NOVA IMAGEM. NOVA TECNOLOGIA. NOVOS OBJECTIVOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NOVA IMAGEM. NOVA TECNOLOGIA. NOVOS OBJECTIVOS"

Transcrição

1 NOVA IMAGEM. NOVA TECNOLOGIA. NOVOS OBJECTIVOS

2 O PROJECTO COMO NASCEU O CARTÃO SOLIDÁRIO O projecto Cartão Solidário nasceu da vontade de responder de forma contínua e sustentável às necessidades das Instituições de Solidariedade Social, que têm um papel determinante para a sociedade, mas que passam por inúmeras dificuldades para manterem a sua actividade. Consideramos uma necessidade urgente responder às dificuldades das pessoas mais carenciadas e de atribuir apoio àqueles que se dedicam diariamente a estas causas. A Associação Sorriso Solidário chegou assim a um conceito inovador que permite apoiar várias Associações em simultâneo, de forma contínua e sustentável, através da união de pessoas e empresas num só projecto, que ainda apresenta vantagens para todos os envolvidos.

3 FÓRMULA INOVADORA COMO FUNCIONA? É SIMPLES. O titular do Cartão Solidário beneficia de descontos de 5% a 50% nas lojas das marcas aderentes à iniciativa. O titular usufrui de um desconto imediato no momento da sua compra, geralmente metade, e a outra parte é encaminhada pelas empresas para as Instituições beneficiárias. Com o Cartão Solidário já é possível praticar um gesto solidário num acto comum do dia a dia: a compra de bens e/ou serviços. Ao ser utilizado, gera donativos para as Associações e ainda oferece vantagens a todos os que nele participam.

4 SISTEMA WIN WIN WIN VANTAGENS PARA TODOS OS ENVOLVIDOS Associações Obtém um apoio consolidado para as suas obras sociais e serviços gratuitos à sociedade. Pessoas Poupam nas suas compras numa época de dificuldades, ao mesmo tempo que ajudam uma causa maior sem um esforço financeiro associado. Empresas Fidelizam clientes, criam uma maior ligação emocional com eles ao participarem juntos numa missão social e obtém uma forte visibilidade na comunicação do projecto a nível nacional.

5 INSTITUIÇÕES BENEFICIÁRIAS Nesta Edição, o Cartão Solidário foca se na ajuda às crianças mais desprotegidas e/ou carenciadas, com o objectivo de lhes proporcionar um maior acesso à saúde, alimentação, habitação, educação e cultura. Fundação de Apoio a Crianças e Jovens Internados Associação de Lares Familiares para Crianças e Jovens Associação Nacional de Doenças Mentais e Raras Associação de Apoio a Crianças Infectadas pelo VIH/SIDA

6 VANTAGENS EM PARTICIPAR PERSPECTIVA DOS TITULARES 1. Com o Cartão Solidário as pessoas podem poupar nas suas compras ao mesmo tempo que ajudam quem mais precisa. Para além de beneficiarem de vários descontos, sabem que em cada compra que fazem, estão a gerar um donativo para as Instituições de igual valor ao desconto obtido. 2. Podem utilizar um único cartão durante as suas compras, pois é transversal a várias áreas de actividade e ainda estão a contribuir para várias causas. 3. Praticam a sua responsabilidade social, sem um esforço financeiro associado, bastando apenas manterem se fieis às marcas aderentes e realizarem as suas compras nas lojas associadas.

7 VANTAGENS EM PARTICIPAR PERSPECTIVA DAS EMPRESAS 1. O Cartão Solidário funciona como um cartão de fidelização eficaz, devido à sua forte componente emocional. Os clientes solidários sabem que para além de terem um benefício monetário, estão a ajudar as Instituições. Cria se assim uma forte ligação entre as pessoas e as marcas, pois estão juntos a participar e a contribuir para uma causa maior. 2. As empresas oferecem vários descontos noutros contextos e neste projecto faz ainda mais sentido, pois visa uma causa maior e uma maior ligação ao cliente. Apesar destes donativos serem pequenos, entre todas as empresas representa um enorme apoio. 3. Obtêm presença em várias peças de comunicação e podem comunicar com a comunidade solidária que conta já com mais de aderentes.

8 REDE ACTUAL DE EMPRESAS SOLIDÁRIAS

9 ENTIDADE RESPONSÁVEL ASSOCIAÇÃO SORRISO SOLIDÁRIO A Sorriso Solidário Associação de Apoio a Causas Sociais, Culturais e Ambientais é a entidade impulsionadora e gestora do Cartão Solidário. Funciona como o elo de ligação entre as Instituições, as empresas e os titulares do Cartão Solidário, ficando também encarregue da emissão dos recibos dos valores doados no âmbito da iniciativa. A Associação Sorriso Solidário pretende reunir centenas de empresas solidárias, que oferecem descontos aos titulares do Cartão Solidário, bem como um conjunto de associados que funcionam como agentes impulsionadores do projecto através de diferentes contributos e/ou participações na área de comunicação, distribuição, tecnologia e mecenato.

10 REDE ACTUAL DE ASSOCIADOS

11 OBJECTIVOS SOLIDÁRIOS E MAIS DE EM DONATIVOS Acreditamos que o Cartão Solidário se irá tornar numa referência nacional e internacional na área da responsabilidade social e que irá permitir criar uma corrente solidária entre pessoas e empresas, com uma forte ligação entre elas, pois partilham de um objectivo comum: fazer sorrir quem mais precisa. Já contamos com mais de aderentes particulares e mais de 50 empresas associadas. Queremos atingir uma comunidade de solidários e gerar mais de em donativos para as Instituições beneficiárias.

12 APELO PARTICIPE NESTA MISSÃO A Associação Sorriso Solidário vem pedir o seu apoio para este projecto e convidá lo para se tornar num Associado da Associação Sorriso Solidário, pelo seu espírito de responsabilidade social e pelo enorme contributo que podem dar a esta iniciativa. Precisamos do vosso apoio para este projecto para que possamos desenvolver algumas das acções delineadas para o ano 2010, de forma a impulsionarmos esta iniciativa e a tornarmos ainda mais sustentável. Ao serem Associados da Associação Sorriso Solidário, estarão a apoiar várias Instituições de Solidariedade Social em simultâneo e a ajudar a consolidar um projecto que permitirá uma ajuda constante a várias Associações no nosso país.

13 DÁ IMAGEM DESCONTOS E EVENTO AJUDA QUEM DE LANÇAMENTO MAIS PRECISA COMUNICAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO

14 EMBALAGEM KIT SOLIDÁRIO Cartão Provisório, 500 em Vouchers e Guia de Bolso Foi criada uma embalagem para o Cartão Solidário que contém um Cartão Provisório, um conjunto de vouchers no valor de mais de 500 e um Guia Informativo com as marcas, descontos e contribuições. Após adquirir o Kit Solidário, o titular recebe o Cartão Definitivo na sua morada no prazo de 3 semanas, até lá pode utilizar o Cartão Provisório.

15 VALOR DE ADESÃO QUOTA SOLIDÁRIA = 10 A adesão ao Cartão Solidário tem o valor simbólico de 10, que corresponde a uma quota anual da Associação Sorriso Solidário. O Cartão Solidário tem a validade de 1 ano. Após este período, o titular deverá renovar a sua quota, caso pretenda continuar a poupar e a ajudar quem mais precisa.

16 Kit Solidário

17 Cartão Provisório Conjunto de Vouchers Guia desdobrável Interior

18 SITE SOLIDÁRIO ADESÕES ONLINE, CONSULTA DE DESCONTOS E DONATIVOS O site do Cartão Solidário pretende ser o principal elo de ligação entre a Associação Sorriso Solidário e os titulares do Cartão Solidário. Oferece informação detalhada sobre o projecto e as empresas solidárias, permitindo uma pesquisa das lojas aderentes por área geográfica e a consulta dos descontos, condições e lojas associadas. Permite a adesão online ao projecto e a consulta das poupanças e contribuições por parte dos Titulares na Área Reservada. Neste momento, estamos a iniciar um processo de reformulação, com mais funcionalidades.

19 EVENTO DE LANÇAMENTO 03. MARÇO PADRÃO DOS DESCOBRIMENTOS O Cartão Solidário foi apresentado no dia 03 de Março de 2009, no Padrão dos Descobrimentos, escolhido pelo seu forte simbolismo histórico. O evento contou com a presença dos presidentes das Instituições beneficiárias, dos representantes das empresas solidárias, bem como de vários convidados que vieram dar o seu contributo e força à iniciativa, como os novos embaixadores do projecto Os Anjos, Nelson e Sérgio Rosado, Sílvia Rizzo e Luís Represas.

20

21

22 COMUNICAÇÃO CAMPANHA PUBLICITÁRIA Desenvolvida pela Agência de Publicidade Partners e pela Agência de Meios Media:EdgeCia Com o apoio da Agência de Publicidade Partners, da Agência de Meios Media:EdgeCia e de vários meios de comunicação foi possível realizar a nova campanha de publicidade. A campanha iniciou em Março e prolongou se até ao final do mês de Agosto em vários meios e suportes de comunicação de forma gradual, primeiro na TV, passando depois para a Rádio, Imprensa e Cinema: RTP, RTP 2, RTP N, TV Metro, SIC Mulher, SIC Notícias entre outros canais TV Cabo; Rádio Comercial, M80, Rádio Cidade, Rádio Clube, TSF, entre outras; Diário de Notícias, Diário Económico, Semanário Económico, OJE, Jornal de Notícias, Revista Visão, MaxMen, Guia para a Semana, Única (Expresso), TV Mais, entre outras; ZON Lusomundo.

23 Imprensa Pág. Inteira e ½ Página

24 Imprensa Pág. Inteira e ½ Página

25 Imprensa Pág. Inteira e ½ Página

26 COMUNICAÇÃO DISTRIBUIÇÃO DE FOLHETOS NAS ENTIDADES ADERENTES Nas empresas solidárias são entregues folhetos aos clientes, para que conheçam este esta iniciativa. Algumas entidades prestam ainda o serviço de adesão ao Cartão Solidário nos seus balcões. Frente e Verso Interior

27 COMUNICAÇÃO REDES SOCIAIS MySpace, Twitter, FaceBook e Blog O Cartão Solidário conta com presença em MySpace, Facebook e Twitter, as primeiras páginas a serem criadas e que já se encontram online. Temos também um blog que permite uma maior comunicação entre a comunidade solidária: titulares e empresas aderentes. MySpace Facebook Twitter

28 COMUNICAÇÃO NEWSLETTER DIGITAL A partir do mês de Dezembro, os titulares do Cartão Solidário começaram a receber mensalmente uma Newsletter com todas as novidades, com novas empresas solidárias aderentes, novos associados que apoiam a iniciativa e novos canais de distribuição que vão sendo criados para a adesão ao Cartão Solidário por parte do público. Newsletter Digital

29 DISTRIBUIÇÃO KITS SOLIDÁRIOS NAS ENTIDADES ADERENTES AUTORIZADAS People s Phone, MegaRede, Repsol e Liberty Seguros Os Kits Solidários estão actualmente disponíveis nas lojas People s Phone e MegaRede, nas estações de serviço Repsol e nas agências Liberty Seguros. O Cartão Solidário procura neste momento outros canais de distribuição a nível nacional

30 PARTICIPE NESTA MISSÃO O Cartão Solidário apresenta se como uma ferramenta inovadora de ajuda diária a projectos sociais de reconhecido valor. Com o Cartão Solidário já é possível ajudar através de um gesto comum do dia a dia: a compra de bens e serviços. Queremos criar uma corrente solidária forte e permanente entre pessoas e empresas que seja capaz de minimizar os desequilíbrios sociais que se vão sentindo no nosso país. Através da união de todos, é possível. Participe nesta missão e faça parte desta corrente solidária. MUITO OBRIGADO.

31 CONTACTOS ASSOCIAÇÃO SORRISO SOLIDÁRIO Associação de Apoio a Causas Sociais, Culturais e Ambientais R. General Firmino Miguel, 12 B, Lisboa T F Miguel Mendes Direcção T T E.

BANCO ALIMENTAR CONTRA A FOME DE VISEU

BANCO ALIMENTAR CONTRA A FOME DE VISEU BANCO ALIMENTAR CONTRA A FOME DE VISEU A NOSSA MISSÃO Lutar contra o desperdício, recuperando excedentes alimentares, para os levar a quem tem carências alimentares, mobilizando pessoas e empresas que

Leia mais

PHC Mensagens SMS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC

PHC Mensagens SMS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC PHCMensagens SMS DESCRITIVO O módulo PHC Mensagens SMS permite o envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo, sem ser necessário criar e enviar uma a uma. Comunique com mais sucesso: ganhe

Leia mais

Estratégia de Marketing na Comunicação Interna. O caso épt! Miguel Horta e Costa Presidente Executivo

Estratégia de Marketing na Comunicação Interna. O caso épt! Miguel Horta e Costa Presidente Executivo Estratégia de Marketing na Comunicação Interna O caso épt! Miguel Horta e Costa Presidente Executivo Conferência Mercator XXI Lisboa, 7 de Outubro 2004 O papel da comunicação no desenvolvimento dos negócios

Leia mais

ARAGÃOPINTO FUNDAÇÃO DE SOLIDARIEDADE SOCIAL VAMOS AJUDAR QUEM PRECISA!

ARAGÃOPINTO FUNDAÇÃO DE SOLIDARIEDADE SOCIAL VAMOS AJUDAR QUEM PRECISA! A ESSENCIALIDADE DE CUIDAR DAS NOSSAS CRIANÇAS INVESTIR A TEMPO PARA EVITAR... E PERSISTIRMOS NA BUSCA DE FAZER SEMPRE MELHOR PARA NÓS A PREVENÇÃO NÃO É UMA OPÇÃO... É UMA OBRIGATORIEDADE MISSÃO A Fundação

Leia mais

Projecto Igreja Solidária Proposta de Comunicação. Lisboa, 8 de Julho de 2009

Projecto Igreja Solidária Proposta de Comunicação. Lisboa, 8 de Julho de 2009 Projecto Igreja Solidária Proposta de Comunicação Lisboa, 8 de Julho de 2009 Índice 1. Enquadramento 2. Proposta O Projecto Missão e Princípios Fases do Projecto O Nosso Desafio A Nossa Resposta O Conceito

Leia mais

Marketing directo Março de 2015

Marketing directo Março de 2015 Marketing directo Março de 2015 INSTITUTIONAL STRAPLINE! Para quem O que comunicar Porquê comunicar Quando comunicar Estratégia Mensuração Direccionado Quantificação Meios diversos Marketing directo Interactividade

Leia mais

O QUE É O PROJETO? Ponto de encontro entre quem tem alguma coisa para DAR... ... e quem precisa de RECEBER. 20-06-2014

O QUE É O PROJETO? Ponto de encontro entre quem tem alguma coisa para DAR... ... e quem precisa de RECEBER. 20-06-2014 0-06-04 O QUE É O PROJETO? Ponto de encontro entre quem tem alguma coisa para DAR...... e quem precisa de RECEBER. Plataforma online - www.darereceber.pt - para encaminhar situações de necessidade. 0-06-04

Leia mais

Teambuilding (Habitat for Humanity Portugal)

Teambuilding (Habitat for Humanity Portugal) Teambuilding (Habitat for Humanity Portugal) A Habitat for Humanity Portugal é uma organização não governamental sem fins lucrativos de base cristã e ecuménica e procura lutar contra o problema da pobreza

Leia mais

Fundamentação. Artigo 1º Âmbito

Fundamentação. Artigo 1º Âmbito Regulamento Interno Fundamentação As preocupações sociais da Associação Vidas Cruzadas estão bem patentes nos objectivos de intervenção desta Instituição. Face ao actual contexto sócio económico cujas

Leia mais

MECENATO DESPORTIVO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO

MECENATO DESPORTIVO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO O QUE É? Mecenas são as pessoas singulares ou colectivas que apoiam, através da concessão de donativos, entidades públicas ou privadas que exerçam acções relevantes para

Leia mais

APADRINHAMENTO. Normas do Programa de Apadrinhamento

APADRINHAMENTO. Normas do Programa de Apadrinhamento APADRINHAMENTO O programa de apadrinhamento da Fundação Salesianos, através do seu Programa Dom Bosco Projeto Vida, é uma iniciativa de angariação de padrinhos/madrinhas que, individualmente ou em grupo,

Leia mais

REGULAMENTO ABRIL/2011

REGULAMENTO ABRIL/2011 REGULAMENTO ABRIL/2011 Regulamento dos Voluntários com Asas Í NDICE Pág. 1. Constituição 2 2. Grupo Dinamizador GD 2.1. Missão.. 2 2.2. Obrigações e Atribuições.. 2 2.3. Funcionamento. 3 3. Membros dos

Leia mais

Mais e Melhor no Desenvolvimento Comunitário

Mais e Melhor no Desenvolvimento Comunitário Mais e Melhor no Desenvolvimento Comunitário Responsabilidade Social Como estratégia de Sustentabilidade a Responsabilidade Social das Organizações, tornou-se de vital importância para o Terceiro Sector,

Leia mais

UniverCidade. A Rede. ao alcance da sua marca

UniverCidade. A Rede. ao alcance da sua marca UniverCidade A Rede ao alcance da sua marca UniverCidade Uma rede de Vantagens para Estudantes O que é? A UniverCidade é uma rede de vantagens para do ensino superior, lançada em Outubro de 2008. Esta

Leia mais

Responsabilidade Social Empresarial

Responsabilidade Social Empresarial Responsabilidade Social Empresarial Agenda Quem Somos? O que produzimos Informações Úteis Ideias - chave sobre Responsabilidade Social Empresarial (RSE) Nosso Conceito de RSE, baseado na Missão e Valores

Leia mais

PROJECTO DE REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DO CARTÃO MUNICIPAL DO DEFICIENTE

PROJECTO DE REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DO CARTÃO MUNICIPAL DO DEFICIENTE PROJECTO DE REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DO CARTÃO MUNICIPAL DO DEFICIENTE NOTA JUSTIFICATIVA Art.º 1.º DEFINIÇÃO No âmbito das actividades de interesse municipal, compete às câmaras municipais prestar apoio

Leia mais

Caritas Diocesana de Portalegre Castelo Branco

Caritas Diocesana de Portalegre Castelo Branco géneros alimentares recebidos do Banco Alimentar Contra a Fome - Delegação de Portalegre, com o qual existe protocolo. Artigo 12º (Afixação de documentos) É da responsabilidade d@ Coordenador/a da Loja:

Leia mais

PHC Mensagens SMS CS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC

PHC Mensagens SMS CS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC PHCMensagens SMS CS DESCRITIVO O módulo PHC Mensagens SMS permite o envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo, sem ser necessário criar e enviar uma a uma. Comunique com mais sucesso:

Leia mais

Dar tempo por causas: alimentar ideias Construir alternativas para a inclusão social

Dar tempo por causas: alimentar ideias Construir alternativas para a inclusão social Dar tempo por causas: alimentar ideias Construir alternativas para a inclusão social Escola Superior Gallaecia 7 de Dezembro de 2011 Maria de Fátima Cortez Ferreira O direito à alimentação é um dos mais

Leia mais

relatório trabalhar com arquitectos campanha out 13

relatório trabalhar com arquitectos campanha out 13 relatório trabalhar arquitectos campanha out 13 / 2 índice introdução a campanha unicação análise anexos 4 5 7 8 9 14 15 16 18 22 28 33 34 36 37 3 introdução 4 a campanha Mass Media performance de unicação

Leia mais

Seminário de apresentação da Rede Gestus

Seminário de apresentação da Rede Gestus Seminário de apresentação da Rede Gestus Rede Gestus O LOGOTIPO Rede Gestus Internacionalização Zona 4 Gestus Compras Cartão ECOTUR Portal Gestus Cartão Gestus Contact Center CRM Zona 4 O LOGOTIPO Características:

Leia mais

CONHEÇA AS NOSSAS OFERTAS E COMECE JÁ A POUPAR!

CONHEÇA AS NOSSAS OFERTAS E COMECE JÁ A POUPAR! DÚVIDAS OU QUESTÕES? PEDIR CARTÃO DESCONTO ADICIONAR A SUA EMPRESA REGISTO DO CARTÃO AS NOSSAS OFERTAS E COMECE JÁ A POUPAR! DISCOUNT SPOT LOJAS ADERENTES OFERTAS QUEM SOMOS BLOG CONTACTOS Em destaque...

Leia mais

Dos documentos que se seguem quais os necessários para abrir uma conta num banco?

Dos documentos que se seguem quais os necessários para abrir uma conta num banco? Quais as principais funções de um banco? A Captar depósitos e gerir a poupança dos seus clientes. B Conceder empréstimos a empresas, particulares e ao Estado. C Disponibilizar meios e formas de pagamento

Leia mais

2ª Edição. Projecto de Voluntariado em Moçambique

2ª Edição. Projecto de Voluntariado em Moçambique 2ª Edição Projecto de Voluntariado em Moçambique AIDGLOBAL: breve apresentação A AIDGLOBAL Ação e Integração para o Desenvolvimento Global é uma Organização Não Governamental para o Desenvolvimento (ONGD)

Leia mais

Principais Vantagens para membros Associados

Principais Vantagens para membros Associados Principais Vantagens para membros Associados ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS E TURISMO Fundada a 30 de Maio de 1950 Única Associação das Agências de Viagens em Portugal COMPOSIÇÃO DOS ASSOCIADOS

Leia mais

Automóvel Club de Portugal Uma grande causa, muitos benefícios.

Automóvel Club de Portugal Uma grande causa, muitos benefícios. Automóvel Club de Portugal Uma grande causa, muitos benefícios. Bem vindo ao maior clube de Portugal Existimos para melhorar a sua experiência de mobilidade e de vida. Juntos, podemos fazer de Portugal

Leia mais

Estimado(a) O MEU MONTEPIO. 31 abr 13

Estimado(a) O MEU MONTEPIO. 31 abr 13 31 abr 13 O MEU MONTEPIO e-newsletter Estimado(a) Associado(a) e Cliente, É com satisfação que partilhamos, nesta edição, os resultados apurados pelo Estudo ECSI Portugal, reveladores de que os associados

Leia mais

Regulamento. Loja Social de Ourique

Regulamento. Loja Social de Ourique Regulamento Loja Social de Ourique Regulamento Loja Social de Ourique Nota Justificativa O presente Regulamento define as normas de funcionamento da Loja Social e faz parte integrante do projecto Espaço

Leia mais

Exmo. Senhor Bastonário da Ordem dos Advogados de Moçambique, Exmos. Senhores Membros dos Corpos Directivos da Ordem dos Advogados de Moçambique,

Exmo. Senhor Bastonário da Ordem dos Advogados de Moçambique, Exmos. Senhores Membros dos Corpos Directivos da Ordem dos Advogados de Moçambique, Exmo. Senhor Bastonário da Ordem dos Advogados de Moçambique, Exmos. Senhores Membros dos Corpos Directivos da Ordem dos Advogados de Moçambique, Caros Convidados, Caros Colegas, Permitam-me que comece

Leia mais

GUIA PRÁTICO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Cartão Europeu de Seguro de Doença (N39 - v4.07) PROPRIEDADE Instituto da Segurança

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS ALBERGUES NOCTURNOS DO PORTO ESBOÇO DE ENQUADRAMENTO TÉCNICO

ASSOCIAÇÃO DOS ALBERGUES NOCTURNOS DO PORTO ESBOÇO DE ENQUADRAMENTO TÉCNICO ASSOCIAÇÃO DOS ALBERGUES NOCTURNOS DO PORTO ESBOÇO DE ENQUADRAMENTO TÉCNICO CENTRO DE ALOJAMENTO DE LONGA DURAÇÃO 1 Introdução A experiência da AANP, decorrente quer da intervenção e acompanhamento diários

Leia mais

SECRETÁRIO REGIONAL DA PRESIDÊNCIA Despacho Normativo n.º 69/2010 de 22 de Outubro de 2010

SECRETÁRIO REGIONAL DA PRESIDÊNCIA Despacho Normativo n.º 69/2010 de 22 de Outubro de 2010 SECRETÁRIO REGIONAL DA PRESIDÊNCIA Despacho Normativo n.º 69/2010 de 22 de Outubro de 2010 Considerando o Regime de enquadramento das políticas de juventude na Região Autónoma dos Açores, plasmado no Decreto

Leia mais

CAMPANHA PAPEL POR ALIMENTOS PROJECTO ESCOLAS 2013/ 2014

CAMPANHA PAPEL POR ALIMENTOS PROJECTO ESCOLAS 2013/ 2014 CAMPANHA PAPEL POR ALIMENTOS PROJECTO ESCOLAS 2013/ 2014 APRESENTAÇÃO Muitos particulares, empresas e instituições já aderiram à Campanha Papel por Alimentos numa importante parceria na luta contra a fome:

Leia mais

A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel.

A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel. A certificação de Qualidade para a Reparação Automóvel. Projecto A Oficina+ ANECRA é uma iniciativa criada em 1996, no âmbito da Padronização de Oficinas ANECRA. Este projecto visa reconhecer a qualidade

Leia mais

Family Days PORTO. Informação aos Media

Family Days PORTO. Informação aos Media 3 e 4 de Outubro O maior salão de miúdos e graúdos Informação aos Media A 000 Eventos - Organização de Eventos Temáticos, irá realizar, nos próximos dias 3 e 4 de Outubro, de, entre as 0h e as 23h, no

Leia mais

MAIS PRÓXIMO DA COMUNIDADE

MAIS PRÓXIMO DA COMUNIDADE MAIS PRÓXIMO DA COMUNIDADE RESPONSABILIDADE SOCIAL Com vista a promover uma cultura de responsabilidade social, o Millennium bcp tem procurado desenvolver um conjunto de acções junto dos vários grupos

Leia mais

NEWSLETTER Nº 9/11. Semana de 18 de Abril a 25 de Abril de 2011

NEWSLETTER Nº 9/11. Semana de 18 de Abril a 25 de Abril de 2011 NEWSLETTER Nº 9/11 PRODUTOS DA QUINTA Apresentamos os "Produtos da Quinta" à venda esta semana. Relembramos que os nossos produtos têm certificação biológica. As encomendas poderão ser feitas na Sede da

Leia mais

Empreendedorismo De uma Boa Ideia a um Bom Negócio

Empreendedorismo De uma Boa Ideia a um Bom Negócio Empreendedorismo De uma Boa Ideia a um Bom Negócio 1. V Semana Internacional A Semana Internacional é o evento mais carismático e que tem maior visibilidade externa organizado pela AIESEC Porto FEP, sendo

Leia mais

MUDE PARA A TELEVISÃO DIGITAL

MUDE PARA A TELEVISÃO DIGITAL MUDE PARA A TELEVISÃO DIGITAL O SEU TELEVISOR ESTÁ PREPARADO? NÃO FIQUE SEM VER TELEVISÃO O QUE É A TELEVISÃO DIGITAL? A televisão digital é uma evolução natural da televisão que temos hoje, com melhor

Leia mais

Cartão Galp Frota Business. Apresentação e condições comerciais

Cartão Galp Frota Business. Apresentação e condições comerciais Cartão Galp Frota Business Apresentação e condições comerciais A Galp Energia acaba de lançar o mais recente elemento da família de cartões de combustível Galp Frota, o Galp Frota Business Cartão Galp

Leia mais

GUIA PRÁTICO APOIOS SOCIAIS CRIANÇAS E JOVENS COM DEFICIÊNCIA

GUIA PRÁTICO APOIOS SOCIAIS CRIANÇAS E JOVENS COM DEFICIÊNCIA Manual de GUIA PRÁTICO APOIOS SOCIAIS CRIANÇAS E JOVENS COM DEFICIÊNCIA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/7 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Apoios Sociais Crianças

Leia mais

A percepção da responsabilidade social em Portugal

A percepção da responsabilidade social em Portugal A percepção da responsabilidade social em Portugal Estudo concebido pela Sair da Casca e realizado pela Multivária entre Julho de 2003 e Janeiro de 2004 _ Índice _ Introdução.............................................................

Leia mais

A NOVA ENERGIA CRIATIVA

A NOVA ENERGIA CRIATIVA A NOVA ENERGIA CRIATIVA LIGUE-SE A NÓS! APRESENTAÇÃO CNERGIA é uma marca de comunicação global com uma nova energia criativa resultado do encontro de vários profissionais de diversas áreas criativas, que

Leia mais

Em defesa do Sector da Hotelaria, Restauração e Bebidas. desde 1896

Em defesa do Sector da Hotelaria, Restauração e Bebidas. desde 1896 Em defesa do Sector da Hotelaria, Restauração e Bebidas desde 1896 Quem Somos? Instituição de Utilidade Pública Restauração Pastelarias e Cafés Mais de um século de existência Empreendimentos Turísticos

Leia mais

Plano de Comunicação para o QCA III. Relatório de Execução de 2002

Plano de Comunicação para o QCA III. Relatório de Execução de 2002 Plano de Comunicação para o QCA III Relatório de Execução de 2002 Após o período de lançamento do QCA III o ano de 2002 foi de consolidação dos projectos iniciados e de apresentação dos primeiros resultados.

Leia mais

Condições Gerais Programa de fidelidade O CLUBE FITNESSBOUTIQUE Junho 2011

Condições Gerais Programa de fidelidade O CLUBE FITNESSBOUTIQUE Junho 2011 Condições Gerais Programa de fidelidade O CLUBE FITNESSBOUTIQUE Junho 2011 O programa de fidelidade O Clube Fitnessboutique foi criado pela Sociedade Netquattro SAS, Sociedade anónima com um capital de

Leia mais

PLANO DE ACTIVIDADES 2011

PLANO DE ACTIVIDADES 2011 PLANO DE 2011 ACTIVIDADES Federação Portuguesa das Associações, Centros e Clubes UNESCO Julho de 2011 FICHA TÉCNICA TÍTULO: PLANO DE ACTIVIDADES 2011 AUTOR: Federação Portuguesa das Associações, Centros

Leia mais

Plano de Actividades. Orçamento ASSOCIAÇÃO DO COMÉRCIO, INDÚSTRIA E SERVIÇOS DOS CONCELHOS DE VILA FRANCA DE XIRA E ARRUDA DOS VINHOS

Plano de Actividades. Orçamento ASSOCIAÇÃO DO COMÉRCIO, INDÚSTRIA E SERVIÇOS DOS CONCELHOS DE VILA FRANCA DE XIRA E ARRUDA DOS VINHOS Plano de Actividades e Orçamento Exercício de 2012 Plano de Actividades e Orçamento para o exercício de 2012 Preâmbulo: O Plano de Actividades do ano de 2012 foi concebido com a prudência que resulta da

Leia mais

Apesar de se tratar de uma modalidade amadora, entendemos que a gestão federativa deve pautar-se por elevados padrões de rigor e profissionalismo.

Apesar de se tratar de uma modalidade amadora, entendemos que a gestão federativa deve pautar-se por elevados padrões de rigor e profissionalismo. ! A candidatura dos signatários apresenta-se com um espírito renovador e inovador das políticas e dos processos da gestão federativa do Bridge Português. Apesar de se tratar de uma modalidade amadora,

Leia mais

PROJECTO DE COMUNICAÇÃO

PROJECTO DE COMUNICAÇÃO PROJECTO DE COMUNICAÇÃO VITÓRIA SPORT CLUBE Visão O objectivo e desafio do Departamento de Comunicação visa ajudar a congregar os actos comunicativos de todos aqueles que fazem parte do Clube e transmitir

Leia mais

Đ ŕňĉòă. g esſ tã o d e r e d esſ sſo ciaisſ

Đ ŕňĉòă. g esſ tã o d e r e d esſ sſo ciaisſ Đ ŕňĉòă g esſ tã o d e r e d esſ sſo ciaisſ Em todas as empresas há um segredo Na nossa o segredo passa a ser você quem somos? Quando acabarem a licenciatura, o desemprego espera-vos. Enganaram se! Se

Leia mais

1 DONATIVO = 1 POSTAL ELECTRÓNICO

1 DONATIVO = 1 POSTAL ELECTRÓNICO A campanha Prenda AMIga tem como objectivo angariar fundos para os projectos nacionais, internacionais e ambientais da AMI. Pretende-se sensibilizar e incentivar o espírito solidário das empresas e da

Leia mais

Responsabilidade Social Literacia Financeira 11 Maio 2012

Responsabilidade Social Literacia Financeira 11 Maio 2012 Responsabilidade Social Literacia Financeira 11 Maio 2012 Projeto Crédito Responsável Projeto criado em 2009, conta já com 2 edições e visa O reforço da política de responsabilidade social e A promoção

Leia mais

GESTÃO DA INFORMAÇÃO. 29.05.2008 Teresinha Fernandes 10º CICLO DE SEMINÁRIOS TRANSPORTE RODOVIÁRIO ALARGAR OS HORIZONTES

GESTÃO DA INFORMAÇÃO. 29.05.2008 Teresinha Fernandes 10º CICLO DE SEMINÁRIOS TRANSPORTE RODOVIÁRIO ALARGAR OS HORIZONTES DOMÍNIOS CRÍTICOS DA ACTIVIDADE ASSOCIATIVA: - Intervenção Política e Institucional / Produção Normativa; - Formação; - Assistência Técnica; - Assistência Documental; - Tratamento e Fornecimento de Informação:

Leia mais

Documentação, Divulgação e Vídeo. > Relatório <

Documentação, Divulgação e Vídeo. > Relatório < Projecto Aldeia das Amoreiras Sustentável Documentação, Divulgação e Vídeo > Relatório < - 1 - RELATÓRIO DA DOCUMENTAÇÃO, DIVULGAÇÃO E VÍDEO Organização: Centro de Convergência/ GAIA Alentejo Data e local:

Leia mais

Regulamento do Green Project Awards

Regulamento do Green Project Awards Regulamento do Green Project Awards A GCI em parceria com a Agência Portuguesa do Ambiente e a Quercus Associação Nacional de Conservação da Natureza, institui um Prémio de reconhecimento de boas práticas

Leia mais

Santander Totta. Santander Totta. Especializado no Negócio de PME

Santander Totta. Santander Totta. Especializado no Negócio de PME Santander Totta Santander Totta Especializado no Negócio de PME O Banco Santander Totta está integrado num dos maiores Grupos Financeiros a nível Mundial. Distingue-se pela sua capacidade de oferecer as

Leia mais

Dia do Voluntário da U.Porto: Formar para o voluntariado Conclusões dos Workshops

Dia do Voluntário da U.Porto: Formar para o voluntariado Conclusões dos Workshops Dia do Voluntário da U.Porto: Formar para o voluntariado Conclusões dos Workshops Workshop1 Voluntariado na área social e humanitária nacional Dinamizadores: Vo.U Associação de Voluntariado Universitário

Leia mais

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO. Setor de Atividade Gestão do Arrendamento Social em Bairros Municipais de Lisboa

FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO. Setor de Atividade Gestão do Arrendamento Social em Bairros Municipais de Lisboa FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Organização GEBALIS,EM, S.A. Diretor(a) Sergio Lopes Cintra Setor de Atividade Gestão do Arrendamento Social em Bairros Municipais de Lisboa Número de Efetivos 200 NIF 503541567

Leia mais

Estimado(a) O MEU MONTEPIO. set 13

Estimado(a) O MEU MONTEPIO. set 13 edição 36 set 13 O MEU MONTEPIO e-newsletter Estimado(a) Associado(a) e Cliente, Em vésperas de celebrarmos o 173.º aniversário do Montepio Associação Mutualista, a maior organização portuguesa nascida

Leia mais

SÍNTESE DAS CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES

SÍNTESE DAS CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES MINISTÉRIO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS, COOPERAÇÃO E COMUNIDADES SÍNTESE DAS CONCLUSÕES E RECOMENDAÇÕES INTRODUÇÃO O Iº Encontro dos Órgãos de Comunicação e Informação de Caboverdianos na Diáspora, realizado

Leia mais

Com a domiciliação de um ordenado superior a 350 /mês passa a ter a possibilidade de aceder a:

Com a domiciliação de um ordenado superior a 350 /mês passa a ter a possibilidade de aceder a: O seu contacto no Millennium bcp: Sucursal: EVORA MURALHA Nome: Luís Rosado Telefone: 266009530 Para si que tem o seu Ordenado no Millennium bcp! S.Ser.Trab.Camara Municipal Evora e o Millennium bcp prepararam

Leia mais

Copyright WOM / Embaixadores.com 2012. Todos os direitos reservados.

Copyright WOM / Embaixadores.com 2012. Todos os direitos reservados. Quem somos Somos uma agência de Marketing Word-of-Mouth, uma das novas tendências de comunicação. Ajudamos os gestores de marketing a aproveitar todo o potencial de disseminação do word-of-mouth natural

Leia mais

PROGRAMA ESTRATÉGICO PARA 2013-2015

PROGRAMA ESTRATÉGICO PARA 2013-2015 PROGRAMA ESTRATÉGICO PARA 2013-2015 Abril, 2013 ÍNDICE Estrutura organizacional... 3 Objectivos e Estratégia... 5 Orientações... 5 Objectivos estratégicos triénio 2013-2015... 6 2 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

Leia mais

A evolução no setor da hotelaria e turismo. Qual é o espaço para os websites dos hotéis

A evolução no setor da hotelaria e turismo. Qual é o espaço para os websites dos hotéis ÍNDICE Introdução A evolução no setor da hotelaria e turismo Qual é o espaço para os websites dos hotéis Como garantir que o consumidor irá visitar o website de um hotel As vantages que um bom website

Leia mais

VANTAGENS CONSULTAS E TRATAMENTOS A PREÇOS REDUZIDOS CONVENCIONADOS

VANTAGENS CONSULTAS E TRATAMENTOS A PREÇOS REDUZIDOS CONVENCIONADOS FICHA DO PRODUTO INFORMAÇÕES PLANO SAÚDE MEDIVET O Plano de Saúde Animal Medivet é um serviço de saúde que pretende garantir uma saúde veterinária a preços justos e equilibrados, sem surpresas ou papeladas,

Leia mais

COMERCIAL/ MARKETING

COMERCIAL/ MARKETING COMERCIAL/ MARKETING Os investimentos específicos na sua área em 2012 vs? (%) - RU Vão crescer 42 54 Média: + 4,06% Permanecer estáveis 45 5 Terão redução 1 5 2010 (%) - RU A principal estratégia comercial/

Leia mais

Fundação São João de Deus

Fundação São João de Deus Delegação da Guarda Clipping Fundação São João de Deus 16-01-2013 O presente relatório tem por objectivo apresentar o clipping da campanha. Delegação da Guarda Clipping Flyer A5 Cartaz A3 Clipping Meios

Leia mais

8,9,10 maio 2015. 7 a edição do salão ser mamã. Este vai ser o maior salão ser mamã! salão da pré-mamã, bebé e criança. 7a edição

8,9,10 maio 2015. 7 a edição do salão ser mamã. Este vai ser o maior salão ser mamã! salão da pré-mamã, bebé e criança. 7a edição salão da pré-mamã, bebé e criança ENA! Este vai ser o maior salão ser mamã! informação aos media 8,9,10 maio 2015 7 a edição do salão ser mamã A 1000 Eventos Organização de Eventos Temáticos, irá realizar,

Leia mais

1. Programa de Fidelização Altis Blue&Green através do qual são concedidos benefícios aos clientes das suas unidades hoteleiras.

1. Programa de Fidelização Altis Blue&Green através do qual são concedidos benefícios aos clientes das suas unidades hoteleiras. REGULAMENTO T E R M O S E C O N D I Ç Õ E S 1. Programa de Fidelização Altis Blue&Green através do qual são concedidos benefícios aos clientes das suas unidades hoteleiras. 2. Podem ingressar no clube

Leia mais

Desde 2008. Mídia Kit 2015. encontrasãopaulo. www.encontrasaopaulo.com.br

Desde 2008. Mídia Kit 2015. encontrasãopaulo. www.encontrasaopaulo.com.br Desde 2008 Mídia Kit 2015 encontrasãopaulo www.encontrasaopaulo.com.br Introdução O Mídia Kit 2015 do guia online Encontra São Paulo tem o objetivo de contextualizar a atuação do site no segmento de buscas

Leia mais

PHC Mensagens SMS CS

PHC Mensagens SMS CS PHC Mensagens SMS CS O potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC O envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo. Uma comunicação com sucesso: ganhos de tempo e de dinheiro

Leia mais

Concurso Escola Mundo: Estudantes em Acção

Concurso Escola Mundo: Estudantes em Acção NEWSLETTER nº7 CONTEÚDOS: Pág.1 Concurso Escola Mundo: Estudantes em Acção Pág.1 Acções de Estudantes em Portugal Pág.2 Acções de Estudantes na Estónia Pág.3 Acções de Estudantes na Bulgária Pág.3 Acções

Leia mais

NORMAS DE ADMISSÃO DE SÓCIOS À AGENCIA REGIONAL DE PROMOÇÃO TURÍSTICA DO ALENTEJO TURISMO DO ALENTEJO

NORMAS DE ADMISSÃO DE SÓCIOS À AGENCIA REGIONAL DE PROMOÇÃO TURÍSTICA DO ALENTEJO TURISMO DO ALENTEJO NORMAS DE ADMISSÃO DE SÓCIOS À AGENCIA REGIONAL DE PROMOÇÃO TURÍSTICA DO ALENTEJO TURISMO DO ALENTEJO CAPITULO I Disposições Gerais 1. Âmbito As presentes normas têm como finalidade estabelecer as regras

Leia mais

Rodolfo Oliveira Director, Responsabilidade Empresarial Microsoft Portugal

Rodolfo Oliveira Director, Responsabilidade Empresarial Microsoft Portugal Rodolfo Oliveira Director, Responsabilidade Empresarial Microsoft Portugal Subsidiária aberta em 1990, com 380 colaboradores actualmente Líder no mercado de software Modelo de crescimento centrado em parcerias

Leia mais

*Todos os direitos reservados.

*Todos os direitos reservados. *Todos os direitos reservados. A cada ano, as grandes empresas de tecnologia criam novas ferramentas Para o novo mundo digital. Sempre temos que nos renovar para novas tecnologias, a Karmake está preparada.

Leia mais

CATEGORIAS COMUNICAÇÃO SECTORES DE ACTIVIDADE PRÉMIOS

CATEGORIAS COMUNICAÇÃO SECTORES DE ACTIVIDADE PRÉMIOS SECTORES DE ACTIVIDADE Ambiente & Energia Nesta categoria vamos premiar as melhores aplicações na área do ambiente energia, podendo estas ser veiculadas Associações e Sector Público Nesta categoria vamos

Leia mais

newsletter cctv- SISTEMAS DE VIGILÂNCIA IP Nº58 FEVEREIRO 2015 Bem vindos à newsletter mensal da Gateway Portugal!

newsletter cctv- SISTEMAS DE VIGILÂNCIA IP Nº58 FEVEREIRO 2015 Bem vindos à newsletter mensal da Gateway Portugal! newsletter Nº58 FEVEREIRO 2015 cctv- SISTEMAS DE VIGILÂNCIA IP Bem vindos à newsletter mensal da Gateway Portugal! Feita a pensar em si, quisemos reunir notícias do Mundo do retalho, dos nossos clientes

Leia mais

Tese Empresas Algarvias Rede Social Online

Tese Empresas Algarvias Rede Social Online 1. Questionário: PME/ Sites de Redes Sociais (Fácil responder) O objectivo deste questionário consiste em analisar como as PME Algarvias estão a desenvolver as sua potencialidades nos sites de redes sociais.

Leia mais

ESTORIL PRAIA. II Torneio Estoril Praia Escolas

ESTORIL PRAIA. II Torneio Estoril Praia Escolas ESTORIL PRAIA ü O Estoril- Praia alcançou o 5º lugar na Liga ZON Sagres 2012/2013, garanendo uma entrada no palco europeu através de um histórico acesso à Liga Europa 2013/2014. ESTORIL PRAIA OBJETIVOS

Leia mais

As pessoas são a base de tudo.

As pessoas são a base de tudo. As pessoas são a base de tudo. Em tempos difíceis como os que estamos a viver, é o momento ideal para que a sua empresa obtenha dos seus colaboradores o máximo do seu desempenho, e logo, de sua motivação.

Leia mais

Lisboa 2012 FICHA DE CANDIDATURA

Lisboa 2012 FICHA DE CANDIDATURA Lisboa 2012 Refª: 111 Cão que Abriga Grupo de Trabalho dos Bairros e Zonas de Intervenção Prioritária (BIP/ZIP) Rua Nova do Almada, nº 2-3º Andar 1100-060 Lisboa Telefone: 21 322 73 60 Email - bip.zip@cm-lisboa.pt

Leia mais

Manual da Garantia Mútua

Manual da Garantia Mútua Março de 2007 Manual da Garantia Mútua O que é a Garantia Mútua? É um sistema privado e de cariz mutualista de apoio às pequenas, médias e micro empresas (PME), que se traduz fundamentalmente na prestação

Leia mais

Aumente o potencial da força de vendas da empresa ao fornecer-lhe o acesso em local remoto à informação comercial necessária á à sua actividade.

Aumente o potencial da força de vendas da empresa ao fornecer-lhe o acesso em local remoto à informação comercial necessária á à sua actividade. Descritivo completo PHC dcrm Aumente o potencial da força de vendas da empresa ao fornecer-lhe o acesso em local remoto à informação comercial necessária á à sua actividade. Benefícios Acesso aos contactos

Leia mais

PAO 2013 Assembleia Geral 13 de Novembro de 2012

PAO 2013 Assembleia Geral 13 de Novembro de 2012 PAO 2013 Assembleia Geral 13 de Novembro de 2012 PAO 2013 1. NOTA DOS FUNDADORES 2. OBJECTIVOS 2013 a) INTERVENÇÃO SOCIAL b) ANGARIAÇÃO DE FUNDOS c) COMUNICAÇÃO d) VOLUNTÁRIOS ABO e) GESTÃO ADMINISTRATIVA

Leia mais

CARTÕES UNIBANCO APRESENTAÇÃO

CARTÕES UNIBANCO APRESENTAÇÃO CARTÕES UNIBANCO APRESENTAÇÃO A UNICRE UNICRE Instituição Financeira de Crédito, S.A Especialista em cartões de pagamento desde 1974 Sede: Av. António Augusto de Aguiar, 122 Lisboa www.unicre.pt Emissora

Leia mais

Internet de Banda Larga pré-paga da Netcabo. Clipping de Media (10 e 11 de Maio de 2004) Direcção de Comunicação Corporativa

Internet de Banda Larga pré-paga da Netcabo. Clipping de Media (10 e 11 de Maio de 2004) Direcção de Comunicação Corporativa Internet de Banda Larga pré-paga da Netcabo Clipping de Media (10 e 11 de Maio de 2004) Meio: Jornal de Notícias Data: 11 de Maio de 2004 Pág.: 27 Meio: Diário Económico Data: 11 de Maio de 2004 Pág.:

Leia mais

Uma Incubadora de Cursos de Educação à Distância (EAD) para o SUS e para a saúde

Uma Incubadora de Cursos de Educação à Distância (EAD) para o SUS e para a saúde Uma Incubadora de Cursos de Educação à Distância (EAD) para o SUS e para a saúde Caraterização do problema: O projeto de "Incubadora de Cursos de Educação à Distância (EAD) para o Sistema Único de Saúde

Leia mais

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado

Departamento Comercial e Marketing. Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010. Técnicas de Secretariado Escola Secundaria de Paços de Ferreira 2009/2010 Técnicas de Secretariado Departamento Comercial e Marketing Módulo 23- Departamento Comercial e Marketing Trabalho realizado por: Tânia Leão Departamento

Leia mais

PLANO DE ACTIVIDADES 2009

PLANO DE ACTIVIDADES 2009 PLANO DE ACTIVIDADES 2009 Ao longo do último ano, a Direcção da Associação ILGA Portugal alcançou vários objectivos importantes, incluindo: o registo definitivo da Associação enquanto Instituição Particular

Leia mais

O consumo de conteúdos noticiosos dos estudantes de Ciências da Comunicação da Faculdade de Letras da Universidade do Porto

O consumo de conteúdos noticiosos dos estudantes de Ciências da Comunicação da Faculdade de Letras da Universidade do Porto Ciências da Comunicação: Jornalismo, Assessoria e Multimédia O consumo de conteúdos noticiosos dos estudantes de Ciências da Comunicação da Faculdade de Letras da Universidade do Porto Metodologia da Investigaça

Leia mais

NOTÍCIAS E REFERÊNCIAS NA IMPRENSA

NOTÍCIAS E REFERÊNCIAS NA IMPRENSA COMUNICAÇÃO NATALIS NOTÍCIAS E REFERÊNCIAS NA IMPRENSA...2 ANÚNCIOS IMPRENSA...11 ENTREVISTAS PARA A TELEVISÃO E RÁDIO...13 INTERNET...14 SPOT RÁDIO...19 POSTER NATALIS...20 FLYERS NATALIS...21 E-MAILING...22

Leia mais

O que é o POS Objetivos Metodologia Estrutura Organizativa Potencialidades Balanço Tipologia de Apoios concedidos

O que é o POS Objetivos Metodologia Estrutura Organizativa Potencialidades Balanço Tipologia de Apoios concedidos AGENDA 1/2 OEIRAS SOLIDÁRIA O que é o POS Objetivos Metodologia Estrutura Organizativa Potencialidades Balanço Tipologia de Apoios concedidos AGENDA 2/2 OEIRAS SOLIDÁRIA Entidades Beneficiárias Outras

Leia mais

Flash RH Responsabilidade Social

Flash RH Responsabilidade Social Flash RH Responsabilidade Social No seguimento da nossa campanha de recolha de bens interna, inserida no âmbito da responsabilidade social, a SPIE conseguiu recolher bens para chegar a 8 instituições de

Leia mais

PROPOSTA DE VEICULAÇÃO ONLINE NOVO PORTAL DO TRÂNSITO www.portaldotransito.com.br

PROPOSTA DE VEICULAÇÃO ONLINE NOVO PORTAL DO TRÂNSITO www.portaldotransito.com.br PROPOSTA DE VEICULAÇÃO ONLINE NOVO PORTAL DO TRÂNSITO www.portaldotransito.com.br CENÁRIO DE TRÂNSITO NO BRASIL E O PORTAL DO TRÂNSITO O cenário do trânsito atual não é nada animador. Segundo especialistas

Leia mais

Protocolo entre a A.P.F.N. - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas e a DentalClinic no âmbito da saúde oral

Protocolo entre a A.P.F.N. - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas e a DentalClinic no âmbito da saúde oral Protocolo entre a A.P.F.N. - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas e a DentalClinic no âmbito da saúde oral Para ter acesso aos benefícios inerentes ao Plano terá de apresentar nas clínicas do nosso

Leia mais

Manual de GUIA PRÁTICO ADOÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P. ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/13

Manual de GUIA PRÁTICO ADOÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P. ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/13 Manual de GUIA PRÁTICO ADOÇÃO INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/13 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Adoção (32 V4.08) PROPRIEDADE Instituto da Segurança Social,

Leia mais

Vamos Vestir o Mar Nível de ensino: Articulação Curricular: 5.º ano Ciências Naturais

Vamos Vestir o Mar Nível de ensino: Articulação Curricular: 5.º ano Ciências Naturais Vamos Vestir o Mar Nível de ensino: 5.º, 6.º, 7.º, 8.º e 9.º ano As atividades desta ficha deverão ser realizadas de forma interdisciplinar Articulação Curricular: 5.º ano Ciências Naturais no domínio

Leia mais

PROMOTORES: PARCEIROS/CONSULTORES: FUNCIONAMENTO RESUMO

PROMOTORES: PARCEIROS/CONSULTORES: FUNCIONAMENTO RESUMO CVGARANTE SOCIEDADE DE GARANTIA MÚTUA PROMOTORES: PARCEIROS/CONSULTORES: FUNCIONAMENTO RESUMO 14 de Outubro de 2010 O que é a Garantia Mútua? É um sistema privado e de cariz mutualista de apoio às empresas,

Leia mais

Aos Órgãos Sociais da FAPODIVEL. Odivelas, 20 de Novembro de 2010. Caros Colegas,

Aos Órgãos Sociais da FAPODIVEL. Odivelas, 20 de Novembro de 2010. Caros Colegas, Aos Órgãos Sociais da FAPODIVEL Odivelas, 20 de Novembro 2010 Caros Colegas, Estando a terminar este ano de trabalho na Federação Concelhia de Odivelas, da qual eu fiz parte dos seus Órgãos Sociais neste

Leia mais