TARDE 2ª SÉRIE EF. Língua Portuguesa. 2ª Série Ensino Fundamental Tarde. Nome do aluno: 1. Você é: 2. Idade: Para uso do aplicador.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TARDE 2ª SÉRIE EF. Língua Portuguesa. 2ª Série Ensino Fundamental Tarde. Nome do aluno: 1. Você é: 2. Idade: Para uso do aplicador."

Transcrição

1 Língua Portuguesa 2ª Série Ensino Fundamental Tarde TARDE Nome do aluno: 1. Você é: 2. Idade: 2ª SÉRIE EF Para uso do aplicador Nome da escola: Turma: Mês de aniversário do aluno: Quando você começou a estudar? a) no maternal b) na pré-escola c) na 1ª série Número triângulo: 2007

2

3 LÍNGUA PORTUGUESA 1. NOME: 2. ESCRITA DE UMA LISTA DE PALAVRAS A PROFESSORA DA 2 A SÉRIE REALIZOU UMA PESQUISA SOBRE O QUE SEUS ALUNOS GOSTARIAM DE GANHAR NO DIA DAS CRIANÇAS. ANOTE O RESULTADO DA PESQUISA: _ 3. ESCRITA DE UM TRECHO DE PARLENDA 4. LEITURA DE UM TRECHO DE UMA CANTIGA O CRAVO BRIGOU COM A ROSA DEBAIXO DE UMA SACADA O CRAVO SAIU FERIDO E A ROSA DESPEDAÇADA SARESP-Exemplar-Aluno-2 a Série-Tarde 3

4 5. ESCRITA DE CARTA NO CONTO CINDERELA, A MOCINHA GRAÇAS AOS ENCANTAMENTOS DE SUA FADA MADRINHA CONSEGUE IR AO BAILE NO QUAL O PRÍNCIPE IRÁ ESCOLHER SUA FUTURA ESPOSA. QUANDO OUVE AS DOZE BADALADAS QUE ANUNCIAM O FIM DA MAGIA, ELA SAI APRESSADA E PERDE UM DOS PÉS DOS SEUS SAPATINHOS DE CRISTAL NA ESCADARIA DO PALÁCIO. ESCREVA UMA CARTINHA PARA O PRÍNCIPE CONTANDO-LHE A QUEM PERTENCE O PÉ DE SAPATO QUE ELE ENCONTROU E COMO FAZER PARA ACHAR A SUA AMADA. 4 SARESP-Exemplar-Aluno-2 a Série-Tarde

5 6. LEITURA DE TEXTO INFORMATIVO. GIRAFA A GIRAFA TEM, EM MÉDIA, CINCO METROS DE ALTURA. SÓ DE PESCOÇO SÃO TRÊS METROS. ESSA GRANDE ALTURA PERMITE-LHE ALIMENTAR-SE DAS FOLHAS MAIS ALTAS E MAIS MACIAS DAS ÁRVORES. ELA PODE TAMBÉM VIGIAR COM FACILIDADE OS ARREDORES, O QUE É UMA VANTAGEM PARA PREVENIR-SE CONTRA OS PERIGOS. HÁ, PORÉM, ALGUMAS DESVANTAGENS. PARA BEBER ÁGUA, A GIRAFA DEVE ABRIR BASTANTE AS PERNAS E ABAIXAR O PESCOÇO DE FORMA QUE SUA BOCA POSSA ALCANÇAR A ÁGUA. ESSA É UMA POSIÇÃO INCÔMODA E INSTÁVEL QUE A DEIXA INDEFESA CONTRA SEUS INIMIGOS. POR ISSO ALGUMAS GIRAFAS FICAM DE GUARDA ENQUANTO AS OUTRAS BEBEM ÁGUA. (TEXTO ADAPTADO DO ZÔO VIRTUAL) 6.1 QUANTO MEDE A GIRAFA? 6.2 POR QUE BEBER ÁGUA PODE SER UM PROBLEMA PARA A GIRAFA? SARESP-Exemplar-Aluno-2 a Série-Tarde 5

6 7. LEIA O TRECHO DA CONVERSA E COPIE NAS LINHAS ABAIXO, UTILIZANDO LETRA MANUSCRITA (LETRA DE MÃO), SINAIS DE PONTUAÇÃO E AS MAIÚSCULAS QUE CONSIDERAR NECESSÁRIO. AMENINAPERGUNTOUÀMÃEPOSSOBRINCARLÁFORANÃORESPONDEUAMÃEESTÁCHOVENDO MUITO 8. PRODUÇÃO DE TEXTO A PARTIR DE LEITURA A PROFESSORA SILVIA ESTÁ ORGANIZANDO UM ALMANAQUE DE CURIOSIDADES SOBRE OS ANIMAIS. E PARA ISSO ALUNOS E PROFESSORA ESTÃO REALIZANDO VÁRIAS PESQUISAS. HOJE ELA SOLICITOU QUE A PARTIR DE UM DOS TEXTOS ESTUDADOS SOBRE A BALEIA-AZUL OS ALUNOS ESCREVESSEM PARA O ALMANAQUE UM VOCÊ SABIA QUE. BALEIA-AZUL MAIOR ANIMAL QUE JÁ EXISTIU NA TERRA (SIM, MAIOR QUE OS DINOSSAUROS), ELA PODE TER UM FILHOTE A CADA DOIS ANOS. ELE NASCE COM MAIS DE DUAS TONELADAS, DO TAMANHO DE UM ELEFANTE ADULTO. DURANTE SEUS PRIMEIROS SETE MESES DE VIDA, OS BEBÊS TOMAM CERCA DE 380 LITROS DE LEITE POR DIA. NESSE RITMO, ENGORDAM RÁPIDO: 90 QUILOS POR DIA. (TEXTO ADAPTADO FOLHINHA ON-LINE) VOCÊ SABIA QUE: A BALEIA-AZUL É O MAIOR ANIMAL QUE EXISTE, MAIOR ATÉ QUE OS DINOSSAUROS? SEUS FILHOTES NASCEM DO TAMANHO DE UM ELEFANTE ADULTO E ENGORDAM 90 QUILOS POR DIA? LAURA 6 SARESP-Exemplar-Aluno-2 a Série-Tarde

7 AGORA LEIA O TEXTO SOBRE "A BRINCADEIRA DE SOLTAR PIPA" E ESCREVA UM VOCÊ SABIA QUE. A BRINCADEIRA DE SOLTAR PIPA QUANDO OS VENTOS SOPRAM FORTES OS BANDOS DE MOLEQUES PASSAM APRESSADOS CARREGANDO PAPEL DE SEDA, COLA E VARETAS DE BAMBU. E LOGO O CÉU FICA CHEIO DE PIPAS COLORIDAS TAMBÉM CHAMADAS DE PAPAGAIOS. SOLTAR PIPA É UMA DAS BRINCADEIRAS MAIS ANTIGAS QUE AINDA SE MANTÊM VIVAS EM QUALQUER BAIRRO DE QUALQUER CIDADE. BASTA OLHAR PARA CIMA QUE LÁ ESTÃO ELAS, AS PIPAS OU PAPAGAIOS, DIVERTINDO A MOLECADA. BRINQUEDO BARATO, A PIPA TANTO PODE SER COMPRADA QUANTO FEITA EM CASA. MAS É PRECISO CUIDADO. NUNCA DEVEMOS SOLTAR PIPA PERTO DE ANTENAS, POSTES E FIOS ELÉTRICOS. DEVEM-SE PREFERIR LOCAIS ABERTOS COMO PARQUES OU CAMPOS. E NUNCA EMPINAR PIPAS EM LUGARES ALTOS, COMO TELHADOS OU LAJES. DE TANTO OLHAR PARA CIMA, PODE-SE TROPEÇAR E CAIR. ALÉM DE SE DIVERTIR E SE ESFORÇAR PARA FAZER AS PIPAS VOAREM, AS CRIANÇAS COSTUMAM TAMBÉM CORRER ATRÁS DELAS QUANDO COMEÇAM A VOAR BAIXO, POIS UMA PIPA CAÍDA É DE QUEM PEGAR PRIMEIRO. VOCÊ SABIA QUE: SARESP-Exemplar-Aluno-2 a Série-Tarde 7

8 Fundação Carlos Chagas 2007

SARESP07. Exemplar do Professor. Língua Portuguesa. 2ª Série do Ensino Fundamental Tarde

SARESP07. Exemplar do Professor. Língua Portuguesa. 2ª Série do Ensino Fundamental Tarde SARESP07 2ª Série do Ensino Fundamental Tarde Exemplar do Professor Língua Portuguesa LÍNGUA PORTUGUESA OBSERVAÇÃO: PROFESSOR, PARA APLICAR ESTA PROVA É NECESSÁRIA A LEITURA DO MANUAL DE APLICAÇÃO, QUE

Leia mais

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO. Escola: Professora: Aluno:

AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO. Escola: Professora: Aluno: AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 2013 MATEMÁTICA 3º ANO Escola: Professora: Aluno: Faça as questões abaixo com atenção e com calma. É uma avaliação que vai mostrar o que você já sabe e o que precisa aprender. Questão

Leia mais

Objetivos. Material a ser utilizado. - Cópias da avaliação. Procedimentos

Objetivos. Material a ser utilizado. - Cópias da avaliação. Procedimentos Objetivos - Identificar informações presentes no texto e produzir respostas baseadas nessas informações. Transcrever trechos do texto para exemplificar a compreensão do seu sentido global. - Identificar,

Leia mais

CIÊNCIAS. Utilizando as palavras do quadro abaixo, complete adequadamente as frases: (6 2cd)

CIÊNCIAS. Utilizando as palavras do quadro abaixo, complete adequadamente as frases: (6 2cd) Nome do Aluno Turma 4º ANO Carteira Nº Questões 9 Tipo Data 19/mar/10 Disciplina CIÊNCIAS Bimestre 1º Nota Pensando no que você estudou sobre habitat, nicho ecológico e ecossistema, resolva sua prova com

Leia mais

Ano de escolaridade: 9º ano do E. F. Data: / /

Ano de escolaridade: 9º ano do E. F. Data: / / AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA 9º ANO Escola Estadual: Disciplina: Matemática Professor(a): Aluno(a): PIP II CBC Ano de escolaridade: 9º ano do E. F. Data: / / Instruções: Leia atentamente cada questão e assinale

Leia mais

Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Língua Portuguesa

Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Língua Portuguesa COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Bloco de Recuperação Paralela DISCIPLINA: Língua Portuguesa Nome: Ano: 1º Ano 2º Etapa 2014 Colégio Nossa Senhora da Piedade Área do Conhecimento: Códigos e Linguagens

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL ANÁPOLIS, PROFESSORA: ALUNO (A): ANO: MÊS: DOMINGO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO

ESCOLA MUNICIPAL ANÁPOLIS, PROFESSORA: ALUNO (A): ANO: MÊS: DOMINGO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO PREENCHA O CALENDÁRIO ABAIXO: MÊS: DOMINGO SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA SÁBADO AGORA, RESPONDA: A) QUANTOS DIAS TÊM NO MÊS? B) QUE DIA DA SEMANA COMEÇOU O MÊS? C) QUE DIA DA SEMANA TERMINOU O MÊS?

Leia mais

Olhe! Que parque agradável! Verdade!! É um ótimo lugar!!! Billy está feliz no balanço! Sally e Fred estão tendo um ótimo momento no carrossel!!!

Olhe! Que parque agradável! Verdade!! É um ótimo lugar!!! Billy está feliz no balanço! Sally e Fred estão tendo um ótimo momento no carrossel!!! Língua Inglesa 2 o ano Unidade 1 No parque com minha família Introdução Onde eles estão brincando? Há uma bicicleta Onde está...? Unidade 2 Uma família Introdução Quantos anos você tem? Ele está feliz

Leia mais

GEOGRAFIA 3º. Meu bairro

GEOGRAFIA 3º. Meu bairro 3º ANO 11 M/T 28/ago/12 GEOGRAFIA 3º Meu bairro Eu me chamo Natália. Quando era pequena, morava num bairro só de casas. O lugar era tão calmo que nós podíamos brincar no meio da rua. Parecia uma cidade

Leia mais

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO Matemática

CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO  Matemática Desafio de Matemática 3 ano EF 2D 2014 1/ 6 CENTRO EDUCACIONAL NOVO MUNDO www.cenm.com.br 2 o DESAFIO CENM - 2014 Matemática Direção: Ano: 3 Ef 1. Em uma sala de aula, a professora realizou uma pesquisa

Leia mais

Atividade experimental - Tema: Luz

Atividade experimental - Tema: Luz 1 Problema: As plantas precisam de luz? 1. Nesta experiência desafiamos-te a observar uma planta aquática a produzir bolhinhas de oxigénio graças à luz que nelas incide. Observa a instalação e regista

Leia mais

4- Observe a figura abaixo. Se houvesse uma ventania e a árvore tombasse para o lado direito, em direção da casa, poderíamos afirmar que:

4- Observe a figura abaixo. Se houvesse uma ventania e a árvore tombasse para o lado direito, em direção da casa, poderíamos afirmar que: Equipe de Matemática: Edvaldo Junior & Keuffry Barbosa 1-Ao sair de casa, dona Loba deixou para seus filhos, Rômulo e Remo, certa quantia de moedas de um real e um bilhete que dizia: metade dessas moedas

Leia mais

é um círculo A tampa A face é um retângulo

é um círculo A tampa A face é um retângulo No cotidiano, estamos cercados de objetos que têm diferentes formas. Por exemplo, uma caixa de papelão: suas faces são retângulos, e a caixa é um paralelepípedo. Outro exemplo: uma lata de óleo tem a forma

Leia mais

Língua PortuGuesa. Simulado. caderno do aluno. Volume. para monitoramento da aprendizagem. Questões inéditas e exclusivas

Língua PortuGuesa. Simulado. caderno do aluno. Volume. para monitoramento da aprendizagem. Questões inéditas e exclusivas Ensino Fundamental I Material de divulgação da Editora Moderna Volume 1 Simulado para monitoramento da aprendizagem Língua PortuGuesa Questões inéditas e exclusivas caderno do aluno #educaçãoderesultado

Leia mais

Prova de Aferição de Matemática

Prova de Aferição de Matemática PROVA DE AFERIÇÃO DO ENSINO BÁSICO A PREENCHER PELO ALUNO Rubrica do Professor Aplicador Nome A PREENCHER PELO AGRUPAMENTO Número convencional do Aluno Número convencional do Aluno A PREENCHER PELA U.A.

Leia mais

Uma brincadeira de bola chamada Ordem

Uma brincadeira de bola chamada Ordem Lição 2 Uma brincadeira de bola chamada Ordem Ruth Rocha Dá pra fazer de turma ou até sozinho. Bata a bola na parede e jogue de volta, quem deixar a bola cair sai fora. Ordem! Seu lugar! Enquanto bate

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO III ETAPA MATEMÁTICA 3.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE ESTUDO III ETAPA MATEMÁTICA 3.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA Caro(a) aluno(a), ROTEIRO DE ESTUDO III ETAPA MATEMÁTICA 3.º ANO/EF 2015 É tempo de conferir os conteúdos estudados na III

Leia mais

COLÉGIO 7 DE SETEMBRO FUNDADOR PROF. EDILSON BRASIL SOÁREZ. O Colégio que ensina o aluno a estudar. ALUNO(A): TURMA: Língua Portuguesa.

COLÉGIO 7 DE SETEMBRO FUNDADOR PROF. EDILSON BRASIL SOÁREZ. O Colégio que ensina o aluno a estudar. ALUNO(A): TURMA: Língua Portuguesa. FUNDADOR PROF. EDILSON BRASIL SOÁREZ 2011 O Colégio que ensina o aluno a estudar. APICE 2 o Ano Ensino Fundamental I ALUNO(A): TURMA: Língua Portuguesa [1 a ETAPA] Você está recebendo o APICE (Atividade

Leia mais

2) Escreva um algoritmo que leia um conjunto de 10 notas, armazene-as em uma variável composta chamada NOTA e calcule e imprima a sua média.

2) Escreva um algoritmo que leia um conjunto de 10 notas, armazene-as em uma variável composta chamada NOTA e calcule e imprima a sua média. 1) Inicializar um vetor de inteiros com números de 0 a 99 2) Escreva um algoritmo que leia um conjunto de 10 notas, armazene-as em uma variável composta chamada NOTA e calcule e imprima a sua média 3)

Leia mais

a) O que o menino está fazendo? b) O que as crianças estão segurando em suas mãos? c) Em sua opinião, por que eles estão vestidos dessa maneira?

a) O que o menino está fazendo? b) O que as crianças estão segurando em suas mãos? c) Em sua opinião, por que eles estão vestidos dessa maneira? UNIDADE: Festa Junina / Brasil SITUAÇÃO DE USO Conhecimento sobre festas juninas brasileiras. MARCADORES Cultura; Religião; Culinária. EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM - Compreender textos orais e escritos

Leia mais

COMO VENDER MAIS USANDO FUNIL DE VENDAS. Capítulo III: Etapas do Funil de Vendas

COMO VENDER MAIS USANDO FUNIL DE VENDAS. Capítulo III: Etapas do Funil de Vendas COMO VENDER MAIS USANDO FUNIL DE VENDAS Capítulo III: Etapas do Funil de Vendas Índice Introdução Defina suas etapas de vendas corretamente Como definir suas etapas de vendas 03 05 06 2 Introdução Olá,

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 2.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 2.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO I ETAPA LETIVA HISTÓRIA 2.º ANO/EF 2015 Caro(a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados

Leia mais

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados.

A classificação do teste deve respeitar integralmente os critérios gerais e os critérios específicos a seguir apresentados. Teste Intermédio de Língua Portuguesa Teste Intermédio Língua Portuguesa 2.º Ano de Escolaridade Duração do Teste: 45 min (Caderno 1) + 30 min (pausa) + 45 min (Caderno 2) 03.06.2011 Decreto-Lei n.º 6/2001,

Leia mais

Sistema COC de Educação Unidade Portugal

Sistema COC de Educação Unidade Portugal Sistema COC de Educação Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2008. Nome: 3 o ano (2 a série) AVALIAÇÃO DE CONTEÚDO DO GRUPO IX 3 o BIMESTRE Eixo temático O tempo e o vento Disciplina/Valor Português

Leia mais

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) Tarde. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO VIII 3 o BIMESTRE.

Unidade Portugal. Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) Tarde. AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO VIII 3 o BIMESTRE. Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2011. Nome: 3 o ano (2ª série) Tarde AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO VIII 3 o BIMESTRE Eixo temático Herança social Disciplina/Valor Português 4,0 Matemática 4,0 Hist./Geog.

Leia mais

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER

PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER PLANEJAMENTO (LIVRO INFANTIL) Professor (a): JANETE FASSINI ALVES NOME DO LIVRO: O MENINO QUE APRENDEU A VER AUTOR: RUTH ROCHA Competências Objetivo Geral Objetivos específicos Estratégias em Língua Portuguesa

Leia mais

RECUPERAÇÃO PARALELA Semana de 02/04 e de 16/04/12 6º ano

RECUPERAÇÃO PARALELA Semana de 02/04 e de 16/04/12 6º ano RECUPERAÇÃO PARALELA Semana de 02/04 e de 16/04/12 6º ano Leitura, compreensão e interpretação de um texto 1- VOCABULÁRIO Um texto é composto de palavras e para podermos compreender um trecho do texto

Leia mais

Apresentamos aqui o conceito de instalação do GPS Rastro e vários exemplos com fotos.

Apresentamos aqui o conceito de instalação do GPS Rastro e vários exemplos com fotos. Instalação do equipamento Rastro Totem Apresentamos aqui o conceito de instalação do GPS Rastro e vários exemplos com fotos. Instalação Elétrica Em provas de 1 ou 2 dias não é necessário qualquer instalação

Leia mais

Nome. Data. Tarefa C1. diferentes, folha de papel A3, fita-cola.

Nome. Data. Tarefa C1. diferentes, folha de papel A3, fita-cola. Tarefa C1 Material por grupo: palhinhas com diferentes padrões diferentes, folha de papel A3, fita-cola. e/ou cores, de três tamanhos Observa bem as palhinhas que estão em cima da mesa e pensa numa maneira

Leia mais

CALCULANDO O PREÇO DO PRODUTO FINAL

CALCULANDO O PREÇO DO PRODUTO FINAL CALCULANDO O PREÇO DO PRODUTO FINAL 1º PASSO RELACIONE O MATERIAL NECESSÁRIO PARA CONFECÇÃO E SEUS RESPECTIVOS PREÇOS Quantidade Material Preço Unit Preço total 35 cm Tecido 13,00 4,55 35 cm Forro 7,00

Leia mais

Organização de Quarto de Criança

Organização de Quarto de Criança Existe uma ideia pré-estabelecida que quarto de criança é sempre bagunçado. Mas esse tipo de pensamento acaba criando adultos desorganizados. Criança precisa de rotina e limite e para isso se necessita

Leia mais

Colégio Santa Dorotéia

Colégio Santa Dorotéia Você vai conhecer um sapo que queria muito ser um príncipe, será que ele consegue se transformar? LEIA o texto: Colégio Santa Dorotéia Tema Transversal: Casa comum, nossa responsabilidade. Disciplina:

Leia mais

Unidade 4 - O alfabeto e a correspondência entre o som e a escrita

Unidade 4 - O alfabeto e a correspondência entre o som e a escrita Unidade 4 - O alfabeto e a correspondência entre o som e a escrita Seção 1 Introdução ao estudo das letras do alfabeto: aspecto gráfico Atividade 1 Alfabeto individual 1 Unidade 4 - O alfabeto e a correspondência

Leia mais

Solução da prova da 2a fase OBMEP 2014 Nível 2. Questão 1. item a)

Solução da prova da 2a fase OBMEP 2014 Nível 2. Questão 1. item a) Questão 1 Cada nova pilha tem dois cubinhos a mais em sua base. Assim, como a terceira pilha tem 5 cubinhos em sua base, a quarta pilha tem 5 + 2 = 7 cubinhos e a quinta pilha tem 7 + 2 = 9 cubinhos em

Leia mais

Disciplina: Língua Portuguesa Data da realização: 08/06/2015

Disciplina: Língua Portuguesa Data da realização: 08/06/2015 Ficha da semana 4º ano A/B/C Instruções: 1. Cada atividade terá uma data de realização e deverá ser entregue à professora no dia seguinte. 2. As atividades deverão ser copiadas e respondidas no caderno

Leia mais

TUDO COMEÇA POR UM COMEÇO.

TUDO COMEÇA POR UM COMEÇO. TUDO COMEÇA POR UM COMEÇO. Michel Silveira 1 2 TUDO COMEÇA PELO COMEÇO Dedico a você: 3 4 TUDO COMEÇA PELO COMEÇO Sumário. Primeira fase Namoro pg. 29 Segunda fase Noivado pg.39 Terceira fase Casamento

Leia mais

Colégio de Aplicação. Universidade Federal do Rio de Janeiro. 1ª série ensino médio. Matemática

Colégio de Aplicação. Universidade Federal do Rio de Janeiro. 1ª série ensino médio. Matemática Colégio de Aplicação Universidade Federal do Rio de Janeiro 1ª série ensino médio 1 Matemática 2 PROTESTOS NO BRASIL Mais de 1 milhão de pessoas participaram de protestos em várias cidades do Brasil no

Leia mais

Parabéns por estar aqui, você é uma

Parabéns por estar aqui, você é uma Parabéns por estar aqui, você é uma DIRETORA em Qualificação! QUALIFICAÇÃO É UM ESTÁGIO PARA O DIRETORADO ONDE A DIQ APRENDE COMO A DIRETORA FAZ!!! Trabalho duro e constante vão te levar ao topo! EXEMPLO,

Leia mais

3.3 Qual o menor caminho até a Escola? 28 CAPÍTULO 3. CICLOS E CAMINHOS

3.3 Qual o menor caminho até a Escola? 28 CAPÍTULO 3. CICLOS E CAMINHOS 2 CAPÍTULO. CICLOS E CAMINHOS solução para um problema tem se modificado. Em vez de procurarmos um número, uma resposta (o que em muitos casos é necessário), procuramos um algoritmo, isto é, uma série

Leia mais

Jogo do Lencinho. Material necessário Um lenço.

Jogo do Lencinho. Material necessário Um lenço. Jogos tradicionais O jogo popular é uma da mais espontânea e belas formas de expressão da alma popular. Nele se exprime a necessidade de lazer, a alegria do trabalho, transfigurado em festa e a imaginação

Leia mais

www.ctaeletronica.com.br TOTAL PONTOS Nome: Data: / Hora: h m às h m RESOLVA OS PROBLEMAS COM FRAÇÕES ABAIXO:

www.ctaeletronica.com.br TOTAL PONTOS Nome: Data: / Hora: h m às h m RESOLVA OS PROBLEMAS COM FRAÇÕES ABAIXO: TEMPO TOTAL APLICADO: h m TOTAL PONTOS MT- TURMA Nome: Data: / Hora: h m às h m RESOLVA OS PROBLEMAS COM FRAÇÕES ABAIXO: César resolveu medir alguns comprimentos usando seu palmo como unidade de medida.

Leia mais

Escalas ESCALAS COTAGEM

Escalas ESCALAS COTAGEM Escalas Antes de representar objectos, modelos, peças, etc. Deve-se estudar o seu tamanho real. Tamanho real é a grandeza que as coisas têm na realidade. Existem coisas que podem ser representadas no papel

Leia mais

18 Questionário para Meses

18 Questionário para Meses De 17 meses e 0 dia até 18 meses e 30 dias 18 Questionário para Meses Por favor, preencha o formulário abaixo. Use caneta preta ou azul e escreva em letra de forma. Data do preenchimento: D D M M A A A

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COLÉGIO MILITAR DO RECIFE PROVA DE MATEMÁTICA 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO

MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COLÉGIO MILITAR DO RECIFE PROVA DE MATEMÁTICA 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO MINISTÉIO DA DEFESA EXÉCITO BASIEIO DEP DEPA COÉGIO MIITA DO ECIFE 3 DE OUTUBO DE 004 Página / 8 CONCUSO DE ADMISSÃO AO ITEM 0 Um pai tem hoje 54 anos e seus 4 filhos têm juntos, 39 anos A idade do pai

Leia mais

5. A turma do Carlos organizou uma rifa. O gráfico mostra quantos alunos compraram um mesmo

5. A turma do Carlos organizou uma rifa. O gráfico mostra quantos alunos compraram um mesmo 1. Guilherme está medindo o comprimento de um selo com um pedaço de uma régua, graduada em centímetros, como mostra a figura. Qual é o comprimento do selo? (A) 3 cm (B) 3,4 cm (C) 3,6 cm (D) 4 cm (E) 4,4

Leia mais

Escola Básica do 2º e 3º Ciclos S. Paio de Moreira de Cónegos

Escola Básica do 2º e 3º Ciclos S. Paio de Moreira de Cónegos Escola Básica do 2º e 3º Ciclos S. Paio de Moreira de Cónegos Ficha de Avaliação - Matemática 7. Ano A Nome: N.º: Turma: Classificação: Professor: Enc. Educ.: Esta ficha é constituída por duas partes,

Leia mais

Ahmmm... Deus? O mesmo flash de ainda há pouco e, de novo, estava à Sua frente:

Ahmmm... Deus? O mesmo flash de ainda há pouco e, de novo, estava à Sua frente: EAÍ, CARA? O que é que eu estou fazendo aqui? Quem é você? Você sabe muito bem quem Eu sou. É... Vai fundo, fala!... Deus? Viu? Não era tão difícil assim! Claro que Eu sou Deus. É assim que você Me imaginava,

Leia mais

UFRN PIBID Subprojeto PIBID-Pedagogia DINÂMICAS

UFRN PIBID Subprojeto PIBID-Pedagogia DINÂMICAS S CAIXA DOS CONTOS Construindo um texto coletivo... Em uma caixa fechada são colocados vários objetos de modo que contemple o número de alunos da sala de aula. Os objetos devem ser retirados, de modo aleatório,

Leia mais

SIMULADOS DE RACIOCÍNIO LÓGICO

SIMULADOS DE RACIOCÍNIO LÓGICO SIMULADOS DE RACIOCÍNIO LÓGICO 1) Lúcia foi ao mesmo tempo a décima terceira melhor classificada e a décima terceira pior classificada de um concurso. Quantos eram os concorrentes? a) 13. b) 26. c) 27.

Leia mais

Ano: 7 Turma: 7.1 e 7.2

Ano: 7 Turma: 7.1 e 7.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final 3ª Etapa 2013 Disciplina: Matemática Professor (a): Flávia Lúcia Ano: 7 Turma: 7.1 e 7.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

(PROVA DE MATEMÁTICA DO CONCURSO DE ADMISSÃO À 5ª SÉRIE CMB ANO 2005 / 06) MÚLTIPLA-ESCOLHA. (Marque com um X a única alternativa certa)

(PROVA DE MATEMÁTICA DO CONCURSO DE ADMISSÃO À 5ª SÉRIE CMB ANO 2005 / 06) MÚLTIPLA-ESCOLHA. (Marque com um X a única alternativa certa) MÚLTIPLA-ESCOLHA (Marque com um X a única alternativa certa) QUESTÃO 01. Um aluno da 5ª série do CMB saiu de casa e fez compras em quatro lojas, cada uma num bairro diferente. Em cada uma, gastou a metade

Leia mais

1) Camada Física. Camada física. Par trançado. Prof. Leandro Pykosz leandro@sulbbs.com.br

1) Camada Física. Camada física. Par trançado. Prof. Leandro Pykosz leandro@sulbbs.com.br 1) Camada Física Prof. Leandro Pykosz leandro@sulbbs.com.br Camada física Camada mais baixa da hierarquia do modelo OSI; O seu objetivo é transmitir um fluxo de bits de uma máquina para outra; Vários meios

Leia mais

Aula 01: Grandezas Físicas; Sistemas de Unidades; Vetores

Aula 01: Grandezas Físicas; Sistemas de Unidades; Vetores Aula 01: Grandezas Físicas; Sistemas de Unidades; Vetores Tópico 01: Grandezas Físicas - Introdução Caro aluno, quantas vezes você já ouviu alguém falar que Física e Matemática é tudo a mesma coisa? Que

Leia mais

Bíblia para crianças apresenta QUANDO DEUS CRIOU TODAS AS COISAS

Bíblia para crianças apresenta QUANDO DEUS CRIOU TODAS AS COISAS Bíblia para crianças apresenta QUANDO DEUS CRIOU TODAS AS COISAS Escrito por: Edward Hughes Ilustrado por: Byron Unger; Lazarus Adaptado por: Bob Davies; Tammy S. O texto bíblico desta história é extraído

Leia mais

História das Frações

História das Frações 5ª LISTA DE EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES DE MATEMÁTICA Ensino Fundamental 6 Ano Olá pessoal, nesta lista de exercícios vamos verificar quais são os conhecimentos que vocês possuem sobre frações. Lembrem-se

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR. Secretaria Municipal d e Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP SALVADOR / BAHIA

PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR. Secretaria Municipal d e Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP SALVADOR / BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DO SALVADOR Secretaria Municipal d e Educação e Cultura SMEC Coordenadoria de Ensino e Apoio Pedagógico CENAP Avaliação Diagnóstica para Classes do Ciclo de Aprendizagem I: Matemática

Leia mais

Unidade 10 Análise combinatória. Introdução Princípio Fundamental da contagem Fatorial

Unidade 10 Análise combinatória. Introdução Princípio Fundamental da contagem Fatorial Unidade 10 Análise combinatória Introdução Princípio Fundamental da contagem Fatorial Introdução A escolha do presente que você deseja ganhar em seu aniversário, a decisão de uma grande empresa quando

Leia mais

ROSELY SAYÃO é psicóloga e autora de"como Educar Meu Filho?" (Publifolha)

ROSELY SAYÃO é psicóloga e autora decomo Educar Meu Filho? (Publifolha) ROSELY SAYÃO é psicóloga e autora de"como Educar Meu Filho?" (Publifolha) Bullying não é nada disso Além de banalizar o conceito, o que mais conseguimos ao abusar desse termo? Alarmar os pais Há muita

Leia mais

Ano: 8 Turmas: 8.1 e 8.2

Ano: 8 Turmas: 8.1 e 8.2 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação 2ª Etapa 2013 Disciplina: Matemática Professora: Valeria Ano: 8 Turmas: 8.1 e 8.2 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça

Leia mais

Questionário AHEMD (2-12 meses)

Questionário AHEMD (2-12 meses) Questionário AHEMD (2-12 meses) Características da Criança Código Data Nome da Criança: Masc. / Fem. Data Nascimento: / / Peso ao nascer: gramas Nunca Menos de 3 meses 3-6 meses 6-12 meses Há quanto tempo

Leia mais

Eletrônica: conceitos básicos

Eletrônica: conceitos básicos Eletrônica: conceitos básicos A UU L AL A Você já sabe que sem eletricidade não há automação. Ela está presente no acionamento (motores elétricos), no sensoriamento e mesmo nas bombas hidráulicas e nos

Leia mais

O NASCIMENTO DE MOISÉS Lição 28

O NASCIMENTO DE MOISÉS Lição 28 O NASCIMENTO DE MOISÉS Lição 28 1 1. Objetivos: Ensinar que Deus tinha um plano para Moisés. Ensinar a cada aluno que Deus tem um plano para sua vida e ele pode confiar em Deus para guia-lo. 2. Lição Bíblica:

Leia mais

Proteção dos seus filhos contra ferimentos por arma de fogo

Proteção dos seus filhos contra ferimentos por arma de fogo Proteção dos seus filhos contra ferimentos por arma de fogo A curiosidade da criança pode levar a ferimento grave ou à morte FATO Nos Estados Unidos, 33 por cento das casas têm pelo menos uma arma de fogo.

Leia mais

Equipe de Matemática MATEMÁTICA

Equipe de Matemática MATEMÁTICA Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 6B Ensino Médio Equipe de Matemática Data: MATEMÁTICA Aritmética Sistema de Numeração Decimal Nosso sistema de numeração utiliza dez símbolos para representar todos

Leia mais

e-book Os 10 Poderes do POMPOARISMO e casos Práticos onde é Aplicado Olá amiga, tudo bem? Aqui é a Melissa Branier

e-book Os 10 Poderes do POMPOARISMO e casos Práticos onde é Aplicado Olá amiga, tudo bem? Aqui é a Melissa Branier e-book Os 10 Poderes do POMPOARISMO e casos Práticos onde é Aplicado Olá amiga, tudo bem? Aqui é a Melissa Branier Este material foi feito especialmente para você que quer ter uma vida saudável e ativa.

Leia mais

LÍNGUA PORTUGUESA A FADA QUE TINHA IDÉIAS

LÍNGUA PORTUGUESA A FADA QUE TINHA IDÉIAS LÍNGUA PORTUGUESA 3º Ano do Ensino Fundamental TEXTO A FADA QUE TINHA IDÉIAS Estava um pôr-do-sol muito bonito, com nuvens cor de ouro e cor de fogo boiando pelo céu. Clara Luz e as outras fadinhas brincavam

Leia mais

Atividades Recreativas Arte de Acampar

Atividades Recreativas Arte de Acampar Introdução É uma boa atividade de observação. Primeiro você deve aprender os sinais de pista utilizados para comunicação nas trilhas de florestas e nos campos. Alguns, são idênticos aos usados no passado

Leia mais

Conteúdos: Figuras semelhantes, razão de semelhança. Relações entre áreas e volumes de figuras semelhantes.

Conteúdos: Figuras semelhantes, razão de semelhança. Relações entre áreas e volumes de figuras semelhantes. EE Líbero de Almeida Silvares Disciplina de Matemática Professoras Rosana Silva Bonfim BID Daiane dos Santos Cordeiro /Eliani Pereira de Souza Nascimento Público Alvo 9º ano do Ensino Fundamental Data

Leia mais

Atividade Permanente: "Recitar e Contar é só começar" Recitação

Atividade Permanente: Recitar e Contar é só começar Recitação EMEI Profª Maria Alice Pasquarelli - 2012 Atividade Permanente: "Recitar e Contar é só começar" Eixo: Matemática Duração: 1º Semestre Infantil I Recitação JUSTIFICATIVA: No infantil I, faz se necessário

Leia mais

Nome: Gabrielle 4ª Série 1ª. Unidade: Bom Jesus Centro Cidade: Curitiba Estado: Paraná. A Coruja e a Raposa

Nome: Gabrielle 4ª Série 1ª. Unidade: Bom Jesus Centro Cidade: Curitiba Estado: Paraná. A Coruja e a Raposa Nome: Gabrielle 4ª Série 1ª A Coruja e a Raposa Era uma vez uma coruja que tinha sua bela casa na montanha. A raposa tinha uma casa pequena e feia. Um dia, a coruja convidou a raposa para almoçar em sua

Leia mais

Mercúrio e chumbo são metais que estão dentro da lâmpada e podem prejudicar nossa saúde. Saiba como evitar a contaminação por essas substâncias

Mercúrio e chumbo são metais que estão dentro da lâmpada e podem prejudicar nossa saúde. Saiba como evitar a contaminação por essas substâncias Mercúrio e chumbo são metais que estão dentro da lâmpada e podem prejudicar nossa saúde. Saiba como evitar a contaminação por essas substâncias A lâmpada fluorescente é um item comum nas residências e

Leia mais

Lista de exercícios do teorema de Tales

Lista de exercícios do teorema de Tales Componente Curricular: Professor(a): PAULO CEZAR Turno: Data: Matemática Matutino / /2014 Aluno(a): Nº do Aluno: Série: Turma: 8ª (81) (82) Sucesso! Lista de Exercícios Lista de exercícios do teorema de

Leia mais

7 a Série (8 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola.

7 a Série (8 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola. Gestão da Aprendizagem Escolar Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) 7 a Série (8 o Ano) Ensino Fundamental Nome da Escola Cidade Estado Nome do Aluno Idade Sexo feminino masculino Classe Nº 1. Para

Leia mais

ROTEIRO 1º Tratamento (Planos/Movimento/Posição de CAM) Capitulo 1 CONCUSO DOS ANJOS

ROTEIRO 1º Tratamento (Planos/Movimento/Posição de CAM) Capitulo 1 CONCUSO DOS ANJOS ROTEIRO 1º Tratamento (Planos/Movimento/Posição de CAM) Capitulo 1 CONCUSO DOS ANJOS SEQ 01 PALCO DO TEATRO Int/Dia [PLANO CONJUNTO] MIGUEL apresenta sua opera para os anjos. CAM ALTURA DOS OLHOS/FIXA

Leia mais

Colégio: Nome: Número: Turma: Data: 1. Leia uma das páginas do diário de Serafina e depois responda às questões.

Colégio: Nome: Número: Turma: Data: 1. Leia uma das páginas do diário de Serafina e depois responda às questões. Fundamental 1 Sugestão de Avaliação de Português 3 o ano 3 o bimestre Colégio: Nome: Número: Turma: Data: 1. Leia uma das páginas do diário de Serafina e depois responda às questões. O diário de Serafina

Leia mais

Nome: Eduardo 4ª Série 3ª. Unidade: Bom Jesus Centro Cidade: Curitiba Estado: Paraná. O mico-leão-dourado e o rato

Nome: Eduardo 4ª Série 3ª. Unidade: Bom Jesus Centro Cidade: Curitiba Estado: Paraná. O mico-leão-dourado e o rato Nome: Eduardo 4ª Série 3ª O mico-leão-dourado e o rato Um mico-leão-dourado estava louco para ter seu aniversário. O rato, que é seu amigo, perguntou-lhe: Meu amigo mico-leão-dourado, você está ansioso

Leia mais

Copiright de todos artigos, textos, desenhos e lições. A reprodução parcial ou total desta aula só é permitida através de autorização por escrito de

Copiright de todos artigos, textos, desenhos e lições. A reprodução parcial ou total desta aula só é permitida através de autorização por escrito de 1 Veja nesta aula mais alguns exercícios para você aplicar as dicas das aulas anteriores. (Mateus Machado) EXERCÍCIOS Faça todos estes desenhos em uma folha A4 usando o lápis HB. 1. LINHAS IMAGINÁRIAS

Leia mais

O Meio Ambiente. Esses elementos formam a natureza e tudo que nela existe.

O Meio Ambiente. Esses elementos formam a natureza e tudo que nela existe. O Meio Ambiente Introdução Apresentadora: Sabemos que o meio ambiente é formado por quatro elementos fundamentais à vida, e que estes elementos estão interligados entre si e ao próprio homem. Esses elementos

Leia mais

Flexibilização do currículo do Ensino Médio

Flexibilização do currículo do Ensino Médio Flexibilização do currículo do Ensino Médio Proposta de redação: Ensinar o verbo que precisa ser conjugado no presente e no futuro. Flexibilização do currículo do EM: Os adolescentes do novo milênio fazem

Leia mais

De razão a relação: da sala de TV a sala de aula.

De razão a relação: da sala de TV a sala de aula. Reforço escolar M ate mática De razão a relação: da sala de TV a sala de aula. Dinâmica 7 2ª Série 4º Bimestre Aluno DISCIPLINA Série CAMPO CONCEITO Matemática 2a do Ensino Médio Geométrico Teorema de

Leia mais

Produção de Vídeos Didáticos: Tábua de Galton

Produção de Vídeos Didáticos: Tábua de Galton UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas; IFGW Instituto de Física Gleb Watagin; Relatório Final de F 809, Instrumentação para ensino: Produção de Vídeos Didáticos: Tábua de Galton André de Ávila Acquaviva,

Leia mais

EXEMPLAR DO PROFESSOR LÍNGUA PORTUGUESA

EXEMPLAR DO PROFESSOR LÍNGUA PORTUGUESA EXEMPLAR DO PROFESSOR LÍNGUA PORTUGUESA Observação: Professor, para aplicar esta prova é necessária a leitura do Manual de Aplicação, que orienta a aplicação e o desenvolvimento de cada uma das questões.

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO 2010/2011 PROVA DE MATEMÁTICA 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONFERÊNCIA:

CONCURSO DE ADMISSÃO 2010/2011 PROVA DE MATEMÁTICA 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONFERÊNCIA: CONCURSO DE ADMISSÃO 2010/2011 PROVA DE MATEMÁTICA 6º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL CONFERÊNCIA: Chefe da Subcomissão de Matemática Dir Ens CPOR / CMBH PÁGINA 1 RESPONDA AS QUESTÕES DE 01 A 20 E TRANSCREVA

Leia mais

O que é Histerese? Figura 1. A deformação do elemento elástico de um tubo tipo Bourdon.

O que é Histerese? Figura 1. A deformação do elemento elástico de um tubo tipo Bourdon. O que é Histerese? Por Gilberto Carlos Fidélis Você já deve ter sentido o efeito da histerese quando dirige. Quando estamos em uma certa velocidade e de repente tiramos o pé do acelerador percebemos que

Leia mais

http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof. Leonardo Barroso http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof.

http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof. Leonardo Barroso http://geocities.yahoo.com.br/logicaemconcursos Prof. PROVA DE RACIOCÍNIO LÓGICO-QUANTITATIVO ANEEL - Técnico Administrativo Aplicada em 07//2004pela ESAF 3- Surfo ou estudo. Fumo ou não surfo. Velejo ou não estudo. Ora, não velejo. Assim, a) estudo e fumo.

Leia mais

a. De acordo com essa letra de música, qual é o trajeto que o viajante faz?

a. De acordo com essa letra de música, qual é o trajeto que o viajante faz? Caderno 1 Texto 1 - Leia a letra da música Vou Pra Campinas de Alceu Valença e Vicente Barreto: Eu vi o sol E a estrela matutina Vou pra Campinas Nessa estrada pelo ar Saí do Rio de Janeiro Às onze horas

Leia mais

The Princes of Florence

The Princes of Florence The Princes of Florence Regras Simplificadas Resumo Jogo para 3 a 5 jogadores. Jogo com 7 rondas No final do jogo quem tem mais PP (pontos de prestígio) ganha o Em caso de empate ganha o jogador que tiver

Leia mais

Meditação Caminhando com Jesus NOME: DATA: 24/02/2013 PROFESSORA: A CRIAÇÃO DO MUNDO. Versículos para decorar:

Meditação Caminhando com Jesus NOME: DATA: 24/02/2013 PROFESSORA: A CRIAÇÃO DO MUNDO. Versículos para decorar: Meditação Caminhando com Jesus NOME: DATA: 24/02/2013 PROFESSORA: 1- Deus criou os céus e a terra. Gênesis 1:1 A CRIAÇÃO DO MUNDO Versículos para decorar: 2 Pois, por meio dele, Deus criou tudo, no céu

Leia mais

Modelagem do Corpo Humano

Modelagem do Corpo Humano Modelagem do Corpo Humano Antes de modelagem de uma figura em si, vamos aprender como modelar cada parte do corpo separadamente. Não se desespere, em primeiro lugar, é impossível criar uma figura perfeita

Leia mais

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO. Matemática. 3ª Série do Ensino Médio Turma 2º bimestre de 2015 Data / / Escola Aluno

AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO. Matemática. 3ª Série do Ensino Médio Turma 2º bimestre de 2015 Data / / Escola Aluno AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM EM PROCESSO Matemática 3ª Série do Ensino Médio Turma 2º bimestre de 2015 Data / / Escola Aluno Questão 1 O perímetro de um piso retangular de cerâmica mede 14 m e sua área, 12

Leia mais

QUESTÃO 3 ALTERNATIVA E 24 é o maior número que aparece na figura. Indicamos abaixo a sequência de operações e seu resultado. 24 2 12 6 144.

QUESTÃO 3 ALTERNATIVA E 24 é o maior número que aparece na figura. Indicamos abaixo a sequência de operações e seu resultado. 24 2 12 6 144. OBMEP 009 Nível 1 1 QUESTÃO 1 Na imagem que aparece no espelho do Benjamim, o ponteiro dos minutos aponta para o algarismo, enquanto que o ponteiro das horas está entre o algarismo 6 e o traço correspondente

Leia mais

Disciplina de Matemática Professora Valéria Espíndola Lessa. Atividades de Revisão 1º ano do EM 1º bimestre de 2011. Nome: Data:

Disciplina de Matemática Professora Valéria Espíndola Lessa. Atividades de Revisão 1º ano do EM 1º bimestre de 2011. Nome: Data: Disciplina de Matemática Professora Valéria Espíndola Lessa tividades de Revisão 1º ano do EM 1º bimestre de 011. Nome: Data: a) I b) I e II c) II d) III e) II e III. Num curso de espanhol, a distribuição

Leia mais

38 a OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁ TICA

38 a OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁ TICA 38 a OLIMPÍADA BRASILEIRA DE MATEMÁ TICA Primeira Fase Nível 2 (8 o ou 9 o ano) Sexta-feira, 17 de junho de 2016. Caro(a) aluno(a): A duração da prova é de 3 horas. Você poderá, se necessário, solicitar

Leia mais

Centro de gravidade de um corpo é o ponto onde podemos supor que seu peso esteja aplicado.

Centro de gravidade de um corpo é o ponto onde podemos supor que seu peso esteja aplicado. Apostila de Revisão n 4 DISCIPLINA: Física NOME: N O : TURMA: 2M311 PROFESSOR: Glênon Dutra DATA: Mecânica - 4. Corpo Rígido 4.1. Torque análise semiquantitativa, na Primeira Etapa, e quantitativa, na

Leia mais

Que algarismos devem ser colocados nos pontinhos da conta abaixo? ... 34 x 41... O. IS x 12 = 180 300-180 = 120

Que algarismos devem ser colocados nos pontinhos da conta abaixo? ... 34 x 41... O. IS x 12 = 180 300-180 = 120 Que algarismos devem ser colocados nos pontinhos da conta abaixo?... 34 x 41... O Invente um problema que tenha como solução os cálculos abaixo: IS x 12 = 180 300-180 = 120 Em diversas situações do nosso

Leia mais

Unidade 2 Substâncias e átomos

Unidade 2 Substâncias e átomos Unidade 2 Substâncias e átomos Substâncias Puras pág. 51 A matéria é composta por uma ou mais substâncias químicas. Porém, é difícil saber se um corpo é composto por uma única substância ou por uma mistura

Leia mais

MATEMÁTICA PROVA 3º BIMESTRE

MATEMÁTICA PROVA 3º BIMESTRE PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ENSINO COORDENADORIA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA PROVA 3º BIMESTRE 9º ANO 2010 QUESTÃO 1 Na reta numérica abaixo, há

Leia mais

Tudo vem dos sonhos. Primeiro sonhamos, depois fazemos.

Tudo vem dos sonhos. Primeiro sonhamos, depois fazemos. Nível 1 5 a e 6 a séries do Ensino Fundamental 2ª FASE - 8 de outubro de 2005 Cole aqui a etiqueta com os dados do aluno. Nome do(a) aluno(a): Assinatura do(a) aluno(a): Parabéns pelo seu desempenho na

Leia mais

6 a Série (7 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola.

6 a Série (7 o Ano) Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) Ensino Fundamental. Gestão da Aprendizagem Escolar. Nome da Escola. Gestão da Aprendizagem Escolar Avaliação Diagnóstica Matemática (Entrada) 6 a Série (7 o Ano) Ensino Fundamental Nome da Escola Cidade Estado Nome do Aluno Idade Sexo feminino masculino Classe Nº 1. A

Leia mais

Cópia autorizada. II

Cópia autorizada. II II Sugestões de avaliação 5 Unidade 9 Gramática e Ortografia Nome: Data: Leia o trecho da história de Cinderela e responda às questões 1 e 2. Cinderela era uma moça alegre e bela, que era humilhada por

Leia mais