MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CRF-PR

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CRF-PR"

Transcrição

1 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CRF-PR

2

3 OBJETIVOS E PRINCÍPIOS DO CRF-PR OBJETIVOS Criado pela Lei 3820/60, é o órgão que zela pela fiel observância dos princípios da ética e da disciplina da classe dos que exercem atividades farmacêuticas no Paraná - Somente os profissionais têm conhecimentos suficientes para julgar a qualidade da atuação de seus companheiros e para proteger- -se de interferências de pessoas ou grupos extraprofissionais. FUNÇÕES 3 1. Proteger a sociedade dos atos ilícitos praticados por farmacêuticos e não-farmacêuticos no exercício das atividades farmacêuticas. 2. Garantir a presença do farmacêutico na farmácia de qualquer natureza, em diversos campos de análises clínicas e toxicológicas; indústria farmacêutica, cosmética, de alimentos, e em outras áreas farmacêuticas. 3. Tornar a farmácia de qualquer natureza uma unidade de prestação de serviços de assistência farmacêutica, assistência à saúde e orientação sanitária individual e coletiva, na qual se processe a manipulação e/ou dispensação de medicamentos magistrais, oficinais, farmacopeicos ou industrializados, cosméticos, insumos farmacêuticos, produtos farmacêuticos e correlatos.

4 4. Assegurar a assistência terapêutica integral e a promoção, a proteção e a recuperação da saúde nos estabelecimentos públicos e privados que desempenhem atividades farmacêuticas. 5. Lutar para que o conceito da farmácia como um estabelecimento de saúde e do farmacêutico como um profissional de saúde se tornem realidade. 4 PRINCÍPIOS - O profissional farmacêutico está a serviço do ser humano e tem por fim a promoção, a proteção e a recuperação da saúde, individual e coletiva. - A dimensão ética da profissão farmacêutica está determinada, em todos os seus atos, em benefício do ser humano, da coletividade e do meio ambiente, sem discriminação de qualquer natureza. - Ao farmacêutico cabe zelar pelo perfeito desempenho ético da Farmácia análises clínicas, indústria e outras áreas farmacêuticas, e pelo prestígio e bom conceito da profissão. - O farmacêutico deve ser solidário com as ações em defesa da dignidade profissional e empenhar-se para melhorar as condições de saúde e os padrões dos serviços farmacêuticos, assumindo sua

5 parcela de responsabilidade em relação à assistência farmacêutica, assistência à saúde, à educação sanitária e respeitar o ordenamento jurídico do Estado Brasileiro. - A ética profissional do farmacêutico deve estar acima de qualquer outro valor e, em hipótese alguma, poderá haver transigência em torno dela, pois aviltará toda a classe. 5

6 Índice 6 Apresentação... p. 8 Cor... p. 10 Tipografia... p. 11 Reprodução da Marca... p. 12 Uso correto e incorreto... p. 13 Marca em versão monogromática... p. 16 Aplicação da marca em cores... p. 17 Versão em Ret[icula de preto... p. 18 Redução da marca... p. 19 Arejamento da marca... p. 20 Aplicação da marca em box... p.21

7 1 7 A Marca e suas aplicações.

8 APRESENTAÇÃO Está é a logomarca do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná. 8 Em 2014 ela passou por um re-desenho, respeitando os conceitos que estão definidos no Manual do Farmacêutíco - capítulo SIMBOLO Representado pela serpente que é o animal da cura e morte. Ao rastejar, é a imagem da vida terrestre. Ao erguer-se, estabelece um vínculo de energia entre a terra e o céu destilando no cálice o principio curativo, de olhos abertos e dentes à mostra. O eixo ao redor do qual a serpente evolui representa a vara, o cajado, o centro da autoridade. É preciso saber fazer e ter autoridade ou estar autorizado a concentrar a energia vital, recolhendo-a na taça. 2. COR A cor amarela representa o ouro, que significa força, fé, pureza e, na profissão farmacêutica, aqueles que o conduzem estão obrigados a fazer o bem aos podres e defender a lei.

9 3. ELEMENTOS Versão Vertical USO PREFERENCIAL Representada pelo símbolo da farmácia (SIMBOLO - COBRA) com um ramo de erva-mate à esquerda do observador e do pinheiro do Paraná à direita, representando produtos típicos do Estado. A marca pode ser utilizada de duas maneiras, com a sigla e com o nome por extenso do conselho, e apenas com a sigla em caso que a logomarca não fique legível. A marca pode ocorrer em duas versões: uma vertical, de uso preferencial, e outra horizontal. O uso da versão horizontal será indicado somente nas situações em que a versão preferencial apresentar dificuldades. Versão Vertical USO PREFERENCIAL 9 Versão Horizontal

10 COR As cores empregadas na identificação da LOGOMARCA do CRF-PR estão classificadas na tabela ao lado em CMYK e RGB. Abaixo as cores em pantone C- 12 M- 28 Y- 97 K- 2 R -228 G- 185 B A fidelidade na reprodução das cores é um item fundamental para garantir a consistência da Imagem Corporativa. Verifique a fidelidade das tonalidades comparando-as sempre com a escala Pantone. Dependendo da peça a ser confeccionada e da sua natureza (papel, cartão, película adesiva, metal, etc.), outras referências de cores serão necessárias. Caso não exista uma especificação estabelecida, a conversão deve ser feita por aproximação, tomando-se a escala Pantone como base para comparação. C- 46 M- 14 Y- 69 K- 1 R G- 180 B- 107 C- 76 M- 36 Y- 97 K- 1 R - 85 G- 130 B- 51 C- 45 M- 66 Y- 85 K- 67 R - 76 G- 48 B- 21 PANTONE 142 C 577C 7490C 476C

11 TIPOGRAFIA Para uma boa visualização e identificação da logomarca a família tipográfica utilizada foi a ITC Avant garde Demi, uma tipografia moderna e de boa legibilidade. A família tipográfica foi utilizada apenas na versão regular. 11 ITC Avant garde Demi CRF-PR ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ abcdefghijklmnopqrstuvwxyz

12 REPRODUÇÃO DA MARCA 12 A consolidação de uma marca requer sempre o uso correto de todos os seus elementos. Para aplicar a marca do CRF-PR em qualquer meio, solicite sempre um arquivo eletrônico. Não tente redesenhá-la, pois você estará arriscando a qualidade da imagem do serviço. Somente no caso de total impossibilidade de uso dos meios de reprodução eletrônica deverá ser utilizado o diagrama ao lado, no qual a retícula de módulos quadrados (10 mm x 10 mm cada) orienta na construção do símbolo e espacejamento do logotipo. 16 módulos (1 x 1 cm) 16 módulos (1 x 1 cm)

13 USO CORRETO E INCORRETO A marca não deve ser alterada, seja nas suas cores, diagramação ou proporções. Ao lado figuram alguns erros que podem ocorrer. Comparando com a marca original, verifique os usos incorretos e se assegure de que a marca do CRF-PR nunca seja alterada. 13 Uso correto

14 Uso incorreto ERRADO ERRADO ERRADO 14 Nas três opções acima a logo sofreu alteração na proporção, sendo deformada. Toda vez que precisar diminuir, deverá ser ajustada proporcionalmente. ERRADO ERRADO ERRADO Alteração de fonte. Fonte da sigla menor que a original. Utilizar a logo em perspectiva.

15 ERRADO ERRADO ERRADO 15 Nunca usar somento o símbolo. Alteração da cor. Alteração no espaçamento. ERRADO ERRADO ERRADO

16 MARCA EM VERSÃO MONOCROMÁTICA Em caso de limitações quanto ao número de cores disponíveis em um determinado processo de impressão ou gravação, podem ser empregadas as versões monocromáticas da marca. 16 Deve-se sempre dar preferência ao uso da marca nas cores institucionais em fundo branco. No entanto, ela também poderá ocorrer em negativo e positivo. Atenção: Sempre que aplicada sobre fundo que não seja branco, a marca deverá ser negativo ou positivo.

17 APLICAÇÃO DA MARCA EM CORES Para aplicações em fundo escuro, deve-se optar por uma versão monocromática, respeitando critérios de contraste e legibilidade. Exemplos: 17

18 VERSÃO EM RETÍCULA DE PRETO Quando houver restrições de uso para impressão em retícula de preto, a marca deve ser aplicada sobre fundo branco com a seguinte configuração: 18 C:100 M:100 Y:100 K:100 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100%

19 REDUÇÃO DA MARCA A redução demasiada de qualquer marca dificulta a sua leitura e o seu reconhecimento. No entanto, a determinação de limites de redução estará sujeita ao processo empregado, à qualidade do original utilizado e à qualidade de reprodução obtida. Recomendamos como limite de redução da marca, para impressões, as medidas especificadas abaixo na malha ( quadrados com 10 mm). E deverá ser utilizado apenas a sigla, sem o nome por extenso. A sua redução além desse limite comprometerá a leitura. 19 cada quadrado equivale a 10 mm 20 mm 20 mm

20 AREJAMENTO DA MARCA Deve ser resguardado um espaço ao redor da marca, livre de interferência de outros elementos gráficos para preservar sua integridade e legibilidade. A este espaço atribuímos o nome de arejamento. 20 O espaço mínimo recomendado de arejamento da marca é igual a 2 cm (20 mm) dois quadrados de cada lado. 1 cm

21 APLICAÇÃO DA MARCA EM BOX Sempre que for necessário aplicar a marca sobre fundos que prejudiquem de alguma forma a sua leitura, o melhor recurso será a utilização de um box ou tarja branca de forma a preservar a sua leitura. As medidas do box obedecem às mesmas características das descritas na página 14, relativas ao arejamento. As tarjas, assim como os boxes, criam um campo reservado para a marca, eliminando a interferência de fundos com imagens ou cores fortes. 21 Exemplo da logo aplicada na tarja. Exemplo da logo aplicada no box.

22 22

23 23 Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná Rua Presidente Rodrigo Otávio, Hugo Lange - Curitiba/PR CEP: Telefone/fax: (41)

I N S T I T U T O D E A Ç Ã O S O C I A L E C U L T U R A L MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

I N S T I T U T O D E A Ç Ã O S O C I A L E C U L T U R A L MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 1. MARCA Í N D I C E Apresentação Cores Institucionais Família Tipográfica Reprodução da Marca Usos Incorretos Redução da Marca Arejamento da Marca Versão Monocromática Marca

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL. Faculdade de Educação - UFG

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL. Faculdade de Educação - UFG MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Faculdade de Educação - UFG INDICE 1. Apresentação 2. Versões 3. Cores 4. Tipografia 5. Reprodução 6, Usos incorretos 7. Redução da marca 8. Arejamento da marca 9. Verão monocromática

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL ÍNDICE 1. MARCA APRESENTAÇÃO CORES INSTITUCIONAIS FAMÍLIA TIPOGRÁFI CA REPRODUÇÃO DA MARCA USOS INCORRETOS REDUÇÃO DA MARCA AREJAMENTO DA MARCA 04 05 06 07 09 10 11 2. PAPELERIA

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Índice 1 2 3 4 5 6 7 8 9 9.1 9.2 9.3 10 Introdução Apresentação Grid Arejamento Paleta de cores Tipografia Usos incorretos Redução Aplicações Monocromática Uma cor Negativa

Leia mais

01. Apresentação. in Carta de Armas

01. Apresentação. in Carta de Armas A simbologia da Emblemática é a seguinte: dos metais, o ouro simboliza a justiça, a prata a fidelidade; dos esmaltes, o vermelho simboliza o ânimo, o azul a lealdade, o negro a ciência; das peças, os dois

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto Universidade de São Paulo

Manual de Identidade Visual. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto Universidade de São Paulo Manual de Identidade Visual Índice Versões Margem de Segurança Obrigatória Grid Cores Aplicações Cromáticas Tipografia Redutibilidade Usos Incorretos 03 04 05 06 07 10 11 12 Versões Versão Principal -

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL BERNACOM 2 SUMÁRIO CAPA SUMÁRIO Apresentação Conceito Reprodução da marca Marca na vertical Marca na horizontal Alfabeto padrão Alfabeto institucional

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Introdução O manual da marca do Consultório na Rua tem a função de ordenar e padronizar o signo que distingue e diferencia o serviço, compreendendo os padrões e regras de aplicação

Leia mais

Índice. Índice...2. Logomarca do Ipasgo...3. Logomarca do Ipasgo em Tons de Cinza...4. Uso do Selo NBR ISO 9001:

Índice. Índice...2. Logomarca do Ipasgo...3. Logomarca do Ipasgo em Tons de Cinza...4. Uso do Selo NBR ISO 9001: 1 Índice Índice...2 Logomarca do Ipasgo...3 Logomarca do Ipasgo em Tons de Cinza...4 Uso do Selo NBR ISO 9001:2008...5 Modelos Vetoriais e Monocromáticos...6 Aplicação de Fundo Escuro...7 Cores...8 Tipografia...9

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Índice 1.Logotipo Apresentação Marca...03 Cores Completa...04 Cores Fundo Completa...05 Família Tipográfica...08 Reprodução da Marca...10 Versão Simples Apresentação...12 Versão

Leia mais

L A M S A M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L A P L I C A Ç Ã O D A L O G O M A R C A

L A M S A M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L A P L I C A Ç Ã O D A L O G O M A R C A L A M S A M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L A P L I C A Ç Ã O D A L O G O M A R C A A P R E S E N T A Ç Ã O A marca LAMSA pode ocorrer em duas versões, basicamente: uma vertical e outra horizontal.

Leia mais

Manual de Identidade Visual do Curso de Engenharia de Energias Renováveis e Ambiente

Manual de Identidade Visual do Curso de Engenharia de Energias Renováveis e Ambiente Manual de Identidade Visual do Curso de Engenharia de Energias Renováveis e Ambiente Equipe de criação e design Cristine Machado Schwanke - cristine.schwanke@unipampa.edu.br Lucas Feksa Ramos lucasfeksaramos@gmail.com

Leia mais

Manual da Marca e da Identidade Visual

Manual da Marca e da Identidade Visual Manual da Marca e da Identidade Visual fev 2017 versão 20170223 índice apresentação 2 marca desenho da marca 3 assinaturas 4 malha de construção 5 dimensionamento mínimo 6 área de proteção 7 cores cromia

Leia mais

Criada pelos empregados da CAIXA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

Criada pelos empregados da CAIXA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL INDÍCE 1. Assinatura Visual 3. Papelaria Apresentação... 04 Cores Institucionais... 05 Família Tipográfica... 06 Malha Construtiva... 07 Usos Incorretos... 09 Redução da Marca...

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 1. logotipo aplicação preferencial área de reserva aplicação MonocroMática aplicação em boxes redução MáxiMa cores institucionais família tipográfica família tipográfica alternativa

Leia mais

Sumário 1 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL A Marca Cores Institucionais Família Tipográfica... 7

Sumário 1 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL A Marca Cores Institucionais Família Tipográfica... 7 0 Sumário 1 MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL... 3 1.1 A Marca... 4 1.2 Cores Institucionais... 6 1.3 Família Tipográfica... 7 1.4 Reprodução da Marca... 8 1.5 Usos Incorretos... 9 1.6 Usos Corretos... 10 1.7

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL ÍNDICE MARCA--------------------------------------------- Apresentação--------------------------------------------- Assinaturas----------------------------------------- Cores

Leia mais

FUNDAÇÃO COPEL Manual de Identidade Visual

FUNDAÇÃO COPEL Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Manual_Identidade_Fundação_Copel.indd 1 18/11/2011 09:11:50 Índice 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 A Marca O Logotipo A Marca Estrutura

Leia mais

Apresentação. A letra F, vem abraçando as letras APG, demonstrando a união e a cooperação da entidade.aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

Apresentação. A letra F, vem abraçando as letras APG, demonstrando a união e a cooperação da entidade.aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa LOGOMARCA Apresentação A FAPG é uma fundação da APG do Ita, Fundação de Apoio à Pesquisa de Pós- Graduandos, logo a sua logomarca é uma derivação da logomarca da APG do ITA, mantendo a apresentação bem

Leia mais

HOSPITAL DAS CLÍNICAS FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU - UNESP

HOSPITAL DAS CLÍNICAS FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU - UNESP HOSPITAL DAS CLÍNICAS FACULDADE DE MEDICINA DE BOTUCATU - UNESP índice APRESENTAÇÃO o processo de simplificação A NOVA MARCA padrão cromático padrão tipográfico redução e área de reserva usos incorretos

Leia mais

Devem usufruir deste guia, profissionais como: designers, publicitários e responsáveis pela área de divulgação, marketing e propaganda da empresa.

Devem usufruir deste guia, profissionais como: designers, publicitários e responsáveis pela área de divulgação, marketing e propaganda da empresa. Guia de Identidade Visual Bem vindo! Este Guia de Identidade Visual é uma ferramenta que visa auxiliar o uso e a aplicação correta da marca FAPPES. Deve ser consultado sempre que forem criadas peças gráficas,

Leia mais

Desenho da marca. símbolo. logotipo. A marca Embras está registrada no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial).

Desenho da marca. símbolo. logotipo. A marca Embras está registrada no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). MARCA Desenho da marca A marca é o elemento central de uma identidade visual. Quando bem utilizada, torna-se o item primário para o reconhecimento de qualquer produto no menor tempo de leitura e espaço.

Leia mais

GUIA DE IDENTIDADE VISUAL

GUIA DE IDENTIDADE VISUAL GUIA DE IDENTIDADE VISUAL 01 Índice MARCA Cores 04 Monocromia 05 Relevo 06 Reduções 07 Construção e Proporções 08 Margem de Segurança 09 REPRODUÇÕES DA MARCA Fundos 10 Usos Incorretos 11 Alfabeto Institucional

Leia mais

Manual da Marca e da Identidade Visual. Versão reduzida

Manual da Marca e da Identidade Visual. Versão reduzida Manual da Marca e da Identidade Visual Versão reduzida conceito Design O ensino do futuro do mundo: pessoas inovando pela transformação do Brasil A representação gráfica do pensamento inovador é dada

Leia mais

BIOSEG SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE BRANDING BOOK

BIOSEG SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE BRANDING BOOK BRANDING BOOK Este manual tem como objetivo formular regras para a aplicação da marca em suas áreas institucionais, publicações e produtos. Com a correta utilização, a empresa mantém sua integridade visual

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Núcleo de Extensão em Direito Previdenciário

Manual de Identidade Visual. Núcleo de Extensão em Direito Previdenciário Manual de Identidade Visual 04 Plataforma de Marca 05 Conceito 06 Símbolo 07 Logotipo 08 A marca Sumário 09 Versões da marca 10 Tipografia 11 Arejamento 12 Orientações da marca 13 e 14 Redução Mínima

Leia mais

Manual da Marca e Identidade Visual

Manual da Marca e Identidade Visual Manual da Marca e Identidade Visual 02 CONCEITO Design A representação gráfica de pessoas, a base do cooperativismo, livres de qualquer discriminação, mobilizadas para atingir o bem comum, apresentado

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Introdução O Programa Academia da Saúde é uma nova estratégia da Atenção Básica que compõe a Rede de Atenção à Saúde a fim de contribuir para a promoção da saúde e produção

Leia mais

Universidade Aberta da Terceira Idade Sub-Reitoria de Extensão e Cultura

Universidade Aberta da Terceira Idade Sub-Reitoria de Extensão e Cultura MANUAL DA MARCA iversidade Aberta da Terceira Idade Este manual contém todos os elementos gráficos que representam a padronização visual da marca ati. Aqui são especificados todos os formatos, tamanhos,

Leia mais

Diretrizes de Utilização da Marca Corporativa. Manual de Identidade Visual da CTIS

Diretrizes de Utilização da Marca Corporativa. Manual de Identidade Visual da CTIS Diretrizes de Utilização da Marca Corporativa Assinatura Visual O símbolo e o logotipo devem ser sempre usados com tamanho e relação de proporção fixos. Versão vertical Símbolo acima do logotipo. Esta

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CERVEJARIA BERGGREN

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CERVEJARIA BERGGREN MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL CERVEJARIA BERGGREN Outubro de 2015 SUMÁRIO VERSÃO PRINCIPAL VERSÃO PRINCIPAL - VETOR VERSÃO HORIZONTAL VERSÃO PRINCIPAL - PRETO E BRANCO VERSÃO PRINCIPAL - PRETO E BRANCO -

Leia mais

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DE LOGOMARCA COMITÊ DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARANAÍBA

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DE LOGOMARCA COMITÊ DA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO PARANAÍBA Este guia tem por objetivo orientar tecnicamente a reprodução da logomarca do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Paranaíba, para que esta preserve sempre suas características originais. O rigor na aplicação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ SECRETARIA DE CULTURA ARTÍSTICA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL NORMAS E PADRÕES DE UTILIZAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ SECRETARIA DE CULTURA ARTÍSTICA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL NORMAS E PADRÕES DE UTILIZAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ SECRETARIA DE CULTURA ARTÍSTICA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL NORMAS E PADRÕES DE UTILIZAÇÃO APRESENTAÇÃO A Secretaria de Cultura Artística tem por objetivo trabalhar pela articulação

Leia mais

P R O J E T O VIVEIRO CIDADÃO

P R O J E T O VIVEIRO CIDADÃO Sumário Apresentação 03 Cores 04 Família Tipográfica 05 Área de Reserva e Redução 06 Aplicações 07 Aplicações Incorretas 08 Versão Vertical USO PREFERENCIAL Apresentação Este manual visa estabelecer os

Leia mais

MANUAL DA MARCA (VERSÃO COMPACTA)

MANUAL DA MARCA (VERSÃO COMPACTA) MANUAL DA MARCA (VERSÃO COMPACTA) SUMÁRIO 1.0 Apresentação... 03 2.0 Malha construtiva e área de reserva... 04 2.1 Versões... 05 2.2 Cores... 06 2.3 Distorções... 07 2.4 Tipografia... 09 2.5 Aplicação

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário 1. Marca 2. Aplicações 03 Apresentação 18 Papelaria 04 Conceito 22 Identificação 05 Marca 23 Frota 06 Grid de Construção 24 Uniformes 07 Tipografia 28 Brindes 08 Padrão

Leia mais

Sumário 1. A MARCA APRESENTAÇÃO 05

Sumário 1. A MARCA APRESENTAÇÃO 05 Sumário 1. A MARCA APRESENTAÇÃO 05 1.1 Logo 06 1.2 Símbolo 07 1.3 Marca vertical 08 1.4 Marca horizontal 09 1.5 Aplicação sobre fundos 10 1.6 Paleta de cores 11 1.7 Aplicação monocromática 12 1.8 Aplicação

Leia mais

Apresentação. Seguir as linhas de orientação definidas neste documento é contribuir para projetar o Sistema AABB de forma clara e consistente.

Apresentação. Seguir as linhas de orientação definidas neste documento é contribuir para projetar o Sistema AABB de forma clara e consistente. Apresentação Por meio deste Manual de Identidade Visual, com suas normas e recomendações, pretendemos orientar a implantação dos elementos básicos que compõem a Programação Visual das AABB - Associações

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA PADRÃO DE USO E APLICAÇÃO DA LOGOMARCA DA SICAL

SISTEMA DE GESTÃO INTEGRADA PADRÃO DE USO E APLICAÇÃO DA LOGOMARCA DA SICAL Elaboração/ Responsável Alessandra Data 8/07/006 Homologação Responsável Almiro Data 8/07/006 1 - OBJETIVO Este procedimento estabelece os padrões para utilização da logomarca da SICAL. - DOCUMENTOS COMPLEMENTARES

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Obrigado! Este manual apresenta as normas e orientações para o uso da identidade visual do INEA. No entanto, somente com a sua participação será atingido o objetivo de comunicar

Leia mais

Manual de Identidade Visual. agrega

Manual de Identidade Visual. agrega Manual de Identidade Visual 1.Versão Preferencial 1.1 Versão Padrão Versão de uso preferencial. Deve-se usar a logomarca na cor apresentada sobre fundo branco. No caso do fundo totalmente preto ou na cor

Leia mais

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA INSTITUCIONAL

MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA INSTITUCIONAL MANUAL DE USO E APLICAÇÃO DA MARCA INSTITUCIONAL INTRODUÇÃO A finalidade deste Manual é normatizar a utilização da nova marca do Governo do Estado de Pernambuco, de forma a garantir a uniformidade de sua

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Introdução O manual da marca Ligue 180 tem a função de ordenar e padronizar o signo que distingue e diferencia o serviço, compreendendo os padrões e regras de aplicação da marca.

Leia mais

manual de identidade

manual de identidade manual de identidade MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL Sumário Visando o fortalecimento da marca Agência Peixe Vivo, disponibilizamos este Manual de Identidade Visual, essencial para a correta aplicação do logotipo

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL SUMÁRIO Nova Marca...04 Conceito...05 Fontes...05 Alfabeto Secundário... 05 Assinaturas...06 Cores...07 Escala de Cinza... 08 Aplicação Negativa e Positiva... 08 Aplicação

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Normas e padrões de utilização

Manual de Identidade Visual. Normas e padrões de utilização Manual de Identidade Visual Normas e padrões de utilização Apresentação A Fundep - Fundação de Desenvolvimento da pesquisa, vem através deste documento consolidar o bem mais valioso que uma instituição

Leia mais

Manual de identidade visual

Manual de identidade visual Manual de identidade visual Introdução Saúde da Família é uma estratégia do Ministério da Saúde que alcançou grande sucesso e recebeu uma menção da Organização Mundial da Saúde como modelo a ser adotado

Leia mais

manual de identidade visual

manual de identidade visual manual de identidade visual apresentação A marca de uma instituição é o seu maior patrimônio. É através dela que os atributos e valores da organização são traduzidos e representados. O manual de identidade

Leia mais

WCA Inteligência de Negócio Manual de Identidade Visual 2016

WCA Inteligência de Negócio Manual de Identidade Visual 2016 WCA Inteligência de Negócio Manual de Identidade Visual 2016 02 Manual de Identidade Visual 2016 O Objetivo deste Manual e das cores, procuram estabelecer uma relação direta com o lado humano ( Pensar

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS. Manual de Normas Gráficas

INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS. Manual de Normas Gráficas Manual de Normas Gráficas 1. A marca 2. Identidade 2.1. Logotipo 2.2. Margem de Segurança 2.3. Dimensão mínima 2.4. Cor 2.5. Versões 2.6. Fundos de Cor 2.7. Fundos Fotográficos 2.8. Tipografia 2.9. Utilizações

Leia mais

Identidade Visual da Unitel T+

Identidade Visual da Unitel T+ Manual da Marca O manual de Normas Básicas estabelece um conjunto de regras e recomendações que garantem uma aplicação correcta e coerente da marca UNITEL T+. A aplicação consistente deste conjunto de

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL SUMÁRIO A MARCA... 03 GRADE DE CONSTRUÇÃO... 04 VARIAÇÕES DE ASSINATURA... 05 APLICAÇÃO VERTICAL... 06 LIMITE DE REDUÇÃO... 06 TIPOGRAFIA... 07 CORES... 08 APLICAÇÃO SOBRE FUNDOS...

Leia mais

M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L

M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L ÍNDICE 1. Considerações Iniciais... 01 2. Apresentação... 02 3. Cores Institucionais... 03 4. Reprodução da Marca... 04 5. Redução da Marca... 05 6. Arejamento

Leia mais

Olá, Este manual tem como objetivo apresentar a correta aplicação de nossa marca em toda a sua comunicação.

Olá, Este manual tem como objetivo apresentar a correta aplicação de nossa marca em toda a sua comunicação. Olá, Este manual tem como objetivo apresentar a correta aplicação de nossa marca em toda a sua comunicação. Qualquer dúvida entre em contato com ascom@fuvs.br 1 2 3 4 5 6 7 Sumário ASSINATURA PRINCIPAL

Leia mais

Manual de Identidade Visual da UFV

Manual de Identidade Visual da UFV Manual de Identidade Visual da UFV REITORA Nilda de Fátima Ferreira Soares VICE-REITOR João Carlos Cardoso Galvão DIRETORIA DE COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL/DCI Rennan Lanna Martins Mafra DIVISÃO DE DESIGN

Leia mais

Manual da Marca Versão 2017

Manual da Marca Versão 2017 Manual da Marca Versão 2017 Conteúdo Apresentação Assinaturas Malha de Construção Área de Proteção Dimensionamento............... 4 5 6 7 8 Cromias Institucionais... 9,. 10 Tipologia Padrões da Marca Assinaturas

Leia mais

rua general potiguara, 1428 curitiba pr cep t [41] f [41] M a n u a l d e I d e n t i d a d e C o r p o r a t i v a

rua general potiguara, 1428 curitiba pr cep t [41] f [41] M a n u a l d e I d e n t i d a d e C o r p o r a t i v a rua general potiguara, 1428 curitiba pr cep 81050.500 t [41] 3234.5678 f [41] 3345.6789 M a n u a l d e I d e n t i d a d e C o r p o r a t i v a O projeto de identidade visual da prodiet nutrição clínica

Leia mais

FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 2017

FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 2017 FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL 2017 2 SUMÁRIO Introdução... 03 Versões... 04 Slogan... 05 Aplicação em fundos coloridos... 06 Usos Incorretos... 07 Área de Não Interferência... 08

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual 2014 Manual de Identidade Visual Dealernet Automotive Ecosystem Identidade Visual é a representação gráfica que caracteriza uma empresa. TK ATHAYDE DEALERNET Automotive Ecosystem 08/04/2014 Uma marca é

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual O Manual Este Manual tem como objetivo estabelecer um conjunto de regras para aplicações da marca da Casa Hope, garantindo sua integridade e fidelidade com a instituição junto

Leia mais

Manual. de Uso de Marca. Diretrizes e orientações de uso da marca CRF/MG

Manual. de Uso de Marca. Diretrizes e orientações de uso da marca CRF/MG Manual de Uso de Marca Diretrizes e orientações de uso da marca CRF/MG Apresentação A identidade visual de uma organização é um de seus principais patrimônios. Funciona como uma espécie de impressão digital.

Leia mais

manual de identidade visual Cremer

manual de identidade visual Cremer manual de identidade visual Cremer 2 A marca Cremer apresenta sua nova identidade visual. A percepção dos em contato com a nova logomarca dependerá da máxima clareza e coerência na sua forma de aplicação.

Leia mais

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA - CAMPANHA DE MISSÕES MUNDIAIS 2015

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA - CAMPANHA DE MISSÕES MUNDIAIS 2015 MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA - CAMPANHA DE MISSÕES MUNDIAIS 2015 VERSÃO 1.0 JUNHO DE 2014 JMM GUIA DE CONTEÚDO Utilize este manual para criação de qualquer material de comunicação da Campanha de Missões

Leia mais

IDENTIDADE VISUAL manual

IDENTIDADE VISUAL manual IDENTIDADE VISUAL manual Em conformidade com a Lei 3.527/11 que obriga o Poder Executivo de Parnaíba a utilizar como símbolo da administração municipal apenas a bandeira, o brasão e o selo municipal. objetivo

Leia mais

Manual de Identidade Visual Indústria de Impressoras Tecnológicas da Amazônia Ltda

Manual de Identidade Visual Indústria de Impressoras Tecnológicas da Amazônia Ltda Manual de Identidade Visual INTRODUÇÃO Com a importância que a IITA tem conquistado no Brasil, é essencial que a nossa marca seja utilizada seguindo o Manual de Identidade Visual. Uma marca sempre bem

Leia mais

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA GUIA DE CONTEÚDO Utilize este manual para criação de qualquer material de comunicação da Campanha de Missões Mundiais 2016. Nunca tente redesenhar a marca da campanha. Seja

Leia mais

Manual de marca. Aplicações da marca

Manual de marca. Aplicações da marca Manual de marca Aplicações da marca 1 assinatura institucional 2 1. assinatura institucional Logotipos são assinaturas institucionais e devem ser usados em todas as manifestações visuais da empresa. Sua

Leia mais

Manual de Identidade Visual Certificação Profissional

Manual de Identidade Visual Certificação Profissional Manual de Identidade Visual Certificação Profissional 1.1 Apresentação Este é o selo de Certificação Profissional FEBRABAN. Um símbolo que possui alta credibilidade e tem por finalidade certificar conhecimentos

Leia mais

marca gerdau A versão horizontal configura a versão preferencial da marca.

marca gerdau A versão horizontal configura a versão preferencial da marca. 1. versão HORIZONTAL A versão horizontal configura a versão preferencial da marca. X/5 X X/10 X/10 X/10 Redução máxima 20mm 2. versão vertical A versão vertical tem uso restrito. Deverá ser aplicada somente

Leia mais

manual de normas gráficas

manual de normas gráficas 6 MARCA GRÁFICA 6 7 Marca principal Variações formais da marca 13 DIMENSÕES MÍNIMAS 13 14 Marca principal Marcas complementares 21 COR 1 2 3 4 5 6 7 8 9 21 22 Versões cromáticas Cores oficiais 26 26 27

Leia mais

Manual de utilização de marca

Manual de utilização de marca Manual de utilização de marca M a n u a l d e u t i l i z a ç ã o d e m a r c a Índice Apresentação...4 A Marca...5 Malha Construtiva...6 Cores...7 Monocromia e Negativo...8 Redução da Marca...9 Arejamento

Leia mais

Manual de Identidade Visual. 4Normas para a construção do Logotipo 4Uso correto da Marca 4Aplicações em material Promocional 4Papelaria Institucional

Manual de Identidade Visual. 4Normas para a construção do Logotipo 4Uso correto da Marca 4Aplicações em material Promocional 4Papelaria Institucional Manual de Identidade Visual 4Normas para a construção do Logotipo 4Uso correto da Marca 4Aplicações em material Promocional 4Papelaria Institucional ÍNDICE Introdução A Marca Um pouco da História... 03

Leia mais

Manual de identidade visual

Manual de identidade visual Manual de identidade visual 2.0 - Manual de identidade visual 2.1 - Elementos da marca 2.2 - Redução 2.3 - Área de proteção 2.4 - Aplicação 2.5 - Versões PB 2.6 - Malha construtiva 2.7 - Paleta de cores

Leia mais

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA RAMO SISTEMAS

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA RAMO SISTEMAS MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA RAMO SISTEMAS ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO 03 2. IDENTIDADE 04 2.1 Assinatura principal 04 2.2 Assinatura vertical 05 2.3 Parceiros de negócios 06 2.3 Paleta de cores 07 2.4 A marca

Leia mais

Manual de Normas Gráficas

Manual de Normas Gráficas Manual de Normas Gráficas Manual de Normas Gráficas Este manual estabelece as normas básicas da Identidade Visual PROMAIS, bem como, as respectivas normas para a sua correcta utilização e reprodução. Perante

Leia mais

Manual de aplicação das logomarcas do Grupo

Manual de aplicação das logomarcas do Grupo Manual de aplicação das logomarcas do Grupo Sumário Apresentação 1. Contexto 2. Logomarcas 2.1. Cruzeiro do Sul Educacional 2.2. Universidade Cruzeiro do Sul 2.3. Módulo Centro Universitário 2.4. UDF Centro

Leia mais

A versão padrão da assinatura corporativa tem dois elementos: o símbolo e o decodificador.

A versão padrão da assinatura corporativa tem dois elementos: o símbolo e o decodificador. LOGOMARCA O Manual de Identidade Visual da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ) foi concebido para ser parte fundamental da imagem da instituição. O sucesso de um programa de identidade

Leia mais

Manual de uso da marca das Superintendências da UFBA

Manual de uso da marca das Superintendências da UFBA Manual de uso da marca das Superintendências da UFBA Apresentação Logotipo Nomenclatura Símbolo Exemplo das marcas das outras Superintendências: A marca é o elemento central de uma identidade visual. Quando

Leia mais

guia de uso da marca

guia de uso da marca guia de uso da marca sumário Clique nos itens abaixo para navegar pelo conteúdo. 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 HISTÓRIA DA MARCA FNQ VERSÕES DA MARCA CONSTRUÇÃO DA MARCA MARGEM DE SEGURANÇA REDUÇÕES MONOCROMIA

Leia mais

Manual de Identidade Visual. Versão 2.0 Atualizado em Setembro / 2015

Manual de Identidade Visual. Versão 2.0 Atualizado em Setembro / 2015 Manual de Identidade Visual Versão 2.0 Atualizado em Setembro / 2015 Diretrizes para gestão da marca A marca, é a representação simbólica de determinada entidade, produto ou serviço. Sendo assim, regras

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Ano de Elaboração 2014 Apresentação A empresa E. Orlando Roos Comércio de Cereais Ltda, vem através deste documento consolidar o bem mais valioso que uma instituição pode ter:

Leia mais

Manual de Identidade Visual

Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual ÍNDICE 1. MARCA Apresentação... 04 Cores Institucionais... 05 Família Tipográfi ca... 06 Construção... 07 Versões... 08 Fantasia... 09 Grayscale... 10 Uma Cor... 11 Assinaturas...

Leia mais

PADRÃO EDITORIAL GRÁFICO REVISTAS PROPESQ

PADRÃO EDITORIAL GRÁFICO REVISTAS PROPESQ PADRÃO EDITORIAL GRÁFICO REVISTAS PROPESQ Apresentação Através da utilização deste Manual de Projeto Gráfico (MPG), o processo de comunicação das capas das revistas da PROPESQ ficará normatizado e terá

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL O Manual Este Manual tem como objetivo apresentar a marca da Casa Hope e estabelecer um conjunto de regras para aplicações da sua assinatura visual, garantindo a integridade

Leia mais

O cumprimentos destas normas evita a ocorrência de erros técnicos que prejudiquem a marca e fortalece a identidade da empresa.

O cumprimentos destas normas evita a ocorrência de erros técnicos que prejudiquem a marca e fortalece a identidade da empresa. ÍNDICE 03 INTRODUÇÃO 04 LOGOTIPO Versão Principal 05 CONSTRUÇÃO & ZONA DE EXCLUSÃO 06 DIMENSÕES MÍNIMAS 07 REFERÊNCIAS CROMÁTICAS 08 LOGOTIPO Variações Cromáticas 09 LOGOTIPO Variações Monocromáticas 10

Leia mais

PTI Parque Tecnológico Itaipu

PTI Parque Tecnológico Itaipu Introdução Para manter e fortalecer a percepção desejada da marca, foram estabelecidas diretrizes, a identidade visual foi otimizada e as melhores práticas definidas e documentadas com o objetivo de enfatizar

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL EQUIPE Pró-Reitoria de Etensão (Proet) Tatiana Ribeiro Velloso Coordenadoria de Cultura e Universidade (CCU) Valdiria Oliveira Rocha José Alípio de Oliveira Martins Coordenadoria

Leia mais

GUIA RÁPIDO DE APLICAÇÃO DE MARCAS

GUIA RÁPIDO DE APLICAÇÃO DE MARCAS GUIA RÁPIDO DE APLICAÇÃO DE MARCAS INTRODUÇÃO GUIA RÁPIDO DE APLICAÇÃO DE MARCAS Este é o guia rápido de aplicação de marcas do Grupo NotreDame Intermédica. Produzimos esse material para garantir uma unidade

Leia mais

Manual_FIM :06 Page 1. Manual Visual de Placas de Obras

Manual_FIM :06 Page 1. Manual Visual de Placas de Obras Manual_FIM 03.08.04 12:06 Page 1 Manual Visual de Placas de Obras Manual_FIM 03.08.04 12:06 Page 2 Sumário Finalidade e Aplicações... 3 Padrão Geral das Placas Quadrante Superior Lado Esquerdo... 4 Padrão

Leia mais

Manual de Utilização da Marca

Manual de Utilização da Marca Manual de Utilização da Marca Índice Introdução... 03 Sistema de assinaturas... 04 - Padrões básicos... 05 - Tamanho mínimo e arejamento... 08 - Variações cromáticas... 09 - Aplicação sobre fundos... 10

Leia mais

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA

MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA MANUAL DE APLICAÇÃO DA MARCA www.ielusc.br Envelope DL Formato: 23x11,5 cm Cores: 4x0 Papel: Alvura 120g Acabamento: faca de corte + colagem Índice 1 cm 4,3 cm 05 Apresentação

Leia mais

Manual de aplicação da marca

Manual de aplicação da marca Manual de aplicação da marca SumárioApresentação 3 A marca 4 Versão preferencial... 5 Versão sem assinatura... 6 Padrões cromáticos... 7 Versões positiva/negativa... 8 Utilização 9 Dimensionamento mínimo...

Leia mais

Manual Marca e Identidade Visual

Manual Marca e Identidade Visual Manual Marca e Identidade Visual 1. Introdução Branding é o processo envolvendo a criação de um nome e imagens únicos para um produto na mente dos consumidores, principalmente através de identidade visual

Leia mais

MANUAL DE USO DA MARCA DO SELO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL AMOR PELA VIDA

MANUAL DE USO DA MARCA DO SELO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL AMOR PELA VIDA C e n t r o d e R e a b i l i t a ç ã o e R e i n s e r ç ã o S o c i a l d e D e p e n d e n t e s d e D r o g a s d o Instituto de Estudos Legislativos Brasileiro - IDELB Projeto Social Salvando Vidas

Leia mais

MANUAL DA MARCA. O detalhe que faz a diferença

MANUAL DA MARCA. O detalhe que faz a diferença MANUAL DA MARCA ÍNDICE Marca Personalidade 05 Símbolo 08 Assinaturas 09 Construção Linhas de Construção -Assinatura sem Box 11 Linhas de Construção - Assinatura Box 12 Assinatura 13 Linhas de Construção

Leia mais

Manual de Uso e Aplicação da Marca

Manual de Uso e Aplicação da Marca Manual de Uso e Aplicação da Marca O Valor da Marca A marca é o maior patrimônio de uma empresa. Leva-se muitos anos para se construir uma marca forte. É preciso compreender o impressionante poder que

Leia mais

½ x. ½ x. Manual de identidade visual

½ x. ½ x. Manual de identidade visual Manual de identidade visual SUMÁRIO. Introdução... 02 Primeira Marca Fase Sport... 03 Nova Marca Fase Sport... 04 Evolução da Marca... 05 Composição da Marca... 06 Formação da Marca... 07 Construção da

Leia mais

O MANUAL. O Manual da Marca tem como objetivo estabelecer parâmetros para a correta utilização das logomarcas do grupo DeVry Brasil.

O MANUAL. O Manual da Marca tem como objetivo estabelecer parâmetros para a correta utilização das logomarcas do grupo DeVry Brasil. MANUAL DA MARCA O Manual da Marca tem como objetivo estabelecer parâmetros para a correta utilização das logomarcas do grupo DeVry Brasil. O MANUAL O documento também padroniza as aplicações, conferindo

Leia mais

CENTRO DE BIOCIÊNCIAS - UFRN. Manual de Identidade Visual

CENTRO DE BIOCIÊNCIAS - UFRN. Manual de Identidade Visual Manual de Identidade Visual Índice Introdução 02 1. Apresentação 03 2. Construção 04 2.1. Tipografia 04 2.2. Símbolo 05 2.3. Padrões 06 3. Integridade 07 3.1. Versões 07 3.2. Respiro 08 3.3. Redutibilidade

Leia mais

Manual de uso da marca da UTFPR 2016

Manual de uso da marca da UTFPR 2016 Manual de uso da marca da UTFPR 2016 Apresentação Os meios de comunicação vêm se tornando mais complexos a cada dia. Essa complexidade, junto à quantidade de informações distribuídas ao público, exige

Leia mais