faber Aida Sonus IFA IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIilij~lrll~. aind n si Pro-ject Debut Carbon à música Uma homenagem Hama Avinilv HDMI ~AM~

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "faber Aida Sonus IFA 2012 1IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIilij~lrll~. aind n si Pro-ject Debut Carbon à música Uma homenagem Hama Avinilv HDMI ~AM~"

Transcrição

1 1IIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIilij~lrll~. REVISTA DE AUDIO, CINEMA EM CASA E NOVAS TECNOLOGIAS aind n si MartinLogan Electromotion E8L Ayon Audio CD-5s Triax TR-41 JVC DLA-X30 Toshiba 55ZL2 Classé CP-SOO AKG K550 Panasonic PT-AT5000E NAD Wireless DAC 1 Townshend Rock 7 JVC EX-S1B Sonus faber Aida Uma homenagem à música ~AM~ IFA 2012 conferência internacional Pro-ject Debut Carbon um aniversário bem comemorado Hama Avinilv HDMI High-end em vídeo

2 ,Ir ;I' omaio-jun 2012/235 NOVIDADES _6 Sonus fober TAD-E 1 e TAD-C600 do Pioneer Pulsare II do AVID Densen &475 Bose Wave Music Syslem Leitor CDA2 CD/DAC/ pré-omplificadof do ATC Novidades ARCANI Ausculiodores!#. do Sony Doc:king JVC TH-l83 para íphone / ipod Cambridge Audio apresento DacMagic NOTÍCIAS 12 ESPECIAL DESTAQUE_ Audio Reseorch renovo o goma SE NOTÍCIAS DESTAQUES 16 Audio T8am cria o Oficina do Vinilo 16 Revox representado pelo Tecnicon 17 Magneplanor surpreende no cinema ENTREVISTA _18 Focal preparo-se para os novos tempos TESTES 2 Martin Logan EleclroMolion ESl 26 Ayon Audio CD-5s 30 NAD DAC 1 40 Pr~mplificodor C1assé Cp SOO LI. Project Audio Debut Corbon 40 Ausculladores AKG K JVC EX-S Gira-discos Townshend Rock 7 REPORTAGENS 32 TAD e Pioneer nas Air Studios 36 Visito à fábrica da Audionote 51 IFA - sucesso garantido poro 20 I 2 CINEMA EM CASA 60 Homo Avinity HDMI High-End Editioi1 62 Projector JVC DlA-X30 CINEMA EM CASA 69 LG desvenda a linho Cinema Screen 70 Toshiba 55ZL2 3D 00 vivo 73 Panasonic PT AT5000E 76 Sinionizodor de TDT Tliax TR-4 1 VIDEOCLUBE _78 ZON video:::lube DVD & BLU-RAY 79 Melancolia 80 A Poeira do Tempo 81 Noite e Dia DISCOPATIA _82 Spring Mix - The Bloc Keys 6 /Audio & Cinema em Casa

3 e Ruí NIco Gira-discos ow shend Rock 7 No restrito mundo das peças emhlemáticas que foram criadas no 5éculo passado, os gira-discos têm um luyar muito especial. O seu esplendor está associado à Qualidade sonora que vropiciam, mas também ao facto de terem sido dos maís proeminentes veiculos de acesso à reprodução musical em contexto doméstico, massificando o mundo da música ao conferirem ao cidadão comum a escolha sobre as músicas que pretende ouvir no seu quotidiano. Neste sentido, com o crescimento da oferta musical, o gira-discos dá o passo se guinte ao rádio, potenciando a uma esca la nunca antes vista a fruição de uma das mais belas artes, vor via de um mecanismo Que nos diz muito a todos e 005 econo mistas em parlicular (eu incluído): o poder da escolha, o direito de ser proprietário e colecíonar 05 registos sonoros, de construir uma identidade associada ao gosto e conhecimentos do mundo da música. Naturalmente que o caminho posterior trouxe outras possibilidades, com as cassetes, os CO's e, actualmente, os ficheiros digitais. Mas, com maior ou menor expressão em termos comerciais, o giril-discos e 05 respectivos discos prelos de vinilo mantiveram-se até aos dias de hoje, e em determinados mercados tem-se observado o crescimento da «(legião)) de utilizadores. Como utilizador fiel e Que, não raras vezes, dá por si a passar longos periodos a privilegiar a audição deste tipo de registos por comparação com 05 CO's e ficheiros digitais, foi mm entusiasmo que recebi a oportunidade de testar o Townshend Rock 7. Sendo visualmente arrojado, no domínio estético este gira-disco~ pode gerar apreciações contraditórias. Para mim, é ba stante apelalivo. O facto de utilizar metais escuros e claros, suspensões, motor em separado com correia, um prato alto e denso, com um domp em grande parte transparente e uma ponte com uma calha preenchida por um líquido viscoso, que proporciona um apoio suplementar à trajetória da cabeça e reduz as oscilaçoes do braço, tudo isso traduz uma abordagem industrial e mec~nica que expõe o Quanlo o tempo vassou desde o aparecimento destes Vrodutos e o Quanto o investimento 56/Audio & Cinema em Casa

4 O-JU Y-2/235 nhecimentos da física se foi incoro nas soluções mecânicas aqui in -das. crição técnica nshend Rock 7 chegou a minha caquase totalmente montado, estanecjuipado com braço Excalibur III e com Ststema de ponte de que falarei mais nte. Mas antes devo referir que o macontém as instruções para montar es Ira-discos praticamente desde a rai7, o me deixou na dúvida sobre se o est(lavançado de assemblagem em que espeça se encontrava nào derivaria de ser modelo de demonstraçào. Ainda assim, amente com o amígo João Zeferino, lá entretivemos nas andanças de monem da minha célula Boboli " da Goldele, uma moving [Di! de alto ganho, na ocação do motor e afinação das suspen e do contrapeso, de modo a garantir funcionamento nivelado da corrente, afi ':laçào do braço, etc. Já diz o dito popular: quem corre por gosto não se cansa». Em termos gerais e tendo por base a escrição do fabricante, o Rock 7 é composto por um subchassis robusto, apoiado em três pé~ com molas/fole e onde estão 'l1ontados o apoio do prato e um contrapeso para nivelamento global e da ponte. O motor é colocado em separado, para minimizar as interferências de vibrações e garantir o máximo de isolamento no rolamento do prato. O apoio do prato é uma peça única de aço, em que o eixo assenta na extremidade inferior sobre uma esfera de aço, sendo lubrificado com óleo sintético desenvolvido para carros de Fórmula 1. Esta esfera situa-se no fundo de uma chumaceira de bronze, que está fixada ao Chilssis principal O eixo de rolamento atravessa O subprato e o prato principal, surgindo no topo para formar o ponto cilíndrico que centraliza o disco, tendo uma terminaçào em rosca para fixar o c1amp fornecido. O prato é um disco espesso de plástico de polietileno. O braço Excalíbur III, de 220 mm de comprimento, é o recomendado pela marca para equipar o Rock 7 e permite todas as afinações necessárias sem grande dificuldade. seguindo a filosofia da marca, a sua construção combina as características de leveza, rigidez e ainda auto-amortecimento, tendo por base materiais como magnésio puro, aço inoxidável e espuma rigida de poliuretano. No topo do braço, para além da 70na de fixação da célula, podemos encontrar o que se poderia designar uma pequena extenscio que termina num pequeno tubo vertical. Eo que faz este tubo? Éaqui que entra il ponte. A ponte é um arco móvel que tem uma calha na qual depositélmos um liquido viscoso fornecido pela marca e onde mergulhará parcialmente o tubo ~ítuado no topo do braço. No fundo trata-se de um sistema de amortecimento das oscilações do braço, induzindo um comportamento mais estável e que isolo a agulha de muitijs das perturbações que se passam ao seu redor. O formato em arco da ponte permite que o tubo faça o trajecto em direcção ao centro do disco sempre com o tubo dentro da calha. Se a ponte não for totalmente colocada para dentro, o tubo acabará flor bater nas extremidades da calha e o efeito será idêntico ao de um risco no disco: a agulha salta ligeiramente e dali não saí, ficando um pequeníssimo trecho musical numa persistente repetição. Provavelmente todas pessoas que observaram este gira-discos já perguntaram: «Ter uma espécie de carreiro com líquido que se move por cima dos discos de vinilo serti umél boa ideia? Não entorna?" Bem, posso apenas responder com a minha experiência. Das dezenas de vezes que o movi pijra trás e para a frente, isto é, sempre que pus, tirei ou virei um disco, nunca houve derramamento ou algo que se aproximasse disso. A profundidade da calha, mas acima de tudo a viscosidade do liquido tornam esse incidente muíto improvável. Para não me alongar mais na descrição técnica desta peça, refiro apenas mais duas notas. Em primeiro lugar, a base de fixação do braço permite o ajuste IffA e há compatibilidade com todos os braços de 200 mm a 255 mm de eixo a eixo, o que é uma flexibilidade importante para quem adquira o gira-discos e queira optar por outra solução que não a aqui proposta. Em segundo lugar, o motor permite ii comutação entre 33 e ~5 passagem manual da ( xo de uma roda mais peqltlc?l!la ;~i! 01 Eti~ com maior diâmetro. Audições As audições do Townshend for.jm tariamente realizadas com ligação a S Mini Basis Exclusive, ao amplificador tegrado Lyngdorf TDAI 2200 e as colunas Martin Logan ElectroMotioo ELS, com cablagem Heimdahl da Nordost. Na recta finai das audições as Sonus Faber Guarneri Memento também foram chamadas a dar a sua leitura dos acontecimentos musicais. Os discos usados basearam-se 00 critério de familiarizaçào e de heterogeneidade de géneros, tendo em vista os diferentes desafios que se propunham ao Rock 7. Para aquilatar da vivência e credibilidade do acontecimento acústico recorreu-se aos álbuns de Eric Clapton ao vivo no MTV Uoplu9ged e do Friday Night in San Frilncsi CD do trio 1\1 Di Meola, John Melaughlin e Paco de Lucia. Depois de os ouvir reproduzidos pelo Townshend Quase me sinto leyilimado a di7er que foram doís concertos em que participei, tal é a magnífica apresentação e recriação corpórea do evento musical. As qualidades holográficas das Martin logan contribuem para esse desiderato, mas a verdade é que a quantidade de informação que apresentam, a transparência dos vários elementos, desde bater dos pés no chão aos dedos a raspar nas cordas das guitarras, até à largura e profundidade cénica, tudo isso tem uma fonte e essa é a leitura que Rock 7 faz destes discos que conheço tão bem. Mas a tr.ansparência, a reprodução equilibrad'á que Audio & Cinema em Casal 57

5 teste Gira-discos Townshend Rock 7 torn<'l credível o vivenciar do concerto têm outro ingrediente que reputo da maior relevância e que consiste no pano de fundo sobre o qual emerge a música: os silêncios são produzidos de um modo tão natural que (J telo fica mais limpa para a construção artística. A combinação destas caraterisucas polenda de forma ímpar a expressividade dos intérpretes e o desempenho torna-se tão defínido e detalhado que nos convence de ser aquele o retrato fiel. Da audição do tema Medilerraneon Sundollce/Rio Ancho fica aquela emoção, aquele sentimento de privilégio de quem acaba de experienciar um momento de inspiração absolutamente fabuloso de dois nomes maiores da guitarra, Mas afinal, não é esse o Santo Graal da alta-fidelidade? A capacidade dinâmica ilustrada pelo Townshend na reprodução das peças de música clássica é assinalável e sente-se segurança e desenvoltura ao longo de todo o espectro de frequências. Há fluide?, suavidade e uma pureza nas gamas média e alta que derivam da excelente sinergia das soluções oferecidas no Rock 7 equipado com o braço Excalibur III e mm o mecanismo de amortecimento liquido da ponte. O drama e tensão de um grave bem i1rtículado e preciso complementam a degustaçao auditiva. O Rock 7 não é, de longe, dos gira-discos mais caros que já ouvi e o sistema que o acompanhou nas audições não se eflcontra igualmente no plano estratosférico de alguns sistemas com que ocasionalmente tenho a oportunidade de conviver. Nos dias de hoje os referenciais de desempe~ nho dos «no-co5t"proje:c[)) sdü extremamente elevados e é sempre com alguma seflsação de injustiça que acabamos por os utilizar na comparação com peçêls que se posicionam noutros segmentos de mercado. No entanto, posso dizer que desta vez a sensação de ínjustiça foi menor. Ouvir o Townshend Rock 7 durante duas semanas foi um dos prazeres rnais memoráveis de que usufruí ao longo dos anos como colaborador da revista Audio & Cinema em Casa. Notas finais Chegados às notas finais e tendo já conlessêldo a minha rendição ao desempenho sonoro desta peça, poderá h(jver uma perguflta que talvez ainda vagueie pelo espirita do leitor. "Mas aquele mecanismo da ponte é prático?» Bem... não propriamente. A questão é que, se levamos demasiado a sério esse critério, então há muito que os discos pretos teriam sido erradicados e nos dias que correm até os CO's estariam em risco de extinção. A verdade é que ouvir disco de vinil é um ritual flue, para muitas pessoas, eu incluído, proporciona um prazer insubstituível, tal como pêlssear na praia no lim de uma tarde de Verão ou ficar à lareira num serão de ln vemo. Há quem discuta apaixonadamen e quase até à exaustão sobre as vantagells e desvantagens dos vários formatos, mln talvez sejam poucos os audiáfilos que nã reconheçam a diferença entre uma boa reprodução de um bom registo num disco d!: vínilo e uma reprodução equivalente nuft' CD ou flufl] ficheiro de alta definição oriundo de um servidor. Volto à questão anterior: é prático' lium... Nao. Mas operar o Rock 7 torna -se parte dos gestos habituais, caindo flo esquecimento próprio das sequências de movimento naturais e proporcionando uma fruição auditiva espantosa. A solução produz eleitos tão evidentes que não deixa de causar peq.>lexidade. Afinal, a maioria de nós está habituada ii saber que, nestes patamares de desempenho, pequenas melhorias nêl qualidade da reprodução sonofil têm correspondência em subidas verliginos(ls no preço. Portanto, ouvir e, se possível, conviver uns bons momentos com o Townshend Rock 7 é obrigatório para quem peme adquirir um gira-discos neste patamar de preços ou num patamar acima ou mesmo num patamar substanciillmente acima. A partir desse momento, é apreciar vezes sem conta toda a magia inscrita nos insubslitulveis discos pretos. Recomendadissimo! Prec;o do Ro(k 7 sem braço,preço: 2458 Preço do braço Preço: 1915 Representante: Exaudio 58/Audio & Cincema em Casa

Manual de instruções

Manual de instruções Manual de instruções DENVER VPL-120 Gira-discos com Mala LEIA AS INSTRUÇÕES COM ATENÇÃO ANTES DE USAR E GUARDAR NUM LOCAL SEGURO PARA REFERÊNCIA FUTURA PT-1 DESCRIÇÃO 1. Prendedor 2. Tampa do pó 3. Adaptador

Leia mais

DJ CONSOLE 4-Mx. DJ/Música DESCRIÇÃO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. Controlador de DJ grande de metal com áudio integrado e jog wheels grandes

DJ CONSOLE 4-Mx. DJ/Música DESCRIÇÃO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS. Controlador de DJ grande de metal com áudio integrado e jog wheels grandes DJ/Música DJ CONSOLE 4-Mx DESCRIÇÃO Controlador de DJ grande de metal com áudio integrado e jog wheels grandes Características principais Estação de mistura grande para DJ digitais móveis - Controlador

Leia mais

Mecânica 2007/2008. 6ª Série

Mecânica 2007/2008. 6ª Série Mecânica 2007/2008 6ª Série Questões: 1. Suponha a=b e M>m no sistema de partículas representado na figura 6.1. Em torno de que eixo (x, y ou z) é que o momento de inércia tem o menor valor? e o maior

Leia mais

O básico da Guitarra - Aula 6 J. Junior. Acordes Básicos

O básico da Guitarra - Aula 6 J. Junior. Acordes Básicos O básico da Guitarra - Aula 6 J. Junior Acordes Básicos Muitas vezes, o que mexe com a gente e nos faz querer tocar guitarra é aquele solo ou riff do guitarrista da nossa banda favorita, mas devemos saber

Leia mais

manual de identidade visual

manual de identidade visual manual de identidade visual manual-perpart2.indd 1 índice 02 03 Apresentação A Marca 20 Papelaria Institucional Cartão de Visita I 04 A Marca 21 Cartão de Visita II 05 Logotipo 22 Envelope Ofício 06 Símbolo

Leia mais

13 Como estudar Teclado - Conteúdo

13 Como estudar Teclado - Conteúdo Introdução Tempo dedicado ao estudo Alongamento e aquecimento Fatores para tornar a leitura mais ágil Fatores para tornar o estudo mais produtivo Preparação para apresentar a peça em público Prazer de

Leia mais

Arte em reprodução eletrônica

Arte em reprodução eletrônica caixa B&W 805D, amplificador integrado NAD M2, integrado AMC XIA e pré-processador Krell evolution 707 a forma da sedução B&W 805D NAD M2 nova geração de amplicadores digitais Arte em reprodução eletrônica

Leia mais

Armazene, Organize, e Liberte a sua música com o novo sistema Hi-Fi GIGA JUKE com Disco Rígido

Armazene, Organize, e Liberte a sua música com o novo sistema Hi-Fi GIGA JUKE com Disco Rígido Lisboa, Setembro de 2007 Armazene, Organize, e Liberte a sua música com o novo sistema Hi-Fi GIGA JUKE com Disco Rígido O novo sistema Hi-Fi GIGA JUKE com HDD (Hard Disk Drive) armazena até 40 mil faixas

Leia mais

5 (FGV-SP) A nota lá da escala cromática musical é tida como referência na afinação dos instrumentos. No violão comum de 6 cordas, a quinta corda

5 (FGV-SP) A nota lá da escala cromática musical é tida como referência na afinação dos instrumentos. No violão comum de 6 cordas, a quinta corda 1 - (UFSCAR-SP) Sabemos que, em relação ao som, quando se fala em altura, o som pode ser agudo ou grave, conforme a sua freqüência. Portanto, é certo afirmar que: a) o que determina a altura e a freqüência

Leia mais

o lado transparente do som cd player moon 750d Arte em reprodução eletrônica

o lado transparente do som cd player moon 750d Arte em reprodução eletrônica cd player moon 750d, amplificador integrado ax-7 e cd player cx-7 ayre, integrado vincent SV-226MKII e caixas acoustic energy radiance 3 Arte em reprodução eletrônica 0 0 1 7 1 0 0 1 6 5 0 0 1 7 2 0 0

Leia mais

Soluções para sistemas de chamadas Plena da Bosch Uma abordagem flexível à gestão do som

Soluções para sistemas de chamadas Plena da Bosch Uma abordagem flexível à gestão do som Soluções para sistemas de chamadas Plena da Bosch Uma abordagem flexível à gestão do som 2 Soluções para sistemas de chamadas Plena O seu sistema de chamadas de fácil expansibilidade Seja um supermercado

Leia mais

CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA. Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho

CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA. Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA Uma Fonte Confiável de Excelentes Máquinas para Complementar Sua Força de Trabalho SÉRIE DV14 1417 / 1422 / 1432 / 1442 CENTRO DE USINAGEM DUPLA COLUNA O Centro de Usinagem

Leia mais

Instruções de auxilio à montagem da roda motorizada. Montagem da roda motorizada na suspensão ou forqueta

Instruções de auxilio à montagem da roda motorizada. Montagem da roda motorizada na suspensão ou forqueta Instruções de auxilio à montagem da roda motorizada Estas instruções servem apenas como orientação da montagem do motor na sua forqueta ou suspensão. A Sanelkit não se responsabiliza por nenhum dano ou

Leia mais

860w 1060w 1062w 1260w 1262w

860w 1060w 1062w 1260w 1262w DEUTSCH ENGLISH R E F E R E N C E 860w 1060w 1062w 1260w 1262w DANSK SVENSK ITALIANO NEDERLANDS ESPAÑOL FRANÇAIS SUOMI Русский POLSKI R E F E R E N C E Obrigado por ter adquirido os subwoofers Série Reference

Leia mais

Bosch Security Systems Para mais informações, visite a nossa página: www.boschsecurity.com ou envie um e-mail para: pt.securitysystems@bosch.

Bosch Security Systems Para mais informações, visite a nossa página: www.boschsecurity.com ou envie um e-mail para: pt.securitysystems@bosch. Tradição de qualidade e inovação Há mais de 100 anos que Bosch é sinónimo de qualidade e confiança. A Bosch Security Systems detém orgulhosamente uma vasta gama de equipamentos para intrusão, incêndio,

Leia mais

Eggy. Ref. IXCI6044. MAX 22Kg. Em conformidade com a norma Européia EN 14344

Eggy. Ref. IXCI6044. MAX 22Kg. Em conformidade com a norma Européia EN 14344 Eggy Ref. IXCI6044 Em conformidade com a norma Européia EN 14344 MAX 22Kg Assento traseiro de bicicleta Eggy 2 1 B 2 3D E 4 5 3 6 7G 8 9 I M 10 N 11 12 NN 4 O O P P Q 13 14 Q 15 16 5 PT Assento traseiro

Leia mais

Ondas sonoras: Experimentos de Interferência e Ondas em Tubos

Ondas sonoras: Experimentos de Interferência e Ondas em Tubos Ondas sonoras: Experimentos de Interferência e Ondas em Tubos Relatório Final de Atividades apresentado à disciplina de F-809. Aluna: Cris Adriano Orientador: Prof. Mauro de Carvalho Resumo Este trabalho

Leia mais

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello

Caderno de Postura. Prof. Luiz Mello Caderno de Postura Prof. Luiz Mello CADERNO DE POSTURA Este caderno de postura tem como objetivo demonstrar os principais pontos relacionados a maneira de como tocar violão e guitarra de uma maneira saudável,

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO. Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens

PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO. Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens PROGRAMAÇÃO DO PROJETO EDUCATIVO Concerto encenado em classe de conjunto: estudo sobre perceções e aprendizagens Ana Estevens, nº 120138001 Trabalho realizado na Unidade Curricular de Processos de Experimentação

Leia mais

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE OBOÉ

INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE OBOÉ INTRODUÇÃO AO ESTUDO DE OBOÉ Você vai descobrir o oboé e aprender a tocar e aperfeiçoar a técnica! O objetivo deste documento de Introdução ao Estudo de Oboé é de divulgar e esclarecer os tópicos mais

Leia mais

ULTRALIGHT EVO & ULTRALIGHT. ROAD race. Máxima leveza para uma bicicleta explosiva. integrada HCIM HOLLOW CORE INTERNAL MOLDING. bateria Dl2 1.

ULTRALIGHT EVO & ULTRALIGHT. ROAD race. Máxima leveza para uma bicicleta explosiva. integrada HCIM HOLLOW CORE INTERNAL MOLDING. bateria Dl2 1. race ULTRALIGHT & ULTRALIGHT Máxima leveza para uma bicicleta explosiva 1.5 TAPERED W/ INTEGRATED CARBON EVO CIR CONV NVER ERTI TIBL BLE INTE TERN RNAL ROU OUTI TING HCIM HOLLOW CORE INTERNAL MOLDING LEVEZA

Leia mais

Audacity. Os primeiros passos com o Audacity!

Audacity. Os primeiros passos com o Audacity! Audacity Os primeiros passos com o Audacity! João Torres joao.torres@dgidc.min-edu.pt Milena Jorge milena.jorge@dgidc.min-edu.pt Dezembro de 2009 Conteúdo 1 Sobre este documento 2 2 O que é o Audacity?

Leia mais

Mais que nunca é preciso cortar

Mais que nunca é preciso cortar Mais que nunca é preciso cortar Quando suas unhas estão compridas e é necessário apará-las, qual o modo mais rápido de fazê-lo? Lixando ou cortando? Naturalmente, se você lixar, o acabamento será melhor.

Leia mais

Tabela de Preços Outubro/2015 Áudio Pessoal

Tabela de Preços Outubro/2015 Áudio Pessoal Tabela de Preços Outubro/2015 Áudio Pessoal Soundtouch Wireless Music Systems SoundTouch 10 SOUNDTOUCH 10 WIRELESS MUSIC SYSTEM A forma mais simples de reproduzir música em casa, quer seja rádio da internet,

Leia mais

Descubra imagens 4x mais detalhadas do que o Full HD, colunas de som futuristas, filmes e músicas de todo o mundo.

Descubra imagens 4x mais detalhadas do que o Full HD, colunas de som futuristas, filmes e músicas de todo o mundo. O último nível de entretenimento Novos leitores Blu-ray Disc e sistemas de Home Cinema da Sony Descubra imagens 4x mais detalhadas do que o Full HD, colunas de som futuristas, filmes e músicas de todo

Leia mais

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág.

DTGHV_20130524. Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. DT_20130524 GUILHOTINA HIDRÁULICA DE ÂNGULO VARIÁVEL MARCA NEWTON LINHA Características e especificações técnicas sujeitas a alterações sem prévio aviso./ Fotos meramente ilustrativas. pág. 1/5 DT_20130524

Leia mais

Soluções para escritórios tehalit.office

Soluções para escritórios tehalit.office Soluções para escritórios tehalit.office A oferta tehalit.office foi concebida para dar resposta à maioria dos problemas de distribuição, de correntes fortes e fracas, na alimentação aos postos de trabalho.

Leia mais

Lisboa, Abril de 2008 Nova gama de sistemas BRAVIA Theatre estilo, simplicidade e desempenho soberbo: A gama DAV-DZ

Lisboa, Abril de 2008 Nova gama de sistemas BRAVIA Theatre estilo, simplicidade e desempenho soberbo: A gama DAV-DZ Lisboa, Abril de 2008 Nova gama de sistemas BRAVIA Theatre estilo, simplicidade e desempenho soberbo: A gama DAV-DZ Novos modelos projectados para se harmonizarem com o design e função dos mais recentes

Leia mais

)tvlfd,, 0,(QJ4XtPLFD. ²ž6HPHVWUH ÐSWLFD

)tvlfd,, 0,(QJ4XtPLFD. ²ž6HPHVWUH ÐSWLFD )tvlfd,, 0,(QJ4XtPLFD Óptica Geométrica ²ž6HPHVWUH ÐSWLFD Exercício 1: Um feixe de luz cujo comprimento de onda é 650 nm propaga-se no vazio. a) Qual é a velocidade da luz desse feixe ao propagar-se num

Leia mais

VIOLÃO 1. escalas, formação de acordes, tonalidade e um sistema inédito de visualização de trechos para improvisar.

VIOLÃO 1. escalas, formação de acordes, tonalidade e um sistema inédito de visualização de trechos para improvisar. VIOLÃO 1 escalas, formação de acordes, tonalidade e um sistema inédito de visualização de trechos para improvisar CD com solos e acompanhamento Saulo van der Ley Guitarrista e violonista Composição & Regência

Leia mais

Invólucros Metálicos. Cajas Salientes

Invólucros Metálicos. Cajas Salientes Invólucros Metálicos. Cajas Salientes ÍNDICE Descrição Aplicações Referências Exemplo de configuração Instalação Informação ténica Exemplos de compatibilidade Dimensões Descrição Caixa metálica para instalação

Leia mais

Ligação áudio balanceado com conector P10 estéreo

Ligação áudio balanceado com conector P10 estéreo O Power Click modelo MX 4x4 é um sistema de audição por headphone com 4 entradas de som (inputs) e 4 conexões para headphones. Cada headphone recebe todos os inputs. Portanto, os 4 inputs são ouvidos simultâneamente

Leia mais

Lista de refração e reflexão Ondulatória - Prof. Flávio

Lista de refração e reflexão Ondulatória - Prof. Flávio 1. (Ufu 2006) João corre assoviando em direção a uma parede feita de tijolos, conforme figura a seguir. A frequência do assovio de João é igual a f(inicial). A frequência da onda refletida na parede chamaremos

Leia mais

Elementos de Máquinas

Elementos de Máquinas Professor: Leonardo Leódido Sumário Correias e Polias Correntes Definição Polia: São peças cilíndricas, movimentadas pela rotação do eixo do motor e pelas correias. Correias: É o elemento da máquina que,

Leia mais

Sistema de Tensionamento de Correias SKF. A forma da SKF apoiar a transmissão Fácil Rápido Repetitivo

Sistema de Tensionamento de Correias SKF. A forma da SKF apoiar a transmissão Fácil Rápido Repetitivo Sistema de Tensionamento de Correias SKF A forma da SKF apoiar a transmissão Fácil Rápido Repetitivo Sistema de Tensionamento de Correias SKF Uma solução inovadora para as transmissões por correias É sabido

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Madalena. Projeto do Clube de Música. Ano Lectivo 2012-2013 1

Agrupamento de Escolas da Madalena. Projeto do Clube de Música. Ano Lectivo 2012-2013 1 Agrupamento de Escolas da Madalena Projeto do Clube de Música Ano Lectivo 2012-2013 1 Projectos a desenvolver/participar: Projetos Dinamizado por: 1º Concurso de Flauta Prof. Teresa Santos - Participação

Leia mais

AS LEIS DO TÊNIS DE MESA Capítulo 2

AS LEIS DO TÊNIS DE MESA Capítulo 2 AS LEIS DO TÊNIS DE MESA Capítulo 2 2.1 A MESA 2.1.1 A parte superior da mesa, chamada superfície de jogo, deve ser retangular, com 2,74 m de comprimento por 1,525 m de largura, e situar-se em um plano

Leia mais

Objetivo/Resumo: Como proceder para coletar amostras deformadas e indeformadas.

Objetivo/Resumo: Como proceder para coletar amostras deformadas e indeformadas. Objetivo/Resumo: Como proceder para coletar amostras deformadas e indeformadas. 1. Objetivo: Procedimento para coleta de amostras deformadas e indeformadas Segue observações gerais a serem observadas:

Leia mais

Aprenda a Trabalhar com Telemensagens

Aprenda a Trabalhar com Telemensagens Aprenda a Trabalhar com Telemensagens 1 Incluindo dicas de Cestas, Flores, Presentes e Internet Do Iniciante ao Profissional www.as2.com.br 1 Aprenda a Trabalhar com Telemensagens FASCÍCULO 1 Adquira o

Leia mais

mercado brasileiro de música

mercado brasileiro de música mercado brasileiro de música SUMÁRIO 03 Mercado Fonográfico Brasileiro 08 vendas de cds 05 Mercado 09 vendas de dvds 06 mercado físico 10 top 20 cd e dvd APRESENTAÇÃO O relatório anual da ABPD Associação

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ DISCIPLINA:TEORIA E ENSINO DA DANÇA PROF.ESP.SAMANDA NOBRE Elementos Estruturantes da dança RITMO MOVIMENTO Ritmo Ritmo vem do grego Rhytmos e designa aquilo que flui,

Leia mais

ANEXO IV PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO DE MOTOCICLOS E ASSELMELHADOS DO CICLO OTTO NO PROGRAMA I/M-SP

ANEXO IV PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO DE MOTOCICLOS E ASSELMELHADOS DO CICLO OTTO NO PROGRAMA I/M-SP ANEXO IV PROCEDIMENTO DE INSPEÇÃO DE MOTOCICLOS E ASSELMELHADOS DO CICLO OTTO NO PROGRAMA I/M-SP 1. Previamente à inspeção, o veículo depois de recepcionado no Centro de Inspeção, deve ser direcionado

Leia mais

2. OBJETIVO E CONCEPÇÃO DA PROVA

2. OBJETIVO E CONCEPÇÃO DA PROVA Aptidão Dança 1. INTRODUÇÃO O Curso de Graduação em Dança da Unicamp tem como objetivo formar o intérprete e criador em Dança, profissional capaz de contribuir como agente transformador da realidade, responsável

Leia mais

Coluna vari-direccional Propagação do som na direcção certa

Coluna vari-direccional Propagação do som na direcção certa Coluna vari-direccional Propagação do som na direcção certa 2 Coluna vari-direccional da Bosch A última novidade em desempenho sonoro para ambientes de acústica difícil Qualidade de som ímpar e inteligibilidade

Leia mais

FIS-14 Lista-09 Outubro/2013

FIS-14 Lista-09 Outubro/2013 FIS-14 Lista-09 Outubro/2013 1. Quando um projétil de 7,0 kg é disparado de um cano de canhão que tem um comprimento de 2,0 m, a força explosiva sobre o projétil, quando ele está no cano, varia da maneira

Leia mais

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso.

A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A seguir parte do material didático que é distribuído aos participantes do curso. A próxima turma do curso VÁLVULAS INDUSTRIAIS está programada para o período de 16 a 19 de setembro de 2013, no Rio de

Leia mais

Soluções para Amortecimento das Vibrações sobre o Suporte do Captor HF e Braços de Sustentação

Soluções para Amortecimento das Vibrações sobre o Suporte do Captor HF e Braços de Sustentação Soluções para Amortecimento das Vibrações sobre o Suporte do Captor HF e Braços de Sustentação Suporte do Captor HF e Braços de Sustentação Resumo O objetivo do trabalho foi desenvolver uma estrutura capaz

Leia mais

Contando os Pontos Números Binários

Contando os Pontos Números Binários Atividade 1 Contando os Pontos Números Binários Sumário Os dados são armazenados em computadores e transmitidos como uma série de zeros e uns. Como podemos representar palavras e números usando apenas

Leia mais

Introdução. elementos de apoio

Introdução. elementos de apoio Introdução aos elementos de apoio A UU L AL A Esta aula - Introdução aos elementos de apoio - inicia a segunda parte deste primeiro livro que compõe o módulo Elementos de máquinas. De modo geral, os elementos

Leia mais

Curso de Óptica Aplicada

Curso de Óptica Aplicada Curso de Óptica Aplicada TE 2 - Reflexão e refracção. Espelhos, dioptros e lentes Documento de preparação do Trabalho Experimental TE 2 - Reflexão e refracção. Espelhos, dioptros e lentes Finalidade A

Leia mais

CX-DAB1. DAB antenna unit INSTALLATION MANUAL. Antenne DAB. Bluetooth-Antennengerät. DAB-antenne. Unità antenna DAB. Unidad de antena DAB

CX-DAB1. DAB antenna unit INSTALLATION MANUAL. Antenne DAB. Bluetooth-Antennengerät. DAB-antenne. Unità antenna DAB. Unidad de antena DAB CX-DAB1 DAB antenna unit INSTALLATION MANUAL Antenne DAB MANUEL D INSTALLATION Bluetooth-Antennengerät INSTALLATION-HANDBUCH DAB-antenne INSTALLATIEHANDLEIDING Unità antenna DAB MANUALE PER L INSTALLAZIONE

Leia mais

Carregadeira LW300K. Potência Motor: 124 HP - Capacidade da caçamba: 1,9 m³ - Peso operacional: 10.600 Kg

Carregadeira LW300K. Potência Motor: 124 HP - Capacidade da caçamba: 1,9 m³ - Peso operacional: 10.600 Kg Carregadeira LW300K Potência Motor: 124 HP - Capacidade da caçamba: 1,9 m³ - Peso operacional: 10.600 Kg Qualidade, confiabilidade e força, aliada ao baixo consumo de combustível. A Pá-carregadeira LW300K

Leia mais

FIS-14 Lista-05 Setembro/2012

FIS-14 Lista-05 Setembro/2012 FIS-14 Lista-05 Setembro/2012 1. A peça fundida tem massa de 3,00 Mg. Suspensa em uma posição vertical e inicialmente em repouso, recebe uma velocidade escalar para cima de 200 mm/s em 0,300 s utilizando

Leia mais

THERMOCUT 230/E. Instruções de Serviço

THERMOCUT 230/E. Instruções de Serviço Instruções de Serviço PT CARO CLIENTE! Para poder manusear o aparelho cortador de arame quente THERMOCUT da PROXXON em segurança e de acordo com as regras de funcionamento, solicitamos-lhe que leia atentamente

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS v 1.5

CATÁLOGO DE PRODUTOS v 1.5 CATÁLOGO DE PRODUTOS v 1.5 LEIA O MANUAL COM ATENÇÃO A Bonier é uma empresa especializada no desenvolvimento de equipamentos de segurança e resgate. Temos como princípio a qualidade dos produtos, o design,

Leia mais

DANÇA. Na avaliação, serão observados os seguintes aspectos, como princípios gerais: a) postura; b) domínio corporal; c) ritmo;

DANÇA. Na avaliação, serão observados os seguintes aspectos, como princípios gerais: a) postura; b) domínio corporal; c) ritmo; Aptidão Dança 1. INTRODUÇÃO O curso de graduação em dança da UNICAMP mantém seu foco direcionado ao profissional intérprete, que vive a dança em seu corpo, capaz de dimensioná-la no corpo do outro e que

Leia mais

APOSTILA DO CURSO. Parabéns por ter se cadastrado no curso online da D Music House!

APOSTILA DO CURSO. Parabéns por ter se cadastrado no curso online da D Music House! APOSTILA DO CURSO Parabéns por ter se cadastrado no curso online da D Music House! A partir de agora você entrará em contato com o primeiro e melhor curso de violão e guitarra via internet do Mundo! Atenção:

Leia mais

SENSITOMETRIA - 2º Ano - FOTOGRAFIA. Capitulo 1 - CONCEITOS FUNDAMENTAIS

SENSITOMETRIA - 2º Ano - FOTOGRAFIA. Capitulo 1 - CONCEITOS FUNDAMENTAIS SENSITOMETRIA - 2º Ano - FOTOGRAFIA 2010-2011 Capitulo 1 - CONCEITOS FUNDAMENTAIS 1.A Conceitos Matemáticos Fundamentais Coordenadas Cartesianas e representação gráfica de uma função Função Seno e Co-seno

Leia mais

MODELO FUNCIONAL DO OLHO HUMANO. (Manual de Actividades Experimentais)

MODELO FUNCIONAL DO OLHO HUMANO. (Manual de Actividades Experimentais) MODELO FUNCIONAL DO OLHO HUMANO (Manual de Actividades Experimentais) 3B W11851 (NT4025) Pág. 1 de 11 Como o olho humano recebe uma imagem Figura 1: O olho humano Quando a luz entra no olho, atinge primeiro

Leia mais

GUIÃO TÉCNICO COMPACTADORES DE ASFALTO. www.construlink.com. Copyright 2003 - Construlink.com - Todos os direitos reservados.

GUIÃO TÉCNICO COMPACTADORES DE ASFALTO. www.construlink.com. Copyright 2003 - Construlink.com - Todos os direitos reservados. GUIÃO TÉCNICO COMPACTADORES DE ASFALTO FICHA TÉCNICA STET Nº 10 Nº de pág.s: 5 8 de Agosto de 2003 www.construlink.com COMPACTADORES DE ASFALTO CB-214D, CB-224D, CB-225D, CB-334D e CB-335D A família de

Leia mais

ACTIVIDADE LABORATORIAL 1.3. SALTO PARA A PISCINA

ACTIVIDADE LABORATORIAL 1.3. SALTO PARA A PISCINA ACTIVIDADE LABORATORIAL 1.3. SALTO PARA A PISCINA Questão: Como projectar um escorrega para um parque aquático, de um, de modo que os utentes possam cair em segurança numa determinada zona da piscina?

Leia mais

Foto cortesia de Honda Motor Co., Ltd. Sistema de suspensão de braços triangulares superpostos no Honda Accord Coupe 2005

Foto cortesia de Honda Motor Co., Ltd. Sistema de suspensão de braços triangulares superpostos no Honda Accord Coupe 2005 Introdução Quando as pessoas pensam sobre o desempenho de um automóvel, geralmente vem à cabeça potência, torque e aceleração de 0 a 100 km/h. No entanto, toda a força gerada pelo motor é inútil se o motorista

Leia mais

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS Saída Profissional 03.01 TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS O Técnico de Artes Gráficas é um profissional qualificado, conhecedor do fluxo de produção gráfica, e apto para o exercício de profissões ligadas à composição,

Leia mais

Tema: 25 anos da Rádio Santa Cruz AM Título: Uma rádio de credibilidade no RN. Peço licença pra contar a história. Dos 25 anos da Rádio Santa Cruz AM

Tema: 25 anos da Rádio Santa Cruz AM Título: Uma rádio de credibilidade no RN. Peço licença pra contar a história. Dos 25 anos da Rádio Santa Cruz AM Tema: 25 anos da Rádio Santa Cruz AM Título: Uma rádio de credibilidade no RN Peço licença pra contar a história Dos 25 anos da Rádio Santa Cruz AM Uma emissora que chegou para brilhar. Criada em 01 de

Leia mais

ANDROID MEDIA PLAYER 6.2" Android 4.0 GPS Tela touchscreen Potência 4X30W Rádio AM/FM Entrada para câmera de ré

ANDROID MEDIA PLAYER 6.2 Android 4.0 GPS Tela touchscreen Potência 4X30W Rádio AM/FM Entrada para câmera de ré AUTOMOTIVO ANDROID MEDIA PLAYER 6.2" Android 4.0 GPS Tela touchscreen Potência 4X30W Rádio AM/FM Entrada para câmera de ré ÍNDICE ANDROID MEDIA PLAYER...4 DVD PLAYER AUTOMOTIVO 6.2 BLUETOOTH E TV DIGITAL...5

Leia mais

COMO CRIAR UM FICHEIRO CSV PARA IMPORTAR NO SITE DECLARATIVO

COMO CRIAR UM FICHEIRO CSV PARA IMPORTAR NO SITE DECLARATIVO COMO CRIAR UM FICHEIRO CSV PARA IMPORTAR NO SITE DECLARATIVO Para criar um ficheiro CSV deve fazer download do ficheiro declaracao.csv e seguir as seguintes instruções: 1. A primeira linha é reservada

Leia mais

SPOT BATTERY EXCHANGER

SPOT BATTERY EXCHANGER SPOT BATTERY ECHANGER SBE RACK V2.0 V2.0 MANUAL DE INSTRUÇÕES A DOERS é propriedade da: SPOT JET Serviços de Manutenção Industrial, Sociedade Unipessoal, Lda. Rua D. Luís de Noronha 22, 4º Dto. 1050-072

Leia mais

Física Geral. Série de problemas. Unidade II Mecânica Aplicada. Departamento Engenharia Marítima

Física Geral. Série de problemas. Unidade II Mecânica Aplicada. Departamento Engenharia Marítima Física Geral Série de problemas Unidade II Mecânica Aplicada Departamento Engenharia Marítima 2009/2010 Módulo I As Leis de movimento. I.1 Uma esfera com uma massa de 2,8 10 4 kg está pendurada no tecto

Leia mais

Guia de Afinação da Suspensão

Guia de Afinação da Suspensão Guia de Afinação da Suspensão GUIA DE AFINAÇÃO RÁPIDA DA BoXXer race Estamos excitados, contentes e orgulhosos que tenha escolhido RockShox para a suspensão da sua bicicleta. Pode ter confiança em que

Leia mais

Mercado Fonográfico Brasileiro 2009

Mercado Fonográfico Brasileiro 2009 Apresentação O relatório anual da ABPD - Associação Brasileira dos Produtores de Discos, intitulado Mercado Brasileiro de Música 2009 mais uma vez objetiva o desenvolvimento do setor e o melhor conhecimento

Leia mais

www.powersystemsaudio.com.br

www.powersystemsaudio.com.br Prezado Cliente, Parabéns pela aquisição de um dos mais conceituados amplificadores automotivos do mercado brasileiro. Os produtos Power Systems são fabricados com as melhores marcas de componentes do

Leia mais

Marca. Seu desenvolvimento começa aqui!

Marca. Seu desenvolvimento começa aqui! IDEIAS sem execução não passam de SONHOS. Por isso a és MARKETING E DESENVOLVIMENTO contribui com os seus clientes para transformar SONHOS EM REALIDADE! A és Com 5 anos de atuação, a és Marketing e desenvolvimento,

Leia mais

Aprenda a Trabalhar com Telemensagens

Aprenda a Trabalhar com Telemensagens Aprenda a Trabalhar com Telemensagens 5 Incluindo dicas de Cestas, Flores, Presentes e Internet Do Iniciante ao Profissional www.as2.com.br 1 Aprenda a Trabalhar com Telemensagens FASCÍCULO 5 Adquira o

Leia mais

LIBRATONE LOOP 1 MANUAL DO UTILIZADOR

LIBRATONE LOOP 1 MANUAL DO UTILIZADOR LIBRATONE LOOP MANUAL DO UTILIZADOR 2 3 Para obter manuais em outras línguas, visite www.libratone.com/manual PARABÉNS! 4 FullRoom 5 AirPlay/PlayDirect 6 Introdução 8 Configuração rápida do AirPlay (Wi-Fi)

Leia mais

Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock. Manual do Usuário

Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock. Manual do Usuário Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock Manual do Usuário Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock Manual do Usuário Queremos agradecer sua escolha do AUDIOPAX Model 7. Sabemos que você deve estar ansioso

Leia mais

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 10 PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS QUESTÃO 31 A principal diferença entre um ferro fundido e um aço (aço carbono) é o teor de carbono. Portanto os percentuais de carbono nestes elementos são: Ferro

Leia mais

Uma noite de verão, diz o ator, estaria no centro da história.

Uma noite de verão, diz o ator, estaria no centro da história. Uma noite de verão, diz o ator, estaria no centro da história. Nem um sopro de vento. E já ali, imóvel frente à cidade de portas e janelas abertas, entre a noite vermelha do poente e a penumbra do jardim,

Leia mais

Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática. 1ª Parte Frequência

Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática. 1ª Parte Frequência ISCTE Ano Lectivo 2005/2006 Licenciatura em Engenharia de Telecomunicações e Informática Física Frequência / 2º Teste Duração: Frequência 3h, Teste 1h 30min. Não é permitido o uso de telemóveis durante

Leia mais

Hardware Básico. Refrigeração. Professor: Wanderson Dantas

Hardware Básico. Refrigeração. Professor: Wanderson Dantas Hardware Básico Refrigeração Professor: Wanderson Dantas Ventoinhas Ventoinhas são pequenos ventiladores que melhoram o fluxo de ar dentro do computador, trazendo ar frio para dentro do computador e removendo

Leia mais

FÍSICA Questões de 1 a 20

FÍSICA Questões de 1 a 20 2ªSérieLISTA DE EXERCÍCIOS DE FÍSICA FÍSICA Questões de 1 a 20 1) (UFRN) Os carros modernos usam diferentes tipos de espelhos retrovisores, de modo que o motorista possa melhor observar os veículos que

Leia mais

A SONY ACABA DE LANÇAR A NOVA GERAÇÃO WALKMAN. Os Novos Dispositivos estão melhores do que nunca e a transferência de ficheiros é Drag & Drop

A SONY ACABA DE LANÇAR A NOVA GERAÇÃO WALKMAN. Os Novos Dispositivos estão melhores do que nunca e a transferência de ficheiros é Drag & Drop 3 de Setembro de 2007 A SONY ACABA DE LANÇAR A NOVA GERAÇÃO WALKMAN Os Novos Dispositivos estão melhores do que nunca e a transferência de ficheiros é Drag & Drop A Sony anunciou hoje a disponibilidade

Leia mais

CARBON X PRESS Aparelho de musculação

CARBON X PRESS Aparelho de musculação CARBON X PRESS Aparelho de musculação www.moovyoo.fr Encontre a nossa gama no nosso site internet e nos nossos revendedores Fitness Boutique! IMPORTANTE Aconselhamos que leia atentamente estas instruções

Leia mais

3 pás. Parabéns! Você acabou de adquirir um ventilador de teto com luminária, especialmente criado para trazer mais conforto e beleza aos ambientes.

3 pás. Parabéns! Você acabou de adquirir um ventilador de teto com luminária, especialmente criado para trazer mais conforto e beleza aos ambientes. 3 pás Parabéns! Você acabou de adquirir um ventilador de teto com luminária, especialmente criado para trazer mais conforto e beleza aos ambientes. Com design diferenciado o Efyx Lunik3 é pré-montado.

Leia mais

Sistema digital de distribuição de idiomas Integrus A linguagem da perfeição

Sistema digital de distribuição de idiomas Integrus A linguagem da perfeição Sistema digital de distribuição de idiomas Integrus A linguagem da perfeição 2 Sistema digital de distribuição de idiomas Integrus Máximo conforto em distribuição de idiomas digital Tecnologia digital

Leia mais

A LUNETA COM LENTE DE ÓCULOS *

A LUNETA COM LENTE DE ÓCULOS * A LUNETA COM LENTE DE ÓCULOS * João Batista Garcia Canalle 1 Instituto Astronômico e Geofísico USP São Paulo SP Resumo Neste trabalho, apresentamos a construção de uma luneta astronômica, didática, de

Leia mais

SÓ PARA USO DOMÉSTICO!

SÓ PARA USO DOMÉSTICO! - Não o utilize num espaço fechado e cheio de vapores que advenham de óleos, dissolventes, produtos anticaruncho, pó inflamável ou outros vapores explosivos ou tóxicos. - Extraia sempre a ficha do aparelho

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Cuba ANO LETIVO 2012/2013. Clube de Música. Professor Responsável: José Rui do Monte

Agrupamento de Escolas de Cuba ANO LETIVO 2012/2013. Clube de Música. Professor Responsável: José Rui do Monte Agrupamento de Escolas de Cuba ANO LETIVO 2012/2013 Clube de Música Professor Responsável: José Rui do Monte 1 O Clube de Música irá desenvolver a sua atividade ao longo do ano letivo 2012/2013 e tem como

Leia mais

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS VENTILADORES AXIAL UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA DE VENTILADORES AXIAL Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: EAFN 500 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação G = Gabinete

Leia mais

1.Quem é e o que faz o ícone. musical de nossa era: o DJ?

1.Quem é e o que faz o ícone. musical de nossa era: o DJ? 1.Quem é e o que faz o ícone musical de nossa era: o DJ? Quem é e o que faz o ícone musical de nossa era: o DJ? Nos dias de hoje, quando você pensa em um artista descolado e muito poderoso, esse cara pode

Leia mais

Introdução... 2. Características das placas de som... 2

Introdução... 2. Características das placas de som... 2 á Placa de som: principais características... 2 Introdução... 2 Características das placas de som... 2 Conversores ADC e DAC... 2 Resolução das placas de som... 2 Taxa de amostragem... 3 Resposta de freqüência...

Leia mais

AS ATIVIDADES RÍTMICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

AS ATIVIDADES RÍTMICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL AS ATIVIDADES RÍTMICAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL Profª Doutora Daisy Barros Especialização em Ginástica Rítmica e Dança Ritmo é vida e está particularmente ligado à necessidade do mundo moderno. Cada indivíduo,

Leia mais

PROJETO MAGIA DAS HISTÓRIAS INFANTIS

PROJETO MAGIA DAS HISTÓRIAS INFANTIS COLÉGIO VICENTINO IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Rui Barbosa, 1324, Toledo PR Fone: 3277-8150 PROJETO MAGIA DAS HISTÓRIAS INFANTIS SÉRIE: Berçário A Berçário

Leia mais

LINHA AYTY. Roque Frizzo

LINHA AYTY. Roque Frizzo LINHA AYTY Roque Frizzo LINHA AYTY Roque Frizzo CONCEITO Espírito Coleção de móveis para jardim em madeira de eucalipto reflorestada certificada. É aqui que você vai descansar a mente e o espírito... Rústico

Leia mais

Tabela de Preços Outubro 2015 Custom Installation (*)

Tabela de Preços Outubro 2015 Custom Installation (*) Tabela de Preços Outubro 2015 Custom Installation (*) (*) - Sistemas para Instalações personalizada Requer acordo específico de instalador certificado Bose Lifestyle SoundTouch 535 Bose Lifestyle SoundTouch

Leia mais

Quadros Afortec. LOUSA DIGITAL MULTIMÍDIA QUADROS AFORTEC (LDM-AFT105p)

Quadros Afortec. LOUSA DIGITAL MULTIMÍDIA QUADROS AFORTEC (LDM-AFT105p) LOUSA DIGITAL MULTIMÍDIA QUADROS AFORTEC (LDM-AFT105p) A Lousa Digital Multimídia é um sistema desenvolvido para Escolas, Empresas, e Órgãos do Governamentais que precisam de uma solução prática contendo

Leia mais

Venda de pneus de mota. Enchimento de pneus a nitrogénio

Venda de pneus de mota. Enchimento de pneus a nitrogénio Venda de pneus novos - ligeiros, comerciais, pesados, agrícolas e industriais Venda de pneus de mota Venda de jantes Enchimento de pneus a nitrogénio AS RODAS INSUFLADAS COM NITROGÉNIO ATINGEM MENOR TEMPETRATURA.

Leia mais

Questão 1 / Tarefa 1. Questão 1 / Tarefa 2. Questão 1 / Tarefa 3. Questão

Questão 1 / Tarefa 1. Questão 1 / Tarefa 2. Questão 1 / Tarefa 3. Questão Neste teste, a resolução da questão 1 exige a audição de uma sequência de três músicas que serão executadas sem interrupção: uma vez, no início do teste; uma vez, dez minutos após o término da primeira

Leia mais

Manual do usuário DATAPRINT

Manual do usuário DATAPRINT Manual do usuário DATAPRINT Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida sem permissão da Diponto Ltda. As informações e especificações técnicas podem mudar a qualquer momento sem aviso prévio.

Leia mais

I Curso de Preparação Coreográfica Específica para a Ginástica Artística

I Curso de Preparação Coreográfica Específica para a Ginástica Artística I Curso de Preparação Coreográfica Específica para a Ginástica Artística Local: Yashi Academia de Ginástica Olímpica Data: 1º de maio de 2009 Coordenação: Yumi Yamamoto Sawasato Professora: Valeria Lakerbai

Leia mais

SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO DOS MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA 1993

SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO DOS MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA 1993 SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO DOS MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA 1993 ÍNDICE 2 1- Introdução... 3 2- Sistemas de refrigeração... 3 2.1- Sistemas de refrigeração indireta por água... 3 2.2- Sistema de refrigeração

Leia mais