edição nº 129 Nov 2012 R$ 15,00

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "edição nº 129 Nov 2012 R$ 15,00"

Transcrição

1

2

3 edição nº 129 Nov 2012 R$ 15,00

4

5 Editorial 3 referência em logística Publicação mensal, especializada em logística, da Logweb Editora Ltda. Parte integrante do portal twitter: logweb_editora Top para os Tops do Transporte Tiragem: exemplares Redação, Publicidade, Circulação e Administração Rua dos Pinheiros, conj São Paulo - SP Fone/Fax: Nextel: ID: 15*7582 Redação Nextel: ID: 15*7949 Editor Wanderley Gonelli Gonçalves (MTB/SP 12068) Redação Danilo Cândido de Oliveira (MTB/SP 55394) Mariana Mirrha (MTB/SP 56654) Priscilla Cardoso (MTB/SP 68731) Diretoria Executiva Valeria Lima Marketing José Luíz Nammur Administração/Finanças Luís Cláudio R. Ferreira Administração Wellington Christian Borsarini Diretoria Comercial Maria Zimmermann - Nextel.: Nextel: ID 55*15*7581 Assistente Comercial Júlia Gonçalves Gerência de Negócios Nivaldo Manzano - Cel.: José Oliveira - Cel.: Thais Carvalho - Cel.: (Estagiária) Diagramação e Capa Alexandre Gomes E sta é uma edição especialíssima de Logweb, que, juntamente com a revista Frota&Cia, reúne os vencedores da sexta edição do Prêmio Top do Transporte, promovido pelas editoras das duas revistas. Além de apontar os vencedores nas doze categorias abrangidas pelo Prêmio, bem como apresentar a metodologia para a premiação e os itens avaliados, a presente edição da revista inclui análises por parte de alguns embarcadores dos doze segmentos abrangidos pela premiação, os quais fazem uma análise do mercado, apontando as características, as tendências e até os problemas enfrentados. Para as empresas quem atua no segmento de transportes, um verdadeiro compêndio sobre como ser o melhor, o que fazer e o que não fazer para se manter neste mercado competitivo. Para o setor de transporte, um reconhecimento às empresas que se destacaram, reconhecimento este apontado pelos próprios embarcadores. Razões pelas quais os resultados deste Prêmio são utilizados pelas empresas na hora de escolher os seus prestadores de serviços de transporte, o que torna esta edição uma fonte permanente de consultas. Mas, outras matérias especiais também fazem com que esta edição seja considerada especialíssima. Uma é sobre os Operadores Logísticos e as transportadoras que atuam no segmento de papel e celulose. Aqui, além de apontarem as características das operações logísticas neste segmento, os entrevistados revelam as tendências, o papel dos OL s e das transportadoras no dia a dia das empresas que atuam no setor e o que estas empresas consideram no momento de escolher os seus fornecedores de serviços de transporte, armazenagem e distribuição. Já passando para a Tecnologia da Informação, temos duas reportagens especiais nesta edição: uma sobre WMS e outra sobre TMS. Ambas enfocam uma análise do mercado das duas tecnologias e as tendências dos setores, hoje, no Brasil. Wanderley Gonelli Gonçalves, Editor Desta forma, oferecemos ao nosso leitor a oportunidade de avaliar duas ferramentas que atualmente são consideradas primordiais para as empresas do setor logístico, no sentido de aumentarem a produtividade e qualidade nos serviços, além de proporcionarem maior segurança às operações. Como se pode notar, a revista Logweb continua prestando um serviço fundamental para as empresas do setor logístico, indo desde o fornecimento das matérias-primas até o PDV Ponto de Venda. Os artigos assinados e os anúncios não expressam, necessariamente, a opinião da revista NOV/ LOGWEB

6 4 Sumário 44 Top do transporte Sexta edição da Pesquisa Nacional dos Fornecedores de Serviços de Transportes, promovida pelas revistas FROTA&Cia e Logweb, alcança Top do Transporte como balizador do mercado. Transmissão de Força A mais nova publicação da Logweb Editora 7 Plataformas Aéreas Executivos da Snorkel Lifts alinham estratégias de negócios com a Movimenttar 8 Direção Segura Suzano traz para São Paulo seu Programa de Segurança 10 Logística Farmacêutica Anfarlog realiza 1º Pharma Supply Chain & Health Brazil 13 Tecnologia da Informação Após WMS, 2 Alianças adquire solução TMS da Store Automação 14 Tecnologia da Informação Grupo Supricel investe na criação de aplicativo mobile para o setor 16 Logística & Meio Ambiente ainda é tabu entre as empresas que atuam no setor logístico brasileiro 20 Alimentos & Bebidas Cold Stone chega ao Brasil com sorvetes internacionais 22 Negócio Fechado 23 Empilhadeiras e Acessórios compra da Cascade Corporation 24 Tecnologia da Informação adição de novas ferramentas aos sistemas 31 Tecnologia da Informação TMS s passam por evoluções em desenvolvimento e incorporam novas tecnologias, como mobilidade 38 Distribuição Papel e celulose: operações exigem cuidados, além de equipamentos especiais para movimentação Notícias Rápidas 9, 15, 19 e 122 Agenda do Logweb Consulte no portal a agenda com informações sobre feiras, fóruns, seminários, cursos e palestras nas áreas de logística, Supply Chain, embalagem, movimentação, armazenagem, automação e comércio exterior. LOGWEB 129 NOV/2012

7

8 6 Carta ao Leitor HÁ MAIS DE 20 ANOS TRANSPORTANDO CARGAS NO SUL DO BRASIL E ESTADO DE SÃO PAULO COM SEGURANÇA, RAPIDEZ E QUALIDADE. Prêmio Top do Transporte completa seis edições M ais uma edição do Prêmio Top do Transporte foi concluída. Este é o sexto ano do evento que promove a integração da cadeia produtiva do Transporte e Logística, envolvendo os embarcadores de cargas e seus fornecedores de serviços de transportes. Falo com orgulho, pois se trata de uma ação inédita no segmento e promove a qualidade dos serviços de transporte. É muito comum escutar das empresas usuárias de transporte uso do resultado da pesquisa para a contratação de fretes. Esse fato se deve à idoneidade da pesquisa realizada anualmente, um importante levantamento sobre as características e necessidades do setor. direcionada aos transportadores e a outra direcionada à área de logística, intralogistica e transporte das indústrias do setor produtivo. A festa de entrega do Prêmio é a comemoração e o reconhecimento aos ganhadores. É a reunião dos eleitores com seus fornecedores, um ponto de confraternização e networking. alfatransportes.com.br A revista Logweb publica mensalmente especial sobre os mais importantes segmentos da indústria, entre eles os destacados nessa premiação. Faz parte do editorial uma tabela com os principais fornecedores de transporte e serviços logísticos com informações importantes para os usuários/embarcadores, e nas próximas edições os ganhadores do Prêmio Top do Transporte serão destacadas como empresas Top do Transporte. Nessa edição temos as 200 melhores transportadoras de 12 segmentos da indústria, conforme amplamente divulgado nas páginas dessa edição da revista Logweb e na revista Frota&Cia. A parceria entre as revistas Logweb e Frota&Cia também é uma ação inovadora, trabalhando para o bem comum do setor, sendo uma Valéria Lima de Azevedo Nammur, Diretora Executiva Quero deixar meus parabéns a todos os ganhadores desse tão reconhecido Prêmio Top do Transporte 2012 e aos embarcadores que participaram da 6ª Pesquisa Nacional dos Fornecedores de Serviços de Transportes. Quero também expressar meus agradecimentos às equipes da Logweb e da Frota&Cia, que trabalharam durante todo ano para realizar essa pesquisa e essa premiação, aos patrocinadores dessa grande festa Mercedes-Benz, CeMAT South América, Dhollandia e Randon Implementos e às Associações apoiadoras: Abiquim, Abpo, Abihpec e Anfarlog. Até a 7ª Edição do Top do Transporte, em LOGWEB 129 NOV/2012

9 Plataformas Aéreas - 7 Executivos da Snorkel Lifts alinham estratégias de negócios com a Movimenttar Mariana Mirrha A Movimenttar Equipamentos Industriais (Fone: ), um dos braços de venda, locação e pós-venda de equipamentos de movimentação de materiais da Comingersoll, acaba de receber executivos da Snorkel Lifts em sua sede em Osasco, SP, para discutir quais serão os próximos passos dados pela marca no Brasil. Representada pela empresa brasileira desde o início de 2011, a fabricante americana de plataformas aéreas também aproveitou a passagem pelo país para anunciar com exclusividade para a revista Logweb o lançamento da plataforma A62JRT, com altura máxima de trabalho de 20,8 metros, que está previsto para o início de Essa plataforma garante a máxima visibilidade nas operações e é fácil de manusear, garante o vice-presidente de vendas e marketing da Snorkel Lifts para as Américas, Steve Watts, durante entrevista exclusiva. O novo modelo tem capacidade para 227 quilos e dimensões compactas, com zero giro traseiro. Com braços articulados, a plataforma possui tração nas quatro rodas com eixo oscilante e chega à velocidade de direção de 6,1 km/h quando recolhida e a 1,2 km/h quando elevada. A plataforma A62JRT ainda possui capacidade de inclinação de 45% e rotação de plataforma de 180º. A utilização das plataformas na Europa e nos Estados Unidos já está bastante desenvolvida. No Brasil, essa cultura está começando a chegar ainda. A plataforma é mais fácil de ser manuseada e mais diretor geral da Movimenttar. Já presente no mercado americano, o produto foi citado no Contractors Top 50 New Products for 2012 em votação realizada pelos leitores da revista Equipment Today nos Estados Unidos. MERCADO BRASILEIRO O Brasil representa um mercado em ascensão para Watts. Segundo o executivo, os próximos cinco anos serão muito importantes para os negócios da companhia no país e a previsão é que, no mercado geral, o crescimento das vendas de plataformas no Brasil aumente 300%. Enquanto países como Estados Unidos e alguns da Europa estão apenas repondo máquinas para manterem seu market share e superarem a crise econômica, o Brasil está comprando novas máquinas para aumentar a produção e crescer em market share. O país está investindo em crescimento e isso faz com que a demanda por novos equipamentos também cresça, explica. Hoje, existem equipamentos vendidos e operando no Brasil de todos os players. A expectativa é que até 2013 chegue-se a 22 mil e que em 2014 seja atingida a marca de 30 mil equipamentos. O crescimento otimista esperado pelo mercado tem entre seus fundamentos a norma regulamen- da Movimenttar. O grande incentivo para o crescimento do Sampaio, da Movimenttar: investimento em geração, transmissão e distribuição de energia, e obras de infraestrutura ajudaram a aquecer o nosso mercado mercado de plataformas no Brasil veio quando foi implementada a norma regulamentadora NR-18 - anexo IV, que trata das condições seguras e ambiente de trabalho na indústria da construção e, entre outros temas, proíbe o uso de equipamentos improvisados para elevar trabalhadores que realizam tarefas acima do nível do chão. é permitido o uso de máquinas e equipamentos construídos para relevante para a alta na busca por plataformas está no foco das companhias em diminuir o tempo de cada tarefa, aumentando a produtividade. Estas máquinas são muito superiores quando comparadas com outros métodos de elevação, como andaimes metálicos, continua Sampaio. Outro fator levantado para o aquecimento do mercado é o investimento direcionado aos projetos de geração, transmissão Watts, da Snorkel: O Brasil será responsável por uma grande parcela de nossas receitas no futuro. O país é um mercado em contínuo crescimento e distribuição de energia, além de grandes obras de infraestrutura e a preparação de eventos esportivos como a Copa do Mundo de Futebol em 2014 e os Jogos Olímpicos, no Rio de Janeiro, em Não foi a toa que há 2 anos a Snorkel realizou seu maior plano de expansão até então e o focou na América Latina. Dentro desse mercado, a marca já atua em países como Uruguai, Venezuela, Argentina, Bolívia e Colômbia, e o Brasil é o maior mercado na região. O faturamento da Snorkel no mercado brasileiro é maior que o de todos os países da América Latina atendidos pela companhia, somados. O Brasil é o país onde mais vendemos na América Latina, mas a representatividade desse valor ainda é bastante pequena na nossa receita global. No entanto, acreditamos que o país será responsável por uma grande parcela de nossas receitas no futuro,

10 8 - Direção Segura Suzano traz para São Paulo seu Programa de Segurança O Programa de Segurança permitiu reduzir em 14% o número de acidentes na distribuição e transferência de celulose e papel da unidade D esenvolvido em 2011 como projeto-piloto na unidade industrial de Mucuri, na Bahia, o Programa de Segurança da Suzano Papel e Celulose (Fone: ) chegou este ano ao Estado de São Paulo com o intuito de reduzir os índices de acidentes nas estradas. O projeto, que conseguiu diminuir em 14% o número de acidentes nas operações de distribuição e transferência de celulose e papel da empresa na Bahia, trabalha com treinamentos, materiais impressos com orientações, eventos especiais, palestras e diversas outras ações para conscientização dos motoristas sobre direção segura. O programa de Segurança da Suzano Papel e Celulose, que abrange transportadores e motoristas, reúne as diretrizes de segurança e do Programa Acidente Zero em vigor em todas as unidades industriais Em 2012, o projeto chegou à logística do Estado de São transportadores nessa opera- diretor de Supply Chain & TI da Suzano Papel e Celulose. As diretrizes do Programa também abordam a obrigatoridade do uso de equipamentos de segurança, monitoramento do limite de velocidade, respeito ao período de descanso obrigatório durante as jornadas até a conscientização por ingestão de álcool e drogas. E atos faltosos podem gerar medidas de responsabilização. Para sabermos se os condutores seguem as diretrizes do Programa, suas ações são monitoradas através do Índice de Acidentes por Quilômetros Rodados. As causas desses ocorridos são analisadas e separadas por local do acidente, empresa, tipo de contrato, acidente evitável ou inevitável, tipo de acidente se foi uma colisão, um tombamento, um adernamento de carga, período ocorrido, entre outros itens. O registro de ocorrência permite que tenhamos um histórico dos incidentes ou Priscilla Cardoso grau e as causas das ocorrências e estabelecer planos de ação corretiva. E o não cumprimento das regras de segurança, envolvendo atitudes que sejam consideradas faltas graves ou atos faltosos, implica na adoção de medidas de responsabilização. Em casos extremos, o motorista pode ser, inclusive, impedido de entrar em uma unidade da Suzano explica Couto. Segundo dados do Departamento de Polícia Rodoviária Federal (DPRF), entre 2007 e 2011 o número de acidentes com veículos de carga nas rodovias federais aumentou 47,6%, enquanto o número de feridos cresceu 9,1% e as mortes subiram 7,3%. Em 2011, a principal causa dos acidentes com caminhões estava relacionada à falta de atenção dos motoristas, com 34,85%. Outras causas importantes foram: não manter uma distância segura, com 8,23%; velocidade incompatível, com 7,28%; defeito mecânico, com 5,68%; desobediência à sinalização, com 3,43%; dormir ao volante, com 3,14%; e ingestão de álcool, com 1,94%. O Programa de Segurança é uma parceria entre a Suzano e os seus fornecedores e nosso objetivo é reduzir a zero os números de acidentes nas estradas, conclui Couto. w w.logweb.com.br LOGWEB 129 NOV/2012

11 Notícias Rápidas 9 Marcon fornece guinchos hidráulicos O guincho hidráulico modelo MGH-500, fornecido pela Marcon Indústria Metalúrgica (Fone: ), é indicado para elevar cargas de até 500 kg. Alcança a distância máxima do solo de mm e mínima de 675 mm. Possui braço com comprimento de mm, largura entre as pernas de 585 mm e pistão em curso de 290 mm. Tem mm de comprimento, 720 mm de largura e mm de altura, além de duas rodas fixas e duas giratórias de ferro fundido revestidas de poliuretano. Também é disponível com rodas de ferro fundido, no modelo MGH-500F. Braspress anuncia criação de braço logístico da empresa Voltada para o mercado de encomendas, a Braspress Transportes Urgentes (Fone: ) acaba de anunciar o início de suas operações também em logística. Pertencente ao Grupo H&P Empreendimentos e Participações, a Braspress Logística, com sede em Barueri, irá executar operações de warehouse em seu Centro de Distribuição e inhouse dentro dos CDs dos clientes, completando 100% da cadeia logística. A nova empresa é o braço logístico da Braspress, ou seja, é mais um produto que estamos oferecendo ao mercado que, com certeza, irá contribuir para a fidelização dos próprios clientes da organização e de novos embarcadores em toda a cadeia, afirma Marcelo Flório, diretor-superintendente da Braspress Logística. Dentro do CD será realizada uma gestão integrada das operações de recebimento, conferência, armazenagem, processamento de pedidos, picking, packing, controle de qualidade, adequação de produtos nas embalagens e etiquetagens, expedição, montagens de kits, sistema de inventário, gestão de transporte, controles sistêmicos (WMS e TMS), controles gráficos (KPI S) e consultoria logística/fiscal. Investimentos não foram poupados em modernos equipamentos para movimentação e armazenagem. Também investimos em um software de alta tecnologia que proporcionará uma gestão de estoque (WMS) de forma inteligente em todas as operações de nossos clientes. Além disso, as informações sobre as operações poderão ser obtidas através da web, conclui Flório.

12 10 - Logística Farmacêutica Anfarlog realiza 1º Pharma Phama Supply Chain & Health Brazil ) A Anfarlog Associação Nacional de Farmacêuticos Atuantes em Logística (www.anfarlog.org. br) realizou, entre os dias 9 e 10 de outubro, seu primeiro evento exclusivamente dire- áreas farmacêutica, logística e Supply Chain o 1º Pharma Supply Chain & Health Brazil. O congresso, que contou também com uma feira com expositores de produtos e serviços relacionados aos setores e foi realizado no prédio da Fecomércio, em São Paulo, SP, incluiu palestras dedicadas às melhores práticas da logística na cadeia farmacêutica. O evento foi organizado com uma dinâmica de show de cases, além de simpósios patrocinados por empresas como DHL, Paralelamente, a feira de negócios reuniu as novidades em logística para o setor farma com as empresas DRS mática; MaxiTrack, World Courier; Identix; Polar Truck Service; Andreani Logística; Estrada; Polar Técnica; Exeltainer; Rodovisa Transportes- Health Care. O 1º Pharma Supply Chain & Health Brazil foi idealizado zados, diretores, gerentes, CEOs de empresas nacionais e multinacionais que integram a cadeia logística farmacêutica indústria, transportadoras, empresas de armazenagem, Operadores Logísticos, redes de distribuição e prestadores de serviços, explica o presidente da Anfarlog, Saulo de Carvalho Jr. Ele, que também é farmacêutico, destaca que eventos e outras oportunidades em que a logística esteja presente é importante, pois cada vez mais esta cadeia exige especialização em áreas distintas para manter- farmacêutico vem somar aos conhecimentos que a logística necessita para transportar, armazenar e trabalhar com cargas desse segmento, pois existem regras e parâmetros que não se pode ignorar para manter as boas práticas e cumprir com regulamentação Colaboração: Andréa Espírito Santo Sonja e Carvalho Jr., da Anfarlog: responsáveis pelo evento que integrou a cadeia de medicamentos e produtos e serviços rigorosa, continua. Com o evento, a ideia foi integrar a cadeia de medicamentos e produtos e serviços para agregar valor à cadeia de abastecimento farmacêutica. Vinte empresas expuseram produtos e serviços no local altamente especializados. Ficamos muito satisfeitos com os resultados deste primeiro evento, destaca o presidente da Anfarlog, que já anuncia a data para a segunda edição do evento, que ocorrerá em 2013: dias 7 e 8 de agosto. A cadeia farma precisava de um evento que agregasse seus principais entes de logística. E a Anfarlog saiu na frente com AS PALESTRAS A vice-presidente da Anfarlog, Sonja Macedo, também destaca o caráter LOGWEB 129 NOV/2012

13 Logística Farmacêutica - 11 educacional das palestras, simpósios e debates realizados. O diferencial da dinâmica organizada para os visitantes foi o conteúdo das palestras de fora do Brasil com alta carga técnica de interesse do público. Quando sugerimos essas palestras pensamos em mesclar as estratégias da logística e as necessidades da indústria farmacêutica, pois já existem no mercado iniciativas, com os dois temas em separado. Acreditamos que o sucesso deste e dos próximos eventos esteja resguardado por esse ponto forte das palestras e pelos partilhar seus conhecimentos com um mercado tão desejado e complexo quanto o brasileiro, explica. Entre os temas tratados estavam: carga aérea sujeita a controle sanitário; a importância do planejamento logístico na indústria farmacêutica; operações de carga na região aeroportuária; a importância da cadeia fria e dos processos de micas; a nova realidade da logística viços logísticos; transporte aéreo de medicamentos; e serviços logísticos em pesquisas clínicas. INDÚSTRIA FARMACÊUTICA NO BRASIL De acordo com o Sindusfarma Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos no Estado de São Paulo, somente a indústria farmacêutica no Brasil faturou mais de R$ 43 bilhões em 2011, montante 18,77% superior ao do ano de 2010, que registrou o mais alto percentual de incremento da última década (20,09%). Os resultados garantiram à indústria farmacêutica brasileira em 2011 a sexta posição no ranking dos maiores mercados mundiais, ao deter 3,6% de participação sobre o O evento também contou com uma área de exposição com novidades para o setor de farma, onde significativos negócios foram alavancados mercado total, cujo montante é de US$ 550,2 bilhões, sendo superada apenas pelas indústrias farmacêuticas dos Estados Unidos (41,78% de participação sobre o mercado total), Japão (2o colocado), Alemanha (3º), China (4º) e França (5º). A escalada de crescimento do setor farmacêutico está relacionada ao envelhecimento da população e às melhores condições das camadas da população menos favorecidas, mas são os genéricos os motores dos atuais níveis de crescimento. Já o DGRAU3 - Uma solução completa e eficiente. Cromo Steel, sinônimo de excelência em containers aramados e carrinhos industriais. Rua Cobalto, Pq. São Pedro - Itaquaquecetuba - São Paulo - SP - Tel.: facebook.com/cromosteel

14 12 - Logística Logística Farmacêutica - 12 As palestras apresentaram alta carga técnica, mesclando estratégias de logística e as necessidades da indústria farmacêutica setor de logística movimenta, anualmente, mais de US$ 100 bilhões no Brasil. Na primeira edição do Pharma Supply Chain & Health Brazil, expositores comemoraram negócios alavancados. A MaxiTrack, empresa da área de tecnologia, conseguiu realizar negócios entre os próprios expositores. Além da dinâmica do evento ser atraente para os visitantes e expositores, conseguimos 10 propostas de negócios, revela Airton Ianhis, diretor da MaxiTrack. Já para a Synergy, que tem sede em São Paulo e participou pela primeira vez de um evento para a indústria farmacêutica, esta edição ajudou no desenvolvimento e melhoria de um produto destinado ao segmento. Ainda sem detalhar o projeto, Mauricio Strasburg, presidente da Synergy, assegura que as estratégias para a indústria farmacêutica a partir deste produto serão mais assertivas. Concluímos que podemos trabalhar este produto na cadeia farma de maneira customizada e O QUE DISSERAM ALGUNS DOS EXPOSITORES Foi muito importante ter participado dessa iniciativa. Mais que vender nossos serviços, reforçamos a nossa marca como provedora desses segmentos. As palestras foram ministradas por profissionais de muita expressão e conhecimento, e o local foi bem escolhido. Ana Silvia Gonçalves de Freitas, farmacêutica responsável da Atlas Transportes Estavam presentes ao evento profissionais de alto nível e poder de decisão, o que proporcionou uma rede de relacionamentos de qualidade para futuros negócios. Para um primeiro evento, fazemos balanço positivo. Amanda Didone, farmacêutica responsável da DRS Suporte Med O evento tem formato interessante para atrair a atenção do público e gerar negócios no médio e longo prazos. Airton Ianhis, diretor da MaxiTrack Nosso estande recebeu boa visitação para um primeiro evento e a participação institucional garantiu que mais uma vez nossa marca estivesse fixada na mente dos profissionais do mercado. Valter de Souza, gerente regional da World Courier Nosso objetivo com evento foi institucional. Queríamos conhecer o mercado farma, saber sobre suas dificuldades, desafios e oportunidades. Fizemos muitos contatos positivos, acreditamos que nosso produto tem grandes chances de se difundir no setor e temos boas perspectivas para o próximo evento. Mauricio Strasburg, presidente da Synergy A feira é promissora, pois registramos visitas de profissionais qualificados. O evento foi importante não para fazer negócios, mas, sim, para parcerias com clientes e interesse de prospects. Edvandro Cezar, gerente de negócios da Polar Truck Service Os próprios organizadores trouxeram importantes contatos ao estande e conseguimos bom número de interessados em negócios futuros. Viviane Garcia, do departamento de marketing e comunicação da Estrada O evento atendeu às nossas expectativas de aproximação com a indústria farmacêutica, com contatos de qualidade. Foi o primeiro evento de que participamos na área farma e foi muito válido. Ronaldo Ramos, gerente de qualidade e farmácia da Rodovisa Participamos de vários eventos e, neste, o destaque foi a qualidade dos profissionais que nos visitaram, de alto poder de decisão. Atuamos no setor alimentício, mas estar em um evento do segmento farma é uma grande oportunidade de negócios para nosso produto, um misto de comunicação e tecnologia da informação. Luiz Roberto Peretti, diretor da Way Data Solution w w.logweb.com.br LOGWEB 129 NOV/2012

15 13 - Tecnologia da Informação Após WMS, 2 Alianças adquire solução TMS da Store Automação C om um investimento de R$ 600 mil, a 2 Alianças (Fone: ) adquiriu recentemente o sistema de gestão de transporte TMS (Transportation Management System) da Store Automação (Fone: ), fornecedora de softwares logísticos. A solução é utilizada na modalidade SaaS (Software as a Service) e foi implementada no Data Center da companhia, que atua como armazém e transportadora. Antes de fechar o acordo, a 2 Alianças estipulou à Store Automação que desenvolvesse uma ferramenta de gestão de transporte baseada nas suas necessidades. Como a companhia atua com gestão de armazéns e transportes, o projeto propunha uma solução que atendesse às duas frentes. Desta maneira, a Store Automação desenvolveu o TMS interligado ao WMS (Warehouse Management System), que já está em uso há 12 anos pela 2 Alianças. O resultado foi satisfatório, de acordo com o gerente de TI da 2 Alianças, André Lau. Através do sistema conseguimos enxergar o saldo de produtos em qualquer um de nossos armazéns. Agora temos visibilidade do produto, e não somente do volume. Esse processo, do ponto de vista do transportador, é um conceito inovador. As empresas que estão no mercado, por exemplo, não têm esta visão. Elas estão muito mais focadas na gestão do transporte, e não no processo como um todo, revela o executivo. Lau explica que o novo sistema permitiu um controle melhor na gestão de fretes. Cadastramos no sistema todos os transportes de entrega contratados pelos nossos clientes. Esta funcionalidade nos dá condição de identificar a sinergia entre os trajetos contratados nas operações. Caso identifiquemos uma entrega de diferentes clientes em locais que utilizem o mesmo trajeto, conseguimos utilizar o mesmo transporte, o que diminui o custo do frete, afirma. Outra funcionalidade que a companhia logística começou a utilizar foi o módulo de roteirização, que é integrado ao possível traçar melhor as rotas e reduzir o tempo de entrega dos produtos. Lau também aponta a economia de combustível, a redução do desgaste de pneus e a diminuição na emissão de poluentes como benefícios deste serviço.

16 14 - Tecnologia da Informação Grupo Supricel investe na criação de aplicativo mobile para o setor Priscilla Cardoso C om expectativa de diminuir a capacidade ociosa pricel (Fone: ) formado pelas divisões Supricel Logística, Supricel Combustíveis, Supricel Construtora e Incorporadora e Supricel Restaurantes desenvolveu um aplicativo mobile voltado para acompanhar, em tempo real, todo o trajeto dos veículos. A solução, que mostra o posicionamento da frota, mapas de viagens e posição de faturamento, foi desenvolvido através do desenvolvimento de sistemas International e que permite a criação de aplicativos para diversas linguagens e plataformas sem necessidade de programação. Essa solução para logística é operacional e o aplicativo tem por objetivo distribuir a informação já contida nos sistemas. Nosso foco nessa fase é a distribuição estratégica das informações. Também já pensamos em, num próximo passo, criar um aplicativo para a área comercial usar em tablets, explica Willian Luis Domingues, gerente Ainda segundo Domingues: o aplicativo mobile para logística é operacional. Ele tem como objetivo distribuir a informação já contida nos sistemas Domingues, a Supricel, que já trabalhava com sistemas de ERP, de TMS e com uma ferramenta sistema de distribuição de informações como uma forma de evolução natural de seus sistemas. O grau de amadurecimento dos dados do sistema fez com que, naturalmente, o próximo estágio fosse criar o aplicativo mobile de logística. Temos um ERP consistente, um TMS totalmente aderido e um sistema de missão crítica com mais de 50 módulos. Temos, também, uma ferramenta poderosa seria, naturalmente, aplicativos Smart, afirma ele. Como um dos módulos mostra o mapa da frota, o aplicativo também pode ser utilizado por empresas que desejam fazer o rastreamento de seus veículos. Além de poder utilizar o rastreador do aplicativo, outra vantagem que gostamos de destacar é que, através do aplicativo, a informação fica descentralizada, o que ajuda a reduzir o tempo de tomada de decisão. Esse era um dos nossos principais objetivos quando decidimos desenvolver esse projeto, afirma Domingues. Além do aplicativo voltado para o setor criou um destinado à área de construção civil. Por meio de fotos, ele mostra o andamento das obras. Os nossos clientes da construção civil já utilizam soluções de mobilidade, sejam para plataforma IOS ou Android. Esses clientes são muito exigentes e oferecer a eles o acompanhamento das obras por seus smartphones é mais um diferencial, explica Domingues. Ambos os aplicativos foram desenvolvidos dentro da fábrica de software da própria Supricel e o foco w w.logweb.com.br LOGWEB 129 NOV/2012

17 da empresa é investir para que essa sua base de criação seja um laboratório para eventuais trabalhos para mercados maiores. No segmento logístico, a principal tendência para os próximos anos é que a disponibilidade de informações para o setor operacional da empresa seja um diferencial. Existem análises que, devido à grande base de dados, somente um sistema de médio porte é capaz de processar, como, por exemplo, medir quanto tempo um determinado veículo está parado no mesmo lugar. Numa frota com mais de 500 veículos isso é muito complicado. Atrelando um sistema de leitura, mais uma ferramenta de KPI e faltando apenas uma ponta, a da entrega de dados, o que os Smarts fazem muito bem, conclui Domingues. Notícias Rápidas 15 Vale realiza testes com maior empilhadeira do mundo A maior empilhadeira de minério de ferro do mundo, chamada EP-313K-06, se encontra em fase final de testes na Vale (Fone: ), em São Luís, MA. O equipamento, que deve começar a operar em dezembro próximo, tem capacidade de t/h, 45 metros de altura (equivalente a um prédio de 15 andares) e peso de toneladas. Uma das inovações é que sua operação é realizada de forma remota, por meio do Centro de Controle Operacional do Porto, localizado a aproximadamente três quilômetros de distância do pátio de estocagem de minério, onde ela se encontra. A nova máquina integra as estratégias de expansão logística da Vale no Sistema Norte (Pará e Maranhão), prevista no Programa de Capacitação Logística Norte (CLN). As obras do CLN incluem a expansão da Estrada de Ferro Carajás, a construção de um ramal ferroviário de100 km, no Pará, bem como a expansão do Terminal Portuário de Ponta da Madeira, em São Luis, incluindo a construção do Píer IV. O objetivo do Programa é preparar toda a infraestrutura logística da Vale para transportar o volume de minério de ferro produzido no Pará. Com o fim das obras, previsto para o segundo semestre de 2016, será possível transportar e embarcar 230 milhões de toneladas por ano.

18 16 - Logística & Meio Ambiente Pesquisador aponta: ecoefi ência ainda é tabu entre as empresas que atuam no setor logístico brasileiro Wanderley Gonelli Gonçalves De acordo com o pesquisador de políticas sustentáveis e modais ecoefi cientes, e vice-presidente da CBC, o conceito só será consolidado junto às empresas do setor com mudanças no comportamento organizacional. O foco da análise está na área portuária e no transporte ferroviário. A conceito que ainda sofre resistência entre as empresas que atuam no segmento logístico. Soares, vice-presidente da Câmara Brasileira de Contêineres, Transporte Ferroviário e Multimodal CBC (Fone: ) e pesquisador de políticas sustentáveis e De acordo com ele, a importân- logísticos parte da premissa de um porto mais sustentável, e para isso é necessário fomentar o desenvolvimento do conceito de Modal Shift (troca modal), sobretudo com a perspectiva de um transporte sustentável para diversos processos, cujo gerenciamento envolve todos os elos da Cadeia de Suprimentos. A contratação de uma empresa especializada em gestão multimodal pode ser um caminho interessante para desenvolver projetos de transporte sustentável. é convencer os acionistas sobre a necessidade de uma mudança organizacional radical em direção ao desenvolvimento sustentável. O trabalho é árduo, porque se inicia no topo da pirâmide, que deve instituir o aspecto ambiental no comportamento organizacional da corporação, completa. Nos setores de serviços voltados à logística empresarial, o maior uso do transporte ferroviário emperra na falta de cultura organizacional Segundo ele, devem ocorrer mudanças sobre a perspectiva ciência em processos logísticos, de forma adequada ao conceito de World Council on Development Sustainable. Entretanto, nos setores de serviços voltados à logística empresarial, o maior uso do transporte ferroviário emperra na falta de cultura organizacional para integração da estrutura portuária, principalmente para se obter lucratividade em pro- de carga onde são insipientes as por exemplo, para fomentar o uso área do porto organizado. Soares cita a cultura Lean Manufacturing como modelo a ser seguido pelas empresas, pois proporciona um mapeamento do caminho crítico do processo, detectando os aspectos que podem ser aperfeiçoa- cia. Na Itri Rodoferrovia (Fone: ), empresa onde Soares é diretor, há um case de gestão com esta característica. A utilização do modal ferroviário vem sendo o responsável por uma mudança sustentável no transporte de cargas: a operação de 132 vagões no Porto de Santos, de segunda a sábado, retira do tráfego diário 132 caminhões com contêineres de 40 TEUs ou 264 caminhões com contêineres de 20 TEUs. A visão LEAN nos primeiros partir da indústria de automóvel, onde surgiram novos paradigmas de gestão da produção, por meio de inovações que adicionaram valor ao processo de manufatura, com circunstâncias mais produtivas por uma cadeia fabril mais é a medida crítica de desperdício, qualquer processo de serviço. Por essa razão, ao prestador de serviços é essencial descobrir qual o percentual do tempo de ciclo total gasto a partir do cálculo total do lead time em atividades adicionadoras de valor ao sistema de transporte, para depois se descobrir quanto é o desperdício da atividade logística em processo, ensina Soares. A medida tem um impacto positivo ao diminuir a emissão de CO 2 no ar em um ambiente com o tráfego extremamente intenso como o cais santista, por onde circulam, segundo a Codesp Companhia Docas do Estado de São Paulo, de 8 a 10 mil veículos por dia. A projeção é de que aproximadamente 7 mil quilos de dióxido de carbono são emitidos por quilômetro rodado no complexo, um dado ambientalmente preocupante. INOVAÇÕES Soares destaca que, além de uma mudança no comportamento organizacional das empresas, é fundamental a realização de LOGWEB 129 NOV/2012

19 Logística & Meio Ambiente - 17 ações conjuntas entre todos os agentes intervenientes da cadeia de atividade logística multimodal. Este conceito pode facilitar a acessibilidade do porto e reduzir emissões de CO 2. Entretanto, depende de inovações tecnológicas, cujo conceito de Modal Shift será importante para fomentar a produtividade com soluções técnicas aos entraves portuários. A partir da escolha do modal, é possível optar por processos mais pensado em conjunto, explica. sustentável pela ferrovia pode ser estender à diminuição do custo do transporte. Depende, no entanto, da regularidade do operador em utilizar o modal, ressalta Soares. Em custo de transporte não existe ganhos, custo é custo, porém, da operação e produtividade para viabilizar garantias entre o usuário e o concessionário. Para contratos de risco com metas com economia de escala, para se obter a vantagem competitiva D INTERMODAL TRANSPORTE por meio do serviço shuttle (trens expressos diários) de contêineres. Soares destaca que ainda não se apresentam projetos sustentáveis de transportes que tenham como meta reduzir emissões de CO 2 em atividades de transporte em área retroportuária. A prioridade das Autoridades Portuárias deveria ser contemplar o desenvolvimento de projetos ferroviários que apresentem a preservação da natureza e do patrimônio público. Por exemplo, D M A I C Ações Vinculadas Definir Medir Analisar Melhorar Controlar Metas de O problema Lead Time Transporte Multimodal Logística Tempo Desempenho M A performance Prioridades Eficiência do Ciclo do processo A Analisar o processo Desperdícios Custos Portuários I C Propor melhorias Sustentar a melhoria Caminho Crítico Logística Colaborativa Tempo de Desembaraço Disponibilidades de Ativos em Processo (WIP) Regulamentação Portuária Complexidade Burocracia Indicador de Produtividade Processo OTIF Cadeia de Suprimentos Fluxos Projetos Ecoeficiência Diversos Indicadores Processos Inovações Tabela 1 Análise estratégica para uso para transporte intermodal - Extraído do Kaizen realizado na sala de treinamento da ITRI. Fonte: MSHIFT SYSTEM (Soares, 2011) LOCAÇÃO E VENDA DE GALPÕES Armazenamos o que realmente importa: o patrimônio da sua empresa. Armazenagens Eventos Infláveis Vão totalmente livre de 5 a 40 metros I Rápida entrega e montagem I Lona de maior resistência e durabilidade Acesse o nosso site: Fale com a Tópico:

20 18 - Logística & Meio Ambiente Alugue Hyundai é na Vendas e locação de empilhadeiras e transpaletes manuais e elétricos ww.piazzaempilhadeiras.com.br (com loja virtual) Soares: em custo de transporte não existe ganhos, custo é custo, porém, é possível aumentar a eficiência da operação e produtividade em ramais ferroviários, manter investimentos em equipamentos para melhor produtividade dentro dos portos organizados. Em áreas portuárias, para que as operações sejam conduzidas de maneira ambientalmente responsável, a exemplo do Porto de Vancouver, no Canadá, a Autoridade Portuária deve assegurar que todas as operações de movimentação de cargas por ferrovia ocorram com vagões Double Stack dentro do porto organizado, para minimizar o custo logístico do usuário e fomentar o modal mais equipamentos para movimentação de transbordo em circunstâncias especiais de transbordo com movimentação aérea pelo Conceito Thruport (transporte por com veículos com tecnologia adequada para controle de emissões, para não gerar externalidades. O vice-presidente da CBC continua: em diversas entrevistas tenho relatado que, para evitar novos custos de transbordos ao usuário do porto, a formação de trens expressos de contêineres deve ocorrer dentro do porto organizado, em área segregada pela Autoridade Portuária ou, preferencialmente, nas áreas adjacentes dos terminais próximas aos navios. No Porto constantes para o transporte do setor de transportes e movimentação de cargas sobre práticas ambientais e tomar medidas diuturnamente para mitigar os impactos ambientais a partir do controle de emissões de CO 2 feito pela Autoridade Portuária (órgão responsável pela jurisdição da área compreendida como porto organizado pela Lei 8.630/93), que deve registrar as emissões das Concessionárias Ferroviá- apenas do departamento das operações dos arrendatários de áreas privatizadas do porto organizado. w w.logweb.com.br LOGWEB 129 NOV/2012 TENDÊNCIAS Sobre as tendências das políticas sustentáveis no Brasil atualmente, Soares destaca que elas apontam para os modelos propostos pela SEP Secretaria Especial dos Portos, órgão que também corrobora com medidas públicas muito interessantes. Com vistas ao que determina o Regulamento (CE) n.º 715/2007 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 20 de Junho de 2007, acredita-se que o crescimento organizacional dos portos contará com novas tecnologias para equipamentos e veículos de transporte. Algumas medidas, quando aplicadas nos portos, de forma semelhante ao controle exigido no regulamento europeu, podem normatizar o melhor controle do transporte sustentável no Brasil, modelando a logística empresarial nacional aos investimentos em veículos e equipamentos adaptados com tecnologia de controle de emissões de CO 2, para movimentação de cargas. Estas medidas também estão associadas às inovações tecnológicas em processos por Operadores Logísticos voltados à sustentabilidade portuária.além disso, estes sistematicamente as indústrias e propiciar o desenvolvimento sustentável de regiões portuárias que formam o hinterland do Porto de Santos. Ainda segundo o vice-presidente da CBC, a estratégia de transporte multimodal e visa gerar economias em fretes por escala com o outsourcing de serviços de transporte público. Por exemplo, usando os serviços de empresas de transporte ferroviário de Operadores Logísticos, a exemplo da ITRI, para compartilhar espaço e frequência de comboio em direção ao interior do Estado de São Paulo. O método do Lean Seis Sigma (LSS) é usado na Gestão De Processos Multimodais da ITRI para transparecer os possíveis desperdícios de tempos em atividades portuárias que geram custos adicionais con- descarga do navio. Finalizando, Soares aponta quais seriam as medidas corporativas para análise do transporte intermodal no mercado nacional em relação à sustentabilidade principais ações vinculadas em gestão intermodal. Eles tabela 1.

Por que investir no Brasil

Por que investir no Brasil Por que investir no Brasil Por que investir em Eventos? Expertise nacional e internacional dos organizadores contribui para o desenvolvimento dos seus negócios, impactando os seus atuais e potenciais clientes

Leia mais

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Profª Caroline Pauletto Spanhol Cadeia de Abastecimento Conceitos e Definições Elementos Principais Entendendo a Cadeia de Abastecimento Integrada Importância

Leia mais

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Suprimentos. WMS Gerenciamento de Armazém

T2Ti Tecnologia da Informação Ltda T2Ti.COM http://www.t2ti.com Projeto T2Ti ERP 2.0. Bloco Suprimentos. WMS Gerenciamento de Armazém Bloco Suprimentos WMS Gerenciamento de Armazém Objetivo O objetivo deste artigo é dar uma visão geral sobre o Módulo WMS, que se encontra no Bloco Suprimentos. Todas informações aqui disponibilizadas foram

Leia mais

2 A 4 ABRIL 2013 Transamerica Expo Center São Paulo Brasil

2 A 4 ABRIL 2013 Transamerica Expo Center São Paulo Brasil SOBRE O EVENTO QUEM VISITA QUEM EXPÕE DEPOIMENTOS COMO PARTICIPAR FEIRA INTERNACIONAL DE LOGÍSTICA, TRANSPORTE DE CARGAS E COMÉRCIO EXTERIOR 2 A 4 ABRIL 2013 Transamerica Expo Center São Paulo Brasil ONDE

Leia mais

A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA. vem apresentar à sua empresa um programa completo de suporte às operações de logística, que atende aos

A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA. vem apresentar à sua empresa um programa completo de suporte às operações de logística, que atende aos 2012 Apresentação Luiz José de Souza Neto Union Modal Logística Integrada Rua Teixeira de Freitas, 72, cj. 23 Santos / SP - Tel.: 13 30613387 luiz@unionmodal.com.br A UNION MODAL LOGÍSTICA INTEGRADA LTDA.

Leia mais

LOGÍSTICA & BRASIL Artigo

LOGÍSTICA & BRASIL Artigo O artigo aborda relações entre logística, formação profissional e infra-estrutura do país. São debatidas questões sobre a evolução da logística no Brasil, a preparação educacional do profissional de logística

Leia mais

As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm

As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm ESTUDO DA CNT APONTA QUE INFRAESTRUTURA RUIM AUMENTA CUSTO DO TRANSPORTE DE SOJA E MILHO As atuais condições da infraestrutura de transporte e logística do Brasil têm impacto significativo na movimentação

Leia mais

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração SOBRATEMA Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração MISSÃO, VISÃO E VALORES Visão Ser uma associação reconhecida nacional e internacionalmente, como referência do setor brasileiro

Leia mais

Prêmio ABRALOG de Logística. Soluções Logísticas no Agronegócio

Prêmio ABRALOG de Logística. Soluções Logísticas no Agronegócio Prêmio ABRALOG de Logística Soluções Logísticas no Agronegócio Sumário 1. Informações Gerais...02 2. Política de Segurança, Saúde, Meio Ambiente e Qualidade...03 3. Projeto...05 4. Dificuldade Encontrada...08

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Superior de Tecnologia

Leia mais

onda Logistics powered by Quantum

onda Logistics powered by Quantum onda Logistics powered by Quantum Sonda IT Fundada no Chile em 1974, a Sonda é a maior companhia latino-americana de soluções e serviços de TI. Presente em 10 países, tais como Argentina, Brasil, Chile,

Leia mais

Universidade São Judas Tadeu

Universidade São Judas Tadeu Universidade São Judas Tadeu Anna Karoline Diniz Fortaleza Camila Moura Favaro Fernando dos Anjos Reinaldo Francisco Carvalho Tiago Souza Tecnologia da Informação no Transporte São Paulo 2013 1 Tecnologia

Leia mais

POR QUE EMBARCAR COM A LOG-IN? Soluções logísticas que integram Brasil e MERCOSUL

POR QUE EMBARCAR COM A LOG-IN? Soluções logísticas que integram Brasil e MERCOSUL POR QUE EMBARCAR COM A LOG-IN? Soluções logísticas que integram Brasil e MERCOSUL SOBRE LOG-IN BENEFÍCIOS MONITORAMENTO 24HS DAS CARGAS Monitoramento de risco e informação de todas as viagens; INTERMODALIDADE

Leia mais

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral Vale no Maranhão AGENDA A Vale O Maior Projeto de Logística da America Latina - Exportação de Minério - Logística da Vale de Carga Geral A Vale no Mundo A Vale tem operações mineradoras, laboratórios de

Leia mais

Excelência. locações e transporte Ltda. www.excelenciaguindastes.com.br

Excelência. locações e transporte Ltda. www.excelenciaguindastes.com.br www.excelenciaguindastes.com.br A Guindastes e uma empresa de Goiânia Goiás QUEM SOMOS que presta serviço em todo território nacional no segmento de Locação de Guindastes, Locação de Munck, Grupo Geradores,

Leia mais

4-8 TRANSFORME BONS NEGÓCIOS EM SUCESSO MAIO 2015. d a s 11 h à s 2 0 h Anhembi São Paulo - SP. www.feiplastic.com.br. facebook.

4-8 TRANSFORME BONS NEGÓCIOS EM SUCESSO MAIO 2015. d a s 11 h à s 2 0 h Anhembi São Paulo - SP. www.feiplastic.com.br. facebook. 4-8 MAIO 2015 d a s 11 h à s 2 0 h Anhembi São Paulo - SP TRANSFORME BONS NEGÓCIOS EM SUCESSO www.feiplastic.com.br Apoio Institucional: facebook.com/feiplastic Organização e Promoção: O EVENTO Com a ampliação

Leia mais

PROGRAMAS MANTIDOS RESULTADOS ALCANÇADOS

PROGRAMAS MANTIDOS RESULTADOS ALCANÇADOS PROGRAMAS MANTIDOS RESULTADOS ALCANÇADOS OBJETIVO DOS PROGRAMAS PREVENIR ATITUDES INSEGURAS NO TRANSPORTE POR MEIO DA CONSCIENTIZAÇÃO DOS MOTORISTAS. META ATINGIR O NÍVEL ZERO EM ACIDENTES SÉRIOS. PRINCIPAL

Leia mais

Recife terá ônibus HíbridoBR durante a Copa das Confederações

Recife terá ônibus HíbridoBR durante a Copa das Confederações Ônibus Informação à imprensa Recife terá ônibus HíbridoBR durante a Copa das Confederações 10 de junho de 2013 Veículo tem tecnologia nacional e baixa emissão de poluentes A Eletra, empresa brasileira

Leia mais

CeMAT South America 2015

CeMAT South America 2015 CeMAT South America 2015 After Show Report 30/06 a 03/07 de 2015 Transamerica Expo Center São Paulo cemat-southamerica.com.br O caminho mais curto para grandes negócios. 1 Agradecimento aos apoiadores

Leia mais

Armazenagem & Automação de Instalações. Prof. Fernando Augusto Silva Marins fmarins@feg.unesp.br www.feg.unesp.br/~fmarins

Armazenagem & Automação de Instalações. Prof. Fernando Augusto Silva Marins fmarins@feg.unesp.br www.feg.unesp.br/~fmarins Armazenagem & Automação de Instalações Prof. Fernando Augusto Silva Marins fmarins@feg.unesp.br www.feg.unesp.br/~fmarins 1 Sumário - Armazenagem Estratégica - Automação na Armazenagem 2 Armazenagem -

Leia mais

Transportes Diamante. Resumo. Uma nova forma de pensar e agir

Transportes Diamante. Resumo. Uma nova forma de pensar e agir Transportes Diamante Uma nova forma de pensar e agir por Wagner Rodrigo Weber e Jacir Adolfo Erthal Wagner Rodrigo Weber Mestre em Organizações e Desenvolvimento pela UNIFAE - Centro Universitário; Administrador,

Leia mais

Empresas buscam soluções logísticas para reduzir custos

Empresas buscam soluções logísticas para reduzir custos Notícia da edição impressa de 18/02/2010 Empresas buscam soluções logísticas para reduzir custos Várias companhias começam a perceber que as instalações de softwares e de estruturas bem planejadas melhoram

Leia mais

EDIÇÃO COMEMORATIVA POST SHOW. A maior feira da indústria de alimentos e bebidas tem UM nome. www.fispaltecnologia.com.br

EDIÇÃO COMEMORATIVA POST SHOW. A maior feira da indústria de alimentos e bebidas tem UM nome. www.fispaltecnologia.com.br EDIÇÃO COMEMORATIVA POST SHOW 2014 A maior feira da indústria de alimentos e bebidas tem UM nome www.fispaltecnologia.com.br Fispal Tecnologia, a 30ª edição! Se tem uma edição da Fispal Tecnologia que

Leia mais

Transporte Rodoviário de Cargas. Panorama do Setor Eficiência Energética e Metodologia de Avaliação de Empresas

Transporte Rodoviário de Cargas. Panorama do Setor Eficiência Energética e Metodologia de Avaliação de Empresas Transporte Rodoviário de Cargas Panorama do Setor Eficiência Energética e Metodologia de Avaliação de Empresas Panorama do Segmento de Transporte Rodoviário de Carga Brasileiro Panorama TRC Infraestrutura

Leia mais

Relatório de Atividades

Relatório de Atividades Relatório de Atividades 2011 Nossa Missão A DEAK Sistemas desenvolve software, aplicativos, serviços e consultoria para gestão de empresas, agregando valor real ao negócio do cliente. São ferramentas completas

Leia mais

ÍNDICE. Apresentação do produto Impacto no negócios Telas do sistemamódulos do sistema Mobilize Stock Mobilize Store A Handcom Contato

ÍNDICE. Apresentação do produto Impacto no negócios Telas do sistemamódulos do sistema Mobilize Stock Mobilize Store A Handcom Contato ÍNDICE Apresentação do produto Impacto no negócios Telas do sistemamódulos do sistema Mobilize Stock Mobilize Store A Handcom Contato Apresentação do produto O Mobilize é uma solução mobile modular para

Leia mais

Objetivo da Aula. Enterprise Resource Planning - ERP. Descrever os sistemas ERP, seus módulos e possíveis aplicações e tendências 23/4/2010

Objetivo da Aula. Enterprise Resource Planning - ERP. Descrever os sistemas ERP, seus módulos e possíveis aplicações e tendências 23/4/2010 Enterprise Resource Planning - ERP Objetivo da Aula Descrever os sistemas ERP, seus módulos e possíveis aplicações e tendências 2 1 Sumário Informação & TI Sistemas Legados ERP Classificação Módulos Medidas

Leia mais

TMS e Roteirizadores. Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com

TMS e Roteirizadores. Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com TMS e Roteirizadores Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com Definição TMS (Transportation Management System) é um produto para melhoria da qualidade e produtividade de todo o processo de distribuição. Este

Leia mais

Considerações do mundo real. Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Eng. Luiz Renato Costa - RFID CoE

Considerações do mundo real. Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Eng. Luiz Renato Costa - RFID CoE Considerações do mundo real Profa. Renata Rampim de Freitas Dias, RFIDSCM Eng. Luiz Renato Costa - RFID CoE 2 Benefícios e oportunidades com RFID 3 Benefícios e oportunidades com RFID São os benefícios

Leia mais

Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos

Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos Como a ferrovia pode contribuir com as operações no Porto de Santos Câmara de Comércio Brasil-Argentina Julho de 2015 Guilherme Alvisi Gerente Geral de Negócios Carga Geral GUILHERME ALVISI Gerente Geral

Leia mais

O ponto de apoio ideal dos profissionais do volante! 26 a 28 de setembro RIOCENTRO Rio de Janeiro - RJ

O ponto de apoio ideal dos profissionais do volante! 26 a 28 de setembro RIOCENTRO Rio de Janeiro - RJ O ponto de apoio ideal dos profissionais do volante! 26 a 28 de setembro RIOCENTRO Rio de Janeiro - RJ A Expotáxi agora é nacional Atendendo ao grande apelo da imensa maioria dos expositores e ao sucesso

Leia mais

A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA. -feira

A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA. -feira A EDIÇÃO PAULISTA DA ECONOFARMA ESTÁ DE VOLTA -feira EM 2014, A ECONOFARMA RETORNA COM UM NOVO OLHAR SOBRE O VAREJO FARMACÊUTICO CENÁRIO ATUAL O varejo nacional projeta otimismo de crescimento para os

Leia mais

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração SOBRATEMA Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração MISSÃO, VISÃO E VALORES Visão Ser uma associação reconhecida nacional e internacionalmente, como referência do setor brasileiro

Leia mais

O Sistema Way foi além, idealizou uma forma não só de garantir a qualidade do produto final, como deotimizar a logística de transporte e entrega.

O Sistema Way foi além, idealizou uma forma não só de garantir a qualidade do produto final, como deotimizar a logística de transporte e entrega. A Way Data Solution se especializou em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) para criar um sistema inovador de logística e monitoramento de temperatura/ umidade, através do qual empresas poderão

Leia mais

22/02/2009 LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO POR QUE A LOGÍSTICA ESTÁ EM MODA POSIÇÃO DE MERCADO DA LOGÍSTICA

22/02/2009 LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO POR QUE A LOGÍSTICA ESTÁ EM MODA POSIÇÃO DE MERCADO DA LOGÍSTICA LOGÍSTICA DE DISTRIBUIÇÃO A melhor formação cientifica, prática e metodológica. 1 POSIÇÃO DE MERCADO DA LOGÍSTICA Marketing Vendas Logística ANTES: foco no produto - quantidade de produtos sem qualidade

Leia mais

acentuavam a complexidade do processo de embarque das mercadorias,

acentuavam a complexidade do processo de embarque das mercadorias, transporte.qxp 2/2/2007 9:49 AM Page 64 Divulgação Klabin Klabin adota software de otimização de carga que permitiu, entre outros benefícios, aumentar significativamente o volume de embalagens transportadas

Leia mais

SIMULADO FPL ENADE 2015. Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO.

SIMULADO FPL ENADE 2015. Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO. SIMULADO FPL ENADE 2015 Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes Outubro/2015 LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO. 1. Verifique se, além deste caderno, você recebeu o Caderno de Respostas, destinado

Leia mais

Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão

Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão SET 2014 A SET (Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão) é a principal associação de profissionais que trabalham com tecnologias e sistemas operacionais

Leia mais

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte IBM Global Technology Services Manutenção e suporte técnico Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte Uma abordagem inovadora em suporte técnico 2 Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável

Leia mais

Serviços Scania. Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar bem do seu Scania, em um só lugar.

Serviços Scania. Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar bem do seu Scania, em um só lugar. Serviços Scania Serviços Scania. Tudo o que o você precisa para cuidar bem do seu Scania, em um só lugar. SERVIÇOS SCANIA Serviços Scania. Máxima disponibilidade do seu veículo para o melhor desempenho

Leia mais

Plataforma Logística Multimodal Projeto Santa Maria - RS

Plataforma Logística Multimodal Projeto Santa Maria - RS Projeto Santa Maria - RS 2011 Fornecedor Fábrica Cliente Logística de Abastecimento sistema transporte etc Logística Interna PCP estoques etc Logística de Distribuição sistema transporte etc Logística

Leia mais

MÍDIA KIT 2014 REVISTA O PAPEL. Rev. 005

MÍDIA KIT 2014 REVISTA O PAPEL. Rev. 005 MÍDIA KIT Rev. 005 Perfil Editorial Revista O Papel A empresa que busca credibilidade entre seus clientes no setor de celulose e papel e segmentos afins veicula sua marca na que publica informações confiáveis

Leia mais

2. LOGÍSTICA EMPRESARIAL

2. LOGÍSTICA EMPRESARIAL 4 1. INTRODUÇÃO A logística empresarial é um conceito relativamente novo, apesar de que todas as empresas sempre desenvolveram atividades de suprimento, transporte, estocagem e distribuição de produtos.

Leia mais

Conduspar. Resumo. de empresa familiar à multinacional

Conduspar. Resumo. de empresa familiar à multinacional Conduspar de empresa familiar à multinacional por Andrea Bier Serafim Mestre em Administração pela Universidade Federal do Paraná - UFPR (2003). Graduada em Administração pela Faculdade Católica de Administração

Leia mais

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza

LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza LOGÍSTICA Professor: Dr. Edwin B. Mitacc Meza edwin@engenharia-puro.com.br www.engenharia-puro.com.br/edwin Gerenciamento Logístico Gerenciamento Logístico A missão do gerenciamento logístico é planejar

Leia mais

Contextualização 01/03/2013. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais

Contextualização 01/03/2013. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais Contextualização A transformação da matéria-prima em produto acabado requer que pelo menos um dos três elementos básicos de produção (trabalhador, máquina e material) seja movimentado. Para a maioria dos

Leia mais

LOGÍSTICA EMPRESARIAL. Rodolfo Cola Santolin 2009

LOGÍSTICA EMPRESARIAL. Rodolfo Cola Santolin 2009 LOGÍSTICA EMPRESARIAL Rodolfo Cola Santolin 2009 Conteúdo Cadeia de suprimentos Custos Logísticos Administração de Compras e Suprimentos Logística Reversa CADEIA DE SUPRIMENTOS Logística Logística Fornecedor

Leia mais

O Nordeste mais perto de você. Divisão Logística CDEX_4

O Nordeste mais perto de você. Divisão Logística CDEX_4 O Nordeste mais perto de você Divisão Logística CDEX_4 A INTERMARÍTIMA A Intermarítima está em atividade desde 1986. Atua com Operação Portuária (portos de Salvador, Aratu e Ilhéus) e Logística (Importação,

Leia mais

SOLUÇÕES DE MOBILIDADE E COMUNICAÇÃO PARA EFICIÊNCIA E SEGURANÇA PORTUÁRIAS

SOLUÇÕES DE MOBILIDADE E COMUNICAÇÃO PARA EFICIÊNCIA E SEGURANÇA PORTUÁRIAS SOLUÇÕES DE MOBILIDADE E COMUNICAÇÃO PARA EFICIÊNCIA E SEGURANÇA PORTUÁRIAS O PULSO VITAL DA ATIVIDADE PORTUÁRIA Cerca de 80% de todo o comércio mundial é despachado por contêineres, de modo que o gerenciamento

Leia mais

REGIONALIZAÇÃO GLOBALIZAÇÃO DAS CONTAS DE VIAGENS CORPORATIVAS

REGIONALIZAÇÃO GLOBALIZAÇÃO DAS CONTAS DE VIAGENS CORPORATIVAS REGIONALIZAÇÃO GLOBALIZAÇÃO DAS CONTAS DE VIAGENS CORPORATIVAS 3 A pesquisa sobre Regionalização e Globalização de viagens corporativas, encomendada pelo Instituto Alatur e HRG Brasil foi realizada em

Leia mais

ENTREVISTA EXCLUSIVA COM O PALESTRANTE

ENTREVISTA EXCLUSIVA COM O PALESTRANTE 20-21 Maio de 2013 Tivoli São Paulo Mofarrej São Paulo, Brasil ENTREVISTA EXCLUSIVA COM O PALESTRANTE Fernando Cotrim Supply Chain Director, Rio 2016 Perguntas: Quais são os desafios de gerenciar o Supply

Leia mais

MISSÃO EMPRESARIAL BRASILEIRA À CHINA 2010. CANTON FAIR e EXPO SHANGHAI 2010. De 11 a 23 de outubro

MISSÃO EMPRESARIAL BRASILEIRA À CHINA 2010. CANTON FAIR e EXPO SHANGHAI 2010. De 11 a 23 de outubro MISSÃO EMPRESARIAL BRASILEIRA À CHINA 2010 CANTON FAIR e EXPO SHANGHAI 2010 De 11 a 23 de outubro A Missão Empresarial Brasileira à China 2010 fez parte do Programa de Ações Integradas de Promoção Comercial

Leia mais

Unidade IV GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva

Unidade IV GERENCIAMENTO DE. Prof. Altair da Silva Unidade IV GERENCIAMENTO DE TRANSPORTE Prof. Altair da Silva Transporte em area urbana Perceba o volume de caminhões que circulam nas áreas urbanas em nosso país. Quais são os resultados para as empresas

Leia mais

Programa de Ação Profissional: Transporte de um Vaso de Pressão São Paulo SP a Marau RS.

Programa de Ação Profissional: Transporte de um Vaso de Pressão São Paulo SP a Marau RS. Programa de Ação Profissional: Transporte de um Vaso de Pressão São Paulo SP a Marau RS. UNIVERSIDADE METODISTA DE SÃO PAULO FACULDADE DE CIÊNCIAS ADMINISTRATIVAS GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA GESTÃO LOGÍSTICA

Leia mais

23/08/2013. Tecnologia da Informação. Transportes SEMINÁRIO: MOVIMENTAÇÃO E TI

23/08/2013. Tecnologia da Informação. Transportes SEMINÁRIO: MOVIMENTAÇÃO E TI UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM GESTÃO INTEGRADA DA LOGISTICA SEMINÁRIO: MOVIMENTAÇÃO E TI ANNA KAROLINE DINIZ CAMILA MOURA FAVARO FERNANDO DOS ANJOS REINALDO FRANCISCO TIAGO SOUZA

Leia mais

Palavra do CEO. Gilberto Grosso CEO

Palavra do CEO. Gilberto Grosso CEO Palavra do CEO A Avant é uma gigante por natureza. Ainda jovem nessa curta existência de duas décadas, já é uma das organizações líderes em iluminação no Brasil, reconhecida pela extrema qualidade dos

Leia mais

5. Estudo de Caso: SomLivre.Com

5. Estudo de Caso: SomLivre.Com 5. Estudo de Caso: SomLivre.Com 5.1. Metodologia Os dados que serão descritos neste estudo referem-se à empresa SomLivre.Com, compreendido no período de Setembro de 1999 à Novembro de 2004. Com intuito

Leia mais

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns

WMS. Agenda. Warehouse Management Systems (WMS) Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns WMS Warehouse Management Systems Sistema de Gerenciamento de Armazéns Breno Amorim brenoamorim@hotmail.com Informática Aplicada a Logística Profº Breno Amorimsexta-feira, 11 de setembro de 2009 Agenda

Leia mais

Yusen Logistics do Brazil. Supply Chain Solutions

Yusen Logistics do Brazil. Supply Chain Solutions Yusen Logistics do Brazil Supply Chain Solutions Yusen Logistics Group NYK A YUSEN LOGISTICS é uma empresa do Grupo NYK (fundada em Tóquio em 1885), que atua na gestão do fluxo de bens, serviços e informações

Leia mais

Tecnologia com Máxima Economia. RECURSO EXCLUSIVO INOVANDO SEMPRE. Balança Computadora Urano Maximus II. Automação Comercial e Balanças Eletrônicas

Tecnologia com Máxima Economia. RECURSO EXCLUSIVO INOVANDO SEMPRE. Balança Computadora Urano Maximus II. Automação Comercial e Balanças Eletrônicas Tecnologia com Máxima Economia. RECURSO EXCLUSIVO INOVANDO SEMPRE Comunicação po r Cabo ou Rádio Frequência Etiquetador conjugado Produt o patenteado P I 8502136 Balança Computadora Urano Maximus II Automação

Leia mais

Somos uma das empresas que mais crescem no país

Somos uma das empresas que mais crescem no país ed. 3 / ano 1 / outubro 2013 J. Fonseca conquista novos segmentos Segurança em primeiro lugar Somos uma das empresas que mais crescem no país editorial Crescendo, mas sem esquecer da segurança A terceira

Leia mais

Processamento de Pedidos na Mira Transportes

Processamento de Pedidos na Mira Transportes Processamento de Pedidos na Mira Transportes Sumário 1 Apresentação da empresa... 3 1.1 Histórico... 3 1.2 Diferenciais... 3 2 Processamento de pedidos: revisão teórica... 4 2.1 Preparação... 4 2.2 Transmissão...

Leia mais

APSP. Análise do Projeto do Sistema Produtivo. Movimentação e Armazenagem de Materiais. Administração de Fluxos de Materiais

APSP. Análise do Projeto do Sistema Produtivo. Movimentação e Armazenagem de Materiais. Administração de Fluxos de Materiais Movimentação e Armazenagem de Materiais APSP Análise do Projeto do Sistema Produtivo Aula 8 Por: Lucia Balsemão Furtado 1 Administração de Fluxos de Materiais Organização Modal A organização modal é um

Leia mais

Recursos Humanos Prof. Angelo Polizzi. Logística Empresarial e Sistema Integrado. Objetivos do Tema. Logística

Recursos Humanos Prof. Angelo Polizzi. Logística Empresarial e Sistema Integrado. Objetivos do Tema. Logística Recursos Humanos Prof. Angelo Polizzi e Sistema Integrado Objetivos do Tema Apresentar: Uma visão da logística e seu desenvolvimento com o marketing. A participação da logística como elemento agregador

Leia mais

A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira

A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira A importância estratégica da Logística na Siderurgia Brasileira CARLOS JR. GERENTE DE PLANEJAMENTO INTEGRADO Jun/2013 Jorge Carlos Dória Jr. Votorantim Siderurgia Votorantim Siderurgia O Grupo Votorantim

Leia mais

MBA em Gestão Logística

MBA em Gestão Logística Pág. 1/5 MBA em Gestão Logística Carga Horária: 360 horas/ aulas presenciais + monografia orientada. Aulas: sábados das 8h30 às 18h, com intervalo para almoço. Valor: 16 parcelas de R$ 380,00* * Valor

Leia mais

A WZ É UMA EMPRESA EMPRESA

A WZ É UMA EMPRESA EMPRESA EMPRESA A WZ É UMA EMPRESA de consultoria em logística formada por profissionais com ampla experiência de mercado e oriundos de empresas dos setores varejista, atacadista, distribuidores e industrias.

Leia mais

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração

SOBRATEMA. Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração SOBRATEMA Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração MISSÃO, VISÃO E VALORES Visão Ser uma associação reconhecida nacional e internacionalmente, como referência do setor brasileiro

Leia mais

RENEX SOUTH AMERICA 2014

RENEX SOUTH AMERICA 2014 RENEX SOUTH AMERICA 2014 O mercado sul-americano de energia renovável em um só lugar 26a 28 Novembro 2014 Porto Alegre - 14h às 20h no Centro de Eventos FIERGS Entre em contato e acompanhe a RENEX pelas

Leia mais

PLATAFORMA LOGÍSTICA Instrumento Importante para maior eficiência logística dos Portos Brasileiros O Caso do Porto de Santos

PLATAFORMA LOGÍSTICA Instrumento Importante para maior eficiência logística dos Portos Brasileiros O Caso do Porto de Santos PLATAFORMA LOGÍSTICA Instrumento Importante para maior eficiência logística dos Portos Brasileiros O Caso do Porto de Santos José Newton Barbosa Gama Assessor Especial Dezembro de 2011 SUMÁRIO Problemática

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM WMS WAREHOUSE MANAGEMENT SYSTEM SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE ARMAZÉM/DEP M/DEPÓSITO WMS Software de gerenciamento de depósito que auxilia as empresas na busca de melhorias nos

Leia mais

Pesquisa sobre Logística no E-commerce Brasileiro 2013

Pesquisa sobre Logística no E-commerce Brasileiro 2013 Pesquisa sobre Logística no E-commerce Brasileiro 2013 www.brazilpanels.com.br www.abcomm.com.br www.ecommerceschool.com.br Apoio: INTRODUÇÃO A Logística foi escolhida para ser o tema do primeiro estudo

Leia mais

SISTEMAS DE TRANSPORTES

SISTEMAS DE TRANSPORTES ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS, PRODUÇÃO E LOGÍSTICA SISTEMAS DE TRANSPORTES TRANSPORTES Transportes, para a maioria das firmas, é a atividade logística mais importante, simplesmente porque ela absorve, em

Leia mais

Sobratema Institucional

Sobratema Institucional 1 Sobratema Institucional SOBRATEMA M&T Peças e Serviços Construction Expo 1º Seminário Workshop Revista M&T Festa Associados Congresso ELACOM CHN (Construção Hoje Notícias) Pesquisa Frota Brasil Manual

Leia mais

WMSL Warehouse Management System Lite

WMSL Warehouse Management System Lite WMSL Warehouse Management System Lite Tela Inicial Esta é a tela inicial do sistema WMSL (Warehouse Management System - Lite) da Logistock. Cadastro Administrativo Pesquisa Movimentação Encerrar Cadastro

Leia mais

Isaias Quaresma Masetti. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br

Isaias Quaresma Masetti. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br Inovação Tecnológica Frente aos Desafios da Indústria Naval Brasileira Isaias Quaresma Masetti Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br ... O maior obstáculo à indústria

Leia mais

QUESTIONÁRIO LOGISTICS CHALLENGE 2015 PRIMEIRA FASE

QUESTIONÁRIO LOGISTICS CHALLENGE 2015 PRIMEIRA FASE QUESTIONÁRIO LOGISTICS CHALLENGE 2015 PRIMEIRA FASE *Envie o nome de seu grupo, dos integrantes e um telefone de contato junto com as respostas do questionário abaixo para o e-mail COMMUNICATIONS.SLA@SCANIA.COM*

Leia mais

Artigo publicado. na edição 17. www.revistamundologistica.com.br. Assine a revista através do nosso site. julho e agosto de 2010

Artigo publicado. na edição 17. www.revistamundologistica.com.br. Assine a revista através do nosso site. julho e agosto de 2010 Artigo publicado na edição 17 Assine a revista através do nosso site julho e agosto de 2010 www.revistamundologistica.com.br :: artigo 2010 Práticas Logísticas Um olhar sobre as principais práticas logísticas

Leia mais

ENCONTRO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA DE POLÍTICA NACIONAL DE TRANSPORTES

ENCONTRO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA DE POLÍTICA NACIONAL DE TRANSPORTES ENCONTRO MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA DE POLÍTICA NACIONAL DE TRANSPORTES ABRALOG Associação Brasileira de Logística Brasília, 09 de julho de 2015. AGENDA 1. ABRALOG 2. AÇÕES DA ENTIDADE 3. MULTIMODALIDADE

Leia mais

www.nsclogistica.com.br

www.nsclogistica.com.br www.nsclogistica.com.br A Missão, Visão Valores Infra-Estrutura Nossa Frota Soluções Gris A A NSC logística atua no segmento de logística de telecomunicações desde 1988, estrategicamente situada as margens

Leia mais

Setores químico e petroquímico: as características dos produtos determinam a logística correta -

Setores químico e petroquímico: as características dos produtos determinam a logística correta - Setores químico e petroquímico: as características dos produtos determinam a logística correta - Setores onde um erro pode acarretar sérios danos ao meio ambiente, às pessoas e as próprias instalações

Leia mais

5 Case Stara. Cristiano Buss *

5 Case Stara. Cristiano Buss * Cristiano Buss * Fundada em 1960, a Stara é uma fabricante de máquinas agrícolas. De origem familiar, está instalada em Não-Me-Toque, no norte do Estado; Em seis anos, cresceu 11 vezes, com baixo nível

Leia mais

FACILIDADE E SEGURANÇA NA GESTÃO DO AGRONEGÓCIO.

FACILIDADE E SEGURANÇA NA GESTÃO DO AGRONEGÓCIO. FACILIDADE E SEGURANÇA NA GESTÃO DO AGRONEGÓCIO. Um dos principais pilares da economia, o agronegócio é marcado pela competitividade. Com 15 anos de experiência, a SIAGRI é uma das mais completas empresas

Leia mais

Produtos, Outsourcing de TI, Outsourcing de Impressão, Térmicas,

Produtos, Outsourcing de TI, Outsourcing de Impressão, Térmicas, 2012 É uma das maiores empresas integradoras de tecnologia do mercado nacional, tornando-se referência no Segmento de Produtos, Outsourcing de TI, Outsourcing de Impressão, Térmicas, Telecom e soluções

Leia mais

Estratégia nas cadeias

Estratégia nas cadeias Estratégia nas cadeias da demanda ao suprimento Assim como em um ecossistema, as cadeias de valor precisam explorar suas interdependências e potencialidades. Na teoria e na vida, FDC Conheça a Fundação

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração

Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração MISSÃO, VISÃO E VALORES Visão Ser uma associação reconhecida nacional e internacionalmente, como referência do setor brasileiro da construção

Leia mais

30/09/2010. Prof. Dr. Daniel Bertoli Gonçalves. Como surgiu o termo?

30/09/2010. Prof. Dr. Daniel Bertoli Gonçalves. Como surgiu o termo? Engenheiro Agrônomo CCA/UFSCar 1998 Mestre em Desenvolvimento Econômico, Espaço e Meio Ambiente IE/UNICAMP 2001 Doutor em Engenhariade Produção PPGEP/UFSCar 2005 Prof. Dr. Daniel Bertoli Gonçalves Consultor

Leia mais

Atração, retenção e qualificação de mão de obra;

Atração, retenção e qualificação de mão de obra; São Paulo - Abril de 2012 As amplas deficiências de infraestrutura do País comprometem fortemente os resultados do setor logístico. Diante da expectativa de investimento público insuficiente para reverter

Leia mais

SOBRE A SOFTLOG. APRESENTAÇÃO - SoftLog LOGuinho

SOBRE A SOFTLOG. APRESENTAÇÃO - SoftLog LOGuinho SOBRE A SOFTLOG A SoftLog Tecnologia é uma empresa especializada no desenvolvimento de soluções tecnológicas para empresas e instituições de diversos modais de transporte. Dentre os diversos tipos de soluções

Leia mais

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. Conceitos avançados da Logística com foco na TI 20/08/2011. O Efeito Chicote - (Bullwhip effect)

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. Conceitos avançados da Logística com foco na TI 20/08/2011. O Efeito Chicote - (Bullwhip effect) Núcleo de Pós Graduação Pitágoras MBA Logística empresarial e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Conceitos avançados da Logística com foco na TI Disciplina: Tecnologia da Informação (TI) Aplicada à

Leia mais

Jorge Carrer Gerente Executivo Serviços e Ass. Técnica MAN Latin America. Serviços e Pós Vendas no auxílio à gestão e eficiência de frotas

Jorge Carrer Gerente Executivo Serviços e Ass. Técnica MAN Latin America. Serviços e Pós Vendas no auxílio à gestão e eficiência de frotas Jorge Carrer Gerente Executivo Serviços e Ass. Técnica MAN Latin America Serviços e Pós Vendas no auxílio à gestão e eficiência de frotas Importância do Custo Operacional TCO (Total Cost of Ownership)

Leia mais

Feimafe Informações Gerais

Feimafe Informações Gerais Líder Mundial na Organização de Eventos Qualquer que seja o setor de atuação......criamos contatos, conteúdos e comunidades com o poder de transformar seus negócios. Feimafe Informações Gerais Sumário

Leia mais

Introdução e Planejamento Cap. 1. Prof. Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br

Introdução e Planejamento Cap. 1. Prof. Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br BALLOU, Ronald H. Gerenciamenrto da Cadeia de Suprimentos / Logística Empresarial. 5ª ed. Porto Alegre: Bookman. 2006 Introdução e Planejamento Cap. 1 Prof. Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br

Leia mais

Bruno Batista Diretor Executivo da CNT Brasília, Abril de 2009

Bruno Batista Diretor Executivo da CNT Brasília, Abril de 2009 Gargalos no Sistema de Transporte de Cargas no Brasil Bruno Batista Diretor Executivo da CNT Brasília, Abril de 2009 Panorama do Transporte Composição da Matriz de Transportes comparação outros países

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação Gestão da Tecnologia da Informação A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores

Leia mais

5. Práticas de SCM na GSK

5. Práticas de SCM na GSK 5. Práticas de SCM na GSK Desde a fusão em 2001, a GSK estima que obteve cerca de 1 bilhão em economias relacionadas à racionalização da sua rede de suprimentos e das atividades de SCM. Além das economias

Leia mais

APRESENTAÇÃO. www.maissolucoeslogisticas.com.br

APRESENTAÇÃO. www.maissolucoeslogisticas.com.br APRESENTAÇÃO www.maissolucoeslogisticas.com.br Acreditamos que as pequenas e médias empresas de transporte, armazenagem, operadores logísticos e empresas de e-commerce podem ter processos eficientes, uma

Leia mais