MARÇO / 2009 AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Departamento de Redes de Telecomunicações DERE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MARÇO / 2009 AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Departamento de Redes de Telecomunicações DERE"

Transcrição

1 TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 MARÇO / 2009 RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 1 / 20

2 HISTÓRICO DE REVISÕES DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTOR 26/01/ Criação Sonia Pereira 09/03/ Alteração Sonia Pereira 20/05/ Alteração Sonia Pereira Lei nº 8.666/93, de 21 de junho de Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências. Art. 6 o Para os fins desta Lei, considera-se:... IX - Projeto Básico - conjunto de elementos necessários e suficientes, com nível de precisão adequado, para caracterizar a obra ou serviço, ou complexo de obras ou serviços objeto da licitação, elaborado com base nas indicações dos estudos técnicos preliminares, que assegurem a viabilidade técnica e o adequado tratamento do impacto ambiental do empreendimento, e que possibilite a avaliação do custo da obra e a definição dos métodos e do prazo de execução, devendo conter os seguintes elementos: a) desenvolvimento da solução escolhida de forma a fornecer visão global da obra e identificar todos os seus elementos constitutivos com clareza; b) soluções técnicas globais e localizadas, suficientemente detalhadas, de forma a minimizar a necessidade de reformulação ou de variantes durante as fases de elaboração do projeto executivo e de realização das obras e montagem; c) identificação dos tipos de serviços a executar e de materiais e equipamentos a incorporar à obra, bem como suas especificações que assegurem os melhores resultados para o empreendimento, sem frustrar o caráter competitivo para a sua execução; d) informações que possibilitem o estudo e a dedução de métodos construtivos, instalações provisórias e condições organizacionais para a obra, sem frustrar o caráter competitivo para a sua execução; e) subsídios para montagem do plano de licitação e gestão da obra, compreendendo a sua programação, a estratégia de suprimentos, as normas de fiscalização e outros dados necessários em cada caso; f) orçamento detalhado do custo global da obra, fundamentado em quantitativos de serviços e fornecimentos propriamente avaliados; Decreto nº 3.555, de 8 de agosto de Art. 8º A fase preparatória do pregão observará as seguintes regras: Aprova o Regulamento para a modalidade de licitação denominada pregão, para aquisição de bens e serviços comuns. I- a definição do objeto deverá ser precisa, suficiente e clara, vedadas especificações que, por excessivas, irrelevantes ou desnecessárias, limitem ou frustrem a competição ou a realização do fornecimento, devendo estar refletida no termo de referência; II- o Termo de Referência é o documento que deverá conter elementos capazes de propiciar a avaliação do custo pela Administração, diante de orçamento detalhado, considerando os preços praticados no mercado, a definição dos métodos, a estratégia de suprimento e o prazo de execução do contrato; Decreto nº 5.450, de 31 de maio de Art.9º Na fase preparatória do pregão, na forma eletrônica, será observado o seguinte: Regulamenta o pregão, na forma eletrônica, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. I -elaboração de termo de referência pelo órgão requisitante, com indicação do objeto de forma precisa, suficiente e clara, vedadas especificações que, por excessivas, irrelevantes ou desnecessárias, limitem ou frustrem a competição ou sua realização; 2 o O termo de referência é o documento que deverá conter elementos capazes de propiciar avaliação do custo pela administração diante de orçamento detalhado, definição dos métodos, estratégia de suprimento, valor estimado em planilhas de acordo com o preço de mercado, cronograma físico-financeiro, se for o caso, critério de aceitação do objeto, deveres do contratado e do contratante, procedimentos de fiscalização e gerenciamento do contrato, prazo de execução e sanções, de forma clara, concisa e objetiva. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 2 / 20

3 TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SWITCHES - NÍVEL 2 Equipe Responsável Elaboração Assinatura Data Sonia da Silva Pereira Garcia matrícula: Serviço de Gestão e Contabilização de Recursos Técnicos STGR / DITG Paulo Roberto Alves de Almeida matrícula: Divisão de Infra-estrutura e Gerência de Redes DIIG Marcelo José da Silva matrícula: Div. de Tecnologia e Gestão de Redes DITG Aprovação Motivada Considerando que o Termo de Referência elaborado se apresenta de forma conveniente e oportuna para atender a demanda exposta na RQ DERE nº 005/2009, aprovo este Termo. Os elementos para que as empresas especifiquem seus preços estão no Termo de Referência e o valor da estimativa será incluído oportunamente no processo, após pesquisa ao mercado pela área competente. Luis Najan matrícula: Departamento de Redes de Telecomunicações DERE Assinatura Data RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 3 / 20

4 TERMO DE REFERÊNCIA Data: 25/08/2009 Título: AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 1. Objeto / Quantidade 1.1. Aquisição de switches nível As especificações técnicas dos equipamentos são aquelas contidas no Anexo I - Especificação Técnica, parte integrante deste documento. Os equipamentos a serem fornecidos deverão ser novos, não sendo aceitos equipamentos remanufaturados. Quantidade Total a ser Item Tipo de switch Aquisição inicial Registrada 1 Tipo I Tipo II Após a assinatura da respectiva Ata de Registro de Preços, observados os requisitos da legislação que regulamenta o Sistema de Registro de Preços, a Dataprev pretende emitir um pedido inicial composto equipamentos e quantidades descritas acima. 2. Entrega 2.1. Os equipamentos constantes no Anexo I - Especificação Técnica deverão ser entregues, em sua totalidade, no local indicado abaixo, no prazo máximo de 45 (quarenta e cinco) dias corridos, a contar da data de assinatura da respectiva Autorização de Fornecimento (AF)/Contrato. DATAPREV / DERE Depto. de Redes de Telecomunicações End.: Rua Cosme Velho, 6 / 4º andar Bairro: Cosme Velho RJ. - CEP: Os volumes serão abertos, em até 02 dias úteis após a entrega, na presença do fornecedor e da Dataprev, que em conjunto conferirão o conteúdo dos mesmos. A conferência será realizada com base na lista dos materiais e/ou equipamentos descritos na nota fiscal a ser fornecida no ato da entrega, detalhando claramente todas as partes integrantes dos equipamentos. Este detalhamento não poderá ser feito por códigos, e sim pela descrição de cada material e/ou equipamento, com a respectiva quantidade. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 4 / 20

5 2.3. Constatada a ocorrência de divergência entre os equipamentos e/ou volumes entregues e a especificação técnica ou qualquer defeito, fica a CONTRATADA obrigada a providenciar a sua correção ou, a critério da Dataprev, a substituição, em até 72 (setenta e duas) horas, contadas a partir da notificação da ocorrência por parte da Dataprev, sujeitando-se a contratada às penalidades previstas no Edital Os volumes contendo os equipamentos na deverão estar identificados externamente, com os dados constantes da nota fiscal, qual deverá constar necessariamente o número de série de todos os equipamentos que estiverem sendo entregues Juntamente com os bens adquiridos e as respectivas notas fiscais, deverá ser fornecida documentação em meio eletrônico, relacionando os itens constantes da Especificação Técnica Anexo I com os itens constantes nas Notas Fiscais, de forma a que seja possível verificar a correlação entre os itens adquiridos e aqueles representados nas Notas Fiscais Deverá ser fornecida toda documentação técnica que abranja configuração, instalação e gerenciamento dos produtos envolvidos Os equipamentos não serão considerados entregues até que toda documentação seja entregue e aceita pela Dataprev. 3. Aceitação dos Equipamentos 3.1. Constatada a ocorrência de divergência na especificação técnica ou qualquer outro defeito dos equipamentos, fica a contratada obrigada a providenciar a sua correção ou, a critério da Dataprev, a substituição do equipamento, em até 72 (setenta e duas) horas, contadas a partir da notificação da ocorrência por parte da Dataprev, sujeitando-se a contratada às penalidades previstas no Edital Os equipamentos não serão considerados entregues até que toda documentação constante no subitem 2.3 seja entregue e aceita pela Dataprev Concluída a entrega dos equipamentos e não tendo sido verificado anormalidades e/ou sanados todos os problemas detectados, a Dataprev emitirá em até três dias úteis, o Termo de Aceitação, iniciando-se a partir dessa data a contagem dos prazos de garantia dos equipamentos. 4. Repasse Tecnológico 4.1. A Contratada deverá prover repasse tecnológico de operação e configuração dos switches (Tipo I e Tipo II) a ser realizado no Rio de Janeiro (dentro ou fora das dependências da DATAPREV), relativo aos produtos adquiridos, dentro do prazo máximo de 60 (sessenta) dias corridos após a assinatura da respectiva Autorização de Fornecimento/Contrato. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 5 / 20

6 4.2. Este repasse deverá ser efetuado para cada tipo de switch (Tipo I e Tipo II), sendo 02 treinamentos distintos e cada um deverá atender às seguintes características: Deverá conter duração mínima de 40 (quarenta) horas e atender a, pelo menos, 2 (dois) grupos de 10 (dez) técnicos da DATAPREV, abrangendo: Interface com o usuário; Arquitetura do equipamento do fabricante; Características do sistema operacional; Configurações das interfaces; Configurações das características descritas no item 1 do Anexo I; Diagnóstico e resolução de problemas inerentes aos produtos cotados O material de acompanhamento deverá ser detalhado, conter todos os assuntos abordados nos cursos e ser fornecido para cada um dos participantes A parte prática dos blocos de repasse tecnológico deverá ser executada com, no mínimo, 5 (cinco) switches Todos os equipamentos deverão ser do mesmo fabricante. 5. Faturamento Após a emissão do Termo de Aceitação descrito no item Garantia O prazo de garantia do equipamento será de, no mínimo, 36 (trinta e seis) meses, contados a partir da data de emissão do Termo de Aceitação dos equipamentos, conforme descrito no subitem Assistência Técnica 7.1. A contratada deverá informar quem será o responsável pela assistência técnica, no local de entrega do equipamento, descrito no item 2.1, durante o período de garantia e informar o endereço, telefone (0800), fax/ e contato da Assistência Técnica responsável pelo atendimento em garantia, manifestando claramente o credenciamento da referida empresa Durante todo o período de garantia contratual, os serviços de assistência técnica serão prestados por técnicos devidamente habilitados e credenciados pela empresa responsável pela assistência técnica no local onde os equipamentos serão entregues, em horário comercial, de segunda a sexta-feira, nas cidades indicadas no item 7.4. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 6 / 20

7 7.3. Correrá por conta exclusiva da empresa responsável pela assistência técnica a responsabilidade pelo deslocamento dos técnicos às instalações da Dataprev, pela retirada e entrega do equipamento, assim como pelas despesas de transporte, frete e seguro correspondentes A assistência técnica dos equipamentos na modalidade on site deverá ser efetuada no seguinte endereço: DATAPREV / DERE Depto. de Redes de Telecomunicações End.: Rua Cosme Velho, 6 / 4º andar Bairro: Cosme Velho RJ. - CEP: Abertura e Registro de Ocorrências As solicitações de serviços deverão ser registradas pela CONTRATADA, com controle dos mesmos pela DATAPREV. A abertura dos chamados poderá ser efetuada por website ou por telefone (0800), contendo no mínimo os seguintes registros: - Data e hora da solicitação; - Descrição da ocorrência; - Número do registro/ocorrência; - Identificação do solicitante / Atendente; 9. Prazos para Solução das Ocorrências 9.1. As ocorrências deverão ser atendidas no prazo máximo 12 (doze) horas corridas após a abertura do chamado técnico, sendo todos os atendimentos prestados no endereço descrito no item Caso o problema não seja solucionado em até 48 (quarenta e oito) horas, a contratada deverá providenciar, em até 48 (quarenta e oito) horas, a substituição do equipamento ou módulo defeituoso por um outro (backup) de configuração e especificação técnica igual ou superior, em caráter provisório e temporário, pelo prazo máximo de até 30 (trinta) dias corridos, findos os quais a substituição passará a ser definitiva. Este prazo será contado a partir da data da substituição Em caso de substituição definitiva, o equipamento ou módulos substituídos deverão ser novos e originais, recomendados pelo fabricante Será contabilizado como período de indisponibilidade, o prazo a contar entre a formalização do chamado de manutenção corretiva e a solução efetiva do problema, ou a entrada em operação do backup. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 7 / 20

8 10. Obrigação da contratada e da DATAPREV (contratante) * São obrigações da CONTRATADA: Manter, durante toda a execução do Contrato, a compatibilidade com as obrigações assumidas em relação a todas as condições de habilitação e qualificação exigidas neste Termo de Referência Reparar ou substituir qualquer equipamento que apresentar defeito, sem que isso acarrete ônus extra para a Dataprev, caso seja comprovado que o defeito não foi ocasionado por mau uso. * São obrigações da DATAPREV (contratante): Verificar o cumprimento de todas as obrigações pela CONTRATADA Exigir todas as certidões comprobatórias de regularidade fiscal, consoante legislação aplicável Efetivar o pagamento, após o cumprimento de todas as exigências deste Termo de Referência. 11. Relatório de Visita Ao término de todo atendimento, o técnico da contratada deverá preencher um Relatório de Visita, contendo data, hora de chamada, início e término do atendimento, identificação do equipamento/módulo defeituoso, as providências adotadas, peças substituídas e as observações pertinentes. O Relatório de Visita deve ser assinado pelo técnico responsável e por um técnico da DATAPREV. 12. Acesso ao Site dos Fabricantes Deverá ser garantido à DATAPREV o pleno acesso ao site do fabricante dos equipamentos objeto deste Termo de Referência, com direito à consultas a quaisquer bases de dados disponíveis para usuários, relativas aos produtos objeto deste Termo de Referência, e também a efetuar downloads de quaisquer atualizações de software ou documentação, para os produtos objeto deste Termo de Referência. Caso haja diferentes níveis de acesso no site, deverá obrigatoriamente ser ofertado o nível com maior número de privilégios. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 8 / 20

9 13. Uso da Língua Portuguesa Em todas as atividades de manutenção ou suporte, deverá ser empregada a língua portuguesa falada e escrita do Brasil. Serão admitidas as seguintes exceções a esta exigência: O uso de termos técnicos em inglês, nas conversações ou correspondências; O acesso a sites com conteúdo na língua inglesa, para consulta a bases de conhecimento ou download de componentes de software; Não será aceito que a abertura e o acompanhamento de chamados tenham que ser feitos em outra língua que não a portuguesa. O atendimento a todos os chamados deverá ser feito na língua portuguesa. 14. Sigilo e Inviolabilidade A contratada deverá garantir o sigilo e a inviolabilidade das informações a que eventualmente possa ter acesso, durante os procedimentos de assistência técnica. 15. Conexão / Instalação de outros Produtos A DATAPREV se compromete a somente conectar ou instalar produtos que atendam a todas as exigências de compatibilidade (homologação) dos fabricantes dos equipamentos fornecidos, e cuja conexão ou instalação não causem danos materiais aos equipamentos, ou prejudiquem o funcionamento dos mesmos. 16. Penalidades Pelo descumprimento dos prazos relacionados à entrega dos equipamentos, será aplicada multa à razão de 2% (dois por cento) do valor total do contrato, por dia de atraso, limitado ao teto de 10% (dez por cento) Pelo descumprimento dos prazos relacionados à assistência técnica em garantia, será aplicada multa à razão de 2% (dois por cento) do valor caucionado em garantia do cumprimento das obrigações contratuais, por hora de atraso, limitado ao teto de 20% (vinte por cento). 17. GESTÃO CONTRATUAL Gestão Técnica-Operacional: Responsável pelo Atesto e Acompanhamento da Execução do Serviço. Gestão Executiva: Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas CGAD Responsável pelo Acompanhamento do Contrato. RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 9 / 20

10 ANEXO I - ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Data: 25/08/2009 Título: AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 TIPO I 1. Características: Deve estar em conformidade com o padrão IEEE / ISO ; Deve possuir, no mesmo equipamento, um mínimo de 24 (vinte e quatro) portas 10 / 100 / 1000Base-T, com conectores RJ-45, autosense para cabos UTP, em conformidade com os padrões IEEE 802.3i, 802.3u e 802.3ab; Deve permitir a configuração, em cada porta, de um texto possibilitando ao administrador a inclusão de informações que identifiquem o que está conectado na respectiva porta; Deve suportar o padrão IEEE 802.3ad (Link Aggregation), suportando até 4 (quatro) portas por grupo; Deve possuir uma porta de console para o gerenciamento e configuração do equipamento, no padrão RS-232, com conector RJ-45 ou DB-9, acompanhada de cabo específico; Deve possuir uma matriz de comutação de, no mínimo, 32 (trinta e dois) Gbps; Deve possuir uma taxa de encaminhamento de, no mínimo, 35,7 (trinta e cinco vírgula sete) Mpps, considerando-se pacotes de 64 bytes; Deve possuir memória RAM suficiente para executar todas as funções especificadas; Deve possuir memória suficiente para armazenar o sistema operacional correspondente na versão atual, e que também garanta o armazenamento do mesmo em suas novas versões pelo período de 2 (dois) anos; Deve possuir memória não-volátil suficiente para armazenar a configuração do equipamento; Deve suportar múltiplas imagens de firmware ou permitir boot diretamente de imagem armazenada em servidor de rede (TFTP ou FTP ou SFTP); Deve permitir o download e o upload das configurações; Deve permitir a criação de um grupo através de empilhamento / cascateamento de, no mínimo, 4 (quatro) equipamentos gerenciados ou o equivalente em quantidade de portas; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 10 / 20

11 Deve permitir autonegociação de modo de transmissão half/full-duplex para as interfaces referenciadas no item 1.2 quando da utilização das velocidades 10/100 Mbps; Deve suportar o modo de operação full-duplex em todas as portas; Deve suportar o padrão IEEE 802.3x (Flow Control); Deve possuir capacidade de armazenamento de, no mínimo, (oito mil) endereços MAC; Sua tabela de endereços deve ser criada de forma automática, por autoaprendizagem; Deve permitir a configuração manual de quaisquer endereços MAC estáticos (inclusive de multicast) para uma interface específica, sendo que o mesmo endereço MAC deve poder ser configurado simultaneamente em 2 (duas) ou mais interfaces; Deve implementar facilidades de syslog; Cada porta deve suportar múltiplos endereços MAC; Deve suportar o padrão IEEE 802.1d (Spanning Tree); Deve suportar o padrão IEEE 802.1s (Multiple Spanning Tree); Deve suportar o padrão IEEE 802.1w (Rapid Spanning Tree); Deve permitir, no mínimo, 16 (dezesseis) instâncias de Spanning Tree; Deve suportar a versão 2 do protocolo IGMP (Internet Group Management Protocol) Snooping IGMPv2 Snooping; Deve permitir o controle de broadcast por porta; Deve implementar a tecnologia de VLANs; Deve suportar o padrão IEEE 802.1q; Deve suportar o padrão IEEE 802.1p; Deve suportar a configuração de, no mínimo, 250 (duzentos e cinqüenta) VLANs ativas, no padrão IEEE 802.1q; Deve ser gerenciável (in band) pelo protocolo SNMP, MIB-II, em conformidade com os padrões INTERNET RFC 1157 e RFC 1213; Deve suportar o protocolo SNMPv3; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 11 / 20

12 Deve permitir o encaminhamento de jumbo frames (frames de 9018 bytes) nas portas Gigabit Ethernet; Deve ser gerenciável (in band) pelos protocolos SNMPv1 e SNMPv2c; Deve permitir controle de acesso por porta segundo o padrão IEEE 802.1x, com configuração dinâmica da VLAN do usuário autenticado; Deve permitir a configuração automática de VLAN de quarentena para a porta de dispositivos / usuários não autenticados no padrão IEEE 802.1x; Deve suportar autenticação de usuário através de Radius ou TACACS+; Deve suportar a facilidade de secure port, de modo que apenas um número configurável de endereços MAC possa ter acesso à porta do switch, prevenindo que estações não autorizadas acessem a rede. Estes endereços devem ser aprendidos de duas formas: por configuração manual; dinamicamente; Deve implementar segurança baseada em, no mínimo, 2 (dois) níveis de acesso para a administração do equipamento; Deve permitir a criação de listas de controle de acesso (ACLs) baseadas em endereços IP para limitar o acesso ao switch via Telnet e SSH; Deve possibilitar a criação de listas de controle de acesso (ACLs), ou funcionalidade similar, baseadas em endereços IP de origem, de destino e portas TCP e UDP; Deve suportar o protocolo SSH (Secure Shell), versão 2, para acesso à configuração e gerenciamento do equipamento; Deve possuir suporte a IPv6, de forma que o equipamento responda aos seguintes serviços: ICMP, Telnet, TFTP e Traceroute. Deve suportar DHCP snooping ou funcionalidade similar que permita o bloqueio de servidores DHCP não autorizados na rede; Deve permitir a configuração de, no mínimo, 4 (quatro) filas de prioridade por porta; Deve permitir a limitação de tráfego de saída (rate limiting); Deve suportar a classificação de pacotes baseada em informações de camada 2, 3 ou 4 do modelo OSI; Deve permitir métodos de priorização de tráfego (QoS) por tipo de protocolo e por serviços da pilha TCP/IP baseados em camada 2 (802.1p) e camada 3 (precedência IP ou DSCP); RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 12 / 20

13 Deve suportar o protocolo Network Time Protocol (NTP) ou outro protocolo compatível capaz de realizar o sincronismo a partir de um servidor NTP; Deve fornecer espelhamento do tráfego de entrada e saída para monitoração de múltiplas portas do switch em uma única porta, sem a inclusão de nenhum módulo adicional e comandado pelas opções previstas no item 1.52; Deve permitir administração e configuração através de interface de linha de comando (CLI); Deve suportar, pelo menos, 4 (quatro) conexões de Telnet (VT-100) simultâneas; Deve ter a capacidade de atualização de software via TFTP (Trivial File Transfer Protocol), em conformidade com a RFC 783, ou via FTP (File Transfer Protocol) ou via SFTP (Secure File Transfer Protocol); Deve possibilitar a configuração automática, via rede, através dos protocolos BOOTP ou DHCP; O sistema operacional/firmware fornecido deve, dentro das características solicitadas, ser a versão mais atualizada no momento da aquisição; Deve permitir gerenciamento e configuração através de interface gráfica (Web Browser); Deve suportar nativamente os 4 (quatro) grupos básicos de RMON, a saber: statistics, history, alarms e events, em conformidade com o padrão RFC 1757, sem a utilização de probes externas; Deve possuir LEDs de diagnóstico de atividades de status do sistema, de cada porta, e de alimentação; Deve vir acompanhado de todos os acessórios indispensáveis para a sua perfeita instalação e funcionamento; Deve vir acompanhado de manual de instalação, configuração e operação do equipamento na língua portuguesa ou inglesa, com apresentação de boa qualidade, ou apresentar estas informações no Site da Empresa; Deve permitir instalação em gabinete padrão 19" (dezenove polegadas) com 1U de altura; Deve operar entre as temperaturas de 10 C e 40ºC; Deve ser destinado ao uso normal em ambiente tropical com umidade relativa na faixa de 20 a 80% (sem condensação) e suportar temperatura ambiente de armazenamento entre 0 C e 50 C; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 13 / 20

14 Deve operar com alimentação elétrica de 110/220 V, 60 Hz, com chaveamento automático; Deve suportar fonte de alimentação redundante e esta não precisa ser interna; Deve consumir, no máximo, 75W de energia; Deve dissipar, no máximo, 255 BTU/h; Deve possuir fonte interna ao equipamento; Deve ser fornecido guia de cabos (organizador de cabos frontal) de 1U, para gabinete padrão 19", com tampa frontal removível e construído em chapa de aço resistente. Este guia deve ser fornecido para cada equipamento cotado, sendo recomendável que o mesmo não possua logomarcas da empresa fornecedora. 2. Garantia Tempo médio entre falhas (MTBF) deve ser superior a (duzentas e noventa e cinco mil) horas; Garantia da atualização do sistema operacional/firmware, provendo o fornecimento de novas versões por necessidade de correção de problemas ou por implementação de novos releases durante todo o período de garantia; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 14 / 20

15 ANEXO I - ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Data: 25/08/2009 Título: AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 TIPO II 1. Características: Deve estar em conformidade com o padrão IEEE / ISO ; Deve possuir, no mesmo equipamento, um mínimo de 24 (vinte e quatro) portas 10 / 100 / 1000Base-T, com conectores RJ-45, autosense para cabos UTP, em conformidade com os padrões IEEE 802.3i, 802.3u e 802.3ab; Deve possuir, no mínimo, 2 (duas) portas 10GBASE-SR; O equipamento deverá ser fornecido com todos os cabos, conectores, adaptadores e/ou conversores que se façam necessários para a interligação aos equipamentos da Dataprev em portas 10GBASE-SR; O equipamento deve permitir operar simultaneamente, 24 (vinte e quatro) portas RJ-45 (10 / 100 / 1000 Base-T) e 2 (duas) portas 10GBASE-SR, mantendo a mesma capacidade de gerenciamento e as características descritas a seguir; Deve permitir a configuração em cada porta de um texto possibilitando ao administrador a inclusão de informações que identifiquem o que está conectado na respectiva porta; Deve suportar o padrão IEEE 802.3ad (Link Aggregation), possibilitando até 8 (oito) portas por grupo para as portas 10/100/1000; Deve possuir uma porta de console para o gerenciamento e configuração do equipamento, no padrão RS-232, com conector RJ-45 ou DB-9, acompanhada de cabo específico. A porta de console também pode ser ofertada no padrão USB 1.1 ou 2.0; Deve possuir uma matriz de comutação de, no mínimo, 88 (oitenta e oito) Gbps; Deve possuir uma taxa de encaminhamento de, no mínimo, 65,5 (sessenta e cinco vírgula cinco) Mpps, considerando-se pacotes de 64 bytes; Deve possuir memória RAM suficiente para executar todas as funções especificadas; Deve possuir memória suficiente para armazenar o sistema operacional correspondente na versão atual, e que também garanta o armazenamento do mesmo em suas novas versões pelo período de 2 (dois) anos; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 15 / 20

16 Deve possuir memória não-volátil suficiente para armazenar a configuração do equipamento; Deve suportar múltiplas imagens de firmware ou permitir boot diretamente de imagem armazenada em servidor de rede (TFTP ou FTP ou SFTP); Deve permitir o download e o upload das configurações, utilizando padrões de mercado (ou seja, sem utilização de softwares proprietários); Deve permitir a criação de um grupo através de empilhamento/cascateamento de, no mínimo, 4 (quatro) equipamentos gerenciados ou o equivalente em quantidade de portas; Deve permitir autonegociação de modo de transmissão half/full-duplex para as interfaces referenciadas no item 1.2 quando da utilização das velocidades 10/100 Mbps; Deve suportar o modo de operação full-duplex em todas as portas; Deve suportar o padrão IEEE 802.3x (Flow Control); Deve possuir capacidade de armazenamento de, no mínimo, (doze mil) endereços MAC; Sua tabela de endereços deve ser criada de forma automática, por autoaprendizagem; Deve permitir a configuração manual de quaisquer endereços MAC estáticos (inclusive de multicast) para uma interface específica, sendo que o mesmo endereço MAC deve poder ser configurado simultaneamente em 2 (duas) ou mais interfaces; Deve implementar facilidades de syslog; Cada porta deve suportar múltiplos endereços MAC; Deve suportar o padrão IEEE 802.1d (Spanning Tree); Deve suportar o padrão IEEE 802.1s (Multiple Spanning Tree); Deve suportar o padrão IEEE 802.1w (Rapid Spanning Tree); Deve suportar a versão 2 do protocolo IGMP (Internet Group Management Protocol) Snooping IGMPv2 Snooping; Deve permitir o controle de broadcast por porta; Deve implementar a tecnologia de VLANs; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 16 / 20

17 Deve suportar o padrão IEEE 802.1q; Deve suportar GVRP (GARP VLAN Registration Protocol) ou funcionalidade similar; Deve suportar o padrão IEEE 802.1p; Deve suportar a configuração de, no mínimo, 1000 (mil) VLANs ativas, no padrão IEEE 802.1q; Deve ser gerenciável (in band) pelo protocolo SNMP, MIB-II, em conformidade com os padrões INTERNET RFC 1157 e RFC 1213; Deve suportar o protocolo SNMPv3; Deve permitir o encaminhamento de jumbo frames nas portas Gigabit Ethernet e 10 Gigabit Ethernet; Deve ser gerenciável (in band) pelos protocolos SNMPv1 e SNMPv2c; Deve suportar o protocolo IEEE 802.1x; Deve suportar autenticação de usuário através de Radius ou TACACS+; Deve suportar a facilidade de secure port, de modo que apenas um número configurável de endereços MAC possa ter acesso à porta do switch, prevenindo que estações não autorizadas acessem a rede. Estes endereços devem ser aprendidos de duas formas: o por configuração manual; o dinamicamente; Deve implementar segurança baseada em, no mínimo, 2 (dois) níveis de acesso para a administração do equipamento. Um dos níveis deve ter restrição total à configuração do equipamento e a comandos que alterem seu funcionamento, e outro, não deve ter qualquer restrição; Deve permitir a criação de listas de acesso baseadas em endereços IP para limitar o acesso ao switch via Telnet e SSH; Deve suportar o protocolo SSH (Secure Shell) para acesso à configuração e gerenciamento do equipamento; Deve suportar DHCP snooping ou funcionalidade similar que permita o bloqueio de servidores DHCP não autorizados na rede; Deve permitir a configuração de, no mínimo, 4 (quatro) filas de prioridade por porta; Deve permitir a limitação de tráfego de saída (rate limiting); RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 17 / 20

18 Deve suportar a classificação de pacotes baseada em informações de camada 2 ou 3 ou 4 do modelo OSI; Deve permitir métodos de priorização de tráfego (QoS) por tipo de protocolo e por serviços da pilha TCP/IP baseados em camada 2 (802.1p) e camada 3 (precedência IP ou DSCP); Deve suportar o protocolo Network Time Protocol (NTP) ou outro protocolo compatível capaz de realizar o sincronismo a partir de um servidor NTP; Deve fornecer espelhamento do tráfego de entrada e saída para monitoração de múltiplas portas do switch em uma única porta, sem a inclusão de nenhum módulo adicional, comandado pelas opções previstas no item 1.52; Deve permitir administração e configuração através de interface de linha de comando (CLI); Deve suportar, pelo menos, 4 (quatro) conexões de Telnet/SSH (VT-100) simultâneas; Deve ter a capacidade de atualização de software via TFTP (Trivial File Transfer Protocol), em conformidade com a RFC 783, ou via FTP (File Transfer Protocol), ou via SFTP (Secure File Transfer Protocol); Deve possibilitar a configuração automática, via rede, através dos protocolos BOOTP ou DHCP; O sistema operacional/firmware fornecido deve, dentro das características solicitadas, ser a versão mais atualizada no momento da aquisição; Deve permitir gerenciamento e configuração através de interface gráfica (Web Browser), desde que todos os softwares externos ao equipamento sejam fornecidos; Deve suportar nativamente os 4 (quatro) grupos básicos de RMON, a saber: statistics, history, alarms e events, em conformidade com o padrão RFC 1757, sem a utilização de probes externas; Deve possuir LEDs de diagnóstico de atividades de status do sistema, de cada porta, e de alimentação; Deve permitir a criação de listas de controle de acesso (ACLs), ou funcionalidade similar, baseadas em endereços MAC de origem e destino, endereços IP de origem e destino e portas TCP e UDP; Deve vir acompanhado de todos os acessórios indispensáveis para a sua perfeita instalação e funcionamento; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 18 / 20

19 Deve vir acompanhado de manual de instalação, configuração e operação do equipamento na língua portuguesa ou inglesa, com apresentação de boa qualidade, ou apresentar estas informações no Site da Empresa; Deve permitir instalação em gabinete padrão 19" (dezenove polegadas); Deve operar entre as temperaturas de 10 C e 40ºC; Deve ser destinado ao uso normal em ambiente tropical com umidade relativa na faixa de 20 a 80% (sem condensação) e suportar temperatura ambiente de armazenamento entre 0 C e 50 C; Deve possuir fonte interna ao equipamento; Deve suportar fonte de alimentação redundante e esta não precisa ser interna; Deve operar com alimentação elétrica de 110/220 V, 60 Hz, com chaveamento automático; Deve ser fornecida guia de cabos (organizador de cabos frontal) de 1U, para gabinete padrão 19, com tampa frontal removível e construída em chapa de aço resistente. Este guia deve ser fornecido para cada equipamento cotado, sendo recomendável que o mesmo não possua logomarcas da empresa fornecedora; 2. Garantia O tempo médio entre falhas (MTBF) deve ser superior a (cem mil) horas; Garantia da atualização do sistema operacional/firmware, provendo o fornecimento de novas versões por necessidade de correção de problemas ou por implementação de novos releases durante todo o período de garantia; RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 19 / 20

20 ANEXO II PLANILHA DE ORÇAMENTO DETALHADO Data: 25/08/2009 Título: AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 A Equipamentos Propostos (em R$) Item Qte. Eqtos. Descrição Valor Unitário Valor Total Switch Nível 2 Tipo I 0,00 0, Switch Nível 2 Tipo II 0,00 0,00 TOTAL = 0,00 B Treinamento (em R$) Item Qte. Turmas/ Descrição Valor Unitário Valor Total Participantes 1 2 / 10 Switch Nível 2 Tipo I 0,00 0, / 10 Switch Nível 2 Tipo II 0,00 0,00 TOTAL = 0,00 C Garantia por 36 meses, atendimento 24 X 7 (em R$) Item Qte. Meses Descrição Valor Unitário Valor Total 1 36 Switch Nível 2 Tipo I 0,00 0, Switch Nível 2 Tipo II 0,00 0,00 TOTAL = 0,00 D Total Geral (em R$) Item Qte. Eqtos. Descrição Valor Total Switch Nível 2 Tipo I 0, Switch Nível 2 Tipo II 0,00 TOTAL GERAL = 0,00 RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 20 / 20

TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SWITCHES NÍVEL 2 MARÇO / 2009 RQ DERE 005/2009 Termo de Referência Aquisição de Switches Nível 2 1 / 22 HISTÓRICO DE REVISÕES DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTOR 26/01/2009 1 Criação

Leia mais

Switch de Borda - 48 portas de 1 Gbps

Switch de Borda - 48 portas de 1 Gbps CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CELSO SUCKOW DA FONSECA Switch de Borda - 48 portas de 1 Gbps Especificações Técnicas Característica/Configurações/Requisitos mínimos: Descrição do Material Switch

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT

Termo de Referência. Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Diretoria de Infra-Estrutura de TIC DIT Termo de Referência Aquisição de servidores para camada de banco de dados. Termo de Referência Aquisição de Servidores Tipo 1A-1B para camada de Banco de Dados / Alta Disponibilidade RQ DEPI nº 11/2009

Leia mais

SWITCH DE BORDA CAMADA 2 24 PORTAS GIGABIT RJ-45 SEM POE E 2 PORTAS 10 GIGABITS PARA FIBRA. Subitem Característica Especificação Exigência

SWITCH DE BORDA CAMADA 2 24 PORTAS GIGABIT RJ-45 SEM POE E 2 PORTAS 10 GIGABITS PARA FIBRA. Subitem Característica Especificação Exigência SWITCH DE BORDA CAMADA 2 24 PORTAS GIGABIT RJ-45 SEM POE E 2 PORTAS 10 GIGABITS PARA FIBRA Subitem Característica Especificação Exigência CONEXÕES DESEMPENHO 1.1 Portas RJ-45 1.2 Portas GBIC 1.3 Autoconfiguraçã

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. 3 Módulo e cabo stack para switch de borda 12

TERMO DE REFERÊNCIA. implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. 3 Módulo e cabo stack para switch de borda 12 TERMO DE REFERÊNCIA I DEFINIÇÃO DO OBJETO O presente Projeto Básico tem por objeto a aquisição de equipamentos para implantação e conectividade da rede de dados da EBSERH. ITEM DESCRIÇÃO QUANTIDADE 1 Switch

Leia mais

Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4

Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4 Switch de Acesso Fast Ethernet Modelo de Referência - Cisco SRW224G4 Switch Fast Ethernet com as seguintes configurações mínimas: capacidade de operação em camada 2 do modelo OSI; 24 (vinte e quatro) portas

Leia mais

Switch com mínimo de 24 portas 10/100Mbps (Ethernet/Fast- Ethernet) ou velocidade superior em conectores RJ45 - POE

Switch com mínimo de 24 portas 10/100Mbps (Ethernet/Fast- Ethernet) ou velocidade superior em conectores RJ45 - POE Switch com mínimo de 24 portas 10/100Mbps (Ethernet/Fast- Ethernet) ou velocidade superior em conectores RJ45 - POE Especificações Técnicas Mínimas: 1. O equipamento deve ter gabinete único para montagem

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Especificação de Referência Switch de Borda Alguns itens apresentam opções de configuração, refletindo nos aspectos originais de preço e características da máquina Código do Material Descrição do Material

Leia mais

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300.

Termo de Referência. (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução s de armazenamento (Storage) do ambiente de Migração, composta pelo do subsistema de disco IBM DS8300. Termo de Referência Expansão da solução de armazenamento do

Leia mais

Aquisição de Dispositivos de Firewall para CPRJ, CPDF e CPSP

Aquisição de Dispositivos de Firewall para CPRJ, CPDF e CPSP Aquisição de Dispositivos de Firewall para CPRJ, CPDF e CPSP TERMO DE REFERÊNCIA Agosto / 2009 HISTÓRICO DE REVISÕES DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTOR 04/06/2009 1 Criação Marcos José 23/06/2009 1 Alteração

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE Aquisição de Solução de Criptografia para Backbone da Rede da Dataprev ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA 1. HARDWARE DO APPLIANCE 1.1 Cada appliance deverá ser instalado em rack de 19 (dezenove) polegadas

Leia mais

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I

PEDIDO DE COTAÇÃO - ANEXO I Folha: 0001 001 111586 Nobreak Senoidal de Dupla Conversão de no mínimo 3.0 KVa 1. Todos os equipamentos deverão ser novos de primeiro uso e estar na linha de produção atual do fabricante; 2. A garantia

Leia mais

Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Departamento de Redes de Telecomunicações DERE AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA

Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Departamento de Redes de Telecomunicações DERE AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÃO DE REDE PARA DATA CENTER TERMO DE REFERÊNCIA ABRIL / 2012 HISTÓRICO DE REVISÕES DATA VERSÃO DESCRIÇÃO AUTOR 13/10/2011 1 Criação Robson Marinho 16/01/2012 4 Alteração das especificações

Leia mais

Por ser uma funcionalidade comum a diversos switches de mercado, sugerimos adicionar os seguintes requisitos:

Por ser uma funcionalidade comum a diversos switches de mercado, sugerimos adicionar os seguintes requisitos: ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 10/2014 (PERGUNTAS E RESPOSTAS) A ATA REGISTRO PREÇOS FUTURA E EVENTUAL AQUISIÇÃO SWITCH ÓPTICA E SWITCH BORDA A ADMINISTRAÇÃO DIRETA E INDIRETA DO MUNICÍPIO SÃO PAULO

Leia mais

Especificação de Referência Switch de Acesso I

Especificação de Referência Switch de Acesso I 1 Especificação de Referência Switch de Acesso I Código do Objeto Descrição do Objeto Aplicação do Objeto Data da Especificação de Referência Validade da Especificação de Referência AC0000045 Switch de

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Item I Switch Tipo 1 10/100 Mbps Layer 2 24 Portas

TERMO DE REFERÊNCIA. Item I Switch Tipo 1 10/100 Mbps Layer 2 24 Portas TERMO DE REFERÊNCIA Item I Switch Tipo 1 10/100 Mbps Layer 2 24 Portas Deve ser montável em rack padrão EIA 19 (dezenove polegadas) e possuir kits completos para instalação; Deve possuir, no mínimo, 24

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa.

Termo de Referência. Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. Termo de Referência Aquisição de Solução de Gerenciamento de Impressão para plataforma baixa. CGAD/COAR - Gerenciamento de Impressão Plataforma Baixa / RQ DSAO nº xxx/2009 1/8 Termo de Referência Aquisição

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DE FITOTECA AUTOMATIZADA Substituição dos Silos Robóticos Storagetek 9310

ESPECIFICAÇÃO DE FITOTECA AUTOMATIZADA Substituição dos Silos Robóticos Storagetek 9310 Especificação Técnica 1. A Solução de Fitoteca ofertada deverá ser composta por produtos de Hardware e Software obrigatoriamente em linha de produção do fabricante, não sendo aceito nenhum item fora de

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL SESC/MS N.º 016/2012 - PG

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL SESC/MS N.º 016/2012 - PG EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL SESC/MS N.º 016/2012 - PG O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO Administração Regional no Estado do Mato Grosso do Sul, entidade de direito privado, sem fins lucrativos, comunica

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Solução de Firewall de Banco de Dados

TERMO DE REFERÊNCIA. Solução de Firewall de Banco de Dados Classificação do Documento: Público TERMO DE REFERÊNCIA CÓDIGO: TR//001/2009 Solução de Firewall de Banco de Dados Sub-Plano: Segurança da Informação Diretoria de Infra-Estrutura de TIC Emissor: DIT /

Leia mais

ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA 1.UNIDADE REQUISITANTE: ETICE 2. DO OBJETO: ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA 2.1. Registro de preços para futuras e eventuais aquisições de EQUIPAMENTOS DE REDE CORPORATIVOS ( SWITCHS e ACESSÓRIOS), todos

Leia mais

Especificaça o Te cnica

Especificaça o Te cnica Especificaça o Te cnica Esta especificação técnica tem como objetivo possibilitar a implantação da infraestrutura de rede lógica (nível de acesso) na nova sede da DME Distribuição. A solução deverá ser

Leia mais

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador,

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, Termo de Referência Aquisição de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, para utilização nos Centros de Processamento do Rio de Janeiro, Distrito Federal e São

Leia mais

SWITCH CORE 1.1. - Chassi/Slots. 1.2. - Controle

SWITCH CORE 1.1. - Chassi/Slots. 1.2. - Controle SWITCH CORE 1.1. - Chassi/Slots 1.1.1. Deve possuir no mínimo 06 slots para inserção de módulos de I/O, ou seja, 06 além dos slots para supervisoras; 1.1.2. Deve vir acompanhado de kit de suporte específico

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL - SENAC ADMINISTRAÇÃO REGIONAL NO DISTRITO FEDERAL

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL - SENAC ADMINISTRAÇÃO REGIONAL NO DISTRITO FEDERAL SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL - SENAC ADMINISTRAÇÃO REGIONAL NO DISTRITO FEDERAL PREGÃO PRESENCIAL PARA SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS N.º 15/2015 O do Distrito Federal, Senac-DF, por intermédio

Leia mais

Termo de Referência Tecnologia da Informação

Termo de Referência Tecnologia da Informação Termo de Referência Tecnologia da Informação TERMO DE REFERÊNCIA PARA AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE TI E LICENÇAS. GERENCIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS JULHO/2015 CDG CAE 01/2015 1. DO OBJETO Aquisição de

Leia mais

Expansão da rede local do CSS Equipamentos para Blocos do Sesc/DN

Expansão da rede local do CSS Equipamentos para Blocos do Sesc/DN Expansão da rede local do CSS Equipamentos para Blocos do Sesc/DN Objeto: Aquisição de infraestrutura de Tecnologia da Informação (TI) para expansão da rede loca do CSS (aumento de pontos de rede) em atendimento

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Especificação de Referência Switches Wireless LAN (Controlador de Rede sem Fio) Alguns itens apresentam opções de configuração, refletindo nos aspectos originais de preço e características da máquina Código

Leia mais

Termo de Referência. Aquisição de servidores X86

Termo de Referência. Aquisição de servidores X86 DIT / CGGT / COGR JANEIRO / 2015 Equipe Responsável Elaboração Assinatura Data Coordenação de Gestão dos Recursos de TIC COGR Divisão de Planejamento de Infraestrutura de TIC DIPL Aprovação Motivada Considerando

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA AQUISIÇÃO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS (TABLET)

ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA AQUISIÇÃO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS (TABLET) ANEXO I ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA AQUISIÇÃO DE DISPOSITIVOS MÓVEIS (TABLET) IplanRio Empresa Municipal de Informática Janeiro 2012 1. OBJETO Registro de preço para aquisição de Dispositivos Móveis do tipo,

Leia mais

Aditamento nº 01 Pregão Eletrônico nº 15/01526 Objeto: CELESC DISTRIBUIÇÃO S/A - Aquisição de Ativos de Rede. Data: 04/05/2015

Aditamento nº 01 Pregão Eletrônico nº 15/01526 Objeto: CELESC DISTRIBUIÇÃO S/A - Aquisição de Ativos de Rede. Data: 04/05/2015 Aditamento nº 01 Pregão Eletrônico nº 15/01526 Objeto: CELESC DISTRIBUIÇÃO S/A - Aquisição de Ativos de Rede. Data: 04/05/2015 1. Por meio deste aditamento, inserimos o Anexo I Especificações Técnicas.

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. O presente termo de referência, tem por objeto o registro de preços para futuras aquisições dos seguintes itens:

TERMO DE REFERÊNCIA. O presente termo de referência, tem por objeto o registro de preços para futuras aquisições dos seguintes itens: TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO: O presente termo de referência, tem por objeto o registro de preços para futuras aquisições dos seguintes itens: Módulo de expansão para sistema de armazenamento em disco

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA 1 - OBJETO

TERMO DE REFERENCIA 1 - OBJETO TERMO DE REFERENCIA 1 - OBJETO Contratação de empresa especializada para fornecimento de equipamentos e instalação de Ativos de Rede, destinados à ampliação da infraestrutura física e lógica da Procuradoria

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 01. Memória RAM mínimo 1GB. Cabo de alimentação. Servidor de impressão integrado. Porta RJ-45 (10/100/1000Base-TX)

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 01. Memória RAM mínimo 1GB. Cabo de alimentação. Servidor de impressão integrado. Porta RJ-45 (10/100/1000Base-TX) ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 01 Impressora 1. Especificação Tecnologia de impressão: Laser Velocidade da impressão (ISO/IEC 24734): 50 ppm (papel A4) Primeira página impressa (pronto): em até 8.5 segundos

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 067/2013

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 067/2013 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 067/2013 No dia 06 (seis) do mês de novembro de 2013 (dois mil e treze), o MUNICÍPIO DE ANGRA DOS REIS, pessoa jurídica de direito público interno, inscrito no CNPJ sob o nº

Leia mais

Switch de borda L3 com 48 portas, sendo 2 portas de 10Gbps

Switch de borda L3 com 48 portas, sendo 2 portas de 10Gbps Switch de borda L3 com 48 portas, sendo 2 portas de 10Gbps ARQUITETURA 1. Permitir instalação em gabinete de 19" (dezenove polegadas). 2. LEDs de identificação de atividades de status do sistema, de cada

Leia mais

ÓRGÃO: UASG: ENDEREÇO DE ENTREGA: RESPONSÁVEL TÉCNICO:

ÓRGÃO: UASG: ENDEREÇO DE ENTREGA: RESPONSÁVEL TÉCNICO: ÓRGÃO: UASG: ENDEREÇO DE ENTREGA: RESPONSÁVEL TÉCNICO: GRUPO 1 Item Quant. Descrição item R$ unitário R$ total 01 123 SWITCH TIPO 01: Equipamento tipo Switch Gigabit Ethernet com capacidade de operação

Leia mais

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador,

Termo de Referência. de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, Termo de Referência Aquisição de solução de gerenciamento de ambiente de nuvem e licenças de software virtualizador, para utilização nos Centros de Processamento do Rio de Janeiro, Distrito Federal e São

Leia mais

((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 03/2009 (PERGUNTAS) AQUISIÇÃO DE SWITCH DE DISTRIBUIÇÃO DE 192 PORTAS

((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 03/2009 (PERGUNTAS) AQUISIÇÃO DE SWITCH DE DISTRIBUIÇÃO DE 192 PORTAS ((TITULO))ATA DA CONSULTA PÚBLICA N.º 03/2009 (PERGUNTAS) AQUISIÇÃO DE SWITCH DE DISTRIBUIÇÃO DE 192 PORTAS ((TEXTO)) Aos 15 (quinze) dias do mês de junho de dois mil e nove, às 14:00 hs, na sede da Empresa

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012-SALC. Empresa: BERGAMO & CAVALCANTE INFORMATICA LTDA ME. Prezado(a) Sr(a) Giancarlo Bergamo Cecilio,

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012-SALC. Empresa: BERGAMO & CAVALCANTE INFORMATICA LTDA ME. Prezado(a) Sr(a) Giancarlo Bergamo Cecilio, POR FAVOR NÃO IMPRIMA ESTA PÁGINA. GRATO!!!!! PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012-SALC Curitiba, PR, 05 de NOVEMBRO de 2012. Empresa: BERGAMO & CAVALCANTE INFORMATICA LTDA ME CNPJ: 11.195.926/0001-04 e-mail:

Leia mais

Manual de Instalação e Operação

Manual de Instalação e Operação Manual de Instalação e Operação CONVERSOR HPNA 3.1 CTS3600EC-F Versão 1.0 Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta documentação pode ser reproduzida sob qualquer forma, sem a autorização da CIANET.

Leia mais

Construção do Fórum Da Comarca de RIO LARGO - AL

Construção do Fórum Da Comarca de RIO LARGO - AL REFERENTE: CONTRUÇÃO DO FÓRUM DE RIO LARGO -AL Construção do Fórum Da Comarca de RIO LARGO - AL ESPECIFICAÇÕES PARA AQUISIÇÃO DOS EQUIPAMENTOS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Especificação SWITCH DE 24 PORTAS

Leia mais

SOLUÇÃO DE STORAGE PROJETO X86 ARMAZENAMENTO. 1.2 Para efeito de cálculo do volume total em TB deverá ser considerado que 1KB = 1024 bytes.

SOLUÇÃO DE STORAGE PROJETO X86 ARMAZENAMENTO. 1.2 Para efeito de cálculo do volume total em TB deverá ser considerado que 1KB = 1024 bytes. SOLUÇÃO DE STORAGE PROJETO X86 ARMAZENAMENTO Características Técnicas: 1.1 Deverá ser ofertada Solução de Storage com capacidade mínima de 100 TB (cem Terabyte) líquido, sendo 80TB (oitenta Terabytes)

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 035/2013 TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO A presente licitação tem por objetivo a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços, de forma contínua, ao da 2ª

Leia mais

1. LOTE 1 SWITCH REDE OPTICA

1. LOTE 1 SWITCH REDE OPTICA 1. LOTE 1 SWITCH REDE OPTICA Switch de 10 portas, Quantidade unidades. 1.1.1. Deve ser montável em rack padrão EIA 19 (dezenove polegadas) e possuir kits completos para instalação e deve ocupar uma unidade

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES. 2.6. Possibilidade de prover serviço de hospedagem para DNS secundário.

ESPECIFICAÇÕES. 2.6. Possibilidade de prover serviço de hospedagem para DNS secundário. 1 1. OBJETO ESPECIFICAÇÕES Contratação de serviços de telecomunicações para implementação, operação e manutenção de um circuito de acesso, síncrono, dedicado à Internet, na velocidade de 6Mbps, com disponibilidade

Leia mais

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC - DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC - DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD Termo de Referência Serviço de envio e recebimento de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, incluídos os serviços de gerenciamento e licenciamento de uso de plataforma, aplicativos,

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Pág. 1/8 CONTRATAÇÃO DE SOLUÇÃO SMS Pág. 2/8 Equipe Responsável Elaboração Assinatura Data Divisão de Padrões de Tecnologia DIPT Aprovação Assinatura Data Departamento de Arquitetura Técnica DEAT Pág.

Leia mais

ANEXO II PROJETO BÁSICO - INTERNET

ANEXO II PROJETO BÁSICO - INTERNET 1. Objetivo 1.1. Contratação de serviços para fornecimento de uma solução de conexão IP Internet Protocol que suporte aplicações TCP/IP e disponibilize a PRODEB acesso a rede mundial de computadores Internet,

Leia mais

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 45/2014 ESCLARECIMENTO N. 2

MENSAGEM PREGÃO ELETRÔNICO N. 45/2014 ESCLARECIMENTO N. 2 MENSAGEM Assunto: Esclarecimento Referência: Pregão Eletrônico n. 45/2014 Data: 06/3/2015 Objeto: Registro de Preços para fornecimento de equipamentos, componentes de solução de rede local, incluindo instalação

Leia mais

Governo do Estado do Acre Secretaria de Estado de Planejamento Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação DTIC

Governo do Estado do Acre Secretaria de Estado de Planejamento Diretoria de Tecnologia da Informação e Comunicação DTIC Especificações de Referência Central Telefônica Código do Objeto TOIP00008 Descrição do Objeto Central Telefônica Data da Especificação de Referência Outubro de 2013 Validade da Especificação de Referência

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ COMISSÃO DE LICITAÇÃO PROCESSO N.º 06645/2014 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 11/2014

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO CEARÁ COMISSÃO DE LICITAÇÃO PROCESSO N.º 06645/2014 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 11/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 11/2014-CP TIPO MENOR PREÇO CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA AQUISIÇÃO SWITCH'S PoE (POWER OVER ETHERNET) E ADAPTADORES POE (POWER OVER ETHERNET) PARA

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EQUIPAMENTOS DE ACELERADORES WAN

APRESENTAÇÃO DE SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EQUIPAMENTOS DE ACELERADORES WAN APRESENTAÇÃO DE SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS PARA EQUIPAMENTOS DE ACELERADORES WAN Prezados Senhores, A Control Teleinformática Ltda. é uma empresa Grupo Mahvla, nacional, que foi criada para atender

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA Nº 103/2010

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA Nº 103/2010 PROCESSO Nº 000386/2010-61 PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 060/2010 Fornecedor: Maurício Ruthes - ME C N P J: 09.465.579/0001-32 ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA Nº 103/2010 Endereço: Av. Senador Salgado Filho,

Leia mais

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013

QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013 QUESTIONAMENTOS ACERCA DO EDITAL DE LICITAÇÃO DA MODALIDADE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 18/2013 Nº DO PROCESSO DE COMPRA/PLANEJAMENTO: 2071022 000044/2013 Encaminhado por: Razão Social : Altas Networks e Telecom

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROJETO BÁSICO

TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROJETO BÁSICO TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL SECRETARIA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROJETO BÁSICO 1. OBJETIVO Atender a solicitação de aquisição de equipamentos adicionais necessários para o funcionamento do Kit de Identificação

Leia mais

Capítulo 2: Introdução às redes comutadas (configuração switch)

Capítulo 2: Introdução às redes comutadas (configuração switch) Unisul Sistemas de Informação Redes de Computadores Capítulo 2: Introdução às redes comutadas (configuração switch) Roteamento e Switching Academia Local Cisco UNISUL Instrutora Ana Lúcia Rodrigues Wiggers

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 033/2015 Termo de Referência 1. OBJETO Renovação de licenças de Solução Corporativa do Antivírus Avast, com serviço de suporte técnico e atualização de versão, manutenção

Leia mais

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses.

Termo de Referência. Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência Serviço de envio de mensagens SMS Short Message Service para dispositivos móveis, pelo período de 24 meses. Termo de Referência [OBJETO] 1 Termo de Referência Serviço de envio de mensagens

Leia mais

Termo de Referência ANEXO B ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Termo de Referência ANEXO B ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS ANEXO B DO TERMO DE REFERÊNCIA ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS LOTE 1 Item 1 Switch Core 1. Chassis Cisco Nexus 7010 (N7K-C7010), com 8 (oito) slots para inserção de módulos com portas Ethernet, 2 (dois) slots

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Switch Tipo 1: Switch fast-ethernet 24 portas FE 100BASE-TX, 2 portas 1GbE 1000BASE-T, 2 portas 1GbE SFP;

TERMO DE REFERÊNCIA. Switch Tipo 1: Switch fast-ethernet 24 portas FE 100BASE-TX, 2 portas 1GbE 1000BASE-T, 2 portas 1GbE SFP; TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO Fornecimento de Switches, Módulos transceiver e Cordões Óticos. LOTE 1 Item Descrição 1.1 Switch Tipo 1: Switch fast-ethernet 24 portas FE 100BASE-TX, 2 portas 1GbE 1000BASE-T,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO

TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA SERVIÇOS DE SUPORTE TÉCNICO EM SISTEMA DE COLABORAÇÃO ZIMBRA 1. OBJETO 1.1. Prestação de serviços de suporte técnico em sistema de colaboração ZIMBRA. 2. DESCRIÇÃO GERAL DOS SERVIÇOS

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 01. Memória RAM mínimo 1GB. Cabo de alimentação. Servidor de impressão integrado. Porta RJ-45 (10/100/1000Base-TX)

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 01. Memória RAM mínimo 1GB. Cabo de alimentação. Servidor de impressão integrado. Porta RJ-45 (10/100/1000Base-TX) ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 01 Impressora 1. Especificação Tecnologia de impressão: Laser, em Preto & Branco Velocidade da impressão (ISO/IEC 24734): 50 ppm (papel A4) Primeira página impressa (pronto):

Leia mais

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 001/2007 1 ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA ESTABELECE, RESPONSABILIDADES DIVERSAS, TIPOS E HORÁRIO DE COBERTURA DE SUPORTE, E DEMAIS RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA RELATIVAS

Leia mais

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD

Termo de Referência. Diretoria de Infraestrutura de TIC DIT. Coordenação Geral de Análise e Classificação de Demandas - CGAD Termo de Referência Aquisição de licenças de Suite Integrada de Servidor de Aplicação para o ambiente de processamento central da Dataprev - Plano de Modernização Tecnológica. Termo de Referência Suíte

Leia mais

Técnico em Redes de Computadores. Equipamentos e Acessórios

Técnico em Redes de Computadores. Equipamentos e Acessórios Técnico em Redes de Computadores Equipamentos e Acessórios Componentes de uma Rede Uma rede é um sistema composto de um arranjo de componentes: Cabeamento Hardware Software Cabeamento Componentes de uma

Leia mais

HP Network Core Implementation

HP Network Core Implementation HP Network Core Implementation Dados técnicos O serviço HP Network Core Implementation tem como objetivo, através de uma análise técnica no ambiente de rede local, realizar a implementação de uma proposta

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS

PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS Esclarecimento I PERGUNTA 1: PREGÃO ELETRÔNICO Nº 2013/023 ESCLARECIMENTOS 7.5.3. documentação técnica do fabricante dos componentes cotados, incluindo partes de manuais e catálogos, que comprovem o atendimento

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S.A. TELEBRÁS PÁG. 1 DE 13 PRÁTICA DE SERVIÇO DE BANDA LARGA REQUISITOS MÍNIMOS PARA OS PRESTADORES DE SERVIÇO DO PROGRAMA NACIONAL DE BANDA LARGA - PNBL Sumário 1.OBJETIVO... 2 2.CAMPO DE APLICAÇÃO... 2 3.DEFINIÇÕES...

Leia mais

ESCLARECIMENTO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 023/2015-EMAP. O edital especifica em seu item 11.1.13.3, transcrito abaixo:

ESCLARECIMENTO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 023/2015-EMAP. O edital especifica em seu item 11.1.13.3, transcrito abaixo: ESCLARECIMENTO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 023/2015-EMAP O Pregoeiro da Empresa Maranhense de Administração Portuária - EMAP, em razão de solicitação da empresa TELEMAR NORTE LESTE S.A, torna público aos interessados,

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO I PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 011/2015 TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO A presente licitação tem por objetivo a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços, de forma contínua, ao da 2ª Região,

Leia mais

1 de 6 25/08/2015 10:22

1 de 6 25/08/2015 10:22 1 de 6 25/08/2015 10:22 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria Executiva Subsecretaria de Planejamento e Orçamento Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano Termo de Adjudicação

Leia mais

Manual do usuário SG 1002 MR

Manual do usuário SG 1002 MR Manual do usuário SG 1002 MR Switch Gerenciável 8 Portas Gigabit Ethernet com 2 Portas Mini-GBIC SG 1002 MR Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. O switch SG

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA MÓDULOS SWITCHES CISCO 4510 e 3750

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA MÓDULOS SWITCHES CISCO 4510 e 3750 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA MÓDULOS SWITCHES CISCO 4510 e 3750 AGOSTO/2013 DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA E TECNOLOGIA GERÊNCIA DE TELECOMUNICAÇÕES OBJETO Ata de registro de Preço para aquisição de módulos de conexão

Leia mais

Devido ao contínuo aperfeiçoamento de nossos produtos e serviços, as especificações descritas a seguir estarão sujeitas a alterações sem prévio aviso.

Devido ao contínuo aperfeiçoamento de nossos produtos e serviços, as especificações descritas a seguir estarão sujeitas a alterações sem prévio aviso. Devido ao contínuo aperfeiçoamento de nossos produtos e serviços, as especificações descritas a seguir estarão sujeitas a alterações sem prévio aviso. Antes de utilizar o equipamento verifique a disponibilidade

Leia mais

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP

RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 26430 - INST.FED.DE EDUC.,CIENC.E TEC.S.PERNAMBUCANO 158149 - INST.FED.EDUC.CIENC.E TEC.SERTãO PERNAMBUCANO RELAÇÃO DE ITENS - PREGÃO ELETRÔNICO Nº 00008/2015-001 SRP 1 - Itens da Licitação 1 - EQUIPAMENTO

Leia mais

Switch Central de Grande Porte

Switch Central de Grande Porte Switch Central de Grande Porte GERAL 1. Estrutura de chassi modular, para instalação em gabinete padrão EIA 19, e kit completo de instalação. Os equipamentos ofertados deverão vir acompanhados de kits

Leia mais

TERMO DE ADJUDICAÇÃO. Item 0001

TERMO DE ADJUDICAÇÃO. Item 0001 TERMO DE ADJUDICAÇÃO Às 15:39 horas do dia 13 de março de 2012, o Pregoeiro Oficial da Prefeitura Municipal de Palmas, designado pela portaria 095/2011-GAB/SEFIN após analise da documentação do Pregão

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I

TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I 1. OBJETO 1.1. Registro de preços para eventual aquisição de produtos de informática para infraestrutura de redes da nova sede da Seção Judiciária do Espírito Santo, lote único,

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 12ª REGIÃO SERVIÇO DE LICITAÇÕES E COMPRAS WWW.TRT12.JUS.BR PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N.

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 12ª REGIÃO SERVIÇO DE LICITAÇÕES E COMPRAS WWW.TRT12.JUS.BR PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 12ª REGIÃO SERVIÇO DE LICITAÇÕES E COMPRAS WWW.TRT12.JUS.BR PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N.º 12702/2012 ARILDO DISARO FILHO PAULO CESAR DIAS EDITAL O Tribunal

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES Conteúdo 1 Topologia de Redes 5 Escalas 5 Topologia em LAN s e MAN s 6 Topologia em WAN s 6 2 Meio Físico 7 Cabo Coaxial 7 Par Trançado 7 Fibra Óptica 7 Conectores 8 Conector RJ45 ( Par trançado ) 9 Conectores

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 009/2012

TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 009/2012 Anexo I TERMO DE REFERÊNCIA - TR Pregão Eletrônico nº 009/2012 1 DO OBJETO 1.1 - Fornecimento de solução avançada de backup desduplicado, com serviços de assistência técnica e capacitação, visando a integração

Leia mais

AM@DEUS Manual do Usuário

AM@DEUS Manual do Usuário 80 P R E F Á C I O Este é um produto da marca GTS Network, que está sempre comprometida com o desenvolvimento de soluções inovadoras e de alta qualidade. Este manual descreve, objetivamente, como instalar

Leia mais

Pergunta 01 No item 01 Desktops, está sendo solicitado o seguinte:

Pergunta 01 No item 01 Desktops, está sendo solicitado o seguinte: QUESTIONAMENTOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 002/2012 Pergunta 01 No item 01 Desktops, está sendo solicitado o seguinte: 1) Brilho: 250 cd/m2;interface: RF, D-sub, CVBS, S-Video no mínimo; Tendo em vista que as

Leia mais

(Alimentação) DESLIGADO Sem energia. LIGADO Uma conexão válida foi estabelecida. Pacotes de Dados DESLIGADO Nenhuma conexão estabelecida

(Alimentação) DESLIGADO Sem energia. LIGADO Uma conexão válida foi estabelecida. Pacotes de Dados DESLIGADO Nenhuma conexão estabelecida Parabéns pela aquisição do SWITCH MYMAX 8 PORTAS. Este comutador integra as capacidades do Comutador Rápido de 100Mbps e da Rede Ethernet de 10Mbps em uma mini-embalagem altamente flexível. 1. Conteúdo

Leia mais

FESG FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA FAFICH FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS. CLÁUSULA PRIMEIRA Das Partes

FESG FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA FAFICH FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS. CLÁUSULA PRIMEIRA Das Partes Contrato de empresa especializada em prestação de serviços de Conexão de Internet, destinado a Manutenção e Administração da FESG, Que entre si celebram a FUNDAÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIATUBA e a firma

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SWITCHES

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SWITCHES ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA SWITCHES 1 SWITCH Todos os switches objeto deste fornecimento deverão ser do mesmo fabricante e serem entregues com todas as licenças de software necessárias à implementação de todos

Leia mais

Protocolo. O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta

Protocolo. O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta Protocolo O que é um protocolo? Humano: que horas são? eu tenho uma pergunta Máquina: Definem os formatos, a ordem das mensagens enviadas e recebidas pelas entidades de rede e as ações a serem tomadas

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DO RIO GRANDE GABINETE DE COMPRAS E LICITAÇÕES PÚBLICAS ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DO RIO GRANDE GABINETE DE COMPRAS E LICITAÇÕES PÚBLICAS ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. JUSTIFICATIVA DA NECESSIDADE DA CONTRATAÇÃO Para atender a solicitação expressa ao processo digital 30719/2012, AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE REDE DE DADOS WIRELESS, COM INSTALAÇÃO,

Leia mais

HP Router Advanced Implementation

HP Router Advanced Implementation HP Router Advanced Implementation Dados técnicos O HP Router Advanced Implementation tem como objetivo, baseado na entrevista para coleta de informações junto ao Cliente e na análise dos equipamentos existente,

Leia mais

INTERNET Edital de Licitação. Anexo I Termo de Referência PREGÃO CONJUNTO Nº. 39/2007 PROCESSO N 14761/2007

INTERNET Edital de Licitação. Anexo I Termo de Referência PREGÃO CONJUNTO Nº. 39/2007 PROCESSO N 14761/2007 INTERNET Edital de Licitação Anexo I Termo de Referência PREGÃO CONJUNTO Nº. 39/2007 PROCESSO N 14761/2007 Anexo I - página 1 Índice 1. OBJETIVO... 3 2. VISÃO GERAL DO ESCOPO DO SERVIÇO... 3 3. ENDEREÇOS

Leia mais

ANEXO II ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS EXPANSÃO E INTEGRAÇÃO DO SYSTEM STORAGE IBM DS4700.

ANEXO II ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS EXPANSÃO E INTEGRAÇÃO DO SYSTEM STORAGE IBM DS4700. ANEXO II ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS EXPANSÃO E INTEGRAÇÃO DO SYSTEM STORAGE IBM DS4700. LOTE 1 (Único) 1 8 Disco FC de 300 GBytes, 4 Gbps, 15 Krpm E-DDM. Tecnologia Fibre Channel Enhanced Disk Drive Modules;

Leia mais

ANEXO X ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA. Pregão para Registro de Preços nº 004/2015

ANEXO X ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA. Pregão para Registro de Preços nº 004/2015 ANEXO X ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Pregão para Registro de Preços nº 004/2015 1) DO OBJETO Constitui objeto desta especificação a contratação de empresa para o fornecimento de peças originais de reposição de

Leia mais

APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE SWITCHES BRB EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº BRB 2013/010

APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE SWITCHES BRB EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº BRB 2013/010 APRESENTAÇÃO ATA DE REGISTRO DE PREÇOS DE SWITCHES BRB EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº BRB 2013/010 Brasília-DF, 21 de fevereiro de 2012 Ref.: Apresentação de Sistema de Registro

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. OBJETO 1.1. Aquisição de equipamentos de informática, conforme especificações e quantitativos a seguir discriminados.

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. OBJETO 1.1. Aquisição de equipamentos de informática, conforme especificações e quantitativos a seguir discriminados. TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO 1.1. Aquisição de equipamentos de informática, conforme especificações e quantitativos a seguir discriminados. 2. ESPECIFICAÇÕES MÍNIMAS Lote Equipamento Quant. Especificação

Leia mais

Roteamento e Comutação

Roteamento e Comutação Roteamento e Comutação Uma estação é considerada parte de uma LAN se pertencer fisicamente a ela. O critério de participação é geográfico. Quando precisamos de uma conexão virtual entre duas estações que

Leia mais

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul 1 ANEXO VII QUADRO DE QUANTITATIVOS E ESPECIFICAÇÕES DOS ITENS Item Produto Quantidade 1 Aparelhos IP, com 2 canais Sip, visor e teclas avançadas, 2 70 portas LAN 10/100 2 Servidor com HD 500G 4 GB memória

Leia mais

HP Router Basic Implementation

HP Router Basic Implementation HP Router Basic Implementation Dados técnicos O HP Router Basic Implementation tem como objetivo, baseado na entrevista para coleta de informações junto a equipe designada pelo cliente, realizar a instalação

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO. Pregão nº 17/2015. Processo PRO nº 12053/2015 e SC 019234 PERGUNTAS E RESPOSTAS. Primeira Emissão: 02/06/2015

EDITAL DE LICITAÇÃO. Pregão nº 17/2015. Processo PRO nº 12053/2015 e SC 019234 PERGUNTAS E RESPOSTAS. Primeira Emissão: 02/06/2015 EDITAL DE LICITAÇÃO Pregão nº 17/2015 Processo PRO nº 12053/2015 e SC 019234 PERGUNTAS E RESPOSTAS Primeira Emissão: 02/06/2015 Pergunta n 01: Declara o Edital 9. DO PAGAMENTO 9.1. O pagamento dar-se-á

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA TR Pregão Eletrônico nº 001/2015

TERMO DE REFERÊNCIA TR Pregão Eletrônico nº 001/2015 PROCESSO: E-26/0/580/205 DATA: 6/03/205 RUBRICA: ID 28859-9 TERMO DE REFERÊNCIA TR Pregão Eletrônico nº 00/205 Anexo I. DO OBJETO. - Prestação de serviços de assistência técnica e manutenção do ambiente

Leia mais