO ALTERNATIVO DE SERVIÇO Nº 124a

DESCRITIVO DO PLANO ALTERNATIVO DE SERVIÇO Nº 124a DESCRITIVO DO PLANO ALTERNATIVO DE SERVIÇO Nº 124a A. Empresa: Oi (Telemar Norte Leste S.A.) B. Nome do Plano: Plano Alternativo de Serviço n.º 124A Oi Fixo Controle C. Identificação para a Anatel: Plano

Leia mais

A Plataforma VoIP SAU é um sistema de controle bem completo com dois níveis de hierarquia: Administrador e Cliente Final;

A Plataforma VoIP SAU é um sistema de controle bem completo com dois níveis de hierarquia: Administrador e Cliente Final; PLATAFORMA VOIP SAU A Plataforma VoIP SAU é um sistema de controle bem completo com dois níveis de hierarquia: Administrador e Cliente Final; 1. Página Inicial a. Apresenta informações do sistema como:

Leia mais

Índice IMPLEMENTAÇÕES EFETUADAS NO MULTBOVINOS ESTOQUE DE ANIMAIS...2 MÓDULO DE CURRAL...6 MÓDULO SISBOV...10

Índice IMPLEMENTAÇÕES EFETUADAS NO MULTBOVINOS ESTOQUE DE ANIMAIS...2 MÓDULO DE CURRAL...6 MÓDULO SISBOV...10 Goiânia, Novembro de 2009. Prezado Cliente, É com grande satisfação que apresentamos uma lista contendo as implementações realizadas no MULTBOVINOS referentes aos meses de Junho a Novembro de 2009. Índice

Leia mais

O espaço rural brasileiro 7ºano PROF. FRANCO AUGUSTO

O espaço rural brasileiro 7ºano PROF. FRANCO AUGUSTO O espaço rural brasileiro 7ºano PROF. FRANCO AUGUSTO Agropecuária É o termo utilizado para designar as atividades da agricultura e da pecuária A agropecuária é uma das atividades mais antigas econômicas

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. TEMÁRIO: 1 Portaria nº. 313, de 29 de agosto de 2014 Publicação: D.O.U. do dia 01/09/14 - Seção 1. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. SECRETARIA DE DEFESA AGROPECUÁRIA PORTARIA Nº 313,

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil Coordenação: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) Colaboração: Confederação da

Leia mais

Precision. A sua Solução de Gestão Empresarial. Características do Sistema: Principais Recursos:

Precision. A sua Solução de Gestão Empresarial. Características do Sistema: Principais Recursos: A sua Solução de Gestão Empresarial O Precision é a solução de Gestão Empresarial de baixo custo que a Maggiore Sistemas disponibiliza para pequenas e médias empresas. Desenvolvido e comercializado em

Leia mais

ASSUNTO: Comercialização e utilização de vacina contra a brucelose.

ASSUNTO: Comercialização e utilização de vacina contra a brucelose. INSTRUÇÃO DE SERVIÇO DDA Nº 21 / 01 Serviço Público Federal Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Defesa Agropecuária DEPARTAMENTO DE DEFESA ANIMAL ASSUNTO: Comercialização

Leia mais

FORM-IN - FORMULÁRIO DE INVESTIGAÇÃO DE DOENÇAS (INICIAL) Versão:jun/03

FORM-IN - FORMULÁRIO DE INVESTIGAÇÃO DE DOENÇAS (INICIAL) Versão:jun/03 FORM-IN - FORMULÁRIO DE INVESTIGAÇÃO DE DOENÇAS (INICIAL) Versão:jun/03 N.º FORM-IN N.º estadual do foco N.º nacional do foco Ano U.F. Página: 1 de 5 Se for o caso, assinalar na lacuna à direita o número

Leia mais

I N F O R M E A P P S. DATA: 04/04/2006 N o.: 441/06 ANEXO I

I N F O R M E A P P S. DATA: 04/04/2006 N o.: 441/06 ANEXO I ANEXO I REGULAMENTO TÉCNICO PARA DISCIPLINAR A UTILIZAÇÃO DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO E DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO DE REEXPORTAÇÃO CAPÍTULO I DA DISPONIBILIZAÇÃO DO CERTIFICADO FITOSSANITÁRIO E CERTIFICADO

Leia mais

Programa Nacional de Sanidade Suídea. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Programa Nacional de Sanidade Suídea. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Programa Nacional de Sanidade Suídea Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. 1º Curso de Epidemiologia Aplicada Rio de Janeiro, 16 a 27 de março de 2008. BASE LEGAL ATO ADMINISTRATIVO DE 05

Leia mais

Sanidade animal e seus impactos na inocuidade dos alimentos

Sanidade animal e seus impactos na inocuidade dos alimentos Sanidade animal e seus impactos na inocuidade dos alimentos Prof. Luís Augusto Nero Departamento de Veterinária, Universidade Federal de Viçosa Tópicos Brasil: produtor e exportador Cadeias de produção

Leia mais

Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos

Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos Cartilha do novo Serviço de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos SISBOV Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil Coordenação:

Leia mais

DIPOA. Origem Animal. José Luis Ravagnani Vargas

DIPOA. Origem Animal. José Luis Ravagnani Vargas DIPOA Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal José Luis Ravagnani Vargas SIF (Competências) Fiscalização de estabelecimentos produtores de produtos de origem animal Exemplo: Matadouros frigoríficos,

Leia mais

MÓDULO DE AVALIAÇÃO DO RETORNO DE INVESTIMENTO EM SISTEMA DE ANIMAL. Eduardo Ehlert Orientador: Mauro Marcelo Mattos

MÓDULO DE AVALIAÇÃO DO RETORNO DE INVESTIMENTO EM SISTEMA DE ANIMAL. Eduardo Ehlert Orientador: Mauro Marcelo Mattos MÓDULO DE AVALIAÇÃO DO RETORNO DE INVESTIMENTO EM SISTEMA DE RASTREABILIDADE ANIMAL Eduardo Ehlert Orientador: Mauro Marcelo Mattos Roteiro Introdução Objetivos Fundamentação teórica Desenvolvimento do

Leia mais

II - Anexo II - Certificado Fitossanitário de Reexportação (Phytosanitary Certificate For Re-export);

II - Anexo II - Certificado Fitossanitário de Reexportação (Phytosanitary Certificate For Re-export); MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO GABINETE DO MINISTRO INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 29, DE 25 DE JULHO DE 2013 O MINISTRO DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso da atribuição

Leia mais

Manual de Legislação. manual técnico

Manual de Legislação. manual técnico Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Secretaria de Defesa Agropecuária Departamento de Saúde Animal Manual de Legislação PROGRAMAS NACIONAIS DE SAÚDE ANIMAL DO BRASIL manual técnico Missão

Leia mais

ANEXO I - PROGRAMAÇÃO DE ATIVIDADES DOS ESCRITÓRIOS IAGRO

ANEXO I - PROGRAMAÇÃO DE ATIVIDADES DOS ESCRITÓRIOS IAGRO Regional: ANEXO I - PROGRAMAÇÃO DE ATIVIDADES DOS ESCRITÓRIOS IAGRO Município: Mês/ Ano: / PROGRAMAS QUALIFICAÇÃO ATIVIDADES QUANTIFICAÇÃO Nº VIGILÂNCIAS REALIZADAS/MÊS ORIENTAÇÕES Planejadas (Mínimo a

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 017, DE 13 DE JULHO DE 2006.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 017, DE 13 DE JULHO DE 2006. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 017, DE 13 DE JULHO DE 2006. O MINISTRO DE ESTADO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO, no uso das atribuições conferidas pelo art. 2º do Decreto nº 5.741, de 30 de março de

Leia mais