II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores"

Transcrição

1 II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores ESTUDO EXPLORATÓRIO SOBRE O PIBID NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DA REDE PÚBLICA DE ENSINO Magali Aparecida Silvestre, Cristina Vitorino Da Rós, Leandro Ribeiro De Moura Eixo 4 - Políticas de formação de professores - Relato de Pesquisa - Apresentação Oral Este trabalho apresenta resultado preliminar de pesquisa intitulada Desenvolvimento Profissional Docente e Inovação Pedagógica: estudo exploratório sobre contribuições do PIBID organizada e desenvolvida por três universidades públicas brasileiras no âmbito do Observatório da Educação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES. Trata-se de exposição de um conjunto de dados da região sudeste, local em que se encontra uma das universidades parceiras, bastante significativos para a pesquisa em desenvolvimento: a identificação de mudanças paulatinamente sofridas nos textos dos editais de chamamento público do Programa Institucional de Iniciação à Docência PIBID; o mapeamento das instituições que mantém o Programa, dos cursos de licenciatura envolvidos e localização dos sujeitos da pesquisa, professores supervisores da rede pública de ensino. O método empregado nesta primeira etapa de investigação contou com análise documental de fontes primárias editais contidos no site da CAPES e relatórios oficiais (BRASIL, 2012, 2013). Tendo por base a compreensão e valorização de um programa desse porte, que compõe a política nacional de formação de professores vigente, constatou-se que passados seis anos da publicação do primeiro edital, as diretrizes do Programa foram se reconfigurando concentrando suas principais alterações no tipo de instituição que tem possibilidade de aderir ao Programa, na caracterização dos projetos institucionais, bem como no aumento do número de oferta de bolsas. Além disso, observouse uma tendência na distribuição das bolsas, que reflete a preocupação geral do programa desde a sua criação, sendo a área de exatas a que reúne mais bolsistas. Palavras-chave: PIBID Formação de Professores Desenvolvimento Profissional 7818

2 ESTUDO EXPLORATÓRIO SOBRE O PIBID NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO E SUAS CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DA REDE PÚBLICA DE ENSINO Profa. Dra. Magali Aparecida Silvestre; Leandro Ribeiro de Moura; Cristina Vitorino da Rós. Universidade Federal de São Paulo, Campus Guarulhos. CAPES. INTRODUÇÃO Este trabalho apresenta resultado preliminar de pesquisa intitulada Desenvolvimento Profissional Docente e Inovação Pedagógica: estudo exploratório sobre contribuições do PIBID organizada e desenvolvida por três universidades públicas brasileiras no âmbito do Observatório da Educação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES. O projeto, em sua totalidade, articula experiências e estudos de grupos de pesquisa de três Programas de Pós-Graduação em Educação situados nas regiões Nordeste e Sudeste do Brasil. Embora o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) seja voltado à melhoria da qualidade da formação inicial de professores, o sujeito principal dessa pesquisa são os professores bolsistas supervisores da rede pública de ensino que participaram do PIBID entre os anos de 2007 e 2013 como co-formadores de licenciandos. Isto porque o foco principal desse estudo é desvelar a contribuição do Programa para o desenvolvimento profissional de professores da Educação Básica por vivenciarem situações de formação continuada constantes (IMBERNÓN, 2009a e 2009b) e, identificar até que ponto são desencadeadas práticas inovadoras de ensino (FARIAS, 2006) Nessa direção, os objetivos gerais da pesquisa são: identificar aspectos da experiência formativa do PIBID que possam contribuir para fomentar uma profissionalidade docente superadora da racionalidade técnica e que posicione os professores da Educação Básica como sujeitos produtores de saberes sobre sua profissão. Além disso visa a favorecer a pesquisa em rede sobre desenvolvimento profissional docente, consolidando grupos de pesquisa nessa área vinculados a Programas de Pós-Graduação em Educação no eixo Nordeste e Sudeste e organizar dados educacionais regionais produzidos pelo INEP, como subsídio ao aprofundamento de estudos sobre o perfil das escolas e dos professores que compõe o PIBID, assim como para fomentar novos estudos

3 Tendo por base esse conjunto de objetivos a pesquisa teve início em 2013 contando com pesquisadores de três núcleos localizados no Estado do Ceará, Minas Gerais e São Paulo e encontra-se no final da primeira etapa descrita no projeto inicial. A investigação caracteriza-se como qualitativa empírica exploratória (TRIVINOS, 1995; SANTOS e GAMBOA, 2009) e prevê o uso de procedimentos de coleta de dados diversificados: análise documental (SÁ-SILVA et all, 2011), questionário e entrevista (SZYMANSKI, 2004). Nessa direção, este artigo pretende apresentar dados preliminares da região sudeste, municípios de Diadema, Guarulhos e São Paulo, bastante significativos para a pesquisa em desenvolvimento. Inicialmente expor a identificação de mudanças paulatinamente sofridas nos textos dos editais de chamamento público do Programa Institucional de Iniciação à Docência PIBID e, em seguida, expor o mapeamento das instituições que mantêm o Programa, dos cursos de licenciatura envolvidos e caminho percorrido até a localização dos primeiros sujeitos da pesquisa, professores supervisores da rede pública de ensino. MUDANÇAS E PERMANÊNCIAS NOS EDITAIS DO PIBID Cumpre ressaltar que para que o grupo de pesquisadores pudesse iniciar os trabalhos da pesquisa em questão foi necessário estudar o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID para compreendê-lo, principalmente, como uma política pública nacional de formação de professores. Assim, tendo por base a análise dos cinco (5) editais publicados pela CAPES nos anos de 2007, 2009, 2010, 2011 e 2012 (BRASIL, 2012, 2013), constatou-se que passados pouco mais de seis anos da publicação do primeiro edital as diretrizes do Programa foram se reconfigurando concentrando suas principais alterações no tipo de instituição que tem possibilidade de aderir ao Programa, na caracterização dos projetos institucionais, bem como no aumento do número de oferta de bolsas. Nessa direção, uma das primeiras ações do grupo de pesquisadores da região metropolitana de São Paulo foi estudar cada edital do PIBID, analisando seu conteúdo para identificar aspectos que permaneceram ao longo dos anos e aspectos que foram sendo introduzidos ou modificados. Para tanto, sob a orientação dos professores coordenadores do núcleo, os dados coletados foram agrupados em uma tabela, sem seguida debatidos e ajustados e, finalmente, sistematizados. Conforme Decreto Presidencial no. 7219/2010, o PIBID tem por finalidade fomentar a iniciação à docência contribuindo para o aperfeiçoamento da formação de docentes em

4 nível superior e para a melhoria da qualidade da educação básica pública brasileira. (BRASIL, 2010) O programa nasceu em 2007, regulamentado pela Lei de 11/07/2007 e pelo decreto de 24/04/2007, que instituiu o Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação e o Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE). A Lei , conferiu também a CAPES, atribuições de induzir e fomentar a formação inicial e continuada dos profissionais da educação básica e valorização do magistério. Ao ser lançado, em 2007, a prioridade de atendimento do PIBID eram as áreas de Física, Química, Biologia e Matemática para o ensino médio, dada a carência de professores nessas disciplinas. No entanto, com os primeiros resultados positivos, as políticas de valorização do magistério e o crescimento da demanda, a partir de 2009, o programa passou a atender a toda a educação básica, incluindo educação de jovens e adultos. Em 2009 o PIBID passa a aceitar inscrições das instituições públicas de educação superior no âmbito federal e estadual nos cursos de licenciatura plena. O decreto de 29/01/09, a lei de 16/06/2009, a portaria normativa do MEC número 9 de 30/06/2009 e a portaria CAPES número 122 de 16/09/09, acrescenta como modalidade de ensino, a educação quilombola, indígena e do campo. Esta medida se deu por vário fatores, entre eles a lei de 10 de março de 2008, que estabeleceu no currículo oficial da educação básica a obrigatoriedade da temática História e Cultura Afro-Brasileira e Indígena. Na data de 25 de Outubro de 2010, a CAPES, em parceria com a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (SECADI) do Ministério da Educação (MEC), divulga o Edital Conjunto n 02/2010/CAPES-SECADI, para nova seleção de propostas de projetos de iniciação à docência para a diversidade no âmbito do PIBID, baseado no Decreto nº 7219, de 09 de abril de A SECADI, em articulação com os sistemas de ensino, implementam políticas educacionais nas áreas de alfabetização e educação de jovens e adultos, educação ambiental, educação em direitos humanos, educação especial, do campo, escolar indígena, quilombola e educação para as relações étnico-raciais. Puderam, nessa ocasião, apresentar proposta as instituições públicas e as universidades e centros universitários comunitários, confessionais e filantrópicos, sem fins econômicos, que desenvolvam os projetos de Programa de Apoio à Formação Superior e Licenciaturas Indígenas (Prolind) e do Programa de Apoio à Formação Superior em Licenciatura em Educação do Campo (Procampo), aprovados pela SECADI, levando sempre em consideração as especificidades da formação para a diversidade e das escolas situadas

5 em comunidades indígenas e do campo, harmonizando essas realidades aos objetivos estabelecidos para o PIBID. Cada instituição pode apresentar um único projeto institucional. Sendo possível, ser apresentados subprojetos distintos no âmbito do Prolind e do Procampo para as seguintes áreas de licenciatura: Línguas/Linguagens e Códigos; Ciências da Natureza e Matemática; Ciências Humanas e Sociais; e Ciências Agrárias/Desenvolvimento Agroecológico. Os recursos destinados ao edital PIBID Diversidade prevê o atendimento de até oito subprojetos por instituição de ensino superior (IES). São itens financiáveis bolsas de estudo nas modalidades iniciação à docência, coordenação institucional, coordenação de área e supervisão; e verbas de custeio destinadas ao pagamento de despesas essenciais à execução do projeto institucional, tais como deslocamentos (passagens) terrestres, fluviais e aéreos, concessão de diárias no país, aquisição de material de consumo e serviços de terceiros - pessoa física e jurídica. Em abril de 2010, inserem-se no programa as universidades e centros universitários filantrópicos, confessionais e comunitários. No contexto em que a aprovação do Plano Nacional de Educação, em tramitação no Congresso Nacional, tornar-se a agenda principal do governo, colocando em destaque metas relacionadas aos professores, o edital 2012, é marcado por uma continuidade de intervenções na política de formação docente, mantendo os mesmos objetivos com possibilidades de participação no programa de IES públicas, confessionais, comunitárias que não participavam do PIBID e que tinham cursos de licenciaturas legalmente constituídos. O número de bolsas concedidas nesse ano somam um total de , sendo de Iniciação a Docência, de Supervisores, de Coordenadores de Área, aqueles que coordenam os subprojetos institucionais em um universo de 196 IES participantes e escolas públicas parceiras. NO ano de 2011 o PIBID havia distribuído bolsas, o que indica um crescimento de mais quase bolsas no ano seguinte. Cumpre ressaltar que o Edital Capes PIBID 2013 abre a possibilidade de participação no programa de IES privadas com e sem fins lucrativos, vinculadas ao PROUNI com destinação de bolsas a alunos de cursos de licenciatura. O PIBID NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Para uma pesquisa detalhada sobre a contribuição do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), tendo como foco temático o desenvolvimento

6 profissional de professores da Educação Básica, delimitamos a nossa busca para a região metropolitana da Grande São Paulo, mais precisamente nas cidades de Guarulhos, Diadema e São Paulo. Construídos de maneira coletiva, por meio de nossos relatórios de pesquisa, será possível conhecer o levantamento de informações preliminares sobre as Instituições de Ensino Superior que desenvolvem projetos no âmbito do PIBID, na região mencionada. A busca, desenvolvida durante os meses de junho a setembro de 2013, teve caráter exploratório e constitui uma aproximação às informações constantes em sítios da internet. A despeito das dificuldades em encontrar dados confiáveis e completos sobre as IES, trabalhamos, sobretudo, com dois principais documentos encontrados no sítio da CAPES, são eles: Instituições de Educação Superior Participantes do PIBID 2012 e Relatório de Geração de Pagamentos de Bolsas 05/2013. A partir daí, foi possível localizar e mapear as IES que compõem o nosso estudo sobre o PIBID, conhecer as licenciaturas e os sujeitos envolvidos no programa e a divisão de bolsas em cada uma das Universidades que o integram. Foram encontradas sete IES que serão objeto de nossa pesquisa. São elas: Centro Universitário Adventista de São Paulo UNASP Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo IFSP Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUCSP Universidade de São Paulo USP Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho UNESP Universidade Presbiteriana Mackenzie UPM Universidade Federal de São Paulo UNIFESP Dessa relação, o IFSP aderiu ao Programa em seus campi São Paulo e Guarulhos e a UNIFESP em seus campi Guarulhos e Diadema. As demais instituições atuam na cidade de São Paulo em diversas regiões, não necessariamente naquela em que se localiza. Por meio de análise desse documentos oficiais também foi possível mapear os cursos de licenciaturas atendidos pelo PIBID. A UNASP possui 04 Licenciaturas envolvidas no PIBID na região metropolitana de São Paulo. São elas: Biologia, Matemática, Pedagogia e Educação Física. Há dois oordenadores Institucionais e as bolsas são distribuídas entre 02 Coordenadores Institucionais; 04 Coordenadores de Área; 17 Supervisores e 92 alunos de Iniciação à Docência (ID)

7 O IFSP possui dois campi na região metropolitana de São Paulo que fazem parte do PIBID, que é o Campus Guarulhos e o campus São Paulo, ambos possuem 04 Licenciaturas envolvidas no projeto. No Campus Guarulhos a Licenciatura envolvida é Matemática; e no Campus São Paulo, Física, Geografia, Matemática e Química. Há um Coordenador Institucional nessa IES e as bolsas são distribuídas entre 01 Coordenador Institucional; 04 Coordenadores de Área; 12 Supervisores e 85 alunos de ID. A PUCSP possui 07 Licenciaturas envolvidas no PIBID na região metropolitana de São Paulo. São elas: História, Geografia, Letras, Filosofia, Pedagogia, Matemática e Física. Há somente um Coordenador Institucional nessa IES e as bolsas dividem-se entre 01 Coordenador Institucional; 05 Coordenadores de Área; 08 supervisores e 52 alunos de ID. A USP possui 11 Licenciaturas envolvidas no PIBID na região metropolitana de São Paulo. São elas: Artes (Plásticas e Visuais), Biologia, Ciências Sociais, Física, Geografia, História, Letras, Matemática, Pedagogia, Psicologia e Química. Há somente 01 Coordenador Institucional e a distribuição das bolsas se dá da seguinte forma: 02 Coordenadores Institucionais; 11 Coordenadores de Área; 34 Supervisores e 156 alunos de Iniciação à Docência. A UNESP possui 01 Licenciatura envolvida no PIBID na região metropolitana de São Paulo, o curso de Artes. Há um Coordenador Institucional e as bolsas dividem-se em 02 Coordenadores Institucionais; 01 Coordenador de Área; 01 Supervisor e 10 alunos de Iniciação à Docência. O Mackenzie possui 06 Licenciaturas envolvidas no PIBID na região metropolitana de São Paulo. São elas: Filosofia, Letras, Português, Matemática, Pedagogia e Química. As bolsas dividem-se em 02 Coordenadores Institucionais; 05 Coordenadores de Área: 05 Supervisores e 10 alunos de Iniciação à Docência e nessa instituição há apenas um Coordenador Institucional. A UNIFESP possui 07 Licenciaturas envolvidas no PIBID na região metropolitana de São Paulo (Diadema e Guarulhos). São elas: Química, Biologia, Física, Matemática, Pedagogia e Ciências Sociais. As bolsas dividem-se em 02 Coordenadores Institucionais; 06 Coordenadores de Área; 09 Supervisores e 53 alunos de Iniciação à Docência. Há apenas um coordenador institucional. Após a análise e a organização desses dados, foi possível adquirir alguns resultados preliminares que serão fundamentais para o desenvolvimento de nossa pesquisa. Constatamos que sobre o total de bolsas oferecidas por licenciaturas, não podemos afirmar que estão na ordem de prioridades educacionais, não obstante isso

8 possa ser verdade, visto que o currículo e os programas na Educação Básica têm privilegiado o ensino de Língua Portuguesa embora a área apareça em sétimo lugar em nosso levantamento e Matemática, os quais ocupam significativa parte do tempo de aulas dos alunos. Sabemos também que as licenciaturas: Pedagogia e Matemática sempre são alvos de projetos preocupados com os resultados das avaliações externas (que evidenciam o grande déficit na alfabetização e domínio matemático dos alunos). Percebemos uma tendência no oferecimento de bolsas que reflete a preocupação geral do programa desde a sua criação, encabeçando a lista as áreas de exatas, com exceção da licenciatura em Pedagogia, que aparece em segundo lugar. Finalmente, levando em consideração o número de professores supervisores da rede pública de ensino, oitenta e seis (86), nos aproximamos do universo em que a pesquisa empírica será desenvolvida. A próxima etapa que se já encontra em desenvolvimento, embora ainda não concluída, prevê um contato mais próximo com os coordenadores de área de cada IES como o objetivo de alcançarmos as escolas e os professores supervisores e, finalmente, realizar a aplicação de questionários e entrevistas com os sujeitos em questão. CONSIDERAÇÕES FINAIS Com este conjunto de dados e tendo por base a valorização de um programa desse porte, que compõe a política nacional de formação de professores vigente, podemos afirmar, ainda que sob forma de hipótese, o quanto o PIBID impacta o trabalho nas escolas públicas da educação básica na região metropolitana de São Paulo e, levando em consideração o aumento considerável de concessão de bolsas, até generalizar para o país como um todo. Resta-nos agora, como pesquisadores, nos aprofundarmos na natureza e na qualidade dessa intervenção e o quanto ela impacta no desenvolvimento profissional desses professores e desencadeia práticas inovadoras, fazendo com que possamos avaliar um dos objetivos principais do PIBID que é a melhoria da qualidade da educação básica pública brasileira. REFERÊNCIAS BRASIL Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior CAPES/PIBID. Disponível em Acesso em abril de

9 BRASIL. Instituições de Educação Superior Participantes do PIBID Disponível em: Acesso em julho de BRASIL. Relatório de Geração de Pagamentos de Bolsas 05/2013. Disponível em: Acesso em julho de BRASIL. Decreto no de 24 de junho de Disponível em pdf. Acesso em outubro de FARIAS, Isabel Maria Sabino de. Inovação, Mudança e Cultura Docente. Brasília: Liber Livro, IMBERNÓN, Francisco. Formação Permanente do professora: novas tendências. São Paulo, Cortez, 2009ª. IMBERNON, Francisco. Formação Docente e Profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. São Paulo: Cortez, 2009b. SÁ-SILVA, Jackson Ronie; ALMEIDA, Cristovão Domingos de; GUINDANI, Joel Felipe. Pesquisa Documental: pistas teóricas e metodológicas. Revista Brasileira de História & Ciências Sociais, São Leopoldo, número I, ano I, julho de Disponível em: Acesso em agosto de SANTOS, José Camilo dos Santos; GAMBOA, Silvio Sanchez (orgs.) Pesquisa Educacional: quantidade-qualidade. SZYMANSKI, Heloísa (org) A entrevista na pesquisa em Educação: a prática reflexiva. Brasília, Liber Livro, TRIVIÑOS, Augusto N. S. Introdução à Pesquisa em Ciências Sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas,

Lara, Patrícia Tanganelli - UNESP/Marília Eixo Temático: Formação de professores na perspectiva inclusiva

Lara, Patrícia Tanganelli - UNESP/Marília Eixo Temático: Formação de professores na perspectiva inclusiva A CONSTITUIÇÃO DE UMA POLÍTICA DE INCLUSÃO ESCOLAR NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO: ESTUDO DE CASO ATRAVÉS DOS DOCUMENTOS OFICIAIS DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Lara, Patrícia Tanganelli - UNESP/Marília

Leia mais

AÇÕES DO PIBID E SEU REFLEXO NO DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO DOS BOLSISTAS

AÇÕES DO PIBID E SEU REFLEXO NO DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO DOS BOLSISTAS ISSN 2316-7785 AÇÕES DO PIBID E SEU REFLEXO NO DESENVOLVIMENTO ACADÊMICO DOS BOLSISTAS Verônica Jerônimo Policarpo veronica-jeronimo-@hotmail.com Weide Cassimiro Jerônimo weidecj@yahoo.com.br Josiane Ribeiro

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID): UMA AVALIAÇÃO DA ESCOLA SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES Silva.A.A.S. Acadêmica do curso de Pedagogia (UVA), Bolsista do PIBID. Resumo: O trabalho

Leia mais

META NACIONAL 15: garantir, em regime de colaboração entre a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, no prazo de 1 (um) ano de vigência deste PNE, política nacional de formação dos profissionais

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL BOLSA INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID FORMULÁRIO TALHAMENTO DO SUBPROJETO POR ÁREA CONHECIMENTO 1. Nome da Instituição: 2. GO UNIVERSIDA FERAL GOIÁS

Leia mais

SELEÇÃO DE DISCENTES BOLSISTAS PARA O SUBPROJETO PEDAGOGIA (EDUCAÇÃO INFANTIL):

SELEÇÃO DE DISCENTES BOLSISTAS PARA O SUBPROJETO PEDAGOGIA (EDUCAÇÃO INFANTIL): UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA/CAPES EDITAL Nº 01/2015 Subprojeto PIBID/Pedagogia (Educação Infantil)/UFOPA

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA -PIBID-FAAT

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA -PIBID-FAAT PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA -PIBID-FAAT Projeto Institucional - Faculdades Atibaia FAAT Parceria entre o Ensino Superior e a Escola Pública na formação inicial e continuada

Leia mais

EDITAL N.01/2014 SELEÇÃO DE ALUNOS BOLSISTAS PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID)

EDITAL N.01/2014 SELEÇÃO DE ALUNOS BOLSISTAS PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COORDENADORIA DE PROGRAMAS E PROJETOS PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL N.01/2014

Leia mais

PALAVRAS CHAVE: Formação de Professores, Políticas Públicas, PIBID, Ensino de Física. Girona, 9-12 de septiembre de 2013 COMUNICACIÓN

PALAVRAS CHAVE: Formação de Professores, Políticas Públicas, PIBID, Ensino de Física. Girona, 9-12 de septiembre de 2013 COMUNICACIÓN IX CONGRESO INTERNACIONAL SOBRE INVESTIGACIÓN EN DIDÁCTICA DE LAS CIENCIAS Girona, 9-12 de septiembre de 2013 COMUNICACIÓN POLÍTICAS PÚBLICAS PARA A EDUCAÇÃO: A IMPORTÂNCIA DO PIBID 1 NA FORMAÇÃO INICIAL

Leia mais

AS DISCIPLINAS DE DIDÁTICA NOS CURSOS DE LICENCIATURAS

AS DISCIPLINAS DE DIDÁTICA NOS CURSOS DE LICENCIATURAS AS DISCIPLINAS DE DIDÁTICA NOS CURSOS DE LICENCIATURAS VIEIRA, Débora Cristina de Oliveira PUCPR mmdvieira@hotmail.com MARTINS, Pura Lúcia Oliver - PUCPR Pura.oliver@pucpr.br Eixo Temático: Didática: Teorias,

Leia mais

3.3 Linhas de ação 3.3.1 3.3.2 Informações sobre programas 3.4 Proponente 3.4.1 3.4.2 3.5 Submissão

3.3 Linhas de ação 3.3.1 3.3.2 Informações sobre programas 3.4 Proponente 3.4.1 3.4.2 3.5 Submissão EDITAL Nº. 01/2014 - SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE CURSOS DE FORMAÇÃO CONTINUADA PARA PROFISSIONAIS DO MAGISTÉRIO DA EDUCAÇÃO BÁSICA REFERENTE À AÇÃO 20RJ DO MEC O COMITÊ GESTOR INSTITUCIONAL DE FORMAÇÃO INICIAL

Leia mais

2. PROPOSTAS - conforme modelo de projeto a ser seguido no ANEXO 2

2. PROPOSTAS - conforme modelo de projeto a ser seguido no ANEXO 2 Comitê Gestor Institucional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais da Educação Básica da Universidade Federal de Santa Catarina COMFOR/UFSC Campus Prof. João David Ferreira Lima CEP 88040-900

Leia mais

Palavras chave: Ensino de Geografia, aprendizagem significativa, PIBID.

Palavras chave: Ensino de Geografia, aprendizagem significativa, PIBID. (RE) PENSANDO O ENSINO DE GEOGRAFIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA A IMPORTÂNCIA DO PIBID/PUC- RJ NA FORMAÇÃO E PRÁTICA DOCENTE Luana Ferreira Correia Professosa Geografia SME/Supervisora do PIBID Geografia/PUC-RJ

Leia mais

CGEB Coordenadoria de Gestão da Educação Básica. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica

CGEB Coordenadoria de Gestão da Educação Básica. SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Coordenadoria de Gestão da Educação Básica CGEB Coordenadoria de Gestão da Educação Básica 1 DEGEB Departamento de Desenvolvimento Curricular de Gestão da Educação Básica 2 CEFAF Centro de Ensino dos Anos Finais, Ensino Médio e Educação Profissional

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores O CURSO DE EXTENSÃO DA UNIRIO EDUCAÇÃO INFANTIL: ARTE, CORPO E NATUREZA : RELATO DE EXPERIÊNCIA.

Leia mais

AFETIVIDADE, PARA QUE TE QUERO NA EDUCAÇÃO INFANTIL?

AFETIVIDADE, PARA QUE TE QUERO NA EDUCAÇÃO INFANTIL? AFETIVIDADE, PARA QUE TE QUERO NA EDUCAÇÃO INFANTIL? Jailza de Lima Oliveira (UNEB - Bolsista PIBID/CAPES) Larissa Santos do Sacramento (UNEB - Bolsista PIBID/CAPES) Lucimara de Oliveira Soares (UNEB -

Leia mais

Termo de Referência para contratação de consultor na modalidade Produto

Termo de Referência para contratação de consultor na modalidade Produto TÍTULO DO PROJETO: Consolidação da capacidade institucional com vistas a melhoria dos processos de monitoramento e avaliação dos programas de fomento voltados para a Educação Básica e para o Ensino Superior.

Leia mais

PIBID NA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL I

PIBID NA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL I PIBID NA FORMAÇÃO DOS PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL I Resumo ROCHA, Maria Silvia Pinto de Moura Librandi 1 - PUC CAMPINAS FERNANDES, Eliane de Godoi Teixeira 2 - PUC CAMPINAS Grupo de Trabalho - Formação

Leia mais

1 - OBJETIVOS DO PROGRAMA

1 - OBJETIVOS DO PROGRAMA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) Campus Universitário - Lagoa Nova - 59072-970 - Natal - RN Fone: (84)

Leia mais

Projeto ped 01 Título: Orientador: E-mail Curso: Resumo

Projeto ped 01 Título: Orientador: E-mail Curso: Resumo Projeto ped 01 Título: Contribuições de Programas de Iniciação à docência na formação do aluno de Pedagogia: a experiência do Projeto Bolsa Alfabetização e PIBID na Universidade Municipal de São Caetano

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Amambai 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Interdisciplinar Obs.: Para proposta

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

Para a Escola de Referência em Ensino Médio Anibal Fernandes (código MEC 26121859)

Para a Escola de Referência em Ensino Médio Anibal Fernandes (código MEC 26121859) UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID EDITAL N 02 PRAC/PIBID/2012 SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PIBID A UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO

Leia mais

IV FÓRUM NACIONAL DE PEDAGOGIA PEDAGOGIA INTERLOCUÇÕES ENTRE FORMAÇÃO, SABERES E PRÁTICAS. Belo Horizonte, 21 a 23 de Setembro de 2011

IV FÓRUM NACIONAL DE PEDAGOGIA PEDAGOGIA INTERLOCUÇÕES ENTRE FORMAÇÃO, SABERES E PRÁTICAS. Belo Horizonte, 21 a 23 de Setembro de 2011 CARTA DE BELO HORIZONTE A constatação das dificuldades de se identificar nas Diretrizes Curriculares Nacionais - DCNs uma orientação que assegure identidade ao Curso de Pedagogia, leva-nos a indagações

Leia mais

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE DEZEMBRO DE 2012 EREM JOAQUIM NABUCO

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE DEZEMBRO DE 2012 EREM JOAQUIM NABUCO UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CLÁUDIA TRAJANO DE SANTANA JULIANA FRANCELINA DA SILVA RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE DEZEMBRO DE 2012 EREM

Leia mais

TEMPO INTEGRAL E EDUCAÇÃO INTEGRAL NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA PESQUISA NO ÂMBITO DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO (CAPES/INEP)

TEMPO INTEGRAL E EDUCAÇÃO INTEGRAL NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA PESQUISA NO ÂMBITO DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO (CAPES/INEP) TEMPO INTEGRAL E EDUCAÇÃO INTEGRAL NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA PESQUISA NO ÂMBITO DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO (CAPES/INEP) Lígia Martha Coimbra da Costa Coelho Janaína Specht da Silva Menezes Nailda Marinho

Leia mais

Nome da Ação 1.2: Descrição da Ação 1.2: Nome da Ação 1.3: Descrição da Ação 1.3: Nome da Ação 1.4: Descrição da Ação 1.4:

Nome da Ação 1.2: Descrição da Ação 1.2: Nome da Ação 1.3: Descrição da Ação 1.3: Nome da Ação 1.4: Descrição da Ação 1.4: PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Cassilândia 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Interdisciplinar Obs.: Para

Leia mais

Seleção de Projetos Institucionais Edital nº 61/2013

Seleção de Projetos Institucionais Edital nº 61/2013 Seleção de Projetos Institucionais Edital nº 61/2013 Coordenação-Geral de Programas de Valorização do Magistério Diretoria de Formação de Professores da Educação Básica http://www.capes.gov.br/educacao-basica/capespibid

Leia mais

Guia: Autores e Livros sobre Ensino de Geografia

Guia: Autores e Livros sobre Ensino de Geografia PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE SUBPROJETO GEOGRAFIA/CERES Guia: Autores e Livros sobre Ensino de Geografia CAICÓ/RN 2013 Apresentação

Leia mais

EDITAL PIBID-FUNEC- Nº 01/2014

EDITAL PIBID-FUNEC- Nº 01/2014 EDITAL PIBID-FUNEC- Nº 01/2014 SELEÇÃO DE PROFESSORES SUPERVISORES PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID DAS FACULDADES INTEGRADAS DE SANTA FÉ DO SUL/SP. A FUNEC Fundação

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores A VISÃO DE ALGUMAS BOLSISTAS DO PIBID SOBRE SUA ATUAÇÃO EM CONTEXTOS EDUCACIONAIS INCLUSIVOS

Leia mais

Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 30, DE 26 DE JANEIRO DE 2016

Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 30, DE 26 DE JANEIRO DE 2016 Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 30, DE 26 DE JANEIRO DE 2016 Amplia o Programa Idiomas sem Fronteiras. O MINISTRO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO, no uso da atribuição que lhe confere o art.

Leia mais

cultura dos adolescentes/jovens

cultura dos adolescentes/jovens MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores

II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores II Congresso Nacional de Formação de Professores XII Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores O ENSINO DE CIÊNCIAS E A EDUCAÇÃO INCLUSIVA: A FORMAÇÃO INICIAL EM DEBATE Sabrina Pereira Soares

Leia mais

PLANEJAMENTO NA EJA: PROCESSOS E DESAFIOS

PLANEJAMENTO NA EJA: PROCESSOS E DESAFIOS PLANEJAMENTO NA EJA: PROCESSOS E DESAFIOS Ana Lucia Paranhos de Jesus Bolsista ID PIBID / UNEB no DEDC I Priscila Santos Moreira Bolsista ID PIBID / UNEB no DEDC I RESUMO Jeane dos Anjos Moreira Bolsista

Leia mais

Programa Novos Talentos

Programa Novos Talentos Programa Novos Talentos FAQ Perguntas Frequentes 1. SOBRE O PROGRAMA 1.1. O que é o Programa Novos Talentos? O Programa Novos Talentos visa apoiar a realização de atividades extracurriculares cursos, oficinas

Leia mais

NO IFRN / CAMPUS MOSSORÓ

NO IFRN / CAMPUS MOSSORÓ MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRO-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL

Leia mais

CONTRIBUIÇÕES DO PIBID BIOLOGIA NO PROCESSO DE ENSINO- APRENDIZAGEM DE ALUNOS DE UMA ESCOLA DA EDUCAÇÃO BÁSICA: RELATO DE EXPERIÊNCIA

CONTRIBUIÇÕES DO PIBID BIOLOGIA NO PROCESSO DE ENSINO- APRENDIZAGEM DE ALUNOS DE UMA ESCOLA DA EDUCAÇÃO BÁSICA: RELATO DE EXPERIÊNCIA CONTRIBUIÇÕES DO PIBID BIOLOGIA NO PROCESSO DE ENSINO- APRENDIZAGEM DE ALUNOS DE UMA ESCOLA DA EDUCAÇÃO BÁSICA: RELATO DE EXPERIÊNCIA José Carlos da Silva Souza (1), Kélvia Vieira dos Santos (2), Maria

Leia mais

G1 Formação de Professores. Julia de Cassia Pereira do Nascimento (DO)/ juliacpn@interacaosp.com.br Edda Curi/ edda.curi@cruzeirodosul.edu.

G1 Formação de Professores. Julia de Cassia Pereira do Nascimento (DO)/ juliacpn@interacaosp.com.br Edda Curi/ edda.curi@cruzeirodosul.edu. CONTRIBUIÇÕES DO ESTÁGIO PARA O ENSINO DE MATEMÁTICA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL: INDICATIVOS DA LEGISLAÇÃO VIGENTE E DA ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO NUM CURSO DE PEDAGOGIA G1 Formação de Professores

Leia mais

A PÓS-GRADUAÇÃO NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA POSTGRADUATE STUDIES IN THE FEDERAL UNIVERSITY OF PARAIBA

A PÓS-GRADUAÇÃO NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA POSTGRADUATE STUDIES IN THE FEDERAL UNIVERSITY OF PARAIBA 1 A PÓS-GRADUAÇÃO NA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA POSTGRADUATE STUDIES IN THE FEDERAL UNIVERSITY OF PARAIBA Maria José Lima da Silva 1 Os programas de pós-graduação desempenham importante papel na formação

Leia mais

Formação continuada de professores de música das escolas municipais de João Pessoa 1

Formação continuada de professores de música das escolas municipais de João Pessoa 1 Formação continuada de professores de música das escolas municipais de João Pessoa 1 Luis Ricardo Silva Queiroz 2 Universidade Federal da Paraíba Vanildo Mousinho Marinho 3 Universidade Federal da Paraíba

Leia mais

TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: ENTRE A POLÍTICA E A PRÁTICA

TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: ENTRE A POLÍTICA E A PRÁTICA TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E DA COMUNICAÇÃO E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: ENTRE A POLÍTICA E A PRÁTICA Fernanda Araujo Coutinho Campos 1 Hormindo P. de Souza Junior 2 RESUMO Este artigo apresenta parte dos

Leia mais

A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO COMO UMA PROPOSTA EDUCACIONAL DEMOCRÁTICA

A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO COMO UMA PROPOSTA EDUCACIONAL DEMOCRÁTICA A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO COMO UMA PROPOSTA EDUCACIONAL DEMOCRÁTICA Maria Cleonice Soares (Aluna da Graduação UERN) 1 Kátia Dayana de Avelino Azevedo (Aluna da Graduação UERN) 2 Silvia

Leia mais

PROGRAMA OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO EDITAL CAPES Nº 049/2012 ANEXO I. Informações requeridas para a inscrição do projeto no SICAPES

PROGRAMA OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO EDITAL CAPES Nº 049/2012 ANEXO I. Informações requeridas para a inscrição do projeto no SICAPES PROGRAMA OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO EDITAL CAPES Nº 049/2012 ANEXO I Informações requeridas para a inscrição do projeto no SICAPES ABA / CAMPOS ABA 1: IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO Título Duração do projeto Tipo

Leia mais

PROJETO DE VIVÊNCIA 2016.1

PROJETO DE VIVÊNCIA 2016.1 FACULDADE PIO DÉCIMO LICENCIATURA EM QUÍMICA ENSINO DE QUÍMICA ÁREA 4 PROF a MARIA ANTÔNIA ARIMATÉIA FREITAS QUESTÃO 01 Com base na projeção da população brasileira para o período 2010-2040 apresentada

Leia mais

ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID FORMULÁRIO DE DETALHAMENTO DO SUBPROJETO POR ÁREA DE CONHECIMENTO 1. Nome da Instituição: 2. UF UNIVERSIDADE

Leia mais

EdUECE- Livro 1 03430

EdUECE- Livro 1 03430 OS SABERES E AS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS DO CURSO DE PEDAGOGIA A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Maria Irene Miranda Universidade Federal de Uberlândia RESUMO O trabalho aborda o Curso de Pedagogia

Leia mais

Departamento de Engenharia. ENG 1090 Introdução à Engenharia de Produção

Departamento de Engenharia. ENG 1090 Introdução à Engenharia de Produção Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso de Graduação em Engenharia de Produção ENG 1090 Introdução à Engenharia de Produção Prof. Gustavo Suriani de Campos Meireles Neste

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II Edital Pibid n /2012 CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

Orientador (Universidade) Licenciando (Formação inicial) Supervisor (Escola Pública, Formação continuada

Orientador (Universidade) Licenciando (Formação inicial) Supervisor (Escola Pública, Formação continuada POLÍTICAS PUBLICAS PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO BRASIL: os programa PIBID e PRODOCÊNCIA MARIA ISABEL MONTANDON MUS/UnB Programas da CAPES-DEB (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior

Leia mais

A POLÍTICA DE FORMAÇÃO DO GESTOR ESCOLAR NO BRASIL

A POLÍTICA DE FORMAÇÃO DO GESTOR ESCOLAR NO BRASIL Anais da Semana de Pedagogia da UEM ISSN Online: 2316-9435 XX Semana de Pedagogia da UEM VIII Encontro de Pesquisa em Educação / I Jornada Parfor A POLÍTICA DE FORMAÇÃO DO GESTOR ESCOLAR NO BRASIL LUPPI,

Leia mais

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID ANEXO I Detalhamento do PROJETO INSTITUCIONAL TO 10.742.006.0001-98

Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência PIBID ANEXO I Detalhamento do PROJETO INSTITUCIONAL TO 10.742.006.0001-98 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB EDITAL Nº 02/2009 CAPES/DEB Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à

Leia mais

PROPOSTA DE METODOLOGIA E PLANO DE TRABALHO PARA A ELABORAÇÃO DO PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PDI DO IFB (2014-2018)

PROPOSTA DE METODOLOGIA E PLANO DE TRABALHO PARA A ELABORAÇÃO DO PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PDI DO IFB (2014-2018) PROPOSTA DE METODOLOGIA E PLANO DE TRABALHO PARA A ELABORAÇÃO DO PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL PDI DO IFB (2014-2018) 1. Introdução O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) busca nortear

Leia mais

Repensando o papel da extensão o papel dos editais federais no debate sobre inclusão, equidade e ação da extensão universitária Resumo

Repensando o papel da extensão o papel dos editais federais no debate sobre inclusão, equidade e ação da extensão universitária Resumo Repensando o papel da extensão o papel dos editais federais no debate sobre inclusão, equidade e ação da extensão universitária Vera Alves CEPÊDA (UFSCar) 1 Claudia M. Simões MARTINEZ (UFSCar) 2 Rodolfo

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO II Edital Pibid n /2012 CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 10/10/2011, Seção 1, Pág. 1. Portaria n 1419, publicada no D.O.U. de 10/10/2011, Seção 1, Pág. 9. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL

Leia mais

SELEÇÃO DE ALUNOS INTERESSADOS NO PIBID/UFU CAMPI DE UBERLÂNDIA

SELEÇÃO DE ALUNOS INTERESSADOS NO PIBID/UFU CAMPI DE UBERLÂNDIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Pró-Reitoria de Graduação Diretoria de Ensino Divisão de Licenciatura Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADA: Faculdade Metropolitana Recanto das Emas Ltda. UF: DF ASSUNTO: Credenciamento da Faculdade Metropolitana Recanto

Leia mais

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE OUTUBRO DE 2012 EREM ANÍBAL FERNANDES

RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE OUTUBRO DE 2012 EREM ANÍBAL FERNANDES UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA FRANCISCO DE ASSIS DO NASCIMENTO RITA DE CÁSSIA GUEDES LIMA RELATÓRIO DE TRABALHO DOCENTE OUTUBRO DE 2012

Leia mais

BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA

BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EDITAL 10/2014- PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA-PIBID CURSO de PEDAGOGIA UNISAL - CAMPUS- São Paulo/Santa Teresinha A Pró-Reitora

Leia mais

O ESTADO DA ARTE DO ENSINO DE SOCIOLOGIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA: um levantamento preliminar da produção acadêmica

O ESTADO DA ARTE DO ENSINO DE SOCIOLOGIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA: um levantamento preliminar da produção acadêmica O ESTADO DA ARTE DO ENSINO DE SOCIOLOGIA NA EDUCAÇÃO BÁSICA: um levantamento preliminar da produção acadêmica Anita Handfas Faculdade de Educação / UFRJ Resumo O objetivo do artigo é levantar o estado

Leia mais

Nome da Ação 1.2: Descrição da Ação 1.2: Nome da Ação 1.3: Descrição da Ação 1.3:

Nome da Ação 1.2: Descrição da Ação 1.2: Nome da Ação 1.3: Descrição da Ação 1.3: PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Coxim 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Biologia Obs.: Para proposta interdisciplinar,

Leia mais

BOLSISTA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA

BOLSISTA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA EDITAL 13/2015- PARA SELEÇÃO DE BOLSISTA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA-PIBID CURSO DE PEDAGOGIA CAMPUS SANTA TERESINHA - SÃO PAULO A Pró-Reitora do UNISAL

Leia mais

Ensino Superior e Educação Básica: articulando saberes

Ensino Superior e Educação Básica: articulando saberes MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR DIRETORIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA PRESENCIAL DEB ANEXO I EDITAL Nº 001/2011/CAPES PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE-FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE-FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE-FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO Av. Itália, Km8 Campus Carreiros Rio Grande, RS Brasil 96201-900 fone: 53.32336772 e-mail:prograd@furg.br

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS LEI Nº 1.378, DE 28 DE JUNHO DE 2013. Dispõe sobre a oferta de cursos na modalidade a distância, bem como, dispõe sobre a implantação do Pólo Universitário de Apoio Presencial de São Gonçalo do Amarante,

Leia mais

PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 5/12/2012, Seção 1, Pág. 30.

PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 5/12/2012, Seção 1, Pág. 30. PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 5/12/2012, Seção 1, Pág. 30. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CONSELHO PLENO INTERESSADA: Coordenação de Aperfeiçoamento

Leia mais

ISSN 1982-8632 Revista @mbienteeducação Universidade Cidade de São Paulo Vol. 7 nº 3 set/dez, 2014 Editorial. Editorial

ISSN 1982-8632 Revista @mbienteeducação Universidade Cidade de São Paulo Vol. 7 nº 3 set/dez, 2014 Editorial. Editorial Revista @mbienteeducação Universidade Cidade de São Paulo Vol. 7 nº 3 set/dez, 2014 Editorial Editorial Gestão de sistemas e de instituições de ensino, políticas e práticas profissionais Neste número,

Leia mais

ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE AVALIAÇÃO DA GESTÃO PIBID UEPB POR (AS) COORDENADORES (AS), SUPERVISORES (AS) E ALUNOS (AS) BOLSISTAS

ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE AVALIAÇÃO DA GESTÃO PIBID UEPB POR (AS) COORDENADORES (AS), SUPERVISORES (AS) E ALUNOS (AS) BOLSISTAS ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE AVALIAÇÃO DA GESTÃO PIBID UEPB POR (AS) COORDENADORES (AS), SUPERVISORES (AS) E ALUNOS (AS) BOLSISTAS Juarez Nogueira Lins Universidade Estadual da Paraíba junolins@yahoo.com.br

Leia mais

FUNDAÇÃO CARMELITANA MÁRIO PALMÉRIO FACIHUS FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS Educação de qualidade ao seu alcance

FUNDAÇÃO CARMELITANA MÁRIO PALMÉRIO FACIHUS FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS Educação de qualidade ao seu alcance PROJETO INSTITUCIONAL DO PIBID/FUCAMP FORMAÇÃO DOCENTE: CIDADANIA E SUSTENTABILIDADE CONTEXTO EDUCACIONAL A Fundação Carmelitana Mário Palmério FUCAMP foi criada em 15 de novembro de 1997 e registrada

Leia mais

ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID ANEXO II EDITAL Nº 80/2013/PIBID/UFG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID FORMULÁRIO DE DETALHAMENTO DO SUBPROJETO POR ÁREA DE CONHECIMENTO 1. Nome da Instituição: UNIVERSIDADE

Leia mais

Intercâmbio, Informações, Estudos e Pesquisas

Intercâmbio, Informações, Estudos e Pesquisas Intercâmbio, Informações, Estudos e Pesquisas 1 de 11 Para entender o Regulamento de Avaliação da Conformidade IIEP São Paulo, agosto de 2008 2 de 11 A Certificação Profissional no Brasil Em 04 de dezembro

Leia mais

Edital 02/2014 SELEÇÃO DE BOLSISTA PIBID DE LÍNGUA PORTUGUESA/LINGUÍSTICA/LITERATURA

Edital 02/2014 SELEÇÃO DE BOLSISTA PIBID DE LÍNGUA PORTUGUESA/LINGUÍSTICA/LITERATURA Universidade Tecnológica Federal do Paraná LICENCIATURA EM LETRAS PORTUGUÊS/INGLÊS CÂMPUS PATO BRANCO Edital 02/2014 SELEÇÃO DE BOLSISTA PIBID DE LÍNGUA PORTUGUESA/LINGUÍSTICA/LITERATURA A coordenação

Leia mais

O CURRÍCULO PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL: POSSSIBILIDADES E LIMITES PARA A DESFRAGMENTAÇÃO ENTRE GESTÃO ESCOLAR E DOCÊNCIA

O CURRÍCULO PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL: POSSSIBILIDADES E LIMITES PARA A DESFRAGMENTAÇÃO ENTRE GESTÃO ESCOLAR E DOCÊNCIA ISSN: 1981-3031 O CURRÍCULO PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO INFANTIL: POSSSIBILIDADES E LIMITES PARA A DESFRAGMENTAÇÃO ENTRE GESTÃO ESCOLAR E DOCÊNCIA AUTORES: MELLO, Marilice Pereira Ruiz do

Leia mais

A FORMAÇÃO DE FORMADORES DO CURSO DE HISTÓRIA DA UFU: ALGUMAS REFLEXÕES

A FORMAÇÃO DE FORMADORES DO CURSO DE HISTÓRIA DA UFU: ALGUMAS REFLEXÕES A FORMAÇÃO DE FORMADORES DO CURSO DE HISTÓRIA DA UFU: ALGUMAS REFLEXÕES Adair Fernandes David Júnior; FACIP/UFU e-mail: adair.tuiu@hotmail.com Astrogildo Fernandes da Silva Júnior; FACIP/UFU; e-mail: silvajunior_af@yahoo.com.br

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÂO À DOCÊNCIA (PIBID) EDITAL PROEX Nº 014/2013

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÂO À DOCÊNCIA (PIBID) EDITAL PROEX Nº 014/2013 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÂO À DOCÊNCIA (PIBID) EDITAL PROEX Nº 014/2013 A Universidade Estadual de Londrina por meio da Pró-Reitoria de Externsão, considerando a necessidade de selecionar

Leia mais

PIBID MATEMÁTICA DA UNISUL: O DESAFIO DA IMPLANTAÇÃO E OS PRIMEIROS RESULTADOS

PIBID MATEMÁTICA DA UNISUL: O DESAFIO DA IMPLANTAÇÃO E OS PRIMEIROS RESULTADOS Anais do III Simpósio sobre Formação de Professores SIMFOP Universidade do Sul de Santa Catarina, Campus de Tubarão Tubarão, de 28 a 31 de março de 2011 PIBID MATEMÁTICA DA UNISUL: O DESAFIO DA IMPLANTAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO PARECER HOMOLOGADO Despacho do Ministro, publicado no D.O.U. de 12/8/2013, Seção 1, Pág. 11. Portaria n 733, publicada no D.O.U. de 12/8/2013, Seção 1, Pág. 10. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CRITÉRIOS E NORMAS 1ª CHAMADA

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA CRITÉRIOS E NORMAS 1ª CHAMADA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID) Campus Universitário - Lagoa Nova - 59078-970 - Natal - RN Fone: (84)

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL 004/2015 PIBID/UNESPAR ABERTURA DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DO CAMPUS DE Paranavaí- FAFIPA, NA ÁREA DE LETRAS, PARA ATUAR COMO BOLSISTA NO PIBID - À DOCÊNCIA

Leia mais

RESULTADOS E EFEITOS DO PRODOCÊNCIA PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA DOS PROFESSORES DO INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS RESUMO

RESULTADOS E EFEITOS DO PRODOCÊNCIA PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA DOS PROFESSORES DO INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS RESUMO RESULTADOS E EFEITOS DO PRODOCÊNCIA PARA A FORMAÇÃO CONTINUADA DOS PROFESSORES DO INSTITUTO FEDERAL DE ALAGOAS Elisabete Duarte de Oliveira e Regina Maria de Oliveira Brasileiro Instituto Federal de Alagoas

Leia mais

FORMAÇÃO DE PROFESSORES E A POLÍTICA NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL

FORMAÇÃO DE PROFESSORES E A POLÍTICA NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL FORMAÇÃO DE PROFESSORES E A POLÍTICA NACIONAL DA EDUCAÇÃO INFANTIL Resumo LINHARES, Clarice Schneider UNICENTRO clarinha_linhares@yahoo.com.br Área Temática: Formação de Professores Este trabalho partiu

Leia mais

PROJETO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACIPLAC

PROJETO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACIPLAC PROJETO DE AVALIAÇÃO INSTITUCIONAL FACIPLAC GAMA/DF - 2015 2 SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO... 3. 2. OBJETIVOS... 4. 2.1. Geral... 4. 2.2.Específicos... 4. 3. EIOS AVALIATIVOS... 5. 3.1. Eixos de Avaliação Institucional

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02/05/2006

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02/05/2006 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02/05/2006 EDITAL Nº 120 /2014 O Reitor da UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB, no uso de

Leia mais

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. INTERESSADO: Ministério da Educação/ Universidade Federal de Santa UF: RS

AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO. INTERESSADO: Ministério da Educação/ Universidade Federal de Santa UF: RS AGUARDANDO HOMOLOGAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO INTERESSADO: Ministério da Educação/ Universidade Federal de Santa UF: RS Maria ASSUNTO: Recredenciamento da Universidade Federal

Leia mais

O PROJETO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO: aspectos definidores de sua identidade

O PROJETO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO: aspectos definidores de sua identidade O PROJETO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO: aspectos definidores de sua identidade Katia Morosov Alonso* Maria Lúcia Cavalli Neder** O trabalho relativo ao desenvolvimento

Leia mais

DIRETRIZES DE EXTENSÃO 2011 DIRETRIZES DE APOIO ÀS ATIVIDADES DE EXTENSÃO DO IF SUDESTE-MG. Execução: SETEMBRO DE 2011 A DEZEMBRO DE 2011

DIRETRIZES DE EXTENSÃO 2011 DIRETRIZES DE APOIO ÀS ATIVIDADES DE EXTENSÃO DO IF SUDESTE-MG. Execução: SETEMBRO DE 2011 A DEZEMBRO DE 2011 DIRETRIZES DE EXTENSÃO 2011 DIRETRIZES DE APOIO ÀS ATIVIDADES DE EXTENSÃO DO IF SUDESTE-MG Execução: SETEMBRO DE 2011 A DEZEMBRO DE 2011 Diretrizes de Apoio a Projetos de Extensão no IF SUDESTE-MG 1 Av.

Leia mais

EDITAL 007/2014-PIBID-Inglês/UFRR Boa Vista, 01 de setembro de 2014.

EDITAL 007/2014-PIBID-Inglês/UFRR Boa Vista, 01 de setembro de 2014. EDITAL 007/2014-PIBID-Inglês/UFRR Boa Vista, 01 de setembro de 2014. PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE PIBID / UFRR A Universidade Federal de Roraima UFRR, por meio

Leia mais

A ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE FORMAÇÃO DE DOCENTES NO PARANÁ A PARTIR DOS DOCUMENTOS ORIENTADORES DE 2006 E 2014

A ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE FORMAÇÃO DE DOCENTES NO PARANÁ A PARTIR DOS DOCUMENTOS ORIENTADORES DE 2006 E 2014 A ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE FORMAÇÃO DE DOCENTES NO PARANÁ A PARTIR DOS DOCUMENTOS ORIENTADORES DE 006 E 014 Resumo Eduardo Marcomini UNINTER 1 Ligia Lobo de Assis UNINTER Grupo de Trabalho Políticas

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Dourados 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Letras - Inglês Obs.: Para proposta

Leia mais

ENSINO DE FÍSICA E MATEMÁTICA PARA DEFICIENTES VISUAIS: RESULTADOS PRELIMINARES

ENSINO DE FÍSICA E MATEMÁTICA PARA DEFICIENTES VISUAIS: RESULTADOS PRELIMINARES ENSINO DE FÍSICA E MATEMÁTICA PARA DEFICIENTES VISUAIS: RESULTADOS PRELIMINARES Vanderleia Baldo 1 ; Maíra Adriana HIllesheim 2 ; Marines Dias Gonçalves 3 ; Angelisa Benetti Clebsch 4 INTRODUÇÃO A partir

Leia mais

Documento a ser encaminhado à 1ª Câmara Interministerial de Educação e Cultura

Documento a ser encaminhado à 1ª Câmara Interministerial de Educação e Cultura Documento a ser encaminhado à 1ª Câmara Interministerial de Educação e Cultura Uma das estratégias criadas pelo Governo Federal para reduzir a distância entre o Estado e a Sociedade foi a criação das Câmaras

Leia mais

CURSO: EDUCAR PARA TRANSFORMAR. Fundação Carmelitana Mário Palmério Faculdade de Ciências Humanas e Sociais

CURSO: EDUCAR PARA TRANSFORMAR. Fundação Carmelitana Mário Palmério Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Fundação Carmelitana Mário Palmério Faculdade de Ciências Humanas e Sociais Educação de Qualidade ao seu alcance EDUCAR PARA TRANSFORMAR O CURSO DE LICENCIATURA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS CURSO: LICENCIATURA

Leia mais

A FORMAÇÃO DO ADMINISTRADOR NO BRASIL: competências e habilidades LISBOA, TERESINHA COVAS, DRA. teresinhacovas@uol.com.br UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA

A FORMAÇÃO DO ADMINISTRADOR NO BRASIL: competências e habilidades LISBOA, TERESINHA COVAS, DRA. teresinhacovas@uol.com.br UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA A FORMAÇÃO DO ADMINISTRADOR NO BRASIL: competências e habilidades LISBOA, TERESINHA COVAS, DRA. teresinhacovas@uol.com.br UNIP UNIVERSIDADE PAULISTA R E S U M O O presente estudo objetivou pesquisar as

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE ENSINO. Edital 112/2012 - PROEN

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE ENSINO. Edital 112/2012 - PROEN UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE ENSINO Edital 112/2012 - PROEN Chamada Interna para formação de banco de cadastro de bolsistas do FNDE/CAPES - PARFOR A Universidade Federal do Maranhão

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR

EDITAL DE SELEÇÃO PARA PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR EDITAL DE SELEÇÃO PARA PROFESSORES DO ENSINO SUPERIOR Nº 02/2014 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O Diretor Acadêmico da Faculdade Adventista da Bahia FADBA, no uso de suas atribuições, torna pública a

Leia mais

Os desafios da pesquisa sobre Estágio Supervisionado nos cursos de Licenciatura em Pedagogia

Os desafios da pesquisa sobre Estágio Supervisionado nos cursos de Licenciatura em Pedagogia Os desafios da pesquisa sobre Estágio Supervisionado nos cursos de Licenciatura em Pedagogia Eixo temático 2: Formação de Professores e Cultura Digital Angelita de Fátima Souza 1 Váldina Gonçalves da Costa

Leia mais

(Assessoria de Comunicação Social/MEC) INSTRUMENTO DIAGNÓSTICO PAR MUNICIPAL 2011-2014. (6ª versão maio 2011) Ministério da Educação

(Assessoria de Comunicação Social/MEC) INSTRUMENTO DIAGNÓSTICO PAR MUNICIPAL 2011-2014. (6ª versão maio 2011) Ministério da Educação (Assessoria de Comunicação Social/MEC) INSTRUMENTO DIAGNÓSTICO PAR MUNICIPAL 2011-2014 (6ª versão maio 2011) Ministério da Educação Instrumento Diagnóstico - PAR Municipal 2011-2014 A gestão que prioriza

Leia mais