Armazenagem, Controle. Aula 2. Contextualização. Equipamentos de Armazenagem. Principais Atribuições. Embalagens. Instrumentalização

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Armazenagem, Controle. Aula 2. Contextualização. Equipamentos de Armazenagem. Principais Atribuições. Embalagens. Instrumentalização"

Transcrição

1 Armazenagem, Controle e Distribuição Aula 2 Contextualização Prof. Walmar Rodrigues da Silva Equipamentos de Armazenagem Simplicidade Barato Flexível Relação custo e benefício Principais Atribuições Peculiaridade de cada material Movimentação dos materiais Equipamentos para a movimentação Embalagens Proteção ao produto Facilidade e incremento da distribuição Instrumentalização Marketing para venda do produto 1

2 Porta-Paletes Simples ou Duplos Escolha dos Equipamentos de Estocagem Apresentam alta seletividade os paletes podem ser localizados e retirados individualmente, sem mover outras cargas Flow rack entre os equipamentos de armazenagem disponíveis, o flow rack é, atualmente, um dos mais utilizados, considerado como auxiliar nas operações de picking Estruturas Porta-Palete: Drive-in e Drive-through No sistema Drive-in, o acesso da empilhadeira é feito por um só lado da estrutura Estruturas que permitem o acesso da empilhadeira em seu interior No sistema Drive-through, o acesso da empilhadeira é feito pelos dois lados da estrutura Cantilever As estruturas cantilever são utilizadas para estocar peças de grande comprimento Por exemplo, barras, tubos e perfis, que ficam apoiados em seus braços de sustentação 2

3 Porta-Palete para Estocagem Dinâmica Sistema Dinâmico Dotadas de roletes ou rolos transportadores, inclinados no sentido carga-descarga, faz com que os paletes sejam introduzidos por um lado e se acumulem no lado contrário, por ação da gravidade Equipamentos de Movimentação Pode-se escolher entre equipamentos acionados manualmente ou mecanicamente (hidráulicos ou elétricos) Escolha dos Equipamentos de Movimentação Paleteiras (manual) Empilhadeiras mecânicas Empilhadeira elétrica contrabalançada Empilhadeira pantográfica Empilhadeira lateral Veículos Autoguiados VAG Embalagens Alguns tipos de embalagens Atados Caixa de madeira compensada Caixa de madeira maciça Caixas mistas 3

4 Caixa de papelão Marcações (rotulagem, símbolos) Contenedores Engradados Fardos e sacos Tonéis e barricas Unitização Unitizar significa tornar único e tem com finalidades: facilitar a movimentação de mercadorias agilizar os processos de carga e descarga proteger as mercadorias reduzir os custos na logística Objetivos da unitização Reduzir custos de manuseio Aumentar a velocidade de movimentação dos materiais Facilitar a movimentação dos materiais Aumentar a proteção dos materiais Racionalizar a ocupação de espaços nos armazéns Principais formas de unitização Paletização Paletes (formatos padrões) Racionalizar a ocupação dos espaços nos veículos transportadores 24 4

5 Autounitização Blocagem Cintamento Enfardamento Conteinerização Conteinerizar significa utilizar contêineres ou contenedores para acondicionar ou agrupar as cargas São de 40 pés, 30 pés, 20 pés e 10 pés (ISO) Um Exemplo de Movimentação Aplicação NEUENFELDT JÚNIOR, Alvaro Luiz; KUBOT, Flávio Issao. Implantação do sistema enxuto de movimentação e armazenagem de materiais para uma empresa montadora de veículos coletivos. In: VIII Simpósio de Excelência em Gestão e Tecnologia, Disponível em: <http://www.aedb.br/seget/artigos11 / pdf> Neste caso, a otimização da movimentação foi bem aplicada? Síntese 5

6 Nesta Aula Equipamentos de armazenagem Escolha dos equipamentos de estocagem Embalagem Unitização Código de Barras Radiofrequência Referências de Apoio SPEJORIM, Washington. Embalagens logísticas: proteção do produto na movimentação e armazenagem. Disponível em: <http://www2.videolivraria.com. br/pdfs/20610.pdf> Sites para consulta <http://www2.dbd.pucrio.br/pergamum/tesesabertas/ _05_cap_02.pdf> <http://www.isma.com.br/web 2/img/EquipamentosArmazena gem.pdf> 6

LOGÍSTICA EMPRESARIAL

LOGÍSTICA EMPRESARIAL LOGÍSTICA EMPRESARIAL FORNECEDORES Erros de compras são dispendiosos Canais de distribuição * Compra direta - Vendedores em tempo integral - Representantes dos fabricantes Compras em distribuidores Localização

Leia mais

Sistemas de Armazenagem de Materiais

Sistemas de Armazenagem de Materiais Sistemas de Armazenagem de Materiais Características e conceitos para utilização de Sistemas de armazenagem de materiais Objetivos Destacar a importância dos equipamentos de armazenagem de materiais na

Leia mais

Modais de Transporte. Aula 2. Contextualização. Introdução. Características das Cargas. Instrumentalização. Prof. Luciano José Pires

Modais de Transporte. Aula 2. Contextualização. Introdução. Características das Cargas. Instrumentalização. Prof. Luciano José Pires Modais de Transporte Aula 2 Contextualização Prof. Luciano José Pires Introdução O enorme esforço para elevação da produtividade da fábrica pode ser comprometido pela ineficiência do transporte de abastecimento

Leia mais

Operações Terminais Armazéns. PLT RODRIGUES, Paulo R.A. Gestão Estratégica da Armazenagem. 2ª ed. São Paulo: Aduaneiras, 2007.

Operações Terminais Armazéns. PLT RODRIGUES, Paulo R.A. Gestão Estratégica da Armazenagem. 2ª ed. São Paulo: Aduaneiras, 2007. Operações Terminais Armazéns AULA 6 PLT RODRIGUES, Paulo R.A. Gestão Estratégica da Armazenagem. 2ª ed. São Paulo: Aduaneiras, 2007. Cargas, embalagens e unitização Modulação, Unitização, Acondicionamento

Leia mais

Armazenagem e Movimentação de Materiais II

Armazenagem e Movimentação de Materiais II Tendências da armazenagem de materiais Embalagem: classificação, arranjos de embalagens em paletes, formação de carga paletizada, contêineres Controle e operação do armazém Equipamentos de movimentação

Leia mais

Verticalização dos Estoques

Verticalização dos Estoques Verticalização dos Estoques Considerações Iniciais A principal prioridade dos operadores é reduzir o tempo de ciclo dos pedidos e não economizar espaço. As soluções que permitem economizar espaço não permitem

Leia mais

DESIGN INTELIGENTE PARA ARMAZENAGEM

DESIGN INTELIGENTE PARA ARMAZENAGEM DESIGN INTELIGENTE PARA ARMAZENAGEM A EMPRESA NOSSAS SOLUÇÕES PARA ARMAZENAGEM 25 DE AGOSTO DE 1969 Dar continuidade ao legado do pai, exímio ferreiro e artesão. Esse foi o sonho que impulsionou os irmãos

Leia mais

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 1. Contextualização. Importância da Área de Materiais. Estoque. Objetivos da Armazenagem

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 1. Contextualização. Importância da Área de Materiais. Estoque. Objetivos da Armazenagem Armazenagem, Controle e Distribuição Aula 1 Contextualização Prof. Walmar Rodrigues da Silva Entrada Estoque Nível de estoque Importância da Área de Materiais Comércio: 70 a 85% do orçamento Saída Indústria:

Leia mais

Unidade III MOVIMENTAÇÃO E. Prof. Jean Cavaleiro

Unidade III MOVIMENTAÇÃO E. Prof. Jean Cavaleiro Unidade III MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM Prof. Jean Cavaleiro Introdução Conhecer as necessidades de gestão de armazém é fundamental; Aqui vamos conhecer os tipos de armazenagem; Tipos de armazenagens São

Leia mais

Embalagens, acondicionamento e unitização

Embalagens, acondicionamento e unitização Embalagens, acondicionamento e unitização A embalagem e a Logística As condições atuais e futuras exercem importância cada vez maior sobre as interações efetivas entre a embalagem e a movimentação de materiais.

Leia mais

Armazenagem. Por que armazenar?

Armazenagem. Por que armazenar? Armazenagem Introdução Funções da armazenagem Atividades na armazenagem Objetivos do planejamento de operações de armazenagem Políticas da armazenagem Pilares da atividade de armazenamento Armazenagem

Leia mais

www.endal.pt SISTEMAS GLOBAIS DE ARMAZENAGEM Sistemas Globais de Armazenagem Paletização Convencional

www.endal.pt SISTEMAS GLOBAIS DE ARMAZENAGEM Sistemas Globais de Armazenagem Paletização Convencional SISTEMAS GLOBAIS DE ARMAZENAGEM Sistemas Globais de Armazenagem Paletização Convencional Armazenagem Compacta Drive-ln Drive-Through Dinâmica por Gravidade Armazenagem Climatizada Picking Estantes Deslizantes

Leia mais

Block Plus sistema convencional

Block Plus sistema convencional SOLUÇÕES DE ARMAZENAGEM Block Plus sistema convencional Block Plus sistema convencional estantes convencionais Trata-se do sistema de armazenagem mais comum e generalizado, adequado para armazenagem dedicada

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS

ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS Unidades 07 Tipos de estocagem Sistema de estocagem Principais técnicas Equipamentos de estocagem 1 ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS

Leia mais

LOGÍSTICA DE ARMAZENAGEM

LOGÍSTICA DE ARMAZENAGEM Os consumidores quando vão às prateleiras das lojas esperam encontrar os produtos que necessitam, não importando se os produtores estão a 10 ou 2.500 Km de distância. Este é o trabalho da logística: prover

Leia mais

Automatizando a armazenagem. Armazenagem automatizada

Automatizando a armazenagem. Armazenagem automatizada Automatizando a armazenagem Armazenagem automatizada Com a verticalização da armazenagem a automatização tornou-se necessária também, pois os armazéns passaram a utilizar os espaços do piso ao teto. E

Leia mais

NOÇÕES BÁSICAS DE ALMOXARIFADO Armazenagem

NOÇÕES BÁSICAS DE ALMOXARIFADO Armazenagem NOÇÕES BÁSICAS DE ALMOXARIFADO Armazenagem Tecnologia em Gestão Pública Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais Aula 9 Prof. Rafael Roesler Sumário Introdução Objetivo da armazenagem Arranjo

Leia mais

SISTEMAS DE ARMAZENAGEM MANUAL PRÁTICO DE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM. Um pouco da história

SISTEMAS DE ARMAZENAGEM MANUAL PRÁTICO DE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM. Um pouco da história SISTEMAS DE ARMAZENAGEM MANUAL PRÁTICO DE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM Um pouco da história Podemos ficar surpresos ao saber que os primeiros armazéns foram construídos por volta de 1800 a.c., com José ao interpretar

Leia mais

RollerForks. A nova revolução da logística: Movimentação sem paletes!

RollerForks. A nova revolução da logística: Movimentação sem paletes! RollerForks A nova revolução da logística: Movimentação sem paletes! RollerForks Os paletes revolucionaram a logística, ao unitizar as cargas e reduzir custos drasticamente. Agora, uma nova revolução tem

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009. Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( )

PLANO DE ENSINO 2009. Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Superior de Tecnologia

Leia mais

Logistica e Distribuição. Definição de embalagem. Mas quais são as atividades da Logística? Ballou, 1993. Outras funções da embalagem são:

Logistica e Distribuição. Definição de embalagem. Mas quais são as atividades da Logística? Ballou, 1993. Outras funções da embalagem são: Mas quais são as atividades da Logística? Ballou, 1993 Logística e Distribuição Embalagem Primárias Apoio 1 2 Definição de embalagem A embalagem é um recipiente ou envoltura que armazena produtos temporariamente

Leia mais

Prof. Jean Cavaleiro. Unidade II MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM

Prof. Jean Cavaleiro. Unidade II MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM Prof. Jean Cavaleiro Unidade II MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM Introdução Vamos abordar aqui meios de armazenagem para melhor aproveitar o Pé direito, equipamentos que facilite movimentação em armazenagem

Leia mais

Tire suas dúvidas sobre Sistemas de Armazenagem

Tire suas dúvidas sobre Sistemas de Armazenagem Tire suas dúvidas sobre Sistemas de Armazenagem Os chamados Sistemas de Armazenagem fazem parte de um grupo de acessórios e equipamentos bastante utilizados na indústria como uma maneira mais simplificada

Leia mais

MANUAL DE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM. Eng.º. Cláudio Sei Guerra

MANUAL DE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM. Eng.º. Cláudio Sei Guerra MANUAL DE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM Eng.º. Cláudio Sei Guerra FEVEREIRO - 2014 ÍNDICE 1. Prefácio... 03 2. Sistemas de Armazenagem de Materiais... 04 3. Estruturas de Armazenagem Porta-Pallets... 07 4. Porta-Pallets

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU AVM FACULDADE INTEGRADA

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU AVM FACULDADE INTEGRADA UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU AVM FACULDADE INTEGRADA GESTÃO DE ARMAZENAGEM Por: Alessandra de Sousa Pinto Orientador Prof. Jorge Tadeu Vieira Lourenço Rio de Janeiro 2012 2 UNIVERSIDADE

Leia mais

Apostila Técnica de Porta Paletes 01 de 31

Apostila Técnica de Porta Paletes 01 de 31 Apostila Técnica de Porta Paletes 01 de 31 Tópicos Abordados: 1. Porta Paletes Seletivo (convencional): 2. Drive-in / Drive-thru Objetivo: Esta apostila tem como principal objetivo ampliar o conhecimento

Leia mais

05/09/2015. Módulo V Gerenciamento de Depósito. GERENCIAMENTO DE DEPÓSITO Funcionalidades e Características. Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc.

05/09/2015. Módulo V Gerenciamento de Depósito. GERENCIAMENTO DE DEPÓSITO Funcionalidades e Características. Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc. Módulo V Gerenciamento de Depósito Danillo Tourinho S. da Silva, M.Sc. GERENCIAMENTO DE DEPÓSITO Funcionalidades e Características A função logística da armazenagem A armazenagem está relacionada diretamente

Leia mais

Elevador para Cabinas Elevador para Cabinas / Montacarga Elevador para Paletes Elevador Contínuo / Elevador para Pequenos Volumes

Elevador para Cabinas Elevador para Cabinas / Montacarga Elevador para Paletes Elevador Contínuo / Elevador para Pequenos Volumes Forma Construtiva dos Transelevadores Modo de Funcionamento dos Transelevadores Sistemas de Transferência Transelevadores para Armazém Autoportante Transelevadores para Armazém Autoportante Climatizado

Leia mais

GESTÃO DE OPERAÇÕES E LOGÍSTICA I AULA 05: LOGÍSTICA INTEGRADA E OUTRAS QUESTÕES TÓPICO 05: MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAS O manuseio de materiais representa atividade de maior custo logístico, além de consumir

Leia mais

O FOMENTO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE CRICIÚMA PELA LOGÍSTICA

O FOMENTO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE CRICIÚMA PELA LOGÍSTICA O FOMENTO COMERCIAL E INDUSTRIAL DE CRICIÚMA PELA LOGÍSTICA Como obter mais resultados com menos despesas Thomas Burger - Arquiteto Burger Arquitetos Arquitetura e Gerenciamento de Projetos Porto Alegre

Leia mais

Aula 7 Sistemas de Armazenagem e Movimentação de Carga ARMAZENAGEM. Uma abordagem multidisciplinar. Prof. Fernando Dal Zot

Aula 7 Sistemas de Armazenagem e Movimentação de Carga ARMAZENAGEM. Uma abordagem multidisciplinar. Prof. Fernando Dal Zot Aula 7 Sistemas de Armazenagem e Movimentação de Carga ARMAZENAGEM Uma abordagem multidisciplinar Prof. Fernando Dal Zot 1 Visão geral das atividades do Almoxarifado / Depósito / Armazém Início RECEBER

Leia mais

Sumário. Capítulo l -Introdução 17 1.1. Um Pouco da Historiada Logística 17 1.2. Sistemas ERP 18

Sumário. Capítulo l -Introdução 17 1.1. Um Pouco da Historiada Logística 17 1.2. Sistemas ERP 18 Sumário Capítulo l -Introdução 17 1.1. Um Pouco da Historiada Logística 17 1.2. Sistemas ERP 18 Capítulo 2 - A Integração do Marketing com a Logística 21 2.1. O Departamento de Vendas 21 2.2. Plano de

Leia mais

SISTEMAS DE ARMAZENAGEM

SISTEMAS DE ARMAZENAGEM SISTEMAS DE ARMAZENAGEM Engº. Cláudio Sei Guerra OUTUBRO - 2006 Revisado ÍNDICE 1. Prefácio... 03 2. Sistemas de Armazenagem de Materiais... 04 3. Estruturas de Armazenagem Porta-Pallets... 06 4. Porta-Pallets

Leia mais

Equipamentos de Armazenagem Como especificar

Equipamentos de Armazenagem Como especificar Equipamentos de Armazenagem Como especificar C O N S U LT O R I A Experiência e Confiabilidade Este material foi desenvolvido pelo IMAM e licenciado para a ISMA para apresentação na Movimat 2010 e divulgação

Leia mais

MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS

MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS Ricardo A. Cassel A movimentação de materiais é uma atividade importante a ser ponderada quando se deseja iniciar o projeto de novas instalações. Existe uma forte relação entre

Leia mais

Identificação dos Custos Logísticos

Identificação dos Custos Logísticos Universidade Cruzeiro do Sul www.cruzeirodosul.edu.br Unidade - Identificação dos Custos Logísticos MATERIAL TEÓRICO Responsável pelo Conteúdo: Prof. Esp. Washington Luís Reis Revisão Textual: Profa. Esp.

Leia mais

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 3. Contextualização. Principais Atribuições. Controles de Estoque. Plano de Ação. Instrumentalização

Armazenagem, Controle e Distribuição. Aula 3. Contextualização. Principais Atribuições. Controles de Estoque. Plano de Ação. Instrumentalização Armazenagem, Controle e Distribuição Aula 3 Contextualização Prof. Walmar Rodrigues da Silva Controles de Estoque Principais Atribuições Planejamento Controle Gestão de estoques PDCA Sistema de administração

Leia mais

Embalagens logísticas: proteção do produto na movimentação e armazenagem

Embalagens logísticas: proteção do produto na movimentação e armazenagem Embalagens logísticas: proteção do produto na movimentação e armazenagem Washington Spejorim As embalagens podem ser definidas de diferentes formas, variando de acordo com o profissional que fizer essa

Leia mais

Plataforma Logística Multimodal Projeto Santa Maria - RS

Plataforma Logística Multimodal Projeto Santa Maria - RS Projeto Santa Maria - RS 2011 Fornecedor Fábrica Cliente Logística de Abastecimento sistema transporte etc Logística Interna PCP estoques etc Logística de Distribuição sistema transporte etc Logística

Leia mais

catálogo de PRodutos

catálogo de PRodutos catálogo de PRodutos Linhas de trabalho Equipamentos como os fabricados pela eixomaq reduzem o esforço físico, tornando a jornada de trabalho muito mais prática e produtiva, além de, na maioria das vezes,

Leia mais

Função: Operação da Cadeia de materiais. 1.1 Identificar princípios da organização da área de materiais.

Função: Operação da Cadeia de materiais. 1.1 Identificar princípios da organização da área de materiais. MÓDULO II Qualificação Técnica de Nível Médio ASSISTENTE DE LOGÍSTICA II.1 Gestão de Recursos e Materiais Função: Operação da Cadeia de materiais 1. Contextualizar a importância da Administração de materiais

Leia mais

Soluções de armazenagem. Seja qual for o seu produto, temos a solução ideal para o armazenar

Soluções de armazenagem. Seja qual for o seu produto, temos a solução ideal para o armazenar Soluções de armazenagem Seja qual for o seu produto, temos a solução ideal para o armazenar Software gestão armazéns Durante mais de 50 anos o Grupo Mecalux tem vindo a oferecer ao mercado soluções de

Leia mais

Estamos presentes no mercado de prestação de serviços logísticos há 11 anos; Temos Know-how europeu;

Estamos presentes no mercado de prestação de serviços logísticos há 11 anos; Temos Know-how europeu; Estamos presentes no mercado de prestação de serviços logísticos há 11 anos; Temos Know-how europeu; Fazemos uma parceria total com o cliente, combinando redução de custos fixos e otimização de recursos

Leia mais

Unidade III. Unidade III

Unidade III. Unidade III 5 10 15 20 25 30 35 5 TIPOS DE ARMAZENAGENS Unidade III O processo de armazenagem tem as mais variadas formas, e diferentes naturezas e finalidades. As instalações para armazenagem podem ser cobertas e

Leia mais

Paletizadoras e despaletizadoras

Paletizadoras e despaletizadoras Paletizadoras e despaletizadoras Paletizadoras e despaletizadoras Intelligrated Com sua marca de equipamentos Alvey, a Intelligrated tem mais de 60 anos de experiência em soluções essenciais de paletização

Leia mais

LOGÍSTICA DE ARMAZENAGEM

LOGÍSTICA DE ARMAZENAGEM LOGÍSTICA DE ARMAZENAGEM Logística e Cadeia de Suprimentos UNISO Prof. Dr. Daniel Bertoli Gonçalves É a atividade que compreende o planejamento, coordenação, controle e desenvolvimento das operações destinadas

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS CONTEINERIZAÇÃO DE CARGAS Vantagens: Possibilitam operações ininterruptas, mesmo sob intempéries Incrementam a produtividade Minimizam o tempo de movimentação

Leia mais

CONCEITO DO OPERADOR LOGÍSTICO (fevereiro de 1999)

CONCEITO DO OPERADOR LOGÍSTICO (fevereiro de 1999) CONCEITO DO OPERADOR LOGÍSTICO (fevereiro de 1999) INDICE 1. INTRODUÇÃO 2. SERVIÇOS LOGÍSITICOS 3. O CONCEITO DO OPERADOR LOGÍSITICO 3.1 DEFINIÇÃO 3.2 CARACTERIZAÇÃO DE OPERADOR LOGÍSTICO 4. DEFINIÇÕES

Leia mais

MBA Executivo - Gestão do Varejo e Vendas

MBA Executivo - Gestão do Varejo e Vendas MBA Executivo - Gestão do Varejo e Vendas Proposta do curso: O curso de MBA Executivo em Gestão do Varejo e Vendas possibilita ao participante conhecer a respeito dos processos envolvidos na gestão de

Leia mais

Armazenamento e TI: sistema de controle e operação

Armazenamento e TI: sistema de controle e operação Armazenamento e TI: sistema de controle e operação Pós-Graduação Latu-Sensu em Gestão Integrada da Logística Disciplina: TI aplicado à Logística Professor: Mauricio Pimentel Alunos: RA Guilherme Fargnolli

Leia mais

REQUISITOS MÍNIMOS DE EMBALAGEM E PRESERVAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS ADQUIRIDOS NO MERCADO NACIONAL OU INTERNACIONAL

REQUISITOS MÍNIMOS DE EMBALAGEM E PRESERVAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS ADQUIRIDOS NO MERCADO NACIONAL OU INTERNACIONAL REQUISITOS MÍNIMOS DE EMBALAGEM E PRESERVAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS ADQUIRIDOS NO MERCADO 1. OBJETIVO Estabelecer requisitos mínimos para a preservação e a embalagem de equipamentos e materiais adquiridos

Leia mais

SISTEMAS DE TRANSPORTADORES CONTINUOS

SISTEMAS DE TRANSPORTADORES CONTINUOS Consiste na movimentação constante entre dois pontos pré-determinados. d São utilizados em mineração, indústrias, terminais de carga e descarga, terminais de recepção e expedição ou em armazéns. Esteiras

Leia mais

AUTOMAÇÃO LOGÍSTICA AULA 06 FILIPE S. MARTINS

AUTOMAÇÃO LOGÍSTICA AULA 06 FILIPE S. MARTINS AULA 06 FILIPE S. MARTINS ROTEIRO EQUIPAMENTOS DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS PALETEIRA EMPILHADEIRA ESTEIRA TRANSPORTADORA TRANSPORTADOR DE ROLETES MONOVIA / TALHA ELÉTRICA TRANSELEVADORES

Leia mais

PortaBag Rack metálico desenvolvido para acondicionar big bags.

PortaBag Rack metálico desenvolvido para acondicionar big bags. R A C K M E T Á L I C O * Pallet vendido separadamente. MPA - Módulo Padrão de Armazenagem Rack auto-empilhável, desmontável, construído em chapa de aço dobrada e soldada. Produto: O MPA tem como principal

Leia mais

OPERAÇÕES DE ALMOXARIFADO

OPERAÇÕES DE ALMOXARIFADO O almoxarifado (ou armazém, ou depósito) executa a movimentação e o transporte interno de cargas AULA 04 Armazenagem de Materiais - Almoxarifado Os sistemas para armazenagem responsáveis pelas operações

Leia mais

Contextualização 01/03/2013. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais

Contextualização 01/03/2013. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais. Movimentação de Materiais Contextualização A transformação da matéria-prima em produto acabado requer que pelo menos um dos três elementos básicos de produção (trabalhador, máquina e material) seja movimentado. Para a maioria dos

Leia mais

Operações de Almoxarifado

Operações de Almoxarifado Administração de Recursos Materiais Operações de Almoxarifado Prof.: Celso A Araujo Operações de Almoxarifado O almoxarifado (ou armazém, ou depósito) executa a movimentação e o transporte interno de cargas

Leia mais

Análise de Armazenagem na Cadeia de Suprimentos

Análise de Armazenagem na Cadeia de Suprimentos CADEIA DE SUPRIMENTOS E LOGÍSTICA GLOBAL Análise de Armazenagem na Cadeia de Suprimentos Elementos de uma Gestão de Alta Performance em Recursos Humanos Processos Layout Operacional Instalações Físicas

Leia mais

Soluções de armazenagem

Soluções de armazenagem Soluções de armazenagem Seja qual for o seu produto, temos a solução ideal para o armazenar 50 anos a oferecer soluções de armazenagem 3 Presença em mais de 70 países 3 11 centros de produção 3 4 centros

Leia mais

Movimentação Paletização Armazenamento e Transporte

Movimentação Paletização Armazenamento e Transporte Movimentação Paletização Armazenamento e Transporte 0 1 INTRODUÇÃO A primeira embalagem de papelão ondulado surgiu há mais de 100 anos e percorreu um longo caminho até os dias de hoje, evoluindo gradativamente

Leia mais

CONCEITOS E PRINCÍPIOS DO SISTEMA DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS

CONCEITOS E PRINCÍPIOS DO SISTEMA DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS LOGÍSTICA CONCEITOS E PRINCÍPIOS DO SISTEMA DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS A MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAL É O PROCESSO DO QUAL APRESENTA A MUDANÇA LOCAL DE UM DETERMINADO ITEM, DENTRO DE UMA DETERMINADA CIRCUNSTÂNCIA.

Leia mais

Universidade São Judas Tadeu Pós Graduação Latu Senso Gestão Integrada da Logística

Universidade São Judas Tadeu Pós Graduação Latu Senso Gestão Integrada da Logística Universidade São Judas Tadeu Pós Graduação Latu Senso Gestão Integrada da Logística Adriana dos Santos Gomes Estela Paulino da Silva Luiz Cássio Jorquera Wesley Felipe de Oliveira ARMAZENAGEM E TI São

Leia mais

ATIVIDADE DE ARMAZENAGEM

ATIVIDADE DE ARMAZENAGEM ATIVIDADE DE ARMAZENAGEM Muitas das oportunidades de obtenção de maiores lucros encontram-se atualmente na esfera da administração de materiais, e este setor pode vir a oferecer economias significativas,

Leia mais

A SOLUÇÃO SOB MEDIDA PARA SUA ARMAZENAGEM E ESTOCAGEM

A SOLUÇÃO SOB MEDIDA PARA SUA ARMAZENAGEM E ESTOCAGEM A SOLUÇÃO SOB MEDIDA PARA SUA ARMAZENAGEM E ESTOCAGEM A CESTARI PRODUTOS GALVANIZADOS produz equipamentos para todo processamento de produtos em geral que asseguram o melhor resultado para a indústria

Leia mais

> Obtenha agilidade, segurança e redução de custos em sua operação, utilizando nossas Plataformas Niveladoras de Doca - Frontal

> Obtenha agilidade, segurança e redução de custos em sua operação, utilizando nossas Plataformas Niveladoras de Doca - Frontal > A MKS Marksell FEITA NO BRASIL, PARA O MUNDO. A MKS Marksell é uma empresa 100% Brasileira, pioneira e líder no segmento de equipamentos para movimentação de carga e pessoas desde 1983. Instalada em

Leia mais

SEDE: Av: Afonso Pena, 1295 sala 08- Bairro: centro - CEP: 38.400-128 - Uberlândia - Minas Gerais-

SEDE: Av: Afonso Pena, 1295 sala 08- Bairro: centro - CEP: 38.400-128 - Uberlândia - Minas Gerais- CNPJ: 22.232.755/000154 FETRAMOVMG Considerando que o E. TST já decidiu ser o rol previsto no art. 2º, da Lei nº 12.023/09, exemplificativo, são Movimentadores de Mercadorias os trabalhadores classificados

Leia mais

Aulas 04 e 05: 12/09/11 Aulas 06 e 07: 19/09/11 Aulas 08 e 09: 26/09/09. Armazenagem

Aulas 04 e 05: 12/09/11 Aulas 06 e 07: 19/09/11 Aulas 08 e 09: 26/09/09. Armazenagem Aulas 04 e 05: 12/09/11 Aulas 06 e 07: 19/09/11 Aulas 08 e 09: 26/09/09 Armazenagem Prof. José Fernando Pereira Jr. Manuseio de Materiais e Equipamentos Fora de Estrada 2º Semestre - 2011 Sumário 1/2 4.

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU PROJETO A VEZ DO MESTRE SISTEMAS DE ARMAZENAGEM Simone Delmondes Moreira Orientadora Professora Ms. Ana Cristina Guimarães Rio de Janeiro 2007 2 UNIVERSIDADE

Leia mais

LEVAMOS NO PEITO A MISSÃO DE DAR SEGURANÇA, QUALIDADE E PRATICIDADE À VOCÊ!

LEVAMOS NO PEITO A MISSÃO DE DAR SEGURANÇA, QUALIDADE E PRATICIDADE À VOCÊ! CATÁLOGO DE PRODUTOS LEVAMOS NO PEITO A MISSÃO DE DAR SEGURANÇA, QUALIDADE E PRATICIDADE À VOCÊ! A EMPRESA A SA é uma empresa com 15 anos de atuação no Brasil, nascida em Belo Horizonte, Minas Gerais,

Leia mais

Armazenagem e controle. Prof. Paulo Medeiros FATEC - Pompéia

Armazenagem e controle. Prof. Paulo Medeiros FATEC - Pompéia Armazenagem e controle Prof. Paulo Medeiros FATEC - Pompéia Armazenagem Armazenagem e manuseio de mercadorias são componentes essenciais do conjunto de atividades logísticas.seus custos podem absorver

Leia mais

3 CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO

3 CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO 3 CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO O capítulo 3 apresenta o conceito de distribuição física, com enfoque nos centros de distribuição. São incluídos os processos de distribuição Cross docking, Merge in Transit e

Leia mais

LOGÍSTICA PORTUÁRIA E CONFER NCIA DE CARGAS CONFORMITY. #QueroSerConferente

LOGÍSTICA PORTUÁRIA E CONFER NCIA DE CARGAS CONFORMITY. #QueroSerConferente LOGÍSTICA PORTUÁRIA E CONFER NCIA DE CARGAS CONFORMITY A C A D E M Y #QueroSerConferente O SETOR Exportações Brasileiras Em 2015 a produção agropecuária do Brasil atingiu um volume recorde, chegando a

Leia mais

MÓDULO II - Qualificação Técnica de Nível Médio de AUXILIAR DE PROCESSOS OPERACIONAIS

MÓDULO II - Qualificação Técnica de Nível Médio de AUXILIAR DE PROCESSOS OPERACIONAIS II. 1 PROCESSOS DE SUPRIMENTOS Função: Processos Operacionais de Suprimentos 1. Analisar os diversos tipos de fornecedores quanto às suas características produtivas, técnicas, tecnológicas e econômicas,

Leia mais

Manual de Embalagem para peças compradas

Manual de Embalagem para peças compradas Manual de Embalagem para peças compradas ÍNDICE GERAL NORMAS BÁSICAS... 2 Geral... 2 Preliminar... 2 Informações Gerais... 2 Requisitos para equipamentos de manuseio e condições de recebimento de material...

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM EMBALAGENS E UNITIZAÇÃO

DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM EMBALAGENS E UNITIZAÇÃO DISTRIBUIÇÃO E ARMAZENAGEM EMBALAGENS E UNITIZAÇÃO DEFINIÇÕES MERCADORIA: qualquer produto que seja objeto do comércio CARGA: qualquer mercadoria entregue a terceiros para: - ser transportada - ser armazenada

Leia mais

ANÁLISE DAS OPÇÕES DE ESTRUTURAS DE ARMAZENAGEM PARA UM CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO DE UMA EMPRESA DO SETOR ELETRÔNICO

ANÁLISE DAS OPÇÕES DE ESTRUTURAS DE ARMAZENAGEM PARA UM CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO DE UMA EMPRESA DO SETOR ELETRÔNICO ANÁLISE DAS OPÇÕES DE ESTRUTURAS DE ARMAZENAGEM PARA UM CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO DE UMA EMPRESA DO SETOR ELETRÔNICO Maira Silva de Aguiar (UNIFEI) aguiarmaira@hotmail.com Renato da Silva Lima (UNIFEI) rslima74@gmail.com

Leia mais

3 Centro de Distribuição

3 Centro de Distribuição 3 Centro de Distribuição Uma questão básica do gerenciamento logístico é como estruturar sistemas de distribuição capazes de atender de forma econômica os mercados geograficamente distantes das fontes

Leia mais

Estantes para Push-back. Sistema de armazenagem por acumulação que permite armazenar até quatro paletes em profundidades por cada canal

Estantes para Push-back. Sistema de armazenagem por acumulação que permite armazenar até quatro paletes em profundidades por cada canal Estantes para Push-back Sistema de armazenagem por acumulação que permite armazenar até quatro paletes em profundidades por cada canal Características gerais do sistema Push-back As estantes Push-back

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO. Corpo de Bombeiros INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 24/2011

SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO. Corpo de Bombeiros INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 24/2011 Instrução Técnica nº 24/2011 - Sistema de chuveiros automáticos para áreas de depósito 519 SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO Corpo de Bombeiros

Leia mais

Focaliza o aspecto econômico e de formação de preços dos serviços de transporte.

Focaliza o aspecto econômico e de formação de preços dos serviços de transporte. GERENCIAMENTO DO TRANSPORTE Focaliza o aspecto econômico e de formação de preços dos serviços de transporte. Trade-off CUSTO x NÍVEL DE SERVIÇO FORMAÇÃO DO PREÇO FINAL Para elaboração de uma estratégia

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO / E.E. ESTERINA PLACCO (EXTENSAO)

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO / E.E. ESTERINA PLACCO (EXTENSAO) Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO / E.E. ESTERINA PLACCO (EXTENSAO) Código: 091.01 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional:Técnico

Leia mais

Orientações de manuseio e estocagem de revestimentos cerâmicos

Orientações de manuseio e estocagem de revestimentos cerâmicos Orientações de manuseio e estocagem de revestimentos cerâmicos RECEBIMENTO Quando o produto for recebido na loja ou obra, ou mesmo na entrega ao cliente, é importante que alguns cuidados sejam tomados

Leia mais

Push-back é um sistema de armazenagem por acumulação que permite armazenar até quatro paletes em profundidade, por cada nível.

Push-back é um sistema de armazenagem por acumulação que permite armazenar até quatro paletes em profundidade, por cada nível. Push-back Push-back é um sistema de armazenagem por acumulação que permite armazenar até quatro paletes em profundidade, por cada nível. Características gerais do sistema Push-back As estantes Push-back

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2012. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2012. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2012 Ensino Técnico ETEC SANTA ISABEL Código: 219 Município: SANTA ISABEL Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios Habilitação Profissional: Auxiliar de Processos Operacionais Qualificação:

Leia mais

Tabela de preços pag 1. Atracação. TABELA B Tarifa de operação por conteiner Preço (R$)

Tabela de preços pag 1. Atracação. TABELA B Tarifa de operação por conteiner Preço (R$) Tabela de preços pag 1 TABELA A Utilização Instalação e Acostamento Preço (R$) Atracação *Por metro Linear/Navio per de 12h ; A taxa mínima a cobrar será de 60 metros por periodo, por embarcação 5,00 TABELA

Leia mais

INTRALOGÍSTICA À UBV, EMPRESA LÍDER NA PRODUÇÃO DE VIDROS IMPRESSOS NO BRASIL.

INTRALOGÍSTICA À UBV, EMPRESA LÍDER NA PRODUÇÃO DE VIDROS IMPRESSOS NO BRASIL. DE INTRALOGÍSTICA À UBV, EMPRESA LÍDER NA PRODUÇÃO DE VIDROS IMPRESSOS NO BRASIL. C.B.MARRA e ELISEU Silva C.B.MARRA e ELISEU Sil va São Paulo, 26 de Junho de 2007. São Paulo, 26 de Junho de 2007. 1 CONSUMIDOR

Leia mais

GUIA DE EMBALAGENS DE PEÇAS COMPRADAS

GUIA DE EMBALAGENS DE PEÇAS COMPRADAS GUIA DE EMBALAGENS DE PEÇAS COMPRADAS E PADRÃO DE ETIQUETAS 1ª Edição Julho, 2010 INDICE 1- INTRODUÇÃO... 03 2- RESPONSABILIDADES... 04 3- RECOMENDAÇÕES IMPORTANTES... 05 4- PROCEDIMENTOS... 06 5- DESENVOLVIMENTO

Leia mais

Onde transportadoras e cargas se encontram TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA TRANSPORTAR SUA CARGA

Onde transportadoras e cargas se encontram TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA TRANSPORTAR SUA CARGA Onde transportadoras e cargas se encontram TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA TRANSPORTAR SUA CARGA Guia do Transporte Saiba como enviar sua encomenda. Dicas gerais CARGOBR oferece uma ferramenta simples

Leia mais

ANÁLISE DOS SISTEMAS LOGÍSTICO E DE TRANSPORTE DO CORREDOR CENTRO-OESTE

ANÁLISE DOS SISTEMAS LOGÍSTICO E DE TRANSPORTE DO CORREDOR CENTRO-OESTE ANÁLISE DOS SISTEMAS LOGÍSTICO E DE TRANSPORTE DO CORREDOR CENTRO-OESTE Aluno: Stephan Beyruth Schwartz Orientador: Nélio Domingues Pizzolato 1. INTRODUÇÃO A estabilização da economia e a eliminação do

Leia mais

Aula 8. Manuseio e Movimentação de Materiais

Aula 8. Manuseio e Movimentação de Materiais Aula 8 Manuseio e Movimentação de Materiais Prof. José Fernando Pereira Jr. Manuseio de Materiais e Equipamentos Fora de Estrada 2º Semestre - 2011 Sumário 4.6 Manuseio e Movimentação dos materiais 4.6.1

Leia mais

Soluções ergonômicas para manipulação de materiais. Novo! Sistemas de manipulação a vácuo

Soluções ergonômicas para manipulação de materiais. Novo! Sistemas de manipulação a vácuo Soluções ergonômicas para manipulação de materiais Novo! Sistemas de manipulação a vácuo Tubo de elevação a vácuo JumboFlex Tubo de elevação a vácuo JumboFlex Manipulação flexível e eficiente do material

Leia mais

APLICAÇÃO DA TÉCNICA CROSS DOCKING NA LOGÍSTICA DE EXPEDIÇÃO EM BUSCA DA REDUÇÃO DE TEMPO DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS

APLICAÇÃO DA TÉCNICA CROSS DOCKING NA LOGÍSTICA DE EXPEDIÇÃO EM BUSCA DA REDUÇÃO DE TEMPO DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS APLICAÇÃO DA TÉCNICA CROSS DOCKING NA LOGÍSTICA DE EXPEDIÇÃO EM BUSCA DA REDUÇÃO DE TEMPO DE MOVIMENTAÇÃO DE MATERIAIS Tatiane Vaz Ferreira Daudte 1, Vilma da Silva Santos 2, Edson Aparecida de Araújo

Leia mais

Slides com o Tema Escolhido. GRUPO AZUL: Ana Clara Araújo Côrte Luana Salgado Diego Pereira Bruno Reis

Slides com o Tema Escolhido. GRUPO AZUL: Ana Clara Araújo Côrte Luana Salgado Diego Pereira Bruno Reis Slides com o Tema Escolhido GRUPO AZUL: Ana Clara Araújo Côrte Luana Salgado Diego Pereira Bruno Reis Planejamento da Administração da Armazenagem Missão da Armazenagem Viabilizar a melhor gestão possível

Leia mais

2. A logística e a gestão de armazenagem

2. A logística e a gestão de armazenagem 2. A logística e a gestão de armazenagem Segundo Pozo (2004), a abordagem logística tem como função examinar de que modo a administração de uma organização pode otimizar seus recursos de suprimento, estoques

Leia mais

TIPOS DE PALLETS. Imaginemos uma situação onde se precise comprar pallets para exportar em cada um, 1000 kg de papel.

TIPOS DE PALLETS. Imaginemos uma situação onde se precise comprar pallets para exportar em cada um, 1000 kg de papel. Pallets descartaveis (one way) TIPOS DE PALLETS Pallets descartáveis como a prória palavra sugere, são pallets não retornáveis ou seja, acomodam uma determinada mercadoria onde o custo do pallet está incluso

Leia mais

I N S T A L A Ç Õ E S I N D U S T R I A I S C A L D E I R A R I A E Q U I P A M E N T O S

I N S T A L A Ç Õ E S I N D U S T R I A I S C A L D E I R A R I A E Q U I P A M E N T O S I N S T A L A Ç Õ E S I N D U S T R I A I S C A L D E I R A R I A E Q U I P A M E N T O S WWW.MONTEX.COM.BR Publicação: MONTEX Montagem Industrial Ltda. CNPJ: 44.700.375/0001-30 Endereço: Rua das Tulipas,

Leia mais

Unidade IV MOVIMENTAÇÃO E. Prof. Jean Cavaleiro

Unidade IV MOVIMENTAÇÃO E. Prof. Jean Cavaleiro Unidade IV MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM Prof. Jean Cavaleiro Introdução Nessa unidade vamos discutir: Conceitos de contêineres; Tipos de contêineres; Operações com contêineres; Custos de armazenagem; TI

Leia mais

WAMAS SOFTWARE DE LOGÍSTICA. Eficiente. Flexível. Confiável.

WAMAS SOFTWARE DE LOGÍSTICA. Eficiente. Flexível. Confiável. WAMAS SOFTWARE DE LOGÍSTICA Eficiente. Flexível. Confiável. Automação SSI Schaefer: Pensamento Global Ação Local Liderança de mercado A SSI SCHAEFER é uma empresa mundialmente conhecida quando se trata

Leia mais

Empilhadoras Elétricas IXION SPE125/SPE160. Controle Sensi-lift

Empilhadoras Elétricas IXION SPE125/SPE160. Controle Sensi-lift Empilhadoras Elétricas Os empilhadores com braços de suporte oferecem uma solução efetiva e econômica para todos os tipos de armazém grandes ou pequenos. A BT oferece o grupo mais completo de empilhadores

Leia mais

P L A N O D E T R A B A L H O D O C E N T E - 2 º S E M E S T R E 2 0 1 5 T É C N I C O E M L O G Í S T I C A

P L A N O D E T R A B A L H O D O C E N T E - 2 º S E M E S T R E 2 0 1 5 T É C N I C O E M L O G Í S T I C A ETEC TAKASHI MORITA P L A N O D E T R A B A L H O D O C E N T E 2 º S E M E S T R E 2 0 1 5 ETEC TAKASHI MORITA T É C N I C O E M L O G Í S T I C A Código: 200 Município: São Paulo Eixo Tecnológico: Gestão

Leia mais