Comitê Consultivo Governamental

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Comitê Consultivo Governamental"

Transcrição

1 Comitê Consultivo Governamental Regras de auxílio viagem do GAC 23 de junho de 2015 Histórico O orçamento da ICANN determinou o auxílio viagem para 30 membros do GAC em cada encontro da ICANN. Esses membros devem ser de países em desenvolvimento, Estados em desenvolvimento em pequenas ilhas e países menos desenvolvidos. São previstas até cinco bolsas adicionais para organizações pré- aprovadas, atualmente a Comissão da União Africana, a União de Telecomunicações do Caribe e a Nova Parceria para o Desenvolvimento da África (NEPAD). Os países qualificados se baseiam na lista de classificação de economias pequenas e médias do Banco Mundial, e também nos grupos de Estados em desenvolvimento em pequenas ilhas e países menos desenvolvidos da ONU, que utilizam critérios mais abrangentes que a avaliação econômica do Banco Mundial. Se houver mais solicitações que vagas disponíveis, a prioridade será dos membros do GAC de Estados em desenvolvimento em pequenas ilhas, países menos desenvolvidos e países com renda mais baixa. Para ser pré- aprovada, uma organização deve se dedicar aos interesses de Estados em desenvolvimento em pequenas ilhas/países menos desenvolvidos e ter sua sede nesses lugares, e não deve ter membros da OECD. O auxílio viagem oferecido aos membros do GAC inclui o custo da viagem aérea (classe econômica), hospedagem durante o encontro da ICANN, inclusive para reuniões do GAC realizadas fora das datas planejadas do encontro, e uma ajuda de custo em dinheiro definida de acordo com a cidade e os dias de viagem. Toda a organização da viagem, inclusive a contratação do seguro, se necessário, é feita por meio da Equipe de Deslocamento de Grupos Constituintes da ICANN (CTT). No entanto, o desenvolvimento de diretrizes e do processo de seleção deve ser definido pelo GAC. Destacamos que o membro do GAC é responsável por obter todos os vistos necessários (destino ou trânsito) antes da compra das passagens pela CTT da ICANN. No entanto, a equipe pode fornecer o itinerário para ajudar na solicitação do visto pelo membro.

2 Diretrizes de auxílio viagem do GAC A. Comitê de Seleção de Auxílio Viagem do GAC O Comitê de Seleção de Auxílio Viagem do GAC é composto pelo Presidente e todos os vice- presidentes (até cinco) do GAC, com o apoio da secretaria do GAC e da equipe de apoio ao GAC da ICANN. Caso um dos vice- presidentes também precise de auxílio viagem, ele não deve participar do processo de seleção. Se todos os vice- presidentes ou a maior parte deles precisarem de auxílio viagem, o Presidente do GAC deverá incluir outros membros do GAC no comitê de seleção, conforme apropriado. O Comitê de Seleção de Auxílio Viagem do GAC é responsável por convocar manifestações de interesse dos membros do GAC pelo auxílio viagem antes de cada encontro. O Comitê de Seleção avaliará as manifestações de interesse de acordo com os critérios de qualificação e seleção estabelecidos e tomará suas decisões. O Comitê de Seleção é responsável por informar aos candidatos e à Equipe de Deslocamento de Grupos Constituintes da ICANN quem são os escolhidos para receber o auxílio para cada encontro da ICANN. B. Critérios de qualificação e seleção: 1) Somente os membros do GAC de economias classificadas pelo Banco Mundial como pequenas e médias, além dos países classificados pela ONU como Estados em desenvolvimento em pequenas ilhas e países menos desenvolvidos se qualificam para receber auxílio viagem em até três encontros consecutivos. Se houver mais solicitações que vagas disponíveis, a prioridade será dos membros do GAC de Estados em desenvolvimento em pequenas ilhas, países menos desenvolvidos e países com renda mais baixa. 2) O beneficiário deve ser um representante autorizado de seu país no GAC, conforme determina este link. 3) O programa contempla apenas um membro do GAC de cada país por encontro. 4) Este programa está disponível para os membros do GAC, mas as solicitações de não membros podem ser consideradas de acordo com o caso, levando em conta a disponibilidade de outros recursos existentes na ICANN para essa finalidade. 5) Uma solicitação pode receber prioridade com base na localização do encontro do GAC, com o objetivo de aumentar a participação de uma determinada região. 6) Solicitações de pessoas com cargo eleito no GAC ou indicadas pelo GAC para liderar o trabalho sobre um determinado assunto também podem ter prioridade.

3 7) Membros do GAC podem solicitar auxílio parcial (por exemplo, somente passagem aérea, somente hotel ou somente hotel e ajuda de custo). C. Processo de seleção: O Comitê de Seleção é responsável por selecionar candidatos de acordo com os critérios de qualificação e seleção determinados. O Comitê de Seleção informará os membros do GAC que foram selecionados para assistência. O Comitê de Seleção também fornecerá à Equipe de Deslocamento de Grupos Constituintes da ICANN (CTT) os nomes dos membros do GAC selecionados para assistência e suas informações de contato. Como os membros do GAC precisam se organizar, recomenda- se que a seleção dos candidatos qualificados para o auxílio viagem seja feita pelo menos oito semanas antes do encontro programado. A Equipe de Deslocamento de Grupos Constituintes da ICANN será responsável pela comunicação com os candidatos do GAC selecionados e pela organização da viagem. D. Termos e condições: Os seguintes termos e condições são as regras atuais desenvolvidas para o Programa de Fellowship da ICANN de acordo com os requisitos de responsabilidade, transparência e trilha de auditoria da ICANN. Estes termos e condições se aplicam ao auxílio viagem do GAC. 1. Transporte a. Todas as passagens aéreas, independentemente da duração da viagem, serão em classe econômica. b. As viagens serão reservadas pela ICANN por meio de seu fornecedor de serviços de viagens. A ICANN só comprará passagens para um beneficiário do GAC se ele tiver todos os documentos de viagem necessários, inclusive vistos e vistos de trânsito, e se enviar à ICANN cópias desses documentos em formato pdf. Se necessário, os membros do GAC deverão solicitar seus vistos com muita antecedência ao encontro. c. Os membros do GAC não devem e não têm permissão para criar os próprios itinerários de viagem, nem para alterar ou estender os itinerários criados pelo fornecedor de serviços de viagem da ICANN. d. A ICANN não será responsável por perdas ou despesas (inclusive de passagens aéreas) do candidato por atrasos em consequência de informações imprecisas fornecidas pelo candidato, atrasos no envio dos formulários apropriados às respectivas autoridades ou recusa das autoridades dos países de destino ou de trânsito em conceder um visto ao

4 candidato. 2. Ajuda de custo a. Para encontros da ICANN, o valor da ajuda de custo em USD será definido de acordo com a cidade. Se possível, essa ajuda de custo será transferida para uma conta bancária determinada pelo menos uma semana antes do início do encontro da ICANN. Como o valor da ajuda de custo se baseia nas datas de chegada/partida e nas datas de viagem, o plano de viagem deve ser concluído e os dados bancários devem ser fornecidos à ICANN pelo menos três semanas antes do encontro. b. A ICANN somente cobrirá o custo de hospedagem diretamente nos hotéis parceiros de seus encontros, estabelecidos pelo fornecedor de serviços de viagens da ICANN. Toda e qualquer despesa extra de hotel (por exemplo, telefonemas, serviço de quarto, lavanderia, filmes) será de responsabilidade do membro do GAC. O hotel pode solicitar ao membro do GAC um cartão de crédito para garantir essas despesas. É sua responsabilidade contar com um cartão de crédito ou o valor em dinheiro necessário para garantir o pagamento dessas despesas. 3. Leis nacionais e legislação a. Durante a viagem coberta pelo programa de auxílio viagem ICANN- GAC, o membro do GAC terá a responsabilidade de obedecer todas as leis locais e a legislação do país ou dos países aos quais viaja (inclusive as leis referentes a imigração, impostos, alfândega, trabalho e controle de moeda estrangeira). b. O membro do GAC terá a responsabilidade de obedecer todas as normas (inclusive as que tratam de vistos e vacinas obrigatórias) de todos os países visitados. c. A ICANN não se responsabiliza pela obtenção de vistos para membros do GAC, mas cobrirá os custos (taxas de vistos, envio de passaporte pelo correio) para a solicitação e a obtenção de vistos (inclusive para países em trânsito) mediante a apresentação dos comprovantes pertinentes. O membro do GAC deve fazer a solicitação do visto com bastante antecedência ao encontro. d. Mediante solicitação, a ICANN fornecerá uma carta- convite formal para o encontro ao membro do GAC que receberá o auxílio viagem. e. A ICANN não cogitará nenhum pedido de visto de trabalho ou outros custos relativos à conformidade com a legislação nacional de nenhum país do mundo, seja de um membro do GAC ou de terceiros. f. A ICANN é uma corporação de utilidade pública sem fins lucrativos, com sede nos Estados Unidos e, portanto, deve cumprir todas as leis e normas da Califórnia e dos Estados Unidos. 4. Documentos de viagem obrigatórios Cada bolsista deve dispor dos seguintes documentos antes da reserva da viagem pela ICANN (passagem aérea e hotel): a. Um passaporte válido. b. Documentos de viagem exigidos pelo país de origem do membro do GAC ou pelo país onde

5 será realizado o encontro. Pode ser necessário um visto. É muito IMPORTANTE que o membro do GAC verifique a necessidade de visto no consulado local. c. Podem ser exigidos vistos de trânsito para fazer a conexão em determinadas cidades ou países. Os membros do GAC devem verificar essa necessidade no consulado local. d. Os membros do GAC sempre devem portar um comprovante de seguro- saúde. O seguro- saúde NÃO é fornecido pela ICANN. **Todos os documentos de viagem devem coincidir com o nome do passaporte válido do membro do GAC** 5. Saúde e segurança pessoais a. A aquisição e o pagamento de qualquer seguro, incluindo, entre outros, seguro de viagem, são de responsabilidade única e exclusiva do membro do GAC. b. O processamento de sinistros em relação a esse seguro (incluindo todos os custos envolvidos) é de responsabilidade do membro do GAC. c. A ICANN não se responsabiliza pela saúde, a segurança ou os pertences pessoais do membro do GAC. d. Cada membro do GAC é responsável por sua saúde e segurança durante o período de participação no GAC. e. A ICANN recomenda que os membros do GAC consultem e cumpram as observações das autoridades diplomáticas e consulares de seus países de nacionalidade em relação às condições de viagem e a segurança dos viajantes, aplicáveis nos países a serem visitados durante o auxílio do GAC. A ICANN não se responsabiliza por informar ou fazer recomendações aos candidatos ou membros do GAC sobre as condições de viagem ou a segurança dos viajantes. f. Se a viagem aos destinos selecionados não for recomendada pelas autoridades pertinentes, caso decida não viajar, o membro do GAC deve informar essa decisão imediatamente ao administrador do programa de auxílio viagem ICANN- GAC. A finalidade desta cláusula é reduzir o pagamento de multas impostas por empresas de viagem devido ao cancelamento. g. A ICANN também sugere que os bolsistas procurem orientação de profissionais de saúde qualificados sobre possíveis riscos nas áreas que serão visitadas. Na preparação de uma viagem, os membros do GAC devem tomar, às suas custas, todas as vacinas exigidas e recomendadas e fazer a profilaxia contra malária se forem viajar a uma região onde a doença é endêmica. ALGUMAS REGIÕES DE TRÂNSITO TAMBÉM PODEM EXIGIR DETERMINADAS VACINAS OU INTERVALOS NA VIAGEM DEVIDO À SUA REGIÃO DE ORIGEM. 6. Outras cláusulas a. O membro do GAC que receberá o auxílio viagem deve participar ativamente de todas as reuniões do GAC e da ICANN. b. Os membros do GAC deverão preencher um formulário de feedback sobre qualidade do programa de auxílio viagem do GAC e enviá- lo à ICANN. c. O membro do GAC pode solicitar auxílio parcial (por exemplo, somente passagem aérea ou somente hotel). Em todos os casos, o candidato deve indicar seus requisitos específicos durante o processo de solicitação.

6 7. Prorrogação Se um candidato, como membro do GAC, tiver sido aceito para receber auxílio financeiro para participar de determinado encontro da ICANN e, devido a circunstâncias imprevistas, não puder comparecer a esse encontro, mediante solicitação por escrito do candidato, a ICANN pode, a seu critério e conforme o caso, dependendo de todos os fatores relevantes, considerar o reenvio da candidatura para o auxílio viagem desse candidato para que seja analisada para participação no próximo encontro da ICANN. 8. Não cumprimento dos termos e condições Se um membro do GAC não cumprir qualquer dos termos e condições mencionados para o programa de auxílio viagem ICANN- GAC, mediante indicação ou concordância do Comitê de Seleção de Auxílio Viagem do GAC, a ICANN, mediante indicação do Presidente ou do GAC, se reserva o direito de determinar as ações apropriadas, entre elas: (i) rescindir o auxílio financeiro antes do término de um encontro; (ii) retirar o membro do GAC do programa e do encontro da ICANN; (iii) e/ou solicitar que o membro do GAC arque com as próprias despesas.

Norma para pagamento de diária a serviço e solicitação de passagem aérea

Norma para pagamento de diária a serviço e solicitação de passagem aérea Norma para pagamento de diária a serviço e solicitação de passagem aérea Objetivo: A presente norma tem por objetivo formalizar e agilizar os pedidos de diária e passagem a serviço da entidade bem como

Leia mais

PROGRAMA INTEGRADO DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESTRANGEIROS DA FIOCRUZ (PRINTE/PG)

PROGRAMA INTEGRADO DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESTRANGEIROS DA FIOCRUZ (PRINTE/PG) 1 PROGRAMA INTEGRADO DE PÓS-GRADUAÇÃO PARA ESTRANGEIROS DA (PRINTE/PG) 1. Objetivo Geral Promover a cooperação para a qualificação de estrangeiros de nível superior nas áreas de conhecimento para as quais

Leia mais

ICANN COMUNIDADE AT-LARGE. Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números POLÍTICA SOBRE VIAGENS DA AT-LARGE

ICANN COMUNIDADE AT-LARGE. Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números POLÍTICA SOBRE VIAGENS DA AT-LARGE ICANN PT AL/2007/SD/4.Rev1 ORIGINAL: inglês DATA: 6 de junho de 2007 STATUS: FINAL Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números Série de documentos 2007 - Propostas para a equipe COMUNIDADE

Leia mais

EDITAL PROAE/UFGD Nº 70, DE 09 DE OUTUBRO DE 2013 SOLICITAÇÃO PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA APOIO À MOBILIDADE ACADÊMICA INTERNACIONAL

EDITAL PROAE/UFGD Nº 70, DE 09 DE OUTUBRO DE 2013 SOLICITAÇÃO PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA APOIO À MOBILIDADE ACADÊMICA INTERNACIONAL EDITAL PROAE/UFGD Nº 70, DE 09 DE OUTUBRO DE 2013 SOLICITAÇÃO PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA APOIO À MOBILIDADE ACADÊMICA INTERNACIONAL O PRÓ-REITOR DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS E ESTUDANTIS DA FUNDAÇÃO (em exercício),

Leia mais

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O RALLY

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O RALLY INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O RALLY 1)Documentos exigidos para o Rally e Pós Rally (tradicional e Silver): Passaporte com validade mínima até 6 meses após a data de entrada em território americano. Visto

Leia mais

Informações Gerais sobre Vistos Passo a Passo

Informações Gerais sobre Vistos Passo a Passo Informações Gerais sobre Vistos Passo a Passo Se você planeja viajar aos Estados Unidos e precisa solicitar o visto pela primeira vez ou quer renovar um visto que ainda esteja válido ou que tenha expirado

Leia mais

Programa de Apoio a Projetos de Cooperação Internacional da UFMG Propostas de Consolidação e de Contrapartida Fundo para Internacionalização da UFMG

Programa de Apoio a Projetos de Cooperação Internacional da UFMG Propostas de Consolidação e de Contrapartida Fundo para Internacionalização da UFMG Programa de Apoio a Projetos de Cooperação Internacional da UFMG Propostas de Consolidação e de Contrapartida Fundo para Internacionalização da UFMG Edital de Seleção 006-2013 O Diretor de Relações Internacionais

Leia mais

EDITAL 05/2015 PROPESP/FADESP PROGRAMA DE APOIO À COOPERAÇÃO INTERINSTITUCIONAL PACI SUBPROGRAMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL

EDITAL 05/2015 PROPESP/FADESP PROGRAMA DE APOIO À COOPERAÇÃO INTERINSTITUCIONAL PACI SUBPROGRAMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL EDITAL 05/2015 PROPESP/FADESP PROGRAMA DE APOIO À COOPERAÇÃO INTERINSTITUCIONAL PACI SUBPROGRAMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL A Pró- Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação (PROPESP) e a Fundação de Amparo e

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES EDITAL Nº 003/2014 O CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA, por intermediário da Diretoria de

Leia mais

POLÍTICA INSTITUCIONAL DE VIAGENS

POLÍTICA INSTITUCIONAL DE VIAGENS POLÍTICA INSTITUCIONAL DE VIAGENS 1 INTRODUÇÃO A ANEC Associação Nacional de Educação Católica do Brasil, através de sua estrutura organizacional e de seus colaboradores, tem avançado muito no cumprimento

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES DIR_GRAD 004/2015

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES DIR_GRAD 004/2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES DIR_GRAD 004/2015 O CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA, por intermédio da Diretoria Acadêmica

Leia mais

GUIA PARA ESTUDAR NO EXTERIOR

GUIA PARA ESTUDAR NO EXTERIOR GUIA PARA ESTUDAR NO EXTERIOR O QUE É INTERCÂMBIO ACADÊMICO? É a ida de estudantes de um país para o outro por um determinado período do ano letivo. O objetivo é estender os estudos da Graduação para outra

Leia mais

O presente documento é vinculativo para a agência, operador e cliente, salvo alguma das presentes condições:

O presente documento é vinculativo para a agência, operador e cliente, salvo alguma das presentes condições: Condições gerais de venda de todos os programas e que constituem, na ausência de documento autónomo, o contrato de viagem, reserva de alojamento e/ou atividade. O presente documento é vinculativo para

Leia mais

SUPER RALLY 2012 PHOENIX /ARIZONA EUA

SUPER RALLY 2012 PHOENIX /ARIZONA EUA SUPER RALLY 2012 PHOENIX /ARIZONA EUA Informações Super Rally 2012 Phoenix/Arizona EUA 1)Documentos exigidos para o Rally e Pós Rally (tradicional e Silver): Passaporte com validade mínima até 6 meses

Leia mais

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 Dispõe sobre a implantação e o funcionamento do Programa de Cooperação Internacional - PROCIN do Instituto de Pesquisa

Leia mais

Processo de Solicitação de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador

Processo de Solicitação de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador Processo de Solicitação de Viagem GENS S.A. Manual do Colaborador 1 Apresentação Apresentamos o Processo de Viagens GENS Manual do Colaborador. Este Manual é parte integrante do Processo de Viagens GENS.

Leia mais

NOSSOS BENEFÍCIOS CONCIERGE ASSISTÊNCIA PESSOAL

NOSSOS BENEFÍCIOS CONCIERGE ASSISTÊNCIA PESSOAL NOSSOS BENEFÍCIOS CONCIERGE ASSISTÊNCIA PESSOAL NOSSOS BENEFÍCIOS CONCIERGE ASSISTÊNCIA PESSOAL 1. DESCRIÇÃO DO PRODUTO ASSISTÊNCIA 24 HORAS - CONCIERGE A Central de Informações consiste em atendimento

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS INTERNACIONAIS DE EXCELÊNCIA ACADÊMICA LAUREATE

REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS INTERNACIONAIS DE EXCELÊNCIA ACADÊMICA LAUREATE REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS INTERNACIONAIS DE EXCELÊNCIA ACADÊMICA LAUREATE FACULDADE DOS GUARARAPES E UNIVERSIDAD PERUANA DE CIENCIAS APLICADAS A Faculdade dos Guararapes, em parceria

Leia mais

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE SERVIÇOS DE TURISMO

CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE SERVIÇOS DE TURISMO CONTRATO DE INTERMEDIAÇÃO DE SERVIÇOS DE TURISMO (este contrato deve ser impresso e preenchido de próprio punho e enviado para o endereço de contato em até 5 dias úteis após a confirmação da compra do

Leia mais

AdDIARY EXCHANGE PROGRAM REALIZAÇÃO PUCPR DE 09 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 EDITAL PUCPR / 2015

AdDIARY EXCHANGE PROGRAM REALIZAÇÃO PUCPR DE 09 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 EDITAL PUCPR / 2015 AdDIARY EXCHANGE PROGRAM REALIZAÇÃO PUCPR DE 09 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 EDITAL PUCPR / 2015 O AdDIARY EXCHANGE PROGRAM, a ser desenvolvido por estudantes universitários da PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA

Leia mais

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO PROGRAMA DE PEQUENOS FINANCIAMENTOS PARA PROJETOS LGBT SMALL GRANTS PROGRAM

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO PROGRAMA DE PEQUENOS FINANCIAMENTOS PARA PROJETOS LGBT SMALL GRANTS PROGRAM FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO PROGRAMA DE PEQUENOS FINANCIAMENTOS PARA PROJETOS LGBT SMALL GRANTS PROGRAM Consulado dos Estados Unidos em Recife Rua Gonçalves Maia, 163 Boa Vista Recife PE Tel: (55-81) 3416-3050

Leia mais

O concurso será regido segundo os critérios e condições a seguir. I DO OBJETO

O concurso será regido segundo os critérios e condições a seguir. I DO OBJETO REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS INTERNACIONAIS DE EXCELÊNCIA ACADÊMICA LAUREATE FACULDADE DOS GUARARAPES E UNIVERSIDAD PERUANA DE CIENCIAS APLICADAS A Faculdade dos Guararapes, em parceria

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SCUBA TRIP

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SCUBA TRIP CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS SCUBA TRIP Passageiros: 1 2 3 4 5 6 Dados do Pacote Comprado: Destino com saída em / / e retorno em / /, através da Agência de Viagens, de acordo com a reserva previamente

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS FAVOR LER COM ATENÇÃO ESTAS CONDIÇÕES POIS NELAS CONSTAM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE SUA VIAGEM

CONDIÇÕES GERAIS FAVOR LER COM ATENÇÃO ESTAS CONDIÇÕES POIS NELAS CONSTAM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE SUA VIAGEM CONDIÇÕES GERAIS FAVOR LER COM ATENÇÃO ESTAS CONDIÇÕES POIS NELAS CONSTAM INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE SUA VIAGEM 1 1. RESPONSABILIDADE A Bon Voyage Operadora, registrada na Embratur nr 07921-00-41-5,

Leia mais

EDITAL SCII - BOLSA IBERO-AMERICANA SANTANDER UNIVERSIDADES Nº 01/2014

EDITAL SCII - BOLSA IBERO-AMERICANA SANTANDER UNIVERSIDADES Nº 01/2014 EDITAL SCII - BOLSA IBERO-AMERICANA SANTANDER UNIVERSIDADES Nº 01/2014 O Reitor da Universidade do Estado de Santa Catarina objetivando a CHAMADA 01/2014 do Programa de Bolsas Ibero-Americanas para Estudantes

Leia mais

India Lac Investment Conclave

India Lac Investment Conclave Edição nº 1 India Lac Investment Conclave 06 Dias / 03 Noites Saída: 13 de Outubro de 2014. Visitando: Delhi Roteiro Aéreo e Terrestre Extensão Pré Lac Conclave: Agra, Jaipur DIFERENTES VISÕES, DIFERENTES

Leia mais

EDITAL SCII - BOLSA IBERO-AMERICANA SANTANDER UNIVERSIDADES Nº 01/2015

EDITAL SCII - BOLSA IBERO-AMERICANA SANTANDER UNIVERSIDADES Nº 01/2015 EDITAL SCII - BOLSA IBERO-AMERICANA SANTANDER UNIVERSIDADES Nº 01/2015 O Reitor da Universidade do Estado de Santa Catarina objetivando a CHAMADA 01/2015 do Programa de Bolsas Ibero-Americanas para Estudantes

Leia mais

REGRAS E CONDIÇÕES DOS BILHETES

REGRAS E CONDIÇÕES DOS BILHETES REGRAS E CONDIÇÕES DOS BILHETES A emissão de bilhetes aéreos, através do resgate de Pontos Multiplus, combinados com o pagamento de parcela em dinheiro, é denominado Pontos + Dinheiro ou Produto, e oferecido

Leia mais

Apresentação... 5. 1. Convocação... 6. 2. Valor da bolsa... 7. 3. Requisitos dos solicitantes... 7. 4. Solicitação e documentação...

Apresentação... 5. 1. Convocação... 6. 2. Valor da bolsa... 7. 3. Requisitos dos solicitantes... 7. 4. Solicitação e documentação... Bolsas de estudo de pós-graduação em Seguros, Prevenção, Saúde e Meio Ambiente 2013-2014 Índice Apresentação... 5 1. Convocação... 6 2. Valor da bolsa... 7 3. Requisitos dos solicitantes... 7 4. Solicitação

Leia mais

Política de Viagens e Procedimentos

Política de Viagens e Procedimentos Política de Viagens e Procedimentos A Maxgen desenvolveu uma política de viagens e procedimentos para permitir que cada funcionário possa fazer uma contribuição substancial para a rentabilidade do seu

Leia mais

Regulamento da Promoção "Punta Cana All Inclusive" - Consórcio Iveco

Regulamento da Promoção Punta Cana All Inclusive - Consórcio Iveco Regulamento da Promoção "Punta Cana All Inclusive" - Consórcio Iveco A Promoção Punta Cana All Inclusive é uma ação realizada pelo Consórcio Iveco para os clientes que adquirirem, em todo território nacional,

Leia mais

Código: MAP-DIFIN-003 Versão: 00 Data de Emissão: XX/XX/XXXX. Custo

Código: MAP-DIFIN-003 Versão: 00 Data de Emissão: XX/XX/XXXX. Custo Código: MAP-DIFIN-003 Versão: 00 Data de Emissão: XX/XX/XXXX Elaborado por: Gerência de Execução Orçamentária Aprovado por: Diretoria de Finanças e Informação de Custo 1 OBJETIVO Padroniza e orienta os

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS LUSO-BRASILEIRAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO. Apresentação

PROGRAMA DE BOLSAS LUSO-BRASILEIRAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO. Apresentação PROGRAMA DE BOLSAS LUSO-BRASILEIRAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO Apresentação A Universidade Federal do Rio Grande do Sul e o Santander Universidades oferecem aos alunos de graduação de todas as áreas

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO CONCURSO DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES UNPBFPB PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR

REGULAMENTO INTERNO CONCURSO DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES UNPBFPB PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR REGULAMENTO INTERNO CONCURSO DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS SANTANDER UNIVERSIDADES UNPBFPB PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR A UNPBFPB abre aos seus alunos o concurso de bolsas Ibero-Americanas para Estudantes

Leia mais

SELEÇÃO DE ALUNOS PARA INTERCÂMBIO INTERNACIONAL DE GRADUAÇÃO REITORIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA EDITAL 01/2015

SELEÇÃO DE ALUNOS PARA INTERCÂMBIO INTERNACIONAL DE GRADUAÇÃO REITORIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA EDITAL 01/2015 SELEÇÃO DE ALUNOS PARA INTERCÂMBIO INTERNACIONAL DE GRADUAÇÃO REITORIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA EDITAL 01/2015 O Reitor do Centro Universitário UNA, Prof. Átila Simões da Cunha, no uso de suas atribuições,

Leia mais

INTERNATIONAL FEDERATION OF MEDICAL STUDENTS ASSOCIATIONS OF BRAZIL

INTERNATIONAL FEDERATION OF MEDICAL STUDENTS ASSOCIATIONS OF BRAZIL INTERNATIONAL FEDERATION OF MEDICAL STUDENTS ASSOCIATIONS OF BRAZIL Edital de VAGAS EXTRAS E REMANESCENTES PIN 2014-2015 CONTEÚDO 1. Sobre o Edital 02 2. Disposições Gerais 03 3. Como Proceder 04 4. Sobre

Leia mais

Universidade de Brasília Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação

Universidade de Brasília Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação EDITAL 06/2012 Universidade de Brasília APOIO À PESQUISA DE CAMPO DE PÓS-GRADUANDOS NO PAÍS 1. Finalidade Apoiar os discentes de pós-graduação bolsistas CAPES, CNPq ou REUNI, regularmente matriculados

Leia mais

Ministério do Desenvolvimento Social e do Ministério da Saúde para seleções via PNUD/UNESCO/OPAS

Ministério do Desenvolvimento Social e do Ministério da Saúde para seleções via PNUD/UNESCO/OPAS SECRETARIA ESTADUAL DA SAUDE Torna-se público no site da Secretaria Estadual da Saúde www.saude.rs.gov.br, o MANUAL PARA CONTRATAÇÃO DE PRESTADORES DE SERVIÇO PARA CONSULTORIA NO ÂMBITO DOS PROJETOS DE

Leia mais

B. Norma de Reembolso de Despesas do Governador de Distrito

B. Norma de Reembolso de Despesas do Governador de Distrito Anexo B B. Norma de Reembolso de Despesas do Governador de Distrito Os governadores de distrito podem requisitar reembolso das atividades a seguir. Todas as viagens devem ser feitas da forma mais econômica

Leia mais

BOLSA PDSE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE DOUTORADO SANDUÍCHE NO EXTERIOR

BOLSA PDSE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE DOUTORADO SANDUÍCHE NO EXTERIOR Program a de Pós-Graduação em Enfermagem SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE BOLSA PDSE PROGRAMA INSTITUCIONAL DE DOUTORADO SANDUÍCHE NO EXTERIOR

Leia mais

OBSERVATÓRIO NACIONAL ON COORDENAÇÃO DE GEOFÍSICA COGE PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO INSTITUCIONAL PCI/MCTI CHAMADA 01/2013

OBSERVATÓRIO NACIONAL ON COORDENAÇÃO DE GEOFÍSICA COGE PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO INSTITUCIONAL PCI/MCTI CHAMADA 01/2013 OBSERVATÓRIO NACIONAL ON COORDENAÇÃO DE GEOFÍSICA COGE PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO INSTITUCIONAL PCI/MCTI CHAMADA 01/2013 A Coordenação de Geofísica (COGE) do Observatório Nacional torna pública a abertura

Leia mais

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB 1. Condições Gerais Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB participantes

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DE MARÍLIA - FAMEMA FÓRMULA SANTANDER 2014 2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL

FACULDADE DE MEDICINA DE MARÍLIA - FAMEMA FÓRMULA SANTANDER 2014 2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE MOBILIDADE INTERNACIONAL FÓRMULA SANTANDER 2014 2015 O Diretor Geral da Faculdade de Medicina de Marília (Famema), Professor Doutor Paulo Roberto Michelone, no uso de suas atribuições, torna público este Edital de seleção de estudantes

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA EDITAL PARA PROCESSO DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA PARA PARTICIPAÇÃO DE MOBILIDADE INTERNACIONAL NO ANO LETIVO 2011/2012 NAS VAGAS REMANESCENTES

Leia mais

Universidade CEUMA REITORIA Gerência de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão

Universidade CEUMA REITORIA Gerência de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão EDITAL DE APOIO A PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS ACADÊMICOS, CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS, ESTÁGIOS DE CURTA DURAÇÃO E CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EDITAL No. 010/GPG/2015 A Universidade CEUMA, por meio

Leia mais

Cotação de Passagens Aéreas Nacionais e Internacionais

Cotação de Passagens Aéreas Nacionais e Internacionais Cotação de Passagens Aéreas Nacionais e Internacionais Procedimentos Departamento de Projetos Contratos e Convênios Pró-Reitoria de Administração Manual para Cotação de Passagens Aéreas Nacionais e Internacionais

Leia mais

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB

Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB Regulamento Programa de Relacionamento da Cartão BRB 1. Condições Gerais Este instrumento tem como objetivo regulamentar a participação dos titulares dos cartões de crédito da Cartão BRB participantes

Leia mais

Bolsas de estudo da FUNDACIÓN MAPFRE para cursos de pós-graduação em Seguro y Previdência Social 2015-2016

Bolsas de estudo da FUNDACIÓN MAPFRE para cursos de pós-graduação em Seguro y Previdência Social 2015-2016 Bolsas de estudo da FUNDACIÓN MAPFRE para cursos de pós-graduação em Seguro y Previdência Social 2015-2016 Convocatória 2015 ÍNDICE Apresentação 5 1. Convocatória 5 2. Valor da bolsa 6 3. Requisitos a

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO Página 1 de 5 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 1. CONTRATADA: L C DA SILVA AGÊNCIA DE VIAGENS ME Web Viagens, CNPJ/MF 11.692.987/0001-79, Av. Ipiranga, 104, 9 andar, Consolação, CEP 01046-010, São Paulo/SP,

Leia mais

Universidade de Brasília Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação

Universidade de Brasília Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação EDITAL 05/2011- VERSÃO RETIFICADORA APOIO À PUBLICAÇÃO EM PERIÓDICOS 1. Finalidade e Objetivos Apoiar docentes do corpo permanente, e em exercício, da Universidade de Brasília, a publicar os resultados

Leia mais

EDITAL CAPES N 004/2012/ CAPES. Seleção pública de propostas de projetos de eventos voltados ao Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP

EDITAL CAPES N 004/2012/ CAPES. Seleção pública de propostas de projetos de eventos voltados ao Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP PAEP Programa de Apoio a Eventos no País EDITAL CAPES N 004/2012/ CAPES Seleção pública de propostas de projetos de eventos voltados ao Programa de Apoio a Eventos no País - PAEP A Fundação Coordenação

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DO EXAME DE QUALIFICAÇÃO PELO MESTRANDO

PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DO EXAME DE QUALIFICAÇÃO PELO MESTRANDO PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DO EXAME DE QUALIFICAÇÃO PELO MESTRANDO Este roteiro não dispensa a leitura da Norma Complementar Nº002 (05/09/2012) alterado em 04/12/2013 e do Regimento Interno do PPGEP-S

Leia mais

MANUAL DO ALUNO. 3. Linhas de Pesquisa O Programa é composto por 2 (duas) linhas de pesquisas, com seus respectivos coordenadores:

MANUAL DO ALUNO. 3. Linhas de Pesquisa O Programa é composto por 2 (duas) linhas de pesquisas, com seus respectivos coordenadores: ESCOLA DE COMUNICAÇÃO Programa de Pós-Graduação em Comunicação out. 2014 MANUAL DO ALUNO Caro(a) aluno(a), este manual visa esclarecer os principais pontos referentes à Pós- Graduação. Esperamos que facilite

Leia mais

Viagem de Sucesso "Forme a sua Equipa" EMEA 2016. Termos e Condições

Viagem de Sucesso Forme a sua Equipa EMEA 2016. Termos e Condições Viagem de Sucesso "Forme a sua Equipa" EMEA 2016 Termos e Condições Aceitação dos Termos e condições Enquanto tenta qualificar-se para a Viagem de Sucesso "Forme a sua Equipa" EMEA de 2016 (a Viagem de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL CAI/EA Nº 020/2015 Programa MARCA Mobilidade Acadêmica Regional para Cursos Acreditados VAGAS PARA INTERCÂMBIO PRÉ-SELEÇÃO

Leia mais

Perguntas frequentes procedimentos Código dos Contratos Públicos

Perguntas frequentes procedimentos Código dos Contratos Públicos Perguntas frequentes procedimentos Código dos Contratos Públicos Questões de âmbito geral - Os novos procedimentos adotados pela FFCUL aplicam-se a que tipologias de projeto? Os novos procedimentos implementados

Leia mais

PEC-PG CNPq e CAPES. 8. Recomendações

PEC-PG CNPq e CAPES. 8. Recomendações PEC-PG CNPq e CAPES 8. Recomendações a) O Estudante-Convênio deverá matricular-se no primeiro semestre letivo do ano imediatamente subseqüente ao que se candidatou ao PEC-PG. Poderá, no entanto, ser concedida

Leia mais

Intercâmbio Internacional de Equipe de Serviço 2016

Intercâmbio Internacional de Equipe de Serviço 2016 Intercâmbio Internacional de Equipe de Serviço 2016 Informações gerais e regras para participação 1. Objetivos da atividade O programa de Intercâmbio Internacional para Equipe de Serviço dos Campos Escoteiros

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES INFORMAÇÕES GERAIS

TERMOS E CONDIÇÕES INFORMAÇÕES GERAIS PARTES Nestes termos e condições, passageiro ou participante refere-se à pessoa que está comprando ou viajando em cruzeiro, e aos viajantes individuais como parte das reservas destas pessoas. Ama ou companhia

Leia mais

PROGRAMA LÍDERES DO FUTURO

PROGRAMA LÍDERES DO FUTURO PROGRAMA LÍDERES DO FUTURO REGULAMENTO 1. COMO PARTICIPAR 1.1 Este Programa Líderes do Futuro (a seguir simplesmente Programa ) é realizado pela Belcorp do Brasil Distribuidora de Cosméticos Ltda. (a seguir

Leia mais

CHAMADA DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR

CHAMADA DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR Carta Projeto MDA N 002/2012 IPD Curitiba, 13 de janeiro de 2012. IPD - INSTITUTO DE PROMOÇÃO DO DESENVOLVIMENTO CHAMADA DE SELEÇÃO DE EMPREENDIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR Chamada de Seleção de Empreendimentos

Leia mais

O Acordo de Madrid relativo ao Registro. Internacional de Marcas e o Protocolo. referente a este Acordo: Objetivos,

O Acordo de Madrid relativo ao Registro. Internacional de Marcas e o Protocolo. referente a este Acordo: Objetivos, O Acordo de Madrid relativo ao Registro Internacional de Marcas e o Protocolo referente a este Acordo: Objetivos, Principais Características, Vantagens Publicação OMPI N 418 (P) ISBN 92-805-1313-7 2 Índice

Leia mais

2015 INTERNATIONAL CAMP STAFF PROGRAM

2015 INTERNATIONAL CAMP STAFF PROGRAM 2015 INTERNATIONAL CAMP STAFF PROGRAM INFORMAÇÕES GERAIS E REGRAS PARA PARTICIPAÇÃO 1. Objetivos da Atividade O Programa Internacional de Intercâmbio para Equipe de Serviço dos Campos Escoteiros da Boy

Leia mais

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE MÃO DE OBRA NO SETOR DE INSTALAÇÕES SINDICATO DA INDÚSTRIA DE INSTALAÇÃO - SP

PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE MÃO DE OBRA NO SETOR DE INSTALAÇÕES SINDICATO DA INDÚSTRIA DE INSTALAÇÃO - SP 1 PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE MÃO DE OBRA NO SETOR DE INSTALAÇÕES SINDICATO DA INDÚSTRIA DE INSTALAÇÃO - SP 2 APRESENTAÇÃO O Sindicato da Indústria de Instalação -, identificou

Leia mais

NORMAS PARA SOLICITAÇÃO, USO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS DO FUNDECITRUS

NORMAS PARA SOLICITAÇÃO, USO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS DO FUNDECITRUS 1 NORMAS PARA SOLICITAÇÃO, USO E PRESTAÇÃO DE CONTAS DE RECURSOS ORÇAMENTÁRIOS DO FUNDECITRUS Todas as normas devem ser lidas atentamente antes da submissão da proposta de pesquisa, bem como antes da realização

Leia mais

ADIANTAMENTO E REEMBOLSO DE DESPESAS

ADIANTAMENTO E REEMBOLSO DE DESPESAS ADIANTAMENTO E REEMBOLSO DE DESPESAS NÚMERO CIR.FIN.MAT.0001 Elaborada em: 08/08/2011 Atualizada em: - Quant. Páginas DEPARTAMENTO DE ORIGEM Departamento Finanças 5 1 Objetivo Este documento tem como objetivo

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço de Agenciamento de Viagens PO I ESIS

TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço de Agenciamento de Viagens PO I ESIS TERMO DE REFERÊNCIA Prestação de Serviço de Agenciamento de Viagens POIESIS ÍNDICE DO TERMO DE REFERÊNCIA TÉCNICA 1. OBJETIVO GERAL 2. JUSTIFICATIVA 3. DOS SERVIÇOS 4. DOS CRITÉRIOS DE JULGAMENTO 5. OBRIGAÇÕES

Leia mais

INFORME DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

INFORME DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS INFORME DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS FACULDADE INDEPENDENTE DO NORDESTE A Direção Geral da Faculdade Independente do Nordeste, com vistas à chamada para seleção de alunos para o Programa Ciência

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS PARA EMISSÃO DE VISTO CANADENSE

CONDIÇÕES GERAIS PARA EMISSÃO DE VISTO CANADENSE CONDIÇÕES GERAIS PARA EMISSÃO DE VISTO CANADENSE 1. Todos os documentos enviados ao Consulado Geral do Canadá em São Paulo não são devolvidos com exceção do passaporte. Caso envie algum documento original,

Leia mais

Cartilha de Câmbio. Envio e recebimento de pequenos valores

Cartilha de Câmbio. Envio e recebimento de pequenos valores 2009 Cartilha de Câmbio Envio e recebimento de pequenos valores Apresentação O Banco Central do Brasil criou esta cartilha para orientar e esclarecer você, que precisa negociar moeda estrangeira, sobre

Leia mais

UNIVERSIDADE DO PORTO - COOPERAÇÃO COM PAÍSES LUSÓFONOS E LATINO-AMERICANOS

UNIVERSIDADE DO PORTO - COOPERAÇÃO COM PAÍSES LUSÓFONOS E LATINO-AMERICANOS UNIVERSIDADE DO PORTO - COOPERAÇÃO COM PAÍSES LUSÓFONOS E LATINO-AMERICANOS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, REFERENTE A PROGRAMA DE MOBILIDADE ACADÊMICA NA UNIVERSIDADE DO PORTO (U. PORTO)

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS TOP CHINA 2014 FACULDADE DOS GUARARAPES PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR

REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS TOP CHINA 2014 FACULDADE DOS GUARARAPES PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR REGULAMENTO INTERNO PROGRAMA DE BOLSAS TOP CHINA 2014 FACULDADE DOS GUARARAPES PARA INTERCÂMBIO NO EXTERIOR A Faculdade dos Guararapes abre, aos seus estudantes de graduação, o processo seletivo interno

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral das mensalidades para cursar 1 (um) semestre, por meio de intercâmbio em uma das instituições de Ensino Superior

Leia mais

CONDIÇÕES E REQUISITOS DO DOUTORADO PLENO NO EXTERIOR PROGRAMA DOUTORADOS CIFRE-BRASIL

CONDIÇÕES E REQUISITOS DO DOUTORADO PLENO NO EXTERIOR PROGRAMA DOUTORADOS CIFRE-BRASIL CONDIÇÕES E REQUISITOS DO DOUTORADO PLENO NO EXTERIOR PROGRAMA DOUTORADOS CIFRE-BRASIL 1. Quem pode Participar As bolsas oferecidas destinam-se a candidatos de nacionalidade brasileira, de desempenho e

Leia mais

1º Prêmio Instituto Sprinkler Brasil de Trabalhos Técnicos

1º Prêmio Instituto Sprinkler Brasil de Trabalhos Técnicos 1º Prêmio Instituto Sprinkler Brasil de Trabalhos Técnicos APRESENTAÇÃO O Instituto Sprinkler Brasil ISB (www.sprinklerbrasil.org.br) é uma organização sem fins lucrativos dedicada a fomentar a prevenção

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER TOTTA/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2015

REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER TOTTA/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2015 REGULAMENTO DO CONCURSO DE BOLSAS SANTANDER TOTTA/ UNIVERSIDADE DE COIMBRA 2015 Este concurso visa reforçar a cooperação existente entre a Universidade de Coimbra (UC) e as instituições suas parceiras,

Leia mais

Chamada MCTI/CNPq Nº 09/2015 - Auxílio Promoção de Eventos Científicos, Tecnológicos e/ou de Inovação - ARC. Perguntas Mais Frequentes

Chamada MCTI/CNPq Nº 09/2015 - Auxílio Promoção de Eventos Científicos, Tecnológicos e/ou de Inovação - ARC. Perguntas Mais Frequentes Chamada MCTI/CNPq Nº 09/2015 - Auxílio Promoção de Eventos Científicos, Tecnológicos e/ou de Inovação - ARC Perguntas Mais Frequentes 1) Onde encontro o Formulário Online de Propostas? O formulário Online

Leia mais

EDITAL SWG 01/2011 - Bolsas Sanduíche na Graduação

EDITAL SWG 01/2011 - Bolsas Sanduíche na Graduação EDITAL SWG 01/2011 - Bolsas Sanduíche na Graduação O programa Ciência sem Fronteiras, CNPq, busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade

Leia mais

Regulamento Geral de Mobilidade Internacional de Estudantes da Universidade Fernando Pessoa 2015-2016

Regulamento Geral de Mobilidade Internacional de Estudantes da Universidade Fernando Pessoa 2015-2016 Regulamento Geral de Mobilidade Internacional de Estudantes da Universidade Fernando Pessoa 2015-2016 1. Mobilidade Internacional de Estudantes Os alunos da Universidade Fernando Pessoa (UFP) que cumpram

Leia mais

Sistema de Qualificação do Fornecedor (SQS)

Sistema de Qualificação do Fornecedor (SQS) Sistema de Qualificação do Fornecedor (SQS) Visibilidade global dos fornecedores Shell www.shell.com/supplier/qualification Nossa abordagem à pré-qualificação dos fornecedores O setor de contratos e aquisições

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DO EXAME DE DEFESA PELO MESTRANDO (PRÉ-DEFESA)

PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DO EXAME DE DEFESA PELO MESTRANDO (PRÉ-DEFESA) PROCEDIMENTOS PARA ORGANIZAÇÃO DO EXAME DE DEFESA PELO MESTRANDO (PRÉ-DEFESA) Este roteiro não dispensa a leitura da Norma Complementar Nº007 (05/09/2012) e do Regimento Interno do PPGEP-S 1. Sobre os

Leia mais

Edital de apoio à participação no Seminário Ibero-Americano da Diversidade Linguística.

Edital de apoio à participação no Seminário Ibero-Americano da Diversidade Linguística. Edital de apoio à participação no Seminário Ibero-Americano da Diversidade Linguística. 1. Introdução O Seminário Ibero-americano da Diversidade Linguística pretende ser um marco na discussão de políticas

Leia mais

01 DE JUNHO DE 2014. Em 2014 será um DOWN RUN (ano de descidas) de Pietermaritzburg para Durban.

01 DE JUNHO DE 2014. Em 2014 será um DOWN RUN (ano de descidas) de Pietermaritzburg para Durban. 01 DE JUNHO DE 2014 A Comrades Marathon é uma Ultramaratona de 89km (individual) realizada todos os anos na África do Sul. Internacionalmente reconhecida pelo desafio ao corpo e a mente humana. A corrida

Leia mais

ASSISTÊNCIA CONCIERGE

ASSISTÊNCIA CONCIERGE ASSISTÊNCIA CONCIERGE O objeto da assistência é o atendimento 24h ao Segurado para informações e indicação de prestadores de serviços, conforme condições abaixo e abrangência especificada no Quadro Resumo.

Leia mais

PROCEDIMENTO DE VIAGEM

PROCEDIMENTO DE VIAGEM PG.GAF.001 003 01/11/2015 1 de 16 CENTRO INTERNACIONAL DE ENERGIAS RENOVÁVEIS BIOGÁS Novembro 2015 PG.GAF.001 003 01/11/2015 2 de 16 Sumário 1. OBJETIVO...3 2. DEFINIÇÕES E SIGLAS...3 3. FLUXO DO PROCESSO

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS LUSO-BRASILEIRAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO. Apresentação

PROGRAMA DE BOLSAS LUSO-BRASILEIRAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO. Apresentação PROGRAMA DE BOLSAS LUSO-BRASILEIRAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO Apresentação A Universidade Federal do Rio Grande do Sul e o Santander Universidades oferecem aos alunos de graduação da UFRGS a possibilidade

Leia mais

Quais as impressoras incluídas na promoção?

Quais as impressoras incluídas na promoção? Como funciona? Ao adquirir uma das impressoras Epson elegíveis, poderá pedir uma estadia gratuita em hotel de 4 estrelas ao efectuar a reserva através de nós. Se comprar dois multipacks de tinteiros na

Leia mais

FUNDO DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DAS FEDERADAS E NÚCLEOS ASSOCIATIVOS DA ABP FADEF/ABP

FUNDO DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DAS FEDERADAS E NÚCLEOS ASSOCIATIVOS DA ABP FADEF/ABP EDITAL 004/2015/FADEF FUNDO DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DAS FEDERADAS E NÚCLEOS ASSOCIATIVOS DA ABP FADEF/ABP A Associação Brasileira de Psiquiatria ABP torna público e convoca os interessados a apresentarem

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA NUTEAD Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA NUTEAD Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância EDITAL N 006/14 - UEPG/NUTEAD/UAB PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS UAB/CAPES TUTOR PRESENCIAL BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA A Universidade Estadual de Ponta Grossa, através do Núcleo de Tecnologia

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS SANTANDER TOP UK. Apresentação. Objetivo do programa

PROGRAMA DE BOLSAS SANTANDER TOP UK. Apresentação. Objetivo do programa PROGRAMA DE BOLSAS SANTANDER TOP UK Apresentação O Programa Top UK, está com inscrições abertas para alunos de graduação. Em parceria com o Santander Universidades UK, será realizado um programa exclusivo

Leia mais

3ROtWLFDGH9LDJHQV±06;,%5

3ROtWLFDGH9LDJHQV±06;,%5 3ROtWLFDGH9LDJHQV±06;,%5 Revisão: 04 Data: 05/12/05 Página 1 de 5 ÒOWLPD $OWHUDomR Alterado os itens: transporte aéreo, telefonemas e comprovantes. )LQDOLGDGH Estabelecer e manter procedimentos para orientar

Leia mais

PROGRAMA DE MOBILIDADE INTERNACIONAL PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO - SANTANDER UNIVERSIDADES

PROGRAMA DE MOBILIDADE INTERNACIONAL PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO - SANTANDER UNIVERSIDADES PROGRAMA DE MOBILIDADE INTERNACIONAL PROGRAMA DE BOLSAS IBERO-AMERICANAS PARA ESTUDANTES DE GRADUAÇÃO - SANTANDER UNIVERSIDADES EDITAL/ Nº 06 de 06 de Abril de 2015 A Pró-Reitoria de Pesquisa, Extensão

Leia mais

E D I T A L DIPLOMA INTEGRADO PUC-SP/SCIENCES PO 2012

E D I T A L DIPLOMA INTEGRADO PUC-SP/SCIENCES PO 2012 E D I T A L DIPLOMA INTEGRADO PUC-SP/SCIENCES PO 2012 Estão abertas as inscrições para seleção de candidatos do curso de Relações Internacionais da Faculdade de Ciências Sociais da PUC-SP para o programa

Leia mais

UNIMEP Universidade Metodista de Piracicaba

UNIMEP Universidade Metodista de Piracicaba EDITAL 2S/2014 BOLSA DE ESTUDOS EDITA NORMAS PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS A BOLSA DE ESTUDOS PARA O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO NOS CURSOS DE DOUTORADO E MESTRADO O

Leia mais

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS Pré-seleção para Bolsas de Graduação Sanduíche na Itália (Chamada Pública Programa Ciência sem Fronteiras/Universidade de Bolonha nº 105/2011) A Pró-Reitora de Graduação

Leia mais

2. QUEM PODE PARTICIPAR

2. QUEM PODE PARTICIPAR EDITAL 1. Edital Instituto Walmart 1.1. Este edital é uma iniciativa do Instituto Walmart com o objetivo de identificar, reconhecer e estimular o desenvolvimento de projetos por organizações da sociedade

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO REITORIA COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO REITORIA COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL 03/2015/CAINT/UFOP, DE 19 DE MARÇO DE 2015 PROGRAMA DE BOLSAS TOP ESPAÑA SANTANDER UNIVERSIDADES PARA ESTUDANTES E PROFESSORES DE GRADUAÇÃO A (CAINT) da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP),

Leia mais

Prêmio ESET de Jornalismo em Segurança da Informação 2015. - Regulamento Bases e Condições -

Prêmio ESET de Jornalismo em Segurança da Informação 2015. - Regulamento Bases e Condições - Prêmio ESET de Jornalismo em Segurança da Informação 2015 - Regulamento Bases e Condições - O Prêmio ESET de Jornalismo em Segurança da Informação 2015 (daqui em diante: CJSI) é uma iniciativa única, desenvolvida

Leia mais

Edital N 10/2014 DRI/UFF

Edital N 10/2014 DRI/UFF Edital N 10/2014 DRI/UFF Dispõe sobre o programa de Mobilidade Internacional de alunos de graduação da Universidade Federal Fluminense para o segundo semestre de 2015 e primeiro de 2016. A Diretoria de

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 545, DE 22 DE JANEIRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 545, DE 22 DE JANEIRO DE 2015 Publicada no Diário da Justiça Eletrônico, nº 17, em 27/1/2015. RESOLUÇÃO Nº 545, DE 22 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre a concessão de diárias e passagens no âmbito do Supremo Tribunal Federal. O PRESIDENTE

Leia mais