Dislexia. Dificuldade na área da leitura, gerando a troca de linhas, palavras, letras, sílabas e fonemas.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Dislexia. Dificuldade na área da leitura, gerando a troca de linhas, palavras, letras, sílabas e fonemas."

Transcrição

1

2 Dislexia (BARROS, 2010; SILVA, 2009) Dificuldade na área da leitura, gerando a troca de linhas, palavras, letras, sílabas e fonemas. A troca de letras ocorre especialmente naquelas com diferenças sutis de grafia (d-p, p-q, b-q) ou com sons parecidos (d,t,f,m,n). A criança pode também trocar sílabas de uma palavra ou palavras inteiras, dificultando a compreensão do texto. Isso traz como consequência uma leitura mais lenta.

3 Dislexia

4 Características Pode ser confundida com preguiça ou má disciplina. Parece resultar de falhas nas conexões cerebrais. Dificuldade em soletrar, ler em voz alta e memorizar palavras.

5 Diagnóstico (OLIVEIRA, 2007) Os sintomas que indicam a dislexia, antes de um diagnóstico multidisciplinar (psicólogo, fonoaudiólogo e psicopedagogo) podem somente indicar um distúrbio de aprendizagem. Uma vez identificado o problema de rendimento escolar, deve-se procurar ajuda especializada. Para que se tenha um diagnóstico preciso, é necessário o relatório escolar e exames multidisciplinares.

6 Diagnóstico: avaliações mais solicitadas (OLIVEIRA, 2007) Cognitivos Inteligência Memória auditiva e visual Discriminação auditiva e visual Orientação Fluência verbal

7 Incidência (PEANUTS COLLECTOR CLUB) Segundo pesquisas realizadas, 20% de todas as crianças sofrem de dislexia. A dislexia é tão comum em meninos quanto em meninas.

8 Causas Neurobiológicas e genéticas.

9 Principais consequências Confundir letras com grande frequência; Dificuldade ao tentar rimar palavras e reconhecer letras e fonemas.

10 Entre 3 a 6 anos (Pré-escola) Persiste em falar como um bebê; Frequentemente pronuncia palavras de forma errada; Não consegue reconhecer as letras que soletram seu nome; Tem dificuldade em lembrar o nome de letras, números e dias da semana; Leva muito tempo para aprender novas palavras; Tem dificuldade em aprender rimas infantis.

11 Entre 6 ou 7 anos (Primeiro ano) Tem dificuldade em dividir palavras em sílabas; Não consegue ler palavras simples e monossilábicas, tais como rei ou bom ; Comete erros de leitura que demonstram uma dificuldade em relacionar letras a seus respectivos sons; Tem dificuldade em reconhecer fonemas; Reclama que ler é muito difícil; Frequentemente comete erros quando escreve e soletra palavras; Memoriza textos sem compreendê-los.

12 Entre 7 e 12 anos Comete erros ao pronunciar palavras longas ou complicadas; Confunde palavras de sonoridade semelhante, como tomate e tapete, loção e canção ; Utiliza excessivamente palavras vagas como coisa ; Tem dificuldade para memorizar datas, nomes ou números de telefone; Pula partes de palavras quando estas têm muitas sílabas; Costuma substituir palavras difíceis por outras mais simples quando lê em voz alta; por exemplo, lê carro ao invés de automóvel ; Comete muitos erros de ortografia; Escreve de forma confusa.

13 Entre 7 e 12 anos Não consegue terminar as provas de sala de aula. Sente muito medo de ler em voz alta.

14 A partir dos 12 anos Comete erros na pronúncia de palavras longas ou complicadas; O nível de leitura está abaixo de seus colegas de sala de aula; Tem dificuldades em soletrar palavras; soletra a mesma palavra de formas diferentes numa mesma página; Lê muito devagar; Evita ler e escrever; Tem muita dificuldade em aprender uma língua estrangeira.

15 A partir dos 12 anos Tem dificuldade em resolver problemas de matemática que requeiram leitura. Inverte a ordem das letras bolo por lobo, lago por logo.

16 Outros transtornos associados Disortografia: dificuldade na ortografia das palavras, separação, ortografia e acentuação. Discalculia: dificuldade em realizar operações matemáticas (cálculos, números e sequência). TDAH: transtorno de déficit de atenção e hiperatividade.

17 Tratamento (PEANUTS COLLECTOR CLUB) Tratamentos buscam estimular a capacidade do cérebro de relacionar letras aos sons que as representam e, posteriormente, ao significado das palavras que elas formam. A maioria dos tratamentos enfatiza a assimilação de fonemas, o desenvolvimento do vocabulário, a melhoria da compreensão e a fluência na leitura. Esses tratamentos ajudam o disléxico a reconhecer sons, sílabas, palavras e frases.

18 Tratamento Incentivar a pessoa a buscar novas atividades e interesses, tais como esportes ou música, e sempre o recompensar quando ela progredir em seus estudos. Quanto mais cedo for diagnosticada e tratada a dislexia, melhores serão as chances de corrigir falhas nas conexões cerebrais.

19 Como trabalhar É aconselhável que a criança disléxica leia em voz alta com um adulto para que ele possa corrigi-la. É importante saber que ajudar disléxicos a melhorar sua leitura é muito trabalhoso e exige muita atenção e repetição.

20 Como trabalhar Atividades que envolvam exercícios com associação das palavras; explicação dos fonemas e repetições tanto da leitura como da escrita.

21 Referências Bibliográficas BARROS, Jussara de. Dificuldades de Aprendizagem. Equipe Brasil Escola. Disponível em: < Acesso em set OLIVEIRA, Ércio. Dislexia Disponível em: < Acesso em set PEANUTS COLLECTOR CLUB. A Dislexia. Disponível em: < Acesso em set SILVA, Vanessa Ferreira. Problema de Aprendizagem: Possíveis Intervenções Psicopedagógicas. Disponível em: < Acesso em: 21 dez.2009.

Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE

Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE Julho de 2010 Dislexia (BARROS, 2010; SILVA, 2009) Dificuldade na área da leitura, gerando a troca de linhas, palavras, letras, sílabas e fonemas. A troca

Leia mais

TRANSTORNO ESPECÍFICO DA APRENDIZAGEM CRITÉRIOS DIAGNÓSTICOS E POSSIBILIDADES DE INTERVENÇÃO

TRANSTORNO ESPECÍFICO DA APRENDIZAGEM CRITÉRIOS DIAGNÓSTICOS E POSSIBILIDADES DE INTERVENÇÃO TRANSTORNO ESPECÍFICO DA APRENDIZAGEM CRITÉRIOS DIAGNÓSTICOS E POSSIBILIDADES DE INTERVENÇÃO Dra Nadia Aparecida Profa. Dra. Nádia Aparecida Doutora em Psicologia e Educação USP, Mestre em Psicologia da

Leia mais

Distúrbio de Aprendizagem

Distúrbio de Aprendizagem Distúrbio de Aprendizagem Profa. Dra. Simone Aparecida Capellini FFC/UNESP-Marília-SP Laboratório de Investigação dos Desvios da Aprendizagem LIDA/FFC/UNESP-Marília-SP Alterações do Desenvolvimento da

Leia mais

O QUE É A DISLEXIA? DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM ESPECÍFICA DA LEITURA

O QUE É A DISLEXIA? DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM ESPECÍFICA DA LEITURA O QUE É A DISLEXIA? DIFICULDADE DE APRENDIZAGEM ESPECÍFICA DA LEITURA A origem da Dislexia tem por base alterações genéticas, neurológicas e neurolinguísticas. Cerca de 2 a 10% da população tem Dislexia,

Leia mais

Dislexia: dificuldades, características e diagnóstico

Dislexia: dificuldades, características e diagnóstico Dislexia: dificuldades, características e diagnóstico Célia Regina Rodrigues 1, Cristina Magalhães 1, Edna Rodrigues 1, Flávia Sousa Pereira 1, Maria das Graças Andrade 1, Solange Silva 1, Olavo Egídio

Leia mais

PROBLEMA NA LINGUAGEM ESCRITA: TRANSTORNOS OU DIFICULDADES?

PROBLEMA NA LINGUAGEM ESCRITA: TRANSTORNOS OU DIFICULDADES? PROBLEMA NA LINGUAGEM ESCRITA: TRANSTORNOS OU DIFICULDADES? DALMA RÉGIA MACÊDO PINTO FONOAUDIÓLOGA/PSICOPEDAGOGA PROBLEMAS DE APRENDIZAGEM Dificuldades dificuldades experimentadas por todos os indivíduos

Leia mais

Neurônios da leitura: o cérebro da pessoa com dislexia Prof.ª Priscila de Sousa Barbosa

Neurônios da leitura: o cérebro da pessoa com dislexia Prof.ª Priscila de Sousa Barbosa UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA NÚCLEO DE TECNOLOGIAS PARA EDUCAÇÃO UEMANET CURSO ABERTO DE DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM Neurônios da leitura: o cérebro da pessoa com dislexia O processamento

Leia mais

Plenário Adriano Jorge, em 22 de abril de 2014. PROFESSOR BIBIANO PT VEREADOR

Plenário Adriano Jorge, em 22 de abril de 2014. PROFESSOR BIBIANO PT VEREADOR PROJETO DE LEI Nº121/2014 Dispõe sobre o desenvolvimento da política de acompanhamento especial para alunos da Rede Municipal de Ensino de Manaus que são portadores de doenças neurológicas e dá outras

Leia mais

DIFICULDADES ESPECÍFICAS NA APRENDIZAGEM DA LEITURA: DISLEXIA RESUMO

DIFICULDADES ESPECÍFICAS NA APRENDIZAGEM DA LEITURA: DISLEXIA RESUMO DIFICULDADES ESPECÍFICAS NA APRENDIZAGEM DA LEITURA: DISLEXIA DORIS ADRIANE MEINE ELISANDRA DA SILVA SOUZA TÂNIA MARIA DE LONGARAY VALDETE LAZAROTI DE CARVALHO AGLAE CASTRO DA SILVA SCHLORKE RESUMO Este

Leia mais

DISLEXIA: COMPREENSÃO DO TRANSTORNO DE APRENDIZAGEM EM CRIANÇAS DE ESCOLAS PÚBLICAS NO MUNICÍPIO DE CAMPO GRANDE/MS

DISLEXIA: COMPREENSÃO DO TRANSTORNO DE APRENDIZAGEM EM CRIANÇAS DE ESCOLAS PÚBLICAS NO MUNICÍPIO DE CAMPO GRANDE/MS DISLEXIA: COMPREENSÃO DO TRANSTORNO DE APRENDIZAGEM EM CRIANÇAS DE ESCOLAS PÚBLICAS NO MUNICÍPIO DE CAMPO GRANDE/MS RESUMO Nádia da Silva Rodrigues Gonçalves UNAES (nadia.rodrigues@aedu.com) Neidi Liziane

Leia mais

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM EM LEITURA E ESCRITA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE CORNÉLIO PROCÓPIO: ESTRATÉGIAS E DIFICULDADES DOS PROFESSORES

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM EM LEITURA E ESCRITA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE CORNÉLIO PROCÓPIO: ESTRATÉGIAS E DIFICULDADES DOS PROFESSORES DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM EM LEITURA E ESCRITA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE CORNÉLIO PROCÓPIO: ESTRATÉGIAS E DIFICULDADES DOS PROFESSORES Glaucea Valéria Batista Vitor (PIBIC//UENP) glauceacp95@hotmail.com

Leia mais

DISCALCULIA: A DESMISTIFICAÇÃO DE UMA SIMPLES DIFICULDADE MATEMÁTICA Ana Cláudia Oliveira Nunes Juliana Naves Silva

DISCALCULIA: A DESMISTIFICAÇÃO DE UMA SIMPLES DIFICULDADE MATEMÁTICA Ana Cláudia Oliveira Nunes Juliana Naves Silva DISCALCULIA: A DESMISTIFICAÇÃO DE UMA SIMPLES DIFICULDADE MATEMÁTICA Ana Cláudia Oliveira Nunes Juliana Naves Silva Palavras-Chave: Fracasso Escolar; Distúrbio; Ação Pedagógica Introdução A dificuldade

Leia mais

Avaliação e Intervenção em Dificuldades de Leitura e Escrita

Avaliação e Intervenção em Dificuldades de Leitura e Escrita OFICINA DE FORMAÇÃO ( 25h +25h) Avaliação e Intervenção em Dificuldades de Leitura e Escrita Cláudia Coelho ( Psicóloga) clauccoelho81@gmail.com centrodislexia@crb.ucp.pt DINÂMICA DE GRUPO CONTEÚDOS DA

Leia mais

CENTRO DE ESTUDOS E EVENTOS CIENTÍFICOS CEEC CURSO INTENSIVO EM DISLEXIA E DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM JANEIRO/2017 PROGRAMAÇÃO DAS AULAS

CENTRO DE ESTUDOS E EVENTOS CIENTÍFICOS CEEC CURSO INTENSIVO EM DISLEXIA E DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM JANEIRO/2017 PROGRAMAÇÃO DAS AULAS PROGRAMAÇÃO DAS AULAS 2ª Feira 16/01/2017 08h00min Credenciamento. 08h30min às 09h30min Abertura e apresentação do Curso; Dra. Sylvia Liana Cartolano Di Grassi (Presidente ABD) Maria Ângela Nogueira Nico

Leia mais

DISTÚRBIOS E TRANSTORNOS DE APRENDIZAGEM Parte I: Discalculia

DISTÚRBIOS E TRANSTORNOS DE APRENDIZAGEM Parte I: Discalculia DISTÚRBIOS E TRANSTORNOS DE APRENDIZAGEM Parte I: Discalculia Tânia Maria G. Boffoni 1 Neste número, vamos abordar um dos transtornos da aprendizagem que é em geral ignorado ou desconsiderado: a Discalculia.

Leia mais

Dificuldades de aprendizagem Zuleika de Felice Murrie

Dificuldades de aprendizagem Zuleika de Felice Murrie Dificuldades de aprendizagem Zuleika de Felice Murrie Apresentação utilizada como material de apoio no evento Orientação Técnica sobre a recuperação paralela realizado nos dias 23, 24 e 25 de julho de

Leia mais

Dislexia? / Maria Irma Hadler Coudry. Caro Aluno:

Dislexia? / Maria Irma Hadler Coudry. Caro Aluno: 1 Caro Aluno: Essa atividade pós-exibição é a quinta, de um conjunto de 7 propostas, que têm por base o segundo episódio do programa de vídeo Viagem ao cérebro. As atividades pós-exibição são compostas

Leia mais

Palavras-chaves: Dislexia. Desenvolvimento da leitura. Escolarização Básica.

Palavras-chaves: Dislexia. Desenvolvimento da leitura. Escolarização Básica. UMA REFLEXÃO SOBRE A DISLEXIA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL* Deyse Costa Silva 1 Deysecost@hotmail.com Monique Maria Valentim Rodrigues¹ nickvalentim@gmail.com Renilde Damacena Santos¹ rennydamacena@gmail.com

Leia mais

Caso Clínico 1. Módulo de Casos Clínicos Curso de Aprimoramento TDAH

Caso Clínico 1. Módulo de Casos Clínicos Curso de Aprimoramento TDAH + Caso Clínico 1 Módulo de Casos Clínicos Curso de Aprimoramento TDAH + Caso Clínico Abordagem prática para aplicar o que vocês aprenderam Ilustra o modus operandi do raciocínio clínico Pode representar

Leia mais

Éder Cássio Rocha Ribeiro

Éder Cássio Rocha Ribeiro Éder Cássio Rocha Ribeiro Título de Especialista em Neurologia (AMB/MEC) Pós-graduação em Neurointensivismo pelo Hospital Sírio-Libanês Membro da Sociedade Brasileira de Neurofisiologia Clínica DISTÚRBIOS

Leia mais

Hábitos de Estudo. 1. Onde estudar?

Hábitos de Estudo. 1. Onde estudar? Hábitos de Estudo Queridos alunos, Você sabe estudar? Estudar deve ser um hábito como escovar os dentes, comer e dormir? Qual o lugar apropriado para estudar? É adequado estudar da mesma forma para as

Leia mais

Alunos, professores, demais profissionais da educação e de outras áreas interessadas nos temas.

Alunos, professores, demais profissionais da educação e de outras áreas interessadas nos temas. A Educação Especial é definida pela LDBEN 9394/96 como modalidade de educação escolar que permeia todas as etapas e níveis do ensino. As escolas especiais assumem um papel importante, no sentido de apoiar

Leia mais

Os Meios Educativos JEAN QUI RIT. (Lemaire, M. Brigitte, 1990) Ano lectivo 2007/2008 Isabel Almeida 1

Os Meios Educativos JEAN QUI RIT. (Lemaire, M. Brigitte, 1990) Ano lectivo 2007/2008 Isabel Almeida 1 Os Meios Educativos JEAN QUI RIT (Lemaire, M. Brigitte, 1990) Ano lectivo 2007/2008 Isabel Almeida 1 SUMÁRIO: 1. Os Meios Educativos Jean qui rit - Como surgiram? - O que são? 2. Os quatro elementos 1.

Leia mais

Pensamento Radiante. E isso é possível, pois os mapas mentais ativam os dois hemisférios cerebrais que temos:

Pensamento Radiante. E isso é possível, pois os mapas mentais ativam os dois hemisférios cerebrais que temos: www.mapamental.org 1 De forma bem clara e objetiva, o Mapa Mental é um método criado para auxiliar na geração e memorização de informações que irá te ajudar a ser mais produtivo, aumentar o seu foco e

Leia mais

Problemáticas de Aprendizagem

Problemáticas de Aprendizagem III Jornadas Pedagógicas Agrupamento de Escolas D. Manuel de Faria e Sousa Problemáticas de Aprendizagem Como resolver Adriana Sampaio e Carla Brochado Setembro de 2014 Roteiro Fatores ambientais que afetam

Leia mais

Ano Letivo 2013/2014 Disciplina Português Ano 4º Classificação

Ano Letivo 2013/2014 Disciplina Português Ano 4º Classificação Capacidade de compreensão Critérios specíficos de avaliação Ano Letivo 2013/2014 Disciplina Português Ano 4º Classificação Interpreta Responde Reconta Questiona Revela dificuldades na interpretação. Responde

Leia mais

Escolas de Educação Básica, na Modalidade Educação Especial Parecer 07/14

Escolas de Educação Básica, na Modalidade Educação Especial Parecer 07/14 Escolas de Educação Básica, na Modalidade Educação Especial Parecer 07/14 Anexo 5 Semana Pedagógica 1º semestre - 2016 Anexo 5 Trabalhando com textos na Alfabetização (Marlene Carvalho, 2005) Muitas professoras

Leia mais

Critérios Gerais de Avaliação por Área Disciplinar e Anos de Escolaridade. Critérios de Avaliação 1º ano Língua Portuguesa

Critérios Gerais de Avaliação por Área Disciplinar e Anos de Escolaridade. Critérios de Avaliação 1º ano Língua Portuguesa Critérios Gerais de Avaliação por Área Disciplinar e Anos de Escolaridade Critérios de Avaliação 1º ano Língua Portuguesa nterpreta Não identifica imagens, mensagens, bandas desenhadas, pequenas frases,

Leia mais

DISLEXIA, DE STELLA STELLING. STELLING, Estela. Dislexia. Rio de Janeiro: Revinter, p.

DISLEXIA, DE STELLA STELLING. STELLING, Estela. Dislexia. Rio de Janeiro: Revinter, p. 5 DISLEXIA, DE STELLA STELLING Márcia Morena Soave 1 STELLING, Estela. Dislexia. Rio de Janeiro: Revinter, 1994. 92 p. Stella Stelling é fonoaudióloga, professora, pós-graduada em Metodologia do Ensino

Leia mais

PROGRAMA DE CONTEÚDOS

PROGRAMA DE CONTEÚDOS C O L É G I O L A S A L L E Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Rua Guarani, 000 - Fone (045) 35-1336 - Fax (045) 3379-58 http://www.lasalle.edu.br/toledo/ DISCIPLINA: PROFESSOR(A): E-MAIL: PROGRAMA

Leia mais

Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE. Julho de 2010

Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE. Julho de 2010 Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE Julho de 2010 Memória A memória é uma faculdade cognitiva extremamente importante porque ela forma a base para a aprendizagem. Se não houvesse uma forma de

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DISCIPLINA DE FRANCÊS 3º CICLO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DISCIPLINA DE FRANCÊS 3º CICLO CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DISCIPLINA DE FRANCÊS 3º CICLO Competências Específicas Instrumentos de Avaliação Pesos percentuais Compreender (ouvir / ver) Testes de Avaliação 3 DOMÍNIO COGNITIVO (ler) Fichas

Leia mais

Maurício Tadeu da Silva O CABO FERNANDES. 1ª Edição

Maurício Tadeu da Silva O CABO FERNANDES. 1ª Edição 1 Maurício Tadeu da Silva O CABO FERNANDES 1ª Edição São Paulo 2013 2 Copyright By Maurício Tadeo da Silva Direitos reservados. Nenhuma parte desta obra pode ser reproduzida ou transmitida por qualquer

Leia mais

DISLEXIA E TDAH: SUBSÍDIOS ÀS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS ERONICE DE SOUZA LEÃO PSICOPEDAGOGA

DISLEXIA E TDAH: SUBSÍDIOS ÀS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS ERONICE DE SOUZA LEÃO PSICOPEDAGOGA DISLEXIA E TDAH: SUBSÍDIOS ÀS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS ERONICE DE SOUZA LEÃO PSICOPEDAGOGA DISLEXIA E TDAH: SUBSÍDIOS ÀS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NEM TODAS AS DIFICULDADES DE APRENDER SÃO TRANSTORNOS DE APRENDIZAGEM

Leia mais

A psicopedagogia na Argentina: Compreendendo a atuação do psicopedagogo

A psicopedagogia na Argentina: Compreendendo a atuação do psicopedagogo A psicopedagogia na Argentina: Compreendendo a atuação do psicopedagogo IV Congresso de Psicopedagogía escolar. UFU/Nov 2015 OBJETIVO GERAL E TAREFA: Apresentar a atuação da psicopedagogia e seus desafios

Leia mais

Critérios Específicos de avaliação

Critérios Específicos de avaliação Capacidade de compreensão Critérios specíficos de avaliação Ano Letivo 2013/2014 Disciplina Português Ano 2.º Classificação Não identifica as personagens, a ação, o espaço e o tempo ou fá-lo com dificuldade.

Leia mais

AJES - INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO VALE DO JURUENA ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA CLÍNICA E EDUCACIONAL APROVADA NOTA: 8,5

AJES - INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO VALE DO JURUENA ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA CLÍNICA E EDUCACIONAL APROVADA NOTA: 8,5 AJES - INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO DO VALE DO JURUENA ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA CLÍNICA E EDUCACIONAL APROVADA NOTA: 8,5 DISTÚRBIOS DE APRENDIZAGEM: DISLEXIA MARILENE SERAFIM DE SOUZA FEITOSA

Leia mais

UNIDADE DE ESTUDO - 3ª ETAPA

UNIDADE DE ESTUDO - 3ª ETAPA OBJETIVOS GERAIS: UNIDADE DE ESTUDO - 3ª ETAPA - 2016 Disciplina: Linguagem Oral e Escrita Professoras: Anália, Carla, Fabiana e Roberta Período: 2º Segmento: Educação Infantil Mostrar autonomia na utilização

Leia mais

Co-autor (a): Jucilene Sé Farias Da Silva Graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia Faculdade de Ciências e Tecnologia do Maranhão FACEMA

Co-autor (a): Jucilene Sé Farias Da Silva Graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia Faculdade de Ciências e Tecnologia do Maranhão FACEMA DISLEXIA: DIAGNÓSTICO E PROCESSOS DE INTERVENÇÕES Autor (a): Larissy Sousa Silva Graduanda em Licenciatura Plena em Pedagogia Faculdade de Ciências e Tecnologia do Maranhão FACEMA Co-autor (a): Jucilene

Leia mais

RITA RAPOSO - PSICÓLOGA EDUCACIONAL

RITA RAPOSO - PSICÓLOGA EDUCACIONAL RITA RAPOSO - PSICÓLOGA EDUCACIONAL índice 1. Causas do insucesso 2. Boas práticas parentais 3. Criar uma rotina de estudo 4. Gestão do tempo de estudo 5. Regras na planificação do estudo 6. Regras para

Leia mais

O PERFIL PSICOMOTOR E O PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM DE CRIANÇAS DISLÉXICAS

O PERFIL PSICOMOTOR E O PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM DE CRIANÇAS DISLÉXICAS O PERFIL PSICOMOTOR E O PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM DE CRIANÇAS DISLÉXICAS RAFAEL CESAR FERRARI DOS SANTOS, NINFA BENETTI LIMA, IRINEU A. TUIM VIOTTO FILHO, ORIENTADOR: PROFª. Msa. EDELVIRA DE CASTRO

Leia mais

Desenvolvimento de Habilidades Necessárias para a Alfabetização

Desenvolvimento de Habilidades Necessárias para a Alfabetização Desenvolvimento de Habilidades Necessárias para a Alfabetização O disléxico tem condições de aprender a ler e escrever, superar suas dificuldades, realizar o que sonhar, desde que suas dificuldades sejam

Leia mais

A DISLEXIA NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM THE DYSLEXIA IN THE TEACHING-LEARNING PROCESS

A DISLEXIA NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM THE DYSLEXIA IN THE TEACHING-LEARNING PROCESS A DISLEXIA NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM THE DYSLEXIA IN THE TEACHING-LEARNING PROCESS Any Gabrieli Mazzotty Filomeno Bruna Silva de Sousa Resumo: Uma das dificuldades mais freqüentes apresentadas

Leia mais

ESCREVA BEM E INSPIRE PESSOAS. 5 dicas de redação para mudar a imagem do seu clube + dica de ouro

ESCREVA BEM E INSPIRE PESSOAS. 5 dicas de redação para mudar a imagem do seu clube + dica de ouro ESCREVA BEM E INSPIRE PESSOAS 5 dicas de redação para mudar a imagem do seu clube + dica de ouro Você conhece o poder de uma boa redação? No Brasil, cerca de 57% da população não entende bem como funciona,

Leia mais

DISLEXIA: QUE BICHO É ESSE?

DISLEXIA: QUE BICHO É ESSE? DISLEXIA: QUE BICHO É ESSE? Lívia Ferreira da Silveira 1 Tatiana Azevedo de Souza da Cunha Lima 2 Resumo: O presente trabalho apresenta algumas reflexões acerca da historicidade e do conceito de dislexia

Leia mais

MANEJO DO TDAH E AS ORIENTAÇÕES PARA PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL 1

MANEJO DO TDAH E AS ORIENTAÇÕES PARA PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL 1 MANEJO DO TDAH E AS ORIENTAÇÕES PARA PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL 1 ABELIN, Daniele, M.²; SOARES, Priscila, S. 2 ; ABAID, Josiane L. W 3. 1 Trabalho de Pesquisa _UNIFRA 2 acadêmica de Psicologia do

Leia mais

Inventário de habilidades escolares. Comunicação Oral

Inventário de habilidades escolares. Comunicação Oral Inventário de habilidades escolares Nome Idade Tempo na Escola Razões para a Indicação Grupo Aprendizagens Consolidadas (Currículo Escolar) Habilidades Realiza sem necessidade de suporte Realiza com ajuda

Leia mais

DISLEXIA E SEUS IMPACTOS NA VIDA ESCOLAR E SOCIAL

DISLEXIA E SEUS IMPACTOS NA VIDA ESCOLAR E SOCIAL DISLEXIA E SEUS IMPACTOS NA VIDA ESCOLAR E SOCIAL Vanessa Angélica Reckziegel, 1 Deise Stein 2 Resumo: A dislexia é uma das maiores dificuldades encontradas em meio a vida de um ser humano, muitas vezes

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1º CICLO

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1º CICLO Direcção Regional de Educação do Centro CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO 1º CICLO Domínios Capacidade/Conhecimentos (70%) Critérios Aquisição, compreensão e aplicação Expressão Progressão na aprendizagem Atitudes

Leia mais

Dicas EPIS ALUNOS. Balanço e Resultados Escolares Dica 1/3

Dicas EPIS ALUNOS. Balanço e Resultados Escolares Dica 1/3 Janeiro Balanço e Resultados Escolares Balanço e Resultados Escolares Dica 1/3 Aproveita o início deste período para fazeres um balanço do teu comportamento e dos teus resultados escolares no 1º Período.

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO RESTELO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO RESTELO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DO RESTELO CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÂO DA DISCIPLINA DE PORTUGUÊS 2º CICLO ANO LETIVO 2015 / 2016 DOMÍNIOS DE APRENDIZAGEM DOMÍNIOS DE REFERÊNCIA PONDERAÇÃO INSTRUMENTOS DE

Leia mais

Um Mundo de Letras. Nível de Ensino/Faixa Etária: Formação de Professores. Áreas Conexas: Português (Alfabetização) Consultor: Angelita Machado

Um Mundo de Letras. Nível de Ensino/Faixa Etária: Formação de Professores. Áreas Conexas: Português (Alfabetização) Consultor: Angelita Machado Um Mundo de Letras Nível de Ensino/Faixa Etária: Formação de Professores Áreas Conexas: Português (Alfabetização) Consultor: Angelita Machado RESUMO Este vídeo apresenta 5 episódios: Um mundo imerso em

Leia mais

Nada disto. Sintomas característicos:

Nada disto. Sintomas característicos: Nada disto. Sabemos hoje que a Perturbação de Hiperactividade com Défice da Atenção tem uma base essencialmente neuropsicológica. Assim, compreendemos que o comportamento destas crianças resulta das suas

Leia mais

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO 1º ANO (1º CICLO) PORTUGUÊS

CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE AVALIAÇÃO 1º ANO (1º CICLO) PORTUGUÊS ANO LETVO 2015/2016 CRTÉRO EPECÍCO DE AVALAÇÃO 1º ANO (1º CCLO) PORTUGUÊ DOMÍNO Oralidade OJETVO 1. Respeitar regras da interação discursiva 2. Escutar discursos breves para aprender e construir conhecimentos

Leia mais

COLÉGIO ADVENTISTA DE HORTOLÂNDIA

COLÉGIO ADVENTISTA DE HORTOLÂNDIA TURMA:7º TURMA: PROFESSOR(A): PRISCILA TURMA: 8ºA SISTEMÁTICA DE ARTES DATA TIPO DE 24/02 Nota para 10 Canção e Pg. 08 à 11 Ideologias 02/03 TRABALHO 10 Pop Art É hora de produzir pg.06 09/03 Apresentação

Leia mais

EMENTA - CURSO DE EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA

EMENTA - CURSO DE EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA EMENTA - CURSO DE EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA Descrição O objetivo deste curso é promover um aprimoramento para estudantes e profissionais das áreas de saúde e/ou educação que buscam ampliar seus conhecimentos

Leia mais

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) Ler, compreender, reproduzir, relacionar e sintetizar a história. Competências

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) Ler, compreender, reproduzir, relacionar e sintetizar a história. Competências PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) Professor (a): Odete De Bona Giacomelli NOME DO LIVRO: CHAPEUZINHO VERMELHO AUTOR: JÚLIO EMÍLIO BRAZ Ler, compreender, reproduzir, relacionar e sintetizar a história. Competências

Leia mais

Português Instrumental

Português Instrumental V.1 de Set/13 Português Instrumental Prof. Sérgio Fascina AULA 01 SEMANA 01 ASSUNTOS: APRESENTAÇÃO GERAL ESTRATÉGIAS DE LEITURA E DE ESTUDO APRESENTAÇÃO Prof. Sérgio Fascina BLOG: professorfascina.org

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE Distúrbios neurológicos. Crianças. Aprendizado. Professores.

PALAVRAS-CHAVE Distúrbios neurológicos. Crianças. Aprendizado. Professores. 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( X ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

Diversidade na Natação

Diversidade na Natação Diversidade na Natação Luis Gustavo Oliveira 1 Resumo A demanda por vagas em instituições e/ou escolas para inserção de alunos com síndromes e/ou deficiências nos últimos anos tornou-se fenômeno nacional.

Leia mais

19 elementos essenciais para transformar seu texto em um artigo memorável (e mais 2 dicas bônus) VIVER DE BLOG Página 1

19 elementos essenciais para transformar seu texto em um artigo memorável (e mais 2 dicas bônus) VIVER DE BLOG Página 1 19 elementos essenciais para transformar seu texto em um artigo memorável (e mais 2 dicas bônus) VIVER DE BLOG Página 1 INTRODUÇÃO Quer atrair mais tráfego para o seu site ou blog? Então produza um conteúdo

Leia mais

Relatório de Tarefas do Ensino Fundamental II

Relatório de Tarefas do Ensino Fundamental II Turma: 162 Data: 23/11/2012 Data: 22/11/2012 Data: 21/11/2012 Data: 20/11/2012 Matemática Página 271 ex. 8, Página 272 ex. 1,2,3, página 273 exercícios 6 e 7 Data: 19/11/2012 Ciências Apostila 9/10 páginas

Leia mais

Faculdade de Alta Floresta - FAF

Faculdade de Alta Floresta - FAF O RECONHECIMENTO DO ALUNO DISLÉXICO PELO EDUCADOR Eliete Maria dos Santos 1 Roselene Nardi 2 A dislexia, como dificuldade de aprendizagem, verificada na educação escolar, é um distúrbio de leitura e de

Leia mais

A importância de recomendar a leitura para crianças de 0 a 6 anos

A importância de recomendar a leitura para crianças de 0 a 6 anos A importância de recomendar a leitura para crianças de 0 a 6 anos AF357-15FIS_CampanhaPrescrevaumLivroItauCrianca_FOLHETO_19x23_V6.indd 1 29/09/15 01:22 2 Receite um livro A importância de recomendar a

Leia mais

Capítulo 1 Técnicas de Aprendizagem Acelerada... 1 Capítulo 2 Fazendo as Técnicas de Aprendizagem Funcionarem.. 13

Capítulo 1 Técnicas de Aprendizagem Acelerada... 1 Capítulo 2 Fazendo as Técnicas de Aprendizagem Funcionarem.. 13 Sumário Capítulo 1 Técnicas de Aprendizagem Acelerada... 1 Como a minha vida mudou com as técnicas de aprendizagem acelerada (por Felipe Lima)... 1 Vestibular mais fácil: engenharia da computação x engenharia

Leia mais

A Dislexia na Educação: Intervenção Psicopedagógica

A Dislexia na Educação: Intervenção Psicopedagógica PINTO, Ana Cristina Cruz [1] MATOS, Maria Almerinda Lopes de [2] PINTO, Ana Cristina Cruz; MATOS, Maria Almerinda Lopes de. A Dislexia na Educação: Intervenção Psicopedagógica. Revista Científica Multidisciplinar

Leia mais

Capítulo 1 Técnicas de Aprendizagem Acelerada... 1 Capítulo 2 Fazendo as Técnicas de Aprendizagem Funcionarem.. 13

Capítulo 1 Técnicas de Aprendizagem Acelerada... 1 Capítulo 2 Fazendo as Técnicas de Aprendizagem Funcionarem.. 13 Sumário Capítulo 1 Técnicas de Aprendizagem Acelerada... 1 Como a minha vida mudou com as técnicas de aprendizagem acelerada (por Felipe Lima)... 1 Vestibular mais fácil: engenharia da computação x engenharia

Leia mais

Dislexia. O que é? Distúrbios de Aprendizagem Prof. Dorival Rosa Brito

Dislexia. O que é? Distúrbios de Aprendizagem Prof. Dorival Rosa Brito Dislexia O que é? A dislexia é um distúrbio na leitura afetando a escrita, normalmente detectado a partir da alfabetização, período em que a criança inicia o processo de leitura de textos. Seu problema

Leia mais

Dificuldades no Aprendizado

Dificuldades no Aprendizado Dificuldades no Aprendizado REGADAS, Kegilla Neris 1 BUGILA, Stephany 2 Resumo: Vamos constatar neste artigo, os tipos de dificuldades mais comuns encontradas na sala de aula, o papel da família, onde

Leia mais

Critérios de Avaliação _ Perfil de Aprendizagens Específicas

Critérios de Avaliação _ Perfil de Aprendizagens Específicas Critérios de Avaliação _ Perfil de Aprendizagens Específicas (Aprovado em Conselho Pedagógico de 18 julho de 2016) No caso específico da disciplina de Português, do 1 º ano de escolaridade, a avaliação

Leia mais

DISTÚRBIOS, TRANSTORNOS, DIFICULDADES E PROBLEMAS DE APRENDIZAGEM

DISTÚRBIOS, TRANSTORNOS, DIFICULDADES E PROBLEMAS DE APRENDIZAGEM DISTÚRBIOS, TRANSTORNOS, DIFICULDADES E PROBLEMAS DE APRENDIZAGEM Os termos distúrbios, transtornos, dificuldades e problemas de aprendizagem tem sido utilizados de forma aleatória, tanto na literatura

Leia mais

DISLEXIA ABORDAGENS METODOLÓGICAS EM INGLATERRA E EM PORTUGAL

DISLEXIA ABORDAGENS METODOLÓGICAS EM INGLATERRA E EM PORTUGAL CENTRO DE FORMAÇÃO DR. RUI GRÁCIO ASSOCIAÇÃO DE ESCOLAS DE LAGOS, ALJEZUR E VILA DO BISPO DISLEXIA ABORDAGENS METODOLÓGICAS EM INGLATERRA E EM PORTUGAL Modalidade: Curso de Formação Nº de Horas: 15 Formadora

Leia mais

Síntese da Planificação da Área de Português - 2º Ano

Síntese da Planificação da Área de Português - 2º Ano Dias de aulas previstos Período 2.ª 3.ª 4.ª 5.ª 6.ª 1.º período 13 13 13 12 13 2.º período 9 9 9 11 11 3.º período 9 11 10 10 11 Síntese da Planificação da Área de Português - 2º Ano (Carga horária: Português

Leia mais

AS DIFICULDADES NO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LEITURA E DA ESCRITA NA ALFABETIZAÇÃO INFANTIL 1

AS DIFICULDADES NO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LEITURA E DA ESCRITA NA ALFABETIZAÇÃO INFANTIL 1 AS DIFICULDADES NO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DA LEITURA E DA ESCRITA NA ALFABETIZAÇÃO INFANTIL 1 Elaine Cristina dos Santos Gomes² Maria Jezenira Alves de Santana² Maria José Souza Santos Soledade² RESUMO

Leia mais

Plano Curricular de Português 3.º Ano - Ano Letivo 2016/2017

Plano Curricular de Português 3.º Ano - Ano Letivo 2016/2017 Plano Curricular de Português 3.º Ano - Ano Letivo 2016/2017 1.º Período Conteúdos Programados Previstas Dadas Oralidade Escutar para aprender e construir conhecimentos. Identificar informação essencial.

Leia mais

Colégio Mauricio Salles de Mello

Colégio Mauricio Salles de Mello Colégio Mauricio Salles de Mello Brasília, de de 20 Professor(a): Aluno(a): Ano: Turma: PLANO SEMANAL 3º ANO Semana de 08/11 a 28/11/2016 Use sempre expressões de boas maneiras para viver em harmonia.

Leia mais

APAE DE PARÁ DE MINAS PESQUISA DE SATISFAÇÃO RESUMO TÉCNICO

APAE DE PARÁ DE MINAS PESQUISA DE SATISFAÇÃO RESUMO TÉCNICO APAE DE PARÁ DE MINAS PESQUISA DE SATISFAÇÃO RESUMO TÉCNICO Novembro / 2015 1 1. APRESENTAÇÃO: A Pesquisa de Satisfação entre usuários e familiares é uma ação de monitoramento realizada pela atual Diretoria

Leia mais

Você gostaria... Introdução

Você gostaria... Introdução Introdução Você gostaria... De ser capaz de ler mil palavras por minuto? De melhorar sua concentração e sua capacidade de compreensão da leitura? De conseguir reter melhor as informações? De superar dificuldades

Leia mais

Diferentes abordagens de alfabetização

Diferentes abordagens de alfabetização ALFABETIZAÇÃO Diferentes abordagens de alfabetização MODELO 1 (MÉTODO FONÉTICO OU DIRETO) Identificar oralmente os fonemas da língua (sons). Corresponder o fonema ao grafema: mostrar a letra e a pronuncia

Leia mais

PLANO DE CURSO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Série: 5º ano Ensino Fundamental

PLANO DE CURSO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Série: 5º ano Ensino Fundamental PLANO DE CURSO Disciplina: LÍNGUA PORTUGUESA Série: 5º ano Ensino Fundamental Letra e Fonema Encontro Consonantal e Vocálico Dígrafo Separação e classificação de sílabas (monossílabo, dissílabo, trissílabo

Leia mais

ESCOLA EB 2,3 DR. ANTÓNIO CHORA BARROSO ANO LETIVO 2013/2014. Planificação a Longo Prazo. Matemática 9º ano

ESCOLA EB 2,3 DR. ANTÓNIO CHORA BARROSO ANO LETIVO 2013/2014. Planificação a Longo Prazo. Matemática 9º ano ESCOLA EB 2,3 DR. ANTÓNIO CHORA BARROSO ANO LETIVO 203/204 Planificação a Longo Prazo Matemática 9º ano Finalidades, avaliação e organização temporal Grupo Disciplinar 500 Departamento de Matemática e

Leia mais

INDICAÇÕES º ANO AxBxC

INDICAÇÕES º ANO AxBxC INDICAÇÕES 2016-1º ANO AxBxC 1º ANO A / ENS. FUNDAMENTAL ORAÇÃO DO DIA: Ave Maria / CANÇÃO DO DIA: Deus é bom pra mim / HORA DAS NOVIDADES: Pingue-pongue de palavras iniciadas com as letras s,t / TÉCNICA

Leia mais

Avaliar Competências Básicas na Leitura

Avaliar Competências Básicas na Leitura FIRST READ GLOBAL CONFERENCE Developing a Vision for Assessment Systems Avaliar Competências Básicas na Leitura Amber Gove READ Technical Group 2 de Outubro, 2009 Esquema 1. Fundamentação 2. Desenvolvimento:

Leia mais

Afasia- Uma Abordagem Luriana. Afasia Total: Afasia de Wernicke: Afasia de Broca:

Afasia- Uma Abordagem Luriana. Afasia Total: Afasia de Wernicke: Afasia de Broca: Afasia- Uma Abordagem Luriana A afasia é definida como um distúrbio na percepção e expressão da linguagem, é uma alteração na comunicação e da formulação do pensamento. Uma pessoa afásica, apresenta dificuldades

Leia mais

Orientações: aplicadores especiais IFMG

Orientações: aplicadores especiais IFMG MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS PRO REITORIA DE ENSINO Av. Professor Mario Werneck, nº 2590,

Leia mais

Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE. Julho de 2010

Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE. Julho de 2010 Projeto de Acessibilidade Virtual RENAPI/NAPNE Julho de 2010 Conceito A legislação brasileira atual considera os educandos com altas habilidades/superdotação aqueles que apresentam grande facilidade de

Leia mais

CENTRO PSICOPEDAGÓGICO DA LINHA. Programa Formativo. Atenção! Este Programa Formativo pode ser atualizado a qualquer momento! Mantenha-se Informado!

CENTRO PSICOPEDAGÓGICO DA LINHA. Programa Formativo. Atenção! Este Programa Formativo pode ser atualizado a qualquer momento! Mantenha-se Informado! Atenção! Este pode ser atualizado a qualquer momento! Mantenha-se Informado! Treino de Competências Sociais em Crianças e Jovens: Uma Abordagem Prática Contribuir para o enriquecimento teo rico-pra tico

Leia mais

Oficina C. Imagem e som: A arte da Comunicação

Oficina C. Imagem e som: A arte da Comunicação Oficina C Imagem e som: A arte da Comunicação Cariacica, 08 de agosto de 2014 Data Proposta 27/03 (5ªf) Encontro Inaugural 07/04 (2ªf) Oficina A Presença da equipe da A Gazeta 16/05 (6ª f) Oficina B 03/06

Leia mais

II JORNADA DE AVALIAÇÃO PSICOLÒGICA DETRAN /RS

II JORNADA DE AVALIAÇÃO PSICOLÒGICA DETRAN /RS II JORNADA DE AVALIAÇÃO PSICOLÒGICA DETRAN /RS Os limites da técnica na avaliação psicológica para fins de habilitação Adriana Sylla Pereira Santos adrianasps@terra.com.br Os limites da técnica na avaliação

Leia mais

Dislexia Atenção aos Sinais

Dislexia Atenção aos Sinais Dislexia Atenção aos Sinais Aurea M. Stavale Gonçalves Psicopedagoga clínica e neuropsicóloga Credenciada pelo Centro de Avaliação e Encaminhamento da Associação Brasileira de Dislexia ABD O percurso até

Leia mais

Boas férias e um ótimo estudo! Um enorme abraço! Profª Juliana

Boas férias e um ótimo estudo! Um enorme abraço! Profª Juliana Espero, que ao retornarmos às aulas, todo o empenho desse 1º semestre e mais o esforço das férias sejam recompensados pela alegria de sentir o quanto é bom aprender!!! E o quanto vale a pena acreditar

Leia mais

Orientações a respeito do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade

Orientações a respeito do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade Orientações a respeito do Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade Nathália Fernandes Andreza Aparecida Polia Ranielí Gonçalves de Souza Halessandra Medeiros O Transtorno do Déficit de Atenção

Leia mais

Técnicas de Memorização para A Bíblia e Qualquer Assunto

Técnicas de Memorização para A Bíblia e Qualquer Assunto Técnicas de Memorização para A Bíblia e Qualquer Assunto VERSICULODODIA.COM Introdução Neste simples e-book você terá acesso à 5 técnicas infalíveis de memorização que podem ser aplicadas para memorizar

Leia mais

Departamento da Educação Pré-Escolar. Perfil de Aprendizagens Específicas, no final dos 3 Anos

Departamento da Educação Pré-Escolar. Perfil de Aprendizagens Específicas, no final dos 3 Anos DGEstE Direção de Serviços da Região Norte Agrupamento de Escolas LEONARDO COIMBRA FILHO, PORTO Código 152213 Departamento da Educação Pré-Escolar Ano Letivo 2016/2017 Perfil de Aprendizagens Específicas,

Leia mais

PLANEJAMENTO. NOME IDENTIDADE Competências Linguagem oral, leitura, escrita, atenção Identificar o próprio nome, sua identidade; Objetivos

PLANEJAMENTO. NOME IDENTIDADE Competências Linguagem oral, leitura, escrita, atenção Identificar o próprio nome, sua identidade; Objetivos Professora: Nelcí Sganzerla Girelli PLANEJAMENTO NOME IDENTIDADE Competências Linguagem oral, leitura, escrita, atenção Identificar o próprio nome, sua identidade; Objetivos Identificar a importância de

Leia mais

AULA 04. Profª DENISE VLASIC HOFFMANN,Jussara Avaliar respeitar primeiro, educar depois.

AULA 04. Profª DENISE VLASIC HOFFMANN,Jussara Avaliar respeitar primeiro, educar depois. AULA 04 Profª DENISE VLASIC HOFFMANN,Jussara Avaliar respeitar primeiro, educar depois. Jussara Hoffmann Avaliar respeitar primeiro, educar depois Interesse questões avaliativas As crianças permanecem

Leia mais

Avaliações 2º ano 1º Trimestre 1ª Etapa. Avaliações 3º Ano 1º trimestre 1ª etapa

Avaliações 2º ano 1º Trimestre 1ª Etapa. Avaliações 3º Ano 1º trimestre 1ª etapa Avaliações 2º ano 1º Trimestre 1ª Etapa Data Disciplina Conteúdos 15/03 Língua Portuguesa 17/03 Ciências Humanas e da Natureza 22/03 Matemática Alfabeto / interpretação de texto Encontro consonantal e

Leia mais

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO Disciplina: Português Ensino Básico Ano letivo: 16/17 5º ANO Perfil de Aprendizagens Específicas O aluno é capaz: Domínios Interpretar discursos orais breves (Referir

Leia mais

Mini Exame do Estado Mental (MEEM)

Mini Exame do Estado Mental (MEEM) Mini Exame do Estado Mental (MEEM) Instruções de uso O MEEM é constituído de duas partes, uma que abrange orientação, memória e atenção, com pontuação máxima de 21 pontos e, outra que aborda habilidades

Leia mais

A INFORMÁTICA COMO INSTRUMENTO DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM CRIANÇAS COM DISLEXIA 1 INTRODUÇÃO

A INFORMÁTICA COMO INSTRUMENTO DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM CRIANÇAS COM DISLEXIA 1 INTRODUÇÃO A INFORMÁTICA COMO INSTRUMENTO DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA EM CRIANÇAS COM DISLEXIA 1 INTRODUÇÃO As críticas com relação a incapacidade de compreensão e leitura permeiam a fala e preocupação de inúmeros

Leia mais