APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE SWITCHES BRB EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº BRB 2013/010

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE SWITCHES BRB EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº BRB 2013/010"

Transcrição

1 APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE SWITCHES BRB EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº BRB 2013/010

2 Brasília-DF, 21 de fevereiro de 2012 Ref.: Apresentação de Sistema de Registro de Preços para fornecimento de solução de switches de 24 portas, velocidade 10/100/1000 e tecnologia POE (Power Over Ethernet) Prezado Senhor, As atuais organizações reconhecem o grande valor contido nas soluções de Tecnologia da Informação e Comunicações. Grandes benefícios podem ser ressaltados: maior eficácia e controle, processos mais ágeis e flexíveis, redução de custos, otimização de investimentos e criação de sinergias corporativas. A Mahvla Telecomm trabalha para promover o rápido avanço tecnológico e competitivo de seus clientes, garantindo excelentes resultado com as soluções fornecidas, e assim assegurar uma relação de credibilidade e parceria. Alinhada às necessidades do mercado e com foco na competitividade, a Mahvla investe continuamente no treinamento de seus colaboradores e nos processos e métodos de gestão empresarial. A soma de todos esses esforços é refletida nos ótimos resultados dos projetos que a Mahvla tem executado em todo Brasil. Não medimos esforços para oferecer a solução mais inteligente e adequada. Assim, a Mahvla Telecomm vem, respeitosamente, apresentar esta proposta comercial de forma a atender as necessidades de sua empresa. Colocamo-nos a disposição de V.Sª. a fim de sanar quaisquer outras dúvidas ainda existentes. Sem mais para o momento, subscrevemo-nos. Atenciosamente, Marcelo de Almeida Diretor Executivo Fone: (61)

3 1. O QUE É REGISTRO DE PREÇOS Conjunto de procedimentos para registro formal de preços relativos à prestação de serviços, aquisição e locação de bens, para contratações futuras, realizado por meio de uma única licitação, na modalidade de concorrência ou pregão, em que as empresas disponibilizam os bens e serviços a preços e prazos registrados em ata específica e que a aquisição ou contratação é feita quando melhor convier aos órgãos/entidades que integram a Ata. 2. AS NORMAS QUE REGULAMENTAM O SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS - SRP O Sistema de Registro de Preços foi instituído pelo art. 15 da Lei federal n.º 8666/93, que dispõe sobre normas gerais de Licitação e Contratação na esfera pública e regulamentado pelo Decreto Presidencial nº 3.931, de 19 de setembro de Os dispositivos em referência determinam que: Lei Federal 8666/93 "Art. 15 As compras, sempre que possível, deverão: (...). II - ser processadas através de sistema de registro de preços; (...) 4º A existência de preços registrados não obriga a Administração a firmar as contratações que deles poderão advir, ficando-lhe facultada a utilização de outros meios, respeitada a legislação relativa às licitações, sendo assegurado ao beneficiário do registro preferência em igualdade de condições. Decreto Presidencial 3931 de 19 de setembro de 2001 Art. 8º A Ata de Registro de Preços, durante sua vigência, poderá ser utilizada por qualquer órgão ou entidade da Administração que não tenha participado do certame licitatório, mediante prévia consulta ao órgão gerenciador, desde que devidamente comprovada a vantagem. 1º Os órgãos e entidades que não participaram do registro de preços, quando desejarem fazer uso da Ata de Registro de Preços, deverão manifestar seu interesse junto ao órgão gerenciador da Ata, para que este indique os possíveis fornecedores e respectivos preços a serem praticados, obedecida a ordem de classificação. 2º Caberá ao fornecedor beneficiário da Ata de Registro de Preços, observadas as condições nela estabelecidas, optar pela aceitação ou não do fornecimento, independentemente dos quantitativos registrados em Ata, desde que este fornecimento não prejudique as obrigações anteriormente assumidas. 3o As aquisições ou contratações adicionais a que se refere este artigo não poderão exceder, por órgão ou entidade, a cem por cento dos quantitativos registrados na Ata de Registro de Preços. (Incluído pelo Decreto nº 4.342, de )

4 Decreto Presidencial 7892 de 23 de janeiro de CAPÍTULO IX DA UTILIZAÇÃO DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS POR ÓRGÃO OU ENTIDADES NÃO PARTICIPANTES Art. 22. Desde que devidamente justificada a vantagem, a ata de registro de preços, durante sua vigência, poderá ser utilizada por qualquer órgão ou entidade da administração pública federal que não tenha participado do certame licitatório, mediante anuência do órgão gerenciador. 1º Os órgãos e entidades que não participaram do registro de preços, quando desejarem fazer uso da ata de registro de preços, deverão consultar o órgão gerenciador da ata para manifestação sobre a possibilidade de adesão. 2º Caberá ao fornecedor beneficiário da ata de registro de preços, observadas as condições nela estabelecidas, optar pela aceitação ou não do fornecimento decorrente de adesão, desde que não prejudique as obrigações presentes e futuras decorrentes da ata, assumidas com o órgão gerenciador e órgãos participantes. 3º As aquisições ou contratações adicionais a que se refere este artigo não poderão exceder, por órgão ou entidade, a cem por cento dos quantitativos dos itens do instrumento convocatório e registrados na ata de registro de preços para o órgão gerenciador e órgãos participantes. 4º O instrumento convocatório deverá prever que o quantitativo decorrente das adesões à ata de registro de preços não poderá exceder, na totalidade, ao quíntuplo do quantitativo de cada item registrado na ata de registro de preços para o órgão gerenciador e órgãos participantes, independente do número de órgãos não participantes que aderirem. 5º O órgão gerenciador somente poderá autorizar adesão à ata após a primeira aquisição ou contratação por órgão integrante da ata, exceto quando, justificadamente, não houver previsão no edital para aquisição ou contratação pelo órgão gerenciador. 6º Após a autorização do órgão gerenciador, o órgão não participante deverá efetivar a aquisição ou contratação solicitada em até noventa dias, observado o prazo de vigência da ata. 7º Compete ao órgão não participante os atos relativos à cobrança do cumprimento pelo fornecedor das obrigações contratualmente assumidas e a aplicação, observada a ampla defesa e o contraditório, de eventuais penalidades decorrentes do descumprimento de cláusulas contratuais, em relação às suas próprias contratações, informando as ocorrências ao órgão gerenciador. 8º É vedada aos órgãos e entidades da administração pública federal a adesão a ata de registro de preços gerenciada por órgão ou entidade municipal, distrital ou estadual. 9º É facultada aos órgãos ou entidades municipais, distritais ou estaduais a adesão a ata de registro de preços da Administração Pública Federal.

5 3. O SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS DO BRB BANCO DE BRASÍLIA SA O Sistema de Registro de Preços SRP do BRB ocorreu através da Licitação PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 87/2012, processo interno Nº /2012, através do Sítio do Comprasnet ( em 10/01/2013 e foi homologado em 05/02/2013, com vigência de 21/02/2013 até 20/02/2014. O objeto licitado pelo órgão, descrito no projeto básico foi a contratação de empresa através do sistema de Registro de Preços, com o objetivo o fornecimento de 200 switches de 24 portas, com velocidade 10/100/1000 Mbps e tecnologia POE (Power Over Ethernet), com garantia de 36 meses, mediante o Sistema de Registro de Preços, com prazo de vigência de 12 (doze) meses, de acordo com as especificações técnicas, quantidades e exigências constantes no Termo de Referência, Anexo I do Edital. O SRP do BRB está disponível para consulta através do Sítio na Internet:

6 4. QUEM PODE UTILIZAR O SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS DO BRB O SRP do BRB pode ser utilizado por todos os Órgãos da Administração Pública Federal, Estadual e Municipal que tenham autonomia de gestão e disponibilidade orçamentária para contratar os serviços previstos neste SRP. 5. COMO UTILIZAR O SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS 2013/010 DO BRB O projeto básico que originou a Ata de Registro de Preços do Pregão Eletrônico 087/2012, Lote único está estruturado de forma unitária, flexibilizando a adesão de acordo com as necessidades de cada órgão.

7 Para adequar os itens previstos no SRP às realidades do Órgão, basta multiplicar a quantidade necessária de cada um dos itens, de acordo com as necessidades do projeto. Se necessário, o Órgão poderá contratar a realização do levantamento para elaboração de projeto que atenda as necessidades, relacionando as quantidades do item. A Mahvla Telecomm está à disposição para auxiliar na composição adequada da planilha. 6. PROCEDIMENTOS E ROTINAS PARA A ADESÃO AO SRP DO BRB O Órgão interessado em aderir ao SRP encaminha um Ofício à Comissão Permanente de Licitação do BRB conforme modelo apresentado no Anexo C, manifestando o interesse em se tornar Órgão Participante; 6.2. O BRB, responde ao ofício, autorizando a adesão, com cópia da Ata do Registro de Preços e, se necessário, outros documentos pertinentes; 6.3. O Órgão interessado apresenta internamente justificativa técnica e de preços, através de ofício, demonstrando os benefícios e vantagens em aderir ao Sistema de Registro de Preços; 6.4. O Órgão interessado encaminha ofício à Mahvla Telecomm Ltda, vencedora do respectivo SRP, conforme modelo apresentado no Anexo D, sobre a possibilidade e interesse no fornecimento dos serviços A Mahvla Telecomm responde ao Órgão interessado confirmando o interesse no fornecimento encaminhando proposta comercial, referente aos quantitativos e valores demandados pelo Órgão; 6.6. O Órgão Participante executa os procedimentos internos necessários para emitir o empenho, contrato de fornecimento e demais providências normais ao processo de contratação dos serviços previstos.

8 ANEXO A PROPOSTA DE PREÇOS CONSTANTE NO REGISTRO DE PREÇOS N. 2013/10 DO BRB Item 01 Descrição do Produto e Serviços Switches 10/100/1000 Mbps com tecnologia POE. Marca HP, Modelo HP G-PoE+ EI Planilha de Custo Para Formação de Preços Qtde UNIDADE Preço Unitário Preço Mensal Preço Total 200 UNIDADE R$ 6.722,00 R$ R$ , Serviços de Instalação e Configuração Garantia (Assistência Técnica + Manutenção) 36 meses 200 UNIDADE R$ 800,00 R$ R$ ,00 01 MENSAL R$ 36,88 R$ 7.376,00 R$ ,00 Total Global R$ ,00

9 ANEXO B DESCRITIVO RESUMIDO DO PRODUTO DO REGISTRO DE PREÇO Abaixo segue uma breve descrição do produto ofertado nesta proposta em conformidade com o Edital do pregão eletrônico no. 087/2012, em atendimento às especificações do Termo de Referência: 3.3 REQUISITOS TECNOLÓGICOS: Requisitos de Arquitetura tecnológica: Os switches deverão possuir as seguintes características técnicas: No mínimo 24 portas Switch Gigabit Ethernet 10/100/1000BaseT; Quatro portas SFP para instalação de transceivers ópticos Gigabit Ethernet. As portas SFP devem operar em modo COMBO com as portas 10/100/1000 exigidas, totalizando 24 portas ativas simultaneamente; Devem ser fornecidos com hardware e software necessários para empilhamento com banda mínima de 48 Gbps; Devem suportar 4 portas 10Gbps através da adição ou substituição de módulos; Cada porta 10/100/1000 deve implementar PoE+ (802.3at). A fonte interna do switch deve disponibilizar 370W de potência para alimentação do conjunto das portas PoE; Suportar as tecnologias SFP, SFP+ e XFP; Possuir capacidade de vazão de ao menos 128 Gbps; Possuir capacidade de encaminhamento de no mínimo 95 Mpps; Possuir Certificado de Homologação na Anatel, de acordo com a Resolução nº 242; Possuir fonte de alimentação interna 110/220VAC; Suportar módulos Gigabit e Fast Ethernet nos slots SFP; Suportar empilhamento a até 96 Gbps; Requisitos de implantação: Os switches serão entregues na Gerência de Material e Patrimônio GEMAT (SIA, trecho 03, lote 1615, Brasília- DF, CEP: , no horário de 8h30 às 11h30 e de 14h às 17h, telefone: (61) ), no prazo máximo de 60 (sessenta) dias corridos, a contar da assinatura do Contrato, e instalados sob demanda, a critério do Banco Requisitos de manutenção e suporte: Durante o prazo de garantia, a Contratada prestará serviço técnico corretivo em regime de 24x7x365, com tempo máximo de espera TME de 30 (trinta) minutos para o atendimento inicial, contado após a abertura do chamado. O tempo máximo para reparo TMR será de 4 (quatro) horas, contados após a abertura do chamado, incluindo troca de peças ou componentes mecânicos ou eletrônicos, sem ônus adicional para o BRB. O atendimento, para hardware, será do tipo on site mediante manutenção corretiva e preventiva nas dependências indicadas pelo BRB, realizado por profissionais especializados e deverá cobrir todo e qualquer defeito apresentado, incluindo a substituição de peças, componentes, ajustes, reparos e correções necessárias. O atendimento deverá ser realizado pelo fabricante dos equipamentos ou empresa credenciada pelo fabricante. Todas as peças e componentes mecânicos ou eletrônicos substituídos deverão apresentar padrões de qualidade e desempenho iguais ou superiores aos utilizados na fabricação do(s) equipamento(s), sendo sempre novos e de primeiro uso. O atendimento para os softwares será do tipo telefônico, deverá ser realizado por profissionais especializados e deverá cobrir todo e qualquer defeito apresentado.

10 3.3.4 Segurança da Informação: Deve implementar autenticação 802.1x de múltiplos usuários por porta. Deve suportar, pelo menos, 960 usuários 802.1x por switch; Deve implementar VLAN de convidados (Guest VLAN) para usuários que não se autenticaram com sucesso; Deve implementar listas de controle de Acesso (ACL) baseado em baseada em endereço IPv4, IPv6 e MAC de origem e destino, porta protocolo e VLAN; Deve implementar associação automática de VLAN, qualidade de serviço e ACL de acordo com usuário autenticado; Deve implementar accounting RADIUS; Deve implementar autenticação de endereço MAC em servidor Radius. Deve permitir a atribuição de VLAN e filtros de ACL conforme o perfil do dispositivo cadastrado no servidor Radius (atribuição de Vlan e ACL); Deve implementar proteção contra ataques de ARP; Deve implementar proteção contra IP spoofing (IP source guard); Deve implementar hierarquia de gerenciamento com 4 níveis de privilégio para usuário; Deve implementar SNMPv3, SSL e SSHv2; Deve suportar o isolamento de portas, de forma que uma porta isolada não possa enviar tráfego para outra porta isolada do mesmo switch, mesmo que estejam na mesma VLAN; Deve implementar funcionalidade que permita que a configuração de root do Spanning Tree seja mantida mesmo no caso de recebimento de BPDU com maior prioridade (root guard); Deve implementar PKI, com requisição automática de certificado (protocolo SCEP); Deve implementar a configuração de limites para tráfego broadcast e storm por porta. Caso os limites configurados sejam excedidos, deve ser possível enviar um trap e desabilitar a porta; Deve suportar integração com ferramenta de controle de admissão do mesmo fabricante (NAC ou similar) que possibilite verificar, no mínimo, a presença de antivírus, firewall e serviços em execução, permitindo isolar os clientes que não estejam em conformidade com a política de segurança; A ferramenta de NAC deve ser capaz de efetuar verificação de clientes Windows e Linux; Deve Implementar UDLD ou DLDP; Deve implementar RFC 1492 TACACS+; Deve implementar RFC 2865 Remote Authentication Dial In User Service (RADIUS); Deve implementar RFC 2866 RADIUS Accounting; Requisito de Padronização de Switching, Roteamento e Multicast: Deve implementar VLANs baseadas em MAC; Deve possuir tabela para endereços MAC; Deve permitir a configuração estática de endereços MAC; Deve suportar 4094 VLANs; Deve implementar registro dinâmico de VLANs (GVRP); Deve implementar mecanismo OAM fim-a-fim no nível de enlace em conformidade com o padrão IEEE802.1ag; Deve implementar protocolo específico de redundância L2 para redes com topologia em anel, com tempo de convergência inferior a 100ms; Deve implementar STP BPDU Protection (BPDU Guard); Deve implementar Jumbo frames com tamanho de até 9000 bytes; Deve implementar IEEE 802.1ad Q-in-Q; Deve implementar IEEE 802.3ad Link Aggregation Control Protocol (LACP);

11 Deve implementar IEEE 802.1s - MSTP; Deve implementar IEEE 802.3x Flow Control; Deve implementar roteamento estático; Deve possuir no mínimo 8 interfaces de roteamento IP (VLAN Interface); Deve implementar Proxy ARP; Deve implementar RFC 951 BOOTP; Deve implementar RFC 1812 IPv4 Routing; Deve implementar RFC 2131 DHCP; Deve implementar RFC 2461 IPv6 Neighbor Discovery; Deve implementar RFC 2463 ICMPv6; Deve implementar RFC 3162 RADIUS and IPv6; Deve implementar RFC 3306 Unicast-Prefix-based IPv6 Multicast Addresses; Deve implementar RFC 3315 DHCPv6 (client and relay); Deve implementar RFC 4213 Basic IPv6 Transition Mechanisms; Deve implementar IGMP Snooping v1, v2 e v3. Devem ser suportados 1000 grupos multicast; Deve implementar MLD Snooping; Deve implementar RFC 2236 IGMP Snooping; Requisitos de Compatibilidade e Gerenciamento: Deve suportar compatibilidade com a tecnologia "Wake on LAN", permitindo encaminhar os broadcasts direcionados às máquinas que implementam a tecnologia; Deve permitir autenticação em servidores RADIUS e TACACS+; Deve implementar DHCP Server, DHCP Snooping, DHCP client e DHCP Relay, para IPv4 e IPv6; Deve permitir a formação de pilhas com até 4 unidades gerenciadas por um único IP; Deve implementar gerenciamento IPv6, incluindo suporte a IPv6 para os seguintes protocolos: Ping, Traceroute, Telnet, TFTP, DNS, Syslog, SNMP, DHCP e RADIUS Deve implementar espelhamento N:1; Deve implementar espelhamento remoto; Deve permitir a seleção por ACL do tráfego a ser espelhado; Deve permitir múltiplos arquivos de configuração; Deve implementar Xmodem, TFTP e FTP; Deve implementar Secure File Transfer Protocol; Deve implementar LLDP e LLDP-MED; Deve implementar Sflow; Deve implementar mecanismo interno para teste de performance de rede, com capacidade de medir latência de conexões TCP, jitter de conexões UDP e taxa de transferência de arquivos; Deve implementar protocolo de autenticação com as seguintes características: Utiliza o protocolo TCP, garantindo confiabilidade intrínseca; Criptografe todo o payload do pacote e não apenas o campo de senha; Implemente autorização para cada comando de configuração; Deve implementar funcionalidade de teste para detecção de falhas em cabos UTP; Deve implementar as seguintes MIBs: Deve implementar RFC 1212 Concise MIB Definitions; Deve implementar RFC 1213 MIB II; Deve implementar RFC 1493 Bridge MIB; Deve implementar RFC 1757 Remote Network Monitoring MIB; Deve implementar RFC 2096 IP Forwarding Table MIB; Deve implementar RFC 2233 Interface MIB; Deve implementar RFC 2571 SNMP Framework MIB;

12 Deve implementar RFC 2572 SNMP-MPD MIB; Deve implementar RFC 2573 SNMP-Notification MIB; Deve implementar RFC 2573 SNMP-Target MIB; Deve implementar RFC 2574 SNMP USM MIB; Deve implementar RFC 2618 RADIUS Authentication Client MIB; Deve implementar RFC 2620 RADIUS Accounting Client MIB; Deve implementar RFC 2665 Ethernet-Like-MIB; Deve implementar RFC MAU MIB; Deve implementar RFC p and IEEE 802.1Q Bridge MIB; Deve implementar RFC 2737 Entity MIB (Version 2); Deve implementar RFC 2819 RMON MIB; Deve implementar RFC 2863 The Interfaces Group MIB; Deve implementar RFC 2925 Ping MIB; Deve implementar RFC 3414 SNMP-User based-sm MIB; Deve implementar RFC 3415 SNMP-View based-acm MIB; Deve implementar RFC 3418 MIB for SNMPv3; Deve implementar RFC 3621 Power Ethernet MIB; Deve implementar RFC 1305 NTPv3; Deve implementar RFC 2573 (SNMPv3 Applications); Deve implementar RFC 2819 (RMON groups Alarm, Event, History and Statistics); Deve implementar RFC 3414 SNMP-User based-sm MIB; Deve implementar RFC 3415 SNMP-View based-acm MIB; Deve implementar RFC 3416 (SNMP Protocol Operations v2); Deve ser fornecido com a versão de software mais completa disponível para o equipamento; Deve ser fornecido com todas as licenças de software necessárias para o funcionamento integral de todas as funcionalidades disponíveis para o equipamento; Padrões de Disponibilidade e QoS: Deve suportar a criação de grupos de agregação de link contendo portas em unidades diferentes da pilha; Deve implementar agregação de links em modo estático e dinâmico (LACP), com suporte a criação de até 128 grupos. Deve ser possível a formação de grupos com 8 portas Gigabit e grupos com 8 portas 10Gbps; Deve suportar alimentação redundante; Deverá implementar mecanismo para aplicação de patches de firmware sem interromper o funcionamento do switch e sem necessidade de se reiniciar o switch; Deve implementar 8 filas de hardware por porta; Deve implementar reconhecimento de telefones IP do mesmo e de outros fabricantes e associação automática de seu tráfego em VLAN específica (Voice VLAN) para isolamento e priorização do tráfego VoIP; Deve implementar ou WRED; ou WRR, SP e combinação de WRR + SP em uma mesma porta; Deve implementar rate-limiting com granularidade de 64 kbps; Deve implementar traffic shapping; Documentação: Todos os manuais, diagramas e especificações dos switches ofertados, escritos em português, não se admitindo qualquer outra linguagem, com exceção para os termos técnicos. ANEXO C TERMO DE HOMOLOGAÇÃO

13 1.1. Banco de Brasília S/A Termo de Homologação do Pregão Eletrônico Nº 00087/2012 (SRP) Às 09:26 horas do dia 05 de fevereiro de 2013, após constatada a regularidade dos atos procedimentais, a autoridade competente, Sr. FRANCISCO DE ASSIS GOMES, HOMOLOGA a adjudicação referente ao Processo nº /2012, Pregão nº 00087/2012. Resultado da Homologação Item: 1 Descrição: SWITCH Descrição Complementar: 200 switches de 24 portas, com velocidade 10/100/1000 Mbps e tecnologia POE (Power Over Ethernet) Tratamento Diferenciado: - Aplicabilidade Decreto 7174: Sim Aplicabilidade Margem de Preferência: Não Quantidade: 1 Valor estimado: R$ ,0000 Unidade de fornecimento: Valor total Situação: Homologado Adjudicado para: MAHVLA TELECOMM CONSULTORIA E SERVICOS EM TECNOLOGIA LT, pelo melhor lance de R$ ,0000, com valor negociado a R$ ,0000 e a quantidade de 1 Valor total. Eventos do Item Evento Data Observações Adjudicado 01/02/ :45:28 Adjudicação em grupo da proposta. Fornecedor: MAHVLA TELECOMM CONSULTORIA E SERVICOS EM TECNOLOGIA LT, CNPJ/CPF: / , Melhor lance: R$ ,0000, Valor Negociado: R$

14 ,0000 Homologado 05/02/ :26:34 ANEXO D MODELO DE OFÍCIO PARA O BRB

15 Cidade, dia de mês de 2012 Ofício n xxxx/2013 Ao GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL BRB BANCO DE BRASILIA S/A GECON GERENCIA DE COMPRAS, LICITAÇÕES E CONTRATOS At.: Francisco de Assis Gomes Fone: Ref.: Solicitação de Adesão ao Sistema de Registro de Preços 2013/010 Prezado Senhor, Com base no art. 8º, 1º, do Decreto Presidencial nº 3.931, de 19 de setembro de 2001, consultamos V.Sas sobre a possibilidade de adesão à Ata de Registro de Preços no. 2013/010 referente ao Pregão Eletrônico nº 87/2012, realizado pela BRB Banco de Brasilia SA. A referida adesão visa à aquisição de SWITCHES DE BORDA, junto à licitante vencedora do certame. Solicitamos, ainda, uma vez atendido o pleito em tela, que nos encaminhe o(s) ofício(s) de autorização e os dados de contato da empresa vencedora do processo licitatório, bem como a cópia da Ata de Registro de Preços, e a(s) Proposta(s) de Preço(s) vencedor(es). Para qualquer necessidade de contato, disponibilizamos o endereço de e, ainda, o(s) telefone(s) deste Órgão: (XX) e fone-fax (XX) Atenciosamente, XXXXXXXXXXXXX <Dirigente do órgão interessado> ANEXO E MODELO DE OFÍCIO QUE O ÓRGÃO INTERESSADO DEVE ENCAMINAR PARA A MAHVLA TELECOMM CONSULTORIA E SERVIÇOS EM TECNOLOGIA LTDA

16 Cidade, dia de mês de 2013 Ofício no. n xxx/2013 À Mahvla Telecomm Consultoria e Serviços em Tecnologia Ltda At.: Sr. Milton Fernandes Balieiro Júnior Diretor Comercial Ref.: Solicitação de Adesão ao Sistema de Registro de Preços 2013/010 BRB Prezado Senhor, Em observância ao disposto no art. 8 do Decreto Presidencial n 3931/2001, informamos V.Sa. nosso interesse em aderir a Ata de Registro de Preços no. 2013/010 assinada entre esta empresa e o BRB Banco de Brasilia SA, com validade de 21/02/2013 a 20/02/2014, que tem como objeto o fornecimento de Switches de Borda, incluindo serviços de suporte, manutenção e garantia de 36 meses. Assim consultamos V.Sas sobre a possibilidade de fornecimento dos serviços previstos nesta Ata de Registro de Preços. Solicitamos a visita profissional de V.Sas para que auxilie este Órgão na composição dos quantitativos que deverão ser fornecidos e posteriormente seja encaminhada proposta comercial nas mesmas condições e valores pactuados naquela Ata de Registro de Preços, informando inclusive o prazo previsto para execução dos serviços propostos. Atenciosamente, NOME ÓRGÃO CARGO (ENVIAR EM PAPEL TIMBRADO DO ÓRGÃO)

APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE CFTV TCM- GO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 006/2013

APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE CFTV TCM- GO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 006/2013 APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE CFTV TCM- GO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 006/2013 Brasília- DF, 20 de dezembro de 2013 1/8 Ref.: Apresentação de Sistema de Registro

Leia mais

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO DE SOLUÇÃO DE VÍDEO MONITORAMENTO CFTV

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO DE SOLUÇÃO DE VÍDEO MONITORAMENTO CFTV CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO DE SOLUÇÃO DE VÍDEO MONITORAMENTO CFTV Control Teleinformática Ltda SRTV/Sul Qd. 701 Conj. L Bloco 1, 38 Sobreloja sala 24 Pag. 1 de 10 Brasília, setembro

Leia mais

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS TJDFT

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS TJDFT CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO DISTRITO FEDERAL E TERRITÓRIOS TJDFT Control Teleinformática Ltda SRTV/Sul Qd. 701 Conj. L Bloco 1, 38 Sobreloja sala 24 Pag. 1 de 10

Leia mais

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA IFB

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA IFB CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA IFB Control Teleinformática Ltda SRTV/Sul Qd. 701 Conj. L Bloco 1, 38 Sobreloja sala 24 Pag. 1 de 10 Brasília, agosto de 2013

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EQUIPAMENTOS DE ACELERADORES WAN

APRESENTAÇÃO DE SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EQUIPAMENTOS DE ACELERADORES WAN APRESENTAÇÃO DE SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EQUIPAMENTOS DE ACELERADORES WAN Prezados Senhores, A Control Teleinformática Ltda. é uma empresa Grupo Mahvla, nacional, que foi criada para atender

Leia mais

Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4

Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4 Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4 Switch Fast Ethernet com as seguintes configurações mínimas: capacidade de operação em camada 2 do modelo OSI; 24 (vinte e quatro) portas

Leia mais

Cartilha para adesão à ATA de registro de preço AGU/RJ - Superintendência de Administração da Advocacia-Geral da União no Rio de Janeiro Nº 08/2013

Cartilha para adesão à ATA de registro de preço AGU/RJ - Superintendência de Administração da Advocacia-Geral da União no Rio de Janeiro Nº 08/2013 Cartilha para adesão à ATA de registro de preço AGU/RJ - Superintendência de Administração da Advocacia-Geral da União no Rio de Janeiro Nº 08/2013 2 1. A SIGMAFONE Com mais de 28 anos de experiência,

Leia mais

Brasília DF São Paulo SP Rio de Janeiro RJ Belo Horizonte MG Vitória ES Salvador - BA

Brasília DF São Paulo SP Rio de Janeiro RJ Belo Horizonte MG Vitória ES Salvador - BA APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS EQUIPAMENTOS DE ÁUDIO E VÍDEO PARA COMUNICAÇÃO UNIFICADA (VIDEOCONFERÊNCIA) PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 50/2014 Processo nº 00400.005826/2013-85

Leia mais

Estamos à disposição de V.Sas para prestarmos todos os esclarecimentos julgados necessários.

Estamos à disposição de V.Sas para prestarmos todos os esclarecimentos julgados necessários. Brasília, agosto de 2013 Ref.: Apresentação de Sistema de Registro de Preços de Solução de Tecnologia da Informação, consistente de monitoramento, armazenamento, manutenção e distribuição de imagens através

Leia mais

Switch de Borda - 48 portas de 1 Gbps

Switch de Borda - 48 portas de 1 Gbps CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA Switch de Borda - 48 portas de 1 Gbps Especificações Técnicas Característica/Configurações/Requisitos mínimos: Descrição do Material Switch

Leia mais

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO SENADO FEDERAL

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO SENADO FEDERAL CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO SENADO FEDERAL ARP Nº 55/2014 Aos Órgãos da Administração Pública Ref.: Ata de Registro de Preços conforme preceitua o Decreto Nº 7.892, de 23 de janeiro de

Leia mais

SWITCH DE BORDA CAMADA 2 24 PORTAS GIGABIT RJ-45 SEM POE E 2 PORTAS 10 GIGABITS PARA FIBRA. Subitem Característica Especificação Exigência

SWITCH DE BORDA CAMADA 2 24 PORTAS GIGABIT RJ-45 SEM POE E 2 PORTAS 10 GIGABITS PARA FIBRA. Subitem Característica Especificação Exigência SWITCH DE BORDA CAMADA 2 24 PORTAS GIGABIT RJ-45 SEM POE E 2 PORTAS 10 GIGABITS PARA FIBRA Subitem Característica Especificação Exigência CONEXÕES DESEMPENHO 1.1 Portas RJ-45 1.2 Portas GBIC 1.3 Autoconfiguraçã

Leia mais

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015.

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. EMENTA: Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP previsto no art. 15 da Lei nº 8.666/93, no âmbito do Município de Central Bahia. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

Switch com mínimo de 24 portas 10/100Mbps (Ethernet/Fast- Ethernet) ou velocidade superior em conectores RJ45 - POE

Switch com mínimo de 24 portas 10/100Mbps (Ethernet/Fast- Ethernet) ou velocidade superior em conectores RJ45 - POE Switch com mínimo de 24 portas 10/100Mbps (Ethernet/Fast- Ethernet) ou velocidade superior em conectores RJ45 - POE Especificações Técnicas Mínimas: 1. O equipamento deve ter gabinete único para montagem

Leia mais

Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993.

Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. DECRETO N.º 7.892, DE 23 DE JANEIRO DE 2013. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I Folha: 0001 001 111586 Nobreak Senoidal de Dupla Conversão de no mínimo 3.0 KVa 1. Todos os equipamentos deverão ser novos de primeiro uso e estar na linha de produção atual do fabricante; 2. A garantia

Leia mais

SWITCH CORE 1.1. - Chassi/Slots. 1.2. - Controle

SWITCH CORE 1.1. - Chassi/Slots. 1.2. - Controle SWITCH CORE 1.1. - Chassi/Slots 1.1.1. Deve possuir no mínimo 06 slots para inserção de módulos de I/O, ou seja, 06 além dos slots para supervisoras; 1.1.2. Deve vir acompanhado de kit de suporte específico

Leia mais

Ferramentas do Sistema de Registro de Preços. Intenção de Registro de Preços - IRP e Adesão

Ferramentas do Sistema de Registro de Preços. Intenção de Registro de Preços - IRP e Adesão Ferramentas do Sistema de Registro de Preços Intenção de Registro de Preços - IRP e Adesão OBJETIVO Divulgar ferramentas e alternativas que auxiliam os gestores no planejamento e execução das despesas:

Leia mais

Especificaça o Te cnica

Especificaça o Te cnica Especificaça o Te cnica Esta especificação técnica tem como objetivo possibilitar a implantação da infraestrutura de rede lógica (nível de acesso) na nova sede da DME Distribuição. A solução deverá ser

Leia mais

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA IFB

CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA IFB CARTILHA PARA ADESÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇO INSTITUTO FEDERAL DE BRASÍLIA IFB Control Teleinformática Ltda SRTV/Sul Qd. 701 Conj. L Bloco 1, 38 Sobreloja sala 24 Pag. 1 de 10 Brasília, agosto de 2013

Leia mais

2.3. Endereço: Avenida Presidente Vargas, 1012, Rio de Janeiro - RJ. 2.7. Responsáveis: Jorge Luís da Silveira; Maria Teresa Outeiro de Azevedo Lima

2.3. Endereço: Avenida Presidente Vargas, 1012, Rio de Janeiro - RJ. 2.7. Responsáveis: Jorge Luís da Silveira; Maria Teresa Outeiro de Azevedo Lima ATA DE REGISTRO DE PREÇOS nº 10/2013 CGTI/DPF A UNIÃO FEDERAL, através da COORDENAÇÃO GERAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DO /MJ, localizada no SPO (Setor Policial), Lote 07, Edifício 23, CEP: 70.610-902,

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES Sistemática de Registro de Preços Versão: 06/12/2013

PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES Sistemática de Registro de Preços Versão: 06/12/2013 1. O que é Registro de Preços? PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES Sistemática de Registro de Preços Versão: 06/12/2013 O Sistema de Registro de Preços é "o conjunto de procedimentos para seleção de proposta

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 3.931, DE 19 DE SETEMBRO DE 2001. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 45/2014 ESCLARECIMENTO N. 2

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 45/2014 ESCLARECIMENTO N. 2 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento Referência: Pregão Eletrônico n. 45/2014 Data: 06/3/2015 Objeto: Registro de Preços para fornecimento de equipamentos, componentes de solução de rede local, incluindo instalação

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL EDIÇÃO Nº 030224 de 30/06/2004

DIÁRIO OFICIAL EDIÇÃO Nº 030224 de 30/06/2004 DIÁRIO OFICIAL EDIÇÃO Nº 030224 de 30/06/2004 GABINETE DO GOVERNADOR D E C R E T O Nº 1.093, DE 29 DE JUNHO DE 2004 Institui, no âmbito da Administração Pública Estadual, o Sistema de Registro de Preços

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. 3 Módulo e cabo stack para switch de borda 12

TERMO DE REFERÊNCIA. implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. 3 Módulo e cabo stack para switch de borda 12 TERMO DE REFERÊNCIA I DEFINIÇÃO DO OBJETO O presente Projeto Básico tem por objeto a aquisição de equipamentos para implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. ITEM DESCRIÇÃO QUANTIDADE 1 Switch

Leia mais

158499.142013.61893.4249.2666355912.198

158499.142013.61893.4249.2666355912.198 158499.142013.61893.4249.2666355912.198 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO E ORÇAMENTO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Especificação de Referência Switch de Borda Alguns itens apresentam opções de configuração, refletindo nos aspectos originais de preço e características da máquina Código do Material Descrição do Material

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 04-053/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 051/2015

PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 04-053/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 051/2015 PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 04-053/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 051/2015 Aos nove dias do mês de setembro do ano de 2015 a, através da Comissão Especial de Registro de Preços, designada pela Portaria

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Item I Switch Tipo 1 10/100 Mbps Layer 2 24 Portas

TERMO DE REFERÊNCIA. Item I Switch Tipo 1 10/100 Mbps Layer 2 24 Portas TERMO DE REFERÊNCIA Item I Switch Tipo 1 10/100 Mbps Layer 2 24 Portas Deve ser montável em rack padrão EIA 19 (dezenove polegadas) e possuir kits completos para instalação; Deve possuir, no mínimo, 24

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 16/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇO RELATIVA AO PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 13/2015-SEGUP/PA.

ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 16/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇO RELATIVA AO PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 13/2015-SEGUP/PA. ATA DE REGISTRO DE PREÇO Nº 16/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇO RELATIVA AO PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 13/2015-SEGUP/PA. Aos vinte e cinco dias do mês de junho do ano de 2015, o Secretário Adjunto de Gestão

Leia mais

ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA 1.UNIDADE REQUISITANTE: ETICE 2. DO OBJETO: ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA 2.1. Registro de preços para futuras e eventuais aquisições de EQUIPAMENTOS DE REDE CORPORATIVOS ( SWITCHS e ACESSÓRIOS), todos

Leia mais

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013 QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013 Encaminhado por: Razão Social : Altas Networks e Telecom

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 067/2013

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 067/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 067/2013 No dia 06 (seis) do mês de novembro de 2013 (dois mil e treze), o MUNICÍPIO DE ANGRA DOS REIS, pessoa jurídica de direito público interno, inscrito no CNPJ sob o nº

Leia mais

Especificação de Referência Switch de Acesso I

Especificação de Referência Switch de Acesso I 1 Especificação de Referência Switch de Acesso I Código do Objeto Descrição do Objeto Aplicação do Objeto Data da Especificação de Referência Validade da Especificação de Referência AC0000045 Switch de

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA

ESTADO DE SANTA CATARINA DECRETO N.º 2356/2013 Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, e dá outras providências. Rosane Minetto Selig, Prefeita Municipal de Ouro

Leia mais

G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S. VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras

G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S. VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras SUMÁRIO O Sistema de Registro de Preços do Governo do Estado

Leia mais

Manual de adesão à Ata de Registro de Preço

Manual de adesão à Ata de Registro de Preço Manual de adesão à Ata de Registro de Preço Solução de NIPS Sourcefire 1 de novembro de 2013 1 CARTA DE APRESENTAÇÃO Aos Órgãos ou Entidades da Administração Pública Referente: Registro de Preços Prezado(a)

Leia mais

1 de 6 25/08/2015 10:22

1 de 6 25/08/2015 10:22 1 de 6 25/08/2015 10:22 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria Executiva Subsecretaria de Planejamento e Orçamento Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano Termo de Adjudicação

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL Nº 032, DE 17-02-2004 Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP, previsto no art. 15, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de

Leia mais

Aditamento nº 01 Pregão Eletrônico nº 15/01526 Objeto: CELESC DISTRIBUIÇÃO S/A - Aquisição de Ativos de Rede. Data: 04/05/2015

Aditamento nº 01 Pregão Eletrônico nº 15/01526 Objeto: CELESC DISTRIBUIÇÃO S/A - Aquisição de Ativos de Rede. Data: 04/05/2015 Aditamento nº 01 Pregão Eletrônico nº 15/01526 Objeto: CELESC DISTRIBUIÇÃO S/A - Aquisição de Ativos de Rede. Data: 04/05/2015 1. Por meio deste aditamento, inserimos o Anexo I Especificações Técnicas.

Leia mais

Comunicação Industrial: Algumas características importantes em Switches Industriais.

Comunicação Industrial: Algumas características importantes em Switches Industriais. Comunicação Industrial: Algumas características importantes em Switches Industriais. O uso de switches ethernet é cada vez maior em redes industriais, não resta dúvida, e essa utilização não é de agora.

Leia mais

1. LOTE 1 SWITCH REDE OPTICA

1. LOTE 1 SWITCH REDE OPTICA 1. LOTE 1 SWITCH REDE OPTICA Switch de 10 portas, Quantidade unidades. 1.1.1. Deve ser montável em rack padrão EIA 19 (dezenove polegadas) e possuir kits completos para instalação e deve ocupar uma unidade

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SEMA I N S TRUME N TO CONVOC ATÓR IO

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SEMA I N S TRUME N TO CONVOC ATÓR IO I. Regência legal: GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA I N S TRUME N TO CONVOC ATÓR IO S EÇÃO A PREÂMBULO Esta licitação obedecerá, integralmente, as disposições da Lei Estadual nº 9.433/05 (alterada pelas Leis

Leia mais

Expansão da rede local do CSS Equipamentos para Blocos do Sesc/DN

Expansão da rede local do CSS Equipamentos para Blocos do Sesc/DN Expansão da rede local do CSS Equipamentos para Blocos do Sesc/DN Objeto: Aquisição de infraestrutura de Tecnologia da Informação (TI) para expansão da rede loca do CSS (aumento de pontos de rede) em atendimento

Leia mais

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO PREFEITURA DE GOIÂNIA 1 GABINETE DO PREFEITO DECRETO Nº 612, DE 16 DE MARÇO DE 2007. Dispõe sobre a implantação do Sistema de Registro de Preços nas compras, obras e serviços contratados pelos órgãos da

Leia mais

Sugestão acatada. A redação do item 2.43 será alterada para Implementar

Sugestão acatada. A redação do item 2.43 será alterada para Implementar DEFINIÇÕES E RESPOSTAS AS SUGESTÕES APRESENTADAS PELO REPRESENTANTE GLOBALRED, VIA E-MAIL, DATADO DE 18/03/2011, RELATIVAS À CONSULTA PÚBLICA, REALIZADA NO DIA 16/03/2010, VISANDO DISCUSSÃO DAS ESPECIFICAÇÕES

Leia mais

Termo de Referência Tecnologia da Informação

Termo de Referência Tecnologia da Informação Termo de Referência Tecnologia da Informação TERMO DE REFERÊNCIA PARA AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE TI E LICENÇAS. GERENCIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS JULHO/2015 CDG CAE 01/2015 1. DO OBJETO Aquisição de

Leia mais

Por ser uma funcionalidade comum a diversos switches de mercado, sugerimos adicionar os seguintes requisitos:

Por ser uma funcionalidade comum a diversos switches de mercado, sugerimos adicionar os seguintes requisitos: ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 10/2014 (PERGUNTAS E RESPOSTAS) A ATA REGISTRO PREÇOS FUTURA E EVENTUAL AQUISIÇÃO SWITCH ÓPTICA E SWITCH BORDA A ADMINISTRAÇÃO DIRETA E INDIRETA DO MUNICÍPIO SÃO PAULO

Leia mais

Aula 03 Regras de Segmentação e Switches

Aula 03 Regras de Segmentação e Switches Disciplina: Dispositivos de Rede II Professor: Jéferson Mendonça de Limas 4º Semestre Aula 03 Regras de Segmentação e Switches 2014/1 19/08/14 1 2de 38 Domínio de Colisão Os domínios de colisão são os

Leia mais

Interconexão redes locais (LANs)

Interconexão redes locais (LANs) Interconexão redes locais (LANs) Descrever o método de funcionamento dos dispositivos bridge e switch, desenvolver os conceitos básicos de LANs intermediárias, do uso do protocolo STP e VLANs. Com o método

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA Nº 003/2015

CONSULTA PÚBLICA Nº 003/2015 CONSULTA PÚBLICA Nº 003/2015 TI APPLICATION DELIVERY CONTROLLER ESCLARECIMENTOS AOS QUESTIONAMENTOS APRESENTADOS PELAS EMPRESAS INTERESSADAS País: BRASIL Nome do Projeto: PLANO DE DESENVOLVIMENTO DA ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 26430 - INST.FED.DE EDUC.,CIENC.E TEC.S.PERNAMBUCANO 158149 - INST.FED.EDUC.CIENC.E TEC.SERTãO PERNAMBUCANO RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 1 - Itens da Licitação 1 - EQUIPAMENTO

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 007/2015 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 124/2014 Pelo presente instrumento, a SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, órgão gerenciador do Registro de Preços, localizada na

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015. Objeto: TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO

CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015. Objeto: TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO CONSULTA PÚBLICA Nº 002/2015 TI SECURE WEB GATEWAY, SERVIÇO DE INSTALAÇÃO E TREINAMENTO ESCLARECIMENTOS AOS QUESTIONAMENTOS APRESENTADOS PELAS EMPRESAS INTERESSADAS País: BRASIL Nome do Projeto: PLANO

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA 1 - OBJETO

TERMO DE REFERENCIA 1 - OBJETO TERMO DE REFERENCIA 1 - OBJETO Contratação de empresa especializada para fornecimento de equipamentos e instalação de Ativos de Rede, destinados à ampliação da infraestrutura física e lógica da Procuradoria

Leia mais

DESPACHO DE HOMOLOGAÇÃO

DESPACHO DE HOMOLOGAÇÃO DESPACHO DE HOMOLOGAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº: 085/2012 PREGÃO PRESENCIAL Nº: 039/2012 OBJETO: FORNECIMENTO PARCELADO DE ATIVOS DE REDE COMPOSTOS POR SWITCHES, CABOS E INTERFACES PARA MANUTENÇÃO E AMPLIAÇÃO

Leia mais

PROJETO BÁSICO AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO DE REDE WIRELESS

PROJETO BÁSICO AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO DE REDE WIRELESS PROJETO BÁSICO AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO DE REDE WIRELESS 1. OBJETO Este Projeto Básico tem por objeto a especificação dos requisitos técnicos necessários para a aquisição de uma solução de Rede Wireless para

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS Ofício nº 137/2006/CPL/SAA/SE/MEC REFERÊNCIA: Pregão nº 44/2006 Brasília, 12 de dezembro de 2006. ASSUNTO: QUESTIONAMENTOS

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE Aquisição de Solução de Criptografia para Backbone da Rede da Dataprev ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE 1.1 Cada appliance deverá ser instalado em rack de 19 (dezenove) polegadas

Leia mais

ÓRGÃO: UASG: ENDEREÇO DE ENTREGA: RESPONSÁVEL TÉCNICO:

ÓRGÃO: UASG: ENDEREÇO DE ENTREGA: RESPONSÁVEL TÉCNICO: ÓRGÃO: UASG: ENDEREÇO DE ENTREGA: RESPONSÁVEL TÉCNICO: GRUPO 1 Item Quant. Descrição item R$ unitário R$ total 01 123 SWITCH TIPO 01: Equipamento tipo Switch Gigabit Ethernet com capacidade de operação

Leia mais

MARÇO / 2009 AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Departamento de Redes de Telecomunicações DERE

MARÇO / 2009 AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Departamento de Redes de Telecomunicações DERE TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 MARÇO / 2009 RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 1 / 20 HISTÓRICO DE REVISÕES DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTOR 26/01/2009 1 Criação

Leia mais

Manual de adesão à Ata de Registro de Preço Solução de NIPS SourcefireTÍTULO. Subtítulo

Manual de adesão à Ata de Registro de Preço Solução de NIPS SourcefireTÍTULO. Subtítulo Manual de adesão à Ata de Registro de Preço Solução de NIPS SourcefireTÍTULO - Balanceador de Carga A10 Networks - Subtítulo Brasília, 2 de setembro de 2014. CARTA DE APRESENTAÇÃO Aos Órgãos ou Entidades

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE CARAZINHO SA - ELETROCAR RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 016/12

CENTRAIS ELÉTRICAS DE CARAZINHO SA - ELETROCAR RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 016/12 CENTRAIS ELÉTRICAS DE CARAZINHO SA - ELETROCAR RETIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 016/12 1. Objeto : Aquisição de Equipamentos e Acessórios de Informática 2. Os itens 1.1, 1.2 e 1.3 do Termo de Referência

Leia mais

LUÍS SANTOS DA SILVA, brasileiro, solteiro, portador da Carteira de Identidade n 3129720, expedida

LUÍS SANTOS DA SILVA, brasileiro, solteiro, portador da Carteira de Identidade n 3129720, expedida SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETÁRIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 02/2016 PREGÃO ELETRÔNICO n.36/2015 PROCESSO n.23000.011829/2015-28 Aos. _ dias do mês

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SWITCHES

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SWITCHES ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SWITCHES 1 SWITCH Todos os switches objeto deste fornecimento deverão ser do mesmo fabricante e serem entregues com todas as licenças de software necessárias à implementação de todos

Leia mais

PROTOCOLO 802.1X COM FRERADIUS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

PROTOCOLO 802.1X COM FRERADIUS FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC GOIÁS GESTÃO EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO WISLIY LOPES JULIANO PIROZZELLI TULIO TSURUDA LUIZ GUILHERME MENDES PROTOCOLO 802.1X COM FRERADIUS GOIÂNIA JUNHO DE 2014 Sumário 1.

Leia mais

O Banco do Brasil não exige que o toner seja original, cabe ao fornecedor oferecer a melhor proposta desde que atenda ao item 2.24.2 e 2.26.

O Banco do Brasil não exige que o toner seja original, cabe ao fornecedor oferecer a melhor proposta desde que atenda ao item 2.24.2 e 2.26. 1 Dúvida: Diretoria de Apoio aos Negócios e Operações Referente aos itens: item 1.3.3.3., item 2.24, item 2.24.2. Entendemos que todos os PROPONENTES deveriam ofertar apenas toners originais do fabricante

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 MARÇO / 2009 RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 1 / 22 HISTÓRICO DE REVISÕES DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTOR 26/01/2009 1 Criação

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS INFRAESTRUTURA CONVERGENTE DE TI:

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS INFRAESTRUTURA CONVERGENTE DE TI: ATA DE REGISTRO DE PREÇOS INFRAESTRUTURA CONVERGENTE DE TI: 01 02 03 04 SEGURANÇA LAN SWITCHING GERÊNCIA DE REDE SERVIÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Soluções desta ATA de Registro de Preços: SEGURANÇA LAN

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS PR/OI/1-HNJXVY/2014 CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS Pregão Presencial N.º 001/2014 LOTE Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à internet. Abertura:

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ COMISSÃO DE LICITAÇÃO PROCESSO N.º 06645/2014 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 11/2014

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ COMISSÃO DE LICITAÇÃO PROCESSO N.º 06645/2014 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 11/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 11/2014-CP TIPO MENOR PREÇO CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA AQUISIÇÃO SWITCH'S PoE (POWER OVER ETHERNET) E ADAPTADORES POE (POWER OVER ETHERNET) PARA

Leia mais

GERÊNCIA INFRAESTRUTURA Divisão Intragov - GIOV INTRAGOV Rede IP Multisserviços

GERÊNCIA INFRAESTRUTURA Divisão Intragov - GIOV INTRAGOV Rede IP Multisserviços GERÊNCIA INFRAESTRUTURA Divisão Intragov - GIOV INTRAGOV Rede IP Multisserviços Julho 2013 Milton T. Yuki Governo Eletrônico (e-gov) Público Alvo Cidadão/Sociedade Órgãos de Governo Serviços e-gov para

Leia mais

Switch de borda L3 com 48 portas, sendo 2 portas de 10Gbps

Switch de borda L3 com 48 portas, sendo 2 portas de 10Gbps Switch de borda L3 com 48 portas, sendo 2 portas de 10Gbps ARQUITETURA 1. Permitir instalação em gabinete de 19" (dezenove polegadas). 2. LEDs de identificação de atividades de status do sistema, de cada

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 12ª REGIÃO SERVIÇO DE LICITAÇÕES E COMPRAS WWW.TRT12.JUS.BR PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N.

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 12ª REGIÃO SERVIÇO DE LICITAÇÕES E COMPRAS WWW.TRT12.JUS.BR PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 12ª REGIÃO SERVIÇO DE LICITAÇÕES E COMPRAS WWW.TRT12.JUS.BR PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N.º 12702/2012 ARILDO DISARO FILHO PAULO CESAR DIAS EDITAL O Tribunal

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSUNTOS JURÍDICOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE ASSUNTOS JURÍDICOS PUBLICADO NO DOMP Nº 954 DE: 20/02/2014 PÁG: 2 PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS DECRETO Nº 730, DE 20 DE FEVEREIRO DE 2014. Dispõe sobre o regulamento do Sistema de Registro de Preços e adota outras providências.

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 070/2015 PREGÃO Nº 022/2015

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 070/2015 PREGÃO Nº 022/2015 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 070/2015 PREGÃO Nº 022/2015 Aos dezesseis dias do mês de julho de 2015, na sede da Coordenadoria Executiva de Licitações, localizada à Avenida Brahim Antônio Seder, nº 34 /

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS N 001/2013 REFERENTE AO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 037/2013 Pelo presente instrumento, a SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO, órgão gerenciador do Registro de Preços, localizada na

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas Gerenciamento do Tráfego de Internet Edital de Licitação PREGÃO PRESENCIAL Nº 34/2010 Processo SAP nº 4180/2010 Perguntas e Respostas Página 1 /15 Pergunta n o 1: Os dispositivos de filtro de conteúdo

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012-SALC. Empresa: BERGAMO & CAVALCANTE INFORMATICA LTDA ME. Prezado(a) Sr(a) Giancarlo Bergamo Cecilio,

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012-SALC. Empresa: BERGAMO & CAVALCANTE INFORMATICA LTDA ME. Prezado(a) Sr(a) Giancarlo Bergamo Cecilio, POR FAVOR NÃO IMPRIMA ESTA PÁGINA. GRATO!!!!! PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012-SALC Curitiba, PR, 05 de NOVEMBRO de 2012. Empresa: BERGAMO & CAVALCANTE INFORMATICA LTDA ME CNPJ: 11.195.926/0001-04 e-mail:

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 29/2008 ESCLARECIMENTO 04

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 29/2008 ESCLARECIMENTO 04 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento 04 Referência: Pregão Eletrônico n. 29/2008 Objeto: Aquisição de 6 (seis) switches, conforme especificações do Edital e seus Anexos. PREGÃO ELETRÔNICO N. 29/2008 ESCLARECIMENTO

Leia mais

A seguir, respostas aos questionamentos referentes ao Pregão Presencial nº 17/14:

A seguir, respostas aos questionamentos referentes ao Pregão Presencial nº 17/14: Senhores, A seguir, respostas aos questionamentos referentes ao Pregão Presencial nº 17/14: Questionamento 1: 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MÍNIMCAS No que diz respeito ao subitem 2.1.2, temos a seguinte

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS

CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS PR/OI/1-HNJXVY/2014 CÂMARA MUNICIPAL DE PASSOS Pregão Presencial N.º 001/2014 LOTE Contratação de empresa especializada para prestação de serviços de telecomunicação de acesso dedicado à internet. Abertura:

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso QUESTIONAMENTO 01 BRUNA APARECIDA SOUZA AO SR. PREGOEIRO RESPONSÁVEL PELO CERTAME DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO, PREGÃO ELETRÔNICO Nº 100/2015 - SRP, MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS. Prezados, bom dia! A

Leia mais

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300.

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução s de armazenamento (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução de armazenamento do

Leia mais

Construção do Fórum Da Comarca de RIO LARGO - AL

Construção do Fórum Da Comarca de RIO LARGO - AL REFERENTE: CONTRUÇÃO DO FÓRUM DE RIO LARGO -AL Construção do Fórum Da Comarca de RIO LARGO - AL ESPECIFICAÇÕES PARA AQUISIÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Especificação SWITCH DE 24 PORTAS

Leia mais

DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005.

DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005. DECRETO Nº 7.622, DE 20 DE MAIO DE 2005. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no artigo 15, 3º da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e artigo 11 da Lei Federal nº 10.520, de 17 de julho

Leia mais

Switch Central de Grande Porte

Switch Central de Grande Porte Switch Central de Grande Porte GERAL 1. Estrutura de chassi modular, para instalação em gabinete padrão EIA 19, e kit completo de instalação. Os equipamentos ofertados deverão vir acompanhados de kits

Leia mais

Ref.: PE 74/2014 RP Nº. 052/2014 - CONTRARRAZÕES

Ref.: PE 74/2014 RP Nº. 052/2014 - CONTRARRAZÕES À PREFEITURA MUNICIPAL DE ALVORADA Secretaria de Administração Setor de Licitações A/C Sra. Pregoeira: Amanda Vanessa Lamb Finger Ref.: PE 74/2014 RP Nº. 052/2014 - CONTRARRAZÕES TECHDEC INFORMÁTICA LTDA,

Leia mais

Manual de Instalação e Operação

Manual de Instalação e Operação Manual de Instalação e Operação CONVERSOR HPNA 3.1 CTS3600EC-F Versão 1.0 Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta documentação pode ser reproduzida sob qualquer forma, sem a autorização da CIANET.

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 28/2009

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 28/2009 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 28/2009 Processo nº: 8478AD/2008 Pregão Eletrônico nº: 001/2009 Validade: 06 (seis) meses, de 19/05/2009 a 18/12/2009 Empresa: AMAZON INFORMÁTICA LTDA End: Av. Conselheiro

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 052/2010 ESCLARECIMENTO 4

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 052/2010 ESCLARECIMENTO 4 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento 4 Referência: Pregão Eletrônico n. 052/2010 Data: 19/11/2010 Objeto: Contratação de serviços técnicos especializados de atendimento remoto e presencial a usuários de tecnologia

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 01/2013-SALC. Empresa: LOTUS COMÉRCIO DE MEDICAMENTOS E PRODUTOS MÉDICOS HOSPITALARES LTDA EPP

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 01/2013-SALC. Empresa: LOTUS COMÉRCIO DE MEDICAMENTOS E PRODUTOS MÉDICOS HOSPITALARES LTDA EPP POR FAVOR NÃO IMPRIMA ESTA PÁGINA. GRATO!!!!! PREGÃO ELETRÔNICO Nº 01/2013-SALC Curitiba, PR, 6 de DEZEMBRO de 2013. 1º Sgt OSNI Empresa: LOTUS COMÉRCIO DE MEDICAMENTOS E PRODUTOS MÉDICOS HOSPITALARES

Leia mais

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.:

Para/To: N o de páginas/n o of. pages: 06 De/From: Silvana Luz Simões Data/Date: 28 / 08/ 2007 Ref.: Solicitação de proposta ATT.: MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq DAD/CGADM/COINF/SERVIÇO DE LICITAÇÃO SELIC SEPN 507, Bloco B, Ed. Sede CNPq, Sala 211, CEP: 70.740-901,

Leia mais

5º Semestre. AULA 02 Introdução a Gerência de Redes (Arquitetura e Áreas de Gerenciamento)

5º Semestre. AULA 02 Introdução a Gerência de Redes (Arquitetura e Áreas de Gerenciamento) Disciplina: Gerência de Redes Professor: Jéferson Mendonça de Limas 5º Semestre AULA 02 Introdução a Gerência de Redes (Arquitetura e Áreas de Gerenciamento) 2014/1 Agenda de Hoje Evolução da Gerência

Leia mais

LAN Design. LAN Switching and Wireless Capítulo 1. Version 4.0. 2006 Cisco Systems, Inc. All rights reserved. Cisco Public 1

LAN Design. LAN Switching and Wireless Capítulo 1. Version 4.0. 2006 Cisco Systems, Inc. All rights reserved. Cisco Public 1 LAN Design LAN Switching and Wireless Capítulo 1 Version 4.0 2006 Cisco Systems, Inc. All rights reserved. Cisco Public 1 Objetivos do Módulo Compreender os benefícios e do uso de uma organização hierárquica

Leia mais

Roteamento e Comutação

Roteamento e Comutação Roteamento e Comutação Uma estação é considerada parte de uma LAN se pertencer fisicamente a ela. O critério de participação é geográfico. Quando precisamos de uma conexão virtual entre duas estações que

Leia mais

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS INTERNET PROTOCOLOS 1 INTERNET Rede mundial de computadores. Também conhecida por Nuvem ou Teia. Uma rede que permite a comunicação de redes distintas entre os computadores conectados. Rede WAN Sistema

Leia mais

Há dois tipos de configurações bidirecionais usados na comunicação em uma rede Ethernet:

Há dois tipos de configurações bidirecionais usados na comunicação em uma rede Ethernet: Comunicação em uma rede Ethernet A comunicação em uma rede local comutada ocorre de três formas: unicast, broadcast e multicast: -Unicast: Comunicação na qual um quadro é enviado de um host e endereçado

Leia mais