Solicitação de Proposta (SDP) nº 23474/2013

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Solicitação de Proposta (SDP) nº 23474/2013"

Transcrição

1 Prezado(a) Senhor(a), Solicitação de Proposta (SDP) nº 23474/2013 Assunto: SDP para prestação de serviços de Consultoria Data: 06 de dezembro de V.Sa. está convidado(a) a apresentar uma proposta para (Objeto: Contratação de serviços técnicos especializados no desenvolvimento e gestão de Plataforma digital de conteúdo incluindo portal WEB, aplicativo móvel e campanha Online 2. Para permitir o envio da proposta, foram anexados os seguintes documentos: i. Instruções aos Licitantes Anexo I ii. Termos de Referência Anexo II iii. Critério de Avaliação Anexo III iv. Modelo de Submissão de Proposta Anexo IV v. Planilha de Preços Anexo V vi. Modelo de Garantia de Execução vii. Modelo de Contrato de Prestação de Serviços de Consultoria Profissional e Condições Gerais do PNUD para Contrato de Serviços Profissionais Versão português e inglês. Aenxo VI Anexo VII Anexo VI 3. Anexo Sua oferta, que compreende a proposta técnica e a proposta financeira, em envelopes lacrados e separados, deverão ser recebidos e protocolizados no PNUD até às 17:00 do dia 06 de janeiro de 2014 (horário de Brasília). Referência: RFP 23474/ BRA/PNUMA Endereço: Setor de Embaixadas Norte (SEN) Quadra 802 Conjunto C Lote 17 / Brasília, DF / CEP: , Brasil Aos Cuidados: Unidade de Compras e Contratos Telefone: Telefax: A reunião de audiência prévia será realizada dia 12 de dezembro de 2013 às 15:00 h (horário de Brasília) no endereço acima indicado. 5. Caso V.Sa. solicite informações adicionais, faremos o possível para enviar tais informações rapidamente, porém, o atraso em fornecê-las não será considerado como um motivo para a prorrogação do prazo de apresentação de sua proposta. 6. V.Sa. deverá acusar o recebimento desta carta e indicar se pretende ou não apresentar proposta. Atenciosamente, Unidade de Compras e Contratos Rev Oct 2000

2 PNUD - Brasil 2

3 A. Introdução Anexo I Instruções aos Licitantes 1. Assuntos Gerais Objeto: Contratação de serviços técnicos especializados no desenvolvimento e gestão de Plataforma digital de conteúdo incluindo portal WEB, aplicativo móvel e campanha Online 2. Custo da proposta O Licitante deverá arcar com todos os custos relacionados à elaboração e apresentação da Proposta, sendo que o PNUD não será responsável nem responderá, em nenhuma circunstância, por tais custos, independentemente da condução ou do resultado da solicitação. B. Documentos da Licitação 3. Conteúdo dos documentos da licitação As propostas deverão oferecer serviços de forma a atender integralmente o exigido no objeto. As propostas que oferecerem apenas parte do objeto exigido serão rejeitadas. O Licitante deverá examinar todas as instruções, modelos, termos e especificações correspondentes constantes nos Documentos da Licitação. A falta de observância a esses documentos será por conta e risco do Licitante e poderá afetar a avaliação da Proposta. 4. Esclarecimentos dos documentos da licitação O Licitante em potencial que solicitar qualquer esclarecimento a respeito dos Documentos da Licitação poderá enviar notificação ao PNUD, por escrito, encaminhando-a ao endereço para correspondência da organização ou ao número de fax indicado na SDP. O PNUD responderá por escrito a qualquer pedido de esclarecimento dos Documentos da Licitação que receber até duas semanas antes do final do prazo para apresentação das Propostas. Serão enviadas cópias por escrito da resposta (inclusive uma explicação da pergunta, porém sem identificar sua fonte) a todos os Licitantes em potencial que tiverem recebido os Documentos da Licitação. 5. Alterações aos documentos da licitação O PNUD poderá, a qualquer tempo antes do final do prazo para apresentação das Propostas, por qualquer razão, seja por sua iniciativa própria ou em atendimento a algum pedido de esclarecimento de um Licitante, modificar os Documentos da Licitação. 3

4 Todos os Licitantes que tiverem recebido os Documentos da Licitação serão notificados, por escrito, a respeito de todas as alterações dos Documentos da Licitação. Para possibilitar aos Licitantes a realização de ajustes em suas propostas, o PNUD poderá, a seu critério, prorrogar o prazo para apresentação das Propostas. C. Elaboração das Propostas 6. Idioma da proposta A Proposta, os documentos a ela relacionados e demais correspondências trocadas entre a Licitante e o PNUD, deverão ser escritas no idioma inglês ou em português para o caso de licitantes nacionais. Qualquer literatura impressa fornecida pelo Licitante poderá ser escrita em outro idioma contanto que esteja acompanhada de sua tradução para o inglês nas passagens pertinentes, sendo que, neste caso, para fins de interpretação da Proposta, a tradução para o inglês prevalecerá. 7. Documentos que compõem a proposta A Proposta deverá conter os seguintes componentes: (a) Formulário de submissão da Proposta; (b) Parte operacional e técnica da Proposta, inclusive documentação que comprove que a Licitante atende a todos os requisitos; (c) Planilha de Preços, preenchida de acordo com as cláusulas 8 e 13; (d) Garantia de Proposta nos valores conforme abaixo: (Aplicável) ou (Não Aplicável) (i) O licitante deverá apresentar, no primeiro envelope ou em envelope específico, garantia de proposta, com valor equivalente a R$ 6.000,00 (seis mil reais), emitida em favor do PNUD e com validade de 30 dias após a data de vencimento da proposta. (ii) A garantia definida nesta seção será aceita em Dólares norte-americanos ou em qualquer outra moeda conversível, na forma de cheque administrativo ou fiança bancária. (iii) A garantia será devolvida a todos os licitantes após a apresentação da garantia de execução do contrato pelo licitante cuja proposta for adjudicada. (iv) A desistência da licitante, após a entrega da proposta e dentro de seu período de validade, ou a recusa do licitante vencedor em firmar o contrato, implicará na execução da garantia de proposta. 4

5 8. Licença de Exportação (Aplicável) ou (Não Aplicável) Todos os licitantes/fornecedores deverão estar cientes de que os bens e serviços serão em benefício do Governo no âmbito da assistência ao desenvolvimento do PNUD, sendo que os bens adquiridos serão normalmente transferidos aos parceiros nacionais, ou a alguma entidade por ele indicada, de acordo com as políticas e os procedimentos do PNUD. O licitante/fornecedor deverá incluir em sua proposta: Uma declaração a respeito da necessidade ou não de se obter licenças de importação ou exportação com respeito às mercadorias a serem adquiridas ou ao serviço a ser prestado, inclusive quaisquer restrições quanto ao país de origem, uso/duplo uso, natureza dos bens ou serviços, inclusive, e disponibilização aos usuários finais; Confirmação de que obteve as licenças dessa natureza no passado e que espera obter todas as licenças necessárias, caso sua proposta seja vencedora. 9. Formato da Proposta O Licitante deverá estruturar a parte operacional e técnica de sua Proposta da seguinte maneira: (a) Plano de Gerenciamento Esta seção deverá trazer informação corporativa do Licitante incluindo data e local de constituição e uma descrição concisa das atividades relacionadas ao objeto da licitação atuais do Licitante, devendo dar ênfase aos serviços relacionados à Proposta. Esta seção também deverá descrever as unidades organizacionais que ficarão responsáveis pelo contrato, e a abordagem gerencial que será adotada na execução do objeto. O Licitante deverá relatar sua experiência em projetos similares e identificar a(s) pessoa(s) que representará(ão) o Licitante em qualquer negociação futura com o PNUD. (b) Planejamento de Recursos Esta seção deverá explicitar recursos humanos, capacidades e instalações do Licitante necessárias para a execução do objeto desta licitação, descrevendo as atuais competências/instalações do Licitante e quaisquer planos de expansão. (c) Metodologia Proposta Esta seção deverá demonstrar a capacidade do Licitante em atender às especificações, identificando os componentes propostos às exigências, conforme especificado, item a item, 5

6 fornecendo uma descrição detalhada das características essenciais de performance propostas, e demonstrando como a metodologia proposta atende às especificações ou as excede. A parte operacional e técnica da Proposta não deverá conter nenhuma informação sobre preço dos serviços ofertados. As informações sobre preços estarão separadas e incluídas apenas na Planilha de Preços apropriada. É obrigatório que o sistema de numeração da Proposta do Licitante corresponda ao sistema de numeração utilizado no corpo desta SDP. Todas as referências ao material descritivo e folhetos deverão ser incluídas no parágrafo correspondente da resposta, embora os próprios materiais/documentos possam ser fornecidos como anexos à Proposta/ resposta. As informações que o Licitante considerar sigilosas e exclusivas, se houver, deverão estar marcadas com a palavra exclusiva ao lado da parte do texto em questão, e serão, dessa forma, tratadas como tal. 10. Preços da Proposta O Licitante deverá indicar na Planilha de Preços nos termos dos Documentos da Licitação, os preços propostos para a realização dos serviços objeto da licitação. 11. Moedas da Proposta Todos os preços deverão estar cotados em dólares norte-americanos ou em qualquer moeda de livre conversibilidade. Para efeitos de comparação, propostas cotadas em outras moedas serão convertidas em dólares norte-americanos pela taxa de câmbio mensal das Nações Unidas do dia do recebimento das propostas. 12. Período de validade das propostas As Propostas deverão permanecer válidas por 120 (cento e vinte) dias após a data de apresentação da Proposta prevista pela entidade contratante do PNUD, de acordo com a cláusula de prazo. A Proposta com validade inferior ao solicitado poderá ser rejeitada pelo PNUD com base no argumento de que ela não está de acordo com as exigências. Em circunstâncias excepcionais, o PNUD poderá solicitar a prorrogação do prazo de validade da proposta. Esta solicitação e as respostas deverão ser feitas por escrito. O Licitante que aceitar o pedido não estará obrigado nem autorizado a modificar sua Proposta. 13. Formato e assinatura das propostas O Licitante deverá submeter a proposta em duas vias, devidamente identificadas cada uma como Proposta Original e Cópia da Proposta, conforme o caso. Qualquer discrepância entre elas, a via original prevalecerá. 6

7 As duas vias da Proposta serão digitadas ou escritas em tinta indelével e serão assinadas pelo Licitante ou a pessoa ou as pessoas devidamente autorizadas pelo Licitante para assinar o contrato. A última forma mencionada deverá ser indicada por procuração, por escrito, acompanhando a Proposta. A Proposta não deverá conter entrelinhas, rasuras ou texto sobrescrito, exceto o quanto necessário a fim de corrigir erros feitos pelo Licitante, caso em que tais correções deverão ser rubricadas pela pessoa ou pelas pessoas que assinarem a Proposta. 14. Pagamento O PNUD efetuará os pagamentos ao Contratado após aceitação, pelo PNUD, das faturas apresentadas pelo contratado, à medida que forem atingidas as respectivas etapas mais importantes. D. Apresentação de Propostas 15. Lacração e marcação de propostas O Licitante deverá lacrar a Proposta em um envelope externo e dois envelopes internos, conforme os detalhes abaixo. (a) O envelope externo deverá ser: Endereçado a Setor de Embaixadas Norte (SEN) Quadra 802 Conjunto C Lote 17 / Brasília, DF / CEP: , Brasil Aos cuidados da Unidade de Compras Entidade Contratante do PNUD Endereço e, Marcado com SDP: RFP 23474/2013- Contratação de serviços técnicos especializados no desenvolvimento e gestão de Plataforma digital de conteúdo incluindo portal WEB, aplicativo móvel e campanha Online (b) Ambos os envelopes internos deverão indicar o nome e o endereço do Licitante. O primeiro envelope interno deverá conter as informações especificadas na Cláusula 9 (Formato da Proposta) acima, com as vias devidamente identificadas como Original e Cópia. O segundo envelope interno deverá conter a tabela de preços devidamente identificada como tal. 7

8 Observe que se os envelopes internos não estiverem lacrados e identificados conforme as instruções desta cláusula, o PNUD não assumirá nenhuma responsabilidade pelo extravio da Proposta ou sua abertura prematura. 16. Prazo para apresentação das propostas As Propostas deverão ser entregues ao PNUD no endereço especificado na cláusula Lacração e marcação das Propostas até às 17:00 do dia 06 de janeiro de 2014 (horário de Brasília). O PNUD poderá, a seu critério, prorrogar o prazo para apresentação das Propostas por meio de alteração aos documentos da licitação de acordo com a cláusula Alteração aos Documentos da Licitação, e, neste caso, todos os direitos e as obrigações do PNUD e dos Licitantes previamente sujeitos ao prazo ficarão, a partir desse momento, sujeitos ao prazo assim prorrogado. 17. Propostas em Atraso As Propostas recebidas no PNUD após o término do prazo para apresentação de propostas, conforme previsto na cláusula Prazo para apresentação de propostas serão rejeitadas. 18. Modificação e retirada de Propostas O Licitante poderá retirar sua Proposta depois de apresentada e antes da abertura dos envelopes desde que comunicado por escrito ao PNUD. A notificação de retirada do Licitante deverá ser elaborada, lacrada, marcada e despachada de acordo com o disposto na cláusula Prazo para Apresentação de Propostas. A notificação de retirada também poderá ser enviada via telex ou fax, porém, seguida de uma via de confirmação assinada. Nenhuma Proposta poderá ser modificada posteriormente à data final para apresentação de propostas. Nenhuma Proposta poderá ser retirada no intervalo entre o prazo para apresentação de propostas e o término do período de validade da proposta especificado pelo Licitante no Modelo de Submissão da Proposta. E. Abertura e Avaliação das Propostas 19. Abertura das propostas A entidade contratante abrirá as Propostas na presença de um Comitê designado pelo PNUD. 8

9 20. Esclarecimento de propostas Com o intuito de auxiliar na análise, avaliação e comparação de Propostas, o PNUD poderá, a seu critério, diligenciar junto ao Licitante esclarecimentos a respeito de sua Proposta. O pedido de esclarecimento e a resposta deverão ser realizadas por escrito, sendo que não deverão ser solicitadas, oferecidas nem permitidas alterações no preço e na substância da Proposta. 21. Análise preliminar O PNUD analisará as Propostas para determinar se estas estão completas ou não, se houve erros de cálculo, se os documentos são válidos e se as Propostas se ajustam na sua substância aos termos da licitação. Erros aritméticos poderão ser retificados com base no seguinte: Se houver alguma diferença entre o preço unitário e o preço total o qual é obtido pela multiplicação do preço unitário pela quantidade, o preço unitário prevalecerá e o preço total será então corrigido. Caso o Licitante não ratifique a correção dos erros, sua Proposta será rejeitada. Se houver alguma diferença entre valores por extenso e algarismos, prevalecerá o valor expresso por extenso. Anteriormente à avaliação detalhada, o PNUD deverá determinar a capacidade substancial de cada Proposta de atender à Solicitação de Propostas (SDP). Para fins destas Cláusulas, uma Proposta substancialmente capaz de tal atendimento será aquela que estiver em conformidade com todos os termos e as condições da SDP, sem desvios relevantes. A decisão do PNUD quanto à capacidade de atendimento de uma Proposta baseia-se no conteúdo da própria Proposta, sem recorrer a comprovações extrínsecas. A Proposta que for considerada como não sendo substancialmente responsiva será rejeitada pelo PNUD e não poderá ser transformada em proposta responsiva pelo Licitante por meio de correção da falta de regularidade. 22. Avaliação e comparação de propostas Um procedimento de duas etapas será utilizado na avaliação das propostas, sendo que a avaliação da proposta técnica estará concluída antes de a proposta de preço ser aberta e comparada. A proposta de preço será aberta somente para as ofertas que obtiveram a nota técnica mínima de acordo com os critérios. A proposta técnica será avaliada com base na sua capacidade de atendimento aos Termos de Referência (TDR). Na Segunda Etapa, as propostas de preço de todos os licitantes que tiverem atingido a nota mínima exigida nos critérios de avaliação, serão comparadas. Será adjudicada a Licitante melhor classificada na avaliação final. 9

10 Anteriormente à adjudicação, será realizada uma certificação da proposta identificada como melhor classificada considerando: a) Requisitos legais e administrativos b) Requisitos técnicos e regulamentares (quando aplicáveis) c) Capacidade financeira. a) Requisitos legais e administrativos No caso de licitantes brasileiros, a situação jurídica e fiscal será verificada de acordo com a apresentação dos seguintes documentos: a) Ato constitutivo Declaração de Firma Individual, Estatuto ou Contrato Social em vigor, devidamente registrado ou inscrito no órgão competente, e com a comprovação da diretoria em exercício. b) Certidão Negativa de Falência ou Recuperação Judicial expedida pelos cartórios distribuidores da sede do Licitante. c) Declaração de inexistência de trabalho noturno, perigoso ou insalubre a menores de dezoito e de qualquer trabalho a menores de dezesseis anos, salvo na condição de aprendiz, a partir de quatorze anos. d) Certidão Negativa de Débitos com os Tributos e Contribuições Federais emitida pela Secretaria da Receita Federal. e) Certidão Negativa de Débitos com os Tributos e Contribuições Estaduais ou do Distrito Federal expedida pelo órgão competente. f) Certidão Negativa de Débitos com os Tributos e Contribuições Municipais expedida pelo órgão competente. g) Certidão Negativa de Débito (CND), emitida pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS). h) Certidão de Regularidade do FGTS, expedida pela Caixa Econômica Federal (CEF). Os Documentos da Habilitação Jurídico-Fiscal exigidos nas alíneas d a h poderão ser substituídos pelo SICAF Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores, do Governo Federal. Os documentos exigidos nas alíneas a, b e c deverão ser obrigatoriamente apresentados na sua integralidade. Licitantes estrangeiros deverão apresentar, sempre que aplicável a documentação de seu país de origem. 10

11 c) Capacidade Financeira Os licitantes brasileiros devem apresentar os seguintes documentos: a) Balanço Patrimonial e Demonstração de Resultados referentes ao último Balanço Patrimonial publicado ou registrado na Junta Comercial, já exigíveis e apresentados e apresentados na forma da lei, vedada sua substituição por balancetes ou balanços provisórios; b) Capital devidamente integralizado ou Patrimônio Líquido equivalente, no mínimo, a R$ ,00 (oitenta mil reais ). Os licitantes estrangeiros deverão apresentar, sempre que aplicável, a documentação do seu país de origem equivalente à documentação acima exigida. Critérios de Avaliação Técnica O número possível de pontos especificados em cada critério de avaliação indica a significância relativa ou peso de cada item no total do processo de avaliação. Segue abaixo a pontuação das propostas máxima das propostas técnicas: Critério de avaliação da licitação Pontuação 1. Experiência da instituição Qualificação e experiência da equipe-chave 40 Adequação da Proposta Técnica aos 3. objetivos fixados no Termo de Referência 20 Total 100 O detalhamento do critério de avaliação está descrito nos Termos de Referência. F. Atribuição do Contrato 23. Critérios de atribuição, atribuição do contrato O PNUD reserva-se o direito de aceitar ou rejeitar qualquer Proposta, e de anular o processo licitatório e rejeitar todas as Propostas a qualquer momento antes de adjudicar o contrato, sem que, com isso, venha a incorrer em qualquer responsabilidade perante o Licitante afetado ou em qualquer obrigação de informar ao Licitante ou Licitantes afetados a respeito dos motivos dessa medida tomada pelo PNUD. Antes do término do período de validade da proposta, o PNUD adjudicará ao Licitante habilitado cuja Proposta, após ter sido avaliada, seja considerada a mais capaz de atender às necessidades da organização e da atividade em questão. 11

12 24. O direito do PNUD de alterar os requisitos ao adjudicar a proposta O PNUD reserva-se o direito de, à época da adjudicação da proposta, alterar a quantidade dos serviços e bens especificados na SDP sem qualquer alteração no preço ou em outros termos e condições. 25. Assinatura do contrato O PNUD enviará o Contrato ao Licitante adjudicado que, dentro do prazo de validade da sua Proposta, deverá firmá-lo e devolvê-lo ao PNUD para assinatura juntamente com eventual Garantia de Execução de Contrato. 26. Garantia de execução Para assinatura do Contrato, o Licitante adjudicado deverá apresentar ao PNUD, juntamente com as vias do contrato devidamente assinadas pela contratada, a Garantia de Execução do Contrato. A Garantia de Execução de Contrato será de 10% sobre o valor contratual e será aceita por meio de cheque administrativo (para contratos com vigência menor ou até 05 meses) ou fiança bancária (para contratos com vigência superior a 05 meses). As garantias deverão ser apresentadas em moeda de livre conversibilidade. O PNUD reserva-se o direito de executar a Garantia de Execução do Contrato como compensação por quaisquer prejuízos resultantes do não-cumprimento por parte do fornecedor de suas obrigações contratuais. O não cumprimento, por parte do Licitante vencedor, da exigência prevista na Cláusula 25, constituirá motivo suficiente para a anulação da adjudicação e a perda da garantia da Proposta se houver, hipótese em que o PNUD poderá adjudicar o contrato ao Licitante de avaliação inferior seguinte ou solicitar a apresentação de novas Propostas. 27. Recursos de Licitantes Nosso procedimento de recursos por parte de licitantes existe para oferecer uma oportunidade de contestação a pessoas ou empresas que não foram contempladas com um pedido de compra ou contrato em processo licitatório. Ele não está disponível para ofertantes/licitantes que não atenderam aos requisitos ou não cumpriram os prazos nem quando todas as propostas/ofertas são rejeitadas. Caso a licitante se sinta prejudicada, poderá encontrar mais informações sobre os procedimentos para protesto de fornecedores no endereço a seguir: 12

13 Anexo II ANEXO II - TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS TÉCNICOS ESPECIALIZADOS NO DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PLATAFORMA DIGITAL DE CONTEÚDO INCLUINDO PORTAL WEB, APLICATIVO MÓVEL E CAMPANHA ONLINE. I - IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO Projeto PNUMA nº 61-P7 (Brazil Project): Produção e Consumo Sustentáveis II - CONTEXTO DA CONTRATAÇÃO O Plano de Johanesburgo, aprovado na Cúpula Mundial sobre Desenvolvimento Sustentável, ocorrida em 2002, na cidade de Johanesburgo, África do Sul, fez um alerta ao mundo sobre a importância da adoção de modelos de consumo e produção mais sustentáveis e propôs a elaboração de um marco de programas com duração de dez anos (10 YFP, na sigla em inglês) nessa área. Em 2003, sob a coordenação do PNUMA (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente) e da UNDESA (United Nations and Department of Economic and Social Affairs) foi iniciado o Processo Marrakesh que resultou na articulação, apoio à elaboração e ao fortalecimento de iniciativas nacionais e regionais para acelerar a transição para padrões de produção e consumo sustentáveis e elaboração do 10YFP. Em junho de 2012, na Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável a Rio+20 - o documento O Futuro que Queremos, aprova o Programa de 10 anos de Produção e Consumo Sustentáveis (10YFP) e convoca os países para a implementação do 10YFP em níveis nacionais. Participante ativo do Processo de Marrakesh, o governo brasileiro desenvolveu o Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis (PPCS) e assinou um Projeto de Cooperação Técnica (PCT) com o PNUMA, em dezembro de 2010, visando o apoio na sua implementação. O PPCS tem como objetivo fomentar dinâmicas e ações que mudem o atual paradigma de produção e consumo no Brasil, contribuindo para o desenvolvimento sustentável da economia e da sociedade brasileiras, e para isso integra e articula ações do Ministério do Meio Ambiente e de outros Ministérios que compõe o Comitê Gestor Nacional de Produção e Consumo Sustentáveis, do setor privado e da sociedade civil. Entre as várias linhas de ações do Plano previstas para serem executadas no âmbito da Cooperação PNUMA-MMA está a Educação para o consumo sustentável, que visa sensibilizar e mobilizar o indivíduo enquanto consumidor, estimulando mudanças de hábitos e atitudes que resultem na construção de uma sociedade onde o consumo e a produção sejam menos impactantes ao planeta. Para este fim, estão previstas no PCT atividades de capacitações, campanhas e uso de meios de comunicação para sensibilização da sociedade brasileira em temas de produção e consumo sustentáveis. Em 2009 e 2012, o PNUMA apoiou o Ministério do Meio Ambiente, em parceria com o Ministério do Turismo, no desenvolvimento da Campanha Passaporte no Verde no Brasil. A Campanha, liderada pelo PNUMA, tem como principal objetivo incentivar o turista a consumir de forma consciente e reduzir os impactos ao meio ambiente durante a sua viagem. Para isso, os turistas receberam informações de como poderiam contribuir para transformar o turismo em uma atividade sustentável, que respeita o meio ambiente e ainda melhora a qualidade de vida das pessoas. A Campanha tem como propósito, ainda, o apoio à qualificação da cadeia produtiva do turismo, visando à oferta de destinos e serviços sustentáveis aos viajantes. 13

14 Anualmente é estimado que os 5,5 milhões de turistas que visitam o Brasil provoquem impactos ambientais equivalentes a quase o dobro da população da cidade de Brasília. Em 2014, ano da Copa do Mundo de Futebol, a previsão é que o número de turistas estrangeiros chegue a 600 mil e outros 3 milhões de turistas nacionais circulem pelo País. Levando em conta esses dados e o fato de eventos esportivos internacionais atraírem um grande número de espectadores, resultando em uma oportunidade de sensibilização e mobilização em torno de temas e ações que contribuam para a mudança dos atuais padrões insustentáveis de consumo do planeta, o Ministério do Meio Ambiente e o PNUMA pretendem implementar uma iniciativa que fomente o consumo sustentável no turismo, por meio do desenvolvimento de uma nova versão da Campanha Passaporte Verde abrangendo as 12 cidades-sede da Copa do Mundo de Espera-se que esta iniciativa, ao final, contribua com o crescimento no número de indivíduos que adotam uma postura responsável frente ao consumo, por meio da comunicação de temas de PCS e estímulo aos turistas, espectadores e participantes da Copa do Mundo de 2014 para que façam escolhas por roteiros, produtos e serviços que levem em conta a sustentabilidade e conservação do planeta. Levando em conta a outra ponta da promoção ao consumo sustentável, a iniciativa, paralelamente, fomentará a maior oferta de cadeias de produtos e serviços sustentáveis na cadeia de turismo durante o evento, deixando um legado positivo ao processo de desenvolvimento sustentável do país. Tais objetivos não poderão ser alcançados sem o apoio de ações de comunicação que cheguem até o público-alvo, fazendo uso das mídias virtuais disponíveis e largamente acessadas por esse público. III - OBJETIVO DA CONSULTORIA O objeto desta contratação é a prestação de serviços por empresa (pessoa jurídica), em atendimento às necessidades atuais do PNUMA e do Ministério do Meio Ambiente, para o desenvolvimento de plataforma digital de gestão de conteúdo incluindo portal web, aplicativo móvel e campanha online no âmbito da campanha Passaporte Verde IV JUSTIFICATIVA O Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis (PPCS) foi lançado pelo governo brasileiro em 2011 e estruturado em 17 temas, dos quais 06 foram selecionados como prioritários entre 2011 e 2015: 1) Varejo e consumo sustentável; 2) Agenda Ambiental na Administração Pública/A3P; 3) Educação para o consumo sustentável; 4) Aumento da reciclagem de resíduos sólidos; 5) Compras públicas sustentáveis; 6) Construções sustentáveis. Apesar de programados para o próximo ciclo, os seguintes temas já começam a ser considerados em iniciativas do PPCS: 7) Integração de políticas em PCS; 8) Fortalecimento de uma articulação nacional em PCS; 9) Inovação e difusão de tecnologias em PCS; 10) Desenvolvimento de indicadores em PCS; 11) Divulgação e capacitação em PCS; 12) Agricultura e pecuária sustentáveis; 13) Fomento a produção e consumo sustentáveis; 14) Diminuição do impacto social e ambiental na geração e uso de energia; 15) Rotulagem e análise do ciclo de vida; 16) Rotulagem para expansão sustentável do uso de biocombustíveis; 17) Estímulo à criação e expansão de negócios/mercados com inclusão social e menor impacto ambiental. O PPCS foi desenvolvido no escopo da participação do Brasil no Processo de Marrakesh. Durante o Processo, o PNUMA e UNDESA criaram e apoiaram a coordenação da participação dos países em forçastarefa técnicas: produtos sustentáveis, compras públicas sustentáveis, turismo sustentável, estilo de vida sustentável, educação ambiental, construção sustentável e cooperação com a África. 14

15 Em dezembro de 2010, o PNUMA e o MMA assinaram o Projeto de Cooperação Técnica Produção e Consumo Sustentáveis com vistas ao apoio na implementação do PPCS e fomentar no Brasil a ampliação de ações alinhadas ao conceito de Produção e Consumo Sustentáveis (PCS), estabelecido pelo Processo de Marrakesh, integrado aos esforços nacionais de enfrentamento das mudanças climáticas, combate à pobreza, desenvolvimento econômico e conservação da biodiversidade e recursos. O projeto está estruturado em 4 grandes objetivos imediatos. A presente consultoria se enquadra no Objetivo Imediato n 1 - Promover a validação, lançamento e implementação do Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis; Resultado Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis lançado e disseminado nas instâncias de governo, do setor privado e da sociedade civil; Atividade nº 04 - Elaborar subsídios técnicos voltados a ações de comunicação, informação e divulgação à sociedade brasileira quanto aos temas relacionados ao à Economia Verde, ao PPCS e à realização da Conferência RIO+20; e Resultado Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis em suas prioridades implementado; Atividade nº 3 - Desenvolver campanhas de conscientização e capacitações voltadas à implementação dos princípios do PPCS; e no Objetivo Imediato nº 4 - Compatibilizar as agendas em comum do PPCS e do PNMC e outras agendas públicas nacional e internacional; Resultado Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis (PPCS) integrado com as ações do Plano Nacional de Mudanças do Clima (PNMC), do Plano Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e outras agendas e políticas públicas nacionais e internacionais convergentes; Atividade nº 4 - Propor medidas que garantam a integração dos esforços das políticas públicas associadas à PCS e a mudanças climáticas aos temas: Economia Verde, Desenvolvimento Sustentável, combate à pobreza, distribuição equitativa dos benefícios do desenvolvimento, conservação da biodiversidade e dos recursos naturais. O tema do consumo responsável, previsto no PCT, é transversal a diversos temas e áreas que contribuem para avançar na mudança nos padrões de produção e consumo atuais, como turismo sustentável, produtos sustentáveis e estilos de vida sustentáveis, todos contemplados e diretamente relacionados com os objetivos deste Termo de Referência. Na Copa do Mundo de 2014 o governo brasileiro estima um grande número de turistas brasileiros e estrangeiros viajando pelo país. As opções de consumo tomadas por estes visitantes, bem como os produtos e serviços que serão ofertados para o seu consumo, têm impacto significativo na conservação ou degradação do meio ambiente local. Os produtos e serviços propostos por este termo de referência são justificados por seu potencial de reduzir o impacto ambiental a ser gerado com a realização de um grande evento internacional como a Copa do Mundo em 2014, por meio da comunicação e sensibilização da sociedade para o consumo responsável. Os aplicativos móveis tornaram-se uma das principais portas de busca de informações para tomada de decisão do consumidor, proporcionando informação direta e concentrada acerca de um determinado tema. O perfil esperado de turistas para a Copa do Mundo reforça a importância da utilização desta ferramenta: em sua maioria serão homens, entre 24 e 35 anos, com nível superior, que possuem smartphones e fazem largo uso da internet para obtenção de informações. A campanha Passaporte Verde, como todas as iniciativas atuais, não pode prescindir de utilizar essas ferramentas. V DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES/TECNOLOGIAS E DOCUMENTAÇÕES De maneira resumida, as atividades envolvidas neste contrato deverão atender aos seguintes resultados: Elaboração de layout e design de página, portal web e interface de aplicativo móvel totalmente voltada para rica experiência do usuário, interface moderna e intuitiva e acessível; 15

16 Levantamento, projeto e implantação de sistema de distribuição de conteúdo concebido em formato de plataforma integrada de dados com portal web, aplicativo móvel, redes sociais e peças de anúncios online; Elaboração de modelo de interface do conteúdo com sistemas de cadastros usuários de redes sociais e sistema de cadastro de usuários próprio; O portal web deverá seguir os Padrões de Acessibilidade Web Nível Básico (e-mag); O portal web deverá seguir as normas e padrões e-pwg web em Governo Eletrônico. O portal web deverá ser construído com um sistema de otimização de conteúdo para boa posição nos sistemas de buscas; Construção de aplicativos móveis que deverão seguir os padrões de qualidade para distribuição nas distribuidoras GOOGLE PLAY e APPLE STORE; Planejar, produzir conteúdo, conduzir e monitorar a comunicação da campanha em redes sociais; Planejar, criar e conduzir campanha de incentivo, mobilização e advertising em mídias online para links patrocinados, redes sociais e portais de conteúdo; As ações nas redes sociais deverão ser criadas de modo a gerar considerável aumento do volume de tráfego, visibilidade e interação nos conteúdos disponibilizados. As atividades previstas para esta contratação são as que seguem: Atividade 1. Análise, desenho da arquitetura e projeto de distribuição de conteúdo. A empresa CONTRATADA deverá realizar serviços de levantamento, análise e projeto de distribuição de conteúdo e navegação das páginas web, do aplicativo móvel, redes sociais e anúncios online, a concepção da integração dos conteúdos para os diferentes dispositivos, de acordo com as necessidades específicas da contratante, conforme descrito a seguir: i.a. Realizar detalhamento dos requisitos funcionais e não-funcionais das páginas web em 3 reuniões com a equipe da CONTRATANTE; i.b. Estruturar os requisitos levantados utilizando uma notação gráfica; i.c. Realizar a validação dos requisitos funcionais e não-funcionais documentados com o técnico responsável da CONTRATANTE; i.d. Definir as mídias e os efeitos adicionais que serão utilizados (animações, HTML5 dinâmico, multimídia, etc.); i.e. Obter o conteúdo básico das páginas web e definir modelo de organização das informações; i.f. Definir a estrutura de navegação (mapa de navegação) das páginas web; i.g. Planejar a usabilidade e acessibilidade das páginas web e frames. i.h. Apresentar a proposta conceitual da melhor solução em navegabilidade. i.i. Apresentar proposta de captura de dados dos usuários e integração com as redes sociais para análises. Para esta arquitetura deverão ser previstas as seguintes características obrigatórias: Utilização da linguagem HTML 5 para o Portal Web; Acessibilidade integral em todos os principais navegadores do mercado; 16

17 Integração do conteúdo do aplicativo móvel com os conteúdos do Portal Web; Existência de sistema de cadastramento de usuário; Personalização da experiência do usuário no portal e no aplicativo móvel em função do seu acesso ao sistema; Integração com sistemas de cadastramento de usuários externos (Google, Facebook e Twitter); Cadastramento de localizações georreferenciadas em mapas; Integração com sistema de opinião e comentários oriundo de sistemas externos (Como Facebook e Trip Advisor); Aplicação de cálculo de pegada de carbono em viagens; Sistema de cadastro de atividades realizadas pelo usuário na plataforma com sistema de acúmulo e gerenciamento de pontos por atividades realizadas; Sistema otimizado para visualização de conteúdo em português, inglês e espanhol; Dar suporte para conteúdo em vídeo e áudio ou animações; Interfaces especializadas para Desktop, IOS e Android. Sistema de alimentação de conteúdo. Sistema de memória de atividades do usuário (cookies). Garantir o cadastro dinâmico e a visualização de roteiros de experiências sustentáveis nas cidades-sede. Garantir o cadastro dinâmico e a visualização de estabelecimentos com iniciativas sustentáveis nas cidades-sede. Garantir o cadastro e a visualização de agenda de eventos nas cidades-sede. Atividade 2. Elaboração do layout e design das páginas web, do aplicativo móvel e modelos de peças para redes-sociais. A empresa CONTRATADA deverá realizar serviços de elaboração de layout e design das páginas web, conforme descrito a seguir: ii.a. Definir o design visual do conteúdo das páginas web, respeitando as normas e diretrizes especificadas pela CONTRATANTE. O padrão geral de design de referência que deverá ser utilizado pela CONTRATADA será disponibilizado pela CONTRATANTE; ii.b. Planejar a estrutura de navegação de forma que o usuário obtenha facilmente a informação ou serviço desejado; ii.c. Planejar um layout atraente e funcional, que facilite a comunicação com o usuário através de uma linguagem condizente com os objetivos do site. ii.d. Apresentar grupo de ícones, imagens de fundo (menu, fundos, elementos gráficos, etc.) com alta qualidade voltados para excelente comunicação das temáticas apresentadas. ii.e. Apresentar no mínimo 3 propostas preliminares de Home Page e páginas internas e 3 propostas de layout do aplicativo móvel. Atividade 3. Definir Estratégia de Engajamento em Redes Sociais, campanha de incentivo, mobilização e advertising em mídias online. iii.a. Fazer familiarização com as redes sociais atuais do projeto e avaliação da condução da campanha até o momento iii.b. Definir em conjunto com a CONTRATANTE o público alvo e metas de mobilização e engajamento para a Campanha do Passaporte Verde Edição Especial Copa iii.c Escolher redes sociais e mídias digitais a serem trabalhadas. iii.d. Traçar estratégia de mobilização de novos usuários, mobilização e ativação de usuários de parceiros da CONTRATANTE. 17

18 iii.e Traçar estratégia social e apresentar planejamento para alimentação das redes no período pré e durante evento (Maio, Junho e Julho 2014). iii.f. Definir linguagem para ativação e mobilização de novos usuários (publico alvo) para site, redes sociais e apps. iii.g. Apresentar modelos de peças para uso nas redes sociais durante a campanha e para uso dos parceiros da CONTRATANTE. Atividades 4. Desenvolvimento de Portal web Desenvolvimento de Portal Web conforme descrito a seguir: iv.a. Criar os elementos html das páginas, com os ícones e imagens de fundo (menus, fundos, elementos gráficos, etc.) em linguagem HTML5; iv.b. Implementar o conteúdo (textos, páginas, sons, imagens, etc.) e os links identificados na atividade de análise; iv.c. Realizar testes que comprovem a adequação da solução aos critérios de qualidade descritos na seção 6 deste documento; iv.d. Realizar testes em mais de um navegador e em diferentes versões (Google Chrome, Firefox, Internet Explorer, Opera, Safari) para garantir que o layout não vai apresentar diferenças e que o conteúdo será exibido satisfatoriamente; iv.e. A estrutura mínima de conteúdos deverá seguir os parâmetros discutidos com a equipe da CONTRATANTE nas Atividades 1 e 2. As páginas web e aplicações desenvolvidas deverão ser hospedadas pela CONTRATADA em servidor com capacidade condizente para este fim, devendo permanecer disponível até 1 ano após o fim das entregas. Ao final das entregas dos produtos, a CONTRATADA deverá fornecer o acesso ao servidor contratado (usuário e senha) e toda documentação para a transição das páginas e aplicações para a CONTRATANTE. Atividade 5. Produção de conteúdo dinâmico para páginas web Produção de conteúdo dinâmico, como aplicativos, cadastros e formulários, que serão integrados às páginas web para suprir as necessidades específicas de cada órgão, conforme descrito a seguir: v.a. Integração do conteúdo dinâmico às páginas web; v.b. Desenvolver o modelo de dados da aplicação em termos de entidades e relacionamentos; v.c. Modelar a estrutura interna da aplicação com base em seus componentes e relacionamentos; v.d. Selecionar entre a tecnologia que mais se adeque ao desenvolvimento da aplicação de acordo com as características do problema, respeitando a premissa de não se gerar custos extras de licenciamento para a CONTRATANTE; v.e. Implementar a aplicação com base nos requisitos funcionais e não-funcionais estabelecidos, utilizando as tecnologias selecionadas. Atividade 6. Desenvolvimento de Aplicativo Móvel Desenvolvimento de Aplicativo Móvel compatível com ANDROID e IOS, conforme descrito a seguir: vi.a. Criar os elementos das páginas, ícones e imagens de fundo (menus, fundos, elementos gráficos, etc.) em linguagem HTML5; 18

19 vi.b. Implementar o conteúdo (textos, páginas, sons, imagens, etc.) e os links identificados na atividade de análise; vi.c. Implementar no mínimo as seguintes funcionalidades: a) Geolocalização de itinerários sustentáveis cadastrados e visualização em mapas. b) Inserção de comentários e avaliação dos usuários. c) Geolocalização do usuário e check-in da presença do usuário em determinada localidade. d) Recebimento de dicas e questionários periódicos. e) Login com usuário único cadastrado ou através de sistemas externos como Facebook ou Google. f) Personalização da experiência do usuário. g) Compartilhamento de atividades nas redes sociais. vi.d. Realizar testes que comprovem a total usabilidade da aplicação e sua estabilidade funcional. vi.e. Realizar testes que comprovem a sua adequação e aceitação nos canais de distribuição de aplicativos GOOGLE PLAY e APPLE STORE. Atividade 7. Gerenciar a alimentação do conteúdo e conduzir Campanha de Incentivo, Mobilização e Advertising em Mídias Online entre 01/05/2014 e 31/07/2014. vii.a Produzir conteúdo e gerenciar alimentação e interações das redes escolhidas durante os meses de Maio, Junho e Julho de 2014; vii.b. Ativar potenciais parceiros em mídias digitais para spread de conteúdo; vii.c. Gerenciar conteúdo da página web criada em parceria com a CONTRATANTE; vii.d. Criar anúncios e gerenciar campanha de advertising em Links Patrocinados de budget pré-definido em no mínimo R$ ,00 para o período com liberdade para share deste entre campanha de Google Adwords / Adsense, Youtube, Redes Sociais, Boo-box entre outros recomendados; vii.e. Realizar atividades de interatividade nas mídias sociais e aplicativos móveis junto aos usuários e parceiros para ativação e mobilização de novos usuários (público alvo); vii.f. Promover e executar ações de interatividade para os usuários para ativação e fidelização para com os conteúdos da campanha em formato de gincanas online, atividades com o uso dos aplicativos móveis e atividades com o uso das redes sociais; vii.g. Apresentar relatório quinzenal de tráfego e acessos únicos; vii.h. Apresentar relatório mensal de prestação de contas do uso do orçamento e os resultados parciais da campanha. Atividade 8. Produção de relatório de resultados. viii.a. Produzir um relatório compilado ao final da Campanha dos resultados atingidos com advertising, prestação de contas, e clipping de controle de spread de conteúdo com mídias parceiras. Para o desenvolvimento das atividades, a CONTRATADA deverá utilizar obrigatoriamente as linguagens e tecnologias que não apresentem custo de licenciamento futuro para a CONTRATANTE e garantam a replicabilidade futura da solução. Como parte integrante dos produtos, a CONTRATADA deverá entregar ainda à CONTRATANTE as seguintes documentações: Documentação 1. Documento de Requisitos Descreve as funcionalidades que se espera que o sistema disponibilize da forma relatada pela contratante, de uma forma completa e consistente. Também se refere aos aspectos não-funcionais 19

20 do sistema, como restrições nas quais o sistema deve operar ou propriedades emergentes do sistema (como viabilidade ou tempos de resposta). Deve abordar os seguintes tópicos: descrição do processo de obtenção dos requisitos, lista de requisitos funcionais e não-funcionais identificados, estruturação dos requisitos através de notação gráfica, comprovação da validação do documento pelo usuário responsável. Deve ser construído como suporte ao desenvolvimento de aplicativos, cadastros e formulários. Descreve a estrutura de dados da aplicação em termos de entidades e relacionamentos. Documentação 2. Relatório de Testes Deve descrever os procedimentos de teste realizados, explicitando os ambientes onde os testes foram realizados, as funcionalidades verificadas e os cenários considerados na avaliação dos requisitos não-funcionais. Deve conter também um resumo de todas as ocorrências registradas na execução dos testes. Documentação 3. Manual do Usuário Deve ser construído abordando todas as seções das páginas web. Deve ser escrito numa linguagem clara e concisa, de fácil entendimento para o usuário. Deve explorar o uso de imagens e exemplos. Deve abordar os seguintes tópicos: objetivos da página, requisitos de hardware e software, funcionalidades, regras de negócio, guia de atualização de conteúdo e glossário. Documentação 4. Fontes (6) Fontes dos objetos de design gráfico (imagens, animações, etc.); (7) Código fonte das páginas web; (8) Código fonte das aplicações; (9) Páginas web estruturadas no formato adequado para implantação; (10) Script de criação da base de dados (quando couber). VI MATRIZ DE ENTREGA DE PRODUTOS PRODUTOS DESCRIÇÃO TEMPO Percentual de desembolso Produto 1. - Relatório contendo resultado das Atividades 1, 2 e 3: Análise, desenho da arquitetura e projeto de distribuição de conteúdo; Elaboração do layout e design das páginas web e do aplicativo móvel. Definir Estratégia de Engajamento em Redes Sociais, campanha de incentivo, mobilização e advertising em mídias online. - Documentação 1 Produto 2 - Entrega do Portal WEB, atendendo às Atividades 4 e 5: Desenvolvimento de Portal web; Desenvolvimento de conteúdo D+21 20% D+60 30% 20

Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 28337-2015

Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 28337-2015 Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 28337-2015 Senhores(as): Date: 14 de agosto de 2015. Contratação de empresa especializada na prestação de Seguro Viagem e Assistências Emergenciais, com

Leia mais

Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 28651-2015

Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 28651-2015 Senhores(as): Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 28651-2015 Date: 10 de novembro de 2015. Contratação de empresa especializada na prestação de Seguro Viagem e Assistências Emergenciais,

Leia mais

Solicitação de Proposta (SDP) nº 25649/2014

Solicitação de Proposta (SDP) nº 25649/2014 Solicitação de Proposta (SDP) nº 25649/2014 Senhor(a): Data: 29 de maio de 2014 Assunto: SDP para prestação de serviços de Consultoria 1. Essa instituição está convidada a apresentar uma proposta para

Leia mais

Por meio desta, convidamos a apresentar sua proposta em relação à outorga destes serviços.

Por meio desta, convidamos a apresentar sua proposta em relação à outorga destes serviços. Eixo Monumental, Via S-1 Campus do INMET Bloco 7 - Setor Sudoeste CEP:70680-900 Brasília, DF, Brasil Fax: 55-61-3038 2250 Tel: 55-61-3038-2299 www.fao.org..br EDITAL (LETTER OF INVITATION-LOI) Modalidade

Leia mais

Aviso de Licitação. Os interessados poderão solicitar esclarecimentos até 24 de julho de 2009, na forma prevista nos Documentos da Licitação.

Aviso de Licitação. Os interessados poderão solicitar esclarecimentos até 24 de julho de 2009, na forma prevista nos Documentos da Licitação. Aviso de Licitação LICITAÇÃO INTERNACIONAL (ITB) 1 N.º 6414/2009.. O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD, no âmbito do Projeto de Cooperação Técnica BRA/06/032 Projeto Brasil 3 Tempos

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado:

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008. EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/NEAD Nº 005/2008 Data: 29/02/2008 EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezado (a) Senhor (a), O Projeto de Cooperação para Apoio às Políticas e à Participação

Leia mais

Solicitação de Proposta (SDP) Nº 2012-33

Solicitação de Proposta (SDP) Nº 2012-33 Prezado(a) Senhor(a), Solicitação de Proposta (SDP) Nº 2012-33 Data: 16/03/2012 Assunto: SDP para contratação de empresa especializada em organização de eventos e com experiência comprovada em eventos

Leia mais

AVISO DE COTAÇÃO PRÉVIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS ESPECIALIZADOS EM CARTA CONVITE Nº 001/2012

AVISO DE COTAÇÃO PRÉVIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS ESPECIALIZADOS EM CARTA CONVITE Nº 001/2012 1 AVISO DE COTAÇÃO PRÉVIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS ESPECIALIZADOS EM CARTA CONVITE Nº 001/2012 O ITS BRASIL Instituto de Tecnologia Social, por meio do TERMO DE PARCERIA 13.0026.00/2009 Ministério

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/INTEGRAÇÃO Nº 019/2008 Data: 18/08/08 18/08/2005

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA/INTEGRAÇÃO Nº 019/2008 Data: 18/08/08 18/08/2005 EMPRESA CONVIDADA: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezados Senhores, O Projeto BRA/00/001- Integração Nacional, firmado entre o Ministério da Integração Nacional (Secretaria de Desenvolvimento

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 002/2008

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 002/2008 EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº. 002/2008 ANEXO I - TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETO: 1.1 - O presente Termo de Referência tem por objeto a contratação de empresa especializada em: a) desenvolvimento de software

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

Este regulamento define e torna públicas as regras gerais para participação no Edital de Projetos da Fundação Aperam Acesita 2014.

Este regulamento define e torna públicas as regras gerais para participação no Edital de Projetos da Fundação Aperam Acesita 2014. 1. Objeto EDITAL DE PROJETOS FUNDAÇÃO APERAM ACESITA 2014 REGULAMENTO GERAL Este regulamento define e torna públicas as regras gerais para participação no Edital de Projetos da 2014. São objetivos do presente

Leia mais

Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 21352/2013

Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 21352/2013 Edital de Licitação Pública Internacional (ITB) Nº 21352/2013 Prezados Senhores, 27 de março de 2013. Assunto: contratação de empresa especializada para prestação de serviços de seguro de Acidentes Pessoais

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos

Leia mais

Regulamento. Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania Seleção Pública de Projetos 2010. Regulamento

Regulamento. Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania Seleção Pública de Projetos 2010. Regulamento Regulamento Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania Seleção Pública de Projetos 2010 Regulamento 1 Projetos Serão aceitos projetos sob responsabilidade de organismos governamentais, não-governamentais

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA N.º 016/2008 Data: 10/11/2008. Empresa Convidada: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado:

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA N.º 016/2008 Data: 10/11/2008. Empresa Convidada: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO IICA N.º 016/2008 Data: 10/11/2008 Empresa Convidada: Telefone: Fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezados Senhores, O Projeto de Cooperação para Projeto de Consolidação do Crédito

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 FORNECIMENTO DE LINK DE INTERNET

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 FORNECIMENTO DE LINK DE INTERNET INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 FORNECIMENTO DE LINK DE INTERNET O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos de interesse público,

Leia mais

Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis

Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis Plano de Ação para Produção e Consumo Sustentáveis http://www.peixeurbano.com.br/convite/fscpeixeurbano br/convite/fsc V Secretaria de Articulação Institucional e Cidadania Secretaria de Articulação Institucional

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL INSTRUÇÃO NORMATIVA SECOM-PR N o 8 DE 19 DE DEZEMBRO DE 2014 Disciplina a implantação e a gestão da Identidade Padrão de Comunicação Digital das

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

INTRODUÇÃO E JUSTIFICATIVA PARA CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO

INTRODUÇÃO E JUSTIFICATIVA PARA CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NOS SERVIÇOS APLICADOS À TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, PARA IMPLANTAÇÃO DO PORTAL DAS BIBLIOTECAS PARQUES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NOS SERVIÇOS DE DESIGN E DESENVOLVIMENTO DE WEBSITE PARA O MUSEU DO AMANHÃ.

TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NOS SERVIÇOS DE DESIGN E DESENVOLVIMENTO DE WEBSITE PARA O MUSEU DO AMANHÃ. TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NOS SERVIÇOS DE DESIGN E DESENVOLVIMENTO DE WEBSITE PARA O MUSEU DO AMANHÃ. JUSTIFICATIVA PARA CONTRATAÇÃO DO SERVIÇO O Museu do Amanhã

Leia mais

RESPOSTAS DOS QUESTIONAMENTOS DA CONCORRÊNCIA Nº002/2014-INCRA

RESPOSTAS DOS QUESTIONAMENTOS DA CONCORRÊNCIA Nº002/2014-INCRA RESPOSTAS DOS QUESTIONAMENTOS DA CONCORRÊNCIA Nº002/2014-INCRA Acumulado até 03/02/2015 1 Pergunta Para a solução a ser apresentada para atendimento ao briefing deve ser utilizada a identidade digital

Leia mais

ACEITAÇÃO DO TERMO APRESENTAÇÃO

ACEITAÇÃO DO TERMO APRESENTAÇÃO ACEITAÇÃO DO TERMO O CONTRATANTE que pretenda utilizar os serviços da TREVISAN TECNOLOGIA deverá aceitar os termos e condições gerais do contrato e todas as políticas e os princípios que o regem. Caso

Leia mais

Solicitação de Proposta (SDP) nº 25545/2014

Solicitação de Proposta (SDP) nº 25545/2014 Solicitação de Proposta (SDP) nº 25545/2014 Senhor(a): Data: 30 de maio de 2014. Assunto: SDP para prestação de serviços de Consultoria 1. Essa instituição está convidada a apresentar uma proposta para

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com. 1/7 INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.br) INFORMAÇÕES I. O interessado na inscrição no Cadastro de Fornecedores

Leia mais

5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental. CONVITE Nº. 0006/2009 Contrato 045/2009. Prezados Senhores:

5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental. CONVITE Nº. 0006/2009 Contrato 045/2009. Prezados Senhores: CONVITE Nº. 0006/2009 Contrato 045/2009 Prezados Senhores: A ONG 5 Elementos Instituto de Educação e Pesquisa Ambiental, em conformidade com a redação em vigor da Lei Federal nº 8.666/93, Lei Estadual

Leia mais

Integram a presente Solicitação de Cotação os seguintes documentos: Anexo I Termo de Referência Anexo II Modelo de Formulário de Oferta

Integram a presente Solicitação de Cotação os seguintes documentos: Anexo I Termo de Referência Anexo II Modelo de Formulário de Oferta TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE CRIAÇÃO DE PROJETO GRÁFICO E EDITORAÇÃO GRÁFICA DE FOLDER TEMÁTICO SOBRE MULHERES JOVENS NEGRAS E INDÍGENAS Prezados Senhoras e Senhores, Brasília, 14

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Resultado 1.1 - Política Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional 2004-2009 desenhada.

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA. Resultado 1.1 - Política Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional 2004-2009 desenhada. ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA A PRODUÇÃO DE VÍDEO COM EXPERIÊNCIAS LOCAIS DE IMPLANTAÇÃO E FUNCIONAMENTO DE SISTEMAS DE SEGURANÇA ALIMENTAR

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO N.º 014/2010

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO N.º 014/2010 SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO N.º 014/2010 Prezados Senhoras e Senhores, Brasília, 21 de setembro de 2010 O Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher UNIFEM solicita a apresentação de proposta

Leia mais

CARTA CONVITE PARA AQUISIÇÃO DE BENS E SERVIÇOS CONEXOS Nº 001/2015 PROJETO: FORMAÇÃO DA EQUIPE DE BASE DO ESPERIA

CARTA CONVITE PARA AQUISIÇÃO DE BENS E SERVIÇOS CONEXOS Nº 001/2015 PROJETO: FORMAÇÃO DA EQUIPE DE BASE DO ESPERIA CARTA CONVITE PARA AQUISIÇÃO DE BENS E SERVIÇOS CONEXOS Nº 001/2015 PROJETO: FORMAÇÃO DA EQUIPE DE BASE DO ESPERIA AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ESPORTIVOS, EQUIPAMENTOS E TECNOLOGIA APLICADA NA FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO

Leia mais

DO PRAZO DE EXECUÇÃO E VIGÊNCIA DO CONTRATO

DO PRAZO DE EXECUÇÃO E VIGÊNCIA DO CONTRATO TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA NOS SERVIÇOS DE ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO INTEGRADA A SEREM EXECUTADOS NAS BIBLIOTECAS PARQUES DE MANGUINHOS, ROCINHA, NITERÓI, ESTADUAL

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores

ATO CONVOCATÓRIO 002 2013. OBJETO: Credenciamento de Consultores ATO CONVOCATÓRIO 002 2013 OBJETO: Credenciamento de Consultores O INSTITUTO QUALIDADE MINAS, pessoa jurídica de Direito privado sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse

Leia mais

EDITAL PARA APOIO A PROJETOS DE PRODUÇÃO, EDIÇÃO E PUBLICAÇÃO DE LIVROS E COLEÇÕES janeiro/2011

EDITAL PARA APOIO A PROJETOS DE PRODUÇÃO, EDIÇÃO E PUBLICAÇÃO DE LIVROS E COLEÇÕES janeiro/2011 CGI.br EDITAL PARA APOIO A PROJETOS DE PRODUÇÃO, EDIÇÃO E PUBLICAÇÃO DE LIVROS E COLEÇÕES janeiro/2011 O Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) comunica e convoca Entidades brasileiras com interesse

Leia mais

Institutional Skills Development. Diretrizes para Propostas

Institutional Skills Development. Diretrizes para Propostas Institutional Skills Development Sumário da chamada Público-alvo: instituições públicas e da sociedade civil brasileira, museus de ciência e jardins botânicos Prazo para envio de propostas: 20 de janeiro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MATO RICO ESTADO DO PARANÁ CNPJ - 95.684.510/0001-31 COMISSÃO MUNICIPAL DE LICITAÇÃO DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA REGISTRO CADASTRAL (Conf. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993) I - Para a habilitação jurídica: a) Cédula de identidade e registro comercial na repartição competente, para

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO N.º 003/2010

SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO N.º 003/2010 SOLICITAÇÃO DE COTAÇÃO N.º 003/2010 Brasília, 15 de março de 2010. Prezados Senhores, O Fundo de Desenvolvimento das Nações Unidas para a Mulher UNIFEM solicita a apresentação de Proposta para a criação

Leia mais

PROJETO SETORIAL DO POLO DE TI&C DE SÃO CAETANO DO SUL E REGIÃO TERMO DE REFERÊNCIA

PROJETO SETORIAL DO POLO DE TI&C DE SÃO CAETANO DO SUL E REGIÃO TERMO DE REFERÊNCIA PROJETO SETORIAL DO POLO DE TI&C DE SÃO CAETANO DO SUL E REGIÃO TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços em Assessoria e Consultoria Tributária para as empresas do Arranjo Produtivo Local. 1. OBJETIVO

Leia mais

PROGRAMA PETROBRAS FOME ZERO PROCESSO SELETIVO 2006 REGULAMENTO

PROGRAMA PETROBRAS FOME ZERO PROCESSO SELETIVO 2006 REGULAMENTO PROGRAMA PETROBRAS FOME ZERO PROCESSO SELETIVO 2006 REGULAMENTO PROJETOS Serão aceitos projetos sob responsabilidade de organismos governamentais, não-governamentais e comunitários, legalmente constituídos

Leia mais

BRA/12/018 DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE ARTICULAÇÃO E GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PROMOÇÃO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA

BRA/12/018 DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE ARTICULAÇÃO E GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PROMOÇÃO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL BRA/12/018 DESENVOLVIMENTO DE METODOLOGIAS DE ARTICULAÇÃO E GESTÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA PROMOÇÃO DA DEMOCRACIA PARTICIPATIVA PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO

Leia mais

2. DO OBJETIVO Constitui objeto deste EDITAL, seleção de projetos para a realização dos Eventos Juninos nas áreas rurais e distritos de Canindé.

2. DO OBJETIVO Constitui objeto deste EDITAL, seleção de projetos para a realização dos Eventos Juninos nas áreas rurais e distritos de Canindé. PREFEITURA MUNICIPAL DE CANINDÉ FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA E ESPORTE DE CANINDÉ EDITAL Nº: 002/2013 EDITAL DE CHAMADA PARA SELEÇÃO DE PROPOSTAS CONCORRENTES PARA A REALIZAÇÃO (APOIO A FESTEJOS JUNINOS)

Leia mais

Solicitação de Proposta (SDP) nº 24776/2014. 2. Para permitir o envio da proposta, foram anexados os seguintes documentos:

Solicitação de Proposta (SDP) nº 24776/2014. 2. Para permitir o envio da proposta, foram anexados os seguintes documentos: Solicitação de Proposta (SDP) nº 24776/2014 Senhor(a): Data: 17 de abril de 2014. Assunto: SDP para prestação de serviços de Consultoria 1. Essa instituição está convidada a apresentar uma proposta para

Leia mais

CONVITE Nº 01/2012 ANEXO III MODELO DE CONTRATO

CONVITE Nº 01/2012 ANEXO III MODELO DE CONTRATO CONVITE Nº 01/2012 ANEXO III MODELO DE CONTRATO CONTRATANTE : Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - Senac - Administração Nacional ENDEREÇO : Av. Ayrton Senna, 5.555 TEL.: (21) 2136-5799 BAIRRO

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE CONVITE Nº 006 / 2007 - DFEPAF ENCERRAMENTO E ABERTURA DAS PROPOSTAS: Dia 27 de novembro de 2007 às 10:00 horas. TIPO: Menor preço global 1. OBJETO DO CONVITE Constitui objeto

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

AVISO DE CHAMADA PÚBLICA DE APOIO INSTITUCIONAL Nº 01/2015 DO OBJETO

AVISO DE CHAMADA PÚBLICA DE APOIO INSTITUCIONAL Nº 01/2015 DO OBJETO AVISO DE CHAMADA PÚBLICA DE APOIO INSTITUCIONAL Nº 01/2015 DO OBJETO Esta Chamada Pública de Apoio Institucional visa à seleção de projetos a serem apoiados pelo CAU/BR na modalidade de Apoio à Assistência

Leia mais

Roteiro para Prestação de Contas referente ao Programa de Patrocínios DME 2016.

Roteiro para Prestação de Contas referente ao Programa de Patrocínios DME 2016. 1 Roteiro para Prestação de Contas referente ao Programa de Patrocínios DME 2016. Formulários obrigatórios para Prestação de Contas PRESTAÇÃO DE CONTAS - PROJETOS INCENTIVADOS PELA DME E/OU SUAS SUBSIDIÁRIAS.

Leia mais

CARTA CONVITE 15/2015 FUnC Serviços de Avaliação Institucional

CARTA CONVITE 15/2015 FUnC Serviços de Avaliação Institucional 1 CARTA CONVITE 15/2015 FUnC Serviços de Avaliação Institucional 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras, situado à Rua Victor Sopelsa, 3000, Bairro

Leia mais

COLETA DE PREÇOS Nº 001/2012 TERMO DE PARCERIA Nº752962/2010

COLETA DE PREÇOS Nº 001/2012 TERMO DE PARCERIA Nº752962/2010 COLETA DE PREÇOS Nº 001/2012 TERMO DE PARCERIA Nº752962/2010 Edital para contratação de empresa especializada e/ou Agência de Turismo ou viagens para execução de serviços de reserva, emissão, marcação,

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Secretaria de Infraestrutura MINUTA EDITAL DE PRÉ-QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N. MINUTA INTERNACIONAL N. 01/2013 PROCESSO N.º 0900130000453 A SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA DO ESTADO DA BAHIA - SEINFRA, com sede na Avenida Luiz Viana Filho, 4ª Avenida, nº 440, Centro Administrativo da

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

PROCESSO 005/2010 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 001/2010

PROCESSO 005/2010 EDITAL DE CREDENCIAMENTO 001/2010 INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO, Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores Públicos Municipais de São Sebastião do Paraíso, autarquia municipal,

Leia mais

I. Objetivo do edital

I. Objetivo do edital Edital para Contratação de Consultoria Externa para Avaliação Intermediária de Projeto (Pessoa Física ou Pessoa Jurídica) Localização: Em domicilio (com visitas de campo previstas) Prazo de candidatura:

Leia mais

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM MARKETING EMPRESARIAL E PESSOAL TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2012

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM MARKETING EMPRESARIAL E PESSOAL TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2012 INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM MARKETING EMPRESARIAL E PESSOAL TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2012 Contatos Luiz Augusto Gonçalves de Almeida (Coord. de Relações Institucionais)

Leia mais

Solicitação de Proposta (SDP) Nº 15482/2012

Solicitação de Proposta (SDP) Nº 15482/2012 Solicitação de Proposta (SDP) Nº 15482/2012 Prezado(a) Senhor(a), Data: 13/04/2012 Assunto: Contratação de Empresa Especializada na área de Comunicação Social. 1. V.Sas. estão convidados a apresentar uma

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG

SUPERINTENDÊNCIA DE ÁGUA E ESGOTO AV. HUGO ALESSI Nº 50 B. NDUSTRIAL - FONE: (0**34) 3242-3579/3242-5026 ARAGUARI MG SUPERINTENDENCIA DE AGUA E ESGOTO DE ARAGUARI DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES E CONTRATOS COMISSÃO ESPECIAL DE CADASTRO/SETOR DE CADASTRO INSTRUÇÕES GERAIS 1. OBJETIVO Estabelecer normas e procedimentos para

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE DE VALORES.

TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE DE VALORES. TERMO DE REFERÊNCIA OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE DE VALORES. JUSTIFICATIVA O Museu do Amanhã será uma das âncoras do plano de revitalização da região portuária da cidade

Leia mais

Câmara Municipal de Itatiba

Câmara Municipal de Itatiba DOCUMENTOS PARA EFETUAR CADASTRO PARA EMISSÃO DO CERTIFICADO DE REGISTRO CADASTRAL "CRC" INFORMAÇÕES PARA CADASTRO DE FORNECEDORES Razão Social: Endereço: Bairro: Cidade: CEP: CNPJ: Inscrição Estadual:

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2011

CARTA CONVITE Nº 003/2011 CARTA CONVITE Nº 003/2011 O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 10ª Região CREFITO-10, com jurisdição no Estado de Santa Catarina, através de sua Comissão Permanente de Licitações,

Leia mais

PATRONAGE - ADMINISTRAÇÃO DE BOLSAS E AUXÍLIOS FAPEMA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO Rua

PATRONAGE - ADMINISTRAÇÃO DE BOLSAS E AUXÍLIOS FAPEMA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO Rua 1 Sumário INTRODUÇÃO... 3 1 COMO ACESSAR O PATRONAGE... 4 2 INFORMAÇÕES SOBRE O PROJETO... 5 3 PRESTAÇÃO DE CONTAS... 8 3.1 Execução do projeto... 8 3.2 Autorização de recursos (remanejamento de recurso,

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA DE PROJETOS 2016 TRANSFORMANDO PESSOAS E IDEIAS.

CHAMADA PÚBLICA DE PROJETOS 2016 TRANSFORMANDO PESSOAS E IDEIAS. CHAMADA PÚBLICA DE PROJETOS 2016 TRANSFORMANDO PESSOAS E IDEIAS. CHAMADA PÚBLICA 2016 A Política de Responsabilidade Social da AngloGold Ashanti define como um de seus princípios que a presença de nossa

Leia mais

CONVITE Nº 01/2012 ANEXO I - DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS

CONVITE Nº 01/2012 ANEXO I - DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS CONVITE Nº 01/2012 ANEXO I - DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS OBJETIVO E ESCOPO 1. Informações Gerais 1.1 Objetivo geral do trabalho: desenvolvimento de novo site institucional para o Senac (www.senac.br), nas versões

Leia mais

Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação?

Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação? Quais são as 4 principais certidões indispensável para participar em uma licitação? As certidões indispensáveis à participação nas licitações, conforme previsto no artigo 27 da Lei 8.666/93, são: certidão

Leia mais

UNESCO - PROJETO 914BRA1121 MEC 2007 SESU Edital nº SESu 001/2007

UNESCO - PROJETO 914BRA1121 MEC 2007 SESU Edital nº SESu 001/2007 ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO, A CIÊNCIA E A CULTURA - UNESCO UNESCO - PROJETO 914BRA1121 MEC 2007 SESU Edital nº SESu 001/2007 Contrata Consultor na modalidade PRODUTO : Publicação de

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE PROPOSTAS Nº 15482/2012. Contratação de Empresa Especializada em Comunicação ATA DA AUDIÊNCIA PRÉVIA

SOLICITAÇÃO DE PROPOSTAS Nº 15482/2012. Contratação de Empresa Especializada em Comunicação ATA DA AUDIÊNCIA PRÉVIA SOLICITAÇÃO DE PROPOSTAS Nº 15482/2012 Contratação de Empresa Especializada em Comunicação ATA DA AUDIÊNCIA PRÉVIA Às quinze horas e trinta minutos, do dia dezesseis de abril de 2012, foi realizada Audiência

Leia mais

COLETA DE PREÇOS 09/2014

COLETA DE PREÇOS 09/2014 COLETA DE PREÇOS 09/2014 1. DO OBJETIVO Após ter sido realizada pesquisa de mercado por meio do Pedido de Cotação 020/2014 e enquadrada a presente contratação na modalidade de Seleção de Fornecedores adequada,

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO CONVITE Nº 05/2013 SERVIÇOS DE ASSESSORIA CONTÁBIL O Conselho Regional de Biologia 3ª Região, através da Comissão Permanente de Licitações, convida V.S.a. a apresentar

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 7ª REGIÃO CREF7/DF, Autarquia Federal, criada pela Lei nº 9.696/98, torna público

Leia mais

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA

ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA CONCORRÊNCIA DIRAT/CPLIC 001/2007 1 ANEXO III DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA ESTABELECE, RESPONSABILIDADES DIVERSAS, TIPOS E HORÁRIO DE COBERTURA DE SUPORTE, E DEMAIS RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA RELATIVAS

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO 1 CARTA CONVITE n.º 001/2011 São Paulo, 20 de outubro de 2011. O CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA - 1ª REGIÃO, nos termos da autorização constante no Processo Administrativo em epígrafe, vem, por intermédio

Leia mais

EDITAL PROCESSO 4674/2009

EDITAL PROCESSO 4674/2009 EDITAL PROCESSO 4674/2009 A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10/58-DIREF de 24/06/2009 realizará o pregão presencial em epígrafe, regido

Leia mais

EDITAL Nº 0302/2007 - UNESCO

EDITAL Nº 0302/2007 - UNESCO EDITAL Nº 0302/2007 - UNESCO Contratação de empresa especializada e com experiência comprovada na capacitação de técnicos na operacionalização e configuração de ambientes tecnológicos na operacionalização

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação

TERMO DE REFERÊNCIA. 1. Objeto. 2. Antecedentes. 3. Objeto da Licitação TERMO DE REFERÊNCIA 1. Objeto 1.1. Contratação de empresa especializada em auditoria de tecnologia da informação e comunicações, com foco em segurança da informação na análise de quatro domínios: Processos

Leia mais

Subvenção aos Núcleos Estaduais ODM do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade

Subvenção aos Núcleos Estaduais ODM do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade Subvenção aos Núcleos Estaduais ODM do Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade EDITAL 2015 PROJETO BRA/11/023 Desenvolvimento de capacidades, de justiça econômica sustentável e promoção de boas

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14 AVISO DE LICITAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural Administração Regional de Rondônia SENAR-AR/RO, comunica aos interessados que no dia 11/11/2010, ás 09:30 hs, ocorrerá a ABERTURA DOS ENVELOPES

Leia mais

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM GESTÃO FINANCEIRA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 02/2012

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM GESTÃO FINANCEIRA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 02/2012 INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM GESTÃO FINANCEIRA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 02/2012 Contatos Luiz Augusto Gonçalves de Almeida (Coord. de Relações Institucionais) Fone: 55

Leia mais

Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre

Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre Planejamento Estratégico 2011 para implementação de Software Livre FÓRUM DE SOFTWARE LIVRE - 2010 Valdir Barbosa Agenda Plano estratégico 2011 para uso de Software Livre Diretrizes Objetivos e indicadores

Leia mais

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 05/2012

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 05/2012 INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 05/2012 Contatos Luiz Augusto Gonçalves de Almeida (Coord. de Relações Institucionais) Fone:

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 OBRAS/SERVIÇOS DE ENGENHARIA

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 OBRAS/SERVIÇOS DE ENGENHARIA INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 OBRAS/SERVIÇOS DE ENGENHARIA O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos de interesse público,

Leia mais

EDITAL SAL/MJ Nº 10, DE 03 DE JULHO DE 2015. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Contrato de Pessoa Física Modalidade Produto Nacional

EDITAL SAL/MJ Nº 10, DE 03 DE JULHO DE 2015. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Contrato de Pessoa Física Modalidade Produto Nacional MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Secretaria de Assuntos Legislativos Esplanada dos Ministérios, Ed. Sede, bloco T, 4º andar, sala 434 (61) 2025 3376 / 3114 E-mail: sal@mj.gov.br EDITAL SAL/MJ Nº 10, DE 03 DE JULHO

Leia mais

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM VENDAS E COACHING EM PLANO DE VIDA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 07/2012

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM VENDAS E COACHING EM PLANO DE VIDA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 07/2012 INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM VENDAS E COACHING EM PLANO DE VIDA TERMO DE REFERÊNCIA Nº 07/2012 Contatos Luiz Augusto Gonçalves de Almeida (Coord. de Relações Institucionais)

Leia mais

IICA/BRA/09/005 Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura TERMO DE REFERÊNCIA Nº 01/2011 MODALIDADE PRODUTO

IICA/BRA/09/005 Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura TERMO DE REFERÊNCIA Nº 01/2011 MODALIDADE PRODUTO INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA IICA/BRA/09/005 Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura TERMO DE REFERÊNCIA Nº 01/2011 MODALIDADE PRODUTO I - IDENTIFICAÇÃO DO

Leia mais

O critério de avaliação, atendido o Anexo II Especificações dos Serviços, será o de Menor Preço Por Lote.

O critério de avaliação, atendido o Anexo II Especificações dos Serviços, será o de Menor Preço Por Lote. SOLICITAÇÃO DE PROPOSTA - N.º 12596/2011 Prezados Senhores, Brasília, 16 de fevereiro de 2011. O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento PNUD, no âmbito do Projeto BRA/04/044 CTPD com América

Leia mais

PROJETO SETORIAL DO POLO DE TI&C DE SÃO CAETANO DO SUL E REGIÃO TERMO DE REFERÊNCIA

PROJETO SETORIAL DO POLO DE TI&C DE SÃO CAETANO DO SUL E REGIÃO TERMO DE REFERÊNCIA PROJETO SETORIAL DO POLO DE TI&C DE SÃO CAETANO DO SUL E REGIÃO TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviços em Assessoria, Consultoria e Treinamento na área de Recursos Humanos. 1. OBJETIVO Os objetivos

Leia mais

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS

PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS 2014 1 Índice 1. Contexto... 3 2. O Programa Cidades Sustentáveis (PCS)... 3 3. Iniciativas para 2014... 5 4. Recursos Financeiros... 9 5. Contrapartidas... 9 2 1. Contexto

Leia mais

I Prêmio Novo Nordisk de Sustentabilidade

I Prêmio Novo Nordisk de Sustentabilidade I Prêmio Novo Nordisk de Sustentabilidade Apresentação Para a Novo Nordisk, responsabilidade social vai além do cuidado com as pessoas e com o meio ambiente. Nosso objetivo é propiciar um ambiente sustentável

Leia mais

ANEXO VII EDITAL n. 4/2015 CARTA-CONVITE MINUTA CONTRATO PREVCOM-MG

ANEXO VII EDITAL n. 4/2015 CARTA-CONVITE MINUTA CONTRATO PREVCOM-MG ANEXO VII EDITAL n. 4/2015 CARTA-CONVITE MINUTA CONTRATO PREVCOM-MG CONTRATO n. -/2015 DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE WEBDESIGN, EDIÇÃO AUDIOVISUAL E WEBDEVELOPMENT DE MATERIAIS INSTITUCIONAIS QUE ENTRE SI

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 033/2015 Termo de Referência 1. OBJETO Renovação de licenças de Solução Corporativa do Antivírus Avast, com serviço de suporte técnico e atualização de versão, manutenção

Leia mais

CESTEC- CENTRO DE SERVIÇOS EM TECNOLOGIA E INOVAÇÃO DO GRANDE ABC

CESTEC- CENTRO DE SERVIÇOS EM TECNOLOGIA E INOVAÇÃO DO GRANDE ABC CESTEC- CENTRO DE SERVIÇOS EM TECNOLOGIA E INOVAÇÃO DO GRANDE ABC TERMO DE REFERÊNCIA Nº 11/2010 PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA PARA GESTÃO ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA DE EMPRESAS DE MICRO, PEQUENO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALÉM PARAÍBA DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE ALÉM PARAÍBA DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES REQUERIMENTO DE INSCRIÇÃO Pessoa Física Requerimento composto de 05 páginas: 1. página 01: IDENTIFICAÇÃO E DO FORNECEDOR; 2. página 02: ENQUADRAMENTO NA CATEGORIA; 3. página 03 e 04: RELAÇÃO DE DOCUMENTOS

Leia mais

SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO

SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO COORDENADORIA DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA INTEGRAL (CATI) PROJETO DE DESENVOLVIMENTO RURAL SUSTENTÁVEL MICROBACIAS II ACESSO AO MERCADO SELEÇÃO DE CONSULTORES PELOS

Leia mais

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM PESQUISA, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 04/2012

INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM PESQUISA, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 04/2012 INCUBADORA TECNOLÓGICA DE SANTO ANDRÉ - INCTEC-SA CONSULTORIA EM PESQUISA, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TERMO DE REFERÊNCIA Nº 04/2012 Contatos Luiz Augusto Gonçalves de Almeida (Coord. de Relações Institucionais)

Leia mais

ANO 2015. Atenção: Procedimentos para o envio do seu projeto ao SEBRAE:

ANO 2015. Atenção: Procedimentos para o envio do seu projeto ao SEBRAE: Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas Pág. 1 de 10 ANO 2015 Atenção: Procedimentos para o envio do seu projeto ao SEBRAE: 1. A solicitação de patrocinio ao SEBRAE deve ser realizada

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Secretaria Executiva Diretoria de Projetos Internacionais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Secretaria Executiva Diretoria de Projetos Internacionais MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME Secretaria Executiva Diretoria de Projetos Internacionais CONTRATAÇÃO DE CONSULTOR MODALIDADE: Produto Acordo de Empréstimo BIRD - Nº 7841-BR PROJETO

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES EDITAL 2015/2016 SELEÇÃO NACIONAL DE PROJETOS CULTURAIS

PERGUNTAS FREQUENTES EDITAL 2015/2016 SELEÇÃO NACIONAL DE PROJETOS CULTURAIS 1. Onde faço a inscrição dos meus projetos? No site www.oifuturo.org.br 2. Há alguma forma de fazer inscrição dos projetos por outro meio? Não, somente online. 3. Não consigo abrir o formulário de inscrição.

Leia mais

Edital de Licitação Pública Internacional N.º 28278 / 2015 (Projeto: BRA/15/003 - Organização dos I Jogos Mundiais Indígenas)

Edital de Licitação Pública Internacional N.º 28278 / 2015 (Projeto: BRA/15/003 - Organização dos I Jogos Mundiais Indígenas) Edital de Licitação Pública Internacional N.º 28278 / 2015 (Projeto: BRA/15/003 - Organização dos I Jogos Mundiais Indígenas) Contratação de Integradora (empresa/consórcio) responsável pelo planejamento,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA FIP - Nº

TERMO DE REFERÊNCIA FIP - Nº 1 TERMO DE REFERÊNCIA TERMO DE REFERÊNCIA FIP - Nº 02/2014 2 Equipe FIP- Programa Minas sem Lixões (MSL) - Termo de Parceria 022/2008 Coordenação Geral Magda Pires de Oliveira e Silva Coordenação Técnica

Leia mais