destaques da programação: 16/fev a 22/fev A Arte da Persuasão duração: 58 exibição: 16/fev, às 22h

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "destaques da programação: 16/fev a 22/fev A Arte da Persuasão duração: 58 exibição: 16/fev, às 22h"

Transcrição

1 A Arte da Persuasão duração: 58 exibição: 16/fev, às 22h Episódio da série Como a Arte Moldou o Mundo, que mostra manifestações artísticas desde tempos imemoriais e os seus reflexos na formação histórica do ser humano.

2 Os Bárbaros Intelectuais duração: 52 exibição: 17/fev, às 20h Episódio da série Os Bárbaros, em que o ator e historiador Terry Jones mostra Roma sob uma nova perspectiva e revela o quanto os povos tidos como bárbaros eram, na verdade, extremamente organizados, inteligentes e, a princípio, sem nenhuma intenção em derrubar o Império Romano.

3 Um Lugar Chamado a Palestina duração: 52 exibição: 17/fev, às 22h Programa que conta a história da Palestina região nascida há centenas de anos, mas que, até hoje, não existe territorialmente e mostra como o conflito nessa região afeta toda a geopolítica mundial.

4 O Grande Fedor duração: 23 exibição: 18/fev, às 20h Pedro e Ana voltam à Idade Média para mostrar como a população medieval lidava com o lixo e com o esgoto. Sem qualquer sistema de saneamento, mesmo os mais nobres cavaleiros e damas viviam nos castelos próximos aos animais, jogavam restos de comida ao redor da mesa, e entornavam excrementos humanos pelas janelas. Os Viajantes da História mostram, também, que a falta de higiene foi a principal causa de doenças como a peste negra, que dizimou cerca de 25 milhões de pessoas na Europa, no século XVI.

5 Idiomas do Mundo duração: 59 exibição: 19/fev, às 20h Documentário que analisa o desaparecimento de algumas das línguas existentes e qual o impacto disso para as populações que falam esses idiomas.

6 As Árvores duração: 48 exibição: 19/fev, às 22h Programa que revela as diferenças e similaridades entre o homem e a árvore, investigando a idéia de que, no Reino Vegetal, as árvores representam o mesmo papel que o homem no Reino Animal a do representante supremo. Impactos Fatais duração: 52 exibição: 20/fev, às 20h Episódio da série Racismo, Uma História, que discute os diversos conceitos de racismo ao longo da história desde a Grécia, passando pelo Colonialismo europeu que atingiu América, África, Ásia e Oceania, pelo nazismo até o apartheid na África do Sul.

7 Um Mundo Particular: o Cérebro Adolescente destaques da programação: duração: 53 exibição: 20/fev, às 22h Episódio da série A Vida Secreta do Cérebro, que, a partir das mais recentes descobertas científicas, mostra, entre outros aspectos, o funcionamento do cérebro e explica o processo de aprendizagem de um bebê, a perda de memória, e as diferenças entre um adolescente e um idoso.

8 Semana Temática: Sexualidade Aprenda mais sobre o desenvolvimento do corpo humano, as diferenças e as relações entre gêneros na programação especial desta semana, que, além de vídeos sobre o tema, conta com a participação da pesquisadora do programa de Sexualidade e Saúde do Instituto Promundo (http://www.promundo.org.br/), Vanessa Fonseca, que fala como anda a questão de gênero no Brasil. MARCOS E JÚLIA - SEM PRESERVATIVO NADA FEITO duração: 15 exibição: 16/fev, 21h Animação em que uma camisinha falante ensina a um casal de jovens as regras do sexo seguro. ALEGRIA DA VIDA duração: 20 episódios de 5 exibição: 16/fev, 21h15 [episódios 1 a 12] 17/fev, 21h [episódios 13 a 20] Episódios da série de animação Alegria da Vida, em que uma avó fala de sexo às crianças, respondendo sobre anatomia, desejo, amor, fecundação, gravidez, cromossomos e bebês. O MENINO DO VESTIDO ROSA duração: 27 exibição: 18/fev, 21h Drama adaptado de um premiado livro para crianças sobre um menino que um dia acorda e se vê transformado em uma garota, e todos passam a tratá-lo como tal.

9 EM OUTRAS PALAVRAS duração: 27 exibição: 18/fev, 21h30 Por meio de discussão sobre o significado de algumas palavras, jovens homossexuais falam sobre suas experiências pessoais e discutem o preconceito presente na sociedade. EU TARZAN, VOCÊ JANE duração: 38 exibição: 19/fev, 21h Programa que mostra crianças e adolescentes, sob o ponto de vista da sexualidade, analisando diferenças dos papéis dos homens e das mulheres ao longo das últimas décadas. O DESENVOLVIMENTO DO CORPO HUMANO duração: 20 exibição: 19/fev, 21h40 Animação que explica as transformações ocorridas nos organismos de meninos e meninas durante a adolescência. POR QUE SOU ESPECIAL? duração: 23 exibição: 20/fev, 21h Episódio da série de animação Os Pássaros e as Abelhas que apresenta os sistemas reprodutores de homens e mulheres, mostrando como ocorre a fecundação e como os bebês são formados. O SEGREDO duração: 25 exibição: 20/fev, 21h25 Episódio da série de animação Os Pássaros e as Abelhas que mostra formas de identificar crianças que estejam sofrendo violência sexual e retrata como elas se expressam e costumam se sentir.

10 Salto para o Futuro Eventos Literários e Formação do Leitor duração: 5 programas de 60 destaques da programação: Série que busca pensar a literatura infantil e juvenil sob outro prisma: o dos eventos literários e a formação do leitor. Como será que a literatura infantil e juvenil é vista nesses eventos? O que podemos considerar como eventos literários? E o que esses eventos têm a ver com a formação do leitor? Quais os acervos que estão disponíveis para compra nos eventos de livros? 1. A ESCOLA E OS EVENTOS LITERÁRIOS exibição: 16/fev, às 19h // 17/fev, às 2h e 7h Como a escola deve se preparar para um evento literário? Como organizar esse evento? Que livros devem ser vendidos na feira do livro da escola? Como a escola, que é o espaço da fruição e da produção do saber, deve encarar um evento literário no próprio espaço escolar ou organizar a ida dos alunos a um evento literário fora da escola? Que tipo de envolvimento alunos e professores devem ter com um evento literário? 2. O PROFESSOR LEITOR E FORMADOR DE LEITORES exibição: 17/fev, às 19h // 18/fev, às 2h e 7h A estante de livros do professor: quais são as suas leituras? Qual o compromisso do professor com o livro e a literatura? Como esses eventos podem contribuir para a formação leitora do professor e para a formação de novos leitores? Sabemos que é importante que o professor seja um leitor para formar leitores, mas será que, na prática, isso é verdade? 3. O IMPACTO DOS EVENTOS LITERÁRIOS NA COMUNIDADE E NA ESCOLA exibição: 18/fev, às 19h // 19/fev, às 2h e 7h Os eventos literários na escola são contínuos ou apenas eventuais? E os eventos que acontecem em uma cidade? Qual a periodicidade desses eventos? Até que ponto um evento literário pode contribuir para a formação leitora de uma comunidade? Queremos pensar a importância de existir a interlocução entre os eventos literários que acontecem em uma cidade com a comunidade local, incluindo, especialmente, a comunidade escolar. 4. O ENCONTRO DO LEITOR COM O AUTOR exibição: 19/fev, às 19h // 20/fev, às 2h e 7h Qual é o papel do professor na mediação do encontro do escritor, ou do ilustrador, com os leitores? O que é mais importante nesse tipo de encontro? O que acontece quando as escolas só adotam livros de autores que fazem visitas escolares? Qual o papel dos suplementos de leitura que acompanham alguns livros? A literatura é vista como arte nas escolas? 5. INCENTIVANDO A PRODUÇÃO ESCRITA / FORMANDO NOVOS AUTORES exibição: 20/fev, às 19h // 21/fev, às 2h // 23/fev, às 7h Oficinas de produção literária, rodas de leitura, troca de livros, bate-papo com autores, saraus literários são alguns dos pontos que devem ser abordados para que haja na escola espaços de criação de textos que fujam da preparação dos alunos para as redações do vestibular. A escola forma novos autores? O que é preciso para a formação de um autor?

Sinfolias EDUCAÇÃO INFANTIL

Sinfolias EDUCAÇÃO INFANTIL 1 Sinfolias EDUCAÇÃO INFANTIL exibição: segunda-feira, terça-feira e quinta-feira, às 9h20, com reprise às 18h20 duração: 9 episódios de 5 Série de animação que mostra os instrumentos de uma orquestra

Leia mais

o menino transparente

o menino transparente projeto pedagógico o menino transparente Rua Roma, 90 Edifício Roma Business 7 o andar Lapa São Paulo SP CEP 05050-090 divulgação escolar (11) 3874-0884 divulga@melhoramentos.com.br www.editoramelhoramentos.com.br

Leia mais

Prof a Cristiane Oliveira

Prof a Cristiane Oliveira Prof a Cristiane Oliveira *TEMAS DE ESTUDO: *Aborto *Fertilização in vitro *Eugenia e determinismo genético *Pesquisa com células-tronco embrionárias *INDICAÇÃO DE FILME/DOCUMENTÁRIO: * Gattaca: a experiência

Leia mais

O ensino de Sociologia e a temática Afro-Brasileira: aproximações. Estevão Marcos Armada Firmino SEE/SP

O ensino de Sociologia e a temática Afro-Brasileira: aproximações. Estevão Marcos Armada Firmino SEE/SP O ensino de Sociologia e a temática Afro-Brasileira: aproximações. Estevão Marcos Armada Firmino SEE/SP estevão.armada@yahoo.com.br 1. Introdução De acordo com a Lei Federal n 11.645/08, torna-se obrigatório

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA. Os jovens de hoje em dia

LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA. Os jovens de hoje em dia LÍNGUA PORTUGUESA E LITERATURA BRASILEIRA Leia o texto a seguir e responda às questões 13 e 14. Os jovens de hoje em dia Ser jovem hoje em dia é muito diferente do que era ser jovem na época dos nossos

Leia mais

A Secretaria da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul,através do. Departamento de Ações em Saúde(DAS), convida para participar

A Secretaria da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul,através do. Departamento de Ações em Saúde(DAS), convida para participar A Secretaria da Saúde do Estado do Rio Grande do Sul,através do Departamento de Ações em Saúde(DAS), convida para participar da programação do stand institucional, que desenvolver-se-á durante a 59ª Feira

Leia mais

PROGRAMA DE ATIVIDADES

PROGRAMA DE ATIVIDADES PROGRAMA DE ATIVIDADES com amor e sexualidade. Ano letivo 2013-2014 Alunos ANO TEMA PÚBLICO- ALVO COMPETÊNCIAS DATAS DURAÇÃO 1 º ano gostar de ti I Alunos do 1º ano Estabelece a ligação entre pensar e

Leia mais

Projeto de Livro Paradidático - 5 ano. (1 bimestre) Metodologia do trabalho

Projeto de Livro Paradidático - 5 ano. (1 bimestre) Metodologia do trabalho Histórias do rei Arthur Autor: Rob Sved Projeto de Livro Paradidático - 5 ano (1 bimestre) Há centenas de anos, um menino nasce na corte da Inglaterra. Arthur é um garoto muito especial, mas está em perigo,

Leia mais

Implantação de Núcleos de Ação Educativa em Museus 1/33

Implantação de Núcleos de Ação Educativa em Museus 1/33 Implantação de Núcleos de Ação Educativa em Museus 1/33 Desafios da Educação em Museus. 2/33 Quais estratégias o museu deve utilizar para cumprir o seu papel social? 3/33 Esse papel foi bem enfatizado

Leia mais

Expressão da Sexualidade na Adolescência AS. Sexualidade. é...

Expressão da Sexualidade na Adolescência AS. Sexualidade. é... Expressão da Sexualidade na Adolescência AS Sexualidade é... A necessidade de buscar sensações bemestar, prazer, afeto, contato, carinho, que todo ser humano tem. A SEXUALIDADE É NATURAL! S 1 2 1 S A Sexualidade

Leia mais

III BIMESTRE TRABALHO DE BIOLOGIA 2011

III BIMESTRE TRABALHO DE BIOLOGIA 2011 III BIMESTRE TRABALHO DE BIOLOGIA 2011 INSTRUÇÕES 1. Preencha o cabeçalho e com o nome completo de cada aluno da equipe MÉDIA = 2. Todas as respostas deverão ser apresentadas nos espaços apropriados, com

Leia mais

BIOÉTICA E O DIREITO À VIDA. Prof a Cristiane Oliveira

BIOÉTICA E O DIREITO À VIDA. Prof a Cristiane Oliveira BIOÉTICA E O DIREITO À VIDA Prof a Cristiane Oliveira BIOÉTICA E O DIREITO À VIDA *TEMAS DE ESTUDO: *Aborto *Fertilização in vitro *Pesquisa com células-tronco embrionárias humanas *Edição de DNA em embrião

Leia mais

Zero Hora Informe do Ensino Página 38

Zero Hora Informe do Ensino Página 38 13.10.2010 Zero Hora Informe do Ensino Página 38 13.10.2010 Correio do Povo Caderno It s Mais Página13 12.10.2010 Zero Hora Informe do Ensino Página 30 12.10.2010 Zero Hora Serviço Página 46 12.10.2010

Leia mais

LIVRARIA YVONE PEREIRA - NEAA

LIVRARIA YVONE PEREIRA - NEAA LIVRARIA YVONE PEREIRA - NEAA Título Assunto Preço de venda (R$) Adolescer, verbo transitório Família 19,90 A arte do reencontro - Casamento Família 30,00 A arte moral de educar os filhos Família 35,00

Leia mais

ESPORTE PARA O DESENVOLVIMENTO HUMANO

ESPORTE PARA O DESENVOLVIMENTO HUMANO ESPORTE PARA O DESENVOLVIMENTO HUMANO O esporte é uma via privilegiada para o desenvolvimento humano. Por meio do esporte, as crianças e jovens têm oportunidade de desenvolver valores, atitudes e competências

Leia mais

III. O valor absoluto do algarismo da ordem das centenas tem duas unidades a mais que o algarismo

III. O valor absoluto do algarismo da ordem das centenas tem duas unidades a mais que o algarismo MATEMÁTICA. Para encontrar o valor pedido, basta dividir o número de mulheres pelo total de convidados: 26 360 = 6 6 0 0 = 60 00 = 60% 2. 3 0,9 = 48,23, por tanto 48,23 metros 3. 20 00 = Portanto, dos

Leia mais

CADERNO DO EDUCADOR EVENTO COMUNITÁRIO. patrocínio Sesame Workshop. Todos os direitos reservados.

CADERNO DO EDUCADOR EVENTO COMUNITÁRIO. patrocínio Sesame Workshop. Todos os direitos reservados. CADERNO DO EDUCADOR EVENTO COMUNITÁRIO patrocínio 2015 Sesame Workshop. Todos os direitos reservados. 4. Ideias para o Dia das Crianças Para conversar Quais são as expectativas das crianças em relação

Leia mais

Projeto Atitude para Curtir a Vida e a importância da educação sexual no ensino fundamental

Projeto Atitude para Curtir a Vida e a importância da educação sexual no ensino fundamental Projeto Atitude para Curtir a Vida e a importância da educação sexual no ensino fundamental GONCALVES, Rayane Araújo¹ ;CARNEIRO, Danielle Suzainny dos Reis Castro ²; LISBOA,Iara Alves 1 Universidade de

Leia mais

APRESENTAÇÃO. O local de exibição é o ambiente escolar, sempre acompanhado de atividade didática sobre o tema.

APRESENTAÇÃO. O local de exibição é o ambiente escolar, sempre acompanhado de atividade didática sobre o tema. APRESENTAÇÃO O Projeto Cinema na Escola é um Projeto Cultural desenvolvido no curso de Pós-Graduação em Gestão Cultural SENAC/2011, elaborado e dirigido pelo Produtor Audiovisual Ricardo Fagundes e tem

Leia mais

EMENTÁRIO HISTÓRIA LICENCIATURA EAD

EMENTÁRIO HISTÓRIA LICENCIATURA EAD EMENTÁRIO HISTÓRIA LICENCIATURA EAD CANOAS, JULHO DE 2015 DISCIPLINA PRÉ-HISTÓRIA Código: 103500 EMENTA: Estudo da trajetória e do comportamento do Homem desde a sua origem até o surgimento do Estado.

Leia mais

O USO DO CINEMA COMO RECURSO DIDÁTICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

O USO DO CINEMA COMO RECURSO DIDÁTICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL O USO DO CINEMA COMO RECURSO DIDÁTICO NA EDUCAÇÃO INFANTIL Emanuela Suassuna de Araújo (1); Vanessa da Silva Santos (1) Universidade Federal da Paraíba, suassuna.emanuela@gmail.com (1); Universidade Federal

Leia mais

CRIANDO MENINOS CRIANDO MENINOS CRIANDO MENINOS STEVE BIDDULPH CRIANDO MENINOS STEVE BIDDULPH. Para pais e mães de verdade!

CRIANDO MENINOS CRIANDO MENINOS CRIANDO MENINOS STEVE BIDDULPH CRIANDO MENINOS STEVE BIDDULPH. Para pais e mães de verdade! BEST-SELLER INTERNACIONAL Steve foi eleito o Pai do Ano, em 2000, na Austrália, pelo seu trabalho como psicólogo ao valorizar o papel dos pais. É professor adjunto honorário da escola de Psicologia e Aconselhamento

Leia mais

Trabalho realizado por: Magda Susana Oliveira Luísa Maria da Silva Aurora da Silva Coelho Ana Margarida Pereira

Trabalho realizado por: Magda Susana Oliveira Luísa Maria da Silva Aurora da Silva Coelho Ana Margarida Pereira Trabalho realizado por: Magda Susana Oliveira Luísa Maria da Silva Aurora da Silva Coelho Ana Margarida Pereira O que é a sexualidade? O que é a sexualidade, essa realidade que tanto nos motiva e condiciona,

Leia mais

UNIDADE DE CUIDADOS NA COMUNIDADE DE CASTELO BRANCO. Valor da Sexualidade na Adolescência

UNIDADE DE CUIDADOS NA COMUNIDADE DE CASTELO BRANCO. Valor da Sexualidade na Adolescência UNIDADE DE CUIDADOS NA COMUNIDADE DE CASTELO BRANCO Valor da Sexualidade na Adolescência energia que nos motiva a procurar amor, contacto, ternura e intimidade; que se integra no modo como nos sentimos,

Leia mais

EXPLORANDO O TEMA SEXUALIDADE E AFETIVIDADE NA ADOLESCÊNCIA ATRAVÉS DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA

EXPLORANDO O TEMA SEXUALIDADE E AFETIVIDADE NA ADOLESCÊNCIA ATRAVÉS DE UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ICEB INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E BIOLÓGICAS MPEC MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO DE CIÊNCIAS EXPLORANDO O TEMA SEXUALIDADE E AFETIVIDADE NA ADOLESCÊNCIA ATRAVÉS DE

Leia mais

Modelo de referência para a elaboração do plano anual de curso do professor

Modelo de referência para a elaboração do plano anual de curso do professor Modelo de referência para a elaboração do plano anual de curso do professor UNIDADE ESCOLAR: Escola Dinorah Lemos da Silva ÁREA DO CONHECIMENTO: Estudo da Sociedade e da Natureza DOCENTE: Elisabete Silveira

Leia mais

Plano da Intervenção

Plano da Intervenção INTERVENÇÃO Puberdade Jessica Queretti Plano da Intervenção CONTEXTUALIZAÇÃO Com o aumento da carga horária escolar, os alunos têm passado grande parte do seu dia dentro das escolas, com isso, os colégios

Leia mais

VITRINI SAÚDE E BELEZA

VITRINI SAÚDE E BELEZA VITRINI_SAUDE_FINAL.pmd 1 17/06/2011, 21:11 Foto/Divulgação 14 VITRINI SAÚDE E BELEZA VITRINI_SAUDE_FINAL.pmd 14 ENTREVISTA Bate-papo com Laura Müller Ela conversa sobre sexo e temas tabus ligados à sexualidade

Leia mais

AGENDA DA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICAS PARA POPULAÇÃO E DESENVOLVIMENTO. Rio de Janeiro, julho 2013

AGENDA DA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICAS PARA POPULAÇÃO E DESENVOLVIMENTO. Rio de Janeiro, julho 2013 AGENDA DA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICAS PARA POPULAÇÃO E DESENVOLVIMENTO Rio de Janeiro, julho 2013 1. PROGRESSO BRASILEIRO RECENTE 1.1 Crescimento inclusivo 1. PROGRESSO BRASILEIRO RECENTE 1.1 Crescimento

Leia mais

Education and Cinema. Valeska Fortes de Oliveira * Fernanda Cielo **

Education and Cinema. Valeska Fortes de Oliveira * Fernanda Cielo ** Educação e Cinema Education and Cinema Valeska Fortes de Oliveira * Fernanda Cielo ** Rosália Duarte é professora do Departamento de Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação, da PUC do Rio de

Leia mais

Conheça a programação da Flipocinhos 2015

Conheça a programação da Flipocinhos 2015 Conheça a programação da Flipocinhos 2015 O Sesc comanda, mais uma vez, o espaço Flipocinhos e recebe o público infanto-juvenil na 10ª Feira Literária de Poços de Caldas (Flipoços). Com atividades variadas,

Leia mais

PROJETO: ENCONTRO DA JUVENTUDE SUSTENTÁVEL ENJUS REALIZAÇÃO

PROJETO: ENCONTRO DA JUVENTUDE SUSTENTÁVEL ENJUS REALIZAÇÃO PROJETO: ENCONTRO DA JUVENTUDE SUSTENTÁVEL ENJUS REALIZAÇÃO Secretaria Municipal de Assistência Social, Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, Secretaria de Saúde, Secretaria de Indústria, Comércio,

Leia mais

Moderna Plus História

Moderna Plus História Moderna Plus História Estrutura Estrutura do Livro Texto Livro-texto - Professor Um único volume compõe todo o conteúdo de história do ensino médio. Livro Texto - Aluno O livro é dividido em três partes

Leia mais

A diversidade étnica, cultural, social e a inclusão de pessoas com deficiência na Literatura Infantil

A diversidade étnica, cultural, social e a inclusão de pessoas com deficiência na Literatura Infantil A diversidade étnica, cultural, social e a inclusão de pessoas com deficiência na Literatura Infantil Temas ligados à diversidade sempre estiveram presentes na literatura infantil, ou na representação

Leia mais

Ao longo deste ano, fizeram-me muitas perguntas sobre temas variados relacionados com a sexualidade, perguntas essas feitas em diferentes contextos,

Ao longo deste ano, fizeram-me muitas perguntas sobre temas variados relacionados com a sexualidade, perguntas essas feitas em diferentes contextos, INTRODUÇÃO Falemos de Sexo sem Tabus, de uma forma simples, directa e de fácil compreensão, a todos os portugueses, homens e mulheres, curiosos e interessados em melhorar a sua sexualidade. Falar sobre

Leia mais

Discurso e texto. L. PORTUGUESA 1ª série do Ensino Médio Professora Marianna Aguiar

Discurso e texto. L. PORTUGUESA 1ª série do Ensino Médio Professora Marianna Aguiar Discurso e texto L. PORTUGUESA 1ª série do Ensino Médio Professora Marianna Aguiar Discurso e texto: contexto de produção, circulação e recepção de textos. A linguagem é uma prática social humana de interação

Leia mais

CANTIGAS, ADIVINHAS CANTIGAS, ADIVINHAS. cantigas, adivinhas e outros versos volumes 1 e 2. e outros versos. e outros versos. projeto pedagógico

CANTIGAS, ADIVINHAS CANTIGAS, ADIVINHAS. cantigas, adivinhas e outros versos volumes 1 e 2. e outros versos. e outros versos. projeto pedagógico projeto pedagógico cantigas, adivinhas e outros versos volumes 1 e 2 CANTIGAS, AS, ADIVINHAS INH AS e outros versos VOLUME 2 ilustrado por Veridiana Scarpelli Rua Tito, 479 Lapa São Paulo SP CEP 05051-000

Leia mais

COLEÇÃO EDUCACIONAL MAGIA DE LER

COLEÇÃO EDUCACIONAL MAGIA DE LER COLEÇÃO EDUCACIONAL MAGIA DE LER INTRODUÇÃO É voz corrente no Brasil a precariedade do acesso à leitura para a população, mais especificamente, à leitura de qualidade. Consideremos a leitura um conhecimento

Leia mais

Interprograma vivendo a arte 1. Sofia Frazão Suplicy 2 Suyanne Tolentino de Souza 3. Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, PR

Interprograma vivendo a arte 1. Sofia Frazão Suplicy 2 Suyanne Tolentino de Souza 3. Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, PR Interprograma vivendo a arte 1 Sofia Frazão Suplicy 2 Suyanne Tolentino de Souza 3 Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, PR 1 Trabalho submetido ao XIX Expocom, na categoria A Audiovisual,

Leia mais

Aproveitamos também para agradecer a participação das famílias em nossa primeira reunião de pais e educadores, no último dia 05 de março.

Aproveitamos também para agradecer a participação das famílias em nossa primeira reunião de pais e educadores, no último dia 05 de março. AUXILIADORA RECIFE Recife, 08 de março de 2016. Na Cruz de Cristo, está todo o amor de Deus, a sua imensa misericórdia. E este é um amor em que podemos confiar, em que podemos crer. Não há cruz, pequena

Leia mais

27 de julho - Quinta-feira

27 de julho - Quinta-feira Confira o programa da Casa Amado e Saramago da Flip 2017 No ano em que comemora a sua primeira década de vida, a Fundação José Saramago estabeleceu uma parceria com a Flip Festa Literária Internacional

Leia mais

Seminário Trabalho Social com Famílias: Trabalho com famílias em situação de violência doméstica Marcia Cristina Machado de Oliveira

Seminário Trabalho Social com Famílias: Trabalho com famílias em situação de violência doméstica Marcia Cristina Machado de Oliveira Seminário Trabalho Social com Famílias: significados, concepções e metodologias Oficina 1 Trabalho com famílias em situação de violência doméstica Marcia Cristina Machado de Oliveira Dinâmica Dinâmica

Leia mais

RAÇA BRASIL REPORTAGENS: TEMAS & CÓDIGOS GRUPOS TEMÁTICOS (2.318 REPORTAGENS / 185 TEMAS & CÓDIGOS)

RAÇA BRASIL REPORTAGENS: TEMAS & CÓDIGOS GRUPOS TEMÁTICOS (2.318 REPORTAGENS / 185 TEMAS & CÓDIGOS) Personalidade Personalidade Perfil 322 Personalidade Personalidade Carreira 244 Estética Cabelos Femininos 157 Sociedade Eventos NULL 121 Estética Moda Feminina & Masculina 118 Estética Moda Feminina 107

Leia mais

PROCESSO SELETIVO À EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TECNOLÓGICA DE GRADUAÇÃO 2008

PROCESSO SELETIVO À EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TECNOLÓGICA DE GRADUAÇÃO 2008 REDAÇÃO Os textos utilizados nesta coletânea originam-se de inúmeras fontes e mostram fatos dados, opiniões, argumentos relacionados com o tema. Eles não simbolizam o posicionamento da banca examinadora.

Leia mais

Os romanos desenvolveram uma economia baseada na agricultura e nas atividades pastoris. A sociedade romana era hierarquicamente dividida, formada por

Os romanos desenvolveram uma economia baseada na agricultura e nas atividades pastoris. A sociedade romana era hierarquicamente dividida, formada por roma Os romanos desenvolveram uma economia baseada na agricultura e nas atividades pastoris. A sociedade romana era hierarquicamente dividida, formada por patrícios (nobres proprietários de terras, descendentes

Leia mais

Substantivos. Clarice Francisco de Paula Maria Júlia Costa da Silva Nelma Rodrigues Rocha Lopes Rosicléia dos Santos Amorim

Substantivos. Clarice Francisco de Paula Maria Júlia Costa da Silva Nelma Rodrigues Rocha Lopes Rosicléia dos Santos Amorim Substantivos Clarice Francisco de Paula Maria Júlia Costa da Silva Nelma Rodrigues Rocha Lopes Rosicléia dos Santos Amorim Faculdade Iseib BH 2º semestre/2013 SUBSTANTIVO É a palavra que dá nome a pessoas,

Leia mais

MIRIAM PORTELA. Alguém muito especial

MIRIAM PORTELA. Alguém muito especial Leitor iniciante Leitor em processo Leitor fluente MIRIAM PORTELA Alguém muito especial ILUSTRAÇÕES: ODILON MORAES PROJETO DE LEITURA Maria José Nóbrega Rosane Pamplona Alguém muito especial MIRIAM PORTELA

Leia mais

Ficha de Actividade. Conteúdos: Os diferentes processos e serviços do Arquivo Municipal.

Ficha de Actividade. Conteúdos: Os diferentes processos e serviços do Arquivo Municipal. Ficha de Actividade Tipo: Visitas de Estudo Tema: Faz de conta que somos de papel Público-alvo: Alunos Pré-escolar e 1º ciclo Equipa: Serviço Educativo Arquivo Municipal Calendarização: Todo o ano. Agendadas

Leia mais

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO

FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO FACULDADE SUMARÉ PLANO DE ENSINO Curso:Licenciatura em Letras Língua Portuguesa Semestre Letivo / Turno: 6º Semestre Disciplina: Literaturas Étnicas em Língua Professores: José Wildzeiss Neto / Ana Lúcia

Leia mais

E.M.E.F. ANTONIO DUARTE DE ALMEIDA MULHERES CHEFES DE FAMÍLIA: PRINCIPAIS CONQUISTAS

E.M.E.F. ANTONIO DUARTE DE ALMEIDA MULHERES CHEFES DE FAMÍLIA: PRINCIPAIS CONQUISTAS E.M.E.F. ANTONIO DUARTE DE ALMEIDA MULHERES CHEFES DE FAMÍLIA: PRINCIPAIS CONQUISTAS Trabalho apresentado para a conclusão do ciclo autoral. Cinthia Ferreira N 09 Kauane Monteiro N 21 Thaina Nogueira N

Leia mais

Educação básica de qualidade envolve grande número de ações, procedimentos e programas, como mostramos a seguir:

Educação básica de qualidade envolve grande número de ações, procedimentos e programas, como mostramos a seguir: Plano de Governo 1 Educação de qualidade em tempo integral 2 Saúde humanizada, ágil e resoluta 3 Respeito ao cidadão e democratização do poder 4 Gestão administrativa eficiente, honesta e transparente

Leia mais

o mapa da infância brasileira

o mapa da infância brasileira o mapa da infância brasileira O Mapa da Infância Brasileira (mib) é uma comunidade de aprendizagem que reúne institutos, fundações, redes, órgãos públicos, ONGs, coletivos e sociedade civil, cujas ações

Leia mais

PRONUNCIAMENTO SOBRE DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA A AIDS DEPUTADO MARCELO SERAFIM (PSB-AM)

PRONUNCIAMENTO SOBRE DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA A AIDS DEPUTADO MARCELO SERAFIM (PSB-AM) PRONUNCIAMENTO SOBRE DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA A AIDS DEPUTADO MARCELO SERAFIM (PSB-AM) Senhoras Deputadas, Senhores Deputados, Povo do estado do Amazonas, Ontem foi o Dia Mundial de Luta Contra à Aids.

Leia mais

ANAIS DO II SEMINÁRIO SOBRE GÊNERO: Os 10 anos da lei Maria da Penha e os desafios das políticas públicas transversais

ANAIS DO II SEMINÁRIO SOBRE GÊNERO: Os 10 anos da lei Maria da Penha e os desafios das políticas públicas transversais Os 10 da lei Maria da Penha e os desafios das políticas públicas transversais GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA Ana Caroline (Acadêmica) carol_santos94@live.com Caroline Ribeiro (Acadêmica) Patrícia Almeida (Acadêmica)

Leia mais

EMENTA ESCOLAR I Trimestre Ano 2016

EMENTA ESCOLAR I Trimestre Ano 2016 Disciplina: EMENTA ESCOLAR I Trimestre Ano 2016 História Professor: Rodrigo Bento Turma: 3º série Ensino Médio Data Conteúdo 11/fevereiro APRESENTAÇÃO DA DISCIPLINA CAPITULO I HG HISTORIOGRAFIA E PRE HISTORIA

Leia mais

GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA NUMA ESCOLA PÚBLICA NA CIDADE DE AREIA: um trabalho educativo

GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA NUMA ESCOLA PÚBLICA NA CIDADE DE AREIA: um trabalho educativo GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA NUMA ESCOLA PÚBLICA NA CIDADE DE AREIA: um trabalho educativo Maria Das Mercês Serafim Dos Santos Neta; Universidade Federal Da Paraíba (UFPB); Maria-merces2011@hotmail.com Ana

Leia mais

A figura abaixo mostra um encéfalo humano.

A figura abaixo mostra um encéfalo humano. A figura abaixo mostra um encéfalo humano. Podemos afirmar que: a) O telencéfalo corresponde às áreas corticais, sendo formado por sulcos e giros responsáveis por funções superiores como a inteligência,

Leia mais

Práticas Pedagógicas e de Gestão Premiadas

Práticas Pedagógicas e de Gestão Premiadas Práticas Pedagógicas e de Gestão Premiadas CATEGORIA PROFESSOR/A Valquíria, Maria Fernanda, Sônia e Josivaldo são educadores/as de cidades bem diferentes do Brasil. Juiz de Fora/MG, Araraquara/SP, Ribeirão

Leia mais

PLANO DE CURSO DISCIPLINA:Ciências ÁREA DE ENSINO: Fundamental I SÉRIE/ANO: 5 ANO DESCRITORES CONTEÚDOS SUGESTÕES DE PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS

PLANO DE CURSO DISCIPLINA:Ciências ÁREA DE ENSINO: Fundamental I SÉRIE/ANO: 5 ANO DESCRITORES CONTEÚDOS SUGESTÕES DE PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS UNIDADE 1 O PLANETA TERRA *Conhecer os aspectos da estrutura e composição do Planeta e localização do Sistema Solar *Perceber que o Planeta Terra vive em constante mudança. *Conhecendo aspectos, estrutura

Leia mais

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro)

Planejamento das Aulas de História º ano (Prof. Leandro) Planejamento das Aulas de História 2016-6º ano (Prof. Leandro) Fevereiro Aula programada (Por que estudamos História?) Páginas Tarefa 1 Lembrar o passado: memória e história 10 e 11 Mapa Mental 3 O tempo

Leia mais

Capacidades de leitura e aprendizagem nas diversas disciplinas

Capacidades de leitura e aprendizagem nas diversas disciplinas Capacidades de leitura e aprendizagem nas diversas disciplinas A leitura, como comentamos em outro artigo, é instrumento indispensável para toda e qualquer aprendizagem. Ao usar esse instrumento, é preciso

Leia mais

HISTÓRIAS DA CLÉO. Proposta de projeto literário em dois atos

HISTÓRIAS DA CLÉO. Proposta de projeto literário em dois atos HISTÓRIAS DA CLÉO Proposta de projeto literário em dois atos 1. Intervenção artística literária Histórias da Cléo 2. Palestra Leitura literária, promoção e formação do mediador Aspectos Gerais 1 - Apresentação:

Leia mais

Centro Social Monsenhor Júlio Martins

Centro Social Monsenhor Júlio Martins Centro Social Monsenhor Júlio Martins Plano Anual de Atividades 2014/2015 Tema do Projeto Educativo: Brincar a Aprender Tema do Projeto Curricular de Turma: Descobrir com as emoções Sala dos 3,4 e 5 anos

Leia mais

FORMAÇÃO DE AGENTES SOCIAIS DE ESPORTE E LAZER PROGRAMAÇÃO

FORMAÇÃO DE AGENTES SOCIAIS DE ESPORTE E LAZER PROGRAMAÇÃO MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL 1 - IDENTIFICAÇÃO: FORMADOR: ENTIDADE: MUNICÍPIO: UF: PROGRAMA ESPORTE E LAZER DA CIDADE PELC FORMAÇÃO DE AGENTES

Leia mais

EQUIDADE DE GÊNERO A NEW SPACE APÓIA ESTA IDÉIA UMA CARTILHA PARA VOCÊ

EQUIDADE DE GÊNERO A NEW SPACE APÓIA ESTA IDÉIA UMA CARTILHA PARA VOCÊ EQUIDADE DE GÊNERO EQUIDADE DE GÊNERO A NEW SPACE APÓIA ESTA IDÉIA Uma cartilha para você Esclarecendo Equidade e Igualdade Diferenças biológicas e emocionais entre homens e mulheres 03 04 05 UMA CARTILHA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE PELOTAS SECRETARIA DE CULTURA EDITAL 010/2017 PROGRAMA MUNICIPAL DE INCENTIVO À CULTURA PROCULTURA ANEXO I

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE PELOTAS SECRETARIA DE CULTURA EDITAL 010/2017 PROGRAMA MUNICIPAL DE INCENTIVO À CULTURA PROCULTURA ANEXO I EDITAL 010/2017 PROGRAMA MUNICIPAL DE INCENTIVO À CULTURA PROCULTURA ANEXO I DOCUMENTOS DE ACORDO COM A ÁREA EM QUE SE ENQUADRA SEU PROJETO SÃO ACEITAS AS EXTENSÕES DE ARQUIVO: AVI, MP3, MP4, PDF, JPG

Leia mais

OFICINA DAS CORES. Eduardo Dias Mattos. Artes Visuais. Professor. Escola Estadual Júlio Conceição Cubatão / SP. DER-Santos

OFICINA DAS CORES. Eduardo Dias Mattos. Artes Visuais. Professor. Escola Estadual Júlio Conceição Cubatão / SP. DER-Santos OFICINA DAS CORES Professor Eduardo Dias Mattos Escola Estadual Júlio Conceição Cubatão / SP DER-Santos 2016 Artes Visuais Introdução O Projeto foi criado em 2006 pelo Arte Educador, Professor Eduardo

Leia mais

TÍTULOS LANÇADOS PELA EDUNEB CATÁLOGO 2010 Síntese dos Dados e Resumos referentes a cada Obra XXI BIENAL DO LIVRO EM SÃO PAULO 13/08/2010

TÍTULOS LANÇADOS PELA EDUNEB CATÁLOGO 2010 Síntese dos Dados e Resumos referentes a cada Obra XXI BIENAL DO LIVRO EM SÃO PAULO 13/08/2010 TÍTULOS LANÇADOS PELA EDUNEB CATÁLOGO 2010 Síntese dos Dados e Resumos referentes a cada Obra XXI BIENAL DO LIVRO EM SÃO PAULO 13/08/2010 01 Língua e Literatura Márcia Rios Linguística, Letras e Artes

Leia mais

Zero Hora Segundo Caderno Página 03

Zero Hora Segundo Caderno Página 03 21.10.2010 Zero Hora Segundo Caderno Página 03 21.10.2010 Correio do Povo Caderno Arte&Agenda Capa 21.10.2010 Correio do Povo Capa 21.10.2010 Jornal do Comércio Em Foco - Contracapa 21.10.2010 O Sul Sociedade

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE Inglês como Língua Franca. World English. Ensino/Aprendizagem.

PALAVRAS-CHAVE Inglês como Língua Franca. World English. Ensino/Aprendizagem. 14. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido - ISSN 2238-9113 1 ISSN 2238-9113 ÁREA TEMÁTICA: ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( x ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

Evelyne Pastl Montarroyos Coordenação Pedagógica

Evelyne Pastl Montarroyos Coordenação Pedagógica Recife, 12 de março de 2015. RECIFE Quem quer ser amado, deve demonstrar que ama. Dom Bosco. Estimados Pais e/ou Responsáveis; É com imensa alegria que iniciamos mais um ano letivo e dessa vez comemorando

Leia mais

META Apresentar rotinas de trabalho que promovam a familiaridade dos alunos com os diversos comportamentos leitores.

META Apresentar rotinas de trabalho que promovam a familiaridade dos alunos com os diversos comportamentos leitores. ATIVIDADES PERMANENTES COM GÊNEROS TEXTUAIS Aula 8 META Apresentar rotinas de trabalho que promovam a familiaridade dos alunos com os diversos comportamentos leitores. OBJETIVOS Ao fi nal desta aula, o

Leia mais

Semana. oncelhia. emana. 5 a 1 0 d e M a r ç o Biblioteca Municipal de Gondomar

Semana. oncelhia. emana. 5 a 1 0 d e M a r ç o Biblioteca Municipal de Gondomar C C da Semana S oncelhia da L emana L eitura 2012 5 a 1 0 d e M a r ç o 2 0 1 2 Biblioteca Municipal de Gondomar CÂMARA MUNICIPAL DE G O N D O M A R Pelouro da Cultura Bibliotecas Escolares dos Agrupamentos

Leia mais

PROGRAMA ESPORTE E LAZER DA CIDADE PELC FORMAÇÃO DE AGENTES SOCIAIS DE ESPORTE E LAZER

PROGRAMA ESPORTE E LAZER DA CIDADE PELC FORMAÇÃO DE AGENTES SOCIAIS DE ESPORTE E LAZER MINISTÉRIO DO ESPORTE SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE, EDUCAÇÃO, LAZER E INCLUSÃO SOCIAL PROGRAMA ESPORTE E LAZER DA CIDADE PELC FORMAÇÃO DE AGENTES SOCIAIS DE ESPORTE E LAZER PROGRAMAÇÃO 1 - IDENTIFICAÇÃO:

Leia mais

O que são os Núcleos Temáticos?

O que são os Núcleos Temáticos? O que são os Núcleos Temáticos? Dispositivos acadêmicos grupais de natureza multidisciplinar e transdisciplinar voltados para a ampliação e aprofundamento de temas de relevância social, cultural e científica

Leia mais

Programação 2017 Campus Carreiros e Saúde

Programação 2017 Campus Carreiros e Saúde Programação 2017 Campus Carreiros e Saúde ACOLHENDO PESSOAS, ABRAÇANDO CULTURAS E CONSTRUINDO O CONHECIMENTO. ATIVIDADES PERMANENTES BRECHÓ DO GRUPO DE HUMANIZAÇÀO DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO (DURANTE O

Leia mais

MÚSICA CAPÍTULO 11. MC GUI Ostentar Esperança (Sonhar) PAG64. Ostentar pra esperança levar e o mundo sorrir

MÚSICA CAPÍTULO 11. MC GUI Ostentar Esperança (Sonhar) PAG64. Ostentar pra esperança levar e o mundo sorrir PAG64 CAPÍTULO 11 MÚSICA MC GUI Ostentar Esperança (Sonhar) Não nasci na rua Mas me joguei nela Sou mero aprendiz Na vida de favela Tenho certeza Que a fé nunca morre E a vida real não parece novela Ostentar

Leia mais

EDITAL SELEÇÃO ESTAGIÁRIO-FEOP

EDITAL SELEÇÃO ESTAGIÁRIO-FEOP EDITAL SELEÇÃO ESTAGIÁRIO-FEOP ABERTURA DE INSCRIÇÕES RECRUTAMENTO E SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO PARA O PROGRAMA DE EDUCAÇÃO PATRIMONIAL TREM DA VALE. A Fundação Educativa de Rádio e Televisão de Ouro Preto

Leia mais

4253 CULTURA AFRO-BRASILEIRA V U C. Sociais quarta-feira MARKETING ELEITORAL V U C. Sociais segunda-feira 11

4253 CULTURA AFRO-BRASILEIRA V U C. Sociais quarta-feira MARKETING ELEITORAL V U C. Sociais segunda-feira 11 4253 CULTURA AFRO-BRASILEIRA V U C. Sociais quarta-feira 12 3326 MARKETING ELEITORAL V U C. Sociais segunda-feira 11 6752 PESQUISA II: MÉTODOS QUANTITATIVOS V B C. Sociais segunda-feira 18 3734 POLÍTICA

Leia mais

A LEI /03 E UMA PROPOSTA DE IMPLEMENTAÇÃO ATRAVÉS DA LITERATURA

A LEI /03 E UMA PROPOSTA DE IMPLEMENTAÇÃO ATRAVÉS DA LITERATURA A LEI 10.639/03 E UMA PROPOSTA DE IMPLEMENTAÇÃO ATRAVÉS DA LITERATURA Gisele Ferreira da Silva 1 - INTRODUÇÃO Diante da complexidade de nossa história e sociedade, medidas e políticas afirmativas tornaram-se

Leia mais

Biblioteca de São Paulo

Biblioteca de São Paulo Ações Culturais Biblioteca de São Paulo Inaugurada em oito de fevereiro de 2010 na Zona Norte da capital, é um equipamento da Secretaria de Estado da Cultura do Governo do Estado de São Paulo, com o objetivo

Leia mais

PROJETO HOMOFOBIA NA ESCOLA COMBATENDO O PRECONCEITO COM O USO DAS TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS

PROJETO HOMOFOBIA NA ESCOLA COMBATENDO O PRECONCEITO COM O USO DAS TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS PROJETO HOMOFOBIA NA ESCOLA COMBATENDO O PRECONCEITO COM O USO DAS TECNOLOGIAS EDUCACIONAIS Autor(a) Tércio Ramon Almeida Silva E.E.E.F.M. Jornalista José Leal Ramos Email: terciofilosofo@hotmail.com INTRODUÇÃO

Leia mais

OS GIBIS E A FORMAÇÃO DE LEITORES NA ESCOLA HOJE

OS GIBIS E A FORMAÇÃO DE LEITORES NA ESCOLA HOJE OS GIBIS E A FORMAÇÃO DE LEITORES NA ESCOLA HOJE Doutora Patrícia Pina Professora Titular de Literatura Brasileira Universidade do Estado da Bahia DCH, Campus VI Os malnascidos na leitura buscam, no lixo,

Leia mais

Artefatos culturais e educação...

Artefatos culturais e educação... Artefatos culturais e educação... USO DAS TDIC NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES PROFª. JOICE ARAÚJO ESPERANÇA Vídeos: artefatos culturais? Vídeos Filmes Desenhos animados documentários Propagandas Telenovelas

Leia mais

Avaliação da Pesquisa Criança É Vida Relatório de Pesquisa. Fevereiro de 2016

Avaliação da Pesquisa Criança É Vida Relatório de Pesquisa. Fevereiro de 2016 Avaliação da Pesquisa Criança É Vida 2015 Relatório de Pesquisa Fevereiro de 2016 Introdução As equipes do Instituto Criança É Vida capacitam educadores e outros funcionários de instituições, além de voluntários

Leia mais

2ª Edição do CURSO DE FORMAÇÃO DE VOLUNTARIADO Corações Capazes de Construir Iniciativa e responsabilidade da Associação Corações com Coroa (CCC)

2ª Edição do CURSO DE FORMAÇÃO DE VOLUNTARIADO Corações Capazes de Construir Iniciativa e responsabilidade da Associação Corações com Coroa (CCC) 2ª Edição do CURSO DE FORMAÇÃO DE VOLUNTARIADO Iniciativa e responsabilidade da Associação Corações com Coroa (CCC) OBJECTIVOS: Formar equipas de voluntariado da CCC. Promover o conhecimento em torno das

Leia mais

RAÇA BRASIL ENTREVISTAS: ENQUETES (53/423 ENTREVISTAS) (SET/1996 A DEZ/2009)

RAÇA BRASIL ENTREVISTAS: ENQUETES (53/423 ENTREVISTAS) (SET/1996 A DEZ/2009) 13 Você já foi discriminado por ser negros? A pergunta é... Maita Arêdes Nenhum Enquete 2 10 10 6 14 Você acha que o negro tem preconceito contra o próprio negro? A pergunta é... Maita Arêdes Nenhum Enquete

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE IVAIPORÃ-PR PROGRAMA INTERSETORIAL DE ENFRENTAMENTO ÀS SITUAÇÕES DE VIOLÊNCIAS

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE IVAIPORÃ-PR PROGRAMA INTERSETORIAL DE ENFRENTAMENTO ÀS SITUAÇÕES DE VIOLÊNCIAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE IVAIPORÃ-PR PROGRAMA INTERSETORIAL DE ENFRENTAMENTO ÀS SITUAÇÕES DE VIOLÊNCIAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE IVAIPORÃ-PR Nova estratégia de gestão em redes em matéria

Leia mais

RESENHA. CARDOSO, Francilene do Carmo. O negro na biblioteca: mediação da informação para a construção da identidade negra. Curitiba: CRV, p.

RESENHA. CARDOSO, Francilene do Carmo. O negro na biblioteca: mediação da informação para a construção da identidade negra. Curitiba: CRV, p. RESENHA CARDOSO, Francilene do Carmo. O negro na biblioteca: mediação da informação para a construção da identidade negra. Curitiba: CRV, 2015. 114p. Franciéle Carneiro Garcês da Silva Instituto Brasileiro

Leia mais

HISTÓRIA 1 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO

HISTÓRIA 1 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO HISTÓRIA 1 ANO PROF. AMAURY PIO PROF. EDUARDO GOMES ENSINO MÉDIO CONTEÚDOS E HABILIDADES Unidade II Civilização Greco- Romana e seu legado 2 CONTEÚDOS E HABILIDADES Aula 7.1 Conteúdo Feudalismo e Sociedade

Leia mais

PROGRAMA CULTURAL PARA AS FÉRIAS DE VERÃO DE CRIANÇAS E JOVENS

PROGRAMA CULTURAL PARA AS FÉRIAS DE VERÃO DE CRIANÇAS E JOVENS PROGRAMA CULTURAL PARA AS FÉRIAS DE VERÃO DE CRIANÇAS E JOVENS QUERES SER AMIGO DO TORGA? É um desafio lançado a crianças, com idades compreendidas entre os 6 e os 12 anos, que pretendam conhecer melhor

Leia mais

Time Code Vídeo Áudio Tema Comentário imperdível (interno ao material)

Time Code Vídeo Áudio Tema Comentário imperdível (interno ao material) Número da fita: 0043 Título: Performance Folia de Reis de D. Mariana Mídia: Mini DV Time Code Vídeo Áudio Tema Comentário imperdível (interno ao material) in out 00:00 01:39 Imagem, com efeito (shutter

Leia mais

Quinta-Feira Manhã. Listagem de trabalhos

Quinta-Feira Manhã. Listagem de trabalhos Quinta-Feira Manhã Listagem de trabalhos Titulo Trabalho Temática Modalidade Instituição Sessão Pôster Hidroponia Colégio Luterano Concórdia - Canoas Manhã 1 App para dispositivos Móveis de Adoção de Animais

Leia mais

CURRÍCULO PLENO 1.ª SÉRIE CÓDIGO DISCIPLINAS TEOR PRAT CHA PRÉ-REQUISITO ANTROPOLOGIA CULTURAL E DESENVOLVIMENTO HUMANO

CURRÍCULO PLENO 1.ª SÉRIE CÓDIGO DISCIPLINAS TEOR PRAT CHA PRÉ-REQUISITO ANTROPOLOGIA CULTURAL E DESENVOLVIMENTO HUMANO MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Regime: Duração: HISTÓRIA LICENCIATURA SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS - MÁXIMO = 7

Leia mais

Tipos e técnicas de introdução. Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo

Tipos e técnicas de introdução. Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo Tipos e técnicas de introdução Paragrafação de início de texto dissertativo argumentativo Introdução A primeira parte do texto dissertativo é a introdução. Nela, são apresentados o tema e, normalmente,

Leia mais

A CORTE CHEGOU O RIO DE JANEIRO SE TRANSFORMA

A CORTE CHEGOU O RIO DE JANEIRO SE TRANSFORMA PROJETO PEDAGÓGICO A CORTE CHEGOU O RIO DE JANEIRO SE TRANSFORMA Rua Tito, 479 Lapa São Paulo SP CEP 05051-000 DIVULGAÇÃO ESCOLAR (11) 3874-0884 divulga@melhoramentos.com.br www.editoramelhoramentos.com.br

Leia mais

Cidadania e Educação das Relações étnico-raciais.

Cidadania e Educação das Relações étnico-raciais. Cidadania e Educação das Relações étnico-raciais. Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 10.639, DE 9 DE JANEIRO DE 2003. Mensagem de veto Altera a Lei n o 9.394,

Leia mais

LITERATURA DE CORDEL COMO RECURSO METODOLÓGICO PARA O TRABALHO NA SALA DE AULA.

LITERATURA DE CORDEL COMO RECURSO METODOLÓGICO PARA O TRABALHO NA SALA DE AULA. LITERATURA DE CORDEL COMO RECURSO METODOLÓGICO PARA O TRABALHO NA SALA DE AULA. Autoras: BARRETO, Raisa Queiroga. rsqueiroga92@gmail.com OLIVEIRA, KhomarTander sde. Khomartanders13@hotmail.com SIRINO,

Leia mais