Aos trancos, barrancos e solavancos as empresas vão aprendendo a importância

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Aos trancos, barrancos e solavancos as empresas vão aprendendo a importância"

Transcrição

1 1 Marketing Trends BRANDING Aos trancos, barrancos e solavancos as empresas vão aprendendo a importância de suas MARCAS. Da própria empresa, e de seus produtos. Volta e meia cochilam, caem em zonas de conforto, negligenciam em suas práticas, e riscam ou trincam definitivamente o único patrimônio que possuem suas MARCAS. E o preço a ser pago é pesado, e, algumas vezes, capaz de inviabilizar a sequência do caminho. Fim, mesmo. Dentre os iconoclastas do BRANDING, que tem o estranho prazer de destruírem suas próprias MARCAS, os políticos ocupam a primeiríssima posição. Como fez, recentemente, o governador do PARANÁ. Mas os bancos, através da entidade que em tese os representa, não ficam atrás. Permanecem na rabeira, enquanto categoria, dentre as MARCAS de menor apreço por parte da maioria dos brasileiros. E no verbete das barbaridades, empresas que ainda defendem a tese da meia-garantia, como se isso fosse possível do ponto de vista prático, e do legal. A SONY informa que seu computador VAIO mudou de nome. Agora se chama VAIO! Vaio entender. BOMBRIL voltou a campo e muito rapidamente sua marca adormecida voltou a mostrar sua força e valor. Entre o PRO TESTE e a JOHNSON & JOHNSON os consumidores ficam com a empresa e seu SUNDOWN. E até agora os fabricantes de enxaguatórios não esclareceram a opinião pública se os que contêm álcool são prejudiciais à saúde.

2 16 Marketing Trends 2011 A moeda de um país é um dos mais importantes pontos de contato da MARCA desse país com seus stakeholders. E assim, sempre que possível e necessário, recomenda-se um indispensável face lifting, como a CASA DA MOEDA está fazendo com o REAL. No VALENTINE S DAY, nos ESTADOS UNIDOS, uma empresa comprou dezenas de páginas de jornais e revistas para dizer que ama seus colaboradores. E o mais importante player do território das cervejas no país, continua exibindo uma MARCA mais que gelada. No interior de São Paulo resolveram fazer uma plástica no SÃO LONGUINHO e os fiéis, com toda a razão, se revoltaram. RED BULL envereda por territórios estranhos e perigosos, LOCAWEB acusa arranhões na MARCA por um executivo descuidado, e querem acabar com a vida do RONALD McDONALD S. No açodamento das comemorações o OBJETIVO rebaixa todos os seus demais alunos ao valorizar apenas os supostamente mais inteligentes. E, dentre as PAIXÕES POR MARCAS, a dos clubes de futebol, não obstante as estripulias de dirigentes medíocres, continua no topo do ranking. Por Qué Non Te Callas, Requião? No marketing como na vida muito se aprende com os acertos; mais ainda, com os erros; e muito mais ainda com as barbaridades que pessoas físicas e jurídicas cometem no correr de suas trajetórias. Ensinavam os mais sábios e experientes, se você não tem nada para falar, ou se não se sente à vontade sobre determinado assunto, o melhor a fazer é permanecer calado e confessar sua ignorância. Mas, os políticos não conseguem... E assim, e dentre as lições patéticas do BRANDING PESSOAL, ROBERTO REQUIÃO, o então governador do Paraná, acabara de proferir uma verdadeira e única AULA MAGNA. No dia 27 de outubro de 2009, em solenidade coberta pela TV EDUCATIVA DO PARANÁ, e ao anunciar novos investimentos na saú-

3 Branding 17 de, ROBERTO REQUIÃO proferiu a seguinte barbaridade: A ação do governo não é só em defesa do interesse público; é em defesa da saúde da mulher, também. Embora, hoje, câncer de mama seja uma doença masculina, também, né? Deve ser consequência dessas passeatas gays... Na maior das saias justas, o secretário da Saúde, tentou amenizar o despautério, dizendo, Em menor incidência, em menor número de casos, o câncer de mama também atinge o homem. O homem também tem que tomar cuidado em relação ao câncer de mama. Então, bem lembrado pelo governador essa preocupação.... Todos os oncologistas ouvidos pela imprensa foram unânimes em afirmar que o câncer de mama em homens não tem a mínima relação com preferência sexual. E o presidente da ABGTL Associação Brasileira de Gays, Lésbicas e Transgêneros, TONI REIS, de forma mais educada do que merecia REQUIÃO, disse, O que o governador ainda não sabe é que passeatas curam doenças e elevam os espíritos, porque promovem igualdade, fraternidade e menos discriminação. Por qué non te callas, REQUIÃO? Missão Possível É simplesmente inacreditável que, depois de quase 40 anos após a introdução do pensamento e das técnicas de marketing no mercado financeiro, a imagem dos bancos continuem muito próxima do chão. Pesquisa após pesquisa, e após todos os eventuais esforços que a instituição tem feito para, mais que melhorar, construir uma imagem mínima, a fotografia revelada é da pior qualidade. Desta vez a pesquisa é da CVA SOLUTIONS, que entrevistou correntistas dos dez principais bancos do país: BANCO DO BRASIL, ITAÚ, BRADESCO, UNIBANCO, SANTANDER, REAL, CAIXA, CITIBANK, HSBC e NOSSA CAIXA. Numa escala de 0 a 10, a instituição BANCOS alcançou uma pontuação de 6,27, em penúltimo lugar, só sendo suplantada pelos PLANOS

4 18 Marketing Trends 2011 DE SAÚDE. Até mesmo a execrada telefonia celular conseguiu pontuar melhor que os BANCOS: 6,64. Na percepção e reconhecimento dos consumidores a categoria de produtos melhor avaliada é a dos ELETRODOMÉSTICOS, seguida pelos HOTÉIS. Nessas e em outras categorias, fica bem claro para o consumidor todos os features e values agregados ao produto, ele consegue aferir com razoável facilidade todos os serviços que recebe pelo preço que paga para ter acesso aos mesmos. Para muitas pessoas, construir e fortalecer a imagem dos BANCOS é uma MISSÃO IMPOSSÍVEL. NÃO É! É MAIS QUE POSSÍVEL. Depende, exclusivamente, da vontade e comprometimento de todos os players do setor, por meio de sua associação, no processo de construção de um PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO sob a ótica do mercado MARKETING, e, depois, na ativação, a submissão de todas às suas diretrizes e orientação. Mais que chegou a hora de se definir e construir, no processo de recuperação e fortalecimento de marca, uma nova IDENTIDADE para a instituição BANCOS em nosso país. Não Existe Meia Garantia É simplesmente patético constatar-se, ainda hoje, executivos de MAR- CAS GLOBAIS como os da HP em matéria da FOLHA DE S.PAULO, caderno de INFORMÁTICA FOLHA, já está mais que na hora de mudar a denominação do caderno verbalizando absurdos do tipo, produtos comerciais destinados ao grande público não foram feitos para circular pelo planeta, e, por essa razão, não tem garantia além do país onde foram comprados. Enlouqueceram? Pararam no tempo naquilo que lhes interessa? Imaginam que uma MARCA possui infinitas percepções, significados e compromissos em cada país onde atua? R-I-D-Í-C-U-L-O! MARCA é única e tem que garantir a todos que se deixaram seduzir por seus argumentos, encantos, atrações, suporte e garantia independente

5 Branding 19 de onde o produto foi comprado. Muito especialmente em produtos portáteis, que viajam com seus compradores, por todos os cantos de bairros, cidades, estados, países, mundo. Que bobagem é essa? Muito especialmente uma empresa como a HP, líder mundial em computadores. Mas não é só a HP. Na mesma reportagem bobagens e absurdos do tipo, A PANASONIC só oferece garantia internacional para suas linhas de câmeras fotográficas e filmadoras digitais. Então, por que vende outros produtos?! A NOKIA adverte que os consumidores que comprarem seu produto fora do Brasil podem encaminhar o aparelho para reparo, mas terá que pagar pelo conserto. Piraram, pagar dentro da garantia?! E a APPLE oferece suporte internacional aos seus produtos, mas deixa de fora um de seus sucessos, o iphone. STEVE JOBS, olha o absurdo que seus executivos estão fazendo! Essas empresas, e todas as demais, no mundo novo, plano e colaborativo, serão execradas na tribuna dos ex-fracos e oprimidos, a internet. E se arrependerão, até a última lágrima e prejuízos insuportáveis, por comportamento irresponsável. Os exemplos de empresas que mergulharam na lama e encontraram enorme dificuldade de se recuperar, independentemente de seus lancinantes e desesperados pedidos de desculpas são mais que emblemáticos. Mas, assim mesmo, muitas recusam-se a aprender. Todas elas, sem exceção, brevemente na tela das principais redes sociais do mundo, no verbete EU ODEIO... Recomendo a todas que insistem nesse comportamento medíocre, uma rápida visita ao case UNITED BREAKS GUITAR isso mesmo, uma companhia aérea que não respeita as mercadorias que transporta e depois tenta tirar o corpo fora. Destruiu a guitarra de DAVE CARROLL, lamentou, mas disse que não podia fazer nada já que a culpa era dos terceirizados, e ganhou três músicas do cantor compositor relatando a truculência da empresa. Em menos de um mês, milhões de pessoas no mundo inteiro ficaram sabendo que a UNITED BREAKS GUITAR e muitas outras coisas mais: United, United...You broke my Taylor guitar, United United... some big help you are, You broke it you should fix it, You re liable just admit it, I should have flown with someone else, or gone by car... cause UNITED breaks guitars!

6 20 Marketing Trends 2011 No mesmo material, e ouvida pela reportagem, a representante do PROCON disse que a empresa não tem nenhuma obrigação de garantir seus produtos comprados no exterior. O PROCON tem razão, não tem nenhuma obrigação legal. Cada um comete suicídio como preferir. Tratase de BRANDING, trata-se de MARKETING MODERNO, ÉTICO E DE QUALIDADE. Questão básica de inteligência, sensibilidade e verdadeira liderança. QUESTÃO DE SUSTENTABILIDADE. Vaio Mudou de Significado. Permanece Vaio O quê? Não entendi nada. E as vezes é isso mesmo que acontece. Muitas vezes, empresas que constroem suas marcas usando a metodologia dos acrônimos, resolvem e conseguem atualizar o significado de suas marcas. Outras, pura e simplesmente, seguem adiante, mesmo porque para o consumidor final o que conta são aquelas letrinhas que formam a palavra mágica. No caso da SONY, em computadores, VAIO. VAIO nasceu, originariamente, como acrônimo de VIDEO AUDIO INTEGRATED OPERATION. Criada pela equipe comandada pelo engenheiro TEIYUU GOTO, do CREATIVE CENTER da SONY no JAPÃO, toda a motivação era a de criar uma linha de computadores capaz de otimizar o uso da tecnologia de áudio e vídeo tudo a ver com a SONY para uso profissional e pessoal. Equipamentos que privilegiassem conectividade, convergência e entretenimento. Sob o viés da tecnologia, VAIO também tinha razão de ser: VA representando a curva de frequência analógica, e IO, o código binário que sinaliza a tecnologia digital. Passaram-se os anos, a expectativa e motivação dos consumidores pessoas físicas e jurídicas evoluiu e, rapidamente, no ano de 2008, a SONY decidiu atualizar, ou retraduzir o significado das letrinhas. Agora VAIO quer dizer VISUAL AUDIO INTELLIGENCE ORGANIZER. É mais ou menos como esses artistas que resolvem mudar a forma de escrever seus nomes mas, para seus fãs e admiradores, continuam sendo

7 Branding 21 chamados pelo mesmo som. Mas, para outros stakeholders, muito especialmente todos os que integram a cadeia e ficam entre as empresas e seu consumidor final parceiros, fornecedores, funcionários, prestadores de serviços a atualização da denominação faz todo o sentido. E, por isso, a SONY está de parabéns pelos 10 anos de VAIO, e pelo novo e atual significado dado ao acrônimo. Bombril, o Retorno Desde 2004, e em comemoração aos 50 anos do MARKETING MO- DERNO, anunciado ao mundo por PETER DRUCKER em seu livro divisor de águas, Prática de Administração de Empresas, em 1954, o MADIAMUNDOMARKETING tem realizado conferências, palestras e treinamentos em empresas, associações e Universidades Corporativas, sintetizando o que o mundo dos negócios aprendeu nos agora 55 anos: A MARCA NÃO É UMA DAS MAIS IMPORTANTES PRO- PRIEDADES DE EMPRESAS E PESSOAS; É A ÚNICA. Assim, por decorrência, o único SEGURO DE VIDA profissional e empresarial de qualidade que EMPRESAS e PESSOAS podem ter é UMA MARCA DE QUALIDADE. Exemplos desse AXIOMA se repetem permanentemente no horizonte de nossas observações, mas neste momento, o da BOMBRIL é um dos mais emblemáticos, reverenciados e referenciados. A MARCA BOMBRIL SALVOU A EMPRESA QUE LEVA O NOME BOMBRIL. Fundada no ano de 1948, por ROBERTO SAMPAIO FERREIRA, tornando-se rapidamente designação genérica da lã de aço, e incorporando a sua personalidade suas utilidades, emprestando sua chancela a um dos programas de maior audiência dos anos 50, o CIRQUINHO BOMBRIL, decolou feito um foguete. A qualidade de seu produto, a consistência de sua distribuição, e a simpatia decorrente de seu marketing superior, praticamente a tornou detentora de quase toda a categoria por ela mesma criada. Como se isso não bastasse, e numa das mais im-

8 22 Marketing Trends 2011 portantes contribuições da propaganda para uma MARCA na história do MARKETING BRASILEIRO, 30 anos depois, 1978, WASHINGTON OLIVETTO e FRANCESC PETIT criam, ANDRÉS BUCOWINSKY dirige, e CARLOS MORENO interpreta e vive O GAROTO BOM- BRIL. A MARCA dá um novo e descomunal salto de qualidade, e se credencia para aumentar o espectro de sua abrangência. Em 1981, morre o fundador e os filhos assumem a empresa. Nove anos depois, com a empresa super valorizada, os filhos vendem dois terços das ações ao GRUPO FERRUZZI, e, em 1991, a CRAGNOTTI & PARTNERS passa a deter 100% da empresa. Poucos anos de prosperidade e a empresa vai naufragando. Em pouco tempo estava envolvida em fraudes financeiras e desvios de dinheiro, mais de 500 títulos protestados e 12 pedidos de falência. Após uma longa briga na justiça, um dos filhos, RONALDO FERREIRA, com 51% das ações retoma o controle e o comando da empresa. E inicia o processo de recuperação no dia 18 de julho de Na ocasião a empresa ostentava um patrimônio líquido negativo de 794 milhões de reais, e nos três anos e meio da nova gestão de RONALDO, esse número já caiu para próximo de 200 milhões de reais. O faturamento fechou 2009 acima dos R$ 1,1 bilhão, o lucro retornou e de forma vigorosa, e desde então a empresa vem crescendo a uma taxa de 14% ao ano. Depois desses três anos e meio, RONALDO diz que a BOMBRIL volta a reluzir e está mais que pronta para a retomada do sucesso: Perdi vinte anos fora da empresa e mais três dentro, quando a gente apanhou muito. Neste ano de 2009, começamos a auferir os bons resultados, mas 2010 será o grande ano... acredito demais nessa empresa e na marca.... (REVISTA DISTRIBUIÇÃO). Com muitos planos para a década que se inicia, e tomando todos os cuidados para não cair em tentação e ingressar em territórios que não dizem respeito ao DNA da empresa, a BOMBRIL neste momento é o grande exemplo de como uma MARCA é capaz de sustentar e possibilitar a recuperação de uma empresa, por pior que seja a sua situação e por mais fundo que tenha mergulhado. Claro, desde que existam pessoas com

9 Branding 23 garra, determinação e comprometimento, que, ao apoiar a MARCA, produzam o milagre da ressurreição; ou, se preferirem, renascimento. A Fo r ç a d a s Ma r c a s Como tem feito com certa rotina, o PRO TESTE, da Associação Brasileira de Defesa do Consumidor, entidade privada que vive das mensalidades pagas por seus associados, divulgou no dia 1 o de dezembro, quando centenas de milhares de brasileiros preparavam-se para sair em férias, mergulhar no Atlântico e ganhar uma corzinha, o teste que realizou com dez protetores solares. Dos dez testados, oito foram reprovados: AVON SUN, BANA- NA BOAT, COPPERTONE, EPISOL, LA ROCHE-POSAY, NATU- RA, NIVEA SUN e SUNDOWN. Naquela ocasião como já comentamos em livro desta série Marketing Trends que quem deveria decidir, diante de MARCAS tão reputadas, eram as pessoas querido leitor, a decisão é sua... a maior autoridade em relação a sua pele é você mesmo.... No dia 5 de dezembro, a ABIHPEC, Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, mais algumas marcas associadas à entidade, e condenadas pelo PRO TESTE, publicaram um anúncio nos principais jornais com o título SEGURANÇA E EFICÁCIA DE PROTETORES SOLARES. No texto, referiam-se à utilização de ingredientes seguros, validados e aprovados pela ANVISA, bem como por agências reguladoras de outros países como a FDA (USA) e COLIPA (UNIÃO EUROPEIA). O texto alfinetava o PRO TESTE: Por tudo isso, reforçamos que os protetores solares são seguros, sendo seus estudos de eficácia avaliados pelo único órgão regulamentador autorizado a fazêlo, a ANVISA.... No dia 28 de dezembro, a JOHNSON & JOHNSON, com seu consagrado SUNDOWN, em anúncio de página dupla, alardeava em alto e bom som: CHEGOU MAIS UM VERÃO. VOCÊ APROVEITA O SOL COM SUNDOWN. E A JOHNSON & JOHNSON GARANTE A QUALIDADE DE SUNDOWN PARA VOCÊ.

10 24 Marketing Trends 2011 Do dia 1 o ao dia 31 de dezembro, recebemos mais de duas centenas de manifestações de nossos amigos e leitores, e que tomaram conhecimento do assunto. Noventea e nove por cento deles afirmaram acreditar em SUNDO- WN (J&J), NATURA, AVON, NIVEA, e nas outras MARCAS CONDE- NADAS PELO PRO TESTE, infinitamente mais do que no PRO TESTE. O PRO TESTE, no mínimo, deveria ser mais cuidadoso na divulgação dos resultados de seus testes. Ou v i d o s Mo u c o s d a s Ma r c a s de Enxaguatórios Ainda que com uma pequena queda nas estimativas, os fabricantes de enxaguatórios continuam comemorando a consolidação da relativamente nova categoria de produtos para higiene bucal. Em menos de 20 anos, saltou do quase zero para um número muito próximo do meio bilhão de reais em E muitas novidades a caminho, além de todo o cuidado das empresas líderes na categoria para se defenderem do ataque dos novos players. Dois terços do mercado está dividido entre COLGATE (PLAX), e agora JOHNSON & JOHNSON (LISTERINE), após a aquisição de dois anos atrás. Mas, atacando com vigor e consistência, PROCTER (ORAL-B), GLAXOSMITHKLINE (SENSODYNE), e a pioneira first mover SANOFI-AVENTIS (CEPACOL), que com a chegada das atuais líderes foi ficando pelo caminho. No ano passado, toda a categoria sofreu grave acusação. O pesquisador da FACULDADE DE SAÚDE PÚBLICA da USP, cirurgião-dentista MARCO ANTÕNIO MANFREDINI, alertava sobre os perigos do uso indiscriminado do produto, em matéria da FOLHA DE SÃO PAULO, Observamos um grande investimento na indução ao uso do produto. E é importante dizer que, ao contrário da pasta, da escova e do fio dental, o colutório não tem indicação universal... é preciso concentrar a utilização para casos específicos.

11 Branding 25 MANFREDINI e outros especialistas reportavam-se a diferentes publicações científicas de outros países condenando o uso indiscriminado dos enxaguatórios. No final do ano de 2008, uma revista a da ACA- DEMIA DENTAL DA AUSTRÁLIA publicou uma compilação de diferentes estudos que concluíam haver evidências mais que suficientes de que enxaguatórios bucais com álcool quase todos têm contribuem decisivamente para aumentar a incidência de câncer oral. Na ocasião, e também falando à FOLHA, o oncologista PAULO KOWALSKI, diretor do departamento de Cirurgia de Cabeça e Pescoço do Hospital A. C. CAMARGO recomendava: algumas marcas chegam a ter 26% de álcool, e há pessoas que usam todos os dias. Hoje existem produtos no mercado sem álcool, que devem ser os escolhidos. Até hoje as empresas líderes da categoria não se manifestaram. O consumidor continua perdido e desorientado, não parou de comprar ou consumir, mas sempre tem uma sensação de dúvida todas as vezes que coloca o enxaquatório na boca. Quando COLGATE e JOHNSON & JOHNSON vão romper o silêncio? Ou acreditam não ter nada a ver com o tema? O Pa í s n o Bo l s o o u n a Ca r t e i r a Em princípio, todas as pessoas nascidas num país, carregam, com raras exceções, e independentemente de seus políticos, o país em seus corações. Tirando a presença da MARCA PAÍS, em nosso caso, da MARCA BRASIL dentro de nós, outro importante elo de ligação e convivência é a moeda nacional. Em nosso caso, o REAL de 1994 para cá, depois de diversas tentativas malsucedidas de planos anteriores. Se o país vai bem, se a percepção de valor do país cresce, recomendase apenas providenciais atualizações no desenho e apresentação da moeda, incorporando à mesma uma sensação maior do sucesso e prosperidade do país, e ainda tudo o que for necessário para garantir uma maior segurança, atenuando os riscos de falsificações.

12 26 Marketing Trends 2011 Assim, depois de 16 anos, aproxima-se rapidamente o momento de se realizar um upgrade no REAL. E, pelas informações que têm saído na imprensa, muitas decisões já foram tomadas. Nas novas notas e moedas do REAL, que serão introduzidas gradativamente, permanecerão os mesmos valores: notas de R$ 2, 5, 10, 20, 50 e 100; o mesmo acontecendo com as moedas e seus respectivos valores de hoje. As figuras presentes em cada uma das notas continuarão as mesmas: a tartaruga marinha nas notas de R$ 2, a garça na de R$ 5, a arara na de R$ 10, o mico-leão-dourado na de R$ 20, a onça-pintada na de R$ 50, e a garoupa na de R$100. Mas as cores sofrerão, mais que alterações, correções, na busca de maior permanência e segurança. Preparando-se para o upgrade, a CASA DA MOEDA investiu R$ 400 milhões em novos equipamentos, que possibilitam impressões de maior qualidade e precisão, facilitam a identificação da cédula e de seus valores pelo tato, e também levaram em conta o trânsito do dinheiro e seus comportamentos nas máquinas de contar e organizar pacotes. Depois de 15 anos, o REAL mais que merecia uma consistente atualização. We Love Our Employees De uns anos para cá, reservo minha semana de CARNAVAL para um mergulho profundo na ilha. Na ilha de MANHATTAN, capital mundial do mundo contemporâneo e do marketing de vanguarda. Um dos 62 condados do estado americano de NOVA YORK, e um dos cinco distritos, ou bairros (boroughs) da cidade de NOVA YORK (os outros são: BRONX, BROOKLYN, QUEENS e STATE ISLAND). Desta vez, o domingo de CARNAVAL daqui, coincidia com o VALENTINE S DAY de lá, 14 de fevereiro, DIA DOS NAMORADOS que comemoramos no Brasil em 12 de junho, a mesma data que prevalecia em Portugal até anos atrás, quando se decidiu mudar para o 14 de fevereiro. Em verdade é o dia de SÃO VALENTIM. E o que o SÃO VA-

13 Branding 27 LENTIM tem a ver com os namorados? VALENTIM supostamente foi um bispo que se colocou contra as ordens do imperador CLAUDIO II que proibira o casamento durante as guerras, acreditando que os soldados solteiros combatiam melhor. E ao chegar na cidade, o clima de romance era total. Todas as lojas decoradas para a efeméride, no GUGGENHEIM, um casal solitário no centro do grande vazio do caracol que se projeta para cima, uma das obras máximas do arquiteto FRANK LLOYD WRIGHT, performava o amor em toda a sua plenitude, em seus corredores vazios de quadros as pessoas eram as obras de arte, vendo e sendo vista, e se confraternizando, para alegria e felicidade de WRIGHT que assim imaginou o MUSEU. Todas as HALLMARKs com centenas de objetos alusivos à data, e muito mais. Sem falar nos shows da noite, muito especialmente no legendário OAK ROOM do ALGONQUIN, onde o casal de músicos ERIC COMSTOCK e BARBARA FASANO piano e canto contavam seus 25 anos de casados entre os standards de COLE PORTER, dos irmãos GERSHWIN, e outros mais. Claro que embarquei no clima morrendo de saudade de minha adorada KATINHA. Mas, o que me chamou mais atenção foi a quantidade de manifestações de empresas agradecendo, homenageando e fazendo juras de amor a seus colaboradores. E dentre essas manifestações, o anúncio da THE CONTAINER STORE no THE NEW YORK TIMES. No título, WE LOVE OUR EMPLOYEES! E no texto, declaramos o dia de hoje como O DIA NACIONAL DO EU AMO MEUS COLABORADORES em homenagem a todos os nossos dedicados e leais profissionais que fazem a experiência de nossos clientes ser, simplesmente, memorável... De costa a costa, incluindo nossa base na SUÉCIA, temos o orgulho de ter a mais inspiradora e criativa equipe de colaboradores que faz de nossa empresa líder em sua atividade por mais de 30 anos. WE LOVE OUR EMPLOYESS! E aí fiquei pensando, quantas empresas no Brasil e no mundo dizem isso para seus fantásticos e leais colaboradores? Quantas empresas dizem isso no DIA DOS NAMORADOS? Quantas empresas dizem isso todos os dias, a todos os momentos?

14 28 Marketing Trends 2011 Você diz EU AMO VOCÊS, a todos os seus colaboradores, frequentemente? Uma Marca Gelada As pessoas revelam-se impressionadas com seus números. Sua capacidade de preservar e consolidar sua liderança é reconhecida. As conquistas de suas lideranças são decantadas em prosa e verso. Os autores da proeza são referenciados e reverenciados nos principais cursos de administração do país: em quase todos, não em todos. Muitos jovens executivos em início de carreira sonham em ser descobertos pela empresa; a maioria dos outros executivos não quer nem ouvir mencionar seu nome. E agora, divulga os dados referentes a Um porre de sucesso. Um lucro líquido de R$ 6 bilhões 16,9% em relação a , um ebtida de R$ 10,5 bilhões 15,8% sobre 2008, receita líquida de R$ 23,2 bilhões 12,0% a mais que 2008 volume de vendas 15,5 bilhões de litros 5,1% sobre 2008 e por aí vai. Setenta por cento de participação no mercado de cervejas, investimentos previstos para 2010 da ordem de R$ 2 bilhões, 15% de aumento em sua capacidade de produção, e 44 mil novos empregos diretos e indiretos. Seus números brilham, sua saúde econômica é exuberante e poderia continuar descrevendo toda a sua magnitude e esplendor, e ainda seria pouco. Não obstante tudo isso, é vista com respeito, mas não admiração. Chama a atenção por suas conquistas, mas não emociona. Ao se movimentar tromba, machuca, derruba os de fora e muitos dos de dentro gera pânico. Não distingue pessoas de números. Não desperta simpatia; não provoca inveja; não constrói relacionamentos verdadeiros; é incapaz de amar; desconhece o que é paixão; não tem admiradores, seguidores, evangelizadores, apóstolos. No território do BRANDING conseguiu uma proeza única e, provavelmente, insuperável. CONSTRUIU UMA MARCA GELADA. Assina AMBEV.

15 Branding 29 Ai n d a É El e? Todo o cuidado é pouco. Enquanto só identidade pura, nenhum problema. Com o passar dos anos, dos contatos, da disseminação, a IDENTIDA- DE ganha ALMA e se converte em IMAGEM, e, depois, em MARCA, na cabeça e no coração de seus admiradores, seguidores, devotos. Qualquer alteração ou mudança requer cuidados rigorosos e especiais, sob pena de transformar o objeto de respeito e admiração em gerador de revolta, indignação, constrangimento. LONGINO, do latim LONGINUS, ou LONGUINHO como é conhecido no Brasil, é um santo da IGREJA CATÓLICA. Os registros datam sua existência no século primeiro, supostamente contemporâneo de JESUS CRISTO. Muitos o localizam em MATEUS 27:54; MAR- COS 15:39 ou LUCAS 23:47. Como o centurião da crucificação de CRISTO. Aquele que o reconheceu como O FILHO DE DEUS. Por causa de sua fé, foi preso e torturado, tendo seus dentes arrancados e a língua cortada. O dia em sua homenagem é 16 de outubro na Europa, e 15 de março no Brasil. Seus devotos recorrem a seus préstimos para encontrar objetos perdidos. Os que perdem e querem achar devem repetir: São Longuinho, São Longuinho, se eu achar (o nome do objeto perdido) dou três pulinhos e três gritinhos Achei, São Longuinho; Achei, São Longuinho; Achei, São Longuinho. Agora, no entanto, quem recorre a essa prece é o próprio SÃO LONGUINHO. Ocorre que a única imagem do SANTO existente no Brasil, Paróquia de São Longuinho, cidade de Guararema (SP), foi mandada para restauração. E foi SÃO LONGUINHO e voltou um outro santo qualquer, porque depois de restaurado SÃO LONGUINHO não tem mais nada a ver com SÃO LONGUINHO, ou, SÃO LONGUINHO procura SÃO LONGUINHO. Segundo os habitantes da cidade e devotos do santo, Deformaram SÃO LONGUINHO. Afinaram o nariz, fizeram o cabelo e a sobrancelha, e pra piorar colocaram uma roupa qualquer. Antes da restauração vestia uma túnica branca e ponto. Agora tem um

16 30 Marketing Trends 2011 novíssimo traje marrom, mais um cajado, mais uma lanterna, e, ainda, uma mochila! Curto e grosso, SÃO LONGUINHO virou dominicano. Ninguém mais reconhece o velho e bom santo. O movimento na Igreja e na cidade despencou. E mesmo os que ainda rezam pelo santo, rezam pelo SÃO LONGUINHO antigo, e abominam o novo. Produtos e marcas precisam, de tempos em tempos, de indispensáveis e necessárias atualizações. Produtos e marcas dispensam intervenções incompetentes e grosseiras. E todos nós, consultores do MADIAMUNDO- MARKETING, nos solidarizamos com os fiéis de GUARAREMA e devotos de SÃO LONGUINHO. O que fizeram com o generoso santo, definitivamente, não se faz. Red Rose Bull Durante muitos anos nossos consultores acreditaram que a e o RED BULL poderiam repetir, neste século, as proezas da COCA-COLA, no século passado, e que ainda garantem à marca uma liderança destacada no território dos refrigerantes por mais algumas décadas. Origens semelhantes, no tocante às narrativas das fórmulas, competência exemplar na comunicação, outras parecenças em design, estratégias, ações promocionais, organização dos processos de produção, ou seja, tudo levava a crer que a e o RED BULL ocupariam a cena. Da virada do milênio para cá, perdeu consistência, caiu em tentações, e dia após dia vem se degenerando. Dentre tantas virtudes, a maior de todas de RED BULL era a de se alavancar patrocinando e promovendo ESPORTES RADICAIS e ES- PORTES INUSITADOS. RADICAIS, como muitos no gelo, nas montanhas, no mar, no céu, e INUSITADOS, como corridas com carrinhos de rolimã, campeonatos de aviõezinhos de papel e muito mais. Tudo estava dando certo. Apropriava-se do território de esportes de pequenas e selecionadas audiências, mas de descomunal e gigantesca repercussão. Associava sua gororoba a momentos de riscos, desafios, inovação, emoção, criatividade.

17 Branding 31 Era e continua sendo o atalho certo. Mais rápido, seguro e eficaz. Mas, diante de tantas ofertas e supostas oportunidades, RED BULL não resistiu, e em busca de maiores audiências não necessariamente maiores glórias e consolidação de seu posicionamento, passou a patrocinar e manter equipe na FÓRMULA 1, a comprar times de futebol e dezenas de outras barbaridades. 1 Não vai dar certo. 2 Não vai dar, depois, para tentar voltar atrás e retomar o caminho do sucesso, da glória e da consagração. Curto e grosso, RED BULL está jogando no lixo, pelo aplauso fugaz e irrelevante da massa, todas as chances de ser a COCA-COLA do novo século. Um Desastre Domingo, 25 de março de 2010, no PACAEMBU, CORINTHIANS X SÃO PAULO. Nas mangas das camisas dos jogadores do SÃO PAULO, a marca da LOCAWEB, empresa de hosting e patrocinadora. No twitter do diretor comercial da empresa, o patrocinado era tratado por seu apelido, BAMBI; e, ainda, vibrava com os gols do adversário porque garantia uma exposição maior da marca na camisa do goleiro ROGÉRIO. Antes de terminar a partida as mensagens foram apagadas, mas, tarde demais. Imediatamente o diretor comercial twittou, de novo, Minhas sinceras desculpas à torcida e ao time do SPFC. No calor do clássico, o torcedor tomou conta do profissional. Não acontecerá de novo. Tinha razão, foi demitido na terça-feira. Dia seguinte, a LOCAWEB divulgou nota a imprensa lembrando que a opinião de seu funcionário não corresponde à da empresa e se desculpa por eventuais mal-entendidos ou constrangimentos causados por esse funcionário. Mais um dia e uma nova nota anunciando o desligamento do diretor comercial que não faz mais parte do quadro executivo da empresa... em razão do recente incidente envolvendo a companhia e o São Paulo Fu-

18 32 Marketing Trends 2011 tebol Clube, o executivo decidiu, em comum acordo com a diretoria da LOCAWEB, desligar-se de suas funções. Independente se trabalhando ou não, em momentos de lazer ou descontração que não era exatamente o caso do diretor comercial para as pessoas de seu relacionamento sempre se confunde a figura do ser humano e do executivo. Enquanto trabalhar numa determinada empresa, e mesmo que procure caracterizar e explicitar as diferenças entre SER e ESTAR, na percepção das pessoas, a confusão é permanente. Para o bem ou para o mal, sempre restará uma ponta de percepção daquela pessoa como embaixadora de uma empresa, de uma marca. Para que isso não aconteça em hipótese alguma, um treinamento básico é fundamental. Para todos os funcionários. O que se dizer, então, de um executivo em posição de comando? Como a MULHER DE CESAR, e independente do SER e ESTAR, o que sempre prevalece dentro dos procedimentos elementares e mínimos da etiqueta profissional é o SER e PARECER. Que ao menos a lição tenha sido aprendida, depois de tão patético e lamentável acontecimento. Um Fim Próximo A mais tradicional das marcas da aviação brasileira VARIG caminha inexoravelmente para o desaparecimento. É o que se depreende da entrevista concedida por CONSTANTINO JÚNIOR, presidente da GOL, três anos após a aquisição da que foi um dia a VIAÇÃO AÉREA RIOGRANDENSE. Quando adquiriu a VARIG, a GOL estava especialmente interessada na tradição/operação internacional da MARCA, em seu programa de fidelidade SMILES, e nos muitos slots no aeroporto de CONGONHAS. E se dispôs a um desembolso na soma das compensações da ordem de R$ 320 milhões. Três anos depois, de todos os destinos internacionais restam apenas, para uma empresa que cobriu os mais importantes aeroportos e países do mundo, os voos para ARUBA, BOGOTÁ e CARACAS; quanto

19 Branding 33 aos slots de CONGONHAS, e após o acidente do AIRBUS da TAM em CONGONHAS, as restrições aumentaram, somado ao fato de a VARIG ter uma frota, a essas alturas, bastante limitada. Na entrevista de CONSTANTINO JÚNIOR à DÉBORA THOMÈ do ESTADÃO, o que mais chama a atenção é o reconhecimento que superestimaram a capacidade de atrair os passageiros de uma empresa que foi perdendo o seu brilho pelo caminho, e que não oferecia nenhum diferencial ou exclusividade: Partimos para os voos de longo curso EUROPA e MÉXICO mas não tivemos êxito. Nós talvez tenhamos cometido um erro estratégico: oferecer um produto sem um diferencial fosse ele a redução de custos ou a melhoria substancial na qualidade do serviço. Entramos nos voos internacionais com aviões que não eram os mais modernos e isso implicou num consumo maior de combustível. E ainda a VARIG não tinha acordo de CODE SHARE com nenhuma companhia aérea. Tínhamos um prazo para colocar esses voos em operação e conseguimos. Mas o fato é que nosso produto não gerava atratividade.... Em relação ao futuro, nós não percebemos, hoje, uma oportunidade no mercado doméstico para explorar essa marca. Entendemos que o modelo da GOL, para voos curtos, é o mais adequado: é mais espartanos em relação ao serviço de bordo, mais voltado à eficiência e tem custos menores com tarifas menores.... Em verdade, os DNAs das duas empresas/marcas são antagônicos; jamais, complementares. E assim, a mesma pergunta sempre continuará no ar sem jamais encontrar resposta mesmo porque não existe uma resposta: POR QUE A GOL COMPROU A VARIG? A Ca b e ç a d e Ro n a l d Pesquisa realizada pelo INSTITUTO BRASILEIRO DE ÉTICA NOS NEGÓCIOS, com sede na CAI Corporate Accountability International, fundada em 1977, é uma espécie de ONG que se propõe a lutar

20 34 Marketing Trends 2011 contra os abusos das grandes corporações, volta todas as suas baterias, neste momento, contra o RONALD. Nem o RONALDINHO, nem o RO- NALDÃO, nem o RONALD BIGGS. Isso mesmo, contra o RONALD McDONALD. Segundo a CAI, nos últimos 50 anos o palhaço do Mc foi o responsável por induzir e motivar crianças a péssimos hábitos alimentares e comida prejudicial à saúde, leia-se BIG MACs, irmãos e primos. A campanha exige que RONALD seja aposentado. E naturalmente, pedem aos que concordarem e aderirem à causa, que façam contribuições para a instituição. A CAI se intitula responsável pela aposentadoria do simpático e sedutor camelo, do CAMEL, e pede que o Mc adote semelhante providência. O Mc não só não considera o pedido como lembra que RONALD, hoje, transcende a empresa e faz parte do imaginário das crianças, e das recordações de duas ou três gerações. Mais ainda, que é o patrono de uma causa social da maior relevância, a RONALD McDONALD HOUSE CHARITIES que ajuda e possibilita aproximadamente 4 milhões de famílias, a cada ano, a permanecerem próximas de suas crianças doentes e internadas em hospitais. Cigarro faz mal? Mais que fazer, mata. Comida com excesso de calorias e gordura é prejudicial a saúde? Sim, e muito. Mas tanto o camelo quanto o palhaço não têm nada a ver com isso. Que briguem com a REYNOLDS, como brigaram, e com o Mc, como estão brigando, mas não envolvam personagens, que há muito deixaram de pertencer às empresas, e hoje fazem parte do patrimônio emocional de milhões de pessoas. O CA- MEL e o RONALD há muito não pertencem mais a seus proprietários legais. Assim como as marcas. Personagens e Marcas são propriedades legais, mas vivem na cabeça e no coração das pessoas que conquistaram. Mais ainda, até quando as pessoas precisarão ser tuteladas? Até quando as empresas terão de assumir as responsabilidades que pertencem exclusivamente aos pais. É muito cômodo e cruel matar camelos e palhaços, mas de efetivo, nada. Daqui do Brasil, a distância, conclamo todas as pessoas a lutarem para preservarem os personagens que habitam seu imaginário. Dou um grito isolado em defesa da MÔNICA, do CEBOLINHA e do ELEFANTE

- GUIA DO EMPRESÁRIO - Lucros Bons e Lucros Ruins

- GUIA DO EMPRESÁRIO - Lucros Bons e Lucros Ruins - GUIA DO EMPRESÁRIO - Lucros Bons e Lucros Ruins Planeta Contábil 2008 Todos os Direitos Reservados (www.planetacontabil.com.br) 1/5 Lucros Bons e Lucros Ruins Podemos pensar que lucrar é sempre bom,

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

Marcos Tolentino revela como se tornou o presidente da Rede Brasil de Televisão - RBTV

Marcos Tolentino revela como se tornou o presidente da Rede Brasil de Televisão - RBTV DINO - Divulgador de Notícias Marcos Tolentino revela como se tornou o presidente da Rede Brasil de Televisão - RBTV Marcos Tolentino conta sua trajetória e revela como o filho de um vendedor de carros

Leia mais

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar

1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar 1. Porque eu te amo nunca será suficiente 2. Porque a cada dia você me conquista mais e de um jeito novo 3. Porque a ciência não tem como explicar nosso amor 4. Porque a gente discute nossos problemas

Leia mais

Família e dinheiro. Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? Todos juntos ganham mais

Família e dinheiro. Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? Todos juntos ganham mais 1016327-7 - set/2012 Quer saber mais sobre como usar melhor o seu dinheiro? No site www.itau.com.br/usoconsciente, você encontra vídeos, testes e informações para uma gestão financeira eficiente. Acesse

Leia mais

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance

Alta Performance Como ser um profissional ou ter negócios de alta performance Sobre o autor: Meu nome é Rodrigo Marroni. Sou apaixonado por empreendedorismo e vivo desta forma há quase 5 anos. Há mais de 9 anos já possuía negócios paralelos ao meu trabalho e há um pouco mais de

Leia mais

O futuro do YouTube - VEJA.com

O futuro do YouTube - VEJA.com Entrevista O futuro do YouTube 29/08/2009 10:49 Por Leo Branco Nesta semana, Chad Hurley, de 32 anos, um dos criadores do YouTube, esteve no Brasil e falou a VEJA sobre o futuro do maior site de vídeos

Leia mais

Poética & Filosofia Cultural - Chico Xavier & Dalai Lama

Poética & Filosofia Cultural - Chico Xavier & Dalai Lama Page 1 of 6 Tudo Bem! Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Disciplina: Filosofia Cultural Educador: João Nascimento Borges Filho Poética

Leia mais

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões

8 Passos para o Recrutamento Eficaz. Por Tiago Simões 8 Passos para o Recrutamento Eficaz Por Tiago Simões Uma das coisas que aprendi na indústria de marketing de rede é que se você não tem um sistema de trabalho que comprovadamente funcione, muito provavelmente

Leia mais

Como lutar em uma guerra de preços

Como lutar em uma guerra de preços Como lutar em uma guerra de preços Juliana Kircher Macroplan Prospectiva, Estratégia e Gestão Julho de 2006 Guerras de preços já são fatos concretos que ocorrem frequentemente em todos os mercados, seja

Leia mais

Thaísa Fortuni. 15 dicas de Mídias Sociais para Moda. Copyright 2015 - Todos os direitos reservados

Thaísa Fortuni. 15 dicas de Mídias Sociais para Moda. Copyright 2015 - Todos os direitos reservados Thaísa Fortuni Thaísa Fortuni 15 dicas de Mídias Sociais para Moda Copyright 2015 - Todos os direitos reservados Sobre Thaísa Fortuni Publicitária por formação, escritora e empreendora digital. Trabalha

Leia mais

Crianças e adolescentes. Lucas 18:15.17

Crianças e adolescentes. Lucas 18:15.17 Crianças e adolescentes Lucas 18:15.17 Quem tem ensinado as nossas crianças? Nós ou Eles? Jogos eletrônicos Os jogos eletrônicos hoje em dia, cada vez mais próximo da realidade, que incitam a violência,

Leia mais

Pra que serve tudo isso?

Pra que serve tudo isso? Capítulo 1 Pra que serve tudo isso? Parabéns! Você tem em mãos a base para o início de um bom planejamento financeiro. O conhecimento para começar a ver o dinheiro de outro ponto de vista, que nunca foi

Leia mais

Pgm 652 - Problemas da telefonia celular - 14/08/2012

Pgm 652 - Problemas da telefonia celular - 14/08/2012 Publicado em TV Brasil (http://tvbrasil.ebc.com.br) 27/12/2012-21h41 Pgm 652 - Problemas da telefonia celular - 14/08/2012 O programaobservatório da Imprensa na TV, exibido ao vivo na terça-feira (14/08)

Leia mais

www.rockstarsocial.com.br

www.rockstarsocial.com.br 1 1 Todos os Direitos Reservados 2013 Todas As Fotos Usadas Aqui São Apenas Para Descrição. A Cópia Ou Distribuição Do Contéudo Deste Livro É Totalmente Proibida Sem Autorização Prévia Do Autor. AUTOR

Leia mais

Apaixonado. Pessoal. Serviço.

Apaixonado. Pessoal. Serviço. Apaixonado. Pessoal. Serviço. sobre nós Privileged (Privilegiado) é um serviço de gestão global padrão luxo que oferece uma linha de serviços padronizados, 24 horas por dia, 365 dias por ano, ou seja,

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

Assim nasce uma empresa.

Assim nasce uma empresa. Assim nasce uma empresa. Uma história para você que tem, ou pensa em, um dia, ter seu próprio negócio. 1 "Non nobis, Domine, non nobis, sed nomini Tuo da gloriam" (Sl 115,1) 2 Sem o ar Torna-te aquilo

Leia mais

Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada

Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada Terça-feira, 11 de março de 2014 Seis mulheres e o único desejo: um futuro diferente Entrevistadas denunciam desigualdade velada Nádia Junqueira Goiânia - Dalila tem 15 anos, estuda o 2º ano no Colégio

Leia mais

Capa VERÃO 30 n SuperVarejo novembro 2009

Capa VERÃO 30 n SuperVarejo novembro 2009 30 n SuperVarejo novembro 2009 Protetores solares, bronzeadores e cremes para pele e cabelo vão garantir o faturamento do verão na categoria higiene e beleza >> Rogério Gatti > rgatti@supervarejo.com.br

Leia mais

O escritor Paulo Coelho, hoje um dos imortais da Academia Brasileira de Letras, relata em

O escritor Paulo Coelho, hoje um dos imortais da Academia Brasileira de Letras, relata em O escritor Paulo Coelho, hoje um dos imortais da Academia Brasileira de Letras, relata em artigo do jornal Folha de São Paulo, como se tornou escritor de sucesso. A narrativa de Paulo Coelho fez parte

Leia mais

Entrevistado: Data da Entrevista: Entrevista: 1- Como você percebe o processo de criação de marcas?

Entrevistado: Data da Entrevista: Entrevista: 1- Como você percebe o processo de criação de marcas? Entrevistado: Guto Lacaz Data da Entrevista: 19 de Julho de 2011 Entrevista: Pessoalmente Formado em Arquitetura pela Faculdade de Arquitetura de São José dos Campos, faculdade onde também realizou cursos

Leia mais

3 Truques Para Obter Fluência no Inglês

3 Truques Para Obter Fluência no Inglês 3 Truques Para Obter Fluência no Inglês by: Fabiana Lara Atenção! O ministério da saúde adverte: Os hábitos aqui expostos correm o sério risco de te colocar a frente de todos seus colegas, atingindo a

Leia mais

MARIANA: Fátima? Você tem certeza que seu pai vai gostar? Ele é meio careta, apesar de que é uma linda homenagem.

MARIANA: Fátima? Você tem certeza que seu pai vai gostar? Ele é meio careta, apesar de que é uma linda homenagem. Pais e filhos 1º cena: música ambiente (início da música pais e filhos legião urbana - duas pessoas entram com um mural e começam a confeccionar com frases para o aniversário do pai de uma delas (Fátima),

Leia mais

Relatório ARENAPLAN 06/03/2013 Pesquisa: Faturamento das Novas Arenas

Relatório ARENAPLAN 06/03/2013 Pesquisa: Faturamento das Novas Arenas Relatório ARENAPLAN 06/03/2013 Pesquisa: Faturamento das Novas Arenas Consultoria Financeira e Tecnológica http://www.arenaplan.com.br São Paulo-SP Email: contato@arenaplan.com.br Twitter: @arenaplan Facebook:

Leia mais

Clubes Europeus avançam sobre Torcedores Brasileiros

Clubes Europeus avançam sobre Torcedores Brasileiros PLURI View Clubes Europeus avançam sobre Torcedores Brasileiros PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Curitiba-PR Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria Fernando

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

O patrocínio como estratégia de investimento no esporte

O patrocínio como estratégia de investimento no esporte O patrocínio como estratégia de investimento no esporte Prof. Helcio M. Rodrigues Projeto apresentado ao Centro de Pós-Graduação e Pesquisa das Faculdades Metropolitanas Unidas RESUMO Este trabalho tem

Leia mais

Plano de Mídia TV PAJUÇARA

Plano de Mídia TV PAJUÇARA Campeonato Alagoano A emoção do Campeonato Alagoano faz parte do Pajuçara Sistema de Comunicação desde 2008. E, de lá pra cá, já virou tradição de todo alagoano acompanhar todos os lances do seu time do

Leia mais

Futebol alemão X Futebol brasileiro

Futebol alemão X Futebol brasileiro Futebol alemão X Futebol brasileiro Um fez sua revolução. Outro nem começou! Novembro de 2015 A revolução na Alemanha Eliminação precoce na Eurocopa de 2000 impulsionou as mudanças. Plano de longo prazo

Leia mais

"Busca pelo Envolvimento do Funcionário Parte Dois: O Poder do Reforço Positivo.

Busca pelo Envolvimento do Funcionário Parte Dois: O Poder do Reforço Positivo. "Busca pelo Envolvimento do Funcionário Parte Dois: O Poder do Reforço Positivo. Por Bill Sims, Jr. www.safetyincentives.com Na primeira parte desta história, expliquei sobre os três tipos de funcionários

Leia mais

Marketing Digital de resultado para PMEs. Monitoramento na Internet A arma competitiva das pequenas e médias empresas

Marketing Digital de resultado para PMEs. Monitoramento na Internet A arma competitiva das pequenas e médias empresas Monitoramento na Internet A arma competitiva das pequenas e médias empresas 1 Sumário I II V Porque monitorar? O que monitorar? Onde monitorar? Como engajar? 2 Por que Monitorar? 3 I II V Nas mídias sociais

Leia mais

% Das estratégias fracassam por ineficácia em sua execução. Raramente fracassam por falta de inteligência ou visão. DEFININDO A DIREÇÃO CAPITULO:1 NÃO É A ESTRATÉGIA UM FUTURO QUE MAL CONSEGUEM VISLUMBRAR

Leia mais

Indústria do Esporte. Futebol, a maior paixão dos brasileiros Potencial mercadológico atual

Indústria do Esporte. Futebol, a maior paixão dos brasileiros Potencial mercadológico atual Indústria do Esporte Futebol, a maior paixão dos brasileiros Potencial mercadológico atual Abril 2011 Futebol, a maior paixão dos brasileiros Potencial mercadológico atual A BDO RCS, por meio de sua área

Leia mais

MATERIAL DE APOIO OFICINA EVANGELISMO PESSOAL MIN. FILIPE ARAÚJO

MATERIAL DE APOIO OFICINA EVANGELISMO PESSOAL MIN. FILIPE ARAÚJO MATERIAL DE APOIO OFICINA EVANGELISMO PESSOAL MIN. FILIPE ARAÚJO DO CONCEITO PARA PRATICA E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos

Leia mais

Oportunidade: efeitos socioeconômicos 2006-2014. Preparativos: sorteio final e venda de ingressos

Oportunidade: efeitos socioeconômicos 2006-2014. Preparativos: sorteio final e venda de ingressos Introdução: função do COL Oportunidade: efeitos socioeconômicos 2006-2014 Preparativos: sorteio final e venda de ingressos O legado já começou Conclusão Introdução: função do COL Oportunidade: efeitos

Leia mais

A Lâmpada Mágica da Inovação

A Lâmpada Mágica da Inovação O P I N I Ã O B r a s i l A Lâmpada Mágica da Inovação Despertando o Gênio que Existe em VOCÊ Daniel Bizon Conferencista contato@danielbizon.com.br www.danielbizon.com.br Inovar é imprescindível para sucesso

Leia mais

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS Constantemente, somos bombardeados por incontáveis conteúdos visuais. Imagens ilustram websites, redes sociais, folders,

Leia mais

Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça?

Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça? Você Gostaria Que Eu Lhe Desse Um Plano, Para ATRAIR 3 Ou 4 Vezes Mais Clientes Para O Seu Negócio, De Graça? Caro amigo (a) Se sua empresa está sofrendo com a falta de clientes dispostos a comprar os

Leia mais

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak

www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak www.jyotimaflak.com Glücks- Akademie mit JyotiMa Flak Academia da felizidade com JyotiMa Flak Entrevista com Ezequiel Quem é você? Meu nome é Ezequiel, sou natural do Rio de Janeiro, tenho 38 anos, fui

Leia mais

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um.

coleção Conversas #10 - junho 2014 - Respostas que podem estar sendo feitas para algumas perguntas Garoto de Programa por um. coleção Conversas #10 - junho 2014 - Eu sou Estou garoto num de programa. caminho errado? Respostas para algumas perguntas que podem estar sendo feitas Garoto de Programa por um. A Coleção CONVERSAS da

Leia mais

Page 1 of 7. Poética & Filosofia Cultural - Roberto Shinyashiki

Page 1 of 7. Poética & Filosofia Cultural - Roberto Shinyashiki Page 1 of 7 Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Ensino de Graduação Curso de Licenciatura Plena em Pedagogia Disciplina: Filosofia Cultural Educador: João Nascimento Borges Filho Poética & Filosofia

Leia mais

5Passos fundamentais. Conseguir realizar todos os seus SONHOS. para. Autora: Ana Rosa. www.novavitacoaching.com

5Passos fundamentais. Conseguir realizar todos os seus SONHOS. para. Autora: Ana Rosa. www.novavitacoaching.com 5Passos fundamentais para Conseguir realizar todos os seus SONHOS Autora: Ana Rosa www.novavitacoaching.com O futuro pertence àqueles que acreditam na beleza dos seus sonhos! Eleanor Roosevelt CONSIDERA

Leia mais

Valor das marcas dos 17 clubes mais valiosos do Brasil

Valor das marcas dos 17 clubes mais valiosos do Brasil Valor das marcas dos 17 clubes mais valiosos do Brasil Edição de 2012 Valor das marcas dos 12 clubes mais valiosos do Brasil Pelo quarto ano consecutivo a BDO publica seu estudo avaliando as marcas dos

Leia mais

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade!

Enem. Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Enem Dicas para você se dar bem na prova. A prova do ENEM está ai e você precisa de uma boa nota, certo? Verdade! Não tem mais para onde correr: O resto dos seus dias depende disso. Ou pelo menos é assim

Leia mais

MEU TIO MATOU UM CARA

MEU TIO MATOU UM CARA MEU TIO MATOU UM CARA M eu tio matou um cara. Pelo menos foi isso que ele disse. Eu estava assistindo televisão, um programa idiota em que umas garotas muito gostosas ficavam dançando. O interfone tocou.

Leia mais

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)?

Jornalista: Eu queria que o senhor comentasse (incompreensível)? Entrevista concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de apresentação dos resultados das ações governamentais para o setor sucroenergético no período 2003-2010 Ribeirão

Leia mais

Palestra 1 Mudança Organizacional. Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças

Palestra 1 Mudança Organizacional. Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças Palestra 1 Mudança Organizacional Texto base: 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças 02 de Dezembro de 2009 10 +1 Mandamentos para ter sucesso em um mundo em constantes mudanças

Leia mais

Como ter mais dinheiro e mais tempo, segundo Gustavo Cerbasi e Christian Barbosa

Como ter mais dinheiro e mais tempo, segundo Gustavo Cerbasi e Christian Barbosa Seu Dinheiro Como ter mais dinheiro e mais tempo, segundo Gustavo Cerbasi e Christian Barbosa Mais do que garantir uma boa poupança ou otimizar a agenda, aprenda a juntar as duas coisas e fazer seu tempo

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES. (Do Sr. JÂNIO NATAL) Senhor Presidente,

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES. (Do Sr. JÂNIO NATAL) Senhor Presidente, COMISSÃO DE VIAÇÃO E TRANSPORTES REQUERIMENTO N O, DE 2011 (Do Sr. JÂNIO NATAL) Requer a realização de Audiência Pública para debater questões relativas à aviação civil brasileira. Senhor Presidente, Requeiro,

Leia mais

O grande salto das marcas: a valorização das principais grifes nacionais

O grande salto das marcas: a valorização das principais grifes nacionais O grande salto das marcas: a valorização das principais grifes nacionais JUNIOR, M.E.F.O 1 LIMA, M.S 2 FREDERICO, V.M 3 LACERDA, T.A 4 RAMOS, C.P. 5 SANTOS, F.A.A 6 RESUMO Esse artigo abordará a crescente

Leia mais

Durante este período de

Durante este período de COLUNA Felipe mojave @Felipemojave fala que eu te escuto dúvidas frequentes passadas a limpo Felipe mojave é um dos principais jogadores brasileiros da atualidade. Faz parte do time de profissionais do

Leia mais

Há 20 anos construindo valor de Marca para os líderes de seus segmentos.

Há 20 anos construindo valor de Marca para os líderes de seus segmentos. Olá. Há 20 anos construindo valor de Marca para os líderes de seus segmentos. NOSSO PAPO DE HOJE 1 O QUE É BRANDING? 2 CHECKUP COMO AVALIAR A SAÚDE DE UMA MARCA? 3 CONSTRUINDO MARCAS DE SUCESSO 4 O DESAFIO

Leia mais

DAS PELADAS À COPA DO MUNDO

DAS PELADAS À COPA DO MUNDO DAS PELADAS À COPA DO MUNDO PAIXÃO MUNDIAL Quando o futebol começou no Brasil, há pouco mais de 100 anos, não havia muitos praticantes. Não existiam estádios como os de hoje e muito menos divulgação pela

Leia mais

O que fazer em meio às turbulências

O que fazer em meio às turbulências O que fazer em meio às turbulências VERSÍCULO BÍBLICO Façam todo o possível para viver em paz com todos. Romanos 12:18 OBJETIVOS O QUÊ? (GG): As crianças assistirão a um programa de auditório chamado Geração

Leia mais

UNIVERSIDADE JÁ GASTA MAIS DO QUE O MEC QUER DAR

UNIVERSIDADE JÁ GASTA MAIS DO QUE O MEC QUER DAR UNIVERSIDADE JÁ GASTA MAIS DO QUE O MEC QUER DAR Nas contas do ex-reitor da USP, anteprojeto da reforma não atende ao acordo com os reitores REFORMA UNIVERSITÁRIA Gabriel Manzano Filho O aumento de recursos

Leia mais

Artigo: Um olhar feminino na Internet

Artigo: Um olhar feminino na Internet Artigo: Um olhar feminino na Internet Por Tatiane Pocai Dellapiazza - aluna do primeiro ano do Curso de Comunicação Social - Centro UNISAL - Americana. Introdução: O Brasil chega perto de comemorar seu

Leia mais

COMO CRIAR UMA LISTA DE EMAILS GASTANDO MUITO POUCO

COMO CRIAR UMA LISTA DE EMAILS GASTANDO MUITO POUCO COMO CRIAR UMA LISTA DE EMAILS GASTANDO MUITO POUCO O dinheiro está na lista Junte emails e você estará mais perto da lista dos homens mais ricos do mundo. Essa é uma frase repleta de exageros, mas foi

Leia mais

COMO COBRAR POR UM TRABALHO DE ORGANIZAÇÃO?

COMO COBRAR POR UM TRABALHO DE ORGANIZAÇÃO? COMO COBRAR POR UM TRABALHO DE ORGANIZAÇÃO? O GUIA COMPLETO Afinal qual é a forma correta de cobrar pelo meu trabalho? Qual o valor justo? Devo cobrar barato para ganhar o cliente ou devo cobrar caro para

Leia mais

Amar Dói. Livro De Poesia

Amar Dói. Livro De Poesia Amar Dói Livro De Poesia 1 Dedicatória Para a minha ex-professora de português, Lúcia. 2 Uma Carta Para Lúcia Querida professora, o tempo passou, mas meus sonhos não morreram. Você foi uma pessoa muito

Leia mais

A Paralisia Decisória.

A Paralisia Decisória. A Paralisia Decisória. Começo este artigo com uma abordagem um pouco irônica, vinda de uma amiga minha, que, inconformada como a humanidade vêm se portando perante a fé em algo superior, soltou a máxima

Leia mais

Curso: Marketing para Engenharia, Arquitetura e Agronomia Ênio Padilha 2006 Módulo 1: Introdução. Marketing, esse famoso Desconhecido!

Curso: Marketing para Engenharia, Arquitetura e Agronomia Ênio Padilha 2006 Módulo 1: Introdução. Marketing, esse famoso Desconhecido! Curso: Marketing para Engenharia, Arquitetura e Agronomia Ênio Padilha 2006 Módulo 1: Introdução. Marketing, esse famoso Desconhecido! 1.1. MIX DE MARKETING Você já deve ter feito o nosso Teste de Conhecimentos

Leia mais

Aranha é chamado de 'macaco' por torcida do Grêmio

Aranha é chamado de 'macaco' por torcida do Grêmio Aranha é chamado de 'macaco' por torcida do Grêmio Publicado em 28/08/2014, 22:09 / Atualizado em 29/08/2014, 02:38ESPN.com.br O jogo entre Santos e Grêmio terminou 2 a 0 para o time alvinegro, mas a cena

Leia mais

PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE

PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE PENSAMENTOS DE IRMÃ DULCE 1. "O amor supera todos os obstáculos, todos os sacrifícios. Por mais que fizermos tudo é pouco diante do que Deus faz por nós." 2. "Sempre que puder, fale de amor e com amor

Leia mais

PESQUISA DIAGNÓSTICA - SISTEMATIZAÇÃO. - Sim, estou gostando dessa organização sim, porque a gente aprende mais com organização das aulas.

PESQUISA DIAGNÓSTICA - SISTEMATIZAÇÃO. - Sim, estou gostando dessa organização sim, porque a gente aprende mais com organização das aulas. ESCOLA MUNICIPAL BUENA VISTA Goiânia, 19 de junho de 2013. - Turma: Mestre de Obras e Operador de computador - 62 alunos 33 responderam ao questionário Orientador-formador: Marilurdes Santos de Oliveira

Leia mais

Flavia Mariano. Equilíbrio. a vida não faz acordos. 1ª Edição POD

Flavia Mariano. Equilíbrio. a vida não faz acordos. 1ª Edição POD Flavia Mariano Equilíbrio a vida não faz acordos 1ª Edição POD Petrópolis KBR 2011 Edição e revisão KBR Editoração APED Capa KBR Imagem da capa fotomontagem sobre arquivo Google Copyright 2011 Flavia Mariano

Leia mais

Entrevistado: Almir Barbassa Entrevistador: - Data:11/08/2009 Tempo do Áudio: 23 30

Entrevistado: Almir Barbassa Entrevistador: - Data:11/08/2009 Tempo do Áudio: 23 30 1 Entrevistado: Almir Barbassa Entrevistador: - Data:11/08/2009 Tempo do Áudio: 23 30 Entrevistador- Como o senhor vê a economia mundial e qual o posicionamento do Brasil, após quase um ano da quebra do

Leia mais

Escrito por. Guilherme guinor Cunha Ex-tenista profissional, campeão mundial de poker online FTOPS #35 e criador do método GuinorBets

Escrito por. Guilherme guinor Cunha Ex-tenista profissional, campeão mundial de poker online FTOPS #35 e criador do método GuinorBets s O 6 s o i cíp Prin Bá s o sic o d o ét M o D r o n s i t u e G B Escrito por Guilherme guinor Cunha Ex-tenista profissional, campeão mundial de poker online FTOPS #35 e criador do método Índice Quem

Leia mais

Pág. 1. Painel Descrição Diálogo

Pág. 1. Painel Descrição Diálogo Mico Leão Dourado Pág. 1 1.1 (PG) Visão geral da árvore onde Chico mora, com os barracos nos galhos, a pequena comunidade na base, com o campinho onde as crianças jogam futebol. Todos estão assistindo

Leia mais

coleção Conversas #20 - MARÇO 2015 - t t o y ç r n s s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça.

coleção Conversas #20 - MARÇO 2015 - t t o y ç r n s s Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. Vocês acham possam a coleção Conversas #20 - MARÇO 2015 - cer d o t t o a r que ga cr ia n y ç a s s? Respostas perguntas para algumas que podem estar passando pela sua cabeça. A Coleção CONVERSAS da Editora

Leia mais

AS RELAÇÕES DO ESPORTE COM AS REDES DE TV :OS NOVOS PARADIGMAS NA GESTÃO DO ESPORTE E DA MÍDIA ESPORTIVA

AS RELAÇÕES DO ESPORTE COM AS REDES DE TV :OS NOVOS PARADIGMAS NA GESTÃO DO ESPORTE E DA MÍDIA ESPORTIVA AS RELAÇÕES DO ESPORTE COM AS REDES DE TV :OS NOVOS PARADIGMAS NA GESTÃO DO ESPORTE E DA MÍDIA ESPORTIVA FRANCISCO PAULO DE MELO NETO (UFRRJ/RJ) Resumo: A crescente participação das empresas de comunicação,

Leia mais

estrutura é horizontal, o que significa poucos escalões no processo de decisão. As pessoas

estrutura é horizontal, o que significa poucos escalões no processo de decisão. As pessoas um portfólio de quase 200 marcas sem comprometer o ritmo de crescimento e a saúde financeira da companhia? DINHEIRO levou a pergunta ao executivo que todos os dias enfrenta esse dilema, o presidente da

Leia mais

Espanholização do futebol brasileiro.

Espanholização do futebol brasileiro. Espanholização do futebol brasileiro. Corremos esse risco? Abril de 2013 Reflexão sobre o ambiente de negócios atual do futebol brasileiro. Marketing e Gestão Esportiva 1 O que ocorreu na Espanha O futebol

Leia mais

09/09/2004. Discurso do Presidente da República

09/09/2004. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na solenidade de recepção da delegação brasileira que participou das Olimpíadas de Atenas Palácio do Planalto, 09 de setembro de 2004 Meu caro Grael, Meu querido René Simões,

Leia mais

No E-book anterior 5 PASSOS PARA MUDAR SUA HISTÓRIA, foi passado. alguns exercícios onde é realizada uma análise da sua situação atual para

No E-book anterior 5 PASSOS PARA MUDAR SUA HISTÓRIA, foi passado. alguns exercícios onde é realizada uma análise da sua situação atual para QUAL NEGÓCIO DEVO COMEÇAR? No E-book anterior 5 PASSOS PARA MUDAR SUA HISTÓRIA, foi passado alguns exercícios onde é realizada uma análise da sua situação atual para então definir seus objetivos e sonhos.

Leia mais

A grande verdade é que a maioria das empresas está perdendo muito dinheiro tentando criar um negócio online.

A grande verdade é que a maioria das empresas está perdendo muito dinheiro tentando criar um negócio online. Você gostaria de aprender o que os negócios campeões em vendas online fazem? Como eles criam empresas sólidas na internet, que dão lucros por vários e vários anos? A grande verdade é que a maioria das

Leia mais

GESTÃO ESPORTIVA: NOVOS RUMOS PARA O FUTEBOL BRASILEIRO

GESTÃO ESPORTIVA: NOVOS RUMOS PARA O FUTEBOL BRASILEIRO RAE-DOCUMENTO GESTÃO RAFAEL ESPORTIVA: VALENTE NOVOS MAURÍCIO RUMOS C. SERAFIM PARA O FUTEBOL BRASILEIRO GESTÃO ESPORTIVA: NOVOS RUMOS PARA O FUTEBOL BRASILEIRO Rafael Valente Graduando em Jornalismo na

Leia mais

LENDA DA COBRA GRANDE. Um roteiro de IVI SIBELI ROCHA DE BARROS DAIANE MONTEIRO POLIANA AGUIAR FERREIRA MARIA LUZIA RODRIGUES DA SILVA

LENDA DA COBRA GRANDE. Um roteiro de IVI SIBELI ROCHA DE BARROS DAIANE MONTEIRO POLIANA AGUIAR FERREIRA MARIA LUZIA RODRIGUES DA SILVA LENDA DA COBRA GRANDE Um roteiro de IVI SIBELI ROCHA DE BARROS DAIANE MONTEIRO POLIANA AGUIAR FERREIRA MARIA LUZIA RODRIGUES DA SILVA CRUZEIRO DO SUL, ACRE, 30 DE ABRIL DE 2012. OUTLINE Cena 1 Externa;

Leia mais

Reflexões sobre o público no Campeonato Brasileiro de 2007

Reflexões sobre o público no Campeonato Brasileiro de 2007 Reflexões sobre o público no Campeonato Brasileiro de 2007 Este artigo é um complemento do estudo É disso que o povo gosta Uma análise sobre demanda no futebol brasileiro e as razões que levam público

Leia mais

PRÓLOGO. #21diasdeamor. DEUS É AMOR 1 João 4:8

PRÓLOGO. #21diasdeamor. DEUS É AMOR 1 João 4:8 PRÓLOGO DEUS É AMOR 1 João 4:8 Quando demonstramos amor, estamos seguindo os passos de Jesus. Ele veio para mostrar ao mundo quem Deus é. Da mesma maneira, temos a missão de mostrar ao mundo que Deus é

Leia mais

Rede IPTV DX - Clubes Desportivos

Rede IPTV DX - Clubes Desportivos White Paper 24 de Setembro de 2014 Rede IPTV DX - Clubes Desportivos Alcançando e realizando o potencial do torcedor móvel IPTV Móvel para Clubes Desportivos - DX - 1 O negócio de mídia e venda para torcedores

Leia mais

21 sacadas para levar o seu negócio para o próximo nível

21 sacadas para levar o seu negócio para o próximo nível Para quem é este livro? Este livro é para todas aquelas pessoas que fazem o que amam em seu trabalho mas não estão tendo o retorno que gostariam. Este mini guia com 21 sacadas é um resumo dos atendimentos

Leia mais

O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB!

O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB! O Ponto entrevista Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para ATRFB! A história da Letícia Odorizi, aprovada em 1º lugar para Analista Tributário da Receita Federal do Brasil, é mais uma das histórias

Leia mais

MBA Comunicação Integrada e Novas Mídias. Prof. Eduardo Ambrósio

MBA Comunicação Integrada e Novas Mídias. Prof. Eduardo Ambrósio ARENAS DA COMUNICAÇÃO COM O MERCADO ENTRETENIMENTO FEIRAS MKT ESPORTIVO MKT DIGITAL VAREJO PUBLICIDADE E PROPAGANDA MODA ENTRETENIMENTO ARENAS DA COMUNICAÇÃO COM O MERCADO ENTRETENIMENTO Viagens Culinária

Leia mais

VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG

VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG VALORES CULTURAIS (INDÍGENAS) KAINGANG Um cacique kaingang, meu amigo, me escreveu pedindo sugestões para desenvolver, no Dia do Índio, o seguinte tema em uma palestra: "Os Valores Culturais da Etnia Kaingáng".

Leia mais

De mãos dadas: RH e marketing

De mãos dadas: RH e marketing De mãos dadas: RH e marketing A união de RH e marketing é um dos melhores caminhos para a sobrevivência de uma empresa - e das próprias áreas Não é incomum, em tempos de turbulência e incertezas econômicas,

Leia mais

Texto 1 - Internet emburrece? As redes facilitaram o acesso à informação, mas também facilitaram a apropriação de reflexões dos outros

Texto 1 - Internet emburrece? As redes facilitaram o acesso à informação, mas também facilitaram a apropriação de reflexões dos outros PROVA DE REDAÇÃO - 1º TRIMESTRE DE 2012 PROFa. DEBORAH NOME N o 8º ANO Leia atentamente os enunciados, capriche na letra e procure dar respostas amplas. A compreensão do enunciado faz parte da questão.

Leia mais

Escrita Eficiente sem Plágio

Escrita Eficiente sem Plágio Escrita Eficiente sem Plágio Produza textos originais com qualidade e em tempo recorde Ana Lopes Revisão Rosana Rogeri Segunda Edição 2013 Direitos de cópia O conteúdo deste livro eletrônico tem direitos

Leia mais

Conversando com os pais

Conversando com os pais Conversando com os pais Motivos para falar sobre esse assunto, em casa, com os filhos 1. A criança mais informada, e de forma correta, terá mais chances de saber lidar com sua sexualidade e, no futuro,

Leia mais

POR QUE BATISMO? PR. ALEJANDRO BULLÓN

POR QUE BATISMO? PR. ALEJANDRO BULLÓN POR QUE BATISMO? PR. ALEJANDRO BULLÓN "Pr. Williams Costa Jr.- Pastor Bullón, por que uma pessoa precisa se batizar? Pr. Alejandro Bullón - O Evangelho de São Marcos 16:16 diz assim: "Quem crer e for batizado,

Leia mais

5 Eu vou fazer um horário certo para tomar meus remédios, só assim obterei melhor resultado. A TV poderia gravar algum programa?

5 Eu vou fazer um horário certo para tomar meus remédios, só assim obterei melhor resultado. A TV poderia gravar algum programa? Antigamente, quando não tinha rádio a gente se reunia com os pais e irmãos ao redor do Oratório para rezar o terço, isso era feito todas as noites. Eu gostaria que agora a gente faça isso com os filhos,

Leia mais

Perdão. Fase 7 - Pintura

Perdão. Fase 7 - Pintura SERM7.QXD 3/15/2006 11:18 PM Page 1 Fase 7 - Pintura Sexta 19/05 Perdão Porque, se vocês perdoarem as pessoas que ofenderem vocês, o Pai de vocês, que está no Céu também perdoará vocês. Mas, se não perdoarem

Leia mais

Tirado do website: www.spiritlessons.com

Tirado do website: www.spiritlessons.com Tirado do website: www.spiritlessons.com A artista foi levada para o inferno pelo proprio senhor Jesus. Essa artista vinha atendendo as reuniões de oração desde Abril de 2009 e continua a faze-lo. Nisso

Leia mais

Antropologia do Consumo

Antropologia do Consumo Antropologia do Consumo Palestra com Daniel Miller 1 11/9/2006 Abordarei diferentes aspectos do consumo e da cultura material, que é muito ampla. Podemos pensar em antropologia como etnografia, mas no

Leia mais

dobrar pelo tracejado para dentro furo ÁLBUM de aventuras furo dobrar pelo tracejado para dentro pôr cola no outro lado

dobrar pelo tracejado para dentro furo ÁLBUM de aventuras furo dobrar pelo tracejado para dentro pôr cola no outro lado Você acha que consegue plantar uma floresta inteirinha? E de transformar o seu bairro? Ah, mas criar uma ação em conjunto com o mundo inteiro, você consegue? Claro que sim! Todos têm super poderes, e o

Leia mais

A diferença entre marketing, propaganda publicidade, relações públicas e jornalismo Por Renato Galisteu

A diferença entre marketing, propaganda publicidade, relações públicas e jornalismo Por Renato Galisteu A diferença entre marketing, propaganda e publicidade, relações públicas e jornalismo Por Renato Galisteu Communication and social media specialist, passionate tech journalism and Noah's Dad A comunicação

Leia mais

Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing

Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing Oficial Categoria 2 Proposta de Consultoria: Facebook Marketing Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing Nas próximas páginas: Quem é a Dynamo O Que é Possível Com o Facebook Como Podemos Ajudar

Leia mais

A ZONA DE CONFORTO DOS ADVOGADOS: PORQUE OS ESCRITÓRIOS ABANDONAM O SUCESSO.

A ZONA DE CONFORTO DOS ADVOGADOS: PORQUE OS ESCRITÓRIOS ABANDONAM O SUCESSO. A ZONA DE CONFORTO DOS ADVOGADOS: PORQUE OS ESCRITÓRIOS ABANDONAM O SUCESSO. Caro Advogado, Gostaria de começar este artigo com a pergunta mais misteriosa do mundo jurídico: por que alguns escritórios

Leia mais

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas?????

Onde você vai encontrar as suas futuras iniciadas????? Há 16 anos quando entrou na MK, a consagrada Diretora Nacional, Gloria Mayfield, não sabia como chegar ao topo, hoje ela dá o seguinte conselho. As lições que eu aprendi na Mary Kay para me tornar uma

Leia mais

Emoção CONSTRUÇÃO DE MARCAS

Emoção CONSTRUÇÃO DE MARCAS Emoção Grande parte das nossas decisões de compra são feitas por impulso, de forma irracional, instintiva. Se temos dinheiro, compramos as marcas com as quais nos relacionamos emocionalmente. Cada marca

Leia mais